Você está na página 1de 2

6º Ano – Revisões

1) Escala – sequência organizada de notas em que a 1ª se repete no fim.


2) Modo – forma de ser duma escala que depende da colocação dos tons e
meios tons.
3) Tonalidade – tom próprio de cada música e que depende da escala que
serviu de base para a construção duma determinada obra.
4) Rondó – forma de composição que consiste na alternância duma secção A
com outras contrastantes (B, C etc.)
5) Escala Diatónica de Dó: ( usa tons e meios tons)

6) Melodia – sequência de sons de diferentes alturas, tocados ou cantados


um de cada vez.
7) Harmonia – combinação de dois ou mais sons, tocados ou cantados ao
mesmo tempo. Pode combinar-se de 3 formas:
a) 2 melodias simultâneas
b) Sequência de acorde (3 ou + notas sinultâneas)
c) Melodia + acordes
8) Forma – organizção das várias partes de que se compõe uma música.
a) Binária - AB (pergunta/resposta)
b) Cânone – forma de imitação em que as várias vozes vão entrando
sempre à mesma distância umas das outras.
c) Ostinato – repetição continuada do mesmo motivo musical.
9) Alteração tímbrica – obtenção de diferentes sonoridades com os
instrumentos utilizados (alteração do timbre do instrumento ou voz).
10) Realce tímbrico – destaque do som de um instrumento ou voz em relação
aos outros. Realce Tímbrico acontece quando um timbre de um instrumento ou voz se
destaca sobre um “fundo musical”.
11) Harmonia tímbrica – fusão de dois ou mais timbres semelhantes.
Harmonia tímbrica acontece quando nenhum timbre vocal ou
instrumental sobressai ou se destaca em relação a outros timbres.
A Harmonia tímbrica existe quando a combinação de timbres provenientes de várias
fontes sonoras está equilibrada de tal maneira que nenhuma das partes se destaca
sobre as restantes.
12) Pontilhismo tímbrico – forma de composição em que a melodia é
fragmentada e distribuída por vários participantes. *
13) Densidade sonora – efeito provocado pela intensidade ou pela
quantidade de instrumentos ou vozes que executam em simultâneo uma
peça musical.
Nota: Dependendo do número de instrumentos, uma peça musical
pode classificar-se como:
a) Pouco densa; b) densa c) muito densa

* O Pontilhismo é uma técnica de pintura usada no final do século XIX e


início do século XX, que em vez de pinceladas usa pontos de cores.

Em música o termo é usado para definir uma técnica de composição musical,


onde em vez de pontos de cor, a melodia é fragmentada e executada
alternadamente por vários instrumentos ou vozes. Este tipo de música
baseia-se em pequenas intervenções que aparecem e desaparecem. Os
instrumentos participam de fugida, criando assim um ambiente sonoro
totalmente diferente do que estás habituado a ouvir.

14) Tercina – grupo de 3 figuras iguais com a mesma duração de 2, sendo


assinalada com um 3 por cima ou por baixo do grupo.

NB: Nos compassos simples, cada unidade de tempo é subdividida em duas


metades (por exemplo, uma semínima é dividida em duas colcheias).

Porém, nos Compassos Compostos, a unidade de tempo é dividida em três

partes.

Compasso simples – unidade de tempo (fig. que representa um tempo) =

Compasso composto – unidade de tempo (fig. que representa um tempo) =

Nome: ____________________________________ Nº: ____ Turma: ___