Você está na página 1de 12

Maquinas Primarias

Ciclos de potencia a Vapor

Prof. Me. Carlos Eduardo da Silva Albuquerque


Sistemas de Potência a
Vapor

Objetivo:

Estudar instalações de potência a


vapor nas quais o fluido de trabalho é
alternadamente vaporizado e condensado
Componentes de uma Planta
de Potência a Vapor

Planta de potencia a vapor acionada por reator nuclear


Componentes de uma Planta
de Potência a Vapor

Planta de potencia a vapor acionada por energia térmica solar


Componentes de uma Planta
de Potência a Vapor

Planta de potencia a vapor acionada por energia de combustível fossil


Sistemas de Potência a
Vapor
Sistema de Potência a Vapor
Ciclo de Rankine

Processos 1-2, 3-4: Isentrópico

Processos 2-3, 4-1: Isobárico

Liquido Saturado no Estado 3

Equação do Trabalho da Bomba


Reversivel:

W  
 b   v3 p 4  p3 
 int rev
 m
Apenas para fluidos incompressíveis

Ciclo de Rankine Turbina:
W t
 h1  h 2

m
W 
Bomba: b
 h 4  h3

m

Q
Caldeira: e
 h1  h 4
m

Condensador:

Q s
 h 2  h3
Performance Global: m

W m   W
 
m

h1  h 2   h 4  h 3 
Q m 
t b

e h1  h 4
Parâmetros de Performance
Razão de trabalho reversa
do Ciclo

bwr 
W m
W m 
b


W m  W 
m
Q m 
t b

e
Exemplo 1: Utiliza-se vapor como fluido de trabalho em um ciclo
ideal de Rankine. O vapor saturado entra na turbina a 8,0 MPa e o
liquido saturado sai do condensador a uma pressão de 0,0075MPa.
A potencia liquida de saída do ciclo é de 100 MW. Determine para o
ciclo: (a) a eficiência térmica, (b) a razão bwr, (c) a vazão mássica
de vapor em kg/h.
Exercicio: Considere uma usina de potencia a vapor de
agua que opera segundo o ciclo de Rankine simples ideal.
O vapor entra na turbina a 3 MPa e 350 ºC e é condensado
no condensador a pressão de 75 kPa. Determine a
eficiência térmica desse ciclo.