Você está na página 1de 464

Título

original: One God, one Plan, one Life ©


Edição original por Thomas Nelson, Inc. Todos os direitos reservados.
Copyright da tradução © Vida Melhor Editora S.A., 2014

PUBLISHER Omar de Souza

EDITORES Samuel Coto e Aldo Menezes

COORDENADORA DE PRODUÇÃO Thalita Aragão Ramalho

PRODUÇÃO EDITORIAL Luiz Antonio Werneck Maia

COPIDESQUE Daniel Borges

REVISÃO Anna Beatriz Seilhe e Francine Ferreira de Souza

PROJETO GRÁFICO DE MIOLO Lúcio Nöthlich Pimentel

PROJETO GRÁFICO DE CAPA Júlio Moreira



As citações bíblicas foram extraídas da NVI – Nova Versão Internacional, da Biblica, Inc., exceto as indicadas pelas seguintes
abreviaturas: ACF: Almeida Corrigida e Revisada Fiel, da Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil; MSG: Bíblia A Mensagem, de
Eugene Peterson, Editora Vida; BJ: Bíblia de Jerusalém, Paulus Editora.

Fontes: O material devocional foi retirado e revisado dos seguintes livros escritos por Max Lucado: Você vai sair dessa! (2013);
Graça radical (2014); Live Loved (2011); Soluções de Deus (2011); Graça para o momento, Volume 2 (2006); Graça para o
momento, Volume 1 (2000). Todos os direitos dos livros originais reservados ao autor.

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO


SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ

L965c
Lucado, Max, 1955-
Conectados com Deus / Max Lucado ; tradução Lilian Jenkino. - 1. ed. - Rio de Janeiro : Thomas
Nelson, 2014.
384 p.

Tradução de: One God, one Plan, one Life
Inclui bibliografia

ISBN 978.85.7860.636-7

1. Deus. 2. Jesus Cristo. 3. Vida espiritual - Cristianismo. I. Título.

14-15773

CDD: 232.904

CDU: 27-318

Thomas Nelson Brasil é uma marca licenciada à Vida Melhor Editora S.A.
Todos os direitos reservados à Vida Melhor Editora S.A.
Rua Nova Jerusalém, 345 – Bonsucesso – Rio de Janeiro – RJ – CEP 21402-325
Tel.: (21) 3882-8200 – Fax: (21) 3882-8212 / 3882-8313
www.thomasnelson.com.br
SUMÁRIO

JANEIRO
1º de janeiro
2 de janeiro
3 de janeiro
4 de janeiro
5 de janeiro
6 de janeiro
7 de janeiro
8 de janeiro
9 de janeiro
10 de janeiro
11 de janeiro
12 de janeiro
13 de janeiro
14 de janeiro
15 de janeiro
16 de janeiro
17 de janeiro
18 de janeiro
19 de janeiro
20 de janeiro
21 de janeiro
22 de janeiro
23 de janeiro
24 de janeiro
25 de janeiro
26 de janeiro
27 de janeiro
28 de janeiro
29 de janeiro
30 de janeiro
31 de janeiro

FEVEREIRO
1º de fevereiro
2 de fevereiro
3 de fevereiro
4 de fevereiro
5 de fevereiro
6 de fevereiro
7 de fevereiro
8 de fevereiro
9 de fevereiro
10 de fevereiro
11 de fevereiro
12 de fevereiro
13 de fevereiro
14 de fevereiro
15 de fevereiro
16 de fevereiro
17 de fevereiro
18 de fevereiro
19 de fevereiro
20 de fevereiro
21 de fevereiro
22 de fevereiro
23 de fevereiro
24 de fevereiro
25 de fevereiro
26 de fevereiro
27 de fevereiro
28 de fevereiro
29 de fevereiro

MARÇO
1º de março
2 de março
3 de março
4 de março
5 de março
6 de março
7 de março
8 de março
9 de março
10 de março
11 de março
12 de março
13 de março
14 de março
15 de março
16 de março
17 de março
18 de março
19 de março
20 de março
21 de março
22 de março
23 de março
24 de março
25 de março
26 de março
27 de março
28 de março
29 de março
30 de março
31 de março

ABRIL
1º de abril
2 de abril
3 de abril
4 de abril
5 de abril
6 de abril
7 de abril
8 de abril
9 de abril
10 de abril
11 de abril
12 de abril
13 de abril
14 de abril
15 de abril
16 de abril
17 de abril
18 de abril
19 de abril
20 de abril
21 de abril
22 de abril
23 de abril
24 de abril
25 de abril
26 de abril
27 de abril
28 de abril
29 de abril
30 de abril

MAIO
1º de maio
2 de maio
3 de maio
4 de maio
5 de maio
6 de maio
7 de maio
8 de maio
9 de maio
10 de maio
11 de maio
12 de maio
13 de maio
14 de maio
15 de maio
16 de maio
17 de maio
18 de maio
19 de maio
20 de maio
21 de maio
22 de maio
23 de maio
24 de maio
25 de maio
26 de maio
27 de maio
28 de maio
29 de maio
30 de maio
31 de maio

JUNHO
1º de junho
2 de junho
3 de junho
4 de junho
5 de junho
6 de junho
7 de junho
8 de junho
9 de junho
10 de junho
11 de junho
12 de junho
13 de junho
14 de junho
15 de junho
16 de junho
17 de junho
18 de junho
19 de junho
20 de junho
21 de junho
22 de junho
23 de junho
24 de junho
25 de junho
26 de junho
27 de junho
28 de junho
29 de junho
30 de junho

JULHO
1º de julho
2 de julho
3 de julho
4 de julho
5 de julho
6 de julho
7 de julho
8 de julho
9 de julho
10 de julho
11 de julho
12 de julho
13 de julho
14 de julho
15 de julho
16 de julho
17 de julho
18 de julho
19 de julho
20 de julho
21 de julho
22 de julho
23 de julho
24 de julho
25 de julho
26 de julho
27 de julho
28 de julho
29 de julho
30 de julho
31 de julho

AGOSTO
1º de agosto
2 de agosto
3 de agosto
4 de agosto
5 de agosto
6 de agosto
7 de agosto
8 de agosto
9 de agosto
10 de agosto
11 de agosto
12 de agosto
13 de agosto
14 de agosto
15 de agosto
16 de agosto
17 de agosto
18 de agosto
19 de agosto
20 de agosto
21 de agosto
22 de agosto
23 de agosto
24 de agosto
25 de agosto
26 de agosto
27 de agosto
28 de agosto
29 de agosto
30 de agosto
31 de agosto

SETEMBRO
1º de setembro
2 de setembro
3 de setembro
4 de setembro
5 de setembro
6 de setembro
7 de setembro
8 de setembro
9 de setembro
10 de setembro
11 de setembro
12 de setembro
13 de setembro
14 de setembro
15 de setembro
16 de setembro
17 de setembro
18 de setembro
19 de setembro
20 de setembro
21 de setembro
22 de setembro
23 de setembro
24 de setembro
25 de setembro
26 de setembro
27 de setembro
28 de setembro
29 de setembro
30 de setembro

OUTUBRO
1º de outubro
2 de outubro
3 de outubro
4 de outubro
5 de outubro
6 de outubro
7 de outubro
8 de outubro
9 de outubro
10 de outubro
11 de outubro
12 de outubro
13 de outubro
14 de outubro
15 de outubro
16 de outubro
17 de outubro
18 de outubro
19 de outubro
20 de outubro
21 de outubro
22 de outubro
23 de outubro
24 de outubro
25 de outubro
26 de outubro
27 de outubro
28 de outubro
29 de outubro
30 de outubro
31 de Outubro

NOVEMBRO
1º de novembro
2 de novembro
3 de novembro
4 de novembro
5 de novembro
6 de novembro
7 de novembro
8 de novembro
9 de novembro
10 de novembro
11 de novembro
12 de novembro
13 de novembro
14 de novembro
15 de novembro
16 de novembro
17 de novembro
18 de novembro
19 de novembro
20 de novembro
21 de novembro
22 de novembro
23 de novembro
24 de novembro
25 de novembro
26 de novembro
27 de novembro
28 de novembro
29 de novembro
30 de novembro

DEZEMBRO
1º de dezembro
2 de dezembro
3 de dezembro
4 de dezembro
5 de dezembro
6 de dezembro
7 de dezembro
8 de dezembro
9 de dezembro
10 de dezembro
11 de dezembro
12 de dezembro
13 de dezembro
14 de dezembro
15 de dezembro
16 de dezembro
17 de dezembro
18 de dezembro
19 de dezembro
20 de dezembro
21 de dezembro
22 de dezembro
23 de dezembro
24 de dezembro
25 de dezembro
26 de dezembro
27 de dezembro
28 de dezembro
29 de dezembro
30 de dezembro
31 de dezembro

Lendo a Bíblia

Dedicatória

Agradecimentos

Notas


JANEIRO

“Esqueçam o que se foi; não


vivam no passado. Vejam, estou
fazendo uma coisa nova! Ela já
está surgindo! Vocês não a
reconhecem?”

[ Isaías 43:18-19 ]
1º DE JANEIRO
“Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o
seu entendimento.”
[Mateus 22:37]

O propósito da vida
P rocure bem no fundo, de todo o coração, e você vai encontrar uma ânsia
por sentido, uma busca por propósito. Tão certo quanto respirar, todo
jovem um dia vai se perguntar: “Qual é o propósito da minha vida?”
Alguns o buscam em uma carreira: “Meu propósito é ser dentista.” Um
bom trabalho, mas dificilmente uma razão para viver. Essas pessoas escolhem
ser humanos “fazendo” em vez de humanos “sendo”. Eles são o que fazem; por
consequência, fazem muito. Trabalham muitas horas, porque se não
trabalham não têm identidade.
Para outros, quem são é o que têm. Esses encontram sentido em um
carro novo, em um laptop novo ou em roupas novas. Essas pessoas são boas
para a economia e severas nos orçamentos porque estão sempre buscando
sentido em algo que possuem. Algumas experimentam os esportes, o cinema,
as drogas, os amigos, o sexo ou o que for. Tudo miragem no deserto do
propósito.
Será que não deveríamos encarar a verdade? Nosso propósito é amar a
Deus. Nada mais irá nos satisfazer.

MAIS UMA COISA

Sua vida é bem confusa. Há muita coisa para pensar. O que estudar? Em
que você é bom? Por que está aqui? Existe alguém que tem as respostas
que você procura, que conhece o seu futuro. Um Deus. Um plano. Uma
vida. Ame-o, e tudo o mais estará resolvido.
2 DE JANEIRO
“Darei a vocês um coração novo e porei um espírito novo em vocês.”
[Ezequiel 36:26]

A aventura da graça
O btemos graça? Falamos como se entendêssemos o termo. A biblioteca nos
concede um período de graça antes de pagarmos uma multa por atraso. O
político ruim é também sem graça. Usamos a palavra para nos referir a
hospitais, a bebês fofos, e em orações antes do jantar. Ela ocupa
educadamente uma frase de um hino, se encaixa perfeitamente na placa de
uma igreja. Nunca causa problemas nem exige uma resposta.
Mas será que isso é tudo o que a graça oferece? Em que realmente
consiste a graça?
A graça tem tudo a ver com Jesus. Ela vive porque ele vive, funciona
porque ele funciona, e importa porque ele importa. Ser salvo pela graça é ser
salvo por Jesus; não por uma ideia, uma regra ou pela participação em uma
igreja. É ser salvo pelo próprio Jesus, que aceitará no céu qualquer pessoa que
acenar para ele. Mas ele não fará isso, veja você, por conta de um estalar de
dedos, por um cântico religioso ou por um aperto de mãos secreto. A graça
não pode ser encenada. Ela é como o próprio Jesus: indomável, não pode ser
contida. Ela é como uma corrida radical de caiaque, que é empolgante,
assustadora e recompensadora. A graça não é apenas um aplicativo que você
compra. Ela é uma aventura que se vive.

MAIS UMA COISA

Você tem vivido a aventura da graça? Você já foi transformado por ela?
Já foi fortalecido por ela? Já foi suavizado por ela? Em caso negativo,
volte-se para Jesus e deixe que a graça se derrame sobre você. A graça
intensa é tudo de que você precisa.
3 DE JANEIRO
Nós amamos porque ele nos amou primeiro.
[1João 4:19]

Será que alguém me ama?


D eus te ama com amor infalível.
A Inglaterra teve um vislumbre desse amor em 1878. O jovem filho
da princesa Alice foi infectado por uma doença terrível conhecida como
difteria negra. Os médicos colocaram o menino em quarentena e pediram que
a mãe permanecesse longe. Mas ela não conseguia. Certo dia ela ouviu o filho
sussurrar para a enfermeira: “Por que minha mãe não me beija mais?” Aquelas
palavras amoleceram o coração da princesa. Ela correu até o filho e o cobriu
de beijo. Em poucos dias, ela foi enterrada.1
Mas o que levaria uma mãe a agir assim? O que levaria Deus a fazer algo
maior? O amor. E, ah, que amor! — “que excede todo conhecimento” (Efésios
3:19). Peço para que confie nesse amor. Talvez você esteja com fome dele. As
pessoas que deveriam amá-lo não o fizeram. Aqueles que poderiam amá-lo
também não o fizeram. Você foi abandonado em um hospital. Ficou de fora da
lista de convidados da festa. Acabou com o coração despedaçado. Você está
sozinho com a pergunta: “Será que alguém me ama?”
Por favor, ouça a resposta dos céus. Enquanto reflete sobre Jesus na cruz,
ouça atentamente a confirmação de Deus: “Eu te amo.”

MAIS UMA COISA

Há dias em que você não se sente amado. Sua mãe briga com você. Seu
melhor amigo o ignora. Até mesmo o cachorro parece olhá-lo com
outros olhos. E Deus? Não há um instante sequer em que ele não o ame
de todo coração. Acredite nisso. Sempre. Para todo o sempre.
4 DE JANEIRO
“Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo.”
[Colossenses 3:16]

A palavra de Deus é viva


S erá que já houve algum outro livro assim descrito: “A palavra de Deus é
viva e eficaz, e mais afiada que qualquer espada de dois gumes; ela penetra
ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e julga os pensamentos e
intenções do coração” (Hebreus 4:12)?
“Viva e eficaz”. As palavras da Bíblia têm vida! Deus opera através dessas
palavras. A Bíblia está para Deus assim como uma luva cirúrgica está para o
cirurgião. Você já sentiu o toque divino?
Em um momento solitário, tarde da noite, você lê estas palavras: “Nunca
o deixarei, nunca o abandonarei” (Hebreus 13:5). Essas frases trazem conforto,
como uma mão que toca o ombro. Quando a ansiedade age para abalar sua
paz, alguém compartilha esta passagem: “Não andem ansiosos por coisa
alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças,
apresentem seus pedidos a Deus” (Filipenses 4:6). Então essas palavras
arrancam um suspiro da sua alma.
Aproveite para obedecê-las. Não tome nenhuma decisão, simples ou
importante, sem antes se sentar diante de Deus com a Bíblia aberta, com o
coração aberto e com os ouvidos abertos.

MAIS UMA COISA

Professores gostam de empilhar tarefas de leitura como jogadores de


futebol americano em uma disputa de bola. Textos e mais textos de
história. Lições de matemática. Livros para a aula de línguas. Mas
nenhum desses textos terá impacto na sua vida como o livro chamado
Bíblia. Não esqueça de que essa é a tarefa de leitura mais importante de
todas.
5 DE JANEIRO
“Com o coração se crê para justiça, e com a boca se confessa para salvação.”
[Romanos 10:10]

Diga e acredite
V ocê ainda tem dúvidas de que pertence a Deus e de que está destinado ao
céu? Você se pergunta se estará salvo de verdade? Como pode saber?
A Bíblia diz: “Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer
em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo”
(Romanos 10:9). Primeiro, confesse que Jesus é o Senhor. Diga em voz alta ou
em silêncio dentro do seu coração — tanto faz. Mas seja verdadeiro. Depois,
creia que Jesus ressuscitou. Ele não é um homem dentro de uma sepultura,
mas Deus em carne e com poder sobre a morte.
Preste atenção no fato de que Romanos 10:9 não diz “viva perfeitamente,
seja legal com todo mundo, não apronte, não duvide, sorria sempre... e você
será salvo”. Não. Basta confessar e crer. A salvação é consequência — bem
como a paz e a alegria interior que advêm de saber nosso destino final.

MAIS UMA COISA

Sempre tentamos dificultar tudo. Na nossa cabeça, acabamos


adicionando condições para ir para o céu com Deus: mais boas ações,
mais notas boas na escola, mais pensamentos santos. Mas Deus deixa
tudo muito simples. Basta falar sobre a autoridade de Jesus. Basta crer
que ele foi morto e voltou à vida. Simples. Salvação.
6 DE JANEIRO
“Os planos do SENHOR permanecem para sempre.”
[Salmos 33:11]

Deus nunca muda


D eus será sempre o mesmo.
Mas ninguém mais será sempre o mesmo. Amigos ligam para você
hoje e o ignoram amanhã. Em uma semana os professores amam o seu
trabalho e, na outra, já o estão odiando. Pais vivem variando entre a
compreensão e a crítica. Mas Deus não. Ele “não muda como sombras
inconstantes” (Tiago 1:17).
Encontrar Deus de mau humor? Não vai acontecer. Medo de ter usado
toda a graça dele? Talvez ele tenha desistido de você? Errado. Ele não fez uma
promessa a você? “Deus não é homem para que minta, nem filho de homem
para que se arrependa. Acaso ele fala, e deixa de agir? Acaso promete, e deixa
de cumprir?” (Números 23:19). Ele nunca está emburrado ou amargurado,
chorando ou estressado. A força, a verdade, os caminhos e o amor dele nunca
mudam. Ele “é o mesmo, ontem, hoje e para sempre” (Hebreus 13:8).
A ressurreição de Jesus jamais perde poder. O sangue de Cristo não
perde força. Deus nunca muda. Você pode contar com isso.

MAIS UMA COISA

Muitas mudanças são empolgantes. Mas quando tudo ao seu redor está
mudando — seus amigos, suas aulas, sua família, seu corpo, seus sonhos
—, às vezes, é bom saber que há alguém estável, alguém em quem você
pode confiar. E quando essa pessoa é o Todo-poderoso Criador do
universo, cujo amor transborda por você? Isso sim é empolgante.
7 DE JANEIRO
“Considero tudo como perda, comparado com a suprema grandeza do
conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor.”
[Filipenses 3:8]


A recompensa
Arecompensa dos cristãos é Cristo.
Você faz uma viagem até o Grand Canyon apenas para comprar a
camiseta ou o globo que tem aqueles flocos de neve que voam quando você o
agita? Não. A recompensa do Grand Canyon é o Grand Canyon. É a
constatação de que você é parte de algo muito antigo, esplêndido, poderoso e
bem maior do que você mesmo.
O prêmio para nossa fé é a pessoa que Deus enviou para pagar por nossos
pecados. Não o dinheiro do banco, um computador no quarto, um corpo
saudável ou uma autoestima melhor. Sim, tudo isso vale de alguma coisa. Mas
o herói da nossa fé é Cristo. A amizade dele. O caminhar com ele. O refletir
com ele. O explorar ao lado dele. Aquela constatação de parar o coração de
que, nele, você é parte de algo antigo, infinito, incomparável e insondável. E
ele, que consegue escavar um Grand Canyon com o mindinho, pensa que vale
a pena ter morrido em uma cruz romana por você. Cristo é a recompensa dos
cristãos.

MAIS UMA COISA

Talvez você pense que, quando nos tornamos cristãos, a ideia da


recompensa voa janela afora. Mas isso não é verdade. Acontece que sua
recompensa não virá como dinheiro ou boas notas, mas mediante um
relacionamento com o Criador. Difícil de medir. Difícil até de imaginar!
Mas é uma recompensa e tanto.
8 DE JANEIRO
“Guia-me com a tua verdade e ensina-me, pois tu és Deus, meu Salvador.”
[Salmos 25:5]


Avaliação honesta
Levante a mão se alguma das situações a seguir o descreve. Você está em paz
com todo mundo. Cada um dos seus relacionamentos está indo de vento em
popa. Mesmo os amigos antigos falam bem de você. Você ama a todos e é
amado por todos. Esse é você? Ou, então, você não tem medo algum. Repetir
na aula de francês — sem problema. Descobriu um problema no coração —
bocejos. Basta chamar o Super-Homem. Isso o descreve? Ou, talvez, você não
precise de perdão. Nunca cometeu nenhum erro. É certo como um relógio.
Tão limpo quanto a cozinha da vovó. Esse é você? Não?
Vamos avaliar a situação. Alguns dos seus relacionamentos estão
estremecidos. Você tem medos e comete erros. Realmente quer caminhar pela
vida por si mesmo? O caminho adiante parece difícil. Para mim, seria bom
você ter um pastor. “Mesmo quando eu andar por um vale de trevas e morte,
não temerei perigo algum, pois tu estás comigo” (Salmos 23:4).

MAIS UMA COISA

Vamos ser sinceros. Por mais animado que seu coração fique com suas
últimas realizações — o teste de inglês que você gabaritou, os pontos
que marcou na quadra de basquete, o prêmio pelo voluntariado que
recebeu —, você ainda pode utilizar alguma ajuda na vida. Um amigo.
Um guia. Um Salvador.
9 DE JANEIRO
“Nem mesmo o Filho do homem veio para ser servido, mas para servir.”
[Marcos 10:45]


Pés fedidos
Na cintura. Depois disso, derramou água numa bacia e começou a lavar os pés
noite anterior à sua morte, Jesus “colocou uma toalha em volta da

dos seus discípulos” (João 13:4-5).


Não sei quanto a você, mas, se eu soubesse que iria morrer, minha
primeira ideia não seria pegar sabão, água e cair aos calcanhares de alguém.
Eu não sou nenhum fã de pés. Olhar no seu rosto? Eu olho. Apertar a sua
mão? Com prazer. Passar o braço por sobre os seus ombros? Fico feliz em
fazê-lo. Mas esfregar seus pés? Ah, qual é?! Pés são feios e cheiram mal. E é
esse mesmo, acredito, o objetivo da história.
Jesus tocou os pés fedidos e feios dos discípulos. Mesmo sabendo que ele
vinha de Deus. Mesmo sabendo que ele estava indo para Deus. Mesmo
sabendo que toda a autoridade lhe pertencia, Jesus trocou suas vestes pela
toalha dos serviçais, rebaixou-se até ficar de joelhos e começou a esfregar as
escaras, a sujeira e o encardido que aqueles pés tinham juntado por toda a
viagem.
E ele quer limpar cada uma das partes sujas da sua vida também.

MAIS UMA COISA

Você consegue perceber o quanto Jesus se importa com você? O quanto


ele lhe dá valor? Pois é o suficiente para rebaixar-se ao seu nível. O
suficiente para tocar e limpar as partes mais sujas do seu passado.
Suficiente até para morrer por você. Isso é graça. Isso é amor.
10 DE JANEIRO
“O que é impossível para os homens é possível para Deus.”
[Lucas 18:27]


Ouse sonhar
Deus sempre se alegra quando ousamos sonhar. Na verdade, somos bem
parecidos com ele quando sonhamos. O Mestre se rejubila na novidade.
Ele se delicia com refazer o velho. Ele escreveu o livro sobre tornar possível o
impossível.
Quer exemplos? Leia a Bíblia. Pastores na casa dos seus oitenta anos não
costumam enfrentar faraós... Mas não vá contar para Moisés. Pastores
adolescentes não costumam desafiar gigantes... Mas não vá contar para Davi.
Pastores que trabalham à noite não costumam ouvir anjos cantar, nem ver
Deus em um estábulo... Mas não vá contar para os de Belém.
E, de qualquer modo, não conte nada disso para Deus. Ele passou a
eternidade transformando o que é terrestre em celeste. E ele se irrita quando
as asas das pessoas são presas. Então vá em frente e dê seus sonhos para Deus.
Veja-o transformá-los de ideias quase invisíveis para uma realidade que vai
além dos seus sonhos mais loucos.

MAIS UMA COISA

Não coloque limites à sua vida. Nem todo sonho irá se realizar, e nem
todo sonho é de Deus. Mas quando seus sonhos estão conectados aos
planos de Deus, você acaba encontrando portas abertas que jamais
pensou que veria. Ouse sonhar.
11 DE JANEIRO
“A fé sem obras está morta.”
[Tiago 2:26]


Faça alguma coisa
Afé não é a crença em que Deus fará tudo que você deseja. A fé é a crença
em que Deus fará o que é certo. “Em seu coração o homem planeja o seu
caminho, mas o SENHOR determina os seus passos” (Provérbios 16:9). Deus
está sempre perto e sempre disponível. Ele está apenas esperando seu toque.
Portanto, faça com que ele saiba. Demonstre sua devoção:
Escreva uma carta de encorajamento. Peça perdão. Seja batizado.
Alimente a quem tem fome. Convide um colega que precise de um amigo para
ir à igreja. Fale sobre Jesus para alguém.
Ore.
Louve.
Vá.
Faça algo que demonstre sua fé. Pois a fé sem esforço não é fé, em
absoluto. Deus irá responder. Ele nunca rejeitou um ato genuíno de fé. Nunca.

MAIS UMA COISA

Leia Tiago 2:14-26. Suas atitudes demonstram a sua fé? O amor por
Deus não é algo que devemos esconder na mochila. Ele deve ser o que
nos leva a agir. O que você pode fazer nesta semana para demonstrar sua
fé? Deus ficará feliz e encontrará você nesse ato.
12 DE JANEIRO
“Sejam praticantes da palavra, e não apenas ouvintes.”
[Tiago 1:22]


Bons hábitos
Certa vez alguém me disse: “Sou um cristão recém-convertido. Ao longo dos
anos acabei desenvolvendo alguns maus hábitos. Como posso fazer para
me livrar deles agora?” Qual foi minha resposta a essa pergunta, que também
é meu conselho para você agora? Crie bons hábitos. Aqui vão quatro para
começar.
Primeiro, ore: “Sede [...] assíduos na oração” (Romanos 12:12 BJ). Deus
quer ouvir notícias suas todos os dias.
Segundo, estude: “Quem dá a devida atenção à mensagem de Deus e a
vive na prática [...] — essa pessoa vai longe” (Tiago 1:25 MSG).
Terceiro, doe: “No primeiro dia da semana, cada um de vocês separe
uma quantia, [...] reservando-a para que não seja preciso fazer coletas”
(1Coríntios 16:2). Não se deve doar em nome de Deus, mas em seu próprio
nome.
E, por fim, seja companheiro: “Não deixemos de reunir-nos como igreja,
segundo o costume de alguns” (Hebreus 10:25). Toda semana você precisa ter
o apoio de outros cristãos.
Quatro hábitos que valem a pena cultivar. Não é bom saber que alguns
hábitos fazem bem?

MAIS UMA COISA

Quando você entrega seu coração a Deus, seu lugar no céu fica
reservado para sempre. Não é necessário nenhum pagamento. Mas se
você quiser crescer na sua fé e ser mais como ele, acrescentar alguns
hábitos bons — e santos — fará muito bem para a sua caminhada.
13 DE JANEIRO
“Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-
me.”
[Marcos 8:34]


É sua escolha
De Algumas
um lado está a multidão. Algumas daquelas pessoas são “descoladas”.
são suas amigas. Eles estão provocando. Vaiando. Fazendo
exigências.
Do outro lado está um camponês. Ele está sozinho. Seus lábios estão
inchados. O olho está inchado. Sua promessa é grandiosa.
Um suplica a aceitação; o outro, a cruz.
Um oferece a carne e o tempo passageiro; o outro, a fé.
A multidão desafia: “Siga-nos e adeque-se a nós.”
Jesus promete: “Siga-me e destaque-se.”
Eles prometem agradar. Deus promete salvar.
Deus olha para você e pergunta: “Qual será a sua escolha?”

MAIS UMA COISA

Talvez a sua salvação em Cristo esteja garantida, mas a escolha de


continuar seguindo Jesus é feita mil vezes por dia. Há momentos em que
escolher entre Deus e alguém popular pode parecer esquisito. Mas, a
longo prazo, não há escolha que seja melhor.
14 DE JANEIRO
“[Jesus] esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo.”
[Filipenses 2:7]


Por que ele fez aquilo?
Viagem de férias. Não é fácil. Mas, então, por que fazemos isso? Por que
lotamos o porta-malas e encaramos o aeroporto? Você deve saber a
resposta. É porque amamos estar com as pessoas que amamos.
A menininha de quatro anos correndo na calçada até os braços do avô. A
tigela de cereais com a mãe antes do resto da casa acordar. Aquele momento
em que, por um instante, todos estão em silêncio, de mãos dadas à mesa,
agradecendo a Deus pela família, pelos amigos, pela torta. Amamos estar com
as pessoas que amamos.
Mas posso lembrar uma coisa? Deus também ama. Ama estar com
aqueles que ele ama. De que outro modo você explicaria o que ele fez? Entre
ele e nós existe uma distância — uma boa distância. E ele não conseguia
suportar essa distância. Ele não conseguia aturar isso. Então ele tomou uma
atitude.
Ele “esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo”.

MAIS UMA COISA

Há na sua vida alguém que você ama mas tem poucas oportunidades de
ver? Talvez um amigo que tenha se mudado. Talvez uma avó do outro
lado do oceano. Você não faria quase tudo para passar mais tempo com
essas pessoas? Foi o que Deus fez. Ele não suportava a separação, então
ele tomou uma atitude.
15 DE JANEIRO
“Não a nós, SENHOR, nenhuma glória para nós, mas sim ao teu nome, por teu amor e
por tua fidelidade!”
[Salmos 115:1]


Nós precisamos da sua glória
Deus tem um objetivo: Deus. “Não darei minha glória a um outro” (Isaías
48:11). Surpreso? Essa atitude, ousamos perguntar, não seria egoísta? Por
que é que Deus está divulgando a si mesmo?
Pela mesma razão que leva o piloto do barco salva-vidas a fazer isso.
Pense da seguinte maneira: você está afundado até o pescoço em um mar frio
e escuro. O navio está afundando. O colete salva-vidas inflável está
esvaziando. Mas no meio da noite escura surge a voz de um piloto de barco
salva-vidas. Você não consegue vê-lo. O que você gostaria que ele fizesse? Que
ficasse quieto? Que não dissesse nada?
De modo algum! Você precisa de volume! Aumente o som, cara! No
jargão bíblico, você quer que ele demonstre sua glória. Você precisa que ele
diga: “Eu estou aqui. Eu sou forte. Eu posso salvar você!” Os passageiros que
estão se afogando querem que o piloto revele toda a sua supremacia.
E não queremos que Deus faça o mesmo? Olhe ao seu redor. As pessoas
estão espalhadas em mares de culpa, de raiva, de desespero. A vida não está
funcionando. Estamos afundando bem rápido. Mas Deus pode nos resgatar. E
apenas uma mensagem importa: a dele! Precisamos ver a glória de Deus.

MAIS UMA COISA

Não tenha dúvidas: Deus não tem um problema com o ego. Ele não
revela sua glória para seu próprio bem. Nós é que precisamos
testemunhá-la para o nosso bem. Precisamos que a voz dele seja alta
para que ele e sua mão forte consigam nos puxar para o bote salva-vidas.
Vamos agradecer a Deus por ele ser o piloto de nossas vidas.
16 DE JANEIRO
“Tu me alegras, SENHOR, com os teus feitos; as obras das tuas mãos levam-me a
cantar de alegria.”
[Salmos 92:4]


Alegria desafiadora
M eu amigo Rob chorava livremente enquanto contava a história da vida
desafiadora de seu filho mais novo. Daniel nascera com o palato fendido,
o que desfigurou seu rosto. Ele passara por cirurgias, mas os sinais
continuavam ali, de modo que as pessoas percebiam a diferença e, vez por
outra, faziam algum comentário.
Daniel, no entanto, é inabalável. Ele diz às pessoas que Deus o fez assim,
então, qual é o problema? Ele foi condecorado aluno da semana na escola e
pediram que ele trouxesse algo para mostrar aos colegas. Daniel disse para a
mãe que queria levar as fotografias do seu rosto antes da cirurgia. A mãe ficou
preocupada. “Mas isso não vai deixar você um pouco desconfortável?”,
perguntou ela.
Mas Daniel insistiu. “Ah, não, eu quero que todo mundo veja o que Deus
fez por mim!”
Experimente ter um pouco da alegria desafiadora de Daniel para ver o
que acontece. Deus deu a você uma xícara de bênçãos. Eu sugiro que você a
adoce com uma colher bem cheia de gratidão.

MAIS UMA COISA

Alguém poderia dizer que a felicidade é a sensação passageira que temos


quando tomamos sorvete ou quando terminamos uma corrida em
primeiro lugar. A alegria, no entanto, é algo mais profundo. Ela desafia
dias ruins e vidas duras. Não importam as circunstâncias, a alegria
permite que o amor e a luz de Deus brilhem.
17 DE JANEIRO
“[Jesus é] alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem
pecado.”
[Hebreus 4:15]


Perfeito
Jesus está diante de Pilatos, acusado de crimes que não cometeu. O
governador romano faz tudo que pode para libertar Jesus. Por quê? “Não
acho nele motivo algum de acusação” (João 18:38). Com tais palavras, Pilatos
assume, sem querer, ares de professor espiritual. Ele declara primeiro aquilo
que Paulo diria mais tarde: Jesus “não tinha pecado” (2Coríntios 5:21). Com a
mesma importância de andar sobre as águas, levantar os mortos e curar as
doenças está a imensa verdade: ele jamais pecou.
Jesus era o modelo divino de um ser humano. Sempre honesto em meio
aos hipócritas. Obstinadamente gentil em um mundo de crueldade. Voltado
para o céu apesar das incontáveis distrações. Não quero dizer apenas que
Jesus passou em todos os testes. Ele obteve a nota perfeita em cada um deles.
Será que você consegue imaginar uma vida assim? Sem erros? Sem uma
única marca vermelha nas suas lições? Eu também não. É por isso que Deus
encontrou um meio de punir o pecado e preservar o pecador. Jesus assumiu a
sua punição e Deus deu crédito a você pela perfeição de Jesus.
Parece perfeito para mim.

MAIS UMA COISA

Todos queremos ter um cabelo perfeito, uma pele perfeita, notas


perfeitas, uma vida perfeita. Mas não aprendemos nunca, não é? E nunca
aprenderemos. É por isso que precisamos desesperadamente de Jesus. É
ele quem cobre nossas falhas e oculta nossos defeitos. Só a obra dele é
perfeita como uma bela obra de arte.
18 DE JANEIRO
“Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros.”
[João 13:34]


A família de amigos de Deus
Deus oferece a você uma família de amigos e amigos que são uma família —
a Igreja dele. Quando você deposita sua confiança em Cristo, ele não só
perdoa você, mas também coloca você na família de amigos dele.
O termo família de longe supera qualquer outro termo bíblico para
descrever a Igreja. Irmãos ou irmãos e irmãs aparecem incríveis 148 vezes
entre Atos dos Apóstolos e Apocalipse. A Igreja não é um lugar a que se vai,
mas um grupo de pessoas que cuidam umas das outras por meio da fé.
Deus cura sua família por meio de sua própria família. Na Igreja usamos
nossos dons para amar uns aos outros, honrar uns aos outros, para ficar de
olho naqueles que causam problemas e para suportar os fardos uns dos
outros. Como filhos de Deus, pertencemos todos ao Pai. É isso que ele tinha
em mente desde o início: “Em amor nos predestinou para sermos adotados
como filhos por meio de Jesus Cristo” (Efésios 1:5).

MAIS UMA COISA

Pertencer à família de Deus é um prazer e um privilégio. Ao depositar a


fé em Jesus, automaticamente ganhamos milhões de irmãos e irmãs por
todo o mundo. Uma família perfeita? Não. Porém, quando nos
concentramos no Pai, acabamos experimentando um amor perfeito.
19 DE JANEIRO
“Contemplo os teus céus, obra dos teus dedos.”
[Salmos 8:3]


Não perca o espanto
Nós compreendemos como se formam as tempestades. Conseguimos
mapear sistemas solares e realizar transplantes cardíacos. Conseguimos
medir as profundezas dos oceanos e enviar sinais a planetas distantes. Nós
estudamos nosso universo e estamos aprendendo como ele funciona.
Para algumas pessoas, no entanto, a perda do mistério levou à perda da
majestade. Quanto mais conhecemos, menos acreditamos. Estranho, você não
acha? O conhecimento de como as coisas funcionam não deveria eliminar o
espanto. Ele deveria incitar o espanto. Quem teria mais razões para louvar que
o astrônomo que já viu as estrelas?
Ironicamente, quanto mais sabemos, menos louvamos. Ficamos mais
impressionados com a descoberta do interruptor de luz que com aquele que
inventou a eletricidade. Em vez de louvar o Criador, louvamos a criação (ver
Romanos 1:25).
Não é de se espantar que não haja espanto. Acreditamos que já sabemos
de tudo. Meu conselho? Não perca o espanto.

MAIS UMA COISA

Nós, humanos, podemos ser bem arrogantes. Sempre parecemos saber


mais do que realmente sabemos. Costumava ser um fato bem-
estabelecido, por exemplo, que a terra era plana. Talvez precisemos
olhar para além de todo o nosso aprendizado sobre o mundo, para o
Senhor que torna tudo isso possível.
20 DE JANEIRO
“Ele se regozijará em você.”
[Sofonias 3:17]


Deus não se esquecerá de você
Deus é por você. Vire-se para os lados; lá está Deus acompanhando a sua
corrida. Olhe para além da linha de chegada; lá está Deus aplaudindo seus
passos. Ouça-o na arquibancada, gritando seu nome. Cansado demais para
continuar? Ele vai carregar você. Desanimado demais para lutar? Ele irá
levantar você. Deus é por você.
Deus é por você. Se ele tivesse um calendário, o seu aniversário estaria
marcado nele. Se ele dirigisse um carro, seu nome estaria em um adesivo do
para-choque. Se existe uma árvore no céu, nela ele terá gravado seu nome.
“Será que uma mãe pode esquecer do seu bebê?”, pergunta Deus em
Isaías 49:15. Que pergunta bizarra. Você consegue imaginar a sua mãe dando
de mamar quando você era pequeno e, momentos depois, perguntando: “Qual
é o nome daquele bebê mesmo?” Não. Eu já vi várias mães tomando conta de
seus pequenos. Elas penteiam os cabelos, tocam o rosto, cantam o nome do
bebê de novo e de novo. Será que uma mãe esquece? De modo algum. Deus
diz: “Embora ela possa se esquecer, eu não me esquecerei de você!” (Isaías
49:15).

MAIS UMA COISA

Deus tem uma memória melhor que a de um computador. Ele se lembra


do seu nome. Ele se lembra das coisas boas que você fez e da fé que você
manteve no coração. Ele se lembra do plano maravilhoso que tem para o
seu futuro. Esquecer você? Pode esquecer.
21 DE JANEIRO
“Disse Deus: ‘Façamos o homem à nossa imagem.’”
[Gênesis 1:26]


Feitos à imagem dele
T ente imaginar a criatividade de Deus. De tudo aquilo que não conhecemos
sobre a criação, há uma coisa que conhecemos bem — que ele fez tudo o
que fez com um sorriso. Ele deve ter se divertido muito! Pintar as listras nas
zebras, pendurar as estrelas no céu, colocar o dourado no pôr do sol. Quanta
inspiração! Esticar o pescoço da girafa, colocar as penas nas asas dos pássaros,
incutir a risada na hiena.
Que tempo bom que ele teve! Como um carpinteiro que assobia por toda
a oficina, ele deve ter amado cada momento. Ele se derramou todo sobre sua
obra. Tão intensa era a criatividade divina que ele tirou um dia de folga ao fim
da semana só para descansar.
Como grande final para um desempenho brilhante, ele fez o homem.
Com seu típico arroubo criativo, ele começou com um montinho inútil de
barro e terminou com uma espécie inestimável chamada espécie humana. E
essa espécie tem a honra única de trazer um selo: “Feito à imagem de Deus”.

MAIS UMA COISA

Da próxima vez em que duvidar que você é especial, considere-se o


ápice das realizações de Deus. Ele criou o céu e a terra, os oceanos e as
florestas e animais de todo tipo. Mas ele terminou sua obra com pessoas
— homens e mulheres feitos à imagem dele. E ele disse que aquilo era
muito bom.
22 DE JANEIRO
“Dediquem-se à oração, estejam alertas e sejam agradecidos.”
[Colossenses 4:2]


Vamos orar
Amaioria de nós tem muita dificuldade com a oração. Esquecemos de orar e,
quando lembramos, corremos com a oração repleta de palavras vazias. A
mente viaja; os pensamentos fogem mais rápido que os colegas ao ouvir o
sinal do fim das aulas do dia.
Nossa luta com a oração não é culpa inteiramente nossa. Satanás sempre
busca interromper nossas orações. O diabo sabe o que acontece quando
falamos com Deus. “As armas com as quais lutamos [...] são poderosas em
Deus para destruir fortalezas” (2Coríntios 10:4). Satanás não treme nem
gagueja quando você passa pela porta da igreja. Os demônios não se encolhem
quando você lê este livro. Mas todas as paredes do inferno estremecem
quando uma pessoa de coração honesto e fiel ora: “Ó Deus, como és
maravilhoso!”
O inimigo corre como um filhote assustado quando caminhamos na
oração. Portanto, façamos isto. “Submetam-se a Deus. Resistam ao diabo, e ele
fugirá de vocês. Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês!” (Tiago
4:7-8).

MAIS UMA COISA

Você tem consciência do poder da oração? Um meio de avaliar esse


aspecto da sua vida é manter um registro de oração. Registre suas
conversas com Deus e como ele atende a seus pedidos. Talvez você fique
surpreso com o que pode aprender e com quanto ficará ainda mais
próximo dele.
23 DE JANEIRO
“Bendito seja o Senhor, Deus, nosso Salvador, que cada dia suporta as nossas
cargas.”
[Salmos 68:19]


Mostre seus fracassos
Você leva uma mochila para a escola? Há dias em que levar todo o material
escolar para lá e para cá parece um exercício, não? Porém, por mais pesada
que esteja sua mochila, talvez o fardo mais pesado que tentamos carregar seja
o fardo dos nossos erros e fracassos. O que você faz com seus fracassos?
Mesmo que você tenha caído, mesmo que você tenha falhado, mesmo
que todo mundo tenha rejeitado você, Cristo não lhe dará as costas. Ele vem
antes e em primeiro lugar para aqueles que não têm esperanças. Ele vai até as
pessoas às quais ninguém mais iria e diz: “Eu lhe darei a eternidade.”
Só você pode entregar suas preocupações ao Pai. Ninguém mais pode
tomar suas preocupações e dá-las a ele. Só você pode largar suas preocupações
e deixá-las com aquele que se importa com você. Há modo melhor de
começar o dia que deixando as preocupações aos pés dele?

MAIS UMA COISA

Mesmo as pessoas mais bem-sucedidas falham. Eu garanto que você


passará por isso. Como vai responder quando estragar tudo? Ficar
remoendo em sua mente e repetindo o quanto você é burro não é a
saída. Deixe esse peso de lado. Permita que Deus o carregue. A mochila
dele é infinitamente maior que a sua.
24 DE JANEIRO
“Conheço os planos que tenho para vocês”, diz o SENHOR, “planos de fazê-los
prosperar e não de lhes causar dano.”
[Jeremias 29:11]


Um prato de experiências
Ontem à noite, durante a oração da família, chamei minhas filhas à mesa e
coloquei um prato à frente de cada uma. No meio da mesa ofereci uma
variedade de comidas: algumas frutas, alguns vegetais crus e alguns biscoitos
recheados. “Todo dia”, expliquei, “Deus prepara um prato de experiências
para nós. De que tipo de prato vocês mais gostam?”
A resposta era fácil. Sara colocou três biscoitos no prato. Certos dias são
assim, não são? Alguns dias são “dias de três biscoitos”. Mas muitos não são.
Às vezes nossos pratos não têm nada além de vegetais — 24 horas de aipo,
cenoura e abóbora. De algum modo Deus sabe que precisamos de força e,
apesar de a comida parecer difícil de engolir, não é para o nosso bem? A
maioria dos dias, no entanto, tem uma porção de cada coisa.
Da próxima vez que seu “prato” tiver mais brócolis que torta de maçã
lembre-se de quem preparou aquela refeição, e coma com vontade. Esse é um
chef em quem você pode confiar.

MAIS UMA COISA

Quais são suas comidas prediletas? Pizza? Sorvete? Um sanduíche?


Aposto que você não come sua comida favorita todo dia. Todos nós
sabemos da importância de uma dieta balanceada. O equilíbrio também
é importante nas experiências da vida. Deus sabe disso e pode ajudar
você a ser grato sem importar o que a vida coloca em seu prato.
25 DE JANEIRO
“Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do
diabo.”
[Efésios 6:11]


Perdido no deserto
Odeserto pode ser um lugar escuro e solitário. No deserto se pensa o
impensável. Foi o que aconteceu com Jesus. Ele “foi levado pelo Espírito ao
deserto, onde, durante quarenta dias, foi tentado pelo diabo” (Lucas 4:1-2).
Fico imaginando que ideias selvagens teriam lhe surgido à mente. Se alinhar
com Satanás? Tornar-se um ditador, em vez de um Salvador? Queimar a
Terra inteira e começar de novo em Plutão? Não conhecemos o que ele
pensou. Sabemos apenas disto: ele foi tentado.
“Cada um, porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta
arrastado e seduzido” (Tiago 1:14). O que era inimaginável antes do deserto se
torna possível nele. Fofocas. Infidelidade. Humilhar um amigo. Drogas.
Bebidas. Sexo. Pornografia. Suicídio. Quando o mundo está tão escuro que
não se consegue enxergar a saída, você acaba dando espaço ao inimaginável.
Como evitar a armadilha da tentação? Confie na Palavra de Deus. Ele
“lhes providenciará um escape, para que o possam suportar” (1Coríntios
10:13). Ouçam atentamente a voz dele e deixem o deserto para trás.

MAIS UMA COISA

Todos nós acordamos no meio do deserto em algum ponto da vida.


Talvez você já esteja lá. É bastante cansativo, não é? Confie nisto: Deus
sempre mostra uma saída. Procure por ela. Ouça atentamente. Agarre-a
assim que tiver a chance. Ele irá guiar cada passo.
26 DE JANEIRO
“‘E vocês?’, perguntou ele. ‘Quem vocês dizem que eu sou?’”
[Marcos 8:29]


A pergunta
Jesus vira para os discípulos e faz a pergunta. A pergunta. “Quem vocês
dizem que eu sou?”
Ele não pergunta: “O que você pensa sobre tudo que eu fiz?” Ele
pergunta: “Quem vocês dizem que eu sou?” Ele não pergunta: “Quem seus
amigos pensam? Quem seus pais pensam? Quem seus iguais pensam?” Em vez
disso, a pergunta é absolutamente pessoal. “Quem você pensa que eu sou?”
Você já teve de responder a algumas perguntas bastante importantes na
sua vida: Você pode ir ao baile comigo? O que você acha de mudar para outro
estado? O que você quer fazer depois de se formar?
Sim, você já respondeu algumas perguntas bem importantes. Mas a
maior dessas perguntas não passa de um cupinzeiro comparado ao Everest
encontrado no capítulo 8 do Evangelho de Marcos. “Quem vocês dizem que
eu sou?” Sua resposta pode mudar uma vida. Ela pode decidir o seu futuro
para sempre.

MAIS UMA COISA

Respondemos perguntas o dia inteiro. O que você quer para o café da


manhã? Qual é a capital do Panamá? Você gosta dele? Mas nenhuma
dessas perguntas se compara à de Jesus: “Quem vocês dizem que eu
sou?” Se você não está certo da sua resposta, leia mais sobre a vida de
Jesus nos Evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João. Essa é uma
resposta que você precisa acertar.
27 DE JANEIRO
“Eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos.”
[Mateus 28:20]


“Deus está aqui”
Quando os marinheiros de antigamente desenhavam mapas dos oceanos
eles também revelavam seus medos. Nas vastas águas inexploradas, os
cartógrafos escreviam coisas como “Dragões vivem aqui” e “Aqui estão
demônios”.
Se você fizesse um mapa do seu mundo ele traria essas mesmas frases?
Por sobre as águas desconhecidas de amizades e de romances: “Dragões vivem
aqui”. Perto do mar da escola e das aulas, “Aqui estão demônios”.
Em caso afirmativo, tome nota do exemplo de Sir John Franklin. Ele era
um marinheiro-mestre dos dias do rei Henrique V. As águas distantes eram
tanto um mistério para ele quanto eram para os outros marinheiros. Porém,
ao contrário dos colegas, Sir John era um homem de fé. Em seus mapas ele
riscou as frases como “Dragões vivem aqui” e “Aqui estão demônios”. No lugar
delas ele escreveu a frase “Deus está aqui”.2
Pode anotar. Você nunca vai estar onde Deus não está. Talvez você seja
mudado de sala, de escola ou de cidade, mas — grave esta verdade no coração
— você jamais vai estar onde Deus não está. “Eu estarei sempre com vocês”,
prometeu Jesus (Mateus 28:20).
Não tenha medo; apenas acredite.

MAIS UMA COISA

Da próxima vez que você se aventurar por águas desconhecidas, fale


com Deus sobre isso. Vai tocar um solo no show da sua banda? Está
tentando entrar para o time da escola? Vai conversar com um colega de
escola sobre sua fé? Onde quer que você esteja, ele estará ao seu lado.
Sempre.
28 DE JANEIRO
“Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.”
[João 14:6]


Um caminho
T olerância. Uma virtude muito valorizada hoje em dia. A habilidade de
compreender pessoas que são diferentes de você mostra que tem classe.
Jesus foi, também, um campeão em tolerância.
Tolerância para com os discípulos quando eles duvidaram.
Tolerância para com as multidões quando elas não entenderam.
Tolerância para conosco quando estragamos tudo.
Mas havia um assunto em que Jesus era intolerante. Havia uma área em
que ele jamais se curvaria ou se renderia.
No que dizia respeito a Jesus, quando se falava de salvação, não havia
vários caminhos... Havia apenas um caminho. Não há várias estradas... Há
apenas uma estrada. E essa estrada é o próprio Jesus.
É por isso que é tão difícil para as pessoas acreditarem em Jesus. É muito
mais fácil considerá-lo apenas como uma dentre várias opções em vez de a
única opção. Mas uma filosofia como essa não é opção.

MAIS UMA COISA

Há momentos em que se deve ser tolerante e momentos em que isso é


má ideia. Seus amigos falam demais? Você pode lidar com isso. Seus
amigos planejam roubar o carro do diretor? Sem chance. Quando se
trata da sua fé, é melhor dar um pé na tolerância.
29 DE JANEIRO
“Deus faz dessas coisas ao homem, duas ou três vezes.”
[Jó 33:29]


Deus quer você de volta
Quando eu tinha 15 anos, inventei um plano para ficar bêbado. Os detalhes
incluíam um amigo, um engradado e eu. Bebi cerveja até não poder
enxergar mais nada à frente, depois fui para casa e vomitei até não conseguir
ficar em pé. Meu pai foi até o banheiro, sentiu o cheiro da cerveja, jogou uma
toalha na minha direção e saiu com nojo.
Aquele foi o começo de alguns anos instáveis para um tal Max Lucado.
Eu mentia para os meus pais e para os meus amigos. Eu focava em mim, em
mim, em mim. E bebia. Com bastante gosto.
Eu estava no segundo ano da faculdade da última vez em que fiquei
bêbado. Eu tinha parado de ir à igreja porque não acreditava que Deus iria me
querer de volta. Mas a influência de alguns bons amigos e de um pastor me
ajudou a ver que o motivo pelo qual Jesus morreu na cruz eram pessoas como
eu.
Foi uma descoberta transformadora. Percebi que Deus está sempre
disposto a dar uma segunda chance. Eu a agarrei — e tenho sido grato desde
então.

MAIS UMA COISA

Está vendo? Nada do que você faz é capaz de encerrar o amor de Deus
por você. Nem a bebida. Nem as drogas. Nem aquela coisa terrível que
você fez para o seu pai, para sua irmã, para sua amiga. Por isso, responda
pelos seus erros e peça que Deus perdoe você. Comece a viver de novo.
Ele quer você de volta.
30 DE JANEIRO
“Todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.”
[Romanos 8:14]


Quem é o Espírito Santo?
ATrindade — Pai, Filho e Espírito Santo — não é uma família comum. Na
verdade, pode até não fazer muito sentido para você. Nós falamos sobre o
Pai e estudamos o Filho, mas, quando falamos do Espírito Santo, muitos de
nós ficam confusos, na melhor das hipóteses, ou assustados, na pior delas.
Confusos porque nunca nos ensinaram. Assustados porque aprendemos a
sentir medo.
Posso simplificar tudo um pouquinho? O Espírito Santo é a presença de
Deus em nossas vidas, quem opera a obra de Jesus. É ele que nos ajuda em três
direções — para dentro (ao conceder o fruto do Espírito, Gálatas 5:22-24),
para cima (ao interceder por nós, Romanos 8:26) e para fora (ao derramar o
amor de Deus em nossos corações, Romanos 5:5).
Quando você convida Deus para a sua vida, também convida o seu
Espírito. “O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos
de Deus” (Romanos 8:16). Pode chamar de a melhor reunião de família que
você já teve.

MAIS UMA COISA

É um dos maravilhosos mistérios da nossa fé: Jesus é o Filho de Deus,


um indivíduo, mas ainda assim o próprio Deus. O mesmo é verdadeiro
sobre o Espírito Santo. Ele opera dentro de nós, com Deus e como Deus,
nos conduzindo à vida que devemos levar.
31 DE JANEIRO
“Prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus.”
[Filipenses 3:14]


Um padrão mais elevado
Durante a maior parte da minha vida fui um preguiçoso dentro do armário.
Então eu casei. Tive de fazer parte de um grupo de apoio a preguiçosos.
(“Meu nome é Max, odeio passar o aspirador.”) Uma fisioterapeuta me ajudou
a redescobrir os músculos necessários para pendurar camisas no varal. Meu
nariz foi reapresentado ao cheiro do desinfetante.
Certo dia, a hora da verdade chegou. Denalyn, minha esposa, iria ficar
fora da cidade por uma semana. No começou voltei a ser quem eu era.
Imaginei que seria um preguiçoso por seis dias e que limparia tudo no sétimo.
Mas algo estranho aconteceu, um desconforto curioso. Eu não conseguia
relaxar com os pratos sujos na pia. O que tinha acontecido comigo? Simples.
Eu tinha sido exposto a um padrão mais elevado.
E não foi isso que aconteceu conosco? Antes de conhecer Jesus não nos
importávamos com o mundo à nossa volta. Estávamos focados em nós
mesmos. Nossas vidas eram uma bagunça. Mas agora temos uma ciência
muito maior do povo de Deus e dos padrões de Deus. Hoje temos um novo
modelo para seguir — o melhor que poderia existir.

MAIS UMA COISA

Jesus é o modelo das nossas vidas. Às vezes isso pode ser um pouco
intimidante — afinal de contas, ele é perfeito. Deus não espera perfeição
de nós, mas nos chama a tentarmos ser cada dia mais como Cristo. O
bom disso é que quanto mais próximos chegamos, melhor fica a vida e
maior a nossa alegria.


FEVEREIRO

Assim conhecemos o amor que


Deus tem por nós e confiamos
nesse amor. Deus é amor. Todo
aquele que permanece no amor
permanece em Deus, e Deus
nele.

[ 1João 4:16 ]
1º DE FEVEREIRO
“Vocês [...] receberam o Espírito que os adota como filhos, por meio do qual
clamamos: ‘Aba, Pai.’”
[Romanos 8:15]


Confie no veredito de Deus
A ceitar a graça de Deus é aceitar a sua oferta de ser adotado pela família
divina. Sua identidade não está nos seus amigos, nas suas posses, nos seus
talentos, nas suas tatuagens, nas suas notas, nem nas suas realizações. Como
você também não é definido pelo divórcio ou pela dívida da sua família, nem
por suas escolhas erradas. Você é filho de Deus. Você pode chamá-lo de
“Papai”. Você recebe as bênçãos do amor especial dele (1João 4:9-11) e suas
provisões (Lucas 11:11-13). Você herdará as riquezas de Cristo e reinará com
ele para sempre (Romanos 8:17).
Essa adoção é tanto horizontal quanto vertical. Você está incluído na
família para sempre. Uma comunidade se forma tendo como base um pai em
comum. Uma família instantânea e espalhada pelo mundo todo!
Em vez de tentar inventar motivos para se sentir bem consigo mesmo,
confie no veredicto de Deus. Se Deus o ama, então você deve ser digno de
amor. Se ele o quer no Reino dele, então você deve ser digno de pertencê-lo. A
graça de Deus convida você — não, ela exige de você — a mudar sua atitude
em relação a si mesmo e a ficar do lado de Deus contra os sentimentos de
rejeição.

MAIS UMA COISA

Em uma escala de um a dez, quão bem consigo mesmo você se sente


agora? Se tiver dificuldade em estabelecer um valor, talvez seja melhor
ouvir uma segunda opinião. Deus ama você e quer você na família dele.
Não acha que ele conhece o que realmente tem valor?
2 DE FEVEREIRO
“Canto louvores a ti; tu és, ó Deus, o meu alto refúgio, o Deus que me ama.”
[Salmos 59:17]


Mão forte para segurar
Com a vida vem a mudança. Com a mudança vem o medo, a insegurança, a
tristeza, o cansaço. Então, o que você faz? Hiberna? Não assume risco
algum com medo de falhar? Não dá amor algum por medo de perder?
Uma ideia melhor é olhar para cima. Deposite sua atenção na primeira e
única Estrela Polar do universo — Deus. Apesar de a vida mudar, Deus nunca
muda. Pense na força dele. Infinita. De acordo com Paulo, o poder de Deus
dura para sempre (ver Romanos 1:20). As palavras “Estou me sentindo forte
hoje” nunca foram ditas por ele. Ele se sente igualmente forte todos os dias.
Pense a respeito. Deus nunca para a fim de comer, nem pede para os
anjos o cobrirem enquanto ele cochila. Ele nunca pediu um tempo nem
colocou as orações da Rússia em espera enquanto atendia os pedidos vindos
da África do Sul. Ele “não dormirá, ele está sempre alerta” (Salmos 121:4).
Você precisa de uma mão forte em que segurar? Você sempre pode buscar a
dele. A força dele nunca muda.

MAIS UMA COISA

Você provavelmente conhece alguns caras fortes na escola. Eles são


aqueles que se formam em levantamento de peso e fazem aquilo parecer
fácil. Compare a força dessas pessoas com a de Deus e isso bastará para
ver como eles são frágeis como clipes de papel. Não importa quão forte
seja o seu adversário na vida, a força de Deus será sempre maior.
3 DE FEVEREIRO
“Este é o dia em que o SENHOR agiu; alegremo-nos e exultemos neste dia.”
[Salmos 118:24]


Deus fez este dia
Eaqueles dias de longas sombras? Aqueles dias em que a esperança é
substituída pelo desastre? Você acorda lembrando que arruinou o carro da
família. Ou que seu pai perdeu o emprego. Ou que sua mãe foi diagnosticada
com câncer. Quem consegue ter um bom dia nesses dias?
A maioria não consegue... Mas será que não poderíamos tentar? Afinal,
“este é o dia em que o SENHOR agiu; alegremo-nos e exultemos neste dia”. A
primeira palavra do versículo nos faz coçar a cabeça. “Este é o dia em que o
SENHOR agiu”? Talvez os feriados sejam dias em que o Senhor age. Casamentos
são os dias em que o Senhor age. Os domingos de páscoa... Os dias de neve...
Os dias de férias — esses são os dias em que o Senhor age. Mas este dia?
“Este é o dia” também inclui todo e cada um dos dias. Dias de exame
final, dias de cirurgia, dias de castigo. Deus fez este dia, ordenou que aquela
hora difícil acontecesse, desenhou cada detalhe desse momento torturante.
Ele não está de férias. Ele ainda está na posição de condutor, ainda está
sentado na cabine do piloto, e ele ocupa o único trono do universo. Cada dia
surge na prancheta de Deus. Incluindo este aqui.

MAIS UMA COISA

Todo dia é um presente de Deus. Talvez seja difícil acreditar nisso


quando a vida parece estar coberta de chamas. Mas assim como uma
floresta usa o fogo para se renovar e dar à luz vida nova, Deus usa as
brasas vivas de nossos dias para alimentar uma fé e uma esperança mais
novas e mais profundas.
4 DE FEVEREIRO
“A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos e luz que clareia o meu
caminho.”
[Salmos 119:105]


O GPS de Deus
Opropósito da Bíblia é simplesmente proclamar o plano de Deus de salvar
seus filhos. Ela nos diz que estamos perdidos e precisamos ser salvos. E ela
passa a mensagem de que Jesus é Deus em forma humana e de que ele foi
enviado para salvar seus filhos.
Apesar de a Bíblia ter sido escrita ao longo de 16 séculos e por pelo
menos quarenta autores, ela tem um tema central: a salvação por meio da fé
em Cristo. Começando com Moisés na solidão do deserto da Arábia e
terminando com João na solitária ilha de Patmos, ela se mantém unida por um
cordão bastante resistente: a paixão e o plano de Deus para salvar seus filhos.
Isso é importante! Compreender o propósito da Bíblia é como aprender a
ler um GPS. Quando você conhece aquilo para que está olhando e consegue
ajustar a direção como é preciso, então passa a caminhar com segurança. Mas
se falhar em prestar atenção às coordenadas, quem sabe onde você irá parar?
Se deseja saber para onde está indo, use o GPS de Deus na sua vida. Leia a sua
Bíblia todos os dias.

MAIS UMA COISA

Todos nós passamos por momentos em que não temos certeza do que
fazer ou para onde ir. Se você está nessa situação, decerto será de grande
ajuda ter um mapa, uma bússola ou um GPS. Mas se você está perdido
na vida, o caminho mais certo para se reencontrar é buscar sua Bíblia.
Ela é a chave para chegar aonde você quer estar.
5 DE FEVEREIRO
“Foi Cristo Jesus que morreu [...] e está à direita de Deus, e também intercede por
nós.”
[Romanos 8:34]


Erguendo-se por você
Imagine uma mulher na cama, o sono interrompido por vozes. “Levante-se,
meretriz.” “Que tipo de mulher você pensa que é?” Os acusadores
marcharam com ela pelas ruas estreitas e a jogaram diante do mais santo de
todos os juízes. “Mestre”, disseram, “esta mulher foi surpreendida em ato de
adultério. Na Lei, Moisés nos ordena apedrejar tais mulheres. E o senhor, que
diz?” (João 8:2-5).
Jesus tomou partido da mulher, colocando-se entre ela e a multidão
irada, e disse: “‘Se algum de vocês estiver sem pecado, seja o primeiro a atirar
pedra nela.’ Inclinou-se novamente e continuou escrevendo no chão” (João
8:7-8). Os agressores verbais calaram a boca. Pedras caíram no chão. Os
acusadores se foram, um por um.
Jesus também se ergue por você. Na presença de Deus, desafiando
Satanás, ele se ergue em sua defesa e oferece um futuro livre de culpa, não só
por seus erros passados, mas também por erros futuros. Deus sempre se ergue
por você.

MAIS UMA COISA

Você sempre terá críticos. Professores. Pais. Inimigos. Irmãos mais


velhos. Mas também sempre terá um advogado. Aquele que o amou a
ponto de morrer por você está pronto para se erguer por você. A
qualquer momento. Em qualquer lugar.
6 DE FEVEREIRO
“Deixemos os ensinos elementares a respeito de Cristo e avancemos para a
maturidade, sem lançar novamente o fundamento do arrependimento.”
[Hebreus 6:1]

Chegue mais perto


G osto muito da história de um menino que caiu da cama. Quando a mãe
perguntou sobre o que havia acontecido, ele respondeu: “Não sei. Acho
que eu fiquei muito perto da beirada, por onde subi na cama.”
É bem fácil fazer o mesmo com a fé. É tentador ficar perto de onde
entramos e não se mexer mais.
Escolha um momento do seu passado não tão distante. Coisa de um ano
ou dois atrás. Agora, faça algumas perguntas. Você fala mais com Deus hoje
do que antes? A sua alegria aumentou? E quanto à sua leitura e compreensão
da Bíblia? Você pode dizer que melhorou? Sua fé está crescendo e seu amor
por Jesus ficando mais forte?
Assim como nas amizades, o relacionamento com Deus funciona melhor
quando se faz um esforço para chegar mais perto. Não cometa o mesmo erro
do menino da história. Não fique parado na beirada. É perigoso descansar na
borda.

MAIS UMA COISA

Na piscina, algumas criancinhas (crianças grandes também) mergulham


só a ponta do dedão na água para sentir a temperatura. Imagine o pouco
que teriam nadado — e quanta diversão eles estariam perdendo — se
isso fosse o máximo que fizessem. Com a fé acontece o mesmo. Não se
contente em mergulhar apenas o dedão. Mergulhe com tudo!
7 DE FEVEREIRO
“[A salvação] não vem de vocês, é dom de Deus.”
[Efésios 2:8]


Ele escolheu a cruz
Aobediência de Jesus começou na carpintaria de uma cidade pequena. A
abordagem incomum que ele dava a sua vida comum o preparou para seu
chamado incomum. “Jesus tinha cerca de trinta anos de idade quando
começou seu ministério” (Lucas 3:23). Para Jesus poder mudar o mundo ele
antes teve de dizer adeus ao seu próprio mundo.
Ele teve de dar um beijo em Maria. Ele comeu pela última vez na cozinha,
andou por aquelas ruas uma última vez. Será que ele subiu um dos montes de
Nazaré pensando no dia em que subiria o monte perto de Jerusalém?
Ele sabia o que ia acontecer. “[Deus o escolheu como resgate] conhecido
antes da criação do mundo” (1Pedro 1:20). Cada medida de sofrimento fora
planejada; só coube a ele desempenhar seu papel.
Não que ele precisasse. Nazaré era uma cidade agradável. Por que não
cuidar do negócio da carpintaria? Por que não manter a identidade em
segredo? Ser forçado a morrer é uma coisa, mas voluntariamente escolher
assumir sua cruz é outra completamente diferente.

MAIS UMA COISA

Você pode pensar que, porque Jesus é o Senhor, foi fácil para ele abrir
mão de sua vida no Calvário. Isso não é verdade. Porque Jesus escolheu
ser humano, ele sofreu na cruz como eu ou você sofreríamos. O que é
realmente impressionante é que ele sabia o que enfrentaria e seguiu em
frente mesmo assim. Por nós.
8 DE FEVEREIRO
“Eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia.”
[João 15:19]


Nossa casa
T odos nós sabemos o que é estar em uma casa que não é a nossa. Você já
passou a noite na casa de um amigo. Talvez já tenha dormido no quarto do
seu irmão mais velho. Talvez até já tenha dormido o bastante em hotéis ou
motéis. Eles têm camas. Eles têm mesas. Eles podem ter comida, e podem ser
quentes, mas estão muito longe de ser “a casa do seu pai”.
Nem sempre nos sentimos em casa aqui na terra. Nos perguntamos se
haverá lugar para nós aqui. As pessoas nos insultam e rejeitam. Os tempos
difíceis nos fazem sentir como estranhos. Parece que não nos encaixamos em
lugar algum.
Mas não deveríamos. Essa não é nossa casa. Se sentir estranho não é
tragédia alguma. Na verdade, é até saudável. Não estamos em casa aqui. Essa
língua que falamos não é nossa. Esse corpo que usamos não é o que somos. E o
mundo em que vivemos não é nossa casa.
Onde é nossa casa? No céu. Lá há lugares feitos especialmente para nós.
Ela está cheia de amor. É o lugar a que pertencemos. É onde nosso Pai está.
Mal posso esperar. Nossa casa.

MAIS UMA COISA

Você não deve esperar se sentir confortável o bastante neste mundo. Ele
está cheio de ideias e de atitudes que não fazem sentido — e nem
deveriam fazer. Uma casa, ou um reino, melhor dizendo, está esperando
por você. Um lugar com um propósito, um lugar com paz. Um lugar que
inspira e que é repleto de amor. Um lugar para você finalmente chamar
de sua casa.
9 DE FEVEREIRO
“Cristo em vocês, a esperança da glória.”
[Colossenses 1:27]


Cristo em vocês
Quando a graça acontece, Cristo entra. Nenhuma outra religião ou filosofia
faz uma declaração igual. Nenhum outro movimento sugere a presença
viva de seu fundador dentro de seus seguidores. Maomé não habita os
muçulmanos. Buda não habita os budistas. A Lady Gaga não habita nem
mesmo seus mais ardorosos fãs. Influência? Instrução? Atração? Talvez. Mas
ocupação? Não.
Não obstante, os cristãos abraçam essa promessa intrincada. “O mistério,
em poucas palavras, é este: Cristo está em vocês” (Colossenses 1:27 MSG). O
cristão é uma pessoa em quem Cristo está acontecendo. Ele se muda para o
seu interior, fazendo-se em casa. Podemos sentir ele rearrumando as coisas. A
confusão se transforma em direção clara. Escolhas ruins são trocadas por
escolhas melhores. Pouco a pouco uma nova pessoa emerge. “Ele decidiu,
desde o princípio, moldar a vida daqueles que o amam pelos mesmos padrões
da vida do Filho” (Romanos 8:29 MSG).
Graça é Deus como cirurgião cardíaco — abrindo o seu peito, removendo
seu coração, envenenado como está de orgulho e de dor, e trocando pelo
coração dele mesmo. O sonho dele não é só levar você para o céu, mas trazer
o céu para dentro de você.

MAIS UMA COISA

Você já tomou aos goles uma xícara de chocolate bem quente em um dia
frio de inverno? É possível sentir um calor maravilhoso se espalhando
por cada canto do corpo. Essa é só uma ideia minúscula do que Jesus faz
dentro de você. Espalhando-se para cada canto da sua vida. Quente.
Maravilhoso.
10 DE FEVEREIRO
“O ressentimento mata o insensato, e a inveja destrói o tolo.”
[Jó 5:2]


Perdoe os crimes
A lguns de nós (a maioria de nós?) acha difícil perdoar as pessoas que trazem
dor às nossas vidas. Conseguimos perdoar os erros cometidos pela
primeira vez, é verdade. Não nos importamos muito com quem rouba uma
vaga no estacionamento e com quem nos deixa esperando em um encontro.
Conseguimos esquecer os erros menores, mas, crimes? Os que erram
repetidamente? Aqueles que roubam nossos amigos, nossa virgindade, nossos
pais?
Você consegue perdoar o canalha que magoa você?
Errar nesse aspecto pode ser fatal. “O ressentimento mata o insensato, e a
inveja destrói o tolo” (Jó 5:2). A vingança fixa a sua atenção nos momentos
mais feios da vida. O acertar de contas congela seu olhar na direção dos
eventos cruéis do passado. É para lá que você quer olhar? Ficar ensaiando e
revivendo suas feridas fazem de você uma pessoa melhor?
De modo algum. Isso ainda vai matar você. Um olho por um olho logo se
torna um pescoço por um pescoço e uma reputação por uma reputação.
Quando é que isso para? Tudo termina quando alguém decide imitar Deus.

MAIS UMA COISA

Deus sabe o que vai acontecer se você falhar em perdoar. A amargura irá
crescer como se fosse uma erva daninha sob o efeito de esteroides. Ou,
pior ainda, irá crescer até cortar a sua relação com Deus. Mas ele não
quer isso. Nem você. Você não precisa perdoar em nome de quem
comete o crime. Faça isso por você mesmo. Faça isso por Deus.
11 DE FEVEREIRO
“Até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados.”
[Mateus 10:30]


Deus é louco por você
Há para fazer justiça, para demonstrar a autoridade que ele tem. Mas uma das
muitos motivos pelos quais Deus salva você: para mostrar a sua glória,

razões mais doces pelas quais Deus salva você é porque ele gosta de você. Ele
gosta de tê-lo por perto. Ele acha que você é a música mais empolgante que
ele ouviu nas paradas de sucesso há um bom tempo.
Quando você está louco por um rapaz ou por uma moça, o que faz? Fica
pensando naquela pessoa o tempo inteiro. Seu coração quase para quando
recebe uma mensagem pelo celular. Mal pode esperar para ter o próximo
encontro. É assim que Deus se sente em relação a você. Se ele tivesse uma
geladeira, sua foto estaria pendurada na porta. Se ele tivesse uma carteira, sua
foto estaria dentro dela. Ele manda flores para você toda primavera e um
nascer do sol toda manhã. Sempre que você quiser falar, ele estará lá para
ouvir. Ele pode morar em qualquer lugar do universo, mas, mesmo assim, ele
escolheu seu coração.
Encare uma coisa, amigo. Ele é louco por você.

MAIS UMA COISA

Talvez você pense em Deus como um soberano distante, alguém


ocupado demais para se preocupar com você. Mas não é verdade! Ele
está interessado em tudo que diz respeito a você. Ele sabe até quantos
fios de cabelo você tem na cabeça. De onde vem isso? É fácil. É porque
ele ama você.
12 DE FEVEREIRO
“Não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo.
Basta a cada dia o seu próprio mal.”
[Mateus 6:34]

Encare os desafios por partes


U m triatleta bem-sucedido que disputa o torneio Ironman me contou o
segredo do sucesso. “É possível encarar uma corrida longa como correr
várias corridas pequenas.” Não nade por quatro quilômetros; basta nadar até a
próxima boia. Em vez de pedalar por 180 quilômetros, pedale dez
quilômetros, faça uma pausa, depois pedale mais dez quilômetros. Nunca dê
um passo maior do que o desafio à frente.
E não é que Jesus ofereceu o mesmo conselho? “Não se preocupem com
o amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o
seu próprio mal” (Mateus 6:34).
Quando perguntaram a Joel Henderson como ele conseguia escrever
tantos livros, ele explicou que jamais tinha escrito um livro. Tudo que ele fazia
era escrever uma página por dia.3
Encare os desafios por partes. Você não pode controlar seu
temperamento para sempre, mas é possível controlá-lo pela próxima hora.
Conseguir um diploma na escola ou na faculdade pode parecer impossível,
mas estudar uma semana por vez é bastante possível. Você ganha a corrida
longa correndo várias corridas pequenas.

MAIS UMA COISA

Já é tarde. Você está cansado. Tem apenas uma hora para fazer a lição de
inglês e cumprir o prazo. Acredite em mim, já estive no seu lugar!
Portanto, não tente fazer a tarefa inteira de uma vez. Ore. Depois,
escreva uma boa frase para começar. Depois mais uma. Pronto, você está
no caminho certo.
13 DE FEVEREIRO
“Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica.”
[Efésios 6:18]


Dê cada momento a Deus
Como vivo na presença de Deus? Como sinto a mão invisível dele em meu
ombro, como ouço a voz inaudível dele em meus ouvidos? Como eu e você
podemos ficar cada vez mais familiarizados com a voz de Deus? Aqui estão
algumas ideias:
Dedique a Deus seus pensamentos matinais. Antes de sair para encarar o
dia, encare o Pai. Antes de sair da cama, entre na presença dele.
Dedique a Deus seus pensamentos enquanto espera. Está na fila do ônibus
ou na do refeitório? Passe algum tempo em silêncio com ele.
Dedique a Deus seus pensamentos sussurrados. Considere cada momento
como tempo em potencial para conversar com Deus.
Dedique a Deus seus pensamentos finais. No fim do dia, permita que sua
mente descanse nele. Conclua o dia como você o começou: falando com Deus.

MAIS UMA COISA

Falar com Deus o tempo todo pode se tornar um hábito santificador, em


vez de parecer uma tarefa. Lembre-se, ele está ansioso para ouvi-lo! Ele é
o Pai que está o tempo todo olhando para você, que jamais o
abandonará, que sempre quer saber o que você está pensando e
sentindo.
14 DE FEVEREIRO
“O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade.”
[1Coríntios 13:6]


Amor verdadeiro
Um cara namora uma garota por três meses. Ela diz que está apaixonada. Ele
não tem certeza, mas sabe que se sente diferente quando está com ela. Ele
se pergunta se aquilo seria amor. Talvez você já tenha se perguntado a mesma
coisa.
Quer saber se está sentindo um amor verdadeiro? Faça a si mesmo a
seguinte pergunta: Será que estou incentivando essa pessoa a fazer o que é
certo? Porque o amor verdadeiro “não se alegra com a injustiça, mas se alegra
com a verdade” (1Coríntios 13:6).
Eis um exemplo: um jovem casal está namorando. A afeição dele vai além
da zona de conforto dela. Ela resiste. Então, ele tenta o xaveco mais antigo da
história: “Mas eu amo você. Eu só quero ficar perto de você. Se você me
amasse...” O que é essa sirene que você está ouvindo? É o detector do amor
falso que disparou. Esse cara não ama a garota coisa nenhuma. O amor
verdadeiro nunca pede para o “amado” fazer o que ele ou ela considera errado.
Quer descobrir se o amor que você tem por alguém é verdadeiro? Se a
sua amizade é genuína? Então pergunte a si mesmo se você influencia essa
pessoa a fazer o que é certo. Se a sua resposta for sim, então chame-a para um
almoço.

MAIS UMA COISA

O amor já inspirou mais músicas, livros, filmes e poesias ruins do que


qualquer outra emoção que se imagine. Mas o que exatamente é o amor?
Não há definição melhor que as palavras de Paulo em 1Coríntios 13.
Leia a passagem. Acho que você vai gostar.
15 DE FEVEREIRO
“Exortem-se e edifiquem-se uns aos outros, como de fato vocês estão fazendo.”
[1Tessalonicenses 5:11]


Comunhão incomum
A lgo sagrado que nunca vai acontecer em um santuário acontece em torno
de uma mesa de jantar. No salão de uma igreja, você vê a nuca das pessoas.
Em torno da mesa, você vê as expressões nos rostos. Na igreja, só uma pessoa
fala; na mesa, todos têm voz. O culto é controlado pelo relógio. Em torno da
mesa o tempo é livre para as conversas.
A hospitalidade abre as portas para a comunidade fora do comum.
Não é por acaso que hospitalidade e hospital vêm da mesma palavra em
latim, pois ambas levam ao mesmo resultado: a cura. Ao abrir a porta para
alguém, você está enviando a seguinte mensagem: “Você é importante para
mim e para Deus.” Você pode achar que está dizendo: “Venha me fazer uma
visita.” Mas o que seu convidado ouve é: “Você vale a pena.”
Você conhece pessoas que precisam dessa mensagem? Um garoto que
acabou de entrar na sua escola? Uma menina que sempre lancha sozinha? Um
colega de sala que perdeu a mãe? Algumas pessoas passam um dia inteiro sem
nenhum contato significativo com outra pessoa. A sua hospitalidade pode ser
um hospital.

MAIS UMA COISA

Ficar para trás. Não é uma sensação boa, certo? Mas pessoas ao seu
redor se sentem assim todos os dias. Talvez você seja uma dessas
pessoas. Por que não convidar uma delas para se sentar com você
durante o almoço ou para jantar em sua casa? Essas pessoas precisam
mais de um convite gentil do que você imagina.
16 DE FEVEREIRO
“Quem quer ser amigo do mundo faz-se inimigo de Deus.”
[Tiago 4:4]


Reservado
João Batista jamais seria contratado para pregar hoje em dia. Nenhuma
igreja o acolheria. Ele é o desastre em forma de relações-públicas. Ele
“vestia roupas feitas de pelos de camelo, usava um cinto de couro e comia
gafanhotos e mel silvestre” (Marcos 1:6). Quem é que iria querer olhar para
alguém assim todo domingo?
A mensagem dele era rústica como a roupa que usava: um desafio
corajoso e que não admitia vacilo, chamando ao arrependimento, porque
Deus estava chegando. João Batista reservou a si mesmo para uma só tarefa:
ser a voz de Cristo. Tudo na vida de João centrava-se no propósito que ele
tinha. Suas roupas. Sua dieta. Suas ações. Suas exigências.
Mas você não precisa ser como o mundo para causar impacto sobre o
próprio mundo. Você não precisa ser como a multidão para mudá-la. Você
não precisa se rebaixar ao nível deles para erguê-los ao seu nível. A santidade
não precisa ser diferente. A santidade busca ser como Deus.

MAIS UMA COISA

O mundo vai empurrá-lo na direção de caminhos que você não quer


trilhar, de filmes que não precisa ver, de músicas que não precisa ouvir,
de roupas e expressões que só comunicam vontade de pertencimento.
Mas será que você deve pertencer? João Batista não pertencia ao mundo.
Ele só se importava em servir a Deus e em ser como ele. Não tenha
medo de se reservar.
17 DE FEVEREIRO
“Aquele que vem a mim nunca terá fome; aquele que crê em mim nunca terá sede.”
[João 6:35]


Quando Deus diz “não”
Há momentos em que a única coisa que você quer é também a única coisa
que jamais conseguirá. Uma vaga na banda do estado. Um trabalho na
barraca de milk-shake da esquina. Companhia para o baile do colégio. Um
mapa claro do seu futuro.
Então você ora e espera. Sem resposta. Você ora e espera mais um pouco.
Posso fazer uma pergunta bastante importante? E se Deus disser não? E
se o seu pedido foi atrasado ou mesmo negado? Quando Deus disser não,
como você responderá? Se Deus disser: “Eu já lhe dei a minha graça, e isso
basta”, você ficará contente?
Contente. Essa é a palavra. Um estado do coração em que você fica em
paz mesmo que Deus não dê mais do que ele já deu. Ele tem seus motivos para
dizer não. A nós nos cabe “viver contente em toda e qualquer situação”
(Filipenses 4:12). A graça de Deus sempre é suficiente.

MAIS UMA COISA

Aquilo de que precisamos é sempre muito claro; ao menos é isso que nós
costumamos pensar. Somos como formigas parando para apanhar
migalhas. Temos que ter aquilo! É uma pena que sejamos muito
pequenos para ver o elefante que vem em nossa direção com sua pata
enorme. Deus é maior que a formiga e que o elefante. E ele consegue ver
o que está por vir. Por isso, quando ele diz não, é melhor deixar a
migalha para trás.
18 DE FEVEREIRO
“Onde se reunirem dois ou três em meu nome, ali eu estou no meio deles.”
[Mateus 18:20]


“Estou deprimido”
A nos atrás, Denalyn estava enfrentando a nuvem escura da depressão. Não
era só mau humor, mas, sim, um profundo abatimento. Todos os dias
eram cinzentos. Certo dia, quando a depressão já a sufocava, ela se armou de
honestidade e foi para a igreja. “Se me perguntarem como estou indo, vou
dizer a verdade.” A cada “Como vai?” perguntado, ela respondia: “Não muito
bem. Estou deprimida. Será que você pode orar por mim?”
O bate-papo corriqueiro se transformou em longas conversas.
Cumprimentos rápidos se tornaram momentos bastante tocantes de um
ministério. Quando finalmente deixou os serviços dominicais, Denalyn havia
conseguido juntar uma dúzia de companheiros para levantar seus braços na
batalha da oração. Até hoje ela atribui àquela manhã de domingo o começo da
cura de sua depressão. Ela encontrou a presença de Deus no meio do povo de
Deus.
Você está lutando contra a depressão? Pois esse não é o momento para
ser um eremita. Conte para as pessoas em quem você confia: amigos, pais,
professores, conselheiros. E conte para Deus! Não importa quão ruim sua vida
esteja, ele estará com você. Ele quer que você conheça a alegria que só se
encontra nele.

MAIS UMA COISA

Quando a vida for tão massacrante a ponto de você sentir que não
consegue seguir em frente, fale sobre ela — especialmente com Deus. Ele
é compreensível como ninguém mais. O poder e o amor divinos são os
guias que o levarão a passar pela escuridão e a alcançar um futuro mais
brilhante.
19 DE FEVEREIRO
“Cada um de vocês trará uma dádiva conforme as bênçãos recebidas do SENHOR, do
seu Deus.”
[Deuteronômio 16:17]


Um banquete de gentileza
Leon Tolstoi, grande escritor russo, conta a história de uma ocasião em que
estava andando pelas ruas e passou por um mendigo. Tolstoi colocou a
mão no bolso para dar um trocado ao mendigo, mas o bolso estava vazio.
Então ele virou para o mendigo e disse: “Desculpe, meu irmão, mas não tenho
nada para lhe dar.” O mendigo se iluminou todo e respondeu: “Você já deu
mais do que eu poderia pedir — você me chamou de irmão.”
Talvez você pense que não tem nada para oferecer aos necessitados à sua
volta, mas não é verdade. Para os desanimados e desalentados, mesmo a
menor das coisas — um sorriso ou uma palavra de incentivo — pode ser
suficiente para elevar os espíritos. Para quem tem amor, uma palavra gentil
não passa de migalha; mas, para quem tem fome de amor, uma palavra gentil
pode ser um banquete.
Olhe para os irmãos e as irmãs ao seu redor. Talvez eles estejam
escondendo, mas garanto que alguns deles estão machucados e famintos pela
gentileza que só você pode dar.

MAIS UMA COISA

Escreva o nome de pelo menos três pessoas com quem você não
costuma conversar, mas que necessitam de uma palavra de gentileza.
Agora encare como uma missão incentivar essas pessoas em algum
momento das próximas 24 horas. Depois de tudo que Deus fez por nós,
é o mínimo que podemos fazer.
20 DE FEVEREIRO
“Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se!”
[Filipenses 4:4]


Um bom dia
A legrar-se neste dia? É o convite que Deus faz. Assim como Paulo alegrou-se
na prisão; como Davi escreveu os salmos no deserto; Jonas orou dentro do
grande peixe; Paulo e Silas cantaram dentro da prisão; e Jesus orou no jardim
da dor... Será que conseguiríamos nos alegrar com certeza no meio do dia de
hoje?
Imagine a diferença, caso fosse possível.
Imagine que você esteja enterrado até o pescoço em um mau dia e então
resolve dar uma nova chance. Escolhe não reclamar, nem trabalhar ou se
preocupar em excesso, se livrando do peso. Você confia mais. Se irrita menos.
A gratidão aumenta. As reclamações calam. E o que acontece? Não demora
para o dia passar, e ele foi bem agradável.
Tão agradável, na verdade, que você decide fazer o mesmo no dia
seguinte. O dia seguinte chega com seus percalços e suas dificuldades, o
computador emperrando e a chateação das tarefas para casa, mas, vejam só!
Dar uma nova chance àquele dia funciona! Então você faz o mesmo no dia
seguinte e no outro também. Logo os dias viram uma semana. As semanas
viram meses.
É assim que se constrói uma vida boa. Um bom dia após o outro.

MAIS UMA COISA

As Escrituras nos pedem para sermos alegres sempre. Isso não quer dizer
que devemos rir quando nosso pai briga conosco ou quando nosso
cachorro morre. Ser sempre alegre significa lembrar que o poder e o
amor de Deus são maiores do que qualquer problema que você tem de
enfrentar. Mesmo nos piores momentos você pode descansar na alegria
inspirada por Deus.
21 DE FEVEREIRO
“Jesus retirava-se para lugares solitários, e orava.”
[Lucas 5:16]


Tempo para Deus
Quanto tempo faz desde que você esteve totalmente focado em Deus?
Quero dizer, de verdade. Quanto tempo faz desde que deu a ele sua
atenção total e ininterrupta, desde que passou um tempo apenas ouvindo a
voz divina? Se você parece comigo pelo menos um pouquinho, quer dizer que
já faz muito tempo.
Jesus nunca permitia que isso acontecesse. Passe algum tempo
aprendendo sobre o hábito de ouvir de Cristo e você logo identificará um
padrão. Jesus fazia um esforço consciente de reservar e de dedicar um tempo
para Deus em oração e o ouvindo. Marcos diz: “Quando ainda estava escuro,
Jesus levantou-se, saiu de casa e foi para um lugar deserto, onde ficou orando”
(Marcos 1:35). Ao que parece, para Jesus, o tempo para falar com Deus
acontecia antes de dormir, de cumprir uma tarefa, de conferir os e-mails
novos, antes de qualquer coisa.
Permita que eu pergunte o óbvio: Se Jesus, o Filho de Deus, o Salvador da
humanidade que não tinha pecados considerava que valia a pena limpar sua
agenda só para orar, não seria sensato que fizéssemos o mesmo?

MAIS UMA COISA

Você tem tanta coisa para fazer. Escola. Lições de casa. Praticar seu
instrumento musical. As tarefas domésticas. A rotina de dormir e
comer. E também tem as coisas que você realmente quer fazer: sair com
os amigos, jogar videogame, conferir a banda do momento. Mas se você
tirar Deus da sua agenda, adivinhe só? Todo o resto começa a parecer
tão vazio quanto o barulho de um tambor.
22 DE FEVEREIRO
“Tudo posso naquele que me fortalece.”
[Filipenses 4:13]


Irmãos mais velhos
M att Stevens está na marca do lance livre. Seu time está perdendo por um
ponto. Só restam alguns segundos para o fim do jogo. A torcida está
quieta. As animadoras de torcida engolem em seco. Será que Matt tem alguma
chance de acertar os arremessos? Ele acertou 0 de 6 tentativas hoje.
Além disso, ele é cego.
Mas como um garoto cego acaba na marca do lance livre? Por causa do
seu irmão mais velho. Joe Stevens passou a infância inteira ajudando Matt a
fazer o impossível: andar de bicicleta, patinar no gelo e jogar futebol. Quando
Joe começou a treinar o time de basquete, passou a levar o irmão mais novo
com ele. Agora, com a permissão do árbitro, Joe está batendo no aro da cesta
com uma bengala. Matt ouve, para e arremessa. Cesta! O jogo está empatado!
A torcida silencia para Matt poder ouvir o barulho de novo. Cesta número
dois! O jogo termina. Matt é o herói. Tudo isso por causa do seu irmão mais
velho, que fez toda a diferença.4
Você também tem um irmão mais velho que está caminhando ao seu
lado nos momentos difíceis da vida, lhe ajudando a fazer o impossível. Faça
um esforço e conseguirá percebê-lo tocando em você. O nome dele é Jesus.

MAIS UMA COISA

Todos nós somos cegos, de uma maneira ou de outra. Não conseguimos


enxergar a saída para fora do problema, ou então não conseguimos
enxergar as pessoas que precisam da nossa ajuda. Não conseguimos
fazer tudo sozinhos. Mas, como membros da família de Deus, temos um
irmão mais velho que não só nos ajuda, mas que também nos permite
fazer o impossível.
23 DE FEVEREIRO
“A graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens.”
[Tito 2:11]


Graça preciosa
Agraça é preciosa porque Jesus é precioso. A graça transforma vidas porque
Jesus transforma vidas. A graça nos dá segurança porque Jesus nos dá
segurança.
Descobrir a graça significa descobrir a devoção total de Deus a você, é
conhecer o desejo teimoso dele de limpar, purificar e curar você através do
amor que sempre devolve a firmeza aos pés dos vacilantes. Será que Deus fica
no alto da montanha pedindo para você escapar do vale escalando? Não. Ele
mergulha lá embaixo e o ajuda a subir. Será que ele constrói uma ponte e lhe
ordena que a atravesse? Não. Ele mesmo cruza a ponte com você nos ombros.
Esse é o presente que Deus dá. Uma graça que nos concede primeiro a
força para receber o amor e, depois, o poder de distribuí-lo. Uma graça que
nos transforma, nos molda e nos conduz para uma vida absolutamente
alterada. Conhece essa graça? Confia nessa graça? Em caso negativo, saiba que
pode confiar. Tudo que Deus pede de nós é fé. Deposite sua fé em Deus.

MAIS UMA COISA

Não é tão difícil, certo? Você tem fé em que vai acordar amanhã, em que
seu quarto continuará lá, em que sua escola continuará lá (apesar de
desejar o contrário). Então, por que não ter fé em Deus? A graça divina
está esperando você.
24 DE FEVEREIRO
“Estou fazendo novas todas as coisas!”
[Apocalipse 21:5]


Seja aquilo que Deus fez
Seu pai é médico. Seu avô é médico. Todo mundo espera que você também
seja. Mas você quer estudar música. Será que você está esquecendo alguma
coisa?
Não; na verdade, acho que você encontrou alguma coisa. As pessoas
normalmente dizem que você pode ser o que quiser, desde que trabalhe duro
para isso. Um açougueiro. Um representante de vendas. Um embaixador. Mas
será que é verdade? Se Deus não criou você com o amor pela carne como um
açougueiro, ou as habilidades de comunicação de um vendedor, ou a visão de
mundo de um embaixador, será que você conseguiria ser tudo isso? Talvez, se
pensar em um profissional infeliz, insatisfeito. Mas um profissional realizado?
É possível para a noz ser rosa, para a baleia ser um pássaro, para o chumbo
virar ouro? Não. Você não pode ser tudo que quiser ser. Mas pode ser tudo
que Deus quer que seja.
Deus não produz pessoas em uma linha de montagem. Você foi feito de
maneira única e artesanal. “Estou fazendo novas todas as coisas”, ele declara
(Apocalipse 21:5). Ele não o criou pensando no seu avô ou na vida da sua tia;
ele o criou pessoalmente e deliberadamente. Viva do jeito que Deus fez você.
Aproveite enquanto compõe músicas.

MAIS UMA COISA

Deus dá habilidades e talentos únicos para cada um de nós. Quando


essas habilidades e esses talentos se conectam com a paixão e a missão de
servir a Deus, então o caminho é animador — talvez seja o chamado que
ele tinha em mente quando criou você.
25 DE FEVEREIRO
“Sejam sábios no procedimento para com os de fora.”
[Colossenses 4:5]


O mundo está de olho
A queles que não acreditam em Jesus reparam muito no que fazemos. Essas
pessoas julgam Cristo quando nos observam. Quando somos gentis, elas
assumem que Cristo é gentil. Quando somos graciosos, elas assumem que
Cristo é gracioso.
Mas quando somos arrogantes ou teimosos, o que essas pessoas pensam
do nosso Rei? Quando somos desonestos, que ideias um observador pode ter
do nosso Mestre? Não é por menos que Paulo disse: “Sejam sábios no
procedimento para com os de fora; aproveitem ao máximo todas as
oportunidades. O seu falar seja sempre agradável e temperado com sal, para
que saibam como responder a cada um” (Colossenses 4:5-6). A conduta
cordial honra a Cristo.
Como também honra aos filhos dele. Quando cede o lugar na fila para
alguém, você honra essa pessoa. Se devolve um livro emprestado, honra quem
o emprestou. Sempre que faz um esforço para cumprimentar todas as pessoas
da sala, especialmente aquelas que foram ignoradas, você honra os filhos de
Deus.

MAIS UMA COISA

Você pode até fazer o melhor discurso do mundo sobre o amor de Jesus,
mas se suas ações não demonstram o amor, suas palavras acabarão
ignoradas. Pense sobre o seu comportamento durante a semana que
passou — as pessoas viram Cristo em você? Em caso negativo, o que
você pode fazer nesta semana para demonstrar seu amor ao mundo?
26 DE FEVEREIRO
“Feliz é o homem que persevera na provação.”
[Tiago 1:12]


Você vai sair dessa
Conheci uma adolescente que trabalha em um café. Ela acabara de sair da
escola. Quando ela completou 15 anos, os pais, que eram divorciados,
tornaram a se casar, mas se divorciaram novamente meses depois. Não havia
muito tempo, ambos a encurralaram com a escolha: ir morar com o pai ou
com a mãe. Quando me contou sobre a encruzilhada, os olhos se encheram de
lágrimas. Se eu a vir novamente, eis o que vou dizer: “Você vai superar. Não
vai ser sem dor. Não vai ser rápido. Mas Deus vai usar essa bagunça toda para
o bem. Enquanto isso, não seja tola nem ingênua. Mas também não se
desespere. Com a ajuda de Deus, você vai sair dessa.”
De onde é que eu tiro a calma para fazer uma promessa dessas em meio a
tanta tragédia? De Jesus. Ele disse: “Neste mundo vocês terão aflições;
contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo” (João 16:33).
Nós vamos, sim, ter problemas. Não existe “se” nem “talvez” aqui. Mas
temos todos os motivos para continuar animados. Jesus venceu o que há de
pior no mundo. Se estamos com ele, significa que também venceremos.

MAIS UMA COISA

O que pode ser mais devastador que o divórcio dos seus pais? O que
dizer da morte da sua mãe, do seu pai, do seu irmão ou da sua irmã?
Jesus diz que passaremos por problemas, mas isso não é o suficiente para
aliviar a dor. Ainda bem que ele oferece a si mesmo. Ele é a nossa
esperança e a nossa cura. Conseguiremos superar se confiarmos nele.
27 DE FEVEREIRO
“O rei se agrada dos lábios honestos; e dá valor ao homem que fala a verdade.”
[Provérbios 16:13]


Deus ama a verdade
Nosso Mestre tem um código de honra bastante estrito. Do Gênesis ao
Apocalipse, o tema é o mesmo: Deus ama a verdade e odeia a mentira. “O
SENHOR odeia os lábios mentirosos, mas se deleita com os que falam a
verdade” (Provérbios 12:22).
Contar a verdade nem sempre é fácil. Você não está com vontade de sair,
mas não quer ferir os sentimentos da sua amiga. Será que não pode dizer que
tem muita lição de casa para fazer? Você se esqueceu da hora e perdeu o
horário de voltar para casa. Será que não pode dizer para seus pais que o carro
não queria pegar?
As mentiras não têm lugar em meio ao povo de Deus. Em 1Coríntios 6:9-
10 Paulo lista os tipos de pessoas que não herdarão o reino de Deus. Dentre
essas pessoas estão aquelas que pecam sexualmente, as que veneram ídolos, as
que tomam parte no adultério, as que vendem o corpo, as que se embebedam,
as que roubam os outros e — aqui está — as que mentem.
Suas mentiras causam no céu a mesma raiva que quem comete adultério
ou algum crime? Pelo jeito, sim. Deus ama a verdade, de modo que a
desonestidade é o exato oposto de tudo em que ele acredita.

MAIS UMA COISA

Falar a verdade o tempo todo pode ser difícil, mas é muito importante.
Quando nossas palavras são desonestas e perdem o significado nas
pequenas coisas, perdemos a confiabilidade de falar e de viver de forma
verdadeira. Seja como Deus. Ame a verdade.
28 DE FEVEREIRO
“Acumulem para vocês tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem.”
[Mateus 6:20]


Deus é dono de tudo
Seu irmãozinho acabou de derrubar seu telefone celular novo em folha no
chão e você está prestes a explodir. Eu não culpo você pela raiva, mas eis
um conselho que talvez o ajude a manter tudo sob perspectiva: ele não era seu,
de qualquer modo.
Do que é que estou falando? Faça a seguinte experiência para entender o
que digo. Pegue um bloco de notas autoadesivas e grude um papel em cada
uma das coisas da sua vida que você não levará consigo quando for para o céu.
Vá em frente: olhe o seu quarto, a sua casa, o seu quintal, a sua garagem. As
roupas, os DVDs, os livros, os controles do videogame, até o macaquinho de
pelúcia que você tem desde os dois anos. Quando tiver terminado, repare no
que sobrou. Seus amigos. Sua igreja. A Palavra de Deus. Sua família (incluindo
seu irmãozinho).
E quanto a todas aquelas coisas? Você não vai tê-las. Você nunca as teve.
Você não é dono de nada. Só está tomando conta das coisas que Deus lhe deu.
“Do SENHOR é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem”
(Salmos 24:1). Se ele não está tão preocupado com um telefone celular caindo
no chão, talvez você também não devesse se preocupar.

MAIS UMA COISA

Eis um pensamento engraçado sobre essas “coisas”: achamos que somos


donos delas, mas é justamente o contrário. Compre um computador e
logo ele estará exigindo atualizações de softwares, pedindo uma
segurança maior, uma limpeza de disco e uma limpeza externa. Então,
quem é que está no comando mesmo? Não é você, nem seu computador.
É Deus.
29 DE FEVEREIRO
“Quem muito fala trai a confidência, mas quem merece confiança guarda o segredo.”
[Provérbios 11:13]


Palavras que machucam
Você costuma falar sobre os outros pelas costas? A isso chamamos fofoca.
Talvez você tenha a intenção de machucar com suas palavras, ou talvez
não; mas não importa. Graças a isso, alguém vai acabar no chão por conta de
uma crítica ou de um comentário que escapou. E lá estará a pessoa, estendida,
ferida e sangrando. Sentimentos machucados, orgulho ferido, coração
despedaçado.
É bem provável que Maria soubesse bem de tudo isso. Uma jovem que
não se casara, grávida. Olhares e sussurros se multiplicam quando ela passa:
“Acho que Maria não é a boa garota que pensávamos que fosse.” Mas os
fofoqueiros não conhecem a verdade. Ninguém contou para eles que ela
estava carregando o Salvador do mundo.
Você também não conhece todos os fatos. Portanto, não espalhe boatos
ou más notícias, nem faça acusações sobre o próximo. Saia de perto quando
alguém agir assim. Faça suas as palavras de Paulo aos efésios: “Nenhuma
palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os
outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem”
(Efésios 4:29).

MAIS UMA COISA

Você consegue imaginar Jesus saindo com os amigos e dividindo


segredos de um discípulo que não está com ele? Consegue imaginar que
alguém se sentiria inspirado pelo seu exemplo cristão se você fizer isso?
Quando o fofoqueiro fala, todos se machucam.


MARÇO

Confie no SENHOR de todo o seu


coração e não se apoie em seu
próprio entendimento.

[ Provérbios 3:5 ]
1º DE MARÇO
“O Senhor [...] é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos
cheguem ao arrependimento.”
[2Pedro 3:9]


O orgulho de um pai
Se nascimento. “Ninguém pode ver o Reino de Deus, se não nascer de novo”
você aceitar Jesus como seu Salvador, ele promete a você um novo

(João 3:3). Isso significa que a sua antiga natureza não tornará a aparecer?
Significa que conseguirá resistir instantaneamente a todas as tentações?
Para responder essa pergunta, compare seu novo nascimento em Cristo
com um recém-nascido. Um bebê já nasce andando? Um bebê nasce
conseguindo comer sozinho? Ele consegue cantar, ler ou falar? Não, ainda
não. Mas, algum dia, ele conseguirá.
É preciso tempo para crescer. Mas você acha que o pai que fica na sala de
espera tem vergonha do bebê? Acha que a mãe fica envergonhada pelo fato de
o bebê não conseguir soletrar... por ele não conseguir andar... por ele não
conseguir fazer um discurso?
É claro que não. Os pais não sentem vergonha alguma; eles são muito
orgulhosos. Eles sabem que o crescimento vem com o tempo. Deus também
sabe.

MAIS UMA COISA

Às vezes você se sente frustrado consigo mesmo? Sente que sua fé


deveria estar crescendo mais depressa, que seu caráter deveria estar
ficando mais forte, que seu amor por Deus deveria estar ficando mais
profundo? Não seja tão duro consigo mesmo. Seu Pai não espera de você
maturidade instantânea. Os bebês precisam de tempo para crescer. Os
cristãos também.
2 DE MARÇO
“Será inútil levantar cedo e dormir tarde, trabalhando arduamente por alimento. O
SENHOR concede o sono àqueles a quem ama.”
[Salmos 127:2]

Corra e vá descansar
Eu escola, com pressa de terminar a lição de casa. Pedalando rápido, dirigindo
tenho vivido com pressa a minha vida inteira. Com pressa de chegar à

mais rápido ainda. Eu costumava usar o relógio na parte interna do punho


para não gastar o milissegundo que demora para virar o braço. Que loucura!
Fico me perguntando se eu teria conseguido obedecer o antigo
mandamento de Deus de manter o Sabbath sagrado. Parar a vida a ponto de
se arrastar por 24 horas? O Sabbath foi criado para almas frenéticas como eu,
pessoas que precisam de um lembrete semanal: o mundo não vai acabar se
você parar.
Talvez você também precise desse lembrete. Tem tido muitas noites em
claro estudando e navegando na internet? A sua agenda está transbordando,
fazendo você se afogar? É por isso que Deus insistiu que reservássemos um dia
para descansar e passar tempo com ele. Ele sabe do quanto precisamos desse
tempo e de quão baixa é a nossa disposição para fazer essa pausa. Portanto,
corra e agende logo! Afaste-se um pouco da insanidade e passe à serenidade.

MAIS UMA COISA

Se está cansado o tempo todo, significa que seu corpo está tentando
dizer algo: você precisa descansar! A fadiga aparece sob várias formas.
Precisamos nos renovar emocional e espiritualmente, não apenas em
relação ao corpo. Em vez de arranjar tempo para qualquer coisa, arranje
antes tempo para Deus.
3 DE MARÇO
“Graças ao grande amor do SENHOR é que não somos consumidos, pois as suas
misericórdias são inesgotáveis.”
[Lamentações 3:22]

Amor novo toda manhã


Jeremias estava deprimido, tão triste quanto uma girafa com torcicolo.
Jerusalém estava sitiada, sua nação estava sendo ameaçada, seu mundo
todo desmoronava como um castelo de areia no meio de um tufão. Ele
culpava a Deus por todos os seus problemas emocionais e físicos. “[Deus] fez
que a minha pele e a minha carne envelhecessem e quebrou os meus ossos”
(Lamentações 3:4).
Jeremias percebeu que estava afundando rápido, de modo que olhou para
uma nova direção. “Todavia, lembro-me também do que pode dar-me
esperança: Graças ao grande amor do SENHOR é que não somos consumidos,
pois as suas misericórdias são inesgotáveis. Renovam-se cada manhã; grande é
a tua fidelidade! Digo a mim mesmo: A minha porção é o SENHOR; portanto,
nele porei a minha esperança” (Lamentações 3:21-24).
Enquanto estava deprimido, Jeremias transformou seus pensamentos. Ele
tirou os olhos do mundo cheio de tormentas e passou a olhar para a maravilha
de Deus e de suas promessas. O amor de Deus nunca chega ao fim. A
misericórdia dele jamais acaba. Eles se renovam toda manhã, porque ele é fiel.
Adivinhe só o que aconteceu? A tempestade não terminou, mas o
desânimo de Jeremias, sim. O mesmo pode acontecer com você.

MAIS UMA COISA

Parece que todo mundo está contra você? Deus não está. Quando for se
vestir de manhã para ir à escola, tente também “vestir” o amor leal e
misericordioso que ele recria todos os dias, só para você. Não importa o
que esteja encarando, você vai descobrir que esse amor é mais que
suficiente.
4 DE MARÇO
“No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus.”
[João 1:1]


Mapa do tesouro
ABíblia já foi banida, queimada, rejeitada e ridicularizada. Estudiosos já
riram dela e a chamaram de tola. Reis já a marcaram a ferro como ilegal.
Mil vezes sua cova foi aberta, mas, por algum motivo, a Bíblia nunca
permanece nela. Ela não só sobreviveu, mas também prosperou. Ela é o livro
mais popular em toda a história humana. Ela foi e ainda é o livro mais vendido
do mundo!
Não há motivo na terra que explique isso. O que talvez seja exatamente a
única explicação. A resposta? A durabilidade da Bíblia não se encontra na
terra; ela está no céu. Para os milhões que já testaram suas verdades e que já
reclamaram suas promessas, há apenas uma resposta: a Bíblia é o livro e a voz
de Deus.
O propósito da Bíblia é proclamar o plano de Deus e a paixão divina por
salvar seus filhos. É por esse motivo que esse livro sobreviveu ao longo dos
séculos. Ele é o mapa do tesouro que nos conduz ao mais elevado tesouro de
Deus: a vida eterna.

MAIS UMA COISA

Os piratas precisavam de um mapa para encontrar tesouros


incrivelmente valiosos que haviam sido enterrados tempos atrás. Sem
mapa, nada de tesouro. O mesmo vale para nós, que buscamos um
tesouro espiritual. Deus nos forneceu o mapa: a Bíblia. Riquezas eternas
esperam pelos que são sábios o bastante para usá-la.
5 DE MARÇO
“Nem mesmo o Filho do homem veio para ser servido, mas para servir.”
[Marcos 10:45]


Jesus, o cavalheiro
Eu conforme
nunca havia pensado muito a respeito da polidez de Cristo antes, mas,
comecei a reparar, percebi que, na arte de ser um cavalheiro,
Jesus é o grande mestre.
Ele sempre bate antes de entrar. E ele não precisa. É o dono do seu
coração. Se alguém tem o direito de entrar correndo, esse alguém é Cristo.
Mas ele não faz isso. Essa batida silenciosa que você ouve? É Cristo. “Eis que
estou à porta e bato” (Apocalipse 3:20). Quando você atende, ele espera o
convite para passar da soleira.
Quando entra, ele sempre traz um presente. Algumas pessoas trazem
chocolates e flores. Cristo traz “o dom do Espírito Santo” (Atos 2:38).
Enquanto permanece na casa, ele é quem serve. “Pois nem mesmo o Filho do
homem veio para ser servido, mas para servir” (Marcos 10:45). Se você estiver
sentindo falta do avental, vai encontrar na cintura dele. Ele servirá os
convidados enquanto estes se sentam (João 13:4-5). Ele não vai comer até dar
graças, e não vai partir até que as sobras sejam retiradas (Mateus 14:19-20).

MAIS UMA COISA

Cristo tem o poder da criação nas mãos e, mesmo assim, ele é tão
cuidadoso conosco quanto uma mãe com um filho recém-nascido. As
palavras dele contém a verdade que ecoa pelo tempo mas, mesmo assim,
seus atos de amor servem como modelo para nós. Ele é cortês e gentil.
Ele serve. Ele é um cavalheiro.
6 DE MARÇO
“Ele nos livrou e continuará nos livrando de tal perigo de morte. Nele temos colocado
a nossa esperança de que continuará a livrar-nos.”
[2Coríntios 1:10]

A melhor obra de Deus


Pedro e seus companheiros de tempestade sabiam que estavam em apuros
naquela noite no mar da Galileia. O barco deles balançava de um lado para
outro como uma pipa nos ventos de março. Raios cortavam a escuridão como
uma espada prateada. Ventos fustigavam as velas, deixando o barco dos
discípulos “a considerável distância da terra, fustigado pelas ondas” (Mateus
14:24). Talvez você se identifique com a situação?
No meio de repetir uma disciplina, atormentado pela sensação de
fracasso.
No meio de uma briga com um amigo, atormentado pela culpa.
No meio de um fim de namoro, atormentado pelo desespero.
Os discípulos enfrentaram aquela tempestade por nove horas com frio,
com a pele ensopada. Então o indescritível aconteceu. Alguém se aproximou,
caminhando por sobre a água. “‘É um fantasma!’ E gritaram de medo” (Mateus
14:26).
Eles não esperavam que Jesus fosse até eles dessa maneira. Nós também não
esperamos. Esperamos que ele chegue na tranquilidade das músicas de louvor e
dos estudos bíblicos matinais. Nunca esperamos vê-lo em meio ao amargor de
uma briga ou de um relacionamento interrompido. Mas é nas tempestades que
ele faz sua melhor obra, porque é nas tempestades que ele tem nossa maior
atenção.

MAIS UMA COISA

É engraçado como fazemos isso — esperamos ver Jesus nos momentos


“santos”, mas não em qualquer outro momento. Mas ele é muito maior
que isso. Portanto, chame por ele. Procure por ele. Não só durante o
louvor. Não apenas quando estiver orando. A qualquer momento. Em
qualquer lugar. Em absoluto, quando você estiver em apuros. Porque é
quando você mais precisa dele que ele está lá com você, pronto para
acalmar a pior das tormentas.
7 DE MARÇO
“O Deus da paz [...] os aperfeiçoe em todo o bem para fazerem a vontade dele.”
[Hebreus 13:20-21]


Esqueça a si mesmo
Eis uma ideia: esqueça a si mesmo.
Foi o que fez Moisés. Um dos mais proeminentes líderes da história
foi “um homem muito paciente, mais do que qualquer outro que havia na
terra” (Números 12:3). Foi o que fez Maria. Quando Jesus ainda chamava seu
ventre de casa, ela não se gabava; ela apenas confessava: “Sou serva do Senhor;
que aconteça comigo conforme a tua palavra” (Lucas 1:38). Acima de tudo, foi
o que Jesus fez. “[Jesus] por um pouco foi feito menor do que os anjos”
(Hebreus 2:9).
Jesus escolheu o aposento dos serviçais. Será que não podemos fazer o
mesmo? Nós somos importantes, mas não essenciais. Desempenhamos um
papel nesta peça, mas não somos o ator principal. Esse papel é de Deus.
Ele ia muito bem muito tempo antes de nascermos; ele vai continuar
muito bem depois de nossa morte. Ele começou tudo, sustenta tudo e vai
trazer um glorioso fim a tudo. Enquanto isso, a nós cabe esta alta honra:
abandonar objetivos pessoais, fazer o que é certo mesmo quando não há
recompensa, lidar com os problemas que os outros evitam, dizer não ao
egoísmo, seguir a Cristo e fazer dos planos dele os nossos planos.

MAIS UMA COISA

Parece pior do que fazer as tarefas de casa, não é? Desistir dos objetivos
pessoais. Esquecer as recompensas. Assumir os problemas complicados.
Mas eis algo engraçado: quanto mais você faz isso, mais perto chega de
Deus e maior a alegria que flui em seu coração. Experimente. Quanto
menos de você, tanto mais Deus aumenta sua alegria.
8 DE MARÇO
“No devido tempo, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu pelos ímpios.”
[Romanos 5:6]


Quando não conseguimos pagar
Deus fez por nós o que eu fiz por uma das minhas filhas em uma loja em um
aeroporto em Nova York. A placa acima das peças de cerâmica dizia:
Favor não tocar. Mas a vontade era mais forte que o aviso, e ela tocou. E a
peça caiu. Quando vi a cena, Sara, de apenas dez anos, estava segurando as
duas metades de um enfeite com a vista de Nova York. Ao lado dela estava um
gerente nada contente. Sobre os dois estava a regra escrita. Entre eles, um
silêncio nervoso. Minha filha não tinha dinheiro. Ele não tinha piedade. Por
isso, eu intervim. “Quanto é que lhe devemos?”, perguntei.
Mas como é que eu devia alguma coisa? Simples. Era minha filha. Como
ela não podia pagar, eu paguei.
Como eu e você não conseguimos pagar, Cristo pagou. Nós quebramos
muito mais do que meras lembrancinhas. Nós despedaçamos o coração de
Deus. Com a lei na parede e os mandamentos estilhaçados no chão, Cristo se
aproxima (como um vizinho) e oferece um presente (como um Salvador).

MAIS UMA COISA

Muitas vezes dependemos dos outros para pagar pelo que não
conseguimos. Enquanto você está crescendo, quem é que ganha o
dinheiro que bota comida na mesa? Quem é que paga os impostos e
conserta a casa em que você mora? Jesus pagou muito mais que isso. O
presente dele responde por todos os erros que você já cometeu.
9 DE MARÇO
“Jesus estendeu a mão, tocou nele e disse: ‘Quero. Seja purificado!’”
[Mateus 8:3]


Um toque divino
Você já sentiu o poder de um toque divino? Do médico que tratou você ou
do professor que enxugou suas lágrimas? Você sentiu alguma mão segurar
a sua em um funeral? Talvez sobre seu ombro em um dia terrível? Talvez um
sorriso receptivo em uma escola nova?
Será que não podemos fazer o mesmo?
Talvez já faça isso. Você tem o toque de mestre do Médico em pessoa, e
você também usa suas mãos para servir. Talvez elas sejam usadas para
escrever e-mails de incentivo ou para ajudar aquele garoto novo no time,
depois de ele se machucar. Ou talvez você as use para fazer biscoitos para
vender na igreja ou para levar suco para sua mãe quando ela está doente. Você
conhece o poder de um toque.
Mas outras pessoas tendem a esquecer. Nossos corações são bons; mas
nossa memória é ruim. Nós esquecemos o significado que um toque pode ter.
Não é de se alegrar que Jesus não cometa o mesmo erro? Ele tocou um leproso
e o curou no mesmo instante. Jesus nos lembra que nós também temos o
poder de um toque divino.

MAIS UMA COISA

O toque é poderoso. Ele pode fazer coisas terríveis: abuso, violência. Mas
quando a motivação vem do amor de Deus, ele também pode fazer
maravilhas: animar, curar, dar apoio, servir. Quem você conhece que
precisa de um toque divino hoje?
10 DE MARÇO
“A quem vocês compararão Deus? Como poderão representá-lo?”
[Isaías 40:18]


Só ele é Deus
Aque podemos comparar Deus? Qualquer tentativa de achar uma
contraparte a Deus é vã. Nada nem ninguém se compara a ele. Ninguém
aconselha Deus. Ninguém ajuda Deus. É ele quem “julga: humilha a um, a
outro exalta” (Salmos 75:7).
Eu e você temos poder. Mas Deus é poder. Podemos ser centelhas de luz,
mas ele é a própria luz. Pense no universo ao nosso redor. Ao contrário do
oleiro, que pega um material e o remodela, Deus pegou o nada e criou algo
desse nada. Deus criou tudo que existe do nada. Antes da criação o universo
não era um espaço escuro. O universo não existia. Deus criou até mesmo a
escuridão. “Eu formo a luz e crio as trevas” (Isaías 45:7).
Até Deus pergunta: “Com quem vocês me compararão? Quem se
assemelha a mim?” (Isaías 40:25). Como se a pergunta precisasse de resposta,
ele mesmo a fornece: “Eu sou Deus, e não há nenhum outro; eu sou Deus, e
não há nenhum como eu” (Isaías 46:9).

MAIS UMA COISA

Você já sentiu como se Deus não fosse capaz de lidar com a tarefa de
ajudar você nas crises? Como se ele estivesse tão cansado ou distraído a
ponto de não conseguir lidar com o seu desastre? Esqueça! Ele é Deus.
Nosso universo existe porque ele o trouxe à existência. Um só Deus.
Sozinho.
11 DE MARÇO
“Retenha o que você tem, para que ninguém tome a sua coroa.”
[Apocalipse 3:11]


Seu dia está chegando
T alvez você seja uma das muitas pessoas que nunca ganhou um prêmio na
vida. Ah, pode até ser que tenha um registro estatístico da sua equipe de
basquete, ou talvez das tarefas de língua estrangeira, mas isso é tudo. Você
nunca ganhou muito na vida. Já viu vários dos LeBron James da vida levarem
para casa seus troféus e irem dormir com faixas de campeão. Mas tudo que
você conseguiu são um “quase lá” e um “e se”.
Se você se identifica, então certamente gostará desta promessa: “Quando
se manifestar o Supremo Pastor, vocês receberão a imperecível coroa da
glória” (1Pedro 5:4).
Seu dia está chegando. Deus tem planos para honrar você, para dar uma
recompensa que não durará por apenas uma temporada, mas por toda a
eternidade. Nada é mais valorizado que uma coroa do Reino dele. Aquilo que
o mundo esqueceu seu Pai lembrou e, antes do que imagina, você será
abençoado por ele.

MAIS UMA COISA

É difícil ficar vendo todo mundo receber prêmios e honras. Mas os


troféus terrenos logo enferrujam e acabam esquecidos. O prêmio que
conta é a glória celestial oferecida pelo Rei dos reis. É uma recompensa
digna da sua espera.
12 DE MARÇO
“É preciso que prestemos maior atenção ao que temos ouvido, para que jamais nos
desviemos.”
[Hebreus 2:1]


Fracassos
Se você perder sua fé, provavelmente fará isso aos poucos. Você deixará que
alguns dias se passem sem consultar sua bússola. Suas velas permanecerão
desfraldadas. Seus mastros não serão preparados devidamente. Pior de tudo,
você irá esquecer de ancorar seu barco. Antes que perceba, logo se verá jogado
de um lado para o outro nos vagalhões do mar.
A menos que você faça uma ancoragem profunda, há chances de afundar.
Como fazer uma? Vamos olhar novamente para o versículo: “É preciso que
prestemos maior atenção ao que temos ouvido.”
Os pontos de ancoragem mais confiáveis não são descobertas recentes.
Eles são verdades testadas pelo tempo que se mantiveram intactos contra os
ventos da mudança. Verdades como: Minha vida não é fútil. Meus fracassos
não são fatais. Minha morte não é o final.
Prenda sua alma a essas rochas e nenhuma onda será grande o suficiente
para afundar você.

MAIS UMA COISA

É da natureza humana se animar com novas modas e novas ideias. De


que outro modo podemos explicar o fascínio humano pela moda em
constante mudança? No entanto, quando falamos de fé, devemos lançar
a âncora nas verdades que sempre existiram. Você pode encontrar essas
verdades na Palavra de Deus.
13 DE MARÇO
“Aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de [...]
encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade.”
[Hebreus 4:16]

Ajuda pontual
Aajuda de Deus é pontual. Ele nos ajuda do mesmo modo com que um pai
distribui os bilhetes de embarque para sua família no aeroporto. Quando
viajo com meus filhos, sempre carrego os bilhetes na carteira. Quando chega o
momento do embarque, fico entre a atendente e meus filhos. Conforme cada
filho passa, entrego o bilhete. Meus filhos então dão o bilhete à atendente.
Cada um dos meus filhos recebe o bilhete no momento exato.
O que faço por meus filhos Deus faz por você. Ele se coloca entre você e a
sua necessidade. No momento certo ele entrega o bilhete. Não foi essa a
promessa que ele fez aos discípulos? “Sempre que forem presos e levados a
julgamento, não fiquem preocupados com o que vão dizer. Digam tão
somente o que lhes for dado naquela hora, pois não serão vocês que estarão
falando, mas o Espírito Santo” (Marcos 13:11).
É Deus quem nos conduz. Ele sempre faz a coisa certa no momento
certo.

MAIS UMA COISA

Pense na sua vida em retrospecto. Quantas foram as vezes em que você


recebeu exatamente o que precisava, no momento exato em que
precisava daquilo? O ingresso que chegou no mesmo dia do show.
Aquela ideia perfeita para um presente na véspera do dia das mães.
Coincidência? Talvez seja a mão que vem do céu ajudando.
14 DE MARÇO
“‘O Filho do homem veio [...] para servir e dar a sua vida em resgate por muitos.’”
[Marcos 10:45]


Uma tarefa
Uma das habilidades mais incríveis de Jesus era se manter focado. A vida
dele jamais saiu dos trilhos. Quando Jesus olhava para o horizonte de seu
futuro, ele podia enxergar muitos objetivos. Várias bandeiras tremulavam
contra o vento, cada uma das quais ele poderia perseguir. Ele poderia ter sido
um revolucionário político. Poderia se contentar em ser um professor e
educar novas mentes. Mas, no fim das contas, ele escolheu ser um Salvador e
salvar almas.
Qualquer pessoa que permaneça ao lado de Cristo por qualquer tempo
que seja já ouviu isso do próprio Jesus. “Pois o Filho do homem veio buscar e
salvar” (Lucas 19:10). O coração de Cristo estava inabalavelmente focado em
uma só tarefa. No dia em que deixou a carpintaria em Nazaré, ele tinha apenas
um objetivo final: a cruz do Calvário.
Você também tem apenas uma tarefa. Ela é uma resposta à escolha que
Jesus fez. Ele considerou essa sua tarefa como o mandamento primordial e
mais importante: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a
sua alma e de todo o seu entendimento” (Mateus 22:37).
Você está focado?

MAIS UMA COISA

É difícil estabelecer prioridades quando as pessoas ao redor falam que


um milhão de coisas são importantes. Leia Mateus 22:34-40, onde Jesus
acaba com essa confusão. Ame a Deus. Tudo o mais depende disso.
Como ser mais claro que isso?
15 DE MARÇO
“‘Hoje houve salvação nesta casa!’”
[Lucas 19:9]


Coração transformado
Se havia pessoa que ele não conseguia enganar, nem nunca viu um dólar que
o Novo Testamento tem um trapaceiro, esse homem é Zaqueu. Não

não conseguisse tomar. Ele era o “chefe dos publicanos” (Lucas 19:2). Os
coletores de impostos do primeiro século trapaceavam sempre que possível.
Porém, quando Jesus e seus seguidores passavam por Jericó, até os coletores
de impostos ficaram curiosos. Jesus avistou Zaqueu em uma árvore e disse:
“Zaqueu, desça depressa. Quero ficar em sua casa hoje” (Lucas 19:5). De todas
as casas da cidade, Jesus escolheu a de Zaqueu.
Zaqueu nunca mais foi o mesmo. “Olha, Senhor! Estou dando a metade
dos meus bens aos pobres; e se de alguém extorqui alguma coisa, devolverei
quatro vezes mais” (Lucas 19:8). Apesar das escolhas malfeitas de Zaqueu,
apesar de seu passado desonesto, Jesus ofereceu a ele toda a gentileza e um
lugar à mesa do céu. Jesus ofereceu a graça a Zaqueu. Quando essa graça
entrou pela porta da frente, o egoísmo saiu correndo pela porta dos fundos.
Aquilo transformou o coração do coletor de impostos.
Será que a graça também está mudando seu coração?

MAIS UMA COISA

O que você acha: que está mais para o Zaqueu enganador ou para o
Zaqueu transformado? Se você não gosta da resposta que deu, peça para
Jesus mostrar como você pode abraçar a graça por inteiro. Ele já
reservou um lugar à mesa do céu para você.
16 DE MARÇO
“A bondade de Deus o leva ao arrependimento.”
[Romanos 2:4]


Mais semelhante a Jesus
Eis a agenda de Deus para você hoje: fazer você ser mais como Jesus.
“[Deus] os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho”
(Romanos 8:29). Você consegue ver o que Deus está fazendo? Ele está
moldando vocês “para serem conformes à imagem de seu Filho”.
Jesus não sentia culpa; Deus quer que você não sinta culpa.
Jesus não tinha maus hábitos; Deus quer que você se livre dos seus.
Jesus encarou os medos com coragem; Deus quer que você faça o
mesmo.
Jesus sabia a diferença entre certo e errado; Deus quer que saibamos o
mesmo.
Jesus servia o próximo e deu sua vida pelos que estavam perdidos; nós
podemos fazer o mesmo.
Jesus conseguiu lidar com a ansiedade da morte; você também pode
conseguir.
O desejo de Deus, o plano de Deus, o objetivo final de Deus é fazer você
mais à imagem de Cristo.

MAIS UMA COISA

Nós temos um modelo, um exemplo de como podemos viver esse dom


que é a vida que nos foi dada. O nome desse modelo é Jesus. Da próxima
vez em que se sentir confuso ou que não tiver certeza de como ele lidaria
com uma situação, pegue sua Bíblia e leia a história dele. O exemplo dele
é sempre o exemplo certo.
17 DE MARÇO
“O amor [...] tudo suporta.”
[1Coríntios 13:6-7]


Uma roupa de amor
Quando Paulo disse “o amor tudo suporta”, talvez ele estivesse pensando em
uma roupa. É o que acredita um estudioso.
O Dicionário Teológico do Novo Testamento é conhecido por seu estudo
literal, não pela poesia textual. Mas o autor soa bem poético quando explica o
significado do termo suporta como foi usado em 1Coríntios 13:7. Segundo ele,
a palavra reflete “a ideia de cobrir com uma roupa de amor”.
Você se lembra de receber essa roupa? Estava nervoso com a prova, mas
o professor ficou até mais tarde para ajudá-lo. Você estava longe de casa e
com medo, mas sua mãe telefonou para confortá-lo. Você era inocente e foi
acusado, mas seu amigo se ergueu para defendê-lo. Coberto de coragem.
Coberto com o cuidado de um coração macio. Coberto de proteção. Coberto
com uma roupa de amor.
É assim que Cristo cobriu você e eu quando ele morreu na cruz. E é assim
que precisamos cobrir o mundo.

MAIS UMA COISA

Quando você era pequeno já chegou a tremer tanto que seu pai ou sua
mãe o cobriram com um casaco? Esse ato simples é um símbolo do amor
que protege. Há milhares de maneiras de demonstrar esse amor, mas
cada uma delas diz: “Eu me importo com você e estou olhando por
você.”
18 DE MARÇO
“Derramo diante dele o meu lamento; a ele apresento a minha angústia.”
[Salmos 142:2]


Ore para expelir a dor
Decepção. Rejeição. Enfermidades. Acidentes. Você está machucado nesse
exato momento. Ore para expelir a dor.
Vá em frente, bata na mesa. Ande de um lado para outro na grama. É
hora de fazer orações sinceras e obstinadas. Está bravo com Deus?
Decepcionado com a estratégia dele? Irritado com as escolhas divinas? Faça
com que ele saiba. Faça com que ele ouça! Foi o que fez Jeremias. O antigo
profeta pastoreava nos arredores de Jerusalém durante um período de crise.
Desemprego. Desastres. Exílio. Fome. Morte. Jeremias passou por tudo isso. O
livro dele na Bíblia, chamado Lamentações, pode ser resumido em uma linha:
essa vida não presta! Mas por que Deus colocaria o livro das Lamentações na
Bíblia? Talvez para convencer você a seguir o exemplo de Jeremias?
Vá em frente, registre a sua reclamação. Deus não vai dar as costas para a
sua raiva. Até mesmo Jesus ofereceu orações “em alta voz e com lágrimas”
(Hebreus 5:7). É melhor levantar o punho para Deus do que dar as costas para
ele. Talvez, de início, as palavras soem ocas e vazias. Talvez você só consiga
murmurar as frases, embaralhando os pensamentos. Mas não desista. E não se
omita. Deus ouve a sua lista de mágoas. Ele está pronto para curar.

MAIS UMA COISA

A parte mais difícil de estar machucado é encarar tudo sozinho. Muitas


vezes tentamos esconder de todos o que sentimos, fingindo que nada
aconteceu. Mas não é o que Deus deseja! Ele quer nos ouvir, mesmo
quando nossas palavras não passam de flechas irritadas. Conversar sobre
o assunto é o primeiro passo na cura.
19 DE MARÇO
“Aquele que duvida é semelhante à onda do mar, levada e agitada pelo vento.”
[Tiago 1:6]


Você duvida?
Adúvida. Eis uma vizinha que incomoda. Ela é um visitante indesejado, um
convidado teimoso.
Ela vai persegui-lo. Vai irritá-lo. Vai criticar seu julgamento. O objetivo
da dúvida não é convencer você, mas, sim, confundir. Ela não oferece
soluções; ela apenas levanta mais dúvidas.
Você tem recebido a visita dessa vizinha? Se está indo para a igreja para
ser salvo em vez de pelo fato de você estar salvo, então está dando ouvidos a
ela. Se está duvidando que Deus pode perdoar você mais uma vez, então
comprou algo que já veio estragado dessa vizinha. Se se sente mais cético em
relação aos cristãos do que se sente sincero em relação a Cristo, adivinha só
quem apareceu para jantar com você?
Sugiro que você coloque um cadeado na sua porta. Sugiro que pendure
uma placa com os dizeres “Proibida a entrada”. “Ora, a fé é a certeza daquilo
que esperamos e a prova das coisas que não vemos” (Hebreus 11:1). Acabe
com a dúvida. Confie na sua fé.

MAIS UMA COISA

O apóstolo Tomé é famoso por suas dúvidas. Ele não abraçou a fé por
completo até o instante em que viu e tocou as feridas do Jesus
ressuscitado (ver João 20:27-28). Não seja um Tomé. Você tem a prova
no seu coração. Seja um dos abençoados “que não viram e creram” (João
20:29).
20 DE MARÇO
“Escolham hoje a quem irão servir.”
[Josué 24:15]


Você decide
Oconvite de Deus é claro e imutável. Ele nos dá tudo e nós entregamos tudo
a ele. Simples e absoluto. Ele é claro no que pede e no que oferece. A
escolha cabe a nós. Não é incrível que Deus deixe a escolha para nós?
Pense por um instante. Há muitas coisas na vida que não podemos
escolher. Não podemos, por exemplo, escolher o clima. Não podemos
escolher se vamos nascer com nariz grande, com olhos azuis ou com bastante
cabelo. Também não podemos escolher nossos pais. Não podemos escolher o
cardápio do almoço da escola. Não podemos escolher nem mesmo quem vai
rir das nossas piadas.
Mas podemos escolher onde vamos passar a eternidade. A grande
escolha, essa Deus deixa para nós. O significado é muito maior para ele, e para
nós, quando temos a liberdade de fazer nossas próprias escolhas. Será que
você vai fazer escolha mais importante que essa? Essa é a única decisão que
realmente importa.

MAIS UMA COISA

Como você toma suas decisões mais importantes? Faz uma lista de prós
e contras em uma folha de papel? Conversa com seus pais e seus
amigos? Joga a moeda? A escolha por entregar ou não seu coração a
Deus não é a mesma coisa que escolher a cor da sua capinha do telefone
celular. Essa é a decisão mais importante que você fará na vida.
21 DE MARÇO
“O Filho do homem [...] não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em
resgate por muitos.”
[Mateus 20:28]


Nosso Mestre-servo
Quando era garoto, eu li uma fábula russa sobre um mestre e um servo que
viajavam até uma cidade. Já esqueci muitos dos detalhes, mas lembro bem
do fim da história. Antes que os dois conseguissem chegar ao destino, os
viajantes acabam presos em uma nevasca absurda. A dupla perde a direção e,
com isso, não consegue chegar à cidade antes do anoitecer.
Na manhã seguinte, amigos preocupados com a dupla saem para
procurar os dois homens. Logo encontram o mestre congelado até a morte, o
rosto enterrado na neve. Ao erguer o mestre, encontram o servo — congelado,
mas vivo. Ele sobreviveu e contou a todos como seu mestre se oferecera para
ficar em cima dele para que este pudesse viver.
Não pensei a respeito dessa história por muitos anos. Porém, quando li
que Cristo faria o mesmo por nós, a história veio a tona, pois Jesus é o Mestre
que morreu por seus servos.

MAIS UMA COISA

Essa história resume nossas vidas melhor do que podemos perceber. Nós
também estamos presos em uma nevasca. Sozinhos, jamais
conseguiremos chegar onde pretendemos. É apenas por meio do
sacrifício do nosso Mestre que sobrevivemos e atingimos o objetivo. Ele
morreu para que nós pudéssemos viver. Um Deus. Um Plano. Uma vida.
22 DE MARÇO
“‘Vigiem e orem para que não caiam em tentação.’”
[Marcos 14:38]

Vigie e ore
“V igie.” Difícil um aviso ser mais prático que isso. Vigie. Fique alerta.
Mantenha os olhos abertos. Quando vir o pecado chegando, se encolha.
Quando antecipar um encontro desconfortável, vire-se. Quando sentir a
tentação se aproximar, vá pelo outro caminho.
O que Jesus está dizendo para os discípulos e para nós é: “Preste
atenção.” Você conhece suas fraquezas. Você também conhece as situações
em que suas fraquezas ficam mais vulneráveis. Fique fora dessas situações.
Dos bancos de trás. Das horas extras. Das páginas ofensivas na internet. Do
que quer que seja que dê um espaço para o diabo na sua vida, fique longe.
Preste atenção!
Jesus também diz: “Ore.” Orar não significa contar uma novidade para
Deus. Não há pecador nem santo que consiga surpreendê-lo. O que a oração
faz é convidar Deus para andar nas partes sombrias das nossas vidas conosco.
Orar é pedir que Deus preste atenção lá na frente, para evitar uma árvore que
cai e uma pedra que rola, e para proteger a retaguarda, salvando nossas costas
dos dardos venenosos do diabo.

MAIS UMA COISA

Navegar as perigosas águas da vida é mais ou menos como nadar na


praia sem um salva-vidas de plantão — cabe a você prestar atenção nos
perigos e ter certeza de que a correnteza não o apanhe. Você pode
convidar um salva-vidas divino através da oração para acompanhar e
proteger você. Ele está sempre de plantão.
23 DE MARÇO
“Venham e vejam o que Deus tem feito; como são impressionantes as suas obras em
favor dos homens!”
[Salmos 66:5]


Mal em bem
José era o filho predileto de seu pai, e os irmãos odiavam José por isso.
Assim, eles despejaram todo o rancor que sentiam sobre ele. “Seus irmãos
lhe arrancaram a túnica longa, agarraram-no e o jogaram no poço” (Gênesis
37:23-24). José não saiu da cama, naquele dia, pensando: “É melhor eu usar
uma roupa mais resistente porque hoje é o dia que serei jogado em um
buraco.” Aquele ataque o pegou desprevenido.
Assim como aconteceu com você. O poço de José veio sob a forma de
uma cisterna. Talvez o seu tenha vindo sob a forma de um diagnóstico, de um
lar adotivo ou de um acidente traumático. Seu poço é um tipo de morte. Você
se pergunta se conseguirá se recuperar.
A história de José piorou antes de melhorar. Mesmo assim, ele nunca
desistiu. A amargura nunca tomou conta dele. Mas ele não conseguiu apenas
sobreviver; ele prosperou. No fim da vida, José era o segundo homem mais
poderoso de toda a sua geração. Como ele conseguiu florescer em meio à
tragédia? Anos mais tarde, José explicou para os irmãos: “Vocês planejaram o
mal contra mim, mas Deus o tornou em bem” (Gênesis 50:20).
Confie em que Deus fará o mesmo por você.

MAIS UMA COISA

Quando algo ou alguém vem pelas suas costas para dar um golpe, o
impacto derruba você no chão. Mas não com Deus. Ninguém consegue
atacar pelas costas dele. Ele sempre sabe o que está para acontecer no
seu caminho e ele sempre tem um plano para contra-atacar. Convide
Deus para ficar no seu canto do ringue e espere para vê-lo nocautear o
adversário.
24 DE MARÇO
“Eu tive fome, e vocês me deram de comer; tive sede, e vocês me deram de beber.”
[Mateus 25:35]


Ame-os, Ame-o
Há muitos motivos para ajudar pessoas com necessidades. No entanto, para
os cristãos, nenhum motivo é maior que este: quando amamos os
necessitados, estamos amando Jesus. Trata-se de um mistério que vai além da
ciência, uma verdade que vai além das estatísticas. É uma mensagem que Jesus
fez clara como cristal: quando amamos essas pessoas, o amamos.
Muitos anos atrás eu vi uma mulher discutir sobre essa obra. Seus 69
anos haviam dobrado seu corpo já pequenino. Mas não havia nada de
pequeno na presença de Madre Teresa. “Deem-me seus nascituros”, ela
oferecia. “Não abortem. Se vocês não podem cuidar deles, eu posso. Eles são
preciosos para Deus.”
Quem poderia imaginar que essa pequena albanesa iria mudar milhares
de vidas através das Missionárias da Caridade, a ordem que ela fundou em
1949? Tímida e introvertida quando criança. Saúde debilitada. Uma de três
filhos. Filha de um homem de negócios generoso, porém comum. Não
obstante, em algum momento de sua caminhada, ela se convenceu de que
Jesus caminhava “sob o penoso disfarce dos pobres”, e se dedicou a amá-lo ao
amar suas crianças.

MAIS UMA COISA

Você conhece a parábola das ovelhas e dos bodes? Se não conhece,


pegue sua Bíblia e leia Mateus 25:31-46. O faminto, o sedento, aquele
que não é bem-vindo, aquele que não tem roupas, os enfermos, os
aprisionados — de alguma forma, essas pessoas são o próprio Jesus.
Quando as amamos, amamos Jesus.
25 DE MARÇO
O perfeito amor expulsa o medo.
[1João 4:18]


Coragem que vem da graça
P aulo escreveu: “Não se amoldem ao padrão deste mundo” (Romanos 12:2).
Mais fácil falar que fazer, certo? É preciso coragem para defender alguém a
quem todos estão incomodando, ou então para dizer em uma festa: “Não, eu
não faço isso.” De onde vem a coragem?
Vem da graça. Como Paulo escreveu a Tito: “A graça de Deus se
manifestou salvadora a todos os homens. [...] É isso que você deve ensinar,
exortando-os” (Tito 2:11,15). Você conhece a graça de Deus? Se sim, então
pode amar com coragem, pode viver com coragem. Pode pular de trapézio em
trapézio; a rede de segurança dele vai impedir a sua queda. Nada alimenta
mais a coragem que um entendimento claro da graça.
O mundo quer que você use as roupas que todo mundo usa, que fale o
que todo mundo fala, que acredite no que todo mundo acredita. Tenha a
coragem de ser diferente. A graça dá a você a coragem para representar Deus.

MAIS UMA COISA

Basta prestar atenção para perceber que ela está por todo lugar — a
pressão para pertencer a determinados grupos. As pessoas resistem
quando você nada contra a corrente. Mas não é disso que trata toda a
vida de Jesus? Lembre-se da graça de Deus e você encontrará a força
para seguir no caminho divino.
26 DE MARÇO
Feliz aquele que tem suas transgressões perdoadas e seus pecados apagados!
[Salmos 32:1]


Assumindo
Se nossas dívidas” (Mateus 6:12)?
já fomos perdoados, então por que Jesus nos ensina a orar: “Perdoa as

Pelo mesmo motivo pelo qual seus pais querem que você faça o mesmo.
Se eu disser para uma das minhas filhas que ela deve estar em casa em certo
horário e ela desobedece e decide ficar fora até mais tarde, eu não a deserdo.
Eu não a expulso de casa, nem peço que ela mude o sobrenome. Mas espero,
sim, que ela seja honesta e que peça desculpas. Até que ela faça isso, a doçura
da nossa relação fica suspensa. A natureza do nosso relacionamento não
muda. Eu continuo sendo o pai e ela continua sendo a filha. Mas a intimidade
entre nós fica bloqueada.
O mesmo acontece na vida espiritual. A confissão não cria um
relacionamento com Deus; ela simplesmente o alimenta. Se você é fiel a Deus,
assumir os seus erros não muda sua posição diante dele, mas aumenta a paz
que você tem com ele.

MAIS UMA COISA

Você já cometeu um erro muito grave e se recusou a pedir desculpas? Se


sim, é provável que tenha tido uma grande indigestão, maior do que
quando devorou aquele sanduíche com três hambúrgueres. A confissão
serve para limpar. Ela melhora o relacionamento em seu exterior. E traz
uma paz maior para o interior.
27 DE MARÇO
O que o homem semear, isso também colherá.
[Gálatas 6:7]


A estufa do coração
P ense por um instante que seu coração é uma estufa. Vinhas verdes em vez
de válvulas e veias. Dividido em seções de grãos e tomates em vez de átrios
e ventrículos. Mas o que uma estufa e o seu coração têm em comum? Ambos
precisam de cuidados.
Pense por um instante que seus pensamentos são sementes. Alguns deles
se tornam flores. Outros, erva daninha. Lance sementes de esperança e você
colherá otimismo. Lance sementes de dúvida e você colherá insegurança.
A prova está em todo lugar que você olhar. Já se perguntou como certas
pessoas conseguem enfrentar ideias negativas e permanecer pacientes,
otimistas e com capacidade de perdoar? Será que essas pessoas semeiam a
bondade, beneficiando-se da colheita? Já se perguntou por que outras pessoas
têm uma atitude sombria? Você também teria se seu coração fosse uma estufa
de ervas daninhas e de espinhos.
Jesus é o mestre jardineiro. Ele sabe quando tem de cortar uma vinha e
quando tem de desenterrar a raiz e jogar tudo fora. Não está na hora de deixar
ele entrar na estufa do seu coração?

MAIS UMA COISA

As plantas de uma estufa não prosperam sem um cuidado amoroso.


Ignore-as, e elas morrerão. O mesmo vale para o seu gato, seu peixe e
todas as coisas vivas — incluindo seu coração. Por isso, permita que o
mestre jardineiro entre, espalhe sementes de bondade. E veja seu jardim
florescer.
28 DE MARÇO
Surgiu tão grande amizade entre Jônatas e Davi que Jônatas tornou-se o seu melhor
amigo.
[1Samuel 18:1]


Melhores amigos
Jônatas e Davi eram melhores amigos. “Surgiu tão grande amizade entre
Jônatas e Davi que Jônatas tornou-se o seu melhor amigo” (1Samuel 18:1).
Como se os dois corações fossem tecido, Deus usou “fio e agulha” para
costurá-los. Eram tão próximos que, quando um se mexia, o outro sentia.
Você tem um amigo como Jônatas? Alguém que protege você, que não
quer nada além do melhor para sua vida, nada além da sua felicidade? Um
aliado que o permite ser você mesmo? Uma pessoa ao lado de quem você se
sente seguro? Foi um amigo assim que Deus deu para Davi.
Mas ele também deu um amigo desses para você. Ora, Jesus não fez uma
promessa? “Eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos” (Mateus
28:20). Ele não vestiu você? Ele oferece “roupas brancas [...] para cobrir”
(Apocalipse 3:18). Cristo veste você com uma roupa adequada aos céus.
Faça uma lista em pensamento de todas as maneiras com que Deus
demonstra sua generosidade. Tudo, do pôr do sol à salvação — olhe para tudo
que você tem. Permita que Jesus teça sua alma. Deixe ele ser seu melhor
amigo.

MAIS UMA COISA

Um relacionamento pessoal com Jesus é um pouco diferente das outras


amizades que temos. Para começar, não é possível vê-lo fisicamente.
Mesmo assim, ele está sempre lá, falando através das palavras da Bíblia,
incentivando através das ações alheias. Por isso, fale com ele. Louve a
Deus. Ele pode ser seu melhor amigo de verdade.
29 DE MARÇO
Deus ressuscitou o Senhor e também nos ressuscitará.
[1Coríntios 6:14]


Abasteça com fé
Você está sobrecarregado. Está sem energia alguma. Esgotado. O que você
faz quando fica sem combustível? A resposta não é empurrar o carro
sozinho, mas é isso que você faz. Parar para abastecer é para os fracos.
Se você está precisando de horas extras todo dia só para se manter, talvez
seja preciso abastecer com um combustível de melhor qualidade. Experimente
algumas das promessas da carta aos filipenses — seis promessas de um livro
de primeira linha:
“Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai
completá-la até o dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1:6). “Para mim o viver é
Cristo e o morrer é lucro” (Filipenses 1:21). “Nada façam por ambição egoísta
ou por vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a si
mesmos” (Filipenses 2:3). “Quero conhecer a Cristo, ao poder da sua
ressurreição e à participação em seus sofrimentos” (Filipenses 3:10). “Prossigo
para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial” (Filipenses 3:14).
“Tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4:13).
Encha seu tanque com versículos como estes e pare de empurrar o carro
sozinho. Deus consegue fazer aquilo que você não consegue.

MAIS UMA COISA

Você sabe que está em apuros quando decide que está ocupado demais
para orar ou ler a Bíblia. Precisamos desse “combustível da fé” — é ele
que nos mantém vivos. Tente andar sem ele para logo se ver enguiçado
no acostamento da vida.
30 DE MARÇO
O fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência.
[Gálatas 5:22]


O fruto da paciência
Os chega
professores parecem demorar para sempre. O fim de semana nunca
cedo o bastante. A porcaria do computador leva uma eternidade
para ligar!
Se a paciência é um problema para você, talvez deva fazer a seguinte
pergunta: Quão cheio da paciência de Deus você está? Já ouviu seus pais
falarem sobre ela. Já a estudou na escola dominical. Talvez já tenha até
sublinhado alguns versículos bíblicos. Mas será que já a recebeu? A prova está
na sua paciência. A paciência que é recebida profundamente resulta em
paciência que é oferecida livremente.
Deus faz mais que exigir paciência de nós; ele a oferece a nós. A paciência
é fruto do Espírito. Ela pende da árvore de Gálatas 5:22: “O fruto do Espírito é
amor, alegria, paz, paciência.” Você já pediu que Deus lhe dê esse fruto? “Bom,
certa vez eu pedi, mas...” Mas o quê? Será que... ficou impaciente? Peça de
novo e de novo e de novo. Ele não vai ficar impaciente com o seu pedido e
você vai receber a paciência como resposta às suas orações.

MAIS UMA COISA

No nosso mundo apressado a paciência é quase uma arte perdida. Mas


não para Deus. Ele a inclui nos presentes que o Espírito Santo nos
oferece. Deve ser importante, certo? Quando paro para pensar, minha
vida fica bem melhor quando pratico a paciência. E quanto à sua?
31 DE MARÇO
O mundo e a sua cobiça passam, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece
para sempre.
[1João 2:17]


Lugar perfeito
No momentos
céu, você será o seu melhor. Aqui, de vez em quando você tem
assim. Consegue ter vislumbres do seu eu celestial. Quando
troca a fralda da sua irmãzinha, quando perdoa o comportamento de um
amigo ou quando lava o carro do seu pai, você está mostrando traços da sua
santidade. Mas são os outros momentos que estragam a vida. A língua afiada
como uma navalha. Um humor ameaçador como o Frankenstein. Essas são as
partes que cansam.
Mas Deus irá impedir as imperfeições já nas portas do céu. A luz dele
silencia a fera interior. “[Na Nova Jerusalém] jamais entrará algo impuro”
(Apocalipse 21:27). Pare e permita que essa promessa entre em seu coração.
Consegue imaginar sua existência sem pecado?
Você estará no seu melhor, para sempre! E irá aproveitar o melhor de
todo mundo também! Cristo terá completado sua obra redentora. Toda a
fofoca e inveja serão removidas. A última gota de mau humor será eliminada.
Você vai amar o resultado. Ninguém vai duvidar da sua palavra, nem
questionar seus motivos, nem falar mal de você pelas costas.
O céu é um lugar perfeito para pessoas perfeitas ao lado do nosso Senhor
perfeito.

MAIS UMA COISA

Nos dias em que nada parece dar certo — um pneu furado, a lição
esquecida em casa, um amigo que decepciona — é bom saber que tudo
isso é temporário. Um lugar melhor, um lugar perfeito, está pronto para
nos receber. Não sei quanto a você, mas eu mal posso esperar.


ABRIL

“Por que sou eu que conheço os


planos que tenho para vocês”,
diz o SENHOR, “planos de fazê-los
prosperar e não de lhes causar
dano, planos de dar-lhes
esperança e um futuro”.

[ Jeremias 29:11 ]
1º DE ABRIL
Tu criaste o íntimo do meu ser e me teceste no ventre de minha mãe.
[Salmos 139:13]


Tecido com amor
T enho em meu armário uma blusa que uso raramente. Ela é muito pequena.
Eu deveria jogá-la fora. Mas o amor não deixa.
Ela é a criação de uma mãe dedicada que expressou seu amor. Minha
mãe. Cada fio dela foi escolhido com amor. Cada fio dela foi escolhido com
afeto. Ela é valiosa não por sua função, mas por sua criadora.
Devia ser isso que o salmista tinha em mente quando escreveu: “Tu
criaste o íntimo do meu ser e me teceste no ventre de minha mãe” (Salmos
139:13). Reflita sobre essas palavras. Você foi tecido. Não é um acidente. Não
vem de uma produção em massa. Não foi feito em uma linha de produção.
Você não é fruto de um primeiro de abril. Você foi deliberadamente
planejado, recebeu dons específicos, foi amorosamente posicionado nesta
terra pelo Mestre Carpinteiro. Quando olha para você, ele não vê um monte
qualquer de barro. Ele vê uma linda obra de arte, moldada unicamente e de
acordo com o desígnio amoroso dele.

MAIS UMA COISA

Pense em alguma coisa pela qual você trabalhou realmente duro. Talvez
alguma poesia. Um ensaio. Uma música. Depois de colocar muito de si
nesse trabalho, ele não ganhou uma importância maior para você? É
como Deus se sente em relação a você. Ele fez você com muito amor e
muito cuidado.
2 DE ABRIL
Tenham cuidado para que ninguém retribua o mal com o mal, mas sejam sempre
bondosos uns para com os outros e para com todos.
[1Tessalonicenses 5:15]

“Eu os chamarei de amigos”


A migos. Não há nada como os bons tempos passados com nossos melhores
amigos. Talvez seus amigos sejam a cola que faz você suportar o dia,
aparecendo sempre que o mundo parece estar contra você. Mas quando esses
relacionamentos azedam, tudo parece estar errado. Dói quando não está tudo
bem com um amigo.
Jesus entendeu esse desafio. Ele veio para construir relacionamentos com
as pessoas, para remover os sentimentos de hostilidade, de conflito e de
isolamento que existiam entre Deus e os homens. Quando superou essa
barreira, ele disse: “Eu os tenho chamado amigos” (João 15:15).
Quando um relacionamento está sendo consertado, é fundamental
perceber que este, assim como ninguém, é perfeito. Se você se decidiu por
fazer um relacionamento funcionar, pode criar tratados de paz baseados no
amor, na aceitação e na harmonia para transformar uma situação difícil em
algo belo. Jesus foi rejeitado e era incompreendido, mas, mesmo assim,
persistiu com paciência na tarefa de criar relacionamentos com seus
seguidores. Será que eu e você não podemos fazer o mesmo?

MAIS UMA COISA

Do que é que você mais gosta nos seus melhores amigos? A lealdade? A
disposição para ouvir? A atitude positiva? O senso de humor? O que
quer que seja, lembre dessas qualidades quando estiverem brigando.
Uma boa amizade não é algo que se joga fora.
3 DE ABRIL
Por amor de ti enfrentamos a morte todos os dias.
[Romanos 8:36]


A voz da aventura
Há certa crueza e certa maravilha na vida. Busque essas qualidades. Cace-as.
Faça o que tiver que fazer para consegui-las. Seu objetivo não é viver
bastante; é viver.
Jesus diz que as opções são claras. De um lado está a voz da segurança.
Você pode fazer uma fogueira na lareira e ficar dentro de casa, seco e
aquecido. Não se pode cair quando não se fica em pé, certo? Não se pode
perder o equilíbrio se jamais escalar, certo? Portanto, não tente fazer essas
coisas. Tome o caminho mais seguro.
Ou você pode ouvir a voz da aventura — a aventura de Deus. Em vez de
fazer uma fogueira na sua lareira, faça essa fogueira no seu coração. Siga os
impulsos de Deus. Fale com aquela garota que ninguém fala. Seja um
voluntário no asilo. Faça um teste para atuar em uma peça ou entrar em um
time. Lidere um estudo bíblico. Seja candidato a diretor da escola. Faça a
diferença. Claro, não é o mais seguro; mas o que é seguro na vida?
Jesus não escolheu o caminho da segurança. Ele morreu na cruz por você.
Permita que ele o conduza no seu destino inspirado por Deus.

MAIS UMA COISA

Lembra de quando você era pequeno e explorava toda estante que


conseguia alcançar? Todos nós nascemos com uma necessidade criada
por Deus de nos esticarmos, de aprendermos e descobrirmos.
Infelizmente muitos de nós perdem essa necessidade. Mas não precisa
ser assim — nem deveria. Assumir riscos em nome de Deus traz glória
para ele.
4 DE ABRIL
Os olhos do Senhor estão sobre os justos e os seus ouvidos estão atentos à sua
oração.
[1Pedro 3:12]


Vamos falar com Jesus
Oque você faz quando fica sem combustível? Talvez você nunca tenha tido
esse problema, mas todos nós ficamos sem alguma coisa. Você precisa de
bondade, mas o tanque está vazio. Precisa de esperança, mas o ponteiro está
no vermelho. Precisa de cinco litros de soluções, mas tudo que consegue
juntar são algumas gotas.
A primeira coisa que me vem à cabeça quando fico sem combustível é:
“Como vou levar esse carro até um posto?” A primeira coisa que deveria surgir
na sua mente quando você tem um problema deveria ser: “Como posso levar
esse problema até Jesus?”
Vamos ser práticos. Você e um bom amigo estão prestes a brigar mais
uma vez. A tempestade assoma no horizonte. Os dois precisam de paciência,
mas seus tanques estão vazios. E se um de vocês “pedir um tempo”? E se um
dos dois disser: “Vamos falar com Jesus antes de falar um com o outro. Na
verdade, vamos falar com Jesus até podermos falar um com o outro”?
Não vai doer. Afinal, ele derrubou as muralhas de Jericó. Talvez ele possa
fazer o mesmo por vocês.

MAIS UMA COISA

Não faz sentido? Jesus já sabe de tudo que você está enfrentando. Ele
tem alguma experiência em lidar com pessoas e com problemas. Ele ama
você e quer ajudar. Por que não falar com ele sobre seus dilemas e suas
crises? Ele está ouvido bem agora.
5 DE ABRIL
A todos esses deu capacidade.
[Êxodo 35:35]


Preparado com um propósito
Você já nasceu pré-preparado. Deus olhou para toda a sua vida, decidiu qual
seria sua tarefa e deu as ferramentas que você precisa para fazer o trabalho.
Antes de sair de casa você faz algo parecido. Pensa nas situações à frente
e se prepara de acordo com elas. Tempo fechado? Melhor levar um casaco.
Trabalho em grupo? Leve o computador. Vai visitar aquele amigo fanático por
corrida? Melhor levar um par de tênis e uma garrafa d’água.
Deus fez o mesmo com você. “Joe vai pesquisar animais... instalar
curiosidade.” “Meagan vai chefiar uma escola particular... uma dose extra de
gerenciamento.” “Preciso que Erick conforte os enfermos... incluir uma bela
dose de compaixão.” “Denalyn vai casar com Max... acrescentar uma porção
dupla de paciência.”
Deus tem um lindo plano para você. Mas ele jamais o deixaria ir nessa
expedição sem a preparação necessária. Ele preparou você de propósito, e
para um propósito.

MAIS UMA COISA

De que forma Deus preparou você para sua vida? Escreva algumas das
“ferramentas” que ele lhe deu. De que forma você pode usar seus
talentos e seus dons para servir ao propósito de Deus? Fale sobre isso
com um amigo ou com seus pais; depois ore.
6 DE ABRIL
Deus colocou todas as coisas debaixo de seus pés e o designou como cabeça de
todas as coisas para a igreja.
[Efésios 1:22]


Centro do universo
Com um tapinha nas costas coletiva da humanidade, Deus aponta para o
Filho — seu Filho — e diz: “Eis aqui o centro de tudo.”
Quando Deus olha para o centro do universo ele não olha para você.
Quando as mãos divinas direcionam o refletor para a estrela do espetáculo,
não preciso usar óculos escuros. Não há luz alguma sobre mim.
Orbes menores, é o que somos. Apreciados. Valorizados. Bastante
amados. Mas centrais? Essenciais? Pivotais? Não. Desculpe. O mundo não gira
ao nosso redor. Nosso conforto não é a prioridade de Deus. Caso seja, então
algo deu errado. Se somos o evento principal, como explicar desafios tão
antigos quanto a morte, doenças, economias em crise ou terremotos? Se Deus
existe para nos agradar, então não deveríamos estar sempre contentes?
Será que uma mudança cósmica pode estar em curso? Talvez nosso lugar
não seja no centro do universo. Deus não existe para fazer de nós o principal.
Nós existimos para fazer dele o astro principal. Não é sobre você. Não é sobre
mim. É só sobre ele.

MAIS UMA COISA

Temos um pouco de dificuldade com isso, não é? Sempre queremos o


holofote. Queremos toda a atenção da nossa família e dos nossos amigos
— e de Deus também, agora que estou pensando. Mas quem criou
quem? Talvez seja uma boa ideia ajoelhar e louvar aquele que está no
centro do universo.
7 DE ABRIL
Lembre-se de Jesus Cristo, ressuscitado dos mortos, [...] conforme o meu evangelho.
[2Timóteo 2:8]


Lembre-se de Jesus
P aulo estava na prisão em Roma e sabia que a hora de sua execução se
aproximava. Em uma carta escrita ao som do afiar da espada que logo lhe
cortaria a cabeça, Paulo suplicou que Timóteo lembrasse de algo. Quase dá
pra ver a cena do velho guerreiro sorrindo enquanto escrevia. “Lembre-se de
Jesus Cristo, ressuscitado dos mortos, [...] conforme o meu evangelho”
(2Timóteo 2:8).
Quando os tempos ficarem difíceis, lembre-se de Jesus. Quando ninguém
mais ouvir, lembre-se de Jesus. Quando as lágrimas vierem, lembre-se de
Jesus. Quando a decepção estiver ao seu lado, lembre-se de Jesus.
Lembre-se dos enfermos que foram curados pelas mãos calejadas dele.
Lembre-se dos mortos que ergueram das tumbas diante do chamado com
sotaque da Galileia. Lembre-se dos olhos de Deus, que choraram lágrimas
humanas. Lembre-se de Jesus, motivo pelo qual um prisioneiro pode falar
sobre as Boas-novas pouco antes de sua execução — e motivo pelo qual
podemos falar sobre as Boas-novas sem importar a crise que enfrentamos.

MAIS UMA COISA

Quando notícias ou tempos ruins chegam, nossa cabeça costuma virar


mingau. As memórias somem junto com todo o resto. Se você conseguir
se lembrar de só uma coisa durante seu pior momento, que seja isto: as
Boas-novas de que Jesus Cristo subiu à cruz por você.
8 DE ABRIL
Que outros façam elogios a você, não a sua própria boca.
[Provérbios 27:2]


Gabe-se disso!
Exigir respeito é como perseguir uma borboleta. Vá atrás dela e você jamais
a pegará. Fique parado e talvez ela pouse no seu ombro. Aqueles que falam
sobre uma necessidade de respeito soam como se tivessem a cabeça maior que
o chapéu. O esforço dessas pessoas para se elevar soam como autoelogios
vazios.
O filósofo Blaise Pascal afirma: “Você deseja que falem bem de você?
Então jamais fale bem de si próprio.” Talvez seja por isso que a Bíblia diz:
“Que outros façam elogios a você, não a sua própria boca.”
Você sente necessidade de se autoafirmar? Sua autoestima precisa de
atenção? Você não precisa mostrar quem são seus amigos, nem ficar se
mostrando. Precisa apenas parar ao pé da cruz e se lembrar disso: aquele que
fez as estrelas preferiu morrer por você a viver sem você. Isso é um fato.
Portanto, se precisa se gabar de algo, gabe-se disso.

MAIS UMA COISA

Você já conheceu pessoas que só falam de si mesmas? Que estão sempre


tentando parecer boas aos olhos dos outros? Não seja uma dessas
pessoas. Você tem um Senhor que vai te amar por toda a eternidade.
Gabe-se dele e deixe todas as outras vaidades para os outros.
9 DE ABRIL
O Senhor conduza os seus corações ao amor de Deus e à perseverança de Cristo.
[2Tessalonicenses 3:5]


Coragem!
Nem sempre a maioria está certa. Se a maioria tivesse sido ouvida, os filhos
de Israel jamais teriam deixado o Egito. Eles teriam votado por
permanecer em cativeiro. Se a maioria tivesse sido ouvida, Davi jamais teria
enfrentado Golias. Os irmãos de Davi teriam votado por ele cuidar das
ovelhas. Qual é a questão? Em vez de ouvir à maioria, você deve ouvir seu
coração e fazer o que sabe que é certo.
Deus diz que você está no caminho de se tornar um discípulo quando
consegue fazer o certo e manter o coração puro. “Quem poderá entrar no seu
Santo Lugar? Aquele que tem as mãos limpas e o coração puro” (Salmos 24:3-
4).
Imagina que tudo dará certo, contanto que você faça tudo certo? Já
tentou fazer algo que era certo, mas, mesmo assim, nada parece sair como
planejado? Coragem. Quando se faz o que é certo — independentemente do
que diz a maioria — Deus lembra.

MAIS UMA COISA

Fazemos isso o tempo todo — levantamos a mão ou votamos para tomar


uma decisão ou expressar uma opinião. Porém, às vezes o coração não
concorda com a escolha da maioria. Isso é importante? Só quando a
maioria vai contra o entendimento de Deus. Ele é a maioria de um só.
10 DE ABRIL
“Eu pedirei ao Pai, e ele lhes dará outro Conselheiro para estar com vocês para
sempre.”
[João 14:16]


Nosso conselheiro divino
P elo jeito que entramos em pânico sempre que há mudanças, alguém
poderia pensar que está chovendo bombas.
“Corram por suas vidas! Aí vem a graduação!”
“Encham o ônibus de mulheres e crianças e sigam para o norte. Nossa
lanchonete preferida vai fechar as portas!”
A mudança bagunça a vida e, quando isso acontece, Deus manda alguém
especial para nos dar estabilidade. Momentos antes da sua morte Jesus fez
uma promessa para seus seguidores: “O Conselheiro, o Espírito Santo, que o
Pai enviará em meu nome, lhes ensinará todas as coisas e lhes fará lembrar
tudo o que eu lhes disse. Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou
como o mundo a dá” (João 14:26-27).
Assim como uma professora que vai embora apresenta à sala de aula sua
substituta, também Jesus nos apresentou ao Espírito Santo. E que garantias
Jesus deu! Ele chama o Espírito Santo de “conselheiro”. O Espírito vem em
nome de Cristo, com igual autoridade e poder idêntico.
Nós não encaramos sozinhos as mudanças. O Espírito é nosso
conselheiro divino.

MAIS UMA COISA

O que exatamente é o Espírito Santo? Ele é, bem... espírito. Pense nele


como você pensa sobre Jesus — alguém que o ama, que o guia, que dá
tudo de si por você. Alguém santo, de Deus e com Deus. Ele é um
professor e amigo que traz paz de espírito — que belo dom!
11 DE ABRIL
Sirvam aos seus senhores de boa vontade, como ao Senhor, e não aos homens.
[Efésios 6:7]


Trabalhando para agradar a Deus
Oque aconteceria se todo mundo trabalhasse pensando em Deus? Imagine que
ninguém trabalhasse para si mesmo, nem para ganhar dinheiro, mas que
todos trabalhassem para agradar a Deus.
Várias ocupações iriam acabar imediatamente: tráfico de drogas, roubos,
prostituição, casas de tolerância e cassinos. Certas carreiras, por sua própria
natureza, não são do agrado de Deus. Todas elas deixariam de existir. Alguns
comportamentos também cessariam. Se estou consertando um carro para Deus,
não vou cobrar além do necessário de seus filhos. Se estou pintando uma parede
para Deus, você acha que vou usar um diluidor de tintas para gastar menos?
Não.
Imagine se todo mundo trabalhasse como se Deus estivesse assistindo.
Todo professor seria mais esperançoso. Todo chefe, mais previdente. Todo
funcionário, mais cuidadoso. Todo técnico, mais inspirado. Todo vendedor,
mais agradável. Todo advogado, mais habilidoso. Imagine se você conseguisse
ter um dia nesse mesmo formato. Talvez trabalharia um pouco mais, usaria
palavras mais gentis.
Impossível? Não de todo. Tudo de que precisamos é de alguém para
começar uma revolução mundial. Bem que poderia ser nós mesmos.

MAIS UMA COISA

Deus está observando tudo que dizemos e fazemos, não como um juiz
severo, mas como Pai amoroso. Depois de tudo que fez por nós, será que
machucaria tentar agradar a ele um pouco? Tentar colocar um sorriso
no rosto dele? Faça uma tentativa. Você vai descobrir que este é o
trabalho mais satisfatório que existe.
12 DE ABRIL
Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar
os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem.
[Efésios 4:29]

Palavras de apoio
Em muitas casas o desencorajamento é a língua que todos falam. A casa é
uma zona de guerra, e os guerreiros têm apelidos como Estúpido, Idiota,
Babaca e Pedra no Meu Sapato. Balas e estilhaços de bomba poluem a vida
dessas pessoas.
Em outras casas, algumas famílias seguem o espírito da música “Home on
the Range”. Nessas casas raramente se ouve uma palavra desanimadora. As
pessoas escondem suas feridas com um sorriso no rosto. Talvez o motivo pelo
qual raramente se ouça palavras desanimadoras é porque qualquer palavra é
raramente ouvida. O silêncio é mortal.
Já outras casas florescem com bastante apoio. Todos acreditam um no
outro, todos se ajudam, todos se apoiam, todos se consolam. Tapinhas nas
costas. Recados nas lancheiras. Cartas de amor sob travesseiros. Corações que
se expressam. Orações.
Em que casa você preferiria morar?
Você pode ser o primeiro a permitir que as doces e perfumadas flores do
amor entrem na sua casa. Tudo começa devolvendo um comentário
rabugento com algumas palavras de apoio.

MAIS UMA COISA

As palavras têm poder. Se já esteve na outra ponta de uma crítica


perfurante, vai saber do que estou falando. Acha que um comentário
positivo vai transformar sua família? Provavelmente não. Mas continue
assim. Ninguém consegue resistir ao poder do incentivo.
13 DE ABRIL
Foi desprezado e rejeitado pelos homens, um homem de tristeza e familiarizado com
o sofrimento.
[Isaías 53:3]


Mais humano do que nunca
Acena é bastante simples; você logo a reconhecerá. Um bosque de oliveiras
retorcidas. O chão forrado de pedras grandes. Uma cerca baixa de pedras.
Uma noite escura, muito escura.
Está vendo aquela figura solitária? Estendido no chão. O rosto coberto de
poeira e de lágrimas. Punhos batendo na terra dura. Olhos bastante abertos
pelo estupor do medo. Cabelo grudando com o suor salgado. Será sangue ali
na testa dele?
Aquele é Jesus. Jesus no Jardim do Getsêmani (ver Lucas 22:44).
Vemos um Jesus que agoniza, luta e sofre. Vemos “um homem de
tristeza”. Vemos um homem lutando contra o medo, lutando contra
compromissos assumidos, implorando por alívio.
Ver Deus assim faz milagres por nossos próprios sofrimentos. Ele foi
mais humano do que nunca nessa hora. Jamais esteve tão próximo de nós
quanto quando estava ferido. Como nós, foi desprezado e rejeitado. Ele
compreende as agonias pelas quais passamos porque passou por essas mesmas
agonias.

MAIS UMA COISA

Muitas vezes dizemos para os amigos que entendemos o que eles estão
passando, mas, será que entendemos mesmo? A menos que seu pai já
tenha perdido o emprego, como você pode saber o que acontece em
uma família quando a renda acaba do nada? Não obstante, Jesus
compreende. Ele sentiu toda a tristeza que você sentiu e está
caminhando ao seu lado neste exato momento.
14 DE ABRIL
Esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão
adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de
Deus em Cristo Jesus.
[Filipenses 3:13-14]

Permaneça na corrida
Em 1952, Florence Chadwick fez uma tentativa de cruzar as geladas águas
oceânicas que separam a ilha Catalina da costa da Califórnia a nado. Ela nadou
em meio ao tempo fechado por um nevoeiro e com o mar revolto por 15 horas.
Seus músculos começaram a sofrer com cãibras e sua firmeza se enfraqueceu. Ela
implorou para ser tirada da água, de modo que os barcos de apoio a ergueram
para dentro de um bote. Mas alguns minutos remando bastaram para o nevoeiro
passar e Florence descobriu que a praia estava a menos de oitocentos metros de
distância. “Eu só conseguia ver o nevoeiro”, ela explicou depois. “Acho que, se
pudesse ver a praia, teria conseguido.”5
Dê uma olhada demorada na praia que espera por você. Não se deixe
enganar pelo nevoeiro. O fim pode estar a apenas algumas braçadas de
distância. Deus pode estar, neste exato momento, erguendo a mão para
conduzir uma canção em homenagem à sua vitória. Talvez os anjos estejam se
reunindo, os salvos no céu se juntando, os demônios tremendo. Continue em
frente! Permaneça na água. Permaneça na corrida. Permaneça na luta. Perdoe
mais uma vez. Seja generoso mais uma vez. Estude para mais uma prova, dê
apoio para mais um amigo, dê mais uma braçada.

MAIS UMA COISA

Todos nós temos momentos em que somos cobertos por um “nevoeiro”


que esconde as boas notícias que estão logo ao alcance da visão. Da
próxima vez que sentir esse nevoeiro, pegue sua Bíblia e faça uma lista
das promessas que Deus fez a você. Talvez um futuro melhor e repleto
de Deus já esteja no seu horizonte.
15 DE ABRIL
[Oro para que possam] conhecer o amor de Cristo que excede todo conhecimento,
para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus.
[Efésios 3:19]

Não foi justo; foi amoroso


Você fica bravo quando a vida não é justa. Quando alguém fura a fila.
Quando o técnico privilegia um jogador em detrimento de outro. Quando
quem cola ganha nota máxima e você não.
Mas pensando nisso, acho que não foi justo quando os cravos perfuraram
as mãos que criaram a terra. Como não foi justo o Filho de Deus ter sido
forçado a ouvir o silêncio de Deus. Não foi justo, mas aconteceu.
Enquanto Jesus estava na cruz, Deus ficou de braços atados. Ele deu as
costas. Ele ignorou os gritos de um inocente. Ele se sentou em silêncio
enquanto os pecados do mundo recaíam sobre seu Filho. E ele não fez nada
quando um grito ecoou pelo céu escuro: “Meu Deus! Meu Deus! Por que me
abandonaste?”
Foi certo? Aparentemente não. Foi justo? Aparentemente não. Foi por
amor? Sim. A vida pode ser injusta, mas o amor de Deus por nós supera a
maior das injustiças que se pode imaginar. Jesus sabe o que é injustiça. Ele a
conquistou com o amor.

MAIS UMA COISA

Pense em todas as vezes em que você foi tratado com injustiça. Isso te
deixa furioso, não é? Faz você querer ensinar uma lição para alguém,
não? Mas pense em como Jesus respondeu ao acontecimento mais
injusto da história. Ele ficou furioso? Ele respondeu com vingança? Não.
A resposta dele foi o amor.
16 DE ABRIL
Deus o ofereceu [Jesus] como sacrifício para propiciação.
[Romanos 3:25]


“Cristo morreu por mim”
Barrabás foi jogado na prisão por causa de rebeldia e de assassinatos, mas o
governador romano declarou que deixaria um prisioneiro ser libertado.
Quando a multidão pediu que Jesus fosse executado, Barrabás se tornou esse
prisioneiro perdoado. Não sabemos como ele respondeu ao presente da
liberdade. Talvez a tenha desprezado por orgulho, ou talvez a tenha recusado
por vergonha. Não sabemos. Mas você pode decidir o que fazer com a sua
liberdade. Personalize-a.
Uma vez que a cruz é o presente de Deus para o mundo, ela irá tocar
você, mas não irá te mudar. Por mais satisfatório que seja poder gritar: “Cristo
morreu na cruz pelo mundo!”, ainda mais doce é poder sussurrar: “Cristo
morreu por mim.” “Ele tomou meu lugar na cruz.” “Ele carregou meus
pecados, meu coração frio e cruel.” “Através da cruz ele me chamou, me
reclamou e me purificou.” “Ele sentiu a minha vergonha e chamou o meu
nome.”
Agradeça a Deus pelo dia em que a graça aconteceu para você. Agradeça
a Jesus por ter dado a vida dele pela sua — a melhor troca que você poderia
querer.

MAIS UMA COISA

Nós fazemos trocas o tempo todo. Com as amigas, um par de brincos


por outro. Com o caixa da loja, dinheiro por um jogo de videogame. São
poucas as trocas que podem transformar você. Nenhuma dessas tem
significado maior que a troca que Jesus oferece — a vida dele na terra
por sua vida no céu. É o único negócio que você não vai querer perder.
17 DE ABRIL
João [...] disse: “Vejam! É o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”
[João 1:29]


Sem acidente
Jesus nasceu crucificado. Quando tomou ciência de quem era, Jesus também
entendeu o que devia fazer. Aquela sombra em forma de cruz estava
sempre lá. Ele sempre ouvia os gritos das pessoas aprisionadas pelo pecado.
Isso explica a determinação que tinha no rosto quando se virou para ir à
Jerusalém pela última vez. Ele marchava para a morte (ver Lucas 9:51). Isso
explica a firmeza nestas palavras: “Meu Pai me ama, porque eu dou a minha
vida para retomá-la. Ninguém a tira de mim, mas eu a dou por minha
espontânea vontade” (João 10:17-18).
Portanto, chame do que quiser: um ato da graça; o sacrifício de um
mártir. Mas seja qual for sua escolha, não chame de acidente. As coisas não
“simplesmente aconteceram” para Jesus. Ao seguir a vontade de Deus, ele
mudou a nossa história. Era o plano de Deus desde o começo.

MAIS UMA COISA

Às vezes a vida pode parecer absolutamente aleatória. Coisas, como


dizem, acontecem. Mas não há nada de aleatório na morte de Jesus na
cruz e no que ela significa para o nosso futuro. Ninguém pode mudar os
planos de Deus.
18 DE ABRIL
Ao ver as multidões, [Jesus] teve compaixão delas, porque estavam aflitas e
desamparadas, como ovelhas sem pastor.
[Mateus 9:36]


Ele entende
Não consigo entender. Sinceramente, não consigo. Por que Jesus morreu na
cruz? Ah, eu sei, eu sei. Já li as respostas oficiais. “Para satisfazer a antiga
lei.” “Para cumprir a profecia.” E essas respostas estão certas. Estão mesmo.
Mas há algo mais aqui. Algo bastante compassivo. Um desejo. Algo pessoal.
O que pode ser?
Será que o coração dele foi partido por aquelas pessoas que lançaram
olhos desesperados para o céu enegrecido, gritando o mesmo “Por quê?”. Será
que o coração dele foi partido por todo esse sofrimento?
Imagino Jesus se curvando perto daqueles que se machucaram. Eu o
imagino ouvindo. Imagino seus olhos marejados e a mão perfurada afastando
uma lágrima. Ele, que já esteve sozinho, entende.

MAIS UMA COISA

Da próxima vez em que você estiver machucado ou tropeçar por causa


de um coração partido — talvez já esteja passando por isso —, fale com
Jesus a respeito. Permita que ele seque suas lágrimas. Se há alguém que
sabe o que é rejeição, traição, dor e um coração que necessita de cura, é
ele.
19 DE ABRIL
“Busquem, pois, o Reino de Deus, e essas coisas lhes serão acrescentadas.”
[Lucas 12:31]


Do que precisamos
À s precisamos,
vezes Deus se comove tanto com o que vê que nos dá aquilo de que
em vez de simplesmente aquilo que pedimos. E isso é bom.
Pois quem haveria de pedir para Deus o que ele nos deu? Quem de nós teria
ousado dizer: “Deus, será que você pode, por favor, se pendurar em um
instrumento de tortura em substituição a todos os pecados que já cometi?” E
quem teria os nervos para acrescentar: “E depois de me perdoar, será que pode
preparar um lugar maravilhoso no céu para eu viver nele para sempre?”
Como se isso não bastasse: “E será que pode viver dentro de mim, me
proteger, me guiar e me abençoar com mais do que eu jamais poderia pedir?”
Sinceramente, será que teríamos coragem de pedir isso?
Jesus já sabe do que precisamos. Ele sabe qual é o custo da graça. Ele já
conhece o preço do perdão. E esse custo é enorme. Mas, de qualquer modo,
ele se oferece.

MAIS UMA COISA

Deus é assim. Nós pedimos que a dor vá embora depois de terminar um


relacionamento e ele nos dá um amigo para a vida toda, para
compartilhar todas as dificuldades. Pedimos por um dia bom e ele
oferece a vida eterna ao lado dele. Mais do que nós pedimos. Tudo de
que precisamos.
20 DE ABRIL
“Ele [...] ressuscitou, como tinha dito. Venham ver o lugar onde ele jazia.”
[Mateus 28:6]


A tumba vazia
Seguir Cristo exige fé, mas não uma fé cega. Dê uma olhada na tumba vazia.
Você sabia que os adversários de Cristo jamais negaram que ela estava
vazia? Nenhum fariseu ou soldado romano jamais levou grupo algum ao lugar
do enterro e disse: “O anjo estava errado. O corpo está aqui. Era tudo boato.”
Assim o fariam se tivessem a chance. Poucas semanas depois os
discípulos ocuparam cada canto das ruas de Jerusalém anunciando um Cristo
ressuscitado. Que maneira seria mais rápida para os inimigos da Igreja
calarem essas pessoas que apresentar um corpo gelado e sem vida? Mas não
havia cadáver algum para mostrar.
Não é de espantar que Jerusalém tenha fervilhado. Quando os apóstolos
inquiriram sobre a tumba vazia, o povo olhou para os fariseus esperando que
estes a negassem. Isso nunca aconteceu. Como disse A.M. Fairbairn anos
atrás: “O silêncio dos judeus é tão eloquente quanto o discurso dos cristãos!”

MAIS UMA COISA

E não é que tudo se resume a isto? Jesus disse que se levantaria no


terceiro dia. Ele foi publicamente preso à cruz, seu corpo depositado em
uma tumba selada. No terceiro dia ele se levantou para se reunir a seus
amigos. A sua fé precisa de mais que isso?
21 DE ABRIL
Deus tornou pecado por nós aquele que não tinha pecado, para que nele nos
tornássemos justiça de Deus.
[2Coríntios 5:21]


O sacrifício de Deus
Quando foi a última vez que você se sacrificou? Talvez tenha desistido de
uma noite assistindo filmes para servir de babá para um amigo. Ou talvez
você tenha aberto mão do seu lanche por alguém que esqueceu de trazer sua
comida. A maioria dos nossos sacrifícios não custa muito. Mas Deus, por
outro lado, abriu mão daquilo que mais amava.
Quando Deus nos deu o Filho, o Filho abriu mão do céu. Tente imaginar
esse sacrifício. E se você deixasse a sua casa para se tornar um mendigo, ou se
deixasse a raça humana para se tornar um mosquito? Será que isso seria
comparável a Deus se fazendo humano?
Então, voltemos ao Cristo na cruz. Apesar de ele ser sem pecado, pagou o
preço por nossos pecados assumindo-os para si mesmo. Nós sempre fomos
pecadores; assim, será que alguém de nós consegue compreender esse
sacrifício?
Eu jamais daria minhas filhas para pessoas ruins. Posso até dar parte de
mim para ajudar pessoas ruins. Mas sacrificar uma das minhas filhas? Sem
chance. Mesmo que eu soubesse que a veria de novo, eu não faria. Mas Deus
fez. A mim parece que Deus deu mais do que jamais poderíamos pedir.

MAIS UMA COISA

Pense sobre isso por um instante. Será que você conseguiria abrir mão
daqueles que mais ama? Só de ficar separado dessas pessoas já dói.
Acrescente então a dor e um sofrimento terrível. Isso é que é sacrif ício.
Esse é o enorme e interminável amor de Deus por nós.
22 DE ABRIL
O que é nascido de Deus vence o mundo.
[1João 5:4]


Faça o que é certo
Você fica impaciente com a vida, tentando dominar a álgebra ou controlar as
fofocas — e, em meio à frustração, se pergunta onde estará o poder de
Deus. Seja paciente. Deus está usando as dificuldades de hoje para fortalecer
você para amanhã. Ele está preparando você. O Deus que faz tudo crescer
também vai ajudá-lo a crescer.
Pense a respeito do fato de que Deus habita dentro de você. Pense sobre
o poder que lhe dá vida. Saber que Deus está em você pode mudar os lugares a
que quer ir e as coisas que quer fazer.
Nesta semana, faça o que é certo, seja lá o que o caminho trouxer,
quaisquer que forem os problemas e os dilemas a enfrentar — apenas faça o
que é certo. Talvez mais ninguém faça isso, mas você fará. Seja honesto.
Defenda sua posição. Seja verdadeiro. Afinal, independentemente do que
fizer, Deus sempre faz o que é certo: ele salva você com a graça divina.

MAIS UMA COISA

Paciência. Poder. Caráter. Uma combinação incrível. Misture-as a uma


boa dose de fé em um Deus que dá a graça e você será um vencedor,
avançando a caminho de cumprir o plano que Deus tem para você.
Lembre-se apenas de que este plano pode não acontecer todo hoje.
23 DE ABRIL
“Paz seja com vocês!”
[João 20:19]


Jesus oferece paz
Aigreja de Jesus Cristo começou com um grupo de homens assustados em
um segundo andar de uma casa em Jerusalém.
Eles acompanharam Jesus por três anos. Agora que ele fora crucificado,
eles se reuniam em silêncio, com medo de serem apontados como seus
seguidores. Não passavam de soldados tímidos, guerreiros relutantes,
mensageiros mudos. Ousando sonhar que o mestre tivesse deixado alguma
palavra, algum plano, alguma instrução para eles, eles voltaram. Mas mal
sabiam que seus sonhos mais loucos não eram loucos o suficiente. Logo
depois que alguém murmurou um: “Não adianta”, ouviram um barulho.
Ouviram então uma voz: “Paz seja com vocês.”
Aquele que fora traído buscava a seus traidores. E o que ele disse para
eles? Não foi “Que bando de fracassados!”. Não foi “Eu já sabia”. Não foi um
discurso do tipo “Onde vocês estavam quando precisei de vocês?”. A frase era
simples: “Paz seja com vocês.” A única coisa que eles não tinham era o que ele
oferecia: paz.
Ele oferece o mesmo para nós.

MAIS UMA COISA

Quando é que você sente mais medo? Quando o professor entrega a


prova? Quando aquela pessoa popular anda na sua direção? Quando
pensa sobre o futuro? Mesmo nos momentos em que sente mais medo
Jesus está com você, oferecendo uma paz que você não encontrará em
nenhum outro lugar.
24 DE ABRIL
Será exercido juízo sem misericórdia sobre quem não foi misericordioso.
[Tiago 2:13]


Apenas esteja lá
Nada substitui a sua presença. E-mails são legais. Falar ao telefone pode ser
especial. Mas estar lá em carne e osso é algo que passa uma mensagem.
Depois que a esposa de Albert Einstein morreu, sua irmã, Maja, foi morar
com ele. Durante 14 anos, ela cuidou dele, permitindo que a valiosa pesquisa
de Einstein continuasse. Em 1950, ela sofreu um ataque cardíaco e entrou em
coma. Desse dia em diante, Einstein passava duas horas todas as tardes lendo
em voz alta para a irmã. Ela não dava sinal algum de compreender aquelas
palavras, mas ele lia mesmo assim. Se ela pode entender qualquer coisa do
gesto dele, deve ter sido isso — ele acreditava que ela era digna do tempo dele.
Você acredita na sua família? Então compareça. Compareça ao jogo do
seu irmão, ou à peça da sua irmã. Acredita nos seus amigos? Então compareça.
Compareça aos concertos em que eles forem tocar um solo, e à cabeceira da
cama quando eles estiverem mal. Você quer que cada um esteja no seu
melhor? Então esteja lá.
Afinal, foi o que Jesus fez. Quando mais precisamos dele, ele esteve lá, em
carne e osso.

MAIS UMA COISA

Você repara quando as pessoas comparecem em ocasiões importantes


para você? É claro que sim. Acha que elas vão reparar quando você fizer
o mesmo? Pode acreditar que sim. Portanto, seja alguém em quem se
pode confiar. Compareça, assim como Deus comparece o tempo todo
para nós.
25 DE ABRIL
[Deus] não nos trata conforme os nossos pecados nem nos retribui conforme as
nossas iniquidades.
[Salmos 103:10]


Mergulhado em misericórdia
Você acha mesmo que nunca fez nada que machucou Cristo? Já foi
desonesto com o dinheiro dele? Isso é roubo. Já foi para a igreja para ser
visto, em vez de para vê-lo? Hipócrita. Já quebrou uma promessa que fez para
Deus? Já usou o nome dele em vão?
Você não merece ser punido? Não obstante, aí está você. Lendo este
livro. Respirando. Ainda desfrutando do pôr do sol e ouvindo as risadas das
crianças. Ainda está vendo as estações mudarem. Não há chicotes às suas
costas, nem argolas no seu nariz, nem grilhões nos seus pés. Aparentemente,
Deus não está fazendo uma lista dos seus erros.
Escute só. Você não foi salpicado com perdão. Não recebeu gotas de
graça. Você não foi recoberto com o pó da bondade. Você foi mergulhado em
tudo isso. “O SENHOR é compassivo e misericordioso, mui paciente e cheio de
amor” (Salmos 103:8).
Você foi mergulhado na misericórdia. É um peixinho no oceano da
misericórdia divina. Deixe que ela transforme você!

MAIS UMA COISA

Às vezes reclamamos que a vida não é justa, que não recebemos o que
merecemos. Mas isso é injusto. Se alguém fizesse uma lista com nossos
erros, todos os nossos enganos e nossas ofensas contra Deus, não
gostaríamos daquilo que teríamos de receber. Vamos ser gratos por
Deus nos dar a misericórdia.
26 DE ABRIL
Mulheres de Jerusalém, eu as faço jurar pelas gazelas e pelas corças do campo: Não
despertem nem incomodem o amor enquanto ele não o quiser.
[Cântico dos Cânticos 3:5]

Deus é suficiente
P osso oferecer um pequeno conselho? Quando se trata de romances e de
amor: tenha cuidado.
Antes de embarcar em um relacionamento amoroso exclusivo, dê uma
boa olhada ao redor. Certifique-se de que este é o lugar que Deus planejou
para você. Caso você suspeite que não é, saia. Não force o que é errado a ser
certo. Tenha cuidado.
E, até que o amor surja, deixe que o amor de Deus seja suficiente para
você. Há épocas em que Deus nos permite sentir a fragilidade do amor
humano para que possamos apreciar a força do amor divino. Não foi o que ele
fez com Davi? Saul se virou contra ele. Mical, sua esposa, o traiu. Jônatas e
Samuel eram amigos de Davi, mas não o acompanharam no deserto. Traições
e circunstâncias deixaram Davi sozinho. Sozinho com Deus. Porém, como
Davi descobriu, Deus foi suficiente. É por isso que ele escreveu estas palavras
no deserto: “O teu amor é melhor do que a vida! [...] A minha alma ficará
satisfeita como de rico banquete” (Salmos 63:3,5).

MAIS UMA COISA

Todos nós queremos ser amados. Quando aquele cara bonito ou garota
bonita que admira por tanto tempo chama você para sair, quem não fica
interessado? Mas tenha cuidado. Obsessão não é o mesmo que amor
verdadeiro. Permita que o amor genuíno de Deus seja o seu padrão para
todo relacionamento.
27 DE ABRIL
Com minha boca anunciarei a tua fidelidade por todas as gerações.
[Salmos 89:1]


Por que louvar?
Durante nossas férias de verão me matriculei em um curso para aprender a
velejar. Sempre curioso para descobrir a diferença entre sotavento,
estibordo e popa, fiz algumas perguntas para a tripulação. Depois de algum
tempo o capitão ofereceu: “Gostaria de nos levar para casa?” Ele me assegurou
que eu não teria problemas. “Basta mirar naquele penhasco”, ele instruiu.
“Mire os olhos e o barco naquela direção.”
Logo descobri que a instrução era difícil de seguir. Outras coisas
convidavam minha atenção: o mogno do convés, a espuma brilhando nas
ondas. Eu queria olhar para todo lugar. Mas se eu olhasse por muito tempo,
arriscava perder o curso. O navio ficava na mira contanto que meus olhos
estivessem onde precisavam estar.
O louvor nos ajuda a fazer o mesmo na vida. Ele levanta nossos olhos do
barco, com todos os seus brinquedos e passageiros, e os lança nas “coisas que
são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus” (Colossenses 3:1). Se
você quer velejar para casa, foque no alvo do céu.

MAIS UMA COISA

Já tentou louvar não só aos domingos, mas todos os dias? Na próxima


semana, tente descobrir o que acontece quando você reserva um tempo
todas as manhãs para louvar a Deus. Agradeça a ele por tudo que ele é e
por tudo que faz na sua vida. Acredito que você vai fazer um trabalho
muito melhor para deixar sua vida nos trilhos.
28 DE ABRIL
“O homem bom, do seu bom tesouro, tira coisas boas.”
[Mateus 12:35]


Pessoas que mudam vidas
Diga o nome dos dez homens mais ricos do mundo. Diga o nome de oito
pessoas que ganharam o prêmio Nobel, ou o Pulitzer.
Como você se saiu? Eu também não fui bem. Com a exceção desses
viciados em cultura inútil, ninguém lembra nem as manchetes de ontem
muito bem. É incrível a velocidade com que esquecemos, não é? E isso porque
os títulos que mencionei anteriormente não são realizações quaisquer. Eles
são os melhores em suas respectivas atividades. Mas o aplauso morre. Os
prêmios enferrujam. As realizações são esquecidas.
Eis aqui outro teste. Veja como você se sai neste. Diga o nome de dez
pessoas que lhe ensinaram algo valioso. Diga o nome de cinco amigos que o
ajudaram em um momento de dificuldade.
Mais fácil? Para mim também. A lição? As pessoas que mudam a vida
não são as que têm credenciais, mas aquelas que se preocupam conosco.
“Filhinhos, não amemos de palavra nem de boca, mas em ação e em verdade”
(1João 3:18).

MAIS UMA COISA

Como você quer ser lembrado por seu tempo neste planeta? Você pode
empilhar todos os prêmios e realizações que quiser, mas se deseja deixar
um legado duradouro, mostre para uma pessoa de cada vez que você se
importa através de suas palavras e de seus atos.
29 DE ABRIL
[Jesus] foi crucificado em fraqueza, mas vive pelo poder de Deus.
[2Coríntios 13:4]


As duas linhas cruzadas do amor
Acruz. É possível virar para alguma direção sem ver uma cruz? No topo de
uma capela. Gravada em uma sepultura. Recriada em um anel ou
pendendo de um cordão. A cruz é o símbolo universal do cristianismo.
“Levando a sua própria cruz, ele saiu para o lugar chamado Caveira (que em
aramaico é chamado Gólgota)” (João 19:17).
Uma escolha estranha, você não acha? Estranho que um instrumento de
tortura venha a representar um movimento baseado na esperança.
Por que a cruz é um símbolo da nossa fé? Para encontrar a resposta, não
precisa olhar para além da própria cruz. Seu desenho não poderia ser mais
simples. Uma viga horizontal e outra vertical. Uma se expande — como o
amor de Deus. A outra se ergue — como a santidade de Deus. Uma representa
o comprimento do amor divino; a outra reflete a altura da santidade divina. A
cruz é a intersecção. A cruz é onde Deus perdoou seus filhos sem baixar seu
nível.

MAIS UMA COISA

O que poderia ser maior que o amor de Deus? O que poderia ser mais
alto que a santidade dele? Quando olhar para a cruz, lembre-se do
horror da crucificação de Jesus. Mas lembre-se também de que ele
suportou aquilo e que o fim dele foi apenas um começo.
30 DE ABRIL
Nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória
eterna que pesa mais do que todos eles.
[2Coríntios 4:17]

Ficando pronto
Q uem é que consegue achar lugar no quebra-cabeça da vida para uma
criança devastada pelo câncer, ou para uma cidade devastada por um
terremoto? Quando seu pai perde o emprego ou quando a família do seu
amigo perde a casa... Será que esses episódios têm um propósito?
A resposta é sim, se virmos as coisas desde uma perspectiva eterna.
Tenho prova disso: você enquanto estava no ventre. Nessa época pré-natal,
seus ossos se solidificaram, seus olhos se desenvolveram, o cordão umbilical
transportou nutrientes para seu corpo em crescimento... E por que motivo? O
tempo no ventre equipou você para seu tempo na terra.
Alguns dos seus novos equipamentos continuaram sem ser usados antes
de você nascer. Você tinha um nariz, mas não respirava. Seus olhos se
desenvolveram, mas não enxergava. Sua língua, suas unhas e seu cabelo não
tinham função nesse período. Mas você não está feliz por ter tudo isso agora?
Alguns capítulos dessa vida parecem desnecessários, como narinas em
quem ainda não nasceu. Sofrimento. Solidão. Doenças. Corações partidos.
Mas, e se essa terra é que é o ventre? Talvez esses desafios sirvam para nos
preparar para os desafios que virão? Como Paulo escreveu: “Nossos
sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória
eterna” (2Coríntios 4:17).

MAIS UMA COISA

Você não precisa ir longe para encontrar pessoas com problemas. Talvez
você até seja uma delas. Anime-se com isto: Deus não está fazendo você
perder tempo nos momentos difíceis. Eles têm um propósito — se não
nesta vida, certamente na próxima.


MAIO

A tua palavra é lâmpada que


ilumina os meus passos e luz
que clareia o meu caminho.

[ Salmos 119:105 ]
1º DE MAIO
Perdoem como o Senhor lhes perdoou.
[Colossenses 3:13]


Se as feridas fossem cabelos
Se as feridas fossem cabelos, todos nós seríamos grisalhos. Afinal de contas,
são várias feridas, não? Quando um amigo ri de como você se veste, o
insulto machuca. Quando um professor ignora o seu trabalho, a negligência
dói. Quando sua mãe o envergonha, quando sua namorada o desdenha,
quando seu namorado a larga, tudo isso machuca. Então, de que maneira você
vai responder?
Construa uma prisão feita com ódio se quiser, com cada ferida como um
tijolo. Planeje-a como uma cela de uma só cama (assim você não terá
companhia). Pendure grandes telas em cada uma das paredes para você poder
ficar assistindo as imagens gravadas das ofensas sem parar. Tentador? Não,
um terror. Isso só vai deixá-lo amargo, curvado e com raiva.
Em vez disso, dê a graça que lhe foi dada. É claro que você não aprova as
ações do seu agressor quando faz isso. Jesus não aprovou seus pecados quando
perdoou você. A graça não é cega. Ela enxerga as feridas muito bem. Mas a
graça opta por enxergar o perdão de Deus com clareza muito maior. Quando
ela está em falta, viceja a amargura. Quando há graça em abundância, floresce
o perdão.

MAIS UMA COISA

Nesta vida a dor é tão certa quando o sol do verão. Não é possível evitá-
la, mas é possível controlar o que se faz em relação a ela. Não deixe as
feridas envenenarem seu coração. Peça que Deus ajude você a perdoar.
Não se trata de esquecer o que foi ruim. Trata-se de lembrar do que é
bom.
2 DE MAIO
O justo viverá pela fé.
[Romanos 1:17]


Avião errado
Neste exato momento, não me sinto muito inteligente. Acabei de descer do
avião errado que me levou para a cidade errada e me fez desembarcar no
aeroporto errado. Fui para o leste em vez de para o oeste e acabei em
Houston, não em Denver.
Não parecia o avião errado, mas era. Passei pelo portão de embarque
errado, cochilei no voo errado e acabei chegando ao lugar errado. Aposto que
você sabe do que estou falando.
Paulo diz que todos nós fazemos o mesmo. Não com aviões e aeroportos,
mas com nossas vidas e com Deus. Ele diz para seus leitores romanos: “Não há
nenhum justo, nem um sequer” (Romanos 3:10). “Pois todos pecaram e estão
destituídos da glória de Deus” (Romanos 3:23).
Estamos todos no avião errado, ele diz. Todos nós. Gentios e judeus.
Pobres e ricos. Altos e baixos. Todo mundo virou na rua errada. E precisamos
de ajuda. As soluções erradas são o prazer e o orgulho; a solução correta é
Cristo Jesus (ver Romanos 3:21-26).

MAIS UMA COISA

Você já virou em uma rua errada e foi parar no lugar errado? Uma sala de
aula, uma turma, uma festa errada? Algumas das suas decisões e das suas
atitudes também podem estar erradas. É por isso que precisamos confiar
em Jesus como nosso piloto. Quando ele está no controle, temos a certeza
de que chegaremos ao lugar certo.
3 DE MAIO
“Eu sou o SENHOR, o seu Deus, que o segura pela mão direita e lhe diz: ‘Não tema;
eu o ajudarei’.”
[Isaías 41:13]


Sem medo algum
Será que você está precisando de um pouco de coragem? Será que está indo
mais para trás do que para frente? Você parece um discípulo de Jesus.
Precisamos lembrar que Pedro, João, Mateus e o restante dos discípulos
eram homens comuns que receberam uma tarefa inacreditável. Antes de
serem os santos que repousam nos vitrais das catedrais, eles foram pessoas
comuns que tentavam sobreviver e cuidar de suas famílias. Eles não eram
estudantes destacados de um seminário, nem super-heróis da fé. Eles lutavam
para seguir Jesus, às vezes tendo de andar sobre a água, às vezes tropeçando.
Mas a devoção deles era um pouco maior do que o medo que sentiam e, como
resultado, conseguiram fazer coisas extraordinárias. Coisas que
transformaram o mundo: “Tu os deste a mim, e eles têm guardado a tua
palavra”, disse Jesus (João 17:6).
De que você tem medo neste mundo? Do fracasso? De alguém rir de
você? Responda à grande pergunta da eternidade e vai perceber que os medos
terrenos não são medos de verdade.

MAIS UMA COISA

Você não é o primeiro a se perguntar se consegue fazer — nem o


primeiro a se perguntar sobre Jesus. Os discípulos sabiam como você se
sente. Eles literalmente andaram ao lado de Deus e ainda assim tiveram
problemas! Mas eles superaram seus medos, o seguiram e entraram para
a história e para o céu. Você pode fazer o mesmo.
4 DE MAIO
Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em
vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos?
[1Coríntios 6:19]

Seu corpo pertence a Deus


Você vai viver para sempre nesse corpo. Mas ele será diferente, é bom dizer.
O que agora é curvo passará a ser reto. O que hoje está danificado será
reparado. Seu corpo será diferente, mas você não terá outro corpo. Terá esse
mesmo corpo. Será que isso muda a visão que você tem dele? Espero que sim.
Deus tem uma alta estima por seu corpo. Você deveria ter também.
Esqueça todas aquelas propagandas dizendo que você precisa ter aquele
tamanho ou que deve usar aquela maquiagem. Apenas respeite o corpo que
Deus lhe deu. Não estou dizendo para adorá-lo. Não estou dizendo para sair
desfilando com ele para chamar a atenção alheia. Mas eu disse, sim, para
respeitá-lo. Ele é, no fim das contas, o templo de Deus. Tenha cuidado para
alimentá-lo, usá-lo e mantê-lo. Você não gostaria que ninguém estragasse sua
casa; Deus também não quer ninguém estragando a casa dele. Afinal, seu
corpo é a casa dele, não é?

MAIS UMA COISA

Quando se aceita a ideia de que seu corpo pertence a Deus, isso muda
tudo. Você fica menos propenso a estufá-lo com batatas fritas
gordurentas. Fica mais disposto a se exercitar. Tem mais consciência de
quando está mostrando demais. Melhora em perceber os riscos que
corre. Deus vê seu corpo como algo extremamente valioso — bem como
a pessoa dentro dele.
5 DE MAIO
Considero tudo como perda, comparado com a suprema grandeza do conhecimento
de Cristo Jesus.
[Filipenses 3:8]


Ele fez por você
Quer saber qual a melhor coisa sobre a vinda de Cristo?
Não foi que aquele que pendurou as galáxias deixou tudo para trás
para ser um carpinteiro, pendurando enfeites na porta de um cliente mal-
humorado que queria tudo para ontem, mas que só poderia pagar amanhã.
Não foi que ele se recusou a se defender quando acusado de cada um dos
pecados de cada idiota e de cada Jezabel desde Adão. Não foi que depois de
três dias em um buraco escuro ele apareceu no nascer do sol da Páscoa com
um sorriso e um andar desafiador, fazendo uma pergunta a Lúcifer: “É o
melhor que você pode fazer?”
Isso foi legal, indescritivelmente descolado.
Mas quer saber o que foi ainda melhor sobre aquele que abriu mão da coroa
do céu para usar uma coroa de espinhos? Eis uma dica: ele ama você como sendo
dele. “Vejam como é grande o amor que o Pai nos concedeu: que fôssemos
chamados filhos de Deus” (1 João 3:1).
E qual é o melhor disso tudo? Que ele fez isso por você. Só por você.

MAIS UMA COISA

Tendemos a acreditar que Cristo morreu pela “humanidade”, pelos


milhões de pessoas que depositaram a confiança nele, pela massa
inescrutável. Esse pensamento é verdadeiro — mas deixa de lado a parte
pessoal. Jesus conhece e ama o seu coração individualmente. Ele não deu
a vida apenas por uma multidão. Ele a deu especificamente por você.
6 DE MAIO
Os olhos do Senhor estão sobre os justos e os seus ouvidos estão atentos à sua
oração.
[1Pedro 3:12]


Oração: privilégio e poder
Eu alguém não é tarefa fácil. A pessoa precisa se dispor a colocar tudo de lado
e você vivemos em um mundo barulhento. Conseguir a atenção de

para ouvir: abaixar o volume da música, se afastar da tela do computador,


virar a página e largar o livro. Quando alguém está disposto a silenciar tudo
para nos ouvir com clareza, é um privilégio. Um privilégio bem raro, é
verdade.
Apesar disso, é assim que suas orações são honradas no céu. Deus larga
tudo que está fazendo para ouvir seus pensamentos. Ele afasta todos os
obstáculos para ouvir a sua mensagem. Suas palavras são como uma
mensagem de alta prioridade para o céu. Elas chegam diretamente ao trono de
Deus.
Suas palavras fazem mais do que apenas conquistar a atenção de Deus.
Sua oração na terra ativa o poder divino no céu e “a vontade de Deus é feita na
terra como no céu”. Suas orações fazem Deus se mexer para mudar o mundo.
Talvez você não compreenda o mistério da oração. Não precisa disso. Isto
basta: a ação no céu tem início quando alguém ora na terra.

MAIS UMA COISA

A oração é um verdadeiro mistério. Apesar de Deus poder fazer tudo,


ele deseja ouvir nossos sonhos e nossos desejos, e permite que nós
tenhamos influência para escrever a história. Quando um privilégio
desses se revela, você não acha que orar é uma boa ideia?
7 DE MAIO
De agora em diante, a ninguém mais consideramos do ponto de vista humano.
[2Coríntios 5:16]

Rotular ou amar?
ategorizar as pessoas é algo que serve para criar certa distância. Esse hábito nos
C dá uma desculpa conveniente para afastar as pessoas.
Mas Jesus usava uma abordagem totalmente diferente. Ele era a favor
de incluir o próximo, em vez de excluir. “Aquele que é a Palavra tornou-se
carne e viveu entre nós” (João 1:14). Jesus tocou os leprosos, amou os
estrangeiros e passou tanto tempo com aqueles que gostavam de uma festa
que assim o chamavam: “um comilão e beberrão, amigo de publicanos e
‘pecadores’” (Mateus 11:19). Não houve racismo para impedi-lo de ajudar a
samaritana; os demônios não conseguiram afastá-lo dos possuídos. Dentre os
amigos do Facebook de Jesus veríamos pessoas com esquemas financeiros
dúbios e mulheres de reputação questionável.
Deus nos convoca a sermos mais como Jesus, para transformarmos o
modo como vemos o próximo. Deus pede que não os vejamos como atletas ou
nerds, com formação clássica ou técnica, como descolados ou rejeitados. Deus
pede que não rotulemos.
Vamos enxergar o próximo como enxergamos a nós mesmos.
Manchados, talvez. Inacabados, com certeza. Durante nossas vidas, você e eu
vamos encontrar pessoas que foram jogadas para fora da multidão dos
“descolados”. A nós cabe uma escolha. Negligenciar ou resgatar? Rotular ou
amar? Já sabemos qual foi a escolha de Jesus. Basta olhar o que ele fez por nós.

MAIS UMA COISA

Já foi rotulado? Acredito que isso não tenha sido tão legal. Quando as
pessoas colocam você em uma caixa elas deixam de ver o verdadeiro
você. Conhece alguém que está passando por isso nesse momento? O
que você pode fazer para ajudar?
8 DE MAIO
A prova da sua fé produz perseverança.
[Tiago 1:3]

Testando
H á alguns dias Denalyn e eu acabamos discutindo. Tínhamos combinado de
vender nossa casa, mas não conseguíamos chegar a um acordo em relação
à imobiliária. Conversamos muitas vezes, sem que um conseguisse convencer
o outro. O que deveria ser um dia agradável se tornou um dia bem azedo.
Quando chegou a hora de eu partir para a igreja e trabalhar, dei um tchau bem
atravessado para Denalyn. “Vamos resolver isso depois”, acrescentei.
Mas Deus queria que eu resolvesse a questão na hora. A distância entre
minha casa e a igreja é de apenas cinco minutos dirigindo. Mas essa distância
era o suficiente para Deus atormentar minha consciência. Era um teste. Que
caminho eu tomaria, o do aborrecimento ou o do perdão? Iria ignorar a tensão
criada ou lidar com ela? Antes de começar o culto, liguei para Denalyn e pedi
desculpas por minha teimosia, além de pedir que ela me perdoasse. Naquela
mesma noite acabamos chegando a um consenso a respeito da imobiliária,
oramos juntos e resolvemos o problema.
Se você só enxerga seus problemas como aborrecimentos e feridas,
acabará bravo e amargurado. No entanto, se enxergar as dificuldades como
testes usados por Deus para a glória dele e para o seu crescimento, então
passará nesses testes com louvor.

MAIS UMA COISA

Todos os dias Deus nos testa através das pessoas, de dores ou de


problemas. Você consegue identificar os testes pelos quais passará hoje?
Amigos que agem como valentões? Professores que acumulam cada vez
mais lições? A acne e uma dor de cabeça? Uma agenda lotada? Seja lá
quais forem seus problemas, lembre--se de que Deus tem um propósito
para todos eles.
9 DE MAIO
[Jesus] esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo.
[Filipenses 2:7]


Abra mão da sua vida
Deus lhe dará uma vida incomum se você entregar a ele sua vida comum.
“Quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a vida por
minha causa, a encontrará” (Mateus 16:25).
Foi o que Jesus fez. Ele “esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo,
tornando-se semelhante aos homens [...], humilhou-se a si mesmo e foi
obediente até à morte” (Filipenses 2:7-8).
Ninguém em Nazaré cumprimentava Jesus como o Filho de Deus. Ele
não tinha destaque na foto do anuário da escola, nem exigia a página de papel
brilhante nesse livro. Os amigos o conheciam como carpinteiro, não como
criador das estrelas. Sua aparência não atraía olhares; sua posição na
sociedade não lhe rendia crédito algum. Jesus “esvaziou-se a si mesmo, vindo a
ser servo”.
Deus busca pessoas que façam o mesmo. São essas pessoas que ele usa
para trazer Cristo ao mundo.

MAIS UMA COISA

Abra mão. Renda-se. Abandone. Submeta-se. São expressões às quais


resistimos, palavras que sugerem fracasso. Mas nada poderia estar mais
longe da verdade. É apenas quando abrimos mão da vida como a
conhecemos que descobrimos a verdadeira vida — o plano glorioso
traçado por Deus.
10 DE MAIO
“Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus.”
[Mateus 5:8]


Pureza hoje
Océu não é lugar para os impuros. “Nela jamais entrará algo impuro”
(Apocalipse 21:27). Todo o pecado que escurece nossos corações será
removido. Todos os comentários afiados como navalhas que enchem nossos
pensamentos serão deixados na porta. O que sobra? Um filho de Deus melhor,
mais brilhante e mais puro.
Mas eis o pulo do gato — não precisamos morrer para desfrutar de
algumas das bênçãos do céu aqui na terra. Tudo de que precisamos é uma
mente e um corpo puros. “Fuja dos desejos malignos da juventude e siga a
justiça, a fé, o amor e a paz, juntamente com os que, de coração puro, invocam
o Senhor” (2Timóteo 2:22). Sabe aquele cara lindo da segunda aula? Aquelas
fotos de mulheres na internet? Desvie seus pensamentos e seu olhar para uma
nova direção. Deus quer que você veja essas pessoas não como simples comida
para os olhos, mas como filhos queridos dele.
Mais fácil falar do que fazer? Você tem razão. Mas a recompensa da
pureza de hoje são a paz de espírito e um coração pronto para o céu.

MAIS UMA COISA

Quer você deseje o corpo de alguém ou o iPhone novinho do seu amigo,


a cobiça é o problema aqui. Quanto mais permitir que esses
pensamentos existam, tanto mais difícil será se libertar deles. Deus pode
ajudar você. Busque a pureza e irá desfrutar da paz por toda a vida — e
além desta vida também.
11 DE MAIO
Esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente.
[Romanos 8:25]


A mãe que espera
P ara Maria, a futura mãe de Jesus, foi o maior choque de sua vida. O arcanjo
Gabriel avisou que ela ficaria grávida. Aquele anúncio inundou seu coração
com perguntas. Como ela ficaria grávida? O que as pessoas pensariam? O que
seu noivo, José, diria? Gabriel explicou um pouco do que aconteceria. Mas,
para descobrir com certeza, Maria teria de esperar.
Esperar, no sentido bíblico, não equivale a esperar pelo pior, se
preocupar, fazer exigências, nem a assumir o controle. Como também não
significa que esperar é fazer nada. Esperar significa fazer um esforço para se
manter focado em Deus através da oração e da fé. Espere significa “aguarde
por ele com paciência” (Salmos 37:7).
E foi isso que Maria fez. Deus agiu enquanto ela esperava. Ele mandou
uma mensagem a José. Ele fez com que César declarasse um censo. Ele
conduziu a família de Jesus a Belém. “Deus age em todas as coisas para o bem
daqueles que o amam” (Romanos 8:28). Maria aprendeu uma lição que seria de
muito valor para todos nós aprendermos — como misturar à paciência a
confiança total em Deus.

MAIS UMA COISA

As mães sabem tudo a respeito da paciência. A sua mãe teve de esperar


meses só para ver o seu rosto (talvez hoje seja um bom dia para
agradecê-la por isto). Todos nós temos de esperar em algum momento.
Então, como fazer isso? Cheio de preocupações e pronto para gritar? Ou
calmo, confiante e acreditando em Deus? Vamos seguir o exemplo da
mãe de Jesus.
12 DE MAIO
O amigo ama em todos os momentos.
[Provérbios 17:17]


O que os amigos fazem
A lguém pode ter a impressão de que, para João, Jesus foi, acima de tudo, um
companheiro fiel. Messias? Sim. Filho de Deus? Com certeza. Fazedor de
milagres? Isso também. Mas, acima de tudo, Jesus era um amigo. Alguém com
quem você pode ir acampar, jogar boliche ou contar as estrelas do céu.
E o que fazer com um amigo assim? Bem, isso é simples. Você fica ao
lado dele. Talvez esse seja o motivo pelo qual João foi o único dos Doze que
compareceu ao lugar da cruz. João foi se despedir. Na sua cabeça, ele ainda
não tinha conseguido juntar todas as peças. Mas isso não importava. No que
lhe dizia respeito, o melhor amigo de João estava em apuros, e ele viera para
ajudar.
Morrendo na cruz, Jesus pediu a João: “Você pode cuidar da minha
mãe?” João deve ter dito sim, porque “daquela hora em diante, o discípulo a
levou para casa” (João 19:27).
É claro que ele a levou para casa. É para isso que servem os amigos.

MAIS UMA COISA

De todos os amigos e discípulos, João era aquele em que Jesus confiou


para cuidar de sua mãe. Você é esse tipo de amigo, alguém a quem se
pode confiar o que os outros mais valorizam? Caso não seja, o que você
pode fazer para ser o tipo de amigo que sempre ama e em quem se pode
confiar?
13 DE MAIO
Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável.
[Salmos 139:14]


Algo especial
Como você responderia a essa questão de múltipla escolha?
Eu sou:

(a) uma colisão acidental de partículas;
(b) uma evolução acidental de moléculas;
(c) matéria do universo, sem alma;
(d) “feito de modo especial e admirável”.

Não rebaixe sua vida se esquecendo deste ponto: você é mais do que uma
ocorrência estatística, mais do que um produto dos seus genes e de suas
experiências, mais que uma combinação de cromossomos herdados e traumas
infantis. Você é mais que um cata-vento sendo girado pelos ventos frios do
destino. Graças a Deus, pode dizer: “Tu criaste o íntimo do meu ser [...] me
fizeste de modo especial e admirável. [...] Em secreto fui formado e
entretecido como nas profundezas da terra” (Salmos 139:13-15).
Por causa do seu Criador, esse “algo” que é você é algo especial.

MAIS UMA COISA

Leia o salmo 139. De que forma esses versículos rebatem a ideia de que
nossa existência é um acidente? O que ele diz sobre como devemos
responder ao Criador? Se foi feito por um Deus que pode fazer tudo isso,
o que a força dele diz em relação a você?
14 DE MAIO
Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então,
veremos face a face.
[1Coríntios 13:12]


Espelho, espelho meu
“Espelho, espelho meu, existe no mundo alguém mais fiel que eu?”
Quando fico na frente de um espelho, vejo o rosto de um fracasso.
Um homem que decepcionou seu Criador. Mais uma vez. Eu prometi que não
faria de novo, mas fiz. Fiquei quieto quando deveria ter sido corajoso. Me
sentei quando deveria ter me levantado. Se fosse a primeira vez, seria
diferente. Mas não foi. Quantas vezes alguém pode cair e esperar ser
socorrido?
Seus olhos miram o espelho e veem o mesmo. Um fracasso. Um
quebrador de promessas. Mas quando olha através dos olhos da fé, tudo
muda. Você olha o espelho e vê um rebelde vestido com uma túnica,
carregando o anel da graça no dedo e o beijo do Pai no rosto.
Seus olhos enxergam seus erros. Sua fé enxerga o Salvador. Seus olhos
enxergam a sua culpa. Sua fé vê o sacrifício dele por você.

MAIS UMA COISA

Há mais em um cristão do que julgam os olhos. Por fora parecemos


como qualquer garota ou garoto que cruza nosso caminho, tentando
entender a vida. Mas se olhássemos mais fundo iríamos descobrir muito
mais — um Salvador dentro de nós, cheio de misericórdia, de poder e de
amor.
15 DE MAIO
“Se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem
lavar os pés uns dos outros.”
[João 13:14]


Lavando os pés de Judas
Na toalha e uma bacia com água e se preparou para lavar os pés de cada um
noite anterior à crucificação, Jesus se levantou da mesa, apanhou uma

dos discípulos. “Até os pés de Judas?”, você pergunta. Aquele mentiroso,


desonesto e ganancioso que vendeu Jesus por um punhado de dinheiro? Jesus
não vai lavar os pés dele, vai? Você espera que não. Se ele lavar os pés do Judas
dele, você terá de lavar os pés do seu. Da pessoa que traiu você. Do seu vilão
inútil e desprezível. O Judas de Jesus se safou com trinta moedas de prata. O
seu Judas se safou levando consigo sua reputação, suas ideias, sua virgindade,
sua confiança, seu melhor amigo.
“Você espera que eu lave os pés dele e o deixe ir?”
A maioria das pessoas não quer fazer isso. Elas usam a foto desse vilão
como alvo para dardos. A maioria das pessoas deixa a panela da raiva
cozinhando em fogo baixo. Mas você não é “a maioria das pessoas”. Olhe para
seus pés. Eles estão molhados, encharcados de graça. Jesus lavou até mesmo as
partes mais encardidas da sua vida. Seus dedos, seu arco plantar e seu
tornozelo já sentiram a bacia da graça de Deus.

MAIS UMA COISA

Pense no “vilão” da sua vida, a pessoa que você não consiga aturar. Será
que conseguiria lavar os pés dessa pessoa — talvez não literalmente, mas
será que você poderia demonstrar gentileza e compaixão para com essa
pessoa? Foi o que Jesus fez e o que ele pede que você faça. Eis a graça em
ação.
16 DE MAIO
Como é feliz aquele cujo auxílio é o Deus de Jacó, cuja esperança está no SENHOR,
no seu Deus.
[Salmos 146:5]

Cheio de esperança
Se você olhar por algum tempo e com atenção, vai acabar encontrando algo
para reclamar. Foi o que aconteceu com Adão e Eva. Cercados por tudo de
que precisavam, eles lançaram um olhar para a única coisa que não poderiam
ter — o fruto proibido. Encontraram algo de que reclamar.
E quanto a você? Para onde está olhando? Para o único fruto que não
pode comer? Ou para todos os outros que pode? Está olhando para o plano
divino ou para seus próprios problemas? E estes, são um presente ou um
tormento?
Irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que
for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou
digno de louvor, pensem nessas coisas. (Filipenses 4:8).

Quando vemos as coisas do modo como Deus quer que vejamos


acabamos enxergando a mão do céu em meio à doença, o Espírito Santo
consolando um coração partido. Passamos a ver não o que é visto, mas o que
não é visto. Vemos pela fé e não pela carne e, como a fé leva à esperança,
acabamos cheios desta. Pois sabemos que há mais na vida do que os olhos
conseguem enxergar.

MAIS UMA COISA

O que é que incomoda você neste exato momento? Pare por um instante
e olhe para além do problema. Consegue enxergar a mão de Deus?
Consegue ver como ele pode estar usando sua luta como parte do plano
dele? Pense em tudo que é excelente na sua vida. Agora olhe de novo —
eis a esperança no horizonte.
17 DE MAIO
Quem esconde os seus pecados não prospera.
[Provérbios 28:13]


Sendo honesto com Deus
Nosso treinador de beisebol da escola tinha uma regra bastante rígida em
relação a mascar tabaco. Alguns dos jogadores eram conhecidos por
mascar em segredo e o treinador queria chamar a atenção para o fato. E ele
conseguiu chamar a atenção. Não demorou muito para todos nós
experimentarmos. Era um teste de masculinidade apanhar um pedaço quando
o saco com tabaco passava pelo banco. Eu mal tinha entrado no time;
certamente não iria falhar nesse teste da masculinidade.
Certo dia, coloquei um punhado na boca quando um dos jogadores
avisou: “Lá vem o treinador!” Para evitar ser pego, fiz o que era natural e
engoli meu pedaço. Acho que dei um novo sentido à Escritura: “Meu corpo
definhava de tanto gemer” (Salmos 32:3). Acabei pagando o preço por
esconder a minha desobediência.
Meu corpo não foi feito para ingerir tabaco. Sua alma não foi feita para
ingerir pecado.
Posso fazer uma pergunta indiscreta? Está escondendo algum segredo de
Deus? Aceite um conselho de um jogador de beisebol bastante enjoado. Você
vai se sentir melhor se colocar tudo para fora.

MAIS UMA COISA

Dê uma olhada na sua vida nas últimas 24 horas, no último mês, no


último ano. Está tentando esconder alguma coisa de Deus? Você bem
sabe que ele sabe tudo sobre sua vida. Ele só está esperando você
confessar para poder perdoar e abençoar você.
18 DE MAIO
“Eu lhes asseguro: Quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou, tem a
vida eterna.”
[João 5:24]


Única opção
Quando você reconhece Deus como o Criador, o está admirando. Quando
reconhece a sabedoria dele, está aprendendo com ele. Quando descobre a
força dele, está confiando nele. Mas é apenas quando ele salva você que você o
adora.
É um lance do tipo “antes e depois”. Antes de ser resgatado, você
conseguia facilmente manter Deus a certa distância. Claro, ele era importante,
mas muitas coisas também eram. Amigos. Família. Notas. A equipe de
natação. As aulas de espanhol.
Então veio a tempestade... a raiva... a briga... as amarras despedaçadas... O
desespero caiu como nevoeiro; seus feitos já não existiam mais. Dentro do
coração, você sabia que não havia saída. Você buscou a ajuda dos amigos e da
família? Eles não podiam fazer muito. Confiou nas suas habilidades para
conseguir forças? Pois a tempestade não se impressionou com seus talentos.
De repente, você se viu com uma única opção. A única opção digna do
seu amor e do seu louvor. Aquela que merece sua devoção. Que opção é essa?
O primeiro e único Deus.

MAIS UMA COISA

Nada consegue prender mais sua atenção que uma crise. Quando a
família se desfaz ou quando uma doença como o câncer ataca, logo
percebemos que há poucas opções para se fazer. Para onde correr? Para
aquele que nos resgata. Não espere a crise acontecer para buscar Deus.
Louve-o agora!
19 DE MAIO
Ofereçam os membros dos seus corpos a ele, como instrumentos de justiça.
[Romanos 6:13]


Respeite o corpo de Deus
Quando falamos de nossos corpos, a Bíblia declara que não somos donos
deles. “Acaso não sabem [...] que vocês não são de si mesmos? Vocês
foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o corpo
de vocês” (1Coríntios 6:19-20).
Usar o corpo para chamar atenção? Blusas apertadas e shorts mais curtos
que nunca? Não. Use seu corpo para honrar a Deus. “Ofereçam os membros
dos seus corpos a ele, como instrumentos de justiça” (Romanos 6:13). Seu
corpo é instrumento de Deus, feito para a obra e a glória divinas.
Usar o corpo para prazeres passageiros de consequências de longo prazo?
Comer rosquinhas no jantar todas as noites? Brincar de beber nos fins de
semana? Não. Conserve o instrumento de Deus. Alimente-o. Cuide dele.
Descanse-o. Quando ele precisar de um instrumento bem cuidado — um servo
que está descansado o suficiente para servir, abastecido o suficiente para
trabalhar, alerta o bastante para pensar — deixe que ele aponte você como
escolhido.
Seu corpo, ferramenta de Deus. Conserve-o. Seu corpo, templo de Deus.
Respeite-o. “Glorifiquem a Deus com o corpo de vocês” (1Coríntios 6:20).

MAIS UMA COISA

Se há algo que vemos como nosso é o corpo, certo? Mas a Bíblia diz o
contrário. Braços, pernas, cérebro e umbigo, e todas as demais partes,
pertencem a Deus. Pense nisso. Ore pensando nisso. Talvez você
comece a tratar sua casa de carne e osso com mais respeito.
20 DE MAIO
A sabedoria que vem do alto é antes de tudo pura; depois, pacífica, amável,
compreensiva.
[Tiago 3:17]


Cura para os problemas do coração
Você tem problemas no coração? Será que ele está cheio de raiva e de
ansiedade? Jesus é a sua cura.
O coração dele era puro. O Salvador era adorado por milhares de pessoas
e mesmo assim se contentava em viver com simplicidade. Muitas mulheres
cuidavam dele (ver Lucas 8:1-3), mas ele jamais foi acusado de ter
pensamentos libidinosos; ele foi rejeitado pelas pessoas que criou, mas estava
disposto a perdoá-las mesmo antes que lhe pedissem. Pedro, que viajou com
Jesus durante três anos e meio, o descreveu como “um cordeiro sem mancha e
sem defeito” (1Pedro 1:19).
O coração dele estava em paz. Os discípulos enlouqueciam com a
necessidade de alimentar as multidões, mas Jesus não. Ele agradeceu a Deus
pelo problema. Os discípulos gritavam de medo da tempestade, mas não Jesus.
Ele dormiu enquanto a tempestade passava. Pedro desembainhou a espada
para lutar contra os soldados que buscavam seu Mestre. Jesus não. Ele ergueu
a mão para curar. O coração dele estava em paz.
Você também pode conhecer a pureza e a paz. Permita que Jesus entre
em seu coração. Ele é o Salvador-cirurgião que sabe exatamente o que fazer.

MAIS UMA COISA

Às vezes, parece que seus problemas são mais permanentes que uma
tatuagem. Jesus é a resposta. Fale com ele. Ore para ele. Louve-o. Ele irá
acalmar e purificar seu coração. Quando ele tiver terminado, você e
Jesus estarão prontos para enfrentar juntos esses problemas.
21 DE MAIO
“Quem vive e crê em mim, não morrerá eternamente.”
[João 11:26]

Todo mundo
A mo ouvir minha esposa dizer “todo mundo”. Às vezes, sinto meu cheiro
favorito vindo da cozinha: bolo de morango. Não demora e já estou sobre a
fôrma do bolo há pouco assado, com a cobertura ainda fresca, em puro prazer.
Mas aprendi a segurar o garfo até Denalyn dar autorização. “Para quem é o
bolo?”, pergunto. Às vezes ela parte meu coração. “É para um aniversário,
Max. Não encosta!” Mas às vezes ela deixa a porta das delícias aberta: “Para
todo mundo.”
Quem não é todo mundo? Essa expressão aniquila cercas raciais e
dinamita classes sociais. Ela transcende as fronteiras dos gêneros e supera
tradições ultrapassadas. Todo mundo é algo que deixa bem claro: a graça de
Deus é para o mundo inteiro. Para quem tenta restringir essa abrangência,
Jesus tem uma palavra a dizer.
“Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei
diante do meu Pai que está nos céus” (Mateus 10:32). “Quem faz a vontade de
Deus, este é meu irmão, minha irmã e minha mãe” (Marcos 3:35). “Quem crer
e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado” (Marcos 16:16).
Perdemos muitas coisas na vida — amigos, sonhos, chances. Perdemos
no amor. Mas jamais perderemos nosso lugar na lista de “todo mundo” de
Deus.

MAIS UMA COISA

A expressão “todo mundo” na Bíblia deveria servir para pintar um


quadro. Lá está Jesus, não muito longe. Ele está sorrindo — para nós. Os
olhos dele brilham de calor. Seus braços estão bem abertos, receptivos.
Ele está chamando para chegarmos mais perto. Consegue vê-lo? Vai
chegar mais perto?
22 DE MAIO
Sempre fiz questão de pregar o evangelho onde Cristo ainda não era conhecido.
[Romanos 15:20]


Espalhe a Boa-nova
Asalvação não é o assunto mais adequado para se conversar durante um
almoço. Não é comum ouvir: “Me passe um guardanapo e, falando nisso,
você vai para o céu ou para o inferno?” Apesar disso, Deus está contando com
você para espalhar a Boa-nova.
Você não precisa usar um colarinho no pescoço ou fazer sermões longos
e entediantes para ser um ministro. De acordo com Paulo, um ministro fala
sobre o evangelho onde quer que vá, e fala sobre o que Deus está fazendo em
sua vida. Nem sempre é fácil expressar a fé que se vive em voz alta, mas a
coragem de hoje pode fazer a diferença na eternidade.
Pergunto-me se Cristo poderia dizer, quando você chegar ao céu, estas
palavras: “Estou muito orgulhoso por ter permitido que eu te usasse. Por
causa de você, outras pessoas estão aqui. Gostaria de conhecê-las?” Amigos,
vizinhos e até membros da sua família dão um passo à frente.
Você é um ministro? Pode acreditar que sim. Está fazendo a diferença?
Absolutamente.

MAIS UMA COISA

Você pensa que não influencia seus amigos? Pense de novo! Eles estão
ouvindo e vigiando cada passo seu. Se é cristão e eles não, não é hora de
guardar segredo. Faça com que eles saibam do seu amor por Deus — e
sustente esse amor através das suas atitudes.
23 DE MAIO
O Senhor atribuiu a cada um [seu ministério].
[1Coríntios 3:5]

Decisões
V ocê tem duas opções, mas só pode fazer uma escolha. Trabalhar para seus
pais nessas férias ou para a casa da sua tia, que mora na praia? Servir como
jovem ministro em uma cidade do interior ou ir para uma missão de curto
prazo no México? Ir para o acampamento musical ou para o da juventude
cristã? Como você toma uma decisão?
Como um piloto antes da decolagem, sempre confiro a minha lista de
tarefas antes de embarcar em uma viagem rumo ao desconhecido. Costumo
fazer três perguntas: “Para onde Deus já me levou?” Então me lembro de todos
os lugares para os quais ele me enviou no passado, me lembro das
experiências que tive, das culturas que abracei, dos estilos de vida que
encontrei. Deus usa as experiências do passado para superar os problemas do
presente. “Que tipo de gente e de lugar me agradam?” Todos nós temos
paixões e dificuldades diferentes. Alguns gostam de servir no exterior. Outros
preferem ajudar os vizinhos. “Em que eu sou bom?” Todos nós temos ao
menos um talento único, e de nós se espera que façamos ao menos isso de
maneira adequada.
Depois de passar os olhos por sua lista, fale sobre o assunto com Deus.
Ele o ajudará a decidir. Depois, você estará pronto para voar!

MAIS UMA COISA

Quando tiver de tomar uma decisão importante, ouça atentamente a


Deus. O caminho dele é sempre o certo. Se você não se sente compelido
a seguir em uma direção, talvez signifique que sua escolha será boa,
qualquer que seja ela. Nós aprendemos com novas aventuras e novas
oportunidades, aonde quer que nos levem.
24 DE MAIO
Jesus olhou para eles e respondeu: “Para o homem é impossível, mas para Deus
todas as coisas são possíveis”.
[Mateus 19:26]


Paulo, super-herói
Dê recurvado,
uma espiadela na prisão e veja Paulo com seus próprios olhos: frágil e
algemado pelas mãos ao braço de um soldado romano
enquanto espera seu julgamento. Veja o apóstolo de Deus. Sem um tostão
furado. Sem família. Sem propriedades. Cansado e quase cego.
Paulo não é um Super-Homem, um Batman, um Homem-Aranha. Ele
em nada lembra um super-herói.
Também não soa como super-herói. Ele mesmo se apresentou como o
maior pecador da história. Ele foi um exterminador de cristãos antes de ser
um líder cristão. Às vezes o coração dele ficava tão pesado que mal conseguia
fazer a caneta deslizar pela folha de papel. “Miserável homem eu que sou!
Quem me libertará do corpo sujeito a esta morte?” (Romanos 7:24)
Só o céu sabe por quanto tempo ele encarou essa pergunta antes de
encontrar a coragem para desafiar a lógica e escrever: “Graças a Deus por
Jesus Cristo, nosso Senhor!” (Romanos 7:25). Paulo só se transformou em um
super-herói da fé cristã quando depositou a fé e a confiança em Cristo.

MAIS UMA COISA

Você admira os super-heróis das páginas dos gibis e dos filmes? Eles
encarnam poderes e responsabilidades ousadas com as quais pessoas de
verdade só conseguem sonhar. Mesmo assim, você tem a oportunidade
de ser um super-herói. Quando junta sua vida à de Jesus, você se conecta
a um poder que faz qualquer super-herói inventado parecer fraco.
25 DE MAIO
Os dons e o chamado de Deus são irrevogáveis.
[Romanos 11:29]


Confie em seu destino
T emos a tendência de definir a nós mesmos por nossos desastres. Não
cometa esse erro. Acha que perdeu tudo? Não perdeu. “Os dons e o
chamado de Deus são irrevogáveis” (Romanos 11:29).
É assim que funciona: seu namorado a largou. Todas aquelas promessas
de sair com você se esvaíram no momento em que ele conheceu a garota nova
da equipe de corrida. Você se sente mais desprezível que o lixo debaixo de um
rolo compressor. Aquele idiota. Aquele babaca. Aquele poço de inutilidade.
Você se sente tentada a dar o troco. Mas espere! Você tem uma garantia. Deus
a está chamando para uma vida diferente. Assim, você decide refletir sobre o
seu destino. “Eu sou filha de Deus. Minha vida é mais que esta vida... Mais que
esse coração partido. Essa é a promessa de Deus e, ao contrário daquele cara,
que é uma perda de tempo, Deus jamais quebra suas promessas.”
Bingo! Você acabou de redefinir sua vida de acordo com o dicionário de
Deus. Acabou de confiar em seu destino.

MAIS UMA COISA

Existe algo pior que uma promessa quebrada? Quando isso acontece
sempre nos sentimos traídos e cansados. Deus jamais fará isso com você.
Ele tem um plano para a sua vida e deu talentos para que o alcançasse.
Continue a segui-lo e você encontrará o futuro para o qual foi feito.
26 DE MAIO
Rendam graças ao SENHOR, pois ele é bom; o seu amor dura para sempre.
[1Crônicas 16:34]


O coração grato
F ui convidado para um banquete em que um soldado ferido foi presenteado
com uma casa. Ele quase desmaiou de gratidão. Arrastando-se até o palco
com a perna boa, ele jogou os dois braços por sobre o apresentador do evento.
“Obrigado! Obrigado! Obrigado!” Ele abraçou o guitarrista da banda e a
mulher enorme da primeira fila. Ele agradeceu ao garçom, aos outros soldados
e ao apresentador pela segunda vez. Antes de ir embora, ele agradeceu até a
mim! E eu não tinha feito nada.
Será que não devemos ser gratos como ele? Jesus está preparando uma
casa para nós (ver João 14:2). O título de propriedade que vamos receber é tão
certo quanto aquele que o soldado recebeu.
E Deus nos dá muito mais que isso. Um zilhão de diamantes brilham
contra o veludo do céu durante as noites. “Obrigado, Deus.” Um milagre em
forma de músculos permite que seus olhos consigam ler estas palavras e que
seu cérebro consiga entendê-las. “Obrigado, Deus.” Homens e mulheres
corajosos, como o soldado ferido, lutam por nossa liberdade. “Obrigado,
Senhor.” O coração grato é como um ímã que varre o dia atraindo motivos
para sermos gratos.

MAIS UMA COISA

Há muitas coisas que damos como certas na vida. O telhado sobre a


cabeça e o travesseiro sob ela, por exemplo. A comida que
compartilhamos e os amigos de quem gostamos. Devemos sempre
agradecer a Deus por essas coisas. Mesmo quando a semana é ruim,
sabemos como a história termina. Devemos ser gratos por nosso lugar
reservado no céu.
27 DE MAIO
Levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.
[2Coríntios 10:5]


Controle seus pensamentos
P recisamos admitir que alguns corações estão entulhados de lixo. Basta
qualquer um bater à porta e já vamos abrindo. A raiva aparece e a
deixamos entrar. A vingança precisa de um lugar para ficar, então oferecemos
uma cadeira. A tristeza quer fazer uma festa, então mostramos o caminho da
cozinha. A luxúria toca a campainha e logo preparamos o quarto de hóspedes.
Será que não sabemos dizer não?
Muitas pessoas não sabem. Para a maioria de nós, o controle dos
pensamentos é, bem, algo impensável. Pensamos bastante a respeito do
controle do tempo, do controle do peso, do controle da carga horária de um
curso, do controle da pele. Mas e quanto ao controle dos pensamentos? Não
deveríamos nos preocupar com o controle dos pensamentos do mesmo modo
com que controlamos outras coisas?
A Bíblia diz: “Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que
for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável,
tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor,
pensem nessas coisas” (Filipenses 4:8). Como dizer isso de outro jeito? Não
deixe o lixo entrar.

MAIS UMA COISA

Em que você tem pensado ultimamente? Você controla seus


pensamentos ou seus pensamentos controlam você? Todo tipo de lixo
está batendo à porta da sua mente, tentando entrar e ficar à vontade.
Deixe a porta trancada pensando no que é puro e verdadeiro e entregue
a chave dessa porta a Deus.
28 DE MAIO
Abençoem aqueles que os perseguem; abençoem, e não os amaldiçoem.
[Romanos 12:14]


Encontrando o bem no mal
Seria bem difícil encontrar alguém pior do que Judas. Alguns dizem que ele
foi um bom homem com uma estratégia que saiu pela culatra. Eu não
acredito nisso. A Bíblia diz: “[Judas] era ladrão” (João 12:6). Aquele homem foi
um trapaceiro. De algum jeito ele conseguiu viver na presença de Deus e
experimentar os milagres de Cristo sem ser mudado por eles.
No fim das contas, ele decidiu que preferia o dinheiro ao amigo, o que o
fez vender Jesus por trinta moedas de prata. Judas foi um salafrário, um
traidor, um imprestável. Como alguém pode vê-lo de qualquer outra forma?
Eu não sei, mas Jesus sabe. A apenas centímetros do rosto de seu traidor,
Jesus olhou para ele e disse: “Amigo, que é que o traz?” (Mateus 26:50). O que
Jesus viu em Judas que fosse digno de receber o adjetivo “amigo”, não consigo
imaginar. Mas sei que Jesus nunca mentiu, então, naquele momento, ele viu
algo de bom em um homem muito mau.
Jesus deu o exemplo do que devemos fazer para com aqueles que nos
machucam. Porque ele fez o mesmo por você e por mim.

MAIS UMA COISA

Aposto que você consegue pensar em algumas pessoas de quem você


não gosta. Pessoas que já provocaram e machucaram você. Pessoas que
jamais chamaria de “amigo”. Mas Jesus ama essas mesmas pessoas. Ele
olha para elas e, apesar das falhas, vê o que há de bom dentro delas.
Talvez nós possamos fazer o mesmo.
29 DE MAIO
O SENHOR é o meu pastor; de nada terei falta.
[Salmos 23:1]


Precisamos de um pastor
Ovelhas não são muito inteligentes. Elas tendem a beber água em riachos
revoltos, o que faz a lã pesar encharcada e afundá-las. Precisam que um
pastor as conduza “a águas tranquilas” (Salmos 23:2). Não têm defesas
naturais — não tem garras, nem chifres, nem dentes afiados. São indefesas.
Ovelhas precisam de um pastor com uma “vara e um cajado” para protegê-las
(ver Salmos 23:4). Não têm senso de direção. Precisam de alguém que as
conduzam “nas veredas da justiça” (Salmos 23:3).
O mesmo acontece conosco. Nós gostamos de falar sobre como somos
inteligentes, como somos fortes, como somos independentes. Mas nós,
também, tendemos a ser levados pelas águas que deveríamos evitar. Não
temos defesas contra o leão maligno que fica à espreita, procurando alguém
para devorar. Nós também nos perdemos.
Precisamos de um pastor que cuide de nós e que nos guie. Ainda bem
que já temos um.

MAIS UMA COISA

Você já teve dias em que se sentiu tão inútil e indefeso quanto uma
ovelha? Quando se movia, sem ter certeza de onde iria chegar? Dias em
que você pressentia o problema, só para se dar conta de que já era tarde
demais. Boas notas, talentos e popularidade não são coisas que ajudam
muito nessas horas. Só um pastor pode ajudar.
30 DE MAIO
“Quem faz a vontade de Deus, este é meu irmão, minha irmã e minha mãe.”
[Marcos 3:35]


Família
T alvez você se surpreenda ao saber que Jesus tinha família. É verdade. E
talvez se surpreenda ao saber que a família dele não era perfeita. Também é
verdade. Se a sua família não lhe dá valor, não desanime: a família de Jesus fez
o mesmo. Foi o próprio Cristo quem disse: “Só em sua própria terra, entre
seus parentes e em sua própria casa, é que um profeta não tem honra”
(Marcos 6:4).
Houve um episódio em que os irmãos e as irmãs de Jesus foram vistos
com ele em público. Mas não porque tivessem orgulho dele, mas porque
estavam envergonhados. “Seus familiares ouviram [...], saíram para apoderar-
se dele, pois diziam: ‘Ele está fora de si’” (Marcos 3:21). Os irmãos de Jesus
pensavam que ele era um lunático. Sentiam vergonha dele!
Talvez esse sentimento lhe seja familiar. Talvez sua família tenha mais
dramas que delícias, mais loucura que gentileza. Eu não posso garantir que
sua família irá compreender ou mesmo abençoar você, mas sei que Deus faz
isso. Deixe que Deus lhe dê aquilo que sua família não consegue dar. Se a sua
família terrena não apoia você, permita que a sua família celestial faça esse
papel.

MAIS UMA COISA

Não podemos escolher nossas famílias. Se o seu pai é um idiota, você


pode até ser o melhor filho do mundo, e ele não vai reconhecer. É um
jogo injusto, com regras injustas. Jesus não jogou esse jogo. Você
também não deveria jogar. Assuma seu lugar na família de Deus. Aceite-
o não só como Senhor e Salvador, mas também como seu Pai.
31 DE MAIO
Por que nos rejeitaste definitivamente, ó Deus?
[Salmos 74:1]


Deus convida às perguntas
T omé apareceu cheio de dúvidas. Você acha que Cristo deu as costas para
ele? Moisés tinha suas limitações. Acha que Deus mandou ele voltar para
casa? Jó teve seus problemas. Acha que Deus o evitou? Paulo teve seus
momentos de dificuldade. Você acha que Deus o abandonou?
Não. Deus jamais dá as costas ao coração sincero. Perguntas dif íceis não o
desafiam. Ele antes nos convida a fazer tais perguntas.
Talvez você esteja se perguntando por que Deus pareceu ficar de lado
quando tantas coisas horríveis aconteciam. Ou por que ele permite que a
tentação aconteça. Por que ele pareceu desaparecer mês passado, quando você
precisou dele. Talvez esteja se perguntando se pode mesmo confiar e acreditar
nele.
Pode escrever: Deus nunca dá as costas a quem o busca com sinceridade.
“Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus” (Tiago 1:5). Busque
a Deus com suas perguntas. Leia a Palavra. Se você for paciente, ele irá
apontar para as respostas que busca. De bônus, você ainda ganhará uma fé
mais profunda, mais rica e mais forte.

MAIS UMA COISA

Qualquer professor dirá que as perguntas são parte do processo de


aprendizado. Portanto, não se intimide ao perguntar para Deus — ele
aguenta tudo! A maturidade da fé não vem com o tempo, mas com o
buscar crescer em Jesus todos os dias.


JUNHO

O que se vê é transitório, mas o


que não se vê é eterno.

[ 2Coríntios 4:18 ]
1º DE JUNHO
Nós somos o barro; tu és o oleiro. Todos nós somos obra das tuas mãos.
[Isaías 64:8]


Seu coração pode mudar
Deus quer que sejamos como Jesus.
Não é uma boa notícia? Você não está preso à personalidade de hoje.
Não está condenado a essa “ranhetice”. Pode ser melhorado. Mesmo que
tenha se preocupado todos os dias da sua vida, não precisará se preocupar
pelo resto dela. E daí se você nasceu arrogante? Não precisa morrer assim.
De onde tiramos a ideia de que não podemos mudar? De onde frases
como: “É da minha natureza me preocupar”, ou “Sempre serei pessimista. É
assim que eu sou” vieram? Será que diríamos a mesma coisa dos nossos
corpos? “É da minha natureza ter uma perna quebrada. Não posso fazer nada
a respeito.” É claro que não. Quando nosso corpo não funciona, buscamos
ajuda. Será que não deveríamos fazer o mesmo com o coração? Não
deveríamos buscar ajuda para nossas atitudes amargas? Não podemos buscar
tratamento por nossos rompantes egoístas?
Claro que podemos. Jesus transforma nossos corações. Ele quer que
tenhamos um coração como o dele.

MAIS UMA COISA

Você já se sentiu frustrado consigo mesmo? Já desejou poder


transformar suas atitudes? Jesus é a resposta. Se tem dúvidas, lembre-se
de que ele transformou o mundo inteiro. Se ele conseguiu isso, não acha
que ele conseguirá transformar você?
2 DE JUNHO
A batalha é do SENHOR.
[1Samuel 17:47]

Use a atiradeira no seu gigante


D avi corre de encontro ao exército para ver Golias (1Samuel 17:48). Golias joga
a cabeça para trás numa explosão de riso, o bastante para entortar um pouco
o capacete e expor um centímetro quadrado de seu corpo. Davi mira no alvo e
agarra a oportunidade. Ele gira a atiradeira. A pedra voa como um torpedo pelo ar
e atinge o crânio do gigante; Golias desaba no chão e morre. Então Davi tira a
espada de Golias da bainha, faz um kebab do filisteu e corta sua cabeça.
Alguém poderia dizer que Davi sabia como conquistar a cabeça do seu
gigante.
Quando foi a última vez que você fez o mesmo? Quanto tempo faz desde
que você correu de encontro ao seu desafio? Nós tendemos a nos retrair,
buscando esconderijo atrás da pilha de lições de casa ou caindo na distração
de uma vida de festas. Durante algum tempo nos sentimos seguros,
confortáveis, mas quando acaba o trabalho ou a festa, logo tornamos a ouvir o
Golias. Crescendo. Cada vez maior.
Tente usar uma abordagem diferente. Corra ao encontro do seu gigante
com a alma cheia de Deus. “Gigante da depressão? Você não vai me
conquistar. Gigantes do álcool, das drogas, da insegurança... Vão cair.”
Quanto tempo faz desde que você carregou sua atiradeira e a usou contra seu
gigante?

MAIS UMA COISA

Às vezes é preciso coragem para vencer o dia. Talvez você não esteja se
sentindo corajoso nesse momento, mas Deus faz a diferença. Peça que
ele lhe dê força, coragem, poder para derrubar o gigante da sua vida.
Você consegue. Vá!
3 DE JUNHO
Tu guardarás em perfeita paz aquele cujo propósito está firme, porque em ti confia.
[Isaías 26:3]


Firme o pensamento em Deus
Os Divórcio.
Golias ainda rondam nosso mundo. Desastres. Enganos. Doenças.
Depressão. Desafios enormes ainda desfilam pomposos, ainda
roubam o sono e escondem a alegria. Mas esses desafios não podem dominá-
lo. Você sabe como lidar com eles. Para encarar um gigante, é preciso,
primeiro, buscar a Deus.
O apóstolo Paulo escreveu: “Estejam atentos e perseverem na oração por
todos os santos” (Efésios 6:18). Foram as orações que fizeram nascer os
sucessos de Davi. Como sobreviver a uma vida fugindo e se escondendo em
cavernas? Davi conseguiu isso com orações como esta: “Misericórdia, ó Deus;
misericórdia, pois em ti a minha alma se refugia. Eu me refugiarei à sombra
das tuas asas, até que passe o perigo. Clamo ao Deus Altíssimo, a Deus, que
para comigo cumpre o seu propósito” (Salmos 57:1-2).
Guarde bem essa promessa: “Deus guardará em perfeita paz aquele cujo
propósito está firme nele, porque em Deus confia” (Isaías 26:3). Deus promete
não só paz, mas paz perfeita. Para quem? Para todos que tiverem o
pensamento “firme” nele. Esqueça o texto que você lê de vez em quando. A
paz está prometida para todos aqueles que firmarem pensamentos e desejos
no Rei.

MAIS UMA COISA

Deus ouve todas as orações dos filhos que ama, mas que tipo de oração
você acredita que mais agrada a ele? Palavras aleatórias e esvoaçantes,
como uma onda e um cumprimento de “E aí, Deus, como você está?”.
Ou serão as conversas íntimas e silenciosas com ele? Paulo diz:
“Perseverem na oração.” É um bom conselho para o povo de Deus.
4 DE JUNHO
Já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim.
[Gálatas 2:20]


Dê suas mãos a Deus
Você precisa terminar de escrever um trabalho para a escola. Tem um solo
de instrumental para praticar. Uma lata de lixo para esvaziar. Trocando em
miúdos, tem coisas para fazer.
Deus também. Avós precisam de abraços. Inválidos precisam de
companhia. Os famintos precisam de comida. Alunos estressados precisam de
esperança. Deus tem trabalho para fazer. E ele usa nossas mãos para fazer esse
trabalho.
A mão está para a luva assim como o Espírito está para o cristão. Deus
entra em nós. Às vezes mal notamos. Mas outras vezes é impossível não notar.
Ele põe os dedos em nossas vidas, reclamando centímetro a centímetro o
território que é dele por direito.
Sua língua? Ele a usa para espalhar sua mensagem. Seus pés? Ele os
convoca para servir ao propósito divino. Sua mente? Ele a fez e pretende usá-
la para sua glória. Seus olhos, seu rosto, suas mãos? Através deles Deus vai
chorar, sorrir e tocar. Ele tem trabalho a fazer. Dê suas mãos (e o resto do seu
corpo) a Deus, e veja como elas mudam uma vida.

MAIS UMA COISA

Deus não se satisfaz em usar apenas parte de você para realizar seu
propósito. De que serve usar meio martelo? Ele quer seu coração inteiro,
sua mente inteira e toda a sua fé para que você possa participar por
inteiro e para que ele possa completar seus planos perfeitos e
maravilhosos.
5 DE JUNHO
Dediquem-se à oração, estejam alertas e sejam agradecidos.
[Colossenses 4:2]


Por que se preocupar?
Duas palavras resumem a opinião de Cristo em relação às preocupações:
irrelevantes e desrespeitosas.
“Quem de vocês, por mais que se preocupe, pode acrescentar uma hora
que seja à sua vida?” (Mateus 6:27). Ninguém, é claro. Preocupar-se é
irrelevante. Nada muda. Quando foi a última vez que você resolveu um
problema apenas se preocupando com ele? Imagine alguém dizendo: “Fiquei
com as lições atrasadas, então decidi dar conta delas me preocupando. E, quer
saber, funcionou! Algumas noites sem dormir, um dia vomitando e sem parar
de mexer as mãos e — graças à preocupação — as lições apareceram prontas
na minha mesa.”
Isso não acontece! Ficar preocupado não muda nada. Você não
acrescenta um dia, um pedacinho que seja, à sua vida apenas por se
preocupar. Sua ansiedade não produz nada além de uma dor de estômago.
Noventa e dois por cento das suas preocupações são em vão. Mas se
preocupar não é só irrelevante, sem produzir resultados; preocupar-se
significa desrespeitar e não confiar em Deus.

MAIS UMA COISA

Leia as palavras de Jesus em Mateus 6:25-34. Essa passagem não diz que
Deus nos dará aquilo de que precisamos, quer nos preocupemos ou não?
Não está dizendo que deveríamos focar no hoje e que se preocupar com
o amanhã é um desperdício de energia? Vamos mostrar nossa fé e deixar
as preocupações para trás.
6 DE JUNHO
“Que farei então com Jesus, chamado Cristo?”
[Mateus 27:22]


Duas escolhas
P ilatos, o governador romano, quando confrontado com um prisioneiro que
concordava que era um rei, fez uma pergunta. É uma pergunta que ecoa
pela história: “Que farei então com Jesus, chamado Cristo?” (Mateus 27:22).
Talvez você, como Pilatos, esteja curioso sobre essa pessoa chamada
Jesus. O que você faz com um homem que clama ser Deus, mas que odeia a
religião? O que faz com um homem que se chama de Salvador, mas que
condena os sistemas religiosos? O que você faz com um homem que conhece
o horário e o local de sua morte, mas que comparece a esse lugar mesmo
assim?
Você tem duas escolhas. Pode rejeitá-lo. Pode, como muitos outros,
decidir que a ideia de Deus se fazer carpinteiro é demais — e dar as costas a
ele.
Ou pode aceitá-lo. Pode caminhar com ele. Pode ouvir a voz dele em
meio às milhares de vozes e pode seguir esse homem.

MAIS UMA COISA

O que você fará com Jesus? É curioso o bastante para ler este livro
religioso. Talvez você já tenha falado sobre sua fé em Cristo, mas ainda
está guardando alguma coisa. Não pode continuar assim. Rejeitá-lo? Ou
aceitá-lo por completo? É hora de escolher.
7 DE JUNHO
Como é grande o amor que o Pai nos concedeu: que fôssemos chamados filhos de
Deus, o que de fato somos!
[1João 3:1]


Quem sou eu?
Avida pode ser bastante confusa. Como quando precisamos descobrir o que
fazer dela. Descobrir aquilo em que você é bom (e em que não é tão bom
assim). Descobrir em que se acredita. A vida pode deixar sua cabeça girando
mais rápido que um carrossel a jato. Você começa a se perguntar: “Mas quem
sou eu?”
Permita que eu diga quem você é. Na verdade, permita-me proclamar
quem você é. Você é parte da família de Deus e vai herdar o reino dele com
Cristo (Romanos 8:17). Você é eterno, como um anjo (Lucas 20:36). Você tem
uma coroa que durará para sempre (1Coríntios 9:25). Você é parte de um
sacerdócio santo (1Pedro 2:5), um tesouro pessoal (Êxodo 19:5).
Mas acima de qualquer uma dessas coisas — acima de qualquer título ou
posição — está o fato de que você é filho de Deus. “[Nós somos] filhos de
Deus!” (1João 3:1). Como consequência, se algo é realmente importante para
você, também é importante para Deus. Você pertence a ele.

MAIS UMA COISA

Nós desempenhamos vários papéis. Filho ou filha. Irmão ou irmã.


Alunos. Amigos. Parte do time. Mas há um papel que se distingue dos
outros: somos filhos de Deus. É esse papel que eleva sua posição. Esse é o
papel que traz paz e amor para sempre. Nunca se esqueça de quem você
é.
8 DE JUNHO
“Sejam misericordiosos, assim como o Pai de vocês é misericordioso.”
[Lucas 6:36]


Curando o tédio
A posto que você já usou essa desculpa mais de uma vez: “Mãe, estou
entediado.” Há dias em que a vida parece se arrastar. Em que os
professores soam monótonos. Quando o que há de mais animador para fazer é
ficar olhando o ponteiro do relógio percorrer mais um minuto.
Quer uma cura para o seu tédio? Faça algo absurdo. Um ato de amor que
não pode ser reembolsável. Gentileza sem compensação. Faça algo que não
pode ser pago de volta. Estou falando de limpar o jardim de um vizinho idoso
quando ele não estiver em casa. De lavar o carro do seu pai quando ele estiver
viajando. Convidar aquele cara sem amigos para jogar videogame com você.
Convidar a garota nova da escola para o grupo de jovens da sua igreja. Levar
biscoitos para alguém doente ou que more na rua.
Jesus disse: “Façam-lhes o bem e emprestem a eles, sem esperar receber
nada de volta. Então, a recompensa que terão será grande” (Lucas 6:35).
Quando você perceber a alegria que resulta do seu presente feito de amor e de
tempo, logo seu tédio acabará.

MAIS UMA COISA

O engraçado de se entediar é que o foco está todo em você e em como se


sente. Quando ousa fazer algo gentil por alguém, sua atenção muda.
Você passa a reparar mais no que está ao seu redor do que no que está
dentro de você. E isso não é tedioso, mas empolgante.
9 DE JUNHO
O SENHOR detesta o caminho dos ímpios, mas ama quem busca a justiça.
[Provérbios 15:9]


O fogo da raiva
T alvez a ferida seja antiga. O abuso de um pai. O desprezo de um professor.
A traição de um amigo. E você tem raiva. Ou talvez a ferida seja recente. O
colega que deve dinheiro acaba de passar por você pedalando em uma
bicicleta nova. O namorado que fez tantas promessas semana passada
esqueceu até como pronunciar seu nome — e você está machucada.
Parte de você está quebrada e a outra está amargurada. Parte quer chorar
e a outra quer brigar. O fogo arde no seu coração. É o fogo da raiva.
E você precisa tomar uma decisão. “Eu apago o fogo ou o alimento?
Supero o problema ou me vingo? Deixo ele ir ou fico remoendo? Deixo
minhas feridas curarem ou permito que a ferida vire ódio?”
Odiar é errado. A vingança é ruim. Mas o pior de tudo é que, sem perdão,
a amargura é tudo que resta.

MAIS UMA COISA

Você provavelmente conhece alguém cuja raiva se transformou em


amargura. Como essa pessoa é? Mais tensa que engraçada? Mais
palavras de desprezo que de incentivo? É assim que você quer ser? Dê
seu coração partido para Deus. Deixe o fogo sair. Perdoe.
10 DE JUNHO
“Aquele que perseverar até o fim será salvo.”
[Mateus 10:22]


Vá até o fim
Você está perto de desistir? Por favor, não faça isso. Está desanimado com
relação ao seu futuro? Aguente firme. Está cansado de fazer o bem? Faça só
mais um pouquinho. Está pessimista em relação à lealdade dos seus amigos?
Dê mais uma chance. Não se comunica com seus pais? Tente mais uma vez.
Lembre-se, quem vai até o fim não faz isso sem feridas ou sem cansaço.
Pelo contrário; aquele que chega ao fim, como um boxeador, chega cheio de
cicatrizes e de sangue. Madre Teresa leva o crédito por ter dito: “Deus não nos
chamou para termos sucesso, mas para sermos fiéis.” O lutador, como nosso
Mestre, acaba perfurado e cheio de dor. Como Paulo, ele pode até acabar
preso e machucado. Mas segue em frente.
A Terra Prometida, diz Jesus, aguarda todos que persistem. Ela não é só
para aqueles que chegam primeiro ou que bebem champanhe. Não, senhor. A
Terra Prometida é para aqueles que simplesmente vão até o fim. Sua chegada
vai dar início a uma celebração como nenhuma outra.

MAIS UMA COISA

Deus honra aqueles que vão até o fim. Jó sofreu com perdas terríveis e
com a miséria, mas jamais perdeu a fé e Deus o louvou como ninguém.
O mesmo pode ser dito de José e de muitos outros. Os problemas fazem
você querer desistir? Não ceda. Você mal consegue imaginar o que Deus
está guardando para aqueles que vão até o fim.
11 DE JUNHO
“A vida de um homem não consiste na quantidade dos seus bens.”
[Lucas 12:15]


Prisão do desejo
Você está na prisão? Sim, está, se você se sente melhor quando tem mais e
pior quando tem menos. Sim, está, se o seu prazer está a apenas uma
entrega de distância, um prêmio de distância, um tratamento de beleza de
distância. Se a sua felicidade vem de algo que se pode depositar, dirigir, beber,
digerir ou baixar da internet, então seja realista — você está na prisão, a prisão
do desejo.
Essas são más notícias. A boa notícia é: você tem visita. E sua visita tem
uma mensagem que pode fazer você ganhar a condicional. Vá até a sala de
recepção. Sente-se na cadeira e olhe para além da mesa, para o salmista, Davi.
Com um gesto ele pede que você se incline para frente. “Tenho um segredo
para contar”, ele diz, “o segredo da satisfação. ‘O SENHOR é o meu pastor; de
nada terei falta’” (Salmos 23:1).
É como se ele estivesse dizendo: “O que tenho em Deus é maior do que o
que não tenho na vida.”
Acha que eu e você podemos aprender a dizer o mesmo?

MAIS UMA COISA

Nós nascemos desejando. Quando somos bebês, desejamos leite,


desejamos atenção, desejamos ser transformados — e queremos agora!
Mas, conforme crescemos, aprendemos que o que queremos não é o
mesmo de que necessitamos. A fé deixa o desejo para trás. As
necessidades são atendidas por Deus.
12 DE JUNHO
Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.
[Salmos 91:2]


Deus escreveu sua história
A lguma coisa ruim de verdade já aconteceu com você? Talvez você e Deus
tenham definições diferentes para a palavra ruim. Talvez o seu dicionário a
defina como “uma espinha no nariz” ou “um teste surpresa de geometria”.
“Pai, isso é muito ruim!”, você diz. Mas seu pai, como já está aqui por um
tempo, pensa diferente. Ele entende que as espinhas passam.
O que eu e você talvez classifiquemos como desastre absoluto, Deus pode
classificar como problemas que parecem uma espinha, e que passarão. Ele vê a
sua vida do mesmo jeito com que você vê um filme depois de ter lido o livro.
Quando algo ruim acontece, quase dá pra sentir o ar faltar no cinema. Todo
mundo respira fundo quando a crise aparece na tela. Mas você não. Por quê?
Porque você já leu o livro. Sabe como o mocinho vai se safar daquele aperto.
Deus vê a sua vida com a mesma confiança. Mas ele não só leu sua história...
Ele a escreveu.

MAIS UMA COISA

Pense novamente no último dia ruim que você teve. Quão ruim ele foi?
Você acha que vai se lembrar dele daqui a cinco anos? E daqui a dez
anos? Seus problemas são reais, eu entendo isso. Mas talvez ajude
lembrar que Deus já conhece o resto da sua história, e ela tem um final
feliz.
13 DE JUNHO
Este é o Deus cujo caminho é perfeito.
[Salmos 18:30]


A cura para a decepção
Não é fácil quando Deus não faz aquilo que desejamos. Nunca foi, nem
nunca será. Mas a fé é a crença em que ele sabe mais do que nós sobre essa
vida e que nos ajudará a superar tudo. A decepção só se cura quando as
expectativas são rearranjadas.
Eu gosto da história do camarada que foi até um pet shop para comprar
um passarinho cantador. Ao que parece ele morava sozinho e sua casa era
quieta demais. O dono da loja tinha o passarinho certo para ele e o homem
comprou o tal passarinho.
No dia seguinte, o homem chegou em casa depois do trabalho e
encontrou sua casa cheia de música. Ele então foi até a gaiola para alimentar o
passarinho e reparou, pela primeira vez, que o passarinho tinha apenas um pé.
Sentindo-se enganado por ter comprado um passarinho com um pé só, ele
ligou para a loja para reclamar.
“O que é que você quer”, perguntou o dono da loja, “um passarinho que
canta ou um passarinho que dança?” É uma boa pergunta para se fazer nos
momentos de decepção.

MAIS UMA COISA

Nós somos muito parecidos com o homem que comprou o passarinho.


Recebemos aquilo de que precisamos e depois reclamamos. Deus está
dando aquilo de que você precisa? Ele já lhe deu esperança para hoje e
esperança para o céu? Conseguiremos desviar da decepção se
confiarmos que Deus nos dará aquilo de que precisamos.
14 DE JUNHO
Disse Jesus: “Sigam-me.”
[Mateus 4:19]


A palavra favorita de Deus
Um convite sempre nos faz sentir especiais. Quer seja um cartão que chega
pelo correio nos convidando para uma festa de aniversário, quer seja um
convite pessoal para irmos ao baile da escola, um convite é um momento para
celebrar.
Nosso Deus é um Deus convidativo. Ele convidou Maria a dar à luz seu
Filho, convidou os discípulos a pescarem homens, convidou a mulher adúltera
a começar de novo e Tomé a tocar suas feridas. Deus é o Rei que prepara o
banquete, que arruma a mesa e que convida seus súditos a entrar. Na verdade,
parece que a palavra favorita de Deus é venham.
“Venham, vamos falar sobre essas coisas. Apesar de seus pecados serem
como escarlate, eles podem ser brancos como a neve.” “Todos os que têm
sede, venham e bebam.” “Venham a mim todos os que estão cansados e
carregam seus fardos, e eu lhes darei descanso.”
Nosso Deus é um Deus que convida. Ele está lhe pedindo, exatamente
agora, que converse com ele para que vocês se conheçam melhor. E então, o
que você diz?

MAIS UMA COISA

Os convites de Deus não param de chegar. Ele está pedindo para você
dar uma olhada. Ele pede que leia a Palavra para ver se é verdadeira. Ele
pede que dê seu coração a ele. Ele pede que se torne mais e mais como
Cristo. Ele pede que passe a eternidade com ele. Cada um dos convites é
incrível. Você não vai dizer sim?
15 DE JUNHO
Ouçam, meus filhos, a instrução de um pai; estejam atentos, e obterão
discernimento.
[Provérbios 4:1]


A lição de um pai
Um pai passa muitas lições para seus filhos. Aprendi uma das lições mais
importantes no fim da vida do meu pai. Ele havia acabado de se aposentar.
Meu pai e minha mãe tinham guardado algum dinheiro e feito planos. Eles
pretendiam visitar vários parques nacionais a bordo de um trailer. Foi quando
veio o diagnóstico: esclerose lateral amiotrófica (ELA ou doença de Lou
Gehrig), uma doença degenerativa severa que afeta os músculos.
Naquela época eu estava me preparando com minha esposa Denalyn para
fazer um trabalho missionário no Brasil. Quando recebemos a notícia logo
intencionei mudar meus planos. Como poderia deixar o país enquanto meu
pai estava morrendo? A resposta de meu pai foi imediata. “A respeito da
minha doença e de sua ida ao Rio: essa resposta é bem simples para mim, e ela
é... VÁ. Não tenho medo da morte, nem da eternidade [...], portanto, não se
preocupe comigo. Apenas VÁ. Faça a vontade dele.”
Papai me lembrou que, quando estamos encarando um problema,
mesmo a morte, ainda existe apenas uma resposta. Seja corajoso. Agrade a
Deus. A lição do meu pai era que fazer a vontade do Pai sempre importa.

MAIS UMA COISA

Quais são as lições que seus pais passaram para você? Se puder, por que
não agradece a eles hoje pela orientação que eles dão? Enquanto estiver
fazendo isso, agradeça também ao Pai celestial pela orientação dele — e
lembre de agradá-lo também.
16 DE JUNHO
Tu o fizeste um pouco menor do que os seres celestiais e o coroaste de glória e de
honra.
[Salmos 8:5]


Corrigindo a visão de si mesmo
Você é duro demais consigo mesmo? Espera muito de si mesmo? Sente
como se não conseguisse fazer nada certo? Você tem uma má visão de si
mesmo?
Lembre-se que sua identidade não se refere ao que você faz, mas a quem
é. Você é filho de Deus, criado pelo Mestre para os planos e para a glória
divinos. Quando se vê através das lentes dele, o seu “Não consigo fazer nada”
vira “Tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4:13). Deus é maior do
que a sua timidez, do que seus medos de rejeição, do que seus fracassos do
passado. Ele quer que você busque o próximo em nome dele. Talvez ainda não
consiga ver, mas ele está preparando você para mudar o mundo.
Pertencer totalmente a Deus significa jogar fora os sentimentos de
insegurança. Você é parte da família de Deus, foi feito para desempenhar um
papel em um futuro santo — e ele não comete enganos.

MAIS UMA COISA

Talvez você esteja aquém do que estabeleceu como meta para si. Talvez
seu desempenho recente seja lastimável. Mas Deus não se importa com
isso. Ele ama e valoriza você, porque ele o fez. Ele tem planos que você
nem pode imaginar. Confie nele. Ame-o. Ele deu a vida por algo
precioso — você.
17 DE JUNHO
“Vocês têm um só Chefe, o Cristo.”
[Mateus 23:10]


Simplifique sua fé
Existem pessoas que se colocam entre você e Deus. Há pessoas que sugerem
que a única maneira de chegar a Deus é através delas. Há o grande
professor, que tem a palavra final no que tange aos estudos bíblicos. Há o pai
que precisa abençoar todos os seus atos. Há o líder espiritual, que irá dizer o
que Deus quer que você faça. A mensagem de Jesus para a religião complicada
é remover esses intermediários. “Vocês têm um só Chefe, o Cristo” (Mateus
23:10).
Isso não quer dizer que você não precisa de professores, de pessoas
experientes ou de conselheiros. Significa, no entanto, que somos todos irmãos
e irmãs e que temos acesso igualitário ao Pai. Simplifique sua fé buscando
Deus por si mesmo. Não é preciso uma cerimônia confusa. Nem um ritual
misterioso. Não são necessários diferentes canais de comando, nem níveis de
acesso.
Você tem uma Bíblia? Então pode estudar. Tem sua mente? Então pode
pensar. Tem um coração? Então pode orar. E Deus receberá tudo isso.

MAIS UMA COISA

Trata-se de um dos maravilhosos paradoxos da fé cristã — um poder


incrível e capaz de transformar vidas em uma mensagem bem simples.
Jesus pede que confessemos nossos pecados e acreditemos nele. Ter um
relacionamento com ele é igualmente simples. Estude a Palavra dele.
Reflita sobre o que ela significa. Converse com ele em oração.
18 DE JUNHO
“Necessitei de roupas, e vocês me vestiram.”
[Mateus 25:36]


O que o amor faz
Ese você tivesse o mesmo privilégio que Maria teve? E se o próprio Deus
fosse colocado em seus braços na forma de um bebê despido? Não faria o
que ela fez? “Envolveu-o em panos” (Lucas 2:7). O menino Jesus, ainda úmido
do ventre, estava com frio. Então sua mãe fez o que qualquer mãe faria; fez o
que o amor faz: ela o cobriu.
Você não agradeceria por ter uma oportunidade de fazer o mesmo? Pois
tem essa chance. Tais oportunidades surgem na sua vida todos os dias. Aquele
morador de rua que está tremendo de frio na esquina — será que poderia dar
seu casaco a ele? Aquele garoto isolado duas séries abaixo da sua — será que
você poderia oferecer uma palavra de incentivo?
Jesus disse: “Necessitei de roupas, e vocês me vestiram [...]. Digo-lhes a
verdade: o que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o
fizeram” (Mateus 25:36,40). Você também pode cobrir quase qualquer coisa
com amor.

MAIS UMA COISA

Se alguém lhe entregasse um bebê com frio, é óbvio que você iria cobri-
lo e tomar conta dele. Mas nem sempre conseguimos ver o frio que as
pessoas sentem por dentro. Quase todo mundo que você encontra na
vida tem algum tipo de frio. Quando cuida dessas pessoas, também está
cuidando de Jesus.
19 DE JUNHO
Antes de eu nascer o SENHOR me chamou; desde o meu nascimento ele fez menção
de meu nome.
[Isaías 49:1]


Fazendo o bem
Christine Caine foi abandonada, sem ganhar um nome, por aqueles que a
conceberam e a gestaram. Será que poderia ser pior? Para falar a verdade,
sim. Ela sofreu com abusos sexuais dos membros de sua nova família.
Transformaram a infância dela em uma história de horror encontro após
encontro. Doze anos de um mal horrível.
Entretanto, o que fora intencionado para o mal, Deus usou para o bem.
Christine optou por não se apegar às dores do passado, mas às promessas de
seu Pai celestial. Anos depois, quando ouviu sobre a luta das mulheres
cooptadas pelo comércio da escravidão sexual, ela soube exatamente o que
fazer. A garota sem nome e abusada se lançou ao resgate de outras garotas
sem nome e abusadas da sua época. Christine hoje viaja o mundo
frequentando reuniões com gabinetes, presidentes e parlamentos. O plano de
Satã de destruí-la só serviu para estimular a decisão dela de ajudar o próximo.
Com Deus como ajudante, ela pretende ver a escravidão sexual de joelhos.6
Nenhum mal está além do alcance de Deus. Ele vai fazer o bem a partir
da sua bagunça também. É o trabalho dele.

MAIS UMA COISA

De um jeito ou de outro, você já encontrou o mal. Sabe o que o diabo é


capaz de fazer. Mas o chamado de Deus na sua vida é maior que o pior
plano de Satanás. Confie no poder e na promessa do Senhor. Deixe que
ele fortaleça sua decisão de superar o mal e de cumprir o plano divino
para fazer um bem maravilhoso.
20 DE JUNHO
Entregue o seu caminho ao SENHOR; confie nele, e ele agirá.
[Salmos 37:5]


Ele atende às nossas necessidades
Deus tem o compromisso de atender nossas necessidades. Paulo nos diz que
o homem que não alimenta sua família é pior do que aquele que não
acredita em Deus (1Timóteo 5:8). Quantas vezes mais não cuidara um Deus
santo de seus filhos? Afinal, como podemos completar a missão que ele nos dá
se nossas necessidades não são atendidas? Como podemos ensinar, ajudar ou
falar sobre Jesus para o próximo se não temos as necessidades básicas
atendidas? Você acha que Deus nos alistaria em seu exército sem prover as
refeições? É claro que não.
“[Oro para que Deus] os aperfeiçoe em todo o bem para fazerem a
vontade dele” (Hebreus 13:21). Mas essa oração já não foi atendida em nossas
vidas? Talvez não tenhamos um banquete, mas não temos sempre comida no
prato? (Sim, os almoços na escola contam como comida.) Talvez não
tenhamos um banquete, mas ao menos tivemos o pão. E muitas vezes tivemos
bem mais que isso também. Deus toma conta de nós todos os dias.

MAIS UMA COISA

E se você fizesse uma lista de tudo que deseja? Seja honesto — você acha
que essa lista seria maior que sua altura? E quanto àquilo de que
precisamos? É uma lista bem menor. Comida. Abrigo. Vestimentas.
Amor. Deus sabe exatamente do que precisamos e ele está
compromissado em atender essas necessidades.
21 DE JUNHO
Tenho grande alegria em fazer a tua vontade, ó meu Deus; a tua lei está no fundo do
meu coração.
[Salmos 40:8]


O que deixa seu coração aceso?
Você quer saber qual é a vontade de Deus para a sua vida? Então responda a
essa pergunta: O que deixa seu coração aceso? São os órfãos esquecidos?
As nações ainda intocadas? As cidades do interior? As fronteiras? Então honre
o fogo dentro de você!
Tem paixão por cantar? Então cante! Sente vontade de gerenciar? Então
gerencie! Você se dói pelos enfermos? Então trate-os! Sente pelos perdidos?
Então ensine-os! Talvez seu sonho seja ser um mergulhador, uma dançarina,
uma veterinária, um ventríloquo. Vá em frente!
Quando eu era jovem sentia um chamado para pregar. Sem ter certeza de
que estava fazendo a leitura certa da vontade de Deus para minha vida,
busquei o conselho de um ministro que admirava. O conselho dele ainda é
verdadeiro. “Não pregue”, ele disse, “a menos que você tenha que fazer isso.”
Enquanto refletia sobre essas palavras, encontrei minha resposta: “Eu tenho
que pregar. Caso contrário, esse fogo irá me consumir.”
Deus bem pode ser a fonte da sua paixão. Qual é o fogo que consome
você?

MAIS UMA COISA

Seus dons e seus sonhos não são aleatórios. Deus dá a cada um de nós
habilidades e desejos que são únicos para nosso futuro. O que parece
tolo ou inútil para alguém pode ser exatamente o que Deus planejou
para você. Se ele abrir a porta, não tenha medo de passar por ela.
22 DE JUNHO
Àquele que vencer e fizer a minha vontade até o fim darei autoridade sobre as
nações.
[Apocalipse 2:26]


E se Deus não estivesse aqui?
P ense por um instante nesta pergunta: E se Deus não estivesse aqui na terra?
Acha que as pessoas são cruéis hoje: imagine o que seríamos sem a
presença de Deus. Acha que somos brutos um para com o outro hoje: imagine
o que seria o mundo sem o Espírito Santo. Acha que há solidão, desespero e
culpa hoje: imagine a vida sem o toque de Jesus.
Como seriam sua família e seus amigos sem que ele tivesse moldado o
caráter dessas pessoas? Como você seria? Sem perdão. Sem esperança.
Nenhum ato de bondade. Sem palavras de amor. Nenhum alimento dado em
nome dele. Nenhuma música em louvor dele. Nenhum ato sem a honra dele.
Se Deus tirasse os anjos, a graça, a promessa da eternidade e seus servos, o que
seria do mundo?
Em uma palavra: inferno.
Vamos agradecer a Deus hoje e todos os dias por ele estar aqui conosco.

MAIS UMA COISA

Como anda sua imaginação? Você gosta de criar histórias e mundos na


sua cabeça? Eu gosto de pensar que tenho uma imaginação muito boa,
mas existem coisas que prefiro não imaginar. Uma dessas coisas é um
mundo sem Deus. Sou muito grato por não ter de imaginar isso. Aposto
que você também.
23 DE JUNHO
“Encontrei Davi, filho de Jessé, homem segundo o meu coração; ele fará tudo o que
for da minha vontade.”
[Atos dos Apóstolos 13:22]


O coração que Deus ama
Deus chamou Davi de “homem segundo o meu coração”. Talvez alguém leia
a história de Davi e se pergunte o que foi que Deus viu nele. O camarada
caía tanto quanto ficava em pé, fraquejava na mesma medida em que
conquistava. Ele derrotou Golias, mas cobiçou Bate-Seba; desafiou os que
zombavam de Deus no vale, mas se juntou a eles no deserto. Ele tinha a
capacidade de liderar exércitos, mas não dava conta de sua família. Davi irado.
Davi chorando. Com sede de sangue. Com fome de Deus.
Um homem segundo o coração de Deus? O fato de Deus tê-lo enxergado
dessa maneira dá esperança para todos nós. As almas que só tiram notas boas
consideram a história de Davi decepcionante. O resto de nós a considera
tranquilizadora. Nós passeamos na mesma montanha-russa. Alternamos entre
um mergulho perfeito e uma barrigada, entre um bife suculento e uma torrada
queimada.
Precisamos da história de Davi. Algumas pessoas reparam na ausência de
milagres na história dele. Não há o mar Vermelho se abrindo, nem carruagens
em fogo, nem um Lázaro ressuscitado. Não há milagres. Ah, mas há sim. Davi
é um milagre. O Deus que fez de Davi um milagre está pronto para fazer o
mesmo com você.

MAIS UMA COISA

Você consegue se identificar com Davi? Talvez não com o fato de ele ser
rei, mas talvez com o padrão de sucesso e fracasso na vida dele. As
atitudes dele nem sempre mereceram aplausos, mas geralmente o
coração dele estava no lugar certo. Esse é um bom ponto de partida para
todos nós. Firme seu coração em Deus e você ficará bem.
24 DE JUNHO
Deus [...] perdoou todas as transgressões, e cancelou a escrita de dívida, que
consistia em ordenanças, e que nos era contrária.
[Colossenses 2:13-14]

O presente chamado graça


T odas as religiões do mundo podem ser enquadradas em uma destas duas
categorias: o legalismo ou a graça. Ou você se salva tomando por base suas
ações ou está salvo pelo dom da morte do Cristo.
O legalista acredita que a força suprema por detrás da salvação é a
própria pessoa. Se você tem a aparência certa, a fala certa e pertence ao grupo
certo, então estará salvo. A responsabilidade não está em Deus; ela está em
você. Qual o resultado disso? Tudo parece ir bem por fora. A fala é boa e a
caminhada é verdadeira. Mas olhe com atenção. Ouça com atenção. Algo está
faltando. E o que é esse algo? A alegria. O que está no lugar? O medo (de não
ser suficiente). A arrogância (de ter feito mais que suficiente). O fracasso (de
ter cometido um erro).
A vida espiritual não nasce do esforço humano. Ela não é uma prova para
a qual se estuda, não é uma nota a ser conquistada. Você não alcança a
salvação ao ir somando pontos extras. A vida da sua fé tem raízes e é
coordenada pelo Espírito Santo. Cada realização espiritual é criada e recebe a
força vital em Deus. Incluindo a salvação, esse presente chamado graça.

MAIS UMA COISA

Esse pensamento vai contra tudo que aprendemos. Se você quer que
algo seja grande, importante, é preciso trabalhar para isso, certo? Não
dessa vez. A realização mais importante de todas — um lugar reservado
no céu — não pode ser conquistado. E esse é o maior dom de todos.
25 DE JUNHO
“Foi do agrado do Pai dar-lhes o Reino.”
[Lucas 12:32]


Ele ama presentear
Deus ama doar. Ele “a todos dá livremente, de boa vontade” (Tiago 1:5). Ele
nos inunda de amor (1João 3:1). Ele é rico em “bondade, tolerância e
paciência” (Romanos 2:4). A graça dele “transbordou sobre mim” (1Timóteo
1:14) e é “indescritível” (2Coríntios 9:15). Ele transformou alguns pães e peixes
em comida suficiente para cinco mil pessoas, ele transformou a água de um
casamento em vinho e encheu o barco de Pedro com peixes duas vezes. Ele
curou todos que buscaram saúde, ensinou os que buscavam instrução e salvou
todos aqueles que aceitaram o dom da salvação.
Imagine Deus no centro de um círculo, um enorme sorriso estampado no
rosto, ensinando a você os últimos passos de dança da moda. Quando ele dá,
dança de alegria. Ele toma conta da banda e conduz o desfile da generosidade.
Deus distribui a bondade não com um conta-gotas, mas com um
hidrante. Não é possível contê-la por inteiro. Portanto, deixe que faça bolhas.
Que transborde. Se derrame. E aproveite essa inundação.

MAIS UMA COISA

Tente dar um presente inesperado para alguém que você conheça hoje.
Pode ser aquele cachecol de que sua irmã gosta ou arrumar o quarto,
que sua mãe tanto pede. Repare no sorriso que você porá nos rostos
deles. Repare no prazer que você sentirá. Essa é só uma fagulha da
alegria que Deus sente quando dá para você.
26 DE JUNHO
Se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que
surgiram coisas novas!
[2Coríntios 5:17]


“Podemos consertar isso”
Uma das minhas tarefas como escoteiro-mirim foi ter de construir uma
pipa. Uma das minhas vantagens como escoteiro era ter um pai que sabia
fazer pipas. Acabamos construindo uma obra-prima feita para dançar no céu:
vermelha, azul e branca, com a forma de uma caixa. Estreamos nossa criação
nos ventos de um dia de março. Mas depois de alguns minutos minha pipa
pegou uma corrente de ar descendente e mergulhou com tudo. Fiz tudo que
podia para mantê-la no ar. Mas já era tarde demais.
Imagine um menino ruivo com 12 anos parado em frente a sua pipa
arruinada. Imagine um senhor corpulento e de pele rosada com a mão nos
ombros desse menino. Meu pai deu uma olhada naquele monte de papel e
varetas e me assegurou: “Não tem problema. Podemos consertar isso.” Eu
acreditei nele. Por que não acreditaria? Ele falava com autoridade.
Cristo também faz o mesmo. Para todos que sentem a vida como uma
pipa caída, ele diz: “Não tem problema. Podemos consertar isso.” Talvez seu
mundo pareça uma pilha de varetas inúteis. Coragem. A mão de Jesus está no
seu ombro. Você foi abençoado com um Salvador especialista em construir
vidas.

MAIS UMA COISA

Certa vez, Deus disse para Jeremias: “como barro nas mãos do oleiro,
assim são vocês nas minhas mãos” (Jeremias 18:6). Ele é o mestre em
reparar peças quebradas e vidas desajustadas. Confie nele. A mão dele
está no seu ombro. Ele está pronto para começar a trabalhar.
27 DE JUNHO
“[Vocês] serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até
os confins da terra.”
[Atos dos Apóstolos 1:8]

Espalhe a notícia
A quele alto ali no canto — ele é Pedro. A Galileia endureceu o sotaque dele.
As redes de pesca endureceram as mãos dele. A teimosia endureceu a
cabeça dele. Esse cara, escolhido para conduzir a próxima grande obra de
Deus, sabe mais de peixes e de barcos do que da cultura romana ou dos reis do
Egito. E os amigos dele: André, Tiago, Natanael. Será que eles têm alguma
educação?
Para falar a verdade, o que é que eles têm? Humildade? Eles discutiram
para ver quem seria o assistente preferido de Jesus. Conhecimento de
teologia? Pedro disse para Jesus esquecer a cruz. Lealdade? Quando Jesus foi
preso, eles correram. Mesmo assim, seis semanas depois eles já estavam
agindo como se tivessem ganhado ingressos para assistir a uma final de Copa
do Mundo. Estão cheios de tapinhas e de olhos abertos. Estão se perguntando
a respeito da ordem final de Jesus: “[Vocês] serão minhas testemunhas (...) até
os confins da terra” (Atos 1:8).
Vocês, caipiras, serão minhas testemunhas. Vocês, povo simples e sem
educação, serão minhas testemunhas. Vocês, que já me chamaram de louco,
que duvidaram de mim no cenáculo. Vocês serão minhas testemunhas.
Ele está falando com os discípulos. Mas também está falando conosco.

MAIS UMA COISA

Existe um motivo por trás da escolha de Jesus pelos 12 discípulos. Eles


não eram os caras descolados e cheios de cultura. Se você acha que
precisa de treinamento especial para espalhar a Boa--nova de Deus,
pense de novo. Ele quer que você use o que tem para falar dele. Você já
está pronto.
28 DE JUNHO
“Vigiem e orem para que não caiam em tentação.”
[Marcos 14:38]


Sem veneno
José tinha 27 anos quando colidiu com um banco de areia da tentação sexual.
Quando os irmãos o venderam como escravo logo pensaram que o tinham
condenado a uma vida de trabalho árduo e de uma morte precoce. Em vez
disso, um egípcio chamado Potifar encarregou José de tomar conta da casa dele.
As pessoas começaram a reparar em José, inclusive a Sra. Potifar. Não demorou
para ela dar o primeiro passo: “Venha, deite-se comigo!” (Gênesis 39:7).
Longe de casa, rejeitado pela família, estressado com o trabalho. José bem
poderia ter justificado a escolha pelo alívio. O mesmo acontece com você.
Você foi rejeitado e machucado, e queimado. Os amigos são raros e as
soluções ainda mais raras. Um garoto ou uma garota manda uma mensagem
de texto para você: “Me encontre hoje à noite.” Ou pode ser um amigo
rolando uma garrafa na sua direção. Talvez um colega de escola oferecendo
drogas. As desculpas começam a brotar como erva daninha depois de uma
chuva de verão. “Ninguém ia ficar sabendo. Não vou ser pego. Eu não vou
machucar ninguém.” Mas isso não é verdade. Vai machucar as pessoas que se
importam com você. Isso sem mencionar Deus, sem mencionar você mesmo.
José recusou a Sra. Potifar. Ele não queria nada do veneno dela. Coloque-
se no lugar de José e faça o mesmo.

MAIS UMA COISA

As tentações se oferecem em nossas vidas sob muitos disfarces. Alguns


são óbvios. Outros são sorrateiros. Quando vir uma dessas tentações
sibilando para você, faça o que Jesus fez e repita os versículos da Bíblia.
Ou, então, siga o conselho de Provérbios 3:7: “Tema ao SENHOR e evite o
mal.” A tentação não fará nada se não conseguir alcançar você.
29 DE JUNHO
“Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo.”
[Lucas 23:34]


Nosso Cristo compassivo
Já revidar contra a multidão que o matou? Já se perguntou como foi que ele
parou para se perguntar como é que Jesus conseguiu se segurar e não

manteve o controle? Aqui está a resposta. Trata-se disto: “[eles] não sabem o
que estão fazendo.” Preste bastante atenção. É como se Jesus considerasse a
multidão sedenta de sangue e faminta de morte não como um bando de
assassinos, mas como vítimas. É como se ele visse em cada rosto não ódio, mas
confusão. É como se ele os considerasse não uma multidão com um propósito,
mas “ovelhas sem pastor” (Marcos 6:34).
“[Eles] não sabem o que estão fazendo.” Quando paro para pensar, eles
não sabiam mesmo. Apenas estavam bravos com algo que não conseguiam ver
e descontaram — dentre todas as pessoas — em Deus.
Talvez conheça alguém assim. Alguém que queira machucar você, cheio
de raiva e de ódio. Talvez consiga ver essa pessoa como Jesus viu. Alguém
perdido, uma ovelha sem pastor. Alguém que não sabe o que está fazendo.
Alguém amado por Deus.

MAIS UMA COISA

Quando alguém insulta, grita ou mesmo tenta bater em você, é muito


difícil não revidar. O truque é enxergar o que está além do ataque. É o
medo? A falta de fé? A simples ignorância? Qualquer que seja o caso,
Jesus ama essa pessoa do mesmo jeito que ama você.
30 DE JUNHO
Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos
pecados.
[1João 1:8-9]


Confissão plena e honesta
Confessar. Admitir. Ficar limpo. Dizer a verdade. Tudo isso significa a
mesma coisa — mas, o quê, exatamente?
Confessar não significa contar para Deus aquilo que ele não sabe. Isso é
impossível. Confessar não significa reclamar. Se eu repito meus problemas e
minhas dores, estou lamentando. Confessar não é arranjar culpados. Apontar
o dedo para os outros sem apontar para mim mesmo é bom, mas não resulta
em cura.
A confissão é bem mais que isso. A confissão é a confiança radical na
graça. Uma declaração de confiança na bondade de Deus. Quando a
compreensão do que é a graça é pequena, também será pequena a confissão:
relutante, hesitante, incompleta, enterrada sob desculpas e qualificações. Você
sabe bem. “Ei, mana, desculpa ter lido seu diário, mas você não devia ter
deixado aberto em cima da sua cama.”
A graça abundante e viva, por outro lado, cria uma confissão plena e
honesta. Como aquela do filho que pegou a herança do pai, saiu de casa,
gastou tudo e voltou arrependido, dizendo: “Pai, pequei contra o céu e contra
ti. Não sou mais digno de ser chamado teu filho” (Lucas 15:21).

MAIS UMA COISA

Você estragou tudo — todos nós já fizemos isso. Agora não é hora de
esconder nada! Leve seu problema para Deus. Confesse todos os
detalhes, não porque ele já não saiba deles, mas porque você precisa tirá-
los de dentro de você. Sim, é difícil, mas confie nele. O perdão dele
transforma vidas e está ao nosso alcance.


JULHO

“Deixo-lhes a paz; a minha paz


lhes dou. Não a dou como o
mundo a dá. Não se perturbem
os seus corações, nem tenham
medo.”

[ João 14:27 ]
1º DE JULHO
O homem planeja o seu caminho, mas o SENHOR determina os seus passos.
[Provérbios 16:9]


Quem manda aqui?
Você consegue imaginar o que teria acontecido se seus pais tivessem
atendido cada um dos seus pedidos quando você tinha seis anos? Seu
quarto teria transbordado de brinquedos. Sua barriga estaria estourando de
tanto sorvete.
Você consegue imaginar o caos que seria se Deus atendesse cada um dos
nossos desejos hoje?
“Porque Deus não nos destinou para a ira, mas para recebermos a
salvação por meio de nosso Senhor Jesus Cristo” (1Tessalonicenses 5:9).
Repare no plano de Deus para sua vida: salvação.
O principal desejo de Deus é que você alcance esse destino. O itinerário
divino inclui paradas para incentivá-lo nesse caminhar. Deus torce o nariz
para as paradas que atrasam você. Quando o supremo plano divino e o seu
planejamento terreno se chocam, uma decisão precisa ser tomada. Quem está
no comando desse caminhar?
Se Deus tiver de escolher entre a satisfação terrena e a salvação celestial,
que escolha você espera que ele faça?
Eu também.

MAIS UMA COISA

Quando foi a última vez que você quis muito alguma coisa que não
aconteceu — ontem, talvez? Como encarou o desafio? Talvez ajude
lembrar que Deus tem um plano para nós que nem sempre conseguimos
enxergar. Ele está no comando — e isso é bom.
2 DE JULHO
Alegrem-se à medida que participam dos sofrimentos de Cristo, para que também,
quando a sua glória for revelada, vocês exultem com grande alegria.
[1Pedro 4:13]

Sofrendo com um propósito


Émuito difícil ver as pessoas que amamos sofrer. Talvez seu melhor amigo
esteja quase ficando louco porque os pais dele estão se divorciando. Talvez
a mãe de outro amigo esteja lutando contra o câncer. O que dizer para essas
pessoas?
Diga para elas que Deus usa essas lutas para a glória divina. Os últimos
três anos da vida do meu pai foram marcados pela ELA (esclerose lateral
amiotrófica). Um mecânico saudável se transformou em um paralítico preso a
uma cama. Ele perdeu a voz e os músculos, mas jamais perdeu a fé. Todas as
visitas notavam. Não tanto pelo que ele dizia, mas pelo que ele não dizia. Sem
jamais demonstrar raiva ou amargura, Jack Lucado sofreu com dignidade.
A fé dele levou outro homem a descobrir a fé. Depois do funeral do meu
pai, um homem me procurou para conversar. Por causa do exemplo de meu
pai, ele também se fez seguidor de Jesus.
Será que Deus permitiu que meu pai adoecesse por esse motivo? Sabendo
do valor que Deus dá a cada alma, eu não me surpreenderia. Também
sabendo da maravilha que é o céu, sei que meu pai não está reclamando.

MAIS UMA COISA

Nem sempre enxergamos ou entendemos, mas Deus tem o poder de


fazer o bem a partir das nossas lutas e de nossas feridas. Também não
conseguimos enxergar hoje como ele abençoa no céu aqueles que
sofreram e permaneceram fiéis na terra. Confie que a recompensa é
muito superior ao sofrimento.
3 DE JULHO
“Você foi fiel no pouco; eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu
senhor!”
[Mateus 25:21]

Pequenas coisas
Você se lembra de José e a Sra. Potifar? Quando José recusou os avanços
dela, a esposa de seu mestre inventou uma história que o fez parar na
prisão. O carcereiro encarregou José de tomar conta dos outros prisioneiros.
Ele bem poderia ter sentado em um canto e resmungado: “Acho que aprendi
minha lição. Nunca mais vou administrar nada para ninguém.” Mas ele não
reclamou, não criticou. Ele tinha um espírito voluntarioso para com os outros
prisioneiros. Até interpretou os sonhos deles. Coisas verdadeiramente
pequenas. Mas Deus reparou.
Deus também está vendo como você lida com as coisas pequenas. Se você
for fiel em alguns poucos problemas, ele lhe dará muito (Mateus 25:21). Deus
permitiu que José ascendesse a uma posição privilegiada, onde a sabedoria
dele salvou milhares de vidas. A recompensa do bom trabalho é um trabalho
ainda maior.
Você aspira a fazer coisas grandes? Então faça o melhor que puder nas
pequenas coisas. Apareça no horário marcado. Termine o trabalho antes do
prazo. Não reclame. Deixe que os outros fiquem resmungando no canto da
cela. Não você, que sabe como Deus molda seus servos. Os prisioneiros de
hoje podem se tornar os primeiros-ministros de amanhã. Quando você
receber uma tarefa, cumpra-a.

MAIS UMA COISA

Grandes artistas e compositores são lembrados por suas obras tocantes e


impressionantes. Michelangelo e a abóbada da Capela Sistina.
Beethoven e sua Quinta Sinfonia. Mas cada uma dessas obras-primas foi
criada através da excelência de uma pincelada, de uma nota. A grandeza
está nas pequenas coisas.
4 DE JULHO
“Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei
descanso.”
[Mateus 11:28]


Dependa de Jesus
Com frequência celebramos nossa independência como indivíduos e como
nação, mas, na nossa fé, a independência é sinônimo de nenhuma fé.
Seguir Jesus significa depender dele.
Enquanto conseguir carregar seu fardo sozinho, não precisará de alguém
para carregá-lo por você. Enquanto sua situação não trouxer dor, você não
receberá conforto. E enquanto pode escolher entre segui-lo ou não, é melhor
deixá-lo quieto, porque ele não aceitará nada pela metade. Quando Jesus é
uma dentre várias opções, então ele não é uma opção de verdade.
Quando você estiver cheio de tristeza e de dor por causa de seus erros,
quando admitir que não tem outra escolha além de levar todos os seus
problemas para ele, e quando não houver nenhum outro nome para chamar,
vá em frente. Conte todos os seus problemas. Entregue todos os seus
problemas para ele. Ele está esperando em meio à tempestade com as
respostas de que você precisa. Você pode — e deve — depender dele.

MAIS UMA COISA

O Dia da Independência é feriado nacional. Porém, para mim e você,


todo dia é “Dia da Dependência” em Jesus. É dele que precisamos
quando tudo ao nosso redor está se desfazendo. Ele tem o hoje e o
amanhã nas mãos. Ele é nossa única opção.
5 DE JULHO
Não se deixem vencer pelo mal, mas vençam o mal com o bem.
[Romanos 12:21]


Matemática de Deus
Ocapitão Sam Brown servia no Afeganistão quando um explosivo improvisado
transformou o jipe dele em um coquetel Molotov. Antes de desmaiar, Sam
lembra de dar uma breve olhada para o espelho e de ver o rosto chamuscado. Ele
não conseguiu se reconhecer.
Quando conheci Sam em 2011, ele já havia passado por dezenas de
cirurgias dolorosas. A escala de dor não tinha um número alto o suficiente
para registrar a agonia que ele sentiu. Porém, em meio a todo o horror, surgiu
a beleza. Sam tomou coragem e marcou um encontro com sua nutricionista,
Amy Larsen. Os dois continuaram a se ver. Sam falou sobre a misericórdia de
Deus e fez Amy chegar até Cristo. Não demorou muito e os dois já estavam
casando. Neste momento, enquanto escrevo estas palavras, Sam e Amy
cuidam do filho de sete meses. Hoje Sam dirige um programa voltado para
ajudar soldados feridos em combate.
Às vezes, o estresse emocional desse acidente cobra o preço no
casamento dos dois. Mesmo assim, Sam e Amy acreditam em uma só coisa: a
matemática de Deus funciona de forma diferente da nossa. Guerra + quase
morte + recuperação agonizante = família maravilhosa e esperança de um
futuro brilhante. Nas mãos de Deus, o mal intencional se torna o bem final.

MAIS UMA COISA

Todos nós passamos por experiências que se parecem com a de Sam


Brown — a calma interrompida por uma explosão, deixando várias
cicatrizes, sem que possamos nos reconhecer. Quem é que consegue
enxergar um futuro brilhante nesses momentos? Deus consegue.
Desespero + Deus = possibilidades indescritíveis.
6 DE JULHO
[Deus] se regozijará em você, com o seu amor a renovará, ele se regozijará em você
com brados de alegria.
[Sofonias 3:17]


Amor sem limites
Há várias centenas de metros abaixo da minha cadeira existe um lago, uma
caverna subterrânea com água cristalina conhecida como aquífero
Edwards. No sul do Texas, conhecemos muitas coisas sobre esse aquífero.
Conhecemos o comprimento dele (281 quilômetros). Conhecemos a sua
forma. Sabemos que a água é pura. Fresca. Ela irriga fazendas, molha a grama,
enche piscinas e mata a sede.
Mas apesar de todos os dados que conhecemos, há um essencial que
ignoramos. Não sabemos o tamanho do aquífero. A profundidade da caverna?
Um mistério. A quantidade de litros? Imensurável.
“Apenas estimamos”, disse um especialista em recursos hídricos.
“Tentamos medir. Mas a quantidade exata? Ninguém sabe.”
Talvez isso lembre você de uma outra piscina? Não uma piscina de água,
mas uma de amor. O amor de Deus. Fresco como um aquífero. Puro como
neve de abril. Um gole satisfaz a garganta seca e amacia o coração endurecido.
Mergulhe uma vida no amor de Deus e veja como ela emerge purificada e
transformada. Nós conhecemos os efeitos do amor de Deus.
Mas o volume que ele tem? Ninguém jamais conseguiu medir.

MAIS UMA COISA

O amor de Deus não tem limite. Você acha que gosta do seu cachorro?
Deus ama você mais ainda. Acha que ama salsicha e pizza? O amor de
Deus é maior. Acha que ama seus amigos, seus pais, seus irmãos e
irmãs? Deus ama você ainda mais que isso. Apenas encare — não é
possível amar mais que Deus.
7 DE JULHO
Aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança.
[Hebreus 4:16]


Venha o teu Reino
Jesus nos diz: “Vocês, orem assim: ‘Pai nosso, que estás nos céus! Santificado
seja o teu nome. Venha o teu Reino’” (Mateus 6:9-10).
Quando você diz: “Venha o teu Reino”, você está convidando o Messias a
entrar no seu mundo. “Venha, meu Rei! Assuma seu lugar como nosso chefe.
Esteja no meu coração. Esteja na minha sala de aula. Venha à minha família.
Seja o Senhor das minhas amizades, dos meus medos e das minhas dúvidas.”
Não se trata de um pedido qualquer; trata-se de um apelo corajoso para que
Deus ocupe cada canto da sua vida. Equivale a dizer que você compreende que
treinadores, professores, diretores e presidentes não têm a autoridade final.
Apenas ele a tem.
E quem é você para fazer esse pedido? Quem é você para pedir que Deus
controle o seu mundo? Você é filho dele, em nome dos céus! E por isso pode
fazer esse corajoso pedido.

MAIS UMA COISA

Você já se perguntou se deveria falar com Deus? Leia Mateus 6:5-14.


Essa passagem contém instruções específicas de como se deve orar.
Quando falar com ele, convide-o para tomar conta da sua vida como o
seu Rei. Seja firme em seu pedido. Afinal, é o Rei que o está ordenando.
8 DE JULHO
Não diga ao seu próximo: “Volte amanhã, e eu lhe darei algo”, se pode ajudá-lo hoje.
[Provérbios 3:28]


Agora, não depois.
A o chegar às praias de Betsaida, Jesus deixa o mar da Galileia para encontrar
um mar de gente (Marcos 6:34). Vale lembrar que ele tinha cruzado aquele
mar para se afastar das multidões. Ele desejava descansar com seus seguidores.
Ele precisava de qualquer coisa, menos outra multidão com milhares de
pessoas para ensinar e curar. Mas o amor por seu povo superou a necessidade
do descanso.
Nós costumamos procrastinar muito, deixando de lado a lição de casa ou
as tarefas domésticas. Mas também postergamos a ajuda ao próximo. No
entanto, a Bíblia diz: “Quanto lhe for possível, não deixe de fazer o bem a
quem dele precisa” (Provérbios 3:27). Você acompanhou aquela garota ao lado
de quem você orou na semana passada? Já visitou seu avô, como prometeu no
mês passado?
Consegue imaginar Jesus dizendo para a multidão: “Voltem amanhã, que
é quando vou curar vocês”? Ele enxergava a necessidade e a atendia no mesmo
instante. É algo inteligente que eu e você também podemos fazer.

MAIS UMA COISA

Quando postergamos qualquer coisa acabamos criando estresse e feridas


não só para nós mesmos, mas também para quem nos cerca. Isso vale
para tarefas e compromissos. Mas também vale para os
relacionamentos. Quando o Espírito Santo compele você a incentivar ou
ajudar alguém, não espere. Lide com a situação no momento, como
Jesus fez.
9 DE JULHO
“Depois de ressuscitar, irei adiante de vocês para a Galileia.”
[Mateus 26:32]


A única explicação
Você se lembra do medo que os seguidores de Cristo sentiram quando ele foi
preso? Eles correram. Assustados como um gato que cai em um canil.
Mas avance quarenta dias no tempo. Traidores falidos se tornaram uma
força capaz de mudar vidas. Pedro está pregando no exato lugar onde Cristo
foi preso. Os seguidores de Cristo desafiam os inimigos dele. Use o chicote, e
eles continuarão louvando. Prenda-os e eles começarão um ministério dentro
da prisão. A coragem depois da ressurreição é tão grande quanto a covardia
anterior a ela.
Deve haver uma explicação para isso. Ganância? Mas eles não ganhavam
dinheiro. Poder? Eles davam todo o crédito a Cristo. Popularidade? A maioria
acabava morta por causa desse crença.
Resta apenas uma única explicação — um Cristo ressuscitado e seu
Espírito Santo. A coragem desses homens e dessas mulheres foi forjada no
fogo da tumba vazia. Você também pode desfrutar dessa coragem. Quer esteja
apresentando um trabalho oral sobre a Romênia quer contando sobre Cristo
para o mundo, a força dele estará sempre em você.

MAIS UMA COISA

Ninguém consegue fazer uma volta triunfal como a de Cristo. Velhas


lendas do rock e alguns atletas às vezes surpreendem com uma
performance que parecia ter ficado para trás, mas voltar dos mortos é
algo reservado apenas para Jesus. Da próxima vez em que você estiver
precisando de coragem para voltar, lembre-se do que fez Cristo. O poder
dele está em você.
10 DE JULHO
“Dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano.”
[Lucas 11:3]

Dê uma chance ao hoje


U m amigo me convidou para fazer uma trilha de bicicleta no meio das
montanhas. Poucos minutos depois de começar a pedalada, eu já estava
me cansando. Depois de meia hora, minhas coxas ardiam e meus pulmões
arfavam como os de uma baleia encalhada na praia. Eu mal conseguia
empurrar os pedais. Eu não sou um ciclista competidor da maratona Tour de
France [Volta da França], mas também não sou alguém que começou a
pedalar recentemente, apesar de me sentir como se fosse. Depois de 45
minutos tive de descer da bicicleta para recuperar o fôlego. Então meu amigo
descobriu o problema. Os dois freios traseiros estavam travando a roda de
trás! Os freios lutavam contra cada uma das pedaladas.
E não é que nós fazemos o mesmo? A culpa aperta de um lado. O medo
arrasta a roda do outro. Não é à toa que nos cansamos tanto. Acabamos
sabotando nossos dias, encomendando-os para o desastre, carregando na
bagagem os problemas de ontem, fazendo o download dos problemas de
amanhã. Arrependimento pelo passado, preocupações com o futuro. Não
estamos dando chance ao hoje.
O que fazer? Eis a minha proposta: consulte Jesus. Confie seu dia à
responsabilidade dele. “Dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano” (Lucas 11:3).
Deixe o ontem para trás. Deixe que o amanhã espere. Dê uma chance ao hoje.

MAIS UMA COISA

Às vezes você sente como se o mundo e os problemas mundanos


estivessem esmagando sua vida. Não aceite esse fardo — ele é pesado
demais! Peça que Deus lhe dê aquilo de que você precisa para hoje.
Deixe que ele se preocupe com o resto. Quando fizer isso, você vai
desfrutar muito mais do seu caminhar.
11 DE JULHO
“O que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o fizeram.”
[Mateus 25:40]


Ver Deus
Quando Francisco de Assis deu as costas para a riqueza para buscar Deus na
simplicidade, ele tirou suas roupas caras e saiu da cidade. Logo encontrou
um leproso à beira da estrada. Francisco passou por ele, depois parou, voltou e
abraçou o homem enfermo. Francisco então seguiu seu caminho. Depois de
alguns passos ele tornou a virar na direção do leproso, mas já não havia
ninguém ali.
Pelo resto de sua vida, Francisco acreditou que aquele leproso era Jesus
Cristo. Talvez ele estivesse certo.
Jesus habita nos esquecidos. Fez sua morada nos ignorados. Construiu
uma mansão em meio aos enfermos. Você conhece alguém que seja
esquecido, ignorado ou enfermo? Talvez um vizinho mais idoso? Um
adolescente que parece não ter amigos? Um amigo cuja mãe está lutando
contra o câncer? Se você quer ver Deus, precisa procurar em meio aos
quebrantados e abatidos, e lá você o encontrará.

MAIS UMA COISA

Leia as palavras de Jesus em Mateus 25:31-46. Parece que Cristo está em


todo o nosso redor. Se ele está dizendo que aquele estranho sem casa à
beira da estrada é Jesus, o que é que devemos fazer da próxima vez que o
encontrarmos?
12 DE JULHO
Cristo foi oferecido em sacrifício uma única vez, para tirar os pecados de muitos.
[Hebreus 9:28]


Precisamos de um Salvador
Você não pode me perdoar por meus pecados, como eu também não posso
perdoá-lo pelos seus. Duas crianças em uma poça de lama não podem
limpar uma à outra. Elas precisam de alguém limpo. Alguém sem sujeira
alguma.
Nós também precisamos de alguém limpo. É por isso que precisamos de
um salvador.
Tentar chegar ao céu pela própria bondade é como tentar chegar à lua
por meio de um raio de luar; é uma ideia legal, mas tente fazer isso para ver o
que acontece.
Preste atenção. Pare de tentar resolver a sua própria culpa. Você não vai
conseguir. Não tem jeito. Não vai conseguir isso com drogas, com drama, com
boas notas ou com uma frequência irretocável na igreja. Desculpe. Não me
importa quão mau você seja. Não há como ser mau o bastante para esquecer
esse caminho. E não importa o quão bom seja também. Você jamais será bom
o suficiente para abrir mão desse caminho.
Você precisa daquele que veio para a terra exatamente atrás de você.
Precisa daquele que limpa todos os erros com um banho santo. Precisa de um
Salvador.

MAIS UMA COISA

Será que você consegue marcar um gol toda vez que vai ao ataque e
chuta? Pois ninguém consegue. Jamais conseguiremos ser bons o
bastante para merecer o perdão. Então, pare de tentar. Deus já mandou
uma solução. Deus enviou um Salvador.
13 DE JULHO
Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele
nos amou e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados.
[1João 4:10]

O sonho de Deus
Quais foram os feitos que você já tentou realizar? Já tentou quebrar o
recorde da pista de corrida da escola? Já tentou ganhar o campeonato de
soletrar? Já tentou organizar uma distribuição de comida envolvendo várias
escolas? Já tentou dançar por 24 horas seguidas?
Quando se trata do nosso relacionamento com Deus, sempre tentamos
chegar até a lua, mas mal conseguimos sair do chão. Tentamos cruzar o
Atlântico a nado, mas mal saímos da praia. Tentamos escalar o monte Everest
da salvação, mas ainda nem saímos do acampamento-base, que dirá começar a
subir a montanha. Essa tarefa é simplesmente grande demais. Não precisamos
de mais equipamentos, músculos ou de mais técnica; precisamos é de um
helicóptero.
Você consegue ouvir esse helicóptero planando?
“Mas agora se manifestou uma justiça que provém de Deus” (Romanos
3:21). Precisamos entender essa verdade. O sonho mais elevado de Deus não é
nos fazer ricos, nem bem-sucedidos, populares ou famosos. O sonho de Deus
é que façamos o que é certo para com ele.

MAIS UMA COISA

Todos nós sonhamos com grandes triunfos, vez ou outra. Atos que nos
deixarão famosos, que nos transformarão em lendas — pelo menos no
nosso bairro! No entanto, Deus tem sonhos diferentes. Ele quer que você
e eu, os filhos dele, cheguemos mais perto dele para toda a eternidade.
14 DE JULHO
Revistam-se do Senhor Jesus Cristo.
[Romanos 13:14]


Vista-se do caráter de Cristo
Roupas costumam simbolizar o caráter. A Bíblia geralmente descreve o
comportamento humano sob a forma das roupas usadas. Pedro nos
suplica: “Revesti-vos de humildade” (1Pedro 5:5, ACF). Davi fala da pessoa
ruim que “vestia a maldição como uma roupa” (Salmos 109:18).
Que caráter você está usando? Quem é você quando ninguém está
olhado? Você muda o guarda-roupas do seu caráter para se encaixar no grupo
em que está, ou é a mesma pessoa em toda e qualquer situação? As pessoas de
caráter bom e santo são verdadeiras, fiéis, confiáveis, generosas, dispostas e
respeitosas, sem importar onde ou com quem estejam.
Com que isso se parece? Com a vida de Jesus. O caráter de Cristo nunca
mudou, nem quando ele encarou a morte. Sabemos que ele usava uma túnica
“sem costura, tecida numa única peça, de alto a baixo” (João 19:23). Essa
túnica descrevia o caráter dele. Sem costuras. Coordenada. Única. Ele era
como a roupa que vestia: perfeição ininterrupta. O modelo perfeito para nós.

MAIS UMA COISA

Você está vestindo o caráter de Cristo? Se não, vista a Palavra de Deus


toda manhã. Quando buscar a Bíblia virar uma rotina como vestir uma
roupa, você logo verá seu caráter se assemelhar ao do modelo de Jesus.
15 DE JULHO
Honra teu pai e tua mãe [...] para que tudo te corra bem.
[Efésios 6:2-3]


Honre seus pais
P ais. Eles controlaram sua vida por tanto tempo. E ainda controlam. Mas
agora você está mais velho, mais sábio, mais maduro. Você precisa que eles
deem algum espaço. Quer honrá-los, mas eles o deixam maluco!
Eu sou pai e sou filho, de modo que entendo os dois lados da moeda.
Enquanto filho, eu também queria uma liberdade maior e a chance de tomar
minhas próprias decisões. Como pai, entendo o medo de que um filho tome
uma decisão errada e o anseio por proteger a prole do velho mundo. Então, o
que fazer?
A Bíblia diz: “Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor, pois isso é justo”
(Efésios 6:1). Contanto que seus pais não estejam pedindo que vá contra o que
Deus deseja, você deve obedecer. É difícil aceitar, mas é a verdade.
Não significa que você não pode conversar com eles sobre suas
frustrações e suas preocupações. Eles também já foram adolescentes. Depois
de algumas cutucadas gentis, talvez eles lembrem disso — e lhe deem um
pouco mais de espaço.

MAIS UMA COISA

Obedecer os pais nem sempre é fácil quando não concordamos com as


decisões deles. Eu entendo. Mas eis uma outra maneira de enxergar isso:
Deus deu a você sua mãe. Ele também lhe deu seu pai. Quando você
obedece e agrada a eles, está fazendo a vontade divina. Você está
obedecendo e agradando a Deus.
16 DE JULHO
Assim como o pecado reinou na morte, também a graça reine pela justiça.
[Romanos 5:21]


Superando a culpa com a graça
Satã nunca se cala. O apóstolo João o chamou de acusador: “Foi lançado fora
o acusador dos nossos irmãos, que os acusa diante do nosso Deus, dia e
noite” (Apocalipse 12:10). Ele faz as pessoas distribuírem seu veneno. Amigos
desenterram seu passado: “Lembra daquela vez em que você colou na prova?”
Pregadores proclamam a culpa, mas não a graça: “Você não atende aos
padrões de Deus.” Seus pais são donos de uma agência de viagens
especializada em viagens pelo mundo da culpa: “Por que você não cresce?”;
“Você morreria se desse um pouquinho mais de si?”; “Você podia ser tão
bonita. Quando é que vai perder um pouco desse peso?”
Jesus supera a culpa do demônio com a graça. Você é aquilo que seu
Criador diz que você é: Espiritualmente vivo. Conectado a Deus. Desperto
para o seu potencial. Um filho honrado.
Lembre-se, quando Deus olha para você, ele enxerga Jesus primeiro.
Tudo se resume a uma escolha: você confia no seu Advogado ou no seu
acusador?

MAIS UMA COISA

Palavras, palavras, palavras... Somos bombardeados por elas todos os


dias. Mensagens de texto dos amigos. Lições dos professores. Anúncios
na internet. Letras de músicas no iPod. Você já se sentiu massacrado?
Tente sintonizar em uma só voz, aquela que mais importa. E essa é a voz
que sussurra a graça.
17 DE JULHO
É Deus quem me reveste de força e torna perfeito o meu caminho.
[2Samuel 22:33]


“Sim, você pode”
Há dois tipos de pensamentos que competem o tempo todo para receber sua
atenção. O primeiro diz: “Sim, você pode.” O segundo diz: “Não, você não
pode.” Um diz: “Deus vai te ajudar.” O outro mente: “Deus abandonou você.”
Um proclama o poder de Deus; o outro faz uma lista dos seus fracassos. Um
tenta melhorar você; o outro tenta acabar com você.
Mas eis a boa notícia: você pode escolher a voz que quer ouvir. Por que
dar ouvidos à zombaria? Por que ouvir essas vozes? Por que dar ouvidos aos
que têm cérebro de minhoca, aos importunos, quando pode, com esse mesmo
ouvido, escutar a voz de Deus?
Uma jovem combate a ansiedade memorizando longos trechos da
Escritura. Um garoto desconecta o computador da internet depois de conferir
seus e-mails para não ser tentado pela pornografia. Uma aluna se cansa das
amigas negativas e fofoqueiras e passa a almoçar com colegas que mal
conhecia.
Faça ouvidos moucos para vozes antigas. Abra os olhos para novas
escolhas.

MAIS UMA COISA

A decisão sempre cabe a nós. Deus não nos força a acreditar nele, nem
nos força a ouvir o que ele diz. Nós sempre temos a escolha de buscar a
ele ou de ouvir as vozes provocativas que nos cercam. Eu escolhi a voz
dele. O que ele está dizendo para você agora?
18 DE JULHO
A recompensa da humildade e do temor do SENHOR são a riqueza, a honra e a vida.
[Provérbios 22:4]


Pense menos em si mesmo
Deus odeia a arrogância. Ele odeia ver seus filhos caírem. Deus odeia quando
o orgulho faz isso com seus filhos. Ele não só não gosta da arrogância. Ele a
odeia. Será que poderia ter sido mais claro que em Provérbios 8:13: “Odeio o
orgulho e a arrogância”? E alguns capítulos depois: “O SENHOR detesta os
orgulhosos de coração. Sem dúvida serão punidos” (Provérbios 16:5).
Você não quer que Deus faça isso. É muito mais sábio descer a montanha
andando do que despencar dela.
Busque a humildade. A humildade não significa considerar menos a si
mesmo, mas pensar menos em si. “Ninguém tenha de si mesmo um conceito
mais elevado do que deve ter; mas, pelo contrário, tenha um conceito
equilibrado, de acordo com a medida da fé que Deus lhe concedeu” (Romanos
12:3).
Evite o lugar de celebridade. “Ocupe o lugar menos importante, de forma
que, quando vier aquele que o convidou, diga-lhe: ‘Amigo, passe para um
lugar mais importante.’ Então você será honrado na presença de todos os
convidados” (Lucas 14:10).
E você, prefere ser convidado ou ignorado?

MAIS UMA COISA

Humildade. Pense menos em si. Quando for abençoado com uma pilha
de presentes de aniversário, lembre-se daqueles que não têm isso.
Quando conseguir uma vaga no time, console aqueles que tentaram e
não conseguiram. Deus odeia o orgulhoso, mas ama o humilde.
19 DE JULHO
“Ninguém pode ver o Reino de Deus, se não nascer de novo.”
[João 3:3]


Novo nascimento
Com um gesto, Jesus chama seus convidados para se sentar. Nicodemos
senta e começa a conversa mais famosa da Bíblia: “Mestre, sabemos que
ensinas da parte de Deus, pois ninguém pode realizar os sinais miraculosos
que estás fazendo, se Deus não estiver com ele” (João 3:2).
Nicodemos começa a conversa com o que ele “sabe”. “Eu fiz o dever de
casa”, ele deixa implícito. “Sua obra me impressiona.” Nicodemos espera uma
conversa fiada agradável. Mas ela não vem. Jesus não faz menção alguma ao
status VIP de Nicodemos, nem às suas boas intenções, nem às suas
credenciais acadêmicas. Para Jesus, elas não importam. Ele simplesmente
proclama: “Ninguém pode ver o Reino de Deus, se não nascer de novo” (João
3:3).
Eis o Grand Canyon das Escrituras. Nicodemos de um lado, Jesus do
outro, e o Cristo não faz menção alguma às diferenças entre eles. Nicodemos
habita a terra dos bons esforços e do trabalho duro. Dê a Deus o seu melhor, diz
a filosofia dele, e Deus fará o resto.
Qual é a resposta de Jesus? Que o seu melhor não basta. Que sua obra
não adianta de nada. Que mesmo os maiores esforços não significam nada. A
menos que você decida viver para Cristo, você não irá nem entender o plano
de Deus.

MAIS UMA COISA

Acompanhar Jesus não consiste em se esforçar ou em acumular créditos.


Tudo se resume a um novo nascimento — a confessar os pecados e a
escolher acreditar e seguir Jesus. Nós tentamos complicar tudo, mas é
muito simples. Nascimento novo. Vida nova.
20 DE JULHO
Todas as coisas são possíveis para Deus.
[Marcos 10:27]


Deus em uma caixa?
Quando pensar em Deus, não tente reduzi-lo à sua imaginação limitada.
Não o coloque em uma caixa. Ele é muito maior do que isso.
Nossas perguntas demonstram o quão parcamente o compreendemos:
Como é que Deus pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo? (Quem
disse que Deus está preso em um corpo?) Como é que Deus consegue ouvir
todas as orações que chegam a ele? (Talvez os ouvidos dele sejam diferentes
dos nossos.) Como é que Deus pode ser o Pai, o Filho e o Espírito Santo? (Será
que é porque o céu tem uma física diferente daquela da terra?) Se as pessoas
daqui não me perdoam, quão mais culpado não serei diante de um Deus
santo? (Ah, é o contrário. Deus sempre dá a graça quando nós, humanos, não
conseguimos — pois foi ele quem a inventou.)
Quando começar a pensar: “Deus não faria... Deus não vai conseguir...
Deus não pode...”, pare e pense de novo. Ele é maior, mais forte, mais
poderoso e mais amoroso do que você jamais poderá imaginar. Tente colocá-
lo na maior caixa que você consegue imaginar. Ele jamais vai caber dentro
dela.

MAIS UMA COISA

Estamos acostumados a medir nosso mundo com números. Sete aulas


por dia. Cento e setenta e cinco centímetros de altura. Duas mil músicas
no iPod. Mas será que conseguimos contar os grãos de areia da praia? As
estrelas no céu? Os planetas do universo? Não. Conseguimos medir
Deus? Também não. Ele jamais será reduzido a um número.
21 DE JULHO
“Todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos
outros.”
[João 13:35]


Pegadas
Veja aquele menininho seguindo seu pai em meio à neve. Ele estica a perna
tanto quanto pode para que seus pés acertem as pegadas do pai. O pai,
vendo o que o filho está fazendo, sorri e começa a dar passos menores para o
filho conseguir acompanhar.
Essa é uma imagem do discipulado. Em nossa fé, nós seguimos as
pegadas de alguém. De um pai, de um professor, de um herói — nenhum de
nós é o primeiro a percorrer aquele caminho. Todos nós temos alguém a
quem seguir.
Em nossa fé, deixamos pegadas para os outros seguirem. Uma irmã mais
nova, um amigo, um cristão recém-convertido. Eles olham para nós. Eles
veem que temos algo que eles desejam e de que precisam. Fazemos todo o
possível para ajudar tais pessoas a nos acompanhar. Não se deve deixar
alguém caminhar sozinho.

MAIS UMA COISA

Você terá muitas chances na vida para ter um discípulo — para mostrar
o caminho até Jesus. Tente aproveitar todas essas chances. Nenhum
esforço é mais importante que esse. Quem é que está vendo você hoje,
pronto para seguir suas pegadas?
22 DE JULHO
Para Deus todas as coisas são possíveis.
[Mateus 19:26]


Deus consegue
Anatureza é a oficina de Deus. O céu é o currículo dele. O universo, seu
cartão de visitas. Você quer saber quem é Deus? Então veja o que ele já fez.
Quer conhecer o poder dele? Olhe para a criação. Está curioso para conhecer
a força que ele tem? Faça uma visita à casa dele: avenida Céu, um bilhão de
estrelas.
Nossa atmosfera de pecados não é capaz de alcançá-lo. A linha do tempo
da história não tem o poder de contê-lo. O cansaço dos nossos corpos não
tem efeito sobre ele.
O que controla você não o controla. O que perturba você não o perturba.
O que cansa você não o cansa. A águia se incomoda com um
congestionamento? Não, pois ela está acima disso. A baleia se incomoda com
o furacão? Claro que não, pois ela fica abaixo dele. O leão se incomoda com o
rato que está em seu caminho? Não, ele simplesmente passa por cima. Quão
mais não consegue Deus, que voa sobre, mergulha abaixo e passa por cima dos
problemas da terra!
Você acha que ele consegue lidar com nossos pequenos problemas? É
claro que sim. Ele é Deus.

MAIS UMA COISA

Leia o primeiro capítulo de Gênesis. Que ser é capaz de criar... tudo? Um


ser espiritual. Um ser santo. O primeiro e único Deus. Tentamos pensar
em Deus em termos humanos, mas jamais conseguiremos compreendê-
lo. Ele sempre foi, e sempre será, mais do que suficiente para mim e para
você.
23 DE JULHO
“Parem de lutar! Saibam que eu sou Deus!”
[Salmos 46:10]


Deus age enquanto esperamos
Não gostamos de esperar. Somos a geração de apressados.
Olhamos torto para a pessoa que leva 11 itens para passar no caixa
rápido de dez itens do supermercado. Tamborilamos com os dedos esperando
o download da música terminar ou o micro-ondas esquentar a comida.
“Vamos, vamos.” Queremos ter abdominais definidos em dez minutos e que o
arroz de minuto fique pronto em trinta segundos. Não gostamos de esperar.
Nem o médico, nem o trânsito, nem a pizza.
Também não gostamos de esperar por Deus?
Talvez você esteja esperando por uma sala nova, um emprego novo, um
amigo novo, uma nova orientação. Se estiver, eis o que precisa saber:
enquanto você espera, Deus trabalha. “Meu Pai continua trabalhando até
hoje”, disse Jesus (João 5:17). Deus nunca fica sem fazer nada. Ele nunca para.
Não tira férias. Descansou no sétimo dia da criação, mas voltou no oitavo e
não parou desde então. Só porque você está parado, não pense que Deus
também está. Ele sabe do que você precisa e de quando precisa.

MAIS UMA COISA

O mundo é a sala de espera de Deus. Ficamos esperando que ele dê,


cure, ajude. E porque não conseguimos ver com o que ele está ocupado,
ficamos impacientes. Mas como o diretor de uma peça que prepara os
atores e monta o cenário, Deus está preparando eventos em
conformidade com seu plano perfeito. Aguarde e confie.
24 DE JULHO
[Vocês foram] escolhidos de acordo com o pré-conhecimento de Deus Pai.
[1Pedro 1:2]


Você é a primeira opção
Você é filho de Deus. Ele viu você, escolheu você e colocou você ao lado dele.
“Vocês não me escolheram, mas eu os escolhi” (João 15:16). Antes de ser
um açougueiro, padeiro ou montador de computadores, antes de ser homem
ou mulher, asiático ou negro, você é filho de Deus. Talvez um substituto, ou
postiço? Acho que não. Você é a primeira escolha dele.
Mas nem tudo na vida é assim. Certa vez, minutos antes de eu celebrar
um casamento, o noivo chegou até mim e disse: “Você não foi minha primeira
escolha.” “Não fui?”, perguntei. “Não; o pastor que escolhi não pôde
comparecer”, respondeu ele. “Ah!, mas muito obrigado por substituí-lo.”
“Claro. É só chamar.” Até pensei em assinar o registro como “Substituto”.
Mas você jamais vai ouvir tais palavras vindas de Deus. Ele escolheu você.
Ele o escolheu porque ele quis assim. Ele chegou ao lote do leilão em que você
estava e proclamou: “Este filho é meu.” E ele o comprou com o “precioso
sangue de Cristo, como de um cordeiro sem mancha e sem defeito” (1Pedro
1:19).
Lembre-se. Você é a primeira opção de Deus, hoje e para sempre.

MAIS UMA COISA

Você já teve de ficar parado na frente de dois capitães para ser escolhido
para um time na aula de educação física? Já se sentiu humilhado por ter
sido uma das últimas escolhas? Isso jamais acontecerá com Deus. Ele é o
capitão máximo, e ele escolherá você sempre em primeiro lugar.
25 DE JULHO
Tudo posso naquele que me fortalece.
[Filipenses 4:13]


João-bobo
Eu devia ter oito anos quando, em uma festa no bairro, conheci o joão-bobo
em forma de palhaço. O brinquedo tinha forma de pera, mais estreito no
topo que na base. Era inflável e se parecia com o Bozo. Era da mesma altura
que eu. Ele não tocava música ao apertar de um botão nem dizia frases ao
puxar uma corda. Ele não fazia nada além de ficar em pé.
Bastava bater nele, que ele logo voltava a ficar em pé. Podíamos usar um
taco, acertar bem no nariz ou dar um chute de lado que ele caía — mas não
por muito tempo. Tentamos o máximo que conseguimos deixar o palhaço no
chão. Soco após soco, um mais forte que o outro. Ninguém conseguiu. O
palhaço de brinquedo da festa de aniversário, descobri anos mais tarde, vinha
equipado com um lastro de chumbo de um quilo e meio escondido na base.
A vida nos atinge com uma fúria de punhos voadores — um gancho de
direita chamado rejeição, um cruzado chamado perda. A vida é uma
pancadaria. Nós também precisamos de um lastro. E acontece de termos esse
lastro. Não um pedaço de chumbo, mas uma fé profunda no poder e na
autoridade de Deus.

MAIS UMA COISA

Quando enfrentamos um soco após o outro, ficar de pé já é um grande


desafio, que dirá cair e tornar a levantar. Mas você tem uma arma
secreta. Conhece aquele que tem o poder, que está no controle. Sabe
quem é que ganha no fim. Portanto, não seja um palhaço. Peça a ajuda
de Deus e torne a se levantar.
26 DE JULHO
“Estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos.”
[Mateus 28:20]


Ele nos dá a si mesmo
Eu conheço uma história de um homem que fazia um safári nas profundezas
da selva africana. O guia que ia à frente desse homem carregava um facão
com que ia limpando o mato alto e os arbustos densos. O viajante, cansado e
com muito calor, perguntou, frustrado: “Onde estamos? Sabe para onde está
me levando? Qual o caminho?” O experiente guia parou, virou para o homem
e respondeu: “Eu sou o caminho.”
Nós fazemos essas mesmas perguntas, não fazemos? Perguntamos para
Deus: “Para onde você está me levando? Qual é o caminho?” Ele, como aquele
guia, não revela nada. Ah, ele pode até dar uma dica ou outra, mas não mais
que isso. Mesmo que ele dissesse, será que entenderíamos? Será que
saberíamos onde estamos? Não; como o viajante, somos completos ignorantes
em relação a esta selva. Por isso, em vez de nos dar uma resposta, Jesus nos
oferece um dom ainda maior. Ele nos dá a si mesmo.

MAIS UMA COISA

Você já fez alguma viagem com um guia teimoso, que faz piadas ruins a
cada parada? Às vezes não é o destino que faz a viagem memorável, mas
a companhia que temos durante o caminhar. Você jamais vai encontrar
um guia melhor do que Cristo.
27 DE JULHO
Dou-te graças, porque [...] foste a minha salvação.
[Salmos 118:21]


Viva perdoado!
Nada traz mais medo à vida que estar à margem da misericórdia. Se você
não aceitou o perdão de Deus, estará condenado a sentir medo. Nada pode
libertá-lo da constatação de que desrespeitou seu Criador e desobedeceu as
instruções dele. Não existe remédio, conversa ou bem material que consiga
trazer paz ao coração pecador. Você pode até matar o medo, mas não pode
removê-lo. Apenas a graça de Deus é capaz de tal proeza.
Já aceitou o perdão de Cristo? Se não tiver aceitado, faça isso. “Se
confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos
pecados e nos purificar de toda injustiça” (1João 1:9). Sua oração pode ser tão
simples quanto esta: “Querido Pai, preciso do teu perdão. Admito que te dei
as costas. Por favor, me perdoe. Entrego minha alma em tuas mãos e minha
confiança em tua graça. Através de Jesus eu oro. Amém.”
Depois de receber o perdão de Deus, viva perdoado! Quando Jesus
liberta, somos libertados de verdade.

MAIS UMA COISA

O que significa ser libertado por Jesus? O que significa viver perdoado?
Significa saber que você confessou seus pecados diante de Deus.
Significa deixar o medo e a culpa para trás. Significa encontrar paz no
plano dele. Significa confiar nele e falar e viver a verdade a cada dia.
28 DE JULHO
A paz de Deus [...] guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.
[Filipenses 4:7]


Paz perfeita
Avida vivida para Deus é vida que pode ser preenchida com paz. Não se trata
de uma paz aleatória, débil, terrena, mas, sim, da paz dele. Paz importada
do céu. Deus oferece a você a mesma tranquilidade que preenche a sala do
trono divino.
Acha que Deus luta contra a ansiedade? Acha que as mãos dele ficam
irrequietas, que ele pede um antiácido para os anjos? Claro que não. Um
problema não é desafio algum para Deus, assim como um graveto não é nada
para um elefante. Deus desfruta da paz perfeita porque ele tem o poder
perfeito.
E ele oferece essa paz a você. Oferece uma paz que “guardará os seus
corações e as suas mentes em Cristo Jesus” (Filipenses 4:7). Paulo usa uma
metáfora militar aqui. Os filipenses, que viviam em uma cidade protegida por
tropas, estavam acostumados com as sentinelas romanas que faziam a
vigilância. Antes de qualquer inimigo conseguir entrar na cidade, teria de
passar pelos guardas. Deus faz a mesma oferta a você. A paz sobrenatural dele
assoma sobre você, guardando seu coração.

MAIS UMA COISA

Leia Filipenses 4:4-7. Paulo nos pede para contarmos a Deus sobre todas
as nossas preocupações e nossos pedidos. Apenas quando fazemos isso é
que ele acalma a mente e o coração. Uma coisa é a paz, outra é a paz
perfeita. Escolha aquela que vem do Criador.
29 DE JULHO
Aceite a instrução que vem da sua boca e ponha no coração as suas palavras.
[Jó 22:22]


A língua de Deus
Não existe língua que Deus não fale. Isso nos leva a uma pergunta deliciosa:
que língua ele está usando para falar com você? Não estou me referindo ao
francês ou ao alemão, mas ao drama cotidiano da sua vida.
Há momentos em que ele fala a “língua da abundância”. Sua barriga está
cheia? Seu armário está bem-servido? Seu bolso ouve o tilintar de moedas?
Pois não deixe o orgulho impedi-lo de ouvir aquilo de que precisa. Será que
você tem muito para poder dar muito?
E quanto à “língua da dor”? Esse é um dialeto que tentamos evitar. Mas
eu e você sabemos que Deus fala com clareza em meio aos corredores e leitos
dos hospitais. Quando estamos em apuro, as palavras dele parecem ganhar
novo significado e urgência. Será que Deus está dizendo algo através dos seus
problemas?
Deus fala todas as línguas — incluindo a sua. Que língua Deus está
usando para falar com você?

MAIS UMA COISA

Talvez não consigamos ouvir a voz material de Deus, mas ele encontra
muitos outros caminhos para falar conosco. De que jeito ele está falando
com você? Consegue compreender os desejos dele quando ora? Entende
que ele está coordenando os acontecimentos da sua vida? Seja lá como
for, aprenda a falar a língua dele para poder compreender o plano
divino.
30 DE JULHO
Lembra-te, SENHOR, da tua compaixão e da tua misericórdia, que tens mostrado
desde a antiguidade.
[Salmos 25:6]


Nosso Aba
Não faz muito tempo, eu e minha filha Jenna passamos alguns dias na antiga
cidade de Jerusalém. Certa tarde, enquanto passávamos por um portão,
nos pegamos logo atrás de uma família de judeus ortodoxos — um pai e suas
três filhas pequenas. Uma das filhas, que devia ter quatro ou cinco anos,
acabou ficando para trás e não conseguia mais ver o pai. “Aba!”, ela gritou. Ele
a enxergou e logo a tomou pela mão.
Quando o sinal mudou de cor, o pai atravessou a rua com a pequenina e
suas irmãs. No meio do cruzamento ele se abaixou e a apanhou no colo,
depois seguiram em frente.
Não é disso que todos nós precisamos? De um Aba que nos ouve quando
chamamos? Que nos toma pela mão quando estamos vulneráveis? Que nos
guia através dos cruzamentos perigosos da vida? Não precisamos todos de um
Aba que passe os braços em nosso redor e nos leve para casa? Todos nós
precisamos de um Pai.

MAIS UMA COISA

Você tem esse tipo de pai, que sempre ouve seus pedidos de ajuda, que
faz questão de guiá-lo nos momentos de dificuldade? Ou será que seu
pai está muito ocupado ou longe para se preocupar? Não importa.
Todos nós temos um Pai celestial que nos carrega no colo. Podemos
chamá-lo Aba.
31 DE JULHO
Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade.
[1Tessalonicenses 4:7]


Não acenda o fósforo
Ainternet é uma grande ferramenta, mas ela não está livre de perigos
ocultos. A pornografia é um deles.
Para muitos e muitos homens, essa questão é central. Eles imaginam que
algumas olhadas não farão mal algum. Acham que conseguirão parar quando
quiserem. Para aqueles que de fato conseguem, imagens indesejadas ficam
gravadas na mente. Para os que não conseguem, ela se torna um vício.
Não é possível brincar com fogo sem se queimar. Portanto, não acenda o
fósforo. A Bíblia não pede que lutemos contra o pecado sexual, nem que
enfrentemos o pecado sexual... Não, a orientação é: “Fujam da imoralidade
sexual” (1Coríntios 6:18). Não é porque uma garota se veste para chamar sua
atenção que você deve olhar. Não é porque uma imagem aparece que você
tem de olhar. Feche os olhos e proteja seus pensamentos! Você viverá amanhã
os pensamentos que tolera hoje. Tire proveito desse conhecimento. Quer ter
ótimos relacionamentos no futuro? Reflita sobre a força das suas amizades
hoje. Quer desfrutar de uma fé maior amanhã? Medite sobre a Palavra de
Deus hoje. Você é o que pensa.

MAIS UMA COISA

Homens são seres visuais. É assim que Deus nos fez. Por isso, garotas,
deem uma ajuda escolhendo o recato em vez da provocação em seu
guarda-roupas. Para os garotos, se você tem um problema com a
pornografia, converse com alguém que possa ajudá-lo a lidar com isso.
Quanto mais esperar, mais difícil será escapar.


AGOSTO

Nos gloriamos nas tribulações,


porque sabemos que a
tribulação produz perseverança;
a perseverança, um caráter
aprovado; e o caráter aprovado,
esperança.

[ Romanos 5:3-4 ]
1º DE AGOSTO
Ele os manterá firmes até o fim, de modo que vocês serão irrepreensíveis no dia de
nosso Senhor Jesus Cristo.
[1Coríntios 1:8]


Deus ainda não acabou
Deus ainda não acabou o trabalho em você. Ah, você até pode pensar que ele
tenha acabado. Pode imaginar que já chegou ao ápice, que seu caráter e
sua fé não vão mais se desenvolver, que você jamais será mais do que é agora,
que nunca realizará muita coisa. Pode pensar que Deus tem alguém em mente
para as obras importantes. Se pensa isso, pense de novo.
“Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai
completá-la até o dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1:6). Você consegue enxergar
o que Deus está fazendo? Ele está fazendo a boa obra em você. Consegue ver
quando ele vai terminar? Quando Jesus voltar.
Você ainda não tem o poder de saber o que Deus está fazendo e o que
ainda vai fazer com você. Ele o está moldando por dentro, para trazer a glória
para o exterior. Você mal pode imaginar as maravilhas que ele tem planejadas.
Deus ainda não acabou o trabalho em você.

MAIS UMA COISA

Pense em algumas das maiores surpresas que você já teve na vida. Talvez
seja um presente de Natal que pensou que sua família não poderia
comprar, ou uma missão em outro país que jamais pensou que faria.
Deus tem mais surpresas agradáveis guardadas para você, tanto no que
você é quanto no que fará. Permita que ele realize sua obra maravilhosa.
2 DE AGOSTO
Evite a ira e rejeite a fúria; não se irrite: isso só leva ao mal.
[Salmos 37:8]


Lide com a raiva
Raiva. É fácil defini-la: o barulho da alma. Raiva. A irritação invisível do
coração. Raiva. A invasora implacável do silêncio. Quanto mais
barulhenta, mais desesperados nos tornamos.
Talvez você esteja pensando: “Você não faz ideia de como minha vida é
difícil.” E você está certo, não sei mesmo. Você foi abusado? Traído?
Rejeitado? Ignorado? Não conheço sua história. Mas tenho uma ideia muito
clara de quão miserável será seu futuro se você não aprender a lidar com ela.
Faça um exame de raios-x na vida da pessoa com raiva e você logo
encontrará um tumor de amargura: negro, ameaçador, maligno. O câncer do
espírito. Suas fibras mortais cercam os limites do coração e o desolam. Não é
possível mudar o ontem, mas a reação ao ontem, sim. Não é possível
modificar o passado, mas a resposta ao passado, sim. A Bíblia tem a resposta:
“Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como
de toda maldade. Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros,
perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo”
(Efésios 4:31-32).

MAIS UMA COISA

Quando alguém nos machuca, é natural sentirmos raiva. Mas


permanecer com raiva é algo que só machuca você mesmo. Quando
perdoa não está concordando com o que aconteceu. Está dizendo que
não vai deixar esse acontecimento destruir o resto da sua vida.
3 DE AGOSTO
Venham! Adoremos prostrados e ajoelhemos diante do SENHOR, o nosso Criador.
[Salmos 95:6]


Louvor: pessoal
Louvar. Já se passaram dois mil anos e ainda não aprendemos a fazer isso.
Ainda lutamos para encontrar as palavras certas para orar. Ainda
tropeçamos nas Escrituras. Não sabemos quando ajoelhar. Não sabemos
quando ficar em pé. Não sabemos orar. Louvar é algo bem difícil.
É por esse motivo que Deus nos deu os Salmos — um livro de louvor para
o povo de Deus. Essa coleção de hinos e de pedidos se mantém unida por um
único fio — um coração com fome de Deus. Alguns salmos são desafiadores.
Outros, reverentes. Alguns são feitos para serem cantados. Outros, para serem
orados. Alguns são extremamente pessoais. Outros, escritos como se o mundo
inteiro fosse usar.
Essa variedade própria dos Salmos deveria ser um lembrete de que o
louvor é algo pessoal. Que não existe fórmula secreta. O que move você pode
não ser mais que um beco sem saída para os outros. Certas pessoas gostam de
erguer as mãos para o céu. Outros preferem fechar os olhos e refletir sobre
Deus em silêncio. Cada um de nós louva de forma diferente. Mas todos nós
deveríamos louvar.

MAIS UMA COISA

Acha que louvar é algo esquisito? Talvez porque você esteja tentando
louvar do “jeito certo”. Leia o livro dos Salmos. Veja as diferentes
maneiras com que podemos louvar a Deus. Ele apreciará seu esforço de
honrar a Deus, do modo que você escolher.
4 DE AGOSTO
[Nenhuma] coisa na criação será capaz de nos separar do amor de Deus.
[Romanos 8:39]


Você é especial
Você quer saber por quanto tempo durará o amor de Deus. Não só naquele
domingo de Páscoa, quando sua camisa está dentro da calça e seu cabelo
bem-penteado. Não só quando se sente otimista, animado, pronto para acabar
com a fome mundial. Não nesses momentos. Nessas horas, você bem sabe o
que ele pensa de você. Até você gosta de você mesmo nesses momentos.
Você quer saber como ele se sente quando você se irrita com toda e
qualquer coisa que se mexe, quando seus pensamentos estão na sarjeta,
quando sua língua está tão afiada que poderia cortar uma pedra. Como é que
ele se sente em relação a você nesses momentos?
Será que existe algo que pode afastar de nós o amor que Cristo tem para
conosco?
Pois Deus já respondeu essa pergunta mesmo antes de ela ser feita. Para
que pudéssemos enxergar a resposta, ele iluminou o céu com uma estrela.
Para que pudéssemos ouvi-la, ele preencheu a noite com um coro. Para que
pudéssemos acreditar nela, ele fez o que nenhum homem jamais sonhara em
fazer. Ele se fez carne e veio habitar entre nós. Ele colocou sua mão no ombro
da humanidade e disse: “Você é especial.”

MAIS UMA COISA

Nada pode separar você do amor de Deus. O apego dele para com você
é mais forte do que a cola mais forte. Não importa o que você diga,
pense ou faça, jamais conseguirá fugir do amor dele. Ele o vê e sorri.
Você sempre será especial para ele.
5 DE AGOSTO
Os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória
eterna.
[2Coríntios 4:17]


Só por um instante
Se sua vida terrena e sua vida celestial pudessem ser representadas por grãos
de areia, qual você acha que seria a medida dessas representações? O céu
contaria com cada grão de areia de cada praia na terra, e mais um pouco. A vida
terrena seria apenas um centésimo de um só grão de areia. Quer uma expressão
que sintetize a extensão da sua vida na terra? É esta aqui: “apenas um instante”.
Pois não foi essa a frase que Paulo também escolheu? “Os nossos
sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória
eterna que pesa mais do que todos eles” (2Coríntios 4:17). O apóstolo fora
“açoitado mais severamente e exposto à morte repetidas vezes”. Ele
acrescenta: “Cinco vezes recebi dos judeus trinta e nove açoites. Três vezes fui
golpeado com varas, uma vez apedrejado, três vezes sofri naufrágio, passei
uma noite e um dia exposto à fúria do mar” (2Coríntios 11:23-25). Nas
palavras de Paulo, tudo isso não passou de sofrimento leve suportado só por
um instante.
E se assumíssemos essa mesma atitude perante a vida? E se víssemos
nossos momentos de dificuldade como um grão de areia, e o céu como uma
praia interminável?

MAIS UMA COISA

Nós, decerto, teremos problemas na vida. Jesus nos avisou sobre isso. E
esses problemas certamente irão machucar. Não há dúvida. Mas em uma
semana, um mês, um ano — com certeza, se virmos da perspectiva do
céu — você mal vai se lembrar de todo o estresse e de toda dor. Aguente
firme. Tudo ficará bem melhor.
6 DE AGOSTO
“Se alguém o forçar a caminhar com ele uma milha, vá com ele duas. Dê a quem lhe
pede, e não volte as costas àquele que deseja pedir-lhe algo emprestado.”
[Mateus 5:41-42]

Sociedade da Segunda Milha


J esus criou o que poderíamos chamar de Sociedade da Segunda Milha. Ele
nos apresentou uma segunda opção. Sirva àqueles que o odeiam; perdoe
aqueles que te machucam. Assuma o lugar mais baixo, em vez do mais alto;
procure servir, em vez de ser servido. Devolva, não na mesma moeda, mas
com gentileza.
Os soldados romanos podiam legalmente forçar qualquer cidadão judeu
a carregar sua bagagem por uma milha.7 Usando nada além de uma ordem, os
soldados podiam destacar um fazendeiro de seu campo ou um mercador de
sua loja.
Nesse caso, Jesus disse: “Dê mais do que lhe é pedido.” Ao fim dessa
primeira milha, siga em frente. Surpreenda o soldado dizendo: “Eu não fiz o
bastante por você. Vou carregar a bagagem pela segunda milha.” Faça mais
que o exigido. E faça com alegria e com graça!
De que modo você pode se juntar à Sociedade da Segunda Milha?
Quando seus pais pedirem para você limpar a cozinha, limpe seu quarto
também. Quando sua irmã pegar emprestada sua melhor camiseta, ofereça-se
para dar duas a mais. Você vai chocar as pessoas. Vai trazer um sorriso para o
rosto de Jesus.

MAIS UMA COISA

Percorrer uma segunda milha soa como uma tarefa ingrata. Mas não é.
Quanto mais você fizer isso, tanto mais desfrutará das reações de
surpresa daqueles a quem você inesperadamente servir. Acima de tudo,
cada milha irá aquecer seu coração e trazer você para mais perto de
Jesus.
7 DE AGOSTO
Nele, quando vocês ouviram e creram na palavra da verdade, o evangelho que os
salvou, vocês foram selados com o Espírito Santo da promessa.
[Efésios 1:13]

Selado com o Espírito


A alma selada por Deus está segura.
Por um curto período de tempo, durante a faculdade, trabalhei em
uma indústria de montagem de aspiradores de pó. Os eletrodomésticos
eram montados da tomada até o bocal. O passo final da linha de montagem
chamava “selagem e despacho”. Nesse ponto, a companhia já tinha investido
horas e dólares naquelas máquinas. Assim, preferiam tomar um cuidado extra
para proteger os produtos. Os aspiradores de pó eram mumificados com
plástico-bolha, cobertos com espuma, a caixa era lacrada com uma fita bem
resistente, recebia o selo com indicação de destino e acabavam no caminhão.
Aquelas máquinas estavam seguras.
Porém, comparado ao cuidado que Deus tem com seus filhos, era como se
os trabalhadores daquela indústria praticamente jogassem os aspiradores sem
proteção na caçamba de uma caminhonete. Deus nos sela a vácuo com sua maior
força: seu Espírito. Ele nos veste com uma armadura espiritual, nos cerca de anjos
e habita ele mesmo dentro de nós. Nem mesmo o presidente tem esse nível de
segurança.
Cristo não nos deixará desprotegidos, pois ele pagou um preço alto
demais. “Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram
selados para o dia da redenção” (Efésios 4:30). Talvez você escorregue — com
certeza escorregará —, mas jamais ficará sem proteção.

MAIS UMA COISA

Qual é o seu bem mais precioso? Seu laptop? Seu iPod? O anel que sua
mãe lhe deu? O carro que você comprou com seu dinheiro juntado com
muito suor? Qualquer que seja ele, não importa o valor que você dá a
esse bem, você significa muito mais para Deus. Você pertence a ele.
8 DE AGOSTO
Ó Deus, tu és o meu Deus, eu te busco intensamente; a minha alma tem sede de ti!
Todo o meu ser anseia por ti.
[Salmos 63:1]


Você está satisfeito?
Satisfeitos?
satisfeitos.
Pois esta é uma coisa que nunca estamos. Nunca estamos

Compramos o laptop mais moderno, o smartphone mais tecnológico, o


produto para cabelo do momento. Mas duas semanas depois já estamos
planejando a próxima compra. Viajamos nas férias para o Havaí e nos
esbaldamos de sol, diversão e comida boa. Mas não estamos nem voltando
para casa ainda e já começamos a lamentar o fim da viagem, enquanto
emendamos os planos para a próxima.
Nunca estamos satisfeitos. Quando crianças, dizemos: “Eu queria ser
adolescente.” Quando adolescentes, dizemos: “Eu queria ser adulto.” Quando
adultos, dizemos: “Eu queria estar casado.” Quando casados, dizemos: “Eu
queria ter filhos.”
Nunca estamos satisfeitos. Por que é que o contentamento é tão difícil?
Porque não há nada na terra capaz de satisfazer nossos anseios mais
profundos. Ansiamos por ver Deus. E não ficaremos satisfeitos até conseguir.

MAIS UMA COISA

Algumas pessoas descrevem o anseio por Deus como um buraco no


coração. Você consegue senti-lo? Tenta preencher esse buraco com
coisas, com amigos e diversão, com comida, permanecendo ocupado. Às
vezes essas táticas ajudam, mas elas nunca duram. Em vez disso, tente
preencher o buraco com Deus. Ele é o único que satisfaz.
9 DE AGOSTO
Quem examina cada questão com cuidado, prospera, e feliz é aquele que confia no
SENHOR.
[Provérbios 16:20]

O presente sagrado do sexo


“Fujam da imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém
comete, fora do corpo os comete; mas quem peca sexualmente, peca
contra o seu próprio corpo” (1Coríntios 6:18). Paulo escreveu essas palavras
para os coríntios obcecados pelo sexo.
Nenhuma mensagem vai mais contra a corrente do que essa. Você
conhece o lema sexual dos nossos dias: “Posso fazer o que quiser. O corpo é
meu.” Qual é a resposta firme de Deus? “Não é, não. Ele é meu.”
Tente entender, Deus não é contrário ao sexo. Afinal de contas, foi ele
quem nos criou. Mas ele enxerga a intimidade sexual do mesmo modo que eu
vejo a Bíblia da minha família. Herdada da família do meu pai, ela tem mais de
cem anos de idade e trinta centímetros de espessura. Para mim, ela tem valor
inestimável. Assim, quando preciso de um banquinho para subir, não uso essa
Bíblia. Quando o pé da minha cama quebra, também não a uso como calço.
Nós reservamos essa Bíblia para momentos especiais e a guardamos em um
lugar específico.
Busque ver o sexo do mesmo jeito — um presente sagrado que deve ser
aberto em um lugar especial e em ocasiões especiais. O lugar especial é o
casamento, a ocasião especial é sempre com o cônjuge.

MAIS UMA COISA

O efeito da atração sexual é bastante forte. Tanto garotos quanto garotas


(e os mais velhos também) têm de lidar com esse impulso desde o
começo dos tempos. Confie em Deus nesse assunto — o prazer efêmero
não compensa as consequências de longo prazo. Se você se sentir
tentado, siga o conselho de Paulo: corra!
10 DE AGOSTO
Reconheça o SENHOR em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas.
[Provérbios 3:6]

A simplicidade da oração
M eu pai deixava eu sentar no colo dele... Enquanto ele dirigia! Meio século
atrás, ninguém se importava. Ainda mais em um campo de petróleo
deserto como o do oeste do Texas onde havia mais coelhos do que gente.
Eu adorava. Acha que eu ligava por não poder ver além do painel? Por
meus pés estarem meio metro acima do freio e do acelerador? De modo
algum. Eu ajudava meu pai a dirigir a caminhonete. Acha que eu tinha medo
de cair em uma vala? De capotar na curva? De furar o pneu passando por cima
de algo pontudo? De modo algum. As mãos do meu pai estavam sempre ao
lado das minhas, os olhos dele eram mais atentos que os meus. Eu não tinha
medo algum! Todo mundo consegue dirigir um veículo quando se senta no
colo do pai.
E todo mundo pode orar pensando nesse mesmo exemplo. A oração é a
prática de sentar-se em silêncio no colo de Deus e colocar as mãos no volante
que ele está guiando. Ele toma conta da velocidade e das curvas, e garante uma
chegada sem preocupações. Enquanto isso, nós fazemos nossos pedidos;
pedimos a Deus: “Afasta de mim este cálice” (Marcos 14:36). Afasta o cálice da
doença, da traição, da rejeição, do conflito, da insegurança. Esta é a
simplicidade da oração.

MAIS UMA COISA

Deus torna tudo mais fácil para nós. Não precisamos marcar hora para
falar com ele. Não precisamos preencher formulários nem responder
perguntas de antemão. Orar é algo simples como se sentar no colo de
um pai. Por que você não experimenta?
11 DE AGOSTO
Os céus declaram a glória de Deus; o firmamento proclama a obra das suas mãos.
[Salmos 19:1]

Nosso criador de estrelas


E scape um pouco das luzes da cidade em uma noite de céu aberto e olhe
para cima. Essa dispersão enorme de luzes brancas é nossa galáxia, a Via
Láctea. Ela tem cem bilhões de estrelas.8 Nossa galáxia é apenas uma de
bilhões de outras galáxias!9 Quem é que conseguiria pensar em um universo
assim, quanto mais em um número infinito de universos?
Ninguém consegue fazer isso. Mas vamos tentar, mesmo assim. Imagine
que você embarcou em um jato e está viajando pelo sistema solar a uma
velocidade impressionante de mil quilômetros por hora. Em 16 dias e meio
você chegará à lua; em 17 anos você passará o sol e em 690 anos poderá jantar
em Plutão. Depois de sete séculos, ainda não terá nem deixado o sistema solar,
muito menos a galáxia em que vivemos.10
Nosso universo é o melhor missionário de Deus. “Os céus declaram a
glória de Deus” (Salmos 19:1). Toda casa requer um construtor; todo quadro
requer um pintor. As estrelas não requereriam um criador? A própria criação
não requer um criador? Olhe para cima.
Se Deus pode criar bilhões de galáxias, você não acha que ele pode fazer
o bem a partir do mal e dar sentido a nossas vidas falhas? É claro que sim. Ele
é Deus.

MAIS UMA COISA

Espere uma noite de céu claro chegar — talvez hoje mesmo. Encontre
um lugar onde você possa olhar as estrelas. Mire-as com atenção — não
apenas uma olhadela, mas um olhar penetrante. Você acha que as
estrelas apenas “existem”? Ou você acha que Deus tem muito a ver com
essa existência? Procure a resposta em seu coração.
12 DE AGOSTO
Todos nós, que com a face descoberta contemplamos a glória do Senhor, segundo a
sua imagem estamos sendo transformados com glória cada vez maior.
[2Coríntios 3:18]

Espelhos do Filho
Como a lua funciona? Ela não é capaz de gerar luz. Sem o sol a lua não é
mais que uma rocha extremamente escura e marcada com crateras. Mas
quando está no devido lugar, a lua brilha intensamente. Aquele monte de
poeira vira fonte de inspiração e de romance. A lua reflete a luz maior que
recebe.
O que aconteceria se aceitássemos nossa posição como espelhos do
Filho? Tal mudança seria enorme. Desde que Deus nos fez, vivemos fazendo
exigências e batendo o pé. Pois não nascemos todos focados no egoísmo?
“Quero uma namorada que me faça feliz e amigos que sempre perguntem
minha opinião.” “Quero um guarda-roupa que esteja à minha altura, jogos de
videogame que me divirtam e uma família que me sirva.”
Como conseguimos nos livrar desse egoísmo? Passamos do foco em nós
mesmos para o foco em Deus quando pensamos nele. Quando falamos sobre
ele. Quando seguimos o conselho do apóstolo Paulo: “Todos nós, que com a
face descoberta contemplamos a glória do Senhor, segundo a sua imagem
estamos sendo transformados com glória cada vez maior” (2Coríntios 3:18). A
luz de Deus nos transforma.

MAIS UMA COISA

Espelho, espelho meu, quem é o mais valioso de todos? Acredite ou não,


não sou eu nem você. É ele. O Deus único. Ele é o sol da nossa lua.
Nosso trabalho consiste apenas em nos colocarmos em posição para
refletir o brilho divino.
13 DE AGOSTO
Ele me guardará protegido em sua habitação.
[Salmos 27:5]


A casa de Deus
P or mais que gostemos da nossa casa, há momentos em que tudo que
desejamos é nos afastar dela um pouco, certo? No entanto, Davi, o homem
feito segundo o coração de Deus, disse: “Uma coisa pedi ao SENHOR, é o que
procuro: que eu possa viver na casa do SENHOR todos os dias da minha vida”
(Salmos 27:4).
Mas o que é essa casa de Deus que Davi busca? Será que Davi está
descrevendo uma estrutura física? Será que ele anseia por uma construção
com quatro paredes e uma porta pela qual se pode entrar, mas nunca sair?
Não. Nosso Senhor “não habita em santuários feitos por mãos humanas”
(Atos 17:24). Quando Davi diz: “Voltarei à casa do SENHOR enquanto eu viver”
(Salmos 23:6), ele não diz que está querendo se afastar das pessoas. Ele está
dizendo que anseia estar na presença de Deus, onde quer que vá.
E qual é a melhor parte de estar com Deus? Onde quer que estejamos,
estaremos sempre em casa.

MAIS UMA COISA

Nossa casa. É o lugar onde comemos. Onde dormimos. Onde lemos.


Onde nos divertimos. Onde nos sentimos confortáveis por causa da
familiaridade, porque é lá que está nossa família. Mesmo assim, uma
grande parte da nossa família nos acompanha onde quer que vamos,
onde quer que vivamos. Deus é nosso Pai celestial e você pode viver na
casa dele onde você estiver.
14 DE AGOSTO
[Deus] é poderoso para impedi-los de cair.
[Judas 1:24]


Escalada
Eu e você estamos no meio de uma enorme escalada. A subida é longa e os
riscos maiores ainda. O primeiro passo foi dado no dia em que aceitamos
Cristo como o Filho de Deus. Ele nos deu o arreio divino — o Espírito Santo.
Em suas mãos, ele colocou uma corda — sua Palavra.
Os primeiros passos foram convictos e cheios de confiança, mas
conforme a jornada continuou, veio o cansaço, e com a altura, veio o medo.
Você perdeu seu apoio. Perdeu o foco. Perdeu a pegada, e caiu. Por um
instante que pareceu durar para sempre, você rolou descontroladamente. Sem
controle. Sem autocontrole. Desorientado. Desalojado. Caindo.
Mas então a corda retesou e a queda cessou. Você pendia pelo arreio e
percebeu que ele era forte. Você agarrou a corda e viu que ela era confiável.
Ainda que não possa ver seu guia, confie nele. Sabe que ele é forte. Você sabe
que ele pode evitar que você caia.
Por isso, você escolhe subir mais uma vez.

MAIS UMA COISA

A jornada da fé muito se parece com escalar uma montanha. A


empolgação do começo. A felicidade das descobertas feitas ao longo do
caminho. O cansaço. As preocupações. Os vacilos e as quedas. A
expectativa de quando nos aproximamos do objetivo. Quando vamos
chegar ao topo da montanha? Não há alegria que se compare a isso.
15 DE AGOSTO
Quero cantar ao SENHOR pelo bem que me tem feito.
[Salmos 13:6]


Consertando um dia ruim
Na fazer.
próxima vez que um dia seu for escoar pelo ralo, eis o que você deve
Mergulhe na graça de Deus. Submerja seu dia no amor divino.
Banhe sua mente na misericórdia dele. Ele já acertou suas contas, já pagou
suas dívidas. “[Cristo] levou em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro”
(1Pedro 2:24).
Quando perde a paciência com sua irmãzinha, Cristo intervém: “Já
paguei por isso.” Quando conta uma mentira e o céu inteiro estremece, seu
Salvador ergue a voz: “Minha morte cobriu esse pecado.” Quando cobiça, se
gaba, anseia ou julga, Jesus se apresenta diante do tribunal do céu e aponta
para a cruz cheia de sangue. “Eu já tomei providência. Eu assumi os pecados
do mundo.”
Que presente ele deu a você. Você ganhou o maior prêmio na loteria da
história da humanidade, e nem precisou pagar pelo bilhete! Sua alma está a
salvo, sua salvação está garantida. Seu nome está escrito no único livro que
importa. Você está a apenas alguns grãos de areia em uma ampulheta de
poder desfrutar de uma existência sem lágrimas, sem túmulos, sem dor. Do
que mais você precisa?

MAIS UMA COISA

Você percebe quão maravilhosa é essa notícia? Talvez você vá mal em


um teste, mas já acertou toda a prova final. Não importa os problemas
que você enfrenta hoje, você sabe que eles de nada importarão amanhã.
Deus já tomou conta de tudo. Se isso não é algo que merece cantos de
alegria, não sei o que mais merece.
16 DE AGOSTO
Há apenas um Legislador e Juiz, aquele que pode salvar e destruir.
[Tiago 4:12]


Seu destino está planejado
Avida de José desceu como um raio. “Posto abaixo” pelos próprios irmãos.
“Jogado” em uma cisterna abandonada. “Empurrado” por seus irmãos e
“vendido” às margens do rio como um escravo. “Seguindo caminho para
baixo”, na direção do Egito. Para baixo, para baixo, para baixo. Despojado de
seu nome, da sua vida, da posição que tinha. Tudo que lhe pertencia, tudo que
ele achou que teria — desapareceu. Sem mais nem menos.
Talvez como aconteceu com você? Será que você só tem mais um amigo,
caiu até seu último centavo, caiu até acabar a sorte, caiu na sua vida... caiu... lá
embaixo, no Egito?
José chegou ao Egito com nada. Sua árvore genealógica não valia de nada.
Sem família para sustentá-lo. José havia perdido tudo, com uma só exceção:
seu destino. O céu o havia convencido através de sonhos estranhos de que
Deus tinha planos para ele. Os detalhes eram vagos e imprecisos, claro. Mas
José nunca perdeu a confiança de que Deus acreditava nele. Mesmo usando as
correntes pesadas dos escravos, ele lembrou: “Fui chamado para fazer mais
que isso.” Deus planejou o destino de José, e aquele garoto acreditou nesse
destino.
Você não acredita que Deus também planejou o seu?

MAIS UMA COISA

Você acha que José teria saído da escravidão e que seria um líder
poderoso se ele tivesse perdido a fé em Deus e no plano divino? Eu
duvido. Olhe novamente os sonhos que tem para o futuro. Apesar dos
problemas que enfrenta hoje, seus sonhos ainda são possíveis. Mesmo
que não lhe reste nada além do seu destino.
17 DE AGOSTO
Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração.
[Romanos 12:12]


Revele para curar
Há funerária para identificar o corpo de seu pai, morto por um tiro disparado
alguns anos um grande amigo meu foi chamado a comparecer a uma

no meio da noite por sua ex-mulher. Aquele tiro fora apenas mais um em uma
longa série de explosões de raiva e de momentos de violência familiar. Meu
amigo se lembra de ficar ao lado do corpo e tomar a seguinte decisão: “Eu não
irei reproduzir esse padrão familiar violento. Isso termina em mim.”
Tome a mesma decisão. Talvez a história da sua família tenha alguns
capítulos bem tristes, mas a sua história não precisa ser também seu futuro.
Fale com Deus e com alguns cristãos adultos sobre sua decisão. Deixe tudo em
panos limpos. A revelação leva à cura. Não ore apenas: “Senhor, me ajude a
perdoar.” Conte detalhes para Deus e para os outros: “Todo dia que chego em
casa da escola e encontro minha mãe bêbada, deitada no sofá. Eu tenho de
preparar o jantar, tomar conta do meu irmão mais novo e fazer as lições de
casa. Isso não está certo, Deus!”
Sim, decerto isso é difícil. Mas permita que Deus realize sua obra.
Sempre existe esperança quando escolhemos o futuro que ele planejou.

MAIS UMA COISA

Quando você se vir em apuros, não tente encarar a situação sozinho.


Um dos propósitos da família de Deus é consolar um ao outro em
nossos problemas. Fale com ele sobre o que está acontecendo em sua
vida para que ele possa indicar um pastor, um pai, um professor, um
amigo ou outro cristão que possa ajudar você.
18 DE AGOSTO
“Nazaré? Pode vir alguma coisa boa de lá?”
[João 1:46]


Venha e veja
F ilipe tinha acabado de concordar em se tornar um discípulo. Ele encontrou
Natanael e disse que tinha encontrado aquele sobre quem Moisés tinha
escrito, aquele de quem os profetas falavam. De todas as pessoas possíveis,
esse homem era Jesus, o filho de José, o homem que tinha crescido em Nazaré.
Natanael não conseguia acreditar que alguém tão importante poderia vir de
uma cidadezinha tão distante, tão afastada de tudo. “Perguntou Natanael:
‘Nazaré? Pode vir alguma coisa boa de lá?’ Disse Filipe: ‘Venha e veja’” (João
1:46).
A pergunta de Natanael ainda ressoa, mesmo dois mil anos depois. Será
que pode vir alguma coisa boa de Nazaré? Venha e veja as vidas
transformadas. Veja o delinquente que agora faz o bem. A alma irada e
amarga que agora está cheia de alegria. A alma deprimida e abatida que hoje
está cheia de esperança.
Venha e veja a mão perfurada de Deus tocar o mais comum dos corações,
limpar as lágrimas do mais triste dos rostos, e perdoar o pior dos pecados.
Venha e veja. Ele não desvia daqueles que buscam. Não ignora aqueles que
perguntam. Ele não teme investigação alguma. Venha e veja o que o Nazareno
consegue fazer.

MAIS UMA COISA

Um começo humilde não é sinônimo de vida inútil. Jesus foi a prova


viva. Nascido em um estábulo, criado em uma vila obscura. Salvador do
mundo. Duro de acreditar? Não julgue um livro nem um messias pela
capa. Em vez disso, venha e veja por si mesmo.
19 DE AGOSTO
Não se desvie nem para a direita nem para a esquerda; afaste os seus pés da
maldade.
[Provérbios 4:27]


Zona de perigo
T oda manhã, quando saímos pela porta da frente de casa, entramos em uma
zona de perigo. Todos lutamos contra um inimigo poderoso chamado
tentação. Nenhum de nós está imune a ela. O diabo tentou a todos,
começando por Adão e passando até mesmo por Jesus. O primeiro, tentou
com um fruto. O segundo, com pão. E quanto a você e a mim? Talvez ele nos
tente com uma linda garota que passa, com uma carteira jogada na calçada,
com as respostas da prova que está na mesa ao lado.
Mas podemos ajudar um ao outro a ganhar essa luta. Uma garota escolhe
uma roupa comportada para vestir, o que permite aos rapazes manter olhos e
mentes sob controle. Um amigo pergunta como estamos usando nosso tempo
com Deus, o que nos permite ter um direcionamento melhor em valiosas
verdades. Um amigo diz: “Tem certeza de que essa é uma boa ideia?”, nos
dando uma segunda chance para fazermos uma escolha melhor.
Quando a tentação ameaça derrubar seus amigos, incentive-os a buscar
nosso Pai celestial. Ele ama segurar os filhos pela mão. “O SENHOR firma os
passos de um homem” (Salmos 37:23). Ele vai ajudar seus amigos — e você
também — a sair da zona de perigo.

MAIS UMA COISA

Leia as sábias palavras de Paulo em 1Coríntios 10:1-13. Você e seus


amigos sempre têm uma saída das situações mais perigosas. Mas essa
solução não vem da sua própria força. Essa saída é Deus quem oferece.
Busque essa saída, aceite-a e não olhe para trás.
20 DE AGOSTO
Creio, ajuda-me a vencer a minha incredulidade!
[Marcos 9:24]


Lidando com a dúvida
A lguém uma vez me disse: “Começo a duvidar que exista mesmo um Deus.
Como posso saber que ele não é produto da minha imaginação?”
A crença em Deus não consiste em fé cega. A dúvida é parte da jornada
até atingir uma crença sólida. Se você não tem certeza no que acredita, não
significa que é um “cristão ruim”, nem que está condenado. Não existe
problema em fazer perguntas difíceis. Deus consegue lidar com isso. Então,
como se chega a esse lugar de fé sólida? Os caminhos variam, mas eis a seguir
algumas ideias.
Espaço: Bilhões de galáxias estão se expandindo. Onde elas acabam?
Como tudo começou? Terra: Há tanta variedade e beleza. Como isso
aconteceu? Como é que tudo consegue funcionar com tamanha harmonia?
Ética: Ao longo da história um assassinato sempre foi considerado ruim, e a
coragem algo bom. Quem nos programou? Bíblia: Examine a sabedoria.
Experimente as histórias. Tumba vazia: Muitos que clamaram ter visto o
Senhor ressuscitado morreram com essas palavras nos lábios. Você acha que
eles morreriam por uma mentira? Jesus: Nenhum outro homem na história fez
surgir tantas perguntas, aqueceu tantos corações, forneceu tantas respostas.
Será que ele era quem dizia ser?

MAIS UMA COISA

Você já se perguntou se a fé e a dúvida podem coexistir? Leia a história


do pai e de seu filho possuído por um espírito em Marcos 9:14-27.
Apesar da dúvida, o pai estava disposto a acreditar que Jesus podia curar
seu filho. Foi o suficiente. Sua fé — mesmo quando misturada à dúvida
— também será suficiente.
21 DE AGOSTO
Multidões que dormem no pó da terra acordarão: uns para a vida eterna, outros para a
vergonha, para o desprezo eterno.
[Daniel 12:2]


O inferno tem um propósito
Será que o inferno tem um propósito? Remova-o da Bíblia e você terá de
remover, também, qualquer ideia de que Deus é justo e de que podemos
confiar na Palavra divina.
Se não houvesse inferno, Deus não seria justo. Se não houvesse punição
para o pecado, então o céu não se importaria com os estupradores, ladrões e
assassinos em massa da nossa sociedade. Se não houvesse inferno, Deus
estaria cego em relação às vítimas e voltaria as costas para aqueles que oram
pedindo ajuda. Se não houvesse raiva em relação ao mal, então Deus não seria
amor, pois o amor odeia tudo que é maligno.
Dizer que não existe inferno equivale a dizer que Deus é mentiroso e que
sua Escritura é falsa. A Bíblia repetidas vezes e com firmeza afirma que a
história pessoal de cada um só pode ter dois resultados possíveis. Alguns serão
salvos. Outros acabarão perdidos. Deus não nos força a tomar nenhum dos
dois caminhos. Ele permite que nós decidamos. Qual será a sua escolha?

MAIS UMA COISA

Inferno. Um lugar de miséria inimaginável. Como um Deus amoroso


pode permitir que um lugar assim exista? Mas, ao mesmo tempo, como
ele poderia não permitir isso? Você acha certo que aqueles que fazem o
mal todo dia sem se arrepender não paguem por suas consequências?
Deus preferiria que o hotel do inferno permanecesse sempre vazio.
Vamos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para tornar esse desejo
verdade.
22 DE AGOSTO
Mesmo não o tendo visto, vocês o amam; e apesar de não o verem agora, creem
nele.
[1Pedro 1:8]


Olhe para cima
Há montanha. Ele prestou atenção na conexão que as nuvens tinham com o
alguns anos um sociólogo se juntou a uma expedição para subir a

humor do grupo. Quando não havia nuvens e o pico da montanha estava à


vista, a expedição toda tinha mais energia e cooperava mais. No entanto,
quando as nuvens cinzentas bloqueavam a vista do pico, a expedição toda
ficava desanimada e agia com maior egoísmo.
O mesmo acontece conosco. Conquanto nossos olhos repousam na
majestade de Deus, nosso andar é alegre. Mas basta o foco do olhar se desviar
para a poeira do chão e logo estamos reclamando por cada pedra e cada fenda
que encontramos no caminho. Foi por esse motivo que Paulo disse:
“Procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de
Deus. Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas”
(Colossenses 3:1-2).
Você está no caminho para o topo. Você vai aproveitar a subida muito
mais se mantiver os olhos em Jesus.

MAIS UMA COISA

É impressionante a diferença que uma vista pode fazer. O tempo frio e


fechado com nuvens pode nos deixar de mau humor. Os dias
ensolarados parecem fazer tudo ficar mais leve. Portanto, deixe seu olho
espiritual focar na majestade de Deus. Você chegará ao topo da
montanha antes do que imagina.
23 DE AGOSTO
Deus ressuscitou este Jesus, e todos nós somos testemunhas desse fato.
[Atos dos Apóstolos 2:32]


Eles não se esqueceram
Não conseguimos saber para onde foram os discípulos quando fugiram do
lugar em que Jesus foi preso, mas sabemos o que eles levaram de lá: uma
lembrança. Uma lembrança de parar o coração, uma lembrança de um
homem que se chamava de nada menos que Deus encarnado. E os discípulos
não conseguiram tirá-lo da cabeça. Por mais que tentassem se esquecer dele,
não conseguiam.
Quando viam um leproso, lembravam da compaixão dele. Quando viam
uma tempestade, lembravam daquela que ele silenciou. Quando viam uma
criança, lembravam do dia em que Jesus segurou uma no colo.
Não, eles não se esqueceram dele. E, por conta disso, eles voltaram. E,
por conta disso, a Igreja do Senhor teve início com um grupo de homens
assustados em um cenáculo.
O que você já viu Jesus fazer em sua vida e na vida dos que estão ao seu
redor? Você vai se lembrar disso também?

MAIS UMA COISA

Para aqueles de nós que são esquecidos, uma lista pode ser um bom jeito
de turbinar a memória. Por que você não cria uma lista com todas as
coisas que Jesus já fez por você? Guarde-a em um lugar seguro e
continue anotando as bênçãos que você receber. Assim nunca vai
esquecer e sua fé irá decolar.
24 DE AGOSTO
O amor [...] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
[1Coríntios 13:4,7]


Acredite no próximo
T odo mundo já desistiu daquela pessoa com quem você se importa. “Ele foi
longe demais.” “Ela é muito áspera... muito viciada... muito fria.” Ninguém
oferece uma oração a essa pessoa. Mas você se dá conta de que Deus talvez
esteja operando nos bastidores. Talvez ainda seja cedo demais para jogar a
toalha. Então, você começa a acreditar.
Ninguém acreditou mais no próximo do que Jesus. Ele viu algo em Pedro
que considerou digno instigar, viu algo na mulher adúltera que considerou
digno de perdão, e viu algo em João que considerou digno de estimular. Ele
viu algo no ladrão pendurado na cruz, e o que ele viu considerou digno de
salvação. Na vida do temeroso extremista sedento de sangue, ele viu um
apóstolo da graça. Ele acreditou em Saulo, que virou Paulo, uma das vozes
mais importantes do cristianismo.
Não desista do seu Saulo. Quando todos o derem por perdido, dê mais
uma chance a ele. Permaneça firme. Chame-o de irmão. Chame-a de irmã.
Conte sobre Jesus para o seu Saulo, e ore. Lembre-se disto: Deus nunca o
envia para onde ele já não tenha estado. Quando encontrar seu Saulo, quem
haverá de saber o que pode acontecer?

MAIS UMA COISA

Quando você está prestes a entrar na quadra ou no palco, não acha que
aquele sorriso de incentivo é mais valioso do que tudo? Aquele sorriso
que diz: “Eu acredito em você. Você consegue!” Existe alguém que
precisa de um sorriso de apoio ou de uma palavra de conforto da sua
parte.
25 DE AGOSTO
“Não tenham medo.”
[Mateus 24:6]

Sem pânico
À s vezes esse mundo é uma droga. Há confusão e tristeza nele. Há fome,
câncer, divórcio e morte nesse mundo. E, às vezes, você ora pedindo por
algo, mas essa oração não é respondida como você gostaria.
Mas Jesus previu todas essas coisas ruins. Ele disse: “Neste mundo vocês
terão aflições” (João 16:33). É como se ele estivesse dizendo: “Não entrem em
pânico quando tudo sair do controle.” Se ele consegue antecipar o problema,
também tem o poder de resolvê-lo.
Em algum lugar entre os otimistas inocentes e os pessimistas tenebrosos
estão os discípulos sóbrios e honestos de Cristo que não entram em pânico
nem perdem a fé quando surge um problema. Eles sabem que esses problemas
são parte de um acontecimento natural, parte do plano que Deus criou há
muito tempo.
É a nossa missão confiar e suportar. Estamos destinados a receber o
abraço do céu, onde nada de mau jamais acontecerá novamente.

MAIS UMA COISA

Ninguém gosta de dias ruins, nem de notícias ruins. Mas é reconfortante


saber que Jesus conhece tudo que há por vir. Ele sabia que teríamos de
enfrentar problemas para podermos segui-lo, e ele sabia que tudo
pioraria antes de ele voltar para a redenção. Pois podemos ter certeza da
vitória final dele — que também é nossa.
26 DE AGOSTO
Ele nunca o deixará, nunca o abandonará.
[Deuteronômio 31:8]


Bem-vindo de volta
Quando eu tinha sete anos, resolvi fugir de casa. Já estava cheio das regras
do meu pai e decidi que iria me virar sozinho, muito obrigado. Coloquei
algumas roupas em um saco de papel, saí voando pelo portão de trás e
comecei a descer a rua. Mas não fui muito longe. Quando cheguei no fim da
rua lembrei que estava com fome, então voltei para casa. Meu pai me recebeu
de volta.
Apesar de a minha rebeldia ter sido breve, não deixou de ser rebeldia. Se
você tivesse me parado na rua que descia, eu teria dito tudo que sentia. Eu
poderia ter dito: “Eu não preciso de um pai. Sou muito maior que as regras da
minha família.”
Não cheguei a ouvir o cantar do galo como Pedro depois de mentir sobre
conhecer Jesus. Mas aprendi com meu pai da terra o que Pedro aprendeu com
o Pai celestial. Nosso Deus não é Pai apenas nos bons momentos. Ele não
brinca de amar e depois largar. Posso contar que serei recebido de volta por
mais que me afaste dele. Com você acontece o mesmo.

MAIS UMA COISA

Você já fugiu de casa? Está fugindo neste exato momento? Talvez não
fisicamente, mas, será que está buscando meios pequenos ou grandes de
se rebelar contra seus pais, seus professores, ou Deus? Talvez seja hora
de parar de fugir. Deus está esperando você voltar para casa de braços
abertos.
27 DE AGOSTO
Quem é como o SENHOR, o nosso Deus, que reina em seu trono nas alturas?
[Salmos 113:5]


Deus vê o que não vemos
Certa vez, em uma viagem que fazíamos pelo Reino Unido, minha família
visitou um castelo. No meio do jardim desse castelo havia um labirinto.
Fileiras e mais fileiras de uma sebe alta, levando a um caminho sem saída após
o outro. Quem completava o labirinto descobria a porta de uma torre alta no
centro do jardim. Se você visse as fotografias dessa viagem, veria quatro de
nós cinco no topo da torre. Hummm, alguém ainda estava no chão. Adivinhe
quem? Eu ainda estava no meio da folhagem. Eu não conseguia descobrir que
caminho tomar.
Ah, mas então eu ouvi uma voz vinda do alto. “Oi, papai.” Olhei para
cima e vi Sara, debruçada no torreão elevado. “Você está indo na direção
errada”, ela explicou. “Volte e vire à direita.”
Acha que eu confiei? Eu não precisava. Mas sabe o que fiz? Eu a ouvi. A
posição dela era mais vantajosa do que a minha. Ela estava acima do labirinto,
conseguia ver o que eu não conseguia.
Não acha que devemos fazer o mesmo com Deus?

MAIS UMA COISA

A altura tem suas vantagens. Os adolescentes, ao contrário das crianças


pequenas, conseguem enxergar para além do sofá. Os salva-vidas
conseguem ficar de olho na praia. Quem trabalha no trigésimo andar de
um escritório consegue ver a cidade inteira. Um piloto de avião
consegue enxergar por vários quilômetros. Mas Deus? ele vê tudo com
um piscar de olhos — tanto o universo inteiro quanto o próximo passo
que você precisa dar.
28 DE AGOSTO
Aquele que é a Palavra tornou-se carne e viveu entre nós.
[João 1:14]


Ele era alcançável
“Aquele que é a Palavra tornou-se carne”, disse João. Em outras palavras...
Ele era tocável, alcançável, acessível. Além disso, ele era comum. Se ele
estivesse aqui hoje, provavelmente você não repararia quando ele passasse por
você em um shopping. Ele não faria cabeças se virar pelas roupas que vestia,
muito menos por usar joias.
“Pode me chamar de Jesus”, é o que ele diria.
Ele era do tipo que você convidaria para assistir a um jogo em sua casa.
Ele lutaria com seu irmãozinho no chão da sala, dormiria no seu sofá e faria
um churrasco com você. Ele riria das suas piadas e também contaria umas que
ele conhecia. Quando você falasse, ele ouviria como se tivesse todo o tempo
do mundo.
Uma coisa é certa. Você o convidaria para voltar. Só porque havia algo
diferente nele. Uma paz. Um poder. Uma presença. Algo de que você precisa.

MAIS UMA COISA

Isso aconteceu dois mil anos atrás, mas o conceito ainda é incrível
mesmo hoje. Deus em carne. Dos céus para a humanidade. Ele nos amou
tanto que abriu mão de tudo para ser um de nós. Quando alguém faz um
esforço desse, você não acha que essa pessoa é digna da sua atenção?
29 DE AGOSTO
Deus nos escolheu nele antes da criação do mundo.
[Efésios 1:4]


Na direção de casa
Dê menina de nariz comprido e cabelo encaracolado segurando um punhado
uma olhada nos rostos do orfanato Cap Haitian e veja Carinette, a

de fotografias. As fotografias são retratos de sua futura família. Ela foi adotada.
Os pais adotivos dela são meus amigos. Eles deram a ela algumas
fotografias, um ursinho de pelúcia, barrinhas de cereais e alguns biscoitos.
Carinette dividiu a comida que ganhou e pediu que o diretor do orfanato
guardasse o ursinho, mas guardou consigo as fotografias. Elas servem para ela
lembrar de sua futura casa. Dentro de um mês ou dois, no máximo, ela vai
conhecer esse lar. Ela sabe que o dia está chegando. A qualquer momento o
pai dela vai aparecer. Ele já apareceu para pedir sua guarda. E ele vai voltar
para levá-la para casa. Até lá ela vai viver com o coração apontado na direção
de casa.
E não deveríamos todos nós fazer o mesmo? Nosso Pai também já nos
visitou. Ele já não pediu nossa guarda? Já não fomos adotados? Deus escolheu
você. Antes de você se dar conta de que precisava dessa adoção, ele já tinha
preenchido os papéis e escolhido a decoração do seu quarto.

MAIS UMA COISA

Existe algo de excitante em ir para casa, mesmo que nunca tenhamos


estado nessa casa. Como Carinette, ficamos olhando as fotografias
guardadas na mente de todas as delícias que encontraremos lá. Os
tempos difíceis de hoje se tornam muito mais fáceis de enfrentar quando
lembramos da alegria que o amanhã vai trazer.
30 DE AGOSTO
Nunca procurem vingar-se, mas deixem com Deus a ira.
[Romanos 12:19]


O alto custo de acertar as contas
Você já reparou como os caçadores de recompensa viajam sempre sozinhos
nos filmes de bangue-bangue? Não é difícil entender o porquê. Quem é que
quer andar com alguém que vive de acertar as contas? Quem é que quer
arriscar conhecer o mau humor de alguém assim? Já aconteceu mais de uma
vez de eu ver alguém destilar sua raiva. A pessoa achou que eu ouvia, mas eu
estava mesmo pensando: “Espero jamais entrar nessa lista.” São uns amargos,
esses caçadores de recompensa. Melhor deixá-los sozinhos. Ande com quem
tem raiva e você pode acabar atingido por uma bala perdida. Trabalhar com
acerto de contas é algo para se fazer sozinho. E também é algo bastante
prejudicial.
Se você decide acertar uma conta, não vai conseguir descansar. E como
poderia? Para começar, pode ser que seu inimigo nunca pague. Por mais que
você acredite que merece um pedido de desculpas, talvez a outra pessoa nunca
concorde com isso. Talvez você nunca receba um centavo sequer da justiça. E
mesmo que receba, será que isso seria suficiente?
Existe um outro jeito de fazer isso. Deixe as armas e as esporas de lado.
Perdoe. Além de mais saudável, é um gesto muito mais santificado.

MAIS UMA COISA

Você se considera um caçador de recompensa moderno, buscando


acertar as contas por cada insulto que recebe? Se for, você está optando
por uma vida dura e solitária. Talvez na tela segurar uma arma e
perseguir bandidos pareça descolado, mas no mundo real essa é uma
caminhada longa e miserável. Deixe que Deus resolva o problema.
Enquanto isso, perdoe.
31 DE AGOSTO
O SENHOR é a minha luz e a minha salvação; de quem terei temor? O SENHOR é o
meu forte refúgio; de quem terei medo?
[Salmos 27:1]


Vida sem medo
Omedo, ao que parece, se mudou para o seu quarto e desfez as malas.
Espaçoso e rude, ele não gosta de dividir o coração com a felicidade.
Assim, a felicidade obedece e vai embora. É possível ser feliz e sentir medo ao
mesmo tempo? Ou pensar com clareza e ter medo? Ter confiança e medo ao
mesmo tempo? Não. O medo é o valentão da escola: insolente, barulhento e
improdutivo. O medo nos leva ao castigo e tranca a porta.
Não seria ótimo poder sair desse castigo?
Imagine sua vida sem a mácula da angústia. E se a fé, em vez do medo,
fosse a primeira reação a toda e qualquer ameaça? Se você pudesse passar um
ímã que atrai medo por seu coração e retirar cada gota de temor, insegurança
e dúvida de lá, o que sobraria? Imagine um dia, um só dia, sem o medo do
fracasso, da rejeição, do desastre. Imagine entrar na sala de aula com um
sorriso genuíno e confiante no rosto. Imagine subir ao palco sem a
preocupação de estragar tudo. Imagine o futuro sabendo que tudo vai ficar
bem.
Jesus pergunta: “Por que vocês estão com tanto medo?” (Mateus 8:26).
Ele é sua luz e sua salvação. Você consegue imaginar uma vida sem medo?

MAIS UMA COISA

Quando você se torna um cristão, não significa que nada de ruim vai
acontecer a você. Às vezes parece que o exato oposto acontece! Então, o
que é que Jesus quer dizer quando pergunta por que você tem medo? Ele
quer dizer que, qualquer que seja seu medo, ele ajudará você a superar.
Você e Cristo? Eis aí uma dupla invencível.


SETEMBRO

“Venham a mim, todos os que


estão cansados e
sobrecarregados, e eu lhes darei
descanso. Tomem sobre vocês o
meu jugo e aprendam de mim,
pois sou manso e humilde de
coração, e vocês encontrarão
descanso para as suas almas.”

[ Mateus 11:28-29 ]
1º DE SETEMBRO
Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os
homens.
[Colossenses 3:23]


Deus está trabalhando
Oestado americano do Texas está reconstruindo um viaduto próximo à
minha casa. As três pistas usuais foram reduzidas a apenas uma,
transformando uma viagem simples em uma irritação. Guindastes passam por
nossas cabeças todos os dias. Trabalhadores erguem placas e pás e milhões de
pessoas reclamam. Bem, pelo menos eu sei que reclamo. “Quanto tempo será
que isso vai durar?”
Mas meus vizinhos da casa ao lado encaram esse projeto de forma
diferente. O casal que mora ao lado trabalha na área da engenharia rodoviária.
Eles encaram o mesmo engarrafamento e os mesmos desvios que o restante da
população, mas o fazem com uma atitude bem mais otimista. Por quê? Porque
sabem como o projeto se desenvolve. “Vai levar algum tempo”, respondem às
minhas reclamações, “mas vai ser completado”. Eles conhecem os planos.
Quando você homenagear os trabalhadores no Dia do Trabalho, faça
também uma homenagem a Deus pelo trabalho dele na sua vida. Os planos
que ele tem para você são maiores que qualquer projeto rodoviário. “Meu Pai
continua trabalhando até hoje, e eu também estou trabalhando” (João 5:17).
Vai levar algum tempo. Mas esse trabalho vai ser completado.

MAIS UMA COISA

Pense nos congestionamentos da sua vida. Que obstáculos o impedem


de viajar em uma missão, de chegar à sala de aula, de conhecer aquela
pessoa especial? Tempo? Dinheiro? Falta de experiência? Falta de
confiança? Não fique resmungando. Entregue essas preocupações a
Deus e deixe ele trabalhar.
2 DE SETEMBRO
Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês!
[Tiago 4:8]


Fé de segunda mão
Certas pessoas têm dificuldade em passar um tempo em silêncio com Deus.
São tantas distrações. É tão difícil se concentrar. E estamos sempre tão
ocupados. Assim, em vez de passar um tempo com Deus, ouvindo a voz dele,
deixamos que os outros passem um tempo com ele e depois confiamos na
experiência dessas pessoas. Deixamos que elas nos digam o que Deus está
dizendo. Afinal, não é para fazer isso que os pastores ganham dinheiro? E para
que servem os amigos de fé?
Se você tem esse costume, se sua experiência espiritual é de segunda
mão, em vez de direta, eu gostaria de propor um pensamento desafiador: você
também faz isso com outras partes da sua vida? Você não deixa que seus
amigos peguem a entrada para um show e depois contem como foi. Não deixa
que comam em seu nome. Você decerto não manda outra pessoa no seu lugar
no encontro que você marcou, manda?
Há certas coisas que ninguém pode fazer por você. Uma dessas coisas é
passar um tempo com Deus.

MAIS UMA COISA

Como você se sentiria se sua melhor amiga nunca passasse um tempo


com você, se ela só conversasse com suas outras amigas para saber o que
acontece na sua vida? Você se sentiria ignorada? Desrespeitada?
Machucada? Agora imagine como Deus se sente quando você o deixa de
fora da sua vida. Vamos fazer da fé uma experiência direta.
3 DE SETEMBRO
O amor é paciente, o amor é bondoso.
[1Coríntios 13:4]


Coração gentil
Qual é o seu quociente de bondade? Quando foi a última vez que você fez
algo gentil para alguém da sua família — apanhou um cobertor, limpou a
mesa, fez o café — sem ninguém pedir?
Pense na sua escola. Quem é a pessoa mais ignorada ou evitada? Um
aluno tímido? Uma secretária rabugenta? Talvez ele não fale a sua língua.
Talvez ela não se encaixe. Você é gentil para com essa pessoa?
O coração gentil é gentil em silêncio. É o coração que deixa um carro
passar na frente no meio do trânsito, que deixa aquela jovem mãe com três
filhos passar antes no caixa. É o coração que apanha a lixeira do vizinho que
rolou até o meio da rua. E é o coração que é especialmente gentil na igreja.
Que compreende que talvez a pessoa mais necessitada que verão durante a
semana é exatamente aquela que está no banco da frente, ou talvez a que está
ajoelhada na fileira de trás. Paulo escreveu: “Enquanto temos oportunidade,
façamos o bem a todos, especialmente aos da família da fé” (Gálatas 6:10).

MAIS UMA COISA

Ser gentil não é algo que se consegue seguindo um plano passo a passo.
Ser gentil é algo que nasce da compreensão da compaixão que Jesus
sentiu por nós e da nossa necessidade de um Salvador. Quando mais
perto você estiver de Cristo, tanto mais seu coração se tornará gentil.
4 DE SETEMBRO
“Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome diariamente a sua
cruz e siga-me.”
[Lucas 9:23]


Tarefa planejada por Deus
Afrase “tome a sua cruz” não tem sido bem aceita ao longo das gerações. Peça
que lhe deem uma definição e você ouvirá respostas como: “Minha cruz é meu
irmão mais novo, minha aula de geometria, minhas alergias, minha agenda.” A
cruz, assim entendemos, é qualquer tarefa ou preocupação. Pensamos que Deus
nos dá cruzes assim como um professor nos dá uma lição de casa. Ninguém quer
assumir uma cruz. Mas cada um de nós ganha uma. Todo mundo tem uma cruz
para carregar e é bom que nos acostumemos a essa ideia.
Vamos falar sério. Você acha que Jesus reduz a ideia da cruz a
preocupações menores ou a uma dor de cabeça? A cruz significa muito mais
que isso. Ela é o instrumento de salvação que Deus usa — a prova do amor
divino pelo povo de Deus. Assim, assumir uma cruz é assumir o fardo de Deus
pelas pessoas do mundo.
Apesar de nossas cruzes serem parecidas, nenhuma cruz é idêntica à
outra. Cada um de nós tem uma cruz própria — um chamado individual. O
dia em que descobrimos qual é a tarefa que Deus planejou para nós é um dia
muito feliz. Tudo se encaixa. Esse chamado condiz com nossas paixões e
envolve nossos dons e talentos. Você deseja dispersar as nuvens negras do seu
dia? Então aceite a orientação de Deus. Tome sua cruz.

MAIS UMA COISA

Enquanto você tenta compreender seu futuro, pode ser difícil lembrar
que Deus tem um plano específico para você — um plano que é mais do
que um fardo entediante, é um plano excitante e recompensador. Um
Deus. Um plano. Uma vida. Tome a sua cruz. Você não vai se
arrepender.
5 DE SETEMBRO
[Deus] pôs um novo cântico na minha boca.
[Salmos 40:3]

Uma canção de esperança


E ra por volta de 1760 quando mãe e filha passavam e repassavam por uma
fila de prisioneiros recém-libertados. Regina, filha e irmã das duas
mulheres, tinha sido capturada pelos índios quase dez anos antes. Será que
Regina estaria entre aquelas almas pálidas e alquebradas? Nenhuma daquelas
pessoas parecia familiar. Foi então que alguém teve uma ideia: será que elas
lembravam de alguma música ou canção de infância?
Mãe e filha tornaram a percorrer lentamente a fila, cantando uma música
da infância da mulher que procuravam. De repente uma garota alta e magra
saiu correndo na direção da mãe, a abraçou e começou a cantar com ela.
Regina não tinha reconhecido sua própria família, mas se lembrou da música
que vivia em seu coração quando era garota.11
Deus também coloca uma música no coração de seus filhos. Uma canção
de esperança e de vida. Às vezes essa canção emudece. As feridas e os
acontecimentos da vida silenciam a música do coração. Mas a graça infinita de
Deus nos chama para voltarmos para casa. Mesmo quando estragamos tudo.
Mesmo quando nos perdemos, quando nos separamos de nossa família
durante anos. Mas, no fim das contas, ouvimos a voz dele e algo dentro de nós
desperta. E quando esse algo desperta, voltamos a cantar.

MAIS UMA COISA

A música é algo muito poderoso. Ela tem o poder de inspirar, de


emocionar, até de nos levar às lágrimas. Escreva o nome de algumas das
suas músicas favoritas e dos motivos pelos quais elas significam para
você. Depois, reflita sobre a canção de esperança que Deus oferece a
cada um de nós. A música dele é a mais emocionante de todas.
6 DE SETEMBRO
Corramos com perseverança a corrida que nos é proposta, tendo os olhos fitos em
Jesus.
[Hebreus 12:1-2]


Olhe para o Filho
Na maioria dos dias, eu me jogo para fora da cama e vou para a rua. Corro
porque não gosto de médicos do coração.
Como a minha família tem histórico de doenças cardíacas, eu corro pela
vizinhança. Enquanto o sol se ergue, já estou correndo. E enquanto corro, meu
corpo reclama. Ele odeia cooperar. Meus joelhos doem. Meu quadril fica duro.
Meus tornozelos resmungam.
Tudo dói. E quando tudo dói, aprendi que tenho três opções. Ir para casa
(Denalyn iria rir da minha cara). Refletir sobre as dores até começar a
imaginar que estou tendo dores no peito (que pensamento agradável). Ou
posso continuar correndo e ver o sol nascer. Quando observo o mundo de
Deus passar da escuridão ao dourado do dia, adivinhe só? O mesmo acontece
com a minha atitude. A dor passa e as articulações se soltam mais. Tudo
melhora enquanto meu olhos repousam no sol.
Não foi esse o conselho que nos deu o autor de Hebreus: mantenha os
olhos no Filho?

MAIS UMA COISA

Leia Hebreus 12:1-2. O autor deixa claro que, às vezes, lutamos contra
nossos próprios desejos e somos disciplinados por isso. A solução é se
concentrar no nosso exemplo perfeito, Jesus, o Filho que irradia sua luz
para todos.
7 DE SETEMBRO
Se [...] andamos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros.
[1João 1:7]

Confessem-se uns aos outros


V ocê ficou quando deveria ter partido, olhou quando deveria ter dado as
costas, flertou quando deveria ter ido embora, machucou quando deveria
ter ajudado, negou quando deveria ter confessado. Por isso, fale com Deus a
respeito. Busque-o como você buscaria a um familiar confiável. Explique a dor
e repasse seus erros com essa pessoa.
Quando você estraga tudo e confessa, às vezes Deus o manda falar com
outro cristão. “Confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos
outros para serem curados” (Tiago 5:16). Tiago nos orienta não só a confessar
para cima, para Deus, mas também para fora, para os outros.
As pessoas são atraídas pela honestidade. Você deveria fazer o mesmo.
Encontre um grupo de estudo bíblico ou um grupo de jovens com garotos e
garotas que acreditam no poder da confissão. Evite se reunir com pessoas que
se dizem todas perfeitas — você não vai se encaixar nesse grupo. Em vez disso,
procure andar com pessoas que admitem seus pecados e que são humildes. A
cura acontece em círculos como esse.
Quem confessa conhece uma liberdade que aqueles que escondem seus
erros não conhecem.

MAIS UMA COISA

Precisamos uns dos outros. Não estou falando de amigos falsos que
desaparecem assim que você tem uma crise. Estou falando de amigos
que acreditam em Deus e que estarão lá para ajudar. Seja verdadeiro
com essas pessoas. Elas são um presente de Deus para incentivar você.
8 DE SETEMBRO
“Seja forte e corajoso. Não se apavore, nem se desanime, pois o SENHOR, o seu
Deus, estará com você por onde você andar.”
[Josué 1:9]

Viva com Jesus


“Vendo a coragem de Pedro e de João, e percebendo que eram homens
comuns e sem instrução, [os acusadores] ficaram admirados e
reconheceram que eles haviam estado com Jesus” (Atos 4:13).
Pedro e João tiveram um tempo longo e delicioso na presença do Rei
ressuscitado. Acordavam com ele, andavam com ele. E porque andavam
juntos, o silêncio já não era mais uma opção. “Não podemos deixar de falar do
que vimos e ouvimos” (Atos 4:20).
Será que você poderia usar de uma coragem ousada assim? Enquanto
você ficar parado, ninguém vai reclamar. Um cachorro não late para um carro
estacionado. Mas basta acelerar um pouco — basta sair da desonestidade para
a integridade, da preguiça para a compaixão — para o barulho começar.
Espere ser criticado. Espere ser ridicularizado.
Então como podemos nos preparar? É simples. Basta imitar os discípulos.
Fique por bastante tempo e com bastante frequência na presença de Cristo.
Medite sobre a graça dele. Reflita sobre o amor dele. Memorize as palavras
dele. Fixe o olhar no rosto dele. Fale com ele. A coragem nasce de vivermos
com Jesus. Quando meditamos sobre a vida de Cristo, encontramos a força
para nós mesmos.

MAIS UMA COISA

Você está com medo do amanhã? Faça como os discípulos — passe


algum tempo com Jesus. Fale com ele. Leia as palavras dele. Reflita sobre
a vida dele e sobre o amor dele por você. Ele tem força e poder como
ninguém mais, e ele está mais do que disposto a compartilhar esse poder
com você.
9 DE SETEMBRO
[O SENHOR] reduziu a tempestade a uma brisa e serenou as ondas.
[Salmos 107:29]


Acima do corte
Apalavra sagrado significa “separado”. A pesquisa do termo remete a uma
palavra antiga que significa “cortado”. Ser sagrado, portanto, significa estar
acima da linha de corte, ser superior, ser excelente. O Sagrado habita em um
nível diferente do resto da humanidade. O que nos assusta não o assusta. O
que nos incomoda não o incomoda.
Eu sou um pastor, não um marinheiro, mas já naveguei bastante em um
barco para conhecer o segredo de encontrar terra em meio a uma tempestade.
Não se deve mirar outro barco. Decerto não se deve mirar as ondas. É preciso
fixar o olhar em um objeto que não se deixa afetar pelo vento — uma luz na
praia — e ir diretamente naquela direção.
Quando você fixa o olhar em Deus, acaba focando naquele que está
“acima da linha de corte” de qualquer tempestade que a vida traz. Provas
finais? O fim de um namoro? Uma família que está em constante conflito? Ele
é aquele capaz de acalmar a tempestade. Nele, você encontrará a paz.

MAIS UMA COISA

Não é bom saber que existe um nível acima de todo o lixo em que
vivemos? Um lugar que é sagrado, em vez de horrível? Um lugar de paz,
em vez de tempestade? Pois é nesse lugar que Deus vive, e ele quer que
você desfrute desse lugar com ele. Por isso, mire nele e reme com toda a
sua força.
10 DE SETEMBRO
“Eu sou o SENHOR, o Deus de toda a humanidade. Há alguma coisa difícil demais
para mim?”
[Jeremias 32:27]


Leia a história
Nós precisamos ouvir que Deus está no controle. Precisamos ouvir que nada
acaba até ele dizer que acabou. Precisamos ouvir que os enganos, as
confusões e as tragédias da vida não são motivos para sairmos correndo. Essas
coisas são motivos apenas para ficarmos quietos. Corrie ten Boom costumava
dizer: “Quando o trem passa por um túnel e tudo escurece, você salta do
trem? Claro que não. Você fica quieto e confia que o maquinista irá conduzir
você de volta à luz.”
Sim, você vai dizer o que não deve, vai escrever a resposta errada, vai
escolher o amigo errado. Você vai ter dias — e semanas — que parecem o fim
do mundo, e se sentirá desanimado.
Mas como devemos lidar com esse desânimo? Qual é a cura para a
decepção? Volte e leia novamente a história de Deus. Leia a história de novo e
de novo. Lembre que você não é a primeira pessoa a chorar. E que não será a
primeira pessoa a receber ajuda divina. Leia a história e lembre — essa história
também é a sua história!

MAIS UMA COISA

Você acorda tarde. Perde o ônibus. Vai mal na prova. Esquece que ia se
encontrar com um amigo no almoço. Deixa a lição de casa cair na lama
sem querer. Sim, às vezes nos sentimos desanimados! Por isso, apanhe
sua Bíblia. Ela está cheia de histórias de pessoas como você e de vitórias
que Deus criou a partir de ruínas.
11 DE SETEMBRO
Oro para que vocês, arraigados e alicerçados em amor, possam [...] compreender a
largura, o comprimento, a altura e a profundidade.
[Efésios 3:17-18]

Ele não desistiu


Lee Ielpi é um bombeiro aposentado que serviu à cidade de Nova York. Ele
deu 26 anos de sua vida para a cidade. Mas em 11 de setembro de 2001 ele
deu muito mais que isso. Ele deu a vida de seu filho para a cidade. Jonathan
Ielpi também era bombeiro. Quando as Torres Gêmeas desabaram, ele estava
lá.
Os bombeiros são pessoas bastante fiéis. Quando um bombeiro perece
durante o trabalho, o corpo fica no local até que outro bombeiro que conhece
aquela pessoa apareça para resgatá-lo. Lee fez da busca pelo corpo de seu filho
sua missão pessoal. Ele cavava dia a dia ao lado de dezenas de outros
bombeiros naquele cemitério de 16 acres. Em 11 de dezembro, um terça-feira,
três meses após o desastre, o filho foi encontrado. E foi Lee quem o levou dali.
Aquele pai não desistiu. Por quê? Porque o amor que ele tinha por seu
filho era maior do que a dor da busca. Será que não podemos dizer o mesmo
de Cristo? Por que será que ele não desistiu? Porque o amor que ele tinha por
seus filhos era muito maior que a dor de sua missão.

MAIS UMA COISA

O amor não existe apenas para os momentos de diversão ou para


quando for conveniente. O amor acredita quando ninguém mais crê e
permanece quando todos fogem. O amor é largo, e alto, e amplo e
profundo. O amor não desiste. Como o amor de Cristo, ele sempre está
pronto para nos levar para casa.
12 DE SETEMBRO
“Não estavam ardendo os nossos corações dentro de nós, enquanto ele nos falava
no caminho?”
[Lucas 24:32]


Fogo que vem de dentro
“Então os olhos deles [dos discípulos] foram abertos e o reconheceram, e
ele desapareceu da vista deles. Perguntaram-se um ao outro: ‘Não
estavam ardendo os nossos corações dentro de nós, enquanto ele nos falava no
caminho e nos expunha as Escrituras?’” (Lucas 24:31-32).
Você não ama esse versículo? Eles sabiam que tinham estado com Jesus
por causa do fogo que queimava dentro deles. Deus revela sua vontade
acendendo uma tocha dentro da alma. Ele deu a Jeremias um fogo voltado
para os corações endurecidos. Ele deu a Neemias um fogo voltado para uma
cidade esquecida. Ele acendeu o fogo de Abraão voltado para uma terra que
ele jamais havia visto. Ele acendeu o fogo de Isaías com uma visão à qual este
não pôde resistir. Quarenta anos de pregação em vão não apagaram o fogo de
Noé.
Pode anotar: Jesus vem para acender seu fogo! Ele caminha como uma
tocha de coração em coração, aquecendo os corações gelados e removendo as
brasas. Seguir Cristo não consiste de uma jornada tola e sem fim, mas de um
caminhar excitante em busca de um destino. Sinta o calor — ele já está a
caminho!

MAIS UMA COISA

Certas pessoas acreditam que ser um cristão é algo chato, que isso
significa sentar em uma igreja e decorar ideias ultrapassadas. Mas essas
pessoas não entendem nada. O amor, o poder e a paixão de Deus se
espalham dentro de você como fogo selvagem. Não há alegria como a de
marchar com Jesus! Isso é uma faísca da própria vida.
13 DE SETEMBRO
“Eu me casarei com você para sempre; eu me casarei com você com justiça e
retidão, com amor e compaixão.”
[Oseias 2:19]


A escolha é nossa
A pesar de todas as reviravoltas e de todos os personagens singulares, a Bíblia
consiste de uma história simples. Deus fez o homem. O homem rejeitou a
Deus. Deus não vai desistir até reconquistar a humanidade.
Deus vai sussurrar. Vai gritar. Vai tocar e cutucar. Vai remover nossos
problemas; vai até retirar as bênçãos que nos deu. Se entre nós e ele houver
mil degraus, ele caminhará por todos eles, menos um. Ele vai deixar o último
degrau para nós. A escolhe é nossa. “Se você confessar com a sua boca que
Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os
mortos, será salvo” (Romanos 10:9).
Por favor, entenda. O objetivo dele não é fazer você feliz. O objetivo de
Deus é fazer você pertencer a ele. O objetivo dele não é dar a você aquilo que
você deseja; o objetivo dele é dar a você aquilo de que você precisa.

MAIS UMA COISA

Com que frequência Deus sussurra, grita ou cutuca você sem você
perceber? Talvez naquela vez em que você sentiu que devia ir à igreja,
mas acabou dormindo um pouco mais? Talvez naquela manhã em que
você queria ter orado? Ele persegue você todos os dias, convidando-o a
fazer a escolha de estar com ele e de segui-lo.
14 DE SETEMBRO
Esforçamo-nos a noite inteira e não pegamos nada.
[Lucas 5:5]


Tente mais uma vez
P edro tinha pescado a noite inteira, sem lograr sorte, quando Jesus ordenou
que ele tentasse mais uma vez. E você tem alguma rede gasta, molhada e
vazia? Você conhece a sensação de uma noite em claro, sem conseguir pegar
um peixe sequer? É claro que sim. Mas o que é que você tem lançado ao mar?
Fé? “Eu quero acreditar, mas...” Cura? “Tenho estado doente por tanto
tempo...” Esperança? “Nada parece fazer diferença...”
Você trabalhou a noite inteira e não apanhou nada. Já sentiu o que Pedro
sentiu. Já esteve onde Pedro esteve. E agora Jesus está pedindo para você ir
pescar. Ele sabe que suas redes estão vazias. Sabe que seu coração está
cansado. Sabe que você gostaria de dar as costas para essa bagunça toda,
desistindo da vida. Mas ele roga: “Não é tarde demais para tentar mais uma
vez.”
Veja a resposta de Pedro e pense se ela não pode ajudar você a decidir
por si próprio: “Porque és tu quem está dizendo isto, vou lançar as redes”
(Lucas 5:5).

MAIS UMA COISA

Pedro obedeceu Jesus e apanhou tantos peixes que a rede começou a


arrebentar. Para onde a obediência e a perseverança podem levar você?
O que seria uma bênção maior do que você consegue imaginar? Jesus
gosta de surpreender nossas expectativas, mas é preciso fé e obediência
para desfrutar dessa surpresa.
15 DE SETEMBRO
“Você não devia ter tido misericórdia do seu conservo como eu tive de você?”
[Mateus 18:33]


Recebedor da graça
Havia um servo que devia mais dinheiro a seu rei do que jamais conseguiria
ganhar em vida. Era mais fácil esse servo encontrar um iPod de brinde na
caixa de cereal matinal do que arranjar dinheiro para pagar a dívida. Assim, o
rei ordenou que o servo, sua família e tudo que ele possuía fossem vendidos
para pagar a dívida. Mas o homem implorou: “‘Tem paciência comigo, e eu te
pagarei tudo.’ O senhor daquele servo teve compaixão dele, cancelou a dívida
e o deixou ir” (Mateus 18:26-27).
Depois disso, o servo correu até a casa de outro homem que lhe devia
alguns dólares. Era de se esperar que o servo recém-perdoado também fosse
rápido em perdoar, certo? Mas não foi o que aconteceu. Ele exigiu que a
dívida fosse paga. O servo fez ouvidos moucos aos pedidos de súplica de seu
conhecido e mandou que o prendessem por conta da pequena dívida. Quando
o rei descobriu, mandou que o servo é que fosse jogado na prisão.
Como é que o servo pôde ser tão mesquinho? A nós só resta especular, e
eu imagino o seguinte: a graça jamais aconteceu para ele. Aquele servo egoísta
não entendeu nada. Quem recebe a graça é capaz de dar a graça também.

MAIS UMA COISA

Somos abençoados todos os dias, mas, às vezes, esquecemos de reparar.


Pense na cama que seus pais lhe deram para dormir. No professor que
deu um tempo extra para fazer a lição de casa. No amigo que ouviu seus
problemas. Naquele que recebeu a graça, para depois dá-la. Certifique-se
de que a graça aconteceu com você — e então, dê-la para outra pessoa.
16 DE SETEMBRO
“Livrem os fracos e os pobres; libertem-nos das mãos dos ímpios.”
[Salmos 82:4]


Enfrente os valentões
Jesus tinha muito trabalho com os valentões. Nós também temos.
Quando um grupo de fariseus acusadores empurraram uma mulher
acusada de adultério na frente de Jesus, ele se ergueu até seus ombros ficarem
retos e sua cabeça elevada. Ele se ergueu não para pregar, pois suas palavras
seriam poucas. Não para instruir os seguidores; pois ele não mirava este
grupo. Ele se ergueu em nome daquela mulher. Ele se colocou entre ela e a
multidão irada e disse: “Se algum de vocês estiver sem pecado, seja o primeiro
a atirar pedra nela” (João 8:7).
Nós também devemos nos erguer por aqueles que não podem se
defender. Deus nos pede: “Confortem os desanimados, auxiliem os fracos”
(1Tessalonicenses 5:14). Você conhece alguém da sua escola ou do seu bairro
que precisa da sua ajuda? Oferecer a outra face não significa dar as costas
quando um valentão ameaça — verbal ou fisicamente — uma vítima menor,
mais jovem ou mais fraca. Jesus mostrou o caminho. Por isso, levante-se. O
amor se ergue contra os valentões.

MAIS UMA COISA

Você não quer ser incomodado. E quem quer? Decerto não aquele
garoto ou aquela garota encurralada por um grupo de “valentões”. Ou
talvez aquele colega de sala que não consegue se defender contra
palavras que machucam. Quem irá enfrentar os valentões? Você —
porque foi isso que Jesus fez.
17 DE SETEMBRO
“Observem as aves do céu: não semeiam nem colhem nem armazenam em celeiros;
contudo, o Pai celestial as alimenta.”
[Mateus 6:26]


A oficina de Deus
Opeso da nossa terra está estimado em seis sextilhões (isso vale um seis
seguido de vinte e um zeros!) de toneladas. Ela está inclinada em
precisamente 23 graus; um pouco a mais ou um pouco a menos e as estações
se perderiam na inundação das calotas polares derretidas. Apesar de a terra
girar a uma velocidade de 1.600 quilômetros por hora ou quarenta mil
quilômetros por dia ou 15 mil quilômetros por ano, nenhum de nós sai
voando por aí.
Enquanto você observa esta oficina de Deus, permita que eu faça algumas
perguntas. Se ele é capaz de pendurar as estrelas no céu e suspender o céu
como uma cortina, será que não existe a remota possibilidade de Deus estar
guiando a sua vida? Se o seu Deus é poderoso o suficiente para acender o sol,
será que ele não seria poderoso o bastante para iluminar seu caminho? Se ele
se importa com o planeta Saturno a ponto de decorá-lo com anéis ou com
Vênus para fazê-lo brilhar, será que ele não se importa em cuidar de cada uma
das suas necessidades?
Você já se perguntou se Deus teria capacidade de influenciar sua vida? A
resposta está na oficina dele.

MAIS UMA COISA

É incrível como tudo no universo se encaixa a ponto de permitir que


vivamos neste planeta chamado Terra. Só Deus tem o poder e o plano de
fazer tudo isso acontecer. Você acha que ele faria tudo isso e então
escolheria negligenciar seus filhos? Eu também não.
18 DE SETEMBRO
Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da
sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e
perfeita vontade de Deus.
[Romanos 12:2]

Encaixando
A nos atrás fui convidado para tomar chá das quatro na casa de um pastor.
Eu nunca tinha ouvido falar de chá das quatro. Com espírito aventureiro,
aceitei de bom grado o convite. Cheguei até a fingir certo entusiasmo ao ver o
chá e a bandeja de biscoitos. Mas, então, veio a hora da verdade. A anfitriã
perguntou que acompanhamento eu gostaria com meu chá. Ela deu duas
opções: “Limão? Leite?” Eu não fazia a menor ideia, mas não queria parecer
rude e não queria deixar de experimentar nada; assim, respondi: “Os dois.”
O olhar estampado no rosto dela não deixava dúvida. Eu tinha errado
feio. “Não se mistura limão e leite na mesma xícara”, explicou-me com
delicadeza, “a menos que você queira uma xícara de coalhada”.
Algumas pessoas fazem muito esforço para se encaixar no mundo, mas
acabam apenas parecendo tolas. Jesus diz que, quando somos fiéis, não
devemos tentar fazer isso. “Eles não são do mundo, como eu também não sou”
(João 17:14). Porém, quando o objetivo é se encaixar em Deus, então não
perdemos absolutamente nada.

MAIS UMA COISA

Muito nos preocupamos com o que os outros pensarão de nós. Nos


vestimos, falamos e andamos de modo a se encaixar. Talvez seja hora de
se preocupar menos com o que as pessoas do mundo pensam e de
começar a se preocupar mais com o que Deus pensa.
19 DE SETEMBRO
“Onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração.”
[Mateus 6:21]


Vida simples
Avida mais poderosa é também a vida mais simples. A vida mais poderosa é
a vida que sabe para onde está indo, que sabe de onde vem sua força, e que
fica longe da pressa e da confusão.
Viver ocupado não é um pecado. Jesus vivia ocupado. Paulo vivia
ocupado. Pedro vivia ocupado. Nada de significativo é alcançado sem esforço,
trabalho duro e cansaço. Estar ocupado, em si, não é um pecado. Mas estar
infinitamente ocupado em busca de coisas que nos deixam vazios, ocos e
quebrados por dentro — é impossível que isso seja do agrado de Deus.
Uma das fontes do cansaço humano é a busca de coisas que nunca
satisfazem; mas quem de nós já não se viu em uma situação dessas? Nossos
prazeres, nossos bens, nosso orgulho — são todas coisas vazias. Quando
tentamos obter a vida a partir de coisas mortas acabamos cansados e
insatisfeitos. Busque a simplicidade. Ame a Deus e o siga.

MAIS UMA COISA

Às vezes a vida parece complicada demais, não? Tanto para fazer, tantos
aparelhos novos para experimentar, tantas pessoas para agradar. E tudo
isso sem obter satisfação. Mas não precisa ser assim. Escolha levar uma
vida simples. Foque naquele que trará a satisfação última.
20 DE SETEMBRO
Irmãos, rogo-lhes pelas misericórdias de Deus que se ofereçam em sacrifício vivo,
santo e agradável a Deus.
[Romanos 12:1]


Fogo destruidor
Oressentimento é a cocaína das emoções. Ele faz com que o sangue corra
mais rápido e que os níveis de energia se elevem. Porém, também como a
cocaína, ele leva ao uso de doses cada vez maiores e mais frequentes. Há um
ponto perigoso em que a raiva deixa de ser uma emoção e passa a ser a força
motora das ações. Uma pessoa inclinada para a vingança se distancia, sem
saber, da capacidade de perdoar, já que a falta de raiva significa ficar sem a
fonte de energia.
Você conhece alguém que está preso nessa armadilha, sempre com raiva,
sempre planejando se vingar de alguém? Será que você mesmo está nessa
armadilha? É por isso que a Bíblia diz: “Quando vocês ficarem irados, não
pequem. Apaziguem a sua ira antes que o sol se ponha” (Efésios 4:26).
O ódio é como o cão raivoso que se volta contra o próprio dono. A
vingança é o fogo destruidor que consome o incendiário. A amargura é a
armadilha que apanha o caçador.
E a misericórdia é a escolha que liberta a todos.

MAIS UMA COISA

Isso já aconteceu com você? Já usou a raiva ou o ódio como uma droga
para ter mais energia, para permitir que você continuasse bravo? Pois
essa é uma história sem final feliz. Escolha seguir o caminho de Deus e
perdoe. Apague o fogo da raiva antes que ele o consuma.
21 DE SETEMBRO
“Antes de formá-lo no ventre eu o escolhi.”
[Jeremias 1:5]


A assinatura de Deus
Com Deus no seu mundo, você não é mais um acidente ou um incidente; é
um presente para o mundo, uma obra de arte divina assinada por Deus.
Um dos presentes mais valiosos que já ganhei é uma bola de futebol
americano assinada por trinta quarterbacks aposentados. Não há nada de
especial na bola em si. Até onde sei, ela foi comprada em uma loja de artigos
esportivos qualquer. O que torna essa bola única são as assinaturas que nela
estão.
O mesmo vale para nós. Quando olhamos para a natureza como um
todo, vemos que nós, humanos, não somos inteiramente únicos. Não somos a
única espécie com carne, com cabelo, com sangue e com um coração. O que
nos torna especial não é o corpo humano, mas a assinatura de Deus em nossas
vidas. Nós somos a obra de arte dele. Fomos criados à imagem dele para fazer
o bem. Somos importantes, não pelo que fazemos, mas pelo que nós somos.
Deus colocou um autógrafo em você. É isso que faz você ser mais valioso
do que tudo.

MAIS UMA COISA

Uma assinatura significa muita coisa para um colecionador. Uma bola


de beisebol assinada por Babe Ruth? Um quadro com a assinatura de
Rembrandt? Há pessoas que pagam milhares e até milhões por essas
coisas. Mas quem seria capaz de colocar um preço na assinatura de
Deus? Você consegue vê-la? Ela está dentro de você.
22 DE SETEMBRO
Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida.
[Provérbios 4:23]


Seus pensamentos controlam sua vida
Há dois tipos de vozes disputando a sua atenção neste exato momento. As
vozes negativas enchem sua mente de dúvida, amargura e medo. As vozes
positivas oferecem força e esperança. Qual das duas você escolherá ouvir?
Porque pode fazer essa escolha, sabia? “Levamos cativo todo pensamento,
para torná-lo obediente a Cristo” (2Coríntios 10:5).
Você abre a porta da sua casa para todo mundo que toca a campainha?
Portanto, não permita que todo e qualquer pensamento arranje abrigo na sua
cabeça. Faça esse pensamento ser cativo... Faça com que ele obedeça a Jesus.
Em caso de recusa, descarte-o.
Os pensamentos negativos nunca deixam você mais forte. Quantas foram
as vezes em que reclamar serviu para mudar a nota da prova? Ou quando foi
que reclamar das espinhas fizeram com que estas desaparecessem? Por que
reclamar das dores e dos incômodos, dos problemas e dos desafios?
“Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida”
(Provérbios 4:23).

MAIS UMA COISA

A mente corre. A mente vaga. A mente pode ficar ausente. Ideias e


pensamentos que passam por sua cabeça são como ovelhas — eles
precisam ser direcionados. Portanto, leve-as para o curral cuja tabuleta
indica: “positivos”. Lá eles serão muito mais felizes, assim como você.
23 DE SETEMBRO
Antes da sua queda o coração do homem se envaidece, mas a humildade antecede
a honra.
[Provérbios 18:12]


Ambição cega
A mbição cega. Sucesso a qualquer custo. Tornar-se uma lenda viva. Realizar
a escalada até o topo. Ser o rei da montanha. O maioral. “Eu cheguei até
aqui sozinho.”
Nós transformamos em heróis as pessoas que são ambiciosas.
Apontamos essas pessoas como modelos e estampamos suas imagens em
capas de revistas. E isso é justo. Esse mundo estaria bem pior sem as pessoas
que sonham em tocar o céu. A ambição é a coceira na mente que cria o
desencanto com o ordinário e imbui os sonhos de ousadia.
No entanto, sem a orientação de Deus, a ambição se torna o vício pelo
poder e pela fama; uma fome incessante pelas realizações que devora pessoas
como um leão devora sua presa, deixando para trás apenas o esqueleto dos
relacionamentos.
Deus jamais tolerará isso. A ambição cega é um grande passo na direção
oposta a Deus e um passo a mais na direção da catástrofe.

MAIS UMA COISA

De que forma a ambição cega aparece na sua vida? Na forma de um


colega que copia um trabalho da internet? Ou daquele cara que usa
esteroides para ficar musculoso? Talvez como pessoas que humilham o
próximo para parecerem maiores? Qualquer que seja o caso, trata-se de
uma estrada para a ruína. Em vez disso, escolha seguir o caminho de
Deus.
24 DE SETEMBRO
“A água que eu lhe der se tornará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna.”
[João 4:14]


Água espiritual
Qualquer atleta pode dizer que uma garrafa d’água é mais do que uma
necessidade. Prive seu corpo dos fluidos necessários e ele logo irá
reclamar. Boca seca. Língua inchada. Tontura e fadiga.
A água espiritual também é mais do que necessária. Prive sua alma desta
água, e ela logo irá reclamar. O coração desidratado manda mensagens
desesperadas: o temperamento raivoso. Ondas de preocupação. Um
mastodonte barulhento de culpa e de medo. Você acha que Deus quer que
você viva assim? Sem esperança. Sem sono. Solitário. Amargurado. Irritado.
Inseguro. Tudo isso são avisos. São sintomas de uma secura que vem de
dentro.
Cuide da sua alma como você cuida da sua sede. Dê um gole. Beba com
vontade. Inunde seu coração com um belo gole de água.
E onde você pode encontrar água para sua alma? Em Cristo. “Se alguém
tem sede, venha a mim e beba. Quem crer em mim, como diz a Escritura, do
seu interior fluirão rios de água viva” (João 7:37-38).

MAIS UMA COISA

Você já passou por isso. Depois de uma corrida ou de um jogo puxado,


está morto de sede. Você mal consegue esperar para dar enormes goles
na água. Pois devemos fazer o mesmo com Jesus. Quando a vida nos faz
sentir secos como um deserto, é Deus que inunda a alma com esperança.
25 DE SETEMBRO
Aclamem o SENHOR todos os habitantes da terra! Prestem culto ao SENHOR com
alegria; entrem na sua presença com cânticos alegres.
[Salmos 100:1-2]

Razões para a alegria


“C omo está a vida?”, alguém pergunta. Apesar de termos sido salvos por
Jesus, respondemos: “Bem, poderia estar melhor.” Ou então: “Não
consegui pegar a matéria que eu queria.” Ou: “Meus pais não me deixam ir na
festa.” Ou ainda: “Não me deixam em paz para eu poder terminar o trabalho
sobre egoísmo.”
Será que você está tão focado no que não tem que não consegue ver
aquilo que tem?

Você tem uma passagem para o céu que bandido nenhum pode roubar,
um lar eterno que divórcio nenhum pode destruir.
Todo pecado da sua vida foi lançado ao mar.
Todo erro que você cometeu está pregado ao tronco.
Você foi comprado com sangue e feito no céu.
Filho de Deus — salvo para sempre.
Seja grato, alegre-se — pois não é verdade?
Que o que você não tem é muito menos
do que tudo aquilo que você tem.

MAIS UMA COISA

Essa é uma das lições mais simples da vida. Você pode perder tempo
pensando em tudo que não tem. Ou pode escolher passar seu tempo
pensando em tudo que tem. Uma dessas coisas é bem maior que a outra.
Consegue identificar qual delas?
26 DE SETEMBRO
Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a
verdade não está em nós.
[1João 1:8]


Só um curativo não basta
Há algum tempo minha filha Andrea estava com uma farpa no dedo. Assim,
fui com ela até o banheiro e apanhei uma pinça, um remédio e um
curativo adesivo. Ela não gostou do que viu. “Eu quero só o curativo, papai.”
Às vezes nós agimos assim. Talvez tenhamos mentido para um amigo,
ficado até tarde na rua ou fumado alguma coisa que não deveríamos. Vamos a
Cristo com esse erro, mas tudo que desejamos é algo para cobrir o
machucado. Queremos pular a parte do tratamento. Queremos esconder o
pecado. E ficamos perguntando se Deus, mesmo em sua infinita misericórdia,
irá curar o que escondemos.
Mas de que forma Deus pode curar aquilo que negamos? Como ele pode
tocar aquilo que cobrimos? Um curativo não serve de nada se a farpa continua
por baixo. Não negue nada. Confesse tudo para ele. Dê a Deus a chance de
retirar as farpas dos pecados da sua vida. É a única maneira de ser
verdadeiramente curado.

MAIS UMA COISA

Pense um pouco na semana que passou. Você ofendeu Deus com


alguma das suas ações ou atitudes? Falou com ele a respeito e pediu
perdão? A culpa e a vergonha não vão sumir até você fazer isso. Deixe
que Deus realize a divina obra da cura.
27 DE SETEMBRO
Louvem o SENHOR! Porque imenso é o seu amor leal por nós.
[Salmos 117:1-2]

Encharcado na graça de Deus


V ocê estragou tudo ontem. Falou quando devia ter ouvido, seguiu em frente
quando devia ter esperado, julgou quando devia ter confiado, desistiu
quando devia ter resistido. Estragou tudo, mas vai estragar mais ainda se
deixar os erros de ontem sabotarem as atitudes de hoje.
A misericórdia de Deus se renova a cada manhã. Receba essa
misericórdia. Tente aprender a lição da floresta de Cascade, no estado norte-
americano de Washington. Algumas de suas árvores contam centenas de
anos, superando em muito a média de vida de cinquenta a sessenta anos. Uma
dessas camaradas cheias de folha tem incríveis sete séculos de existência! Mas
o que faz a diferença para elas? As chuvas torrenciais diárias. Toda essa água
deixa o chão sempre úmido e as árvores molhadas, de modo que os trovões
não têm efeito sobre elas.12
Mas os raios também podem atingir você. Um relâmpago de
ressentimento pode fulminar e consumir você. Contra-ataque com a torrente
da graça de Deus, com o banho diário no perdão. Fazer isso só uma vez ao ano
não adianta. Uma vez por mês é insuficiente. Um banho semanal vai deixar
você seco. Molhar-se de vez em quando ainda vai permitir que você pegue
fogo. Você precisa se encharcar todos os dias. “Graças ao grande amor do
SENHOR é que não somos consumidos, pois as suas misericórdias são
inesgotáveis. Renovam-se cada manhã” (Lamentações 3:22-23).

MAIS UMA COISA

A graça de Deus é assim — um banho purificador que remove cada


traço de tristeza, de culpa e de arrependimento. Precisamos desse banho
porque sempre encontramos um jeito de estragar tudo. Como foi que
você estragou tudo ontem? E hoje? Agora é a hora de falar com Deus
sobre isso. Já consigo ouvir um banho vindo na sua direção.
28 DE SETEMBRO
Somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as
quais Deus preparou de antemão.
[Efésios 2:10]

Vida que importa


Quando você aprendeu como deveria chamá-la, já estava mergulhado até o
pescoço nela. Estou falando da vida. Ninguém tem a mesma vida que você.
Você jamais vai trombar em si mesmo andando na rua. Jamais encontrará
alguém com a mistura exata de amor e de anseios que você tem.
Mas essa vida que você tem está correndo e, se não prestar atenção, vai
ver sua vida passando por você. Algumas pessoas não se incomodam com tais
pensamentos. Elas apenas se arrastam pelos dias sem erguer os olhos para
olhar para cima. Elas morrem e jamais se perguntam por quê. Mas você não é
uma dessas pessoas. Para você, não basta viver bem. Você quer fazer o bem.
Quer que sua vida importe. Você quer viver de modo a deixar o mundo
orgulhoso da sua vida.
Todos nós recebemos a oportunidade de fazer a diferença no momento
de dificuldade. E se isso realmente acontecesse? E se inundássemos o mundo
de esperança? E se preenchêssemos cada canto da terra com a vida e com o
amor de Deus?
Fomos criados por um grande Deus para realizar coisas grandes.

MAIS UMA COISA

Deus tem um plano para você. Um plano grande. Um plano ótimo.


Consegue enxergar isso? Não se preocupe, ele está esperando você
descobrir. Fique de olhos abertos. Se prepare. Ore. Deus não desperdiça
sua criação. Ele não vai despertar a pessoa que se chama “você”.
29 DE SETEMBRO
Aqueles que esperam no SENHOR renovam as suas forças.
[Isaías 40:31]


Fervura lenta
Você é impaciente? Quer ser mais alta, mais magra, mais forte — agora.
Quer entender álgebra — agora. Quer um namorado ou uma namorada —
agora!
Você já ouviu o ditado: “Panela vigiada nunca ferve.” A paciência é uma
fervura lenta. Ela não aumenta as chamas. Ela espera o calor esquentar a
panela, que, por sua vez, eleva a água até os 100º Celsius. É preciso sentar e
esperar que isso aconteça.
Acontece o mesmo com a vida o tempo todo. É da nossa natureza decidir
pelo que queremos e mergulhar de cabeça para fazer acontecer. Mas quando
nos colocamos na frente de Deus e do tempo perfeito do plano divino,
estamos apenas nos preparando para a decepção. Quando esperamos
pacientemente por ele, Deus atende nossas necessidades no momento exato.
Se você tem o Espírito Santo, então você tem o potencial de fazer a
paciência ser parte da sua vida. Ainda bem que Deus é paciente para esperar
você encontrar essa paciência.

MAIS UMA COISA

Você ora quando se sente impaciente? Quando o andar da vida o faz


atropelar seu próprio andar, pode ser uma boa ideia falar com Deus. É ele
quem pode dizer se é hora de mergulhar de cabeça ou de se retirar. Você
só precisa de um tempo para ouvir a resposta dele.
30 DE SETEMBRO
[Deus não está] longe de cada um de nós.
[Atos dos Apóstolos 17:27]


Deus no fundo do poço
J.J. Jasper e seu filho, Cooper, se divertiam à beça dando uma volta de buggy.
De repente, o buggy virou. Antes que pudesse se dar conta do que tinha
acontecido, J.J. se viu tendo de fazer o impensável: escolhendo um caixão,
planejando um funeral e tentando imaginar como seria a vida sem o único
filho que tinha. J.J. me disse: “Não existe aula ou livro nesse planeta que possa
te preparar para ver seu filho de apenas cinco anos morrendo em seus
braços... Sabemos bem o que é o fundo do poço.”
O fundo do poço. O lugar onde a rejeição, a humilhação e a tragédia
vivem. Onde a esperança bate em retirada. E os amigos também. O que sobra?
Sobra Deus.
Davi perguntou: “Para onde poderia eu escapar do teu Espírito? Para
onde poderia fugir da tua presença?” (Salmos 139:7). Depois, Davi fez uma
lista dos lugares onde podia encontrar Deus: nos “céus [...] na sepultura [...]
[na] alvorada [...] na extremidade do mar” (Salmos 139:8-9). Deus, em todo
lugar.
Você jamais conseguirá ir onde Deus não está. Em pé, na frente da sala
inteira? Chorando sozinho no seu quarto? No fundo do poço? Deus estará lá.
E ele traz o conforto e a força que apenas um Pai pode dar.

MAIS UMA COISA

Por cima em um momento, por baixo em outro. A vida pode virar mais
rápido do que um buggy descontrolado, fazendo com que nos
perguntemos sobre o que aconteceu e com um sentimento de solidão.
Mas nunca estamos sozinhos. Mesmo na solidão Deus encontrará você,
e oferecerá seu poder ilimitado para colocar você em pé novamente.


OUTUBRO

O SENHOR nos trará bênçãos.

[ Salmos 85:12 ]
1º DE OUTUBRO
Não há judeu nem grego, escravo nem livre, homem nem mulher; pois todos são um
em Cristo Jesus.
[Gálatas 3:28]


O aluno novo
“Estou tentando ser amigo de um aluno novo da escola. Ele vem de outra
cultura e a maioria do pessoal na escola trata ele como lixo. Agora estão
rindo de mim por ser amigo dele. Isso me machuca muito, mas tenho muita
dó do garoto. Eu sou o único amigo que ele tem. O que devo fazer?”
Foi assim que respondi a pergunta daquele aluno: “Eu continuaria a ser
amigo do menino novo, não importando o que dissessem. Ele é apenas um
desconhecido, mas você está fazendo ele ser conhecido. As primeiras piadas
sempre doem, mas, com o tempo, o preconceito diminui, a piada fica velha e
as pessoas começam a ver que a zombaria não faz diferença alguma. Os outros
olham apenas para a superfície e enxergam as diferenças. Você, está claro,
olha mais para dentro, para o amigo, e enxerga similaridades.”
O céu não está dividido em comunidades. Iranianos de um lado,
peruanos de outro, pessoas populares no meio, rejeitados no canto. Na
verdade, quando se mencionam as cores no céu, fala-se sempre em um arco-
íris (Apocalipse 4:3; 10:1). No céu, ninguém almoça sozinho.

MAIS UMA COISA

Quando as pessoas não entendem, elas atacam e dividem. No fundo,


somos todos iguais. Todos queremos amar e ser amados. Queremos
uma vida com significado. Queremos aquilo que Deus oferece a cada um
de nós — pertencer à família eterna dele.
2 DE OUTUBRO
“Quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna.”
[João 5:24]


No fim das contas
M uitos cristãos vivem ansiosos. Por quê? Porque eles se preocupam com a
eternidade. Eles pensam que estão salvos, esperam estar salvos, mas ainda
assim duvidam, se perguntam: “Será que estou realmente salvo?”
É uma pergunta universal. Crianças que aceitaram Cristo fazem essa
pergunta. Rebeldes também perguntam. Essa pergunta sempre emerge no
coração de quem sofre. Ela se infiltra nos pensamentos de quem está
morrendo. Quando esquecemos do voto feito a Deus, será que ele esquece de
nós? Será que essa passagem comprada ainda tem validade, ou será que as
portas do céu já se fecharam?
As palavras de Jesus não poderiam ser mais fortes. “Eu lhes dou a vida
eterna, e elas jamais perecerão; ninguém as poderá arrancar da minha mão”
(João 10:28).
Jesus prometeu uma vida nova que não se poderia perder e que não tem
validade. Queimam-se as pontes, mas a transferência ainda se completa. Pode
ser que nossos dias sejam recheados de altos e baixos, mas isso jamais servirá
para nos afastar do reino. No fim das contas, Jesus garante nossas vidas com
sua graça.

MAIS UMA COISA

Você tem dúvidas do seu futuro com Deus? Pois não duvide. Releia as
promessas de Jesus em João 3:16, 5:24, 10:28 e 11:25-26. De todas as
coisas que não sabemos na vida, ao menos isto sabemos: temos uma
passagem para o céu que vai ser honrada. Já temos um assento
reservado.
3 DE OUTUBRO
“Os pobres vocês sempre terão consigo, mas a mim vocês nem sempre terão.”
[João 12:8]


O que é importante?
Jesus visitava duas irmãs. A primeira, Maria, largou tudo para sentar aos pés
dele. A outra, Marta, corria para lá e para cá, tentando arrumar a casa e
preparar uma refeição para o distinto convidado. Mas Marta não estava feliz.
“Senhor, não te importas que minha irmã tenha me deixado sozinha com o
serviço?” (Lucas 10:40).
A vida de Marta era cheia de ocupações. Ela precisava dar um tempo.
“Marta! Marta! Você está preocupada e inquieta com muitas coisas”, explicou
o Senhor. “Todavia apenas uma é necessária. Maria escolheu a boa parte”
(Lucas 10:41-42).
Você precisa dar um tempo? Acha que está correndo a vida inteira,
tentando impressionar os outros ou até mesmo Deus? Não há nada de errado
em tentar tirar notas boas, em fazer o seu melhor na banda, na equipe de
futebol ou no clube de ciências. Mas se a única razão para esse esforço é
impressionar o mundo, pode parar. Em vez disso, escolha sentar-se aos pés de
Cristo. Deus se agrada mais com a atenção silenciosa de um servo sincero que
com o serviço barulhento de alguém amargurado.

MAIS UMA COISA

Às vezes as expectativas que vêm dos pais, dos amigos e dos professores
se acumulam. A vida parece dizer respeito apenas a notas, clubes,
serviços voluntários e bolsas escolares. No entanto, lembre-se que nada
disso vem de Deus. Ele quer apenas que você se sente aos pés dele. Ele é
a única coisa que importa.
4 DE OUTUBRO
Confie no SENHOR de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio
entendimento.
[Provérbios 3:5]


Deus é quem sabe
Oproblema deste mundo é que ele não se encaixa bem. Ele é como uma
camiseta dois números mais apertada. Claro, ela serve para quebrar um
galho, mas obviamente não foi feita sob medida. Nós fomos criados para viver
com Deus, mas, na terra, vivemos pela fé. Fomos feitos para viver para
sempre, mas, nesta terra, vivemos não mais que breves momentos.
Precisamos confiar em Deus. Precisamos confiar em que ele não só faz o
que é melhor, mas também que ele sabe o que está por vir. Reflita sobre as
palavras de Isaías 57:1-2: “O justo perece, e ninguém pondera sobre isso em
seu coração; homens piedosos são tirados, e ninguém entende que os justos
são tirados para serem poupados do mal. Aqueles que andam retamente
entrarão na paz; acharão descanso na morte.”
Que belo pensamento. Deus está poupando essas pessoas dos dias
tenebrosos do futuro. Poderia a morte ser parte da graça de Deus? Por pior
que a sepultura pareça hoje, será que ele poderia servir como proteção de
Deus em relação ao futuro?
Só Deus sabe o que nos espera depois de dobrar a esquina. Talvez
devamos deixar que ele dirija por nós.

MAIS UMA COISA

Você é um daqueles motoristas do banco de trás, sempre dizendo a


quem está dirigindo o que fazer? Aposto que é assim que parecemos
diante de Deus. Estamos sempre dizendo a ele o que ele precisa fazer e o
que precisa acontecer. Mas acontece que ele é o único que sabe para
onde estamos indo. Será que entendemos tudo ao contrário?
5 DE OUTUBRO
[O SENHOR] pôs um novo cântico na minha boca, um hino de louvor ao nosso Deus.
[Salmos 40:3]


Transformado pelo louvor
Deus nos convida a ver o rosto dele para que ele possa transformar os
nossos rostos. Ele usa nossas caras desnudas para exibir toda sua glória.
Mas essa maquiagem não é fácil. O escultor do monte Rushmore encarou um
desafio menor do que esse que Deus assume. Mas nosso Senhor está
preparado para enfrentar o desafio. Ele ama transformar o rosto de seus filhos.
Com seus dedos, rugas de preocupação somem. As sombras de vergonha e de
dúvida se transformam em retratos da graça e de confiança. Ele relaxa
mandíbulas flexionadas e cenhos franzidos. O toque dele tem o poder de
remover sinais de exaustão debaixo dos olhos e de transformar lágrimas de
desespero em lágrimas de paz.
Como? Através do louvor.
Era de se esperar que nos fosse exigido algo mais complicado, mais
penoso. Algo como um jejum de quarenta dias ou a memorização de todos os
Evangelhos, talvez. Mas não. O plano de Deus é mais simples. Nosso cantar,
nosso louvor, o enaltecer da bondade dele age com bondade em nós. O que
acontece dentro de cada um se reflete do lado de fora. Deus transforma nossos
rostos através do louvor.

MAIS UMA COISA

É difícil parecer carrancudo quando se está fazendo um elogio. É ruim


parecer preocupado quando estamos cantando em celebração. Para nós,
o louvor é um lembrete físico da glória espiritual de Deus. Mas ele tem o
efeito colateral maravilhoso de transformar um rosto preocupado em
um rosto sorridente.
6 DE OUTUBRO
Dediquem-se à oração, estejam alertas e sejam agradecidos.
[Colossenses 4:2]


Redefinindo a oração
A os primeiros cristãos se recomendava: “Orem continuamente”
(1Tessalonicenses 5:17); “perseverem na oração” (Romanos 12:12); e “orem
[...] em todas as ocasiões, com toda oração” (Efésios 6:18).
Isso soa como uma tarefa impossível? Será que você está imaginando:
“Preciso fazer a lição de casa, meus pais esperam que eu faça as tarefas
domésticas, meu treinador exige que eu pratique bastante. Como posso ficar
sentado o dia inteiro, orando?”
Pois faça o seguinte: mude a sua definição de oração. Pense na oração
menos como uma atividade voltada para Deus e mais como uma consciência
constante de Deus. Busque viver nessa consciência ininterrupta. Reconheça a
presença divina onde quer que você vá. Quando estiver na fila esperando o
ônibus, pense: “Obrigado, Deus, por estar comigo durante o meu dia.”
Enquanto faz compras no shopping, pense: “Senhor, você ama cada uma
dessas pessoas, inclusive eu.” Obrigado. Ao tirar os pratos da mesa, louve o
seu Mestre. A oração não é uma tarefa que deve ser riscada de uma lista. A
oração é uma conversa contínua com Deus.

MAIS UMA COISA

Com que frequência você fala ou manda mensagens de texto para seus
melhores amigos no dia a dia? Seu relacionamento com Deus pode ser
igual, e ainda melhor. Ele jamais vai mandar você desligar o telefone ou
suas orações. Ele está sempre disponível e sempre ouvindo. Ele quer
ouvir o que você tem para dizer.
7 DE OUTUBRO
O SENHOR está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam com
sinceridade.
[Salmos 145:18]


Nunca sozinhos
Será que Deus está muito distante? De que forma a presença emocionante
dele, que ajuda e cura, pode chegar até nós? Será que temos de acender
velas, entoar cânticos, construir altares, doar mochilas cheias de dinheiro? O
que é que atrai a presença de Deus?
O presente de Deus é a presença dele mesmo. O maior dom de Deus é ele
mesmo. Um pôr do sol nos faz perder o fôlego. As águas azuis do Caribe
fazem o coração quase parar. Um recém-nascido nos faz derramar lágrimas.
Mas remova tudo isso — guarde o pôr do sol, os oceanos e os bebês — e nos
jogue no Saara, e ainda assim teremos motivos para dançar sobre a areia. Por
quê? Porque Deus estará conosco.
Deus quer que saibamos disso. Nunca estamos sozinhos. Nunca. Deus
ama você demais para deixá-lo sozinho, de modo que ele jamais o abandonou.
Ele não o deixou sozinho com seus medos, suas preocupações, com duas
doenças ou sua morte. Por isso, pode pular de alegria.
Ele é um Deus pessoal que ama, cura e ajuda. Ele não responde a poções
mágicas, nem a slogans inteligentes. Sempre busca mais que isso. Procura a
reverência, a obediência, procura corações com fome de Deus. E quando
enxerga o que busca, ele vem!

MAIS UMA COISA

Você está se sentindo sozinho e abandonado? Pode não parecer, mas


essa solidão pode ser uma oportunidade. Deus anseia por ser seu amigo,
aquele amigo com quem você pode sempre contar. Ele sempre estará lá
para você. Por isso, busque-o através do louvor e da oração. Ele está
mais próximo do que você imagina.
8 DE OUTUBRO
“Quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus.”
[Mateus 18:4]


Abaixe-se
Certa manhã, na encosta de uma montanha na Suíça, um homem observava
duas cabras andando por um caminho estreito, mas em direções opostas:
uma subia, a outra descia. Em certo ponto, o caminho estreito impediu que
uma cabra passasse pela outra. Ao se avistarem, ambas recuaram um pouco e
abaixaram a cabeça, como se estivessem prontas para duelar. Mas, então, algo
maravilhoso aconteceu. A cabra que subia deitou no caminho. A outra cabra
passou por cima dela. O primeiro animal então se reergueu e continuou a
subir até o topo. O homem que a tudo viu observou que a primeira cabra
chegou mais alto porque se dispôs a se abaixar.
O que funciona para as cabras também funciona para nós. Quando nos
dispomos a abaixar para que os outros passem por nós, geralmente acontece
de as duas partes conseguirem atingir seus objetivos. É uma forma de
humildade. “Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade, mas
humildemente considerem os outros superiores a si mesmos” (Filipenses 2:3).
Nosso modelo, como sempre, deve ser Jesus, que “humilhou-se a si
mesmo e foi obediente até à morte, e morte de cruz!” (Filipenses 2:8).

MAIS UMA COISA

Demonstre a humildade mesmo das maneiras mais simples, como, por


exemplo, quando você e outra pessoa chegam ao mesmo tempo na fila
do almoço e você convida: “Por favor, vá primeiro.” Você saberá que a
humildade é parte da sua vida quando orar assim: “Por favor, Deus,
mostre o caminho, e eu seguirei.”
9 DE OUTUBRO
Lancem sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês.
[1Pedro 5:7]


Não se preocupe
Apreocupação faz você esquecer quem é que está no comando.
E quando o foco é em você mesmo, você se preocupa. Fica ansioso em
relação a várias coisas. Você se preocupa:

Com que seus amigos não demonstrem o apreço que lhe têm.
Com que seus professores o sobrecarreguem.
Com que seus pais não o entendam.
Com que seus amigos sejam melhores que você.

Com o tempo, sua agenda se torna mais importante que a agenda de
Deus. Você fica mais preocupado em parecer bom aos olhos dos outros, em
vez de fazer Deus feliz. É possível até que você comece a duvidar do
julgamento de Deus.
Deus presenteou você com talentos. Ele fez o mesmo com seus amigos. Se
você se preocupa com os talentos dos seus amigos, acabará negligenciando seus
próprios talentos. Mas caso se preocupar simplesmente em fazer o melhor que
puder com seus próprios talentos, talvez inspire a si mesmo e a seus amigos a
permitir que Deus esteja no controle. De qualquer maneira, ele está no controle.
Apenas experimente fazer isso — e não se preocupe.

MAIS UMA COISA

Certa vez alguém disse que um dia de preocupação é mais exaustivo que
uma semana inteira de trabalho. Eu acredito nisso. A preocupação é
uma perda de tempo e de energia. Pior, ela nos distrai do foco de
agradarmos a Deus. Por isso, abandone suas preocupações — pois isso
me deixa preocupado com você!
10 DE OUTUBRO
“A não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no
Reino dos céus.”
[Mateus 18:3]


Coração de criança
Ahora de dormir é uma hora terrível para crianças pequenas. Nenhuma
criança entende a lógica de ir para a cama quando ainda há energia de
sobra no corpo e horas sobrando no dia.
Minhas filhas não foram exceção. Anos atrás, depois de muita objeção e
de reclamações incontáveis, as meninas finalmente vestiam seus pijamas, já
estavam na cama e com a cabeça no travesseiro. Então dei uma passada no
quarto delas para dar um beijo de boa noite. Andrea, com cinco anos na
época, ainda estava acordada, quase dormindo, mas acordada. Depois de
beijá-la, ela abriu os olhos uma última vez e disse: “Mal posso esperar para
acordar.”
Ah, essas crianças de cinco anos! Elas têm uma paixão enorme pela vida,
que mal conseguem esperar pelo amanhã. Essa é uma filosofia de vida que
pode ser traduzida assim: “Brinque intensamente, ria intensamente e deixe as
preocupações para o seu pai.” Um poço sem fim de otimismo inundado pela
água perpétua da fé. Surpreende que Jesus tenha dito que precisamos ter o
coração de uma criança antes de entrarmos no reino dos céus?

MAIS UMA COISA

Você se lembra de como encarava a hora de dormir quando era menor?


Lembra da ansiedade de esperar mais um dia cheio de brincadeiras?
Pode desfrutar novamente dessa sensação. Faça deste o seu lema:
“Brinque intensamente. Ria intensamente. Deixe as preocupações para o
seu Pai.”
11 DE OUTUBRO
“Se vocês saudarem apenas os seus irmãos, o que estarão fazendo de mais? Até os
pagãos fazem isso!”
[Mateus 5:47]


Braços abertos
Você sabe bem, talvez até bem demais, o que é uma panelinha. Trata-se de
grupos fechados de pessoas que sempre conversam e saem juntas. As
pessoas em uma panelinha tendem a tratar todas as demais como se tivessem
doenças.
Talvez você tenha sua própria panelinha. Ou talvez conheça uma
panelinha à qual você esteja morrendo de vontade de pertencer. Mas será que
essas panelinhas são mesmo tudo que dizem? De que adianta pertencer a um
grupo que faz com que os outros se sintam excluídos?
Deus nos mostra uma visão diferente. Ele tem uma paixão ardente por
salvar as crianças de todas as selvas, todos os bairros, todos os vilarejos, todas
as favelas. A visão dele para o fim dos tempos inclui “toda tribo, língua, povo e
nação” (Apocalipse 5:9). Ele ama os ciganos da Turquia, os hippies da
Califórnia, os caubóis e os caipiras do oeste do Texas. Ele reserva seu coração
tanto para o presidente do clube de ciências quanto para o capitão do time de
futebol.
Cristo não vê muito uso nas panelinhas. Ele tem os braços abertos para
todos.

MAIS UMA COISA

Você sabe como é terrível ser o excluído. É isso que as panelinhas fazem
— elas enviam uma mensagem não verbal que diz: “Você não pertence
ao nosso grupo.” Compare essa mensagem com a de Cristo, que convida
o mundo inteiro a pertencer à família dele. A que grupo você prefere
pertencer?
12 DE OUTUBRO
O coração em paz dá vida ao corpo, mas a inveja apodrece os ossos.
[Provérbios 14:30]


Dê um fim à inveja
José tinha um problema com a inveja. Não com a inveja dele, mas com a
inveja de seus dez irmãos mais velhos. O pai de todos eles mimava José
como um novilho premiado. Os irmãos trabalhavam o dia inteiro. José
brincava o dia inteiro. Eles usavam roupas de segunda mão. Jacó deu a José
uma túnica multicolorida, cerzida à mão, com mangas adornadas. Jacó tratava
seu 11º filho como se fosse o seu primogênito. Os irmãos cuspiam no chão só
de avistar José.
Os irmãos lideram com aquela inveja vendendo José como escravo. Mas
não foi a melhor solução. José chegou ao poder no Egito e jogou os irmãos na
cadeia por algum tempo.
Agir com base na inveja também não é a melhor solução para você. Seus
pais tratam sua irmãzinha, Cindy Lou, melhor do que tratam você? Seu amigo
tem um carro melhor que o seu? Sua amiga consegue ficar com o garoto que
quiser? Ficar bravo com seus pais ou seus amigos não vai ajudar em nada.
Ceder à inveja só estraga seus relacionamentos e rouba sua alegria. É melhor
focar naquilo que você tem, em vez de naquilo que deseja. Deus já deu tudo de
que você necessita.

MAIS UMA COISA

O sentimento da inveja serve como alerta. A mente está dizendo: “Eu


quero mais para mim.” Será que não podemos ser felizes com as bênçãos
que Deus deu para outra pessoa? Não seja escravo da inveja. Viva com
um coração grato. Isso é que é liberdade.
13 DE OUTUBRO
Fomos unidos a ele na semelhança da sua morte, certamente o seremos também na
semelhança da sua ressurreição.
[Romanos 6:5]

Pode acreditar
E ste mundo nos ensina que tudo tem um fim. Músicas. Filmes. Aulas. Vidas.
Mas Jesus ensinou uma lição diferente.
“Quando Jesus foi levantado dos mortos, isso foi um sinal de que a morte
não seria mais o destino final” (Romanos 6:9, MSG). Você não ama essa frase?
A ressurreição é um anúncio explosivo para todos os que buscam de que
podemos acreditar. Podemos acreditar na justiça final. Podemos acreditar em
um corpo eterno. Podemos acreditar no céu como nossa mansão e nesta terra
como a entrada dela. Podemos acreditar em um tempo em que os
questionamentos não nos manterão acordados, em que a dor não nos manterá
cabisbaixos. Podemos acreditar em sepulturas abertas, em dias infinitos, em
um louvor legítimo.
Jesus morreu, mas esse não foi o fim. Porque Jesus se ergueu da tumba,
também a sua morte não será o final. Porque podemos aceitar a história da
ressurreição, podemos acreditar em todo o resto da história.

MAIS UMA COISA

Essa é a resposta para toda pergunta sobre Cristo e sobre a cristandade.


Jesus morreu na cruz, seu corpo foi sepultado e, no terceiro dia, ele
rolou a pedra para o lado e caminhou para a luz do sol. Quem mais
voltará à vida? Nós, quando deixarmos esta vida na terra para fazer
companhia a Jesus no céu.
14 DE OUTUBRO
“Da mesma forma que julgarem, vocês serão julgados.”
[Mateus 7:2]


Não julgue
Você não odeia quando as pessoas te julgam? Quando riem de você por ter
ido mal na prova, sem saber que estava doente demais para poder estudar?
Quando elas criticam seu tênis, sem saber que sua família está economizando?
Precisamos tomar cuidado para não fazer o mesmo com os outros.
Aquela pessoa é barulhenta demais? Talvez ela tenha medo de ser
ignorada mais uma vez. Aquela outra é quieta demais? Talvez esteja com
medo de falhar novamente. Devagar demais? Talvez ela tinha caído da última
vez em que se apressou. Você nunca sabe. Só quem acompanhou os passos do
passado pode julgar outra pessoa.
Mas não somos ignorantes apenas em relação ao passado, também somos
ignorantes em relação ao futuro. Ousaremos julgar um livro cujos capítulos
ainda não foram escritos? Como comentar um quadro quando o pintor ainda
está segurando o pincel? Como afastar uma alma enquanto a obra de Deus
não se completa? “[Deus] começou boa obra em vocês, [e ele] vai completá-la
até o dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1:6).

MAIS UMA COISA

Poucas pessoas entendem você de verdade. Seus amigos, às vezes. Seus


pais, talvez de vez em quando. Portanto, não é boa ideia presumir que
você consegue entender todo mundo. Provavelmente eles estão lidando
com coisas que você mal pode imaginar. Em vez de julgar o próximo,
que seu objetivo seja compreendê-lo.
15 DE OUTUBRO
[Todos nós somos] justificados gratuitamente por sua graça.
[Romanos 3:24]


Livre para partir
Barrabás estava na cela, esperando a execução, com raiva no coração e
sangue nas mãos. Desafiador. Violento. Um causador de problemas.
Ceifador de vidas. Culpado, e cheio de orgulho por isso.
Nós somos como Barrabás. Pecadores. Assassinos. Não importa se não
matamos ninguém literalmente. O ponto é que nos rebelamos contra Deus.
Rugimos: “Eu quero cuidar da minha própria vida, muito obrigado!” Pedimos
que Deus se afaste, que fique longe, e que não volte. Como Barrabás,
merecemos morrer. Quatro paredes de uma prisão, engrossadas pelo medo,
pela dor e pelo ódio nos cercam. Já fomos declarados culpados. E não temos
nada para oferecer em lugar de nossas vidas.
Os passos do executor ecoam pelas paredes de pedra. Nem olhamos para
ele quando a porta se abre. Já sabemos o que ele vai dizer. “Hora de pagar.”
Mas, em vez disso, ouvimos outra coisa: “Você está livre para partir. Eles
escolheram Jesus em seu lugar.”
O que acabou de acontecer? A graça aconteceu.

MAIS UMA COISA

Não somos todos rebeldes de primeira grandeza? Egoístas, em vez de


altruístas? Mais interessados no guarda-roupa novo da amiga que na
Palavra de Deus? Como conseguimos viver assim? Através de Jesus. Ele
risca a palavra culpado que acompanha nossos nomes e a substitui por
outra: graça. Isso é liberdade. Isso é viver.
16 DE OUTUBRO
Por que deixar que as suas fontes transbordem pelas ruas, e os teus ribeiros pelas
praças?
[Provérbios 5:16]


Que mal pode haver?
Ele gosta de você de verdade. Você gosta dele de verdade. Qual é o problema se
vocês acabarem fazendo sexo? Que mal pode haver?
Ainda bem que perguntou. É importante pensar sobre como você vai reagir
quando essa situação surgir. Mas antes de ela surgir. Pense no que irá dizer e em
qual será sua decisão. Tome essa decisão agora.
O sexo fora do casamento finge que podemos dar o corpo sem afetar a
alma. Pois não podemos. Tudo que nos faz humanos está tão conectado que
aquilo que toca o corpo causa impacto profundo também na mente e no
coração. Uma intimidade muito grande antes do tempo vai causar culpa e
vergonha como resultados naturais. Além disso, há o medo da gravidez e de
doenças indesejadas. A frase egoísta: “contanto que ninguém se machuque”
parece louvável, mas a verdade é que muita dor pode surgir quando se perde o
controle para a tentação sexual.
Deus criou esse dom maravilhoso e ele quer que você desfrute dele —
segundo as regras divinas — dentro do pacto do casamento. O sexo é uma
celebração da permanência, um momento de ternura em que o corpo
continua o que a mente e a alma já começaram. É um momento em que
ninguém se machuca. Um momento que traz felicidade ao marido e à mulher,
além de honrar a Deus.

MAIS UMA COISA

Não há nada de errado em pensar sobre o sexo — Deus colocou isso em


você. Mas é o que você faz com tais pensamentos (e quando) que
importa. Uma boa estratégia é decidir sobre o que você acredita e sobre
o que agrada a Deus antes de se ver em uma situação delicada. Quando
isso acontecer, defenda sua posição de todas as formas.
17 DE OUTUBRO
“Por que vocês estão com tanto medo, homens de pequena fé?”
[Mateus 8:26]


Lembre-se da bondade de Deus
“U ma violenta tempestade abateu-se sobre o mar, de forma que as ondas
inundavam o barco. Jesus, porém, dormia” (Mateus 8:24).
Isso que chamo de cena! Os discípulos gritavam; Jesus dormia. Caem os
trovões; Jesus ronca. A soneca dele incomoda os discípulos. “Mestre, não te
importas que morramos?” (Marcos 4:38) Eles não perguntam sobre a força de
Jesus, sobre seu conhecimento, nem sobre sua experiência. Em vez disso,
lançam dúvidas sobre o caráter de Jesus: “Você não se importa...”
É isso que faz o medo. O medo acaba com a confiança na bondade de
Deus. Ele também embaralha a memória. Os discípulos tinham motivo para
confiar em Jesus. Àquela altura, já tinham visto Jesus “curando todas as
enfermidades e doenças entre o povo” (Mateus 4:23). Os discípulos já tinham
testemunhado Jesus curar um leproso com um toque e um servo com apenas
uma ordem (Mateus 8:3,13).
Você acha que eles lembraram das realizações de Cristo? Talvez não. O
medo cria um tipo de amnésia espiritual. Ele nos faz esquecer de tudo que
Jesus fez e de como Deus é bom.

MAIS UMA COISA

Você ensaiou para o solo do coral durante um mês e acertou todas as


vezes — mas bastou subir ao palco para o medo fazê-lo se esquecer de
todos aqueles treinos perfeitos. Mais ou menos como fazemos com
Deus. Esse é um dos motivos pelos quais louvamos. Trata-se de um
ensaio espiritual — um jeito de lembrarmos do poder e do amor
incríveis de Deus.
18 DE OUTUBRO
Temos diferentes dons, de acordo com a graça que nos foi dada.
[Romanos 12:6]


Quais são suas forças?
Existem coisas que queremos fazer, mas simplesmente não conseguimos.
Eu, por exemplo, tenho o grande desejo de cantar. Cantar para os outros
me traria uma satisfação enorme. O problema é que meu canto não traria a
mesma satisfação para os ouvintes.
Paulo nos dá um bom conselho em Romanos 12:3: “Tenha um conceito
equilibrado [de si mesmo].”
Em outras palavras, tenha consciência das suas forças. Quando você
explica, as pessoas entendem? Quando conduz, as pessoas seguem? Quando
organiza, as coisas melhoram? Em que área você é mais produtivo? Grande
parte da adolescência consiste em tentar coisas diferentes para descobrir onde
você se sobressai e do que mais gosta. Identifique suas forças e as pratique.
Não focar nessas forças pode impedi-lo de realizar a tarefa única para a qual
Deus convocou você. Pregar? Escrever? Cantar? Ore pelo seu futuro e permita
que Deus lhe mostre os dons que ele quer que você use.

MAIS UMA COISA

Tentar desvendar o futuro pode ser um fardo pesado. Você pode sentir
que Deus se esqueceu de você, que não tem nenhum dom. Não é
verdade! Algumas pessoas demoram um tempo maior para descobrir
seus talentos do que as outras, por isso, seja paciente. Deus irá mostrar
suas forças e seu futuro a você quando chegar o momento certo.
19 DE OUTUBRO
Jesus retirava-se para lugares solitários, e orava.
[Lucas 5:16]


Apertando o botão de pausa
Jesus conhece bem a loucura da vida. As pessoas enchiam o calendário dele
com pedidos e mais pedidos. Elas levavam a Jesus mais do que corpos
enfermos e almas sedentas. Eles levavam a ele agendas, itinerários, conselhos
que não foram pedidos.
E as pessoas fazem o mesmo com você. Olhe para trás, por cima dos
ombros, amigo. A multidão está a um passo de distância. Além disso, eles
parecem saber muito mais sobre sua vida que você mesmo. Eles sabem com
quem você deve andar. Sabem o que você deve estudar. Sabem onde você deve
passar o sábado. O disco rígido da sua mente já está lotado!
Siga o exemplo de Jesus. “Ao romper do dia, Jesus foi para um lugar
solitário” (Lucas 4:42). Esse lugar solitário não necessariamente significa um
lugar desolado, apenas um lugar silencioso. Jesus estava em busca de paz.
“Preciso fugir um pouco. Pensar. Refletir. Reestabelecer meu curso.” Ele
escolheu um momento, escolheu um lugar. Firmemente decidido, ele apertou
o botão de pausa em sua vida.
Deus descansou depois de seis dias de trabalho e o mundo não acabou
por conta disso. O que nos faz pensar que isso vai acontecer se fizermos o
mesmo?

MAIS UMA COISA

Você não é um super-herói, sabia? Precisa de tempo para descansar e


recarregar as energias, para relaxar e reduzir seus níveis de estresse. Para
orar e louvar a Deus. Se até Jesus precisava de um descanso, talvez
devamos dar um tempo a nós mesmos.
20 DE OUTUBRO
Amados, nunca procurem vingar-se, mas deixem com Deus a ira, pois está escrito:
“’Minha é a vingança; eu retribuirei’, diz o Senhor.”
[Romanos 12:19]

Sem espaço para a vingança


Seus inimigos ainda constam no plano de Deus. O sangue que pulsa neles é
prova: Deus não desistiu deles. Talvez eles estejam longe da vontade de
Deus, mas decerto não estão fora do alcance divino. Você honra a Deus
quando vê tais pessoas não como fracasso dele, mas como projeto em
andamento.
Além do mais, quem é que nos incumbiu da tarefa da vingança? Deus é o
único a ocupar um assento na suprema corte do céu. É ele quem veste a toga e
que se recusa a dividir o martelo. A vingança é algo que remove Deus da
equação. Nós procuramos removê-lo e colocá-lo em outro lugar. “Vê o que ela
me fez, Senhor? Não estou certa de que você pode lidar com ela. Talvez a
puna muito pouco, talvez muito devagar. Vou conduzir esse julgamento com
minhas próprias mãos, muito obrigado.”
É isso que pretende dizer? Pois não foi o que Jesus disse. Ninguém teve
julgamento mais perfeito acerca do certo e do errado que o perfeito Filho de
Deus. Mesmo assim, “quando sofria, não fazia ameaças, mas entregava-se
àquele que julga com justiça” (1Pedro 2:23).
Só Deus pode realizar um julgamento perfeito. A vingança é assunto dele.
Deixe seus inimigos nas mãos do Juiz perfeito.

MAIS UMA COISA

O desejo de se vingar de todos que erram contra você é muito forte. Ele
roubou sua blusa. Ela roubou seu namorado. Eles merecem o pior que
você conseguir imaginar, e mais um pouco! Mas acontece que esse é um
julgamento que não somos capazes de fazer. Deus é o meirinho, o
advogado, o juiz e o júri. Deixe que ele julgue, ou você pode acabar sendo
o próximo na lista de julgados.
21 DE OUTUBRO
A oração de um justo é poderosa e eficaz.
[Tiago 5:16]

Acione o interruptor
U m dos nossos líderes da igreja no Brasil encontrou Cristo durante um
período em um centro de reabilitação para dependentes químicos. A
terapia dele incluía três sessões diárias de oração com duração de uma hora.
Os pacientes não eram obrigados a orar, mas eles precisavam frequentar os
encontros de oração. Dezenas de dependentes químicos em reabilitação
passavam sessenta minutos ininterruptos ajoelhados.
Eu fiquei impressionado. Então admiti que minhas orações eram curtas e
formais. Ele me convidou (desafiou?) a se juntar a ele em oração. Nós nos
ajoelhamos no chão de concreto no auditório da nossa pequena igreja e
começamos a conversar com Deus. Espere, volte um pouco. Eu falei; ele
chorou, berrou e suplicou. Ele batia com os punhos no chão, levantava os
braços para os céus, confessava e reconfessava cada pecado cometido. Recitou
cada promessa da Bíblia como se Deus precisasse ser lembrado de tais
promessas.
A oração apaixonada enternece o coração de Deus. “A oração de um
justo é poderosa e eficaz” (Tiago 5:16). A oração não transforma a natureza de
Deus. A oração, no entanto, tem um impacto no fluir da história. Deus imbuiu
o mundo inteiro de cabos elétricos, mas ele pede que nós acionemos o
interruptor.

MAIS UMA COISA

Choro. Grito. Súplica. Não é o seu estilo de oração? Deus não está
pedindo que você faça um show para ele. Ele pede, no entanto, que você
mostre seus sentimentos verdadeiros. Não se poupe. Encontre um lugar
e um momento — agora, por exemplo — para entregar tudo a ele.
Depois, veja como ele entra em ação.
22 DE OUTUBRO
Há apenas um Legislador e Juiz.
[Tiago 4:12]


Deixe Jesus ser o juiz
A pesar de saber o que era certo, você acabou bebendo com suas amigas
depois de sair para dançar. Ou talvez seus pais estivessem fora e você
passou um tempo olhando imagens na internet que sabia que não deveria ver.
Estragou tudo e confessou o erro para Deus. Percebeu que ele já te perdoou,
mas está tendo dificuldades em perdoar a si mesmo.
Bem-vindo à Corte da Vergonha. Dê uma olhada ao redor. Vê algum
conhecido? Consegue reconhecer o juiz com a longa toga preta? É você. Na
verdade, o promotor também parece bem familiar. É você de novo. Dê uma
olhada no júri. Sim. Doze cópias de você, todas olhando torto, dizendo:
“Culpado.” Quando se trata da vergonha, somos sempre nossos piores juízes.
Depois de ouvir o coração da mulher adúltera, Jesus declarou: “Eu
também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de pecado” (João 8:11).
Se ele julgou aquela mulher e não a considerou culpada, o que acha que diria
de você?
Em situações assim você precisa se fazer a seguinte pergunta: quem é
melhor juiz — você ou Jesus?

MAIS UMA COISA

Para descobrir que tipo de juiz Jesus foi, pegue sua Bíblia e leia a história
da mulher pega em adultério em João 8:1-11. Você acha que Jesus quer
condenar a mulher — ou mesmo você? Não. Ele só quer que paremos de
fazer o que é errado e comecemos a fazer o que é certo. Compaixão e
sabedoria. Esse é o tipo de juiz que prefiro.
23 DE OUTUBRO
Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável. Tuas obras são
maravilhosas! Disso tenho plena certeza.
[Salmos 139:14]

Você foi ideia de Deus


Os produtores da moda estão sempre dizendo: “Você vai ser alguém se usar
nossas calças jeans. Leve nosso nome no seu traseiro e toda sua
insignificância desaparecerá.” Por um instante a moda nos redime do mundo
da pequenez e da insignificância e passamos a ser alguém. Mas depois, oh!,
horror dos horrores, a moda se transforma, a tendência passa e nos pegamos
usando o jeans de ontem, como se fôssemos notícia velha.
O medo da insignificância causa o resultado que ele mesmo teme. Se um
jogador de basquete vai para o garrafão e pensa repetidamente: “Não vou
conseguir acertar o arremesso”, adivinhe só? Ele jamais vai conseguir acertar. Se
você passar seus dias resmungando: “Nunca vou conseguir fazer a diferença;
não valho nada”, adivinhe só? Você estará sentenciando a si mesmo a uma vida
de tristeza.
E não para por aí: você estará discordando de Deus. De acordo com ele, você
foi “em secreto fui formado e entretecido” (Salmos 139:15). Você foi feito “de modo
especial e admirável” (Salmos 139:14). Se você pudesse contar todos os
pensamentos que ele teve de você, esses pensamentos “seriam mais do que os grãos
de areia” (Salmos 139:18).
Como ele pode amar você tanto assim? Pela mesma razão que um artista
ama seus quadros ou que o construtor naval ama seus barcos. Você foi ideia
de Deus.

MAIS UMA COISA

Quando foi a última vez que você deu duro para criar algo especial?
Quando construiu um modelo? Um desenho? Um resumo de um livro?
Uma fornada de biscoitos com gotas de chocolate? Quando você coloca
o coração em algo, esse algo importa para você. E importa muito. É
assim que Deus se sente em relação a você.
24 DE OUTUBRO
Andem sempre pelo caminho que o SENHOR, o seu Deus, lhes ordenou, para que
tenham vida, tudo lhes vá bem.
[Deuteronômio 5:33]


Passar por tudo com Deus
Deus nos faz passar por tudo. Pelo meio do mar [Vermelho] em seco (Êxodo
14:22, ACF), pelo deserto (Deuteronômio 29:5, ACF), pelo vale da sombra
da morte (Salmos 23:4, ACF), pelas águas poderosas (Salmos 77:19).
Para falar a verdade, o ato de passar por é um dos favoritos de Deus:
“Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te
submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama
arderá em ti” (Isaías 43:2-3, ACF).
Pelo que você está tentando passar hoje? Pelo problema com seus pais?
Por uma amizade que está se enfraquecendo? Por uma matéria que está quase
repetindo? Qualquer que seja o problema, Deus já passou por isso, e ele
passará novamente com você. A jornada pode não ser fácil. Ela pode não ser
curta. Mas Deus promete ficar ao seu lado, iluminando cada passo que você
dará. “A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos e luz que clareia o
meu caminho” (Salmos 119:105).

MAIS UMA COISA

Você já fez uma longa caminhada noturna sozinho — sem luz alguma?
Isso pode ser um pouco assustador e horripilante — e, às vezes, bastante
assustador e horripilante! É mais ou menos como caminhar pela vida
sem a luz de Deus para indicar o caminho. Por isso, leia a Bíblia e
converse com ele todos os dias. Você vai descobrir uma maneira muito
melhor de caminhar.
25 DE OUTUBRO
Certamente haverá bom futuro para você, e a sua esperança não falhará.
[Provérbios 23:18]


Sonhos impossíveis
Seus pais duvidam dos seus sonhos? Não estou falando dos sonhos que tem
quando dorme, mas daqueles que tem quando seus olhos estão abertos.
Sonhos como ser uma bailarina, um mergulhador, um diplomata; sonhos de
ser um médico a serviço dos necessitados ou um missionário servindo na
Malásia. Sem o apoio dos pais, todo sonho parece impossível.
Mas esquecemos que impossível é uma das palavras favoritas de Deus. Ele
sonha sonhos impossíveis. Por quê? Quando realiza um sonho possível, você
recebe toda a glória pelo feito. Mas quando realiza um sonho impossível, é
Deus quem recebe a glória. Esse sonho impossível mostra para o mundo que
um Deus incrível e inacreditável existe e opera na vida de seu povo. E tudo
isso começa com sonhos como os seus.
Apesar de parecer que seus pais estão ignorando sua paixão, pode ser que
eles estejam apenas injetando um pouco de sabedoria necessária nos planos que
você faz. Um pouco de lógica e de prática não fazem mal algum. A dúvida pode
ser apenas a precaução disfarçada.
No fim das contas, você tem que perguntar a si mesmo: que sonhos
pretendo seguir, os meus, os de meus pais, ou os de Deus? Os sonhos de Deus
são sempre maiores, melhores e mais inacreditáveis.

MAIS UMA COISA

Sim, eu sei que, em se tratando de sonhos, os pais podem ser um atraso.


Mas eles geralmente são bem-intencionados! Continue conversando
com eles e com Deus sobre seus objetivos. Misture uma boa dose de
paciência e de perseverança. Se Deus estiver por trás de seus sonhos, eles
vão acontecer no tempo dele. Caso contrário, significa que ele tem algo
ainda melhor em mente.
26 DE OUTUBRO
No amor não há medo; pelo contrário o perfeito amor expulsa o medo.
[1João 4:18]


Mergulhado em amor
Nós tememos a rejeição, por isso, seguimos a maioria. Tememos não nos
encaixar, por isso, aceitamos experimentar aquela droga. Por medo de se
destacar, vestimos as roupas que todo mundo usa. Por medo de ficarmos
sozinhos, dormimos com qualquer um. Por medo de não ser amados,
buscamos o amor nos lugares errados.
Mas Deus espanta todos esses medos. Os que estão mergulhados no
amor de Deus não se vendem para ganhar o amor dos outros. Os que estão
mergulhados no amor dele não se vendem nem para ganhar o próprio amor
de Deus.
Você acha que precisa se vender? Você pensa assim: “Se eu xingar menos,
orar mais, beber menos, estudar mais... Se eu me esforçar mais, Deus vai me
amar mais?” Então sinta o cheiro do fedor de Satã por trás dessas palavras.
Todos nós precisamos melhorar, mas não precisamos perseguir o amor de
Deus. Nós mudamos porque já temos o amor de Deus. O amor perfeito de
Deus.

MAIS UMA COISA

Leia 1João 4:16-21, algumas das palavras mais importantes já escritas


sobre o amor. Você já se pegou tentando conquistar o amor de Deus
através de seus próprios esforços? O que esses versículos dizem a
respeito do amor perfeito e do amor de Deus por nós?
27 DE OUTUBRO
[Jesus] teve compaixão deles.
[Mateus 14:14]


Ele sente nossas feridas e as cura
Otermo grego para a expressão ter compaixão é splanchnízomai, um
vocábulo que não significará muita coisa a não ser que você esteja fazendo
um curso de introdução à “splanchnologia” na escola. Mas, se esse é o caso,
então você bem sabe que “splanchnologia” não é mais que o estudo... dos
intestinos.
Quando Mateus escreve que Jesus tinha compaixão pelo povo, ele não
está dizendo que Jesus sentia pena de vez em quando ou que se entristecia
pelas pessoas. Não, o termo é muito mais pictórico e intenso. Mateus está
dizendo que Jesus sentia a ferida do povo em suas próprias entranhas. Sentia o
mancar do aleijado. Sentia a dor dos enfermos. Sentia a solidão do leproso.
Sentia a vergonha do pecador.
Jesus já sentiu tudo que você sente e mais um pouco. Rejeição.
Humilhação. Tortura. Execução na cruz com cravos. Quando você permite que
ele entre em seu coração, ele também sente sua dor. E quando sente suas
feridas, ele não pode evitar a vontade de curá-las.

MAIS UMA COISA

Quando está tendo o pior dia da sua vida, você imagina que ninguém
consegue te entender, nem mesmo Jesus. Mas acontece que ele é Deus,
está lembrado? Ele está dentro de você. Ele entende, sim, o que você
sente. Compartilhe sua dor com ele. Ninguém consegue dar alívio como
ele.
28 DE OUTUBRO
Quem pratica a fraude não habitará no meu santuário; o mentiroso não permanecerá
na minha presença.
[Salmos 101:7]


A mentira leva à morte
Você conhece a história de Ananias e de Safira (Atos 5:1-11)? Eles tentaram
enganar à Igreja e a Deus e, aparentemente, acabaram morrendo por causa
disso. Já ouvi mais de uma pessoa se referir a essa história com um sorriso
nervoso, dizendo: “Ainda bem que Deus não mata ninguém por mentir.” Mas
não tenho tanta certeza disso.
A mim me parece que o resultado da mentira ainda é a morte. Talvez não
a morte do corpo, mas, ainda assim, morte. Dos relacionamentos (a falsidade é
o cupim das paredes de qualquer casamento e de qualquer amizade). Da
consciência (a tragédia de uma segunda mentira é que ela é sempre mais fácil
de contar que a primeira). Da carreira (pergunte ao estudante universitário
que foi expulso por colar se a mentira não foi fatal para ele).
Também poderia citar aqui a morte da intimidade, da confiança, da paz,
da credibilidade e do respeito por si mesmo. Mas talvez a morte mais trágica
causada pela mentira aconteça quando damos o testemunho por Jesus. Corte
alguma vai ouvir o relato de uma testemunha mentirosa. Muito menos o
mundo.

MAIS UMA COISA

Leia sobre Ananias e Safira na sua Bíblia. Você acha que Deus ignora a
mentira nos dias de hoje? Acha que não há consequência alguma pela
mentira, seja ela pequena ou grande? Quando desobedecemos Deus
machucamos não só a nós mesmos mas todos ao nosso redor, às vezes
de maneiras que mal conseguimos imaginar. Faça aquilo que é melhor
para todo mundo — diga apenas a verdade.
29 DE OUTUBRO
Quando eu já estava sem forças, ele me salvou.
[Salmos 116:6]


Deus está no nosso time
Quando eu era jovem, assim que eu e as demais crianças da minha
vizinhança chegávamos em casa depois da escola, largávamos os livros no
chão e ganhávamos a rua. O menino que morava na casa do outro lado da rua
tinha um pai que era muito viciado em futebol americano. Assim que o pai
dele chegava em casa do trabalho nós começávamos a gritar para ele se juntar
a nós na brincadeira. Para ser justo, ele sempre perguntava: “Qual time está
perdendo?” Ele então entrava no time perdedor, que, quase todas as vezes, era
o meu time.
A presença dele no campo transformava a partida completamente. Ele
era confiante, forte e, acima de tudo, ele sempre tinha um plano. Fazíamos um
círculo ao redor dele e ele dizia: “Muito bem, garotada, eis o que vamos fazer.”
O outro lado já começava a chorar mesmo antes de o jogo acabar. Veja bem,
nós não ganhávamos apenas um plano novo, mas também um líder novo.
Ele trazia vida nova ao time. E é precisamente o que Deus faz por nós.
Não precisávamos de jogadas novas; precisávamos de um plano novo. Não
precisávamos mudar de posição; precisávamos de um jogador novo. Esse
jogador é Jesus Cristo, o Filho primogênito de Deus.

MAIS UMA COISA

ocê já se sentiu assim — como se estivesse no time perdedor, com pouca


esperança de virar o jogo? Como se não importasse o esforço que você
faz, que acabaria perdendo jardas e jardas? Pois existe alguém com um
livro cheio de estratégias que se aplicam a essa situação. Um Deus. Um
plano. Uma vida. Confie sua vida a ele.
30 DE OUTUBRO
Quero conhecer a Cristo, ao poder da sua ressurreição [...] para, de alguma forma,
alcançar a ressurreição dentre os mortos.
[Filipenses 3:10-11]

O outro lado do rio


Jesus encontrou muitas pessoas escravizadas pelo medo da morte. Ele
explicou que o rio da morte não precisava ser temido. Mas ninguém
acreditava nele. Ele então tocou um menino e o trouxe de volta à vida. Mesmo
assim, os fiéis não se convenceram. Com um sussurro, ele devolveu a vida ao
corpo de uma menina morta. Mas ainda havia quem se mantivesse cético. Ele
deixou que um morto permanecesse quatro dias na sepultura e o chamou de
volta. Será que não bastava?
Pelo jeito, não bastou mesmo. Foi necessário ele mesmo entrar no rio e
desaparecer nas águas da morte antes que as pessoas acreditassem que a
morte fora conquistada.
Mas, depois de fazer isso, ele ressurgiu do outro lado do rio da morte, e
então chegara o momento de cantar... Era chegada a hora de celebrar!
Você tem medo do rio da morte? Pois não tenha. Jesus mostrou que
existe terra firme do outro lado e que ele tem o poder de nos levar até lá.

MAIS UMA COISA

As pessoas geralmente temem o desconhecido e poucos de nós têm


experiência para lidar com a morte. No entanto, Jesus sabia tudo a
respeito do assunto. Ele já esteve lá, já passou por isso. Ele diz: “quem
perder a vida por minha causa, a encontrará” (Mateus 16:25).
31 DE OUTUBRO
O Senhor é fiel; ele os fortalecerá e os guardará do Maligno.
[2Tessalonicenses 3:3]


O bem final
Já mundo.
leu Gênesis 3? Esse é o capítulo que documenta a entrada do mal no
O desastre veio à terra na forma de Lúcifer, o anjo caído. E
enquanto Satanás “anda ao redor como leão, rugindo” (1Pedro 5:8), também
procura trazer o desastre para a vida do povo de Deus. O diabo prende
pastores, como Paulo, na prisão. Ele aflige os amigos de Jesus, como Lázaro,
com doenças. Ele vai tentar atingir você com mentiras como a que diz que
ninguém te ama.
Mas as estratégias dele sempre ricocheteiam. Paulo, que foi aprisionado,
escreveu epístolas. O cemitério de Lázaro serviu de palco para o Cristo
realizar um de seus maiores milagres. E você vai aprender que Deus ama você
mais do que você é capaz de imaginar. O mal intencional se torna o bem final.
Podemos ser muito gratos pois os truques do diabo serão sempre
conquistados pelo “presente” de um Deus que “me livrará de toda obra
maligna e me levará a salvo para o seu Reino” (2Timóteo 4:18).

MAIS UMA COISA

A noite de hoje é famosa pelos doces, pelas fantasias e pelos monstros de


faz de conta, mas não se deve brincar com as verdadeiras criaturas da
escuridão. Vamos confiar no Deus que nos ama e nos resgata e confiar
que ele irá acabar com mal sempre e onde quer que esse mal aconteça.


NOVEMBRO

“[Vocês] conhecerão a verdade,


e a verdade os libertará.”

[ João 8:32 ]
1º DE NOVEMBRO
O homem irritável provoca dissensão, mas quem é paciente acalma a discussão.
[Provérbios 15:18]


Lide com o aborrecimento
Ultimamente você tem se irritado até com coisas pequenas. Até seus amigos
o evitam. O que fazer com toda essa raiva?
Eu sempre imaginei como o Grand Canyon teria se formado. Talvez
tenha sido obra de uma gota aqui e outra ali. Talvez um lençol subterrâneo
vazando, talvez uma chuva gentil em uma noite calma. Aos poucos, a água foi
se acumulando. Tempestades. Trovões. Expressões de um céu irado que
desaguava em um rio furioso chamado Colorado, que ia escavando seu
caminho.
A raiva humana evolui como a formação do rio Colorado. Aos poucos,
certos elementos começam a gotejar, perturbando, irritando e, finalmente,
virando fúria. “Saia do meu caminho!” Ping. “Você faz isso o tempo todo!”
Ping. “Não me diga o que fazer!” Ping. Até que a pressão se acumula e explode,
liberando uma raiva desenfreada, escoando palavras, varrendo da frente os
amigos, os pais, a paz.
Não espere você se tornar um rio furioso. Tente resolver as gotinhas que
caem. Cuide de cada irritação com perdão e com oração. Faça isso antes que a
ira cave um cânion na sua vida... Deixando você de um lado e todas as pessoas
que conhece do outro.

MAIS UMA COISA

Você tem problema em controlar sua raiva? Leve esse problema para
Deus. Ele sabe como te ajudar e sabe o que o irrita de verdade. Talvez ele
converse com você através de um amigo santificado, de um professor ou
de um membro da sua família. Busque essas pessoas — antes que a
próxima tempestade aconteça.
2 DE NOVEMBRO
“A obra de Deus é esta: crer naquele que ele enviou.”
[João 6:29]

“Eu sou o caminho”


A lguns historiadores colocam Cristo ao lado de figuras como Moisés,
Maomé, Confúcio e outros líderes espirituais. Mas Jesus se recusa a
pertencer a esse grupo. Ele declara: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida.
Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim” (João 14:6). Ele poderia ter sido
politicamente correto, dizendo: “Eu conheço o caminho” ou “Posso mostrar o
caminho”. Apesar disso, ele fala de quem ele realmente é: Eu sou o caminho.
Muitas pessoas se debatem com esse absolutismo. Ele soa um tanto
primitivo nessa era de banda larga e mentes abertas. O mundo está
encolhendo, culturas estão se misturando, fronteiras estão desaparecendo;
vivemos os dias da inclusão. Todos os caminhos levam ao céu, certo?
Mas como é que todas as religiões podem levar a Deus, quando elas são
tão diferentes umas das outras? Nós não temos o costume de tolerar essa falta
de lógica em outros assuntos. Não fingimos que todas as estradas levam a
Londres, nem que todos os navios levam à Austrália.
Jesus abriu um caminho único na densa floresta que o esforço humano
nunca limpou. Cristo veio não para o forte, mas para o fraco; não para o justo,
mas para o pecador. Passamos a percorrer o caminho dele com a confissão das
necessidades que temos, não pela realização de feitos de nossa autoria. Ele
morreu para que nós vivêssemos. Ele convida, e nós acreditamos.

MAIS UMA COISA

Você tem algum amigo com dificuldades em entender essa ideia? Será
que você mesmo está tendo problemas com ela? Jesus não pretende ser
exclusivista. Ele está sendo apenas honesto. Ele é Deus. E mais ninguém
o é. O caminho passa por ele, e não tem atalhos nem desvios. Um Deus.
Um Caminho. Faça a sua escolha.
3 DE NOVEMBRO
[...] O SENHOR, que criou os céus, ele é Deus; que moldou a terra e a fez.
[Isaías 45:18]


O Deus de que você precisa
Você não precisa daquilo que Dorothy descobriu. Você se lembra da
descoberta que ela fez no filme O Mágico de Oz? Dorothy e seus três
amigos seguiram a estrada de tijolos amarelos e descobriram que o tal mágico
era uma farsa! Ele não passava de truques de fumaça e de espelhos, de trovões
feitos com o balançar de uma folha de metal. É desse tipo de deus que você
precisa?
Você não precisa carregar o fardo de acreditar em um deus menor... um
deus numa prateleira, um deus que cabe dentro de uma caixa, um deus que
cabe em uma garrafa. Não, você precisa de um Deus que consegue colocar
cem bilhões de estrelas na nossa galáxia e cem bilhões de galáxias no nosso
universo. Você precisa de um Deus capaz de apanhar um punhado de carne
moldá-lo em 75 a cem bilhões de células nervosas, cada uma delas com até dez
mil conexões com outras células nervosas, colocar tudo isso em um crânio e
chamar de cérebro.
Você precisa de um Deus que, além de ser inimaginavelmente poderoso,
também consiga criar o mais frágil dos flocos de neve e que cuide até da
menor das criaturas. Você precisa de um Deus com poder e amor.

MAIS UMA COISA

Todos nós confiamos em deuses menores em algum momento. Status.


Popularidade. Dinheiro. Notas. Um carro descolado. Os amigos “certos”.
Qualquer coisa que imaginamos ser suficiente. Mas nenhum desses
deuses satisfaz por muito tempo. Não precisamos de um deus “Além do
Arco-íris”. Precisamos do Deus que criou o arco-íris.
4 DE NOVEMBRO
Voltem-se para o SENHOR, para o seu Deus, pois ele é misericordioso e compassivo.
[Joel 2:13]


O que for necessário
A té onde você acha que Deus precisa ir para chamar sua atenção? Se Deus
tivesse de escolher entre sua segurança na eternidade e seu conforto nesta
terra, qual você gostaria que fosse a escolha dele?
E se ele fizesse você mudar para outra terra? (Como ele fez com Abraão.)
E se ele chamasse você para confrontar um rei genioso? (Está lembrado de
Moisés?) O que acha de andar na barriga de uma baleia? (Você conhece a
história de Jonas.) E quanto à promoção de Daniel? E um rebaixamento, como
o de Sansão?
Deus faz o que for necessário para chamar nossa atenção. Não é essa a
mensagem da Bíblia? A busca implacável de Deus. Deus na caçada. Deus
procurando. Espiando embaixo das camas atrás de crianças escondidas,
cutucando as moitas atrás de ovelhas perdidas. Já pensou nisso? Suas doenças,
aquela pilha enorme de lição de casa, sua longa lista de rejeições — tudo isso
poderia ser Deus acenando, fazendo você saber que já é hora de voltar a passar
algum tempo com ele.
Você não está feliz por ele não ter desistido?

MAIS UMA COISA

Deus não vai forçar você a andar com ele. Ele é cavalheiro demais para
isso. Mas ele ainda tem mil maneiras de fazer você notar aquilo que está
faltando na sua vida. Você está pulando de crise em crise? Pode ser o
diabo. Pode ser só a vida mesmo. Mas também pode ser a mão santa do
céu apontando o caminho de casa.
5 DE NOVEMBRO
Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor
Jesus.
[Colossenses 3:17]


O trabalho honra a Deus
T rabalho, trabalho e mais trabalho. Tarefas domésticas de manhã. Um dia
inteiro de aulas. Lavar os pratos depois do jantar. Fazer a lição de casa à
noite. Trabalhar por meio período aos fins de semana. Será que isso acaba
algum dia? Será que Deus se importa com essas coisas?
Deus considera seus trabalhos como algo bom. Antes de dar uma esposa
e filhos a Adão, antes até de dar roupas a ele, Deus deu um trabalho para
Adão. “O SENHOR Deus colocou o homem no jardim do Éden para cuidar dele
e cultivá-lo” (Gênesis 2:15). Deus chama todos os que reúnem condições
físicas para cuidar dos jardins que ele possui. Ele honra o trabalho. Por isso,
honre Deus com seu trabalho. “Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em
ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus
Pai” (Colossenses 3:17).
Tudo o que fizerem! Façam tudo como se Jesus fosse dar notas no seu
boletim, como se fosse assinar seu projeto. Depois agradeça a Deus pela tarefa
que ele deu e pela oportunidade de fazer a diferença no mundo. Mesmo que
seja lavando pratos.

MAIS UMA COISA

Não existe glamour em esfregar o banheiro ou escrever um trabalho


sobre língua portuguesa na escola. A maior parte dos trabalhos é assim.
Mas sabe de uma coisa? Nós honramos a Deus através da qualidade do
nosso trabalho. O trabalho mundano se torna significativo. O trabalho
se torna magnífico. E Deus fica feliz.
6 DE NOVEMBRO
“Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já
passou.”
[Apocalipse 21:4]


Olhando para o céu
Já se pegou achando a vida um pouco... chata? Pois, um dia, isso irá mudar.
Você não ficará entediado no céu porque não vai ser a mesma pessoa
quando chegar lá. O tédio nasce de ervas daninhas que não existem no céu. A
erva daninha do cansaço: nossos olhos se cansam. A erva daninha da limitação
mental: a sobrecarga de informação nos deixa mais burros. A erva daninha do
egoísmo: perdemos o interesse quando o foco muda para o próximo. A erva
daninha do tédio: as atividades desinteressantes apenas roubam nossa energia.
Mas não há ervas daninhas no céu. Tudo que resta é uma mente afiada, um
foco sem fim e tarefas que honram a Deus.
Sim, você ainda terá trabalho a fazer no céu. “Seus servos o servirão”
(Apocalipse 22:3). Pois o que é o serviço, senão uma atividade responsável? Os
que são fiéis no pouco irão reinar sobre o muito (Mateus 25:21).
Talvez caiba a você vigiar a órbita de um sistema planetário distante...
Talvez pintar um mural em uma cidade nova... Talvez monitorar o
crescimento de uma nova espécie de planta ou de animal. O que faz um
Criador, senão criar? E o que fazem seus filhos felizes, senão servi-lo?

MAIS UMA COISA

Dias de tédio. Todos nós sofremos com isso. Mas não há muito que
podemos fazer. Parte da vida consiste em perseverar para além da parte
previsível da vida. Talvez até enxerguemos o caminho como mais fácil e
lembremos do que está adiante. O melhor ainda está por vir. O céu nos
espera.
7 DE NOVEMBRO
Semeiem a retidão para si, colham o fruto da lealdade.
[Oseias 10:12]


Plantando paz
Você quer ver um milagre? Basta plantar uma palavra de amor bem fundo no
coração e na vida de uma pessoa. Regue essa semente com sorrisos e
orações e veja o que acontece.
Faça um elogio para um amigo, diga o quanto o cabelo dele está bonito.
Agradeça um colega por dar um exemplo positivo. Mostre seu apreço para um
professor ao fim do semestre. Asse alguns biscoitos para aquela mãe solteira e
seus filhos, que moram logo ali na esquina. Ajude seu irmão com a lição de
casa. Abrace sua mãe antes de sair para a escola. Honre seu pai perguntando
sobre como ele passou o dia.
Espalhar sementes de paz é como semear feijões. Você não sabe como
funciona; mas sabe que funciona. Quando se planta essas sementes, o solo
cheio de feridas acaba removido. A raiva desaparece. Diminuem os conflitos.
A paz brota e viceja.
Não se esqueça deste princípio: jamais subestime o poder de uma
semente.

MAIS UMA COISA

Mesmo uma só semente, quando devidamente cuidada, acaba virando


uma enorme árvore. Você pode criar uma floresta de amor e de paz ao
seu redor e pode conseguir isso com os métodos mais simples. Plante
palavras de incentivo. Regue essas sementes todos os dias, com amizade
e oração. Então relaxe e veja a semente alcançar o céu.
8 DE NOVEMBRO
[Nós temos] alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem
pecado. Assim sendo, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança.
[Hebreus 4:15-16]

Ele já esteve lá
Você evita conversar com Deus por julgar que ele não conseguirá entender
seus problemas? Pois de acordo com a Bíblia, ele consegue: “Não temos um
sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, mas sim
alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem pecado”
(Hebreus 4:15).
É como se o autor de Hebreus soubesse que iríamos dizer: “Deus, tudo é
fácil para você, aí em cima. Você não sabe como é difícil aqui embaixo.” Por
causa disso ele proclama com firmeza a capacidade que Jesus tem de entender.
Vamos voltar às palavras. Jesus, nosso sumo sacerdote. Não um anjo. Nem um
embaixador. Jesus em pessoa. Jesus pode compadecer-se das nossas fraquezas.
Não só algumas delas. Não a maioria das fraquezas. Mas cada uma delas. Ele
também passou por todo tipo de tentação. Ele já sentiu cada ferida e cada dor,
cada incômodo e cada preocupação, e sabe exatamente como tudo isso nos
enfraquece.
Cada página do Evangelho tenta nos fazer entender algo central: Deus
sabe como você se sente. Quando diz que chegou ao limite, ele sabe o que
você quer dizer. Quando você balança a cabeça ao receber prazos impossíveis,
ele se lamenta junto com você. Quando seus planos são interrompidos por
pessoas com planos diferentes, ele acena concordando com você.
Ele já esteve lá.

MAIS UMA COISA

Você se irrita quando seus pais ou seus amigos dizem “Eu entendo o que
você quer dizer”, sem que entendam de verdade? Mas isso jamais
acontece com Jesus. Ele entende, sim, o que você quer dizer. Ele já
passou por tudo isso e, porque ele vive dentro de você, vai passar por
tudo ao seu lado de novo.
9 DE NOVEMBRO
O Espírito de Deus me fez; o sopro do Todo-poderoso me dá vida.
[Jó 33:4]


Obrigado a amar
P aulo foi um cara observador. Ele reparou em como nós tratamos as
pessoas. O que ele disse estava ligado ao casamento, mas o princípio se
aplica a qualquer relacionamento. “Quem ama sua mulher, ama a si mesmo”
(Efésios 5:28). Existe uma conexão entre como você se sente em relação a si
próprio e como se sente em relação ao próximo. Se estiver em paz consigo
mesmo — se gostar de si mesmo — vai conseguir lidar com os outros.
Mas o contrário também é verdadeiro. Se você não gosta de si mesmo, se
se sente envergonhado, decepcionado ou irritado, todo mundo vai perceber.
Por que isso é importante? Porque Jesus disse que os maiores
mandamentos que existem são: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu
coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento” (Mateus 22:37) e
“Ame o seu próximo como a si mesmo” (Mateus 22:39). Portanto, dê um
descanso para você mesmo! Você é incrivelmente valioso, é uma criação de
Deus, é obrigado a amar. Nossa tarefa é amar plenamente, de todo coração, de
toda alma e mente — e nisto se inclui amar a si mesmo.

MAIS UMA COISA

Você já errou. E continua a errar. Parece que ninguém lhe dá valor.


Entendo tudo isso. Mas é Deus quem perdoa você, quem ama você,
quem acredita em você e quem tem um plano maravilhoso para você.
Quem é você para ignorar a única opinião que importa de verdade? Ame
a Deus. Ame seu próximo. Ame a si mesmo. Porque temos essa
obrigação.
10 DE NOVEMBRO
O SENHOR está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam com
sinceridade.
[Salmos 145:18]


A ajuda está próxima
Acura tem início quando fazemos alguma coisa. A cura começa quando
buscamos agir. A cura começa quando damos um passo.
A ajuda de Deus está próxima e está sempre disponível, mas ela só é dada
àqueles que a buscam. Nada acontece ao se ficar parado, esperando que Deus
faça algo por você. Às vezes, o próprio propósito dos nossos problemas é
exatamente nos levar para mais perto dele. Para orarmos para ele. Para
louvarmos Deus. Para gritarmos: “Deus, faça alguma coisa!” Precisamos pedir
a ajuda dele e ter fé em que ele vai agir.
Deus honra a fé radical, a fé que assume riscos. Quando se constrói um
arco, muitas vidas são salvas. Quando se ergue o cajado, o mar se abre.
Quando se compartilha a comida, milhares são alimentados. E quando pela fé
você pede que Deus lhe dê a coragem para confrontar um amigo ou para curar
um irmão enfermo, você pode esperar uma resposta maravilhosa. Ele está
sempre por perto, pronto para agir. Mas o primeiro passo cabe a nós.

MAIS UMA COISA

Já pensou nisso? Talvez você esteja ignorando Deus ultimamente. Talvez


o objetivo dos seus problemas sejam fazer você voltar a falar com Deus.
Ele pode até não resolver seus problemas do jeito e na hora em que você
deseja. Mas tudo bem. Você ainda está indo na direção certa.
11 DE NOVEMBRO
“Se dois de vocês concordarem na terra em qualquer assunto sobre o qual pedirem,
isso lhes será feito por meu Pai que está nos céus.”
[Mateus 18:19]

Orando para vencer


Certa vez, Moisés e os israelitas enfrentaram os amalequitas. E a estratégia
militar que Moisés usou foi bem estranha. Ele mandou Josué conduzir a
batalha em um vale. Mas Moisés subiu a montanha para orar. Mesmo assim,
não foi sozinho. Ele teve a companhia de dois soldados, Arão e Hur.
Enquanto Josué liderava o embate físico, Moisés se dedicou ao embate
espiritual. Arão e Hur ficavam cada um em um lado do comandante para
segurar seus braços erguidos na batalha da oração. Os israelitas venceram
porque Moisés orou. Moisés venceu porque tinha uma comunidade para orar
ao seu lado.
Que batalhas você está encarando hoje? A batalha da depressão? Da
preocupação? Uma briga com um irmão ou irmã? Nesse dia em que honramos
aqueles que lutaram pelo nosso país e por nossa liberdade, evite ir sozinho
para a guerra. Conte sobre sua guerra para sua família cristã e para seus
amigos para que eles possam, assim, “segurar seus braços erguidos” e orar por
você e com você. E converse com Deus. Quando ele luta ao seu lado, o sucesso
da vitória é garantido.

MAIS UMA COISA

Quer seja a batalha física, emocional ou espiritual, qual é a primeira


reação que você tem quando enfrenta um desafio? Vai com tudo para
cima? Corre e se esconde? Moisés é que fez o certo. Para ganhar na
guerra e em qualquer outra coisa, o primeiro passo a dar é juntar forças
e orar.
12 DE NOVEMBRO
Todos recebemos da sua plenitude, graça sobre graça.
[João 1:16]


Graça sem fim
Será que a graça de Deus pode acabar?
Mergulhe uma esponja no lago Erie. Será que você vai conseguir
absorver cada gota de água? Inspire o mais profundo que conseguir. Você
conseguiu absorver todo o oxigênio da atmosfera? Apanhe uma pinha de uma
árvore do Yosemite. Você acabou com a folhagem da floresta? Observe uma
onda quebrar contra a praia. Você acha que não haverá outra?
Claro que sim. Tão logo uma onda quebra na areia, outra já começa a
surgir. Depois mais uma, e depois outra. Esse é um retrato da graça sem fim
de Deus. Graça é só mais uma palavra que representa o reservatório enorme e
imponente da força e da proteção de Deus. Ela chega a nós não em eventuais
gotas, mas em torrentes titânicas, onda após onda. Mal recuperamos o
equilíbrio perdido com o quebrar de uma onda e, bam, lá vem a próxima.
“Graça sobre graça” (João 1:16). Podemos depositar nossa esperança na
melhor notícia de todas: se Deus permite que o desafio aconteça, então ele vai
fornecer toda graça necessária para enfrentá-lo.

MAIS UMA COISA

Encontros. Drogas. Doenças. O divórcio dos pais. Às vezes os problemas


se acumulam tão alto que até parece que Deus não vai conseguir dar
conta. Não acredite nisso! O reservatório da graça de Deus nunca seca.
Ele tem um estoque mais que suficiente para resolver todos os dilemas,
secar todas as lágrimas e responder todas as perguntas.
13 DE NOVEMBRO
Eu te louvo porque me fizeste demodo especial e admirável.
[Salmos 139:14]


Faça o seu melhor
A ntonio Stradivari foi um fabricante de violinos do século XVII cujo nome
na forma latina, Stradivarius, hoje é sinônimo de excelência. Certa vez ele
disse que fazer um violino que não fosse sua melhor obra seria como roubar
Deus, que não conseguiria fazer violinos com o padrão Antonio Stradivari de
qualidade sem o próprio Antonio.
E ele estava certo. Deus jamais conseguiria fazer violinos Stradivarius
sem Antonio Stradivari. Certos dons foram dados a um marceneiro que
nenhum outro fabricante de violinos jamais possuiu.
Também há coisas que você pode fazer que mais ninguém consegue.
Talvez você seja um mago da computação. Talvez você saiba pintar. Talvez
você trabalhe bem com animais ou com crianças pequenas. Talvez você seja
muito bom em incentivar pessoas desanimadas. É bem possível que você não
tenha descoberto seus maiores dons ainda. Mas há coisas que só você pode
fazer, e você está vivo e pronto para fazê-las. Na grande orquestra que
chamamos de vida, você tem um instrumento e uma partitura e tem a
obrigação perante Deus de fazer seu melhor com isso.

MAIS UMA COISA

Você já conhece os dons que Deus lhe reservou? Pegue uma folha de
papel e faça uma lista das coisas em que você é bom. Agora faça uma
lista das coisas que gosta de fazer. Existem palavras que estão nas duas
listas? Talvez essa seja uma maneira de descobrir o que você faz de
melhor para levar glória a Deus.
14 DE NOVEMBRO
Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus.
[Romanos 8:1]


Inocente
Se emoldure
você já se perguntou de que forma Deus reage quando você fracassa,
as palavras a seguir e pendure um quadro na sua parede: “Eu
também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de pecado.” Estas são
as palavras que Jesus disse para mulher apanhada na cama com outro homem
que não seu marido (João 8:11). Leia estas palavras. Reflita sobre elas.
Memorize-as.
Ou, melhor ainda, leve Jesus para conhecer o cantinho da sua vergonha.
Convide Cristo a fazer uma caminhada com você, a ficar ao seu lado enquanto
você reconta os eventos das noites mais sombrias da sua alma. A noite em que
mentiu para seus pais. A noite em que roubou uma loja. A noite em que abriu
mão da sua virgindade.
Depois, escute. Escute com cuidado. Ele está falando... “Eu não a
condeno.”
E depois vigie. Olhe atentamente. Ele está escrevendo. Está deixando
uma mensagem. Não na areia, mas na cruz. Não com as mãos, mas com seu
próprio sangue. A mensagem dele tem uma só palavra: inocente.

MAIS UMA COISA

Talvez você tenha estragado tudo. Totalmente. Mas não deixe a culpa
prender você ao chão. Leve seus crimes a Jesus. Confesse tudo para ele.
Peça que ele perdoe você. Depois, ouça as palavras que restauram a
esperança: “Eu também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de
pecado.”
15 DE NOVEMBRO
Fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê é
transitório, mas o que não se vê é eterno.
[2Coríntios 4:18]

O tecelão
Há mais de cem anos uma mina entrou em colapso na Inglaterra matando
muitos dos trabalhadores dentro dela. Então pediram que um bispo fosse
oferecer consolo aos que estavam de luto. Em frente à mina, ele disse: “É
muito difícil para nós compreender por que Deus permitiria a um desastre
desses acontecer, mas nós o conhecemos e confiamos nele, portanto, tudo
ficará bem. Em casa tenho um antigo marcador de livros que ganhei de minha
mãe. Ele é feito de seda trabalhada e, quando olho para o verso do marcador
não vejo mais que uma bagunça de fios, cruzando para lá e para cá. Aquilo
parece ser um grande erro. Seria de imaginar que quem fez aquilo não sabia
bem o que estava fazendo. Mas basta virar para o lado certo e logo aparecem,
lindamente tecidas, as palavras DEUS É AMOR.”
“É o que estamos vendo hoje”, ele continuou, “o verso do marcador.
Algum dia vamos enxergar o que aconteceu de outro ponto de vista, e então
poderemos entender”.13
E certamente entendemos. Mas, até lá, procure ficar menos focado nos
fios embaraçados e mais nas mãos do tecelão.

MAIS UMA COISA

Fios embaralhados. Essa é uma boa representação de como a vida às


vezes parece, não? Problemas nos relacionamentos. A preocupação com
a lição de casa. Fios que não deveriam estar juntos — hoje. Mas pode ser
que, depois, consigamos ver como tudo isso foi necessário e planejado
pelas mãos experientes do tecelão.
16 DE NOVEMBRO
Mas agora que vocês foram libertados do pecado e se tornaram escravos de Deus, o
fruto que colhem leva à santidade, e o seu fim é a vida eterna.
[Romanos 6:22]

Chega de preguiça
A ntes de Jesus, nossas vidas estavam fora de controle, bagunçadas, e focadas
no egoísmo. Lembra disso? Nós nem sabíamos que éramos preguiçosos
antes de encontrar Jesus.
Mas, depois, ele se mudou para dentro de nós. As coisas começaram a
mudar. O que antes estava espalhado na nossa casa começou a ser jogado fora.
O que antes negligenciávamos, passamos a limpar. O que antes estava
totalmente bagunçado, começou a ficar ordenado. Sim, existiram e ainda
existem momentos em que estragamos tudo, mas o tempo todo ele arruma
nossa casa.
De repente, nos pegamos com vontade de fazer o bem. De ajudar nossa
família. De incentivar um amigo. E quanto a voltar para a antiga bagunça?
Você só pode estar brincando. “Embora vocês tenham sido escravos do
pecado, passaram a obedecer de coração à forma de ensino que lhes foi
transmitida. Vocês foram libertados do pecado e tornaram-se escravos da
justiça” (Romanos 6:17-18).
Quem é que quer ser um preguiçoso egoísta? Seguir a Deus e fazer o bem
é muito melhor.

MAIS UMA COISA

Você já parou para olhar para a sua vida? Como é estar perto de Jesus e
seguir os ensinamentos dele? E como é não fazer isso? Não sei quanto a
você, mas, sem Jesus, minha vida fica uma bagunça. Prefiro deixar ele
arrumar tudo. E quanto a você?
17 DE NOVEMBRO
Jesus dirigiu-se a eles, andando sobre o mar. [...] [Os discípulos] gritaram de medo.
[Mateus 14:25-26]


Não esqueça da luz
De para
vez em quando surge uma tempestade. Quando isso acontece, eu olho
os céus que vão se escurecendo e digo: “Deus, pode me dar um
pouquinho de luz?”
Pois a luz surgiu para os discípulos. Eles estavam no mar durante uma
noite de tempestade quando uma figura foi até eles, andando sobre as águas.
Não era bem o que eles esperavam. Talvez eles esperassem ver anjos
descendo, talvez o céu se abrindo. Não sabemos direito o que esperavam. Mas
de uma coisa temos certeza: não era que Jesus viesse andando sobre as águas.
Porque Jesus veio de um jeito que não aguardavam, quase não viram suas
orações serem atendidas.
A menos que você fique olhando e ouvindo com atenção, estará
arriscando cometer o mesmo erro. Será que as ondas enormes dos problemas
estão ameaçando virar o barco da sua vida? Deus está a caminho. As luzes dele
nas noites escuras são numerosas como as estrelas: basta procurá-las.

MAIS UMA COISA

Já viu alguém que você ama se mudar ou falecer? Já viu alguém em quem
você confiava lhe dar as costas? Às vezes a vida parece mesmo com uma
tempestade de céu escuro. Quando isso acontecer, não esqueça da luz de
Deus. Talvez ele até surpreenda você com a chegada, mas certamente
está vindo ao seu encontro.
18 DE NOVEMBRO
Aprendi a adaptar-me a toda e qualquer circunstância.
[Filipenses 4:11]


Escolhendo ser contente
Em seu livro Money: A User’s Manual [Dinheiro: manual do usuário], Bob
Russell conta a história de um fazendeiro que estava descontente com sua
fazenda. Ele reclamava que o lago de sua propriedade precisava de cuidados e
atenção constante. E das gordas vacas que passeavam em seus pastos. E de
toda a necessidade de cuidar das cercas e da alimentação dos animais — que
dor de cabeça!
Assim, o fazendeiro chamou um corretor e fez planos para vender a
fazenda. Dias depois o corretor ligou pedindo a aprovação a respeito de um
anúncio que queria publicar no jornal local. Então o corredor leu o anúncio
para o fazendeiro. O anúncio descrevia uma fazenda adorável em um lugar
maravilhoso — quieto e pacífico, cercado de lindas montanhas, recoberta com
campos macios, alimentado por um lago de água fresca e abençoada por um
gado bem criado. O fazendeiro respondeu: “Leia o anúncio de novo.”
Depois de ouvir o anúncio pela segunda vez, o fazendeiro decidiu: “Eu
mudei de ideia. Não vou mais vender. Estive procurando um lugar assim por
toda minha vida.”

MAIS UMA COISA

E não é que somos como esse fazendeiro? Reclamamos da nossa família,


dos amigos, da escola, das nossas roupas. Para nós mesmos, reclamamos
até de Deus. Mas quando olhamos tudo isso sob uma outra perspectiva,
percebemos que já temos exatamente aquilo que estamos buscando.
19 DE NOVEMBRO
A oração de um justo é poderosa e eficaz.
[Tiago 5:16]


Fé desesperada
Os ordenado.
grandes atos de fé raras vezes nascem da calma e do pensamento

Não foi a lógica que fez Moisés erguer o cajado às margens do mar
Vermelho, fazendo as águas se separar. Não foi o senso comum que fez Paulo
abandonar a vida de fariseu e abraçar a graça. E não foi um comitê confiante
que orou em um pequeno aposento em Jerusalém para libertar Pedro da
prisão. Quem fez isso foi um bando de fiéis temerosos e assustados. Foi uma
igreja que não tinha opção. “A igreja orava intensamente a Deus por ele” (Atos
12:5). E jamais eles foram tão fortes quanto nessa ocasião. Eles tiraram Pedro
da prisão através da oração.
É comum ver o mesmo tipo de força nas orações feitas de última hora. O
impacto dos atos impulsivos é capaz de se espalhar como fogo. Isso quando
esses atos impulsivos confiam no combustível de Deus para acender a fagulha.
No começo de cada grande ato de fé costuma estar mais que um pequeno ato
de desespero.

MAIS UMA COISA

Você diria que a sua fé vem do desespero? Diria que suas orações
possuem a mesma intensidade como se fosse a última chance? Deus
ouve todas as palavras que você diz, mas ele se emociona quando suas
orações são sinceras e quando a fé vem do coração e da cabeça ao
mesmo tempo.
20 DE NOVEMBRO
“Se alguém quiser ser o primeiro, será o último, e servo de todos.”
[Marcos 9:35]

Seja o último em vez de o primeiro


O tempo todo acabamos tendo de fazer escolhas importantes, e essas
decisões se classificam sempre em quem vem primeiro: eles ou eu?
Quando você almoça com aquele aluno rejeitado em vez do cara popular.
Quando passa o sábado com a sua avó na ala dos pacientes com doença
mental. Quando se afasta de sonhos pessoais pelo bem dos outros, então você
está negando a si mesmo: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si
mesmo, tome a sua cruz e siga-me” (Mateus 16:24).
Eis o ingrediente mais surpreendente para se ter um ótimo dia: a
autonegação.
Mas não acreditamos que é exatamente o contrário? Que um bom dia
nasce do solo do interesse próprio, da expressão de si mesmo, da celebração
do ego? Então, o que será negar a si mesmo? Quando foi a última vez que você
leu um anúncio assim: “Vá em frente — negue a si mesmo para ter o melhor
dia da sua vida!”?
Jesus poderia ter dito essas palavras. No mundo dele, os menores são os
maiores (Lucas 9:48), o último será o primeiro (Marcos 9:35); os lugares
escolhidos serão os lugares esquecidos (Lucas 14:8-9). Será que ele entendeu
tudo ao contrário? O que você acha?

MAIS UMA COISA

Não é tão fácil assim servir ao próximo quando a maioria dos nossos
interesses está focado em nós mesmos. Praticar é algo que ajuda
bastante. O que você pode fazer nos próximos cinco minutos para
pensar antes em alguém? O que você está esperando?
21 DE NOVEMBRO
Se Deus é por nós, quem será contra nós?
[Romanos 8:31]


Deus é por você
Apergunta de Paulo ecoa por vários séculos: “Se Deus é por nós, quem será
contra nós?” Essa pergunta não é simplesmente: “Será que você consegue
ser contra nós?” A essa pergunta você conseguiria responder. Quem é contra
você? A doença, o desastre, algumas pessoas, as espinhas. A chateação da lição
de casa e as preocupações que cansam você. Uma crise a cada esquina. Se a
pergunta de Paulo fosse: “Quem consegue ser contra nós?”, seria mais fácil
fazer uma lista dos inimigos que combatê-los. Mas essa não é a pergunta. A
pergunta é: Se Deus é por nós, quem será contra nós?
Deus é por você. Seus pais podem ter esquecido de você, talvez seus
professores negligenciem você, talvez seus irmãos tenham vergonha de você;
mas ao alcance da oração está o criador dos oceanos — Deus!
Por pior que fique sua vida, você sempre terá alguém do seu lado que
conseguirá derrubar o mais forte dos oponentes. Até no mais terrível dos dias
há razão para a esperança.

MAIS UMA COISA

Mickey e Minnie. Lewis e Clark. Batman e Robin. Quando enfrentamos


o perigo, sempre ajuda ter um parceiro completamente dedicado a você,
que irá ficar ao seu lado nas batalhas. Quando essa pessoa é Deus, você
pode ter total certeza de que a vitória será sua.
22 DE NOVEMBRO
Se vivemos, vivemos para o Senhor; e, se morremos, morremos para o Senhor.
Assim, quer vivamos, quer morramos, pertencemos ao Senhor.
[Romanos 14:8]

Face a face
M eu pai já estava acamado. O fim estava próximo. Uma menina chamada
Ginger fez um cartão desejando-lhe breve recuperação em uma
atividade da escola dominical. Ela entregou, junto com sua mãe, o cartão
para meu pai.
Sabe-se lá como, mas acabou ficando sozinha com ele em algum
momento e fez uma pergunta daquelas que só crianças de seis anos poderiam
fazer: “Você vai morrer?” Papai estendeu a mão e pediu que ela chegasse mais
perto. “Sim, eu vou morrer. Quando? Não sei.”
Ela perguntou se ele estava com medo de ir para longe. “Longe é o céu”,
ele respondeu. “Vou ficar com o meu Pai. Estou pronto para vê-lo olho a
olho.” Pouco depois nossas mães voltaram ao quarto. Ginger olhou para meu
pai e abriu um sorriso enorme e lindo. Ele fez o mesmo — e deu uma
piscadela.
Um homem perto da morte, piscando diante dos pensamentos
inevitáveis. Anos mais tarde, Ginger escreveu uma carta para mim contando
sobre aquele dia. Meu pai ensinou a ela uma lição sobre como encarar os
problemas, sobre como encarar até mesmo a morte. “O pior que pode
acontecer”, ela escreveu, “é ver ‘meu Pai face a face’”.

MAIS UMA COISA

Quando precisa enfrentar um desafio grande, você se pergunta: “Qual o


pior que pode acontecer?” Muitas vezes pensamos na morte como o
“pior” que pode acontecer. Mas isso que é engraçado em relação a Deus.
Ele vira nossos pensamentos de ponta-cabeça. E quando você para para
pensar, o “pior” é, na verdade, o melhor que pode acontecer.
23 DE NOVEMBRO
Somos criação de Deus.
[Efésios 2:10]


Obra-prima de Deus
Há uma estalagem na costa da Escócia. Um dos homens desse grupo fez um
mais de cem anos certo grupo de pescadores estava descansando em

gesto brusco e acabou batendo a mão na bandeja da garçonete e mandando a


bandeja com a chaleira pelos ares, manchando uma parede branquinha. O
dono da estalagem olhou para o estrago e suspirou: “Vou ter de pintar
novamente a parede inteira.”
“Talvez não”, ofereceu um estranho. “Deixe-me trabalhar nela”.
Sem nada a perder, o dono da estalagem concordou. O homem então
apanhou lápis, pincel e tinta de uma caixa de ferramentas e se pôs a trabalhar.
Em pouco tempo começou a surgir a imagem de um cervo com uma bela
galhada. O homem então deixou uma assinatura no pé da pintura, pagou pela
refeição feita e partiu. O nome daquele homem: Sir Edward Landseer, um
pintor famoso por suas obras que retratavam a vida selvagem.
Nas mãos de Sir Edward um erro se transformou em obra-prima. As
mãos de Deus fazem a mesma coisa, o tempo todo. Para mostrar seu amor ele
junta em desenho as manchas separadas da sua vida e transforma todas elas
em uma linda obra-prima.

MAIS UMA COISA

Quando olha para todos os erros que você já cometeu, só enxerga uma
bagunça. Como o dono da estalagem, tudo que você quer é pintar tudo e
começar de novo. Mas Deus enxerga o que você não consegue ver. Ele vê
uma tela com possibilidades infinitas. Quando ele se põe a trabalhar em
você, o resultado é de tirar o fôlego.
24 DE NOVEMBRO
“Eu sou o SENHOR.”
[Êxodo 6:2]


Espanto com o Todo-poderoso
Os por lábios humanos. Sempre que precisam dizer Javé eles usam no lugar a
israelitas consideram o nome Javé santo demais para ser pronunciado

palavra Adonai, que significa “Senhor”. Quando este nome precisava ser
escrito, os escribas tomavam um banho antes de escrevê-lo e depois destruíam
a pena utilizada.
Será que tratamos Deus com o mesmo respeito hoje em dia? Será que
ainda nos espantamos com o Todo-poderoso? Fico me perguntando se
perdemos esse espanto. Nossa sociedade praticamente venera as celebridades
de hoje em dia. Sempre que uma estrela do cinema, do rock ou um atleta de
ponta aparece, rugimos de apreço quando essas pessoas aparecem na tela, no
palco ou em campo. Mas será que adoramos na igreja com a mesma
intensidade?
Moisés disse: “Quem entre os deuses é semelhante a ti, SENHOR? Quem é
semelhante a ti? Majestoso em santidade, terrível em feitos gloriosos, autor de
maravilhas” (Êxodo 15:11). Os israelitas não ousavam sequer pronunciar o
nome de Deus. Mas nós podemos ousar mostrar o amor, o apreço e o respeito
que temos por ele.

MAIS UMA COISA

Incrível é uma palavra que ouvimos muito hoje em dia. Aquele novo
vestido que Ally estava usando? Incrível. Aquele hambúrguer duplo que
você comeu no almoço? Incrível. Não tem lição de casa para fazer hoje à
noite? Incrível. Mas talvez devêssemos pensar no que é realmente
incrível. E isso é Deus. Nada se compara a ele.
25 DE NOVEMBRO
A língua tem poder sobre a vida e sobre a morte.
[Provérbios 18:21]


Poder positivo
Nathaniel Hawthorne voltou para casa desolado. Ele acabara de ser demitido
de seu emprego. A esposa dele, em vez de responder com ansiedade,
surpreendeu-o mostrando alegria. “Agora você pode escrever seu livro!”
Mas Nathaniel não estava tão otimista. “E como vamos viver enquanto eu
estiver escrevendo o livro?” Para a surpresa do marido, a esposa abriu uma
gaveta e mostrou um maço de dinheiro que ela vinha economizando ao cuidar
do orçamento doméstico. “Eu sempre soube que você era um homem genial”,
ela disse. “Sempre soube que você escreveria uma obra-prima.”
Ela acreditou no marido. E, porque ela fez isso, ele escreveu. E porque ele
escreveu toda biblioteca nos Estados Unidos tem uma cópia de A letra
escarlate, de Nathaniel Hawthorne.
Você tem o poder de mudar a vida de uma pessoa usando simplesmente
palavras. “A língua tem poder sobre a vida e sobre a morte.” Use esse poder
com sabedoria e talvez você testemunhe o surgimento de uma obra-prima.

MAIS UMA COISA

A Bíblia pede: “encorajem-se uns aos outros todos os dias” (Hebreus


3:13). Mark Twain disse, certa vez: “Posso viver por dois meses com um
elogio.” Você duvida do poder das palavras? Incentive o próximo com
suas palavras e você mudará o mundo.
26 DE NOVEMBRO
“O que nasce do Espírito é espírito.”
[João 3:6]


Liberdade do sofrimento
T alvez seus pais e seus irmãos sejam a definição de uma família disfuncional:
discussões e divórcio. Talvez você já tenha até experimentado o mal em sua
forma crua: raiva e abuso. Mas você precisa fazer uma escolha. Consegue
superar o passado e fazer a diferença? Ou prefere continuar controlado pelo
passado, vivendo de desculpas?
“Se eu tivesse nascido em outro lugar.” “Se eu tivesse sido tratado com
justiça.” Talvez você já tenha usado tais palavras. E talvez até tenha direito de
tê-las dito. Se esse é o caso, vá até o evangelho de João e leia as palavras de
Jesus: “O que nasce da carne é carne, mas o que nasce do Espírito é espírito”
(João 3:6).
Jesus entende sua dor porque ele já passou por ela. Ele oferece uma
alternativa à humilhação e à dor que você sente. Ame Jesus. Viva por ele.
Busque-o para que você possa ouvir as palavras que ele falou para a mulher
que sofria: “Filha, a sua fé a curou! Vá em paz e fique livre do seu sofrimento”
(Marcos 5:34).

MAIS UMA COISA

Quando colocamos a fé em Cristo ganhamos um motivo para levantar


de manhã, sem importar quão terrível tenha sido o dia anterior. A fé é
uma arma capaz de superar qualquer inimigo. É ela que dá significado à
vida. Deixe o passado para trás. Deposite sua fé em Jesus e na vida
espiritual que está por vir.
27 DE NOVEMBRO
Alegrem-se sempre. Orem continuamente. Deem graças em todas as circunstâncias,
pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus.
[1Tessalonicenses 5:16-18]

Atitude de gratidão
Se você procurar com atenção e por tempo suficiente, vai encontrar alguma
coisa de que reclamar. Por isso, pare de procurar! Tire os olhos das ervas
daninhas. Tire o diploma na graça de Deus. E...
Meça os dons de Deus. Recolha suas bênçãos. Catalogue a bondade
divina. Junte as razões pelas quais você é grato e verbalize-as. “Alegrem-se
sempre. Orem continuamente. Deem graças em todas as circunstâncias, pois
esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus” (1Tessalonicenses 5:16-
18).
Repare na noção de totalidade dessas palavras. Alegrem-se sempre. Orem
continuamente. Deem graças em todas as circunstâncias. Aprenda uma lição
com Sidney Connell. Quando a bicicleta novinha dela foi roubada, ela ligou
para o pai para dar as más notícias. Ele esperava que a filha ficasse aborrecida.
Mas Sidney não estava chorando. Ela estava honrada. “Papai”, ela disse, “de
todas as bicicletas que podiam ter roubado, roubaram logo a minha”.
Faça da gratidão sua emoção padrão e você logo se perceberá
agradecendo por todos os problemas da vida.

MAIS UMA COISA

Vamos praticar o que acabamos de aprender. Pegue uma folha de papel


e uma caneta e escreva dez coisas pelas quais você é grato. Vá em frente,
eu posso esperar. Uma lista nada ruim, não é? Talvez se surpreenda ao
perceber o quanto a vida muda quando você se atém a essa lista, em vez
de aos problemas. Experimente. Talvez você goste.
28 DE NOVEMBRO
“Isto aconteceu para que a obra de Deus se manifestasse na vida dele.”
[João 9:3]


O maior bem
Quando você toma um pouco do milk-shake de chocolate e diz: “Isso é
bom”, o que é que está dizendo de fato? Que a máquina de sorvete é boa?
Que o milk-shake em si é bom? Que a cobertura de chocolate é boa? Talvez o
leite? O copo? O canudo? Não, nada disso. O bem acontece quando os
ingredientes funcionam juntos: a máquina solta o sorvete, a ele se juntam o
leite e o chocolate, essa mistura se completa em um copo e você pode
desfrutar do milk-shake com o canudo. É cooperação interativa desses
elementos que cria o bem.
Nada na Bíblia nos faria chamar uma fome de boa, ou um ataque
cardíaco de bom, ou um atentado terrorista de bom. Essas coisas são todas
catástrofes. No entanto, cada uma das mensagens da Bíblia nos levam a
acreditar que Deus irá misturar essas catástrofes com outros ingredientes e
fazer o bem com eles.
Mas precisamos deixar Deus definir o que é o bem. A definição humana
inclui coisas como a saúde, o sucesso e a popularidade. Mas qual é a definição
de Deus? No caso do Filho dele, a boa vida consistia de lutas, de tempestades e
de morte. Mas Deus trabalhou esses ingredientes para o maior bem: a glória
divina e a nossa salvação.

MAIS UMA COISA

Nossas vidas são como um milk-shake. Todos os ingredientes são


misturados. Alguns ingredientes não impressionam muito. Outros — a
rejeição, as decepções, os fracassos — são um pouco ruins. Mas Deus
mistura tudo e transforma os ingredientes em algo bom e delicioso.
29 DE NOVEMBRO
Não se embriaguem com vinho, que leva à libertinagem, mas deixem-se encher pelo
Espírito.
[Efésios 5:18]


Apenas um drinque
Um amigo rola uma lata de cerveja na sua direção. Um colega de sala de aula
oferece um cigarro de maconha. Sua mente fica procurando maneiras de
explicar e dar uma desculpa, com motivos brotando como ervas daninhas
depois de uma chuva de verão. “Não vai machucar ninguém. Não vou ser
pego. Sou apenas humano.”
Você já ouviu tantas mensagens sobre os perigos da bebida e das drogas
que sua cabeça está quase explodindo. Mas será que poderia haver alguma
verdade por trás dessas palavras de aviso? Pode acreditar que sim. Eu já vi
acontecer na minha família. Dizer “Apenas um drinque” só facilita dizer a
mesma coisa na noite seguinte. Dois drinques então viram um hábito. Esse
hábito vira um vício e uma vida que não se consegue controlar.
É claro, isso acontece com outras pessoas, mas não com você. Mas e se o
exemplo que você dá de tomar apenas um drinque leve um amigo a
desenvolver uma vida de alcoolismo? De que forma aquele cigarro de
maconha pode machucar o coração do Pai que olha por você?
Faça um favor para todo mundo. Troque um drinque pela sabedoria de
Deus.

MAIS UMA COISA

Nem todo mundo está condenado a viver uma vida de vício e abuso de
drogas — mas o momento em que você se sente invencível é o momento
mais perigoso para cair em problemas. Se você quer ficar obcecado com
alguma coisa, faça de Deus essa escolha. Eis aí um hábito que vale a
pena.
30 DE NOVEMBRO
“O homem vê a aparência, mas o SENHOR vê o coração.”
[1Samuel 16:7]


Deus vê o coração
“OSvê o coração” (1Samuel 16:7).
não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o S
ENHOR ENHOR

Essas palavras foram escritas para os que não se encaixam e para os que
são rejeitados pela sociedade. Deus usa todas essas pessoas. Moisés correu da
justiça. Jonas correu de Deus. Raabe era dona de um bordel. Deus usou essas
pessoas.
E Davi? Deus viu um adolescente a seu serviço nos arredores de Belém,
bem no cruzamento entre o tédio e o anonimato e, através da voz de um
irmão, Deus chamou: “Davi! Venha aqui. Alguém quer ver você.” Os olhos
humanos viam apenas um adolescente desengonçado entrar na casa. Mesmo
assim, “o SENHOR disse a Samuel: ‘É este! Levante-se e unja-o’” (1Samuel
16:12).
Deus viu o que ninguém mais viu: um coração com fome de Deus. Davi,
apesar de todas as suas falhas, buscava a Deus como uma cotovia busca o raiar
do sol. No fim das contas, isso é tudo de que Deus precisava ou queria, tudo
de que ele precisa e quer. Os outros vão medir você pela cintura ou pela
carteira. Mas Deus não. Ele só examina corações. Quando encontra um
coração que aponta para ele, ele chama e o proclama como seu.

MAIS UMA COISA

Você está acima do peso? Está cheia de acne? Seu cabelo não fica no
lugar? Você é alto ou baixo demais? Desajeitado? Não entende
matemática? Pensa devagar demais para dar respostas inteligentes?
Nada disso importa para Deus. Ele enxerga o que está dentro do seu
coração. Permita que ele use o seu.


DEZEMBRO

Porque um menino nos nasceu,


um filho nos foi dado, e o governo
está sobre os seus ombros. E ele
será chamado Maravilhoso
Conselheiro, Deus Poderoso, Pai
Eterno, Príncipe da Paz.

[ Isaías 9:6 ]
1º DE DEZEMBRO
“A vontade de meu Pai é que todo o que olhar para o Filho e nele crer tenha a vida
eterna.”
[João 6:40]


Conhecendo o coração de Deus
A prendemos sobre o plano de Deus para nossas vidas ao passar algum
tempo na presença divina. A chave para conhecer o coração de Deus é ter
um relacionamento com ele. Um relacionamento pessoal. Deus vai falar com
você de forma diferente de como fala com os outros. Só porque Deus falou
com Moisés através de um arbusto em chamas não significa que temos todos
de sentar em frente a um arbusto e esperar até Deus falar. Ele usou uma baleia
para condenar Jonas. Significa então que devemos realizar serviços apenas no
Sea World? Não. Deus revela seu coração pessoalmente para cada um.
Por tal motivo, passar um tempo regularmente com Deus é essencial.
Não conseguiremos compreender as vontades que ele tem para nós em uma
conversa eventual ou em uma visita semanal. Nós conhecemos a vontade dele
quando caminhamos e conversamos com ele todos os dias. No café da manhã.
No ônibus. Na sala de aula. No treino de basquete. Antes de jogar videogame.
Na hora de ir dormir.
Caminhe com ele por tempo suficiente e você conhecerá o coração de
Deus.

MAIS UMA COISA

Respirar é algo automático para nós. Precisamos do ar para viver, mas


não pensamos no processo de respirar enquanto vivemos o dia. Nós
apenas respiramos. É assim que deveria ser nosso relacionamento com
Deus. Automático. Não precisamos pensar sobre falar com Deus. Isso é
algo que apenas acontece, o dia inteiro.
2 DE DEZEMBRO
Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam.
[Romanos 8:28]


Chateações úteis
Não costumamos pensar assim na hora, mas as chateações podem nos
ajudar. Elas permitem que nos tornemos as pessoas que Deus queria que
fôssemos. Ele usa as dificuldades para trabalhar nosso caráter.
Veja o que o autor de Tiago escreve: “Meus irmãos, considerem motivo de
grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem
que a prova da sua fé produz perseverança. E a perseverança deve ter ação
completa, a fim de que vocês sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa
alguma” (Tiago 1:2-4).
Os desafios de hoje preparam você para ser melhor e mais forte amanhã.
Será que uma ostra pode ilustrar esse princípio? O grão de areia invade a
concha; como a ostra responde? Ela gasta um monte de dinheiro comprando
coisas para superar a dor? Não. Ela secreta uma substância que transforma
aquela irritação em pérola. Cada pérola não é mais que uma vitória sobre uma
irritação.
E nós, como devemos lidar com as chateações? Confiamos, lembrando
que “Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam”
(Romanos 8:28).

MAIS UMA COISA

As palavras de Romanos 8:28 são um grande incentivo. Deus usa tudo


para fazer o seu bem. Talvez ele não seja o causador das chateações, mas
sabe como lidar com elas. Suas feridas não são em vão. Um dia, elas
levarão à alegria.
3 DE DEZEMBRO
Não temos confiança alguma na carne.
[Filipenses 3:3]


Plano perfeito de Deus
Você está lidando com muita pressão? Há tanta espalhada por aí. A pressão
dos pais para conseguir notas melhores, para conseguir uma bolsa, para
entrar na melhor universidade. Pressão do seu trabalho de meio período na
loja de sorvete pedindo para você chegar mais cedo, servir mais depressa,
sorrir mais. Pressão do condutor da banda para manter aqueles saxofonistas
barulhentos na linha. Pressão de um grupo de amigos para falar e se vestir do
jeito “certo”. Pressão de outro grupo para trabalhar menos e passear mais.
E ainda há a pressão que você coloca em si mesmo. Você quer ser o
melhor. Sim, é difícil deixar todo mundo feliz. Mas é tudo parte do plano.
Você só precisa ser perfeito. É o que Deus espera de você, certo?
Na verdade, Deus tem uma ideia melhor: “Pois vocês são salvos pela
graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus” (Efésios 2:8).
Nós não fazemos nada. Nadinha. Ao contrário da medalha de mérito dos
Escoteiros, a salvação da alma não pode ser merecida. Ela é um dom. Nossos
méritos não têm mérito nenhum. A obra de Deus é que merece todo mérito.

MAIS UMA COISA

Há um grande problema em se buscar a perfeição — nunca chegaremos


lá. Bom? Talvez. Estressado? Com certeza. Mas perfeito? Isso é assunto
para Deus. A salvação é algo que não se consegue. Apenas confesse seus
pecados e creia. É o plano perfeito de Deus.
4 DE DEZEMBRO
“Fiquem de sobreaviso contra todo tipo de ganância.”
[Lucas 12:15]


Obsessão pelas posses
Nos anos 1900 um cidadão qualquer vivendo nos Estados Unidos desejava
72 coisas diferentes e, dessas, considerava 18 como essenciais. Hoje em dia
um cidadão comum deseja quinhentas coisas e considera cem delas essenciais.
Nossa obsessão pelas coisas carrega uma etiqueta um tanto pesada.
Oitenta por cento das pessoas enfrentam pressões relacionadas a contas
vencidas. Nós gastamos 110% do nosso dinheiro tentando gerenciar dívidas. E
você sabe também que alguns dos seus amigos — talvez até você mesmo —
mal podem esperar para colocar as mãos no disco mais novo, no upgrade do
iPhone e nos tênis de marca.
Quem consegue aguentar tanto? Já não nos comparamos com os Joões
que encontramos nas casas do bairro, mas com as estrelas das televisões ou
com as modelos nas capas das revistas. Os brincos de diamante enormes de
Hollywood fazem seus brincos parecer brindes de uma máquina de chiclete.
Se pensamos que sempre precisamos de mais, será que algum dia teremos o
suficiente? Não. Por esse motivo Jesus avisa: “Fiquem de sobreaviso contra
todo tipo de ganância” (Lucas 12:15).

MAIS UMA COISA

Pare por um momento para pensar sobre as coisas na sua vida. De


quanto do que tem você precisa de verdade? Será que pagar por essas
coisas, brincar com elas, cuidar delas, guardá-las e consertá-las não está
roubando o tempo usado com Deus, com sua família, com seus amigos?
Achamos que somos donos de nossas coisas. Mas, muitas vezes, elas é
que são donas de nós.
5 DE DEZEMBRO
“Brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e
glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus.”
[Mateus 5:16]

Bondade cotidiana
Nos dias finais da vida de Jesus, ele fez uma refeição com seus amigos Lázaro,
Marta e Maria. No entanto, para Maria, oferecer a refeição não era o
suficiente. “Então Maria pegou um frasco de nardo puro, que era um perfume
caro, derramou-o sobre os pés de Jesus e os enxugou com os seus cabelos. E a casa
encheu-se com a fragrância do perfume” (João 12:3). Jesus recebeu o ato como
uma demonstração generosa de amor, uma amiga entregando seu bem mais
apreciado.
Siga o exemplo de Maria.
Existe um idoso no seu bairro que acabou de perder a esposa. Passar uma
hora em sua companhia significaria muito para ele. Algumas pessoas da sua
escola não têm pai. Elas não têm ninguém para levar ao cinema ou ao jogo de
futebol. Talvez você possa ir com o seu pai.
E quanto a essa aqui: logo no fim do corredor em que está o seu quarto
existe uma pessoa que tem o mesmo sobrenome que você. Deixe essa pessoa
em choque com muita bondade. Pense em algo radical. Como sua lição de
casa feita sem nenhuma reclamação. Com o café da manhã preparado quando
ela acordar. Uma carta de amor para ela sem nenhum motivo especial. Faça
todo dia um gesto sem esperar nada em troca.

MAIS UMA COISA

Nunca sabemos o quanto um “momento Maria” significa para uma


pessoa. Consolador? Provavelmente. Incentivador? Com certeza. Talvez
até mais. Às vezes seu gesto inspirado por Deus é exatamente do que
precisa aquela alma machucada para sobreviver mais um dia.
6 DE DEZEMBRO
Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a
justiça e a maldade?
[2Coríntios 6:14]


A pessoa certa
Você sempre sonhou em se casar um dia. Mas como vai fazer para escolher
um cônjuge para a vida inteira?
As pessoas tomam duas grandes decisões na vida. A primeira tem a ver
com a fé. A segunda tem a ver com a família. A primeira define a segunda. Seu
Deus define sua família. Se o seu Deus é você mesmo, então você dá as ordens
porque seu casamento é para o seu prazer e nada mais. Mas se o seu Deus é
Cristo, então é ele quem dá as ordens, porque seu casamento existe para a
honra dele. E ele tem uma opinião sobre escolher um parceiro: “Não se
ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a justiça
e a maldade?” (2Coríntios 6:14).
Case com alguém que ama a Deus mais do que até você consegue amar.
Quanto mais você namorar alguém que não crê, tanto mais adiará a
oportunidade de Deus colocar a pessoa certa em seu caminho. Se você é filho
de Deus e desposa um filho do Diabo, você vai ter problemas com seu sogro.

MAIS UMA COISA

Seu amigo aparece chamando para dar uma volta. Você só quer passar
em uma loja. Ele quer ir para o México. Você está em apuros! É mais ou
menos assim quando você se casa. Se o objetivo do seu parceiro é ficar
rico e o seu é ir para o céu, você vai ter uma tarefa longa e complicada.
7 DE DEZEMBRO
Temos um intercessor junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo.
[1João 2:1]


Deus entende seus lamentos
Você sabia que, se estiver envolvido em um julgamento oficial, nem sempre
precisa estar presente na corte? Às vezes um advogado pode falar por você.
Ele entende os julgamentos que você não entende, e ele fala “legalês” fluente
enquanto você mal tropeça nas palavras.
Talvez você nunca tenha tido de ir a julgamento, mas pode ser que esteja
tendo crises. Do tipo que deixam você tão cansado e estressado que não
consegue nem falar com Deus. A boa notícia é que você também tem um
advogado diante do Pai. Enquanto você é tímido, Jesus fala. Ele se ergue por
nós quando não conseguimos nos defender sozinhos. E ainda temos o apoio
do Espírito Santo, que “intercede por nós com gemidos inexprimíveis”
(Romanos 8:26). Esses barulhos horríveis que estão vindo da sua alma
cansada? Tudo bem. É o Espírito Santo falando “resmunguês”. “Uuuggghhh”
— me ajude, Senhor. Livra-me do sofrimento. “Uhhhhhh” — eu não sei o que
fazer. A dor é muito grande. “Ooohhhhhh” — onde está todo mundo?
Deus entende quando você fica tão sobrecarregado que não consegue orar.
Com Jesus como advogado e o Espírito Santo como parceiro de oração, aposto
que você tem orado mais do que imagina.

MAIS UMA COISA

Deus entende você. Quando busca por ele, ele não espera palavras
complicadas que impressionariam até seu professor de português. Ele
enxerga o seu coração. Um lamento, um olhar, um suspiro — ele fala
todas as línguas. Ele entende.
8 DE DEZEMBRO
Ele fortalece ao cansado e dá grande vigor ao que está sem forças.
[Isaías 40:29]


Enxergando o invisível
Há um exemplo de fé que pode ser encontrado no muro de um campo de
concentração. Nesse muro, um prisioneiro entalhou as palavras:
“Eu acredito no sol, mesmo quando ele não brilha. Eu acredito no amor,
mesmo quando ele não aparece. Eu acredito em Deus, mesmo quando ele não
fala.”
Fico tentando imaginar a pessoa que gravou essas palavras. Tento
visualizar uma mão esquelética segurando um pedaço de vidro quebrado ou
uma pedra e arranhando o muro. Tento imaginar os olhos dessa pessoa se
esforçando contra a escuridão, enquanto gravava letra por letra. Que mãos
poderiam ter feito marcas de tamanha convicção? Que olhos poderiam ver o
bem em tamanho horror?
Existe apenas uma resposta: olhos que entendem as palavras de Paulo.
“Assim, fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o
que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno” (2Coríntios 4:18). Você
enxerga o invisível?

MAIS UMA COISA

Como está a sua visão? Você consegue enxergar além dos seus
problemas, consegue ver a bondade e o amor por trás de tudo? É lá que
mora Deus — para além das paisagens, trabalhando, transformando os
nossos problemas de hoje em amanhãs mais brilhantes.
9 DE DEZEMBRO
Eu disse: “Confessarei as minhas transgressões ao SENHOR”, e tu perdoaste a culpa
do meu pecado.
[Salmos 32:5]


A ponte da confissão
Era uma vez dois fazendeiros que não conseguiam lidar um com o outro.
Uma longa fenda separava as duas fazendas, mas como sinal de um
desgosto mútuo que tinham por si. Eles construíram cada qual uma cerca na
borda da fenda para manter o outro longe.
Entretanto, com o passar do tempo, a filha do primeiro conheceu o filho
do segundo e eles se apaixonaram. Determinados a não ficarem afastados por
conta da tolice dos pais, o jovem casal derrubou as cercas e usou a madeira
delas para construir uma ponte por sobre a fenda.
É o que a confissão faz. O pecado confessado se torna uma ponte que nos
permite retornar à presença de Deus. Será que existe uma fenda no seu
relacionamento com Deus? Será que você está escondendo alguma coisa dele?
Um comportamento errado? A atitude errada? A desonestidade? Uma dúvida?
Converse com Deus agora mesmo. Derrube as cercas. Construa uma
ponte para voltar para ele.

MAIS UMA COISA

Leia Salmos 32. O que aconteceu com Davi quando ele ficou quieto em
relação aos erros que cometeu? O que mudou quando ele confessou?
Você não se sente mais próximo de amigos que confiam em você a
ponto de contar tudo? É exatamente o que Deus quer de você.
10 DE DEZEMBRO
Depois de terem sofrido durante pouco de tempo, os restaurará, os confirmará, lhes
dará forças.
[1Pedro 5:10]


Graça é tudo de que precisamos
P aulo escreveu: “Foi-me dado um espinho na carne, um mensageiro de
Satanás, para me atormentar. Três vezes roguei ao Senhor que o tirasse de
mim. Mas ele me disse: ‘Minha graça é suficiente para você’” (2Coríntios 12:7-
9).
Que riqueza de imagem. A ponta afiada do espinho penetra a pele macia
da vida e se aloja sob a superfície. Cada passo da descrição é um lembrete do
espinho na carne. A doença no corpo. A tristeza no coração. A irmã no centro
de reabilitação. O pai que está saindo de casa. Aquela nota baixa no boletim. A
vontade de pertencer ao grupo dos descolados na escola.
“Leve tudo embora”, você suplicou. A ferida transborda de dor e você
não vê nem sinal do remédio vindo do céu. Mas o que você diz: “Minha graça
é tudo de que você precisa.”
A graça de Deus não é só uma ducha leve lavando o problema. Ela é um
rio enorme e caudaloso cuja corrente pode derrubar e levar você direto à
presença de Deus.

MAIS UMA COISA

A graça de Deus tem o poder de arrastar consigo tudo que vê pela frente.
Ela não é suave, e sim abundante. Não é tranquila, mas torrencial. Não é
miniatura, é majestosa. Ela vem ao nosso encontro e nos equipa com
coragem, força e sabedoria. Por isso, aguente firme — lá vem a próxima
onda!
11 DE DEZEMBRO
Deus nos escolheu nele antes da criação do mundo, para sermos santos e
irrepreensíveis em sua presença.
[Efésios 1:4]


Escolhido
Você não acha que todos nós desejamos ser amados e aceitos? Não
desejamos o sentimento de pertencer? Pois recebemos muitas mensagens
que dizem o contrário. Acabamos cortados do time de basquete. Saímos do
quadro de homenageados. Somos cortados da lista de convidados. Tudo,
desde a acne até a anorexia, nos faz sentir como aquela pessoa sem companhia
para o baile de formatura.
Então reagimos. Validamos nossa existência com uma multiplicidade de
atividades. Fazemos mais coisas, compramos mais, alcançamos mais.
Tentamos dizer as coisas certas, vestir as roupas certas, andar com as pessoas
certas. Tentamos nos encaixar. E tudo isso é só uma maneira de fazer a
mesma pergunta que queima no coração: “Será que pertenço a esse grupo?”
Deus tem a resposta. A graça dele — imensa, superabundante, capaz de
alcançar as estrelas e voltar — é a resposta final. “Seja abençoada, criança. Eu
amo você. Eu aceito você. Eu adotei você para a minha família.”
O filho adotado é um filho escolhido.

MAIS UMA COISA

Reserve um tempo para refletir sobre isso. Certifique-se de ter


entendido. Aceite a lição. Agora aproveite! Existe alguma coisa em você
que Deus ama. Você faz os olhos dele se arregalarem, faz o coração dele
bater mais rápido. Ele escolheu você para a família dele. Nunca duvide
disso. Jamais se esqueça.
12 DE DEZEMBRO
Levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.
[2Coríntios 10:5]


Pensamentos cativos
Capturar pensamentos é um assunto sério. Era tarefa para Jesus. Lembra
dos pensamentos que buscavam Jesus, cortesia da boca de Pedro? Pois
Jesus já tinha previsto sua própria morte, seu enterro e até a ressurreição, mas
Pedro não conseguia suportar sequer pensar no assunto. “Pedro, chamando-o
à parte, começou a repreendê-lo (...) Jesus virou-se e disse a Pedro: ‘Para trás
de mim, Satanás! Você é uma pedra de tropeço para mim, e não pensa nas
coisas de Deus, mas nas dos homens’” (Mateus 16:22-23).
Você enxerga a firmeza de Jesus? Um pensamento sujo vem em seu
caminho. Ele é tentado a experimentar aquele pensamento. Fugir da morte na
cruz seria bom. Mas o que é que Jesus faz? Ele fica na porta de entrada e diz:
“Fique longe de mim.” É como se quisesse dizer: “Você não tem permissão
para entrar na minha mente.”
E se você fizesse o mesmo? E se tornasse cativo todo pensamento?

MAIS UMA COISA

Posso adivinhar que você já enfrentou um ou dois pensamentos sujos


que vieram no seu caminho. Talvez depois de alguém deixar o dinheiro
da conta na mesa do refeitório. Talvez quando alguém insultou você.
Conseguiria ser firme como Jesus? No momento em que identificar o
invasor, experimente dizer: “Fique longe de mim!”
13 DE DEZEMBRO
Ele o cobrirá com as suas penas, e sob as suas asas você encontrará refúgio.
[Salmos 91:4]


Deus, seu guardião
Eu tempestades
e meus amigos de faculdade mal escapamos de uma daquelas
típicas do oeste do Texas antes de uma delas desabar sobre
um parque, na tarde de um sábado. Quando estávamos de saída, meu amigo
parou o carro de repente e apontou para uma cena tocante que acontecia no
chão. Um passarinho estava sob a chuva que caía com as asas abertas
protegendo o filhote que havia caído do ninho. A forte tempestade o impedia
de voltar para a árvore, de modo que ele cobria o filhote até o vento parar.
De quantos ventos Deus está protegendo você? A asa dele, nesse exato
instante, está protegendo você. Pense no valentão que está no corredor
quando um professor para e conversa com ele. Pense em um ladrão que está
de olho na sua rua, mas acaba com um pneu furado. Pense em um motorista
embriagado cujo carro ficou sem gasolina antes de você ficar atrás dele no
trânsito. “Porque a seus anjos ele dará ordens a seu respeito, para que o
protejam em todos os seus caminhos” (Salmos 91:11). Deus, seu guardião,
protege você.

MAIS UMA COISA

Você está se sentindo exposto às tormentas da vida? Leia Salmos 91,


uma promessa maravilhosa de Deus. Quando amamos ele e contamos
para o próximo sobre esse amor, ele age para nos proteger. “Na
adversidade estarei com ele; vou livrá-lo e cobri-lo de honra” (Salmos
91:15).
14 DE DEZEMBRO
Graças a Deus por seu dom indescritível!
[2Coríntios 9:15]


Os grandes dons de Deus
P or que é que ele fez isso? Uma cabana já seria o suficiente, mas ele nos deu
uma mansão. Será que precisava ter dado o canto aos pássaros, os cumes
às montanhas? Será que foi obrigado a colocar listras nas zebras e a corcova
nos camelos? Por que embrulhar a criação em tamanho esplendor? Por que
passar por tanto trabalho para dar dons tão grandes?
Pois por que é que você faz o mesmo? Eu já o vi indo atrás de um
presente. Já o vi procurar nos shoppings, em cada prateleira. Não estou
falando dos presentes obrigatórios. Estou falando daquela pessoa e daquele
presente superespeciais. Por que você agiu daquele jeito? Você fez aquilo para
um coração parar de bater. Para fazer um queixo cair. Para ouvir aquelas
palavras descrentes: “Você fez isso por mim?”
É por isso que você fez o que fez. É por isso que Deus fez o que fez. Da
próxima vez em que o nascer do sol roubar seu fôlego ou uma campina cheia
de flores deixá-lo atônito, fique quieto. Não diga nada e ouça o céu sussurrar:
“Você gosta? Fiz tudo isso só para você.”

MAIS UMA COISA

Você fica animado quando consegue encontrar o presente certo para um


amigo ou alguém da sua família? Fica tentando imaginar o rosto da
pessoa quando abrir seu presente? Quando troca presentes na época do
natal, lembre-se do prazer que Deus sente quando desfrutamos dos dons
que ele nos dá.
15 DE DEZEMBRO
“Quem crê no Filho tem a vida eterna.”
[João 3:36]


Cristãos computadorizados
Cristianismo computadorizado. Aperte os botões certos, entre com os
códigos certos, entre com os dados certos e bingo, imprima sua própria
salvação.
Você faz a sua parte e o Computador Divino faz a dele. Não há
necessidade de orar (afinal, você controla o teclado). Não há ligação
emocional (quem quer abraçar um circuito eletrônico?). E quanto ao louvor?
Bem, o louvor é um exercício de laboratório — repita a rotina e confira os
resultados.
Religião pelo computador. É o que acontece quando você troca o Deus
vivo por um sistema frio. Quando substitui o inestimável amor de Deus por
um orçamento cheio de números. Quando troca o sacrifício absoluto de
Cristo pelas fúteis realizações humanas.
E quanto à parte do pessoal? E quanto ao relacionamento com um
salvador? E quanto a entrar na família de Deus? “Andarei entre vocês e serei o
seu Deus, e vocês serão o meu povo” (Levítico 26:12). Isso é algo
completamente diferente. Isso é fé verdadeira.

MAIS UMA COISA

A fé em Deus consiste em muito mais que só aplicar a lógica e seguir


algumas instruções. Ela não é um conceito a ser estudado. Ela é uma
conexão com o Cristo em nível íntimo e pessoal. É um contato
emocional e espiritual, bem como intelectual. É um contato vivo. É
amor.
16 DE DEZEMBRO
Alegrem-se com os que se alegram; chorem com os que choram.
[Romanos 12:15]


Quando o amor é real
No verão anterior à oitava série eu tinha ficado amigo de um cara chamado
Larry. Ele era novo na cidade, por isso sugeri que ele participasse do time
de futebol da escola. O resultado foi uma mistura de notícia boa com ruim. A
boa notícia? Ele entrou no time. A má notícia? Ele ganhou a minha vaga.
Tentei ficar feliz por ele, mas foi difícil.
Algumas semanas depois de começado o campeonato, Larry caiu de uma
moto e quebrou um dedo. Eu lembro do dia em que ele apareceu na porta da
minha casa mostrando a mão enfaixada. “Parece que você vai ter de jogar.”
Tentei ficar triste por ele, mas foi difícil. A passagem Bíblica foi mais fácil para
Paulo escrever que para eu praticar: “Alegrem-se com os que se alegram;
chorem com os que choram” (Romanos 12:15).
Você quer descobrir se o amor que sente por alguém é real? Repare em
como você se sente quando a pessoa é bem-sucedida em alguma coisa. Deus
irá celebrar. Espero que você também comemore.

MAIS UMA COISA

Você fica feliz quando seus amigos estão bem ou seus comentários
tentam diminuí-los? Você é compreensivo quando seus amigos
enfrentam desafios ou tenta “incentivá-los” com clichês? O amor vai até
onde as pessoas estão. Foi assim que Cristo veio até nós.
17 DE DEZEMBRO
Nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória
eterna que pesa mais do que todos eles.
[2Coríntios 4:17]

O mestre Compositor
Acada Natal músicos do mundo inteiro se reúnem para tocar o oratório mais
famoso de George Frederic Handel, O Messias. A obra completa tem cerca
de cem páginas. Mas imagine que, na época em que ele a estava compondo, a
mulher dele encontrasse uma dessas páginas na mesa da cozinha. Na página,
apenas um trecho em escala menor, uma que não funcionasse por si só.
Imagine que a esposa de Handel, armada com esse fragmento dissonante,
entrasse no estúdio dele dizendo: “Essa música não faz sentido. Você é um
péssimo compositor.” O que acha que ele pensaria?
Provavelmente ele pensaria de forma similar à que Deus pensa quando
fazemos o mesmo. Apontamos para o trecho em escala menor — uma perna
quebrada, os pais divorciados, um irmão doente. “Isso não faz sentido!” Não
obstante, de toda a criação de Deus, quanto pudemos ver? E de toda a obra
dele, quanto podemos compreender? Apenas um ínfimo. Um buraco na
fechadura da porta. E se a resposta de Deus para a questão do sofrimento
exigir mais megabytes do que aqueles com que nossos cérebros foram
abençoados?
Pense nisso.

MAIS UMA COISA

Imagine o gênio de alguém como Beethoven compondo lindas sinfonias


mesmo depois de ficar surdo, ouvindo a mistura de cada parte complexa
apenas na mente. Agora multiplique esse gênio por um bilhão e você vai
começar a ter uma vaga ideia de como Deus compõe a sinfonia das
nossas vidas.
18 DE DEZEMBRO
Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador.
[Lucas 2:11]


O presente perfeito
Sei que não deveríamos reclamar. Mas, honestamente, quando alguém te dá
um doce de Natal de dois anos atrás e diz: “Isso é pra você”, você não
consegue perceber a falta de criatividade? E quando alguém te dá um presente
original, você não agradece a presença de tanto afeto? Os biscoitos feitos em
casa, os ingressos para ver aquela sua banda desconhecida favorita, um poema
personalizado, um livro do Lucado. Esses presentes mostram que alguém
planejou, preparou, economizou, procurou. Uma decisão de última hora?
Não, esse livro é exatamente para você.
Você já recebeu um presente assim? Sim, já. Desculpe por falar em seu
nome, mas sei a resposta dessa pergunta tão logo termino de dizê-la. Você
recebeu um presente perfeito e pessoal. Feito sob encomenda. “Hoje, na
cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor” (Lucas 2:11).
Foi um anjo quem pronunciou essas palavras. Os pastores as ouviram.
Mas o que o anjo disse, Deus diz para todos aqueles que ouvem. “Lhes nasceu
o Salvador...” Jesus é o presente.

MAIS UMA COISA

Você já fez sua lista de Natal? Já olhou duas vezes? Antes de ficar
empolgado com o CD novo ou com aquele jogo de Xbox que você
precisa ter, vamos mostrar gratidão pelo presente que já recebemos — o
melhor presente de todos.
19 DE DEZEMBRO
Esta é a confiança que temos ao nos aproximarmos de Deus: se pedirmos alguma
coisa de acordo com a sua vontade, ele nos ouve.
[1João 5:14]

Peça e acredite
“Tudo o que pedirem em oração, se crerem, vocês receberão” (Mateus
21:22).
Não reduza essa enorme declaração à mesma categoria de um novo Xbox
ou de uma guitarra nova, de um quarto maior ou roupas melhores, de mais
pizza ou mais popularidade. Não limite a promessa desta passagem ao
egoísmo dos pedidos e trocas de favores. Os frutos que Deus reserva são
muito maiores que a riqueza terrena. Os sonhos dele são muito mais
ambiciosos que as posses e os prazeres temporários.
Deus quer que você voe. Que fique livre da culpa do passado e dos medos
do presente. Livre da sepultura do amanhã. Livre do pecado, do medo e da
morte. Essas foram as montanhas que ele moveu. Essas são as orações que ele
vai atender. É esse o fruto que ele vai conceder quando você pedir por aquilo
que agrada a ele. É isso que ele deseja fazer.

MAIS UMA COISA

Leia as palavras de 1João 5:14-15, bem próximas do fim da sua Bíblia.


Parece que quando estamos perto o suficiente de Deus para entender o
que ele deseja a ponto de pedirmos em oração, podemos ter certeza de
que o que pedimos já é nosso. E isso é ótimo! E deveria fazer com que
tenhamos vontade de orar a cada chance que tivermos.
20 DE DEZEMBRO
“É isto que você dirá aos israelitas: ‘Eu Sou me enviou a vocês’.”
[Êxodo 3:14]


Aquele que É
Você conhece alguém que sai por aí dizendo: “Eu Sou”? Nem eu. Quando eu
falo: “Eu sou”, sempre acrescento uma palavra. “Eu sou feliz.” “Eu sou
triste.” “Eu sou forte.” “Eu sou Max.” Deus, no entanto, firmemente diz “Eu
SOU” e não fala mais nada.
“Você é o quê?”, ficamos querendo perguntar. “Eu SOU”, ele responde.
Deus não precisa se descrever, porque ele nunca muda. Deus é o que é. Ele é o
que sempre foi. A natureza imutável dele motivou o salmista a declarar: “Mas
tu permaneces o mesmo” (Salmos 102:27). O autor está dizendo: “Você é
aquele que É. Você nunca muda.”
Existe muita coisa para você arrumar na vida. Parece que tudo muda.
Que você tem aulas novas a cada série. Que tem novos amigos quando os
antigos te ignoram. Que tem novos sentimentos, conforme seu corpo se
desenvolve. Que obedece a novas regras, conforme fica mais velho. Não é bom
saber que você pode contar com algo permanente? Javé é um Deus imutável.

MAIS UMA COISA

Tudo começa em algum lugar, certo? Tudo tem de ter um começo.


Tudo, quero dizer, menos Deus. Ele era, é e sempre será. A natureza
imutável e o amor dele são alguns dos maiores mistérios do universo e
também maravilhosos dons para nossas vidas.
21 DE DEZEMBRO
“Nós tínhamos que comemorar e alegrar-nos, porque este seu irmão [...] estava
perdido e foi achado.”
[Lucas 15:32]


Nenhum preço é alto demais
Quando Jenna, nossa filha mais velha, tinha apenas dois anos, eu a perdi em
uma loja de departamentos. Em um momento ela estava ao meu lado e, no
outro, ela tinha sumido. Entrei em pânico. De repente, só uma coisa
importava — eu precisava achar minha filha. Já tinha esquecido das compras.
A lista de coisas que eu tinha de fazer não era importante. Eu gritava o nome
dela. O que as pessoas achavam não me importava. Por alguns minutos toda a
energia que eu possuía tinha um objetivo — encontrar minha filha perdida
(que eu encontrei, a propósito. Ela estava escondida atrás de uns casacos!).
Nenhum preço é alto demais para um pai pagar para resgatar sua filha.
Não existe energia gasta. Não existe esforço excessivo. Um pai faz qualquer
coisa para encontrar seu filho.
O mesmo acontece com Deus.
Pode anotar. A maior criação de Deus não são as estrelas ou os cânions;
mas o plano eterno de resgatar os filhos dele.

MAIS UMA COISA

Imagine de repente perder de vista seu irmãozinho, irmãzinha ou animal


de estimação. Naquele instante você tem de enfrentar o pensamento de
talvez nunca mais ver a pessoa ou animal que ama. Você faz
praticamente qualquer coisa para trazer essa pessoa de volta, certo? Pois
essa é apenas uma fração de como Deus se sente em relação a você.
22 DE DEZEMBRO
Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se!
[Filipenses 4:4]


Carta de esperança
Volte comigo na história por alguns séculos. Vamos até Roma, em um lugar
um tanto pequeno e abafado. Dentro dele vemos um homem sentado no
chão. Ele é um camarada já mais velho, tem os ombros caídos, está ficando
careca. Há correntes nos punhos e nos tornozelos dele. Este é o apóstolo
Paulo. O apóstolo que só se prendia à vontade de Deus agora estava
acorrentado — preso naquela casa indigna — acompanhado por um soldado
romano.
Paulo, o prisioneiro, tinha uma mensagem para transmitir. Não era um e-
mail. Nem uma mensagem do Facebook. Por isso, Paulo escreveu uma carta.
Provavelmente uma carta de reclamação para Deus. Sem dúvida, uma lista de
todo seu sofrimento. Ele tem todos os motivos do mundo para ser amargo e
para reclamar. Mas ele não faz isso. Em vez disso, ele escreveu uma carta para
que, dois mil anos depois, ela ainda fosse conhecida como um tratado sobre a
alegria — é Filipenses.
Como pode um homem acorrentado escrever “Alegrem-se sempre no
Senhor” (Filipenses 4:4)? A resposta para ele — e para você — está em Jesus,
que traz alegria ao mundo.

MAIS UMA COISA

Paulo tinha passado por tudo: ameaças, torturas, problemas de saúde,


prisões. No entanto, mesmo sob a guarda romana, ao sentar para
escrever a carta para os Filipenses a emoção que fluiu por ele foi a
alegria. Leia a carta e descubra o segredo de Paulo.
23 DE DEZEMBRO
Um filho nos foi dado [...] E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus
Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.
[Isaías 9:6]


Do que precisamos
T odo Natal eu leio um lembrete de Roy Lessin que chegou na minha caixa de
correio anos atrás.
“Se a nossa maior necessidade fosse a informação, Deus teria enviado um
educador. Se nossa maior necessidade fosse a tecnologia, Deus teria enviado
um cientista. Se a nossa maior necessidade fosse o dinheiro, Deus teria
enviado um economista. Mas como nossa maior necessidade era o perdão,
Deus enviou um Salvador.”
Você acha essas mensagens de Natal um tanto cafonas? Talvez sejam.
Mesmo assim, frases simples têm o poder de quebrar o caos e capturar a
essência da época do ano. Deus sabia do que precisávamos. Ele veio
semelhante a nós para que pudéssemos ser semelhantes a ele. Os anjos ainda
cantam, as estrelas ainda nos convidam a chegarmos mais perto.
E ele ainda ama cada um de nós como se só houvesse cada um de nós
para ser amado.

MAIS UMA COISA

A época do Natal pode ser uma loucura. Compras em excesso. Festas


demais com os pais, sem você conhecer ninguém. Nada disso é
importante. Mas Deus se fazendo bebê para encontrarmos vida nova
nele? Isso sim é importante.
24 DE DEZEMBRO
“Eis que estou à porta e bato.”
[Apocalipse 3:20]


Espaço para Deus?
A lgumas das palavras mais tristes do mundo são: “Não temos lugar para
você.” Quer seja uma carona para ir ao jogo ou uma vaga no time, essas
palavras machucam.
Jesus conhecia o som dessas palavras. Ele ainda estava no ventre de Maria
quando o dono da estalagem disse: “Não temos lugar para vocês.” Quando ele
estava pendurado na cruz, aquela mensagem não era uma de total rejeição?
“Não temos lugar para você neste mundo.”
Mesmo hoje Jesus recebe o mesmo tratamento. Ele vai de coração em
coração, pedindo para entrar. De vez em quando alguém o recebe. Alguém
deixa a porta do coração aberta e convida ele a ficar. E a essa pessoa Jesus faz
uma grande promessa: “Na casa de meu Pai há muitos aposentos” (João 14:2).
Que promessa deliciosa ele faz para nós! Nós arranjamos lugar para ele
em nossos corações e ele arranja lugar para nós na casa dele.

MAIS UMA COISA

Maria ainda era uma adolescente grávida e José não era muito mais
velho quando o dono da estalagem os recusou. Jesus tinha nascido em
uma família terrena que conhecia bem a rejeição. Talvez esta seja a
razão pela qual ele está tão decidido a convidar você a fazer parte da
família sagrada dele.
25 DE DEZEMBRO
Seu Reino jamais terá fim.
[Lucas 1:33]


Nascimento humilde
Ela Naquele
busca o rosto do bebê. O filho dela. O Senhor dela. Sua Majestade.
momento da história, o ser humano que melhor compreendia
Deus e o que ele estava fazendo era uma adolescente em um estábulo fedido.
Ela não consegue tirar os olhos dele. De algum modo, Maria sabe que está
segurando Deus. Então, este é ele. Ela se lembra das palavras do anjo. “Seu
Reino jamais terá fim.”
Ele parece com qualquer coisa, menos um rei. O rosto dele é vermelho e
enrugado. O choro dele, apesar de forte e saudável, ainda é o inútil e
penetrante choro de um bebê. E ele depende absolutamente de Maria para
garantir seu bem-estar.
A majestade em meio ao mundano. A santidade na sujeira do esterco de
ovelhas e do suor. Deus entrando no mundo no chão de um estábulo, através
do ventre de uma adolescente, na presença de um carpinteiro.
Um nascimento que não poderia ser mais humilde. Um nascimento que
mudou o mundo — o meu mundo e o seu também. Será que conseguiremos
agradecer o bastante?

MAIS UMA COISA

Quando abrirmos os presentes, nos reunirmos na mesa da sala de jantar


e aproveitarmos o tempo com a família, vamos lembrar do verdadeiro
motivo pelo qual celebramos este dia. Um nascimento em um estábulo.
Um rei sob a forma de um bebê. Deus entre nós. Alegria para o mundo!
26 DE DEZEMBRO
Um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor resplandeceu ao redor deles.
[Lucas 2:9]


Uma noite nada comum
Uma noite comum, com ovelhas comuns e pastores comuns. Você poderia
até dizer que era uma noite chata. Se não fosse por um Deus que ama
colocar o sufixo “in” na frente do comum, aquela noite passaria
desapercebida. As ovelhas seriam esquecidas e os pastores teriam dormido a
noite inteira.
Mas Deus dança em meio ao comum. E, naquela noite, ele mostrou
alguns de seus melhores passos.
O céu escuro irrompeu em brilho. As árvores que estavam na sombra
saltaram para a claridade. As ovelhas que estavam silenciosas se
transformaram em um coro de curiosidade. Em um momento o pastor estava
dormindo profundamente; no outro, estava esfregando os olhos e fixamente
olhando um rosto desconhecido. Aquela noite já não era mais comum.
O anjo apareceu de noite pois é quando a luz é melhor vista e quando ela
é mais necessária. Deus vem em meio ao comum pelo mesmo motivo. As
ferramentas mais poderosas dele são também as mais simples.

MAIS UMA COISA

Às vezes a vida pode ser totalmente enfadonha. No entanto, quando


menos se espera, Deus ilumina o céu e anuncia algo inacreditável. Ele já
fez o Filho nascer em uma manjedoura. Preciso dizer algo mais?
27 DE DEZEMBRO
José fez o que o anjo do Senhor lhe tinha ordenado e recebeu Maria como sua
esposa.
[Mateus 1:24]


Um lar para Cristo
José tinha de fazer a decisão mais importante de sua vida. Maria estava
grávida, mas o bebê não era dele. A primeira ideia foi silenciosamente
libertar Maria do casamento e poupá-la do julgamento e do apedrejamento
em público. Mas então o anjo disse em sonho para ele não temer e tomar
Maria como esposa.
José tomou uma decisão. Ele trocou sua reputação por uma noiva grávida
e um filho ilegítimo. Ele colocou o plano de Deus à frente do plano que tinha
para si mesmo. Em vez de cuidar de seu próprio nome, José cuidou de criar
um lar para Cristo. E porque ele fez isso, recebeu uma enorme recompensa.
“Ele lhe pôs o nome de Jesus” (Mateus 1:25).
Até hoje, milhões de pessoas já pronunciaram o nome de Jesus. Mas veja
quem é que está em primeiro lugar na fila para dizer esse nome. José. De todos
os santos, de todos os pecadores, de todos os pródigos e dos pregadores que já
falaram o nome santo, José, um trabalhador braçal da construção, de uma
cidadezinha, foi quem disse o nome primeiro. Ele tomou o príncipe do céu
ainda com a cara enrugada nos braços e, com uma plateia de anjos e de
porcos, sussurrou: “Jesus... Você vai se chamar Jesus.”

MAIS UMA COISA

José fez uma escolha. Qual será a sua? Você vai criar um lar para Cristo
no seu coração, mesmo que isso pareça uma tolice aos olhos dos outros?
Espero que sim. Se fizer isso, Deus lhe dará recompensas de maneira que
você nem imagina.
28 DE DEZEMBRO
O Deus da esperança os encha de toda alegria e paz, por sua confiança nele, para
que vocês transbordem de esperança, pelo poder do Espírito Santo.
[Romanos 15:13]

Deus dá esperança
Aesperança do céu faz por você o que a luz do sol fez pelo porão da minha
avó. Eu devo meu amor por pêssego em conserva a ela. Ela enlatava
pêssegos e os armazenava em um porão perto de casa, no oeste do Texas. Era
um buraco fundo com degraus de madeira, com paredes de tábuas e cheiro de
umidade. Quando mais jovem, eu costumava descer, fechar a porta e ver
quanto tempo conseguia ficar naquela escuridão. Eu ficava em silêncio,
ouvindo minha respiração e meu coração bater, até não conseguir aguentar
mais e sair correndo escada acima para abrir a porta. A luz então inundava o
porão. Que mudança! Poucos instantes antes eu não conseguia enxergar nada
— e, de repente, conseguia ver tudo.
Assim como a luz que inundava o porão, a esperança de Deus inunda o
mundo. Sobre o enfermo, ele brilha com raios de cura. Para o solitário, ele dá
a promessa de um relacionamento. Para o confuso, ele oferece a luz das
Escrituras.
Quando se tem Deus, sempre se tem esperança.

MAIS UMA COISA

“Eu espero ganhar o jogo hoje à noite.” “Espero ir bem na prova final
amanhã.” Muitas vezes usamos o verbo esperar para algo que vai
acontecer. Mas esperar em Deus é algo mais profundo. É saber que ele
está no controle, que ele nos ama e que nosso futuro está garantido com
ele.
29 DE DEZEMBRO
[O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
[1Coríntios 13:7]


O amor tudo sofre
Não seria legal se o amor fosse como a fila do almoço no refeitório? E se
você pudesse dar uma olhada nas pessoas com quem viveria e pudesse
escolher o que queria e pular o que não queria? E se seus pais pudessem fazer
isso com você? “Vou pegar um prato de boas notas e lindos sorrisos, mas vou
evitar as crises na adolescência e as contas da faculdade.” E se você pudesse
fazer o mesmo com seus pais? “Por favor, quero uma porção de mesada e de
moradia gratuita, mas nada de regras nem de hora para dormir, obrigado.”
E quando a sua futura esposa? “Que tal uma tigela de boa saúde e bom
humor? Mas mudanças de emprego, sogros e lavar a roupa não estão na
minha dieta.”
Não seria ótimo se o amor funcionasse como no almoço? Seria tudo mais
simples. Seria tudo mais limpo. Tudo seria menos dolorido e mais pacífico.
Mas quer saber de uma coisa? Não seria amor. O amor não aceita apenas
algumas coisas. O amor tudo aceita.

MAIS UMA COISA

Quais são as pequenas (e não tão pequenas) coisas que sua família e seus
amigos fazem que irritam você? Não é fácil aceitar tudo nas pessoas da
sua vida. Mesmo assim, é o que Deus nos pede para fazer. Afinal, ele faz
tudo isso conosco. Isso é amor.
30 DE DEZEMBRO
Para tudo há uma ocasião, e um tempo para cada propósito debaixo do céu.
[Eclesiastes 3:1]


Encare o futuro com Deus
Quem é que passa pela vida sem nenhuma surpresa? Você se lembra do
resumo que Salomão faz? “Para tudo há uma ocasião, e um tempo para
cada propósito debaixo do céu” (Eclesiastes 3:1).
Deus administra a vida do mesmo modo com que ele administra o
universo: através de estações. Quando se trata da terra, conseguimos entender
a estratégia administrativa dele. A natureza precisa do inverno para descansar
e a da primavera para acordar. Não saímos correndo buscando abrigos
subterrâneos ao avistar dos primeiros botões da primavera. A mudança das
estações terrenas não nos incomoda. Mas a mudança pessoal inesperada
incomoda. A mudança para uma nova cidade. O fim do namoro que você
jamais imaginou que aconteceria.
Você está prestes a sofrer uma mudança? Está vislumbrando um novo
capítulo? As folhas do seu mundo já dão sinais de uma nova estação? A
mensagem que o céu tem para dar é clara: enquanto tudo o mais muda, a
presença de Deus é imutável. Ele pode até surpreender você. Mas ele quer que
saiba: você jamais irá encarar o futuro sem a ajuda dele.

MAIS UMA COISA

Pense novamente nas grandes mudanças da sua vida. Você sobreviveu a


todas elas, certo? E quando você lembrou de confiar em Deus, tudo não
ficou mais fácil de resolver? Ele estava lá com você, e estará novamente
na próxima. Agora é um bom momento para agradecer a Deus por guiar
você por todas as estações.
31 DE DEZEMBRO
Para isso eu me esforço, lutando conforme a sua força, que atua poderosamente em
mim.
[Colossenses 1:29]


Entregue Cristo ao mundo
Onascimento de Jesus na manjedoura é mais, muito mais que uma simples
história de Natal; ela é um retrato do quanto Cristo se aproximará de você.
A primeira parada na jornada dele foi um ventre. Onde é que Deus tocou o
mundo? Olhe para dentro de Maria para responder.
Ou ainda melhor, olhe para dentro de si mesmo. O que ele fez com
Maria, o mesmo ele nos oferece! Ele faz o convite que fez a Maria para todos
os seus filhos. “Se você permitir, vou me mudar!” Qual é o mistério do
evangelho? “Cristo em vocês, a esperança da glória” (Colossenses 1:27).
Cristo cresceu dentro de Maria até ter de sair. Cristo irá crescer dentro
de você até o mesmo acontecer. Ele vai sair de dentro de você no seu discurso,
através das suas ações, das suas decisões. Todo lugar em que você morar será
Belém, todo dia que você viver será Natal. Você, assim como Maria, vai
entregar Cristo para o mundo.

MAIS UMA COISA

Um ano novo em folha está esperando você. Rogo para que você ore
pedindo que Jesus cresça dentro de você, para que tudo que você pense e
diga reflita mais e mais a Jesus. Para mim e para você, todo dia pode ser
Natal. Vamos presentear o mundo com o maior presente de todos: Jesus.
LENDO A BÍBLIA
eus professores talvez lhe deem pilhas enormes de lições de casa, mas a Bíblia é o livro mais
S importante que você vai ler na vida. Ela contém o plano de Deus para sua vida e diz o que é certo, o
que é errado e como chegar ao céu. Quando a vida parece muito rápida e dura, a Bíblia pode ser o
livro com as respostas, por isso, é uma boa ideia ler um pouquinho dela todos os dias.
Experimente um desses planos de leitura para ajudar você a começar. Marque os dias em que
você fizer a leitura. O plano 30 dias com Jesus passa pela vida de Jesus enquanto ele esteve aqui na terra.
90 dias pela Bíblia repassa todos os principais acontecimentos do Antigo e do Novo Testamento,
começando com a Criação em Gênesis e percorrendo todo o caminho até o Apocalipse.

30 dias com Jesus

1. João 1:1-51 _____
2. Lucas 2:1-52 _____
3. Marcos 1:1-11 _____
4. Lucas 4:1-44 _____
5. João 3:1-36 _____
6. Lucas 5:1-39 _____
7. João 4:1-54 _____
8. Lucas 6:1-49 _____
9. Lucas 7:1-50 _____
10. Lucas 8:1-56 _____
11. Marcos 8:1-38 ____
12. Lucas 10:1-42 _____
13. Mateus 5:1-48 _____
14. Mateus 6:1-34 _____
15. Mateus 7:1-29 _____
16. Lucas 14:1-35 _____
17. Lucas 15:1-32 _____
18. Lucas 16:1-31 _____
19. João 8:1-59 _____
20. Lucas 17:1-37 _____
21. Lucas 18:1-43 _____
22. João 9:1-41 _____
23. Lucas 19:1-48 _____
24. Lucas 20:1-47 _____
25. João 10:1-42 _____
26. João 11:1-57 _____
27. Marcos 13:1-37 _____
28. Lucas 22:1-71 _____
29. Mateus 27:1-66 _____
30. Lucas 24:1-53 _____


90 dias pela Bíblia

1. Gênesis 1:1-2:3 _____
2. Gênesis 3:1-24 _____
3. Gênesis 6:9—7:24 _____
4. Gênesis 8:1—9:17 _____
5. Gênesis 17:1-22 _____
6. Gênesis 22:1-19 _____
08. Gênesis 27:1—28:9 _____
9. Gênesis 37:1-36 _____
10. Gênesis 41:1-57 _____
11. Gênesis 45:1-28 _____
12. Êxodo 1:8—2:15 _____
13. Êxodo 3:1—4:17 _____
14. Êxodo 5:1—6:13 _____
15. Êxodo 12:1-42 _____
16. Êxodo 13:17—14:31 _____
17. Êxodo 20:1-21 _____
18. Números 13:1-33 _____
19. Josué 2:1-24 _____
20. Josué 6:1-27 _____
21. Juízes 16:4-31 _____
22. 1Samuel 1:1-28 _____
23. 1Samuel 3:1-21 _____
24. 1Samuel 10:1-27 _____
25. 1Samuel 16:1-13 _____
26. 1Samuel 17:1-58 _____
27. 1Samuel 24:1-22 _____
28. 2Samuel 11:1—12:25 _____
29. 1Reis 3:1-28 _____
30. 1Reis 17:8-24 _____
31. 1Reis 18:1-46 _____
32. 2Reis 2:1-18 _____
33. 2Reis 4:8-37 _____
34. 2Crônicas 35:20—36:23 _____
35. Ester 2:1-23 _____
36. Ester 6:1—8:8 _____
37. Jó 1:1—2:13; 42:1-17 _____
38. Salmos 23 _____
39. Salmos 51 _____
40. Salmos 100 _____
41. Salmos 121 _____
42. Salmos 145 _____
43. Provérbios 4:1-27 _____
44. Eclesiastes 11:9—12:14 _____
45. Isaías 53:1-12 _____
46. Daniel 1:1-21 _____
47. Daniel 3:1-30 _____
48. Daniel 6:1-28 _____
49. Jonas 1:1—4:11 _____
50. Mateus 1:18—2:23 _____
51. Mateus 5:1-16; 6:1—7:12 _____
52. Mateus 14:13-36 _____
53. Mateus 21:1-17 _____
54. Mateus 26:47-75 _____
55. Mateus 27:15-66 _____
56. Mateus 28:1-20 _____
57. Marcos 1:1-20 _____
58. Marcos 4:1-20 _____
59. Lucas 1:26-56; 2:1-20 _____
60. Lucas 10:25-42; 14:25-35 _____
61. Lucas 15:1-32 _____
62. Lucas 22:1-23 _____
63. Lucas 24:13-53 _____
64. João 1:1-18 _____
65. João 3:1-21 _____
66. João 4:1-42 _____
67. João 8:1-11 _____
68. João 11:1-44 _____
69. João 14:1-31 _____
70. Atos 1:1-11 _____
71. Atos 2:1-47 _____
72. Atos 8:26-40 _____
73. Atos 9:1-31 _____
74. Atos 11:1-18 _____
75. Atos 16:11-40 _____
76. Romanos 3:1-31 _____
77. Romanos 8:1-39 _____
78. Romanos 12:1-21 _____
79. 1Coríntios13:1-13 _____
80. 1Coríntios15:1-58 _____
81. Efésios 2:1-22; 6:10-20 _____
82. Filipenses 3:1—4:9 _____
83. Colossenses 3:1—4:1 _____
84. 1Tessalonicenses 4:1-18 _____
85. Hebreus 11:1-40 _____
86. Tiago 1:1-27 _____
87. Tiago 3:1-18 _____
88. 1Pedro 1:3-25 _____
89. 1João 1:1—2:17 _____
90. Apocalipse 21:1—22:21 _____




Dedicatória
Com grande apreço, Denalyn e eu dedicamos este volume
para uma família querida e maravilhosa: Keith, Sarah,
Josh, Jake, Ryan, Mathis, Hope e Hannah Kennington.

Agradecimentos
Um agradecimento especial a James Lund por suas adaptações habilmente
escritas, Michelle Burke pela sua cuidadosa supervisão do projeto, e aos
editores adolescentes Owen Di Giosia e Mari Arana por seus úteis insights.
NOTAS

1 Rubel Shelly, The ABCs of the Christian Faith (Nashville, TN: Wineskins, 1998), pp. 21-22.
2 1041 Sermon Illustrations, Ideas, and Expositions: Treasury of the Christian World, ed. A.
Gordon Nasby (1953; repr., Harper & Brothers, Ann Arbor, Michigan), p. 109.

3 Eugene H. Peterson, Run with the Horses: The Quest for Life at Its Best (Madison, WI:
InterVarsity Press, 1983), p. 115.

4 Rick Reilly, “Matt Steven Can’t See the Hoop. But He’ll Still Take the Last Shot,” Life of Reilly,
ESPN.com, acessado em 11 de março de 2009, disponível em

<http://www.sportsespn.go.com/espnmag/story?id=39678087>. Ver também Gil Spencer,


“Blind Player Helps Team See the Value of Sportsmanship,” Delaware County Daily Times, 25

de fevereiro de 2009, disponível em

<www.delcotimes.com/articles/2009/02/25/sports/doc49a4c50632d09134430615>.
5 C.J. Mahaney, “Loving the Church,” mensagem em videotape da igreja Covenant Life,

Gaithersburg, MD, n.d., citado em Heaven por Randy Alcorn (Wheaton, IL: Tyndale House,

2004), p. xxii.
6 Christine Caine, Undaunted: Daring to Do What God Calls You to Do (Grand Rapids:

Zondervan, 2012), p. 48.

7 Frederick Dale Bruner, The Christbook: Matthew — A Commentary, ed. rev. e amp. (Dallas:
Word Publishing, 1987), p. 210.

8 Andy Christofides, The Life Sentence: John 3:16 (Waynesboro, GA: Paternoster Publishing,

2002), p. 11.

9 Guillermo Gonzalez e Jay W. Richards, The Privileged Planet: How Our Place in the Cosmos Is
Designed for Discovery (Washington, DC: Regenery Publishing, 2004), p. 143.

10 “Liftoff to Space Exploration,” NASA, disponível em

<http://www.liftoff.msfc.nasa.gov/academy/universe_travel.html>.

11 Tracy Leininger Craven, Alone, Yet Not Alone (San Antonio, TX: His Seasons, 2001), pp. 19,

29-31, 42, 153-54, 176, 190-97.


12 Gary L. Thomas, Sacred Marriage: What If God Designed Marriage to Make Us Holy More

Than to Make Us Happy? (Grand Rapids: Zondervan, 2000), pp. 46-47.

13 F.W. Boreham, Life Verses: The Bible’s Impact on Famous Lives, Vol. Two (Grand Rapids:
Kregel Publications, 1994), pp. 114-155.

Interesses relacionados