Você está na página 1de 7

COLÉGIO PEDRO II - CAMPUS SÃO CRISTÓVÃO III

3ª SÉRIE – MATEMÁTICA II

LISTA 3 – MAT II – GEO. ESPACIAL – PARALELEPÍPEDO E CUBO - GABARITO

Paralelepípedo retângulo

Diagonal do paralelepípedo

1º) Diagonal da face A5A6A7A8

d²  a²  b ²

2º) Diagonal do Paralelepípedo

D²  d²  c ²  Mas, d²  a²  b².  D²  a²  b²  c ²  D  a²  b²  c ²
Área total e Volume do Paralelepípedo

V  a.b.c

A t  2.(a.b  a.c  b.c )

Cubo
Chamamos de cubo ao paralelepípedo retângulo que tem todas as faces quadradas.

Diagonal do cubo

Diagonal do Paralelepípedo : D  a²  b²  c ²  No cubo temos a  b  c. Por tan to :


D cubo  a²  a²  a ²  D cubo  3.a ²  D cubo  a. 3 .
Área total e Volume do Cubo

Volume do Paralelepí pedo : V  a.b.c  No cubo temos a  b  c. Por tan to :


Vcubo  a.a.a  Vcubo  a³.
Área total do Paralelepí pedo : A t  2.(a.b  a.c  b.c )  No cubo temos a  b  c. Por tan to :
A t ( cubo )  2.(a.a  a.a  a.a)  A t ( cubo )  2.(3.a²)  A t ( cubo )  6.a²

QUESTÕES RESOLVIDAS
1) Num cubo, a soma das medidas de todas as arestas é 48 cm. Calcule a medida da diagonal
desse cubo.
GABARITO:
Um cubo tem 12 arestas. Assim :
48
(arestas)  48  12a  48  a  4
12
d  a 3  4 3cm

2) (PUCCAMP-SP) Usando uma folha de latão, deseja-se construir um cubo com volume de
8 dm3. A área da folha utilizada para isso será, no mínimo:
a) 20cm2 b) 40cm2 c) 240cm2 d) 2000cm2 e) 2400cm2
GABARITO:

V  8 3
 3 a 8a 8 2
3

V  a
Temos que encontrar a área total :
A t  6.a²  A t  6.2²  A t  24 dm²  A t  2400 cm².
3) (ACAFE-SC) Num paralelepípedo reto, as arestas da base medem 8dm e 6dm e a altura
mede 4dm. Calcule a área da figura determinada pela diagonal do paralelepípedo, com a
diagonal da base e a aresta lateral.
a) 20 dm2 b) 24 dm2 c) 32 dm2 d) 40 dm2 e) 48 dm2
GABARITO:

A área pedida está sombreada na figura acima. É um triângulo retângulo com catetos 4 e d.
Pr imeiro temos que encontrar o valor de d, utilizando o Teorema de Pitágoras :
d 62  82  100  10
Logo, a área será :
b.h (10 )( 4) 40
A    20 dm 2
2 2 2
4) Um cubo de aresta 4 m está completamente cheio com certo líquido. Todo este líquido será
transportado para outro recipiente na forma de um paralelepípedo retângulo com arestas da
base medindo 2 m e 8 m. Qual a altura que o líquido atinge no paralelepípedo retângulo?
a) 2 b) 3 c) 4 d) 5 e) 6

GABARITO:
Vcubo  a³  Vcubo  4³  Vcubo  64 m³
Vparalelepípedo  a.b.c  64  2.8.c  64  16.c  c  4 m.

5) Dois blocos de alumínio, em forma de cubo, com arestas medindo 10 cm e 6 cm são levados
juntos à fusão e em seguida o alumínio líquido é moldado como um paralelepípedo reto de
arestas 8 cm, 8 cm e x cm. O valor de x, em centímetros, é:
a) 16 b) 17 c) 18 d) 19 e) 20
GABARITO:
Vcubo 1  a³  Vcubo 1  10³  Vcubo 1  1000 cm³
Vcubo 2  a³  Vcubo 2  6³  Vcubo 2  216 cm³
Vparalelepípedo  1000  216  8.8.x  1216  64.x  1216  x  19

6) (UFMG) Considere um reservatório, em forma de paralelepípedo retângulo, cujas medidas


são 8 m de comprimento, 5 m de largura e 120 cm de profundidade. Bombeia-se água para
dentro do reservatório, inicialmente vazio, a uma taxa de 2 litros por segundo. Quantos minutos
são necessários para se encher completamente esse reservatório?
GABARITO:
Passando as dim ensões para decímetros e calculando o volume, temos :
V  (80dm).(50dm).(12dm)  48000dm3  48000 litros
Com a taxa de 2 litros / segundo essa quantidade será bombeada em :
2 litros 48000 litros 48000
 x  24000 segundos  400 min utos
1 segundo x 2

7) Uma piscina em forma de um paralelepípedo retângulo de 10,0 m x 15,0 m e fundo


horizontal está com água até a altura de 1,5 m. Um produto químico em pó deve ser misturado
à água à razão de um pacote para cada 4500 litros. O número de pacotes a serem usados é:
a) 25
b) 50
c) 100
d) 250
e) 500

GABARITO:

Vpiscina  a.b.c  Vpiscina  10.15.1,5  Vpiscina  225 m³  Vpiscina  225000 litros.


4500 litros  1 pa cot e
225000  x pa cot es
4500.x  225000  x  50 pa cot es

8) Em um paralelepípedo retângulo, de 15 cm de altura o comprimento da base mede o dobro


da largura. Sabendo que a área total desse sólido mede 424 cm², calcule as dimensões da
base.

GABARITO:
A T  2  [(2x ).(x )  (2x ).(15)  ( x ).(15)]  2  (2x 2  30x  15x )  4 x 2  90x

A l  424
 4 x 2  90x  424  0  2x 2  45x  212  0
 45  ( 45) 2  4( 4)( 212)  45  1325  1696  45  3721
x  
2(2) 4 4
 45  61  45  61
x x  4  ( x  0)
4 4
Logo, as dim ensões da base são 4 cm e 8 cm.

9) Um armário, com a forma de um paralelepípedo de dimensões 0,5 m, 2,5 m e 4 m, deve ser


pintado. O rendimento da tinta empregada é de 5 m² por litro. Determine a quantidade de tinta
necessária para pintar toda a parte interna do armário.

GABARITO:
Calculando a área total do paralelepípedo, temos :
A T  2  [(0,5 ).(2,5)  (0,5 ).( 4)  ( 2,5 ).(4)]  26,5m 2
26,5 m²
Como serão gastos 5 m² por litro, serão necessários  5,3 litros.
5 m² / litro

10) As dimensões a, b e c de um paralelepípedo retângulo são proporcionais aos números 2, 4


e 7. Determine essas dimensões sabendo que a área total desse sólido é de 900cm².
GABARITO:

A área total do Paralelepípedo é : A t  2.(ab  ac  bc ). Substituindo os valores, temos :


A T  2  [(2k ).(4k )  (2k ).(7k )  (4k ).(7k )  2  (8k 2  14k 2  28k 2 )]  100k 2

A l  900
900 k  3
100k 2  900  k 2   k  9  
100 k  3  (inválida)
Logo, as arestas são : a  2.3  6 cm; b  4.3  12 cm e c  7.3  21 cm.
11) Um paralelepípedo retângulo tem 142cm 2 de área total e a soma dos comprimentos de
suas arestas vale 60cm. Sabendo que seus lados estão em progressão aritmética, eles valem
em centímetros:
a) 2, 5, 8 b) 1, 5, 9 c) 12, 20, 28 d) 4, 6, 8 e) 3,5,7

GABARITO:
Uma progressão aritmética (P.A.) com número ímpar de termos pode ser representada de
forma a facilitar os cálculos como: (x – r), (x), (x + r) onde r é a razão. Cada termo é a
medida de uma aresta e no paralelepípedo há quatro arestas com mesma medida num
total de 12 arestas. Considerando a soma de todas as medidas como 60, temos:

Soma : 4 ( x  r )  x  ( x  r )  4.(3x)  12x


  12x  60  x  5
Soma : 60
  
A t  2 (5  r ).(5)  (5  r ).5  (5  r ).(5  r )  2 25  5r  25  5r  25  r 2  2 75  r 2 

A t  142
 4  2
 2

2 75  r  142  150  2r  142  2r  8  r  4  r  
2 2 2

 4  2
Logo, as dim ensões são : (5  2)  3; 5 e (5  2)  7.
OBS. Note que se considerarmos a razão negativa o resultado não se altera :
(5  (2))  7; 5 e (5  (2)  3
12) Para fazer uma caixa sem tampa com um único pedaço de papelão, utilizou-se um
retângulo de 16 cm de largura por 30 cm de comprimento. De cada um dos quatro cantos
desse retângulo foram retirados quadrados de área idêntica e, depois, foram dobradas para
cima as abas resultantes. Determine a medida do lado do maior quadrado a ser cortado do
pedaço de papelão, para que a caixa formada tenha área lateral de 204 cm 2.

GABARITO:

Observa-se pela figura que o valor de “x” está limitado entre 0 e 8, pois em caso
contrário o termo (16 – 2x) seria negativo.
Calculando a área lateral (observe a figura acima) temos :
A l  2(x)(30  2x)  2(x)(16  2x)
A l  2x(30  2x  16  2x)  2x(46  4x)
A l  92x  8x 2
 (23)    23  4(2)(51)
2
A l  92x  8x 2
  92x  8x  204  2x  23x  51  0  x 
2 2

A l  204 2(2)
 23  11 34
 x   8,5  8  incompatível
23  529  408 23  121  4 4
x    x  3 cm
4 4 x  23  11 12
 4  4  3