Você está na página 1de 44

A N O 2 - N º 30

Gás, hidrossanitária, elétrica, HVAC-R,


EDITORA iluminação, fotovoltaica e incêndio

Energia Solar
BENEFICIADO PELO ALTO ÍNDICE DE IRRADIAÇÃO MERCADO
SOLAR, O BRASIL SEGUE ENTRE OS PAÍSES COM MAIOR HIDRÁULICA
POTENCIAL PARA APROVEITAMENTO DESSA FONTE Design e
acabamento dos
DE ENERGIA. A FEIRA INTERSOLAR, REALIZADA EM metais sanitários
SÃO PAULO, COMPROVA ESSE FATO, AO REUNIR UM ganham importância

EXPRESSIVO NÚMERO DE FABRICANTES DE PRODUTOS


E SOLUÇÕES ESPECÍFICAS PARA OS MERCADOS DESTAQUE
FOTOVOLTAICO E TÉRMICO CONECTIVIDADE
Curitiba (PR) é a cidade
mais inteligente e
conectada do Brasil
II Prêmio
Potência
de Inovação Tecnológica

AGRADECEMOS A TODAS AS EMPRESAS


QUE INSCREVERAM SEUS PRODUTOS EM
MAIS UMA EDIÇÃO DO PRÊMIO POTÊNCIA
DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA. NOSSOS
JURADOS ESTÃO AVALIANDO TODAS
AS SOLUÇÕES E O RESULTADO COM AS
EMPRESAS VENCEDORAS EM CADA CATEGORIA
SERÁ APRESENTADO EM EVENTO QUE OCORRE
NO DIA 23 DE OUTUBRO, EM SÃO PAULO.

Organização Divulgação Apoio


Revista

EDITORA
Segmentos que fazem
parte da premiação
✖ Automação predial ✖ Iluminação residencial, comercial
e industrial
✖ Dispositivos de proteção, seccionamento
e comando de baixa tensão ✖ Indústria 4.0
✖ Instrumentos de teste e medição
✖ Energias renováveis, Eficiência energética
e Qualidade de energia ✖ Painéis, Invólucros e Barramentos
blindados de baixa tensão
✖ Fios e cabos elétricos, Linhas elétricas,
Sistemas de conexão ✖ Smart grids
e Acessórios ✖ Softwares e aplicativos

Patrocínio
ÍNDICE
| Edição 30 | Setembro 2018

Mercado
24 Aplicação de design diferenciado
e acabamento sofisticado nas
peças torna-se tendência no
segmento de metais sanitários,
que precisa atentar ainda para a
economia de água.

10
Matéria de Capa
Foi um sucesso a nova edição da
Intersolar South America, feira
Destaque que reuniu em São Paulo diversas
36 4ª Edição do Connected Smart tecnologias para os segmentos
fotovoltaico e térmico, comprovando o
Cities revela que Curitiba é a
cidade mais inteligente, conectada grande potencial para desenvolvimento
e humana do Brasil. desses mercados no Brasil.

Sempre aqui
■ 05 Editorial ■ 32 Abrasip ■ 42 Link
■ 06 Notas ■ 33 Abrinstal ■ 42 Agenda

■ 30 Espaço Sindinstalação ■ 34 Seconci

4 REVISTA DA INSTALAÇÃO
EDITORIAL
EXPEDIENTE

Fundadores:
Marcos Orsolon
Hilton Moreno

MARCOS HILTON
ANO 2 • Nº 30 • SETEMBRO'18 ORSOLON MORENO
Diretor de Redação | | Diretor
Publicação mensal da HMNews Editora e Eventos, com circulação
nacional, dirigida a executivos de empresas ligadas aos setores de
instalações de elétrica, gás, hidrossanitária, energia solar e foto-
voltaica, HVAC, incêndio, dados, sistemas prediais e de instalações
eletromecânicas, e de associações de classe, dirigentes de sindicatos
patronais e laborais, órgãos públicos, construtoras, agentes do Siste-
ma ‘S’ e profissionais que militam na área de instalações no Brasil.
Mercado promissor
O assunto principal desta edição da Revista da Instalação é a
Diretoria
Hilton Moreno cobertura da Intersolar, uma das mais importantes feiras do mundo
Marcos Orsolon voltadas a destacar as tecnologias destinadas para os segmentos
Conselho Editorial fotovoltaico e térmico.
Hilton Moreno, Marcos Orsolon, José Silvio Valdissera, José
Antonio C. Bissesto, Carlos Frederico Hackerott, Marcos Antonio Mostramos nessa reportagem uma ampla variedade de produ-
Paschotto, Luiz Carlos Veloso, Luiz Antonio Alvarez, Marco Alberto tos específicos para esses mercados, como coletores e reservatórios
da Silva, Víctor José Ronchetti, Nelson Gabriel Camargo, Ivan Ma-
chado Terni, Ramon Nicolas Olmos, Odil Porto Júnior, Fernando Be- térmicos, módulos fotovoltaicos, condutores elétricos, inversores
lotto Ferreira e Surahia Maria Jacob Chaguri.
de frequência, instrumentos de medição, softwares, baterias, fer-
Redação ramentas e sistemas de fixação, entre outras soluções.
Diretor de Redação: Marcos Orsolon
Editor: Paulo Martins Isso dá uma pequena mostra da grande diversidade de empresas
Jornalista Responsável: Marcos Orsolon (MTB nº 27.231)
Colaborou nessa Edição: Clarice Bombana
que estão envolvidas nesse universo, investindo no desenvolvimen-
Departamento Comercial
to de novos produtos, gerando empregos e divisas para o Brasil.
Executivos de Vendas: Cecília Bari, Aliás, com sol abundante durante praticamente o ano todo, o
Júlia de Cássia Barbosa Prearo e
Rosa M. P. Melo
País se credencia, em tese, a figurar entre os líderes do mercado
solar em nível mundial. Na prática, entretanto, sabemos que exis-
Gestores de Eventos
Pietro Peres e Décio Norberto tem vários empecilhos para isso.
Gestora Administrativa Segundo os agentes que atuam nessa área, o Brasil precisa
Maria Suelma avançar em vários aspectos para que de fato se torne uma potên-
Produção Visual e Gráfica cia na área solar. Entre os pontos que precisam melhorar, podemos
Estúdio AMC
destacar a maior disponibilidade de financiamento a taxas mais
Impressão
nywgraf
viáveis, realização de leilões dedicados, incentivo à produção, re-
Contatos Geral
gulamentação justa, etc.
Rua São Paulo, 1.431 - Sala 02 - Cep: 09541-100 Enfim, é necessário abraçar o setor, não no sentido paternalis-
São Caetano do Sul - SP
contato@hmnews.com.br ta, meramente, mas sim estabelecendo uma política de governo
Fone: +55 11 4225-5400 que estimule o desenvolvimento das fontes renováveis de energia,
Redação afinal, estamos falando de recursos abundantes e gratuitos, que se
redacao@revistadainstalacao.com.br
Fone: +55 11 4746-1330 não forem aproveitados, estarão sendo desperdiçados, enquanto
Comercial o consumidor paga caro por uma energia mais ‘suja’, como a que
publicidade@hmnews.com.br provém das usinas termelétricas, por exemplo.
F. +55 11 4225-5400
Por mais repetitivo que pareça ser, esses são pontos que preci-
Fechamento Editorial: 04/10/2018 sam ser discutidos insistentemente, pelos empresários, pela classe
Circulação: 11/10/2018 política e pela sociedade, como um todo. Nós, como representantes
Conceitos e opiniões emitidos por entrevistados e colaboradores da Imprensa Livre, também temos nossas obrigações e esperamos
não refletem, necessariamente, a opinião da revista e de seus edito-
res. A Revista da Instalação não se responsabiliza pelo conteúdo dos
contribuir nesse processo de alguma forma com a divulgação do
anúncios e informes publicitários. Informações ou opiniões contidas resultado de mais esta importante feira.
no Espaço SindInstalação são de responsabilidade do Sindicato. Não
publicamos matérias pagas. Todos os direitos são reservados. Proibida
a reprodução total ou parcial das matérias sem a autorização escrita Até a próxima!
da HMNews Editora, assinada pelo jornalista responsável. Registrada
no INPI e matriculada de acordo com a Lei de Imprensa.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 5
NOTAS

Fórum Técnico Eficiência


Em agosto, foi realizado o IV Fórum Técni-
co FR Instalações, empresa atuante no ramo energética
de instalações elétricas e hidráulicas. O even- A Trane, líder global no fornecimento de soluções e
to reuniu cerca de 400 profissionais e visou serviços de conforto interior e uma marca da Ingersoll
provocar discussões entre construtoras, proje- Rand®, foi convidada para realizar a apresentação de
tistas e consultores, com a participação e me- um case no 15º Congresso Brasileiro de Eficiência Ener-
diação da FR sobre os principais desafios na gética (COBEE), um dos maiores eventos do País voltado
execução de instalações elétricas, hidráulicas à disseminação de tecnologias e oportunidades em efi-
e combate a incêndio, para assim melhorar as ciência energética.
práticas e, por consequência, a qualidade do O evento, que reúne especialistas do setor e tem como
serviço oferecido. objetivo ampliar o debate sobre o tema, contou com pa-
A Unikap marcou presença e trocou com os lestras, painéis, debates e apresentações de cases de su-
demais participantes informações sobre normas cesso. Nesta edição, Edson Ferrara, gerente de Serviços de
técnicas (mercado, aplicações, normas, tendên- Energia da Trane no Brasil, falou sobre o tema “Soluções
cias e perspectivas), além de expor sua linha Energéticas em Sistemas de Ar-condicionado” e apresen-
completa de produtos e soluções. tou o case do Shopping Flamboyant.
Daniel e Ramon Nicolas, diretores da FR O Flamboyant Shopping Center de Goiânia, com mais
Instalações, falaram sobre a parceria que a de 132.000 m² de área construída, está entre os maiores
empresa tem com a Unikap. “A Unikap é uma do Brasil. Através da expertise da Trane, o empreendimen-
parceira estratégica da FR. Trata-se de uma das to apresentou uma redução de cerca de 36% na conta de
maiores indústrias do Brasil, com flexibilidade energia. Edson Ferrara explicou que, após desenvolver um
para desenvolvimento de soluções ainda não estudo energético, a Trane avaliou a oportunidade para
existentes no mercado”.Além disso, também tornar a planta mais eficaz e desenvolveu um plano per-
comentaram sobre o produto mais utilizado sonalizado para redução do consumo de energia elétrica,
por eles. “Usamos muito o PP-R, ele está am- aplicando equipamentos de alta eficiência e sistemas de
plamente difundido no mercado, atende às nor- gerenciamento automatizados.
mas exigidas e a logística da Unikap garante o O executivo da Trane esclarece que cada empreendi-
produto na obra sem atrasos”. mento possui características próprias que irão determinar
Débora Arjona, engenheira de projetos e as estratégias ideais para a implantação de um projeto de
especialista em prevenção e combate a in- modernização dos sistemas. “Há muitas oportunidades de
cêndio, foi uma das palestrantes e mediado- melhoria energética nos edifícios. Nós temos uma equipe
ras do Fórum e relatou que eventos como esse especializada para empregar a manutenção adequada, sis-
são essenciais para a divulgação dos conheci- temas de automação para otimizar a operação ou avaliar
mentos e elevação do nível dos profissionais a necessidade de renovação de toda a central de água ge-
participantes.“Saber a parte teórica e prática lada”, enfatiza Ferrara.
de cada operação é essencial para dimensio- A implantação do projeto começou pela troca dos
namento dos sistemas, e, além disso, traba- equipamentos. Três Chillers de 390 TR foram substituídos
lhar com produtos seguros faz toda a diferen- por Chillers com compressores parafu-
ça. Alguns materiais não so, de alta eficiência energética. Além
são certificados e isso disso, a obra foi realizada em regime de
prejudica a eficácia do turn-key, ficando a Trane responsável
sistema. Os produtos da por toda a execução. Na segunda fase,
Unikap fornecem segu- com o desafio de melhorar ainda mais
rança, pois são certifica- a eficiência alcançada, foi projetado o
dos segundo as normas, sistema de automação, que permitiu a
o que proporciona um operação conjugada dos chillers, bom-
trabalho de qualidade”, bas, torres e tanque de termo acumu-
comentou ela. lação de forma otimizada.
Foto: Divulgação Foto: Divulgação

6 REVISTA DA INSTALAÇÃO
Estrutura
organizacional RUBENS CÉSAR GOMES FERREIRA GIUSEPPE EDUARDO BELLEZZA ANDRÉ OLIVEIRA KISHI

Fotos: Divulgação
A Alubar informa mudança na sua estrutura organizacional, César Gomes Ferreira assume a função de diretor Ad-
com a nomeação de três novos diretores ligados diretamente ministrativo. As mudanças, que já estão em vigor, foram acata-
à Diretoria Executiva da empresa, cujo cargo é ocupado pelo das pelo Conselho Administrativo da Alubar após sugestão da
engenheiro Maurício Gouvêa, desde junho de 2016. Diretoria Executiva, visando acompanhar as novas demandas e
Os engenheiros André Oliveira Kishi e Giuseppe dinâmicas de mercado e da empresa, que passa por uma am-
Eduardo Bellezza assumem a Diretoria Industrial e a Di- pla obra de expansão, que duplicará sua capacidade produtiva
retoria Comercial, respectivamente. O contador Rubens na fabricação de cabos elétricos de alumínio.

Gás natural
As concessionárias de distribuição de gás natural canalizado também será prorrogada, entretanto, será mantida a previsão de
que atuam nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, to- conclusão do processo ao longo de 2019.
das atendidas pelo mesmo gasoduto de transporte (Bolívia-Bra- Os motivos que levaram as distribuidoras a prorrogarem o
sil), decidiram prorrogar o prazo para recebimento das propostas processo foram as divulgações, pela Agência Nacional do Pe-
da chamada pública coordenada para a aquisição de gás natural tróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), do cronograma de
anunciada no mês de agosto. chamada pública para contratação de capacidade de transporte
Os interessados terão até 31 de janeiro de 2019 para realizar no Gasbol, em 3 de setembro de 2018, e da aprovação de Toma-
o envio das propostas, conforme indicado nos editais disponíveis da Pública de Contribuições (TPC) sobre medidas de incentivo
nos sites das companhias. Consequentemente, a segunda etapa para o mercado de gás natural, em 20 de setembro de 2018.

Prêmio ISB
Estão abertas as inscrições para a sexta edição do Prêmio por especialistas na área de segurança contra incêndio. Os crité-
Instituto Sprinkler Brasil de Trabalhos Técnicos, uma iniciativa do rios adotados para a seleção dos vencedores são: recebimento do
Instituto Sprinkler Brasil (ISB). Podem participar pesquisadores, trabalho no prazo, adequação ao tema, relevância, originalidade,
estudantes e profissionais da área de segurança contra incêndio, estrutura do texto, qualidade da redação, método, fontes de da-
como técnicos de segurança, engenheiros, arquitetos, projetistas e dos, análise de bibliografia e contribuição com o setor. 
bombeiros. As inscrições podem ser feitas até 21 de dezembro por O autor do melhor trabalho receberá um prêmio em dinhei-
meio do endereço eletrônico https://www.sprinklerbrasil.org.br/.  ro no valor de R$ 10 mil, uma viagem aos Estados Unidos para
Serão aceitos trabalhos de conclusão de curso e estudos de conhecer o Centro de Pesquisas de Incêndio da FM Global e a
caso, trabalhos técnicos, monografias, teses e dissertações. Todos publicação de sua obra em formato de livro. As informações de-
os materiais serão avaliados por uma comissão julgadora, formada talhadas e o regulamento do concurso estão disponíveis no site. 

Formação de instaladores
Dona do maior centro fabricante de ar-condicionado da está dividido em três módulos (refrigeração básica, instalação
América Latina, a Midea Carrier criou uma plataforma de trei- e manutenção) totalizando aproximadamente 2h40m, são ma-
namento à distância para formar instaladores individuais de teriais altamente didáticos e foram pensados para trazer ao
aparelhos para climatização residencial. A iniciativa tem como participante um rico conteúdo sobre climatização residencial”,
objetivo capacitar tanto quem já atua na área de maneira in- explica Jairo Souza, responsável pela área de Engenharia de
formal até pessoas que estão buscando por nova atividade. Serviços da Midea Carrier que desenvolveu o EAD.
O Treinamento EAD Midea Carrier está disponível direto no Ao final de cada módulo, o participante pode emitir um certifica-
link www.mideacarrieread.com.br e também nos sites www. do de conclusão. Desde que foi lançada, em janeiro, 12 mil técnicos
mideacarrier.com.br e www.mideadobrasil.com.br. “O curso se cadastraram na plataforma, e destes, 3 mil concluíram a formação.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 7
NOTAS

Respostas para o Amanhã


A Samsung anuncia os vencedores nacionais da 5ª Edição Os projetos escolhidos são de alunos da Escola de Ensino Mé-
do Prêmio “Respostas para o Amanhã”, iniciativa da empre- dio Ronaldo Caminha Barbosa, do Ceará; da Escola de Referência
sa com coordenação geral do CENPEC – Centro de Estudos e em Ensino Médio Aura Sampaio Parente Muniz, de Pernambuco;
Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária. e do IFRS - Campus Osorio, do Rio Grande do Sul.

Prêmio Smacna
No dia 20 de setembro, sete obras foram premiadas na 25ª Sociocultural - Teatro CIEE/S.Paulo. Na ocasião, também houve
edição do “Destaques do Ano Smacna Brasil/2017”. Realizado a entrega do Troféu Fair Play, prêmio concedido a uma perso-
pelo convênio Smacna-Abrava, concedido anualmente pelo ca- nalidade do setor HVAC-R. Nesta edição o homenageado foi
pítulo brasileiro da entidade técnico-científica Smacna - Sheet o engenheiro Carlos Eduardo M. Trombini, presidente do Sin-
Metal Air Conditioning Contractors National Association/USA dratar-SP. O evento também contou com a palestra de Amyr
e a ABRAVA - Associação Brasileira de Refrigeração, Ar condi- Klink que relatou um pouco da sua história e os desafios para
cionado, Ventilação e Aquecimento, o evento reconhece os me- atingir seus objetivos e a importância do trabalho em conjunto. 
lhores trabalhos técnicos executados em obras de Engenharia O presidente da Smacna Brasil, engenheiro Paulo Santi-
Termoambiental do ano anterior, nas categorias obras novas e ni abriu o evento ressaltando a importância da premiação e
retrofit. Nele são premiados o Empreendedor da obra direta, o agradecendo a presença de todos. Participaram da abertura
Instalador, que é o executor e responsável pela mesma, Fabrican- do evento, além de Santini, o presidente da ABRAVA, Arnaldo
tes e Parceiros integrantes da ficha técnica do empreendimento. Basile, o presidente do Sindratar, Carlos Trombini, Fernando
Cerca de 350 convidados, estiveram presentes na Cerimô- Tourinho, representando o Clube de Engenharia do Rio de Ja-
nia de Premiação, entre eles empresários, clientes finais, ins- neiro, o vice-presidente da Smacna, Áureo Salles de Barros e
taladores, projetistas e fabricantes, que aconteceu no Espaço o diretor-tesoureiro da Smacna, João Carlos Correia da Silva.

OBRAS PREMIADAS
✖ Categoria: Obra Retrofit/ Hospitalar ✖ Instalador: Newset Tecnologia em Climatização Ltda. (SP)
✖ Obra: Hospital São Lucas – Rio de Janeiro/RJ ✖ Fabricante: Samsung/ Midea Carrier
✖ Empreendedor: Signo Investimentos Ltda. 
✖ Categoria: Obra Nova/Conforto    
✖ Instalador: A. Salles & Cia. Ltda. (RJ)
✖ Obra: ParkShopping Canoas – Canoas/RS
✖ Fabricante: LG Electronics/Johnson Controls-Hitachi
✖ Empreendedor: ParkShopping Canoas Ltda.
✖ Categoria: Obra Retrofit/Conforto ✖ Instalador: Pro Dac Ar Condicionado Ltda. (SP) 
✖ Obra: Edifício Brasilinterpart – São Paulo/SP ✖ Fabricante: Trane
✖ Empreendedor: Condomínio Edifício Brasilinterpart 
✖ Categoria: Obra Nova/Conforto
✖ Instalador: Constarco Engenharia e Comércio Ltda. (SP)      
✖ Obra: Edifício Aqwa Corporate – Rio de Janeiro/RJ
✖ Fabricante: Daikin
✖ Empreendedor: Tishman Speyer
✖ Categoria: Obra Nova/Industrial ✖ Instalador: Star Center Soluções em Climatização Ltda.
✖ Obra: ADATA Integration Brazil S.A. - Santo Antonio de Posse/SP ✖ Fabricante: Trane
✖ Empreendedor: ADATA Integration Brazil S.A.  
✖ Categoria: Obra Nova/Hospitalar
✖ Instalador: ERGO Ar Condicionado
✖ Obra: H ospital São Luiz-Unidade São Caetano do Sul
✖ Fabricante: Trane
- S.C. do Sul/SP
✖ Categoria: Obra Nova/Conforto  ✖ Empreendedor: Rede D’Or
✖ Obra: Novotel Itu Golf & Resort – Itu/SP ✖ Instalador: Star Center Soluções em Climatização Ltda.
✖ Empreendedor: AccorHotels ✖ Fabricante: Johnson Controls-Hitachi

FORNECEDORES PREMIADOS
Alpina – Armacell – Belimo – IMI Hydronic – Microblau – S&P/Otam – Projelmec – Systemair/Traydus – Trox – WEG.

8 REVISTA DA INSTALAÇÃO
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

Mercado em alta
Enorme potencial de Expo Center Norte, em São Paulo, entre GmbH (FMMI), tendo a Aranda Eventos
os dias 28 e 30 de agosto. & Congressos Ltda, São Paulo, como co-­
crescimento da área Simultaneamente, aconteceram o 17º organizadora.
solar no Brasil garante o Encontro Nacional de Instalações Elétricas A Intersolar recebeu mais de 20 mil
- ENIE 2018, que apresentou soluções visitantes, provenientes de 36 países.
sucesso da principal feira para profissionais e empresas das áreas de Além disso, cerca de 1.500 especialis-
do setor na América do Sul. projeto de infraestrutura elétrica, ilumina- tas em energia solar participaram do
ção pública, instalações industriais e pre- Congresso Intersolar South America,
diais de média e baixa tensão, e a Eletro- discutindo temas como oportunidades

C
tec 2018 - Feira de Infraestrutura Elétrica. em mercados descentralizados, políticas,
om um dos maiores índices de A Intersolar South America foi or- inovações e financiamento.
incidência solar do mundo, o ganizada pela Solar Promotion Interna- Organização e empresas exposito-
Brasil possui um potencial gi- tional GmbH, Pforzheim, Freiburg Ma- ras fizeram uma avaliação positiva dos
gantesco para o desenvolvi- nagement and Marketing International eventos. “Temos orgulho em contribuir
mento dos mercados de energia foto-
voltaica e térmica. Uma pequena mostra
dessa tendência aconteceu durante a 6ª
Intersolar South America. Maior feira e
congresso da América do Sul voltada
para o setor, o evento foi realizado no
Foto: Divulgação

k
rStoc
Shutte
Foto:

10 REVISTA DA INSTALAÇÃO
Fotos: Divulgação
nesta história de sucesso e prazer em tacou Leonardo Diniz, gerente Nacional te ano por expositores das feiras Inter-
obter um retorno tão bom para nos- de Expansão Comercial da Sices Solar. solar, Enie e Eletrotec.
sa feira e congresso. A Intersolar South Fabricante de fios e cabos elétricos, Como próximos passos, em 2019, os
America tem se estabelecido como a a IFC/Cobrecom foi uma das empresas organizadores da Intersolar South Ame-
plataforma fundamental do continente que aprovaram esta edição do ENIE. “O rica reunirão três feiras dedicadas a solu-
para entrar em contato com as últimas ENIE 2018 ficou ainda mais valorizado ções de energia renovável e inteligente
tendências do setor”, destacam Florian por ter sido realizado simultaneamen- sob o título The smarter E South America.
Wessendorf, diretor geral da Solar Pro- te à Intersolar South America, que é a Programado para os dias 27, 28 e 29
motion International, e Daniel Strowit- maior feira da América Latina para o de agosto, no Expo Center Norte, em São
zki, diretor-executivo da Freiburg Messe setor solar”, ressalta Paulo Alessandro Paulo, o evento reunirá: Intersolar South
Marketing International, organizado- Delgado, gerente de Marketing da IFC/ America - maior feira e congresso para o
res internacionais da Intersolar South Cobrecom. De acordo com o executivo, setor solar sul-americano; ees South Ame-
America. em média, cerca de 400 pessoas visi- rica - principal plataforma latino-america-
Participante assídua da mostra, a Si- taram o estande da empresa, por dia. na para tecnologias de armazenamento
ces Solar avalia que houve melhora, por “O público do evento se mostrou ex- de energia elétrica e Eletrotec+EM-Power
exemplo, na qualificação do público vi- tremamente qualificado e bastante in- - principal feira de infraestrutura elétrica
sitante. “A feira recebe hoje um público teressado no segmento de instalações e gestão de energia.
qualificado e interessado em serviços, fotovoltaicas. Por isso, nosso Cabo So- A ees South America 2019 será com-
financiamentos, seguros e soluções tec- larcom, que é indicado para esses tipos plementada pela mostra especial Power-
nológicas de ponta para melhorar a ca- de projetos, se tornou o nosso grande 2Drive South America, que destacará a
pacidade de atendimento para o setor destaque no ENIE 2018”, afirma Delga- necessidade de soluções de mobilidade
de energia solar no Brasil. O sucesso do do. Outra prova do bom momento desse elétrica para configurar o novo mundo
evento e da participação da Sices vem mercado foi o grande número de lança- energético sustentável. Mais informa-
das capacitações promovidas no estan- mentos apresentados pelos fabricantes ções sobre The smarter E South Ame-
de, pelo segundo ano consecutivo”, des- e distribuidores. Confira nas próximas rica podem ser obtidas no site www.
páginas as novidades apresentadas nes- thesmartere.com.br.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 11
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

COBRECOM
Criado e testado a partir dos mais criteriosos padrões internacionais, o Cabo Solarcom é fabricado com
cobertura nas cores preta, vermelha e verde/amarela. Recomendado para tensões nominais de até 0,6/1 kV
(CA) e até 1,8 kV (CC), o cabo é formado por fios de cobre eletrolítico e estanhado com classe 5 (flexíveis)
com isolação e cobertura em composto poliolefínico termofixo de alta estabilidade térmica, com temperatura
de serviço de -15º C a 90º C e com a máxima temperatura de operação de 120º C por 20 mil horas. Outras
características do composto poliolefínico da isolação e cobertura: alta resistência a raios UV e ao ozônio; é
antichama; possui baixa emissão de fumaça e não produz gases tóxicos e corrosivos, pois é livre de halogênio;
tem ótima resistência mecânica e é muito resistente a óleos minerais, ácidos e amônia. Além disso, o Cabo
Solarcom é de fácil instalação por causa de sua flexibilidade e baixo raio de curvatura. O produto pode ser
aplicado em instalações fixas cujo produto interliga os módulos fotovoltaicos ao string box, control box e
painéis de serviços aos inversores e é adequado para instalações internas e externas.

WEG
A WEG disponibiliza ao mercado soluções completas para geração
distribuída. Com uma linha de inversores string, a empresa oferece
kits para geração distribuída que atendem às mais diversas
aplicações, incluindo composições monofásicas e trifásicas. O kit da
WEG é composto pelos seguintes produtos: Módulos Fotovoltaicos
Monocristalino Percium; Inversor monofásico ou trifásico; Estruturas
metálicas de fixação; Mini Disjuntor MDW; Dispositivo de Proteção
contra Surtos (DPS) SPW; Conectores MC4 e Cabo solar especial.

HT INSTRUMENTS
O traçador de curva HT Instruments I-V500W é um instrumento que
pode realizar o teste de curva I-V de sistemas fotovoltaicos de 1.000
VDC e 1.500 VDC. Esse instrumento é fornecido com uma célula de
referência que permite a medição da irradiação no momento do teste
e também realiza a extrapolação dos dados para as condições STC
automaticamente. Ou seja, entrega uma curva que pode ser facilmente
comparada com os dados fornecidos pelo fabricante. Além da curva
I-V ele também fornece uma curva PV do sistema testado. Os dados
gerados pelo I-V500W podem RINNAI
ser facilmente analisados no Com fábrica no Brasil, a Rinnai produz equipamentos que
software TopView. Esse software proporcionam conforto através do uso de energia térmica,
permite a geração de relatórios visando eficiência energética e a integridade do usuário em
e análises. Ele também pode primeiro lugar. Entre outras soluções, a empresa disponibiliza
exportar esses dados para o ao mercado diversos modelos de aquecedores de água a gás;
formato Excel. O instrumento coletores solares e reservatórios térmicos de água de baixa
é fornecido com os seguintes e alta pressão, de acordo com a certificação do Inmetro. A
acessórios: célula de referência, Rinnai destaca inclusive a possibilidade dos aquecedores a
conetor MC4, conecor MC3, gás trabalharem em conjunto com sistemas de aquecimento
cabo de comunicação, software solar a fim de maximizar a eficiência. O aquecedor a gás age
TopView, certificado de como apoio do sistema solar em dias nublados ou chuvosos,
calibração e maleta rígida para e o sistema solar funciona como pré-aquecimento para
transporte e proteção. proporcionar um menor consumo de gás.

12 REVISTA DA INSTALAÇÃO
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

ABB CHINT ELECTRIC


Uma das líderes globais em Companhia com mais de três décadas
soluções digitais e tecnologias de desenvolvimento, a Chint afirma ser
de automação e energia, a ABB a marca líder no mundo da indústria
mostrou diversas novidades de produtos e soluções elétricas.
para o mercado de energia Possui três centros de Pesquisa &
e também de mobilidade. Desenvolvimento, localizados na
A companhia apresentou Europa, América do Norte e China,
o inversor PVS-175-TL, o filiais em mais de 20 países e mais de
sistema de armazenamento 30 mil funcionários em todo o mundo.
solar REACT 2 e dois novos A Chint fornece produtos, soluções
carregadores AC para carros elétricos da de sistemas e serviços
linha EVLunic. O REACT 2 (foto) oferece até 10% mais eficiência para mais de 138 países
no uso de energia do que as alternativas de mercado com tensão em todo o planeta. Um
inferior, além de maior economia de custos. Por incluir uma bateria dos destaques da Chint
de íons de lítio de alta tensão e de longa duração, com capacidade no Enie foi a linha de
de até 12 kWh, ele permite uma autossuficiência de energia de até produtos para o mercado
90%, tornando mais rápido e econômico o emprego da energia solar fotovoltaico, que
solar para abastecimento de residências. O REACT 2, ao permitir inclui diversos modelos
a integração com outras soluções residenciais inteligentes, como de inversores que contam
o sistema de automação ABB-free@home e os carregadores para com certificação de normas
carros elétricos AC da linha EVLunic, é uma inovação que contribui internacionais e a linha de
para a construção de casas ainda mais sustentáveis. módulos (painéis).

ALUBAR
A empresa destacou os condutores elétricos de cobre estanhado da linha Alubar CopperTec, indicados para projetos de energia renovável
fotovoltaica. O Cabo Solartec possui condutor de cobre estanhado flexível classe 5 e isolação em composto de poliolefina não halogenado,
resistente a chamas, radiação ultravioleta e intempéries. Resistente à oxidação/corrosão devido à presença de estanho em sua camada
superficial, o cabo é certificado pela norma TÜV 2 Pfg 1169/08.2007/EN 50618. O Cabo Solartec está disponível nas seções 1,50; 2,50; 4,00;
6,00; 10,00; 16,00; 25,00 e 35,00 mm². Pode ser aplicado em sistemas de geração centralizada ou distribuída; equipamentos com proteção
isolada (Classe II); ligações de painéis fotovoltaicos às caixas de junção; sistemas de fornecimento de energia solar fotovoltaica (cabeamento
indoor); interligações de painéis solares e de equipamentos do sistema fotovoltaico; em plantas fotovoltaicas ou instalações prediais; em
sistemas fotovoltaicos interligados nos módulos solares e como conexão ao inversor CC/CA.

GLOBO BRASIL
Indústria brasileira de painéis solares, a Globo Brasil celebrou seu terceiro aniversário
expondo na Intersolar. A empresa destaca que, apesar dos obstáculos enfrentados por
ser a primeira grande indústria de painéis solares no País, conseguiu alcançar um lugar
de prestígio no mercado. Como diferenciais, a Globo Brasil informa que trabalha com as
melhores matérias-primas disponíveis no mundo para fabricação dos painéis, além de possuir
uma linha de produção totalmente automatizada. Os painéis são testados individualmente
em vários pontos da linha de produção, assegurando a performance e a qualidade dos
produtos. A empresa observa que o fato de ser 100% nacional facilita e aproxima o
atendimento aos clientes.

14 REVISTA DA INSTALAÇÃO
HIPER ENERGY DO BRASIL
O software SOLergo permite o projeto completo de sistemas fotovoltaicos conectados à
rede de distribuição (grid connected) ou à ilha (stand alone). Através de uma sequência
guiada, simples e flexível, o usuário terá: gerenciamento de todos os tipos de sistemas;
relatório técnico do projeto; relatório econômico com a avaliação de rentabilidade; ficha
técnica final do sistema; layout topográfico do sistema; diagramas elétricos a serem
enviados à concessionária. Em sua última atualização foram incluídas a mais recente
versão do Atlas Climático Brasileiro, fornecido pelo INPE no final de 2017, a permissão
para realizar o posicionamento dos módulos através de áreas pré-estabelecidas, a
possibilidade de elaborar projetos de clientes na modalidade tarifária branca e, nos
sistemas off-grid, é possível gerar a lista de materiais e também o diagrama unifilar.

FLIR
Líder no mercado mundial de imagens térmicas, a FLIR levou ao Enie diversos produtos de seu catálogo,
incluindo as novidades nas linhas de multímetros (com modelos à prova d’água), alicates amperímetros,
câmeras térmicas compactas e itens para smartphones. Um exemplo de solução destacada foi o multímetro
e termógrafo digital FLIR DM285 (foto). Possui tecnologia de Medição Guiada por infravermelho (IGM),
alimentada por um termovisor FLIR de 160 x 120 pixels integrado, que ajuda a identificar pontos de acesso
com mais rapidez, segurança e eficiência. Ele permite o armazenamento de imagens e traz melhorias no
display, além de conectividade Bluetooth® e imagens radiométricas. A empresa também apresentou ao
mercado os lançamentos da linha Extech. São equipamentos que integram seu portfólio e atendem uma
demanda por soluções acessíveis e versáteis com a qualidade FLIR já reconhecida no mercado.

SOLAR GROUP
A Solar Group, indústria especializada em estruturas de fixação para o mercado de geração solar, lançou no
mercado brasileiro o primeiro fixador de painéis solares capaz de atender mais de 90% dos tipos de telhados
cerâmicos. Trata-se do Gancho Articulado, fabricado 100% em alumínio. A solução foi idealizada para que o
distribuidor possa reduzir o seu estoque, à medida em que um único item atenderá mais de 90% dos modelos
de telhas no Brasil. Há ainda um alongador opcional para telhas mais altas, como tégula e colonial cappa,
por exemplo. O lançamento do Gancho Articulado faz parte do plano estratégico da Solar Group de focar no
desenvolvimento de inovação e tecnologia de ponta. A empresa é uma das líderes em estruturas de fixação no
mercado brasileiro de geração distribuída. A companhia diz ainda que se destacou ao tropicalizar as melhores
soluções de fixações que existiam no mundo e disponibilizá-las a pronta entrega no mercado.

WEIDMÜLLER CONEXEL
A companhia disponibiliza ao mercado soluções para sistemas fotovoltaicos adaptadas às
necessidades do cliente. O portfólio inclui String Boxes AC e DC 1000VDC/1500VDC (de 1 a 32
Strings). String Box sem manutenção, a solução PV SMART fornece os melhores recursos para
EPC e empresas de O&M, atendendo às novas tendências do mercado. Elas combinam custo-
benefício, fácil instalação e comissionamento e economia de espaço, além de não precisarem de
manutenção. Existem ainda String Boxes Microgeração prontas para funcionamento, constituindo
uma solução de ligação fotovoltaica para telhados e para instalações com necessidades especiais
de proteção. A Weidmüller Conexel oferece ainda: Conectores e demais componentes; Sistemas
de monitoramento (Módulo Transclinic acompanhado de fonte DC/DC); Ferramentas (para cortar e
decapar cabos fotovoltaicos, para crimpar o conector fotovoltaico e para instalação de conectores;
Torquímetro manual; Ponteiras Fenda e Philips, etc.); Protetores contra surtos e sobretensões para
centrais fotovoltaicas; Bornes porta-fusíveis e Chaves seccionadoras.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 15
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

BELDEN PRYSMIAN GROUP


Para maior confiabilidade, a Belden Prysmian Group e General
oferece uma ampla linha de cabos Cable montaram um estande
e soluções em conectividade para a conjunto para apresentar
indústria fotovoltaica, proporcionando suas inovações tecnológicas
disponibilidade e integridade para o ao mercado brasileiro. Sob
cliente. Na foto, o Cabo 3106A, que controle organizacional do
tem sido amplamente aplicado no Prysmian Group, o novo grupo
trato de sistemas de comunicação oferece solução completa
e automatização de grandes em cabos elétricos para
empreendimentos de geração de parques solares, abrangendo
energia fotovoltaica. Com mais de também cabos para projetos
SOLIS
100 anos de experiência e presença de geração solar distribuída.
No estande da Solis estiveram expostos produtos
mundial no desenvolvimento de cabos A solução integral contempla:
das principais linhas de sistema de aquecimento
para todos os tipos de protocolos, a cabo solar 0,6/1 kV CA ou 1,8
solar para banho e piscina da marca. São coletores
Belden destaca que tem a confiança kV CC (utilizado na conexão
solares e reservatórios térmicos certificados
para ser recomendada nos manuais entre os painéis fotovoltaicos);
pelo Inmetro e com prêmio Procel de eficiência
de instalação dos maiores fabricantes cabo de alumínio 0,6/1 kV CA
energética. Outra novidade foi a linha Fotovoltaica,
de trackers e inversores mundiais. ou 1,8 kV CC (que interliga
que inclui placa e inversor. A Solis Aquecedor
Atualmente a Belden tem mais de as caixas de conexão aos
Solar destaca que é liderada por profissionais
um milhão de quilômetros de cabos inversores de corrente); cabo
com experiência pioneira na área de energia
seriais aplicados nas maiores usinas de cobre 0,6/1 kV – 90º C
solar no Brasil. Hoje a empresa oferece mais de
fotovoltaicas brasileiras, como Nova (que interliga os inversores
dez tipos de coletores solares e reservatórios
Olinda, Bom Jesus da Lapa, Ituverava, em baixa tensão até os
térmicos em diversos tamanhos, que se adequam
Horizonte e Apodi. transformadores); cabo em
às diferentes necessidades do consumidor e que
média tensão em alumínio ou
apresentam tecnologias patenteadas, garantindo
cobre de 20/35 kV (utilizado
mais durabilidade e economia. Com serviço de
entre os transformadores
engenharia personalizado, a Solis Aquecedor Solar
e a subestação) e cabo
é líder de mercado em OGP (Obras de Grande
de alumínio nu (para
Porte). Só no ano passado foram produzidos mais
integrar a energia
de cinquenta sistemas de aquecimento solar
gerada ao SIN, através
destinados para obras públicas, residenciais e
das linhas aéreas de
grandes grupos hoteleiros do país.
transmissão de energia
elétrica). Na foto, o
cabo Exzhellent® Solar
GRUPO MOURA 1.8 kV CC. Os cabos
O Grupo Moura apresentou os diferenciais de sua linha de baterias Moura solares fabricados
Solar. O produto foi desenvolvido para atender especificamente sistemas de pelo Prysmian
geração de energia solar/fotovoltaica off-grid, ou seja, os chamados sistemas Group possuem
isolados, que não estão conectados à rede elétrica. Por conta disso, esses dupla certificação
sistemas exigem a presença de uma bateria de qualidade e com durabilidade. de conformidade
A linha Moura Solar foi projetada para sistemas off-grid de pequeno e segundo as normas
grande porte. São duas séries de bateria: a MFV e a MS (ainda em pré- brasileira (ABNT NBR
lançamento), com 36 modelos diferentes no total. As baterias desenvolvidas 16612/2017) e Europeia
pelo Grupo Moura são benchmarking e atendem as características climáticas (EM 50618/2014), o
do continente, entregando maior resistência, durabilidade e economia. A que confere aos
Moura possui diversas unidades de serviço espalhadas por todo território produtos um selo
nacional e capacitadas para realizar a instalação, manutenções preventivas e de alta qualidade e
monitorar a vida e performance das baterias. tecnologia avançada.

16 REVISTA DA INSTALAÇÃO
SOPRANO MATERIAIS ELÉTRICOS
Atenta às oportunidades de um nicho de mercado pouco explorado no Brasil, a Soprano está ampliando
seu portfólio de produtos voltados à proteção de sistemas elétricos em corrente contínua. Dentre as
novidades da empresa estão o Dispositivo de Proteção contra Surtos - DPS DC e o Mini Disjuntor SHB DC
para funcionamento em corrente contínua. O DPS está disponível em dois modelos, com tensão de 500 e
1.000 V, e sua principal funcionalidade é a proteção de todos os elementos da instalação elétrica contra
sobretensões de origem da própria geração ou de descargas atmosféricas. Já o Mini Disjuntor SHB DC
está disponível nas correntes de 10 e 16 A e protege os equipamentos contra sobrecorrente e curto-
circuito. A Soprano fez ainda o pré-lançamento de outros produtos, como módulo, inversor e placas.

SEC POWER
Integrante do Grupo GNHR, a Sec Power oferece soluções completas no fornecimento de baterias,
serviços de assistência técnica, projetos e manutenção. Durante a Intersolar/Enie a Sec Power
destacou a alta performance das baterias VRLA, que são isentas de manutenção, podendo ser
instaladas em ambiente fechado, pois trabalham com recombinação interna de gases (de acordo
com a empresa, baterias normais exalam gases e não podem ser instaladas em ambientes fechados
por risco de explosão e risco à saúde de pessoas e de animais). As baterias seladas estacionárias
VRLA podem ser aplicadas em: UPS (nobreak), sistema de segurança e alarmes, iluminação
de emergência, telecomunicações, automação, retificadores industriais, elevadores, balanças,
equipamentos médicos, equipamentos fotográficos, equipamentos de testes e veículos elétricos. Na
foto, um banco de baterias VRLA composto por 12 elementos.
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

PHB ELETRÔNICA
O Inversor Fotovoltaico Híbrido PHB opera com módulos fotovoltaicos, baterias (Lítio-íon/
Chumbo-ácido) e rede elétrica. Possui tamanho compacto (tudo em um único produto). Traz as
vantagens da geração fotovoltaica (on-grid) e, na ausência de rede elétrica, opera como nobreak
solar (off-grid), alimentando as cargas prioritárias da residência, utilizando a energia gerada
pelos módulos fotovoltaicos, aumentando a autonomia da bateria. Outras características: não
utiliza ventiladores (convecção natural); realiza time-shifting (a energia armazenada na bateria
pode ser utilizada em horário pré-definido); permite realizar auto-consumo (consumo zero da
rede elétrica) e permite realizar auto-consumo + time-shifting (em horários com tarifa elevada,
utiliza a energia da bateria para zerar o consumo da rede elétrica).

ROMAGNOLE
Um dos destaques da empresa foi o Rastreador Solar Tracker. A solução envolve um
Seguidor de Um Eixo Horizontal Romagnole V1, dotado das seguintes características:
acionamento linear eletromecânico com motor reversível, motor de alta eficiência de 0,5
cv; movimento de giro amplo – 90º (+/-45º) ou opcional 110º (+/-55º); número mínimo de
acionamentos (5) por MW instalados e consumo mínimo de energia (menor que 5 kWh/
dia/MWp). Segundo a empresa, o sistema de controle apresenta alta confiabilidade devido
ao uso de componentes de reconhecimento mundial. Destaques ainda para o algoritmo de
backtracking configurável para cada seguidor solar e a fácil integração e comunicação com
sistemas SCADA por meio de protocolo Modbus (TCP/IP). A manutenção é mínima (revisão
anual) e os elementos de rotação (buchas) são livres de lubrificação. O tempo mínimo de
instalação é de 120 horas-homem por seguidor.

FRONIUS DO BRASIL
A multinacional austríaca Fronius do Brasil lançou a solução Fronius Symo Brasil, com potência de 10
kW (com certificação do Inmetro) para complementar a família SnapInverter. A grande novidade é que
esse inversor já possui um transformador trifásico e não será necessário instalar um transformador
externo para se conectar à rede de três fases. É ideal para plantas comerciais com redes 220/127 V.
Seu design inovador SuperFlex fornece o máximo de flexibilidade na concepção do sistema, enquanto
que a montagem SnapInverter torna a instalação e manutenção mais fáceis. Além de reduzir custos
com a instalação, a solução apresenta outros benefícios. Além da qualidade dos componentes, são
destacados o resfriamento ativo e o processo de substituição de placas Fronius, permitindo uma
manutenção eficiente e acessível. O Symo Brasil está disponível nas versões 10, 12 e 15 kW.

SICES SOLAR
Entre as novidades, destaque para o inversor residencial híbrido e o armazenamento em
bateria Samsung de lítio. Inteligente e integrado, o Inversor Solar Bidirecional (DC/AC/DC)
com controle de energia inteligente (EMS) possui controle da bateria integrado (BMS), além
da gestão do controle para smart home. Permite o controle dos fluxos de energia (energy
trading) com segundo EMS externo, para maximizar o retorno do investimento. Outras
características: seguro e durável (nobreak para as cargas em caso de interrupção ou ausência
da rede da concessionária); design simples e amigável (comissionamento e configurações
personalizáveis usando o display; reconhecimento automático das baterias conectadas;
atualização de firmware com um clique via Wi-Fi ou Ethernet).

18 REVISTA DA INSTALAÇÃO
CANADIAN SOLAR
Os inversores de string sem transformador,
on-grid, da Canadian Solar, ajudam a
acelerar o uso de arquiteturas de string
trifásicas em aplicações em telhados
comerciais e pequenas aplicações de
solo. Uma alternativa econômica aos
inversores centrais, estes inversores (15-30
kW), aprovados pela NRTL, são blocos de
design modular que oferecem alta saída e
permitem economias de BoS significativas. BRAMETAL
Oferecem até 97% de eficiência de A empresa pretende aumentar a visibilidade
conversão, uma ampla faixa de operação da sua marca, já consolidada no mercado
entre 200 e 850 VCC e dois MPPTs que de linhas de transmissão de energia
BOSCH permitem a máxima coleta de energia. elétrica, como alternativa de produtos de
Especialista mundial em aquecimento de Com design térmico e resfriamento qualidade também para o mercado de
água, a companhia demonstrou soluções por convecção avançados, destaca-se energias renováveis, em particular para a
completas de aquecimento solar de água pela proteção contra sobrecorrente e geração de energia solar fotovoltaica. A
para banho e piscina da Bosch e da sobretensão e contra polaridade reversa Brametal destacou na feira as estruturas
Heliotek (marca de aquecimento solar da CC e curto-circuito CA. A solução possui metálicas de suporte para painéis
Bosch), que aliam eficiência, tecnologia, grau de proteção IP65 para aplicações fotovoltaicos do Tipo Fixo BRAFIX, que
economia de energia e sustentabilidade. externas. serão produzidos em série pela Brametal
Entre os destaques estiveram as linhas de e poderão ser vendidas para pronta
coletores solares e reservatórios térmicos, entrega, e também do Tipo Seguidor Solar
além de bombas de calor para piscina e BRATRACKER, nas opções Multifileiras, para
aquecedores a gás. A linha de coletores até 620 painéis, e Monofileiras, para até 62
MC Evolution (foto) constitui uma solução painéis, com exclusivo sistema  de proteção
que potencializa a captação de energia contra surtos de descargas atmosféricas,
solar para gerar mais conforto, qualidade, desde a fonte de alimentação, passando
segurança e durabilidade no aquecimento por sinais de controle e de comunicação do
de água. Graças à tecnologia exclusiva sistema de automação. 
de fabricação com solda por ultrassom
ultrarresistente, os coletores solares
térmicos Heliotek são desenvolvidos
com absorvedor em chapa única, o que
reduz a circulação de ar e garante melhor
desempenho durante toda a vida útil do
equipamento.

SEC PAINÉIS
Especialista nos segmentos de painéis elétricos e sistemas de alimentação, a Sec Painéis possui
grande expertise em desenvolvimento de projetos, quadros de comando, manutenção e instalação,
sistemas de alimentação por baterias Sec Power, montagem de painéis elétricos de média e baixa
tensão e CCMs (fixos e extraíveis). A empresa destaca que nasceu grande e com um histórico
de conhecimento e equipe especializada com mais de 30 anos de experiência no fornecimento
dos principais projetos elétricos de geração, transmissão e distribuição de energia, saneamento,
agronegócios e indústrias em geral, no Brasil e no exterior. Uma de suas preocupações é trabalhar
com fornecedores selecionados e que sejam, preferencialmente, homologados por certificadoras. A
Sec Painéis faz parte do Grupo GNHR.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 19
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

CLAMPER
A CLAMPER Solar SB é uma String Box (caixa de junção) utilizada para proteção e seccionamento
de sistemas de geração de energia solar fotovoltaica. Desenvolvida para segurança em sistemas
fotovoltaicos, evita danos e perdas causados aos equipamentos e instalações por raios e surtos
elétricos, que reduzem a vida útil dos componentes. A solução é instalada entre os módulos
e o inversor, onde sua aplicação é altamente recomendada. Realiza proteção contra surtos
elétricos, além de permitir o isolamento elétrico adequado para uma manutenção segura. As
normas aplicáveis ao produto são a IEC 61643-31 e a EN 50539-11. Outras características: DPS
com plugues removíveis que facilitam a manutenção; opção de sinalização remota; fixação por
meio de parafusos, sem perder o grau de proteção (IP 65); adequada para uso interno e externo
(proteção UV); a caixa possui características de não propagação e auto-extinção de fogo.

INSTRUTHERM NEOSOLAR
Com um portfólio que ultrapassa 500 A Neosolar participou da InterSolar em
itens, a Instrutherm é uma empresa parceria com a Epever, marca que é
especializada em equipamentos uma das líderes mundiais em pesquisa,
de medição. Uma das novidades desenvolvimento e fabricação de
é o Analisador de Energia Portátil equipamentos, como controladores de
AE-200 (foto), medidor com saída carga e inversores solares. A NeoSolar
interface USB e datalogger, True apresentou um novo poste solar com
RMS, capaz de exibir 50 harmônicas a própria marca da empresa. O Poste
simultaneamente, diagramação Fotovoltaico NeoSolar foi desenvolvido
vetorial de sistema trifásico e detecção para iluminação pública e funciona de
de distorção de harmônica. Outra forma totalmente autônoma, sem a
solução da Instrutherm voltada necessidade de fios aparentes ou conexão
para a área elétrica é o Multímetro à energia da rede elétrica. A solução
YASKAWA ELÉTRICO
Digital modelo MD-360. O aparelho funciona automaticamente, acionada
DO BRASIL
apresenta tensão, corrente, resistência, por fotocélulas ao escurecer. O item
De olho na expansão do setor solar fotovoltaico
capacitância, diodo e transistor (HFE), será comercializado em quatro alturas
do País, a Yaskawa diversifica sua atuação
tem display LCD de 3 ½ dígitos, display diferentes: 3, 6, 8 e 10 metros. É fabricado
no segmento investindo em novas linhas
inclinável até 90 graus, possui função em aço galvanizado e a iluminação é feita
de inversores em escala comercial (geração
data hold para congelamento das por lâmpadas LED. Os Postes Fotovoltaicos
distribuída) com os inversores tipo string
leituras, polaridade automática com Neosolar foram dimensionados de
XGI, capazes de atender aos mercados de
indicação de negativo e proteção de acordo com as normas vigentes no
minigeração, além de serem adaptáveis em
sobrecarga. Já o Volt-amperímetro tipo Brasil e contam com um sistema de
diversos projetos. Solução descentralizada,
alicate True RMS, Cat IV, modelo VA- armazenamento de energia que permite
a linha de inversores tipo string XGI possui
905 atende às normas IEC 61010-1 e autonomia de funcionamento de até três
design simplificado, resultando em menor
IEC 61010-2-203, tem dupla isolação, dias sem incidência solar.
custo de mão de obra, instalação e O&M
função NCV que detecta tensão sem
(Operação e Manutenção). Planejada para 20
contato e garra indutiva com lanterna.
anos de vida útil, a solução oferece rendimento
maior que 98% e também reduz o tempo de
comissionamento, devido a capacidade de
alcançar toda a rede de inversores, a partir de
um único local usando um dispositivo Wi-Fi.
A linha XGI está planejada para atender tanto
instalações comerciais e industriais (XGI 1000)
quanto mini-usinas fotovoltaicas (XGI 1500V).
Os inversores atendem aos requisitos técnicos
de normas nacionais e internacionais.   

20 REVISTA DA INSTALAÇÃO
HUAWEI
Líder global da indústria de células fotovoltaicas inteligentes, a Huawei demonstrou a
nova solução FusionSolar Smart PV, que une a expertise da companhia em tecnologias
da informação, redes e painéis fotovoltaicos a uma solução inteligente que pode ser
integrada a módulos fotovoltaicos bifaciais. A linha de inversores FusionSolar Smart PV
oferece uma experiência superior aos clientes por meio do gerenciamento preciso de
energia, com um sistema inteligente e de fácil instalação. A solução agrega também
recursos de big data, inteligência artificial e internet das coisas, além de já estar preparada para funcionar nas futuras redes 5G. Com a
integração das tecnologias inteligentes, agora é possível monitorar os painéis e otimizar a captação de energia remotamente, aumentando
as taxas de entrega de carga, aproveitando melhor os fotoperíodos e diminuindo a necessidade de manutenção e de vistorias técnicas.

GRUPO UNICOBA
A Unipower®, marca de baterias do Grupo Unicoba, destacou o que há de mais inovador em baterias
de lítio, consideradas mais leves, compactas e eficientes. Com o aumento da geração distribuída e da
utilização de energias renováveis, há uma demanda crescente por soluções de armazenamento de
energia. No caso da fotovoltaica, por exemplo, existe a incidência do sol durante o dia, mas o pico de
consumo acontece quando ele se põe. Com isso, é preciso armazenar a energia gerada durante o dia
e torná-la disponível à noite. Com as baterias de lítio ferro-fosfato se consegue ter, por sua densidade
menor, grandes parques de baterias que podem suprir a instabilidade da geração distribuída ou com
energias renováveis. Outro ponto favorável da nova bateria é a sua vida útil, pois pode durar quase 20
vezes a mais do que uma solução tradicional. Outros aspectos positivos das baterias de lítio ferro-fosfato
Unipower® são resistência às altas temperaturas, mais autonomia e capacidade para gestão do uso.
MATÉRIA DE CAPA
| Intersolar 2018

THESAN
A Thesan, indústria multinacional
especializada em sistemas de fixação para
o mercado de geração solar presente no
Brasil desde 2011, apresenta um novo
fixador para telhados executados com
telhas zipadas, muito usadas em coberturas
de grandes extensões, caracterizando-se
pela ausência de frestas entre os perfis,
parafusos ou fitas de vedação. A inovação ELOS ELETROTÉCNICA
da Thesan é capaz de reduzir pela metade o Um dos destaques da Elos na feira foi a
custo da estrutura de uma instalação solar Cabine de Distribuição 36 kV/630A Tipo
fotovoltaica. São cinco opções de ganchos Pedestal de Média Tensão. As Cabines
clips feitos de alumínio 6063, extrudados de Distribuição tipo Pedestal ECDP
em monobloco, com a possibilidade de são usadas em redes subterrâneas de
montagem sem perfil de alumínio, que média tensão para derivar e conectar
chega a diminuir em até 50% os valores várias linhas de transmissão com cabos
dos materiais do sistema de fixação, blindados. As ligações são do tipo
transporte e instalação. O gancho fixador desconectáveis, que oferecem uma rápida
pode ser montado com qualquer tipo de e prática conexão elétrica dos ramais,
painel, com ou sem moldura, 60 ou 72 além de proporcionar alta segurança
células, com distâncias elevadas entre para o sistema. O desenvolvimento da
os eixos de fixação. Além disso, permite ECDP se deve às limitações de segurança
o uso em qualquer tipo de subestrutura em realizar conexões de média tensão
ELGIN (madeira, metal, cimento). A fixação do em ambientes confinados. Fabricadas
A Elgin entrou no segmento de energia gancho clip monobloco de alumínio é feita em chapa de aço inoxidável, as cabines
solar fotovoltaica e apresentou soluções por parafusos em inox diretamente na ECDP resistem às mais diversas condições
que ajudam a obter economia de até crista da telha zipada sem perfuração e com climáticas e suportabilidade mecânicas,
95% na conta de energia elétrica. A linha o grampo terminal e intermediário fixos podendo ser usadas em centros urbanos e
de produtos e soluções para essa área diretamente no próprio gancho clip. rurais, indústrias, condomínios e parques
inclui: Kits Solares Elgin; Painéis Solares eólicos. Atendendo às mais rígidas
Fotovoltaicos; Inversores Solares; Micro normas internacionais, a ECDP dispõe de
Inversores; String Box, acessórios e um indicador de presença de tensão do
cabos; Estruturas ou suportes de fixação; tipo capacitivo que independe de tensão
Conectores e Cabos. A Elgin destaca que auxiliar para seu funcionamento. As
seus produtos são testados e com total cabines ECDP estão disponíveis em três
garantia de qualidade e Certificação tamanhos, dependendo do número de
Inmetro. derivações que se deseja conectar.

BYD
A BYD Energy do Brasil lançou oficialmente sua nova linha de painéis fotovoltaicos. Foram
apresentados quatro novos módulos: Policristalino Convencional e Double Glass e Monocristalino
convencional e Double Glass. A expectativa da empresa é expandir sua atuação no mercado
de geração distribuída, possibilitando ainda um ciclo de emissão zero com mobilidade elétrica,
garantindo que os clientes gerem a própria energia e a utilizem nos veículos elétricos. Fabricados
em Campinas, os painéis são credenciados pelo Finame - BNDES e livres de EVA. Os módulos
Monocristalinos possuem potência entre 340 e 370 Watts, garantia de 12 anos e eficiência das células
de 21,4%. Já nos Policristalinos, a potência pode variar entre 310 e 340 Watts no convencional e 315
e 340 Watts no Double Glass. A garantia é de 10 anos com eficiência 19,2% das células.

22 REVISTA DA INSTALAÇÃO
1

VERMEER BRASIL
A companhia apresentou suas principais
2 tecnologias para a construção de
parques solares fotovoltaicos e redes de
cabeamento de energia. O Instalador
de Estacas PD10 é um equipamento
focado na instalação rápida e precisa das
NEXANS centenas de estacas que sustentam os
200 SR (imagem 1) e 200 LR (imagem 2) painéis solares fotovoltaicos nas usinas
são os novos conectores que a Nexans está desse tipo. A previsão requerida significa
apresentando ao mercado. Eles têm todas as a colocação das estacas em distâncias
vantagens esperadas da linha de produtos e profundidades uniformes ao longo
Nexans. São conectores EPDM resistentes de todo o terreno, de forma a otimizar
com uma tela semi-condutiva de 3 mm de a captação da energia solar pelos painéis. A eletrônica embarcada no PD10 informa ao
espessura, de qualidade e confiabilidade operador do equipamento os dados em tempo real do ângulo e da altura das estacas, à
garantidas por um processo de produção medida em que elas vão sendo inseridas no solo. O equipamento reúne recursos mecânicos
automatizado com 100% de testes em fábrica. e de telemetria. Mecanicamente, o PD10 é uma máquina autopropelida, que pode se
Os novos conectores fornecem uma solução movimentar em vários tipos de terreno. No modo convencional, o operador (sentado)
fácil e compacta para conectar cabos aos aciona as funções usando dois controles do tipo joystick. Outra opção é o controle remoto
equipamentos de energia. Possuem design do equipamento, com o operador deslocando-se ao lado do PD10. Independentemente
compacto e ecológico, oferecem facilidade de da posição, ele acompanha a energia de impacto (1.000 joules) do martelo hidráulico, o
instalação, são de tamanho único e adaptáveis que torna a máquina a mais potente, principalmente em solos mais duros, onde oferece a
a uma dimensão de 250 a 24 kV. flexibilidade de instalar estacas de três tamanhos padrão: 3; 4,5 e 6 metros.

HANWHA
Um dos maiores fabricantes de células solares do mundo, a Hanwha Q CELLS
apresentou os módulos solares Q.POWER L-G5 e Q.PEAK L-G5. A solução Q.POWER é
um módulo multicristalino com excelente relação custo-benefício, tornando-o ideal para
as grandes instalações fotovoltaicas que estão ganhando espaço em toda a região sul-
americana. Q.PEAK é um módulo monocristalino de elevado desempenho que produz
bastante eletricidade em uma área pequena, tornando-o apropriado para os mercados
residencial e comercial da América do Sul, que possuem elevadas probabilidades de
crescer no futuro. Com base nesses dois produtos, a Hanwha Q CELLS visa atender
todo o mercado da América do Sul, desde as grandes centrais eléctricas às instalações
residenciais e comerciais. A Hanwha Q CELLS também apresentou o Q.PEAK DUO L-G5,
o módulo com o desempenho mais elevado da empresa.

TÜV RHEINLAND
A TÜV Rheinland Group participou da Intersolar através de sua subsidiaria TÜV Rheinland do Brasil. Com o
propósito de proteger investimentos em sistemas fotovoltaicos, a companhia realiza uma ampla variedade de
serviços em todas as etapas do projeto, que abrangem desenvolvimento, qualificação, inspeção e certificação
dos equipamentos e avaliação do desempenho da planta solar instalada. A empresa afirma ser um parceiro
estratégico capaz de ajudar financiadores, desenvolvedores, empreendedores, EPCistas e empresas de
operação e manutenção a atender requisitos que garantam a segurança e a eficiência das plantas. Os
serviços também compreendem a verificação do estado das placas FV após transporte no local de instalação,
ensaios portáteis e treinamentos, além de inspeções de utilização e de manutenção das plantas. Em relação
aos equipamentos, a TÜV Rheinland atesta a qualidade e a eficiência de módulos, inversores e baterias
importados ou fabricados no Brasil, por meio de ensaios realizados em laboratórios da empresa.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 23
MERCADO
| Metais Sanitários

Qualidade e Foto: Divulgação/Grupo Roca

Sofisticação Na hora de escolher os


produtos do segmento
de metais sanitários,

T
consumidores estão
endo em vista os novos anseios é o design acessível: o cliente não quer
dos consumidores e a demanda necessariamente um produto mais ba- cada vez mais atentos à
dos projetos de arquitetura e ins- rato. Ele quer um produto que ofereça
qualidade, funcionalidade
talação, seja em novas constru- uma relação custo-benefício justa e ade-
ções ou em obras de retrofit, a indústria quada - e aqui se inclui o design. “Evi- e custo-benefício, sem
da construção civil investe pesado no de- dente que num momento de crise eco- abrir mão, contudo, do
senvolvimento de novos metais sanitários nômica, o produto popular é importante,
com acabamentos sofisticados, desenhos mas nossa sugestão é investir também design inteligente e do
diferenciados e apelo sustentável. em produtos com uma relação custo-­ requinte das peças.
De forma geral, observa-se o consu- benefício vantajosa, ainda que não se-
midor brasileiro bem alerta em relação a jam os mais baratos”, aconselha Sérgio
alguns quesitos quando o assunto são Melfi, diretor Comercial e de Marketing
as peças de metais sanitários. Um deles da Roca Brasil. REPORTAGEM: CLARICE BOMBANA

24 REVISTA DA INSTALAÇÃO
Outro ponto que continua ganhan- Assim como ocorre em outros seg- negócio. “Estamos trabalhando forte-
do atenção de quem compra e de quem mentos da construção civil, as vendas mente no ponto de venda para que a Ti-
vende metais sanitários é a sustentabili- dos metais sanitários também se res- gre Metais, nova marca do grupo, forta-
dade, isto é, a preferência por produtos sentem dos eventos da atual crise eco- leça e expanda o seu espaço no mercado
desenvolvidos para promover economia nômica. No entanto, as empresas têm brasileiro. Acreditamos que o potencial
de água e energia, por exemplo. O de- apostando no lançamento de produtos de crescimento é muito grande para os
sign democrático é outro item importan- diferenciados, que atendam às necessi- próximos anos. Por isso, seguimos foca-
te. “Existem peças com muita tecnologia dades dos consumidores, com preço jus- dos em nosso planejamento estratégico,
e valor agregado produzidas pelo mer- to e diferenciais de qualidade, avaliam com investimentos que devem somar
cado nacional a um custo inferior aos alguns fabricantes que atuam na área. R$ 600 milhões até 2020, em diversas
importados. Hoje, a indústria brasileira Para a Roca Brasil, o ano de 2018 frentes”, revela Grasiela Devigili Moura,
oferece produtos com um design à altura está sendo desafiador, embora as proje- executiva de Produtos da Tigre.
de qualquer país europeu, mas com cus- ções recentes do PIB brasileiro indiquem Desde agosto último, quando com-
to pertinente ao consumidor brasileiro”, crescimento mais modesto do que o an- pletou 77 anos, o Grupo Tigre, especia-
ressalta Melfi. teriormente planejado. “Estamos man- lista em soluções para construção civil
A última questão diz respeito ao en- tendo a confiança no crescimento dos e cuidado com a água, lançou sua nova
velhecimento da população: o merca- nossos negócios, não só em louças, que marca ao mercado, a Tigre Metais. Há
do tem de disponibilizar produtos para é o nosso core-business, mas principal- quase dois anos, a Tigre adquiriu o con-
esta área de instalação hidráulica que mente em metais, assentos e móveis”, trole acionário da Fabrimar, tradicional
respeitem as necessidades das pessoas afirma Melfi. fabricante de metais sanitários, acessó-
quanto às suas limitações físicas e de Já a Tigre registrou, nos sete primei- rios e afins, com sede no Rio de Janeiro
mobilidade, com uma gama de itens ros meses de 2018, aumento das vendas (RJ), e reforçou sua atuação no mercado
especiais e adaptados. internas próximo a 5% em todo seu o com um amplo portfólio.

Foto: Divulgação/Grupo Roca

REVISTA DA INSTALAÇÃO 25
MERCADO
| Metais Sanitários

Normalização e propriedades
As normas que regem o mercado de somam-se a propriedades como funcio- modelo da torneira ou misturador se
metais sanitários são regidas pela As- nalidade e relação custo-benefício vanta- adapta ao tipo de cuba a ser usado.
sociação Brasileira de Normas Técnicas josa. “Isto porque, além de facilitar o dia Outro fator importante está relaciona-
(ABNT) e os produtos são homologados a dia das pessoas, a praticidade do de- do à ergonomia: o volante da tornei-
por órgãos certificadores do Programa sign funcional e inteligente evitará que o ra ou misturador oferece acionamento
Brasileiro da Qualidade e Produtividade consumidor gaste com a substituição do suave? E para ser sustentável, é válido
do Habitat (PBQP-H). Algumas normas produto em um curto espaço de tempo”, verificar se a estrutura da peça é ade-
obrigatórias: justifica Grasiela Moura, que completa: quada para operar em alta e baixa pres-
❱ ABNT NBR 15705/09 - 10283/08 “Recentemente, inclusive, a Tigre Metais são de água, se oferece mecanismo que
- para registros de gaveta implementou o sistema de Acabamento controla a vazão e inibe vazamentos e
❱ ABNT NBR 15704-1/11 10283/08 Universal (foto abaixo), que permite o en- se possui arejadores em suas bicas, a
- para registro de pressão caixe nas principais bases de registro de fim de reduzir (e muito) o consumo de
❱ ABNT NBR 10281/15 10283/08 gaveta e pressão do mercado, nas bitolas água”, adverte.
- torneiras ½”, ¾” e 1”. Desta forma, o consumidor Aliás, mais uma vez, cabe ressaltar
❱ ABNT NBR 15267/17 10283/08 tem mais opção de integração, que traz a que a busca por produtos sustentáveis
- misturadores monocomando para praticidade do design funcional e facilita tem mudado a cara do mercado de
lavatório a escolha do produto na hora da compra metais sanitários. A maioria dos fa-
❱ ABNT NBR 14878/15 10283/08 ou especificação. bricantes tem desenvolvido projetos
- ligações flexíveis para aparelhos
hidráulicos sanitários
De acordo com alguns fabricantes
do setor, apesar de nas empresas cons-
trutoras haver uma clara e crescente
preocupação com a escolha de produ-
tos certificados, observa-se, em alguns
igre

canais varejistas, os aspectos de quali-


Foto: Divulgação/T

dade normalmente serem relegados a


segundo plano, e na prática, as marcas
não-conformes seguem presentes nas
lojas de material de construção. Para Sérgio Melfi, da Roca, além voltados a soluções capazes de re-
Atualmente, o design e a qualidade do design inteligente, o cliente preci- duzir o consumo de água e o impac-
das peças sanitárias, quase sempre ob- sa ficar atento a outras questões. “Em to ambiental, através de novos mate-
servados pela maioria dos consumidores, primeiro lugar, ele deve checar se o riais e do aprimoramento de processos
produtivos. No caso da Roca Brasil, a
empresa introduziu o uso de cartucho
monocomando com sistema “click” às
A busca por produtos sustentáveis suas peças, que garante uma redução

tem mudado a cara do mercado


de mais de 50% no consumo de água.
Além disso, todos os produtos para

de metais sanitários. Hoje, a salas de banho produzidos pela empresa


são acompanhados de arejadores, que

maioria dos fabricantes desenvolve evitam respingos e economizam quase


40% de água. Adoção de novas ligas
soluções capazes de reduzir o metálicas, com menor agressão à ca-
mada de ozônio, e utilização de um pro-
consumo de água. cesso de galvanoplastia moderno (frien-
dly to enviroment), para a reutilização da

26 REVISTA DA INSTALAÇÃO
1•J u
1 NSTALACÃO ;,;r I
j,,,,·..-...

E REPAROS 1
SÓ COM
PECAS ORICilNAIS
PEÇAS ORIGINAIS

ENCONTRE UMA VARIEDADE


DE PEÇAS ORIGINAIS
DE ROCA, INCEPA E CELITE

-
Válvula para cozinha
-
Anel de vedação

1
�.,n.
.... � �
��-..�:-
- - - -
Kit Mecanismo 3/6L Válvula para lavatório Botão de acionamento Assento
3/6L

-
Sifão
-
Flexível em aço inox
-Kit de instalação para Bacias
-
Kit de fixação para
Trançado com canopla Smart/Elite e Colunas Suspensas Bacias, Bidês e Lavatórios

\. 0800 701137 3
m pecasoriginais@br.roca.com -------
Roca lncepa Celite
MERCADO
| Metais Sanitários

água nos demais processos da fábrica e Já a área de pesquisa e desenvol-


seu deságue em afluentes próximos são vimento da Tigre foca nas tendências
outras ações que reforçam essa vertente. de mercado, nas novas tecnologias
Segundo Grasiela, o principal desa- e estuda as novidades que tragam
fio da Tigre é manter o seu planejamen- mais praticidade e conforto ao clien-
to estratégico mesmo em um cenário te. Além da preocupação constante

Foto: Divulgação/Grupo Roca


não tão favorável. “Para isso, traçamos com a economia de água, a empresa
metas realistas e focamos ainda mais também acabou de lançar duas linhas
em nosso processo de inovação, para para banheiro (Goa Cross e Goa Slim),
oferecer linhas cada vez mais comple- que contam com arejador embutido
tas e que atendam todo o mercado. A no misturador, o que garante menos
empresa está sempre inovando, inves- respingos e maior economia de água.
tindo na diversificação de seu portfó- Além disso, os lançamentos trazem o
lio e olhando para o mercado, a fim de sistema de acionamento de ¼ de vol- O desenho assinado também é cada
estudar as novidades e facilidades que ta, que facilita a abertura e o fecha- vez mais valorizado pelos consumido-
melhor atendam o consumidor”, afir- mento das torneiras. res. “Consolidada na Europa, esta ten-
ma a executiva. “Hoje, 15% da nossa Outra tendência comprovada na dência tem ganhado muito espaço no
receita vêm da inovação de produtos área de metais sanitários é a constan- mercado nacional. Oferecemos dezenas
lançados nos últimos dois anos. Além te procura por acabamentos diferen- de linhas assinadas por renomados de-
disso, a empresa possui 115 patentes ciados. Recentemente, a Roca Brasil signers internacionais, com as marcas
registradas no Instituto Nacional de lançou torneiras e monocomandos nas Roca, Laufen, Incepa e Celite, voltadas
Propriedade Industrial (Inpi) e mantém cores branco, preto e com acabamento para atender um perfil de público que
um fundo de R$ 5 milhões para projeto em tons de dourado, cobre e preto fos- valoriza a exclusividade”, revela o dire-
de inovação”. co (foto ao lado). tor da empresa.

Os Produtos
“Buscamos desenvolver soluções que engates flexíveis e válvulas de escoa- A distribuição dos produtos da Ti-
completem o ciclo da condução da água, mento. “O objetivo da marca é oferecer gre Metais é feita para todo o Brasil,
seja dentro ou fora da parede”, afirma um portfólio completo que reúna atri- com produção nacional na fábrica lo-
Grasiela Moura. Sendo assim, a Tigre butos como design funcional, confiança calizada no Rio de Janeiro (RJ). Já a
Metais disponibiliza ao mercado uma li- e beleza”, resume a executiva. Roca Brasil conta com uma linha com-
nha completa de produtos para banhei-
ro, como misturadores, monocomandos,
torneiras, torneiras automáticas, acaba-
mentos para registros universal, diversos
modelos de chuveiros, além de acessórios
como porta toalhas, cabides, papeleiras,
saboneteiras, entre outros.
Para locais onde existe grande cir-
culação de pessoas (como hospitais, clí-
nicas, escolas e aeroportos), a empresa
comercializa as linhas de economiza-
dores de água, como os sensores ele-
trônicos antivandalismo. A Tigre Metais
Foto: Divulgação/Tigre

também oferece produtos para cozinha


e área de serviço, como misturadores,
monocomandos e diversos modelos de
torneiras e complementos, como sifões,

28 REVISTA DA INSTALAÇÃO
O cliente não quer
Foto: Divulgação/Grupo Roca

necessariamente
um produto mais
barato. Ele quer
um material que
ofereça uma
relação custo-
benefício justa
e adequada - e
aqui se incluem o
design e a busca
por economia
pleta de metais para banheiro e cozi-
nha, das marcas Roca, Laufen, Ince-
crescimento. Estimamos que, de for-
ma paulatina e planejada, possamos
de água.
pa e Celite. São centenas de produtos nos consolidar como o terceiro maior
para atender os mais variados perfis fabricante do mercado brasileiro nos
de clientes e de ambientes. A empresa próximos anos”, sinaliza Sérgio Melfi. anos) e Incepa (marca brasileira com
oferece opções que vão do estilo clás- Todas as peças da Roca Brasil são quase 65 anos de mercado e grande
sico ao moderno, contemplando todos produzidas com 100% de metal cro- força na Região Sul), com todos os pro-
os padrões de decoração para banhei- mado e contam com a garantia total dutos fabricados no Brasil, na fábrica de
ros, lavabos e salas de banho. “Os de dez anos. Um dos diferenciais apon- Vitória de Santo Antão (PE). Nos seg-
metais ainda são um segmento novo tados pela empresa é a diversidade de mentos mais altos, estão a marca Roca;
dentro da companhia, mas em forte suas marcas dedicadas, já que cada uma no segmento de butiques, Laufen; e ain-
é voltada para um público específico e da Armani/Roca para o mercado de luxo.
possui uma estratégia mercadológica e
Foto: Divulgação

A Roca Brasil mantém uma equi-


de comunicação. Em metais, possui duas pe de desenvolvimento no Brasil para
marcas, que vão do segmento econômi- garantir que todas as soluções e pro-
co ao médio luxo, que são Celite (tra- dutos se adaptem às necessidades de
dicional marca brasileira com quase 80 cada localidade ou região. Além disso,
há o Roca Design Center, em Barcelo-
na (Espanha), centro mundial de dese-
nho e inovação de produtos.
Num momento de crise econômica O seu principal canal de distribui-
o produto popular é importante, ção são as lojas de material de cons-
mas nossa sugestão é que trução espalhadas por todo o Brasil.
o usuário também invista em Parte das vendas também é realizada
produtos com uma relação custo-
para as empresas de construção civil
benefício vantajosa, ainda que não
sejam os mais baratos. e a companhia exporta para diversos
SÉRGIO MELFI países do mundo, em especial para
ROCA BRASIL América Latina.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 29
ESPAÇO SINDINSTALAÇÃO

Presidentes do Sindinstalação e
da Abrinstal conhecem o Centro
de Inovação Mexichem
Empresa, que é detentora ram pessoalmente o primeiro Centro de tado ao estímulo de soluções inovado-
da marca Amanco, utiliza Inovação da Mexichem (CIM) na Amé- ras a partir do modelo Design Thinking
rica Latina. para a criação de projetos de alta qua-
o local para desenvolver Localizado dentro da unidade fabril lidade; “Showroom”, espaço sensorial
produtos e iniciativas que de Sumaré (SP), a novidade está em li- no qual o visitante usa o tato, a visão
nha com o posicionamento da empre- e a audição para conhecer os produtos
servirão de base para o sa, especialmente por meio da marca e também para entender como funcio-
futuro. Amanco, de inovar para facilitar o dia a na, por exemplo, o sistema de captação
dia das pessoas. da água da chuva e a solução que re-

N
O CIM dispõe de 250m² de área to- duz ruídos nas instalações hidráulicas;
o mês de julho, José Silvio Val- tal projetada especialmente para que e “Auditório”, com estrutura moderna
dissera, presidente do Sindins- os visitantes pensem em soluções ino- que oferece diversas possibilidades de
talação (Sindicato da Indústria vadoras. Ao todo, quatro ambientes in- configurações tanto para reuniões quan-
de Instalações, Elétricas, Gás, teragem entre si: “Espaço Maker”, no to para treinamentos. Possui capacidade
Hidráulicas e Sanitárias do Estado de qual clientes, profissionais de hidráuli- de 45 pessoas.
São Paulo), José Jorge Chaguri Junior, ca, estudantes e colaboradores podem O CIM tem demonstrações de todos
presidente da Abrinstal (Associação testar e fazer instalações utilizando to- os produtos das marcas comerciais da
Brasileira pela Conformidade e Eficiên- dos os produtos que integram os por- Mexichem Brasil, com destaque para
cia de Instalações), e o empresário Car- tfólios das cinco marcas comerciais da seus diferenciais perante os concorren-
los Zamot Filho, da empresa Hidrelplan Mexichem – Amanco, Bidim, Dura-Line, tes. Para o futuro, ações que utilizem
Engenharia e Comércio Ltda., conferi- Netafim e Plastubos; “Inovalab”, vol- realidade virtual, impressões 3D, entre
Foto: Divulgação/ Yuri Lombardi Films-Photo-Sumaré-SP

30 REVISTA DA INSTALAÇÃO
www.sindinstalacao.com.br
Atualize seu cadastro

Foto: Divulgação/ Yuri Lombardi Films-Photo-Sumaré-SP


para o correto recebimento
dos comunicados
Contatos:
(11) 3266-5600
comunicacao@
sindinstalacao.com.br

outras, também estarão à disposição “É fundamental investir em inova-


dos visitantes. ção e a Mexichem está de parabéns ao
“Entramos em uma nova era de ino- acreditar no potencial do Brasil, inclu-
vação onde a operação brasileira será re- sive em tempos de baixo crescimento
DIRETORIA
ferência não somente para o desenvolvi- econômico”, afirma Valdissera.
JOSÉ SILVIO VALDISSERA
mento de novos produtos, mas também “Conhecemos o novo Centro de ino- Presidente e Delegado Representante
no que se refere à otimização dos custos vação e sua estrutura avançada em bus- Fiesp Efetivo
operacionais. Nosso objetivo é alcançar ca de soluções inovadoras. Acreditamos
um crescimento das operações no País, que é importante estar renovando a par- MARCOS ANTONIO PASCHOTTO
inclusive com a valorização de pessoas”, ceria entre a Abrinstal, Sindinstalação e Diretor VP de Instalações Prediais
Elétricas
explica Adriano Andrade, diretor Comer- Mexichem Brasil para discutir as inova-
cial da Mexichem Brasil. ções no mercado” comenta Chaguri. LUIZ CARLOS VELOSO
Diretor VP de Instalações Prediais
Hidráulicas e Gás - Delegado
Representante Fiesp Suplente

LUIZ ANTONIO ALVAREZ


Diretor VP de Sistemas de
Aquecimento – Delegado
Representante Fiesp Suplente

MARCO ALBERTO DA SILVA


Diretor VP de Instalações Industriais
Foto: Divulgação

VICTOR JOSÉ RONCHETTI


Diretor VP de Instalações Prediais de
Sistemas Complementares
Foto: Divulgação/ Yuri Lombardi Films-Photo-Sumaré-SP

Diretores VP – Conselho Fiscal


NELSON GABRIEL CAMARGO
IVAN MACHADO TERNI
RAMON NICOLAS OLMOS
ODIL PORTO JUNIOR
FERNANDO BELOTTO FERREIRA
SURAHIA MARIA JACOB CHAGURI

Av. Paulista, 1313 - 9º andar - cj 905 -


Cerqueira Cesar - São Paulo
01311-923 - (11) 3266-5600
www.sindinstalacao.com.br

REVISTA DA INSTALAÇÃO 31
ESPAÇO SINDINSTALAÇÃO

| Abrinstal

ISO 50.001 foi atualizada


e já está disponível no site
da ABNT, em português

J
á está disponível no site da busca promover a melhoria contínua tem acompanhado os movimentos do
Associação Brasileira de Nor- do desempenho energético das or- TC301, que definiu este ano novo pla-
mas Técnicas (ABNT), a nova ganizações. no de prioridades e estrutura operacio-
versão da ISO 50.001, que Segundo o dado recente publicado nal. No Brasil, o CB116 também definiu
trata da gestão e economia de ener- pelo ISO survey, há 22.870 certificações seu planejamento e as prioridades e
gia. É a primeira revisão da norma, da ISO 50.001 em todo o mundo, sendo estrutura de Comissões de Estudo, que
que foi lançada em 2011. A versão que 19.024 encontram-se na Europa, permitem tanto acompanhar os movi-
em português foi divulgada simulta- com destaque para a Alemanha, que mentos internacionais, quanto passar
neamente com a versão oficial, que sozinha tem 8.314 das certificações. a desenvolver temas de interesse na-
é feita na língua inglesa. Entre os di- O segredo da Alemanha, segundo es- cional. Os trabalhos das comissões de
versos avanços, a nova ISO 50.001 pecialistas em eficiência energética, é estudo incluem a tradução, averiguação
traz definições e termos atualizados adoção de uma estratégia de longo e adequação do conteúdo das normas
e é mais clara sobre conceitos de de- prazo, com incentivos públicos e des- da ISO para a situação do Brasil. Par-
sempenho energético. Além disso, a contos fiscais. Lá, o governo incentiva ticipam dessas comissões, diversos es-
versão revisada deu mais ênfase ao as empresas a adotarem a ISO 50.001. pecialistas nacionais.
papel da alta gerência, que deverá se A América do Sul tem 132 certificados e Apesar da importância global do
envolver mais no processo para pro- a América do Norte, 127. A ISO 50.001 tema, no Brasil, é pequeno o número
mover uma efetiva mudança de cul- foi criada para ajudar as organizações de empresas que têm o certificado ISO
tura na organização. a melhorarem o seu desempenho ener- 50.001. No país, 49 empresas têm o
As primeiras discussões formais gético e a reduzir os custos. certificado. Falta a cultura de gestão e
no mundo sobre normatização sobre Desde 2008, o Brasil acompanha economia de energia. Entre as empre-
o tema de gestão energética come- os trabalhos relativos ao tema. Em sas certificadas estão a Fiat Automóveis,
çaram em 2005. Em 2008 foi cria- 2015 a ABNT criou o Comitê Brasilei- que foi a primeira fábrica automotiva do
do o fórum para elaboração da ISO ro de Gestão e Economia de Energia, país a obter a ISO 50.001, em 2013.
50.001, que estabeleceu diretrizes e o CB116, que é gerido pela Associação Entre as empresas são certificadas a
requisitos para a implementação de Brasileira pela Conformidade e Eficiên- WEG, a Coca-Cola, a Baxter e a Lóreal,
um sistema de gestão de energia, que cia de Instalações (Abrinstal). O CB116 entre outras.

Inscrições para o Workshop


de Instalações Elétricas

E
stão abertas as inscrições para trias do Estado de São Paulo, das 9h às www.abrinstal.org.br).
o 5º Workshop de Instalações 12h30. As inscrições são gratuitas e são O evento se destina aos representan-
Elétricas - BIP, que será realiza- feitas on-line no site da Abrinstal (veja tes de empresas instaladoras, projetistas,
do no próximo dia 31 de ou- programação completa e faça sua ins- construtoras, fabricantes de produtos e
tubro, na Fiesp - Federação das Indús- crição no website da Abrinstal: http:// equipamentos, entre outros.

32 REVISTA DA INSTALAÇÃO
| Abrasip

Busca insana pelo mais barato

N
inguém joga dinheiro fora intencionalmente, mas a Mediante esse e tantos outros exemplos que surgem todos
busca insana pelo mais barato conduz a situações os dias, será que compradores e diretoria ainda não aprenderam
que podem gerar despesas futuras desnecessárias e que não existe o almoço de graça?
passivos não percebidos, devido a atitudes impensa- Este artigo foca a contratação de prestação de serviços de na-
das e irresponsáveis. tureza intelectual e a costumeira alteração de especificação técnica
Em geral, quem compra o mais barato, acaba, na verdade, em prol da enganosa redução de custos, maximização do lucro,
gastando mais do que o previsto ou mais do que economizou, otimização, reengenharia e tantos outros rótulos que represen-
em boa parte das contratações de prestação de serviços e com- tam sempre a mesma atitude: a busca insana pelo mais barato.
pras de produtos, já que, poderão surgir retrabalhos, modifica-
Serviços de natureza intelectual
ções, maior investimento na implantação de um projeto ou maior
O êxito dos serviços de natureza intelectual – contratação
despesa futura em manutenção e vida útil.
de projeto, consultoria, assessoria técnica, perícia, inspeção e
Nas relações entre contratantes e contratados, observa-se o
serviços análogos - reside na competência do fornecedor.
enorme despreparo do setor de compras para exercer sua princi-
Já é mais do que sabido que não se deve comprar serviço
pal função. Após definidos a prestação de serviços ou a compra
de natureza intelectual da mesma forma que se compra sa-
de produtos técnicos, o candidato a fornecedor tende invariavel-
cos de lixo. Ou será que o comprador quando vai escolher um
mente a negociar com o setor de compras, cujo parâmetro mais
médico ou laboratório para um tratamento de saúde, também
importante - e por vezes o único - é o preço. Surge aí a figura
abre uma planilha com dez colunas e opta pelo menor preço?
do “lesa-empresa”, ou seja, aquele que, mesmo sem perceber,
Em serviços de natureza intelectual, por melhor que se defi-
irá prejudicar a empresa ao adquirir produtos ou serviços agin-
na um escopo, a forma de realizar o serviço é extremamente im-
do desta forma. Muitas vezes sem ser retroalimentado quanto
ponderável e diferente de um profissional para outro. Portanto, é
aos prejuízos causados. E o pior é que o “lesa-empresa” ainda
bizarro tentar equalizar propostas para serviços desta natureza.
é premiado por isso, haja vista que algumas empresas inserem
na remuneração do comprador um bônus proporcional à redu- Especificações técnicas
ção de preço obtida na compra. Por vezes, com o objetivo de comprar mais barato e “esma-
É imprescindível que a área técnica participe do processo de gar” o instalador, um projeto de instalações elétricas e hidráu-
contratação ou compra até o seu final, fazendo valer sua opinião, licas elaborado de forma competente, com memorial descritivo
requisitos e especificações, a despeito das pressões de outros se- e adequada especificação de materiais é modificado para que a
tores da empresa, que geralmente não terão de conviver com os execução se torne mais barata. Ora, as decisões do projetista não
efeitos desastrosos de uma contratação malfeita. devem ser alteradas por pessoas que desconhecem as premissas,
Por exemplo, aqueles que ainda compram disjuntor somente as decisões e os parâmetros que foram previamente definidos. Por
pelo valor da corrente nominal e quantidade de polos (50 A – conta de alterações irresponsáveis, que descaracterizam o pro-
3P), ou cabo somente pela seção nominal (10 mm2), ou quadro jeto, pode-se colocar em risco a segurança do empreendimento
de distribuição somente pela quantidade de polos (24 polos), e ainda gerar passivo despercebido. Alterações podem ser pro-
ou eletroduto somente pelo diâmetro de rosca (Ø1”), precisam postas, mas devem ter o aval do projetista para serem realizadas.
rever urgentemente seus procedimentos. Afora esses dissabores, cabe ainda invocar o Art. 18 da
Certa vez um lesa-empresa pressionou tanto um fornecedor Lei Federal nº 5194/1966, que regulamenta as profissões de
para reduzir o preço que este retirou o filtro de harmônicas do engenheiro e engenheiro-agrônomo: “As alterações do pro-
inversor de frequência da máquina para chegar no preço deseja- jeto ou plano original só poderão ser feitas pelo profissional
do (já que o comprador nem tinha ideia do que isso se tratava e que o tenha elaborado. Parágrafo único - Estando impedido
também não o havia especificado). Após a energização e testes ou recusando-se o autor do projeto ou plano original a pres-
da máquina, percebeu-se o elevado valor da corrente (acima do tar sua colaboração profissional, comprovada a solicitação, as
previsto no projeto). Questionado, o fornecedor da máquina apre- alterações ou modificações deles poderão ser feitas por outro
sentou a brilhante solução: bastava adquirir filtros de harmônicas, profissional habilitado, a quem caberá a responsabilidade pelo
... cujo preço de compra, a essa altura da história, era outro ... projeto ou plano modificado”.

PAULO BARRETO - Engenheiro Eletricista VP da Abrasip

REVISTA DA INSTALAÇÃO 33
ESPAÇO SINDINSTALAÇÃO

| Seconci

França defende as OSSs Conjunto Hospitalar


Em reunião do Ibross (Instituto Brasileiro das OSSs),
realizada na sede do Seconci-SP, em 10 de setembro, o
de Sorocaba
O governador Márcio França, em evento realizado
governador Márcio França defendeu o modelo das Orga- em 3 de setembro em Sorocaba (SP), formalizou a es-
nizações Sociais de Saúde (OSSs) e preconizou que elas colha do Seconci-SP para gerenciar o Conjunto Hospi-
divulguem a qualidade de seus serviços, prestados com talar de Sorocaba (CHS) e elogiou a entidade: “Trata-se
transparência e honestidade. de uma Organização Social de Saúde muito experiente,
Participaram da mesa do evento o secretário estadu- que já administra vários hospitais públicos no Estado”.
al da Saúde, Marco Antonio Zago; o secretário-adjunto da O Seconci-SP assumirá a administração do conjunto em
Saúde, Antônio Rugolo Jr.; os presidentes do Seconci-SP, 1º de novembro.
Haruo Ishikawa, e do Ibross, Renilson Rehem, e o verea- Participaram do evento o prefeito de Sorocaba, José
dor Gilberto Natalini. Crespo; o secretário-adjunto da Saúde, Antônio Rugolo
Ishikawa historiou a trajetória do Seconci-SP e declarou Jr.; o coordenador de Gestão de Contratos de Serviços
que estas entidades “têm a obrigação de fazer a gestão de Saúde, Danilo Otto; e, pelo Seconci-SP, o presidente
transparente das unidades de saúde do Estado”. Haruo Ishikawa, a vice-presidente Maristela Honda, o
superintendente geral Fernando Costa e o futuro su-
perintendente do CHS, Paulo Quintaes.
Haruo Ishikawa declarou que a entidade pretende im-
primir na gestão do conjunto hospitalar o mesmo nível de
excelência e humaniza-
ção no atendimento aos
pacientes, que exerce na
administração dos outros
cinco hospitais estaduais
Foto: Divulgação

sob sua responsabilida-


de. “É com esse espírito
que abraçaremos a ges-
tão do CHS”, afirmou.
Foto: Divulgação

Manuseio e armazenagem
de inflamáveis e combustíveis
O Seconci-SP (Serviço Social da Construção) come- mento é preciso somar o total de produtos armazenados”,
çou a disponibilizar consultoria especializada para as explica Paulo Henrique Panadés, engenheiro de Segurança
empresas se adequarem às exigências da NR-20. Esta do Trabalho do Seconci-SP.
Norma define os requisitos mínimos para a gestão de José Bassili, gerente de Segurança Ocupacional da en-
Segurança e Saúde no Trabalho (SST) em extração, tidade, informa que o Seconci-SP presta consultoria para
produção, armazenamento, transferência, manuseio as empresas, orientando sobre o correto enquadramento,
e manipulação de substâncias inflamáveis e líquidos além de oferecer cursos de capacitação. “Cada empresa
combustíveis. tem uma característica e necessidade específica. Por isso,
“Muitas empresas acreditam que não precisam seguir personalizamos os cursos para que atendam a exata ne-
a NR-20 se não alocarem as substâncias inflamáveis em cessidade de cada empresa. Isso nos permite ser mais as-
um mesmo local. Isso é um erro, porque para o enquadra- sertivos na capacitação do trabalhador”, afirma Bassili.

Informações: relacoesempresariais@seconci-sp.org.br ou (11) 3664-5844.

34 REVISTA DA INSTALAÇÃO
DESTAQUE
| Smart Cities

ck
utterSto
Foto: Sh

36 REVISTA DA INSTALAÇÃO
Cidades inteligentes
A
4ª Edição do Connected Smart
Connected Smart Cities registra recorde de
Cities, que aconteceu na capi-
tal paulista nos dias 04 e 05 participantes e geração de negócios. Evento reuniu
de Setembro, superou os nú-
mais de 2 mil pessoas, 300 palestrantes e 90 painéis,
meros das edições anteriores e apresen-
tou recorde de participantes. Durante o que se apresentaram em nove palcos simultâneos,
evento, que contou com mais de 600 além de contar com a realização de mais de 600
Rodadas de Negócios, foi divulgado o
resultado do Ranking Connected Smart Rodadas de Negócios.
Cities, que apontou Curitiba (PR) como
a cidade mais inteligente, conectada e
humana do País. O evento contou ain-
da com 300 palestrantes e 90 painéis,
que se apresentaram em nove palcos
simultâneos.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 37
DESTAQUE
| Smart Cities

visando que as cidades brasileiras pos-


sam tornar-se mais inteligentes e conec-
tadas. E a nossa visão é a de promover
o desenvolvimento das cidades (proces-
so que teve início em 2015) de forma
que nos seguintes 10 anos as cidades
brasileiras possam subir um degrau ou
mais na escala de desenvolvimento, se
aproximando dos índices dos modelos
das cidades inteligentes do mundo”,
destaca o texto do manifesto.
No item Identidade, o texto do mani-
festo diz: “Segundo o dicionário, cidades
são aglomerações humanas circunscritas
em um território geográfico. As cidades
não são os negócios ou as transformações
que discutimos, as cidades são o conjunto

Foto: Divulgação
destas engrenagens. Ao entender como
as pessoas usam estas engrenagens que
é possível pensar como construir lugares
De acordo com Paula Faria, idea- “Nossa missão é a de promover a melhores para viver. O nosso sonho de ci-
lizadora do Connected Smart Cities, o discussão, a troca de informações e a dade ideal é de uma cidade plural, coletiva,
evento superou as expectativas e foi difusão de ideias entre governo, enti- uma cidade para todos. Queremos partici-
marcado por muitas novidades. “O fó- dades e empresas focando atender as par ativamente da construção colaborativa
rum contou com a participação de mais necessidades do cidadão consciente, da cidade do nosso sonho”.
de 2 mil pessoas nos dois dias. O pú-

Manifesto
blico participante se destacou por ser
extremamente relacionado ao tema,
sendo composto principalmente pelos O Connected Smart Cities pauta-se para a construção de cidades mais in-
gestores públicos, ou seja, participantes teligentes, humanas e sustentáveis com os seguintes princípios:
qualificados, sendo esse um dos gran-
✖ Integração
des diferenciais da nossa Plataforma.
Acreditamos que a integração dos atores para a troca de conhecimento e
E todo esse sucesso e engajamento só
experiência gera impactos positivos no desenvolvimento de cidades inteligentes.
foi possível graças ao envolvimento e
apoio de todas as empresas e entida- ✖ Inovação
des parceiras”, disse. Acreditamos que a inovação é fundamental para a construção de cidades
Um dos destaques do evento foi o inteligentes, e buscamos inovar e estimular a inovação continuamente para
lançamento do Manifesto Connected o nosso projeto.
Smart Cities, que tem o objetivo de des-
✖ Colaboração
tacar o propósito da iniciativa e estimu-
Acreditamos que quem divide conhecimento, multiplica! Investimos ener-
lar a construção de cidades mais inteli-
gia para estimular o trabalho colaborativo entre os atores participantes de
gentes, humanas e sustentáveis.
nosso projeto.
Segundo os idealizadores do ma-
nifesto, “as atividades da plataforma ✖ Transparência
Connected Smart Cities proporcionam Acreditamos na transparência pública e buscamos soluções e identificamos
espaços para integração e estimulam caminhos para promovê-la.
a inovação no setor público, por isso ✖ Foco nas pessoas
os envolvidos trabalham continua- Acreditamos que o cidadão tem papel fundamental na construção e rede-
mente para a promoção desta inte- senho das políticas para as cidades, com base em seus desejos e necessidades.
gração.

38 REVISTA DA INSTALAÇÃO
Connected Smart Cities Mapping
Outro destaque do evento foi
o lançamento oficial do Connected
Smart Cities Mapping, ferramenta on-
line de dados abertos que disponibili-
za soluções por meio de um software
livre para a coleta de informações, vi-
sualização e mapeamento interativo
de recursos.
O mapa georreferenciado cola-
borativo de dados abertos pretende
estimular que organizações possam
compartilhar gratuitamente soluções
em operação, além das alternativas
em fase pré-operacional e, assim, ge-
rar um banco de dados único, onde
será possível qualquer cidadão, em-
presa ou governo acessar livremente
as informações, independente da re-
gião do País. dentro da plataforma e servem como Paula Faria, Idealizadora do Con-
O objetivo do Connected Smart base para o Ranking Connected Smart nected Smart Cities, explica que o
Cities Mapping é mapear soluções Cities, que destaca os indicadores de Map­p ing disponibilizará soluções
dentro dos seguintes eixos temáti- desenvolvimento das cidades brasi- inovadoras por meio de um software
cos: Economia, Educação, Empreende- leiras, e o Prêmio Connected Smart livre e “open source” para a coleta
dorismo, Energia, Governança, Meio Cities, com foco em reconhecer e pre- de informações. “Assim como já vem
Ambiente, Mobilidade, Saúde, Segu- miar negócios inovadores que colabo- acontecendo em outros países e com
rança, Tecnologia e Inovação e Urba- rem para o desenvolvimento de uma outros segmentos, essa iniciativa vai
nismo. Tais temas são desenvolvidos cidade inteligente. contribuir com a disseminação de so-
luções inovadoras e qualificadas, sen-
Fotos: Divulgação

do uma ferramenta de grande valia


para quem oferece e, principalmente,
para o interessado em adquirir tal so-
lução. Dessa forma, teremos um banco
de dados único que passa a oferecer,
não apenas inspiração, mas as diver-
sas possibilidades de implementação
de projetos para o desenvolvimento de
cidades inteligentes”, comenta.
Segundo a executiva, com o objeti-
vo de destacar uma solução cadastra-
da na ferramenta, o Connected Smart
Cities Mapping possui recursos para
indicação de prêmios, certificações,

PÚBLICO
Evento atraiu profissionais da área
pública e do setor privado.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 39
DESTAQUE
| Smart Cities

Fotos: Divulgação
reconhecimentos e validações do par-
ceiro que utiliza a iniciativa.  “As so-
luções cadastradas no mapa também
servirão de parâmetro para destacar-
mos essas iniciativas junto às ações e
premiações da plataforma Connected
Smart Cities. Ressalto que o lançamen-
to da ferramenta está inserido no pro-
pósito do nosso Manifesto, que des-
taca, na construção de cidades mais
inteligentes, humanas e sustentáveis,
os princípios de Integração; Inovação;
Colaboração; Transparência; e Foco
nas pessoas”, completa Paula Faria.

Ranking Connected Smart Cities 2018


Apesar da relevância do Manifesto e O Ranking, que conta com a par- Janeiro (RJ), seguida por Belo Horizon-
do Mapping, o ponto alto do Connected ticipação de cerca de 700 cidades, te (MG), Porto Alegre (RS), Santos (SP)
Smart Cities ocorreu durante a sua ceri- analisadas a partir de 70 indicadores, e Niterói (RJ).
mônia de abertura, quando foi divulgado apontou Curitiba (PR) como a cidade A capital paranaense conquis-
o resultado do Ranking Connected Smart mais inteligente e conectada do País, tou, ainda, o 1º lugar nas catego-
Cities 2018, principal estudo sobre cida- seguida por São Paulo (SP), Vitória rias: por Faixa Populacional com
des inteligentes do Brasil, realizado pela (ES), Campinas (SP) e Florianópolis mais de 500 mil habitantes, Região
Urban Systems, em parceria com a Sator. (SC). Na sexta colocação está o Rio de Sul e Governança. Curitiba se clas-

40 REVISTA DA INSTALAÇÃO
sificou em 2° lugar em Empreende-
dorismo e Urbanismo e em 3º na
categoria Tecnologia e Inovação.
Em sua 4ª Edição, o Ranking Con-
nected Smart Cities tem como objetivo
definir as cidades com maior potencial
de desenvolvimento no Brasil, sendo
dividido em quatro resultados: Geral,
por Eixo Temático, Região e por Faixa
Populacional. O Ranking é composto
por indicadores de 11 principais seto-
res: mobilidade, urbanismo, meio am-
biente, energia, tecnologia e inovação,
economia, educação, saúde, segurança,
empreendedorismo e governança, mes-
mos eixos temáticos do evento Connec-
ted Smart Cities.
O Prefeito de Curitiba, Rafael Gre-
Fotos: Divulgação

ca, enfatizou que as ações desenvolvi-


das pelo Connected Smart Cities têm
contribuído para a cidade se tornar
mais inteligente. “Desde o início da
minha gestão, em 2017, a capital pa-
ranaense vem recuperando sua capa-
cidade de inovar e ser novamente refe-
rência nacional também na gestão pú-
blica. O município tem o compromisso
de melhorar a qualidade de vida dos
curitibanos com uma gestão moderna
e inteligente. Dessa forma, a prefeitura

Ranking Connected
Smart Cities 2018
Posição
Município (UF) Pontos
2018 2017
1º 2º Curitiba (PR) 31,782 vem incentivando e fomentando esse
2º 1º São Paulo (SP) 31,459 ambiente de inovação da cidade com
3º 5º Vitória (ES) 31,219 o Vale do Pinhão, o movimento de to-
4º 8º Campinas (SP) 30,920 das as áreas da prefeitura e do próprio
ecossistema da capital para tornar a ci-
5º 6º Florianópolis (SC) 30,881
dade a mais inteligente do País. O Vale
6º 3º Rio de Janeiro (RJ) 30,505 do Pinhão é focado em cinco pilares:
7º 4º Belo Horizonte (MG) 30,069 educação e empreendedorismo, ações
8º 11º Porto Alegre (RS) 29,991 integradas de incentivo à tecnologia,
revitalização de regiões com emprego
9º 12º Santos (SP) 29,954
e renda, fomento (incentivos) e inte-
10º 18º Niterói (RJ) 29,884 gração e articulação”, disse.

REVISTA DA INSTALAÇÃO 41
LINK DIRETO
| Revista da Instalação facilita o contato rápido e direto, sem intermediários, entre leitores e anunciantes desta edição.

EMPRESA ANUNCIANTE PÁG. TELEFONE SITE E-MAIL


ALVENIUS 17 (11) 4613-6266 www.alvenius.ind.br alvenius@alvenius.ind.br

ARMACELL 9 (11) 3521-8000 www.armacell.com larissa.neris@armacell.com

FIEE 43 (11) 3060-4717 www.fiee.com.br atendimento@reedalcantara.com.br

HIPER ENERGY 21 (48) 2102-7703 www.hiperenergy.com.br info@hiperenergy.com.br

IFC COBRECOM 44 (11) 2118-3200 www.cobrecom.com.br cobrecom@cobrecom.com.br

LEGIÃO DA BOA VONTADE - LBV 35 0800-0555099 www.lbv.org lbv@lbv.org.br

PRÊMIO POTÊNCIA 2 e 3 (11) 4225-5400 www.revistapotencia.com.br contato@hmnews.com.br

ROCA BRASIL 27 (11) 3378-4859 br.roca.com/incepa.com.br/celite.com.br mariana.portella@br.roca.com

UNIKAP SOLUÇÕES PARA


13 (11) 2886-5151 www.unikap.com.br unikap@unikap.com.br
CONDUÇÃO DE FLUÍDOS

AGENDA
| Novembro

CURSOS/EVENTOS
Fórum Potência - Ribeirão Preto
Data/Local: 06/11 - Ribeirão Preto (SP)
Informações: (11) 4225-5400 e www.forumpoten-
cia.com.br

 º Seminário Nacional sobre Estações Sus-


1
tentáveis de Tratamento de Esgoto
Data/Local: 7 a 9/11 - Curitiba (PR)
Informações: https://www.seminarioetessustenta-
veis.com

XVIII Seminário Nacional de Bombeiros


Data/Local: 21 a 23/11 - Foz do Iguaçu (PR)
Informações: www.senabom2018.com.br
Foto: ShuterStock

Rio Water Week - Semana da Água do Rio


Data/Local: 26 a 28/11 - Rio de Janeiro (RJ)
Informações: http://riowaterweek.com.br/
Informações: https://www.sympla.com.br/xviii--en-
XVIII Encontro Nacional de Projetistas contro-nacional-de-projetistas-e-consultores-da-
Data/Local: 28 a 30/11 - Salvador (BA) -abrava_254770

42 REVISTA DA INSTALAÇÃO