Você está na página 1de 36

Automation Control Equipment

Linha de Amortecimento

Amortecedores
para Impacto

Controladores de
Velocidade

Distribuidor Exclusivo
www.obr.com.br
Função do Amortecedor

2 DESACELERAÇÃO LINEAR
Praticamente todos os processos de fabricação compreendem algum tipo de movimento.
Nos equipamentos de produção, isso pode abranger transferências lineares, movimentos
rotativos indexados, alimentações rápidas etc. Em um dado instante, esses movimentos
mudam de direção ou são interrompidos.
Qualquer objeto em movimento possui energia cinética resultante do seu deslocamento e,
se o objeto mudar de direção ou for parado, a dissipação dessa energia cinética poderá
provocar forças de choque destrutivas dentro dos componentes estruturais e operacionais
da máquina.
Quanto maior a massa do objeto, ou maior a sua velocidade, maior a sua energia. Um
aumento nas velocidades de produção somente é possível com a dissipação gradual dessa
energia cinética, eliminando-se, assim, as forças destrutivas da desaceleração.
Métodos mais antigos de absorção de energia - tais como coxins de borracha, molas,
amortecedores tipo cilindro hidráulico e pneumáticos - não proporcionam essa caracterís-
tica de desaceleração gradual, pois não são lineares e produzem elevadas forças de reação
em algum momento durante o seu curso.
A solução ideal é obtida por um amortecedor industrial ACE. Ele utiliza uma série de orifícios
reguladores dispostos ao longo do comprimento do seu curso e proporciona uma desaceler-
ação linear constante com a menor força de reação possível no menor tempo de parada.

Dispositivo de demonstração da OBR em que uma


taça de vinho sobre um bloco cai em queda livre a
partir de 1 m. O bloco é desacelerado por um
amortecedor, nenhuma gota de vinho é derramada.

Parada com Batentes de Borracha, Molas Helicoidais, Amorteced- Resultado


ores tipo Cilindro Hidráulico e Pneumático
• Perda de produção
Matéria Prima
• Danos aos equipamentos
Produção
• Maiores custos de manutenção
• Poluição sonora elevada
• Maiores custos de produção
da máquina
Rubber Buffer
Produto Acabado
Refugo

Parada com Amortecedores ACE Vantagens

• Maior produção
Amortecedor ACE • Maior vida útil da máquina
Produto Acabado
• Maior eficiência da máquina
Produção
• Custos reduzidos de produção
da máquina
Matéria Prima
• Menores custos de manutenção
• Poluição sonora reduzida
• Menores custos de energia
Amortecedor ACE
Comparação entre Sistemas de Amortecimento

Comparação 1. Amortecedor tipo Cilindro Hidráulico (Elevada força de parada no início do


curso): Com apenas um orifício interno regulador, a carga em movimento é abrupta-
mente desacelerada no início do curso, resultando em uma força de frenagem muito alta
Amortecedor Amortecedor
(gerando elevadas cargas de impacto) e na sequência, sua desaceleração é muito rápida.
tipo Cilindro tipo Cilindro
Hidráulico Pneumático 2. Molas e Batentes de Borracha (Elevadas forças de parada no final do curso):
Na compressão total, esses elementos também armazenam energia no lugar de
dissipá-la, fazendo com que a carga retorne à posição inicial. 3
Força de Parada (N)

Molas ou Batentes 3. Amortecedores tipo Cilindro Pneumático (Alta força de parada no final do
de Borracha curso): Devido à compressibilidade do ar, esses elementos apresentam uma caracterís-
tica de força que cresce significativamente até o final do curso. A maior parte da energia
Amortecedores Industriais ACE
é absorvida próximo do final do curso, ocorrendo grandes perdas de produção.
4. Amortecedores Industriais ACE (Força de parada uniforme ao longo do curso). A
carga em movimento é desacelerada de forma gradual e suave por uma força resistente e
constante ao longo de todo o curso do amortecedor. A carga é desacelerada com a
menor força possível de parada em um curto espaço de tempo, eliminando os picos de
forças danosas causados por impactos às máquinas e equipamentos. Como se pode
Curso de Parada notar no gráfico abaixo, não há pico de reação de forças na desaceleração. Além disso,
eles reduzem consideravelmente a poluição sonora.

Capacidade de Energia Força de Reação (Força de Parada) Tempo de Parada

Amortecedor ACE
Amortecedor
tipo Cilindro
Hidráulico Amortecedor ACE

t
Q
Força Força v
(N) Amortecedor (N)
Amortecedor ACE
(m/s) t
tipo Cilindro Amortecedor
Hidráulico tipo Cilindro
Hidráulico

Curso de Parada Curso de Parada Tempo de Parada

Suposição: Suposição: Suposição:


Se considerarmos mesma força de Mesma absorção de energia (área sob a Mesma absorção de energia.
reação. curva).

Resultado: Resultado: Resultado:


O amortecedor pode absorver consider- A força de reação transmitida pelo O amortecedor desacelera instantanea-
avelmente mais energia (representada amortecedor é muito menor. mente a carga em movimento em um
pela área sob a curva do amortecedor período muito menor de tempo.
ACE).

Vantagem: Vantagem: Vantagem:


Ao instalar um amortecedor ACE, Ao instalar um amortecedor ACE, o Ao instalar um amortecedor ACE, os
teremos um produto com grande desgaste e a manutenção de máquinas tempos de ciclo são reduzidos,
absorção de energia, resultando em uma podem ser drasticamente reduzidos. proporcionando velocidades de
excelente desaceleração linear. produção muito maiores.
Fórmulas e Cálculos

4 Os amortecedores ACE proporcionam desaceleração linear e, 1. Massa a ser desacelerada (peso) m (kg)
portanto, são superiores em relação a outras formas de amorteci- 2. Velocidade de impacto no amortecedor vD (m/s)
mento. Cerca de 90% das aplicações podem ser facilmente 3. Força propulsora F (N)
dimensionadas, conhecendo apenas os parâmetros à seguir: 4. Ciclos por hora c (/hr)
Legenda dos símbolos empregados 5. Quantidade de amortecedores em paralelo n
W1 Energia cinética por ciclo Nm ** ST Fator de torque (normalmente 2.5) 1a3
W2 Força propulsora por ciclo Nm M Torque propulsor Nm
W3 Energia total por ciclo (W1 + W2) Nm I Momento de inércia kgm2
W4 Energia total por hora (W3 · c) Nm/hr g Aceleração da gravidade = 9.81 m/s2
me Massa efetiva kg h Altura da queda excluindo curso do amortecedor m
m Massa a ser desacelerada kg s Curso do amortecedor m
n Quantidade de amortecedores (em paralelo) L/R/r Raio m
* v Velocidade da massa em movimento m/s Q Força de reação N
* v Velocidade de impacto no amortecedor
D m/s � Coeficiente de atrito
ω Velocidade angular rad/s t Tempo de desaceleração s
F Força propulsora N a Desaceleração m/s2
c Ciclos por hora 1/hr α Ângulo da carga lateral °
P Potência do motor kW β Ângulo de inclinação °
* v ou vD é a velocidade de impacto final da massa. Com movimento acelerado, a ^ relação entre o torque inicial e o de operação do motor (dependendo do design)
** ST =
velocidade de impacto pode ser de 1,5 a 2 vezes maior que a média. Não esqueça esse Em todos os exemplos a seguir, a escolha dos amortecedores a partir da tabela de
dado ao calcular a energia cinética. capacidades, baseia-se nos valores de (W3), (W4), (me) e no curso (s) desejado do
amortecedor.

1 Massa sem força propulsora Fórmulas Exemplo W1 = 100 · 1.52 · 0.5 = 113 Nm
W1 = m · v2 · 0.5 m = 100 kg W2 = 0
W2 = 0 v = 1.5 m/s W3 = 113 + 0 = 113 Nm
W3 = W1 + W2 c = 500 /hr W4 = 113 · 500 = 56 500 Nm/hr
W4 = W3 · c s = 0.050 m (selec.) me = m = 100 kg
vD = v Selecionado a partir da tabela de capacidades:
me = m Modelo MC3350M-2 auto-compensado

2 Massa com força propulsora Fórmulas Exemplo W1 = 36 · 1.52 · 0.5 = 41 Nm


W1 = m · v2 · 0.5 m = 36 kg W2 = 400 · 0.025 = 10 Nm
W2 = F · s * v = 1.5 m/s W3 = 41 + 10 = 51 Nm
W3 = W1 + W2 F = 400 N W4 = 51 · 1000 = 51 000 Nm/hr
W4 = W3 · c c = 1000 /hr me = 2 · 51 : 1.52 = 45 kg
vD = v s = 0.025 m (selec.) Selecionado a partir da tabela de capacidades:
Modelo MC600M auto-compensado
me = 2 · W 3
vD2 *v é a velocidade de impacto final da massa. Em
2.1 para movimento vertical ascendente W2 = (F – m · g) · s sistemas acionados com aceleração, ela poderá ser de
1,5 a 2 vezes a velocidade média. Não esqueça de
2.2 para movimento vertical descendente W2 = (F + m · g) · s considerar a energia cinética.

3 Massa com acionamento Fórmulas Exemplo W1 = 800 · 1.22 · 0.5 = 576 Nm


motorizado W1 = m · v2 · 0.5 m = 800 kg W2 = 1000 · 4 · 2.5 · 0.1 : 1.2 = 834 Nm
W3 = 576 + 834 = 1410 Nm
W2 = 1000 · P · ST · s v = 1.2 m/s
W4 = 1410 · 100 = 141 000 Nm/hr
v ST = 2.5
W3 = W1 + W2 P = 4 kW me = 2 · 1410 : 1.22 = 1 958 kg
W4 = W3 · c c = 100 /hr Selecionado a partir da tabela de capacidades:
vD = v s = 0.100 m (selec.) Modelo MC64100M-2 auto-compensado
me = 2 · W 3 Nota: Não esqueça de incluir a energia rotacional do motor,
vD2 acoplamento e caixa de câmbio no cálculo de W1.

4 Massa sobre roletes motoriza- Fórmulas Exemplo W1 = 250 · 1.52 · 0.5 = 281 Nm
dos W1 = m · · 0.5
v2 m = 250 kg W2 = 250 · 0.2 · 9.81 · 0.05 = 25 Nm
W2 = m · � · g · s v = 1.5 m/s W3 = 281 + 25 = 306 Nm
W3 = W1 + W2 c = 180 /hr W4 = 306 · 180 = 55 080 Nm/hr
W4 = W3 · c (Steel/Steel) � = 0.2 me = 2 · 306 : 1.52 = 272 kg
vD = v s = 0.050 m (selec.) Selecionado a partir da tabela de capacidades:
Modelo MC4550M-2 auto-compensado
me = 2 · W 3
vD2

5 Massa oscilante com torque Fórmulas Exemplo W1 = 20 · 12 · 0.5 = 10 Nm


propulsor W1 = m · v2 · 0.5 = 0.5 · I · ω2 m = 20 kg W2 = 50 · 0.012 : 0.5 = 1.2 Nm
W3 = 10 + 1.2 = 11.2 Nm
W2 = M · s
v = 1 m/s
R M = 50 Nm W4 = 306 · 180 = 16 800 Nm/hr
W3 = W1 + W2 R = 0.5 m vD = 1 · 0.5 : 0.8 = 0.63 m/s
W4 = W3 · c L = 0.8 m me = 2 · 11.2 : 0.632 = 56 kg
c = 1500 /hr Selecionado a partir da tabela de capacidades:
v = v · R = ω · R
D L s = 0.012 m (selec.) Modelo MC150MH auto-compensado
me = 2 · W 3 Verifique o ângulo de carga lateral, tan α = s/R, em relação ao
vD2 “Máx. Ângulo de Carga Lateral” na tabela de capacidades.
Fórmulas e Cálculos

6 Massa em queda livre Fórmulas Exemplo W1 = 30 · 0.5 · 9.81 = 147 Nm


W2 = 30 · 9.81 · 0.05 = 15 Nm
W1 = m · g · h m = 30 kg
W3 = 147 + 15 = 162 Nm
W2 = m · g · s h = 0.5 m
W4 = 162 · 400 = 64 800 Nm/hr
W3 = W1 + W2 c = 400 /hr
vD = √2 · 9.81 · 0.5 = 3.13 m/s
W4 = W3 · c s = 0.050 m (selec.)
me = 2 · 162 = 33 kg
vD = √2 · g · h
3.132
me = 2 · W
5
3
vD2 Selecionado a partir da tabela de capacidades:
Modelo MC3350M-1 auto-compensado

6.1 Massa deslizando em uma rampa Fórmulas 6.2 Massa em queda livre por pêndulo
W1 = m · g · h = m · vD2 · 0.5 Ângulo da carga
W2 = m · g · sinβ · s lateral em relação
Cálculo de acordo
W3 = W1 + W2
com o exemplo 6.1 ao eixo do
W4 = W3 · c
exceto W2 = 0 amortecedor
vD = √2 · g · h
W1 = m · g · h
me = 2 · W 3 tan α = s
vD2 vD = √2 · g · h · R R
L
6.1a uma força propulsora ascendente na rampa W2 = (F – m · g · sinβ) · s
6.1b uma força propulsora descendente na rampa W2 = (F + m · g · sinβ) · s Verifique o ângulo de carga lateral, tan α = s/R, em relação ao
“Máx. Ângulo de Carga Lateral” na tabela de capacidades.

7 
Mesa giratória com torque de propulsão Fórmulas Exemplo W1 = 1000 · 1.12 · 0.25 = 303 Nm
(carga uniformemente distribuída) W2 = 300 · 0.025 : 0.8 = 63 Nm
W1 = m · v2 · 0.25 = 0.5 · I · ω2 m = 1000 kg
W3 = 28 + 9 = 366 Nm
W2 = M · s
v = 1.1 m/s
W4 = 37 · 1200 = 36 600 Nm/hr
R M = 1000 Nm
vD = 1.1 · 0.8 : 1.25 = 0.7 m/s
W3 = W1 + W2 s = 0.050 m (selec.)
me = 2 · 366 : 0.72 = 1 494 kg
W4 = W3 · c L = 1.25 m
R = 0.8 m Selecionado a partir da tabela de capacidades:
v = v · R = ω · R Modelo MC4550M-3 auto-compensado
D L c = 100 /hr
me = 2 · W 3 Verifique o ângulo de carga lateral, tan α = s/R, em relação ao
vD2 “Máx. Ângulo de Carga Lateral” na tabela de capacidades.

8 
Braço oscilante com torque de propulsão Fórmulas Exemplo W1 = 0.5 · 56 · 12 = 28 Nm
(carga uniformemente distribuída) W2 = 300 · 0.025 : 0.8 = 9 Nm
W1 = m · v2 · 0.17 = 0.5 · I · ω2 I = 56 kgm2
W3 = 28 + 9 = 37 Nm
W =M·s ω = 1 rad/s
W4 = 37 · 1200 = 44 400 Nm/hr
2 R M = 300 Nm
vD = 1 · 0.8 = 0.8 m/s
W3 = W1 + W2 s = 0.025 m (selec.)
me = 2 · 37 : 0.82 = 116 kg
W4 = W3 · c L = 1.5 m
R = 0.8 m Selecionado a partir da tabela de capacidades:
v = v · R = ω · R Modelo MC600M auto-compensado
D L c = 1200 /hr
me = 2 · W 3 Verifique o ângulo de carga lateral, tan α = s/R, em relação ao
vD2 “Máx. Ângulo de Carga Lateral” na tabela de capacidades.

9 
Braço oscilante com força de propulsão Fórmulas Exemplo W1 = 1000 · 22 · 0.17 = 680 Nm
(carga uniformemente distribuída) W2 = 7000 · 0.6 · 0.05 : 0.8 = 263 Nm
W1 = m · v2 · 0.17 = 0.5 · I · ω2 m = 1000 kg
W3 = 680 + 263 = 943 Nm
W =F·r·s=M·s
v = 2 m/s
W4 = 943 · 900 = 848 700 Nm/hr
2 R R F = 7000 N
vD = 2 · 0.8 : 1.2 = 1.33 m/s
W3 = W1 + W2 M = 4200 Nm
me = 2 · 943 : 1.332 = 1 066 kg
W4 = W3 · c s = 0.050 m (selec.)
r = 0.6 m Selecionado a partir da tabela de capacidades:
v = v · R = ω · R Modelo CA2x2-1 auto-compensado
D L R = 0.8 m
L = 1.2 m
me = 2 · W 3
vD2 c = 900 /hr

10 
Massa em queda com velocidade Fórmulas Exemplo W1 = 6000 · 1.52 · 0.5 = 6 750 Nm
controlada (Massa apoiada) W2 = 6000 · 9.81 · 0.305 = 17 952 Nm
W1 = m · · 0.5
v2 m = 6000 kg
W3 = 6750 + 17 952 = 24 702 Nm
W2 = m · g · s v = 1.5 m/s
W4 = 24702 · 60 = 1 482 120 Nm/hr
W3 = W1 + W2 s = 0.305 m (selec.)
me = 2 · 24702 : 1.52 = 21 957 kg
W4 = W3 · c c = 60 /hr
vD = v Selecionado a partir da tabela de capacidades:
me = 2 · W3 Modelo CA3x12-2 auto-compensado
vD2

Força de reação Q [N] Q = 1.5 · W3 Tempo de parada t [s] t = 2.6 · s desaceleração a [m/s2] a = 0.75 · vD
2
s vD s

Os valoresaproximados assumem ajustes de arredondamento. Adicione uma margem de segurança se necessário.


(Os valores exatos dependerão dos dados da aplicação real, que poderão ser fornecidos sob solicitação).
Montagem e Instalação de Acessórios
Modelos Série Miniatura

6 AH... Colar Ajustável Todos os amortecedores da série miniatura ACE, tem, como opção, acrescentar um
colar tipo batente mecânico (AH), afim de obter um ajuste fino da posição de
parada final. Para os modelos da série “MC” recomenda-se a instalação do colar
KM AH (AH) aproximadamente de 1 a 1,5mm antes do final do curso.
Colar

Curso

UM... Flange Retangular O bloco de montagem “UM” tem como opção de fixação por base (perpendicular ao
corpo do amortecedor) ou fixação tipo flange (longitudinal ao corpo). É um
acessório muito compacto permitindo ajuste fino de posição do amortecedor,
girando-o para dentro ou para fora.

Curso

PB.. Proteção para Haste Ambientes agressivos que envolvem respingos de solda, pó de madeira, areia,
pintura e etc, podem danificar a haste do amortecedor e sua vedação interna.
Como opção protetora temos o acessório “PB”, onde é fixado firmemente na haste
protegendo-a e consequentemente aumentando a vida útil do amortecedor. OBS.:
Nota: Quando instalar o acessório não esqueça de prever espaço em torno do
Curso corpo do amortecedor para um movimento livre.
PB Solicite maiores informações ao nosso depto. técnico.

Curso

Amortecedor

BV / BV...SC Adaptador de Carga Lateral

Com ângulos de impacto de carga lateral Para encomendar:


maiores que 3º, o tempo de vida útil do Para encomendar um amortecedor de choque
Rs
amortecedor diminui rapidamente devido ao sem o top, adicionar o sufixo 880 ao número da
aumento do desgaste no mancal da haste. O peça.
adaptador de carga lateral “BV” fornece uma
solução definitiva.
Para retirar o top do amortecedor:
s Curso
Prenda o amortecedor no bloco de montagem e
Material: Corpo externo e eixo interno - Aço α cuidadosamente aqueça o top. Agarre o top
temperado de elevada resistência ao desgaste.
com um alicate e puxe através do eixo da
Problema:
haste.
O movimento de impacto giratório provoca
forças de carga laterais elevadas na haste do
amortecedor, o que aumenta o desgaste do
mancal resultando possivelmente em rompi-
mento ou flexão da haste.

Amortecedor ACE Corpo Externo Eixo Interno Solução:


Roscado
Instalar o Adaptador de Carga Lateral BV. Se
“BV” Fixado ao Amortecedor ACE possível, divida o ângulo de impacto da
seguinte forma:

Fórmulas: Exemplo:
Nota: O adaptador “BV” somente pode ser s = 0.025 m α max = 25° (Tipo BV25)
instalado em um amortecedor da série
miniatura sem o top na haste.
α = tan-1 ( )
s
Rs
Rs = 0.1 m

s
Rs min = tan α max
α = tan-1 ( 0.025
0.1 )
0.025
Rs min = tan 25

α = 14.04° Rs min = 0.054 m


α = ângulo de carga lateral ° Rs = raio de montagem em m
α max = ângulo máximo ° Rs min = raio de montagem mínimo possível em m
s = curso do amortecedor em mm
Amortecedores Série Miniatura MC 5 a MC 75
Auto-Compensado

MC5M ​ MB5SC2 M5x0.5


8

Ø 1.5 1 10
Curso Ø 3.3 M3
4.6 M5x0.5 AF8 2.5 2.4
4.1 12 3
28 8.1
20
Bloco de Montagem
MC9M ​ AH6 / AH 8 RF6 / RF 8 MB 6 SC / MB 8 SC 7
M6x0.5 (8x1) M6x0.5 (8x1)
5 (6)
Ø 8 (10)
M3x8 8 (10)
Ø2 M6x0.5
2 Ø 6 (8) 10 (14)
Curso (8x1) M4x10 10 (12)
2.5 M6x0.5 AF8 2.5 2.7 Ø 4.8 12
5 6 M3 (4)
26 10 3 (3.5)
14 (18) 12 (16)
20 (25) 20 (25)
Top Ajustável Flange Retangular Bloco de Montagem
MC30M MC10M B

Ø 2.5 2 Ø2 2
Stroke
4.1 M8x1 AF10 3 2.5 Curso Ø 6.4 5 AF10
M8x1 3 2 Ø 4.8
8 5
40.9 13.1 28.5 10
M8x0.75 também disponível mediante pedido

MC25M ​ UM10 AH10


M10x1
12
5 Ø 12.5
M10x1 Ø 10
Ø 3.2 3 25
M10x1 Ø 4.5
Curso Ø 7.6 20 10
5 AF5 AF12 4 5 25
6.6
43 14.6 38
Flange Universal Top Ajustável
MC75M ​ UM12 AH12
M12x1
12
5 Ø 15
M12x1
25 Ø 12
Ø 3.2 3 Ø 4.5
20 10
Curso Ø 7.6 25
5 M12x1 AF14 5 3 38
10
52 18 Flange Universal Top Ajustável
BV8 AF9 BV10 AF11 BV12 AF13
AF10 AF12 AF14
Ø 11 M8x1 Ø13 M10x1 Ø 15 M12x1
M8x1 M10x1 M12x1

15 Ø4 11 Ø6 12 Ø7
10 12 18
15 15 22
8 6.5 12

Tabela de Capacidade
Máx. Energia de Capacidade Nm Peso Efetivo me
Modelo W3 W4 Auto-Compensado Força de Força de Tempo de * Máx. Ângulo de Peso
Por Ciclo Por Hora me min. me máx. Retorno Min. Retorno Máx. Retorno da Haste Carga Lateral kg
kg kg N N s
MC5M-1-B 0.68 2 040 0.5 4.4 1 5 0.2 2° 0.003
MC5M-2-B 0.68 2 040 3.8 10.8 1 5 0.2 2° 0.003
MC5M-3-B 0.68 2 040 9.7 18.7 1 5 0.2 2° 0.003
MC9M-1-B 1 2 000 0.6 3.2 2 4 0.3 2° 0.005
MC9M-2-B 1 2 000 0.8 4.1 2 4 0.3 2° 0.005
MC10ML-B 1.25 4 000 0.3 2.7 2 4 0.2 3° 0.010
MC10MH-B 1.25 4 000 0.7 5 2 4 0.3 3° 0.010
MC30M-1 3.5 5 600 0.4 1.9 2 6 0.3 2° 0.010
MC30M-2 3.5 5 600 1.8 5.4 2 6 0.3 2° 0.010
MC30M-3 3.5 5 600 5 15 2 6 0.3 2° 0.010
MC25ML 2.8 22 600 0.7 2.2 3 6 0.3 2° 0.020
MC25M 2.8 22 600 1.8 5.4 3 6 0.3 2° 0.020
MC25MH 2.8 22 600 4.6 13.6 3 6 0.3 2° 0.020
MC75M-1 9 28 200 0.3 1.1 4 9 0.3 2° 0.030
MC75M-2 9 28 200 0.9 4.8 4 9 0.3 2° 0.030
MC75M-3 9 28 200 2.7 36.2 4 9 0.3 2° 0.030
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.
Amortecedores Série Miniatura MC150 a MC600
Auto-Compensado

8 MC150M ​ PP150 UM14 AH14

M14x1.5
16
Ø 12 5 Ø 17
Ø 4.8 M14x1.5
Ø 4.8 Ø 14
9.4 4.7 Ø 4.5
29
Curso 20 12
7.2 AF6 M14x1.5 6 AF17 35 AF15
12.5
69.1 17.5 45

M14x1 também disponivel mediante pedido especial (MC 150 ME)


Top de Nylon Flange Universal Top Ajustável

MC225M ​ PP225 UM20 AH20


16
M20x1.5

Ø 17
25.5 10 Ø 24,8
Ø 6.3
M20x1.5
Ø 6.3 3.9 Ø 20,5
8.8 35
Curso Ø 5.5 25
7.2 AF8 M20x1.5 8 AF23 12
12.5 AF22
35
79.2 17.5 47
Top de Nylon Flange Universal Top Ajustável

MC600M ​ PP600 UM25 AH25


16
M25x1.5

Ø 23 25.5 10 Ø 30
Ø8 M25x1.5
Ø8 Ø 25
10.6 5.4 35
Ø 5.5 32
Curso 16
7.3 AF10 M25x1.5 10 AF30 AF27
25.4 35
110.3 31.6 47

M27x3 também disponível mediante pedido especial (MC 600 ML) Top de Nylon Flange Universal Top Ajustável

BV14 BV20 BV25


AF16 AF22 AF27 AF30
AF17 AF23
M14x1.5 M20x1.5 M25x1.5
Ø 18 Ø 24 Ø 30
M14x1 M25x1
M20x1

12 Ø9 14 Ø 12
16 Ø 16
20 20 38
24 24 44
12.5 25
12.5

Tabela de Capacidade
Máx. Energia de Capacidade Peso Efetivo
Nm me
Auto-Compensado
Modelo W3 W4 me min. me máx. Força de Força de Tempo de Retorno * Máx. Ângulo de Peso
Por Ciclo Por Hora kg kg Retorno Min. Retorno Máx. da Haste Carga Lateral kg
N N s
MC150M 20 34 000 0.9 10 3 8 0.4 4° 0.06
MC150MH 20 34 000 8.6 86 3 8 0.4 4° 0.06
MC150MH2 20 34 000 70 200 3 8 0.4 4° 0.06
MC225M 41 45 000 2.3 25 4 9 0.3 4° 0.15
MC225MH 41 45 000 23 230 4 9 0.3 4° 0.15
MC225MH2 41 45 000 180 910 4 9 0.3 4° 0.15
MC600M 136 68 000 9 136 5 10 0.6 2° 0.26
MC600MH 136 68 000 113 1 130 5 10 0.6 2° 0.26
MC600MH2 136 68 000 400 2 300 5 10 0.6 2° 0.26
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.
Amortecedores Série Miniatura SC190 a SC925
Contato Suave e Auto-Compensado

SC190M ​ UM14 AH14


M14x1.5
16
5 Ø 17
M14x1.5 Ø 14
Ø4
4 4.6 Ø 4.5
29
Curso 20 12
7 AF12
M14x1.5 6 AF17 16 Ø 12 AF15
35
87.7
M14x1 e M16x1 também disponível mediante pedido especial
27
Flange Universal
45
Top Ajustável
9
SC300M ​ UM20 AH20
16
M20x1.5
Ø 24,8
25.5 10 M20x1.5
Ø 20,5
Ø 4.8 35 25
1.7 4.6 Ø 5.5
12
Curso AF22
7 AF18
M20x1.5 8 AF23 19 Ø 17
87.4 30 35
47
M22x1,5 também disponível mediante pedido especial Flange Universal Top Ajustável

SC650M ​ UM25 AH25


16
M25x1.5

25.5 10 Ø 30
M25x1.5
Ø 25
Ø 6.3 35
2 4.6 Ø 5.5 32 16
Curso AF27
7 AF23
M25x1.5 10 AF30 25.4 Ø 23
106.6 36.4 35
M26x1,5 também disponível mediante pedido especial 47
Flange Universal Top Ajustável

SC925M ​ UM25 AH25


16
M25x1.5

25.5 10 Ø 30
M25x1.5
Ø 25
Ø 6.3 35
Ø 5.5 32 16
2 4.6
Curso AF27
7 M25x1.5 AF23 10 AF30 40 Ø 23 35
138 51 47
Flange Universal Top Ajustável
BV14SC BV20SC BV25SC
AF16 AF22 AF23 AF27
AF17 AF30
M14x1.5 M20x1.5 M25x1.5
Ø 18 Ø 24 Ø 30
M14x1 M20x1 M25x1

14 Ø9 14 Ø 12 16 Ø 16
26 32 38
30 36 44
16 19 25

Tabela de Capacidade
Máx. Energia de Peso Efetivo
Capacidade Nm me
Contato Suave Auto-Compensado
Modelo W3 W4 me min. me máx. me min. me máx. Força de Força de Tempo de Retorno * Máx. Ângulo de Peso
Por Ciclo Por Hora kg kg kg kg Retorno Min. Retorno Máx. da Haste Carga Lateral kg
N N s
SC190M-0 25 34 000 – – 0.7 4 4 9 0.25 5° 0.08
SC190M-1 25 34 000 2.3 6 1.4 7 4 9 0.25 5° 0.08
SC190M-2 25 34 000 5.5 16 3.6 18 4 9 0.25 5° 0.08
SC190M-3 25 34 000 14 41 9 45 4 9 0.25 5° 0.08
SC190M-4 25 34 000 34 91 23 102 4 9 0.25 5° 0.08
SC300M-0 33 45 000 – – 0.7 4 5 10 0.1 5° 0.11
SC300M-1 33 45 000 2.3 7 1.4 8 5 10 0.1 5° 0.11
SC300M-2 33 45 000 7 23 4.5 27 5 10 0.1 5° 0.11
SC300M-3 33 45 000 23 68 14 82 5 10 0.1 5° 0.11
SC300M-4 33 45 000 68 181 32 204 5 10 0.1 5° 0.11
SC650M-0 73 68 000 – – 2.3 14 11 32 0.2 5° 0.31
SC650M-1 73 68 000 11 36 8 45 11 32 0.2 5° 0.31
SC650M-2 73 68 000 34 113 23 136 11 32 0.2 5° 0.31
SC650M-3 73 68 000 109 363 68 408 11 32 0.2 5° 0.31
SC650M-4 73 68 000 363 1 089 204 1 180 11 32 0.2 5° 0.31
SC925M-0 110 90 000 8 25 4.5 29 11 32 0.4 5° 0.39
SC925M-1 110 90 000 22 72 14 90 11 32 0.4 5° 0.39
SC925M-2 110 90 000 59 208 40 272 11 32 0.4 5° 0.39
SC925M-3 110 90 000 181 612 113 726 11 32 0.4 5° 0.39
SC925M-4 110 90 000 544 1 952 340 2 088 11 32 0.4 5° 0.39
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.
Amortecedores Série Miniatura SC²25 a SC²650
Auto-Compensado

10 SC25M ​ UM10 AH10


M10x1
12
5 Ø 12.5
M10x1 Ø 10
Ø 3.15 Curso 25
Ø 4.5 20
5 AF7 M10x1 4 AF12 8 10
25
72 11 38
Acessório “BV” sob pedido especial Flange Universal Top Ajustável

SC75M ​ UM12 AH12


M12x1
12
5 Ø 15
M12x1
Ø4 Ø 12
Curso Ø 4.5
25
20 10
4 AF8 M12x1 5 AF14 10
25
78 14 38
Acessório “BV” sob pedido especial Flange Universal Top Ajustável
SC190M ​ UM14 AH14
M14x1.5
16
5 Ø 17
M14x1.5 Ø 14
Ø 4.8 29
Curso Ø 4.5 20 12
5 AF10 M14x1.5 6 AF17 12 AF15
35
78 17 45
M14x1 também disponível mediante pedido especial Flange Universal Top Ajustável
UM20 AH20
SC300M ​ 16
M20x1.5

25.5 10 Ø 24,8
M20x1.5
Ø 20,5
Ø 6.4 35
Ø 5.5 25 12
1.8 4.6 AF22
Curso
7 M20x1.5 AF18 8 AF23 15 Ø 17 35
79.5 26 47
Flange Universal Top Ajustável
UM25 AH25
SC650M ​ 16
M25x1.5

25.5 10 Ø 30
M25x1.5
Ø 25
35 32
Ø 9.6 Ø 5.5 16
1.8 4.6 AF27
Curso 35
7 M25x1.5 AF23 10 AF30 23 Ø 23
34 47
106
Flange Universal Top Ajustável
BV14SC BV20SC BV25SC
AF16 AF22 AF23 AF27
AF17 AF30
M14x1.5 M20x1.5 M25x1.5
Ø 18 Ø 24 Ø 30
M14x1 M20x1 M25x1

14 Ø9 14 Ø 12 16 Ø 16
26 32 38
30 36 44
16 19 25

Tabela de Capacidade
Máx. Energia de Peso Efetivo
Capacidade Nm me
Suave Duro
Modelo W3 W4 -5 -6 -7 -8 -9 Força de Força de Tempo de * Máx. Ângulo Peso
Por Ciclo Por Hora min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. Retorno Retorno Retorno da de Carga kg
kg kg kg kg kg Min. Máx. Haste Lateral
N N s
SC25M 10 16 000 1- 5 4 - 44 42 - 500 – – 4.5 14 0.3 2° 0.027
SC75M 16 30 000 1- 8 7 - 78 75 - 800 – – 6 19 0.3 2° 0.045
SC190M 31 50 000 2 - 16 13 - 140 136 - 1 550 – – 6 19 0.4 2° 0.060
SC300M 73 45 000 11 - 45 34 - 136 91 - 181 135 - 680 320 - 1 950 8 18 0.2 5° 0.164
SC650M 210 68 000 23 - 113 90 - 360 320 - 1 090 770 - 2 630 1 800 - 6 350 11 33 0.3 5° 0.315
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.
Amortecedores Série Miniatura MA
Ajustável

MA30M ​ RF8 MB8SC2


Parafuso Regulador M8x1 M8x1
6 10
M4x10
14 12
Ø 2.5 2.1 M4
4.1 M8x1 AF10 3 Curso Ø 6.4 16 3.5
2.5 18
8
11
48 13.1 25 25

Flange Retangular Bloco de Montagem

MA50M FA1008VD-B
Parafuso Regulador

Ø 2.5 2.5
Ø 3.2 3 M10x1 AF12 4 Curso Ø6
5.1 M10x1 AF12 4 Curso Ø 7.7 11 8
2.5 51 14.5
7
50 14.9
UM12
MA35M ​ AH12
M12x1
Parafuso Regulador
12
5 Ø 15
M12x1
Ø 12
Ø 3.2 3 Ø 4.5
25
Curso Ø 7.7 20 10
5 M12x1 AF14 5 2.5
10 25
66 18 38
Flange Universal Top Ajustável

MA150M ​ UM14 AH14


Parafuso Regulador M14x1.5
16
Ø 17
5
M14x1.5 Ø 14
Ø 4.8
4.7 Ø 4.5
29 20
7.5 M14x1.5 AF12 6 AF17 Curso
Ø 12
12
12.5 AF15
70 22.5 35
M14x1 também disponível mediante pedido especial 45
Flange Universal Top Ajustável
UM20 AH20
MA225M ​ 16
Colar de regulagem
M20x1.5

25.5 10 Ø 24,8
M20x1.5
Ø 20,5
Ø 4.8 35
4.6 Ø 5.5 25 12
Curso AF22
13.5 M20x1.5 8 4.8 Ø 17
AF18 AF23 19 35
88 30 47
Flange Universal Top Ajustável
UM25 AH25
MA600M e MA900M ​ 16
Colar de regulagem M25x1.5

25.5 10 Ø 30
M25x1.5
Ø 25
Ø 6.3 35 32
4.6 Ø 5.5 16
Curso Dimensões para AF27
16.5 M25x1.5 10 5 Ø 23
AF23 AF30 25.4 (40) MA900M em ( ) 35
106.6 (138) 36.4 (51) 47
Modelo MA600M também disponível em M27x3
Flange Universal Top Ajustável
Tabela de Capacidade
Máx. Energia de Capacidade Peso Efetivo
Nm me
Ajustável
Modelo W3 W4 me min. me máx. Força de Força de Tempo de Retorno * Máx. Ângulo de Peso
Por Ciclo Por Hora kg kg Retorno Min. Retorno Máx. da Haste Carga Lateral kg
N N s
MA30M 3.5 5 650 0.23 15 1.7 5.3 0.3 2° 0.013
FA1008VD-B 1.8 3 600 0.2 10 3 6 0.3 2.5° 0.026
MA50M 5.5 13 550 4.5 20 3 6 0.3 2° 0.025
MA35M 4 6 000 6 57 5 11 0.2 2° 0.043
MA150M 22 35 000 1 109 3 5 0.4 2° 0.06
MA225M 25 45 000 2.3 226 5 10 0.1 2° 0.13
MA600M 68 68 000 9 1 360 10 30 0.2 2° 0.31
MA900M 100 90 000 14 2 040 10 35 0.4 1° 0.4
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.
Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML33
Auto-Compensado e Ajustável

12 Colar de Regulagem (somente MA e ML)


Ø 39.6 Batente Incorporado

Regulagem Traseira
M33x1.5 Ø 25
(somente MA e ML)

6.5
L2 Ø 30 B máx
A máx
M36x1.5 e M42x1.5 também disponível mediante pedido
Rosca UNF 1 1/4-12 também disponível mediante pedido (omitir sufixo -M no código da peça)

S33
56
8

40
20

20 Ø7
10 L1 máx
min L3 42

Montagem Suporte tipo “S” Dimensões


S33 = 2 flanges + 4 parafusos M6x40, DIN 912 Curso L1 min. L1 máx. L3
Devido à flange possuir rosca, recomendamos a furação da segunda flange
25 25 60 68
após a primeira flange já ter sido fixada para evitar erros na montagem.
50 32 86 93

C33 SF33
34
14 L5 máx 14H14 13
14 Retenção
13 (espessura) 13 (espessura) 14 H8 doPino
10H8 10
R10
Ø10 h9 23

Ø7
13 Ø 38 13
min min 32 5
L6 máx 45 22
20° 10°
Flange para Montagem “C”
Montagem Suporte tipo “C” SF33 = flange + 4 parafusos M6x20, DIN 912
C33 - fornecido já montado no amortecedor. Utilize uma
parada mecânica externa antes dos finais dos cursos para não
causar dano ao amortecedor.

Dimensões
* Curso A máx B máx L1 min L1 máx L2 L3 L5 máx L6 máx
Modelo mm
MC, MA, ML3325M 25 138 23 25 60 83 68 39 168
MC, MA, ML3350M 50 189 48.5 32 86 108 93 64 218
* Curso nominal (Sem colar de Regulagem)

Tabela de Capacidade MC33


Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
por Hora W4 Suave Duro
Modelo ** por Ciclo Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
Auto-Compensado W3 Reserv. Com reserv. Com -0 -1 -2 -3 -4 Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno de ar/óleo recirculação min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
de óleo kg kg kg kg kg N N s Lateral
MC3325M 155 75 000 124 000 169 000 3 - 11 9 - 40 30 - 120 100 - 420 350 - 1 420 45 90 0.03 4° 0.45
MC3350M 310 85 000 135 000 180 000 5 - 22 18 - 70 60 - 250 210 - 840 710 - 2 830 45 135 0.06 3° 0.54

Tabela de Capacidade MA/ML33


Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
Modelo W3 por Hora W4 Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
Ajustável ** por Ciclo Reserv. Com reserv. Com Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno de ar/óleo recirculação min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
de óleo kg N N s Lateral
MA3325M 170 75 000 124 000 169 000 9 - 1 700 45 90 0.03 4° 0.45
ML3325M 170 75 000 124 000 169 000 300 - 50 000 45 90 0.03 4° 0.45
MA3350M 340 85 000 135 000 180 000 13 - 2 500 45 135 0.06 3° 0.54
ML3350M 340 85 000 135 000 180 000 500 - 80 000 45 135 0.06 3° 0.66
*Os limites da faixa de peso efetivo podem ser aumentados ou reduzidos para pedido especial.
**Para aplicações apenas de uso de emergência, é possivel exceder os valores nominais acima. Consultar a OBR para maiores detalhes.
​Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML33
Acessórios

NM33 PP33 QF33


Ø 6.6

Ø 39.6 Ø 29.2
Rasgo Lateral

A max 13.2
Para Trava
13
32
44
6.5

Porca Trava Elastômero Montado no Top Flange com Trava


Espessura 12.7 mm

BV3325 BV3350 QF45


máx. máx. Ø9
Curso M45x1.5 25° Curso M45x1.5 25°
M33x1.5 23 M33x1.5
48.5

Rasgo Lateral
Ø 30 Ø 30 Para Trava

42
48 75 56
29 53.5
100 128
Flange com Trava
Adaptador de Carga Lateral Adaptador de Carga Lateral
Espessura 15 mm

PB3325 PB3350
A máx 148 A máx 198

Ø 15 Ø 15
Ø 35 Ø 36

25 50
37 61.5
Curso Curso
Protetor para Haste Protetor para Haste

Exemplo de Pedido MC 33 25 - 1 C MA - Amortecedor de Regulagem


MC - Amortecedor sem regulagem (auto-compensado)
Tipo
ML - Amortecedor para baixa velocidade ( até 0,45 m/s)
Modelo
Curso Modelos especiais:
Rosca
Com reservatório externo - retorno ar/óleo
(- polegada, M métrica)
Peso Efetivo MCA, MAA, MLA
Tipo de Montagem
Com reservatório externo - retorno com mola
MCS, MAS, MLS
Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML45
Auto-Compensado e Ajustável

14 Colar de Regulagem (somente MA e ML)


Ø 55.6 Batente Incorporado

Regulagem Traseira
M45x1.5 Ø 35
(somente MA e ML)

9.5
L2 Ø 42 B máx
A máx
Rosca UNF 1 3/4-12 também disponível mediante pedido (omitir sufixo -M no código da peça)

S45
80
16

56
28

25 Ø9
L1 máx
min L3 60 Dimensões
12.5
Curso L1 min. L1 máx. L3
Montagem Suporte tipo “S” 25 32 66 66
S45 = 2 flanges + 4 parafusos M8x50, DIN 912 50 40 92 91
Devido à flange possuir rosca, recomendamos a furação da segunda flange 75 50 118 116
após a primeira flange já ter sido fixada para evitar erros na montagem.

C45 SF45
45
28 L5 max 21H14 15
20 20 (espessura) 18 Retenção
20 (espessura)
16H8 16H8 doPino
R14
Ø16 h9 29

Ø 53 Ø9
20 17
min L6 máx min 46 6
15° 15° 65 27

Montagem Suporte tipo “C” Flange para Montagem “C”


C45 - fornecido já montado no amortecedor. Utilize uma parada SF45 = flange + 4 parafusos M8x20, DIN 912
mecânica externa antes dos finais dos cursos para não causar dano ao
amortecedor.

Dimensões
Modelo * Curso A máx B máx L1 min L1 máx L2 L3 L5 máx L6 máx
mm
MC, MA, ML4525M 25 145 23 32 66 95 66 43 200
MC, MA, ML4550M 50 195 48.5 40 92 120 91 68 250
MC, MA4575M 75 246 74 50 118 145 116 93 301
* Curso nominal (Sem colar de Regulagem)

Tabela de Capacidade MC45


Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
por Hora W4
Suave Duro
Modelo W3 Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
Auto-Compensado ** por Ciclo Reserv. Com Com Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno reserv. de recircu- -0 -1 -2 -3 -4 Min. Máx. da Haste de Carga
ar/óleo lação de min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. N N s Lateral
óleo kg kg kg kg kg
MC4525M 340 107 000 158 000 192 000 7 - 27 20 - 90 80 - 310 260 - 1 050 890 - 3 540 70 100 0.03 4° 1.13
MC4550M 680 112 000 192 000 248 000 13 - 54 45 - 180 150 - 620 520 - 2 090 1 800 - 7 100 70 145 0.08 3° 1.36
MC4575M 1020 146 000 22 5000 282 000 20 - 80 70 - 270 230 - 930 790 - 3 140 2 650 - 10 600 50 180 0.11 2° 1.59

Tabela de Capacidade MA/ML45


Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
Modelo W3 por Hora W4 Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
Ajustável ** por Ciclo Reserv. Com reserv. Com Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno de ar/óleo recirculação min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
de óleo kg N N s Lateral
MA4525M 390 107 000 158 000 192 000 40 - 10 000 70 100 0.03 4° 1.14
ML4525M 390 107 000 158 000 192 000 3 000 - 110 000 70 100 0.03 4° 1.13
MA4550M 780 112 000 192 000 248 000 70 - 14 500 70 145 0.08 3° 1.36
ML4550M 780 112 000 192 000 248 000 5 000 - 180 000 70 145 0.08 3° 1.36
MA4575M 1 170 146 000 225 000 282 000 70 - 15 000 50 180 0.11 2° 1.59
*Os limites da faixa de peso efetivo podem ser aumentados ou reduzidos para pedido especial.
**Para aplicações apenas de uso de emergência, é possivel exceder os valores nominais acima. Consultar a OBR para maiores detalhes.
Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML45
Acessórios

NM45 PP45 QF45


Ø9

Ø 55.6 Ø 42
Rasgo Lateral
Para Trava
15
A máx 19.4 42
56
9.5

Porca Trava Elastômero Montado no Top Flange com Trava


Espessura 15 mm

BV4525 BV4550 QF64


máx. máx.
M64x2 20° M64x2 20° Ø 11
Curso Curso
M45x1.5 23 M45x1.5 48.5

Ø 40 Ø 40 Rasgo Lateral
Para Trava

52 80 58
29 54.5 80
100 130
Flange com Trava
Adaptador de Carga Lateral Adaptador de Carga Lateral
Espessura 15 mm

PB4525 PB4550
A máx 154 A máx 204.5

Ø 20 Ø 20
Ø 48 Ø 48

25 50
37 62.5
Curso Curso
Protetor para Haste Protetor para Haste

Exemplo de Pedido MC 45 25 - 1 C MA - Amortecedor de Regulagem


MC - Amortecedor sem regulagem (auto-compensado)
Tipo
ML - Amortecedor para baixa velocidade ( até 0,45 m/s)
Modelo
Curso Modelos especiais:
Rosca
Com reservatório externo - retorno ar/óleo
(- polegada, M métrica)
Peso Efetivo MCA, MAA, MLA
Tipo de Montagem
Com reservatório externo - retorno com mola
MCS, MAS, MLS
Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML64
Auto-Compensado e Ajustável

16 ​ Colar de Regulagem (somente MA e ML)


Ø 76 Batente Incorporado

Regulagem Traseira
M64x2 Ø 48
(somente MA e ML)

9.5
L2 Ø 60 B máx
A máx
Rosca UNF 2 1/2-12 também disponível mediante pedido (omitir sufixo -M no código da peça)
Nota: Modelo de curso de 150mm não inclui colar de regulagem
S64
100
12

80
40

25 Ø 11.5 Dimensões
L1 max
min L3 78 Curso L1 min. L1 máx. L3
12.5
25 40 86 75
Montagem Suporte tipo “S” 50 50 112 100
S64 = 2 flanges + 4 parafusos M10x80, DIN 912 100 64 162 152
Devido à flange possuir rosca, recomendamos a furação da segunda flange 150 80 212 226
após a primeira flange já ter sido fixada para evitar erros na montagem.

C64 SF64
65
35 L5 max 25H14 22
25 24 (espessura) 35 Retenção
24 (espessura)
20H8 20H8 doPino
R20
Ø 20h9 45
1
Ø 74 Ø 50 Ø11
30 30
min L6 máx min 72 10
20° 10° 95 36
Montagem Suporte tipo “C” Flange para Montagem “C”
C64 - fornecido já montado no amortecedor. Utilize uma parada SF64 = flange + 4 parafusos M10x20, DIN 912
mecânica externa antes dos finais dos cursos para não causar dano ao
amortecedor.

Dimensões
Modelo * Curso A máx B máx L1 min L1 máx L2 L3 L5 máx L6 máx
mm
ML6425M 25 174 23 40 86 114 75.5 60 260
MC, MA, ML6450M 50 225 48.5 50 112 140 100 85 310
MC, MA64100M 100 326 99.5 64 162 191 152 136 410
MC, MA64150M 150 450 150 80 212 241 226 187 530
* Curso nominal (Sem colar de Regulagem)
Tabela de Capacidade MC64
Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
por Hora W4 Soft Hard
Modelo W3 Força Força Tempo * Máx. Peso
Auto-Compensado ** por Ciclo Reserv. Com reserv. Com de de de Re- Ângulo kg
Interno de ar/óleo recircu- -0 -1 -2 -3 -4 Retorno Retorno torno da de Carga
lação demin. máx. min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. Min. Máx. Haste Lateral
óleo kg kg kg kg kg N N s
MC6450M 1 700 146 000 293 000 384 000 35 - 140 140 - 540 460 - 1 850 1 600 - 6 300 5 300 - 21 200 90 155 0.12 4° 2.9
MC64100M 3 400 192 000 384 000 497 000 70 - 280 270 - 1 100 930 - 3 700 3 150 - 12 600 10 600 - 42 500 105 270 0.34 3° 3.7
MC64150M 5 100 248 000 497 000 644 000 100 - 460 410 - 1 640 1 390 - 5 600 4 700 - 18 800 16 000 - 63 700 75 365 0.48 2° 5.1

Tabela de Capacidade MA/ML64


Máx. Energia de Capacidade Nm * Peso Efetivo me
Modelo W3 por Hora W4 Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
Ajustável ** por Ciclo Reserv. Com reserv. Com Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno de ar/óleo recirculação min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
de óleo kg N N s Lateral
ML6425M 1 020 124 000 248 000 332 000 7 000 - 300 000 120 155 0.06 5° 2.5
MA6450M 2 040 146 000 293 000 384 000 220 - 50 000 90 155 0.12 4° 2.9
ML6450M 2 040 146 000 293 000 384 000 11 000 - 500 000 90 155 0.12 4° 2.9
MA64100M 4 080 192 000 384 000 497 000 270 - 52 000 105 270 0.34 3° 3.7
MA64150M 6 120 248 000 497 000 644 000 330 - 80 000 75 365 0.48 2° 5.1
*Os limites da faixa de peso efetivo podem ser aumentados ou reduzidos para pedido especial.
**Para aplicações apenas de uso de emergência, é possivel exceder os valores nominais acima. Consultar a OBR para maiores detalhes.
Amortecedores Série Magnum MC/MA/ML64
Acessórios

NM64 PP64 QF64


Ø 11

Ø 76 Ø 60
Rasgo Lateral
Para Trava
A máx 19.1 17
9.5 58
80
Porca Trava Elastômero Montado no Top Flange com Trava
Espessura 15 mm

BV6425 BV6450 QF90


máx. máx.
Curso M90x2 20° Curso M90x2 20° Ø 11
M64x2 23 M64x2
48.5

Ø 56 Ø 56 Rasgo Lateral
Para Trava

100 100 80
30 55 110
170 170
Adaptador de Carga Lateral Adaptador de Carga Lateral Flange com Trava
Espessura 15 mm

PB6425 PB6450
A máx 184.5 A máx 236

Ø 30 Ø 30
Ø 67 Ø 67

25 50
40 69
Curso Curso

Protetor para Haste Protetor para Haste

Exemplo de Pedido MC 64 50 - 1 C MA - Amortecedor de Regulagem


MC - Amortecedor sem regulagem (auto-compensado)
Tipo
ML - Amortecedor para baixa velocidade ( até 0,45 m/s)
Modelo
Curso Modelos especiais:
Rosca
Com reservatório externo - retorno ar/óleo
(- polegada, M métrica)
Peso Efetivo MCA, MAA, MLA
Tipo de Montagem
Com reservatório externo - retorno com mola
MCS, MAS, MLS
Amortecedores de Impacto MC33-HT a 64-HT
Para ambientes de Alta Temperatura e/ou elevados ciclos de trabalho

18
Batente Incorporado

M d2

L2 d1 B máx
A máx

Exemplo de Pedido MC 33 50 ― 2 HT Detalhes Requeridos para Fazer o Pedido


Tipo Carga a ser desacelerada m (kg)
Modelo Velocidade de impacto v (m/s)
Curso Força de propulsão F (N)
Rosca Polegada (Acrescentando 'M' - Rosca Métrica) Ciclos de operação por hora c (/hr)
Código da graduação do peso efetivo versão Número de amortecedores em paralelo n
para uso em alta temperatura 'HT' Temperatura ambiente °C
Versão para Uso em Alta Temperatura

Tabela de Dimensões e Capacidades


Capacidade de Energia Máx.
Nm/h

Modelo * Curso A máx B d1 d2 L2 M W3 W4 a 20 °C W4 a 100 °C Ângulo máx. Peso


mm máx. Nm máx. Nm máx. Nm de Carga kg
Lateral
°
MC3325M-HT 25 138 23 30 25 83 M33x1.5 155 215 000 82 000 4° 0.45
MC3350M-HT 50 189 48.5 30 25 108 M33x1.5 310 244 000 93 000 3° 0.54
MC4525M-HT 25 145 23 42 35 95 M45x1.5 340 307 000 117 000 4° 1.13
MC4550M-HT 50 195 48.5 42 35 120 M45x1.5 680 321 000 122 000 3° 1.36
MC6450M-HT 50 225 48.5 60 48 140 M64x2 1 700 419 000 159 000 4° 2.9
MC64100M-HT 100 326 99.5 60 48 191 M64x2 3 400 550 000 200 000 3° 3.7
*Curso Nominal (sem o colar de regulagem)
Para correto dimensionamento, os cálculos e a seleção do amortecedor de impacto devem ser realizados ou verificados pela OBR.
Modelos ajustáveis também estão diponíveis sob encomenda.

Especificações Técnicas

Faixa de velocidade de impacto: 0,15 a 5m/s, até 20 m/s sob encomenda.


Tipo de Óleo: óleo sintético especial de temperatura estável.
Materiais: Corpo externo do amortecedor e acessórios: Aço com acabamento em óxido negro. Haste: aço
temperado e cromado de elevada resistência. Top da haste: aço temperado com acabamento em óxido negro.
Mola de retorno zincado brilhante. Para melhor dissipação térmica, não pintar o amortecedor.
Montagem: em qualquer posição.
Faixa de temperatura de operação: -20°C a 150°C
Capacidade nominal: para aplicações apenas de uso de emergência, pode exceder os valores nominais de
capacidade em relação à tabela (consultar a OBR para mais detalhes). Os valores nominais de W4 especifica-
dos, podem ser aumentados usando um Tanque de Ar/Óleo, sendo nosso modelo prefixo MCA (Consultar a
OBR para mais informações).
Sob encomenda: Acabamentos especiais para maior proteção contra corrosão.
Amortecedores Série Pesada A1½
Ajustável

Flange Traseira - R Flange Dianteira - F

76 76
Ø 13 Ø 13
19 102 102
L1
Curso
19
L2 Curso
19

Montagem Articulação tipo “C” Montagem Suporte tipo “S”


102

Ø 13
31.8 15.9 38
51
18
Ø 19.1 16 140
Ø 19.1 L4 Curso 165
19 L5 min
máx 16 L3

OBS.: Recomenda-se a instalação de um top mecânico da 2,5 a 3 mm antes do final do curso.

Exemplo de Pedido A 1½ x 2 R Opções de Uso


Ajustável A =R  eservatório interno e com mola de retorno
Diâmetro do êmbolo Ø 1½" AA = R
 eservatório externo com retorno ar/óleo
Curso 2" = 50 mm SA = Reservatório externo e com mola de retorno
Montagem com Flange Traseira
NA = R
 eservatório interno sem mola de retorno com monta-
gem tipo “C”

Dimensões
Modelo Curso L1 L2 L3 L4 L5
mm
A1½x2 50 195.2 54.2 ​– ​​– 277.8 - 328.6
A1½x3½ 89 233 54.2 170 58.6 316.6 - 405.6
A1½x5 127 271.5 54.2 208 58.6 354.8 - 481.8
A1½x6½ 165 329 73 246 78 412 - 577

Tabela de Capacidade
Capacidade de Energia Máx. em Nm * Peso Efetivo me
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora me min. me máx. Força de Força de Tempo de * Máx. Ângulo Peso
por Ciclo Reservatório Com Res- kg kg Retorno Min. Retorno Máx. Retorno da de Carga kg
Interno ervatório de Ar/ N N Haste Lateral
Óleo s
A1½x2 2 350 362 000 452 000 195 32 000 160 210 0.1 5° 7.55
A1½x3½ 4 150 633 000 791 000 218 36 000 110 210 0.25 4° 8.9
A1½x5 5 900 904 000 1 130 000 227 41 000 90 230 0.4 3° 9.35
A1½x6½ 7 700 1 180 000 1 469 000 308 45 000 90 430 0.4 2° 11.95
*Para efetivo Standard. Favor consultar a OBR se a sua aplicação for diferente dos valores acima.
** Para aplicações do tipo Uso Somente Para Emergência pode ser possível aumentar valores de capacidade máxima. Para maiores detalhes favor consultar a OBR.
Amortecedores Série Pesada CA2 e A2
Auto-Compensado e Ajustável

20 Flange Traseira - R Flange Dianteira - F


Ø 35 Ø 17 Ø 17

E M100x2

Curso Ø 108 (118)


19 19 B máx 111 19 19 B max 111
A máx 140 A max 140

Ajuste – Somente modelo A2 Dimensões em () somente para modelo A2 Ajuste - Somente modelo A2

Montagem por Pés - SM

60

36 60
Ø 18
32 15
15 C D máx 160
190

Ajuste - Somente modelo A2

Dimensões para Montagens Articulação tipo “C” sob solicitação

Exemplo de Pedido CA 2 x 4 - 3 F Opções de Uso


Auto-Compensado A, CA = R  eservatório interno e com mola de retorno
Diâmetro do êmbolo 2“ AA, CAA = R
 eservatório externo com retorno ar/óleo
Curso 4“ = 102mm SA, CSA = Reservatório externo e com mola de retorno
Graduação de Peso Efetivo
Montagem com Flange Frontal NA, CNA = R
 eservatório interno sem mola de retorno com
montagem tipo “C”

Dimensões
Modelo Curso A max B max C D max E
mm
2x2 50 313 110 173 125 70
2x4 102 414 160 224 175 70
2x6 152 516 211 275 226 70
2x8 203 643 287 326 302 92
2x10 254 745 338 377 353 108

Tabela de Capacidade CA2


Capacidade de Energia Máx.
* Peso Efetivo me
em Nm
Suave Duro
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
por Ciclo Reservatório Com Res- -1 -2 -3 -4 Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno ervatório de min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
Ar/Óleo kg kg kg kg N N s Lateral
CA2x2 3 600 1 100 000 1 350 000 700 - 2 200 1 800 - 5 400 4 500 - 13 600 11 300 - 34 000 210 285 0.25 3° 12.8
CA2x4 7 200 1 350 000 1 700 000 1 400 - 4 400 3 600 - 11 000 9 100 - 27 200 22 600 - 68 000 150 285 0.5 3° 14.8
CA2x6 10 800 1 600 000 2 000 000 2 200 - 6 500 5 400 - 16 300 13 600 - 40 800 34 000 - 102 000 150 400 0.6 3° 16.9
CA2x8 14 500 1 900 000 2 400 000 2 900 - 8 700 7 200 - 21 700 18 100 - 54 400 45 300 - 136 000 230 650 0.7 3° 19.3
CA2x10 18 000 2 200 000 2 700 000 3 600 - 11 000 9 100 - 27 200 22 600 - 68 000 56 600 - 170 000 160 460 0.80 3° 22.8

Tabela de Capacidade A2
Capacidade de Energia Máx. em Nm * Peso Efetivo me
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora me min. me máx. Força de Força de Tempo de * Máx. Ângulo Peso
por Ciclo Reservatório Interno Com Reservatório de kg kg Retorno Min. Retorno Máx. Retorno da de Carga kg
Ar/Óleo N N Haste Lateral
s
A2x2 3 600 1 100 000 1 350 000 250 77 000 210 285 0.25 3° 14.3
A2x4 9 000 1 350 000 1 700 000 250 82 000 150 285 0.5 3° 16.7
A2x6 13 500 1 600 000 2 000 000 260 86 000 150 400 0.6 3° 19.3
A2x8 19 200 1 900 000 2 400 000 260 90 000 230 650 0.7 3° 22.3
A2x10 23 700 2 200 000 2 700 000 320 113 000 160 460 0.8 3° 26.3
*Para efetivo Standard. Favor consultar a OBR se a sua aplicação for diferente dos valores acima.
** Para aplicações do tipo Uso Somente Para Emergência pode ser possível aumentar valores de capacidade máxima. Para maiores detalhes favor consultar a OBR.
Amortecedores Série Pesada CA3 e A3
Auto-Compensado e Ajustável

Flange Traseira - R Flange Dianteira - F


Ø 45 Ø 17 Ø 17

112 124 M130x2 124


152 152
curso
25
A máx
25 B máx 136.5 25
Ø 140 (155)
25 B máx 136.5 21
165 A máx 165

Ajuste - Somente Modelo A3 Dimensões em ( ) somente para modelo A3 Ajuste - Somente Modelo A3

Montagem por Pés - SM

80

44 80
45 19 Ø 17
23 216
C D máx 254

Ajuste - Somente Modelo A3


Dimensões para Montagens Articulação tipo “C” sob solicitação

Exemplo de Pedido A 3 x 8 R Opções de Uso


Ajustável A, CA = R  eservatório interno e com mola de retorno
Diâmetro do êmbolo 3“ AA, CAA = R
 eservatório externo com retorno ar/óleo
Curso 8“ = 203mm SA, CSA = Reservatório externo e com mola de retorno
Montagem com Flange Traseira
NA, CNA = R
 eservatório interno sem mola de retorno com
montagem tipo “C”

Dimensões
Modelo Curso A max B max C D max
mm
3x5 127 490,5 211 254 224
3x8 203 641 286 330 300
3x12 305 890 434 432 447

Tabela de Capacidade CA3


Capacidade de Energia Máx.
* Peso Efetivo me
em Nm
Suave Duro
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora Força de Força de Tempo de * Máx. Peso
por Ciclo Reservatório Com Res- -1 -2 -3 -4 Retorno Retorno Retorno Ângulo kg
Interno ervatório de min. máx. min. máx. min. máx. min. máx. Min. Máx. da Haste de Carga
Ar/Óleo kg kg kg kg N N s Lateral
CA3x5 14 125 2 260 000 2 800 000 2 900 - 8 700 7 250 - 21 700 18 100 - 54 350 45 300 - 135 900 270 710 0.6 3° 28.9
CA3x8 22 600 3 600 000 4 520 000 4 650 - 13 900 11 600 - 34 800 29 000 - 87 000 72 500 - 217 000 280 740 0.8 3° 33.4
CA3x12 33 900 5 400 000 6 780 000 6 950 - 20 900 17 400 - 52 200 43 500 - 130 450 108 700 - 326 000 270 730 1.2 3° 40.6

Tabela de Capacidade A3
Capacidade de Energia Máx. em Nm * Peso Efetivo me
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora me min. me máx. Força de Força de Tempo de * Máx. Ângulo Peso
por Ciclo Reservatório Interno Com Reservatório de kg kg Retorno Min. Retorno Máx. Retorno da de Carga kg
Ar/Óleo N N Haste Lateral
s
A3x5 15 800 2 260 000 2 800 000 480 154 000 270 710 0.6 3° 35.5
A3x8 28 200 3 600 000 4 520 000 540 181 500 280 740 0.8 3° 39.6
A3x12 44 000 5 400 000 6 780 000 610 204 000 270 730 1.2 3° 35.5
*Para efetivo Standard. Favor consultar a OBR se a sua aplicação for diferente dos valores acima.
** Para aplicações do tipo Uso Somente Para Emergência pode ser possível aumentar valores de capacidade máxima. Para maiores detalhes favor consultar a OBR.
Amortecedores Série Pesada CA4
Auto-Compensado

22 Flange Traseira - R Flange Dianteira - F


Ø 54 (63.5)

Ø 114 (127)

Curso Ø 27 Ø 27
38 Ø 190 B max 203 38 D máx
A max C máx 203
254 254
Dimensões em ( ) somente para modelo CA4x16

Montagem Primária Montagem Suporte tipo “S”


FRP com 6 roscas 5/18” - 18UNF
102
1-1/2"-11 NPT
10 6 x 60°
Rosca Ø 27
Ø 16 5/8"-18 UNF
114
22 70
20 B máx 159 165
C máx 22 E F max 204

Dimensões para Montagens Articulação tipo “C” sob solicitação

Exemplo de Pedido CA 4 x 8 - 5 R Opções de Uso


Auto-Compensado A, CA = R  eservatório interno e com mola de retorno
Diâmetro do êmbolo 4“ AA, CAA = R
 eservatório externo com retorno ar/óleo
Curso 8“ = 203mm SA, CSA = Reservatório externo e com mola de retorno
Graduação de Peso Efetivo
Montagem com Flange Traseira NA, CNA = R
 eservatório interno sem mola de retorno com
montagem tipo “C”

Dimensões CA/CNA/CSA
Modelo Curso A B C D E F
mm
4x6 152 716 278 678 240 444 256
4x8 203 818 329 780 291 495 307
4x16 406 1 300 608.5 1 262.6 569 698 585

Tabela de Capacidade CA4


Capacidade de Energia Máx. em Nm * Peso Efetivo me
Suave Duro
Modelo ** W3 W4 por hora W4 por hora W4 por hora Força de Força de Tempo de Peso
por Ciclo Res- Com Res- Recirculação -3 -5 -7 Retorno Retorno Retorno da kg
ervatório ervatório de de óleo min. máx. min. máx. min. máx. Min. Máx. Haste
Interno Ar/Óleo kg kg kg N N s
CA4x6 47 500 3 000 000 5 100 000 6 600 000 3 500 - 8 600 8 600 - 18 600 18 600 - 42 700 480 1 000 1.8 60
CA4x8 63 300 3 400 000 5 600 000 7 300 000 5 000 - 11 400 11 400 - 25 000 25 000 - 57 000 310 1 000 2.3 68
CA4x16 126 500 5 600 000 9 600 000 12 400 000 10 000 - 23 000 23 000 - 50 000 50 000 - 115 000 310 1 000 Solicite 146
*Para efetivo Standard. Favor consultar a OBR se a sua aplicação for diferente dos valores acima.
** Para aplicações do tipo Uso Somente Para Emergência pode ser possível aumentar valores de capacidade máxima. Para maiores detalhes favor consultar a OBR.
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais SCS 38

Flange Traseira -R ​ Flange Frontal -F ​


Ø 18 Ø 18
19 Ø 108 19 19 19
M100x2 Ø 35 Ø 51

120
160
B
A max
Stroke
15
120
160
B
A max
Stroke
15
23

Montagem Tipo Suporte “S”


Ø18 32 32
60
60 36 15
15 Stroke
160 D E max
190 A max

Exemplo de Pedido SCS38-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Velocidade de Impacto: 0.9 a 4.6 m/s para aprovação e atribuição de número de identificação.
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 80 kN max. Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de
Energia Máx.
Tipo de Montagem Tipo de Montagem
Modelo Curso A máx B D E máx Nm Por ciclo Força de Força de F&S R F&R S
mm W3 Nm Retorno Retorno Ângulo Ângulo Peso Peso
Min. Máx. máximo de máximo de kg kg
N N carga Lateral carga Lateral
SCS38-50 50 270 205 175 80 3 600 600 700 5° 4° 12 13
SCS38-100 100 370 255 225 132 7 200 600 700 5° 4° 14 15
SCS38-150 150 470 305 275 180 10 800 600 700 5° 4° 16 17
SCS38-200 200 570 355 325 230 14 400 600 700 5° 4° 18 19
SCS38-250 250 670 405 375 280 18 000 600 700 4.7° 3.7° 20 21
SCS38-300 300 785 470 440 330 21 600 600 700 3.9° 2.9° 22 23
SCS38-350 350 885 520 490 380 25 200 600 700 3.4° 2.4° 24 25
SCS38-400 400 1 000 585 555 430 28 800 600 700 3° 2° 26 27
SCS38-500 500 1 215 700 670 530 36 000 600 700 2.4° 1.4° 30 31
SCS38-600 600 1 430 815 785 630 43 200 600 700 1.9° 0.9° 34 35
SCS38-700 700 1 645 930 900 730 50 400 600 700 1.6° 0.6° 38 39
SCS38-800 800 1 860 1 045 1 015 830 57 600 600 700 1.3° 0.3° 43 44
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais SCS 50

24 Flange Traseira -R ​ Flange Frontal -F ​


Ø 18 Ø 18
19 Ø 130 19 19 19
M120x2 Ø 45 Ø 70

20 20
140 B Curso 140 B Curso
180 A máx 180 A máx

Montagem Tipo Suporte “S”


Ø 22 35 35
72
72 40 20
17.5 Curso
190 D E máx
225 A máx

Exemplo de Pedido SCS50-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Velocidade de Impacto: 0.6 a 4.6 m/s para aprovação e atribuição de número de identificação.
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 160 kN max. Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de
Energia Máx.
Tipo de Montagem Tipo de Montagem
Modelo Curso A máx B D E máx Nm Por ciclo Força de Força de F&S R F&R S
mm W3 Nm Retorno Retorno Ângulo Ângulo Peso Peso
Min. Máx. máximo de máximo de kg kg
N N carga Lateral carga Lateral
SCS50-100 100 390 270 235 138 14 000 1 000 1 200 5° 4° 22 23
SCS50-150 150 490 320 285 188 21 000 1 000 1 200 5° 4° 25 26
SCS50-200 200 590 370 335 238 28 000 1 000 1 200 5° 4° 27 28
SCS50-250 250 690 420 385 288 35 000 1 000 1 200 4.5° 3.5° 30 31
SCS50-300 300 805 485 450 338 42 000 1 000 1 200 3.8° 2.8° 33 34
SCS50-350 350 905 535 500 388 49 000 1 000 1 200 3.3° 2.3° 35 37
SCS50-400 400 1 020 600 565 438 56 000 1 000 1 200 2.9° 1.9° 38 40
SCS50-500 500 1 235 715 680 538 70 000 1 000 1 200 2.3° 1.3° 44 45
SCS50-600 600 1 450 830 795 638 84 000 1 000 1 200 1.9° 0.9° 50 51
SCS50-700 700 1 665 945 910 738 98 000 1 000 1 200 1.6° 0.6° 55 57
SCS50-800 800 1 880 1 060 1 025 838 112 000 1 000 1 200 1.3° 0.3° 61 63
SCS50-1000 1 000 2 310 1 290 1 255 1 038 140 000 1 000 1 200 1° 0° 72 74
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais SCS 63

Flange Traseira -R ​ Flange Frontal -F ​


Ø 18 Ø 18
25 Ø 140 25 25 25
M130x2 Ø 54 Ø 83

160
200
B
A máx
Curso
20
160
200
B
A máx
Curso
20
25

Montagem Tipo Suporte “S”


Ø 27 45 45
80
80 44 20
22.5 Curso
210 D E máx
254 A máx

Exemplo de Pedido SCS63-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Velocidade de Impacto: 0.5 a 4.6 m/s para aprovação e atribuição de número de identificação.
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 210 kN max. Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de
Energia Máx.
Tipo de Montagem Tipo de Montagem
Modelo Curso A máx B D E máx Nm Por ciclo Força de Força de F&S R F&R S
mm W3 Nm Retorno Retorno Ângulo Ângulo Peso Peso
Min. Máx. máximo de máximo de kg kg
N N carga Lateral carga Lateral
SCS63-100 100 405 285 240 143 18 000 1 500 2 500 5° 4° 29 32
SCS63-150 150 505 335 290 193 27 000 1 500 2 500 5° 4° 32 35
SCS63-200 200 605 385 340 243 36 000 1 500 2 500 5° 4° 36.2 38
SCS63-250 250 705 435 390 293 45 000 1 500 2 500 5° 4° 38 42
SCS63-300 300 805 485 440 343 54 000 1 500 2 500 5° 4° 41 45
SCS63-350 350 925 555 510 393 63 000 1 500 2 500 5° 4° 45 49
SCS63-400 400 1 025 605 560 443 72 000 1 500 2 500 5° 4° 48 52
SCS63-500 500 1 245 725 680 543 90 000 1 500 2 500 4.2° 3.2° 55 60
SCS63-600 600 1 445 825 780 643 108 000 1 500 2 500 3.4° 2.4° 62 66
SCS63-700 700 1 665 945 900 746 126 000 1 500 2 500 2.9° 1.9° 69 73
SCS63-800 800 1 865 1 045 1 000 843 144 000 1 500 2 500 2.5° 1.5° 75 79
SCS63-1000 1 000 2 285 1 265 1 220 1 043 180 000 1 500 2 500 1.9° 0.9° 89 93
SCS63-1200 1 200 2 705 1 485 1 440 1 243 216 000 1 500 2 500 1.4° 0.4° 102 106
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais CB 63
Para Ponte Rolante

26 Flange Frontal -F ​ Flange Traseira -R ​

Ø 165 Ø 165
M90x2 Ø 95 Ø 80 Ø 95 Ø 60 Ø 95

19 19 Curso 32
41 C Ø 18 B Curso Ø 18
A máx Ø 135 A máx Ø 135

Exemplo de Pedido CB63-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 187 kN max. para aprovação e atribuição de número de identificação.
Retorno da Haste: Nitrogênio pressurizado (5.6 bar a 5.9 bar) Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de Energia
* Peso Efetivo me
Máx.
Modelo Curso A máx B C Nm Por ciclo me min. me máx. Força de Força de * Máx. Ângulo Peso
mm W3 kg kg Retorno Min. Retorno Máx. de Carga kg
N N Lateral
CB63-100 100 420 288 192 16 000 1 510 128 000 1 700 18 500 3.5 12.7
CB63-200 200 700 468 292 32 000 3 020 256 000 1 700 24 000 3 16.7
CB63-300 300 980 648 392 48 000 4 540 384 000 1 700 27 000 2.5 20.8
CB63-400 400 1 260 828 492 64 000 6 050 512 000 1 700 29 000 2 24.8
CB63-500 500 1 540 1 008 592 80 000 7 560 640 000 1 700 30 000 1.5 28.8
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais CB 100
Para Ponte Rolante

Flange Frontal -F ​ Flange Traseira -R ​

M130x2 Ø 255 Ø 255


Ø 140 Ø 120 Ø 140 Ø 98 Ø 140

27
25 25 Curso 40
56 C Ø 23 B Curso Ø 23
A máx Ø 210 A máx Ø 210

Exemplo de Pedido CB100-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 467 kN max. para aprovação e atribuição de número de identificação.
Retorno da Haste: Nitrogênio pressurizado (5.6 bar a 5.9 bar) Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de Energia
* Peso Efetivo me
Máx.
Modelo Curso A máx B C Nm Por ciclo me min. me máx. Força de Força de * Máx. Ângulo Peso
mm W3 kg kg Retorno Min. Retorno Máx. de Carga kg
N N Lateral
CB100-200 200 735 495 320 80 000 7 560 640 000 4 500 44 000 4° 42.5
CB100-300 300 1 005 665 420 120 000 11 340 960 000 4 500 56 000 3.5° 50.8
CB100-400 400 1 275 835 520 160 000 15 120 1 280 000 4 500 65 000 3° 59.1
CB100-500 500 1 545 1 005 620 200 000 18 900 1 600 000 4 500 71 000 2.5° 67.5
CB100-600 600 1 815 1 175 720 240 000 22 680 1 920 000 4 500 76 000 2° 75.8
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais CB 160
Para Ponte Rolante

28 Flange Frontal -F ​ Flange Traseira -R ​

Ø 350 Ø 350
M210x2
Ø 230 Ø 178 Ø 230 Ø 152 Ø 230

38 38 Curso 60
103 C Ø 27 6x60° B Curso Ø 27 6x60°
A máx Ø 295 A máx Ø 295

Exemplo de Pedido CB160-400-F-X Detalhes necessários ao requisitar


Modelo Carga em movimento m (kg)
Diâmetro do êmbolo(mm) Velocidade de impacto v (m/s)máx.
Curso (mm) Potência do motor P (kW)
Tipo de Montagem Fator torque do motor ST (normal 2.5)
Nº de identificação (definido pela OBR) Número de amortecedores em paralelo n
Informe o nº de identificação em caso de pedido para reposição
Para dimensionamento, consultar as fórmulas e cálculos nas páginas
4 a 6.

Dados Técnicos O cálculo e a seleção do amortecedor de segurança ACE


correto para sua aplicação, deve ser encaminhado para OBR
Força de Reação Q: Na máxima capacidade = 700 kN max. para aprovação e atribuição de número de identificação.
Retorno da Haste: Nitrogênio pressurizado (5.6 bar a 5.9 bar) Cada aplicação receberá um número único. Qualquer
variação nos dados da aplicação, será necessário um novo
dimensionamento e um novo número de aplicação será
fornecido.

Dimensões e Tabela de Capacidade


Capacidade de Energia
* Peso Efetivo me
Máx.
Modelo Curso A máx B C Nm Por ciclo me min. me máx. Força de Força de * Máx. Ângulo Peso
mm W3 kg kg Retorno Min. Retorno Máx. de Carga kg
N N Lateral
CB160-400 400 1 400 940 600 240 000 22 700 1 920 000 11 000 71 000 4° 154.6
CB160-600 600 2 000 1 340 800 360 000 34 000 2 880 000 11 000 71 000 3° 188
CB160-800 800 2 600 1 740 1 000 480 000 45 400 3 840 000 11 000 71 000 2° 221.3
Amortecedores Para Ciclos Emergenciais
Instruções Gerais

Uso Permitido Verificação Inicial de Partida


Amortecedores para Ciclos Emergenciais são elementos mecânicos Primeiros impactos no amortecedor devem ser somente testados depois
usados para frear massas em movimento em situações de parada da correta montagem e com velocidade de impacto reduzida e, se
emergencial de forças axiais. Os amortecedores para Ciclos Emergen- possível, com carga também reduzida.
ciais não foram projetados para uso convencional. Diferenças entre dados de operação calculados e vigentes podem ser
detectados previamente e evitar que o sistema seja danificado. Se os
Cálculo de Amortecedores para Ciclos Emergenciais amortecedores foram selecionados sobre dados calculados que não 29
correspondem a carga máxima possível, então estas condições de
O cálculo dos amortecedores para Ciclos Emergenciais deve ser
impacto restritas não devem ser excedidas durante os testes iniciais ou
executado ou verificado pela OBR.
uso subsequente do sistema. Caso contrário, há risco de danificar os
amortecedores e/ou a máquina pela pressão excessiva dos materiais.
Características da pressão interna do amortecedor Depois do teste e averiguação inicial, verificar se a haste do amortece-
A pressão interna do amortecedor é individualmente projetada e dor retorna à posição inicial. Também verifique se a montagem do
manufaturada para cada aplicação específica. dispositivo ainda está cuidadosamente apertada. É preciso garantir que
Amortecedores de impacto têm projetos individuais de medidas dos nenhum dano ocorra à haste do amortecedor, ao corpo ou à montagem
orifícios internos, dependendo de sua aplicação. Desta forma, não se do dispositivo.
pode especificar ou dimensionar um amortecedor tendo apenas como
base as suas medidas externas. Parada Mecânica Fixa
O cálculo e a seleção do amortecedor de impacto correto deve ser Amortecedores para Ciclos emergenciais não necessitam uma parada
efetuado ou verificado pela OBR. externa como delimitadora do curso. O Curso do amortecedor é limitado
pela parada no cabeçote de impacto do amortecedor.
Modelo de Código
Para os modelos SCS38 a 63 e CB 63 a CB160 os números de O que verificar após impacto com carga total
identificação são os últimos cinco dígitos do modelo do amortecedor Amortecedores de impacto que foram originalmente testados somente
que constam na sua etiqueta de identificação. Exemplo: SCS38-100-F- em velociade e carga reduzida devem ser testados novamente depois
XXXXX. Além do código e do modelo, a etiqueta mostra também a que um impacto com carga total ocorreu.
máxima velocidade e massa de impacto autorizada para o produto.
Verificar se a haste do amortecedor estende-se completamente e se a
montagem do dispositivo ainda está seguramente fixa. É preciso verificar
Montagem se algum dano ocorreu na haste do amortecedor, no corpo ou na
Para montar o amortecedor, recomendamos o uso dos acessórios de montagem do dispositivo. Se não ocorreram danos o amortecedor pode
montagem originais mostrados no catálogo. A montagem de cada voltar a operar normalmente.
amortecedor deve ser posicionada de forma exata, para que a força de
reação possa ser adequadamente transmitida pela estrutura de Manutenção
montagem.
Amortecedores de impacto são sistemas lacrados e não precisam de
O comprimento total do curso deve ser usado para desaceleração, manutenção especial.
porque se usado somente parte do curso, pode gerar uma pressão
As peças que não são usadas regularmente devem ser testadas dentro
excessiva e danificar a peça.
do tempo normal para verificação da segurança pelo menos uma vez por
ano. Os amortecedores de impacto que estão em uso regular devem ser
Montagem tipo flange frontal -F verificados a cada 3 meses.

Aviso de Reparo
Se algum dano ao amortecedor é detectado ou se existem dúvidas
quanto ao bom funcionamento da unidade, por favor enviar a unidade
para o serviço a ACE. Alternativamente contato com o escritório ACE
Amortecedor para Amortecedor para Ciclos local para mais informações.
Ciclos Emergenciais SCS Emergenciais CB

Informações detalhadas sobre os pontos listados acima podem ser


Requisitos Ambientais tomadas a partir de instruções de operação e montagem corresponden-
A faixa de temperatura admissível para cada tipo de amortecedor, pode tes.
ser encontrado em nosso catálogo atual.
ATENÇÃO: Uso fora da faixa de temperatura especificada pode levar ao
colapso prematuro e danos dos amortecedores que pode resultar em
danos no sistema grave ou falhas da máquina.
Operação livre de problemas ao ar livre ou em ambientes úmidos só se
justifica se os amortecedores são revestidas com um acabamento
específico proteção contra corrosão.
Reservatórios de Ar/Óleo

30 AO1 AO3 AO691


38 50.8
2.5

Ø 43 Ø 89 Ø 141

138 102
159 195 279 330

NPT 1/8"
7
22
Ø 8.5

Capacidade de óleo de 20 cm3 10.4 16.8


Material: Cabeçote de alumínio e corpo em Capacidade de óleo de 370 cm3 Capacidade de óleo de 2600 cm3
policarbonato. Material: aço Material: aço

Pressão máxima 8 bar. Temperatura máxima 80 °C.


Número de Peça
Especificações de óleo:
Óleo ATF42cst a 40°C para todos os amortecedores da série Modelo com Reserv. Com circuitos de recirculação
magnum. Ex. 1-4 Ex. 5-6
Montagem do Reservatório: Reserv. Válvula Unidire- Reserv. Válvula Unidire- Ø min do tubo de
cional cional conexão
Montar o reservatório em nível superior ao do amortecedor. Eliminar
o ar do circuito antes de iniciar a operação. Aliviar a pressão do MCA, MAA, MLA33... AO1 CV1/8 AO3 CV1/4 4
reservatório antes de realizar qualquer tipo de manutenção. MCA, MAA, MLA45... AO1 CV1/8 AO3 CV3/8 6
MCA, MAA, MLA64... AO3 CV1/4 AO691 CV1/2 8
Atenção: Verificar se a válvula de retenção “CV” mantém a pressão CAA, AA2... AO691 CV1/2 AO82 CV3/4 15
no reservatório.
CAA, AA3... AO691 CV1/2 AO82 CV3/4 19
Reservatórios de ar/óleo sugeridos de acordo com os CAA4... AO82 CV3/4 AO82 CV3/4 38
valores nominais de W4
Detalhes do AO 82 sob solicitação

Exemplos de Conexão com Reservatórios de Ar/Óleo


1 2 3

Válvula de Retenção Regulador de Pressão


Tipo “CV” Tubo mais curto possível.
Pressão máxima de 8 bar

A haste retorna imediatamente para a posição inicial O curso de retorno pode ser controlado sequencial- A força de retorno da haste pode ser controlada pelo
quando desaplica-se a carga. Durante períodos mente com uma válvula pneumática em qualquer regulador de pressão. Deve-se garantir pressão
curtos é possível a operação sem alimentação de ar. momento. O amortecedor não exerce qualquer força mínima para retorno da haste na posição inicial.
de retorno até que a válvula seja acionada.

4 5 6
Tubo mais curto
Peça em T possível

Unidade especial necessária

Retorno por mola com reservatório de Óleo. (sem Circuito de recirculação de óleo para ciclos É possível a conexão de 2 amortecedores em um único
alimentação de ar). Maior tempo para o retorno da extremamente altos. Óleo quente é direcionado para reservatório. Nesses casos deve-se utilizar
haste. o reservatório afim de promover a dissipação de reservatórios maiores que o recomendado. É possível
calor. Deve-se utilizar válvulas de retenção. a combinação entre os exemplos 2,3 e 5.

Dimen. de Rosca p/ conexão ao reserv. de ar/óleo


Modelos CV… Non-Return Valves
Pressão máxima 20 bar
Modelo Rosca Rosca Modelo A B C
Traseira Lateral ** Temperatura máxima 95° C
Indicado para: Óleo, Ar, Água
MCA, MAA, MLA33 * G1/8 externo G1/8 interno Material: Alumínio CV1/8 19 24 1/8
MCA, MAA, MLA45 G1/8 interno G1/8 interno CV1/4 29 33 1/4
MCA, MAA, MLA64 G1/4 interno G1/4 interno CV3/8 29 33 3/8
* Adaptado CV1/2 41 40 1/2
C C CV3/4 48 59 3/4
** Sob solicitação (adicionar sufixo, -PG/-P)

A B
Dicas de Montagem e Detalhes de Funcionamento
​Para Ciclos Emergenciais

Parada Mecânica
Modelos Ajustáveis
As unidades da série MAGNUM tem um colar final de curso incorporado
O( ajuste tem uma escala graduada de 0 a 9. O ajuste traseiro no corpo
(parada mecânica) que também atua como regulagem frontal.
dos MA/ML64, tem um parafuso trava montado na lateral que deve ser
Caso use um amortecedor sem um colar de parada, é importante instalar afrouxado (meia volta no máximo) com uma chave allen antes de iniciar o
uma parada mecânica de 0,5 a 1mm antes do final do ciclo. ajuste. As unidades da série MAGNUM podem ser ajustadas pela chave
allen na parte traseira do corpo - ou girando o colar de parada frontal.
Recomendações Ambas regulagens estão internamente conectadas e mostrarão os mes- 31
mos valores de ajuste nas escalas quando forem giradas. Após a instala-
Para uma ótima dissipação de calor, não pintar o amortecedor. Para apli-
ção acione o equipamento algumas vezes e gire o ajuste até que a desa-
cações em ambientes com ácidos, poeiras, abrasivos, vapor ou água,
celeração seja obtida (Ex.: nenhuma mudança repentina na velocidade
deve-se proteger o amortecedor. O amortecedor deve ser firmemente fi-
de carga é oservada no início ou no final do ciclo do amortecedor). O
xado em uma superfície plana e lisa com resistência adequada
amortecedor é sempre fornecido na graduação nº5.
Se houver um impacto forte no início do ciclo ajustar a unidade para
Modelos Auto-compensado mais macio. Ex.: Ir em diração ao nº9 na escala.
A família de amortecedores MC é auto-compensada. Desde que o peso Se houver um impacto forte no final do ciclo ajustar a unidade para mais
efetivo da aplicação permaneça dentro da faixa fornecida nas tabelas de dura. Ex: em direção ao 0.
capacidade, não são necessários ajustes para mudanças em pesos, ve-
Ajuste aproximando-se do “0” significa:
locidades ou forças propulsoras. Estas unidades estão disponíveis com
cinco faixas operacionais padrão (ME min. - ME max.) e são identifica- a) Velocidade de impacto está muito baixa: considerar troca para o Mo-
das pelo número do sufixo após o modelo que vai de 0 (muito macio) a 4 delo tipo ML.
(muito duro). b) Caso o ajuste final for menor que 2 ou maior que 8, um amortecedor
A ótima desaceleração é obtida quando não existe mudança repentina de modelo maior deverá ser dimensionado.
na velocidade da carga no início ou no final do ciclo do amortecedor.
Se houver um impacto muito forte no início do ciclo, use a póxima ver- Reparos
são mais macia (ex. número de sufixo menor). É possível recondicionar os amortecedores ACE a partir do tamanho 33.
Se houver um impacto muito forte no final do ciclo, use a póxima versão Recomendamos que os amortecedores danificados sejam enviados para
mais dura ou montar duas unidades em paralelo. OBR para reparos. Esta opção é mais econômica do que o custo com-
Alternativamente mude para uma unidade de maior tamanho. Caontacte parativo de repará-lo em sua empresa.
a OBR para maiores informações. Caso preferir fazer o recondicionamento, disponibilizamos também para
venda kits de reparo, kits de vedação e peças sobressalentes.

Opções de Montagem

Removendo o Top da Haste


Controladores de Velocidade de Precisão VC
Ajustável

VC25 ​ SP25 MB25


KM25 M25x1.5
M25x1.5
Ø8 Ø3 25

Ø 14 Ø 30
M25x1.5 32
AF23 M6
B 16 6.4
13 A Curso 34 6
46
Colar Pneumático Montagem com Flange MB
para VC2515FT a VC2555FT
redução do curso em 6.4 mm

Tabela de Capacidades
Modelo Curso A B Força Propulsora Força Propulsora Força de Retorno Força de Retorno Tempo de Ângulo máx. de Peso
mm Min. Máx Min. Máx. Retorno da Haste Carga Lateral kg
N N N N s °
VC2515FT 15 128 80 30 3 500 15 30 0.2 3° 0.35
VC2530FT 30 161 110 30 3 500 5 30 0.4 2° 0.45
VC2555FT 55 209 130 35 3 500 5 40 1.2 2° 0.6
VC2575FT 75 283 150 50 3 500 10 50 1.7 2° 0.681
VC2510FT 100 308 150 60 3 500 10 50 2.3 1° 0.794
VC25125FT 125 333.5 150 70 3 500 10 60 2.8 1° 0.908
O sufixo “FT” significa um corpo com rosca de M25x1.5mm
O sufixo “F” significa um corpo liso de Ø 23.8 mm.

32
Dados Técnicos Exemplos de Montagem
Corpo externo: Corpo de Ø 23.8 mm. (sem rosca) também disponível.
Capacidade de Carga: Min. 0.013 m/min com 400 N de força
propulsora, max. 38 m/min com 3500 N de força propulsora.

Montagem com flange MB25

Alcance de Operação

3500 Montagem com colar pneumático SP25

3000

2500
Força Propulsora N

VC2515-25125
2000
Montagem com top ajustável AS25 com
sensor incorporado e top de aço PS25
1500

1000 Opção com canais para anel trava


25.4 19.1
500

6 12 24 36 6 12 24 36 6 12 24 36 6 12 24 36
x1 x 10 x 100 x 1000
Montagem para VC25...F com flange KB
Velocidade mm/min (Opção com corpo simples de 23.8 mm)
Controladores de Velocidade DVC-32
Ajustável (Força fornecida de 42 N a 2000 N)

Terminais Dimensões Padrão Terminais


10 Ø 14 10 (espessura) Ø 8.1
Ø 8.1
Ø 14 10 (espessura)
A8 Terminal Tipo

A
Raio 14 Ø8 14
R7 Ø 32
Curso 20 22
20 L+/- 2 mm prolongado 20

Dimensões
B8 M8x1.25
Força Propulsora N
Terminal Tipo

9 Modelo Curso A max B L Extensão Compressão 8 B


mm min max min max

C8 Ø 20 Ø 13
DVC-32-50
DVC-32-50-XX
50
50

250

75.2
240

42
42
2 000
2 000
42
42
2 000
2 000
DVC-32-100 100 ​ ​ 340 42 2 000 42 1 670 Terminal Tipo
12
15
DVC-32-100-XX
DVC-32-150
100
150
350

124.4


440
42
42
2 000
2 000
42
42
1 670
1 335 C
DVC-32-150-XX 150 450 173.6 ​ 42 2 000 42 1 335 (Força máx.
30 30 permitida 1200N)
16.5
M8x1.25
Exemplo de Pedido 50-DD-P
36°

D8 Ø8
Curso (50 mm) Terminal Tipo
Terminal Dianteiro D
16 8
Terminal Traseiro D D
Direção de Amortecimento (P = ambas as direções)
16
10 32 32
Opções de Amortecimento
E8 24°
Ø8
Ø 12 Ø 16
P = Amortecimento em ambos os sentidos
6 M = Amortecimento somente para o movimento de tração Terminal Tipo
N = Amortecimento somente para o movimento de compressão
8 E 33
13
36
16 Os terminais são intercambiáveis e devem ser verificados com atenção 36
12
para evitar o desparafusamento.

Terminal Fixo - XX
30 30
10 Ø 14 Ø6
Ø6
Ø 13
12.7
(espessura)

Ø8
B Ø 32
6.4 A max 10

Controle de velocidade de Compressão Controle de velocidade de Tração


3000 3000

2500 2500 1/8 1/2 3/4


Força Propulsora N

Força Propulsora N

aberto aberto aberto aberto


2000 DVC-32-50 2000

1500 DVC-32-100 1500


DVC-32-150
1000 1000
Força
500 Máxima 500

0 0
0 100 200 300 400 0 100 200 300 400
Velocidade mm/sec Velocidade mm/sec
Controladores de Velocidade FA/MA/MVC
Ajustáveis

MA30M ​ RF8 MB8SC2

Parafuso de regulagem M8x1 M8x1


6
10
M4x10
14
12
Ø 2.5 2.1 M4
4.1 M8x1 AF10 3 Curso Ø 6.4
18 16 3.5
2.5
8 25
48 13.1 25

Flange Retangular Braçadeira de Montagem

MA50M for use on new installations FA1008V-B


Parafuso de regulagem

Ø 3.2 3 Ø 2.5 2.5


Curso Ø 7.7 M10x1 AF12 4 Curso Ø6
5.1 M10x1 AF12 4 2.5 11
7 8
50 14.9 51 14.5

MA35M ​ RF12 MB12

Parafuso de regulagem M12x1 M12x1


6
12
34 M5x12
20
16
Ø 3.2 3 M5
5 M12x1 AF14 5 Curso Ø 7.7
24 20 4.5
2.5
10 32
66 18 32

Flange Retangular Braçadeira de Montagem

MA150M ​ RF14 MB14


Parafuso de regulagem M14x1.5 M14x1.5
6 12
M5x12
20
20
Ø 4.8
4.7 M5
AF17 Curso
7.5 M14x1.5 AF12 6 Ø 12 26 20 4.5
12.5
70 22.5 34 32
M14x1 também disponível através de pedido especial
Flange Retangular Braçadeira de Montagem

MVC225M ​ RF20 MB20


Colar de regulagem M20x1.5 M20x1.5
8 20
M6x14
32
25
Ø 4.8 M6
Curso 4.6 36
13.5 M20x1.5 8 4.8 28 6
19 Ø 17 46 40
AF18 AF23
88 30
Flange Retangular Braçadeira de Montagem

MVC600M and MVC900M ​ RF25 MB25


Colar de regulagem
M25x1.5 M25x1.5
8 25
M6x14
32
32
Ø 6.3
4.6 M6
Curso 42
16.5 M25x1.5 10 5 Ø 23 34 6
AF23 AF30 25.4 (40)
52 46
106.6 (138) 36.4 (51)
Dimensões para MVC900EUM entre parênteses
Flange Retangular Braçadeira de Montagem
Controladores de Velocidade FA/MA/MVC
Ajustáveis

Tabela de Capacidade
Força Propulsora N
Modelo Curso min. max. Força de Retorno Força de Retorno Tempo de Retorno * Ângulo máx. de Peso
mm N N Min. Máx. da haste Carga Lateral kg
N N s
MA30M 8 8 80 1.7 5.3 0.3 2° 0.013
MA50M 7 40 160 3 6 0.3 2° 0.025
FA1008V-B 8 10 180 3 6 0.3 2.5° 0.024
MA35M 10 15 200 5 11 0.2 2° 0.043
MA150M 12 20 300 3 5 0.4 2° 0.06
MVC225M 19​ 25 1 750 5 10 0.65 2° 0.15
MVC600M 25 65 3 500 10 30 0.85 2° 0.3
MVC900M ​40 70 3 500​ 10 35 0.95 2° 0.4
* Para ângulos de carga lateral maiores que o permitido (veja tabela acima), instale o adaptador de carga lateral tipo “BV”.

Dados Técnicos Alcance de Operação MVC225 a 900


Faixa de velocidade Impacto: Evite velocidades de alto impacto. Em 4000
velocidades de 0,3 m / s a energia máxima permitida é de aprox. 2 Nm.
Onde energias mais elevadas ocorrem, utilizar um amortecedor para o 3500
impacto inicial.
3000
Montagem: Em qualquer posição.
MVC600
Parada positiva: Instale uma parada mecânica de 0.5 a 1 mm antes do Força Propulsora N 2500
final do curso no modelo FA1008V-B. MVC900
2000
Material: Corpo: Aço com acabamento oxidado preto. Haste: Aço Inox.
Temperatura de Trabalho: 0 °C a 66 °C 1500

1000
MVC225
500

12 24 36 6 12 24 36 6 12 24 36 6 12 24 36
x1 x 10 x 100
Velocidade mm/min
x 1000
35

Exemplos de aplicação

Uma alta velocidade de avanço no início da perfuração pode


danificar ou quebrar brocas, se não houver a quebra, pode resultar
Furadeira Cilindro
Pneumático em arestas dentadas e furos irregulares com frequentes substitu-
Striker ições de ferramentas. Através da instalação de um controlador de
velocidade é possível controlar com precisão o avanço da
Eixo da furadeira, como consequência os furos terão acabamento perfeito
Broca e as brocas não sofrerão quebras.
Controlador de
Velocidade Broca

Furos em placa de metal

Num único corte a variação dos tipos de materiais em relação a sua


Controlador de Velocidade
dureza podem provocar menor ou maior resistência no momento em
que a serra está avançando, todavia a velocidade de avanço do corte
deve permanecer constante, para evitar danos aos materiais ou
quebra da serra. Um controlador de velocidade instalado diretamente
na base da serra propiciou uma solução simples e econômica.
Serra

Perfil

Corte de alumínio com inserto em plástico


OBR Equipamentos Industriais Ltda
PR/SC/RS: (47) 3435-4464 | São Paulo (Demais Localidades): 4003-1630
SAC 0800 704 36 98 | atendimento@obr.com.br | www.obr.com.br