Você está na página 1de 4

PSICOPEDAGOGIA

Código da Disciplina EDUC503


Tipo de Disciplina Complementar
Nível da Disciplina Mestrado
Ano Curricular 1º Ano
Semestre 2º Semestre
Número de créditos Académicos 7 Créditos/175 horas

Distribuição da carga horária


T TP PL TC S ST TA
25 8 X X X 5 142
T – Ensino Teórico: TP – Teórico prático: PL – Prático e Laboratorial: TC – Trabalho de Campo: S – Seminário: ST – Sessão
Tutorial: TA – Trabalho Autónomo

Docente (s):

Marcelino Maloa, PhD

Objectivos da Disciplina
1. Identificar e discutir os factores externos e internos à estrutura da Escola, os
quais promovem problemas de aprendizagem, buscando subsídios para a
melhoria do ensino e a redução do fracasso escolar;
2. Desenvolver atitudes de pesquisa e curiosidade investigativa para a realização
de uma prática consciente, preventiva e responsável;
3. Incentivar a formação contínua dos profissionais que actuam em educação,
como meio de conhecer e compreender o processo de aprendizagem, os
factores que interferem no sucesso e fracasso de educando, as metodologias e
referenciais teóricos que subsidiam projectos de actuação;
4. Aperfeiçoar a qualidade de ensino como prevenção de dificuldades e como
melhoria do desempenho dos alunos nas diversas situações de aprendizagem;
5. Aprofundar os conhecimentos acerca dos processos de aprendizagem a partir
de uma perspectiva interdisciplinar a fim de qualificar os profissionais que
actuam na Educação de forma a torná-los aptos a realizar avaliações e
intervenções psicopedagógicas;

Pré – Requisitos: Sem pré-requisitos.


Conteúdo da Disciplina
1. Fundamentos da Psicopedagogia:
1.1 Conceitos bases – Pedagogia, Psicologia
1.2 O Objecto de estudo da Pedagogia, da Psicologia
1.3 Psicopedagogia
2. Breve historial da psicopedagogia
2.1 Conceitos de psicopedagogia
2.2 Conceituação e caracterização da Psicopedagogia Institucional,
psicopedagogo nos diferentes Organizacional e Educacional
2.3 Contribuições da Psicanálise, Psicologia individual, Psicologia Social,
Pedagogia, etc.
2.4 Psicopedagogia da Comunicação na aula
2.5 O papel da actuação psicopedagogo nos espaços institucionais.
3 A escola e os educadores
3.1 Função reprodutora da Escola
3.2 O problema da formação pedagógica (professor, o aluno ‘os alunos’
e a instituição).
3.3 Formação e desenvolvimento profissional (falta de orientação e
estrutura e condições de funcionamento da escola)
4 Diferentes abordagens do problema de aprendizagem.
4.1. O problema da aprendizagem na escola
4.2. Concepção dos educadores:
4.1.1 No nível dos sintomas - Interferências na leitura e escrita; lentidão
na aprendizagem e parada na aprendizagem.
4.1.2 No nível dos obstáculos - interferências funcionais e interferências
sócio-afectivas.
4.1.3 No nível das causas - orgânicas e psicológicas.
4.1.4 A medicalização do problema de aprendizagem
5 Estratégias de trabalho para alunos que apresentam problemas de
aprendizagem: na sala de aulas, junto aos colegas, junto às famílias e
junto aos serviços públicos de atendimento ao escolar.

6 Análise psicológica de alguns métodos e técnicas pedagógicas


6.1 Análise psicopedagógica dos métodos activos
6.1.1.1 Psicopedagogia dos métodos orientados para a individualização
do trabalho
6.1.1.2 Aspectos psicopedagógicos das didácticas
6.1.1.3 Análise dos aspectos psicológicos gera
6.1.1.4 Análise psicopedagógica das diferentes matérias escolares
6.1.1.5 Aspectos psicopedagógicos da avaliação
6.1.1.6 Avaliação e processos de aprendizagem
6.1.1.7 Aspectos psicopedagógicos da avaliação somativa.
Métodos de ensino - aprendizagem
Na Universidade Católica de Moçambique privilegia-se a metodologia de ensino
centrada no estudante. Isto significa que o estudante passa a assumir maior
responsabilidade no processo de aprendizagem. Neste contexto o professor passa a
ser um gestor de situações de aprendizagens, assumindo mais concretamente o papel
de mediador e facilitador. As aulas são fundamentalmente teóricas, práticas e
laboratoriais.
Nesta unidade curricular, os estudantes terão um mínimo de quatro (4) aulas
presenciais por semana com a duração de Duas horas (2.H) cada.
As principais actividades a serem realizadas nesta unidade curricular podem
incluir: exposição de conteúdos teóricos e práticos, tutorias, seminários, palestras,
análise e estudo de textos selecionados, trabalhos em grupo e individuais, discussão
sobre o material estudado, realização de trabalhos práticos e ou laboratoriais e,
trabalho de campo.

Métodos de avaliação

A classificação final do estudante será baseada no desenvolvimento de um artigo


cientifico

Língua de Ensino – Português


Bibliografia recomendada

Antunes, C. ( 2003).Como desenvolver contúdos explorando as inteligências


múltiplas. (4º ed.). São Paulo, Brazil: Editora Vozes.
Avanzani, G. (1978). A pedagogia no século XX. Lisboa, Portugal: Morais.
Libâneo, J.C. (2010). Pedagogia e Pedagogos, para quê. São Paulo: Cortez Editora
Mialaret, G. (1992). A psicopedagogia. Lisboa, Portugal: Dom Quixote.
Mialaret, G. (1999). Psicologia da Educação. Lisboa, Portugal: Istituto Piajet
Pessanha, M. & all .(2013 ) Psicologia da Educação. Portugal: Plural Editores
Rubinstein, E. (2012). Psicopedagogia uma prática, diferentes estilos, São Paulo:
Casa do Psicólogo
Scoz, B. (2007). Psicopedagogia e realidade escolar (14ª ed.). Rio de Janeiro, Brasil:
Vozes.
Vigotski, L.S (2004). Psicologia pedagógica ( 2ª ed.).São Paulo, Brazil: martinsfonte
Werner, C. (1973) Psicologia Pedagógica, Edições, São Paulo: Edições Paulista.