Você está na página 1de 2

Fernando Augusto Albuquerque Mourão (1934-2017)

Mortes: Colega de revolucionários e africanista pioneiro no


Brasil
Divulgação/Escola Paulista de Magistratura

Fernando Augusto Albuquerque Mourão (1934-2017)

ANTONIO MAMMI
DE SÃO PAULO

03/10/2017 00h00

Em discurso representando os estudantes brasileiros da Universidade de Coimbra, o jovem Fernando Albuquerque Mourão saudou o
presidente Café Filho, que visitava Portugal em 1955.

Muitos bacharéis em direito teriam construído uma carreira jurídica ou política a partir de uma formalidade dessas. A fala de Mourão,
no entanto, se deu em um momento de ruptura em sua trajetória pessoal –paulatinamente, ele se afastava do estudo das leis para
imergir na pesquisa sobre a África.

O contexto era propício: movimentos nacionalistas afloravam naquele continente e Mourão vivia na metrópole. Era integrante da Casa
dos Estudantes do Império, agremiação da qual participaram nomes como Agostinho Neto, primeiro presidente de Angola, e Amílcar
Cabral, líder da independência de Guiné Bissau.

Seus membros foram perseguidos pela ditadura salazarista, acuada pela iminente descolonização. Mourão regressou ao Brasil.

Por aqui, revolucionou a forma de se estudar a África, antes baseada em modelos europeus. Em 1965, ajudou a fundar o Centro de
Estudos Africanos da USP. Em 1971, tornou-se titular da cadeira de sociologia da universidade.

Também antecipou a necessidade criar uma política externa voltada aos países de lá. "Foi interlocutor de alto nível dos governos
brasileiros com africanos. Sua presença em toda África, Angola em especial, é notável", diz Alysson Mascaro, professor de filosofia do
direito da USP.

Morreu no último dia 30, aos 83. Deixa mulher, dois filhos, netos e bisneto.

coluna.obituario@grupofolha.com.br

Veja os anúncios de mortes


Veja os anúncios de missas

Endereço da página:

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2017/10/1923733-mortes-colega-de-revolucionarios-e-africanista-pioneiro-no-brasil.shtml

Links no texto:
coluna.obituario@grupofolha.com.br
mailto:coluna.obituario@grupofolha.com.br

Veja os anúncios de mortes


http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/mortes/mortes.shtml
Veja os anúncios de missas
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/mortes/missas.shtml

Copyright Folha de S. Paulo. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicaçao, eletrônico ou
impresso, sem autorização escrita da Folha de S. Paulo.