Você está na página 1de 36

E do

ainda:

uma aventura

Cricket

Rider!

nº 1 Cricket Comics
nº 1
Cricket Comics

&

E do ainda: uma aventura Cricket Rider! nº 1 Cricket Comics &

Estão vivos!

Personagens e histórias muitas vezes têm vida

própria além daquela imaginada por seus autores.

O Homem-Grilo e o Sideralman são dois bons

exemplos disso.

O Homem-Grilo foi criado pelo quadrinhista

Cadu Simões ainda na infância, pensado inicialmente como um personagem sério, mas em 2000, quando começou a ser publicado de maneira independente,

tornou-se uma divertida releitura dos super-heróis. Já o Sideralman nasceu também no ano 2000 pelas mãos do talentosíssimo desenhista Will, com uma pegada um pouco mais de ação e aventura.

De lá pra cá, pudemos ler Homem-Grilo e Sideralman em todo tipo de

publicação diferente: na internet, em zines caseiros, em compilados e em bem-acabadas edições independentes. Durante esse período, tive

a oportunidade de participar da equipe que selecionou uma HQ do

Homem-Grilo para a antologia experimental periódica da ECA-USP,

a Quadreca, e pude também acompanhar o sucesso acachapante do

Sideralman nas feiras de livro pelo Brasil afora. Com os anos no mercado de quadrinhos, hoje tenho a honra de dizer que Will e Cadu são grandes amigos e que sempre nos encontramos em eventos do gênero para divulgar e vender os nossos trabalhos. Porém, o Homem-Grilo e o Sideralman são meus amigos há muito mais tempo, mostrando que é possível viver grandes aventuras e dar boas risadas em terras tupiniquins. Apesar de todas as dificuldades que possam ter encontrado, sejam

na forma de supervilões ou dos percalços naturais da produção de

quadrinhos, Sideralman e Homem-Grilo se encontram nesta edição especial para mostrar que vivem e que têm ainda muito mais para viver.

Guilherme Kroll é formado em Editoração pelaECA-USP eéeditor e fundador da Balão Editorial. Além disso, foi colaborador de sites como Universo HQ, Impulso HQ, OCineDude.

Agora o Homem-Grilo e o Sideralman fazem parte do mesmo universo fictício. E este gibi

Agora o Homem-Grilo e o Sideralman fazem parte do mesmo universo fictício. E este gibi vem para coroar essa união trazendo um crossover entre os dois heróis. Além disso, você também confere nesta primeira edição uma aventura do Cricket Rider, a versão tokusatsu do Homem-Grilo. Tenha uma boa leitura!

Cadu Simões

“Em memória de Ricardo Marcelino”

leitura! Cadu Simões “Em memória de Ricardo Marcelino” Edição Cadu Simões eWill Capa Will Concepção

Edição Cadu Simões eWill Capa Will Concepção Petisco Revisão MônicaLan (revisão amadora mas com carinho)

Impressão Juizforana Gráfica e Editora

© 2015 edição brasileira. Segunda impressão.

Homem-Grilo & Sideralman nº 1 é licenciado sob uma Licença Creative Commons - Atribuição - Compartilhamento pela mesma Licença (CC BY-SA 3.0 BR)

- Compartilhamento pela mesma Licença (CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com

Data desta edição: abril de 2015

www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com

(CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com petisco.org
(CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com petisco.org

petisco.org

(CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com petisco.org
(CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com petisco.org
(CC BY-SA 3.0 BR) Data desta edição: abril de 2015 www.homemgrilo.com contato: homemgrilo@gmail.com petisco.org

SEM

DE NECESSIDADE

DEFENSORES

S E M DE N E C E S S I D A D E DEFENSORES
S E M DE N E C E S S I D A D E DEFENSORES
S E M DE N E C E S S I D A D E DEFENSORES
S E M DE N E C E S S I D A D E DEFENSORES
O Mechatubarãossauro quase foi nosso inimigo na primeira história mas ele foi embora, veja se
O
Mechatubarãossauro
quase foi nosso inimigo na
primeira história mas ele
foi embora, veja se você
descobre qual é a sombra
que corresponde ao
desenho aqui ao lado.
qual é a sombra que corresponde ao desenho aqui ao lado. Passatempos    

Passatempos

 
 

fácil.táqueviraseResposta:

Passatempos     fácil.táquevirase Resposta: achar.atétentandocontinue Resposta: Jogo dos sete erros Eu

achar.atétentandocontinueResposta:

Jogo dos sete erros

Eu e o Homem-Grilo juntamos forças para combater os vilões, porém, alguma coisa aconteceu na
Eu e o
Homem-Grilo juntamos
forças para combater
os vilões, porém, alguma
coisa aconteceu na cena
de baixo. Há sete erros
no desenho.
descubra-os!!!
para combater os vilões, porém, alguma coisa aconteceu na cena de baixo. Há sete erros no
Tiras R oteiRos : C adu S imõeS  D esenhos : S amuel B

Tiras

RoteiRos: Cadu SimõeS Desenhos: Samuel Bono

Tiras R oteiRos : C adu S imõeS  D esenhos : S amuel B ono
Tiras R oteiRos : C adu S imõeS  D esenhos : S amuel B ono

Galeria A homenagem de quatro feras dos quadrinhos brasileiros.

Samuel Bono, criador do Bucha. samuelbono.blogspot.com.br
Samuel Bono, criador do Bucha.
samuelbono.blogspot.com.br

Omar Viñole, criador do Coelho Nero. coelhonero.blogspot.com

Bios

Cadu Simões

É

osasquense, morador do bairro de Quitaúna

e

o criador do Homem-Grilo, um super-herói

que ganhou seus poderes ao ser mordido por um grilo radioativo (afinal, grilos mordem?). Sua outra principal obra é Nova Hélade, uma HQ que mistura mitologia grega com ficção científica ciberpunk. Também escreve rotei- ros para o Sideralman e o Demetrius Dante, ambos personagens criados por Will. Foi pre- miado em 2008 com o Troféu HQ Mix na ca- tegoria de Roteirista Revelação. Atualmente é integrante do coletivo de quadrinistas Petisco, que tem como principal atividade a publicação periódica de quadrinhos na Internet para lei- tura online e gratuita.

Alexandre Palheta Coelho

Formado em Artes Plásticas, de Belém -PA, é quadrinista, ilustrador e animador, tendo trabalhado em animações e ilustra- ções publicitárias, além de ter participado de alguns coletivos regionais de quadri- nhos. Atualmente é professor de Artes. Foi desenhista regular da revista “Luluzinha Teen” e dirigiu e animou as séries de cur- tas animados “Belém tem Disso” e “Contos da Amazônia”, para a Tv Cultura-PA.”

Samuel Bono

Começou de verdade nos quadrinhos quan- do resolveu criar seu próprio personagem,

o Bucha. Quadrinhos é sua grande paixão.

Mesmo quando faz trabalhos diferentes, é dos quadrinhos a sua inspiração. Sempre gostou de HQs de super-heróis e os eu- ropeus Asterix, Tintin e Iznogoud

de super-heróis e os eu- ropeus Asterix, Tintin e Iznogoud (principalmen- te este), porém, era quadrinho

(principalmen-

te este), porém, era quadrinho para se ler na biblio-

teca, quem tinha grana pra comprar essas coisas? O Bucha apareceu de sua necessida- de e também da dificuldade de se criar um

super-herói brasileiro, porque toda vez que tentava levar o tema a sério, achava tudo ridículo e babaca. O que fazer? Humor. E é muito bom aloprar esse universo cheio de heróis também babacas. O zine Subterrâneo foi a casa do Bucha durante muito tempo

e foi uma ótima experiência. As tiras do

Homem-Grilo nasceram de conversas pare- cidas com o Cadu. Recentemente voltou a fazer quadrinhos de tanto o Daniel Esteves “encher o saco”, a quem agradece o con- vite para participar do álbum São Paulo dos Mortos. Fora deste universo, sua vida é fazer ilustrações de todos os tipos e exigências que se pedem nessa área.

Will

Design gráfico e quadrinista, um dos res-

ponsáveis pela criação do zine Subterrâneo (2004), onde começou a publicar o Sideral- man. Ganhou quatro Troféus HQMIX, com

o

Subterrâneo e A Mosca no Copo de Vidro,

O

Louco, a Caixa e o Homem, parceria com

Daniel Esteves, e com o Petisco Apresenta vol. 1. Participou do MSP+50. Em 2008 criou

o personagem, Demetrius Dante, o detetive

do absurdo. Pela Editora Nemo publicou: Ci-

randa Coraci, O Senhor das Histórias, Das Areias

do Tempo e Monstros e Heróis (com roteiro de

Wellington Srbek), a adaptação de 20.000 Lé- guas Submarinas, de João Marcos, e As Aventu-

ras do Capitão Nemo (Profundezas

Fantasma!) de Daniel Esteves e Lillo Parra, respectivamente. Em 2013 Máquina Zero, Mônica’s e Ícones dos Quadrinhos. Em 2014 pu- blicou nas coletâneas Um Rock para Caçador, Monstros Noir e lançou a 2X10! Em 2015 lan- çou Os Arquivos dos Casos de Demetrius Dante, primeiro gibi do personagem. Participa do coletivo Petisco.

e O Navio