Você está na página 1de 6

Teste de avaliação · Unidade 4

Teste de avaliação · Unidade 4

GRUPO I

Texto A

Lê o texto e, em caso de necessidade, consulta o vocabulário e nota apresentados.

O que ver e fazer em Cabo Verde – Locais a visitar

O arquipélago de Cabo Verde está localizado em pleno oceano Atlântico, a cerca de 600
quilómetros a oeste do Senegal na costa africana.
Cabo Verde é o destino perfeito para fazer férias o ano inteiro. O clima ameno, as praias
desertas, o bom peixe, e a simpatia do povo cabo-verdiano são razões mais do que suficientes
5 para partir à descoberta deste belo país.
Das montanhas da ilha de Santo Antão à animação da ilha de São Vicente, passando pelos
resorts1 de cinco estrelas com tudo incluído da ilha do Sal, o arquipélago oferece inúmeras outras
razões para ser visitado.
Praia de Santa Maria – Ilha do Sal
10 A ilha do Sal destaca-se pela maior concentração de complexos turísticos do arquipélago,
em que não faltam extensas praias de areia branca.
A praia de Santa Maria é uma das mais conhecidas e ponto de visita obrigatório. A praia de
areia fina, com um mar calmo, dispõe de uma infraestrutura2 de apoio que inclui esplanadas e
condições para a prática de desportos aquáticos. Aproveite para mergulhar nas águas transparentes
15 e fazer longos passeios ao longo da praia, apreciando as vistas para o mar.
Praia de Chaves – Ilha da Boavista
A ilha da Boavista possui 55 km de praias e pequenas enseadas entre rochedos, onde é
possível avistar tartarugas e baleias. A praia de Chaves é uma das mais belas e um dos cartões de
visita deste destino. Com um areal extenso e uma brisa suave a soprar durante o dia, esta praia
20 convida a longos passeios à beira-mar.
Pico do Fogo
O Pico do Fogo, situado a quase 3 mil
metros de altitude, é o ponto mais elevado do
arquipélago de Cabo Verde. No topo da
25 cratera do vulcão aprecie a grandiosidade da
paisagem vulcânica, em especial das
formações de lava consolidada3. A subida
demora cerca de cinco horas e deve ser feita
com um guia. É aconselhável levar calçado
30 para o piso irregular e uma camisola para
utilizar nas altitudes mais elevadas.
in https://www.destinoseviagens.com/o-que-ver-fazer-cabo-verde-10-locais-visitar/ (excerto, consult. 2018-04-16)

1. resorts: empreendimentos turísticos; 2. infraestrutura: conjunto de instalações necessárias ao


funcionamento de uma atividade; 3. consolidada: sólida.

VIAG6 © Porto Editora


Newsletters Viagens 6

1. Seleciona, de 1.1. a 1.4., a opção que completa cada frase de acordo com o sentido
do texto.

1.1. O texto que acabaste de ler tem como objetivo principal apresentar
a. informação turística sobre o arquipélago de Cabo Verde.
b. informação histórica sobre o arquipélago de Cabo Verde.
c. informação gastronómica sobre o arquipélago de Cabo Verde.
d. informação geográfica sobre o arquipélago de Cabo Verde.

1.2. De acordo com a introdução, ao nível turístico, Cabo Verde destaca-se


a. pela variedade de locais que podemos conhecer.
b. pelos percursos pedestres que podemos realizar.
c. pela qualidade das suas praias e pelo clima ameno.
d. pela oferta de hotéis que se destacam pela sua qualidade.

1.3. Na frase “A praia de Chaves é uma das mais belas e um dos cartões de visita
deste destino.” (ll. 18-19), a expressão destacada é uma
a. comparação.
b. metáfora.
c. anáfora.
d. perífrase.

1.4. Para quem aprecia observar animais e fazer caminhadas, aconselha-se a visita
a. às ilhas do Sal e da Boavista, respetivamente.
b. à ilha do Sal.
c. ao Pico do Fogo e à ilha do Sal, respetivamente.
d. à ilha da Boavista e ao Pico do Fogo, respetivamente.

2. As frases seguintes correspondem a informações do texto.

2.1. Numera as frases, de 1 a 6, de acordo com a ordem pela qual essas informações
aparecem no texto. A primeira frase já se encontra numerada.
a. Qualidades gerais ao nível turístico de Cabo Verde.
b. Observação de animais marinhos.
c. Aconselhamento sobre a indumentária a usar.
1 d. Localização geográfica do arquipélago de Cabo Verde.
e. Cenário que pode ser observado a partir do ponto mais elevado do arquipélago.
f. Local aconselhável para a prática de atividades desportivas na água.

VIAG6 © Porto Editora


Teste de avaliação · Unidade 4

Texto B

Lê o texto do poeta cabo-verdiano Aguinaldo Fonseca e, em caso de necessidade,


consulta o vocabulário apresentado.

Mãe negra

A mãe negra embala o filho.

Canta a remota1 canção


Que seus avós já cantavam
Em noites sem madrugada.

5 Canta, canta para o céu


Tão estrelado e festivo2.

É para o céu que ela canta,


Que o céu
Às vezes também é negro.

10 No céu
Tão estrelado e festivo
Não há branco, não há preto,
Não há vermelho e amarelo.
– Todos são anjos e santos
15 Guardados por mãos divinas.

A mãe negra não tem casa


Nem carinhos de ninguém…

A mãe negra é triste, triste,


E tem um filho nos braços…

20 Mas olha o céu estrelado


E de repente sorri.
Parece-lhe que cada estrela
É uma mão acenando
Com simpatia e saudade…
Aguinaldo Fonseca, in Sophia de Mello Breyner Andresen (sel.), 2014.
Primeiro Livro de Poesia. Porto: Porto Editora (pp. 105-106)

1. remota: longínqua; 2. festivo: alegre.

VIAG6 © Porto Editora


Newsletters Viagens 6

3. O poema tem como protagonista a “mãe negra”.


3.1. Caracteriza-a em termos psicológicos, comprovando a tua resposta com dois
elementos do texto.

4. A mãe negra canta para o céu.


4.1. Na tua opinião, por que razão o fará?

5. Na última estrofe, verifica-se uma mudança no estado de espírito da mãe negra.


5.1. Explica a razão pela qual ocorre esta alteração.

6. Identifica o recurso expressivo presente nos versos 12-13, selecionando a opção correta.
a. Perífrase.
b. Metáfora.
c. Anáfora.
d. Onomatopeia.
6.1. Explica a intenção do uso deste recurso.

7. Seleciona a opção que completa corretamente as frases seguintes.


7.1. O poema tem
a. seis estrofes.
b. sete estrofes.
c. oito estrofes.
d. nove estrofes.
7.2. As estrofes têm
a. todas o mesmo número de versos.
b. dois ou cinco versos cada.
c. um, dois, três e cinco versos.
d. um número variável de versos.
7.3. Na segunda estrofe, há
a. versos brancos.
b. rima emparelhada.
c. rima interpolada.
d. rima cruzada.

8. Dois alunos escreveram a sua opinião sobre o poema.


Filipa: Este poema ajuda-nos a refletir sobre o problema da solidão.
Nuno: Neste poema, há uma mensagem importante de combate ao racismo.
8.1. Escolhe a opinião com a qual estás mais de acordo e justifica a tua resposta.

VIAG6 © Porto Editora


Teste de avaliação · Unidade 4

GRUPO II

1. Lê a frase seguinte.
Espero que a vida da mãe negra melhore.
1.1. Reescreve a frase, substituindo a expressão sublinhada por uma interjeição
que traduza a mesma ideia.

2. Transcreve do poema uma forma verbal que se encontre no gerúndio.

3. Associa os constituintes sublinhados na coluna A às funções sintáticas na coluna B.

A B
a. A Sara é cabo-verdiana. 1. Sujeito
b. Eles gostam de cachupa. 2. Predicativo do sujeito
c. Os turistas foram conduzidos pelo guia ao 3. Modificador
topo do vulcão. 4. Complemento oblíquo
d. Nós declamámos poesia ontem. 5. Complemento agente da passiva
e. Alguém ouviu a música da Elida Almeida?

4. Lê as frases seguintes e seleciona a que apresenta uma forma verbal no futuro do


conjuntivo.
a. Se fôssemos amigos, falaríamos mais vezes.
b. Para compreenderes a tristeza da Rita, precisas de falar com ela.
c. Se te sentires triste, telefona-me.
d. Embora esteja menos alegre, eu vou superar esta fase menos positiva.

VIAG6 © Porto Editora


Newsletters Viagens 6

GRUPO III

Lê o seguinte texto expositivo sobre a língua portuguesa no mundo e faz um


resumo do mesmo, com 80 a 100 palavras. Respeita as seguintes etapas:
• Sublinha as ideias principais do texto e circunda as palavras-chave;
• Começa a redigir o teu resumo, tendo em atenção as seguintes indicações:
– mantém o tempo e a pessoa gramatical do texto-fonte;
– constrói frases com as ideias principais que sublinhaste, usando palavras
próprias e expressões mais breves (podes manter as palavras-chave);
– respeita a ordem das ideias do texto;
– usa conectores que exprimam as mesmas ideias do texto-fonte.
Nota: Não incluas exemplos ou descrições.

O português é falado por 260 milhões de pessoas em todo o mundo e daqui a 30 anos
devem ser pelo menos 400 milhões. Só no Brasil são 200 milhões de falantes. São Paulo é a
cidade onde se usam mais palavras de português a cada minuto e onde se pode visitar o
único museu interativo da língua portuguesa.
5 Mas o português é oficial em muitos outros pontos do mundo.
A língua vem do latim, deriva da família das românicas e tem origem no galaico-
português que se falava na Galiza e no Norte do que é hoje Portugal.
Os Descobrimentos, que levaram os Portugueses até África, às Américas e à Ásia,
ajudaram a espalhar a língua que hoje tem raízes nos quatro cantos do planeta. Há palavras
10 portuguesas no léxico de línguas como o japonês, o bahasa, o malaio e o suaíli e no nosso
dicionário continuam a entrar palavras de outras línguas que dão vida ao português. […]
O português continua a crescer, em parte por causa da internet onde é uma das línguas
em maior expansão, muito por causa da literatura, porque Camões, Pessoa e Machado de
Assis escreveram em português. Também Jorge Amado, Veríssimo, Ruben Fonseca, Ondjaki,
15 Agualusa, Mia Couto, Lobo Antunes, Agustina e, claro, José Saramago, o único Prémio Nobel
da Literatura português.
Também por causa da música. A língua é usada no samba, na bossa nova, no fado e no
kuduru que se ouvem em todo o planeta. […]
Entre o português europeu, brasileiro e africano há muitas diferenças. Ora veja, o
20 ônibus que o pessoal apanha no Rio de Janeiro, em Lisboa é autocarro e em Luanda seria
machibombo. A favela do Rio de Janeiro é musseque em Maputo e bairro de lata em Lisboa.
A aeromoça da TAM1 é hospedeira na TAP1.
in https://observalinguaportuguesa.org/a-lingua-portuguesa-no-mundo/ (adap.; consult. 2018-04-17)

1. TAM e TAP: companhias aéreas.

VIAG6 © Porto Editora