Você está na página 1de 5

AVALIAÇÃO DO 1º BIMESTRE

DIREITO ECONÔMICO – MODELO 01

1. A Constituição brasileira veda a exploração de atividade econômica diretamente


pelo Estado

PORQUE

A ordem econômica na Constituição é fundada, dentre outros, na livre iniciativa.

Analisando-se as afirmações acima, à luz da ordem constitucional brasileira,


conclui-se que:

A PRIMEIRA AFIRMAÇÃO É FALSA, E A SEGUNDA É VERDADEIRA.

2. O planejamento econômico pelo Estado:

É DETERMINANTE PARA O SETOR PÚBLICO.

3. Obtido o pleno emprego:

AUMENTO DE RECEITAS DERIVADAS PARA O ESTADO.

4. O princípio da Redução das Desigualdades Regionais e Sociais:

PRINCÍPIO INFORMATIVO DA ATIVIDADE ECONÔMICA DA C.F.

5. Leia o texto a seguir, de autoria do Prof. Celso Bastos, em sua obra Direito
Econômico Brasileiro.

“Até mesmo por razões de unidade nacional não é possível tolerar-se o desnível
de desenvolvimento existente entre as diversas regiões do país. A preocupação
com o desenvolvimento mais acelerado das regiões menos desenvolvidas deve ser
uma diretriz fundamental da política do país. Há que se observar, no entanto, que
este esforço de desenvolvimento regional não pode levar a um deslocamento tão
acentuado da poupança e do investimento para regiões menos desenvolvidas a
ponto de colocar em risco a continuidade do processo de desenvolvimentista nas
regiões mais avançadas”.

Indique a resposta correta com base no texto acima:

EXISTE A NECESSIDADE DE PLANEJAMENTO PARA QUE SE


CUMPRA A DETERMINAÇÃO CONSTITUCIONAL PARA CORRIGIR
A DESIGUALDADE REGIONAL E SOCIAL.
6. Os princípios gerais da ordem econômica, na forma em que sistematizados pela
Constituição da República Federativa do Brasil, alcançam as relações mantidas
entre o Poder Público, o setor produtivo e o setor consumidor. A respeito dessas
relações, é correto afirmar que:

A EXPLORAÇÃO DIRETA DE ATIVIDADE ECONÔMICA PELO


ESTADO É POSSÍVEL QUANDO NECESSÁRIA À REALIZAÇÃO DE
RELEVANTE INTERESSE COLETIVO.

7. São objetivos do Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência:

CONTROLE DE ESTRUTURAS DE MERCADO, ATRAVÉS DOS ATOS


DE CONCENTRAÇÃO, REPRESSÃO À CONDUTAS
ANTICOMPETITIVAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DA
CONCORRÊNCIA.
AVALIAÇÃO DO 1º BIMESTRE
DIREITO ECONÔMICO – MODELO 02

1. As ações chamadas de Golden Share são emitidas:

O SEU TITULAR TEM O PODER DE VETO QUALQUER QUE SEJA


SUA PARTICIPAÇÃO NO TOTAL DO CAPITAL SOCIAL DA
EMPRESA.

2. A exploração direta da atividade econômica pelo Estado, ressalvados os casos


previstos na Constituição, só é permitida quando necessária aos imperativos da
segurança nacional ou relevante interesse coletivo. Assinale a opção correta:

CERTAS ATIVIDADES QUE CONSTITUEM MONOPÓLIO DA UNIÃO


SOMENTE PODEM SER REALIZADAS POR EMPRESAS ESTATAIS.

3. Com o pleno emprego:

AS RECEITAS DO ESTADO AUMENTAM E COM ISSO, PODEM SER


ENFRENTADOS OS PROBLEMAS SOCIAIS.

4. O princípio das Desigualdades Regionais e Sociais é caracterizado por:

UMA MAIOR INTERVENÇÃO DA UNIÃO PARA GARANTIR O


MODELO DO ESTADO DE BEM ESTAR SOCIAL.

5. O princípio da função social da propriedade:

OS INTERESSES GERAIS DA SOCIEDADE É O LIMITE DA


AUTONOMIA PRIVADA.

6. O Art. 173 da Constituição dispõe que “ressalvados os casos previstos nessa


Constituição, a exploração direta de atividade econômica pelo Estado só será
permitida quando necessária aos imperativos da segurança nacional ou
relevante interesse coletivo, conforme definidos em lei”. Esse dispositivo
constitucional consagra o princípio:

DA SUBSIDIARIEDADE.

7. Um acordo de preços entre empresas concorrentes:

SERÁ CONSIDERADO ILEGAL, COMO REGRA.


AVALIAÇÃO DO 1º BIMESTRE
DIREITO ECONÔMICO – MODELO 03

1. Assinale a opção incorreta:

O ESTADO INTERVÉM NA ECONOMIA POR MEIO DO


PLANEJAMENTO, QUE, DE ACORDO COM A CONSTITUIÇÃO
FEDERAL, OBRIGA OS SETORES PÚBLICO E PRIVADO.

2. São características de livre iniciativa:

NÃO SUJEIÇÃO À QUALQUER RESTRIÇÃO ESTATAL SENÃO EM


VIRTUDE DE LEI.

3. O princípio da Redução das Desigualdades Regionais e Sociais é uma intervenção


do Estado na economia:

POR INDUÇÃO.

4. Constitui expressão da soberania econômica nacional:

A INTEGRAÇÃO DO MERCADO INTERNO AO PATRIMÔNIO


NACIONAL.

5. São princípios da ordem econômica brasileira, expressos na Constituição Federal


de 1988:

SOBERANIA NACIONAL E DEFESA DO CONSUMIDOR.

6. A respeito da intervenção do Estado na economia, assinale a opção correta.

O PLANEJAMENTO DA ATIVIDADE ECONÔMICA PELO ESTADO,


NA NOVA ORDEM CONSTITUCIONAL ECONÔMICA, É SEMPRE
INDICATIVO PARA O SETOR PRIVADO, EM HARMONIA COM O
PRINCÍPIO DA LIVRE INICIATIVA.

7. Se determinada operação realizada por empresa causar restrição à concorrência:

ESSA OPERAÇÃO PODERÁ SER CONSIDERADA LÍCITA,


DEPENDENDO DAS EFICIÊNCIAS QUE OCASIONAR.
AVALIAÇÃO DO 1º BIMESTRE
DIREITO ECONÔMICO – QUESTÕES DISCURSIVAS

1. Um dos elementos do Estado para se afirmar como tal é a soberania, que significa
que as decisões tomadas devem representar a vontade absoluta do Estado
Nacional. Hoje, quando se fala em soberania, deve-se pensar em uma liberdade
irrestrita de decisão, de organização, de determinação de seus próprios interesses,
ou apenas de um certo grau de liberdade para decidir, diante do cenário constituído
naquele determinado momento? Justifique sua resposta.

APENAS DE UM CERTO GRAU DE LIBERDADE PARA DECIDIR, UMA


VEZ QUE HÁ, NO BRASIL, DIVERSOS GRUPOS SOCIAIS QUE
MOTIVAM A CRIAÇÃO DE DETERMINADAS LEIS, COMO A LEI DE
RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS E FALÊNCIA. DIANTE DESSE JOGO
DE INTERESSES E PODERES, O ESTADO NÃO CONSEGUE SER
SOBERANO NA ATIVIDADE ECONÔMICA.

2. Explique a função social da propriedade.

ESTÁ PREVISTA NO ART. 170, III, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL E É


UM DOS PRINCÍPIOS GERAIS DA ORDEM ECONÔMICA.
ESTABELECE QUE OS INTERESSES GERAIS DA SOCIEDADE
LIMITAM A AUTONOMIA DO PROPRIETÁRIO SOBRE OS BENS.