Você está na página 1de 1

7

Triagem

Uma situação de vítimas em massa gera o


desequilíbrio entre as necessidades de assistência
e a ajuda disponível. A quantidade de vítimas e a
gravidade de seus ferimentos superam os recursos
humanos e materiais disponíveis na rede de
assistência às vítimas. O controle dessa situação se
baseia no bom senso; não deve haver regras estritas,
apenas diretrizes gerais.

Uma situação de vítimas em massa evolui


constantemente segundo os seguintes fatores:
• a relação entre o número e a qualidade dos
auxiliares e o número e gravidade das vítimas;
• o número de novas vítimas que chegam na unidade Você não pode fazer
e daquelas que saem ou que não requerem outros tudo nem se dedicar a
cuidados. todos. Seu objetivo é
atender todos os casos
Pode haver um número significativo de auxiliares que puder, na medida
em razão da mobilização de transeuntes e pessoas do possível e da melhor
que estão levemente feridas. Pode haver um auxiliar forma possível, com
controlando uma bandagem compressiva ou que base nos princípios da
permaneça com as pessoas mais gravemente feridas, classificação (triagem).
enquanto você continua com o processo de triagem.

A triagem é um processo de gestão para separar as


vítimas em grupos com base em sua necessidade
de tratamento prioritário ou evacuação. Precede o
atendimento mais avançado.
Cruz Vermelha Espanhola

115