Você está na página 1de 1

LEITURAS

DICTIONARY OF EXISTENTIAL essencialmente pela sua clareza,


PSYCHOTHERAPY nomeadamente consegue ter uma mais
AND COUNSELLING (2005) – Emmy valia notável num aspecto que é sempre
van Deurzen & Raymond Kenward. difícil e complexo que é o da aplicação
London: Sage Publications, 228 pp. de conceitos das filosofias
fenomenológicas e existenciais em
A ideia de publicar um dicionário de psicoterapia. Os autores organizaram o
psicoterapia existencial é bastante seu trabalho por intermédio de três tipos
inovadora e de grande utilidade, de entradas no dicionário: autores,
particularmente num campo de terminologia existencial e temas
intervenção em aconselhamento relacionados. Criticável o facto de terem
e psicoterapia no qual psicólogos e ignorado dois autores que, do meu
psiquiatras confrontam-se com várias ponto de vista, possuem obra
propostas terapêuticas a partir de vários significativa nesta área: E. Spinelli e
pontos de vista e, ainda, com a Hans Cohn. Este dicionário, juntamente
necessidade de conhecer diversos com o livro publicado em 2003 por Mick
conceitos filosóficos e diversos autores, Cooper (Universidade Strathclyde, UK),
provenientes de correntes filosóficas e intitulado Existential Therapies (vide
psicológicas. Foi isso que fizeram leitura publicada em Análise
Emmy van Deurzen (Professora de Psicológica, Vol. 22, n.º 3, p. 611), são
Psicoterapia na Schiller International provavelmente as duas obras de
University e Directora da New School of revisão mais completas sobre
Psychotherapy and Counselling, psicoterapia existencial que se
London, UK) e Raymond Kenward publicaram nos últimos anos. Todos
(Psicoterapeuta Existencial e Director quantos se interessam pela psicoterapia
de Serviço de Aconselhamento nos existencial, especialmente psicólogos,
Cuidados de Saúde Primários/National psiquiatras e psicoterapeutas,
Health Service, Kent, UK). Este encontram nesta obra uma ferramenta
dicionário abrange um amplo leque de indispensável de consulta, clarificação e
termos fenomenológicos e existenciais actualização de conhecimentos.
relacionados com os autores
fundamentais da fenomenologia e das José A. Carvalho Teixeira
filosofias da existência (Kierkegaard,
Heidegger, Jaspers, Sartre, Merleau-
Ponty), da psicologia e psicoterapia
existencial (Binswanger, Boss, May,
Frankl, Laing, Bugental e Yalom, entre
outros), relacionados com diferentes
épocas históricas. Assim, apresenta 320
entradas, frequentemente cruzadas,
que proporcionam a quem consulta uma
enorme variedade de conceitos
existenciais, ilustrados muitas vezes
com exemplos. Adicionalmente, ao
contrário do que acontece com
frequência em textos desta área do
conhecimento, este dicionário apresenta
a vantagem do texto ser genericamente
acessível, porque escrito numa
linguagem que, sem perder rigor nem
profundidade, caracteriza-se