Você está na página 1de 57

E Agora?

Estudo Bíblico

Por Charles Brock

1
Primeira edição: 1.600 exemplares

Direito por Charles Brock

Permissão por esta edição foi dada pela Church Growth


International nos EUA. Licença para reproduzir este estudo
em qualquer forma tem que ser concedida pela Church
Growth International.

Para adquirir mais cópias de estudos, faça contacto com


Estudos Bíblicos
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil
Telefone - 55-31-3442-6398
Email - pastordavid@pobox.com

2
ÍNDICE

Introdução ---------------------------------------------------------------------- 01
1. Uma Nova Natureza ------------------------------------------------------ 03
2. Novos Privilégios --------------------------------------------------------- 09
3. Nova Esperança ----------------------------------------------------------- 17
4. Novos Relacionamentos ------------------------------------------------- 23
5. Uma Nova Compreensão do Batismo --------------------------------- 30
6. Uma Nova Família – a Igreja ------------------------------------------- 36
7. A Ceia do Senhor e o Dízimo ------------------------------------------- 43
8. Novas Responsabilidades ------------------------------------------------ 50

3
INTRODUÇÃO

.
Estas lições foram preparadas para ajudar ao crente em sua nova vida
como um recém-nascido. O tema das lições encontram-se nas palavras de
Paulo em 2 Coríntios 5:17:
“Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já
passaram; eis que surgiram coisas novas!”*
As oito lições tratam com os elementos básicos da nova vida do recém-
convertido (crente). Estes são: Uma Nova Natureza, Novos Privilégios,
Nova Esperança, Novos Relacionamentos, Uma Nova Compreensão do
Batismo, Uma Nova Família - a Igreja, A Ceia do Senhor e o Dízimo, e a
última lição, Novas Responsabilidades.
Quando uma pessoa nasce de novo, este é apenas o começo de uma nova
vida. Um estudo destas lições ajudará ao novo convertido para começar a
viver uma vida nova com sucesso.

*Textos bíblicos foram retirados da Nova Versão Internacional.

4
SUGESTÕES A SEREM USADAS NESTAS LIÇÕES

1. Quando os membros de um grupo de estudo bíblico nascem de novo,


provável é que desejem continuar com seu grupo de estudo bíblico.
Este livro está adaptado para ser estudado por estes grupos. As lições
podem ser usadas no preparo do grupo de novos decididos para
chegarem a constituir-se em Igreja.

2. Uma igreja pode usar este livro para utilizá-lo numa classe de novos
membros.

SUGESTÕES PARA ESTUDAR ESTAS LIÇÕES

1. Estude uma lição cada semana.


2. Gaste uma hora cada lição.
3. Permita que os membros da classe participem da leitura, seja por
parágrafos ou por páginas. Permita que os membros da classe leiam
as perguntas e procurem as respostas no período de Revisão e Dis-
cussão. As respostas se encontram na mesma lição.

5
E AGORA?
por
Charles Brock

Lição 1 - UMA NOVA NATUREZA

"Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já


passaram; eis que surgiram coisas novas!" 2 Coríntios 5:17
Quando uma pessoa nasce de novo, esta pessoa tem uma nova natureza.
Há uma grande mudança em suas atitudes e atos.
Esta nova vida ou nova natureza, nós adquirimos quando confessamos a
nossa condição pecaminosa a Cristo e nos voltamos do pecado para pôr a
nossa fé nEle. A nova vida foi um presente da parte de Deus para nós.
Este é o significado de termos nascido de novo.
Em Romanos 6:23 lemos: "Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom
gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor."

NESTA LIÇÃO ESTUDAREMOS ACERCA DA NOSSA NOVA VIDA


E DA NOSSA NOVA NATUREZA
A Bíblia descreve a velha natureza e a nova natureza. A velha natureza
era nossa vida antes de nascermos de novo. A nova natureza é a nossa
vida depois de termos nascido de novo.
Estas duas naturezas são encontradas em Gálatas 5:16-21. Nestes
versículos o apóstolo Paulo descreve os frutos ou resultados das duas
naturezas.
Leia Gálatas 5:19-21.
Escreva alguns dos pecados que se encontram na velha natureza, segundo
o texto.
___________________________________________________________
___________________________________________________________
___________________________________________________________
___________________________________________________________

6
Lembre-se de que esta é uma descrição de uma natureza humana sem
Cristo como Salvador e Senhor.
Leia Gálatas 5:22-26.

O Fruto da Nova Natureza


Paulo descreve a nova natureza em Gálatas 5:22-26. Leia estes versículos
mais uma vez. Há nove coisas novas que se encontram na nova vida.
Estas são produzidas pelo Espírito Santo vivendo em nossas vidas.
Por favor, descreva estas nove características no espaço.
1. _____________________________________________________
2. _____________________________________________________
3. _____________________________________________________
4. _____________________________________________________
5. _____________________________________________________
6. _____________________________________________________
7. _____________________________________________________
8. _____________________________________________________
9. _____________________________________________________

Veja o versículo 25: "Se vivemos pelo Espírito, andemos também pelo
Espírito.” Isto quer dizer que se o Espírito Santo tem nos dado vida, Ele
também deve controlar as nossas vidas.
Leia mais uma vez 2 Coríntios 5:17 (se encontra no começo desta lição).
Leia o que Paulo diz em Efésios 4:22-24 e Colossenses 3:5-17 para um
estudo adicional acerca da nova vida e a velha vida.
Temos visto, segundo a Bíblia, que para o crente, a nova vida é uma coisa
normal. Também temos entendido que o verdadeiro crente não pode
continuar vivendo como vivia antes de nascer de novo. A nova vida
substitui a velha vida.
O crente tem atitudes novas. O crente tem atos novos.
Você pode dizer: "Eu nasci de novo. Minha vida realmente tem mudado,

7
mas algumas vezes sinto a tentação de pecar, e algumas vezes peco. Será
que continuo sendo um cristão que nasceu de novo?
Alguns novos crentes se sentem frustrados e deprimidos quando um dia
recebem Jesus como Salvador e Senhor e logo no dia seguinte pecam.
Isso é normal? Será que sou a única pessoa assim? Será que perdi a
salvação? Muita gente se faz estas perguntas.
Para que saibamos como agir e entender melhor a nós mesmos,
estudaremos cuidadosamente acerca da relação do crente com a tentação
e o pecado.

O CRISTÃO NASCIDO DE NOVO É LIVRE DA ESCRAVIDÃO DO


PECADO POR DUAS RAZÕES

1. O crente recebeu uma nova natureza como um presente da parte de


Deus.
Leia I João 3:9-10. Percebe-se que nas palavras dos versículos acima,
"não pratica o pecado", não quer dizer que o crente não pode pecar.
Todo crente peca. A ênfase está em "continua", isto é, pecar
continuamente. O cristão não será mais um escravo do pecado. Ele
não terá o pecado na sua vida como um costume ou um hábito.
A nova natureza trará frutos novos.
2. O novo crente é livre da escravidão do pecado porque o Espírito
Santo vive na sua vida.
Leia 1 João 4:13 e 1 João 4: 1-2. Portanto, temos visto na Bíblia que
um crente nascido de novo não vive no pecado continuamente por-
que Deus dá a ele uma nova natureza e também lhe dá o Espírito
Santo.
Quando recebemos o Espírito Santo? No mesmo momento em que
recebemos Cristo pela fé, o Espírito Santo vem morar em nossas vidas.
Encontramos na Bíblia dois versículos que são muito claros em relação a
quando o crente recebe o Espírito Santo.
Leia Atos 11:17. Neste versículo Pedro, o apóstolo, está falando acerca do
Espírito Santo. O Espírito vem a ser o nosso acompanhante diário quando
cremos e recebemos a Cristo como Salvador e Senhor.
Leia Atos 10:47. Está claro que estas pessoas receberam o Espírito Santo

8
quando creram, ainda antes de serem batizadas em água.
Nossa conclusão é: o pecado já não domina as nossas vidas porque temos
uma vida santa (separada) e temos um novo diretor em nossas vidas, o
Espírito Santo de Deus.
Sabemos que temos uma nova natureza e que temos o Espírito Santo
porque as nossas atitudes e atos têm mudado.
Se uma pessoa diz que é nascida de novo mas continua alegrando-se
na sua vida de pecado anterior, então é porque na realidade não nasceu de
novo.
Voltando à pergunta, pecam os que nasceram de novo? A resposta é
"sim".
Outra pergunta: continuará um crente nascido de novo alegrando-se na
sua vida passada de pecado? A resposta é "não".
Para os que não são crentes o pecado domina suas vidas e eles vivem
comodamente.
Para o crente o pecado é um intruso que não lhe pertence. O crente não
se sente confortável com sua presença.
Quando uma pessoa nasce de novo está consciente de seu pecado.
Existe uma nova consciência sensível.
O crente fica perdido e condenado quando peca? Não, isto não é assim.
Não se sentirá feliz, e se não confessar o seu pecado a Deus é muito
provável que perca a alegria, o gozo da sua salvação. Mas quando uma
pessoa chega a ser filho de Deus e recebe a vida eterna, nada o sepa-
rará de Deus. Leia Romanos 8:38, 39.

QUE DEVE FAZER O CRENTE QUANDO PECA?


Leia 1 João 1:8,9; 2:1-2. Quando um crente peca, ele deve confessar
imediatamente esse pecado diretamente a Deus e pedir-lhe perdão.
Deus perdoa o pecado, e o crente é limpo desse pecado.

QUE ACHA DA TENTAÇÃO?


Jesus Cristo foi tentado. Leia Mateus 4:1; Hebreus 2:18; 4:15. Cristo foi
tentado porém não pecou. Não é pecado ser tentado. Permitir ou ceder
à tentação é pecado. Leia o que Jesus disse aos seus discípulos em

9
Marcos 14:38.
Não é pecado ser tentado, mas se cedermos à tentação, ou se nos co-
locamos numa posição em que a tentação é constante, então isto é pe-
rigoso e ruim. É muito melhor evitar a tentação o mais que pudermos.

REVISÃO E DISCUSSÃO

1. A Bíblia nos fala de duas naturezas. Uma é a velha natureza e a outra


é ______________________________________________________

2. Mencione algumas das coisas que se acham na velha


natureza_________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

3. Descreva a nova natureza (Gálatas 5:22-26)_____________________


________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

4. Temos aprendido nesta lição que o crente é liberto da escravidão do


pecado porque tem recebido _________________________________
da parte de Deus e porque o _________________________________
mora nele.

5. Quando o crente recebe o Espírito Santo? (Atos 11:17) ___________


________________________________________________________

6. O verdadeiro crente pode cometer pecado?


Sim __________ Não ___________

7. Segundo esta lição, o que deve fazer o crente quando peca? (1 João
1:9)_____________________________________________________
________________________________________________________
______________________________________________________

10
8. O crente nascido de novo terá em sua vida novas atitudes e novos
atos.
Falso________ Verdadeira ________

9. Como tem mudado sua vida desde que nasceu de novo? ___________
________________________________________________________

10. É pecado ser tentado?


Sim ___________ Não __________
De que maneira você é tentado?______________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

11. Como pode uma pessoa vencer a tentação? _____________________


________________________________________________________
________________________________________________________

11
E AGORA?
Por
Charles Brock

Lição 2 - NOVOS PRIVILÉGIOS


Na nova vida do crente há muitos privilégios que se podem gozar. Nesta
lição estudaremos acerca de dois grandes privilégios. Estes são: o estudo
da Bíblia e a oração.

ESTUDO DA BÍBLIA
Cada crente deve ter uma Bíblia. Se você não tem uma, trate de conse-
guí-la o mais breve possível.

POR QUE É TÃO IMPORTANTE LER A BÍBLIA?


Ler a Bíblia é importante porque a Bíblia é a mensagem de Deus para
nós.
Leia 2 Pedro 1:21. A Bíblia não é um livro ordinário qualquer. Não é a
palavra do homem; é a Palavra de Deus. É Deus falando através dos
homens que estiveram sob seu controle. É uma mensagem de Deus para
você.
É muito importante ler a Bíblia porque nos fala de Deus.
Sendo que agora somos filhos de Deus, desejamos saber o mais possível
acerca de nosso Pai.
Desde o começo até o fim, a Bíblia nos fala quem é Deus, como opera, e
fala de seus propósitos para o homem.
Para aprender de Deus, temos que estudar este livro. É emocionante
aprender acerca da Sua santidade, justiça, misericórdia e amor. Na Bíblia,
encontramos um retrato exato de Deus, conforme lemos acerca de Cristo,
seu Filho. Jesus disse: "Quem me vê, vê o Pai." (João 14:9).
É importante ler a Bíblia porque fala de nós mesmos.
Deus disse em Gênesis que Ele criou o homem e a mulher. No Novo
Testamento Jesus fala dos dois destinos possíveis para cada homem ou
mulher. A Bíblia revela o homem como pecador e com necessidade de um

12
Salvador. Aprendemos na Bíblia que o poder que o pecado tem sobre nós
pode ser vencido através de Jesus Cristo.
É importante ler a Bíblia porque nos diz como ter sucesso para viver a
vida cristã.
Leia 2 Timóteo 3:14-17. Segundo estes versículos toda a Escritura (a
Bíblia), é inspirada por Deus e é útil para _________________________,
_________________, _______________e ________________________

Deste versículo aprendemos que é possível ainda para as crianças es-


tudarem e entenderem a Bíblia.
É importante ler a Bíblia porque é alimento para o desenvolvimento do
cristão.
Leia Mateus 4:4. Para que o homem esteja fisicamente sadio, precisa de
alimento. Para que o crente esteja espiritualmente sadio também, deve ler
e alimentar-se da Palavra de Deus.
Leia 1 Pedro 2:2.

COMO DEVO LER A BÍBLIA?


É necessário ter um plano de estudo bíblico sistemático. Muitos lêem a
Bíblia somente quando têm urgência especial. Abram suas Bíblias e leiam
alguns versículos ou capítulos, quaisquer que sejam, onde se abriu a Bí-
blia... Isto não é sistemático. A pessoa que não é sistemática em seu
estudo bíblico, geralmente não será sistemática no horário para ler a
Bíblia, e não lerá muito.
O que é um plano sistemático para ler a Bíblia?
Para o novo crente será melhor começar com Mateus, o primeiro livro do
Novo Testamento e ler determinados capítulos cada dia. Depois que
terminar de ler o Evangelho de Mateus, continue lendo o Evangelho de
Marcos, o segundo livro do Novo Testamento. Continue assim até ter-
minar todo o Novo Testamento. Há um total de 260 capítulos nos 27
livros do Novo Testamento. Se ler dois capítulos por dia, terminará de ler
todo o Novo Testamento em 19 semanas.
Quando terminar todo o Novo Testamento seria bom começar de novo a
ler o livro de Mateus, porém, seria bom começar a ler ao mesmo tempo o
Velho Testamento. Ler dois capítulos do Velho Testamento e um do
Novo Testamento cada dia. Comece com Gênesis no Velho Testamento
13
que é o primeiro livro.
Este é um plano sistemático para ler a Bíblia. Faça o possível para que
este plano seja o mínimo. Mais tarde você mesmo desejará fazer estudos
especiais em algumas partes da Bíblia.
(Se você tem só o Evangelho de João, deve começar a ler um capítulo
diariamente até terminar de lê-lo todo. Se ainda não tem um Novo Tes-
tamento ou uma Bíblia, é bom planejar comprar sua própria Bíblia.)

Alguns pontos adicionais de como ler a Bíblia.


1. Orar antes de ler. Agradeça a Deus pela sua Palavra, e peça-Lhe ajuda
para entender o que você vai ler.
2. Seja humilde. É a Palavra de Deus; é inspirada e é poderosa.
3. Sublinhe as palavras e versículos que na verdade chamam a sua
atenção.

QUANDO POSSO LER A BÍBLIA?


Assim como você decidiu ter um plano sistemático para ler a Bíblia, as-
sim também você necessita decidir quanto ao tempo regular para lê-la.
Esse tempo não será o mesmo para todos. Para alguns, o melhor tempo
será pela manhã antes de ir para o serviço ou para a escola. Para outros,
será quando nas refeições do meio dia, e para outros o melhor tempo
talvez seja antes de ir dormir, à noite.
O importante é estabelecer um tempo definido. Um horário incerto sem-
pre terminará com o pretexto de que não há tempo para ler a Bíblia.
Todos temos ocupações, por isso é necessário definir e estabelecer um
tempo regular. Você tem problema com isto? Então ore e planeje com
dedicação.
Em seguida escolha o melhor tempo para ler a sua Bíblia.
Comece a memorizar versículos.
Memorize o mais que puder. Quando encontrar um versículo que para
você seja de grande importância, escreva-o num pedaço de papel e leve-o
para o trabalho. Repita-o durante o dia. Quando o dia terminar você terá
decorado.
Salmo 119:11 diz: "Guardei no coração a tua palavra para não pecar
contra ti."
14
Jesus disse, "...Antes, felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e
lhe obedecem.” Lucas 11:28
A ORAÇÃO
Estudaremos agora de outro grande privilégio do crente. Este privilégio é
a oração. Neste estudo responderemos quatro perguntas:
1. Que é a oração?
2. Por que devo orar?
3. Como devo orar?
4. Quando devo orar?
QUE É A ORAÇÃO?
Por meio da Bíblia Deus fala ao homem.
Por meio da oração o homem fala com Deus.
A oração é passar um tempo com Deus.
A oração é falar com Deus.
Leia Mateus 6:6 e 9. Estes versículos mostram que a oração é falar com
Deus. A oração não é falar com o homem.
Quando nascemos de novo Deus se constitui nosso Pai, e nós seus filhos.
Leia João 1:12, 13.
Nestes dois versículos encontramos a base da oração: a base é o rela-
cionamento de Pai e filho, relacionamento que começa quando nascemos
de novo. Então, a oração é um privilégio do crente por sua nova relação
com Deus como seu Pai. A oração é um relacionamento natural entre Pai
e filho. Por razão de ser Deus o nosso Pai, compartilhamos com Ele
nossos sonhos, metas, problemas, alegrias, etc. Isto é oração.

POR QUE DEVO ORAR?

Isto é algo muito natural. Nosso relacionamento especial com Deus


amadurece quando oramos. Deus é nosso melhor amigo, em quem po-
demos confiar melhor que ninguém, por isso precisamos falar com Ele.
Como deve agradecer-Lhe pelas bênçãos diárias?
Por meio da oração. Leia 1 Tessalonicenses 5:16-18.
Como recebo o perdão pelos meus pecados?
Por meio da oração. Leia 1 João 1:9. Um bom exemplo de perdão de

15
pecados se encontra no Salmo 51.
Que posso fazer para que Deus conheça as minhas necessidades?
Usar a oração. Leia Hebreus 4:16 e Tiago 1:5.
Por que devo orar?
-porque é algo natural que o filho fale com o seu Pai.
-porque necessito expressar o meu agradecimento.
-porque necessito do perdão para os meus pecados.
-porque necessito que Deus saiba das minhas necessidades.
Cristo sentiu a necessidade de orar, então, nós devemos tê-la também.

COMO DEVO ORAR?


Os discípulos de Cristo disseram," Senhor, ensina-nos a orar..." (Lucas 11:
1)
Antes de Jesus ensinar aos seus discípulos como orar, Ele os advertiu
sobre as formas erradas de orar. Leia Mateus 6:5,7. Jesus continua fa-
lando a seus discípulos como orar. Leia Mateus 6:9-13.
Isto é chamado o modelo de oração. Jesus não quis dizer que seus dis-
cípulos deveriam sempre repetir as mesmas palavras. Quando lemos a
oração de Jesus, ou a oração de Paulo no Novo Testamento, percebemos
que eles não repetem as mesmas palavras. Jesus está dizendo que a oração
inclui: louvor e honra a Deus, obediência à vontade de Deus, busca da
ajuda de Deus para as necessidades do dia a dia - comida, etc.- confissão
de pecados e pedido de ajuda para vencer Satanás, o maligno, o nosso
inimigo. Nosso interesse deve ser pelas mesmas coisas que se encontram
no modelo de oração.
Como crente em Jesus Cristo, como devo orar?
1. Ore em voz alta quando estiver sozinho.
2. Faça orações curtas e simples.
3. Lembre que suas orações são do seu coração a Deus.
4. Ore com um membro de sua família ou com um colega.
5. Ore antes de cada refeição, agradecendo a Deus por suas provisões.
QUANDO DEVO ORAR?
O novo decidido deve fazer sua primeira oração imediatamente após ter
nascido de novo. A oração pode ser desta maneira: “Jesus, muito obrigado
16
por ter-me salvo.”
Um crente agradecido orará antes de cada refeição, expressando assim
sua gratidão a Deus.
É muito melhor começar o dia com oração buscando a direção de Deus e
Sua proteção para o dia. Em seguida, ao terminar o dia, quer dizer antes
de dormir, ore agradecendo a Deus pela Sua direção e cuidados durante o
dia, e por outras bênçãos mais.
Desta maneira você estabelecerá um programa de cinco vezes regulares
por dia em que tomará um tempo especial para orar. O crente então, en-
tenderá que é natural orar espontâneamente durante o dia. Você pode orar
enquanto caminha, trabalha, conduz o carro, etc.
O crente deve orar e ler a Bíblia regularmente, se deseja ter uma vida
espiritual saudável. Se tem uma Bíblia deverá ler alguns versículos que
falam sobre a oração como os seguintes.
Daniel 6:10 Mateus 18:20
Mateus 26:41 Lucas 18: 1
1 Tessalonicenses 5:17 Mateus 7:7
Marcos 11:25 1 João 5:15

REVISÃO E DISCUSSÃO
1. Nesta lição temos estudado dois grandes privilégios do crente. Quais
são estes?
__________________________ e __________________________
2. Escreva cinco razões pelas quais é importante ler a Bíblia.
a. _____________________________________________________
b. _____________________________________________________
c. _____________________________________________________
d. _____________________________________________________
e. _____________________________________________________
3. Discuta porque é necessário um plano sistemático para ler a Bíblia.
________________________________________________________

17
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
4. Você poderá ler o Novo Testamento em 19 semanas se ler _________
diários.
5. Você começará ler a sua Bíblia diariamente? Sim
_____________ Não _____________
6. Se a sua resposta é SIM, que livro começará a ler? __________
___________Quantos versículos deverão ler diariamente? _________
7. Qual será a hora em que lerá a Bíblia cada dia? __________________
8. Por que é importante memorizar versículo da Bíblia? _____________
________________________________________________________
9. Que é oração? ____________________________________________
_______________________________________________________
10. Falamos com ___________________ quando oramos.
11. Por que o crente deve orar? _________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
12. A oração em Mateus 6:9 é chamada a oração ___________________
________________________________________________________
13. Temos aprendido nesta lição que o crente ora diretamente a Deus.
Falso _____ Verdadeiro ________
14. Mencione ou marque cinco vezes (ocasiões) em que o crente ora.
1. _____________________________________________________
2. _____________________________________________________
3. _____________________________________________________
4. _____________________________________________________
5. _____________________________________________________

18
E AGORA?
por
Charles Brock

Lição 3 - UMA NOVA ESPERANÇA

Antes de nascermos de novo não tínhamos esperança. Leia Efésios 2:12-


14.

Uma pessoa que não tenha nascido de novo vive sem esperança. Na
Bíblia lemos desta Nova Esperança em 1 Pedro 1:3,4.
Devemos lembrar sempre que temos que agradecer a Deus pela nossa
nova vida de esperança. Deus é o recurso da nova vida e da nova
esperança.
NOVA ESPERANÇA, FRENTE A MORTE
Quando participamos do funeral de uma pessoa que não tenha nascido de
novo e cuja família também não tenha essa experiência, é claro que eles
não têm esperança. É diferente para o crente. Ainda que a morte o
visite, há esperança. O apóstolo Paulo fala disto em 1 Tessalonicenses
4:13-18. Leia isto.
Jesus disse aos seus discípulos que há esperança. “Não se perturbe o
coração de vocês. Creiam em Deus…” Leia João 14:1-3.
Paulo fala da esperança da nossa ressurreição em 1 Coríntios 15:12-14;
17-20. Leia isto.
Frente ao inimigo maior do homem, a morte, há esperança. Segundo
todas as referências bíblicas que temos lido, o crente terá vitória sobre a
morte.
NOVA ESPERANÇA NA VIDA DIÁRIA
Como crentes, não somente temos esperança no futuro, mas temos
esperança nesta vida. Algumas vezes têm-se ensinado que a vida eterna só
começa depois da morte. Isto não é verdade. Leia João 5:24 para que
você comprove quando começa a vida eterna. Este versículo nos diz que a
vida eterna começa quando cremos. Continua para sempre ainda depois
da morte física.

19
A nossa esperança começou quando ouvimos o evangelho e recebemos
Jesus como Salvador e Senhor. Leia Colossenses 1:23. Com esta nova
esperança, também há uma nova qualidade de vida no crente.
Quando o esposo e a esposa têm nascido de novo há esperança de um
melhor matrimônio. Entra nesse matrimônio uma nova qualidade de
amor. Há muitos matrimônios (casais) infelizes onde o esposo ou a esposa
desperdiçam o dinheiro em bebidas alcoólicas, jogos de azar (loterias) ou
outros prazeres do mundo.
Por esta razão, quase freqüentemente uma pessoa terá relações sexuais
com outras pessoas, e não haverá tempo para a esposa ou esposo, nem
para os filhos. Este é o quadro de um lar sem esperança. Mas Deus em
sua misericórdia o ama e permite que a pessoa ouça as Boas Novas de
Jesus. Quando uma pessoa se arrepende de seu pecado e põe sua fé em
Jesus Cristo, nasce a esperança. Uma família nova tem uma esperança
nova.
Um homem de negócios vive por dinheiro. O sucesso, o prestígio e o
dinheiro são seus deuses. Ele não tem tempo para o Deus verdadeiro, e
tem pouco tempo para sua família. Cada minuto está cheio com seus
negócios, e somente pensa em negócios e mais dinheiro quando acorda
pela manhã e antes de ir para a cama. Mas um dia, um crente entra no
escritório deste homem, e fala-lhe do novo nascimento. O homem de
negócios, sozinho no meio de uma multidão próspera, e cansado de correr
atrás de uma competição sem esperança, se arrepende e recebe a Jesus
como seu novo Senhor. A esperança nasce. Esta esperança é maior e seu
valor é incalculável, ninguém pode comprá-la.
Uma jovem se sente desesperado quando está preso ao vício das drogas.
Não tem um propósito para viver e sente-se solitário e culpado. É uma
ovelha negra na sua família. Mas Deus em sua misericórdia continua
amando-o. Um dia ouve a mensagem das Boas Novas e crê em Jesus
Cristo como seu Senhor e Salvador. A esperança nasce e ele chega a ser
uma nova pessoa. Os hábitos e costumes velhos são substituídos por
hábitos e costumes novos.
Estes são os exemplos da nova esperança que vem quando o evangelho é
ouvido e se recebe a Cristo como Salvador e Senhor, portanto, con-
cluímos que há esperança na vida do crente aqui na terra. Seria bom lem-
brar que o segredo desta esperança se encontra em Deus. Leia 1 Pedro

20
1:21.
Temos aprendido até aqui nestas lições que:
1. O crente pode enfrentar a morte com esperança.
2. A nova esperança nasce no crente quando recebe a Cristo como
Senhor e Salvador.
NOVA ESPERANÇA PARA A ETERNIDADE
Agora estudaremos a pergunta com o qual se defronta todo novo crente. É
esta. Se já tenho nascido de novo e depois peco, será que eu perco a
salvação?
Na primeira lição aprendemos que uma pessoa peca depois de ter nascido
de novo. Algumas pessoas pensam que a salvação se perde quando uma
pessoa peca. Mas, isto não é certo. Se você crê que pode perder a
salvação de um momento para outro, então você não tem uma esperança
verdadeira. Que valor tem uma religião que não dá segurança? Quem
pode estar interessado numa salvação que se pode perder quando uma
pessoa peca?
A Bíblia ensina que quando uma pessoa nasce de novo não pode perder
sua nova vida.
Analise por um momento a promessa de Jesus em João 5:24. Neste
versículo há dois requisitos que devem cumprir-se antes que alguém
obtenha a vida eterna. Estes são:
1. Ouvir as palavras de Cristo,
2. Crer (confiar em Cristo como Salvador e Senhor)
Quando uma pessoa fez estas duas coisas, essa pessoa tem a vida eterna.
Que significa a palavra eternidade? Quer dizer algo temporário? Talvez
até quando a gente volte a pecar? Não. Eternidade significa para sempre.
Se uma pessoa ouve e crê, tem portanto a vida eterna. Se esta vida eterna
torna-se temporária, então Jesus teria mentido, mas para Jesus é
impossível mentir.
Freqüentemente Jesus usou a palavra eternidade, ou para sempre, para
descrever a vida nova do crente. Leia na sua Bíblia os seguintes
versículos. Conforme for lendo sublinhe a palavra eternidade - João
3:15,16; 8:12; 10:28; 1 João 5:13.
Quando uma pessoa nasce de novo, tem a vida eterna. Leia o que Jesus
diz em João 10:28-30.

21
Nestes versículos há uma mensagem de segurança e esperança para o
crente. Sublinhe as palavras eternidade, vida, nunca perecem,
ninguém.
Nas palavras do apóstolo Paulo lemos sobre este assunto em Romanos
8:35, 37-39. Por favor, leia estes versículos mais uma vez e sublinhe as
palavras chaves que dão segurança ao crente para a vida eterna.
Depois que Paulo faz uma lista das muitas coisas com as quais o crente
pode ser confrontado, ele enfatiza que nenhuma destas coisas poderá
separar o crente do amor permanente de Deus. Há uma mensagem de
segurança e esperança, nestes versículos, para o crente.
Vejamos este assunto de uma maneira diferente. Quando nascemos de
novo chegamos a fazer parte da família de Deus. Leia João 1:12.
Por exemplo, quando você nasce fisicamente, você chega a tomar parte de
uma família. Tem um pai e uma mãe. Se como uma criança você faz algo
errado e desobedece, isto quer dizer que já não é filho de sua mãe ou seu
pai? Não! Seja bom ou seja mau, você continua sendo filho deles. Por
outro lado, se você é rebelde, isto ferirá a seus pais, e eles ficarão tristes,
mas você continua sendo seu filho e eles continuarão sendo seus pais. Se
transcorrem os dias, e você não fala com seus pais, isto quer dizer que
eles não são seus pais? Não! O companheirismo e a felicidade se perdem,
porém a base da relação continua. É muito ruim que um filho ofenda seus
pais. É errado que um crente peque contra Deus; mas se assim acontecer,
Deus não deixa de continuar sendo Pai de seus filhos.
Abra agora sua Bíblia no Salmo 51. Leia os versículos de 1 a 13. Esta é a
grande oração de confissão de Davi pelo seu pecado contra Deus. Davi
havia pecado. Ele confessou seu pecado a Deus. Davi não pediu a Deus
que desse a salvação mais uma vez, senão que tornasse a dar-lhe a
alegria da salvação.
Davi tinha perdido a alegria por causa do pecado na sua vida, mas não
tinha perdido a sua salvação.
Concluímos com esta lição que uma pessoa necessita ser salva (nascer de
novo) uma só vez. Quando uma pessoa nasce de novo recebe a vida
eterna e nunca mais será condenada.
O fato de que o crente tem segurança da vida eterna não significa que tem
permissão para pecar. Um crente verdadeiro não dirá jamais: "Tenho
22
certeza de ir para o céu, portanto seguirei pecando quanto quiser". Pelo
contrário, ele se sentirá constrangido e culpado. Sendo que Deus na sua
graça e misericórdia nos assegura a vida eterna, nós desejamos viver
para Ele.
O crente tem esperança quando enfrenta a morte. O crente tem esperança
na vida diária. O crente tem esperança da vida eterna que é segura.

REVISÃO E DISCUSSÃO

1. O recurso da esperança para o crente é _____________________


_____________________________________________________
_____________________________________________________

2. Qual é a diferença entre o funeral de um descrente e de um cren-


te? __________________________________________________
_____________________________________________________
_____________________________________________________
_____________________________________________________

3. Segundo nossa lição, que acontecerá ao crente quando Cristo vol-


tar? Leia João 14:1-3
_____________________________________________________
_____________________________________________________

4. Que garantia temos de que seremos ressuscitados? Leia I Corín-


tios 15:12-14; 17-20.
_____________________________________________________
_____________________________________________________

5. Se você morresse hoje, para onde iria? _____________________


Tem certeza? Sim ____________ Não_____________

6. Nesta lição temos dado algumas ilustrações da nova esperança


nesta vida para aqueles que tem recebido nova vida em Cristo.
Como você acha essa nova esperança na sua vida, no seu matri-

23
mônio, ou na vida da sua família desde que nasceu de nova? ____
_____________________________________________________
_____________________________________________________
_____________________________________________________

7. O crente tem esperança enquanto a vida segura é no céu?


Sim ______ Não _______

8. Jesus usou freqüentemente a palavra para descrever a nova vida.


Esta é a ______________________________________________
_____________________________________________________
_____________________________________________________

9. Se Deus lhe entrega algo para a eternidade, por quanto tempo o


terá? ________________________________________________
_____________________________________________________

10. Eterno quer dizer: Para sempre ________ Temporal _______

11. Davi não perdeu a sua salvação. Ele perdeu a _______________


da sua salvação porque havia _______________ na sua vida.

12. O que pode separar o crente do amor de Deus? _______________


_____________________________________________________

24
E AGORA?
Por
Charles Brock

Lição 4 - NOVOS RELACIONAMENTOS

Nesta lição estudaremos quatro novos relacionamentos que o crente


experimentará. Quando uma pessoa nasce de novo terá um novo rela-
cionamento com:
1. Deus
2. A família
3. A família cristã - a igreja
4. O mundo.

UM NOVO RELACIONAMENTO COM DEUS


Na Bíblia leia os seguintes versículos: Efésios 1:13; João 1:12, Gálatas
3:26; Efésios 1:5, I João 3:1; I Pedro 2:10.
Quando recebemos a Cristo como o nosso Salvador e Senhor chegamos a
ser filhos de Deus - seu povo. Antes que nascêssemos de novo só
conhecíamos a Deus em nossa mente, então, veio um novo
relacionamento pessoal quando o convidamos para ser o dono e Senhor
de todas as áreas de nossa vida.
Que significa essa nova relação com Deus em nossa vida?
1. Significa que somos dirigidos diariamente pelo Espírito de um
Deus amoroso e santo.
Em Romanos 8:14 lemos: “porque todos os que são guiados pelo
Espírito de Deus são filhos de Deus.”
Isto significa que se permitimos ao Espírito de Deus guiar as nossas
vidas, Ele o fará. Quando há decisões a tomar em nossas vidas,
falamos com Deus acerca delas na oração. Pedimos a Deus que nos
ajude a tomar a decisão correta.
Seja em relação à escola, nossa vocação na vida, o companheiro ou
companheira de matrimônio, assim como os assuntos pequenos e
grandes. Deus está interessado em tudo aquilo que nos rodeia. Ele
nos guiará através do seu Espírito. Isto significa que Ele virá a ser o
25
chefe do lar, do negócio, do lazer, de todas as coisas. Ele nos guia,
nós seguimos. Isto faz com que a vida seja mais emocionante para o
crente.
2. Ser filho de Deus significa que somos livres do temor.
Leia Romanos 8:15. Como filhos de Deus não há necessidade de
temer as calamidades ou as catástrofes ou as crises. Como filhos de
Deus não tememos o fracasso.
3. Ser filho de Deus significa que podemos ir a Deus pessoalmente
como nosso Pai.
Leia Romanos 8:15 e Efésios 3:12. Este é o privilégio do povo es-
colhido de Deus, seus filhos. Deus chega a ser mais que somente uma
palavra ou alguém que está muito longe. Ele é o nosso Pai - presente
e poderoso.
4. Ser filho de Deus significa que temos garantia da vitória.
Leia Romanos 8:16, 17 e 28. A primeira e mais perfeita relação para
o crente é a relação entre Pai e filho.
UM NOVO RELACIONAMENTO COM A FAMÍLIA
Se você é o único na sua família que nasceu de novo, é provável que
esteja passando por momentos difíceis. Se um adolescente nasce de novo,
algumas das vezes seus pais não o entenderão. Em muitos dos casos não
entenderão a "nova religião" que seu filho ou filha escolheu. Algumas
vezes o jovem terá que escolher entre abandonar sua nova religião ou
abandonar seu lar. Também haverá conflito no matrimônio quando um
dos cônjuges nasce de novo e o outro não. Jesus nos adverte do conflito
que haverá nos novos relacionamentos dentro da família. Leia Mateus
10:34-37.
Nestes versículos Jesus está dizendo que o conflito virá inevitavelmente
em muitas famílias quando alguns membros decidem seguir Jesus e ou-
tros não."
Porém, é bom esclarecer que não é Jesus quem divide os membros de
uma família, mas aqueles que rejeitam segui-Lo são os responsáveis pela
divisão. Se todos decidissem seguir Jesus não haveria a divisão nem
conflitos entre as famílias.

26
Quando vêm as divisões e os membros da família não compreendem ao
membro que nasceu de novo, o que o novo decidido (crente) deve fazer?
1. Compreender que embora os demais membros da família não sejam
felizes, você pode ser feliz quando você se mantém firme em Cristo.
Leia Mateus 5:10-12.
2. Compreender que a perseguição foi profetizada. Jesus disse, "Se a
Mim Me perseguiram, também vos perseguirão a vós." João 15:20.
3. Quando você é perseguido por sua fé, não brigue, antes ame. Paulo
disse, “Abençoem aqueles que os perseguem; abençoem, e não os
amaldiçoem.” Romanos 12:14.
4. Ore com paciência e perseverança pelos incrédulos na sua família.
Jesus disse, “Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os per-
seguem.” Mateus 5:44.
Haverá alguns que ao nascer de novo provarão de uma nova relação
de alegria e gozo entre seus familiares. Será, sem dúvida, um dia de ale-
gria para os pais quando seus filhos também tiverem nascido de novo.
Haverá uma sensação de perfeição e plenitude quando toda a família
estiver caminhando rumo ao céu para nunca ser separada.
UM NOVO RELACIONAMENTO COM A FAMÍLIA CRISTÃ – A
IGREJA
Paulo disse, “Portanto, vocês já não são estrangeiros nem forasteiros, mas
concidadãos dos santos e membros da família de Deus.” Efésios 2:19.
Esta família é a igreja. É muito natural que o novo crente encontre uma
igreja local que pregue a Palavra de Deus. Encontramos que na igreja
primitiva quando as pessoas aceitavam Jesus Cristo como Senhor e
Salvador, chegavam a fazer parte de um grupo de crentes. No livro de
Atos lemos das pessoas que foram acrescentadas à igreja de Jerusalém.
Leia Atos 2:41, 42 e 47.
Se você foi salvo (nasceu de novo) terá um desejo natural e espontâneo de
encontrar outros que também tenham nascido de novo. Desejará,
portanto, ter companheirismo com eles de uma forma regular. Este grupo
de pessoas chama-se igreja.

27
Antes da pessoa nascer de novo, ela não pode ser membro de uma igreja
neotestamentária. A maioria das pessoas tem um certo relacionamento
numa organização religiosa, antes de nascer de novo. Mas quando uma
pessoa é nascida de novo, ela tem uma nova compreensão quanto ao que
é uma igreja neotestamentária. Quando a pessoa ainda não é salva, ela
tem uma idéia diferente e pensa que a salvação se obtém por meio de ritos
religiosos. Ela pensa que para alcançar méritos para a salvação, deve
freqüentar uma igreja e cumprir determinados costumes e hábitos. Porém,
tudo isto deve-se relacionar na totalidade da vida, no lar, nos negócios e
no lazer. Há pessoas que crêem ou pensam que suas obrigações religiosas
estão cumpridas quando assistem aos cultos, ou repetem uma oração sem
nenhum significado ou contribuem com alguma oferta ou doação.
Quando uma pessoa nasce de novo, tudo muda. Primeiro, tem uma nova
natureza, também tem novas atitudes e novos valores. Agora ela tem uma
nova relação com a igreja. (É provável que em algumas ocasiões esta
pessoa tenha que deixar a igreja, onde freqüentava anteriormente, quando
descobre que os ensinos não estão segundo a Bíblia. Então buscará outra
igreja que realmente ensine a Bíblia.) De fato esta pessoa experimentará
algo novo.
1. Seu amor pela igreja.
“...Cristo amou a igreja e entregou-se por ela”. (Efésios 5:25) Desta
maneira nós amaremos a igreja.
2. Sua participação na igreja.
Leia na Bíblia o seguinte: Atos 4:24; 31; 46; 47. Haverá para o crente
um melhor relacionamento e muito significativo para com a igreja.
UM NOVO RELACIONAMENTO COM O MUNDO
Antes de nascer de novo o nosso relacionamento com o mundo era de um
não convertido. Paulo descreve nosso relacionamento antes com o
mundo. Leia Efésios 2:1, 2.

Leia o que Jesus disse ao seu Pai em oração em relação ao novo rela-
cionamento com seus discípulos em João 17:14-18.
Aprendemos destas palavras de Jesus o seguinte:
1. O crente está no mundo mas não pertence ao mundo.
2. Satanás é poderoso e está ativo em tudo que se passa no mundo.

28
3. É necessário que os crentes que estão no mundo sejam dedicados a
Deus.
4. Os crentes têm uma tarefa especial a cumprir neste mundo.
O novo relacionamento que o crente tem agora com o mundo fará que o
mundo o odeie. Leia as palavras de Jesus em João 15:18, 19.
Se o crente não pertence ao mundo, a quem pertencerá? Jesus responde a
essa pergunta quando diz: “Tratarão assim vocês por causa do meu nome,
pois não conhecem aquele que me enviou.” (João 15:21) .
Mesmo quando o mundo odeia ou zomba do crente, este tem a
responsabilidade de ser compassivo e mostrar interesse pelo mundo.
Antes que uma pessoa nascesse de novo, tinha as mesmas atitudes, e os
mesmos valores que tem uma pessoa que não nasceu de novo, mas tudo
isso mudou quando Cristo veio a ser seu Salvador e Senhor da sua vida.
Ele não tem agora as mesmas atitudes e valores, nem tão pouco o mesmo
estilo de vida de uma pessoa que não nasceu de novo. Sua nova atitude
com o mundo será tão diferente que odiará ou sentirá rejeição pelo
pecado do mundo, mas amará com um amor diferente e um interesse
novo às pessoas que vivem no pecado. O apóstolo Pedro falou disso. Leia
em 1 Pedro 2:9.
Em razão de termos mudado de vida, agora temos a tarefa de trazer outros
a esta nova vida. Este é o novo relacionamento que temos para com o
mundo.
Concluindo, leia, por favor, os seguintes versículos da Bíblia. 1 João 3:1-
3; 5:1-5.
REVISÃO E DISCUSSÃO

1. Mencione os quatro relacionamentos diferentes do crente.


a. ______________________________________________________
b. ______________________________________________________
c. ______________________________________________________
d. ______________________________________________________

2. Quando uma pessoa recebe a Cristo como Salvador, vem a ser


________________________________ de Deus.

3. O que significa o relacionamento como filho de Deus em nossas


29
vidas? Mencione quatro coisas:
a. ______________________________________________________
b. ______________________________________________________
c. ______________________________________________________
d. ______________________________________________________

4. Quando o filho de pais não crentes nasce de novo, que tipo de


relacionamento se espera que aconteça? _______________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

5. Como se espera que um novo crente trate com os problemas de


perseguição da parte dos membros de sua família que ainda não
nasceram de novo? ________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

6. Como foram afetadas as relações com a família e suas amizades


quando você nasceu de novo? _______________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

7. Qual era seu ponto de vista acerca da igreja antes de experimentar o


novo nascimento? Como mudou este ponto de vista ou opinião depois
que você nasceu de novo? __________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

8. Temos aprendido nesta lição que para o crente haverá um


novo__________________________ acerca da igreja e um novo
______________________dentro da igreja.
9. Que significa a seguinte declaração: "Os crentes estão no mundo
mas não pertencem ao mundo."? ______________________________
___________________________________________________________

30
___________________________________________________________

10. Qual é o novo relacionamento do crente com o mundo? ___________


___________________________________________________________
___________________________________________________________

31
E AGORA?
Por
Charles Brock

Lição 5 - UMA NOVA COMPREENSÃO DO BATISMO

Quando uma pessoa nasce de novo descobre um novo significado do


batismo. Tradicionalmente, a maioria das pessoas pensa que uma pessoa se
faz crente quando se batiza. No entanto, a Bíblia não ensina tal coisa. Nesta
lição veremos de perto o que a Bíblia ensina sobre o batismo. É importante
ver este estudo com uma mente imparcial quanto ao que a Bíblia ensina.

O BATISMO LAVA OS PECADOS?

Não, o batismo não lava os pecados. Leia o que a Bíblia diz em Hebreus
9:28; 10:10,12; 1 Pedro 2:4 e João 3:15.
Dos versículos acima mencionados, podemos dizer que está claro que Jesus
Cristo pagou o preço pelos nossos pecados, morreu por nós, e que estamos
limpos do pecado, se cremos nEle. Estes versículos nos ensinam que o
sacrifício de Cristo foi só uma vez e para sempre.
Leia os seguintes versículos para encontrar como uma pessoa pode se tornar
filho de Deus e ser limpo dos seus pecados: João 5:24; Romanos 3:28.

Segundo estes versículos como pode uma pessoa se tornar filho de Deus?
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________

Uma pessoa se torna filho de Deus por meio do batismo?


Sim ___________ Não _____________

Se a sua resposta é "Sim", por favor, volte a ler os versículos acima. Está a
palavra batismo nesses versículos?
Sim ___________ Não ______________

32
Jesus foi batizado. Ele foi batizado para lavar seus pecados? Não! A Bíblia
ensina que Jesus foi sem pecado, e que “nele não há pecado”. (1 João 3:5). A
Bíblia não ensina que o batismo limpa os pecados.

O QUE A BÍBLIA ENSINA SOBRE O BATISMO?


Vejamos alguns exemplos na Bíblia de pessoas que foram batizadas.
Jesus Cristo
Leia Mateus 3:13-17.
Aprendemos desses versículos o seguinte:
1. O batismo é requerido para o filho de Deus.
2. Jesus era o filho de Deus antes de que fosse batizado.
3. Jesus foi batizado para mostrar obediência ao Pai e não para lavar
pecados.
4. Jesus era um adulto quando foi batizado.
5. Jesus foi imerso nas águas.
6. Deus estava comprazido com a obediência de seu Filho.
Um oficial da Etiópia
Esta história se encontra no livro de Atos 8:26-39. Por favor, leia toda a
história. Desses versículos aprendemos o seguinte:
1. O oficial da Etiópia era um adulto quando foi batizado.
2. Ele ouviu acerca das Boas Novas de Jesus, logo confessou que cria que
Jesus era o Filho de Deus, e então foi batizado.
3. Uma pessoa se batiza depois que nasce de novo.
4. O oficial decidiu pessoalmente confiar em Cristo e ele mesmo decidiu
ser batizado.
5. Foi imerso na água.
6. Quando creu e foi batizado, encheu-se de alegria. Há alegria quando se
obedece a Cristo.
Destes dois exemplos bíblicos referentes ao batismo encontramos quatro
verdades básicas que se vêem mui claramente.
1. Cada pessoa que foi batizada o fez tomando a decisão por si mesma.
Entendeu o que e por quê o estava fazendo. (Na Bíblia não há nenhum
ensino que indique que um nenê deva ser batizado.)
2. O batismo sempre veio depois que a pessoa põe sua fé em Cristo.

33
3. Os novos crentes foram batizados alegremente, sem nenhuma dúvida.
Foram obedientes sem nenhuma vacilação. Não se envergonharam de
seguir a Cristo no batismo.
4. Cada um foi imerso. Foram imersos na água e logo "saíram" da água. (A
palavra "batismo" significa Imergir.) Não encontramos em nenhuma
parte do Novo Testamento um exemplo de uma pessoa que tenha sido
"borrifada" (aspergida) com água. Todos foram imersos.

O BATISMO DO NOVO TESTAMENTO É PARA AQUELES QUE


CRÊEM?
Leia Atos 18:8. Vemos nesses versículos que as pessoas primeiramente
________________a mensagem, logo______________, e eram __________
Repare na ordem: (1) ouviram a mensagem; (2) creram, e (3) foram bati-
zados.
Esta é a mesma ordem que se deu nos outros exemplos de batismo no Novo
Testamento. Na Bíblia, a ordem para fazer as coisas é sempre a mesma. O
batismo nunca vem antes do crer.
Esta verdade também se aprecia em Atos 19:4,5. Leia. Nestes versículos
está bem claro que o batismo é para aqueles que se arrependeram dos seus
pecados mediante a fé em Jesus como Salvador.
O BATISMO NAS IGREJAS PRIMITIVAS
Leia Atos 2:41. Quando Pedro pregou, muitos creram na sua mensagem e
aqueles que creram foram batizados e chegaram a fazer parte (membros) do
grupo (a igreja) nesse dia.
É importante notar que a ordem sempre é a mesma - crer e depois batizar-se.
(Também vemos e aprendemos nestes versículos que a membresia da igreja é
somente para aqueles que creram e se batizaram).
O último mandamento de Jesus a seus discípulos se encontra em Mateus
28:19, 20. Leia estes versículos.
Cristo disse aos seus seguidores que primeiro façam discípulos (crentes), e
logo sejam batizados.
Destes exemplos e ensinamentos se vê a certeza de que nascer de novo (crer)
vem primeiro, e logo vem o batismo.

34
Também aprendemos que o batismo não lava os pecados, senão que o perdão
e limpeza do pecado foi possível através do sacrifício de Cristo na cruz.

POR QUÊ É NECESSÁRIO O BATISMO?


1. Necessitamos ser batizados porque Cristo foi batizado, e porque Ele
manda que o façamos também.
2. Baseados nos exemplos da Bíblia em relação ao batismo aprendemos
que o batismo é um tempo no qual se demonstra ao mundo de que lado
estamos. É um ato de identificação pública. É dar testemunho publico
de que somos discípulos de Jesus Cristo. Estamos confessando ao
mundo que estamos ao lado de Cristo e que estamos dispostos a seguí-
Lo.
Através do batismo o crente chega a fazer parte de uma igreja local. Em Atos
2:41 aprendemos que os crentes foram acrescentados ao grupo depois que
foram batizados. Ao receber o batismo nos identificamos (chegamos a fazer
parte) com a igreja. Por isso é muito importante que cada crente seja
batizado numa igreja que prega e pratica as verdades bíblicas. Um crente
verdadeiro terá desejo de se identificar com uma verdadeira igreja
neotestamentária.
Quando um crente é batizado, se identifica com Cristo e com uma igreja
local.
POR QUE TEM QUE SER IMERSO?
1. O significado de batismo é "imergir".
2. Na Bíblia, esta foi a única forma ou maneira em que se realizava. Se é
assim, para que mudá-la? Cristo foi batizado por imersão, assim como
também outras pessoas são mencionadas na Bíblia, cujo exemplo já
vimos nesta lição.
3. Imersão é o único quadro que representa a morte do crente para o
pecado e de sua ressurreição a uma nova vida em Cristo. Leia Romanos
6:4.
O batismo não é o sepultamento literal, senão que é um símbolo do enterro
ou morte. Quando uma pessoa nasce de novo vai morrendo a sua antiga
natureza de pecado. Este é o quadro do batismo quando uma pessoa é imersa
na água. O batismo é um quadro de algo que já passou. Passou quando a

35
pessoa nasceu de novo. Quando o crente é levantado das águas, é um quadro
(símbolo) da nova vida recebida quando nasceu de novo. A nova vida não
começa com o batismo. O crente já tem vida nova, e isso é o que representa
ou simboliza quando ele é levantado das águas.

RECEBI A CRISTO COMO MEU SENHOR E SALVADOR,


QUE FAÇO AGORA?
Se você faz parte de um grupo que acaba de nascer de novo, é provável que
tenha o desejo de ser batizado juntamente com ele como um grupo e assim
formar uma nova família espiritual que se chama igreja. No próximo capitulo
estudaremos acerca da igreja neotestamentária, e como se formou esse
grupo.
Se você ainda não faz parte desse grupo, procure uma igreja que ensine as
verdades da Bíblia e compartilhe com os membros quando nasceu de novo,
então conte a eles que gostaria de ser batizado para ser parte deles.
Talvez alguns de seus amigos e colegas zombem de você porque decidiu
deixar de viver uma vida de tradição religiosa para seguir os ensinos da
Bíblia, mas Deus estará satisfeito com você, e como conseqüência disto,
você será uma pessoa feliz.

REVISÃO E DISCUSSÃO

1. Temos aprendido nesta lição que 8 nossa salvação é possível pelo sacrifi-
cio Cristo, __________________ , ou pelo batismo________________
2. Uma pessoa se torna filho de Deus por meio da fé em Cristo
____________________, ou pelo batismo ______________
3. Escreva quatro verdades básicas nos exemplos bíblicos em relação ao
batismo.
a.________________________________________________________
b.________________________________________________________
c.________________________________________________________
d.________________________________________________________
4. No livro de Atos, no Novo Testamento, capítulo 18:8, vemos que a
36
ordem correta em relação ao batismo se resume em três palavras, que
são:___________________________, __________________________
e___________________________
5. Do livro de Atos 2:41 aprendemos que eles ouviram, creram e foram
batizados, e naquele dia foram __________________________ao grupo.
6. Por que se deve batizar um crente? ______________________________
__________________________________________________________
__________________________________________________________
__________________________________________________________
7. A palavra “batismo” significa __________________________________
8. O verdadeiro batismo cristão deve ser por:
imersão __________aspersão __________
9. Quando um crente deve ser batizado? ____________________________
__________________________________________________________
10. Quando um crente é batizado se identifica com_____________________
_________________ e uma ______________ local.

37
E AGORA?
por
Charles Brock

Lição 6 - UMA NOVA FAMÍLIA-A IGREJA

O QUE É UMA IGREJA?


A responsabilidade da mãe termina quando ela dá à luz um bebê? Que
acontecerá ao bebê se sua mãe não cuidar dele e não providenciar um
ambiente familiar? Se se descuida completamente do bebê, ficará des-
nutrido e terá dificuldades em seu desenvolvimento físico. O bebê não
crescerá de uma forma normal. O que precisa o bebê normal e saudável para
crescer e desenvolver-se física, emocional e espiritualmente?
Todas as crianças precisam de comida, cuidado e amor. O trabalho da
mãe não termina quando o bebê nasce - seu trabalho apenas começa ali.
Ela é responsável em prover as três necessidades básicas da criança
que foram mencionadas (comida, cuidado e amor). Estas três necessi-
dades básicas do bebê são supridas de uma melhor forma no ambiente
familiar.
Há algumas semelhanças entre o "bebê" recém-nascido e o crente re-
cém-nascido. O novo crente deve ter comida espiritual, cuidado e amor.
Caso não haja comida, cuidado e amor, é difícil que o novo crente se
desenvolva normalmente para ser usado como filho de Deus. Algumas
vezes vemos pessoas que nascem de novo, mas que voltam à forma antiga
de viver, e não são constantes na forma cristã de viver. Como um novo crente
chega ao amadurecimento? Como as necessidades básicas são satisfeitas?
Deus tem um plano e tem providenciado uma forma para satisfazer as
necessidades de seus filhos. Da mesma forma que providenciou a famí -
lia para satisfazer as necessidades do recém-nascido, assim tem provi- -
do a família- a igreja- para preencher as necessidades do crente recém--
nascido.
No livro de Atos dos Apóstolos encontramos referências sobre a igreja do
Novo Testamento. Leia Atos 2:41-47.

Estes crentes eram de uma família espiritual. Atuavam como uma famí -

38
lia. Tinham um novo relacionamento como irmãos porque seguiam a Deus,
seu Pai Espiritual.
Uma Igreja é um grupo de pessoas que se arrependeram de seus peca -
dos e colocaram a sua confiança em Jesus como Salvador e Senhor, e
imediatamente foram batizados por imersão. Estas pessoas começam a
se reunir com regularidade como família de Deus. Tem um companheirismo
na oração, no louvor e no estudo da Bíblia com o propósito definido de
glorificar a Cristo e estender o Reino de Deus na terra. Isto é a igreja.
Na introdução à carta de Paulo aos crentes que viviam em Tessalônica, ele
diz “...à igreja dos Tessalonicenses em Deus Pai, e no Senhor
Jesus Cristo". (I Tessalonicenses 1:1)
Portanto, a igreja é um grupo de pessoas que têm-se dedicado a Deus e uns
aos outros com companheirismo e serviço.
Uma igreja não é um edifício, um prédio. Pelo contrário, a igreja se reú ne
num edifício chamado templo, em casa de algum membro ou noutro lugar
público. A igreja que se reúne na casa de um membro é a igreja, igual àquela
que se reúne no templo.
Leia Romanos 16:5. Jesus Cristo é o fundador da igreja. Ele deu ori-
gem. Ele é a cabeça e o recurso da vida para a igreja. Leia Mateus
16:18.
A Bíblia esclarece o assunto dizendo que a igreja é como um corpo e tem a
Cristo como cabeça. Leia Colossenses 1:17, 18. Nestes versículos pode-se
ver a Jesus Cristo como a cabeça da igreja. Cristo é o recurso da vida do
corpo. A igreja já está sob o senhorio de Cristo. Leia Efésios 5:23.
Cada membro está sob a autoridade de Cristo. É muito importante a igreja
não permitir que nenhuma pessoa ou organização tenha absoluto controle ou
autoridade sobre a vida dos membros. Somente Cristo merece a nossa
absoluta lealdade.
O QUE FAZ A IGREJA?

Volte a ler Atos 2:42-47. Nestes versículos vemos nove atividades básicas
dos crentes que formaram a igreja.

1. Creram em Cristo Jesus.


2. Foram batizados.

39
3. Uniram-se ao grupo.
4. Passaram o tempo aprendendo.
5. Tomaram parte do companheirismo.
6. Partilharam suas posses para ajudar nas necessidades dos demais
membros da família.
7. Oraram juntos.
8. Reuniram-se regularmente como grupo na adoração.
9. Novos crentes acrescentaram-se ao grupo.
Lembra-se das três necessidades básicas dos récem-nascidos: alimentação,
cuidados e amor? Você pode ver nas nove atividades básicas acima
mencionadas, como são preenchidas as necessidades dos novos crentes? A
igreja estuda a Palavra e ora junta. Isto proporciona o cuidado de que o
crente precisa. Também, o novo crente experimenta amor por intermédio
destas atividades.
A igreja também chega até os inconversos e compartilha o amor de Deus
com eles. Leia 1 Pedro 2:9.
Na lição seguinte discutiremos mais amplamente acerca das atividades da
igreja para alcançar outros.

COMO SE INICIA UMA IGREJA?

Vejamos mais uma vez as nove atividades básicas do Novo Testamento em


Atos 2:42-47. Quando um grupo de crentes decide unir-se para par -
ticipar destas atividades de forma regular, isso já se constitue uma
igreja.
Um grupo pode chegar a ser uma igreja quando os crentes são batizados
e decidem que continuarão reunindo-se como uma família cristã para
adorar a Deus, para estudar a Bíblia, para o companheirismo, e para
compartilhar as Boas Novas com os amigos, colegas e vizinhos.
Vejamos algumas sugestões práticas para começar ou iniciar as atividades
básicas de uma igreja.
Primeiro, o grupo necessita fixar um tempo para se reunir regularmente. O
costume da igreja neotestamentária era reunir-se aos domingos porque foi
o dia em que Jesus ressuscitou. Além disso, a igreja pode reunir-se qualquer
outro dia para uma reunião de oração, estudo da Bíblia e companheirismo.

40
As igrejas neotestamentárias se reuniam regularmente nos lares. As reuniões
eram simples e espontâneas. Todos os seus componentes participavam e
todos eram considerados importantes. Todos eram irmãos porque tinham a fé
em Jesus Cristo.
Segundo, o grupo precisava orar por sabedoria para escolher aqueles que
exerceriam a liderança na adoração e no estudo bíblico. Todo o grupo deve
reunir-se para estudar, ler e discutir junto os capítulos três e quatro de 1
Timóteo.
No começo não é necessário ter um líder permanente. Em algumas igrejas o
grupo sabe rapidamente quem deve ser o líder do estudo bíblico. Isto
também acontece no que se refere ao líder de canto. Porém, em algumas
igrejas pode-se variar os líderes do estudo bíblico e do canto até encontrar
alguém que o faça de maneira regular.
Os membros da igreja, depois de muita oração, devem fazer a seleção dos
líderes que sejam necessários. Seria bom a esta altura lembrar a seguinte
frase: "cada um é importante na família da igreja". Não é conveniente e não
se deve permitir que uma pessoa faça tudo. Todos os membros da igreja
devem ser ativos. Desta maneira permanecerão espiritualmente saudáveis.
Normalmente quem dirige a música não deve ser o mesmo que dirige o
estudo bíblico. Todos os membros do grupo devem ser capacitados para orar
publicamente. A hierarquia humana começa quando uma pessoa ora, canta e
prega todo o tempo.
Ao se escolher os líderes, é preciso estar-se cônscio de que o escolhido não
deve falar o tempo todo. Uma pessoa que sabe falar bem, não é
necessariamente um bom líder. A habilidade de falar não é igual ao dom de
presidir. Ao selecionar líderes, atente aos aspectos de humildade, fé e
consagração - que são características básicas de um líder.
Terceiro, o que faz uma igreja quando se reúne? Leia Atos 2:41-47 outra vez
para ver o que a igreja do Novo Testamento fez.
Cada igreja tem sua própria forma de fazer as coisas. No começo é provável
que o grupo decida participar do culto de adoração do domingo à noite da
seguinte maneira: oração, testemunhos pessoais e estudo bíblico. (O estudo
bíblico pode ser na forma de um sermão, ou alguém pode dirigir o grupo em
um estudo sobre um capítulo da Bíblia.)
À medida que uma igreja amadurece ela deve celebrar um culto de ado-
ração contendo pelo menos cinco partes: (1) oração, (2) tempo para

41
compartilhar, (3) canto ou louvor, (4) dízimos e ofertas, e (5) estudo bí-
blico. Estas cinco partes podem ter qualquer ordem que o grupo assim o
desejar.
Finanças da Igreja
Depois de se reunir por algumas semanas, a igreja decidirá quanto ao
levantamento de suas ofertas voluntárias como uma parte de adoração em
cada culto. Com o tempo chegarão a conscientizar-se da necessidade de
cantores e talvez algumas cadeiras. Todas as necessidades financeiras devem
ser cobertas com os dízimos e as ofertas dos membros. (Se a igreja se reúne
na casa de algum membro, será sábio e prudente iniciar o levantamento dum
fundo especial para a compra de um terreno para edificar o templo. Este é
um projeto a longo prazo, mas é possível através das ofertas e dízimos dos
membros.)
Quando a igreja decide receber dízimos e ofertas como parte do culto
em cada reunião aos domingo, deve eleger um tesoureiro. Este tesourei-
ro deve ser um membro ativo como qualquer outro líder da igreja. Deve
ser honesto, responsável e competente para trabalhar com as contas,
registros e os números. Seria muito bom eleger um tesoureiro-assisten te
(ou segundo tesoureiro), estes dois abrirão uma conta corrente no banco
mais perto em nome da igreja. Qualquer saída de dinheiro deve estar
assinada por ambos os tesoureiros. A igreja como um grupo deve decidir
como e quando deve dispor do dinheiro. Todos as despesas deverão ser
aprovadas pela igreja.
Novos Membros
Quando há novos decididos com vidas transformadas, estes deverão ser
batizados e acrescentados ao rol de membros da igreja. É a igreja quem
decide quem está apto ou pronto para o batismo. Também é a igreja que
decidirá quem realizará os batismos. Qualquer membro poderá ser o
dirigente do culto de batismos sempre que a igreja assim o autorizar.
Temos aprendido que cada crente precisa pertencer à família cristã, a igreja.
Temos aprendido também, que as necessidades básicas do crente podem ser
satisfeitas quando ele é membro de uma igreja. Temos aprendido o que é
uma igreja, e como funciona na vida diária e na adoração.
REVISÃO E DISCUSSÃO

42
1. As três necessidades básicas de um novo crente são: ______________
_______________________, ______________________________, e
________________________

2. Fundamentados em Atos 2:41-47, fizemos uma lista das atividades


básicas de uma igreja neotestamentária. Quais destes se relacionam com
às três necessidades básicas? Por exemplo, no. 4 e no. 7 se relacionam
com cuidado e amor?
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

3. O que é uma igreja? _______________________________________


________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
4. A igreja é um edifício. Falso ________Verdadeiro _________

5. As igrejas do Novo Testamento se reuniam regularmente em


______________________ dos crentes. Romanos 16:5.

6. Quem é a cabeça da igreja?


O pastor __________ Cristo __________

7. Quando é constituído em igreja um grupo de estudo bíblico? _______


________________________________________________________

8. Quem faz a escolha dos líderes da igreja? ______________________


________________________________________________________
9. Mencione três características básicas de um bom líder ____________
________________________________________________________

10. Um culto de adoração normal deve conter pelo menos cinco partes
imprescindíveis. Estas são: _________________________________,

43
_____________________, _____________________, ____________
__________________ e _____________________________.

11. Todas as necessidades financeiras da igreja devem ser feitas com


os ______________________ e _____________________dos membros.

44
E AGORA?
por
Charles Brock

Lição 7 - UMA NOVA COMPREENSÃO DA CEIA DO SENHOR E


DOS DÍZlMOS

Para estarem espiritualmente saudáveis, os membros da igreja devem


entender e participar da Ceia do Senhor e dos dízimos como uma parte
regular na vida cristã. Isto é básico na vida da igreja. Neste estudo es-
tudaremos os ensinos bíblicos quanto à Ceia do Senhor e ao dizimo.

A CEIA DO SENHOR
Antes de Cristo morrer na cruz, Ele chamou seus discípulos para se reunir e
participar de um jantar memorial especial. Isto é chamado Ceia ou
Comunhão do Senhor. Leia em 1 Coríntios 1:23-29 o que o apóstolo Paulo
disse.

O QUE É A CEIA DO SENHOR


A Ceia do Senhor é um memorial ou recordação. Jesus disse, "Fazei isto
em memória de mim."
Cada vez que o crente participa da Ceia do Senhor deve recordar-se do
sacrifício feito por Jesus lá na cruz há muito tempo atrás.
Jesus não morre outra vez a cada Ceia memorial que se realiza. Ele morreu
uma vez só. Em relação à morte de Cristo, leia o que o autor disse em
Hebreus 7:27. O propósito da Ceia do Senhor é lembrarmos sua morte, e não
de uma nova realização dessa morte.
Há dois elementos usados na Ceia Memorial.
1. O Pão
Leia 1 Coríntios 11:24. O Pão literalmente é transformado no corpo
de Cristo na Ceia? Não. Jesus usa "isto é o meu corpo" da mesma
maneira que Ele usa "Eu sou a porta" (João 10:9) ou "Eu sou o ca-

45
minho"(João 14:6). O pão não se converte no corpo de Cristo, mas
simboliza seu corpo sacrificado, castigado.
O segredo para a Ceia do Senhor se encontra nas próprias palavras
de Jesus, "façam isto em memória de mim." (Lu. 22:19) É um culto de
recordação. Devemos nos recordar do grande preço que Jesus pagou
quando Ele ofereceu seu corpo para sofrer a tortura e a morte na cruz. O
pão partido nos lembra o seu corpo sacrificado. A nossa salvação é
possível pelo seu sacrifício na cruz. O pão é o símbolo do seu corpo.
2. O Cálice - Fruto da videira (uva)
Leia o que a Bíblia diz em 1 Coríntios 11:25. O suco de uva é um
símbolo do seu sangue. É para recordarmos que Jesus derramou seu
sangue por nós e deu sua vida por nós.
A Ceia do Senhor é um culto memorial especial instituído por Cristo. O
propósito da Ceia é lembrar ao crente que a morte de Cristo é o recurso
da salvação e o poder da vida. Também a Ceia é para nos lembrar que
Jesus virá outra vez.

QUEM PODE PARTICIPAR DA CEIA DO SENHOR?


Leia Lucas 22:14, 15. Leia também 1 Coríntios 11:17-23,33. Paulo nos dá
instruções sobre a Ceia do Senhor. Esta Ceia era para os crentes da igreja
de Corinto. A Ceia é para a igreja. Somente os crentes que forem batizados
podem participar dela.

QUANDO DEVE A IGREJA CELEBRAR A CEIA DO SENHOR?


Leia 1 Coríntios 11:25. Perceba bem isto, todas as vezes é a frase enfá-
tica neste versículo. Não há nenhuma instrução na Bíblia quanto às vezes
que se deve celebrar a Ceia do Senhor. Cada igreja deve decidir com que
freqüência ela deve ser observada.

QUEM DEVE PRESIDIR A CEIA DO SENHOR?


Geralmente, quem preside este culto é o pastor. Se a igreja não tem pastor,
outro membro da igreja pode ser indicado para dirigir o culto. Não é
necessário ter grau especial de educação ou título religioso para que uma
pessoa dirija o culto. O pastor ou pessoa designada pode pedir a alguns
membros que distribuam os elementos à congregação.

46
O DÍZIMO
O QUE É O DÍZIMO?
A prática do dízimo e das ofertas se vê tanto no Velho como no Novo
Testamento.
Leia Gênesis 14:20 e 28:22. Dizimo são os dez por cento de todos as
entradas. Para o crente isto é somente o princípio de uma norma de vida. Há
muitos crentes que dão mais do que o dízimo na igreja.
POR QUE UM CRENTE DEVE DIZIMAR?
1. Pela natureza de Deus, nosso Pai, e de Jesus, nosso Salvador e
Senhor.
O espírito de dar nasceu no coração de Deus. Desde o início da criação,
Deus tem sido um Deus generoso. Ele deu ao homem a luz, as plantas, os
animais e a vida. No Velho Testamento, Ele deu ao povo judeu
privilégios e responsabilidades. Ele deu a Lei para ajudar o homem a
viver uma vida melhor. Por último, Ele deu o melhor, como está
registrado em João 3:16. Leia isso.
Sendo que Deus é um Deus que ama e dá, nós, como seus filhos,
desejaremos de uma forma natural seguir seu exemplo.
Em relação aos cristãos generosos leia o que Paulo disse em 2 Coríntios
8:8,9.
2. O crente deve dizimar porque tem recebido muito.
Leia 2 Coríntios 8:7. Deus nos tem abençoado de muitas maneiras.
Temos recebido a vida eterna. Temos recebido bênçãos diariamente tanto
no material como no espiritual. Receber generosamente e não dar gene-
rosamente é ingratidão e egoísmo. O dízimo é a forma básica que Deus
tem planejado para que seus filhos demonstrem o seu amor e gratidão.
3. O crente precisa dizimar porque é necessário que ele lembre que
toda a nossa vida e bens pertencem a Deus.
Leia o que a Bíblia diz em 1 Coríntios 6:19; Salmo 24:1 e Ageu 2:8, 9.
Tudo o que temos pertence a Deus. Quando convidamos a Cristo
para entrar em nossa vida, pedimos a Ele que fosse nosso Salvador
e também Senhor da nossa vida. Isto quer dizer da nossa casa, car-
ro, dinheiro, propriedade, negócio, etc. Tudo controlado por Cristo. A

47
Deus não só pertencem os dez por cento, mas os cem por cento.
Deus não permite que usemos e abusemos das suas posses. Nosso
dízimo e ofertas semanais ou mensais nos lembram que tudo pertence a
Deus.
Por esta razão Paulo fala sobre a oferta regular (de cada domingo) em 1
Coríntios 16:2; Leia isto.
Devemos lembrar que Deus é Deus de todo o nosso dinheiro e bens.
Quando tivermos certeza disto, teremos o cuidado de buscar a vontade de
Deus de quanto e como manejar e administrar nosso negócio e como usar
os noventa por cento restantes. Deus está interessado nos dez por
cento, porém, também está interessado no uso sábio dos noventa por
cento restantes.
4. O crente deve dizimar porque a Bíblia disse que deve fazê-lo.
Note que Paulo usa uma oração no imperativo em 1 Cor. 16:2. Leia
também Malaquias 3:10 e Mateus 23:23.
5. O crente deve dizimar porque este é o plano de Deus para sustentar
o trabalho da igreja.
Leia 2 Coríntios 9:12; 1 Coríntios 16:2; Malaquias 3:10. De que maneira
a igreja consegue seu material de ensino, Bíblias, cantores, etc.? Através
dos dízimos e das ofertas de seus membros.
De que a igreja se vale para construir um edifício para adorar a Deus?
Através dos dízimos e das ofertas de seus membros.
De que forma a igreja consegue dinheiro para o sustento de seu obreiro
ou pastor? Através dos dízimos e as ofertas dos seus membros.
De que maneira a igreja pode ajudar às necessidades dos seus membros?
Através dos dízimos e as ofertas.
De que forma a igreja pode cumprir as suas obrigações missionárias em
compartilhar o evangelho em outros lugares? Através dos dízimos e
ofertas de seus membros.
Naturalmente uma igreja pequena ou recém-constituída não pode
fazer tudo que foi dito acima imediatamente. Uma igreja em seu iní-
cio começa devagar mas, gradualmente vai desenvolvendo progra-
mas que satisfarão as necessidades, enquanto que, ao mesmo tem-

48
po, vai proporcionando as outras coisas, também necessárias. Deus
proporciona a capacidade financeira entre os membros quando Ele crê que a
igreja está preparada para usar sabiamente o dinheiro. Geralmente uma
família não compra um terreno e edifica uma casa sem antes planejar,
cuidadosamente, e com tempo antecipado de preparação. O tempo, o
planejamento e o sacrifício são geralmente necessários. Dessa maneira,
funcionam também os projetos na igreja. .

QUEM DEVE DIZIMAR?


Leia 2 Coríntios 9:7 e 1 Coríntios 16:2. A resposta é clara. Todo crente
deve dizimar. Qual a idade? Quando uma pessoa é suficientemente
amadurecida para nascer de novo, tomar uma decisão ao lado de Cristo,
ela também já é suficiente para poder dizimar. Isto inclui também às
crianças, adolescentes, jovens e adultos. Uma criança pode dizimar
mesmo que receba só uma pequena quantia semanal de seus pais. Por
outro lado, os pais crentes devem ir ensinando seus filhos a praticar o
dízimo. Todos estão incluídos: ricos, pobres, jovens e velhos. Ninguém é
demasiado pobre para não dizimar. Leia Marcos 12:41-44. Este men-
ciona a viúva que deu tudo quanto tinha. Jesus a elogiou de maneira muito
especial.
QUANDO SE DEVE ENTREGAR OS DÍZIMOS
Em 1 Corintios 16:2 Paulo disse que todos os domingos é o tempo para
entregar os dízimos e as ofertas. É muito sábio seguir esta prática
porque em algumas vezes é mais fácil fazê-lo semanalmente do que men-
salmente. A disciplina de dar regularmente é necessária para a maioria das
pessoas.
ONDE SE DEVE DAR O DÍZIMO?
Todas as vezes que o apóstolo Paulo falou de dízimos e ofertas, estava
falando em relação à igreja.
Em Malaquias (3:10) lemos, “Tragam o dízimo todo ao depósito do
templo.” Em nossos dias, isso corresponde à igreja. Sendo que a
responsabilidade de evangelizar o mundo tem sido dada a igreja, é
razoável crer que o sustento financeiro do programa de alcance seja através
da igreja. Todos os dízimos e as ofertas devem ser trazidos para a igreja
local. Outras organizações podem ser muito boas, mas não podem

49
substituir a igreja.
Concluindo, leia, por favor, cuidadosamente, os seguintes versículos da
Bíblia: Malaquias 3:6-12.
Aprendemos destes versículos o seguinte:
1. Deus não muda.
2. A nação judaica esqueceu-se de Deus.
3. Eles eram culpados de ter roubado a Deus.
4. Estavam sendo amaldiçoados por não entregarem o dízimo a Deus.
5. Devemos entregar todos os dízimos a Deus.
6. Deus promete bênção aos que entregam o dízimo. Leia 2 Cor. 9:6-8.

REVISÃO E DISCUSSÃO

1. A Ceia do Senhor é ________________________________________


2. Devemos lembrar a ________________________________ de Jesus
quando participamos da Ceia.
3. Os elementos da Ceia usados freqüentemente são ________________
_________________________ e ________________________
4. O pão é um símbolo do _____________________________________
5. O suco de uva é um símbolo do ______________________________
6. Por que é importante a Ceia do Senhor na igreja? ________________
________________________________________________________
7. Que é o dízimo? __________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
8. Mencione cinco razões pelas quais o crente deve dizimar.
a. _____________________________________________________

50
b. ______________________________________________________
c. ______________________________________________________
d. ______________________________________________________
e. ______________________________________________________
9. Quem deve dizimar? _______________________________________
10. Onde se deve entregar o dizimo? _____________________________
11. Recebemos bênçãos de Deus ao dizimar? ______________________
12. Você começará a dizimar? Sim _________ Não _________
Quando? ________________________________________________

51
E AGORA?
Por
Charles Brock

Lição 8 - UMA NOVA RESPONSABILIDADE

Deus tem um plano para espalhar as Boas Novas de Jesus Cristo atra -
vés de todo o mundo. Ele tem escolhido a igreja para ser o meio pelo
qual o evangelho seja espalhado. Leia Efésios 3:7-11. Nestes versículos,
sublinhe as seguintes palavras: dom, graça, plano, (dispensação),
determinação eterna.
O plano de Deus para espalhar a evangelho cabe à igreja. Isto significa que
nós, que temos tido o privilégio de ter nascido de novo e de ter a nova vida,
também devemos compartilhar a responsabilidade que Deus tem dado ao seu
povo.
Assim como o apóstolo Paulo recebeu um dom especial, cada crente recebe
um dom especial. Em Efésios 4:7 a Bíblia disse, "Mas a graça foi dada a
cada um de nós segundo a medida do dom de Cristo."
Um Dom especial é um talento ou habilidade dada por Deus.
Deus dá dons a seus filhos para que a igreja chegue a ser um corpo
amadurecido, com a habilidade de compartilhar a evangelho aos povos de
perto e ao redor do mundo.
Leia o que Paulo disse em relação aos dons em 1 Coríntias 12:4-7. Nes tes
versículos aprendemos dos dons espirituais que:
1. Há diferentes dons.
2. Todos os dons provém de Deus.
3. Cada crente recebe um dom.
4. Todos os dons devem ser usados para edificação de todo o corpo,
que é a igreja.
5. Todos os dons são para glorificar ao próprio Jesus Cristo.

EIS AQUI ALGUMAS VERDADES PRÁTICAS ADICIONAIS:

1. Cada crente na igreja é um ministro. Cada um tem recebido uma


habilidade especial da parte de Deus para realizar ou cumprir um minis-
tério. É errado quando a igreja pensa do pastor como "o ministro". O

52
pastor é um ministro chamado por Deus para preparar e equipar os membros
da igreja para realizarem ministérios variados, tanto dentro como fora da
igreja. Leia Efésios 4:7,11,12. .
2. O Novo Testamento fala de várias posições na igreja como pastores e
diáconos, porém, a ênfase está sobre a função ou tipo de trabalho. Os títulos
religiosos que elevam e honram a pessoa não são usados no Novo Test-
amento. Paulo nunca é chamado como pastor Paulo ou reverendo Paulo.
Nem tão pouco Pedro, ou Tiago, ou João. O titulo religioso mais comum era
"irmão" e esta palavra glorifica a Cristo porque Ele é quem faz possível
tudo isto. Jesus condena o uso de títulos religiosos. Da mesma maneira, nós
também devemos fazê-lo. Leia Mateus 23:1-12. Na igreja do Novo
Testamento todos são irmãos, sem importar que posições ou dons tenham. O
título mais alto de respeito que podemos dar uns aos outros é irmão.
3. Há uma variedade de dons e talentos, mas um só Senhor e uma só
irmandade.
Deus sabia que em seu plano de espalhar o evangelho a todas as nações
poucos líderes religiosos não poderiam levar avante essa tarefa. No entanto,
esse plano envolve todo crente. Cada crente tem um dom para ser usado na
igreja.
O plano básico de Deus para espalhar as Boas Novas é testemunhar.
Cada cristão tem a responsabilidade de testemunhar. Leia 1 Pedro 2:9 e
Mateus 28:19, 20.
Esta é a nossa nova responsabilidade. Para completar esta responsabilidade
Deus dá a cada um de nós um dom ou uma habilidade especial. Leia as
palavras de Jesus em Atos 1:8.
Essa é a nossa responsabilidade. Encontramos na igreja primitiva neo-
testamentária que o testemunhar era uma parte básica da igreja. Quando
foram ameaçados de cadeia, Pedro e João lhes disseram, “Pois não podemos
deixar de falar do que vimos e ouvimos". (Atos 4:20) Leia o que eles
disseram em Atos 4:29-31.
Note bem a importância da oração nestes versículos. Quando a perseguição
estava sendo aplicada com toda força em Jerusalém, “Os que haviam sido
dispersos pregavam a palavra por onde quer que fossem.” (Atos 8:4) Veja
também em Atos 8:1 “Todos … foram dispersos pelas regiões da Judéia

53
e de Samaria.”
Do exemplo que deu a igreja primitiva, aprendemos que:
1. O poder veio depois da oração.
2. O poder veio do Espírito Santo.
3. Todos os crentes estavam ativos no testemunhar.
Paulo foi enfático quando falou sobre a responsabilidade de testemunhar em
Romanos 10:13-15. Leia este texto.
Paulo também fala sobre a nova responsabilidade dos crentes em 2 Coríntios
5:17,18. Leia este texto.
Em conclusão, todo crente tem uma responsabilidade básica de participar do
plano de Deus que é compartilhar as Boas Novas ao mundo. Uma igreja que
não esteja participando em anunciar as Boas Novas não tem razão para
existir.
Como pode uma igreja participar em espalhar o evangelho a todas as
nações.
Uma maneira de como fazê-lo é através do esforço cooperativo com outras
igrejas como a nossa. Existe um programa de alcance das missões
estrangeiras por meio da qual outras igrejas contribuem com um percen-
tual dos seus dízimos e ofertas. Este programa ajuda os missionários em
muitos países. Estão incluídos diferentes tipos de esforços, tais como
evangelismo, agricultura, assistência médica, implantação de novas igrejas,
distribuição de literatura cristã, educação, etc.
A igreja também pode dar apoio através de campanhas de oração em favor
do trabalho missionário ao redor de todo o mundo.
A oração é uma parte muito necessária no trabalho missionário. Neste tipo de
esforço, também a igreja, por menor que ela seja, pode participar e ajudar no
trabalho de missões por todo o mundo.
Como pode uma igreja participar do plano de Deus de levar o evangelho
às áreas mais próximas?
Quando um membro de uma igreja muda para outra localidade, ele pode
compartilhar as Boas Novas ali também. Ele pode começar um grupo de
estudo bíblico no seu lar, que, posteriormente pode chegar a constituir-se
numa igreja. Outra maneira, é a igreja levantar uma oferta, constituindo
um fundo para sustentar um missionário numa área determinada para

54
ele anunciar as Boas Novas nesse lugar.
Desta maneira, é possível que cada igreja possa cumprir o que está escrito
em Atos 1:8. Procure e leia o versículo várias vezes. Jesus disse que seus
seguidores devem ser testemunhas em Jerusalém (comunidade-bairro), em
toda Judéia (estado), e Samaria (o pais e fora do país). Seria possível que
Jesus desse esse ensino a sua igreja se estes fossem irracionais? Ele sabia
que cada igreja poderia começar no lar e também alcançar outras nações com
as Boas Novas.
Já temos falado acerca dos dons que Deus dá a cada crente. Temos falado
também acerca da nova responsabilidade que Deus tem dado a seu povo.
Também temos visto como seu povo, através da igreja, pode compartilhar as
Boas Novas ao mundo. Temos visto também como os crentes, através da
igreja, podem levar o evangelho a outras áreas.
Como podemos compartilhar as Boas Novas com nossos amigos, colegas,
vizinhos, e em toda nossa comunidade?
No início do seu ministério, Jesus convidou a André para seguí-Lo. Leia o
que a Bíblia diz sobre o que André decidiu em João 1:41-45.
Logo depois que André se converte em discípulo de Jesus, foi anunciar as
Boas Novas ao seu irmão. Quando Filipe soube de Jesus, foi também
compartilhar as Boas Novas com seu amigo Natanael.
O crente tem uma nova responsabilidade de compartilhar as Boas Novas de
Jesus imediatamente depois de nascer de novo. O crente não necessita ser
um membro de determinada classe especial de treinamento para saber como
dar seu testemunho. Compartilhar as Boas Novas deve ser algo natural e
espontâneo. Se recebemos um presente especial da parte de algum amigo,
compartilhamos essa boa noticia de uma forma natural com todos os nossos
amigos. Quando recebemos a Cristo e todas as bênçãos que são
acrescentadas ao sermos filhos de Deus, estamos prontos a dizer a todos
dessa vida maravilhosa. Compartilharemos com os nossos amigos, colegas e
vizinhos acerca de quem realmente é Jesus e daquilo que Ele pode fazer por
eles também. Estaremos prontos a dizer como é que nascemos de novo e
como a nossa vida foi mudada. Falaremos da paz, da alegria, e do propósito
que vieram a nossa vida do momento em que cremos nEle. Isto é
testemunhar! Testemunhar é contar o que temos experimentado
pessoalmente e sabemos que é verdade. É contar como Cristo nos salvou.

55
Se isso aconteceu conosco, também pode acontecer com aqueles que estão
ao nosso redor. Da mesma maneira que nós fomos salvos, eles também
podem ser. Eles devem ouvir as Boas Novas, arrepender-se completamente
de seus pecados e por toda sua fé em Jesus Cristo como Salvador e Senhor
de suas vidas. Ao testemunhar diremos com detalhes como foi que
experimentamos isso. Em seguida poderemos dizer como tem mudado nossa
vida até o momento.
Algumas pessoas nos interpretarão mal; outros dirão que estamos loucos,
outros zombarão de nós. Porém, muitos nos ouvirão e nascerão de novo
como aconteceu conosco. Lembre-se das palavras de Jesus Cristo quando
disse aos seus primeiros discípulos que foram por todo o mundo
compartilhando as Boas Novas. Leia Mateus 28:19-20. Jesus disse a todo
crente, adolescentes, meninos e meninas, jovens e adultos, para irem porque
Ele estará com eles sempre. Este é o nosso privilégio e responsabilidade
vindos da parte de Deus. Esta é a tarefa da igreja e de cada indivíduo na
família de Deus. Leia 2 Coríntios 5:17, 18.
REVISÃO E DISCUSSÃO
1. Deus tem escolhido a _________________como canal pela qual
o evangelho é compartilhado com o mundo.
2. Assim como Paulo recebeu um dom especial, cada crente recebe
um _____________________________________________________
3. Um dom especial é ________________________________________
4. Escreva cinco coisas que temos aprendido acerca dos dons espiri-
tuais:
a. ______________________________________________________
b. ______________________________________________________
c. ______________________________________________________
d. ______________________________________________________
e. ______________________________________________________
5. Segundo esta lição, quem é um ministro? ______________________
_____________________________________________________
_____________________________________________________

56
6. Aprendemos da Bíblia que um pastor, como qualquer outro crente deve
ser chamado de:
Reverendo ____________irmão ___________
7. Mencione um versículo da Bíblia que fala que o crente tem a res-
ponsabilidade de testemunhar. _______________________________
________________________________________________________
8. Quais são as três coisas que aprendemos do exemplo dado pela igreja
primitiva neotestamentária?
a. ______________________________________________________
b. ______________________________________________________
c. ______________________________________________________
9. Dê um exemplo de como sua igreja pode compartilhar o evangelho a
outras nações. ____________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
10. Como uma igreja pode levar o evangelho a outras áreas? __________
________________________________________________________
11. O que quer dizer "testemunhar"? _____________________________
________________________________________________________
12. Mencione o nome de uma pessoa a quem você quer testemunhar ____
________________________________________________________

57

Interesses relacionados