Você está na página 1de 205

ÍNDICE

01

1
Índice----------------------------------------------------------------

Dedicatória---------------------------------------------------------06

Agradecimentos---------------------------------------------------07

Prefácio-------------------------------------------------------------08

Introdução ---------------------------------------------------------10

11
Autores--------------------------------------------------------------

1º passo: Conhecer ------------------------------------13


14
1 - Agricultura: Origem-------------------------------------------
16
1.1 – A agricultura moderna---------------------------------------

1.1.1 – Efeitos nocivos dos agrotóxicos-------------------------17

20
Agrotóxicos na água------------------------------------------------

Agrotóxicos no leite materno------------------------------------21

Malefícios dos agrotóxicos na saúde----------------------------22

24
1.2 – Agriculturas do futuro--------------------------------------
2
25
1.2.1 – A agroecologia---------------------------------------------
1.2.2 – Linhas agroecológicas de produção de alimentos---26

1 1.2.2.1 – Agricultura Biodinâmica-------------------------------27


28
1.2.2.2 – Agricultura Ecológica----------------------------------
29
1.2.2.3 – Agricultura Biológica-----------------------------------
30
1.2.2.4 – Agricultura Natural--------------------------------------
31
1.2.2.5 – Permacultura---------------------------------------------
32
1.2.2.6 – Agricultura Regenerativa-------------------------------
33
1.2.2.7 – Agricultura Orgânica------------------------------------
35
Princípios básicos para fazer uma horta orgânica--------------
36
Diversificação-------------------------------------------------------
37
Equilíbrio Ecológico------------------------------------------------
38
Teoria da Trofobiose-----------------------------------------------
39
Reciclagem da Matéria Orgânica---------------------------------

3
1
42
2º passo: Planejar---------------------------------------
43
2.1 – O que plantar?-----------------------------------------------
48
2.2 – Ferramentas básicas----------------------------------------
55
2.3 – Insumos-------------------------------------------------------

2.3.1 – O solo é vivo----------------------------------------------56

2.3.2 – Substratos-------------------------------------------------59
62
2.3.3 – Sementes--------------------------------------------------

70
2.3.4 – Recipientes para formação de mudas e plantio-----

4
79
3º passo: Plantar--------------------------------------------------
80
3.1 - Do que uma planta necessita para viver?----------------
90
3.2 - Como plantar hortaliças orgânicas------------------------
91
Hortaliças folhosas--------------------------------------------
92
Como plantar alface orgânica------------------------------
113
Como plantar tempero verde orgânico--------------------
(Cebolinha, salsa e coentro)
119
Como plantar couve orgânica-------------------------------
122
Hortaliças-fruto------------------------------------------------
122
Como plantar tomate orgânico-----------------------------
140
Como plantar pimentas e pimentão orgânico------------

5
1
155
4º Passo: Cuidar e colher--------------------------------------------
156
4.1 – Introdução---------------------------------------------------------
157
4.2 – Principais insetos-praga presentes em hortas-------------------
158
Pulgões------------------------------------------------
159
Mosca-Branca-----------------------------------------
160
Cigarrinhas--------------------------------------------
161
Cochonilhas-------------------------------------------
162
Ácaros-------------------------------------------------
163
Trípes--------------------------------------------------
164
Lagartas-----------------------------------------------
165
Besouros-----------------------------------------------
166
Paquinhas e Grilos------------------------------------
168
4.3 – Principais doenças das hortaliças----------------------------------

168
Causadas por fungos, bactérias e nematóides-------------

4.4 – Métodos alternativos de convivência com insetos-pragas e


179
doenças em hortas orgânicas---------------------------------------------
179
Extratos de plantas e caldas fitoprotetoras-----------------

197
4.5 - Agentes de controle biológico--------------------------------------

6
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1
DEDICATÓRIA
Dedico este livro ao meu pai, Heleno Teodoro e às três mulheres mais
importantes da minha vida: Minha mãe, Virginia Morandi, minha irmã
Fernanda Morandi e o meu amor Izabela Morandi. Eles me ensinaram a
nunca desistir e sempre me deram apoio.

7
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1
AGRADECIMENTOS
Agradeço a todas as pessoas que deram sugestões, críticas construtivas e também
àquelas que não acreditavam nesse projeto. De uma forma ou de outra foram
responsáveis pela atitude de escrever meu primeiro livro.
Agradeço aos agricultores familiares dos municípios de Pinheiros e Guaçuí, no Espírito
Santo, que me receberam de braços abertos nas incansáveis visitas. Com os seus
ensinamentos pude perceber que o que importa mesmo é a troca de experiências que
me faz crescer como profissional e como pessoa.
Agradeço ao Fabiano Dias, meu parceiro nesse projeto, pelos grandes ensinamentos, na
área de empreendedorismo e marketing digital, e pelas conversas produtivas pelo
Skype. Estamos juntos!
Agradeço aos meus colegas de trabalho do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência
Técnica e Extensão Rural – INCAPER, especialmente do escritório de Guaçuí - ES.
Agradeço a você, que está iniciando a leitura do livro agora e que compartilha da
mesma idéia de fazer uma agricultura mais humana e saudável tanto no campo quanto
na cidade.

8
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1
PREFÁCIO
Um sonho está se realizando. Nunca pensei que tinha a capacidade de escrever um livro,
até que tomei coragem e decidi. Boa parte dessa coragem veio de uma pergunta que eu
sempre me fazia nos tempos da faculdade de agronomia: Será que é possível fazer uma
agricultura que produza alimentos saudáveis e ao mesmo tempo torne o ambiente mais
rico?
Então fui a procura da resposta que no ambiente acadêmico tradicional era pouco
provável de encontrar, face todo o pacote tecnológico da agricultura convencional
instaurado. Comecei a participar de grupos de alunos que, como eu, buscavam a mesma
resposta. Fomos chamados muitas vezes de loucos, por não “seguir a boiada”, por pensar
diferente e propor uma agricultura que na época era chamada de alternativa. Atualmente
existem diferentes linhas de pensamento, como a Agricultura Orgânica, Regenerativa,
Ecológica, Biodinâmica e todas elas com propósito comum. Era isso que importava.
Vou lhe apresentar as mais simples e modernas técnicas de produção de alimentos
orgânicos, com foco no cultivo de hortaliças orgânicas.

9
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1 O melhor é que procurei utilizar uma linguagem mais acessível, em contraste com a
maioria das publicações sobre o tema, que empregam muitos termos técnicos, muitas
vezes voltados à técnicos da área rural.
Enfim, o livro tem a missão de lhe ensinar a fazer hortas orgânicas em qualquer espaço,
seja na varanda de um apartamento, no quintal da casa ou num sítio.
Se precisar de um apoio participe do grupo Universidade Orgânica, lá, você terá todas as
atualizações do livro, além de poder ler e visualizar milhares de experiências em
horticultura orgânica, ter acesso a vídeo-aulas, palestras e cursos online.
Boa leitura!
Fabio Morais
Engenheiro Agrônomo e Agroecólogo
Fabiano Dias
WebMarketing e Desenvolvedor Web

10
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

INTRODUÇÃO
Parabéns!
Você gosta de estar sempre em contato com a natureza? Sentir o cheiro da terra
molhada por uma chuvinha mansa? Caminhar ouvindo o cantar dos pássaros?
Tomar banho numa bela cachoeira? Pode acreditar, temos algo em comum. Além
disso, gosto de cultivar plantas, costume herdado da minha mãe que sempre
manteve e mantém sua casa repleta de flores. Sempre tem aquele cantinho da
horta, cultivada com carinho, que nos fornece belas alfaces, tomates e inúmeras
variedades de ervas aromáticas e medicinais. Muito mais que cultivar plantas,
você cultivará saúde para toda a sua família.
Meu objetivo com este livro é ensinar de maneira prática e simples como fazer
hortas orgânicas sem a utilização de agrotóxicos e adubos químicos, sabidamente
nocivos à saúde. Apresentarei técnicas que poderão ser aplicadas em qualquer
tipo de espaço, seja no seu apartamento, no quintal de sua casa, no sítio ou na
chácara.
Boa leitura!

11
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Sou Fabio Morais, 37, engenheiro agrônomo formado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES),
com pós-graduação (Mestrado) em Fitossanidade pela Universidade Federal Rural de Pernambuco
(UFRPE).
Há mais de 10 anos me dedico a prestar consultoria para agricultores na elaboração e execução de
projetos de cultivo de frutas e hortaliças, organizando e ministrando palestras, cursos e oficinas nas áreas
de Agroecologia e Agricultura Orgânica. Também sou responsável pela elaboração do conteúdo do Blog
Universidade Orgânica, e da Fanpage Vida Agroecologia. Atualmente trabalho como Extensionista Rural
no Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural – INCAPER.

Sou Fabiano Dias, 36 anos, graduado em ciência da computação com especialização em


desenvolvimento de sistemas para web, pela Faculdade Estadual de Maringá (UEM).
Tenho treze anos de experiência em desenvolvimento web. Fui gerente de projetos da empresa
YRFA Soluções Net por 10 anos. Passei por outras grandes e pequenas agências de publicidade e
marketing, tendo a oportunidade de observar o marketing do ponto de vista de um
desenvolvedor, e por isso, sinto-me um privilegiado.
Meu projeto online, um blog de empreendedorismo (Dias Publicidade), é onde compartilho meus
conhecimentos nas áreas de publicidade, desenvolvimento web, marketing e uns pitacos em
desenvolvimento pessoal.
Fui palestrante no “CONAWEB - Congresso Nacional de Criação e Qualidade Web Criando um Site
de Sucesso” e também no “1º Congresso Nacional Sobre Trabalho em Casa”.
Sou um grande entusiasta da alimentação orgânica e co-autor do blog Universidade Orgânica.

12
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

CONTEÚDO
Para facilitar a
compreensão, o livro está
organizado em 4 passos.
Passo 1: Conhecer
Conhecer as bases teóricas para fazer sua
Passo 2: Planejar
horta orgânica. A origem da agricultura. Os Planejamento é indispensável para
impactos ambientais da agricultura minimizar os erros em tudo na vida.
“moderna”. Como aplicar a ciência Nesse passo, iremos definir o que plantar e
agroecológica em sistemas de produção de as ferramentas e insumos básicos para se
alimentos orgânicos. ter sucesso na sua horta orgânica.

Passo 3: Plantar
Esse é o passo que mais gosto, é o momento Passo 4: Cuidar e colher
de colocar a “mão-na-massa”. Com um O cuidado essencial para uma horta.
conteúdo mais prático, esse passo é onde Apresento os cuidados e técnicas que devemos
ensino como plantar e alguns segredos para ter para conviver com alguns insetos e
ter uma horta abundante e produtiva. Vamos doenças que podem comprometer a saúde da
aprender desde como escolher uma semente nossa horta. Você tambem vai aprender qual
de qualidade até as modernas, contudo é o momento certo para colher os frutos.
simples, técnicas de plantio.

13
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Passo 1: Conhecer

1 -
-
-
-
Conhecer as bases teóricas para fazer sua horta
orgânica.
A origem da agricultura.
Os impactos ambientais da agricultura “moderna”.
Como aplicar a ciência agroecológica em sistemas de
produção de alimentos orgânicos.

14
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1
Agricultura:
A agricultura foi inventada pelo homem no período
conhecido como Neolítico (Pedra Nova). Muitos
arqueólogos consideram esse período como a
Revolução Agrária. Passamos de nômades, que
vagavam em grupos, caçando, pescando e colhendo
Origem frutos, para a aplicação de técnicas de cultivo
rudimentares. Estima-se que isso tenha ocorrido
entre 10.000 a 12.000 anos A.C.
Grandes grupos se fixavam ao longo dos rios, onde
era possível ter colheitas fartas em virtude da
grande fertilidade do solo. O cultivo era
caracterizado pela diversidade de plantas, rotação
de cultivos e o emprego de tração animal. A
agricultura facilitou o crescimento das civilizações, a
domesticação de animais e a fixação de uma
população sem a necessidade de deslocamentos.

15
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O homem passou então a observar a natureza, selecionando as melhores sementes,


descobrindo novas variedades de plantas.
Pesquisas atuais, principalmente na Jordânia, lideradas por arqueólogos Americanos,
Ingleses e Dinamarqueses, constatam que a

agricultura já é praticada há mais de 19.000


anos, que já existiam grupos de aldeias
agrícolas. No sítio arqueológico de
Kharaneh IV, os pesquisadores encontraram
restos vegetais, conchas perfuradas, pedras
e ossos de animais. Segundo os
especialistas, o que foi encontrado revela
um estágio tecnológico avançado para a
época.

Evidências de pedras, ossos e conchas perfuradas. (EFAP/L. Maher)

A partir do momento que iniciamos a domesticação dos animais e um certo domínio da


natureza, grandes comunidades surgiram e as transformações da sociedade levaram a
uma agricultura cada vez mais produtiva, culminando com um salto tecnológico mais
conhecido como Revolução Verde.

16
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.1 Após a segunda guerra mundial, no inicio da década de 50, parte do


aparato montado para a guerra foi readaptado para a agricultura.
A Agricultura Grandes montadoras de tanques de guerra usaram suas tecnologias para
a fabricação de tratores.
Moderna
A tecnologia de criação de armas químicas também foi aproveitada para formular e criar
substâncias a fim de aumentar a fertilidade do solo e combater pragas e doenças nas
lavouras; os adubos químicos e agrotóxicos. A partir de então, todo um pacote
tecnológico para atender uma agricultura de grande escala foi disseminado, incluindo o
uso intensivo de máquinas, adubos, agrotóxicos e mais recentemente, a aplicação da
biotecnologia na transformação de plantas.

No Brasil, a modernização da agricultura foi impulsionada pelo regime militar entre os


anos de 1960 e 1970. Os efeitos sociais foram visíveis. Entre 1950 e 2000
aproximadamente 60 milhões de pessoas trocaram o campo pela cidade, invertendo o
perfil demográfico. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), indicam
que a população rural representa somente 18% do total de habitantes em nosso país.
Hoje, essa agricultura moderna, apesar de gerar grandes benefícios, gera também
impactos ambientais, que vamos chamar de externalidades negativas. Essas
externalidades são decorrentes principalmente do uso massivo de agrotóxicos, adubos
altamente solúveis e maquinários que causam degradação do solo. 17
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.1.1. Efeitos Nocivos dos Agrotóxicos


Segundo o Ministério da Agricultura (MAPA), agrotóxicos são: “Os produtos e
os agentes de processos físicos, químicos ou biológicos destinados ao uso nos
setores de produção, armazenamento e beneficiamento dos produtos
agrícolas, nas pastagens, na proteção de florestas nativas ou implantadas de
outros ecossistemas e também de ambientes urbanos, hídricos e industriais
cujas finalidades sejam alterar a composição da flora ou da fauna a fim de
preservá-las da ação danosa de organismos nocivos.”.

Como você pôde ler, o conceito de agrotóxico é bastante amplo,


mas resumindo, são substâncias criadas para matar. Possuem o
sufixo CIDA, do latim, que significa “aquele que mata”. Portanto,
agrotóxicos que matam insetos (inseticidas), fungos (fungicidas),
bactérias (bactericidas), que matam outras plantas (herbicidas)
e tantos outros.

Enquanto no mundo o mercado de agrotóxicos cresceu 93% nos últimos 10 anos,


no Brasil esse crescimento foi de 193%. Infelizmente, há evidencias sérias de que
os agrotóxicos causam diversos males para o ambiente.

18
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Não se assuste, todos os dias somos expostos aos agrotóxicos, seja no trabalho, como
milhares de agricultores, ou se alimentando. Para se ter uma idéia, dos 50 mais utilizados
aqui no Brasil, 22 são proibidos na União Européia por causarem danos irreversíveis à saúde
humana e ao meio ambiente.

Os agricultores ficam expostos pela aplicação periódica – dependendo do caso,


semanalmente – dos agentes. Eles são acometidos por dois tipos de intoxicação: a aguda e
a crônica. A intoxicação aguda geralmente é causada por ingestão acidental ou por muitos
casos de pessoas com comportamentos suicidas. Os sintomas aparecem rapidamente e em
muitos casos é fatal. Casos de intoxicação crônica ocorrem quando o indivíduo fica exposto
a pequenas doses num intervalo de tempo maior. É nessa situação que eu e você estamos!

Somos obrigados a ingerir uma dose diária de agrotóxicos. Dados da ANVISA (Agência
Nacional de Vigilância Sanitária), através de seu programa de monitoramento de
agrotóxicos, constatam que 63% das amostras de alimentos analisadas apresentam algum
tipo de contaminação por agrotóxicos (dados de 2010).

19
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Lista de alimentos seguidos da porcentagem das amostras analisadas com resíduos de agrotóxicos em 2011
e 2012:
Morango
Pimentão

89%
2011
59% 2012

Pepino
Cenoura

67% 42%
Pepino Abacaxi

44% 41%
Alface Cenoura

43% 33%
Uva Laranja

27% 28% 20
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.1.1.1 - Agrotóxicos na Água


Não existem muitas informações disponíveis sobre a
contaminação da água por agrotóxicos. Essa
contaminação é evidente principalmente nos
aqüíferos subterrâneos. No Estado do Ceará por
exemplo, na comunidade da Chapada do Apodi,
foram coletadas 24 amostras de água em caixas
d’agua e em poços profundos. Em todas as amostras,
foram encontradas pelo menos 3 tipos de agrotóxicos
e as vezes até 10 tipos. Isso indica que a população
está submetida a exposição a múltiplos venenos
agrícolas.
O mais grave, se é que existe mais grave, é que a
maioria dessas substâncias está sendo reavaliada pela
ANVISA, que está visando sua proibição.

21
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.1.1.2- Agrotóxicos no Leite Materno


Amigos, este é um dos efeitos mais covardes dos
agrotóxicos, pois afeta quem não pode se defender.
Em 2011, pesquisadores da Universidade Federal do
Mato Grosso (UFMT) coletaram amostras de leite
materno de 62 nutrizes (mães que estavam
amamentando) da segunda à oitava semana após o
parto na cidade de Lucas de Rio Verde - MT.
Todas as amostras estavam contaminadas com pelo
menos um tipo de agrotóxico. De acordo com os
pesquisadores, as fontes das contaminações são
múltiplas e causadas pela exposição ambiental,
ocupacional e alimentar.
As consequências para os bebês podem ter reflexo
para a vida toda, uma vez que têm a saúde ainda muito
frágil. A seguir, vamos conhecer melhor as
consequências maléficas do uso dos agrotóxicos.

22
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.1.1.3- Malefícios dos agrotóxicos na saúde


Você deve estar lembrado de quando falei sobre intoxicações agudas e crônicas. Pois bem,
os sintomas da intoxicação crônica não são visíveis imediatamente. Isso porque os
agrotóxicos vão se acumulando no organismo.
Há muita dificuldade em relacionar os sintomas da intoxicação crônica como sendo
causados por essas substâncias, pois eles podem aparecer alguns anos após a exposição
prolongada. Recomendo, antes que continue a leitura do próximo item, que você assista o
documentário “O Veneno está na Mesa” do Cineasta Silvio Tendler. Veja algumas doenças
causadas por:

INSETICIDAS FUNGICIDAS HERBICIDAS


Lesões hepáticas e Alergias respiratórias, Cânceres,
renais, arritmia cardíaca, dermatites, doença de teratogenese, lesões
neuropatias periféricas. Parkinson, hepáticas, dermatites
Efeitos neurotóxicos teratogenese (danos de contato e fibrose
retardados, alterações ao feto) e diversos pulmonar.
cromossomiais, tipos de cânceres.
dermatites, irritações nas Alteração na
mucosas, alergias e produção de
distúrbios neuromotores. hormônios sexuais
femininos e
masculinos,

23
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Ufa! Chega de escrever sobre coisas ruins. Esse inicio tem o objetivo de impactar e mostrar
os efeitos colaterais de uma agricultura mais distante da natureza.
Daqui para frente, vou lhe ensinar as bases e as técnicas mais modernas de produção de
alimentos saudáveis. Quero deixar claro que todo o tipo de agricultura causa impacto ao
meio ambiente, mesmo porque o homem age modificando-o. No nosso conceito, a
agricultura extrapola os limites da área rural e vai para dentro de sua casa. Para isso, vou
te ensinar diversas formas mais amigáveis de agricultura que geram muito mais que um
alimento. Geram vidas, prazer, aprendizado e amor. Agora, uma pergunta:
Quer ser um agricultor urbano ou rural e cultivar alimentos saudáveis para toda a família?
Então prepare-se porque a partir de agora vamos juntos conhecer a agricultura do futuro.

24
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1.2
Agriculturas Quando se fala em agricultura do futuro podemos pensar em algo
do Futuro distante, mas cada segundo da vida é um futuro que deixamos para trás.
Os desafios da produção de alimentos para uma população em crescimento acelerado fez
com que o homem modificasse a natureza a tal ponto de criar uma imensa artificialização
do modo de fazer agricultura. Causando dependência em insumos químicos perigosos para
nossa saúde, modificando espécies através da biotecnologia e diminuindo a
biodiversidade.
Na contra mão de tudo isso, surgem propostas de reconciliação da agricultura com a
natureza. Como dizem dois dos maiores estudiosos da Agroecologia:
“Essa estratégia [reconciliação da agricultura com a natureza] implica a redução drástica
do emprego da energia fóssil e de outros recursos finitos nos sistema agrícolas”
[(Petersen, von der Weid e Fernandes no artigo] “Agroecologia: Reconciliando agricultura e Natureza”)

25
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.1 - A Agroecologia

A agroecologia é uma ciência que começa a surgir no final da década de 70 em


contraposição aos primeiros impactos da agricultura convencional. Ela veio para inserir
bases teóricas em diversas linhas de agriculturas alternativas advindas de movimentos
de defesa do meio ambiente que se tornaram mais evidentes a partir das décadas de
60 e 70.
A agroecologia não é uma prática agrícola, contudo procura o entendimento do
funcionamento dos ecossistemas agrícolas tanto na área rural quanto na urbana. Seus
princípios são bastantes claros:
1º: Conservação e ampliação da biodiversidade.
2º: Resgate dos conhecimentos tradicionais desprezados pela agricultura convencional.
3º: Menor dependência possível em insumos externos ao cultivo.
4º: Conservação dos recursos naturais.

26
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2 – Linhas Agroecológicas de Produção de Alimentos
Modelos ou linhas de pensamento contrários à agricultura convencional, baseada no
uso massivo de adubos sintéticos e agrotóxicos, começaram a surgir na década de 20.
Essas linhas propõem a realização de uma agricultura mais próxima às leis da natureza,
baseada no emprego da matéria orgânica, no enriquecimento do solo como organismo
vivo, no resgate de elementos que não são levados em consideração na agricultura
convencional - como a influência dos astros - e as relações e interações benéficas entre
espécies.
Para exemplificar melhor vamos nos ater às sete principais linhas que vão fomentar seu
aprendizado como agricultores rurais e urbanos para cultivar todos o tipos de plantas e
fazer verdadeiros jardins orgânicos em qualquer ambiente.

Agricultura Biodinâmica Permacultura


Agricultura Ecológica Agricultura Regenerativa
Agricultura Biológica Agricultura Orgânica
Agricultura Natural

27
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.1 – Agricultura Biodinâmica
Filósofo e matemático, o Austríaco Rudolf Steiner
fundou a antroposofia, uma ciência que propõe
diferentes abordagens para as áreas do
conhecimento humano. Como na medicina
(antroposófica), na pedagogia (Waldorf) e na
agricultura (biodinâmica).
A agricultura biodinâmica se baseia na crença em
influências cósmicas sobre as plantas, como por
exemplo, o uso de calendários de plantio baseados
nos ritmos lunares. Apresenta o conceito de que
toda a unidade de produção agrícola é um
organismo vivo, que integra diferentes sistemas e
relações muito complexas. Esse conceito foi datado
em 1920, quando pouco se discutia sobre questões
ambientais.
"A Agricultura é o fundamento de
toda cultura, ela tem algo a ver
com todos".
Rudolf Steiner

28
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.2 – Agricultura Ecológica
O embrião da agricultura ecológica (AE) surge com os
trabalhos do Professor Hartmut Vogtmann, na
Universidade de Kassel-Witzenhauzen - Ele
ministrava a disciplina de Métodos alternativos de
Agricultura - e recentemente passou a se chamar
Agricultura Ecológica.
Aqui no Brasil, um dos expoentes da AE é o
agrônomo José Lutzenberger (in memoriam). Ele
lançou em 1975 o Manifesto Ecológico Brasileiro que
influenciou agrônomos e ambientalistas. José Lutzenberger
Os pesquisadores Artur Primavesi e Ana Primavesi
também contribuem com a AE, demonstrando que a
saúde das plantas está intimamente relacionada a
um solo saudável.

Ana Primavesi

29
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.3 – Agricultura Biológica
O Suíço Hans Peter Muller, em 1930, com seus trabalhos
voltados para a fertilidade do solo e microbiologia,
iniciou o que seriam as bases de uma agricultura mais
voltada para as ciências biológicas diferentemente da
agricultura intensamente química. Foi na França que a
Agricultura Biológica se desenvolveu.
O agrônomo Claude Aubert, após trabalhar na África,
observou a inadequação e os problemas da agricultura
convencional. Ao retornar, estudou meios mais amigáveis
e equilibrados de produção de alimentos. Em 1977,
lançou sua obra mais importante, chamada de L’
Agriculture Biologique, que aborda, segundo ele, toda a
irracionalidade da agricultura convencional ou industrial
e propõe uma agricultura mais próxima da natureza.
Preconiza também a importância da manutenção de um
solo sadio, o valor biológico do alimento e o valor para a
saúde humana. Claude Aubert

30
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.4 – Agricultura Natural
Esta linha de agricultura possui uma vertente mais
filosófica que serve como base para a religião
messiânica. A religião messiânica defende que a
purificação do espírito deve ser acompanhada da
purificação do corpo. Daí a importância da alimentação
sempre com alimentos não-tóxicos e produzidos de
forma natural. Mokiti Okada, filósofo Japonês, além de
fundador da religião messiânica, foi o idealizador da
Agricultura Natural (AN).
Utiliza tecnologias que procuram tirar o máximo de
proveito da natureza com os seguintes princípios:
1º: Não revolver o solo; Mokiti Okada
2º: Não utilizar fertilizantes;
3º: Não capinar; “Quando apanho uma folha seca caída
4º: Não utilizar agrotóxicos. no chão, sinto nela a indiscutível Lei
do ciclo da vida”
O que diferencia a AN das demais é o uso de produtos Meishu- Sama (nome espiritual de Mokiti Okada)
especiais para preparação do composto. São os
chamados Microorganismos Eficientes – organismos
capazes de auxiliar na decomposição da matéria
orgânica.

31
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.5 – Permacultura
A Permacultura teve início entre os anos 1970 e 1980 com os
Australianos Bill Mollison e David Holmgren. Está ligada a um
sistema de manejo permanente que procura deixar o solo
sempre protegido com restos vegetais.
Possuí uma visão holística da agricultura e da ética,
integrando a produção agrícola com o ecossistema. Nasceu do
estudo de civilizações que permaneceram durante milênios
sem destruir seu ambiente em diversos períodos da
humanidade, e possui 12 princípios: Bill Mollison
1º: Observe e interaja;
2º: Capte e armazene energia;
3º: Obtenha um rendimento;
4º: Aplique a auto-regulação e aceite feedback;
5º: Use e valorize recursos e serviços renováveis;
6º: Evite o desperdício;
7º: Projete dos padrões aos detalhes;
8º: Integre em vez de segregar;
9º: Use soluções pequenas e lentas;
10º: Use e valorize a diversidade;
11º: Use os limites e valorize o marginal;
12º: Use e responda à mudança com criatividade.

David Holmgren
32
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.6 – Agricultura Regenerativa
Essa nomenclatura está ligada à capacidade de produzir
alimentos recuperando o solo. O termo Agricultura
Regenerativa (AR) foi cunhado por Robert Rodale. Um
exemplo de AR são os trabalhos de agrofloresta desenvolvidos
por Ernst Gotsch, no Sul da Bahia.
O sistema consegue uma rápida recuperação por meio de
alguns manejos, tais como:
1º: Poda intensiva das árvores estimulando o
rejuvenescimento;
Robert Rodale
2º: Controle da sucessão natural e,
“O que pode ser mais valioso do que uma
3º: Incorporação massiva de biomassa ao solo, favorecendo o pequena horta, livre de fertilizantes
acúmulo de matéria orgânica, a atividade benéfica de sintéticos e agrotóxicos, produzindo
alimentos de sabor tão bom quanto os
microorganismos e aumentando a fertilidade do solo. legumes e frutas que eramos capazes de
comprar em mercados anos atrás? Valioso
Vamos usar muitos dos conceitos da AR e das outras linhas não só para o corpo, mas para espírito” –
agroecológicas para fazer a horta orgânica. Bob Rodale

33
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
1.2.2.7 – Agricultura Orgânica
Durante quase 40 anos, em seus trabalhos na Índia, Sir Albert
Howard, considerado o pioneiro da Agricultura Orgânica,
realizou diversas pesquisas agrícolas. Ele escreveu o livro
chamado An Agricultural Testament. Nele, o autor faz várias
críticas ao modelo convencional/industrial de agricultura. São
críticas não só ao tema, mas também a como são realizadas as
pesquisas agrícolas.
Na Agricultura Orgânica (AO), alguns princípios são
fundamentais: A diversificação do ambiente; a utilização de
matéria orgânica, de adubos verdes, biofertilizantes e caldas
com função de nutrir e proteger as plantas de ataques de
doenças e insetos.
Sir Albert Howard
No Brasil, a Associação de Agricultura Orgânica (AAO), é uma
das mais antigas entidades de apoio a AO. Foi fundada no ano
de 1989 por um grupo de agrônomos, oriundos do Movimento
de Agricultura Alternativa. Hoje, a AAO, já com seus 24 anos,
congrega uma série importante de trabalhos e pesquisas na
área, além da realização e apoio a cursos e eventos.

34
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Atualmente, a maioria das pessoas faz uma relação da AO com o não-uso de agrotóxicos.
Contudo, ela não se resume só a este fato. Na AO não é permitido o uso de adubos
químicos nem outros produtos que possam deixar resíduos no alimento. Além disso, esse
sistema de produção cria condições que diminuem o impacto ambiental, não degradando
o solo, as águas, e aumentando a biodiversidade natural no ecossistema.
Para fazer sua horta orgânica, vamos aproveitar os conhecimentos das sete linhas
agroecológicas de produção de alimentos aqui apresentadas. Mais importante ainda é
que utilizaremos a tecnologia mais avançada no mundo: a tecnologia que a natureza nos
proporcionou; vamos procurar imitá-la com o objetivo de obter alimentos
verdadeiramente saudáveis. Muito mais que isso, sua horta terá função pedagógica e
terapêutica, pois não há nada tão relaxante quanto cuidar e ver crescer aquilo que você
mesmo plantou e poder ensinar a seus filhos, ou outras pessoas, a importância do
cuidado com a vida.

35
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Princípios Básicos
Só lembrando, qualquer dúvida, você pode entrar em contato. Responderemos todas as
perguntas através do nosso grupo Universidade Orgânica no Facebook. Lá você
encontrará também várias dicas sobre como fazer sua horta orgânica, sobre alimentação
saudável e qualidade de vida.
Para finalizar o nosso 1º passo (Conhecer), vamos descrever quatro princípios básicos
super importantes e fundamentais para você ter sucesso na construção da sua horta
orgânica.

Diversificação Teoria da Trofobiose

Equilíbrio Ecológico Reciclagem da Matéria Orgânica

36
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Diversificação

Observe a natureza a sua volta, observe uma floresta, uma praça arborizada no seu
bairro. Já notou que há várias espécies de arvores, arbustos e animais? Isso não é por
acaso. A natureza sempre é diversa. A diversificação é uma estratégia de sobrevivência
e quando não há diversificação, as pragas (insetos e doenças) ocorrem de maneira mais
intensa.
Cada espécie está relacionada a uma série de outras, criando uma verdadeira rede
sustentável de interdependência e cooperação. Portanto, o cultivo de uma só espécie
(monocultivo), torna o sistema mais instável e frágil para resistir ao ataque de pragas e
às condições climáticas. Ao construir sua horta, utilize o número máximo de espécies
possíveis. Recomendamos no mínimo três espécies para começar o aprendizado.

37
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Equilíbrio Ecológico

No sistema convencional de produção de alimentos, o uso de adubos químicos e


agrotóxicos aliados ao intenso revolvimento do solo causam instabilidade no ambiente,
levando a desequilíbrios nutricionais nas plantas e aumento da população de
organismos prejudiciais.
Na natureza existe uma interdependência e inter-relações muito fortes entre
organismos (insetos, ácaros, fungos, bactérias e outros macro e microorganismos)
como por exemplo: Lagartas, que são controladas por vespas parasitas e espécies de
vírus, e pulgões, que são atacados por joaninhas; entre tantos outros exemplos. Como
estas, existem milhões de relações que são responsáveis pelo equilíbrio ecológico do
sistema.
Conhecer as espécies certas e suas funções no ecossistema é fundamental para o
sucesso de sua horta. Nos próximos passos, vamos mostrar as principais espécies e
suas funções.

38
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Teoria da Trofobiose
Essa teoria foi proposta por um cientista e biólogo Francês chamado Francis Chaboussou
em 1969 e se aplica a qualquer organismo, inclusive eu e você.
Ela diz que um organismo só sobrevive se houver alimento adequado e disponível para
ele. Desta forma, as plantas da sua horta orgânica só serão atacadas por doenças ou
pragas se ela tiver, na seiva, os nutrientes disponíveis para esses organismos.

Resumindo, uma planta bem nutrida adquiri resistência à maioria dos ataques de pragas.
Em contraposição, se houver adubação excessiva, pode haver um desequilíbrio
nutricional especialmente quando se usa adubos químicos sintéticos.
Esses adubos são altamente solúveis e segundo várias pesquisas, conduzem a uma
elevada taxa de aminoácidos livres na seiva das plantas. Alguns fatores podem interferir
nesse processo melhorando a resistência da planta. São eles: Utilizar sempre plantas
adaptadas a sua região, ter um solo rico em matéria orgânica e utilizar defensivos
naturais (que vamos aprender a fazer no 4º Passo do e-book).
Fatores que interferem na resistência da planta: tipo de solo; quantidade inadequada de
luz e água; adubos sintéticos e agrotóxicos.

Se você deseja se aprofundar mais, recomendo que faça o download e leitura do livro
“Plantas Doentes pelo uso de Agrotóxicos” de Francis Chaboussou. 39
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Reciclagem da Matéria Orgânica

Matéria orgânica (MO) é o resultado da decomposição de resíduos vegetais e animais


realizada por milhões de macro e microorganismos. É a maneira que a natureza
encontrou para reciclar todos os nossos resíduos.
Um solo com altos teores de matéria orgânica tem mais vida, é mais rico em
biodiversidade e é consequentemente mais fértil. A MO traz inúmeros benefícios para as
plantas, pois confere resistência ao ataque de doenças e além disso:
a) Aumenta a capacidade do solo de reter e armazenar água, diminuindo os efeitos das
secas;
b) Aumenta a população de organismos úteis e benéficos (minhocas, besouros, fungos e
bactérias), além de outros que estão presentes no solo;
c) Favorece a proliferação de organismos associados às raízes das plantas como bactérias
que auxiliam na absorção do Nitrogênio e fungos capazes de aumentar a absorção de
nutrientes;
d) Aumenta a capacidade das raízes das plantas de absorver minerais do solo em
quantidades equilibradas, o qual absorve conforme sua necessidade;
e) É extremamente fundamental para a estruturação do solo, pois facilita a formação de
grumos facilitando a penetração das raízes e a oxigenação do solo,
f) Contém hormônios vegetais de crescimento (fitormônios) que favorecem a respiração e
a fotossíntese. 40
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Esse foi o primeiro passo dado a você para fazer uma linda horta
orgânica em qualquer espaço. Você vai se transformar num Agricultor
Urbano e sentir prazer em cultivar seus próprios alimentos.

Aliás, quando se fala em agricultura, logo vem à mente a associação


com o meio rural, contudo a agricultura urbana não é uma atividade

1 recente. Várias civilizações já cultivavam seus alimentos em meio as


comunidades.

A civilização Inca tinha uma agricultura urbana extremamente


avançada. Plantavam em terraços: milho (considerado um alimento
sagrado), batata, feijão, além de diversas frutas. Domesticaram a
Ilhama, um animal da família do camelo, que utilizavam como meio
de transporte e retiravam sua lã e seu leite, além da criação de outros
animais como a Vicunha e a Alpaca.

41
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

ATENÇÃO: Se você baixou o 1º passo em outro local, verifique


se essa versão é a mais recente!

42
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2 2º passo: Planejar
Planejamento é indispensável para minimizar os erros em tudo
na vida. Nesse passo, apresentaremos os principais objetivos na
implantação de uma horta orgânica, ajudaremos a definir o que
plantar e a utilizar ferramentas e insumos básicos.

43
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Planejar o que plantar depende do objetivo da montagem da

2.1O que
horta orgânica. Nós temos basicamente três objetivos básicos;
educacional, terapêutico e, é claro, produtivo. Além disso, escolher o
que plantar depende das características climáticas da região e do
Plantar? espaço disponível.

O primeiro objetivo, o educacional, está ligado à implantação de


hortas em ambientes escolares. Nessa modalidade, elas são utilizadas
como recurso didático no ensino de conhecimentos sobre biologia,
matemática, física e química; além de cursos voltados às ciências
agrárias, como Agronomia, e cursos técnicos em Agropecuária.

Horticultura terapêutica é um processo que utiliza as plantas


como terapia. Esse processo não é novo. Relatos iniciais são datados
do ano 1600, quando os pacientes não tinham condições de pagar
suas contas em hospitais. Esses, como forma de pagamento,
trabalhavam cuidando e fazendo hortas e jardins. Resultado: Esses
pacientes se recuperavam mais rápido do que aqueles sem contato
com as plantas.

44
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Um exemplo interessante é o uso


de jardins sensoriais - jardins que
estimulam nossos sentidos através do
tato, da visão e do olfato. Pacientes
com deficiências físicas e motoras
apresentam melhoras e potencializam
seus sentidos. Plantas com diferentes
aromas, sabores e texturas podem ser
utilizadas.

45
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O terceiro e o mais óbvio objetivo é


a utilização de hortas produtivas como
fonte de renda. Geralmente são
montadas em grandes áreas e atendem
diferentes mercados com feiras livres,
supermercados e entregas em domicílio.
Podem ser montadas em pequenos
espaços, para suprir as necessidades da
própria família, como hortas caseiras -
feitas com diferentes materiais e
espécies de plantas - como veremos no
3º passo desse e-book.

46
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Observar as características climáticas e geográficas de sua


região também é importante no momento da escolha da
espécie a ser plantada. Existem plantas que se adaptam
melhor em condições de baixas temperaturas, enquanto
outras “gostam” do clima quente. Na maioria dos casos e nas
condições de nosso país, elas se desenvolvem bem numa
ampla faixa de temperatura.

Algumas cultivares de alfaces, por exemplo, são mais


indicadas para o cultivo no verão e outras para o inverno, pois
desenvolveram-se para suportar mais as oscilações das
condições de clima e tempo.

Existem cultivares de morangueiros, por exemplo, de dias


curtos e de dias neutros. Os de dias curtos necessitam, para
florescer, de poucas horas de luz e temperaturas baixas. Os
neutros independem da quantidade de luz para florescer.
Você pode acessar mais detalhes no 3º passo: Plantar, do e-
book.

47
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

A última característica que deve ser observada


para decidir o que plantar é o local de implantação da
horta orgânica. Em praticamente qualquer espaço se
pode cultivar alimentos. Numa sacada de
apartamento, num pequeno quintal e em espaços
maiores como em sítios e chácaras.

O que deve ser levado em consideração é a


possibilidade de disponibilização de água em
abundância e luminosidade. Prestar atenção nas
fontes de água; o ideal seria uma boa nascente ou
córrego, porém, se houver despejo de esgoto, essa
fonte não deve ser utilizada. Luz é fundamental; é
necessário no mínimo quatro horas de luz para que a
planta se desenvolva e cresça de maneira saudável.

48
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.2
Ferramentas
Básicas

Conheça agora as ferramentas indispensáveis para cuidar da sua


horta orgânica e deixá-la sempre produtiva e saudável. Cada
ferramenta tem a sua função de acordo com as práticas de
jardinagem. Existem vários tamanhos e preços que variam conforme
o tipo de cultivo.

49
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Garfo para afofar a terra

Uma terra compactada dificulta a


entrada de água e oxigênio e impede o
crescimento da raiz da planta. E além disso,
desfavorece a proliferação de organismos
benéficos do solo.

Essa ferramenta tem a função de afofar a


terra, ou seja, promove a descompactação; e
pode ser encontrada em diversos tamanhos
e tipos de materiais.

50
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pázinha Larga

As pás facilitam o enchimento de vasos com


substratos e a abertura de berços* para o
plantio e transplantio de mudas.

* Fique atento: O nome “berço” é mais apropriado quando


estamos cuidando de seres vivos.

51
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Ancinho

O ancinho tem a função de remover


restos vegetais e auxiliar na
descompactação do solo, no arranque de
raízes mais grossas e na limpeza de
materiais indesejáveis.

Pode ser encontrado em diversos


formatos de acordo com a demanda de
esforço do serviço de manutenção de um
jardim ou uma horta orgânica caseira.

52
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Transplantador articulado:

Tem a função de remover a


planta do local sem prejudicar
suas raízes.

Abridor de berços:
Facilita o plantio com a
abertura de berços com
diferentes profundidades.

53
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Tesoura de poda: corte de ramos secos, atacados com


pragas, auxílio na colheita de frutas e legumes, e auxílio
em podas de formação e condução da planta.

54
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pulverizador: muito útil na aplicação de caldas


protetoras, defensivos e na irrigação.

Regador: utilizado na irrigação e aplicação de adubos.

Mangueira com esquicho.

55
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.3
Insumos

Vamos aprender sobre os insumos mais utilizados na Agricultura


Orgânica, incluindo a escolha de substratos, o manejo adequado do
solo, compostos orgânicos, materiais de propagação (sementes e
mudas) e os recipientes e os locais mais adequados para fazer sua horta.

56
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.3.1 -O SOLO É VIVO!


Nosso principal insumo!

Longe de ser só um suporte físico ao crescimento das plantas, o solo representa o que
há de mais valioso em qualquer cultivo de plantas. Além de nutrientes, um solo saudável é
aquele que contém vida; uma gama enorme de microorganismos, cada um cumprindo sua
função no ecossistema.

Os solos tropicais são mais ricos em atividade biológica, e ao mesmo tempo, menos
férteis e mais sensíveis as intempéries. Algumas recomendações para manter ou
potencializar sua fertilidade e biodiversidade são válidas e fundamentais:

a) Manter a cobertura do solo – isso evita a incidência direta de raios solares, o


aquecimento excessivo e ventos, mantendo a umidade por mais tempo em níveis ideais
para as plantas, além de evitar o gasto com água;

a) Rotação de cultivos - não plantar a mesma coisa sempre no mesmo lugar. Alternar os
cultivos significa reduzir a possibilidade de aparecimento de pragas e doenças, e
aumentar o teor de matéria orgânica no solo e de biodiversidade;
57
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

c) Policultivos – associar várias espécies de plantas em um mesmo ambiente potencializa


a produção, diminui a incidência de pragas e doenças e explora melhor o solo em
virtude das diferentes profundidades das raízes. Como, por exemplo, o cultivo de
alfaces com cebolinha ou com cenouras.

d) Utilizar adubação orgânica – estercos de bovinos e


de aves, além de compostos orgânicos, são ótimos
para promover a saúde do solo e fornecer
nutrientes adequados, se usados no momento
certo e em quantidades equilibradas.

58
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Mas você deve estar pensando: moro numa casa, num apartamento
e não tenho espaço e nem solo para cultivar! Fique calmo.
Atualmente podemos encontrar vários tipos de substratos e até
compostos orgânicos comerciais à venda em lojas de jardinagem.
Além disso, você pode fazer o próprio adubo.

59
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.3.2 - SUBSTRATOS
Os substratos são produtos utilizados para fazer as mudinhas, principalmente de
hortaliças. Essa etapa é super importante, pois uma muda forte e saudável é
fundamental para o inicio de uma boa horta.

Hoje, podemos encontrar diversos tipos de substratos comerciais para esse fim.
O ideal é que se use substratos orgânicos sem a presença adubos químicos.

As principais características de um bom substrato são:

✓ Isento de patógenos que possam causar doenças;


✓ Boa drenagem;
✓ Leve;
✓ Boa capacidade de armazenar água;
✓ Compostos principalmente de resíduos de vegetais, húmus, vermiculita ou
perlita.
Um dos principais compostos dos substratos é a casca de arroz, pois é estável e
muito resistente à decomposição.
60
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O húmus de minhoca é um excelente ingrediente para o


substrato, pois contém boa capacidade para retenção de
água e boa parte dos nutrientes necessários para o
crescimento inicial das mudinhas.

Outro componente é a Vermiculita. É um mineral composto


principalmente de silicatos de alumínio e magnésio que,
submetido a altas temperaturas, forma grumos ou flocos.
Possue alta capacidade de retenção de umidade podendo
absorver até 5 vezes seu peso em água.

No 3º passo do nosso livro você aprenderá a fazer seu


próprio substrato e o seu composto orgânico.

61
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Alguns substratos disponíveis no mercado:

62
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.3.3 - SEMENTES

63
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Esse é um dos fatores mais Albumen


importantes no sucesso da sua horta Conhecido também por cotilédone;
orgânica. A semente é viva e, tem a função de armazenar a energia
portanto, necessita de cuidados para suficiente para suprir o embrião
que dê origem a uma planta antes e após a germinação.
saudável.
Tegumento
Conhecer sua estrutura básica é Tem a função de proteger contra
fundamental para entender sua injúrias físicas e químicas.
importância. Elas possuem três
estruturas básicas: o embrião,
cotilédones e a casca.

Embrião
É a planta em miniatura contendo os
rudimentos do que mais tarde será a
raiz (radícula), o caule (caulículo) e as
folhas primárias.

64
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Considero a escolha das sementes maioria das hortaliças e legumes


como sendo a etapa mais importante orgânicos é produzida com sementes
no planejamento da sua horta orgânica. convencionais e tratada com
agrotóxicos. No entanto, a partir de
A escolha de um bom material 2016 será obrigatório o uso de
propagativo definirá o sucesso ou o sementes orgânicas.
fracasso do plantio. Dependendo do
que irá plantar, você necessitará de um Há algumas empresas que já
material propagativo de boa qualidade. comercializam sementes orgânicas,
como a Bionatur e a Isla Sementes,
Se for utilizar sementes, devem ser onde você pode obter suas próprias
observadas no momento da compra: as sementes.
informações sobre o lote, validade, a
pureza e a taxa de germinação da No 3º passo do e-book, ensino
espécie. algumas técnicas de processamento que
Se optar por usar sementes podem ser feitas na sua casa.
orgânicas, você pode ter dificuldades
para encontrá-las no mercado. A grande
65
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Lote
Guardar a embalagem com o
número do lote é importante,
pois se houver algum tipo de
problema com a semente, a
empresa identificará
rapidamente e o solucionará;

Taxa de Germinação Taxa de pureza Validade


Obtida em laboratório em É um índice, expresso em É a garantia máxima que a
condições controladas, ela porcentagem (%), que empresa lhe dará de que até
expressa o potencial indica que a semente que aquela data, as sementes
germinativo, indicado pela você está comprando manterão suas características
proporção do número de realmente pertence àquela de plantio;
sementes que geraram espécie ou variedade. Deve
plântulas consideradas estar acima de 95%.
normais. Pode variar com a
espécie ou variedade. Quanto
mais próximo de 100%, melhor. 66
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Tipos de sementes

Quanto à forma de tratamento,


temos 4 tipos de sementes
disponíveis no mercado: Sementes nuas
Sem nenhum tipo de tratamento;

67
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Sementes peletizadas
São sementes revestidas com materiais secos e
rígidos com a finalidade de facilitar, tornando-as
maiores e de fácil manuseio, diminuindo as perdas
durante o plantio. Essa técnica é utilizada
principalmente em sementes de hortaliças.

68
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Sementes com película protetora


Sementes revestidas com uma fina camada de
polímero, com a função de proteger contra
umidade e temperatura e de aumentar sua vida
útil.

69
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Sementes incrustadas
Revestidas por camadas compostas de polímeros e
agrotóxicos.

70
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2.3.4 – RECIPIENTES

71
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

A escolha dos recipientes


dependerá da espécie a ser plantada e Isso varia com a espécie a ser
da fase em que está a implantação da plantada, sendo que para espécies que
horta caseira. necessitam de maior espaço, o volume
de substrato deve ser maior para não
Recipientes para formação de prejudicar o desenvolvimento da raiz.
mudinhas
Outros materiais alternativos como
Bandejas copos descartáveis, copinhos de jornal e
Podem ser confeccionadas com isopor embalagens de leite longa vida também
ou plástico e são comercializadas em podem ser utilizados.
vários tamanhos e capacidades
diferentes. São compostas por células
onde são dispostos o substrato e as
sementes. As bandejas mais comuns
têm 200, 268 e 128 células.

72
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Bandeja de isopor

73
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Bandeja de plástico

74
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Utilização de copos descartáveis e de jornal

75
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Recipientes para plantio definitivo

Vasos e jardineiras são os mais comuns em hortas caseiras. O tamanho


dependerá das características morfológicas e exigências nutritivas das espécies
escolhidas para o plantio.

Um fator importante a ser levado em consideração é o volume e o comprimento


das raízes. Espécies com raízes compridas, como o tomate, berinjela, pimentão e
pimentas devem ser plantadas em recipientes com maior volume e profundidade.

Hortaliças, como alfaces, cebolinhas, salsa e coentro toleram recipientes


menores, sendo recomendado aqueles com no mínimo 15 cm de profundidade.

O comprimento das raízes da alface, por exemplo, é em média, de 15 cm,


portanto, não se recomenda o uso de recipientes muito profundos. Isso evita o
gasto com composto.

Materiais alternativos como garrafas pet e tubos de PVC são boas opções para
fazer a horta orgânica.
76
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Vasos de barro

Jardineiras

Vasos de plástico

77
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Horta em garrafa PET

Horta em tubos de PVC

78
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Te encontro no 3º passo!
Plantar: Esse é o próximo assunto. Prepare-se para descobrir técnicas de produção de mudas
e plantio de várias hortaliças, e o melhor, de forma orgânica!
Verifique se essa versão é mais atualizada!

79
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

3 Passo 3: Plantar
É o passo que mais gosto, é a hora de colocar a mão na massa!

80
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Chegamos ao 3º passo. Nessa etapa você vai aprender como produzir mudas e plantar
as principais hortaliças cultivadas no mundo. Além disso, você aprenderá a fazer
adubos caseiros e aprenderá também sobre as necessidades fundamentais para ter
uma planta saudável.
3.1 - Do que uma planta necessita para viver?
Não só as plantas, mas todos os seres vivos necessitam de alguns fatores essenciais
para a sobrevivência. Destaco os principais: como a água, a luz e nutrientes.
Para um vegetal, esses três elementos são o combustível para um processo que
considero um dos mais importantes para a manutenção da vida do planeta: A
fotossíntese.
A fotossíntese é um processo no qual a planta utiliza-se da energia solar para a
produção de sua própria energia. Tudo isso na presença primordial da água e dos
nutrientes.
Então, a falta desses elementos compromete a sobrevivência da planta, tornando-a
suscetível a doenças e pragas.

81
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Água
É importante ter água de qualidade disponível e em quantidades suficientes.
Para a maioria das hortaliças, recomenda-se a irrigação uma vez ao dia. No
verão, dependendo da região do Brasil, são feitas três irrigações diárias.
Em média, recomendamos irrigar nos horários mais frescos do dia, ao
amanhecer e/ou no final da tarde.
Preste atenção na qualidade da água. Para hortas caseiras, principalmente em
áreas urbanas, a principal fonte de água será a fornecida por empresas de
saneamento.
Se você for usar água de nascentes, córregos, rios ou poços subterrâneos, é
importante observar se há despejo de algum tipo de poluentes e/ou esgotos
sanitários. Esse tipo de fonte é impróprio para o uso, podendo causar sérios
riscos à saúde de quem planta e de quem se alimenta.

82
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Luz
Esse é um dos fatores limitantes para fazer sua horta. Apesar de
poder fazê-la em qualquer lugar, as hortaliças precisam de, no
mínimo, 4 horas diárias de incidência de luz para realizar uma
fotossíntese eficiente. Por isso, se sua horta é na sacada ou
janelas do apartamento ou no quintal, antes de planejar, observe
onde há maior incidência de raios solares.

83
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Nutrientes
Os nutrientes para plantas são classificados em macro e micronutrientes. As plantas
demandam macronutrientes em maior quantidade, porém, isso não significa que são
mais importantes do que os micronutrientes.
Os principais macronutrientes são; o Nitrogênio (N), o Fósforo (P) e o Potássio (K),
assim como o Cálcio (Ca), o Magnésio (Mg) e o Enxofre (S).
Nitrogênio
É um dos nutrientes mais utilizados pelas plantas. Está presente em 80% da nossa
atmosfera, no entanto na forma de gás as plantas não conseguem aproveitá-lo. Só
através de alguns processos biológicos e físicos que ele é “fixado” no solo na forma
que a planta pode aproveitar.
Grande parte do nitrogênio vem da matéria orgânica que o libera de acordo com as
condições de clima, a umidade e o tipo de solo.
Tem importante função na formação das proteínas e no valor nutricional dos
alimentos.

84
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Fósforo
É um elemento fundamental para o crescimento de vegetais e está presente em cada
célula, nas reações fotossintéticas de transformação da energia solar em energia
química.
É muito importante na formação inicial da raiz e na qualidade das frutas e hortaliças.
Potássio
Depois do nitrogênio, o potássio é o nutriente mais demandado pelas plantas. Ele é
importante na ativação de enzimas, síntese de proteínas e formação de amido.
Cálcio

Atua como regulador de atividades enzimáticas, além de facilitar a atuação de


bactérias que fixam o nitrogênio e aumentam a absorção de outros nutrientes.
São mais de 45 nutrientes essenciais para o desenvolvimento saudável das plantas.
Podemos citar o Manganês (Mn), Magnésio (Mg), Enxofre (S), Cobre (C), Zinco (Zn),
Boro (B), Silício (Si), Ferro (Fe), e Molibdênio (Mo).

85
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

•Serve de alimento para os organismos


Matéria Orgânica benéficos;
• Aumenta a população de minhocas,
(MO) fungos, bactérias e pequenos insetos que
são úteis ao solo;
É o resultado da decomposição de resíduos
vegetais e animais promovida por uma •Aumenta a capacidade da raiz de
série de microorganismos presentes no absorver os nutrientes;
solo. Podemos destacar espécies de
fungos, bactérias, pequenos insetos e •Possui substâncias de crescimento, os
minhocas. fitohormônios, que aperfeiçoam a
fotossíntese e a respiração das plantas.
Um solo com MO é mais saudável e traz
uma série de benefícios: Uma maneira eficiente de suprir os
nutrientes necessários das plantas é
•Permite que os nutrientes sejam utilizar fontes de MO como o composto
liberados para a planta de forma mais orgânico.
lenta e equilibrada;
Você pode adquirir o composto pronto ou
•Aumenta a capacidade do solo de fazer na sua própria casa.
armazenar água;

86
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Microorganismos • Fazer rotação de culturas: Alternar o


plantio de espécies diferentes na mesma
No solo existe uma infinidade de
área;
microorganismos que auxiliam no
desenvolvimento das plantas. Dentre os
• Utilizar matéria orgânica de qualidade:
muitos benefícios para as plantas,
Utilize composto orgânico, húmus de
destacamos que são responsáveis por
minhoca ou terra vegetal;
promover seu crescimento, aumentar sua
resistência à pragas e doenças e favorecer a
• Não deixar o solo exposto: Mantenha o
absorção de nutrientes.
solo coberto com resíduos orgânicos como
palhas vegetais, restos de gramas, cascas de
A quantidade e a qualidade dos
arroz, café etc...;
microorganismos dependerá de como o solo
é manejado, ou seja, solos com manejo
• Utilize adubos orgânicos: Aprenda a fazer
intensivo, muita mecanização, uso de
biofertilizantes líquidos e sólidos. Eles são
adubos químicos sintéticos e agrotóxicos
ricos em microorganismos benéficos.
são mais pobres em microorganismos
benéficos. Algumas dicas para estimular a
fauna do solo:

87
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Como fazer o composto orgânico caseiro? •Resíduos vegetais: restos de folhas, cascas
Estima-se que 70% do lixo produzido nas e bagaços de frutas, frutas estragadas,
residências brasileiras sejam de resíduos serragem de madeira, restos de capina,
orgânicos. Todo esse resíduo acaba indo aparas de grama, estercos de boi e galinha,
para aterros sanitários e lixões, o que pode desde que estejam bem curtidos.
provocar contaminações sérias ao
ambiente se não for tratado corretamente. Atenção!

Existem materiais que são


A compostagem é uma excelente medida terminantemente proibidos para uso:
que transforma parte do seu lixo em adubo - madeiras tratadas com agrotóxicos ou
orgânico, que é muito valioso para envernizadas;
qualquer tipo de planta, inclusive para sua - fezes de animais domésticos;
horta caseira. - vidros, metais, óleos, tintas, gorduras
Fazer a compostagem é fácil e vamos animais, restos de carne e papéis.
precisar dos seguintes materiais:
•Um recipiente de no mínimo 50 litros de Esses materiais são tóxicos e de difícil
capacidade, que vai ser nossa composteira. decomposição, além de atrair ratos e
Para facilitar, já existem empresas que baratas.
fabricam composteiras com diferentes
capacidades. 88
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Existem várias maneiras de fazer o


composto orgânico, mas vamos precisar
basicamente de um recipiente de 20 litros
de capacidade ou um local limpo e seco
para dispor os resíduos orgânicos. No
processo de compostagem é gerado um
liquido escuro conhecido como chorume,
que é rico em nutrientes e que também
pode ser utilizado para adubar o solo.
Resíduo seco
Resíduo úmido Utilize camadas de folhas, gramas, palhas
Resíduo seco secas e pequenos ramos de vegetais
Resíduo úmido alternados com camadas de resíduos
Resíduo seco orgânicos úmidos (restos da horta e da
Resíduo úmido
cozinha, como cascas de frutas e de
hortaliças e borras de café). O importante é
sempre inserir a camada de resíduos secos
sobre os resíduos úmidos. Se possível,
utilizar também uma camada de esterco de
gado fresco.

89
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O processo de decomposição dura aproximadamente três meses, quando o


composto estará estabilizado.
Haverá um aumento da temperatura do composto em virtude da atuação dos
microorganismos. A temperatura no começo da compostagem pode atingir até
60˚C, mas no decorrer do processo ela vai reduzindo até se estabilizar.
Recomenda-se que na montagem de cada camada, jogue-se um pouco de água.

Sugestões de uso do composto orgânico:

Cultivos Quantidade
Hortaliças em vaso
Vaso pequeno ( até 1 litro) 200 a 300 g/vaso
Vaso médio (2,5 L) 400 a 600 g/vaso
Vaso grande (5 L) 0,8 a 1,2 kg/vaso
Jardinagem
Gramados 5 a 8 kg/m2
Arbustos 3 a 5 kg/berço
Plantas interiores 4 a 5 kg/m2

90
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

3.2 - Como plantar


hortaliças orgânicas
Alface, cebolinha, salsa, coentro, couve, tomate, pimentas e pimentões.

91
91
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Tipos de hortaliças
Para efeito didático, vamos classificar as hortaliças em:
Hortaliças-folhosas e hortaliças-frutíferas.

Hortaliças-folhosas
São aquelas em que a principal parte comestível é a folha.
Nesse tipo se enquadram: alface, cebolinha, couve, coentro,
agrião, repolho, rúcula, escarola, espinafre e acelga.

92
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Como plantar alface orgânica


A alface é uma das hortaliças mais consumidas no Brasil e
no Mundo, pois o cultivo é relativamente fácil e o tempo
até a colheita é curto, cerca de 40 dias.

Cultivares e tipos

Existe no mercado uma infinidade de cultivares de alface.


Como ela é originária de países de clima temperado, estão
mais adaptadas ao inverno, enquanto outras plantas, ao
verão. Por isso, no momento da escolha, deve-se ficar
atento. Mas em geral, a alface produz praticamente o ano
todo.

De acordo com a conformação das folhas, elas são


classificadas em: Crespas, lisas, repolhuda-lisa, repolhuda-
crespa (ou americana) e romana.

93
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Principais cultivares
Black Seeded Simpson
Brisa
Elba
Grand Rapids
Grand Rapids Nacional’
Grand Rapids TBR
Folhas soltas e crespas

Grande Rápida
Hortência
Itapuã 401
Marianne
Marisa AG 216
Mimosa (Salad Bowl)
Salad Bowl
SRV 2005
Simpson
Vanessa
Amanda
Solaris
Verônica
Vera (AF-470)
Maravilha Quatro Estações*
Mimosa Vermelha*
Quatro Estações*
Rossimo*
Salad Bowl Roxa*
Veneza Roxa* Com folhas macias, porém consistentes,
Pipa*
Ruby Mimosa*
estas não formam cabeça e podem ter
Vermelha Ruby* coloração verde ou roxa. 94
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Principais cultivares
Babá
Babá de Verão
Regina
Regina 440
Regina 579
Vitória de Verão
Monalisa AG 819
Regina 71
Folhas soltas e lisas

Regina de Verão

Essas cultivares possuem folhas bem


macias, delicadas e não formam cabeça.

95
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Principais cultivares
América Delícia
Hanson
Iara
Repolhudas com folhas crespas
Mesa 659
Salinas
Bounty Empire
Crespa Repolhuda
Grandes Lagos
Great Lakes 659-700
(ou americana)

Madona AG 605
Raider
Lucy Brown
Lorca
Nabuco
Summertime
Tainá

Nessas alfaces ocorre a formação da


“cabeça”. São mais crocantes e bem
compactas.

96
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Principais cultivares
Kagraner de Verão
Elisa
Karina
Maravilha de Verão
Piracicaba 65
Repolhuda com folhas lisas
Minie
Aurélia
Aurora
Babá de Verão
Boston Branca
Brasil 202
Brasil 303
Carla
Maravilha de Inverno
Marina
Luisa
Raider Plus
Áurea
Carolina AG 576
Crioula Branca
Mayumi
Lívia
Rainha de Maio
Glória
Floresta Folhas lisas, macias e delicadas.

97
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Principais cultivares
Branca de Paris
Ideal Cos
Romana Balão
SRV 2755
Romana

As folhas são longas, crocantes, com


nervuras mais claras e cabeça fofa.

98
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Produção de mudas

99
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Escolha sementes de qualidade, sempre observando o prazo de validade, a germinação


e a pureza. As sementes de alface são muito pequenas e sensíveis. Recomenda-se a
utilização de sementes peletizadas, pois são mais fáceis de manusear e as perdas são
menores.

Você pode fazer as mudas através de sementeiras ou recipientes como bandejas ou


copos descartáveis. Uma forma alternativa é utilizar copinhos de jornal.

As sementeiras são feitas diretamente no solo, em canteiros de aproximadamente um


metro de largura, 15 cm de altura e de comprimento variável. Faz-se pequenos sulcos
de um centímetro de profundidade e distantes 15 cm um do outro. As sementes são
distribuídas manualmente.

Para hortas caseiras, principalmente em apartamentos, o uso de sementeiras é


desvantajoso, pois utiliza muito solo, há um desperdício maior de sementes e as mudas
são de raízes nuas. Esse tipo de muda é muito sensível ao transplantio.

Mudas em bandejas plásticas ou de isopor ficam mais vigorosas e desenvolvidas. Utilize


substrato destinado à agricultura orgânica ou faça seu próprio substrato. O substrato
pode ser feito com a mistura de composto orgânico, húmus de minhoca, terra vegetal e
areia.
100
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

✓ Passo-a-passo para fazer mudas


de alface em bandejas.
Materiais e insumos necessários:
- 20 kg de substrato para produção de
mudas ou composto orgânico;
-1 bandeja de isopor ou de PVC de, no
mínimo, 128 células;
- 3 litros de água;
- 1 pacote de sementes;
- 1 pano de chão pequeno.

101
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1º: Umedeça o substrato com um pouco


de água, mas não deixe chegar ao ponto
de escorrer. Faça o teste pegando um
punhado de substrato e apertando. Ele
deve estar úmido porém não deve haver
escorrimento de água entre os seus dedos;

2º: Distribua o substrato sobre a


bandeja fazendo uma leve pressão até
o preenchimento de todas as células,
retirando o excesso;

102
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

3º: Para iniciar o semeio, faça um orifício


em cada célula de, no máximo, dois
centímetros de profundidade e inicie a
semeadura.

Atenção: Utilize duas sementes em cada


célula para sementes nuas e uma
semente para as peletizadas;

103
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
4º: Cubra as sementes com substrato e
insira uma camada de restos de folhas
secas, grama, capim seco ou fibra de
coco. Para quem não tem nenhuma
cobertura, disponível aqui vai uma dica
que só existe neste e-book e que
funciona. Utilize um pano de chão como
cobertura.

Essa técnica tem a função de proteger as


sementes e o substrato do excesso de
radiação solar e conserva melhor a
umidade;

104
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

5º: Coloque a bandeja em um local de sua


preferência, que tenha incidência de sol por
pelo menos quatro horas diárias e irrigue de
duas a três vezes por dia;

As folhas cotiledonares ou falsas-folhas


têm a função de servir de reserva de
nutriente para a planta, enquanto as
folhas verdadeiras se desenvolvem.
6º: Germinação
Dependendo da espécie, a germinação
ocorrerá entre quatro a dez dias após o
semeio, quando há o desenvolvimento
das folhas cotiledonares e das primeiras
raízes, as radicelas;

105
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

7º: Faça o desbaste, retirando as mudinhas


mais fracas e deixando apenas a muda mais
vigorosa de cada célula. Observe que ainda
estão com as folhas cotiledonares. Elas têm a Surgimento das primeiras folhas
função de substituir temporariamente as verdadeiras.
folhas verdadeiras e suprir a plantinha com
sua reserva de nutrientes;

106
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

8º: Quando retirá-las da bandeja?

O plantio em local definitivo será realizado


quando as mudinhas estiverem com quatro
a cinco folhas verdadeiras. Nesse momento,
é recomendável a diminuição das regas,
para que as mudinhas se aclimatizem e
criem mais resistência para a mudança de
local;

107
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

9º: Retire a muda da célula com cuidado.


Utilize um pedaço de madeira ou um lápis
para inserir no orifício de drenagem da célula
e fazer uma leve pressão para que o torrão
do substrato com a muda saiam intactos.

108
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

✓ Plantio em local definitivo


Grande parte das hortas caseiras para pequenos espaços podem ser feitas utilizando-se
uma infinidade de recipientes. Podem ser utilizadas jardineiras, vasos circulares, tubos
de PVC, garrafas pet e o que sua criatividade mandar.

Para decidir qual recipiente utilizar, deve-se levar em consideração alguns fatores:

Tamanho do sistema radicular

Utilizando o exemplo da alface, lembramos que


suas raízes possuem em média 15 cm de
comprimento, e portanto, não é necessário um
recipiente muito profundo, pois haverá um
gasto desnecessário com substrato e com o
próprio recipiente.

Já para o plantio de tomate, há a necessidade


de usar recipientes com maior capacidade e
profundidade em virtude de suas raízes.
109
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Espaço disponível

Muitas vezes não há espaço disponível no ambiente e as hortas são feitas em garrafas de
plástico dispostas em paredes, penduradas em esteios de madeiras em sacadas de
apartamentos ou aproveitando vãos livres em janelas. Isso requer recipientes compactos.

Vamos fazer, como exemplo, o plantio de alface em três tipos de recipientes: tubos de
PVC, vaso plástico e uma jardineira.
Materiais necessários:
•1 tubo de PVC de 1 metro de comprimento e 150 mm de diâmetro;
•2 tampões de PVC de 150 mm de diâmetro;
•20 kg de substrato comercial para o plantio. O substrato pode ser feito das seguintes
misturas:
- 2 partes de terra + 1 parte de esterco bovino;
- 3 partes de terra + 1 parte de húmus de minhoca;
• Cola quente de silicone
• 6 mudinhas de alface
• 1 furadeira elétrica
• 1 serrinha
110
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Corte o tubo de PVC no sentido longitudinal, exatamente ao meio, formando duas calhas;

Marque com um lápis os locais para facilitar a drenagem e para inserir furos, distantes 25
cm um do outro, utilize a furadeira.

Agora vamos serrar os tampões ao meio e passar a cola quente no seu interior e colar nas
duas extremidades da calha feita com PVC.
Espere a cola secar e encha as calhas com o substrato até a borda. Faça pequenos berços
e insira as mudinhas, distantes 20 cm uma da outra, apertando um pouco para firmá-las
no substrato. Cada calha tem a capacidade de produzir cinco pés de alface, então temos
dez pés de alface a cada 50 dias, em média.

111
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Fazendo um cálculo bem rápido como exemplo, sobre o custo de cada pé de alface,
obtemos;
(A) Tubo de PVC = 2,90
(B) Tampões de PVC = 6,00
(C) Substrato = 5,00
(D) Mudas de alface = 0,03 R$/cada
A vida útil da calha de PVC é de, no mínimo, 5 anos, permitido a produção de 300 pés de
alface, portanto:

(A+B)/300 = (2,90+6,00)/300 = 0,03 R$/alface(D)

Com uma carga de substrato podemos produzir 15 pés de alface.

Participação do substrato no custo da alface = C/15 = 5,00/15 = 0,53R$ (E), então o custo
de um pé de alface produzido com essa técnica será:

Custo = D+E
= 0,03+0,33
=0,36R$ 112
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Além de ser uma atividade prazerosa, relaxante e


terapêutica, produzir seu próprio alimento é mais
barato e você tem a certeza de que não há resíduos
de agrotóxicos.

113
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Como plantar temperos verdes orgânicos.


Cebolinha, salsa e coentro.

114
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Cebolinha (Allium fistulosum L.)


A cebolinha, ou cebolinha verde, ainda não tem sua origem definida, porém alguns
pesquisadores relatam que a espécie conhecida como cebolinha comum pode ser de
algum país do oriente ou da Sibéria.

A cebolinha galega tem origem européia e pertence à família Aliácea, mesma família
da cebola-de-cabeça e do alho.

Principais cultivares

White Spear
Todo Ano Evergreen
Nebuka
Wakasama
Sahara
Atlântica
Todo Ano

115
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Sementes de cebolinha
Como plantar
Existem duas formas de plantio: por
sementes e por mudas.
Plantio via sementes
O processo de formação de plantas
através de sementes de cebolinha é
semelhante ao da alface, porém, pode-
se usar bandejas de 288 ou 400 células.
A profundidade de semeio deve ser de
0,5 cm, sempre no centro da célula.

Irrigar de duas a três vezes ao dia. Cobrir


as sementes com uma fina camada de
substrato peneirado.
O transplantio para o recipiente
definitivo será realizado quando a planta
apresentar de quatro a cinco folhas
verdadeiras, o que pode levar de 30 a 40
dias após a semeadura.
116
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Plantio utilizando mudas


Se você preferir produzir com mais rapidez, pode optar pelo plantio de mudas.
Basta ir ao mercado ou à feira livre e comprar alguns maços de cebolinha, claro
que, aquelas que vêm com algumas raízes.

Recomendo a compra em feiras livres, pois há possibilidade de conversar


diretamente com o agricultor sobre as técnicas de plantio. Além disso, as mudas
poderão ser de regiões próximas à sua cidade, e portanto, mais adaptadas ao clima
e ao solo.
Para a obtenção das mudas, lave bem as plantas e corte com uma faca bem
amolada, um seção de sete centímetros a partir do bulbo. Deixe as raízes
mergulhadas em um recipiente com água durante 60 minutos. Isso facilitará seu
pegamento.
O plantio pode ser feito em vários recipientes, semelhante ao da alface, mas o
espaçamento entre plantas deve ser de 15 cm. Devido ao tamanho das raízes, não
é necessário o uso de recipientes muitos profundos (15 a 20 cm).
Inicio da colheita via sementes: 80 a 120 dias
Com o uso de mudas, esse tempo passa a ser de 50 a 60 dias.

117
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Salsa (Petroselinum crispum)


A origem da salsa (ou salsinha) é Européia. Possuí folhas lisas, de cor
verde-escura e com altura de 15 a 40 cm. Adapta-se melhor em
temperaturas em torno de 20˚C, porém, é bem tolerante às condições
climáticas do Brasil, produzindo praticamente o ano todo.

Coentro (Coriadrum Sativum L.)


Conhecido também como salsinha-chinesa, o coentro é originário da Costa do
Mediterrâneo, provavelmente em regiões da África do Norte, Sul da Europa e Oriente
Médio. Possui folhas verde-escuras e com altura de plantas variando de 30 a 40 cm.
Produção de mudas
Tanto a salsinha quanto o coentro toleram bem o plantio em local definitivo. As sementes
são distribuídas diretamente nos recipientes de plantio.
Inicio da colheita: 60 a 80 dias
Para o plantio em jardineiras ou vasos, faça sulcos com 15 a 30 cm de distância um do
outro, com 0,5 cm de profundidade e distribua as sementes uniformemente e cubra com
uma camada fina de solo. É recomendado cobrir o solo com uma camada de capim seco
ou fibra de coco. Isso favorece a germinação, mantém por mais tempo a umidade do solo
e evita a incidência direta dos raios solares. 118
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

A germinação ocorrerá entre 5 a 7 dias após a semeadura.


Desbaste
Desbastar é retirar o excesso de plantas. Deixe um espaço de oito centímetros entre
as plantas.
Inicio da Colheita: 50 a 70 dias
Como irrigar
Esse trio de cheiro verde exige muita água. De acordo com sua região, é
recomendado a irrigação até duas vezes ao dia. Mas, para hortas caseiras, é possível
simplesmente mudar o plantio para um local mais fresco, diminuindo o uso da água.
Nesse caso, irrigar uma vez ao dia já é suficiente.

119
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Como plantar couve orgânica (Brassica oleracea).

120
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

A couve (ou o couve, dependendo da local definitivo. O espaçamento


região do Brasil) é uma planta da família recomendado é de meio metro entre
das Brássicas. É muito rústica, tolera bem plantas e um metro entre fileiras de
o frio, sendo bem resistente a geadas, plantas.
porém exige uma grande quantidade de
água. A couve produz folhas de forma contínua,
de onde se pode retirar as mudas laterais.
As mudas podem ser feitas através de
sementes em bandejas, copinhos de jornal
ou descartáveis, semelhatante à alface.

De 25 a 30 dias após o plantio, as mudas


estarão prontas para serem plantadas em

121
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Plantio
A utilização de recipientes maiores e mais
profundos é recomendável pois suas raízes são
profundas. Se não houver espaço suficiente, o
crescimento é comprometido.

Desbrota
Consiste na retirada periódica dos brotos laterais,
que na verdade são mudinhas que podem ser
utilizadas para plantio. Essa técnica é importante
para aumentar a produção de folhas.

122
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Hortaliças-Fruto

Como plantar tomate orgânico (Solanum lycopersicum L.)

123
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O tomate, ao lado da batata, são as hortaliças mais consumidas no mundo. Todos os


dias, milhares de famílias se deliciam com saladas feitas com cultivares dos mais
variados tipos, sabores e formatos. O Brasil está entre os maiores produtores de tomate
do mundo, seguido da China, Estados Unidos, Turquia e Itália.

O tomate é originário de países próximos à costa ocidental da América do Sul como


Equador, Peru e Chile. Foi introduzido na Europa no século XVI e disseminado para
várias partes do Mundo.

Em decorrência de cruzamentos naturais e melhoramento genético visando


principalmente aumento de produtividade e de resistência à doenças, existem
inúmeras cultivares, que são divididas em 6 grupos: Santa Cruz, Caqui, Salada, Italiano,
Cereja e Holandês.

124
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

1º: Santa Cruz


São os tomates mais conhecidos. Os frutos
são oblongos, pesando em média de 80 a 200
gramas. Hábito de crescimento:
indeterminado;

125
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

2º: Caqui
Produzem frutos grandes, pesando em média de 250 a 500
gramas. Formato globular achatado, de cor vermelha ou
rosado. Hábito de crescimento: indeterminado ou
determinado;

126
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

3º: Salada

Esse grupo não se diferencia muito do grupo Caqui, no entanto,


seu peso varia entre 150 e 250 gramas. Hábito de crescimento:
indeterminado ou determinado;

127
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4º: Saladete ou Italiano


Apresentam frutos alongados, com polpa espessa e coloração
vermelha intensa. Hábito de crescimento: indeterminado ou
determinado;

128
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

5º: Cereja
Como o próprio nome sugere, os frutos possuem tamanhos
reduzidos, com diâmetro inferior a quatro centímetros e
peso variando de 15 a 30 gramas. Sua comercialização é
feita em bandejas ou pencas com, em média, 15 frutos.

129
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

6º: Holandês
É um grupo que apresenta frutos com peso médio de 70 gramas,
mais adaptados a cultivos em estufas. Podem ser colhidos e
comercializados em cachos ou pencas.

130
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Para a produção orgânica, recomenda-se A temperatura ideal de cultivo gira em


o uso de cultivares do grupo Santa Cruz, torno de 20 a 25˚C durante o dia e de 11
Italiano e Cereja. Esses grupos a 18˚C à noite. A época mais
apresentam maior rusticidade e recomendada para o plantio, em região
resistência às doenças e pragas. A inferiores à 400 metros de altitude, é de
escolha de cultivares regionais é o ideal, fevereiro a julho. Em localidades acima
pois elas já estão adaptadas às condições de 800 metros de altitude, o plantio deve
locais de clima e solo. ser feito de agosto a fevereiro.

No Estado do Espírito Santo, as cultivares Para hortas orgânicas caseiras, o plantio


Bocaina e Possmoser são multiplicadas a pode ser realizado praticamente o ano
mais de 20 anos em sistemas orgânicos todo. Isso é possível pelo maior controle
de produção. Assim como a cultivar Saco das condições ambientais, do uso da
de Bode em Roraima. água e pela possibilidade de redução do
número de horas de incidência de raios
O grupo Cereja também possui inúmeras solares. Os plantios são feitos em
cultivares regionais que se adaptam recipientes, facilitando o manuseio.
muito bem a plantios orgânicos. São mais
131
resistentes às doenças e insetos-pragas.
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Como fazer as mudinhas de tomate?

O primeiro passo é a escolha de uma boa semente. Existem várias opções no mercado,
mas podemos obter nossa própria semente.
O processo é simples e requer os seguintes materiais:
•1 vasilha plástica (Dois litros);
•1 pequena faca;
•1 colher de chá;
•Frutos de tomate cereja
•Papel toalha;
•1 peneira.
Selecione frutos da sua região que não sejam cultivares híbridos, pois as plantas
originárias dessas sementes não produzirão frutos de qualidade. Você pode comprar os
frutos em supermercados, feiras livres ou colher diretamente de sua horta. Se possível,
obtenha frutos orgânicos.

132
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Corte os frutos com cuidado


para não ferir as sementes.

Retire a polpa, com as sementes,


com os dedos ou com uma
colher de chá e coloque na
vasilha plástica com 1,5 litros de
água;

Deixe as sementes de molho por


seis dias para fazer a fermentação,
facilitar a retirada da mucilagem e
reduzir a quantidade de fungos
causadores de doenças. No terceiro
dia, troque a água e retire as
133
impurezas;
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Após esse período, troque a água e


retire as impurezas, ficando
sempre com as sementes do fundo
do vasilhame.

Quando a água estiver limpa,


coe todas as sementes e
espalhe sobre o papel toalha
ou uma caixa de papelão.
Depois desse processo,
coloque as sementes em

Coloque as sementes para saquinhos de papel ou de

secar na sombra por um plástico e armazene no

período de seis a sete dias. fundo da geladeira, no


mesmo local reservado para
vegetais. Isso conservará seu
poder germinativo por mais
134
tempo.
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Os recipientes mais indicados para a


formação de mudas de tomate orgânico são
copinhos de jornal, copinhos descartáveis e
bandejas de plástico ou isopor.

Eles possuem um volume maior de


substrato, proporcionando um melhor
desenvolvimento para a muda. Se você for
utilizar copos descartáveis, faça um furo no
fundo para facilitar a drenagem. Bandejas de
isopor ou plástico de 128 células também
podem ser utilizadas.

135
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

O substrato, para formação das mudas, pode ser da própria compostagem feita na sua
casa, pode ser um composto orgânico pronto para uso adquirido em lojas de jardinagem,
além de produtos agrícolas ou húmus de minhoca.

Para usar o composto caseiro ou o húmus de minhoca é necessário o peneiramento para


retirar os torrões.

Encha os recipientes ou bandejas com substrato previamente umidecido. Em cada


recipiente, coloque duas sementes a uma profundidade máxima de dois centímetros.
Cubra os recipientes com capim seco ou fibra de coco e irrigue abundantemente.

A germinação ocorre de cinco a oito dias após a semeadura. É o momento de realizar o


desbaste retirando a muda mais fraca e deixando apenas uma muda por recipiente.

136
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Com 25 a 30 dias após a semeadura, as mudas


já estarão no ponto para serem plantadas em
local definitivo. O ponto ideal é quando as
plantinhas apresentarem de três a cinco
folhas definitivas ou 15 cm de altura.

Recomenda-se o plantio em recipientes de no


mínimo cinco litros de capacidade, com as
seguintes sugestões para substrato de plantio:

- 2 partes de terra + 1 parte de húmus


de minhoca ou composto orgânico;

- 1 parte de terra + 1 parte de esterco


de curral bem curtido.

137
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Cuidados especiais ketchup.


O tomate é muito sensível ao ataque de
pragas e doenças, principalmente quando As de crescimento indeterminado lançam
há excesso de umidade. Quando for irrigar, inflorescências de forma contínua durante
não molhe as folhas, coloque água somente todo seu ciclo de vida. Essas cultivares são
sobre o solo, no vaso, no máximo duas as mais utilizadas para a produção de frutos
vezes ao dia. para o consumo in natura.

Condução e podas Deste modo, temos que fazer a condução


O tomate apresenta dois tipos de hábitos da planta através do tutoramento. Dez dias
de crescimento: Determinado e após o plantio definitivo, insira um pedaço
indeterminado. de madeira ao lado da planta, com
Plantas com crescimento determinado aproximadamente dez centímetros de
apresentam um período de florescimento e distância. Na medida em que a planta
produção de frutos bem definidos e cresce, vá amarrando com o auxilio de fitas
concentrados. São cultivares mais voltada de plástico ou barbante para que a planta
para o processamento industrial dos frutos, fique ereta e não esbarre no solo.
como fabricação de polpas, extratos e 138
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Outra técnica importante é a poda da redução do ciclo de vida da


das brotações que saem das axilas planta.
das folhas. Isso permite que a
planta tenha somente uma haste.
Fazendo a poda, a planta crescerá
com mais vigor, além de produzir
frutos de maior qualidade.

A poda da haste principal,


conhecida como capação, também
pode ser realizada. Ela tem a
função de inibir o crescimento da
planta e é feita quando se deseja
produzir um numero limitado de
frutos. A capação permite a
produção de frutos maiores e de
melhor qualidade, além reduzir
problemas com doenças, através 139
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Sempre que possível, cubra o vaso com restos vegetais, como gramas e capins secos,
formando uma camada de até cinco centímetros. Essa cobertura tem a função de
proteger o solo dos raios solares, mantendo a umidade por mais tempo, economizando
água e mantendo sua temperatura sempre numa faixa ideal para o desenvolvimento do
tomateiro.
Adubação para produção das plantas em vasos
A adubação pode ser feita mensalmente com estercos curtidos de galinhas, de bovinos,
húmus de minhocas, compostos orgânicos e biofertilizantes. Os adubos orgânicos devem
estar estabilizados, ou seja, não aplique estercos ainda crus nas plantas.

Esterco de galinha: 100 gramas/planta


Esterco bovino: 150 gramas/planta
Composto orgânico: 200 gramas/planta
Húmus de minhoca: 150 gramas/planta

O biofertilizante líquido deve ser aplicado diretamente no solo numa quantidade de,
aproximadamente, 200 ml/planta. As principais receitas de biofertilizante estão no 4º
passo do e-book, assim como todos os cuidados e tratamento das plantas com pragas e
140
doenças em hortas orgânicas.
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Como plantar pimentas e pimentões (Capsicum spp.)

141
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pimentões e pimentas (PPs) pertencem As espécies de PP se espalharam pelo


ao gênero Capsicum. As diferenças entre mundo através das rotas de navegação
as espécies estão no tamanho, formato, principalmente no período entre 1492 a
cor e na quantidade de uma substância 1600. Um dos primeiros relatos, datados
chamada Capsaicina. Essa substância é a de 1593, escrito por Leonhartus Fuchsius
responsável pelo nível de pungência, ou apresenta as primeiras ilustrações
ardência, das espécies de pimentas. detalhadas.

Os registros do consumo de pimentas No Brasil, os primeiros relatos de cultivo,


datam de 9.000 anos no México e 2.500 datados da década de 20 e 40 no Estado
anos no Peru. As tribos indígenas já do Rio de Janeiro e São Paulo, quando
cultivavam e até hoje tribos no Brasil algumas variedades como “Moura”,
como as do Munducurus na Bacia do Rio “Avelar”, “Ikeda”, “Takamashi” e
Tapajós, ainda cultivam. “Cascadura” eram selecionadas.

142
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Atualmente as regiões Nordeste e Sudeste são as que mais produzem pimentas e


pimentões.
A espécie Capsicum annuum var. annuum compreende os Pimentões e a Pimenta
Jalapeño, no entanto, existem mais de 40 espécies descritas.

As mais comuns são:


Dedo de moça;
Malagueta
Pimenta de cheiro
Cambuci
Bode
Cumari do Pará
Pimenta doce ou Pimenta de bico
Pimentas ornamentais

143
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pimentas

As pimentas são bastante cultivadas no Brasil, principalmente em pequenas


hortas. Seu cultivo é relativamente fácil. Desenvolvem-se bem em
temperaturas que variam de 25 a 30˚C, enquanto acima de 35˚C, o
florescimento e vingamento dos frutos fica comprometido. Existem uma
infinidade de tamanhos e cores que vamos conhecer agora:

Dedo de Moça (C. baccatum); Pimenta-de-cheiro (C. chinense)

144
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pimenta-malagueta
(C. frutescens)

Jolokias (Capsicum spp)


Trinidad Scorpion Buth T
(C. spp)

145
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Níveis de ardência ou pungência necessárias para neutralizar a ação da


capsaicina. Essa relação representa 1
A Capsaicina é a substância responsável unidade Scoville.
pelo nível de pungência das pimentas. Para
classificar os níveis de pungência, uma Só para se ter uma idéia, a Capsaicina pura
escala chamada de Scoville foi criada pelo representa de 15 a 16 milhões de unidades
farmacêutico Wilbur Scoville. Scoville.

O Teste Organoléptico Scovile consiste em


misturar a pimenta pura com uma solução
de açúcar e água. Quanto maior é a
quantidade de água e açúcar necessários
para neutralizar sua pungência, maior é o
nível dessa. Atualmente o teste foi
modernizado, criando as unidades de Calor
Scoville (Scoville heat units, ou SHU).

Desse modo, os pesquisadores chegaram a


conclusão de que uma xícara de pimenta
equivale a 1000 xícaras de água,
146
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pimentão
Junto com outras hortaliças como a alface e tomate, o pimentão é um dos mais
cultivados do Brasil.

Seus frutos podem ser colhidos verdes ou maduros e consumidos in natura ou utilizados
no processamento de condimentos, corantes, temperos, conservas e molhos. Há
também uma preferência para espécies de cores exóticas como o pimentão amarelo,
roxo, creme, alaranjado e preto.

Pimentões desenvolvem-se bem em regiões mais quentes, em altitudes abaixo de 400


metros. Acima de 800 metros, recomenda-se o seu cultivo no verão. A temperatura
ideal de cultivo fica entre 26 e 30˚C.

147
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Cultivares de pimentão

Há três tipos básicos de cultivares que variam quanto ao formato.

•Quadrado e cônico curto


Podem ser cultivado em estufas ou à céu aberto; com polpas espessas e de maior peso.

148
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

•Retangular e cônico longo


Próprio para cultivo em estufas, com polpa
espessa e um peso maior.

149
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

•Semicônico
Tem a polpa fina, um peso menor e é está
adaptado ao cultivo em estufas.

150
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Empresa Cultivares
ARCADE F1
ATLANTIS F1
SUNSHINE F1
VITTOR F1
DOCE TANGO F1
AGRISTAR LASER F1
MARINA
ALL BIG
CASCADURA IKEDA
QUADRADO VERMELHO
YOLO WONDER
CANÁRIO
AGROCINCO
TOPAZ
ANDES KOBAYASHI
VERMELHO SAMURAI
AMARELO SATRAPO
ISLA SEMENTES TRIUNFO
PROVEITO
ESPLENDOR
ALONGADO AMARELO

151
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

RUBI GIGANTE
AMARELO SF 134
MARTA
PRADOR R
BRUNO
TIBÉRIUS
ARIEL
FELTRIN SEMENTES DONATELO
LUCA
OTTO
ENZO
ÁRIO
CIRO
BELLFORT
BARÃO
LUCIA R
AMANDA
MARTHA R
AF-6529
DAHRA RX
SAKATA
DAHRA R
MAGALI R
MELINA
AF-7125
RUBIA R
152
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Formação de mudas

As técnicas de formação de mudas são as mesmas, tanto para as pimentas, quanto para
os pimentões.

Antes de fazer as mudinhas, escolha sementes de qualidade e fique atento às


condições climáticas de sua região.

Os recipientes mais apropriados são bandejas de isopor de 128 células, copinhos de


jornal ou recipientes alternativos como caixinhas de leite longa vida, copinhos
descartáveis e copinhos de jornal. Aprenda a fazer os copinhos de jornal nesta vídeo-
aula.

Coloque duas sementes em cada recipiente ou célula da bandeja. Trinta dias após a
semeadura, as mudinhas estarão prontas para serem transplantadas para o local
definitivo. Um indicativo para o ponto ideal é quando as plantinhas estiverem com
cinco folhas definitivas.
Mudas de pimentão no ponto para transplantio
153
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Plantio em local definitivo

As raízes das pimentas e pimentões são


profundas e precisam de espaço. Para o
plantio em vasos, utilize vasos com
profundidade de pelo menos 30 cm e com
20 cm de diâmetro.

A colheita inicia-se 100 dias após o plantio.

154
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Assim terminamos o 3º passo, mostrando como plantar as principais hortaliças.


Agora partimos para o 4º e último passo onde você aprenderá a identificar e
controlar insetos-praga e doenças que certamente aparecerão na sua horta
orgânica.

Essa é a Versão 1.1 do e-book. Como estamos constantemente atualizando,


verifique se essa é a última atualização clicando em
www.universidadeorganica.com.br

155
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4 Passo 4: Cuidar e colher


O cuidado essencial para uma horta. Apresento os cuidados e
técnicas que devemos ter para conviver com alguns insetos e
doenças que podem comprometer a saúde da nossa horta. Você
também vai aprender qual é o momento certo para colher os
frutos.

156
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4.1 - Introdução
Chegamos ao nosso 4º passo do e-book. Espero que você não se preocupe, mas sua
horta será atacada por alguns insetos e doenças. Esse é um dos assuntos que vamos
abordar neste passo, e além disso, você aprenderá a fazer alguns adubos orgânicos
caseiros e defensivos alternativos para afastar os insetos e doenças de sua horta de

4
maneira natural e sem prejudicar o meio ambiente.

Invariavelmente vamos conviver com eles e, de um modo natural, aprender a combatê-


los, utilizando substâncias que não contaminam o meio ambiente.

O importante agora é conhecer as principais pragas das hortaliças e a sua forma de


convivência com as plantas. Para facilitar a compreensão, vamos dividir os tipos de
insetos de acordo com o seu comportamento alimentar em: Insetos sugadores,
raspadores e mastigadores.

Então, vamos lá?

157
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4.2 - Principais insetos-praga presentes em


hortas.

158
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Medem cerca de três a quatro


Pulgões milímetros e preferem as brotações
novas das plantas. Provocam dois
tipos de danos: O dano direto por sua
alimentação e o dano indireto,

4 causado pela transmissão de vírus


que causam a paralisação do
crescimento da planta.

Os pulgões sugam a seiva e nesse


processo injetam toxinas que matam
o tecido vegetal, provocando a perda
da capacidade fotossintética e,
consequentemente, a morte da
planta.

159
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Mosca-branca Apesar de ter o nome de mosca, ela


pertence a família dos percevejos.

Junto com os pulgões, é umas das

4 principais pragas mundiais. Também


transmitem vírus e provocam a morte
da planta.

160
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Medem cerca de três milímetros e


Cigarrinhas apresentam diversas colorações.
Podem atacar folhas, ramos e frutos
e também transmitem vírus às
plantas.

4 Folhas atacadas ficam enrugadas e


perdem a capacidade de fazer
fotossíntese.

161
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Cochonilhas As cochonilhas variam muito em


tamanho. Sua principal característica
é a produção de uma substância que
recobre seu corpo, em forma de

4
escamas, podendo ser uma carapaça
endurecida ou flexível.

Tanto as cochonilhas, quanto os


pulgões e a mosca branca secretam
uma substância açucarada sobre as
folhas e ramos. Essa substância serve
como substrato para o crescimento
de um fungo que forma uma película
preta sobre as folhas, reduzindo a
fotossíntese.

162
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Existem espécies que medem menos


Ácaros de um milímetro. Pertencem à
mesma família das aranhas e raspam
o tecido vegetal destruindo as células
e se alimentando da seiva

4 extravasada causando enormes


prejuízos. Também podem transmitir
vírus que causam doenças nas
plantas.

163
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Tripes Raspam e sugam a seiva da planta e


também transmitem vírus.

Algumas espécies preferem se

4 alimentar próximo às nervuras das


folhas. Devido ao seu tamanho (três
milímetros de comprimento), são
difíceis de serem observados.

164
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Lagartas Existem inúmeras espécies que se


alimentam de hortaliças. Apresentam
coloração que vai de verde escuro até
branco amarelado e acinzentados.

São muito vorazes, podendo causar


enormes prejuízos em questão de
horas, dependendo da população.

165
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Algumas espécies que se alimentam


Besouros
de hortaliças são conhecidas
popularmente como Vaquinhas ou
Brasileirinho, devido à coloração
verde, amarelo, preto e branca.

Alimentam-se de folhas, ramos e


flores. É difícil observá-los durante o
dia pois algumas espécies possuem
hábito noturno. Ficam escondidos
próximo ao solo e debaixo das folhas.

166
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Gostam de locais úmidos e têm


Paquinhas e Grilos coloração de pardo escura a
acinzentada.

Cortam as plantinhas ainda novas


causando o tombamento e também
atacam as raízes deixando as plantas
amareladas, causando a morte.

167
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4.3 - Principais doenças das


hortaliças

168
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Causadas por Fungos, Bactérias e


Nematóides Alface
Mancha-de-cercospora (Cercospora
longissima)

Folhas com manchas circulares de cor


parda com centro mais claro. Quando
o ataque é severo, as manchas se
juntam, causando a morte da planta.

169
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Murcha-de-esclerócio (Sclerotium
rolfsii)

Estruturas, com formatos desde


irregular até oval, se formam, de
coloração marrom a preta que se
assemelham a grãos de pólvora ou
chumbinho.

170
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Podridão-mole (Erwinia sp.)

As lesões se iniciam na coroa da


planta com uma podridão. Com o
passar do tempo, as lesões tomam
toda a planta, causando necrose e
morte.

171
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Septoriose (Septoria lactucae)

Os primeiros sintomas ocorrem na


borda das folhas, com manchas
irregulares de cor parda. É possível
observar pontinhos escuros que são
estruturas do fungo.

172
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Murcha-de-fusário (Fusarium
oxysporum f. sp. lactucae)

As plantas atacadas apresentam


desenvolvimento reduzido. Ao cortar
a planta longitudinalmente observa-
se um escurecimento do xilema.

173
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Tomate
Requeima (Phytophthora infestans)

É uma das doenças mais comuns em


tomateiros. Pode atacar folhas,
ramos e frutos. Quando ocorre em
ramos apicais, causa a morte da
planta.

As folhas apresentam manchas


aquosas e escuras com posterior
necrose. O caule se torna escurecido
e quebradiço.

174
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pinta-preta (Alternaria spp)

As lesões apresentam um halo


amarelado com círculos concêntricos
que lembram um alvo de tiro.

Ocorrem principalmente em folhas


mais velhas e quando o ataque é no
fruto, forma lesões escuras e
deprimidas próximo ao pedúnculo.

175
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Septoriose (Septoria lycopersici)

Os sintomas normalmente aparecem


na face inferior das folhas com lesões
de aspecto encharcado com formato
circular.

Quando o ataque é severo, as lesões


se unem causando a morte do tecido
afetado. A doença se inicia de baixo
para cima.

176
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Murcha-de-fusário (Fusarium
oxysporum f. sp. lycopersici)

As folhas amarelam por inteiro,


seguidas pelos ramos. Uma maneira
de fazer o diagnóstico rápido é cortar
um ramo longitudinalmente e
observar se ocorre o escurecimento
dos vasos.

É possível observar uma mancha


escura no xilema.

177
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Mancha-bacteriana (Xanthomonas
spp.)

Os sintomas aparecem nas folhas


mais velhas e podem ser confundidas
com Pinta-preta. Manchas de aspecto
encharcadas e irregulares aparecem,
muitas vezes perfuradas.

Quando a doença se manifesta nos


frutos, as lesões são maiores, mais
claras e mais profundas em
comparação as da Pinta-preta.

178
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Nematóides-das-galhas

Nematóides são vermes que vivem


no solo e penetram nas raízes das
plantas formando tumores (galhas).

As raízes ficam com aparência de


inchadas e com pequenas
protuberâncias. Eles prejudicam o
transporte de nutrientes da planta,
causando murcha e deficiências
nutricionais.

179
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4.4 - Métodos alternativos de controle de pragas e


doenças em hortas orgânicas
Na Agricultura Agroecológica, incluindo a Agricultura Orgânica, não é permitido o
uso de venenos agrícolas e adubos químicos pelos motivos já explicados no 1º
passo de nosso e-book.

Ao longo de milhares de anos, os povos tradicionais desenvolveram uma gama de


técnicas e receitas alternativas para combater essas enfermidades. Muitas delas
utilizando plantas, armadilhas e métodos com impactos ambientais
insignificantes.

Atualmente, a pesquisa científica vem constatando que essas técnicas são


realmente eficazes e agora você vai conhecer algumas delas.

180
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Utilização de extratos e óleos de plantas para combater insetos.

Neem (Azadirachta indica) dez litros. Deixe descansar por doze horas,
É uma árvore de origem indiana e tem coe a mistura e pulverize as plantas
uma substância chamada de Azadiractina atacadas.
que é tóxica aos insetos, principalmente
para pulgões, lagartas, tripes, besouros e Uso das folhas secas
cochonilhas.
- 40 gramas de folhas em moídas
Usam-se as folhas e sementes. - 1 litro de água

Preparo
Extrato das folhas verdes
Secar as folhas na sombra ou em uma
Ingredientes: estufa a 40oC por três dias. Adicionar as
- 200 gramas de folhas 40 gramas de folhas moídas em 1 litro de
- 1 litro de água água e deixar descansar por 24 horas.
Preparo Para usar, coe a mistura e pulverize as
plantas atacadas.
Triture as folhas no liquidificador e
coloque tudo em um tambor ou balde de 181
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
Óleo de Neem

Já existe no mercado o óleo das sementes de Neem. O


seu uso é vantajoso pela alta concentração do princípio
ativo Azadiractina.
Extrato aquoso de
folhas de Neem
Uso
Para a maioria dos insetos-pragas em hortas,
recomenda-se a utilização da concentração de 0,5 a 1%.
De 5 a 10 ml do produto misturados em 10 litros de água
pulverizados sobre as plantas atacadas.
Pó de folhas
trituradas de Neem

Óleo de Neem
182
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Pimenta, alho e sabão 3º etapa


No dia em que for usar o inseticida
Ingredientes: natural, dissolver o sabão em barra em 1
100 gramas de pimenta-do-reino moída; litro de água quente;
100 gramas de alho;
4ª etapa
50 gramas de sabão neutro;
Para utilizar, coe 20 ml do extrato de
2 litros de álcool;
pimenta-do-reino e 10 ml do extrato de
2 litros de água;
alho e misture com 100 ml de sabão
Preparo neutro. Complete com 1 litro de água e
1ª etapa pulverize as plantas.
Misturar a pimenta-do-reino em 1 litro
de álcool em um recipiente de vidro ou
plástico e deixar em repouso por 7 dias;
2ª etapa
Misturar o alho em 1 litro de álcool e
deixar em repouso por 7 dias;

183
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extrato de cebola e alho Extrato de cebolinha-verde


Ingredientes: Ingredientes:
3 cebolas médias 1 kg de cebolinha verde
5 dentes de alho. 10 litros de água
5 litros de água
Preparo
Preparo Cortar a cebolinha em pequenos
Moer a cebola e os dentes de alho e pedaços e adicionar água deixando o
misturar com 5 litros de água. preparado curtir por 7 dias. Coe e
Colocar em um pano e espremer utilize na concentração de 33%. Para
para retirar o sumo. Misture o sumo 3 litros de água, misture 1 litro do
no restante da água (5 litros) e extrato coado e pulverize as plantas.
pulverize as plantas.

184
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extrato de cravo (Tagetes spp).

Ingredientes:
100 gramas de ramos e folhas;
100 ml de acetona;
2 litros de álcool.
Preparo
Triturar os ramos e as folhas e misturar com a
acetona. Após deixar de repouso por 24 h,
adicionar o álcool.

Usar na concentração de 10%.


Exemplo
Misturar 1 litro da solução com 10 litros de
água.

185
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extrato de fumo de rolo


Extrato de mamona
Ingredientes.
250 gramas de fumo de rolo picado; 80 folhas frescas de mamona;
30 gramas de sabão neutro; 20 litros de água.
5 litros de água.
Preparo
Preparo Triturar ou amassar as folhas e depois
Misturar todos os ingredientes em 1 litro inserir a água e deixar repousar em local
de água e ferver durante 30 minutos. escuro por 3 dias. Para uso, coar e
Diluir 1 litro do concentrado em 4 litros pulverizar as plantas. Armazenar por, no
de água, ou seja, usar na concentração máximo, 3 dias.
de 25%.

186
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extrato ou sumo de mandioca (Manipueira)

Ingredientes:
2 kg de mandioca sem casca;
½ litro de água.

Preparo
Triture a mandioca no liquidificador, adicionando aos poucos
a água. Coloque a massa de mandioca em um pano e
esprema retirando todo o seu suco.

Utilize na concentração de 50% e adicione 1% de açúcar ou


farinha de trigo. Aplique em intervalos de 14 dias.

187
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Receitas para combater doenças em hortaliças


Calda bordalesa Preparo
A calda bordalesa foi descoberta por acaso, 1ª etapa
através da observação e experimentação Coloque o sulfato de cobre dentro de uma
de agricultores da região de Bordeoux na trouxinha de pano e mergulhe em um
França. Eles utilizaram em cultivos de uva balde de plástico com 5 litros de água, até
para combater doenças. que o cobre dissolva;
2ª etapa
É uma suspensão obtida pela mistura de Dissolva o cal em outro balde com água;
sulfato de cobre e cal virgem ou hidratada. 3º etapa
O sulfato de cálcio e o hidróxido cúprico Misture então a solução de sulfato de
formam-se no final do processo. cobre na solução de cal, sempre nesta
Ingredientes: ordem.
150 gramas de sulfato de cobre Para seu uso, a calda não deve estar ácida.
200 gramas de cal virgem de pintura Para verificar a acidez da calda pegue uma
20 litros de água. faca de aço e mergulhe durante três
minutos na calda, se a lâmina não
escurecer, a calda está no ponto. 188
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Se a ponta da faca escurecer significa que a calda está ácida e então, é necessário a
aplicação de mais um pouco de cal, fazendo o teste novamente até chegar no ponto.
A calda bordalesa deve ser aplicada nas horas mais frescas do dia e pode ser misturada
com extratos vegetais.
Atenção: Todo vasilhame para o preparo dever ser de plástico, pois a calda é corrosiva
em metais. Deve ser armazenada, no máximo, durante 3 dias.

189
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Calda sulfocalcica
materiais sólidos dispersos na solução.
Essa calda é o produto da reação entre o
cálcio e o enxofre, dissolvidos em água e Ingredientes e materiais:
aquecidos.
2 kg de enxofre;
A reação forma polisulfetos de cálcio, 1 kg de cal;
principalmente penta e tetrasulfetos. Tem 10 litros de água;
ação repelente em insetos e controla 1 bastão de madeira de 1 metro;
doenças fúngicas em plantas. 1 recipiente de ferro, ou latão, com
Para seu preparo, é necessário ter um capacidade de 10 litros;
densímetro que mede a quantidade de

190
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Preparo 2º etapa
Antes do preparo, tenha as seguintes Em outro recipiente menor, coloque 2
precauções: litros de água pura para ferver;

- Utilize mascara e luvas 3ª etapa


Não faça em ambientes fechados. Utilize Quando a mistura de água com cal iniciar
um fogareiro ou uma fornalha à lenha em a fervura adicione lentamente o enxofre
áreas abertas. e mexa até a dissolução completa;

Depois de pronto, a calda é um pouco 4ª etapa


corrosiva, por isso evite respingar nas Mexa a calda durante 1 hora, mantendo
roupas e no corpo. o volume original de 10 litros. Para isso,
- Não aplicar a calda em plantas da marque o nível da calda no recipiente e
família das cucurbitáceas (melão, se o volume diminuir, devido a
abóbora, melancia etc..) devido a evaporação, complete com a reserva de
fitotoxidez. água fervente do outro recipiente;

1ª etapa 5º etapa
Coloque 10 litros de água para ferver no Depois desse tempo, a calda ficará com a
recipiente de metal e vá misturando a cal cor marrom-clara (bem semelhante ao
lentamente; vinho de jabuticaba). Espere esfriar e coe
ou guarde em recipientes de plástico. 191
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Sua validade pode ser de até 6 meses, se 10 litros de água.


armazenada em local escuro.

Utilizar em concentrações entre 2,5 e 5%.

Extrato de Cavalinha

A Cavalinha (Equisetum sp.) é uma planta Preparo


rica em silício, que proporciona resistência Misture a cavalinha em 1 litro de água e
à doenças para as plantas. Pode ser coloque para ferver durante 20 minutos.
utilizada de maneira preventiva ou para Após esse tempo, deixe esfriar, coe e
combater o crescimento de fungos que misture com o restante da água.
prejudicam as plantas. Você a encontra O extrato pode ser utilizado puro, quando
facilmente em lojas de chás, ervas e pode for aplicado diretamente no solo, ou
cultivar na sua casa também. diluído na concentração de 5 a 10%,
quando usado para pulverizar as plantas.
Ingredientes:

200 gramas de folhas e ramos secos de


cavalinha; 192
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extrato de camomila

A camomila (Matricaria camomila L) controla doenças causadas por fungos e pode ser
encontrada em lojas especializadas em ervas e chás.

Ingredientes:

50 gramas de flores, folhas e ramos secos;


1 litro de água.

Preparo
Misture a camomila com a água e bata no liquidificador por 30 segundos. Coloque o
extrato numa vasilha e deixe descansar por 3 dias na sombra.

Agite o extrato de 3 a 4 vezes por dia. Após esse tempo, coe e pulverize o extrato 3
vezes a cada 5 dias.

193
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Calda viçosa

A calda viçosa foi desenvolvida na Ingredientes:


Universidade Federal de Viçosa e ao
longo dos anos vem sofrendo -80 gramas de sulfato de cobre;
transformações. Para se adequar às -60 gramas de sulfato de zinco;
normas da Agricultura Orgânica, o sal e a -40 gramas de sulfato de magnésio;
uréia foram retirados. Tem efeito sobre -40 gramas de ácido bórico;
alguns fungos, principalmente em -50 gramas de cal hidratada;
lavouras de café e hortaliças. -20 litros de água;
-2 baldes com capacidade de 10 litros;
Nesta receita fizemos uma adaptação, -1 bombona plástica de 20 litros.
reduzindo em 50% os ingredientes, ou
seja, ao final, teremos 20 litros de calda.

194
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog
dissolvidos, derramar a solução de cal na
Preparo: bombona plástica e, logo em seguida, a
solução com os sais dissolvidos;
1ª etapa
Colocar os sais (sulfato de cobre, de Atenção: Sempre misture a solução de
zinco, magnésio e o ácido bórico) em um sais sobre a solução de cal. Se não for
pano poroso e fazer uma trouxinha; dessa forma, pode acontecer da calda
talhar, pois o cálcio e os sais precipitarão
2º etapa rapidamente, inviabilizando a calda
Inserir a trouxinha dentro do balde com 8 viçosa.
litros de água;
A calda deve ser coada e utilizada, no
3ª etapa máximo, no dia seguinte a sua
No outro balde, dissolver o cal; preparação, em pulverizações
preventivas.
4ª etapa
Quando todos os ingredientes estiverem

195
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Óleo de Neem Sementes moídas de Neem

O óleo é obtido pela prensagem das 500 gramas de sementes secas e moídas;
½ litro de água;
sementes e é mais concentrado em
10 gramas de sabão neutro.
Azadiractina, uma das principais
substâncias que atua no controle das Preparo
doenças. Colocar as sementes moídas em um
pequeno saco de pano, imergir na água e
deixar em repouso por 12 horas. Após
O óleo, que já pode ser encontrado no
esse período, espremer o liquido e
mercado, provoca a diminuição da dissolver o sabão.
severidade das doenças causadas por
fungos em cultivos de hortaliças. Para o uso, diluir o extrato em 10 litros de
água e pulverizar as plantas no mesmo
dia, ou, no máximo, no dia seguinte.
Utilize na concentração de 0,5 a 7%,
dependendo do tipo de praga ou doença.

196
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Extratos de folhas de Neem

Ingredientes
200 gramas de folhas de Neem secas e moídas;
1 litro de água.

Preparo
Misturar as folhas de Neem com a água e deixar de repouso durante 24 horas.
Após esse período, coar e diluir em 20 litros de água (concentração de 0,5%).

197
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

4.5 - Agentes de controle biológico – nossos “Amigos Naturais”

Para cada ser vivo no planeta terra, existe pelo menos um outro organismo
associado a ele. Essa associação pode ser benéfica ou não ao desenvolvimento
de um ou de ambos.

No caso de organismos que causam algum tipo de dano em plantas, sejam


insetos ou doenças, não é diferente. Insetos herbívoros assim como agentes
que causam doenças em plantas, possuem seus “inimigos naturais”.

A pesquisa agrícola se aproveita dessas associações, selecionando e


multiplicando, para o uso em programas de controle biológico. Agora vamos
conhecer alguns desses organismos utilizados, até mesmo comercialmente, no
combate às pragas.

198
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Bacillus thuringiensis

É uma bactéria que habita os solos e utiliza como hospedeiro algumas espécies de
insetos.

Para ser infectado, o inseto deve se alimentar de algum substrato com as colônias da
bactéria. Ela produz uma toxina que provoca o rompimento das paredes do intestino
do inseto, causando, como primeiros sintomas, a redução da alimentação e a morte por
uma espécie de infecção generalizada.

Já existem, no mercado, produtos à base de B. thuringiensis que são liberados para uso
na agricultura orgânica. Seus principais alvos são principalmente lagartas.

Exemplos de produtos comerciais:

Dipel
Turicide
Baccontrol
Concentração média de uso: 0,2 %
199
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Beauveria bassiana

É um fungo que existe naturalmente no


solo, de onde pode ser isolado, e em
insetos.

O fungo penetra no tegumento do inseto


e coloniza todos os órgãos causando sua
morte pela destruição dos seus tecido e
por infecção.
Produtos comerciais à base do fungo:
Boveril e Boveriol.

Concentração média recomendada: 0,2%.

200
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Metarhizium anisopliae

Esse fungo é facilmente encontrado em


solos e infecta mais de 300 espécies de
insetos.

O esporo, uma espécie de semente do


fungo, germina e penetra na cutícula do
inseto.

O fungo se multiplica rapidamente,


colonizando-o. Os primeiros sintomas são:
paralisação da alimentação, falta de
coordenação e inquietação. Toxinas
produzidas por M. anisopliae causam a
morte do inseto.

Produtos comerciais: Metarril, Metanat e


Metabiol.
Concentração média sugerida: 0,2%.
201
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Trichoderma spp

Trichoderma também é um fungo parasita de


outros fungos causadores de doenças em
plantas. Apesar de muitos estudos, ainda é
pouco utilizado na agricultura.

Sua principal ação é o parasitismo e inibição de


crescimento de outros fungos por competição
por nutrientes.

Produtos comerciais: Trichordemil e Tricobiol.


Concentração média recomendada: 0,5%

202
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Se não observou ainda, a maioria auxílio no crescimento das plantas.


desses microorganismos estão
presentes no solo. Há uma maneira Vamos aprender a fazer o EM
de fazer um preparado chamado de Caipira (modificado).
Microorganismos Eficientes,
conhecido como EMs (Effective Ingredientes:
Microorganisms). 3 kg de terra de floresta ou mata;
1 kg de mandioca.
Ele tem a função de melhorar as 1 kg de açúcar mascavo ou 1 litro de
características do solo através da melado;
inoculação de organismos 10 litros de água não-clorada.
benéficos. 1 balde (20 litros de capacidade)

Os principais microorganismos
presente no EM são: Bactérias,
fungos e leveduras - que têm
diversas funções, tais como o
combate de doenças e pragas e
203
4 Passos para Fazer uma Horta Orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Preparo
Fazer a coleta de terra de mata ou Mexa a mistura uma vez por dia e
floresta, mas somente os primeiros ao final do período, coe a mistura e
10 centímetros de profundidade. armazene em recipientes plásticos.

Adicionar a terra da mata no balde Concentração para uso no solo:


com a água e o açúcar mascavo e 0,1%.
misturar bem.
Uso nas plantas:
Corte a mandioca em pedaços e
adicione junto à mistura da terra, Dilua o EM na concentração de
água e açúcar. Deixe fermentar por 0,1%. Adicione vinagre na
15 dias, sem fechar a tampa concentração de 0,5%. Exemplo:
Para 10 litros de EM (a 0,1%) dilua
hermeticamente.
50 ml de vinagre e pulverize as
plantas.

204
4 passos para fazer uma horta orgânica em sua casa – Versão 1.1
www.facebook.com/groups/universidadeorganica
www.universidadeorganica.com.br/blog

Obtendo versões atualizadas do E-book!


Bem, chegamos ao final dessa Versão 1.1 do nosso e-book.

Mas não fique triste, pois você terá acesso exclusivo às atualizações. Vamos
inserir novidades sobre o cultivo de hortas, incluindo dicas incríveis de como
plantar as principais hortaliças e frutas e receitas de adubos totalmente
orgânicos para fazer sua horta orgânica em qualquer espaço.

Verifique agora se essa versão é mais recente!

Participe e acompanhe a Universidade Orgânica, se inscrevendo em nossos


canais:

Blog UO Grupo UO UO no UO + Twitter


YouTube UO

205

Você também pode gostar