Você está na página 1de 4

PORTUGUÊS EM EXERCÍCIOS

| MÓDULO 3 – Prof. Eli Castro


OS: 0060/10/16-Gil

CONCURSO: DESAFIO 1001 QUESTÕES

ASSUNTO: QUESTÕES DIVERSAS

Como o antibiótico mudou o mundo D) uma consequência natural.


Camila Maccari E) um acontecimento fortuito.

Em 24 horas, uma bactéria se reproduz 16 milhões de 04. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) Em:
vezes. É um ritmo diabólico. Não à toa, os micróbios por “Elas estavam ganhando de goleada...” (linha 03), o
trás das grandes epidemias (peste negra, cólera, pronome faz referência às:
tuberculose e tifo) mataram mais de 1 bilhão de humanos.
Elas estavam ganhando de goleada até que, num dia de A) graves tuberculoses.
1928, o biólogo escocês Alexander Fleming se esqueceu de B) grandes epidemias.
limpar o laboratório. Quando voltou, notou um fungo C) doenças humanas.
crescendo numa placa – e matando as bactérias que ele D) todas as bactérias.
usava em experiências. E o que era desleixo virou a E) terríveis mortes.
descoberta do século: esse fungo, do gênero penicillum, foi
o primeiro antibiótico. Hoje, damos antibiótico até para os 05. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo)
bichos (Nos EUA, 80% dele é ingerido por gado, aves e Com o comentário: “Mas a lua-de-mel pode estar
porcos de corte). Mas a lua-de-mel pode estar perto do fim. perto do fim.” (linhas 07-08), a autora:
As bactérias estão criando resistência aos antibióticos, e a
indústria farmacêutica não consegue criar novos – o ritmo A) sugere uma provável traição dos fungos às bactérias.
de invenções caiu 70% nos últimos 20 anos. A esperança B) faz um prognóstico positivo sobre o uso de
são os “antibióticos virais”, que já estão em teste – e são antibióticos.
feitos de vírus que matam bactérias. C) anuncia o fim da relação difícil entre fungos e
MACCARI, Camila. Como o antibiótico mudou o mundo. In: Super Novas, bactérias.
Superinteressante. Edição 331, p. 20, abril/2014. D) antecipa uma possível utilização de vírus contra
bactérias.
01. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) E) prevê uma possível “virada” no jogo contra as
Conclui-se, pela leitura do texto, que a descoberta do bactérias.
antibiótico aconteceu porque Alexander Fleming:
A) era um cientista meio desleixado. 06. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) Em:
B) usava bactérias em suas experiências. “Hoje, damos antibiótico até para os bichos” (linhas
C) tinha deixado de limpar o seu laboratório. 06-07), até expressa um sentido de:
D) percebeu que um fungo matava bactérias.
E) realizava muitas experiências com fungos. A) exclusão.
B) inclusão.
02. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) O C) condição.
adjetivo utilizado no comentário: “É um ritmo D) contraste.
diabólico.” (linha 01) caracteriza o ritmo de E) finalidade.
reprodução de uma bactéria como:
A) maldoso. 07. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) Em:
B) detestável. “As bactérias estão criando resistência aos
C) espantoso. antibióticos” (linha 08), o termo em destaque
D) turbulento. classifica-se como:
E) complicado.
A) objeto direto.
03. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) A B) objeto indireto.
expressão utilizada no início da frase: “Não à toa, os C) adjunto adnominal.
micróbios por trás das grandes epidemias (...) D) predicativo do objeto.
mataram mais de 1 bilhão de humanos.” (linhas 01 a E) complemento nominal.
03), estabelece coesão com a informação anterior, nos
levando a interpretar o fato relatado depois como: 08. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) A
A) uma tragédia horrível. reescrita do trecho: “...vírus que matam bactérias”
B) um acidente inusitado. (linhas 10-11), utilizando-se uma vírgula entre “vírus”
C) uma triste calamidade.
CURSO PRIME ALDEOTA – Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208. 2222
1
CURSO PRIME CENTRO – Av. do Imperador, 1068 – Centro – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208.2220
PORTUGUÊS EM EXERCÍCIOS
| MÓDULO 3 – Prof. Eli Castro
OS: 0060/10/16-Gil

e a oração “que matam bactérias” (“vírus, que matam C) não vendemos à prazo.
bactérias”), produziria o sentido de que: D) respondeu às perguntas do interrogatório com muita
segurança.
A) os vírus matam bactérias. E) chegamos às nove horas.
B) raros vírus matam bactérias.
C) até os vírus matam bactérias. Leia o texto abaixo, para responder às questões 03 a 05.
D) alguns vírus matam bactérias.
E) poucos vírus matam bactérias. ________ n.º 118/2009/GR
Em 7 de maio de 2009.
09. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) Foi
formada por composição a palavra da alternativa: Ao Senhor Chefe do Departamento de Administração

A) micróbios. Assunto: Instalação de microcomputadores


B) antibiótico.
C) epidemias. 1. Nos termos do Plano Geral de informatização,
D) laboratório. solicitamos a ______1_______ verificar a possibilidade de
E) descoberta. que sejam instalados três microcomputadores neste
Departamento.
10. (CCV - 2014 - UFCA - Assistente Administrativo) Está 2. Ressaltamos que o equipamento seja dotado de disco
de acordo com a norma padrão da língua portuguesa rígido e de monitor padrão EGA. Quanto a programas,
a frase: haverá necessidade de dois tipos: um processador de
textos e outro gerenciador de banco de dados.
A) Alexander Fleming esqueceu da limpeza do 3. Sugerimos que o treinamento de pessoal para
laboratório. operação dos micros esteja a cargo da Seção de
B) As bactérias estão criando resistência à alguns Treinamento do Departamento de Modernização, cuja
antibióticos. chefia já manifestou seu acordo a respeito.
C) O biólogo escocês não se lembrou de limpar o 4. Mencionamos, por fim, que a informatização dos
laboratório. trabalhos deste Departamento ensejará racional
D) O biólogo descobriu um tipo de fungo que matavam distribuição de tarefas entre os servidores e, sobretudo,
bactérias. uma melhoria na qualidade dos serviços prestados.
E) Num dia de 1928, apareceu uns fungos no laboratório Atenciosamente,
do biólogo. [nome]
[cargo]
GABARITO Disponível em <http://redacaooficial.ufsc.br>
01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
D C D B E B E A A C
03. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo)
IFCE Considerando-se as normas de redação oficial, a
estrutura do documento acima é de um
01. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo) Usa-
se vírgula pelo mesmo motivo que na expressão A) ofício.
destacada ―Para ele, porém, a decisão dos B) memorando.
profissionais de receitar ou não antidepressivos não C) correio eletrônico.
deve se basear necessariamente no grau do problema, D) requerimento.
mas sim na persistência dos sintomas‖, linhas 9 a 11, E) aviso.
no item
04. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo) O
A) Fortaleza, 15 de maio de 2011. pronome de tratamento que completa
B) Ora, Patrícia, não diga bobagens. adequadamente a lacuna 1 do texto é
C) Era uma senhora séria, íntegra e sincera.
D) Os cerrados estão produzindo, todavia, altas A) Vossa Senhoria.
quantidades de alimentos. B) Vossa Eminência.
E) Fortaleza, a cidade do sol, já tem um trânsito caótico. C) Vossa Magnificência.
D) Vossa Excelência.
02. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo) O E) Sua Excelência.
sinal de crase está empregado incorretamente em
A) queremos uma pizza à moda italiana
B) assisti à peça que está em cartaz.
CURSO PRIME ALDEOTA – Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208. 2222
2
CURSO PRIME CENTRO – Av. do Imperador, 1068 – Centro – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208.2220
PORTUGUÊS EM EXERCÍCIOS
| MÓDULO 3 – Prof. Eli Castro
OS: 0060/10/16-Gil

05. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo) Sobre a leitura, mas isso também pode ser entendido de
as normas técnicas de redação oficial, é correto outra forma. (..)”.
afirmar-se que
I. Quanto ao uso das vírgulas, ambas foram utilizadas,
A) a concisão, a clareza, a objetividade e a formalidade para marcar o deslocamento de um termo da oração.
contribuem para que seja alcançada a pessoalidade II. O uso do acento grave se dá pela mesma razão em
necessária em documentos oficiais. ambas as ocorrências.
B) em comunicações oficiais, deve sempre prevalecer a III. O verbo da última oração do período encontra-se na
linguagem técnica. voz passiva analítica.
C) aviso e ofício são modalidades de comunicação oficial
completamente diferentes. É verdadeiro dizer-se que
D) o memorando é a modalidade de comunicação entre
unidades administrativas de diferentes órgãos. A) apenas I está correta.
E) o memorando segue o modelo do padrão ofício. B) apenas II está correta.
C) apenas III está correta.
06. (IFCE - 2011 - IFCE - Assistente Administrativo) O D) todas estão corretas.
vocativo a ser empregado em comunicações dirigidas E) todas estão erradas.
aos Chefes de Poder é
GABARITO
A) Senhor.
B) Excelentíssimo Senhor. 01 02 03 04 05 06 07 08 09
C) Vossa Eminência. D C B A E B B A C
D) Magnífico Senhor.
E) Eminentíssimo Senhor.
TEXTO
Leia o fragmento abaixo, para responder às questões 04 e
05: Saúde: direito de todos e dever do Estado. É assim que a
Constituição Federal de 1988 inicia a sua seção sobre o
“Mas disse acreditar que os e-readers ao menos estimulam tema. Uma vez que muitas ações ou omissões vão de
a compra de livros por impulso, o que pode ser mais encontro a essa previsão, cotidianamente é possível
benéfico para as editoras do que para o leitor, na verdade, observar graves desrespeitos à Carta Magna. A Defensoria
já que boa parte daqueles livros digitais permanecerá tão Pública, importante instituição garantida por lei, busca
intocada quanto ficaria numa livraria”. sanar o problema por meio da via judicial quando a
mediação não produz resultados. Recentemente, a
07. (IFCE - 2011 - IFCE - Nível Superior) Percebem-se, no Defensoria Pública em Foz do Iguaçu, por exemplo, obteve
fragmento acima, relações de comparação que três decisões liminares garantindo o direito à saúde a três
indicam, respectivamente, pessoas por ela assistidas. Em todos os casos, a Defensoria
Pública fez intervenção judicial para suprir a negativa ou a
A) superioridade – superioridade má prestação do serviço público de saúde na localidade.
B) superioridade – igualdade
C) superioridade – inferioridade ● Com base na leitura do texto acima, use C para certo e E
D) inferioridade – igualdade para errado.
E) inferioridade – superioridade
01. ( ) O acento gráfico na palavra “saúde” se dá pelas
08. (IFCE - 2011 - IFCE - Nível Superior) Obedecem, seguintes razões: ocorre hiato na separação silábica, a
respectivamente, às mesmas regras de acentuação vogal “u” é tônica e antecedida por outra vogal e “u”
gráfica de atrás, universitário, eletrônicos e já, as forma sílaba sozinha.
palavras que se encontram na alternativa
02. ( ) Em “possível”, ocorre acento gráfico por se ter aí
A) também, mídias, infográfico, lê. vocábulo paroxítono terminado em “L”. O mesmo
B) documentário, três, média, dá. fenômeno ocorre em “míssil”, “fácil” e “difícil”.
C) será, média, benéfico, permanecerá.
D) permanecerá, infográfico, média, três. 03. ( ) Em “É assim que a Constituição Federal...”, a
E) parâmetro, documentário, mídias, dá. palavra “que” tem função de retomar, no texto, o
antecedente “Saúde”.
09. (IFCE - 2011 - IFCE - Nível Superior) “À primeira
vista, pode levar à conclusão de que o digital estimula 04. ( ) A locução conjuntiva “Uma vez que” estabelece,
no período em que ocorre, relação semântica de
CURSO PRIME ALDEOTA – Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208. 2222
3
CURSO PRIME CENTRO – Av. do Imperador, 1068 – Centro – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208.2220
PORTUGUÊS EM EXERCÍCIOS
| MÓDULO 3 – Prof. Eli Castro
OS: 0060/10/16-Gil

causa e poderia ser substituída por qualquer uma das 17. ( ) Nas palavras “garantindo” e “pessoas” ocorrem,
seguintes: já que, dado que, na medida em que, respectivamente, dois dígrafos na primeira e um na
porquanto e como. segunda.

05. ( ) A vírgula após “previsão” em “...encontro a essa 18. ( ) Os vocábulos “desrespeitos” e “localidade” foram
previsão, cotidianamente...” poderia ser substituída formados, respectivamente, por prefixação e
por ponto e vírgula. derivação regressiva.

06. ( ) A substituição de “de encontro a” por “ao 19. ( ) No último período do texto, há duas orações:
encontro de” manteria a correção gramatical e os uma principal e outra subordinada.
sentidos originais do período.
20. ( ) Na palavra “encontro”, ocorrem dois encontros
07. ( ) As vírgulas que ocorrem em “A Defensoria consonantais.
Pública, importante instituição garantida por lei, busca
sanar...” se justificam porque isolam o aposto de 21. ( ) Em “Eu vi com os meus próprios olhos toda a
Defensoria Pública. Tais vírgulas poderiam ser cena”, ocorre a figura de linguagem chamada de
substituídas por travessões ou parênteses, sem que a eufemismo.
correção gramatical fosse comprometida.
22. ( ) Em “A Amazônia é o pulmão do mundo”, tem-se
08. ( ) A ocorrência de crase em “...à Carta Magna” se aí uma metáfora como figura de linguagem.
dá porque o verbo “observar” exige a preposição “a” e
o substantivo “Carta” provém o artigo “a”; ou seja, 23. ( ) Em “Preciso trabalhar para garantir o pão de cada
neste caso está ocorrendo fusão de “a” mais “a”. dia”, ocorre a figura de linguagem chamada de
metonímia.
09. ( ) Os segmentos “o problema” e “resultados”
classifica-se, sintaticamente, como objeto direto. 24. ( ) Em “Sua voz é doce como o mel”, a figura de
linguagem presente é a sinestesia.
10. ( ) As vírgulas após “Recentemente” e as que isolam
“por exemplo” se justificam pela mesma razão 25. ( ) Em “Aquele pai se mata pela família todos os
gramatical: marcam adjuntos adverbias deslocados no dias”, a figura de linguagem assinalada é eufemismo.
período.
26. ( ) A sentença “Todos chegaram bem cedo, mas
11. ( ) Caso inseríssemos o pronome “sua” antes de ninguém foi atendido” pode ser classificada como
saúde em “...garantido o direito à saúde a três período composto assindético adversativo.
pessoas”, a correção gramatical não seria
comprometida. 27. ( ) Na sentença “A criança ganhou o presente que
tanto queria; estava, pois, muito feliz”, a segunda
12. ( ) Em “o direito à saúde a três pessoas”, poderia oração deve ser classificada como conclusiva.
ocorrer crase antes de “três”, caso assim
reescrevêssemos: “o direito à saúde às três pessoas”. 28. ( ) Na passagem “O aluno que se dedica aprende
muitas coisas”, tem-se uma oração subordinada
13. ( ) O verbo “assistir” em “por ela assistidas” tem o adjetiva restritiva.
sentido de “ter direito ou ser de responsabilidade de”.
29. ( ) No oração “A maioria dos políticos foi presa” a
14. ( ) O vocábulo “para” introduz uma ideia de concordância verbo-nominal está incorreta.
finalidade na oração em que ocorre. Tal vocábulo
poderia, ainda, ser substituído por “a fim de”, sem que 30. ( ) Na oração “Cada um dos operários deixaram as
a correção gramatical fosse prejudicada. obras em que trabalhavam”, as concordâncias verbais
estão corretas.
15. ( ) Em “Uma vez que muitas ações”, o vocábulo
“muitas” poderia ser substituído por “bastantes” sem GABARITO
que a correção gramatical e os sentidos do texto 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
fossem prejudicados. C C E C E E C E C E
11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
16. ( ) Na palavra “importante”, o número de letras é C C E C C E C E C E
igual ao número de fonemas. 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
E C C C E E C C E E

CURSO PRIME ALDEOTA – Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208. 2222
4
CURSO PRIME CENTRO – Av. do Imperador, 1068 – Centro – Fortaleza/CE – Fone: (85) 3208.2220

Você também pode gostar