Você está na página 1de 3

09

10 de maio de 2012 CÓDIGO DO TD: 48209

de pessoas que processam umas as outras e, contudo, mantém excelentes


REDAÇÃO e lucrativos negócios. Nos países do Norte não há a necessidade da
Analise com atenção o anúncio criado por uma agência de publicidade amizade para a formalização de contratos profissionais lucrativos.
convidada a ilustrar aquele que considerasse o maior dos “pecados” Afora isso há as diferenças regionais. No Rio de Janeiro, por exemplo,
brasileiros. Depois, escreva seu próprio texto sobre o “jeitinho brasileiro”. a praia simplifica a intimidade entre as pessoas (é complicado ser formal
Você pode discordar do que diz o anúncio, ou desenvolver sua argumentação em trajes sumários, convenhamos!) e convida permanentemente a não
na mesma linha dele. esquecer a dimensão lúdica. Em São Paulo, ao contrário, a distância do mar
e o burburinho da cidade convidam à realização de negócios até mesmo
em jantares elegantes, com pessoas adequadamente trajadas e coisas tais.
De todo modo o estudo das características do brasileiro fascina tanto
que nem mesmo se sabe se conviria alterar-lhe as peculiaridades. Somos
assim. Intimistas, respeitosos da lei desde que se saiba com quem é que
está falando, espalhafatosos em nossas relações com as pessoas, falta-
-nos discrição e mesmo o senso de moralidade ridícula que chega à beira
de levar ao impedimento um presidente por uma pequena infidelidade
conjugal. Isto aqui não existe! Pelo contrário. Em terra brasilis, Bill Clinton
receberia aplausos e elogios, isso sim! Não pela política econômica que
ele capitaneou e a que FHC obedeceu caninamente, mas pela habilidade
em defender os interesses nacionais de seu país entre uma escapadela
conjugal e outra.
Orgulho-me de ser brasileiro. Aqui são todos amigos e o adágio hindu
que informa sermos todos como galhos da mesma árvore ou ondas do
mesmo oceano não poderia encontrar eco mais fecundo e propício que em
nossas plagas.
De jeitinho em jeitinho, o Brasil está numa situação que a gente fica até
Falta-nos, claro, um único e solidificador movimento multitudinário,
sem jeito de falar.
uma crença sólida em valores patrióticos, por exemplo.
E o que mais preocupa é que esse “jeitinho” é cada vez mais tido como
uma virtude, quando na verdade é um defeito. Um defeito grave que está (Lázaro Curvêlo Chaves. http://www.culturabrasil.org.)
levando nosso país cada vez mais para o fundo. Vocabulário:
Vamos ser um país sem jeitinho. Quem sabe aí a coisa comece a tomar sui generis: sem semelhança com nenhum outro, único no seu gênero; original,
jeito. peculiar, singular.
conditio sine qua non: condição absolutamente necessária, indispensável para que
(Folha de S. Paulo, 3 jul. 1988.) um certo fato se realize.
multitudinário: relativo à multidão.

LÍNGUA PORTUGUESA
QUESTÃO 1
Leia o fragmento a seguir.
O autor do texto afirma que o povo brasileiro, EXCETO:
SER BRASILEIRO (A) é um povo sui generis.
(B) é um povo cordial e intimista.
Somos um povo sui generis em vários aspectos.
(C) é um povo que se conhece pelo apelido diminutivo.
Alguns ditados populares têm lá a sua razão de ser. Aqui
(D) é um povo cuja dimensão da amizade é completamente distinta daquela
há “leis que pegam” e “leis que não pegam”, depende de
do mundo dos negócios.
a quem se aplica. A rigidez da letra fria da lei esbarra no
(E) é um povo para o qual falta uma crença sólida em valores patrióticos.
“jeitinho brasileiro”, no “favor”, no quebra-galho.
Sérgio Buarque de Hollanda aponta algumas
características de nossa formação social no clássico QUESTÃO 2
Raízes do Brasil. Somos um povo cordial e intimista. Em
Releia os dois últimos parágrafos do texto e marque a opção correta:
que outra nação se conhecem as pessoas pelo apelido diminutivo, inclusive
após o honorífico, como por exemplo: “Seu Luizinho”, “Dona Candinha”... “Orgulho-me de ser brasileiro. Aqui são todos amigos e o adágio hindu
Até alguns santos merecem tratamento informal, como Santa Terezinha que informa sermos todos como galhos da mesma árvore ou ondas do
e o Menino Jesus por exemplo. mesmo oceano não poderia encontrar eco mais fecundo e propício que em
nossas plagas.
(http://terrasestranhas.blogspot.com.)
Falta-nos, claro, um único e solidificador movimento multitudinário,
O brasileiro é cordial e amigo, a ponto de empresários europeus, japoneses uma crença sólida em valores patrióticos, por exemplo.”
e norte-americanos ficarem estupefatos com o fato de precisarem, antes (A) O autor, ao afirmar que se orgulha de ser brasileiro, está fazendo uma
de fazer negócio, firmar laços de camaradagem, tornarem-se amigos do crítica, pois diz que todos são amigos e não falta patriotismo.
empresário brasileiro como conditio sine qua non para a realização no negócio. (B) O autor, ao afirmar que se orgulha de ser brasileiro, não está fazendo
É que o brasileiro não consegue separar as dimensões do público e do uma crítica, pois diz que todos são amigos, mas falta patriotismo.
privado. O empresário é o cidadão e a empresa e ser amigo da empresa (C) O autor, ao afirmar que se orgulha de ser brasileiro, está fazendo uma
apressa as negociações. Tal não se dá no Primeiro Mundo. A dimensão crítica, pois diz que todos são amigos, mas falta patriotismo.
da amizade, da camaradagem, enfim, é completamente distinta daquela (D) O autor, ao afirmar que se orgulha de ser brasileiro, está fazendo uma
do mundo dos negócios. Por lá é correto afirmar, diferentemente de nossa crítica, pois diz que todos não são amigos, mas há patriotismo.
prática: “Amigos, amigos, negócios à parte...” Não raro ouvimos histórias (E) Nenhuma das alternativas.

1
Ts 09 | 8o Ano do Ensino Fundamental

QUESTÃO 3 QUESTÃO 6
Leia o anúncio do composto alimentar Slim Shake. Observando a correlação temporal, assinale a alternativa que completa a
frase:
“Era provável que eles ______ hoje”.
EMAGREÇA
BEM (A)
(B)
virão
venham
ALIMENTADA
(C) viessem
(D) veem
(E) vieram
A palavra bem, no caso específico do texto do anúncio, é:

(A) adjetivo. QUESTÃO 7


(B) advérbio.
Leia o texto a seguir.
(C) substantivo.
(D) pronome.
Uma lanchonete da Zona Sul carioca está lançando uma novidade: o
(E) interjeição.
sanduíche Epa! A pessoa compra o sanduíche, abre o pão e grita: “Epa!
Cadê o queijo?”. A lanchonete serve Epa! de várias qualidades: Epa! de
QUESTÃO 4 presunto, Epa! de galinha e Epa! de sardinha.

Ainda em relação ao anúncio do Slim Shake, podemos afirmar que: (NUNE, Max. O pescoço da girafa. Ruy Castro (Sel./Org.). São Paulo: Companhia das letras,
1997. p. 43.)
(A) há dualidade na composição combinada das duas frases: emagreça bem
e bem alimentada. (A) Apenas em uma das ocorrências desse texto a palavra Epa! é interjeição.
(B) não há dualidade na composição combinada das duas frases: emagreça Identifique e justifique sua resposta.
bem e bem alimentada.
(C) a forma visual do anúncio deixa claro que bem se refere somente a (B) Qual a classe gramatical dessa palavra em todas as demais ocorrências?
emagreça. Justifique.
(D) a forma visual do anúncio deixa claro que bem se refere somente a
alimentada.
QUESTÃO 8
(E) a forma visual do anúncio deixa claro que bem se refere ao consumidor.
Leia o poema a seguir para responder às questões.
QUESTÃO 5
CANÇÃO DOS RAPAZES DA ILHA
Eu sei que fico.
Mas o meu sonho irá
Levado pelo vento, pelas nuvens, pelas asas.

Eu sei que fico


Mas o meu sonho irá...
Eu sei que fico
Mas o meu sonho irá
Nos frutos, nos colares
E nas fotografias da terra,
Comprados por turistas estrangeiros
Felizes e sorridentes.
Eu sei que fico mas o meu sonho irá...

Eu sei que fico


Mas o meu sonho irá
Metido na garrafa bem rolhada
Que um dia hei de atirar ao mar.
O verbo destacado no primeiro quadrinho está conjugado no:
Eu sei que fico
(A) presente do indicativo. Mas o meu sonho irá...
(B) imperativo afirmativo.
(C) futuro do indicativo. Eu sei que fico
(D) pretérito perfeito do indicativo. Mas o meu sonho irá
(E) pretérito mais-que-perfeito do indicativo. Nos veleiros que desenho na parede.

(Aguinaldo Fonseca)

(A) Há, no poema, dois versos que se repetem e que resumem as ideias
centrais do texto. Quais são esses versos?
(B) Esses versos são ligados por uma conjunção. Qual é essa conjunção e
que tipo de relação ela estabelece entre as ideias dos versos?

2
Ts 09 | 8o Ano do Ensino Fundamental

RASCUNHO PARA REDAÇÃO

1 ______________________________________________________________________________________________________________________

2 ______________________________________________________________________________________________________________________

3 ______________________________________________________________________________________________________________________

4 ______________________________________________________________________________________________________________________

5 ______________________________________________________________________________________________________________________

6 ______________________________________________________________________________________________________________________

7 ______________________________________________________________________________________________________________________

8 ______________________________________________________________________________________________________________________

9 ______________________________________________________________________________________________________________________

10 _____________________________________________________________________________________________________________________

11 _____________________________________________________________________________________________________________________

12 _____________________________________________________________________________________________________________________

13 _____________________________________________________________________________________________________________________

14 _____________________________________________________________________________________________________________________

15 _____________________________________________________________________________________________________________________

16 _____________________________________________________________________________________________________________________

17 _____________________________________________________________________________________________________________________

18 _____________________________________________________________________________________________________________________

19 _____________________________________________________________________________________________________________________

20 _____________________________________________________________________________________________________________________

21 _____________________________________________________________________________________________________________________

22 _____________________________________________________________________________________________________________________

23 _____________________________________________________________________________________________________________________

24 _____________________________________________________________________________________________________________________

25 _____________________________________________________________________________________________________________________

26 _____________________________________________________________________________________________________________________

27 _____________________________________________________________________________________________________________________

28 _____________________________________________________________________________________________________________________

29 _____________________________________________________________________________________________________________________

30 _____________________________________________________________________________________________________________________