Você está na página 1de 9

CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS.

FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 01 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

1ª QUESTÃO (10 escores)

MÚLTIPLA ESCOLHA

ESCOLHA A ÚNICA RESPOSTA CERTA, ASSINALANDO-A COM UM “X” NOS PARÊNTESES À ESQUERDA.

Analise o texto I e as imagens I e II, todos sobre a Revolução Industrial, e responda aos itens 1 a 5.

TEXTO I

Você já percebeu como são comuns, atualmente, as inovações industriais? Os robôs das fábricas
de automóvel, por exemplo, são quase sempre operados inteiramente por computadores e executam
diferentes trabalhos. As novas tecnologias aprimoram o desenvolvimento industrial e participam da
fabricação das mais diversas mercadorias em boa parte do planeta.
Mas isso nem sempre foi assim. Por muito tempo na história da humanidade, os objetos foram
produzidos da mesma maneira, quase sem mudanças, no modo de produção artesanal. As técnicas de
um trabalho manual lento e minucioso eram passadas de um mestre artesão para seus aprendizes.
Contudo, isso mudou completamente no século XVIII na Inglaterra: foi lá que aconteceu aquilo que os
historiadores chamam de Revolução Industrial.
Transformações sociais, econômicas e políticas, acompanhadas pela invenção de máquinas,
mudaram a forma como os ingleses fabricavam objetos.

IMAGEM I IMAGEM II

01. A Revolução Industrial, ocorrida no final do século XVIII, foi o processo de transformações econômicas
e sociais, caracterizadas pela aceleração do processo produtivo e pela consolidação da produção
capitalista.

De acordo com o enunciado acima, pode-se afirmar que essas transformações relacionam-se
diretamente à substituição do trabalho artesanal, que utilizava ferramentas, pelo (a)
( A ) Maquinofatura, em que predominava o trabalho do artesão.
( B ) trabalho mercantil de trocas e exportação em pequena escala.
( C ) manufatura de matérias-primas das colônias de exploração.
( D ) trabalho rural mecanizado nas grandes propriedades monocultoras.
( E ) trabalho escravo, em que predominava o uso das máquinas.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 02 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

Acerca da leitura do fragmento de texto abaixo, responda ao item 02.

“A Inglaterra pedia lucros e recebia lucros, tudo se transformava em lucro. As cidades tinham sua
sujeira lucrativa, suas favelas lucrativas, sua fumaça lucrativa, sua desordem lucrativa, sua ignorância
lucrativa, seu desespero lucrativo. As novas fábricas e os novos altos-fornos eram como as Pirâmides,
mostrando mais a escravização do homem que seu poder.”
DEANE, P. A Revolução Industrial. Rio de Janeiro: Zahar, 1979. Adaptado.

02. A relação estabelecida no texto entre os avanços tecnológicos, ocorridos no contexto da Revolução
Industrial Inglês, e as características das cidades industriais, no início do século XIX, foi

( A ) o alto nível de exploração dos trabalhadores industriais ocasionava o surgimento de


aglomerados urbanos marcados por péssimas condições de moradia, saúde e higiene.
( B ) a construção de núcleos urbanos integrados por meios de transporte facilitava o deslocamento
dos trabalhadores das periferias até as fábricas.
( C ) a facilidade em se estabelecerem relações lucrativas transformava as cidades em espaços
privilegiados para a livre iniciativa, característica da nova sociedade capitalista.
( D ) o desenvolvimento de métodos de planejamento urbano aumentava a eficiência do trabalho
industrial.
( E ) a grandiosidade dos prédios onde se localizavam as fábricas revelava os avanços da engenharia
e da arquitetura do período, transformando as cidades em locais de experimentação estética e
artística.

03. A Revolução Industrial teve suas bases lançadas na Inglaterra, no século XVIII, e proporcionou o
surgimento de uma nova forma de produção. Uma das contribuições para o pioneirismo inglês na
Revolução Industrial foi o (a)

( A ) enfraquecimento do comércio.
( B ) intervenção estatal na economia.
( C ) crescimento da população rural.
( D ) acúmulo de capitais no período colonial.
( E ) fortalecimento do poder do senhor feudal.

04. A Revolução Industrial, mais do que uma mudança tecnológica, promoveu inúmeras transformações
na sociedade europeia. A alternativa que explica corretamente uma dessas mudanças é:
( A ) Exigiu o aumento do mercado consumidor devido à lentidão da produção industrial, o que levou
à defesa do sistema colonial mercantilista.
( B ) Reforçou-se o sistema de produção doméstico, no qual o artesão, dono dos meios de produção,
era responsável pelas diferentes etapas do trabalho.
( C ) Ocorreu um intenso êxodo rural, em decorrência do cercamento de terras e da modernização
tecnológica, o que alterou a densidade demográfica.
( D ) Surgiu a classe operária, que não possuía os meios de produção e teve de se submeter
à disciplina imposta pelas fábricas e à autoridade dos patrões.
( E ) Desenvolveu-se o anglicanismo, que defendia a revolução do proletariado, e mais tarde o
anarquismo, favorável ao fortalecimento do Estado Absolutista Monárquico.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 03 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

Leia o texto abaixo e responda ao item 05.

CANÇÃO LUDITA

E noite trás noite, quando tudo está tranquilo


e a lua se esconde por detrás da colina
Nós marchamos para executar a nossa vontade
Com acha*, lança ou fuzil
Oh! meus valentes cortadores
Os que com um só forte golpe
rompem com as máquinas cortadeiras ...

Disponível em: <http://educaterra.terra.com.br>. Acesso em: 22 mar. 2016.

* Acha: arma similar ao machado.

05. O movimento Ludista ou Ludita, ocorrido na Inglaterra principalmente entre 1811 e 1813, foi uma
reação contra os problemas decorrentes da Revolução Industrial. Baseando-se no texto acima e em
seus conhecimentos acerca desse movimento, podemos afirmar que

( A ) os trabalhadores buscaram solucionar os problemas afetos à crescente miséria do proletariado


através da criação de mais máquinas para melhorar o desempenho no trabalho.
( B ) o ludismo visava à melhoria das condições de trabalho do operariado através de cartas,
contendo reivindicações, sistematicamente enviadas ao Parlamento inglês.
( C ) se inspirava no socialismo marxista e suas perspectivas de tomada violenta do poder pela classe
trabalhadora.
( D ) a progressiva substituição da força humana pela máquina foi um dos fatores
desencadeadores desse movimento.
( E ) o ludismo foi um movimento artístico e cultural, que buscava, através de seus artistas, retratar
a realidade dos trabalhadores dentro das fábricas.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 04 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

Analise a imagem III e responda ao item 06.

IMAGEM III

Coroação de Napoleão Bonaparte

06. A ascensão de Napoleão Bonaparte ao poder na França representou o(a)

( A ) reação da sociedade francesa ao avanço das forças capitalistas de produção e a valorização das
estruturas produtivas tradicionais.
( B ) adoção de uma política de reconciliação, assegurando a paz interna e direcionando o
desejo revolucionário para as campanhas externas.
( C ) estabelecimento de um governo popular, garantindo a efetiva participação das massas na
condução das coisas públicas.
( D ) busca de um equilíbrio de poder no continente europeu, através da celebração de uma série de
alianças com as principais potências.
( E ) fim da política isolacionista até então mantida pelo governo francês, que passa a interferir
diretamente nas questões europeias.

07. No Congresso de Viena (1815), as decisões foram tomadas pelas grandes potências Rússia, Áustria,
Inglaterra e Prússia, tendo como um de seus principais resultados o(a)

( A ) intervenção do papado em domínios territoriais do Sacro Império Romano-Germânico.


( B ) auxílio prestado a movimentos revolucionários embasados nos princípios iluministas.
( C ) difusão das ideias revolucionárias, realizada principalmente pela maçonaria.
( D ) restauração das fronteiras anteriores à Revolução Francesa.
( E ) restauração das antigas monarquias parlamentares como, por exemplo, a de Portugal.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 05 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

Leia o texto abaixo e responda ao item 08.

“No início de 1789, a iminência de uma derrama em Vila Rica acelerou a eclosão da revolta. Os líderes
do movimento decidiam que, quando tivesse início a cobrança, prenderiam o novo governador da
região, o visconde de Barbacena, com o apoio da população revoltada.”
(VICENTINO, Cláudio; DORIGO, Gianpaolo. História Geral e do Brasil. 1ª ed. São Paulo: Scipione, 2012, p. 213)

08. Entre as propostas da Inconfidência Mineira, podemos citar o(a)

( A ) abolição da escravidão no Brasil, mediante a indenização dos proprietários.


( B ) mudança da sede do Governo Brasileiro da província da Bahia para Minas Gerais.
( C ) restrição da produção manufatureira, que impedia a concentração de recursos nas atividades
manufatureiras.
( D ) término das concessões especiais à Inglaterra, firmado no Tratado de Comércio e Amizade.
( E ) independência do Brasil e o estabelecimento de um governo republicano.

09. A Conjuração Baiana de 1798, conhecida também por Revolução dos Alfaiates, foi a mais popular
rebelião do período colonial, entre outros motivos, por propor a emancipação de Portugal,

( A ) a instauração de uma Monarquia Constitucional e a manutenção do pacto colonial.


( B ) a instauração de uma Monarquia Constitucional, a continuidade da escravidão e a liberdade de
comércio.
( C ) a instauração de uma República, a continuidade da escravidão e a manutenção das restrições
ao comércio.
( D ) a instauração de uma República, o fim da escravidão e a liberdade de comércio.
( E ) a manutenção do Pacto Colonial, o fim da escravidão e a formação de um exército luso-
brasileiro.

10. A respeito da independência do Brasil, pode-se afirmar que:

( A ) Consubstanciou os ideais propostos na Confederação do Equador.


( B ) Instituiu a monarquia como forma de governo, a partir de um amplo movimento popular.
( C ) Propôs, a partir das ideias liberais das elites políticas, a extinção do tráfico de escravos,
contrariando os interesses da Inglaterra.
( D ) Provocou, a partir da Constituição de 1824, profundas transformações nas estruturas
econômicas e sociais do País.
( E ) Implicou na adoção da forma monárquica de governo e preservou os interesses
básicos dos proprietários de terras e de escravos.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 06 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

2ª QUESTÃO (06 escores)

VERDADEIRO OU FALSO

COLOQUE UM “X” NO RETÂNGULO COM V, QUANDO A SENTENÇA FOR DE SENTIDO


VERDADEIRO, OU NO RETÂNGULO COM F, QUANDO A SENTENÇA FOR DE SENTIDO FALSO.

Leia o texto abaixo e responda ao item 11.

A imagem IV a seguir reproduz uma caricatura francesa feita em 1789. Conhecida como
Despertar do terceiro estado, ela faz referência a um processo histórico ocorrido na França no século
XVIII.
A caricatura é o desenho de uma personagem ou de uma situação da vida real, na qual se
exageram certas características ou defeitos do que é representado; muito empregada na sátira
política. Nesse período da história da França, a caricatura foi bastante utilizada e esse tipo de
documento é um dos mais importantes acervos sobre a Revolução Francesa.

IMAGEM IV

Charge publicada em jornal de Paris em agosto de 1789

11. Sobre a organização da França pré-revolucionária, descrita na imagem acima, julgue as proposições
que seguem.

V F A alta burguesia era formada por pessoas muito ricas como camponeses que viviam como
servos; banqueiros e comerciantes, que não possuíam títulos de nobreza.

V F Os trabalhadores rurais, ou camponeses, representavam cerca de 80% da população


francesa. Alguns eram livres, mas havia também muitos servos, ou seja, pessoas sem
liberdade plena e que estavam presas às terras de seus senhores.

V F O terceiro estado era o maior grupo da sociedade francesa, formado basicamente por
97% da população.

V F O segundo estado era formado pelos representantes da igreja e da alta burguesia.

V F O primeiro estado e o segundo estado eram formados pelo clero e a nobreza,


respectivamente.

V F Era o terceiro estado que sustentava os outros dois grupos por meio do pagamento de
impostos.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 07 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

3ª QUESTÃO (09 escores)

CERTO OU ERRADO

COLOQUE UM “C” OU “E” NOS PARÊNTESES À ESQUERDA, CONFORME OS CONCEITOS SEJAM


CONSIDERADOS CERTOS OU ERRADOS. NO CASO DE ERRADOS, UTILIZE A LINHA ABAIXO PARA
SUBSTITUIR A(S) PALAVRA(S) SUBLINHADA(S) PELA(S) QUE OS TORNEM CERTOS.

Sobre o processo que culminou na independência das 13 colônias:

12. ( E ) O Massacre de Boston foi uma rebelião contra a metrópole, pois os colonos estavam
insatisfeitos com as altas taxações de impostos.

Colônia.

13. ( C ) As leis intoleráveis foi uma série de leis impostas à colônia como forma de recuperar os
prejuízos do Boston Tea Party.

14. ( E ) O Primeiro Congresso Continental da Filadélfia foi o movimento de protesto, em que os


colonos decidiram pelo boicote total aos produtos franceses, casos as leis impostas pela
metrópole não fossem revogadas.

Ingleses.

15. ( E ) O Segundo Congresso Continental da Filadélfia foi um movimento de protesto. Em reunião, os


colonos decidiram pelo rompimento com a França.

Inglaterra.

16. ( E ) O Tratado de Versalhes foi um acordo no qual a Inglaterra reconhecia a independência das 13
colônias. Ocorreu em Paris e contou com a participação do Brasil nas batalhas pela
independência.

França.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 08 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

4ª QUESTÃO (07 escores)

CORRESPONDÊNCIA

EXISTEM A SEGUIR VÁRIOS CONCEITOS EM COLUNAS. COLOQUE NOS PARÊNTESES DA


COLUNA DA DIREITA O NÚMERO QUE JULGAR CORRESPONDER AO CONCEITO DA COLUNA DA
ESQUERDA. CASO NÃO HAJA CORRESPONDÊNCIA, DÊ UM TRAÇO. LEVE EM CONTA QUE PODERÁ
HAVER REPETIÇÃO DE NÚMEROS.

17. Com relação ao Iluminismo, faça a correspondência entre o autor/teórico e a sua teoria.

(AUTOR/TEÓRICO) (TEORIA)

1. Rousseau. (1) Considerado o pai da democracia moderna.


Desenvolveu a “teoria do bom selvagem”, em que
acredita que todos os homens nascem bons, mas a
sociedade os corrompe.

2. Montesquieu. (5) Enciclopedista e autor da frase “A humanidade só


estará livre o dia que o último rei morrer enforcado
nas tripas do último padre.”.

3. Adam Smith. (-) Teórico do Absolutismo, defendia o poder do rei como


autoridade inquestionável.

4. John Locke. (6) Teórico que defendia a liberdade de expressão. Sua


máxima é: “Posso não concordar com uma palavra do
que dizes, mas defenderei até a morte o direito de
dizer.”.

5. Diderot. (2) Divulgador da teoria da separação dos poderes, ou


seja, em um Estado, o Poder Executivo, Legislativo e
Judiciário são independentes, sem haver um poder
superior.

6. Voltaire. (3) Teórico do Liberalismo, defendia o trabalho como


fonte de riqueza.

(4) Conhecido como o “pai do Iluminismo”. Defendia os


interesses da burguesia, atacando governantes que
abusassem do poder.

SSAA / STE / CMCG 2016


CMCG AE1/2016 – HISTÓRIA 8º ANO DO ENS. FUNDAMENTAL 1ª CHAMADA 09 Visto:

GABARITO Assinado por:


Ten Gilmara

5ª QUESTÃO (08 escores)

DÊ O QUE SE PEDE

Observe a imagem abaixo e responda ao item 13.

IMAGEM V

A rendição de lorde Cornwallis, óleo sobre tela, de John Trumbull, representando a rendição das tropas do general britânico Lord
Cornwallis após perder a batalha de Yorktown para as forças francesas e norte-americanas durante as guerras da
independência americana.

A imagem reproduz uma pintura a óleo sobre tela feita pelo artista estadunidense John Trumbull entre
1819 e 1820. Seu título é A rendição de lorde Cornwallis. Ela representa um dos momento
culminantes do processo de independência dos Estados Unidos.

18. O processo de independência dos Estados Unidos ocorreu após uma série de acontecimentos, entre
eles taxações de impostos, rebeliões, leis e movimentos de protestos. Descreva e explique as
determinações das leis e o acontecimento abaixo.

a) Sugar Act (Lei do açúcar): (02 escores)

taxação imposta pela Inglaterra às 13 colônias, previa que o açúcar não_ proveniente
das Antilhas britânicas sofreria uma alta taxação. ______________________________

b) Stamp Act (Lei do selo): (02 escores)

taxação imposta pela Inglaterra, determinando que, todos os documentos , livros,


jornais publicados na colônia deveriam ganhar um selo da metrópole, cujo o valor seria
incorporado ao seu preço. _________________________________________________

c) Tea Act (Lei do chá): (02 escores)

Imposição inglesa de que o chá passa a ser monopólio da Cias Índias Orientais com sede
em Londres, objetivava-se o controle do comércio do produto, combatendo o contrabando
de chá holandês e excluindo os norte-americanos do comércio do chá britânico. _______

d) Boston Tea Party (Festa do chá de boston): (02 escores)

Reação colonial às imposições da Tea Act; os colonos vestidos de índios, aguardaram o


momento oportuno para invadir um navio inglês carregado de chá vindo da metrópole,
atirando assim todo o seu carregamento ao mar. _______________________________

FIM DA PROVA
SSAA / STE / CMCG 2016