Você está na página 1de 20

Guia de

Loto

From fundamentals
to turn Key
Guia
de Loto
1 - LOTO é usado:
Para evitar danos físicas causados por energia de risco descontrolada
Funcionários morrem ou são feridos anualmente por não desenergizar e travar adequadamente o equi-
pamento antes de trabalhar nele. Energia descontrolada pode ter consequências perigosas variando de
eletrocussão a amputação.

Para evitar o funcionamento acidental do equipamento


LOTO é uma maneira de certificar-se de que a eletricidade e outras formas de energia não sejam acidental-
mente ligadas ou desprendidas quando alguém está trabalhando em uma parte de equipamento ou ma-
quinário. Desconectar a máquina na qual você está trabalhando não é o suficiente. Muitos acidentes sérios
acontecem quando alguém pensa que uma máquina ou fonte de energia foi desligada com segurança.
LOTO é sempre uma maneira de proteger a você e aos outros a sua volta.

Para garantir que os equipamentos se mantenham desligado


LOTO assegura que o maquinário, equipamento e outras fontes de energia mantenham-se temporariamen-
te desligados enquanto você estiver trabalhando neles. Se você não seguir os procedimentos LOTO, existe
a possibilidade de que a máquina comece a funcionar de repente, causando sérios ferimentos físicos. LOTO
também permite que você tenha controle sobre quando as fontes de energia sejam religadas ou reenergi-
zadas com segurança.

2 - Definição
• Os procedimentos de Bloqueio e Identificação de Energia são a maneira mais efetiva para pre-
venir os acidentes causados pela liberação descontrolada de energia perigosa. Seu objetivo é ga-
rantir um estado de ENERGIA ZERO, onde tem-se a certeza de que não haverá acionamento ines-
perado do equipamento ou liberação acidental de energia perigosa.

LOCKOUT TAGOUT
• Energia Perigosa é toda aquela que apresenta um perigo e gera riscos. É capaz de acionar um
determinado maquinário ou equipamento que irá produzir uma determinada movimentação e/ou
transformação.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Mecânica
Relacionada a molas, partes rotativas, etc.
Relacionada ou produzida por uma máquina.

Radiação
Desprendimento espontâneo de energia a partir de um núcleo instável.
Pode ser gerada por reações nucleares ou aceleração de partícula carregada.

Magnética
Energia pode ser armazenada em campos magnéticos para acesso rápido.
Pode ser encontrada em capacitores e armazenamento de energia magnética super conduzida.

Gravidade
O movimento de uma máquina ou equipamento resultante de forças gravitacionais.
Pode ser encontrada em maquinário ou partes de equipamento que podem rebaixar, escorregar ou cair
se forem deixados desbloqueados.

Elétrica
Relacionada ou operada por eletricidade – AC ou DC
Presente nas linhas de transmissão, transformadores, disjuntores, motores, etc.

Hidráulica
Envolvendo, movida ou operada por um fluido sob pressão. Tanto interna como externa.
Pode estar em cilindros, tubulações ou tanque.

Pneumática
Envolvendo, movida ou operada por ar comprimido ou gás.
Pode estar em cilindros, linhas ou tubulações.

Térmica
Pode ser quente ou fria.
Pode ser gerada de uma ampla variedade de fontes, como mecanismos de resfriamento ou calor gerado
por uma máquina em funcionamento.

Química
Produzida como resultado de uma ação química.

Vapor
Vapor de água mantido sob pressão para fornecer energia para trabalho de aquecimento ou trabalho
mecânico.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Funcionário Autorizado

Um funcionário que possui um conhecimento técnico adequado, que completou o treinamento em tra-
vamento/etiquetagem Autorizados, que demonstrou com êxito saber aplicar LOTO e que executará o
trabalho no sistema. Isso inclui um eletricista, encanador, e outros especialistas com conhecimento do
equipamento.

Funcionário Afetado
Um funcionário que opera o equipamento em manutenção ou serviço sob LOTO, ou um funcionário tra-
balhando na área onde a manutenção e o serviço estejam sendo executados. Isso inclui operadores de
máquinas, pessoal de limpeza e outro funcionário cujo trabalho exija que ele/ela esteja na área. Funcio-
nários afetados NÃO são autorizados a executar LOTO.

Funcionário Chefe Autorizado


Um funcionário autorizado que tem como responsabilidade primária a implementação e coordenação
das atividades de Travamento/Etiquetagem em Grupo.

3 - Quando deverá ser aplicado o bloqueio e a etiquetagem?


Deverá ser realizado em todos ou qualquer fonte ou componente de energia (ou seja, elétrica, mecâni-
ca, hidráulica, pneumática, linhas pressurizadas, químicas, calor / frio, etc..) Que, se liberada durante o
serviço e manutenção de equipamentos ou máquinas ou construção que poderia ferir pessoas. Energia
perigosa inclui energia potencial residual ou armazenada (ou seja, gravitacional, de mola, etc..).

4 - Quais os locais onde estarão acontecendo esse procedimento?

Todas as fontes de energia perigosas sejam controladas (ou seja, estado de energia zero), antes do início do traba-
lho em equipamentos ou máquinas.
Todos os equipamentos e máquinas com fontes de energia perigosas sejam dotados de meios para controlar estas
fontes.
Cada Instalação irá fornecer e disponibilizar os equipamentos adequados para os funcionários controlarem as
fontes de energia perigosas. Este equipamento será usado para isolar, proteger, bloquear ou em última análise
controlar a condição dos equipamentos ou máquinas. Este equipamento irá incluir, mas não estará limitado a:
• Bloqueadores - padronizados (por cor, forma, tamanho, etc.) para uso no controle de energia perigosa apenas e
identificável à pessoa que aplica o bloqueio.
• Etiquetas - Avisam sobre condições perigosas (por exemplo, Não Ligar, Não Abra, Fora de serviço) e identificáveis
à pessoa que solicita a etiqueta.
• Outros Dispositivos de Controle de Energia - Usados para garantir o controle na posição desejada (por exem-
plo, coberturas de válvula, coberturas de manoplas, capas de disjuntores, HASP) e capazes de aceitar um bloqueio e /
ou Etiqueta. Bloqueadores, correntes e outros dispositivos semelhantes são usados para impedir a liberação de
energia residual ou armazenada.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Todos os equipamentos utilizados para controle de energia perigosa serão projetados e ade-
quados para o uso pretendido. Os equipamentos devem ser inspecionados rotineira-
mente pelo usuário para garantir que o equipamento permanece em boas condições.
O meio que mais oferece proteção para controle de energia perigosa é o uso de travas e etiquetas que,
em conjunto, fornecem tanto uma proteção física (trava) e um aviso visual (etiqueta). Quando travas ou
etiquetas são utilizadas isoladamente para o controle de energia perigosa, procedimentos adicionais
devem ser desenvolvidos para se obter medidas de proteção igualmente efetivas.

5- Quem são os responsáveis por esse procedimento?

• Funcionários Treinados

Aplicar o bloqueio das fontes de energia conforme necessidades.

Cada Instalação terá um processo para a formação do pessoal envolvido com o controle de energia
perigosa. O treinamento deve incluir tanto os funcionários impactados, que trabalham em áreas onde
o controle de energia perigosa é realizado (treinamento de conscientização) e funcionários autorizados
que realmente realizam o trabalho em equipamentos e máquinas e fazem o controle de energia perigo-
sa. Este pessoal deve ser treinado antes de trabalhar na área ou realizar o controle de energia perigosa,
e com uma frequência (por exemplo, anualmente) suficiente para garantir que eles permaneçam cientes
dos procedimentos de controle de energia perigosa e de requisitos do programa. O treinamento deve
assegurar que o pessoal demonstre competência no assunto através de testes escritos e / ou testes de
campo.
O Treinamento de Funcionários Impactados deve incluir:
• Componentes do Programa de Controle de Energia perigosa;
• Tipos de energia perigosa;
• Conhecimento dos tipos de dispositivos de controle de energia;
• Conhecimento da proibição de remoção de dispositivos de controle de energia, exceto pela pessoa que
instala o dispositivo.
O Treinamento de funcionários autorizados devem incluir os seguintes materiais adicionais:
• Reconhecimento de fontes de energia perigosas;
• Tipos e magnitude da energia presente na Instalação / Operação Comercial;
•O
 s métodos e meios necessários para o isolamento e controle de energia, e os meios de verificação do
controle;

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

• Treinamento específico para cada equipamento em procedimentos de controle de energia; e


• Procedimentos de controle para circunstâncias especiais.
Cada Instalação manterá um registro acurado de todos os treinamentos de pessoal.
• O gerente de uma obra conduzida pela área de Novos Projetos pode determinar que profissionais
terceiros execute os bloqueios, ficando, neste caso, responsável por garantir a correta execução dos
mesmos e que tenham sido treinados conforme profissionais próprios que estão autorizados a executar
bloqueios.

6 - COMO APLICAR O BLOQUEIO E IDENTIFICAÇÃO DE ENERGIA?


“Seis etapas LOTO”
1 - PLANEJE E PREPARE PARA O DESLIGAMENTO
“Pense antes de agir”

§ Compreenda o Problema
ü O que precisa ser consertado?
ü Quais os tipos de riscos envolvidos? Consulte pessoas com conhecimento – pessoal de ma-
nutenção do local, operadores, supervisores, etc. – Para identificar os riscos.
ü Considere a cadeia de efeitos de desconexão de fontes de energia (pessoas que não estejam
na área imediata que possam ser afetadas remotamente).
ü Alguma outra parte do Equipamento também será afetada?

§ Planeje
ü As ferramentas adequadas estão disponíveis?
ü O pessoal técnico adequado está disponível e familiarizado com o equipamento?
ü Todos os funcionários afetados foram informados?

§ Prepare
ü A área está desobstruída e os avisos foram afixados?
ü O (s) funcionário (s) executando o LOTO está identificado e preparado física e mentalmente?
ü Todas as fontes de energia de risco e pontos de desconexão foram localizados?

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

2 - Desligue o equipamento
“Coloque o equipamento em sua posição normal (descanso)”estabelecidos
Use os procedimentos estabelecidos;
Envolva o funcionário que geralmente desliga o equipamento;
Se o trabalho está sendo executado em uma empresa do cliente, o cliente deverá desligar o
equipamento.
3 - Isole o Equipamento
“Separe o equipamento das fontes externas de energia”
ü Faça com que uma pessoa qualificada o equipamento de cada uma das fontes de energia
de risco externas e saiba a ordem de desligamento adequada.
ü Lembre-se de usar Equipamento de Proteção Individual (EPI) adequado para qualquer risco
na área.
ü Use técnicas de isolamento comuns incluindo o fechamento de válvulas e abertura de des-
conectores elétricos.
ü Lembre-se de ficar ao lado quando abrir desconectores elétricos, caso um arco elétrico seja
produzido.
ü Separe o equipamento das fontes de energia externas.
4 – Aplique Dispositivos de Travamento/Etiquetagem
“Assegure-se de que todas as fontes de energia externas foram travadas e rotuladas”
ü Use somente travas coloridas aprovadas e etiquetas designadas para LOTO.
ü NENHUMA CHAVE-MESTRA é permitida para o uso em trava individual para LOTO; cada indi-
víduo deve ter uma chave por trava.
ü Travas devem ser fixadas no dispositivo de isolamento de energia.
ü Deve haver uma trava por pessoa trabalhando por equipamento, em cada fonte de energia,
a não ser que uma trava múltipla seja usada.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

ü Se múltiplos funcionários estiverem trabalhando no mesmo equipamento, uma trava múlti-


pla e ou cadeado múltiplo podem ser usados.
ü Nunca empreste travas ou chaves de ninguém ou para ninguém.
ü Nunca use travas LOTO ou etiquetas para outro objetivo.
ü Não use etiquetas sozinhas, a não ser que o equipamento não possa ser travado e que as
etiquetas ofereçam proteção igual a uma trava.
ü Etiquetas devem ser nitidamente marcadas em um idioma compreendido por todos os fun-
cionários, devem ser capazes de suportar condições ambientais e não podem ser facilmente
puxadas com a mão.
Travas e etiquetas LOTO indicam a outros na área que um funcionário está ativamente tra-
balhando na máquina ou no sistema.

5 - Controle a energia armazenada


“Descarregue ou controle qualquer energia armazenada no equipamento”
§ Movimento Mecânico
Pare qualquer movimento. Mantenha seu corpo e suas roupas longe dessa área. Espere até que
toda a energia tenha parado.
Executar o LOTO não significa que a máquina ou equipamento tenha alcançado o estado de
energia zero. Libere a energia armazenada e residual antes de iniciar qualquer serviço de
manutenção ou reparo.
§ Gravidade
Use bloco e pinos projetados para a máquina. Depois, execute o LOTO nos dispositivos de con-
trole.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

§ Energia Térmica
Fonte segura de temperatura. Permita que esquente ou esfrie o EPI.
§ Energia Mecânica Armazenada
Bloqueie, coloque etiquetas e trave as molas ou libere a energia armazenada com cuidado.
§ Energia Elétrica Armazenada
Se a configuração do sistema elétrico exigir que a carga capacitiva seja dissipada, siga as ins-
truções do equipamento para controlar essa energia potencialmente perigosa, mas faça isso
somente depois de isolar o sistema, desenregelá-lo e verificar se a voltagem é zero.
O desligamento de um aparelho capacitivo por curto circuito ou sangria exige conhecimento do
aparelho e do circuito que o compõe.
Talvez seja necessário o uso de cabos de aterramento, funcionamento (tentativa de iniciar) da
máquina ou outras ações específicas para garantir a segurança dos funcionários.
§ Pressão
Faça sangria de pressões devagar e cuidadosamente. Se a pressão não for aliviada, bloqueie o
movimento da máquina.

6 – Verifique Isolamento: Energia Zero


“Tomando medias ativas, verifique que a máquina equipamento ou processo foi isolado”Comece
verificando se todo o equipamento de teste (ex. Voltímetro, etc). está funcionando corretamente.
1- Tente ligar o equipamento.
2- Teste a Voltagem
3- Verifique os indicadores

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

4- Verifique o bloco duplo e Drenagem


5- Verifique a temperatura com o um dispositivo independente
6- Verifique blocos e pinos. Use as recomendações do fabricante
7- Retorne os interruptores para a posição “DESLIGADO” se a energia zero foi verificada. Se os
resultados demonstrarem que a máquina ou equipamento não estão a energia zero – PARE!
8-Notifique seu supervisor imediatamente e determine qual etapa do processo foi perdida.

9- Notifique os funcionários afetados da área de trabalho vai ser iniciado.

REMOÇÃO DE TRAVAMENTO E ETIQUETAGEM


• Comunique-se com todos os funcionários
• Verifique a segurança da área
• Certifique-se de que os dispositivos de segurança e protetores estejam colocados
• Reestabeleça as funções do Sistema
• Remova a sua trava e etiqueta
• Comunique a reenergização do sistema
• Reenergize e teste o equipamento

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

SITUAÇÕES ESPECIAIS

Bloqueio (Lockout) de grupo


Um bloqueio de grupo pode ser necessário se vários funcionários estiverem trabalhando em um
sistema ao mesmo tempo. Em muitos negócios da GE, um supervisor Autorizado será designado
e assumirá a responsabilidade pela coordenação do Bloqueio de grupo entre todos os Funcioná-
rios Autorizados. Assim que o equipamento estiver sido bloqueado, a(s) chave (s) LOTO será/serão
introduzidas em um bloqueio de grupo. Os funcionários autorizados irão introduzir os respectivos
bloqueios individuais na caixa de bloqueio. O sistema não poderá ser ativado até que todos os
indivíduos removam seus respectivos bloqueios da caixa de bloqueio.

MUDANÇA DE TURNO
Procedimentos específicos devem ser usados durante mudança de turno ou de pessoal para as-
segurar a continuidade de LOTO. Isso deve incluir a transferência ordenada de Dispositivos LOTO
entre funcionários saindo e funcionários entrando. Há dois métodos que podem ser usados. Es-
ses dois métodos nunca devem ser misturados ou combinados.

O funcionário autorizado do turno que está terminando remove sua trava e etiqueta LOTO da
máquina ou equipamento e Aplica uma trava ou etiqueta de transição. O funcionário Autorizado
do turno que está se iniciando deve verificar novamente a energia zero quando estiver se pre-
parando para trabalhar no equipamento, depois remover a trava e etiqueta LOTO de transição e
aplicar a sua trava e etiqueta pessoal.

SAIR SEM REMOVER UMA TRAVA


Se um funcionário Autorizado sair sem remover uma trava, um time de pelo menos três pessoas
deve ser formado para investigar a situação. O time deve fazer todo o esforço para contactar
a pessoa e fazer com que ele/ela volte para remover a sua trava. O time poderá remover a sua
trava somente depois que todas as regras pré estabelecidas para garantir a segurança de todos
os funcionários envolvidos tiverem sido seguidas. O time também deve assegurar-se de que o
funcionário seja notificado de que sua trava LOTO foi removida antes que ele/ela retorne ao seu
trabalho local.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

7 - Quem deve disponibilizar os dispositivos de bloqueio e etiquetagem?

Todos os equipamentos de proteção necessários ao isolamento devem ser fornecidos nas instalações/
operações.
Para trabalhos nas instalações do cliente sob um ambiente de trabalho controlado pela GE, o pessoal
nos serviços no campo deve ter acesso a:
• Um bloqueio LOTO de chave única
• Uma etiqueta LOTO
• Outros dispositivos LOTO, como por exemplo, cabos, botões, etc, para proteger fontes de isolamento
elétrico.

Em instalações em que o cliente controla o ambiente de trabalho, o pessoal de serviços de campo deve
possuir, no mínimo, acesso ao bloqueio e etiquetas LOTO de chave única.
Dispositivos de bloqueio não são considerado Equipamento de Proteção Individual - EPI, pois não pos-
suem Certificados de Aprovação - CA, porém o registro de distribuição deste pode ser inserido na ficha
de EPI.

O profissional deve solicitar junto à sua chefia, a substituição de qualquer componente do Sistema de
Bloqueio quando estiver danificado.

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto
8 - Métodos Comuns de Isolamento

9 – Tipos de Bloqueio de Energia

Válvula Esférica
Aplicação de Bloqueio em Válvula Esférica

Dispositivos de Bloqueio para Válvulas Esféricas

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Válvulas Borboletas
Aplicação de Bloqueio em Válvula Borboleta

Dispositivos de Bloqueio de Válvulas Borboletas

Válvulas Gaveta
Aplicação de Bloqueio Válvulas de Gaveta

Dispositivos de Bloqueio de Válvulas Gaveta

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Disjuntores
Dispositivos de Bloqueio para Disjuntores

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Plugs
Dispositivos de Bloqueio para Plugs

Botoeiras
Dispositivos de Bloqueio para Botoeiras

Atenção: Serve para bloqueio operacional, não para bloquear fonte de energia.

Caixa de Bloqueio em Grupo

Armário para guardar dispositivos de bloqueio

From fundamentals
to turn Key
Guia de Loto

Multiplicador de Bloqueio

From fundamentals
to turn Key
From fundamentals
to turn Key