Você está na página 1de 7

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO EDUCACIONAL

TÍTULO:
subtítulo (se houver)

Nome do(a) Autor(a)1


Nome do(a) Orientador(a)2

Resumo

O texto deve ser escrito em obediência à NBR (Norma Brasileira da ABNT)


6028/2003. Deve conter os 5 elementos fundamentais: Tema (o que é este
trabalho?); Justificativa (qual a relevância deste trabalho?); Objetivos (Para que
este trabalho foi feito?); Metodologia (Como este trabalho foi feito? Com que
instrumentos de análise? Quanto tempo levou? Qual universo? Etc.);
Resultados ou Conclusão (que fim esse trabalho teve? O que foi possível
observar?). Espaçamento entre linhas simples; Tamanho da fonte 12; Estilo da
fonte Arial ou Times New Roman; Não há parágrafos (Apenas 1 único bloco);
Texto conciso; Períodos curtos; Uso de 3ª Pessoa nas construções verbais;
Evitar frases negativas; Extensão de 150 a 500 palavras.
Palavras-chave: Palavra; Palavras-compostas; Expressões também entram.

1 CENÁRIO DA PROBLEMATIZAÇÃO

Esta primeira seção do seu trabalho corresponde à Introdução de um trabalho


acadêmico. Aqui você deve descrever a situação em que você pensou aplicar o plano
de intervenção. Descrevê-la para que faça sentido apresentar as próximas etapas do
trabalho.
É interessante iniciar esta seção apresentando o TEMA deste trabalho,
deixando claro qual o PROPÓSITO DA PESQUISA, para que haja um diálogo com o
possível leitor, esclarecendo do que se trata e, ainda, anunciando o que esse leitor

1
Titulação; Instituição de vinculação profissional ou acadêmica; informações de contato (e-mail).
2
Idem.
encontrará nas próximas páginas deste documento (comentários sobre a estrutura –
quantas páginas, quantas seções etc.).
Texto sempre justificado. Com parágrafos. Tamanho da fonte: 12. Espaçamento
entre linhas: 1,5.

2 QUESTÕES NORTEADORAS

Não chamaremos de hipótese da pesquisa, mas sim “questões norteadoras”,


haja vista que um trabalho voltado para esse tipo de reflexão teórico-acadêmica
requer avaliação mais qualitativa que quantitativa, tornando o termo “hipótese”
menos pertinente ao propósito deste tipo de trabalho acadêmico.
Nesta seção você deve levantar suas expectativas como pesquisador e
aplicador da intervenção. Tendo em vista que você já descreveu o cenário do problema
que tem em mãos para tratar, agora é hora de registrar as questões que serão suas
balizas deste caminho a perseguir. Observe a figura 1 e 2:

Figura 1 - Caminho dentro das balizas Figura 2 - Caminho ultrapassando as balizas


Fonte: próprio autor Fonte: próprio autor

A Figura 1 ilustra o que seria uma pesquisa cujo caminho percorrido obedece às
balizas, as quais simbolizam o que seriam as questões norteadoras. Perceba que na
Figura 2 o caminho, ou seja, a pesquisa, ultrapassa os limites estipulados pelas
questões norteadoras. Isso acontece quando o pesquisador se distrai e acaba dando
novos rumos ao trabalho, desviando-se do objeto de sua pesquisa, tirando o foco de
sua concentração inicial. Por isso é importante estabelecer bem suas questões
norteadoras, pois elas indicarão, no fim do seu trabalho, se você foi obediente e
focado durante todo o caminho percorrido na pesquisa e intervenção.

3 OBJETIVOS

Todo trabalho acadêmico tem 1 objetivo geral e de 2 a 5 objetivos específicos.


O uso de Objetivo geral e Objetivos específicos justifica-se pelo fato de o objetivo ser
muito amplo e precisar ser subdividido em objetivos mais específicos, a fim de que
possa ser alcançado. Geralmente organizam-se assim:

3.1 Objetivo geral

É o propósito máximo do seu trabalho e é redigido a partir de um verbo de


caráter mais abstrato.

3.2 Objetivos específicos

Referem-se às etapas necessárias para o alcance do objetivo geral e também


são redigidos a partir de verbo, porém de caráter mais concreto. Você pode indicá-los
em texto corrido, ou em tópicos ordenados ou não.

4 JUSTIFICATIVA TEÓRICA

Esta seção é uma união do que seria a Justificativa e a Fundamentação teórica


de um trabalho acadêmico.
A Justificativa de um trabalho é o momento do texto em que o pesquisador
procura atestar/documentar/registrar/convencer/provar que a sua pesquisa é
relevante. Seja no cenário local, regional, nacional, seja para a comunidade escolar,
seja para a comunidade acadêmica, seja para a corrente teórica em que o trabalho se
assenta.
No caso dessa proposta, do PIP, mesmo que o projeto não seja implementado
nesse momento, importantes são:
- a intencionalidade do poder (questão da viabilidade) e do querer fazer;
- dos relatos dos sujeitos envolvidos e observação do cenário escolhido - busca
pelas necessidades reais do contexto, educativas e/ou socioculturais, pois de alguma
forma essas poderão manifestar indícios de que a possibilidade de resolução dos
problemas estabelecidos, encontra-se na execução do projeto, o que justifica a sua
relevância e consequente permissão.
Como se fosse a etapa em que o pesquisador tivesse que convencer um órgão
de fomento a custear sua pesquisa – assim fica evidente que é importante escrever
sobre a importância/relevância do trabalho desenvolvido.
A Fundamentação teórica é o momento do trabalho em que todas as teorias
afins já estudadas por você são escritas. É aqui, principalmente, que você deve trazer
os teóricos que são referências tradicionais e atuais para que você apresente seus
argumentos de forma sólida e consistente. Se só você dizer sem a ajuda de um autor
referência em determinada área do saber, seus argumentos têm grandes chances de
serem invalidados ou caírem em descrédito. Mas, quando você argumenta usando
essa estratégia de chamar para perto autoridades no assunto, sua argumentação se
torna sólida e mostra que o trabalho foi bem construído, que houve cuidado em
preparar uma boa base (fundamento – fundamentação) para sustentar a pesquisa e
propor a intervenção. Uma das grandes dificuldades do pesquisador é elaborar este
texto, pois mesclam-se ideias próprias com ideias de outros autores; há uma
necessidade de citá-los; esse diálogo requer habilidade textual para não criar um texto
fragmentado em ideias.
Portanto, aqui nesta seção, você deverá fazer as duas coisas: mostrar a
relevância do seu trabalho, à medida em que fundamenta sua pesquisa com as teorias
necessárias.
Oriento buscar a NBR 10520/2002 para relembrar as regras de citações.
5 ASPECTOS METODOLÓGICOS DA INTERVENÇÃO

Nesta seção você deve apresentar o que em um trabalho acadêmico seria


chamado de Metodologia; Cronograma e Resultados e discussões.
Sendo assim, pensando em metodologia, espera-se que você apresente todos
os detalhes acerca da sua intervenção pedagógica, pontuando itens como: Tipo de
intervenção; Universo (amostra); e Onde/Quando/Como.
O Cronograma basta-se pela apresentação das etapas que a sua intervenção
teve que passar para se concretizar e permitir que você realizasse a avaliação. Aqui é
importantíssimo esclarecer quais foram seus Instrumentos de pesquisa/avaliação, para
que fique evidente como foi articulado o sistema que estamos procurando aplicar
(teoria + prática + teoria).
Em Resultados e discussões você deve apresentar quais foram os efeitos que
foram observados com a intervenção. Note que este olhar deve ser mais restrito ao
que foi experimentado. Deixe as considerações mais amplas para o próximo item
(conclusão).

6 CONCLUSÃO

Nesta seção você deve ampliar o que apresentou no item anterior (resultados e
discussões). Se anteriormente você ficou limitado em registrar o que observou apenas
no que diz respeito à intervenção prática, aqui, na Conclusão, você terá um olhar mais
ampliado, registrando os efeitos que sua pesquisa provocou na comunidade local,
regional, escolar, acadêmica etc.
Aqui é importante destacar quais foram os pontos positivos da pesquisa e
também os pontos negativos, para que os leitores possam identificar as “falhas” de
forma clara e honesta e usarem o seu trabalho como uma oportunidade de melhoria
em futuras pesquisas.
Deixe registrado, também, qual seu próximo passo com o término deste
trabalho. Vai refazê-lo? Aplicar em outro universo? Vai atualizar essa prática a partir de
outra fundamentação teórica? Vai testar essa intervenção de forma diferente? Vai
fazer dessa experiência algo programático em sua unidade escolar? Esses tipos de
reflexões são bem-vindas.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Deve ser elaborada obedecendo à NBR 6023/2002.


Obras organizadas por ordem alfabética a partir do sobrenome de destaque do seu
respectivo autor.
Espaçamento entre linhas deve ser simples.
Tamanho da fonte: 12.
Alinhamento do texto deve ser à esquerda (não é justificado).
Link para auxiliar a elaboração das referências:
http://www.leffa.pro.br/textos/abnt.htm
Detalhe importante: como este é um elemento pós-textual, deve ser apresentado
numa folha a parte.