Você está na página 1de 3

Porto Seguro-Ba. 01 de fevereiro de 2004.

Eunápolis, 28 de dezembro de 2005.


Eunápolis, 29 de novembro de 2006.
Emcontro, 29 de novembro de 09.
Guaianases, 30 de setembro de 2012.

Oração como estilo de vida


Textos: Mateus 6:9-13 “Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus,
santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra
como no céu; o pão nosso de cada dia dá-nos hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas,
assim como nós temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes cair em
tentação; mas livra-nos do mal.”

II Crônicas 7:14 “se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e
me buscar, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, perdoarei
os seus pecados e sararei a sua terra”.

Romanos 8:26-28 “E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas;


porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito
intercede por nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que examina os corações sabe
qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos. E
sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a
Deus, daqueles que são chamados por seu decreto”.

1 Ts 5:17 Orai sem cessar.

INTRODUÇÃO: Talvez nos perguntemos: “por que precisamos orar, já que Deus sabe
de todas as coisas e conhece nossas necessidades?”
Para esta pergunta precisamos conhecer o caráter de Deus. Ele não muda seus
princípios; e quando ele deu autoridade ao homem para dominar sobre toda a terra
(Gênesis 2:26) “...tenha ele domínio sobre toda a terra...” Ele não a tomou de novo.
Por isso precisamos entender que Ele precisa trabalhar junto com o homem a quem foi
dado o domínio sobre a terra.
Só que este domínio foi perdido para satanás, devido à desobediência. (Lucas 4:6)
“...porque ela me foi entregue...” Por isso vemos uma ação tão devastadora do diabo na
vida daqueles que vivem fora dos princípios do reino de Deus. Mas Deus em sua infinita
misericórdia e amor, enviou seu filho Jesus Cristo para resgatar esta autoridade de novo
e dar à igreja (Mateus 28:18) “...toda autoridade me foi dada no céu e na terra.” Agora
esta autoridade pertence à igreja que é o corpo de Cristo. Por isso o agir de Deus na terra
está diretamente ligado às nossas orações.

1
Exemplo de Oração
Tiago 5:17-18 “O profeta Elias era um ser humano como nós. Ele orou com
fervor para que não chovesse, e durante três anos e meio não choveu sobre a terra.
Depois orou outra vez, e então choveu, e a terra deu a sua colheita.”
Talvez alguns de nós não escolhêssemos Elias como um exemplo de homem de
oração para ser seguido; não porque ele não tinha vida com Deus; mas porque fez
grandes milagres, e achamos que é demais para nós.
Mas não é assim que Tiago pensa, ele diz: “... Elias era homem semelhante a
nós...” (Tg. 5:17). Segundo a história, Tiago era conhecido como “Joelho de Camelo”,
pois seus joelhos eram calejados de tanto orar.
Sabemos que Jesus Cristo é o nosso maior exemplo de oração a ser seguido; mas
Tiago usa como referência de homem de oração a Elias, para que possamos entender que
não existem milagres que não possam acontecer na vida de um servo de Deus, seja em
que época ele esteja vivendo, passado, presente ou futuro. Alguns pontos importantes
têm que ser analisado neste texto:

1o.) ELIAS ERA HOMEM SEMELHANTE A NÓS – Com esta afirmação já


podemos descartar algumas hipóteses: Ele não era um super homem, ele não era um
anjo, mas ele era um homem semelhante a nós. Significa que ele passou por: problema,
conflitos, duvidas, decepções, medos e frustrações. Ex.: “Ele mesmo, porém, se foi ao
deserto, caminho de um dia, e veio, e se assentou debaixo de um zimbro; e pediu para si
a morte e disse: Basta; toma agora, ó SENHOR, a minha alma, pois não sou melhor do
que meus pais.”.

2o.) A oração que funciona é a que segue princípios de Deus – “Orou, com fervor,
para que não chovesse sobre a terra, e, por três anos e seis meses, não choveu.” –
Talvez alguém possa pensar que Elias fez esta oração, porque estava muito irado; mas
não foi por isso. Esta oração estava baseada na própria vontade de Deus, e ele conhecia a
vontade de Deus,
Ex.: Dt. 11:16-17 “Guardai-vos não suceda que o vosso coração se engane, e vos
desvieis, e sirvais a outros deuses, e vos prostreis perante eles; que a ira do Senhor se
acenda contra vós outros, e feche ele os céus, e não haja chuva, e a terra não dê a sua
messe, e cedo sejais eliminados da boa terra que o Senhor vos dá”. Precisamos
conhecer a vontade de Deus para a nossa vida e orarmos dentro de sua vontade.
Ex.: João 15:7 “Se permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem
em vós, pedireis o que quiserdes, e vos será feito”. As vezes pensamos que estamos
conseguindo realizar algumas coisas, e enchemos a boca dizendo FOI RESPOSTA DE
ORAÇÃO. Mas se analisarmos nossos corações honestamente vamos descobrir que não
tem nada haver com a vontade de Deus. Ex. Não tinha uma casa e queria uma moto,
quando cheguei a começar a construir, a casa faltando tudo, eu queria um carro. Deus
quer nos orientar em todas a situações.
2
Princípios para oração:
 Não devemos orar como forma de ostentação e sem para que nós sejamos
ministrados por Deus. Orar para que Deus ouça, não para que pessoas ouçam. É
preciso se humilhar na oração e não se exaltar. Mateus 23:14 “Ai de vós, escribas
e fariseus, hipócritas, porque devorais as casas das viúvas e, para o justificar,
fazeis longas orações; por isso, sofrereis juízo muito mais severo!”

 Temos que estabelecer um tempo diário de oração.

 A oração precisa ter propósito, para não se tornar uma reza. “O marinheiro que
não sabe para onde vai, nenhum vento lhe é favorável.”

 A oração deve ser acompanhada de fé. (Hebreus 11:6 “sem fé é impossível


agradar a Deus.”) ILUSTRAÇÃO: A menina que estava orando para chover
em plena a seca nordestina, e depois da oração pegou o guarda-chuva para
sair de casa.

Assim como você criou seu estilo de roupa, de uso do cabelo, de alimentação, busque
desenvolver seu estilo de comunhão com o Senhor. Não tente estabelecer um padrão de
oração, simplesmente porque tem um irmão muito abençoado que ora a noite toda.

Vida de oração é um estilo de vida para todo o crente (1 Ts. 5:17); na sua intimidade
com seu Senhor você descobrirá a forma peculiar de sua comunhão com Deus.
ILUSTRAÇÃO: Uma crente que pediu para fazer uma oração dentro do
consultório do dentista.

CONCLUSÃO: Quando eu vejo Tiago usando Elias como exemplo de homem de


oração, vejo entre linhas a simplicidade com que Deus quer se relacionar conosco, nos
mostrando por um lado o valor incomparável de uma vida de oração, e ao mesmo tempo
deixando transparecer que isto está ao alcance de todos. ILUSTRAÇÃO: a velhinha
que foi buscar socorro na cidade.