Você está na página 1de 2

Exercício – Corrente Elétrico

1) Um raio ocorre quando existe fluxo de cargas elétricas (principalmente elétrons) entre o solo e uma
nuvem de tempestade. A taxa máxima de fluxo de cargas elétricas em um raio é aproximadamente
igual a 20.000 C/s; esta descarga dura cerca de 100 s. Qual é a quantidade de carga que flui entre a
Terra e a nuvem neste intervalo de tempo.

2) Uma corrente elétrica de 3,6 A flui através da lâmpada do farol de um automóvel. Quantos
Coulombs fluem através dessa lâmpada em 3,0 h?

3) Uma corrente elétrica passa em uma solução de cloreto de sódio. Em 1,0 s, 2,68 x 10 16 íons Na+
chegam ao eletrodo negativo 3,92 x 1016 íons Cl - chegam ao eletrodo positivo, a) Qual é a corrente
elétrica que passa entre os eletrodos? b) Qual o sentido da corrente?

4) Pela seção transversal de um fio condutor metálico passam 6,0 x 1018 partículas elementares
(elétrons) por segundo. Sendo q = 1,6 x 10-19 C a carga elementar, determine a intensidade da corrente
elétrica que percorre o fio.

5) Uma corrente elétrica de intensidade 11,2 µA percorre um condutor metálico. A carga elementar é
q = 1,6 x 10-19 C. Qual o número de partículas carregadas que atravessam, por segundo, uma seção
transversal desse condutor?

6) O gráfico abaixo representa a intensidade de corrente i em um fio condutor, em função do tempo


transcorrido t. Calcule a carga elétrica que passa por uma seção do condutor nos dois primeiros
segundos.

7) A intensidade da corrente elétrica em um condutor metálico varia com o tempo, de acordo com o
gráfico abaixo. Sendo a carga elementar q = 1,6 x 10-19 C, determine:

a) A carga elétrica que atravessa uma seção do condutor em 8 s;


b) O número de elétrons que atravessa uma seção do condutor durante esse mesmo tempo;
c) A intensidade média da corrente entre os instantes 0 e 8 s
8) Uma descarga atmosférica, (o famoso ‘raio’) é resultado de uma série de eletrizações por atrito entre
nuvens, e entre nuvens e o ar. Essas descargas ocorrem em intervalos de tempo muito curtos, que
duram entre 1ms e 10ms (1ms = 1x10-3s). Se os valores das descargas elétricas oscilarem entre 2
Coulombs e 5 Coulombs, isto quer dizer que a corrente elétrica deste raios tem valores compreendidos
entre:

a) 200 e 5.000 A
b) 200 e 500 A
c) 2.000 e 500 A
d) 2.000 e 5.000 A

9) A respeito de corrente elétrica podemos afirmar que:

a) Corrente elétrica é caracterizada pelo movimento de elétrons em uma direção preferencial.


b) Em uma solução iônica a corrente elétrica é formada pelo movimento dos íons positivos e negativos
na mesma direção e sentido.
c) Em um circuito elétrico a corrente convencional e a corrente real tem o mesmo sentido.
d) Em um condutor metálico a corrente elétrica é formada pelos elétrons livres.

10) Uma descarga atmosférica, (o famoso ‘raio’) é resultado de uma série de eletrizações por atrito
entre nuvens, e entre nuvens e o ar. Essas descargas ocorrem em intervalos de tempo muito curtos, que
duram em média 2,0ms (1ms = 1x10-3s). O valor aproximado das descargas elétricas é de 5,0
Coulombs. Sabendo que o elétron possui uma carga elementar igual a 1,6x10-19C, quantos elétrons
seriam transferidos em um intervalo de tempo de 1,0 segundo?

a) 312,5 x 1019 elétrons


b) 1.562,5 x 1019 elétrons
c) 1,563 x 1019 elétrons
d) 2.500 x 1019 elétrons

Respostas
1) ne = 1,25 x 1019 elétrons.
2) 3,9 X 104 C.
3) a) 10,6 mA; b) A corrente flui, por convenção, no sentido da carga positiva para a negativa. Logo, a
corrente flui no sentido do Na+ para o eletrodo negativo.
4) I = 9,6 nA.
5) 7,0 x 1013 partículas.
6) Q = 8 C.
7) a) Q = 3,2 x 10-1 C; b) n = 2,0 x 1018 elétrons; c) im = 40 mA.
8) Letra a.
9) Letra d.
10) Letra b.