Você está na página 1de 2

EXCELENTISSIMO DESEMBARGADOR PRESIDENTE DA SEÇÃO ESPECIALIZADA

EM DISSIDIOS COLETIVOS DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA


____REGIÃO

OBS: competência do TRT, dissidio coletivo é a mesma coisa que instauração da instancia
artigo 857 e 858 CLT.

NOMENCLATURA PARA DISSIDIO COLETIVO: Suscitante e Suscitado

LEI DO PLANO REAL 10.192/2001: artigo 11(requisitos de admissibilidade de


procedimento) e 12

SENTENÇA NORMATIVA: é nome atribuído a sentença proferida em dissidio coletivo

AUDIENCIA DE CONCILIAÇÃO EXTRAJUDICIAL (COMUM ACORDO): quando se


busca a negociação e este resta frustrado. ARTIGO 114, §2° CF – É requisito para esta
ação ter ocorrido a tentativa de conciliação extrajudicial.

PRAZO PARA COMPROVAÇÃO DE NEGOCIAÇÃO: 60 dias anteriores ao


termino/vencimento da convenção coletiva

AUTENTICIDADE DE DOCUMENTO: ART 830 CLT

AUDIENCIA DE CONCILIAÇÃO JUDICIAL: ART 860 e 862 CLT – Analisando a petição


inicial, estando em termos, ou seja, estando de acordo com os requisitos de
admissibilidade, será designada audiência de tentativa de conciliação judicial. (presidente
da seção de dissídios coletivos)

PRAZO PARA CONTESTAÇÃO: até a audiência de conciliação judicial. Restando


frustrada, o Suscitado já deve estar com a defesa protocolada.

SINDICATO DOS PROFESSORES DO MUNICIPIO DO


RIO DE JHANEIRO E REGIÃO, com registro sindical n°____, inscritos no CNPJ sob o
n°____, entidade sindical com sede (endereço), por seu advogado (mandato em anexo)
come escritório na (endereço), vem respeitosamente perante Vossa Excelencia com
fundamento no artigo 114, inciso IX e parágrafo único da CF c/c artigo 856 e seguintes da
CLT, apresentar representação para instauração de

DISSIDIO COLETIVO DE NATUREZA ECONOMICA em face do

SINDICATO DOS EMPREGADORES, com registro sindical


sob o n°___, inscrito no CNPJ sob o n°...., entidade sindical com sede (endereço) pelas
razoes de fato e de direito a seguir expostas e deduzidas

I - DA FRUSTRADA TENTATIVA DE NEGOCIAÇÃO COLETIVA


1. Com objetivo de obter reajuste salarial de 15% para sua categoria, o Suscitante
convocou e foi realizada assembleia com o Suscitado, na tentativa de uma
negociação coletiva acerca de referido reajuste.
2. Ocorre que o Suscitado se manteve irredutível, recusando-se a pactuar referido
aumento salarial, restante frustrada de negociação.
3. A razão da frustrada tentativa de conciliação entre as partes, bem como, da
propositura da presente demanda é o fato de há 05 anos a categoria dos
professores não receber reajuste salarial, o qual desde já se requer.

II – DO PEDIDO
Diante de tudo ora exposto, REQUER A TOTAL PROCEDENCIA do presente
dissidio coletivo, a fim de obter uma sentença normativa que conceda reajuste
salarial de 15% a categoria profissional representada pelo Suscitante por ser
medida que se impõe.

III – DECLARAÇÃO

Nos termos do artigo 830 clt o advogado signatário da presente petição inicial de dissidio
coletivo de natureza econômica declara, sob pena de responsabilidade pessoal, que os
documentos anexos, eventualmente, apresentados em vias/cópias simples são
AUTENTICADOS.

IV – NOTIFICAÇÃO

Seja procedida a notificação do Suscitado para que compareça a audiência de tentativa de


conciliação a ser desiginada por Vossa Excelencia (clt 862) e, caso não haja acordo,
querente apresente defesa, cientificando o ministério publico do trabalho.

V – DAS PROVAS

Protesta provar o alegado, por todos os meios de provas em direito admitidas, juntada de
novos documentos, periciais e o que mais se fizer necessário para a elucidação dos fatos.

VI – VALOR DA CAUSA

Atribui-Se A Causa O Valor De R$10.000

PEDE DEFERIMENTO

CIDADE E DATA

ADV E OAB

Você também pode gostar