Você está na página 1de 16

Viabilidade econômica na Criação de Galinha

Caipira
O diferencial
Considerações
• Demanda crescente  Carne e ovos;
• 2016  Aumento 30% consumo de carne ;
• Produto mais nobre que o industrial (reconhecimento do
consumidor);
• O próprio nome já auxilia no marketing (GALINHA
CAIPIRA);
• Valor aceito naturalmente pelo consumidor;
 R$ 30,00 (ave viva);
 R$ 10,00 – 22,00 (kg abatida);
 R$ 55,00 – R$ 120,00 (restaurantes).
Pontos importantes
• A comparação com a ave “pé seco”;
• A inserção no mercado de aves criadas
confinadas;
• Descarte de postura x Galinha caipira;
• Ambiência e instalações deficientes;
• Manejo alimentar deficiente;
• A deficiência no controle dos custos e no
manejo sanitário;
• Escala de Produção.
Normatização

• ABNT NBR 16389:2015 (27/06/2015);


O Sistema Caipira de Criação
Galinha Caipira/Galinha Colonial/Galinha Capoeira
“Aves produtoras de ovos comerciais caipiras, de linhagens ou
raças caipiras, criadas sob o sistema caipira, que ao final de seu
ciclo produtivo destinam-se à produção comercial de carne.”
Frango caipira/frango colonial/frango capoeira
“Aves oriundas de raças ou linhagens de crescimento lento,
destinadas à produção de carne, com idade mínima de 70 dias e
máxima de 120 dias, criadas em conformidade com esta Norma.”
• Galo caipira/galo colonial/galo capoeira
“Machos acima de 120 dias de idade, maturos sexualmente.”
O Sistema Caipira de Criação

• Alimentos complementares:
 De origem vegetal, oferecidos
adicionalmente a ração balanceada, com
recomendação técnica; por exemplo,
legumes, frutas, folhas, grãos e tubérculos.
NOTA
Não são considerados alimentos complementares
sobras de alimentos destinados ao consumo
humano, de restaurantes, de feiras e lixo.
Adequação ao sistema semiextensivo

• Galpão + piquetes
Acompanhamento dos Custos
Aviário n°:________ Rec. Do lote: ______/______/2017
Quant. de pintainhos:__________ Custo R$ __________
Origem:________________Linhagem:________________

DIA Mortes Ração Ração Vac/med Outras Obs


manhã Tarde despesas
1
2
3
4
5
6
7
29
30
Acompanhamento de 200 aves
Nº DE AVES 200

CUSTO
CONSUMO CONSUMO
MÉDIO
DE RAÇÃO CONSUMO NA DE RAÇÃO CUSTO TOTAL
IDADE SEMANA DIAS FASES RAÇÃO
POR DIA SEMANA (Kg) POR FASE NO PERÍODO
CAIPIRA
(Kg) (Kg)
R$

1ª 7 2,6 18,20 18,20 PRÉ-INICIAL 1,77 32,21


2ª 14 7,20 50,4
3ª 21 10,20 72,8 217 INICIAL 1,77 384,09
4ª 28 13,4 93,80
5ª 35 16 112
6ª 42 18 126 CRESCIMEN
522,20 1,55 809,41
7ª 49 19,60 137,20 TO
8ª 56 21 147
9ª 63 22,40 156,80
10ª 70 23 161 1.230,60
11ª 77 23,60 165,20 820,40 ENGORDA 1,50
12ª 84 24 168
13ª 91 24,20 169,40
TOTAL 112,7 1.577,80 Kg 788,9 CT 2.456,31
Continuação
CONSUMO MÉDIO DE RAÇÃO POR FRANGO (Kg) 7,89
VALOR MÉDIO DO KG DE RAÇÃO 1,56
CUSTO DE PRODUÇÃO COM RAÇÃO CAIPIRA/FRANGO (R$) 12,30
CONSUMO TOTAL DE RAÇÃO (Kg) 1.577,80
CUSTO TOTAL COM RAÇÃO R$ (A) 2.456.31
CUSTOS COM AQUISIÇÃO DOS PINTOS (B) 500,00
CUSTOS COM AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS (C) 80,00
CUSTO COM ENERGIA (D) 27,00
CUSTO COM ÁGUA (E) 75,00
CUSTO COM MÃO-DE-OBRA (F) 455,00
CUSTO TOTAL DE PRODUÇÃO (A+B+C+D+E+F) 3.593,31
PESO MÉDIO DO FRANGO ABATIDO (Kg) 2,3
TOTAL DE KG DE FRANGO COMERCIALIZADO 437
VALOR DE VENDA DO KG DO FRANGO 10,50
CUSTO POR KG DE FRANGO PRODUZIDO 8,22
LUCRO POR KG DE FRANGO PRODUZIDO – R$ 2,28
LUCRO BRUTO 4.588,50
LUCRO LÍQUIDO 995,19 (27,5%)
REMUNERAÇÃO MENSAL EXCLUINDO CUSTOS COM INVESTIMENTO FIXO R$ 331,73
Custos aviário 6x4m = 24m²

DISCRIMINAÇÃO UNIDADE QUANT. VR. UNITÁRIO VR. TOTAL


Materiais 2796,00
Tijolo furado Milheiro 1,5 280,00 420,00
Cimento Saco 12 20,00 240,00
Telha Milheiro 1 250,00 250,00
Triliça Metro 4 25,00 100,00
Brita M³ 1 100,00 100,00
Areia M³ 3 50,00 150,00
Arisco M³ 5 50,00 250,00
Caibro (40 de 3,5m) Metro 140 2,00 280,00
Caibro (22 de 2,5m) Metro 55 2,00 110,00
Ripa Metro 300 1,00 300,00
Linha (2 de 3,5 m de 6mm X
Metro 14 15,00 210,00
12mm)
Barrote (2 de 2,5m) Metro 5 6,00 30,00
Metro 14 6,00 84,00
Tela de Arame Galvanizado
Prego Linhal Kg 0,5 8,00 4,00
Prego Caibral Kg 0,5 8,00 4,00
Custos aviário
Prego Ripal Kg 0,5 8,00 4,00
Prego de Salto Kg 0,5 8,00 4,00
Dobradiça Unidade 3 3,00 9,00
Ferrolho Unidade 1 3,00 3,00
Material Elétrico Verba 1 100,00 100,00
Material Hidráulico Verba 1 144,00 144,00
Mão-de-obra 960,00
Pedreiro H/d 6 80,00 480,00
Servente H/d 6 40,00 240,00
Carpinteiro H/d 1 80,00 80,00
Elericista H/d 1 80,00 80,00
Bombeiro Hidráulico H/d 1 80,00 80,00
TOTAL GERAL (1+2) 3756,00
CUSTO POR M² 156,50
OBSERVAÇÕES: (pé direito com 2,1m e beiral de 1 m) -(Baldame 40 cm) - (muretas laterais de 40 cm
de altura) - (paredes frontais de tijolo com avanço de 50 cm para as muretas laterais
Implantação de aviário

CUSTOS INCLUINDO CONSTRUÇÃO DO AVIÁRIO 7.349,31


CUSTOS MÉDIO DO M² DO AVIÁRIO 156,50
CUSTOS COM AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS 601,00
CUSTOS MÉDIO DE EQUIPAMENTO POR FRANGO 6,01
CUSTOS COM IMPLANTAÇÃO DOS PIQUETES 220,76
CUSTO MÉDIO DO M² DO PIQUETE 6,63
CUSTO TOTAL COM IMPLANTAÇÃO DO PRIMEIRO
LOTE 8.171,07
Considerações

• Quantidade de aves x lucro;


• Adequação ao sistema caipira;
• Extremamente necessário um trabalho de
marketing quanto ao caipira melhorado.
Grato

Elias B de Lima
batista.agro@hotmail.com