Você está na página 1de 13

Ciências da Natureza – Resumo sobre o ar – 5.

º ano
Nome:_______________________________________________________________ Data:___________

Atmosfera – camada de gases que envolve a superfície da Terra.

Camadas da atmosfera

O ar atmosférico é formado por uma mistura homogénea de gases, poeiras e gotículas de água.
Professora Sónia Cristina Silva 1 / 13
Principais funções da atmosfera:
 reservatório de gases importantes para os seres vivos;
 faz parte do ciclo da água e de outras substâncias;
 protege os seres vivos das radiações ultravioletas;
 protege a superfície terrestre do impacto de corpos do espaço (exemplo: meteoritos);
 evita variações de temperatura bruscas e mantém a temperatura média positiva do planeta
(efeito de estufa).

Constituintes do ar

Nitrogénio Oxigénio
Dióxido de carbono Vapor de água Gases raros

- Incombustível
- Incombustível Variável
- Incomburente 0,97%
- Incomburente
- Modera as
- Turva a água de cal
combustões
0,03%
78%
- Incombustível
- Comburente
- Ativa as combustões
21%

Propriedades do ar:
 é incolor (não tem cor);  tem peso;
 é insípido (não tem sabor);  tem massa;
 é inodoro (não tem cheiro);  é compressível;
 é invisível (não se vê);  forma variável (não tem forma definida).
 tem volume;

Professora Sónia Cristina Silva 2 / 13


Para que ocorra uma combustão têm de estar presente
2 substâncias

Combustível Comburente
(substância que arde) (substância que alimenta a combustão)

Combustão – Ato de arder (é mais ou menos um “incêndio”, algo a arder). Fenómeno durante o
qual uma substância arde, sendo necessário o combustível, o comburente e temperatura suficiente
(para que o combustível inflame).

Combustível – Substância que arde.

Comburente – Substância que alimenta uma combustão.

Incomburente – Substância que não permite a combustão.

Importância dos gases atmosféricos


Oxigénio

Na medicina, o oxigénio é usado Na indústria, o oxigénio utiliza- Em voos de grande altitude e em


na reanimação de doentes, em se nas fundições para aceleraras voos espaciais, os tripulantes
casos de asfixia ou em pessoas combustões, na soldadura de utilizam equipamento especial que
com dificuldades respiratórias. metais, etc. lhes pode fornecer oxigénio.

Professora Sónia Cristina Silva 3 / 13


Os mergulhadores utilizam A quantidade diminui com a A água-oxigenada é uma substância
garrafas de ar comprimido, que altitude. Por isso, os alpinistas antisséptica muito usada, pois
contêm oxigénio. têm de usar máscaras de liberta oxigénio que destrói alguns
oxigénio. microrganismos.

Ozono – é um gás também constituído por oxigénio. A sua presença nas altas camadas da atmosfera
dificulta a passagem de radiações ultravioletas do Sol.

O oxigénio participa na respiração dos seres vivos e liberta-se da fotossíntese realizada pelas plantas.

Dióxido de carbono

O dióxido de carbono é usado na produção de neve O dióxido de carbono, sendo muito solúvel, é
carbónica, contida nos extintores de incêndio. utilizado no fabrico de bebidas gaseificadas.

O dióxido de carbono participa na fotossíntese e liberta-se durante a respiração.

Professora Sónia Cristina Silva 4 / 13


Vapor de água
O vapor de água é responsável por vários fenómenos atmosféricos, como nuvens, a chuva ou a
neve.
Regula a temperatura do planeta, impedindo o aquecimento ou o arrefecimento exagerados.
É utilizado no funcionamento de algumas máquinas; na desinfeção de material hospitalar, para
acelerar a cozedura dos alimentos (panela de pressão).

Nitrogénio (ou Azoto)

O nitrogénio (azoto) é usado na produção de adubos para a agricultura.

Na indústria, usa-se nitrogénio na refrigeração de O nitrogénio é usado para congelar óvulos,


alimentos (congelação, embalagem de alimentos, espermatozoides e embriões.
camiões frigoríficos, etc.).

O nitrogénio apesar de ser o constituinte mais abundante da atmosfera é, apenas, fixado por
algumas bactérias do solo (bactérias fixadoras de nitrogénio), que o transformam em substâncias
minerais (exemplo: nitratos). Estas substâncias vão ser posteriormente, utilizadas pelas plantas durante

Professora Sónia Cristina Silva 5 / 13


a fotossíntese que as transformam em proteínas, essenciais ao crescimento das plantas e dos animais. O
nitrogénio regressa à atmosfera por um outro grupo de bactérias do solo, as desnitrificantes.

Fatores que alteram a qualidade do ar


Ar é um elemento básico da vida.

Poluição do ar – alteração indesejável dos fatores físicos, químicos ou biológicos do ar com


consequências para o ambiente.

Poluentes atmosféricos – materiais presentes no ar que prejudicam os seres vivos.

Professora Sónia Cristina Silva 6 / 13


Professora Sónia Cristina Silva 7 / 13
Consequências da poluição do ar

Professora Sónia Cristina Silva 8 / 13


Professora Sónia Cristina Silva 9 / 13
Professora Sónia Cristina Silva 10 / 13
Preservação da qualidade do ar
Utilização de energias renováveis

Utilização de veículos não poluentes

Professora Sónia Cristina Silva 11 / 13


Criação de Zonas verdes e combate aos incêndios

Professora Sónia Cristina Silva 12 / 13


Medidas de combate à poluição
Risco ambiental Agentes poluentes Atividade humana Consequências
atmosférica
 Aumento da temperatura;
 Proteção das florestas; criação de
 Degelo (fusão) das calotes
 Utilização de zonas verdes, ou seja, evitar a
Gases com efeito de estufa: polares polares e glaciares;
Aumento do Efeito de combustíveis fósseis; desflorestação.
 Dióxido de carbono (CO2);  Aumento do nível médio
estufa ou  Desflorestação;  Diminuindo a queima de
 Metano (CH4); das águas do mar;
Aquecimento Global  Indústrias; combustíveis fósseis (carvão,
 Ozono (O3).  Destruição das zonas
 Veículos motorizados. petróleo e gás natural);
costeiras ficando
 Redução do uso de aerossóis que
submersas.
utilizam CFCs e de veículos
 Uso de aerossóis –
 Destruição da camada de motorizados;
sprays;
ozono, facilitando assim, a  Poupar energia, recorrendo a fontes
Redução da camada  Aparelhos de
 Clorofluorcarbonetos (CFC) passagem dos raios de energia não poluentes e
de Ozono refrigeração –
ultravioletas (altamente renováveis, isto é energias
frigoríficos, ar
nocivos à vida). alternativas (energia solar (do sol),
condicionado, etc.
energia eólica (do vento), energia
 Destruição dos ambientes
hidroelétrica (da água – barragens),
 Fábricas; marinhos (morte dos seres
 Dióxido de enxofre (SO2); energia geotérmica (interior da
Chuvas ácidas  Veículos vivos) e dos terrestres
 Dióxido de azoto (NO2) Terra), energia da biomassa e
motorizados. (morte das plantas –
energia do fluxo das marés).
desflorestação).

Bom estudo!
Professora Sónia Cristina Silva 13 / 13