Você está na página 1de 8

Início Lista de Postagens Guia de Estudos Biblioteca Rituais e Feitiços Ervas Sobre

Direitos Autorais sexta-feira, 3 de junho de 2016 P

Dragon Magick: Magia Draconiana


Sinfonia da Lua de Alannyë
Daeris está licenciado com C
uma Licença Creative
Commons - Atribuição-
NãoComercial-
CompartilhaIgual 4.0
Internacional.

   Magia Draconiana, ou Dragon Magick, caracteriza-se por ser todo o tipo de magia feita em companhia
ou com o auxílio de Dragões. Não é uma forma de religião ou culto, mas sim uma forma de realizar
magia com a presença e com a energia dos Dragões.

☽❍☾

   Sobretudo, é preciso começar compreendendo o que, ou quem são os Dragões. A denominação por si
só tem um estereótipo fantástico, de seres alados e poderosos que tem o poder de soprar fogo e que estão
presentes nos mais diversos livros fantasiosos, videogames e RPGs. Mas eles vão muito além disso.
   Há muitas divergências a respeito da história dos Dragões. Muitos afirmam que, um dia, eles povoaram
a terra e voaram sobre nossos céus, mas devido à crueldade que notaram nos seres humanos, deixaram
de viver no plano material em que vivemos, e passaram apenas a existir no plano astral. Alguns Dragões
mantêm sua curiosidade pelos humanos, como guardiões, mas nem todos possuem esse desejo de
manter contato ou de auxiliar.
   Outra versão afirma que os Dragões possuem seu próprio plano de existência, que embora não se
manifeste fisicamente no nosso, é intrínseco e faz com que seja possível que possamos contatá-los. Por
vezes, é dito que Deuses e Dragões dividem o mesmo plano; mas também diz-se que Dragões vivem em
seu único plano, compartilhado com Gárgulas e outros seres mágicos, ainda possuindo a capacidade de G
interferir e contatar os outros planos.

   Apesar de serem citados como uma raça inteira, cada Dragão possui sua personalidade e seus gostos. ☽
Portanto, seja diplomático ao contatar Dragões, para não ofendê-los ou conseguir sua antipatia. ☽
Conheça-os, envolva-se com eles, para conquistar a confiança e ser digno de possuir o auxílio dos
mesmos em suas práticas mágicas. ☽
pe
   Assim como os seres humanos, ou como outros seres mágicos, como as Fadas, cada Dragão possui suas

particularidades, suas preferências, e também seu próprio código de honra e ética. Dragões levam seus ☽
códigos de honra muito a sério, portanto, caso você vá contra o código pessoal do mesmo, não espere ☽
auxílio ou amistosidade. Ter ética e honra é uma qualidade muito apreciada pelos Dragões, e essencial Ri
para qualquer praticante de Magia Draconiana. ☽

   As descrições sobre como os Dragões se parecem possuem bastante variações, ainda que sempre sejam

considerados grandes entidades reptilianas. Possuem asas, escamas, olhos similares aos dos répteis, ☽
embora a quantidade de asas e patas seja variável de acordo com a cultura. Os Dragões asiáticos, por M
exemplo, são como grandes serpentes e não possuem asas; já os europeus parecem-se com os clássicos da ☽
Se
literatura fantástica e dos videogames: quatro patas, asas grandes e corpo robusto. Ainda assim, o que ☽
importa é a energia que o Dragão emana, e que auxiliará não apenas na relação que será mantida com o H
mesmo, mas também nas formas de magia que serão desenvolvidas em conjunto. Sua aparência é apenas C

a forma como você o reconhecerá em meditações e interações.

  M
   Mas afinal: o que é Dragon Magick? ☽

E
   Dragon Magick é simplesmente o ato de praticar magia com o auxílio dos Dragões. Alguns acreditam ☽
que é um sistema mágico à parte, porém, o contato com os Dragões pode ser inserido em qualquer
sistema mágico existente. Ou seja, não é uma tradição ou um culto, nem mesmo uma religião, mas sim R
um relacionamento construído entre os indivíduos - praticante e Dragão. Para ter sucesso na magia feita
com o auxílio desses seres, é preciso que seja criado um laço entre o bruxo/magista e o Dragão. ☽

   A Dragon Magick é um relacionamento que nem todos os praticantes podem conquistar; é necessário

honra, ética, responsabilidade e a capacidade de enfrentar quaisquer conflitos, inclusive sobre si ☽
mesmos, que a vida os apresentar. ☽
   Pode ser feita em grupos ou celebrada em covens, porém costuma ser realizada em um caminho ☽
solitário, visto que trabalha muito com o magista em âmbito de autoconhecimento, disciplina, força ☽

interior, coragem e desejo de buscar conhecimento. Os Dragões, uma vez que confiem no magista que

os invocou, auxiliam magicamente como se fossem um "co-magista", ou seja, um ajudante mágico.
F
Os Dragões e os Elementos


   Existem cinco pilares na Magia Draconiana. Fogo, Água, Ar, Terra e Caos. Os Dragões se dividem

nesses elementos, e também são vistos em combinações ou subdivisões dos mesmos em Dragões ☽
menores. O elemento de que o Dragão faz parte influencia em sua aparência e um pouco em sua
personalidade; representa a esfera da magia cujas energias desse ser são mais poderosas. F
   Alguns magistas acreditam que também existam Dragões de Luz, ou Espírito, para contrabalancear os
Dragões do Caos. No entanto, não estão acrescentados nessa descrição. ☽

da
☽❍☾ Dragões de Fogo ☽
 ☾ Líder: Fafnir
 ☾ Cores: Vermelho puro, âmbar, laranja e cores relacionadas às chamas E
 ☾ Direção: Sul M
 ☾ Subdivisões: Dragões da Fumaça, do Calor, da Lava e do Deserto.


Arquivos do Blog    Esses Dragões possuem um gênio forte e bastante disposição, porém podem ser compreensivos e

gentis. No entanto, são imprevisíveis e complicados de lidar até que lhe conheçam bem. Quando você ☽
► 2017 (5) conquista a lealdade e a amizade de um Dragão de Fogo, ele se torna um poderoso e protetor aliado.
Apreciam rituais com tambores e dança, em que haja um grande contato dos instintos. ☽
▼ 2016 (17)
el
► Setembro (3)    A magia com Dragões de Fogo pode envolver purificação pessoal, quebra de barreiras, e coragem para

atravessar os obstáculos. É difícil de lidar, pois a magia dracônica de fogo é bastante poderosa e não ☽
▼ Junho (4)
possui limites para sua força. Porém, pode trazer força e vitalidade para o andamento de projetos e para ☽
Instrumentos realizar seus objetivos. Também pode ser empregada para incentivar paixões e relacionamentos. ☽
Mágicos, Parte 3 -
O Athame e o
Bolin...  ☾ Correspondências mágicas: Entusiasmo, mudança, paixão, coragem, força, purificação, liderança,
Instrumentos cuidado, proteção, vitória, sangue, calor, sol, e verão.
Mágicos: Parte 2 -  ☾ Correspondências negativas: Ciúmes, raiva, inveja, conflitos, egocentrismo, impulsividade, medo e
O Caldeirão irritabilidade.
Instrumentos
Mágicos: Parte 1 ☽❍☾
Dragon Magick:
Magia Draconiana ☽❍☾ Dragões de Água
► Abril (2)  ☾ Líder: Naelyon
► Março (3)  ☾ Cores: Azul puro, azul marinho, verde escuro e turquesa.
 ☾ Direção: Oeste
► Janeiro (5)
 ☾ Subdivisões: Dragões do Gelo, da Névoa, e da Chuva.
► 2015 (123)
   Esses Dragões são extremamente calmos e costumam interagir com pessoas cujos sentimentos são
► 2014 (117)
bastante aflorados. Podem ser silenciosos e tímidos até que se desenvolva um laço entre o Dragão e o
magista. Sua influência é tranquilizante e gostam de participar de meditações e rituais em que haja uma
grande carga sentimental envolvida; também apreciam as artes como poesias, músicas profundas e
pinturas.
   A Magia com os Dragões de Água geralmente é feita para lidar com emoções - seja para acalmá-las ou
para intensificá-las. Também é empregada na fluidez de seus objetivos, para que continuem acontecendo
sem interferências. Dragões de Água auxiliam em divinações e meditações, e no desenvolvimento da
vidência e da empatia, bem como trazem calma e tranquilidade para quaisquer situações. Podem ser
invocados para magias de cunho amoroso, desde que haja sinceridade.

 ☾ Corespondências mágicas: Amor, compaixão, intuição, calma, confiança, tranquilidade, divinação,


fluidez, emoções e sentimentos, profundidade, harmonia, sinceridade.
 ☾ Correspondências negativas: Indiferença, preguiça, insegurança, medo, timidez, apatia, tristeza,
instabilidade, confusão, mágoa.

☽❍☾

☽❍☾ Dragões de Ar
 ☾ Líder: Sairys
 ☾ Cores: Amarelo puro, amarelo claro, azul claro, cinza, branco.
 ☾ Direção: Leste
 ☾ Subdivisões: Dragões da Tempestade, do Vento, do Tempo e dos Relâmpagos.

   Esses Dragões são de natureza bastante pacífica e gostam de compartilhar conhecimento, sendo
atraídos por conhecimento e intelecto. São bastante falantes e adoram interagir, especialmente em
contato com outros seres mágicos, divindades ou em meditações e estudos. É fácil aproximar-se de um
Dragão de Ar, embora sejam dispersos e um tanto individualistas. Música e incenso podem atraí-los.
   A Magia com os Dragões de Ar pode ser feita em busca de mudanças e renovação, para dar o pontapé
inicial a projetos e inícios, ou no favorecimento da comunicação e do conhecimento. Eles favorecem a
interação social, a fala em público, assim como o aprendizado e os estudos. Também auxiliam em Magia
Temporal e na versatilidade para lidar com várias situações. Gostam de compartilhar conhecimento e
sabedoria, assim como trazer ideias novas para alimentar a criatividade.

 ☾ Correspondências mágicas: Novos começos, felicidade, intelecto, astúcia, criatividade, inteligência,


felicidade, bom-humor, comunicação, otimismo, primavera, renovação, versatilidade, raciocínio rápido
e lógico.
 ☾ Correspondências negativas: Fofoca, desatenção, esquecimento, dispersão, egocentrismo, arrogância,
estagnação, futilidade, inconstância.

☽❍☾

☽❍☾ Dragões de Terra


 ☾ Líder: Grael
 ☾ Cores: Verde puro, todos os tons de marrom, amarelo e preto.
 ☾ Direção: Norte
 ☾ Subdivisões: Dragões de Pedra, da Natureza, da Montanha, e da Floresta.

   Esses Dragões são bastante quietos e observadores; podem demorar a fazer contato, ainda que estejam
presentes. São honestos e diretos; não gostam de dramas ou enrolações. Porém, também são bastante
protetores e cuidadosos, e se interessam por pessoas esforçadas e sinceras. Cristais e metais são itens que
podem atraí-los, visto que apreciam tesouros - tanto dinheiro quanto objetos com valor sentimental.
   A Magia com Dragões de Terra é feita para objetivos de longo prazo, com grande estabilidade e
prosperidade como principal foco. São Dragões que prezam os relacionamentos familiares e, portanto,
gostam de construir intimidade e laços fortes com aqueles que os invocam. Também ajudam a lidar com
responsabilidades, a construir uma vida profissional de sucesso, alcançar estabilidade em todas as áreas
da vida, e a criar resistência mental e física. Ainda que favoreçam a prosperidade, gostam de observar
persistência e esforço para que tais metas sejam alcançadas.

 ☾ Correspondências mágicas: Respeito, resistência, família, prosperidade, força, estabilidade, metas,


responsabilidade, profundidade, harmonia, propósitos.
 ☾ Correspondências negativas: Teimosia, fraqueza, rigidez, insensibilidade, avareza, ignorância,
antipatia, hesitação, falta de consciência e de mudança.

☽❍☾

☽❍☾ Dragões do Caos


 ☾ Líder: -
 ☾ Cores: Tons escuros de roxo e o preto; também são relacionados com o prata.
 ☾ Direção: -
 ☾ Subdivisões: -

   Esses Dragões são um tanto complexos de lidar. Suas personalidades podem variar bastante; tem uma
tendência à anarquia e a quebrar regras; seus códigos de honra pessoais também são diversificados,
porém os seguem com fidelidade. Não podem ser considerados maus ou bons, visto que apenas gostam
de provocar intensas mudanças para o crescimento do magista. São interessados e gostam de interagir,
julgar e observar quem os invoca, sendo sinceros em seus julgamentos; podem provocar confrontos com
os medos e os aspectos obscuros do magista, buscando a evolução pessoal do mesmo.
   A Magia com Dragões do Caos pode ser feita em busca de mudanças bruscas e fortes, renovação,
inícios ou fins de ciclos, sorte, aprendizado, e quebra de barreiras e de coisas prejudiciais. Esses Dragões
favorecem Magia Estelar e Planetária e divinações em geral, ainda que possam trabalhar com todas as
esferas de magia. Uma vez que um relacionamento é criado entre um magista e um Dragão do Caos, este
o acompanhará em todas as suas atividades mágicas, e trará os ventos da mudança a todo instante para
sua vida.

 ☾ Correspondências mágicas: Mudança, caos, magia, divinação, autoconfiança e autoconhecimento,


aprendizado, meditações, evolução, aperfeiçoamento, sucesso, renovação.
 ☾ Correspondências negativas: Inconstância, caos, arrogância, destruição, catástrofes, aleatoriedade,
imprevisibilidade, dispersão.

 Começando na Dragon Magick - Invocando os Dragões

   Existem inúmeras formas de iniciar o contato com os Dragões. Porém, todos eles podem ser resumidos
em um método bastante simples: convide-os. Atraia-os para sua vida. Não é preciso elaborar rituais
complexos para dar seu primeiro passo; apenas mentalize que você deseja invocá-los para fazer parte de
sua vida, e siga sua intuição.
   Depois de dado o primeiro passo, pense: que tipo de Dragão você quer atrair? Com qual você se
identifica mais? Pode ser que você já possua um Dragão Guardião de um dos elementos acima, caso você
tenha se identificado fortemente com a descrição de algum deles. Se você não tem certeza, ou se prefere
iniciar através de uma apresentação mais formal, segue um exemplo de ritual simples para a invocação
de Dragões.

☽❍☾

Ritual Simples para a Invocação de Dragões

   Esse ritual pode ser feito em qualquer dia da semana, em qualquer horário, desde que não haja
interrupções durante a realização. Prepare o lugar, purificando-o com incenso de uma erva de sua
preferência. Você pode optar por músicas calmas, se achar necessário.
   Abra o círculo mágico, caso você costume utilizá-lo. Convide os Dragões para participarem do seu
ritual, e fale quais as motivações por trás dessa invocação. Se você deseja somente atrair seu Dragão
Guardião, peça diretamente a ele que esteja com você. Seja sincero e fale tudo aquilo que sentir
necessidade.
   Quando se sentir pronto, feche os olhos. Sente-se, e coloque uma vela em sua frente. Se você não
souber que cor utilizar, opte pelo branco. Se desejar invocar um Dragão específico - para convidá-lo a
manter contato com você, por exemplo -, utilize uma vela da cor correspondente ao elemento dele.
   Fique em silêncio e visualize seu templo interior. Seu templo interior é aquele lugar onde você mais se
sente seguro, e pode ser completamente imaginário. Deixe sua mente relaxar e fluir. Em algum
momento, o Dragão estará com você.
   Após a meditação, faça uma pequena oferenda em honra do Dragão. Pode ser uma poesia, uma dança,
uma fruta, ou até mesmo a consagração de um objeto ou joia. Repita o ritual se sentir necessidade de se
conectar com os Dragões, ou de interagir com seu Dragão Guardião.

   Também pode-se realizar esse ritual caso você queira a intervenção de uma divindade no contato com
os Dragões. Nesse caso, convide o Deus ou a Deusa em questão - que pode ou não ser Tiamat, a Deusa
conhecida por ser a mãe dos Dragões - e os Dragões em sua invocação no início do ritual. Peça para a
divindade que ela lhe auxilie, lhe enviando um Dragão interessado em manter um relacionamento com
você. Se for de seu interesse, você já pode consultar um oráculo durante o ritual para descobrir qual o
elemento do Dragão que lhe acompanhará.
   Qualquer que seja o caso, em alguns dias, o Dragão que você invocou aparecerá em sua vida, por meio
de sonhos, meditações ou diversas outras formas. Então, cabe a você manter seu contato com ele,
através de meditações e da prática de magia. Lembre-se que o relacionamento com os Dragões deve ser
construído com paciência e determinação, então, não inicie um contato caso você não vá mantê-lo.
Dragões tendem a ir embora se forem negligenciados ou notarem falta de interesse.
   Quando você de fato começar a trabalhar com o Dragão que invocou, lembre-se de ser respeitoso, e
agradeça-o sempre que possível por seu auxílio. Mantenha em mente que você é um aprendiz, e que
caso seja sincero e ético na hora de lidar com os Dragões, terá poderosos amigos para lhe ajudar em suas
atividades mágicas.

☽❍☾

Dragão Guardião e Dragão Guia

   O Dragão Guardião é aquele que escolheu lhe proteger. Nem todos possuem um Dragão Guardião;
porém, todos podem convidar um Dragão que se interesse para que os protejam e para que esteja
presente em suas vidas. Ele pode ir embora a qualquer momento; mas, se o fizer, você pode criar laços
com outro Dragão interssado. Os Dragões Guardiões são aqueles que costumam aparecer em meditações
e auxiliam bastante na prática de magia; após construído um laço entre o Dragão e o magista, eles
costumam aparecer com frequência. Quando você se sentir desprotegido ou com medo, contate seu
Dragão Guardião através de meditação ou de um ritual.
   Dragões Guias são aqueles que optam por lhe auxiliar em seu caminho. Podem ser os mesmos Dragões
que agem como seus Guardiões, como podem ser Dragões completamente diferentes. É bastante difícil
contatar seu (ou seus) Dragão Guia, visto que preferem aparecer somente quando julgam necessário.
Suas aparições são feitas através de sonhos ou de meditações, e servem para lhe ensinar certas lições.
Quando você se sentir perdido ou sem propósito, tente meditar ou consultar um oráculo com seu
Dragão Guia.

Altar aos Dragões

   Ter um altar focado na Magia Draconiana não é necessário; ainda assim, é uma forma de centralizar
seu contato com os Dragões, e também de facilitar o processo da realização de magia. Se você já possuir
um altar focado nas práticas mágicas, pode adaptá-lo para a magia com os Dragões; se não, pode
facilmente adaptar um cantinho para dedicar a eles.
   Um altar simples pode conter apenas as representações básicas de cada elemento - copo com água ou
conchinhas, um incenso ou uma pena, uma vela e um cristal ou um pratinho com sal ou terra - e algum
símbolo em homenagem aos Dragões. Você pode colocar estátuas, desenhos, poemas, velas, incensos,
cristais, flores, e coisas relacionadas ao elemento do, ou dos Dragões com quem você se relaciona.
Oferendas e rituais também serão feitos nesse altar.
   Caso você tenha um foco mais direcionado na prática de magia, é recomendado que tenha
instrumentos mágicos consagrados apenas para a Magia Draconiana. Podem ser instrumentos simples,
desde que sirvam para seu propósito; caso você consagre algum instrumento ou objeto para Magia
Draconiana, evite utilizá-los em magias que os Dragões não participem.
   As oferendas aos Dragões podem ser bastante variadas, dependendo principalmente do elemento e da
personalidade do Dragão com quem você trabalha. Em geral, Dragões apreciam coisas feitas para eles -
desenhos, poemas, músicas, danças, estátuas, ou até mesmo alimentos feitos com a intenção de agradá-
los. Para saber de oferendas mais específicas, a recomendação é que você medite e interaja com seu
Dragão, pois seus gostos podem diferir bastante.

Divinação com os Dragões


   Dragões costumam interagir bastante através de oráculos, e também favorecem as divinações em geral.
Se você procura por respostas diretas e precisas, convide um Dragão para lhe acompanhar na próxima
consulta aos oráculos que você fizer. Eles podem ajudar em qualquer meio que você preferir - seja ele o
Tarot, as Cartas Ciganas, as Runas Nórdicas, Scrying, entre outros.
   A melhor forma de divinar com os Dragões, no entanto, é através das Runas dos Dragões. Elas podem
ser usadas para se comunicar diretamente com eles, ou para que eles lhe auxiliem a interpretar da
melhor maneira possível as respostas obtidas através desse oráculo.
☾ Leia mais sobre as Runas dos Dragões.

Símbolos Dracônicos

   Na Magia Draconiana, pode-se incorporar símbolos relacionados a quaisquer sistemas mágicos ou
crenças. Portanto, qualquer que seja o tipo de magia que você esteja praticando, sinta-se à vontade para
empregar os símbolos que achar importantes e que auxiliarão nas energias empregadas.
   No entanto, alguns símbolos são considerados de importância especial para os Dragões. Caso utilizados
corretamente, podem fortalecer ainda mais a magia em curso, e também honrar o Dragão que estejam
trabalhando nela. Alguns exemplos são:

☾ O Pentagrama
É o símbolo clássico da Bruxaria, mas também pode representar os cinco elementos aos quais os Dragões
pertencem: Terra, Fogo, Ar, Água e Caos. É um ótimo símbolo protetor, especialmente se consagrado
para o contato dracônico.

☾ Olho de Dragão
Representa aquilo que está oculto, ou que é desconhecido. É utilizado como um símbolo de proteção,
mas também como um símbolo para a magia e para o conhecimento das artes ocultas.

☾ Chamas/Fogo
São um dos símbolos dracônicos - a baforada de chamas. Mesmo que nem todos os Dragões cuspam
fogo, é poderoso por representar a cura e a destruição.

☾ Serpente
É o animal mais próximo aos Dragões que conhecemos; as serpentes são conhecidas por lembrarem
renovação, sabedoria, conhecimento, astúcia, sexualidade, imortalidade e novos começos.

☾ Ouroboros
O Ouroboros é uma imagem de uma serpente, ou de um Dragão, engolindo a própria cauda. Ela
demonstra a completude, o infinito, a recriação de si mesmo - ou seja, um ótimo símbolo para a conexão
com os Dragões do Caos, que são responsáveis por esses acontecimentos.

☾ Espiral
Encontrado em várias culturas e tradições, a espiral na Magia Draconiana representa a magia
acontecendo, e pode servir para intensificar atividades mágicas feitas com os Dragões.

Dicas para praticantes de Dragon Magick

☾ Disciplina e responsabilidade são as palavras chave na Magia Draconiana. E confiança é a base do seu
relacionamento com os Dragões; portanto, tenha palavra e honra.
☾ Não tenha medo dos Dragões. Você deve ganhar sua confiança, porém o medo apenas o atrapalhará e
os afastará.
☾ Seja respeituoso. Agradeça pela ajuda deles sempre que for possível. Retribua o auxílio com oferendas.
Não tente dar ordens a um Dragão, pois dessa forma, nenhum quererá trabalhar com você.
☾ Utilize a magia de forma responsável. Não se desvie de seu código de ética ou peça para um Dragão lhe
ajudar em algo que vai contra os princípios dele.
☾ Pode ser difícil começar a se relacionar com os Dragões. Mas não desista; seja sincero e persistente, e
demonstre que vale a pena trabalhar com você. Caso você fique confuso com o que determinado Dragão
está tentando lhe mostrar, peça por sinais diretos, e tenha paciência.
☾ Você não pode forçar um Dragão a lhe ajudar, nem pode definir qual será a personalidade e o
elemento do seu Dragão Guardião. O que você pode fazer é convidá-los para sua vida e se certificar de
que se sintam atraídos.
☾ Caso o Dragão com que você está trabalhando diga seu nome, ou lhe peça para nomeá-lo, guarde bem
esse nome e não divulgue-o a menos que ele lhe permita. Esse será o nome que você poderá utilizar para
invocá-lo e para pedir sua ajuda.
☾ Dragões vão inevitavelmente lhe testar e lhe fazer passar por dificuldades para conhecerem quem você
realmente é. Faz parte da Dragon Magick lidar com esses desafios, para que se alcance
autoconhecimento e crescimento pessoal.
☾ Magia Draconiana leva tempo para aprender. Para algumas pessoas, apenas algumas semanas são
necessárias para começar a praticar magia com os Dragões; para outras, meses de estudo podem não ser
suficientes. Reconheça suas limitações e estude o máximo que puder.

☽❍☾

Dica de leitura: Alento do Dragão - Práticas de Magia Dragônica


+ Resenha do livro.
A estudar,
Alannyë Daeris.

Poderá também gostar de:

Lixo Mágico Feitiços Simples: Necromancia - Magia Planetária: Estações do Ano -


Proteção e Lidando com o Horários e Influências de
Purificação! Outro Lado do Véu Correspondências poder do clima e da
...

Linkwithin

Marcadores: Bruxaria, Dragões, Dúvidas comuns, Elementais e Seres Mágicos, Mitologia, Paganismo,
Wicca

2 comentários:

Drakkon Malefor Níõhöggr 13 de janeiro de 2018 02:01


De todos que li, este foi um dos melhores.
Responder

Anônimo 1 de abril de 2018 22:27


Distorcido...
Responder

Tenha responsabilidade ao comentar! Ofensas religiosas ou de quaisquer tipo de preconceito terão


consequências.

Links para esta postagem

Criar um link
Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga

Assinar: Postar comentários (Atom)

Plágio é crime. Ao publicar algum material de origem deste blog, dê os créditos. Obrigada. Tecnologia do Blogger.