Você está na página 1de 7

UNIVERSIDADE SANTA CECÍLIA

Curso Superior de Tecnologia

XXX

Nome do Aluno

PROJETO INTEGRADOR IIA

CONSULTORIA PARA IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA 5S E


DESENVOLVIMENTO DE CÓDIGO DE ÉTICA

EMPRESA XYZ

Cidade de Origem do Aluno


2018
INTRODUÇÃO

Na INTRODUÇÃO o aluno deverá dar início, “explicando ao leitor” o que


pretende desenvolver no corpo de seu projeto. É conveniente que nesta
INTRODUÇÃO, o aluno já deixe claro qual seria a micro/pequena empresa ou
organização, identificando-a e explicando o que o levou a ela, a pertinência pessoal,
profissional e/ou acadêmica da escolha.

Essa escolha deve-se dar, preferencialmente, sobre uma empresa ou


organização pequena, de bairro e de fácil acesso, pois suas características por certo
facilitarão o desenvolvimento da pesquisa e da consultoria a ser realizada. É aqui na
INTRODUÇÃO que ela será apresentada.
1 OBJETO DE ESTUDO

O aluno deverá descrever a micro/pequena empresa ou organização para


situar o objeto de estudo.

Essa descrição deve conter TODOS os dados possíveis a fim de identificar


perfeitamente a empresa ou organização. Caso se trate de uma grande empresa,
um setor ou departamento somente deverá ser estudado (neste caso, a grande
empresa também deverá ser apresentada, mas somente o setor ou departamento
será analisado).

Note bem: quanto mais informações, as mais diversas, melhor será a


compreensão do que a empresa realiza, facilitando a “consultoria” que pretende-se
oferecer a fim de identificar como se daria a implantação do programa “5S”. Por certo,
o aluno encontrará várias situações que exigem um olhar voltado para uma gestão
mais apurada, que resolva problemas ligados à qualidade detectados e o método 5S
é de fácil compreensão e aplicação, sendo considerada uma das primeiras
ferramentas para uma gestão voltada para a qualidade.

Entrevistas, análises, fotografias são muito bem-vindas para um correto


diagnóstico e análise da situação atual e que pretende-se corrigir com a eventual
implantação.
2 IMPLANTAÇÃO DOS 5S

2.1 ORGANIZAÇÃO ou DESCARTE (Seiri)

2.2 ORDEM ou ARRUMAÇÃO (Seiton)

2.3 LIMPEZA (Seiso)

2.4 PADRONIZAÇÃO ou SAÚDE (Seiketsu)

2.5 DISCIPLINA (Shitsuke)

Em cada um dos tópicos, o aluno deverá identificar o estado atual através


de relatório e preferencialmente com fotografias que comprovem o que foi observado
e o que deve ser realizado a fim de melhorar esses itens. Deve ser feito como se
fosse executada, realmente, uma consultoria.
3 DESENVOLVIMENTO – CÓDIGO DE ÉTICA

O aluno deverá desenvolver um código de ética baseado nas características


da empresa ou organização analisada.

Deve tratar-se de um documento simples, de fácil leitura e que, em tese,


seria seguido por todos os funcionários ou colaboradores.

Entende-se que um código de ética consistente não deve ter mais de duas
ou, no máximo, três páginas de forma que aborde os principais itens que deverão
ser observados. Sugere-se que este documento tenha uma breve introdução,
explicando do que se trata e em seguida sejam destacados os itens abordados sob
a forma de tópicos.
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS

Ao final do relatório, o aluno deverá tecer seus comentários acerca do que


vivenciou em seu projeto. O propósito é que o aluno compreenda o objeto de estudo
a tal ponto que já reúna condições de discernir sobre gestão da qualidade e ética
nas organizações e consiga explicar a experiência ao final do trabalho.

Perceba: não se trata de CONCLUSÃO! São as SUAS CONSIDERAÇÕES


FINAIS porque é o que o aluno “tem a dizer” sobre o que foi realizado. Não se conclui
nada!

As Considerações Finais devem ser sucintas e objetivas.

Observação Importante: este documento já está formatado de acordo


com a ABNT que define os parâmetros para trabalhos acadêmicos. O seu texto
deverá seguir essa formatação, pois será objeto de avaliação também.
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Exemplo de formatação e citação:

NEVES, Bruno Manoel; MARTINS, Conceição Garcia; BIAVA, Lurdete


Cardorin. Projeto Integrador: a competência do saber? Florianópolis: IFSC.
Disponível em: https://periodicos.ifsc.edu.br/index.php/publicacoes/article/.../58/22.
Acesso em 24/06/2015.
OSTERWALDER, Alex; PIGNEUR, Yves. Inovação em Modelos de
Negócios. Rio de Janeiro: Alta Books, 2011.
Obs.: Deve ser feita em ordem alfabética (dos autores), em espaçamento
simples entre linhas e alinhado à esquerda.