Você está na página 1de 1

Observação:

6 Gestão de vítimas

O diagnóstico ou a confirmação da morte é

dever do médico. Contanto que a morte não seja confirmada nem seja verdadeiramente óbvia, você deve continuar prestando assistência.

Roland Bigler/CICV
Roland Bigler/CICV

Mortos Após a morte, uma pessoa conserva seu direito à identificação e a um tratamento digno de seu corpo.

As recomendações a seguir devem ser adotadas no tratamento de mortos e seus familiares de luto:

• o morto e seus familiares devem ser respeitados sempre;

• um contato solidário e atencioso é devido aos parentes e amigos de luto;

• as crenças culturais e religiosas devem ser observadas e respeitadas;

• a família do morto tem o direito de:

– receber informações precisas sempre e em cada estágio (inclusive reconhecimento oficial

e certificado de óbito, e investigação da causa e circunstâncias da morte, quando necessária);

– ver o corpo;

– reaver e lamentar os mortos, assim como realizar os rituais funerários de acordo com os costumes

e necessidades.