Você está na página 1de 3

Competências privativas da União em legislar sobre:

C ivil
A grário
P enal
A eronáutico
C omercial
E leitoral
T rabalho
E spacial
S erviço postal

De sapropriação

P rocessual
M arítimo
S eguridade social

Transito

Competência concorrente, se a União não legislar os E/DF podem atuar de forma PLENA! Art.
24º.

P enitenciário.
U urbanístico.
T ributário.
O rçamento.

F inanceiro.
E conômico.

Habeas Corpus: Protege o direito de locomoção, pode ser preventivo (salvo-conduto) ou


repreensivo (libertar). Não vale para crime militar. Gratuito.
Habeas Data: Assegura o conhecimento de informações relativas à pessoa do impetrante,
constantes de registros ou bancos de dados de entidades governamentais ou de caráter
público. Serve também para retificação de dados, quando não se prefira fazê-lo por processo
sigiloso, judicial ou administrativo. OBS: Para requerer uma certidão é por MS, pois é direito
líquido e certo do impetrante em recebê-la. Só pode ser impetrada depois da recusa
administrativa. Gratuita.

Mandado de Segurança: Protege o direito líquido e certo, não amparado por HC e HD, quando
o responsável pela ilegalidade for autoridade pública ou agente de PJ nessas atribuições.

Mandado de Segurança Coletivo: Pode ser impetrado por partido político com representação
no CN ou Organização sindical, entidade de classe ou associação legalmente constituída e em
funcionamento há pelo menos um ano, em defesa dos interesses de seus membros ou
associados. O MS coletivo pode ser impetrado para defender a totalidade ou parte, dos
membros ou associados e dispensa autorização especial.

Mandado de Injunção: Concede-se sempre que a falta de norma regulamentadora torne


inviável o exercício dos direitos e liberdades constitucionais e das prerrogativas inerentes à
nacionalidade, à soberania e à cidadania.

Ação Popular: Qualquer CIDADÃO é parte legítima para propor ação popular que vise anular
ato lesivo ao patrimônio público ou de entidade de que o Estado participe, à moralidade
administrativa, ao meio ambiente e ao patrimônio histórico e cultural, ficando o autor, salvo
comprovada má-fé, isento de custas judiciais e do ônus da sucumbência. PJ não tem
legitimidade para propor AP, e não é necessária a comprovação de prejuízo material aos
cofres públicos para a propositura de AP.

Ação Civil Pública: Legitimidade ativa: MP; Defensoria Pública; U, E, DF e M; Autarquia, EP,
Fundação ou SEM; Associação que esteja constituída há pelo menos 1 ANO e inclua, entre suas
finalidades institucionais, a proteção ao patrimônio público e social, ao meio ambiente, ao
consumidor, à ordem econômica, à livre concorrência, aos direitos de grupos raciais, étnicos
ou religiosos ou ao patrimônio artístico, estético, histórico, turístico e paisagístico.
Crime inafiançável e imprescritível = RAÇÃO – Racismo e Ação de grupos armados, civis ou
militares contra a ordem constitucional e o Estado Democrático.

Crime inafiançável e insuscetível de graça ou anistia = 3TH – Tortura, Tráfico, Terrorismo e


Hediondos.