Você está na página 1de 1

PRIMEIROS SOCORROS

Sua orientação e apoio devem aumentar o trabalho em equipe e o desenvolvimento pessoal de cada um de seus membros.

Seja motivador Mantenha a motivação dos membros da equipe, qualquer que seja a tarefa – salvando vidas, administração, logística, etc.

> Certifique-se de que os membros da equipe estejam em condições apropriadas de trabalho e saúde (alimentos, repouso, saúde, etc.).

> Certifique-se de que os equipamentos estejam disponíveis e em boa ordem.

> Realize sessões para que os membros da equipe se expressem.

> Parabenize as pessoas por seu trabalho, recompensando-as, se possível.

> Lembre a equipe de suas conquistas, das vidas que salvaram no local e da missão geral humanitária.

> Suspenda o trabalho se o moral de uma pessoa ou da equipe estiver baixo ou se houver sinais de estresse e exaustão.

Antes de a equipe ir ao terreno

Lembre-se de que os membros de sua equipe poderão estar sofrendo como resultado de cada situação a que são expostos na sua função de assistência à saúde; seus familiares, amigos ou colegas poderão estar doentes, feridos ou seus bens podem ter sido roubados e eles podem ter perdido o contato com eles. Seja sensível ao lidar com eles.

Você precisará garantir que as vítimas, a população afetada e as partes envolvidas na situação de violência aceitem a assistência dos membros de sua equipe. Elas podem estar insatisfeitas com as características pessoais de alguns dos membros (cor da pele, sexo, religião, nacionalidade, histórico de etnia, etc.). Se isso acontecer, explique a composição de sua equipe e a natureza de sua missão humanitária, possivelmente referindo-se aos Princípios Fundamentais do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e, em uma situação de conflito armado, os pontos fundamentais do Direito Internacional Humanitário.