Você está na página 1de 25

A presentação para A N S - Unimed Franca - 27 julho 2017

Projeto Idoso Dr. Christiano S. R. Cu nha


Unim ed Franca
Bem Cuidado
Apresentação

Estrutura da
Unimed Franca

Implementação
do Programa
Idoso Bem
Cuidado
Desenho do
atendimento
geriátrico

Implementação
do Núcleo e
programas de Planos Futuros
atendimento

Análise dos
atendimentos

Contato
Estrutura Unimed Franca
H ospital São Joaqu im :
107 leitos
acred itad o ON A 3
11 m il atend im entos UE/ m ês
Internações Clínicas: hospitalista

Unilar:
Aplicação m ed icação d om iciliar
Oxigenioterapia
Atend im ento enferm agem , nu trição, m éd ico
Papel fu nd am ental na d esospitalização
Estrutura Unimed Franca
Espaço Viver Bem
Fisioterapia
H id roginástica
Oficina Mem ória
Reabilitação Card iopu lm onar
Med icina Preventiva
Estrutura Unimed Franca
Centro Mu ltid isciplinar:
Cu rativos
Am b Dor Crônica
Am b Colu na
Eletroencefalogram a
Psicologia, N u trição
APS
Projeto Id oso Bem Cu id ad o
Unimed Franca
75 m il u su ários
11.906 clientes > 60 anos: junho 2016 (total: 75.677)
11.428 clientes > 60 anos: junho 2017 (total: 75.114) 2.300 > 80 anos

Cu sto Asssistencial Elevad o: envelhecim ento


R$12m i custo assistencial mensal
R$ 4,2 m i (>60 anos) – R$367,00 per capita
R$ 1,22 m i (> 80 anos) – R$ 530,00 per capita
< 60 anos: R$ 122,47 per capita

Perfil d e Atend im ento: especialista / PS


Sem seguim ento horizontal
Custo evad o
Mud ança d e parad igm a local
Projeto Idoso Bem Cuidado
Paciente encam inhad o a consu lta d e triagem geriátrica:
UE, Unilar, Central d e agend am ento, espontaneam ente, bu sca ativa

Avaliação d e enferm agem e assistente social

Triagem : IVCF-20 e consu lta geriátrica


CCL
Sarcopenia
Id osos em Risco d e Fragilização Múltiplas Com orbid ad es
Polifarm ácia
Múltiplos m éd icos
Inclu são

Dem ência
Id osos Frágeis Depend ência AIVDs, ABVDs
Alto Risco d e Qued a

N ão inclusão
Fase Final d e Vid a Suporte geriátrico - paliativo
Avaliação Geriátrica Ampliada
Tod os id osos inclu íd os são su bm etid os a AGA realizad a pelo geriatra

Mod elo SBGG / IVCF-20 / Vel Marcha / TGUG / ABVD / AIVDs / MEEM / Relogio/ etc

AGA
Avaliação
Laboratorial
Im agem Cerebral sn

Plano d e Cu id ad os
Lista de Problemas
Metas de Cuidado (prioridades)
Medicações Prescritas
Visita Domiciliar
Inclusão em Grupo de Estimulo Cognitivo
Encaminhamento Fisioterapia
Encaminhamento Educ. Física – Idoso Frágil
Inclusão

AGA Gerontoline
(whatsapp – 8-
Plano d e Cu id ad os 18h seg – sexta)
Inclusão em
Apresentação Programas
da equipe e (Estímulo
Termo estrutura Cognitivo,
Consentimento Unimed Atividade Física)
Acolhimento Informado
enfermeira /
assistente social

Prem issas básicas:

Id oso cu id ad o por geriatra, foco centrad o na pessoa, com participação d a


fam ília e d a operad ora – Unim ed Franca

Centralização d os cu id ad os no Program a Id oso Bem Cu id ad o


Dr. CHRISTIANO S RODRIGUES DA CUNHA
MÉDICO GERIATRA

PROGRAMA IDOSO BEM CUIDADO


UNIMED FRANCA

Plano de Cuidados
Metas e Organização do Cuidado:
· Verificar carteira vacinal
PACIENTE: Olga Toledo de Almeida, 86 ANOS · Evitar idas ao PS, se necessário contatar número (16) 99321-1383 -
Gerontoline.
· Tomar Paracetamol 750mg ou Dipirona 1 g - 1 cp se lombalgia
Realizado Avaliação Geriátrica Ampla no dia 09 /03/2017 e identificado
idoso: · Solicitado exames para maio e retornar para novos testes de seguimento
de memória.
(x ) Independente
( ) Dependente · Inverter horário do medicamento Velija, passando para noite por
( ) ABVDs ( ) AIVDs básicas ( ) AIVDs complexas (finanças, transporte, medicações) sonolencia.
(x ) Robusto ( ) Vulnerável / Risco de Fragilização
( ) Frágil
( ) Baixa Complexidade ( ) Alta Complexidade ( ) Fase final de vida
( ) Déficit Cognitivo ( x ) Sem Déficit Cognitivo
( ) Risco Nutricional (x ) Sem Risco Nutricional ( ) Desnutrição Estabelecida
( ) Sarcopenia
( ) Alto Risco de Quedas ( x) Baixo Risco de Quedas

Lista de Problemas:
Dr. Christiano S. Rodrigues da Cunha
· Hipertensão controlada
Coordenador do Programa Idoso Bem Cuidado
· Ansiedade
· Lombalgia
· Histerectomia Prévia
· Sintomas Menopausa / ondas de calor
· Constipação Intestinal
· Atrofia Vaginal (Disuria - Urina / Urocult negativas)
· Distonia Cervical / Tremor Essencial
· Deficit Evocação no MEEM - Teste do Relógio normal - seguimento
cognitivo. (sec. ansiedade?)
Plano de Cuidados

Lista d e Med icações em m od elo facilitad o


Programas Atendimento
Grupo Estímulo Cognitivo / Apoio Cuidador
Gru po CDR 0,5-1,0 – Leve
Gru po CDR 2 - Mod Gru po Apoio Cu id ad or
Fam iliares e cu id ad ores
1 atend im ento sem ana
Atend im ento sim u ltâneo
m ax 5 pacientes
12 sem anas
Grupo Estímulo Cognitivo / Apoio Cuidador

• Jogos (Cara a Cara, labirinto) • O d iagnóstico e o im pacto em ocional


• Su perm ercad o (lista d e com pras, • As d ificu ld ad es em lid ar com o paciente
receita • Seu papel com o cu id ad or
• Pintu ra • Cu id and o d e você m esm o
• Tear • End end end o as em oções
• Montagem d e albu m fotográfico • Aju d and o pessoas com d em ência a viver bem
d a fam ília • Maximizand o a ind epend ência d o paciente
• Mú sicas antigas – “Alive Insid e – • Criação d o planejam ento d iário e ativid ad es
Vivos por Dentro” com o paciente.

• 100% de avaliações positivas


• 100% desejavam extensão do
Grupo para além de 12 semanas
• Percepção efetiva do cuidador da
melhora global do paciente
• “Mais fácil de cuidar dele”
Visita Domiciliar

Equ ipe Mu ltid isciplinar:


TO, Assistente Social
Enferm eira e Técnica Enferm agem

Avaliação “in loco”:


• ad erência a prescrição m éd ica: u so e
horários d e m ed icações, insu lina,
su plem entação nu tricional
• orientações sobre risco de queda
• avaliação d e abu so d o id oso (financeiro)
• Condições sociais e familiares
• Cuidado do idoso
• Med iação d e cu id ad os d o id oso em
fam ílias d esestru tu rad as ou em
situ ações especiais.
Programa Idoso Bem Cuidado
Análise dos Atendimentos
• Gru po Azu l AN S – Atenção Prim ária, H ospitalar, Cu id ad os d e
Transição e N avegad or
• Início efetivo apenas no final Janeiro/ 2017.
• Delay d e 6 m eses para início d e inclu sões.
• Equ ipe: 1 m éd ico geriatra, 1 enferm eira, 1 técnica d e enferm agem , 1
assistente social e 1 T.O.
• 135 pacientes inclu íd os e gerenciad os (30/ jan – ju l) – 6 m eses
• Óbitos: 4
• Desistências: 2
• Exclu íd os: 0
481 consu ltas com Méd ico Geriatra
47 visitas d om iciliares
Id ad es: 65 – 96 anos
Projeto Idoso Bem Cuidado – Unimed Franca

INDICADOR DE IDADE

50

40

30

20

10

0
60 - 69
70 - 74
75 - 79
80 - 84
85 - 89
90 - 94
> 95
70% Sexo Fem inino
Análise – Seguimento dos Pacientes

Idoso Bem Cuidado – Unimed Franca


450
400
350
N atendimentos

300
250
200
150
100
50
0
Incluídos PS Geriatra Internações
jun 21 11 92 4
mai 21 15 96 3
abr 15 10 56 3
mar 26 13 84 5
fev 35 9 76 1
jan 4 0 8 0
Idoso Bem Cuidado
Unimed > 60 anos
Prop Cons Generalista
Prop Cons Generalista
Prop Cons Especialista
Prop Cons Especialista

5%

29%

71%
95%

Unimed > 60
anos (média
mensal) IBC (jan-jun)
Generalista 370 414
Especialistas 7650 171
Total Consultas 8020 585
Prop Cons Generalista 4,61 70,8
Prop Cons Especialista 95,3 29,2
Casos Exemplo –
Intervenção Geriátrica Bem Sucedida

VSA, 65 anos, depressão, AVC 2007, Demencia inicial?, dor abdominal

2 meses antes inclusão: 10 PS + 5 especialidades

2 meses seguintes: 1 PS + 1 especialidade + 2 PIBC

MAL, 86 anos, CA m am a horm onioterapia, Depressão, Perd a pond eral


Jan-Maio: 16 consultas especialistas, 5 PS
Inclu são: 2 PIBC, 1 consu lta especialista, 0 PS
Peso: 68 (habitu al) > 47,4 (intervenção geriátrica) > 50,5kg
Pantu rrilha: 32 cm (intervenção) > 34 cm em 1 m ês
Grupo Estímulo Cognitivo/ Apoio Cuidador

Cu id ad ores/ Fam iliares:


Pacientes: “O Sr. XX ficou m ais atento,
com u nicativo e m ais tranqu ilo na
“Foi bom , o d ia qu e eu fiqu ei feliz” convivência com a fam ília.”

“Eu gostei m u ito e se pu d er pod e “N o d ia-a-d ia ele sem pre ficava


continu ar, porqu e m e aju d ou m u ito . O esperand o chegar o d ia d a terapia.”
m elhor d ia foi d o su perm ercad o"
“Os tem as abord ad os foram m u ito
apropriad os. Aju d ou -m e a
com preend ê-lo m ais.”

“Foi ótim o, pois vi qu e os ou tros


tinham as m esm as preocu pações qu e
as m inhas”

“Acho qu e hou ve sim m u d anças no


cotid iano, estou m ais calm a, com
paciência e sei a m aneira d e cond u zir
as situ ações."
Unimed Franca

Projeto Idoso Bem Cuidado


Planos Futuros

2 prem issas básicas:

• Mu d ança d e Rem u neração

• Gerenciam ento d e Cu id ad o
Planos Futuros

❖ Térm ino d e Im plantação d e BI para gerenciam ento


❖ Integração com nível hospitalar
❖ Cu id ad os d e transição (Mod elo BOOST – "Better Ou tcom es for
Old er Ad u lts throu gh Safe Transitions”)

❖ Protocolos d e Deliriu m / AGA hospitalar

❖ Relatório d e Alta (m otivo d e internação, achad os clínicos e


laboratoriais, im agem , intercorrências, m ed icações, transfu sões,
intercorrências – qu ed as/ ú lceras) / Alterações d e m ed icações d e uso
habitu al

❖ Definição d e Plano d e Cu id ad o pós-alta (visita d om iciliar, retorno


agend ad o no am bu latório)

❖ Integração com PS – id osos d e alta u tilização / treinam ento


em ergencialista
Planos Futuros

❖ Mod elo d e Rem u neração


❖ Expansão d o Projeto –
❖ contratação d e m ais geriatras
❖ gerenciam ento d e pacientes por
m éd icos sem especialização em
Geriatria
Contato

Dr. Christiano S. Rod rigu es d a Cu nha

chris.geri@gm ail.com

(16) 99316-0369

Você também pode gostar