Você está na página 1de 1

Técnicas de salvamento

6.1.1 Vias aéreas: avaliação


e controles
As vias aéreas consistem de boca, nariz e garganta.

OBJETIVOS DO SOCORRISTA

Imediatamente, enquanto protege a coluna vertebral, O controle das vias


se necessário, você deverá: aéreas é a primeira
> identificar obstrução das vias aéreas; técnica de salvamento
> desobstruir rapidamente; que você deve
> manter as vias aéreas abertas; realizar, conforme a
> identificar as vias aéreas em risco e estar preparado necessidade.
para ação imediata;
> assistir a vítima consciente no autocontrole das vias
aéreas.

EXAME

• Caso a vítima responda normal e coerentemente às


perguntas, as vias aéreas estão abertas.
• Uma via aérea livre não emite nenhum som óbvio
e não exige esforço aparente para a entrada do ar.
• Respiração ruidosa e esforços para a entrada do ar
significam vias aéreas obstruídas.
• O silêncio total e a ausência total do esforço
indicam apneia (ausência da respiração).
Observe
> Tipo de acidente, situação e possível mecânica da
lesão. [ver Seção 6.1 – Exame inicial e
> Sinais de inconsciência e dificuldade respiratória. medidas imediatas de salvamento]
> Lesões na cabeça, rosto e pescoço.
> Autocontrole das vias aéreas da vítima consciente
(p. ex.: sentada com a cabeça para baixo).
Ouça
> Sons anormais (tosse constante, ronco, gargarejo,
rouquidão) estão associados à obstrução parcial
das vias aéreas. Isso também significa que a vítima
está respirando.
> A vítima reclama de dificuldades para engolir.

151