Você está na página 1de 193

Braian Azael da Silva

Raciocínio Lógico
(Concursos)| Raciocínio Lógico

LÓGICA ARGUMENTATIVA
Sentenças Abertas: Não podemos classificar como
verdadeira ou falsa. Não é possível saber quem é o
agente.

• Ele é um bom vendedor.


• Elas gostam de tomate.
• x + y é um número par
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

Sentenças Fechadas: Podemos determinar quem é o


agente.

• Augusto é um bom vendedor.


• Manoela e Joaquina gostam de tomate.
• 4+9 é um número ímpar
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

Proposição: É uma frase – podendo ou não conter


símbolos matemáticos – que cumpre as condições:
1 – Apresenta-se de forma estruturada como uma
oração, com agente determinado, verbo e predicado.

2 – É afirmativa declarativa (não é interrogativa, nem


exclamativa nem imperativa).
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

Satisfaz os seguintes princípios:

a) Princípio do terceiro excluído: uma sentença é falsa


ou verdadeira, não havendo uma terceira alternativa.

b) Princípio da não – contradição: uma sentença não


pode ser falsa e verdadeira ao mesmo tempo.
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

LEMBRE-SE:

ORDENS E PERGUNTAS NÃO SÃO PROPOSIÇÕES.


(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(FCC) Das cinco frases abaixo, quatro delas têm uma mesma
característica lógica em comum, enquanto uma delas não tem
essa característica.
I. Que belo dia!
II. Um excelente livro de raciocínio lógico.
III. O jogo terminou empatado?
IV. Existe vida em outros planetas do universo.
V. Escreva uma poesia.
A frase que não possui essa característica comum é a
a) I. b) II. c) III.d) IV. e) V.
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(FCC) Considere as seguintes frases:


I. Ele foi o melhor jogador do mundo em 2005.
II. é um número inteiro.
III.João da Silva foi o Secretário da Fazenda do Estado de São
Paulo em 2000.
É verdade que APENAS
a))I e II são sentenças abertas.
b) I e III são sentenças abertas.
c) II e III são sentenças abertas.
d) I é uma sentença aberta.
e) II é uma sentença aberta.
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(CESPE) Segundo os princípios da não contradição e do


terceiro excluído, a uma proposição pode ser atribuído
um e somente um valor lógico.

Certo Errado
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(CESPE) A frase "Que dia maravilhoso!" consiste em


uma proposição objeto de estudo da lógica bivalente.

Certo Errado
(OAB, Enem, Concursos)| Tema
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(CESPE) A frase “Quanto subiu o percentual de


mulheres assalariadas nos últimos 10 anos?” não pode
ser considerada uma proposição.

Certo Errado
(OAB, Enem, Concursos)| Tema

(CESPE) Um argumento é uma sequência de proposições P1,


P2, ..., Pn, chamadas premissas, e uma proposição Q, chamada
conclusão. Um argumento é válido, se Q é V sempre que P1,
P2, ..., Pn forem V, caso contrário, não é argumento válido.
A partir desses conceitos, julgue o próximo item.
Há duas proposições no seguinte conjunto de sentenças:
(I) O BB foi criado em 1980.
(II) Faça seu trabalho corretamente.
(III) Manuela tem mais de 40 anos de idade.
Certo Errado
Chamamos de proposição simples uma sentença
declarativa fechada que contém uma única afirmação,
como aquelas que classificamos como proposições
anteriormente, veja exemplos:
•12 é menor que 6.
•Se o projeto for de cooperação universidade-empresa,
então podem ser pleiteados recursos do fundo setorial verde
amarelo.
•O BB foi criado em 1980.
•Pelé marcou dez gols para a seleção brasileira.
PROPOSIÇÕES SIMPLES

LETRAS MINÚSCULAS
p: Estudei muito para o concurso q: Vou passar

V V
r : não vou fazer o Concurso

F
Chamamos de proposição composta quando tivermos uma
sentença fechada declarativa formada de pelo menos duas
proposições simples. Assim como na linguagem comum onde
muitas vezes utilizamos palavras explícitas para interligar
frases com algum sentido, na Lógica Matemática faremos o
mesmo procedimento, mas com a ressalva de aqui
chamarmos de conectivos lógicos ou operadores lógicos.
Temos basicamente cinco operadores lógicos, sendo
quatro deles responsáveis por ligar proposições e um
encarregado para fazer negação de uma proposição,
são eles a disjunção, conjunção, condicional,
bicondicional e negação, vamos apresentar cada um
deles e suas aplicações.
PROPOSIÇÕES COMPOSTAS

pq pq
pq pq
~ p
CONECTIVOS

 ou ~ NÃO
 OU
 E
CONECTIVOS

 SE... ENTÃO...
 ... SE, E SOMENTE SE ...
Conjunção
Uma conjunção é o resultado de proposições simples ligadas por
meio da palavra e que na lógica proposicional é identificada pelo
símbolo ∧, veja abaixo algumas proposições compostas formadas a
partir de uma conjunção:

•João chegou mais cedo e Maria chegou atrasada.


•Marcos gosta de lógica e Alfredo não gosta de estatística.

Notemos que a partir das proposições simples obtemos


proposições compostas utilizando a conjunção, ou seja, aplicando o
conectivo e.
CONJUNÇÃO

p : fiz Kultivi
q : vou passar

pq

fiz Kultivi e vou passar


CONJUNÇÃO

p : fiz Kultivi
q : vou passar

q  p

não vou passar e fiz Kultivi


Considere a proposição "Paula estuda, mas não passa no
concurso". Nessa proposição, o conectivo lógico é
a) disjunção inclusiva.
b) conjunção.
c) disjunção exclusiva.
d) condicional.
e) bicondicional.
Disjunção
Uma disjunção é o resultado de proposições simples ligadas
por da palavra ou que na lógica proposicional é identificada
pelo símbolo ∨, abaixo separamos algumas proposições
compostas formadas a partir de uma disjunção:

João chegou mais cedo ou Maria chegou atrasada.

Marcos gosta de lógica ou Alfredo não gosta de


estatística.
DISJUNÇÃO

p : fiz Kultivi
q : vou passar

pq

fiz Kultivi ou vou passar


DISJUNÇÃO

p : fiz Kultivi
q : vou passar

q  p

vou passar ou não fiz Kultivi


Condicional
O condicional é sem dúvida o operador lógico mais cobrado em
concursos de todo o país. Um condicional é um conetivo que liga
proposições simples por das palavras se então, e seu símbolo é →.
Todo condicional assim como os conectivos anteriores é utilizado
para “colar” duas proposições e sua aplicação se faz colocando a
palavra se antes da primeira proposição e o então entre as duas
proposições, veja um exemplo muito conhecido de uma afirmação
dada por meio de um condicional:
Se a esmola é demais então o santo o desconfia.
Se João prometeu então ele irá cumprir.
CONDICIONAL

p : fiz Kultivi
q : vou passar

pq

se fiz Kultivi
então vou passar
CONDICIONAL

p : fiz Kultivi
q : vou passar

p  (q  p)

se não fiz Kultivi


então vou passar e fiz Kultivi
Bicondicional

Um bicondicional é o operador lógico que identifica um duplo


condicional, reconhecemos seu uso quando utilizamos as palavras
se, e somente se, e sua representação é dada pelo símbolo ↔.
Veja alguns exemplos do uso do bicondicional:
Ganhará seu dinheiro, se e somente se, completar o seu trabalho.

O professor Braian fica feliz, se e somente se, você conseguir a vaga.


BICONDICIONAL

p : fiz Kultivi
q : vou passar
pq

fiz Kultivi
se, e somente se
vou passar
BICONDICIONAL

p : fiz Kultivi
q : vou passar
p  q

fiz Kultivi
se, e somente se
não vou passar
BICONDICIONAL

p : fiz Kultivi
q : vou passar
( p  q)  (q  p)

fiz Kultivi ou vou passar


se, e somente se
vou passar e fiz Kultivi
Negação
A negação não é um conectivo para ligar duas proposições,
ele faz o papel de negar a proposição que o precede. Para
entendermos a negação basta pensarmos da seguinte
forma, se a proposição for verdadeira a sua negação será
falsa e se a proposição for falsa sua negação será
verdadeira. Existem dois símbolos igualmente válidos para
representarmos a negação o (~) e (¬), veja alguns exemplos:
P: O professor Braian está feliz.
¬P: O professor Braian não está feliz.
Q: Haverá diminuição da violência.
¬Q: Não haverá diminuição da violência.
NEGAÇÃO

p : fiz Kultivi
q : vou passar

p NÃO fiz Kultivi


q NÃO vou passar
Exercício

(CESPE) Com relação às proposições lógicas, julgue o próximo


item.

A expressão “Como não se indignar, assistindo todos os dias


a atos de violência fortuitos estampados em todos os meios
de comunicação do Brasil e do mundo?” é uma proposição
lógica que pode ser representada por P→Q, em que P e Q
são proposições lógicas convenientemente escolhidas

Certo Errado
Exercício

(CESPE) Com relação às proposições lógicas, julgue o próximo


item.

A expressão “Viva Mandela, viva Mandela! gritava a multidão


entusiasmada” estará corretamente representada na forma
P∨Q, em que P e Q sejam proposições lógicas
adequadamente escolhidas.

Certo Errado
Exercício

(CESPE) Tendo como referência as informações acima, julgue o item que se


segue.
Nas sentenças abaixo, apenas A e D são proposições
A: 12 é menor que 6.
B: Para qual time você torce?
C: x + 3 > 10.

D: Existe vida após a morte.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que as letras P, Q e R representam proposições e os
símbolos ¬, ∧ e → são operadores lógicos que constroem novas proposições e
significam não, e e então, respectivamente. Na lógica proposicional que trata da
expressão do raciocínio por meio de proposições que são avaliadas (valoradas) como
verdadeiras (V) ou falsas (F), mas nunca ambos, esses operadores estão definidos,
para cada valoração atribuída às letras proposicionais, na tabela abaixo.

Suponha que P represente a proposição Hoje choveu, Q represente a proposição José


foi à praia e R represente a proposição Maria foi ao comércio. Com base nessas
informações e no texto, julgue os itens seguintes. A sentença Hoje choveu e José não
foi à praia pode ser corretamente representada por P∧¬Q.
Certo Errado
Exercício
(CESPE)
Filho meu, ouve minhas palavras e atenta para meu conselho.
A resposta branda acalma o coração irado.
O orgulho e a vaidade são as portas de entrada da ruína do
homem.
Se o filho é honesto então o pai é exemplo de integridade.

Tendo como referência as quatro frases acima, julgue o item seguinte.

A primeira frase é composta por duas proposições lógicas simples


unidas pelo conectivo de conjunção.

Certo Errado
Exercício
(CESPE)
Filho meu, ouve minhas palavras e atenta para meu conselho.
A resposta branda acalma o coração irado.
O orgulho e a vaidade são as portas de entrada da ruína do homem.
Se o filho é honesto então o pai é exemplo de integridade.

Tendo como referência as quatro frases acima, julgue o item seguinte.

A segunda frase é uma proposição lógica simples.

Certo Errado
Exercício
(CESPE)
Filho meu, ouve minhas palavras e atenta para meu conselho.
A resposta branda acalma o coração irado.
O orgulho e a vaidade são as portas de entrada da ruína do homem.
Se o filho é honesto então o pai é exemplo de integridade.

Tendo como referência as quatro frases acima, julgue o item seguinte.

A terceira frase é uma proposição lógica composta.

Certo Errado
Exercício
(CESPE)
Filho meu, ouve minhas palavras e atenta para meu conselho.
A resposta branda acalma o coração irado.
O orgulho e a vaidade são as portas de entrada da ruína do homem.
Se o filho é honesto então o pai é exemplo de integridade.

Tendo como referência as quatro frases acima, julgue o item seguinte.

A quarta frase é uma proposição lógica em que aparecem dois conectivos


lógicos.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere as seguintes proposições lógicas representadas pelas letras P, Q, R
e S:
P: Nesse país o direito é respeitado.
Q: O país é próspero.
R: O cidadão se sente seguro.
S: Todos os trabalhadores têm emprego.

Considere também que os símbolos "∨","∧", "→" e "¬" representem os conectivos


lógicos "ou", "e", "se ... então" e "não", respectivamente.

Com base nessas informações, julgue o item seguinte.


A proposição "Nesse país o direito é respeitado, mas o cidadão não se sente seguro"
pode ser representada simbolicamente por P∧(¬R).

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere as seguintes proposições lógicas representadas pelas letras P, Q, R
e S:
P: Nesse país o direito é respeitado.
Q: O país é próspero.
R: O cidadão se sente seguro.
S: Todos os trabalhadores têm emprego.

Considere também que os símbolos "∨","∧", "→" e "¬" representem os conectivos


lógicos "ou", "e", "se ... então" e "não", respectivamente.

Com base nessas informações, julgue o item seguinte.


A proposição "Se o país é próspero, então todos os trabalhadores têm emprego" pode
ser representada simbolicamente por Q→S.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere as seguintes proposições lógicas representadas pelas letras P, Q, R
e S:
P: Nesse país o direito é respeitado.
Q: O país é próspero.
R: O cidadão se sente seguro.
S: Todos os trabalhadores têm emprego.

Considere também que os símbolos "∨","∧", "→" e "¬" representem os conectivos


lógicos "ou", "e", "se ... então" e "não", respectivamente.

Com base nessas informações, julgue o item seguinte.


A proposição "O país ser próspero e todos os trabalhadores terem emprego é uma
consequência de, nesse país, o direito ser respeitado" pode ser representada
simbolicamente por (Q∧R)→P.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que as letras P, Q, R e T representem proposições e que os
símbolos ¬,∧,∨ e → sejam operadores lógicos que constroem novas proposições e
significam não, e, ou e então, respectivamente. Na lógica proposicional, cada
proposição assume um único valor (valor-verdade), que pode ser verdadeiro (V)
ou falso (F), mas nunca ambos.

Considere as sentenças abaixo.

I Fumar deve ser proibido, mas muitos europeus fumam.


II Fumar não deve ser proibido e fumar faz bem à saúde.
III Se fumar não faz bem à saúde, deve ser proibido.
IV Se fumar não faz bem à saúde e não é verdade que muitos europeus fumam, então
fumar deve ser proibido.
V Tanto é falso que fumar não faz bem à saúde como é falso que fumar deve ser
proibido; consequentemente, muitos europeus fumam.

Considere também que P, Q, R e T representem as sentenças listadas na tabela a


seguir.
Exercício

(CESPE)

Com base nas informações acima e considerando a notação introduzida no texto,


julgue o item seguinte.

A sentença I pode ser corretamente representada por P ∧ (¬ T).

Certo Errado
Exercício
Fumar não deve ser proibido e fumar faz bem à saúde.

(CESPE)

Com base nas informações acima e considerando a notação introduzida no texto,


julgue o item seguinte.

A sentença II pode ser corretamente representada por (¬P) ∧ (¬R).

Certo Errado
Exercício
Se fumar não faz bem à saúde, deve ser proibido
(CESPE)

Com base nas informações acima e considerando a notação introduzida no texto,


julgue o item seguinte.

A sentença III pode ser corretamente representada por R →P.

Certo Errado
Exercício
Se fumar não faz bem à saúde e não é verdade que muitos europeus fumam, então
fumar deve ser proibido.
(CESPE)

Com base nas informações acima e considerando a notação introduzida no texto,


julgue o item seguinte.

A sentença IV pode ser corretamente representada por (R ∧(¬T)) →P.

Certo Errado
Exercício
Tanto é falso que fumar não faz bem à saúde como é falso que fumar deve ser
proibido; consequentemente, muitos europeus fumam.
(CESPE)

Com base nas informações acima e considerando a notação introduzida no texto,


julgue o item seguinte.

A sentença V pode ser corretamente representada por T → ((¬ R) ∧ (¬ P)).

Certo Errado
Exercício

(CESPE) Um jovem, ao ser flagrado no aeroporto portando certa quantidade de


entorpecentes, argumentou com os policiais conforme o esquema a seguir:

Premissa 1: Eu não sou traficante, eu sou usuário;


Premissa 2: Se eu fosse traficante, estaria levando uma grande quantidade de droga e
a teria escondido;
Premissa 3: Como sou usuário e não levo uma grande quantidade, não escondi a
droga.
Conclusão: Se eu estivesse levando uma grande quantidade, não seria usuário.
Considerando a situação hipotética apresentada acima, julgue o item a seguir.
Se P e Q representam, respectivamente, as proposições "Eu não sou traficante" e "Eu
sou usuário", então a premissa 1 estará corretamente representada por P∧Q.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que P e Q sejam duas proposições que podem compor novas
proposições por meio dos conectivos lógicos ~, ∧, ∨ e →, os quais significam "não",
"e", "ou" e "se, então", respectivamente. Considere, ainda, que a negação de P, ~P
(lê-se: não P) será verdadeira quando P for falsa, e será falsa quando P for verdadeira;
a conjunção de P e Q, P∧Q (lê-se: P e Q) somente será verdadeira quando ambas, P e
Q, forem verdadeiras; a disjunção de P e Q, P∨Q (lê-se: P ou Q) somente será falsa
quando P e Q forem falsas; e a condicional de P e Q, P→Q (lê-se: se P, então Q)
somente será falsa quando P for verdadeira e Q falsa. Considere, por fim, que a
tabela-verdade de uma proposição expresse todos os valores lógicos possíveis para
tal proposição, em função dos valores lógicos das proposições que a compõem. Com
base nesse conjunto de informações, julgue o item seguinte.

A proposição "Esta prova não está difícil ou eu estudei bastante" pode ser
corretamente representada por ~P∨Q.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que P e Q sejam duas proposições que podem compor novas
proposições por meio dos conectivos lógicos ~, ∧, ∨ e →, os quais significam "não",
"e", "ou" e "se, então", respectivamente. Considere, ainda, que a negação de P, ~P
(lê-se: não P) será verdadeira quando P for falsa, e será falsa quando P for verdadeira;
a conjunção de P e Q, P∧Q (lê-se: P e Q) somente será verdadeira quando ambas, P e
Q, forem verdadeiras; a disjunção de P e Q, P∨Q (lê-se: P ou Q) somente será falsa
quando P e Q forem falsas; e a condicional de P e Q, P→Q (lê-se: se P, então Q)
somente será falsa quando P for verdadeira e Q falsa. Considere, por fim, que a
tabela-verdade de uma proposição expresse todos os valores lógicos possíveis para
tal proposição, em função dos valores lógicos das proposições que a compõem. Com
base nesse conjunto de informações, julgue o item seguinte.

Se P e Q representam as proposições "Eu estudo bastante" e "Eu serei aprovado",


respectivamente, então, a proposição P→Q representa a afirmação "Se eu estudar
bastante, então serei aprovado".

Certo Errado
Tabela - Verdade

Determina os valores lógicos das “operações”


da lógica

 

negação
condicional
disjunção

 
bicondicional
conjunção
Tabela - Verdade

p
Possíveis valores
lógicos para uma V
proposição
simples F
Tabela - Verdade

p q
Possíveis valores
lógicos para uma V V
proposição composta
por duas proposições V F
simples F V
F F
Tabela - Verdade

p q r
V V V
Possíveis valores V V F
lógicos para uma V F V
proposição composta V F F
por três proposições F V
simples
V
F V F
F F V
F F F
NÚMERO DE LINHAS DE UMA TABELA VERDADE

Proposições Número n de proposições Número de linhas de linhas da tabela, 2n.


simples.
n 2n
01. P 1 2¹ = 2
02. p, q 2 2² = 4
03. p, q, r 3 2³ = 8
04. p, q, r, s 4 24 =16
NEGAÇÃO

p p
V F
F V
DISJUNÇÃO

p q pq
V V V O “ou” só é falso
V F V quando ambas as
proposições são
F V V falsas
F F F
CONJUNÇÃO

p q pq
V V V O “e” só é
verdadeiro quando
V F F ambas as
F V F proposições são
verdadeiras
F F F
Exercício

Um vereador afirmou que, no último ano, compareceu a todas as sessões da Câmara Municipal e
não empregou parentes em seu gabinete. Para que essa afirmação seja falsa, é necessário que, no
último ano, esse vereador
a) tenha faltado em todas as sessões da Câmara Municipal ou tenha empregado todos os seus
parentes em seu gabinete.
b) tenha faltado em pelo menos uma sessão da Câmara Municipal e tenha empregado todos os
seus parentes em seu gabinete.
c) tenha faltado em pelo menos uma sessão da Câmara Municipal ou tenha empregado um
parente em seu gabinete.
d) tenha faltado em todas as sessões da Câmara Municipal e tenha empregado um parente em
seu gabinete.
e) tenha faltado em mais da metade das sessões da Câmara Municipal ou tenha empregado pelo
menos um parente em seu gabinete.
CONDICIONAL

p q pq
V V V O condicional só é
V F F falso quando o
antecedente é
F V V consequente
verdadeiro e o
é falso.
F F V
Exercício

Se o vencimento de uma conta não cair em um dia útil, então ele deverá
automaticamente ser transferido para o próximo dia útil.
Para que esta regra não tenha sido cumprida, basta que
a) uma conta cujo vencimento caía num dia útil tenha tido seu vencimento
antecipado para o dia útil imediatamente anterior.
b) uma conta cujo vencimento caía num dia útil tenha tido seu vencimento
transferido para o próximo dia útil.
c) uma conta cujo vencimento caía num dia útil não tenha tido seu vencimento
transferido para o próximo dia útil.
d) uma conta cujo vencimento não caía num dia útil tenha tido seu vencimento
transferido para o próximo dia útil.
e) uma conta cujo vencimento não caía num dia útil não tenha tido seu vencimento
transferido para o próximo dia útil.
Exercício
Considere as seguintes premissas:

p: Estudar é fundamental para crescer profissionalmente.


q: O trabalho enobrece.
A afirmação "Se o trabalho não enobrece, então estudar não é fundamental para crescer
profissionalmente" é, com certeza, FALSA quando:
a) p é falsa e q é falsa.
b) p é verdadeira e q é verdadeira.
c) p é falsa e q é verdadeira.
d) p é verdadeira e q é falsa.
e) p é falsa ou q é falsa.
Exercício
(CESPE) Suponha que P represente a proposição Hoje choveu, Q represente a
proposição José foi à praia e R represente a proposição Maria foi ao comércio. Com
base nessas informações e no texto, julgue os itens seguintes.
Se a proposição Hoje não choveu for valorada como F e a proposição José foi à
praia for valorada como V, então a sentença representada por ¬P→Q é falsa.
Certo Errado
BICONDICIONAL

p q pq
O bicondicional é
V V V falso quando os
valores lógicos são
V F F diferentes e é
F V F verdadeiro quando os
valores lógicos são
F F V iguais.
Exercício
(CESPE) Considere que P, Q e R sejam proposições lógicas e que os símbolos "∨", "∧",
"→" e "¬" representem, respectivamente, os conectivos "ou", "e", "implica" e
"negação". As proposições são julgadas como verdadeiras - V - ou como falsas - F.
Com base nessas informações, julgue o item seguinte relacionado a lógica
proposicional.
A última coluna da tabela-verdade abaixo corresponde à proposição (P∧R)→Q.

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que P, Q e R sejam proposições lógicas e que os símbolos "∨", "∧",
"→" e "¬" representem, respectivamente, os conectivos "ou", "e", "implica" e
"negação". As proposições são julgadas como verdadeiras - V - ou como falsas - F.
Com base nessas informações, julgue o item seguinte relacionado a lógica
proposicional.
A última coluna da tabela-verdade abaixo corresponde à proposição (¬P) ∨ (Q→R)..

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Caso as colunas em branco na tabela abaixo sejam corretamente preenchidas,
a última coluna dessa tabela corresponderá à expressão [P∧(¬Q)]∨[Q→P].

Certo Errado
Exercício
(CESPE) Suponha que P represente a proposição Hoje choveu, Q represente a
proposição José foi à praia e R represente a proposição Maria foi ao comércio. Com
base nessas informações e no texto, julgue os itens seguintes. O número de
valorações possíveis para (Q∧¬R)→P(Q∧¬R)→P é inferior a 9.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras ou
falsas, mas não admitem ambos os julgamentos. A esse respeito, considere
que A represente a proposição simples "É dever do servidor apresentar-se ao trabalho
com vestimentas adequadas ao exercício da função", e que B represente a proposição
simples "É permitido ao servidor que presta atendimento ao público solicitar dos que
o procuram ajuda financeira para realizar o cumprimento de sua missão".
Considerando as proposições A e B acima, julgue o item subsequente, com respeito
ao Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal e
às regras inerentes ao raciocínio lógico.
Sabe-se que uma proposição na forma "Ou A ou B" tem valor lógico falso
quando A e B são ambos falsos; nos demais casos, a proposição é verdadeira.
Portanto, a proposição composta "Ou A ou B", em que A e B são as proposições
referidas acima, é verdadeira.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras ou
falsas, mas não admitem ambos os julgamentos. A esse respeito, considere
que A represente a proposição simples "É dever do servidor apresentar-se ao trabalho
com vestimentas adequadas ao exercício da função", e que B represente a proposição
simples "É permitido ao servidor que presta atendimento ao público solicitar dos que
o procuram ajuda financeira para realizar o cumprimento de sua missão".
Considerando as proposições A e B acima, julgue o item subsequente, com respeito
ao Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal e
às regras inerentes ao raciocínio lógico.
A proposição composta "Se A então B" é necessariamente verdadeira.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras ou
falsas, mas não admitem ambos os julgamentos. A esse respeito, considere
que A represente a proposição simples "É dever do servidor apresentar-se ao trabalho
com vestimentas adequadas ao exercício da função", e que B represente a proposição
simples "É permitido ao servidor que presta atendimento ao público solicitar dos que
o procuram ajuda financeira para realizar o cumprimento de sua missão".
Considerando as proposições A e B acima, julgue o item subsequente, com respeito
ao Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal e
às regras inerentes ao raciocínio lógico.
Represente-se por ¬A a proposição composta que é a negação da proposição A, isto
é, ¬A é falso quando A é verdadeiro e ¬A é verdadeiro quando A é falso. Desse modo,
as proposições "Se ¬A então ¬B" e "Se A então B" têm valores lógicos iguais.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras - V - ou falsas - F -, mas não
como ambas. Se P e Q são proposições, então a proposição "Se P então Q", denotada por P→Q, terá valor
lógico F quando P for V e Q for F, e, nos demais casos, será V.
Uma expressão da forma ¬ P, a negação da proposição P, terá valores lógicos contrários aos de P. P∨Q, lida
como "P ou Q", terá valor lógico F quando P e Q forem, ambas, F; nos demais casos, será V.
Considere as proposições simples e compostas apresentadas abaixo, denotadas por A, B e C, que podem ou
não estar de acordo com o artigo 5.º da Constituição Federal.
A: A prática do racismo é crime afiançável.
B: A defesa do consumidor deve ser promovida pelo Estado.
C: Todo cidadão estrangeiro que cometer crime político em território brasileiro será extraditado.
De acordo com as valorações V ou F atribuídas corretamente às proposições A, B e C, a partir da Constituição
Federal, julgue o item a seguir.
Para a simbolização apresentada acima e seus correspondentes valores lógicos, a proposição B→C é V.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras - V - ou falsas - F -, mas não como
ambas. Se P e Q são proposições, então a proposição "Se P então Q", denotada por P→Q, terá valor lógico F
quando P for V e Q for F, e, nos demais casos, será V.
Uma expressão da forma ¬ P, a negação da proposição P, terá valores lógicos contrários aos de P. P∨Q, lida como
"P ou Q", terá valor lógico F quando P e Q forem, ambas, F; nos demais casos, será V.
Considere as proposições simples e compostas apresentadas abaixo, denotadas por A, B e C, que podem ou não
estar de acordo com o artigo 5.º da Constituição Federal.
A: A prática do racismo é crime afiançável.
B: A defesa do consumidor deve ser promovida pelo Estado.
C: Todo cidadão estrangeiro que cometer crime político em território brasileiro será extraditado.
De acordo com as valorações V ou F atribuídas corretamente às proposições A, B e C, a partir da Constituição
Federal, julgue o item a seguir.
De acordo com a notação apresentada acima, é correto afirmar que a proposição (¬ A)∨(¬ C) tem valor lógico F.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considerando os símbolos lógicos ¬ (negação), ∧ (conjunção), ∨ (disjunção), → (condicional) e as
proposições
S: (p ∧¬ q) ∨ (¬ p ∧ r) →q ∨ r e
T: ((p ∧¬ q) ∨ (¬ p ∧ r)) ∧ (¬ q ∧ ¬ r),
julgue o item que se segue.
As tabelas-verdade de S e de T possuem, cada uma, 16 linhas.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Um jovem, ao ser flagrado no aeroporto portando certa quantidade de entorpecentes, argumentou
com os policiais conforme o esquema a seguir:
Premissa 1: Eu não sou traficante, eu sou usuário;
Premissa 2: Se eu fosse traficante, estaria levando uma grande quantidade de droga e a teria escondido;
Premissa 3: Como sou usuário e não levo uma grande quantidade, não escondi a droga.
Conclusão: Se eu estivesse levando uma grande quantidade, não seria usuário.
Considerando a situação hipotética apresentada acima, julgue o item a seguir.
Se a proposição "Eu não sou traficante" for verdadeira, então a premissa 2 será uma proposição verdadeira,
independentemente dos valores lógicos das demais proposições que a compõem.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considere que P e Q sejam duas proposições que podem compor novas proposições por meio dos
conectivos lógicos ~, ∧, ∨ e →, os quais significam "não", "e", "ou" e "se, então", respectivamente. Considere,
ainda, que a negação de P, ~P (lê-se: não P) será verdadeira quando P for falsa, e será falsa quando P for
verdadeira; a conjunção de P e Q, P∧Q (lê-se: P e Q) somente será verdadeira quando ambas, P e Q, forem
verdadeiras; a disjunção de P e Q, P∨Q (lê-se: P ou Q) somente será falsa quando P e Q forem falsas; e a
condicional de P e Q, P→Q (lê-se: se P, então Q) somente será falsa quando P for verdadeira e Q falsa.
Considere, por fim, que a tabela-verdade de uma proposição expresse todos os valores lógicos possíveis para tal
proposição, em função dos valores lógicos das proposições que a compõem. Com base nesse conjunto de
informações, julgue o item seguinte.
Caso sejam verdadeiras as proposições P e Q, a proposição (~P∧Q)∨(~Q∧P) será verdadeira.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considerando que os símbolos ∨, ~, →, ↔ e ∧ representem as operações lógicas "ou", "não",
"condicional", "bicondicional" e "e", respectivamente, julgue o item a seguir, acerca da proposição composta P:
(p∨~q)↔(~p∧r), em que p, q e r são proposições distintas.
Se a proposição p for verdadeira, então P será falsa.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) Considerando que os símbolos ∨, ~, →, ↔ e ∧ representem as operações lógicas "ou", "não",
"condicional", "bicondicional" e "e", respectivamente, julgue o item a seguir, acerca da proposição composta P:
(p∨~q)↔(~p∧r), em que p, q e r são proposições distintas.
O número de linhas da tabela-verdade de P é igual a 16.
Certo Errado
Exercício
(CESPE) P Q R (R ⇒ (Q ∨ P))
V V V
F V V
V F V
F F V
V V F
F V F
V F F
F F F
Na tabela acima, são apresentadas as colunas iniciais da tabela-verdade correspondentes às proposições P, Q e
R. Nesse caso, a última coluna da tabela-verdade correspondente à proposição lógica (R ⇒ (Q ∨ P)) será
Exercício
(CESPE) Um provérbio chinês diz que:
P1: Se o seu problema não tem solução, então não é preciso se preocupar com ele, pois nada que você fizer o
resolverá.
P2: Se o seu problema tem solução, então não é preciso se preocupar com ele, pois ele logo se resolverá.
O número de linhas da tabela verdade correspondente à proposição P2 do texto apresentado é igual a
a) 4.
b) 8.
c) 12.
d) 16.
e) 24.
Exercício
(CESPE) A proposição simbólica (P∧Q)∨R possui, no máximo, 4 avaliações V.
Certo Errado
MONTAGEM DE TABELAS

ESTUDE OS POSSÍVEIS VALORES LÓGICOS DAS


SEGUINTES PROPOSIÇÕES COMPOSTAS

1) ( p  q)  p
2) p  (q  p)
3) ( p  q)  (q  p)
4) p  q q  p
EXERCÍCIO
(CESGRANRIO) Se p e q são proposições verdadeiras,
então é verdadeira a proposição composta

(A) p ^ ~q
(B) ~p ^ q
(C) ~p ^ ~q
(D) ~p v q
(E) ~p v ~q
EXERCÍCIO
(CESGRANRIO) Se p é uma proposição verdadeira e q, uma
proposição falsa, então é verdadeira a proposição composta

(A) p ^ q
(B) ~p ^ q
(C) ~p V q
(D) ~p V ~q
(E) ~p ↔ ~q
EXERCÍCIO
(FCC) Dadas as proposições simples p e q, tais que p é verdadeira e q é falsa,
considere as seguintes proposições compostas:
(1) p ^ q ; (2) ~p → q ; (3) ~(p ∨ ~q)) ; (4) ~(p ↔ q)
Quantas dessas proposições compostas são verdadeiras?
(A) Nenhuma.
(B) Apenas uma.
(C) Apenas duas.
(D) Apenas três.
(E) Quatro.
p: Hoje é quarta.
~p: Hoje não é quarta.
p v~p: Hoje é quarta ou hoje não é quarta.

p ~p p v ~p
p: Hoje é quarta.
~p: Hoje não é quarta.
p^~p: Hoje é quarta e hoje não é quarta.

p ~p p ^ ~p
NEGAÇÕES

NEGAÇÃO DE p p
NEGAÇÃO DE pq
p  q
NEGAÇÕES

NEGAÇÃO DE pq
p  q
NEGAÇÕES

NEGAÇÃO DE pq
p  q
NEGAÇÕES

NEGAÇÃO DE pq
( p  q)  (p  q)
EXERCÍCIO

A negação da sentença “se você estudou lógica, então você acertará


esta questão” é:
a) se você não acertar esta questão, então você não estudou lógica.
b) você não estudou lógica e acertará esta questão.
c) se você estudou lógica, então não acertará esta questão.
d) você estudou lógica e não acertará esta questão.
e) você não estudou lógica e não acertará esta questão.
EXERCÍCIO

Dizer que não é verdade que, Pedro é pobre e Alberto é alto, é


logicamente equivalente a dizer que é verdade que:

a) Pedro não é pobre ou Alberto não é alto.


b) Pedro não é pobre e Alberto não é alto.
c) Pedro é pobre ou Alberto não é alto.
d) se Pedro não é pobre, então Alberto é alto.
e) se Pedro não é pobre, então Alberto não é alto.
EXERCÍCIO
A negação de “Hoje é segunda-feira e amanhã não choverá” é:

a) Hoje é segunda-feira e amanhã choverá.


b) Hoje não é segunda-feira ou amanhã choverá.
c) Hoje não é segunda-feira, então, amanhã choverá.
d) Hoje não é segunda-feira nem amanhã choverá.
e) Hoje é segunda-feira ou amanhã não choverá.
Exercícios
Considere a afirmação:
“Hoje faço prova e amanhã não vou trabalhar”.
A negação dessa afirmação é:
a) Hoje não faço prova e amanhã vou trabalhar.
b) Hoje não faço prova ou amanhã vou trabalhar.
c) Hoje não faço prova então amanhã vou trabalhar.
d) Hoje faço prova e amanhã vou trabalhar.
e) Hoje faço prova ou amanhã não vou trabalhar.
Exercícios
A negação da sentença
“Se chove então o trânsito fica congestionado”
é:
a) Se não chove então o trânsito não fica congestionado.
b) Se o trânsito não fica congestionado então não chove.
c) Chove e o trânsito não fica congestionado.
d) Não chove e o trânsito não fica congestionado.
e) Não chove e o trânsito fica congestionado.
Exercícios
A negação lógica da sentença “Se corro muito, então fico
cansado” é:
a) Corro muito e não fico cansado.
b) Se não corro muito, então não fico cansado.
c) Se corro muito, então não fico cansado.
d) Não corro muito e fico cansado.
e) Não corro muito ou fico cansado.
Exercícios
Considere a afirmação: “Se hoje é sábado, amanhã não
trabalharei.” A negação dessa afirmação é:
a) Hoje é sábado e amanhã trabalharei.
b) Hoje não é sábado e amanhã trabalharei.
c) Hoje não é sábado ou amanhã trabalharei.
d) Se hoje não é sábado, amanhã trabalharei.
e) Se hoje não é sábado, amanhã não trabalharei.
EXERCÍCIO

(FCC) A negação da sentença “A Terra é chata e a Lua é um


planeta.” é:
a) Se a Terra é chata, então a Lua não é um planeta.
b) Se a Lua não é um planeta, então a Terra não é chata.
c) A Terra não é chata e a Lua não é um planeta.
d) A Terra não é chata ou a Lua é um planeta.
e) A Terra não é chata se a Lua não é um planeta.
EXERCÍCIO

4) A proposição “Carlos é juiz e é muito competente” tem como


negação a proposição “Carlos não é juiz nem é muito
competente”.
F
5) A proposição “A Constituição brasileira é moderna ou precisa
ser refeita” será V quando a proposição “A Constituição
brasileira não é moderna nem precisa ser refeita” for F, e vice-
versa.
V
EXERCÍCIO

6) (CESPE) A negação da proposição “O concurso será regido por


este edital e executado pelo CESPE/UnB” estará corretamente
simbolizada na forma (¬A)^(¬B), isto é, “O concurso não será
regido por este edital nem será executado pelo CESPE/UnB”.

F
EXERCÍCIO
(CESPE)
P1: Se a impunidade é alta, então a criminalidade é alta.

P2: A impunidade é alta ou a justiça é eficaz.

P3: Se a justiça é eficaz, então não há criminosos livres.

P4: Há criminosos livres.

C: Portanto a criminalidade é alta.

Considerando o argumento apresentado acima, em que P1, P2, P3 e P4 são as premissas e C, a conclusão, julgue o item
subsequente.

A negação da proposição P1 pode ser escrita como “Se a impunidade não é alta, então a criminalidade não é alta.”
Certo Errado
EXERCÍCIO
(CESPE) O homem e o aquecimento global

P1: O planeta já sofreu, ao longo de sua existência de aproximadamente 4,5 bilhões de anos, processos de resfriamentos
e aquecimentos extremos (ou seja, houve alternância de climas quentes e frios) e a presença humana no planeta é
recente, cerca de 2 milhões de anos.
P2: Se houve alternância de climas quentes e frios, este é um fenômeno corrente na história do planeta.
P3: Se a alternância de climas é um fenômeno corrente na história do planeta, o atual aquecimento global é apenas mais
um ciclo do fenômeno.
P4: Se o atual aquecimento global é apenas mais um ciclo do fenômeno, como a presença humana no planeta é recente,
então a presença humana no planeta não é causadora do atual aquecimento global.
C: Logo, a presença humana no planeta não é causadora do atual aquecimento global.

Considerando o argumento acima, em que as proposições de P1 a P4 são as premissas e C é a conclusão, julgue o item
seguinte.

A negação da proposição “Houve alternância de climas quentes e frios e a presença humana no planeta é recente” pode
ser expressa por “Não houve alternância de climas quentes e frios ou a presença humana no planeta não é recente”.
Certo Errado
EXERCÍCIO

(CESPE) Nos termos do Edital n.º 9/2012 – DGP/DPF, de 10/6/2012, do concurso público para provimento de vagas no
cargo de escrivão de polícia federal, cada candidato será submetido, durante todo o período de realização do concurso, a
uma investigação social que visa avaliar o procedimento irrepreensível e a idoneidade moral inatacável dos candidatos. O
item 19.1 do edital prevê que a nomeação do candidato ao cargo fica condicionada à não eliminação na investigação
social e ao atendimento a outros requisitos.

Com base nessas informações, e considerando que Pedro Henrique seja um dos candidatos, julgue o item seguinte.

A negação da proposição “Pedro Henrique não será eliminado na investigação social e ele atende aos outros requisitos”
estará corretamente redigida da seguinte forma: “Pedro Henrique será eliminado na investigação social e ele não atende a
algum dos outros requisitos”.
Certo Errado
EXERCÍCIO

(CESPE) Nos termos da Lei n.º 8.666/1993, “É dispensável a realização de nova licitação quando não aparecerem
interessados em licitação anterior e esta não puder ser repetida sem prejuízo para a administração”. Considerando apenas
os aspectos desse mandamento atinentes à lógica e que ele seja cumprido se, e somente se, a proposição nele contida, —
proposição P — for verdadeira, julgue o item seguinte.

A negação da proposição “Não apareceram interessados na licitação anterior e ela não pode ser repetida sem prejuízo
para a administração” está corretamente expressa por “Apareceram interessados na licitação anterior ou ela pode ser
repetida sem prejuízo para a administração”.
Certo Errado
Raciocínio Lógico – Equivalências Lógicas (Conceito e definições)
EQUIVALÊNCIAS

Duas proposições p e q são equivalentes quando o bicondicional é uma tautologia

pq
PRINCIPAIS
EQUIVALÊNCIAS

1 . p  q q  p
2 . p  q p  q
3. p  q  ( p  q)  (q  p)
EXERCÍCIO

Se Rodrigo mentiu, então ele é culpado. Logo,

a) Se Rodrigo não é culpado, então ele não mentiu.


b) Rodrigo é culpado.
c) Se Rodrigo não mentiu, então ele é culpado.
d) Rodrigo mentiu.
e) Se Rodrigo é culpado, então ele mentiu.
EXERCÍCIO

Dizer que "Pedro não é pedreiro ou Paulo é paulista" é, do


ponto de vista lógico, o mesmo que dizer que:

a) se Pedro é pedreiro, então Paulo é paulista


b) se Paulo é paulista, então Pedro é pedreiro
c) se Pedro não é pedreiro, então Paulo é paulista
d) se Pedro é pedreiro, então Paulo não é paulista
e) se Pedro não é pedreiro, então Paulo não é paulista
Raciocínio Lógico – Equivalências Lógicas (Resolução de Problemas)
EXERCÍCIO

Uma sentença logicamente equivalente a “Pedro é


economista, então Luísa é solteira” é:

a) Pedro é economista ou Luísa é solteira.


b) Pedro é economista ou Luísa não é solteira.
c) Se Luísa é solteira, Pedro é economista;
d) Se Pedro não é economista, então Luísa não é solteira;
e) Se Luísa não é solteira, então Pedro não é economista.
EXERCÍCIO

Acerca da proposição R: “A população aprende a votar ou haverá novos atos de corrupção”,


julgue o item seguinte.

A proposição “Enquanto a população não aprender a votar, haverá novos casos de


corrupção” tem o mesmo valor lógico da proposição R.

Certo Errado
EXERCÍCIO

Julgue o item seguinte, acerca da proposição P: Quando acreditar que estou certo, não me importarei com a
opinião dos outros.

A proposição P é logicamente equivalente a “Como não me importo com a opinião dos outros, acredito que
esteja certo”.

Certo Errado
EXERCÍCIO

Considere verdadeira a declaração “Se x é par então y é


ímpar”
Com base na declaração é correto afirmar que, se:
a) x é impar, então y é par
b) x é impar, então y é ímpar
c) y é impar, então x é par
d) y é par, então x é par
e) y é par, então x é ímpar
EXERCÍCIO

A afirmação que é logicamente equivalente à


afirmação: "Se faço karatê, então sei me defender” é

a) Se não faço karatê, então não sei me defender.


b) Se sei me defender, então faço karatê.
c) Se não sei me defender, então não faço karatê.
d) Se não sei me defender, então faço karatê.
e) Se faço karatê, então não sei me defender.
Exercícios

Considere a afirmação: “Se Antônio é analista de redes, então


Sônia não é”.
Uma afirmação equivalente à apresentada está contida na
alternativa:
a) Se Antônio não é analista de redes, então Sônia é.
b) Se Sônia é analista de redes, então Antônio não é.
c) Se Sônia não é analista de redes, então Antônio é.
d) Se Sônia é analista de redes, então Antônio também é.
e) Se Antônio é analista de redes, então Sônia também é.
Exercícios

Dizer - "Se você não olha nos meus olhos, então eu não
me sinto um ser humano." - é o mesmo que dizer:
a) sinto-me um ser humano ao olhar nos seus olhos.
b) se me sinto um ser humano, então você olha nos meus
olhos.
c) se você olha nos meus olhos, então eu fico feliz.
d) o olhar e o sentir são a mesma coisa.
e) eu olho nos seus olhos e você se sente um ser humano.
Exercícios

Se receber o pagamento e pagar todas as contas, então dormirei tranquilo.


Uma afirmação logicamente equivalente à proposição anterior é
a) Se receber o pagamento e dormir tranquilo, então pagarei todas as
contas.
b) Não recebi o pagamento e não paguei todas as contas e não dormi
tranquilo.
c) Se dormir tranquilo, então receberei o pagamento e pagarei todas as
contas.
d) Se não dormir tranquilo, então não receberei o pagamento ou não
pagarei todas as contas.
e) Se não dormir tranquilo, então receberei o pagamento, mas não pagarei
todas as contas.
Exercícios

A afirmação: "João não chegou ou Maria está atrasada" equivale


logicamente a:
a) Se João não chegou, Maria está atrasada.
b) João chegou e Maria não está atrasada.
c) Se João chegou, Maria não está atrasada.
d) Se João chegou, Maria está atrasada.
e) João chegou ou Maria não está atrasada.
Exercícios

Considere a seguinte proposição: "Se chove ou neva, então o


chão fica molhado". Sendo assim, pode-se afirmar que:
a) Se o chão está molhado, então choveu ou nevou.
b) Se o chão está molhado, então choveu e nevou.
c) Se o chão está seco, então choveu ou nevou.
d) Se o chão está seco, então não choveu ou não nevou.
e) Se o chão está seco, então não choveu e não nevou.
Raciocínio Lógico – Quantificadores
EXERCÍCIO

Julgue os itens a seguir:


A seguinte argumentação é válida:
Premissa 1: Toda pessoa honesta paga os impostos devidos.
Premissa 2: Carlos paga os impostos devidos.
Conclusão: Carlos é uma pessoa honesta.

Verdadeira Falsa
EXERCÍCIO

Julgue os itens a seguir:


A seguinte argumentação é inválida:
Premissa 1: Todo funcionário que sabe lidar com orçamento conhece
contabilidade.
Premissa 2: João é funcionário e não conhece contabilidade.
Conclusão: João não sabe lidar com orçamento.

Verdadeira Falsa
EXERCÍCIO
Suponha que todos os professores sejam poliglotas e todos e poliglotas
sejam religiosos. Pode-se concluir que, se:

a) João é religioso, João é poliglota


b) Pedro é poliglota, Pedro é professor.
c) Joaquim é religioso, Joaquim é professor.
d) Antônio não é professor, Antônio não é religioso.
e) Cláudio não é religioso, Cláudio não é poliglota.
EXERCÍCIO
Raciocínio Lógico – Lógica de argumentação: analogias, inferências, deduções e conclusões.

Prof.: Braian Azael da Silva


Exercícios
Se não durmo, bebo. Se estou furioso, durmo. Se durmo, não
estou furioso. Se não estou furioso, não bebo. Logo,
a) não durmo, estou furioso e não bebo
b) durmo, estou furioso e não bebo
c) não durmo, estou furioso e bebo
d) durmo, não estou furioso e não bebo
e) não durmo, não estou furioso e bebo
Exercícios
Investigando uma fraude bancária, um famoso detetive colheu evidências que o
convenceram da verdade das seguintes afirmações:
1) Se Homero é culpado, então João é culpado.
2) Se Homero é inocente, então João ou Adolfo são culpados.
3) Se Adolfo é inocente, então João é inocente.
4) Se Adolfo é culpado, então Homero é culpado.
As evidências colhidas pelo famoso detetive indicam, portanto, que:
a) Homero, João e Adolfo são inocentes.
b) Homero, João e Adolfo são culpados.
c) Homero é culpado, mas João e Adolfo são inocentes.
d) Homero e João são inocentes, mas Adolfo é culpado.
e) Homero e Adolfo são culpados, mas João é inocente.
Exercícios

Maria foi informada por João que Ana é prima de Beatriz e Carina é
prima de Denise. Como Maria sabe que João sempre mente, Maria
tem certeza que a afirmação é falsa. Desse modo, e do ponto de
vista lógico, Maria pode concluir que é verdade que:
a) Ana é prima de Beatriz ou Carina não é prima de Denise.
b) Ana não é prima de Beatriz e Carina não é prima de Denise.
c) Ana não é prima de Beatriz ou Carina não é prima de Denise.
d) se Ana não é prima de Beatriz, então Carina é prima de Denise.
e) se Ana não é prima de Beatriz, então Carina não é prima de
Denise.
EXERCÍCIO

(CESPE) Um delegado, ao interrogar os servidores A, B, C, D e E — em que A e D são homens e B, C e E são


mulheres —, suspeitos de fraudar um processo licitatório, ouviu as seguintes declarações:

— o culpado é E ou D, disse B;

— o culpado é um homem, disse E;

— se B é culpada, então C é inocente, disse D.

Com base nessa situação hipotética e sabendo que somente um dos servidores participou da fraude, julgue o
item seguinte.

A afirmação de D é equivalente a “Se C é culpada, então B é inocente”.


Certo Errado
EXERCÍCIO

(CESPE) Considere as seguintes proposições:


P1: Se o Brasil reduzir as formalidades burocráticas e o nível de desconfiança nas instituições públicas,
eliminar obstáculos de infra estrutura e as ineficiências no trânsito de mercadorias e ampliar a publicação de
informações envolvendo exportação e importação, então o Brasil reduzirá o custo do comércio exterior.
P2: Se o Brasil reduzir o custo do comércio exterior, aumentará o fluxo de trocas bilaterais com outros países.
C: Se o Brasil reduzir o nível de desconfiança nas instituições públicas, aumentará o fluxo de trocas bilaterais
com outros países.

A partir dessas proposições, julgue o item seguinte a respeito de lógica sentencial.


A proposição P2 é logicamente equivalente à proposição “Se o Brasil não aumentar o fluxo de trocas
bilaterais com outros países, não reduzirá o custo do comércio exterior”.
Certo Errado
Raciocínio Lógico – Lógica de argumentação: analogias, inferências, deduções e conclusões.

Prof.: Braian Azael da Silva


EXERCÍCIO

(CESPE) Pedro, um jovem empregado de uma empresa, ao receber a proposta de novo emprego, fez diversas
reflexões que estão traduzidas nas proposições abaixo.
P1: Se eu aceitar o novo emprego, ganharei menos, mas ficarei menos tempo no trânsito.
P2: Se eu ganhar menos, consumirei menos.
P3: Se eu consumir menos, não serei feliz.
P4: Se eu ficar menos tempo no trânsito, ficarei menos estressado.
P5: Se eu ficar menos estressado, serei feliz.
A partir dessas proposições, julgue o item a seguir.

A proposição P1 é logicamente equivalente à proposição “Eu não aceito o novo emprego, ou ganharei menos
e ficarei menos tempo no trânsito”.
Certo Errado
EXERCÍCIO

(CESPE) Ao comentar a respeito da qualidade dos serviços prestados por uma empresa, um cliente fez as
seguintes afirmações:

P1: Se for bom e rápido, não será barato.


P2: Se for bom e barato, não será rápido.
P3: Se for rápido e barato, não será bom.

Com base nessas informações, julgue o item seguinte.

A proposição P1 é logicamente equivalente a “Se o serviço for barato, não será bom nem será rápido”.
Certo Errado
EXERCÍCIO

Ou Francimara viaja de avião, ou Antônio mora em Porto de Galinhas, ou Cintia mora em Salvador. Se
Antônio mora em Porto de Galinhas, então Flávia viaja de ônibus. Se Flávia viaja de ônibus, então Cintia mora
em Salvador. Ora Cintia não mora em Salvador, logo:
a) Francimara viaja de avião e Antônio não mora em Porto de Galinhas.
b) Francimara não viaja de avião e Flávia não viaja de ônibus.
c) Antônio mora em Porto de Galinhas e Cintia não mora em Salvador.
d) Antônio não mora em Proto de Galinhas e Flávia viaja de ônibus.
e) Antônio mora em Porto de Galinhas ou Flávia viaja de ônibus.
EXERCÍCIO

Se Paulo não trabalha, ele telefona para Roberta. Se Paulo trabalha, ele envia um e-mail. Se Paulo não
telefona para Roberta, ele não envia um email. Se Paulo envia um e-mail, ele não telefona para Roberta.
Segue-se, portanto que, Paulo:
a) trabalha, telefona para Roberta, não envia um e-mail.
b) trabalha, não telefona para Roberta, envia um e-mail.
c) não trabalha, telefona para Roberta, não envia um e-mail.
d) não trabalha, não telefona para Roberta, não envia um e-mail.
e) não trabalha, não telefona para Roberta, envia um e-mail.
EXERCÍCIO

Considere verdadeiras as afirmações a seguir:

I. Laura é economista ou João é contador.


II. Se Dinorá é programadora, então João não é contador.
III. Beatriz é digitadora ou Roberto é engenheiro.
IV. Roberto é engenheiro e Laura não é economista.

A partir dessas informações é possível concluir, corretamente, que


a) Beatriz é digitadora.
b) João é contador.
c) Dinorá é programadora.
d) Beatriz não é digitadora.
e) João não é contador.
EXERCÍCIO

Carlos costuma dizer, ao chegar do trabalho:

“Se estou cansado, não leio e, se não leio, vejo televisão. Porém, quando leio, coloco óculos.”

Certo dia, ao chegar do trabalho, Carlos não colocou os óculos.

Então, é correto deduzir que Carlos


a) viu televisão.
b) estava cansado.
c) não viu televisão.
d) não estava cansado.
e) leu.
EXERCÍCIO

Se sou violento, então gosto de moqueca. Se não sou brasileiro, então não gosto de moqueca. Não sou
brasileiro, logo:
a) sou brasileiro.
b) não sou violento.
c) sou violento.
d) sou violento e não gosto de moqueca.
e) gosto de moqueca.
Matemática - Conjuntos (Operações e Diagramas de Veen)

Prof.: Braian Azael da Silva


CONJUNTOS

Na Matemática o conceito de conjunto é considerado primitivo e


portanto não recebe uma definição. A palavra CONJUNTO deve
então ser aceita como um termo não definido.
CONJUNTOS

Um conjunto pode ser entendido como uma coleção ou agrupamento bem


definido de objetos de uma determinada classe. Os objetos que formam um
conjunto são chamados membros ou elementos do conjunto.

Exemplo:
Na figura ao lado temos um conjunto de oficais.
CONJUNTOS

NOTAÇÃO
Todo conjunto é escrito entre chaves { } e é representado mediante letras
maiúsculas A, B, C, ...,seus elementos são separados mediante ponto e vírgula.

Exemplo:
O conjunto das letras do alfabeto; a, b, c, ..., x, y, z. Pode ser escrito:

L={ a; b; c; ...; x; y; z}
CONJUNTOS

Para indicar que um elemento pertence a um conjunto usa-se


o símbolo: 
Se um elemento não pertence a um conjunto usa-se o símbolo

Exemplo: Seja M = {2;4;6;8;10}
2  M ...lê-se 2 pertence ao conjunto M
5  M ...lê-se 5 não pertence ao conjunto M
CONJUNTOS
CONJUNTO VAZIO
É um conjunto que não tem elementos, também é chamado de
conjunto nulo. Geralmente é representado pelos símbolos: ou
{ } 

A = ou A = { } lê-se: “A é o conjunto vazio” ou “A é o conjunto


nulo”
Exemplo:
M = { números maiores que 9 e menores que 5 }
CONJUNTOS

CONJUNTO UNITÁRIO
É o conjunto que tem um único elemento.
Exemplos:
F = {3} ; G = {0}
CONJUNTO FINITO
É o conjunto que tem um número limitado de elementos.

Exemplo:
E = {1,2,3,4,5,6}
CONJUNTOS

CONJUNTO INFINITO
É o conjunto com número ilimitado de elementos.

Exemplos:

N Q R
Z I
C
CONJUNTOS

Os diagramas de Venn são devidos ao filósofo inglês John Venn (1834-1883)


servem para representar conjuntos de maneira gráfica mediante desenhos ou
diagramas que podem ser círculos, retângulos, triângulos ou qualquer curva
fechada.

T M
A 7 6 (2;4) (5;8)
8 o
4 e a
1 5 i (1;3) (7;6)
3 u
9 2
CONJUNTOS

INCLUSÃO
Um conjunto A está incluso em outro conjunto B ,se e somente se, todo elemento de A é também elemento de
B

NOTAÇÃO :
A B
Lê-se : A está incluído em B, A é subconjunto de B, A está contido em B , A é parte de B.

REPRESENTAÇÃO GRÁFICA :
B
A
CONJUNTOS
PROPRIEDADES DA INCLUSÃO

I ) Todo conjunto está contido em si mesmo. AA


II ) O conjunto vazio é considerado contido em qualquer conjunto.
A
III) A está contido em B (A  B) equivale a dizer que B contém A
BA
IV ) Se A não está contido em B ou A não é subconjunto de B significa que pelo
menos um elemento de A não pertence a B.
A B
CONJUNTOS
CONJUNTOS DISJUNTOS

Dois conjuntos são disjuntos quando não têm elementos comuns.

REPRESENTAÇÃO GRÁFICA :
observe que os conjuntos A e
A
7 9
B
4  B não têm elementos comuns,
portanto são CONJUNTOS
5
1
3 2
6
 DISJUNTOS


8
CONJUNTOS

O conjunto “A união B” que se representa por A  Bé o conjunto formado por todos os


elementos que pertencem a A, a B ou a ambos os conjuntos.

Exemplo:
A  1; 2; 3; 4; 5; 6; 7 e B  5; 6; 7; 8; 9
A 2 B
1 7 7 8
6 6
3 5 5
4 9

A  B  1; 2; 3; 4; 5; 6; 7; 8; 9
CONJUNTOS

O conjunto “A interseção B” que se representa Aé oB


conjunto formado por
todos os elementos que pertencem a A e pertencem a B.

Exemplo:
A  1; 2; 3; 4; 5; 6; 7 e B  5; 6; 7; 8; 9
A 2 B
1 7 7 8
6 6
3 5 5
4 9

A B  5; 6; 7
CONJUNTOS

O conjunto “A menos B” que se representa A  Bé o conjunto formado por todos os


elementos que pertencem a A e não pertencem a B.

Exemplo:
A  1; 2; 3; 4; 5; 6; 7 e B  5; 6; 7; 8; 9
A 2 B
1 7 7 8
6 6
3 5 5
4 9
A  B  1; 2; 3; 4
CONJUNTOS

C é o conjunto formado por


O conjunto “complementar de A ” que se representa
todos os elementos que não pertencem a A .
A
Exemplo:

A  {1,2,3} B  {1,2,3,4,5,6,7}

A  {4,5,6,7}
C
DIAGRAMAS DE VENN

I: Elementos que pertencem a A e B


x: Elementos que pertencem a A, mas não pertencem a I
y: Elementos que pertencem a B, mas não pertencem a I
n: Elementos que não pertencem a A nem B
DIAGRAMAS DE VENN

I: Elementos que pertencem a A e B e C


X: Elementos que pertencem a A e B, mas
não pertencem a I
Y: Elementos que pertencem a A e C, mas não
pertencem a I
Z: Elementos que pertencem a B e C, mas não
pertencem a I

r: Elementos que pertencem a A, mas não pertencem a B nem C


t: Elementos que pertencem a B, mas não pertencem a A nem C
s: Elementos que pertencem a C, mas não pertencem a A nem B
n: Elementos que não pertencem a A nem B nem C
Matemática - Conjuntos: Exercícios (Resolução de Problemas)

Prof.: Braian Azael da Silva


DIAGRAMAS DE VENN

I: Elementos que pertencem a A e B


x: Elementos que pertencem a A, mas não pertencem a I
y: Elementos que pertencem a B, mas não pertencem a I
n: Elementos que não pertencem a A nem B
DIAGRAMAS DE VENN

I: Elementos que pertencem a A e B e C


X: Elementos que pertencem a A e B, mas
não pertencem a I
Y: Elementos que pertencem a A e C, mas não
pertencem a I
Z: Elementos que pertencem a B e C, mas não
pertencem a I

r: Elementos que pertencem a A, mas não pertencem a B nem C


t: Elementos que pertencem a B, mas não pertencem a A nem C
s: Elementos que pertencem a C, mas não pertencem a A nem B
n: Elementos que não pertencem a A nem B nem C
DIAGRAMAS DE VENN

Feita uma pesquisa sobre o consumo de dois artigos X e Y,


constataram-se os seguintes resultados. O número de pessoas
consultadas foi:
a) 140
b) 150
c) 110
d) 130
e) 120
DIAGRAMAS DE VENN

Numa pequena cidade com 400 residências, 60% delas têm água
encanada, 45% dispõem de sistema de esgoto e 5% não têm água
encanada nem esgoto. Nessas condições, é verdade que :

a) 60 residências têm água encanada e esgoto.


b) 120 residências não têm água encanada.
c) 200 residências têm água encanada mas não esgoto.
d) 160 residências têm esgoto mas não água encanada.
e) 360 residências têm água encanada ou esgoto.
EXERCÍCIO

A partir de uma amostra de 1.200 candidatos a cargos em determinado concurso,


verificou-se que 600 deles se inscreveram para o cargo A, 400 se inscreveram para o cargo
B e 400, para cargos distintos de A e de B. Alguns que se inscreveram para o cargo A
também se inscreveram para o cargo B.

A respeito dessa situação hipotética, julgue o item subsecutivo.

Menos de 180 candidatos se inscreveram no concurso para os cargos A e B.


Certo Errado
DIAGRAMAS DE VENN

Uma prova continha dois problemas: 30 alunos acertaram somente um


problema, 22 alunos acertaram o segundo problema, 10 alunos acertaram
os dois problemas e 17 alunos erraram o primeiro problema. Nesse
contexto, assinale V ou F.

( ) 10 alunos erraram os dois problemas.


( ) 23 alunos erraram o segundo problema.
( ) 18 alunos acertaram somente o primeiro problema.
DIAGRAMAS DE VENN
De um grupo de pessoas sabe-se que:

- 27 estudam matemática.
- 26 estudam filosofia.
- 23 estudam música.
- 16 estudam matemática e filosofia.
- 14 estudam matemática e música.
- 12 estudam filosofia e música.
- 9 estudam filosofia, matemática e música.
- 7 não estudam nenhuma destas matérias.

Quantas pessoas formam o grupo?


a) 76 b) 134 c) 50 d) 118 e) 43
EXERCÍCIO

Determinada faculdade oferta, em todo semestre, três disciplinas optativas para alunos do quinto semestre:
Inovação e Tecnologia (INT); Matemática Aplicada (MAP); Economia do Mercado Empresarial (EME). Neste
semestre, dos 150 alunos que possuíam os requisitos necessários para cursar essas disciplinas, foram
registradas matrículas de alunos nas seguintes quantidades:
70 em INT;
45 em MAP;
60 em EME;
25 em INT e MAP;
35 em INT e EME;
30 em MAP e EME;
15 nas três disciplinas.
Com base nessas informações, julgue o item que se segue.
A quantidade de alunos que se matricularam apenas na disciplina MAP é inferior a 10.
Certo Errado
(OAB, Enem, Concursos)| Tema