Você está na página 1de 25

DADOS E INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Autoridades a quem o CMSM está subordinado:

______________________________________________________________
(Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército – DECEx)

______________________________________________________________
(Diretor da Diretoria de Educação Preparatória e Assistencial – DEPA)

______________________________________________________________
(Comandante e Diretor de Ensino do Colégio Militar de Santa Maria –
CMSM)

______________________________________________________________
(Subcomandante do Colégio Militar de Santa Maria – CMSM)

______________________________________________________________
(Chefe da Divisão de Ensino do Colégio Militar de Santa Maria – CMSM)

______________________________________________________________
(Comandante do Corpo de Alunos do Colégio Militar de Santa Maria –
CMSM)

______________________________________________________________
(Comandante da Companhia de Alunos do Colégio Militar de Santa Maria –
CMSM)

Identificação do Aluno:

Nr:________Nome:______________________________________________
Ano:_________________ Turma:_______________ Cia Al:_____________

2
Sumário: 1 - APRESENTAÇÃO E FINALIDADE

1. APRESENTAÇÃO E FINALIDADE..................................................4 Este manual foi elaborado com a finalidade de facilitar à vida do
2. HISTÓRICO DO CMSM............….....................................................4 Aluno no Colégio Militar de Santa Maria (CMSM), mostrando-lhe numa
3. O ALUNO DO SISTEMA COLÉGIO MILITAR DO BRASIL.........5 linguagem prática o que ele é e suas principais características.
a. Significado da Boina Garança.............................................…….5 Seus textos foram preparados para que você tenha um guia com
b. Código de Honra do Aluno..................................................….....5 orientações corretas e seguras. Leia-o com atenção e o mais cedo possível,
c. Juramento do Aluno.............................................................…….6 pois ele condensa os conselhos de instrutores e monitores, que desejam
d. Saudação Escolar.................................................................…….6 ensiná-los, por intermédio da disciplina e do exemplo.
4. NORMAS INTERNAS E PRINCIPAIS RECOMENDAÇÕES.........6 Faça deste manual o seu GUIA de conduta no CMSM.
a. Horários Escolares................................……................................7
b. Faltas às Atividades e Atestados................……...........................8 PARABÉNS E SEJA BEM VINDO!
c. Recomendações sobre porte e uso de material particular.……....8
d. Instrumentos de Avaliação Educacional......................…..…......9 2 - HISTÓRICO DO CMSM
e. Regime Disciplinar.....................................................…............13
f. Atribuições do Chefe e Subchefe da Turma.......………............19 Fundado em 22 de março de 1994, o Colégio Militar de Santa Maria
g. Uso de Uniformes e Apresentação Individual..............…..........21 (CMSM) está entre os mais novos do Sistema Colégio Militar do Brasil. Teve
h. Recomendações sobre “como estudar”.........................…….....29 como primeiro comandante e gerente de projeto de implantação, o Coronel de
i. Orientações sobre “Situações Diversas”.......................….........32 Infantaria, Frederico Guido Biere. Inicialmente o CMSM foi instalado,
5. HINOS E CANÇÕES……...............................................................35 provisoriamente, num pavilhão do Parque Regional de Manutenção da 3ª
ANEXO A – SISTEMA DE ESTÍMULOS E RECOMPENSAS…..41 Região Militar (PqRMnt/3), enquanto aguardava o planejamento e a
ANEXO B – ORIENTAÇÕES PARA O ESTUDO………………...47 construção de suas instalações definitivas.
No final de 1994 o Colégio estava pronto para iniciar suas atividades.
Devido ao elevado número de alunos e ao espaço limitado de suas instalações
temporárias, o CMSM foi obrigado a buscar soluções para realizar as suas
atividades. Uma das soluções foi a cessão pela Rede Ferroviária Federal de
dois vagões que foram adaptados e utilizados como salas de aula. Disso
decorre o apelido do CMSM de “Colégio do Vagão”.
As instalações definitivas foram inauguradas somente em 19 de
novembro de 1998. O Colégio do Vagão quis preservar os momentos que
marcaram seus anos iniciais, fazendo com que um dos vagões doados pela
Rede Ferroviária Federal, fosse transformado em Memorial Histórico do
CMSM. Atualmente, o CMSM oferece aos seus alunos as melhores
instalações e equipamentos para um bom desempenho escolar. Incentiva a
prática de esporte para toda a comunidade escolar em instalações próprias.

3 4
3 - O ALUNO DO SISTEMA COLÉGIO MILITAR DO BRASIL c. JURAMENTO DO ALUNO

O aluno modelar do SCMB desenvolve princípios éticos sólidos, “Incorporando-me ao Colégio Militar, perante o seu nobre
necessários à transformação da sociedade. A sua conduta moral reflete estes
estandarte, assumo o compromisso de cumprir com honestidade
princípios por meio de boas atitudes, com base no respeito às normas e
instituições, na disciplina e na solidariedade. meus deveres de estudante, de ser um bom filho e leal
companheiro, de respeitar os superiores, de ser disciplinado e de
a. SIGNIFICADO DA BOINA GARANÇA cultivar as virtudes morais para tornar-me digno herdeiro de
Instituída por Portaria Ministerial, em 21 de janeiro de 1971, a suas gloriosas tradições e honrado cidadão da minha Pátria”.
boina, na força de uma das cores heráldicas do Exército, significa a
aproximação do novo aluno aos valores cultuados pela Força Terrestre. d. SAUDAÇÃO ESCOLAR
Simboliza não apenas a proteção do corpo jovem, frágil, em
formação, mas também a segurança propiciada pela organização, que, apesar Este Brado, de origem indígena, usando a linguagem tupiguarani,
de não incorporá-lo, neste momento acolhe o novo aluno. remonta ao início do século passado. Foi inicialmente utilizado pelo Colégio
A boina é a continuidade da união entre o jovem de hoje, Militar do Rio de Janeiro e posteriormente estendido aos demais. É uma
idealista, esperançoso, confiante às tradições de honra e de patriotismo do saudação que exorta força e união e identifica o aluno do SCMB.
Exército Brasileiro.
É símbolo de união, de amizade, de respeito, de camaradagem
“E ao Colégio, tudo ou nada?
e de civismo.
É nela que os dedos frágeis e perfilados do jovem tocam para, Tudo!
na continência orgulhosa, saudar os chefes, os professores, os amigos, os Então como é? Como é que é?
camaradas e, na manifestação mais pura do nacionalismo, homenagear os Zum, zaravalho opum, Zarapim Zoqué,
símbolos da Pátria. Oqué-qué, Oqué-qué, Zum!
A boina é fraternidade ao irmanar os novos alunos aos seus Pinguilim, pinguilim, pinguilim zunga, zunga, zunga.
camaradas mais antigos.
Cate marimbau, cate marimbau, Eixau, Eixau.
Além de tudo isso, a boina é ainda carinho, esperança e amor
ao solidificar, no ato de sua entrega, a união familiar. COLÉGIO!!!”

b. CÓDIGO DE HONRA DO ALUNO


Lealdade e Honestidade
4 - NORMAS INTERNAS E PRINCIPAIS RECOMENDAÇÕES
Iniciativa e Nobreza de Atitude
Disciplina e Camaradagem
Estudo e Amor à Cultura a. Horários Escolares
Respeito às Normas do Colégio Militar

5 6
1. Atividades Gerais b. Faltas às Atividades e Atestados

ATIVIDADES HORÁRIOS Na impossibilidade de comparecer às aulas, é necessário que os


Abertura da entrada da rodoviária 06:30 – 12:20 – 16:00 responsáveis entrem em contato com a respectiva Companhia de Alunos, se
Fechamento da entrada da rodoviária 07:30 – 13:30 – 16:30 possível com antecedência, e em último caso, no mesmo dia da falta, ainda
Horário de entrada dos alunos na rodoviária 06:30 as 07:10 que por telefone.
Formatura das Cias. Al. (Seg, Ter, Qua, Qui) 07:15 / 07:25 Depois de comunicada a falta, sua justificativa deverá ser entregue
Formatura Geral (Sex) Verão - 07:15 / 08:00 por escrito na Cia Al, pelo aluno ou responsável, no máximo de 03 (três)
Inverno -11:45 / 12:30 dias úteis após a ocorrência. Findo este prazo, a justificativa não será mais
considerada, inclusive, para a realização de avaliação em segunda chamada.
2. Atividades Escolares O aluno deve obrigatoriamente justificar a sua falta, junto ao professor.

Turno Manhã Tarde c. Recomendações sobre porte e uso de material particular


1° Tempo 07:30 / 08:15 7° Tempo 13:35 / 14:20
2° Tempo 08:15 / 09:00 8° Tempo 14:25 / 15:10 O Colégio Militar não se responsabiliza por celulares, objetos de valor
Intervalo 09:00 / 09:20 Intervalo 15:10 / 15:15 ou que despertem a curiosidade, o interesse ou até a cobiça de terceiros. Por
3° Tempo 09:20 / 10:05 9° Tempo 15:15 / 16:00 isso, cada aluno deve cuidar de sua mochila e de seu material. Recomenda-se
Horários a identificação de todo o material didático, facilitando dessa maneira seu
4° Tempo 10:05 / 10:50
reconhecimento pelo proprietário, demais alunos e integrantes do CMSM.
Intervalo 10:50 / 11:00
Não é permitido o porte ou uso de aparelhos eletrônicos (Ipods, MP4
5° Tempo 11:00 / 11:45
players, câmeras fotográficas, filmadoras de qualquer tipo, notebooks,
6° Tempo 11:45 / 12:30 netbooks, tablet, celulares ou similares) em sala de aula. Seu uso somente
poderá ocorrer se autorizado pelo professor.
Durante as aulas, os alunos deverão manter os celulares
OBSERVAÇÕES DESLIGADOS ou NO MODO SILENCIOSO e guardados em local
- A partir de 7:10h, o (a) aluno (a) será considerado atrasado, ficando sujeito à seguro. A utilização desses aparelhos poderá implicar o recolhimento dos
aplicação de medidas disciplinares; mesmos, os quais serão devolvidos somente aos responsáveis.
- O (A) aluno (a) que não estiver em forma, no local de formaturas da Cia Al,
às 7:15h, será considerado faltoso, ficando sujeito à aplicação de medidas O CMSM orienta os Srs pais / responsáveis para que não liguem
disciplinares; para os celulares dos alunos durante o período de aulas. Caso seja
imprescindível o contato com o discente, solicita-se que façam por meio
- Ao início dos tempos de aula, TODOS os alunos devem estar dentro das das Companhias de Alunos ou Seção Psicopedagógica. d. Instrumentos
salas de aula. O material necessário deve ser apanhado nos armários ANTES de Avaliação Educacional
do início das aulas;- Ao toque de término de recreio, os alunos devem ir
imediatamente para as salas de aula e não será permitida a entrada de alunos
nas salas após o início do 4º tempo de aula;

7 8
1) Avaliação de Estudo (AE) 2) Avaliação Parcial (AP)

Em cada trimestre, o discente realizará uma AE de cada disciplina ou As atividades que compõem a AP são diversificadas e aplicadas
área de estudo, individualmente, de acordo com calendário previsto em PGE. sistematicamente ao longo de cada trimestre do melhor análise do processo
As Fichas de Orientação ao Aluno (F.O.A) são disponibilizadas na página do ensino-aprendizagem. Inclui trabalhos em grupo, pesquisas, avaliações
colégio até 5 (cinco) dias antes da realização da avaliação. Serão realizadas individuais ou em duplas, trabalhos em domicílio, apresentações orais,
uma semana de provas por trimestre, para tanto terão duas provas por dia, e verificações imediatas (VI), com ou sem consulta, e outras atividades a
alguns anos provas aos sábados. critério do professor de cada disciplina ou área de estudo.
O discente que faltar à primeira chamada da AE deverá solicitar junto O aluno que justificar a falta a qualquer AP poderá realizar nova
a Cia Al o documento da justificativa de faltas e entregá-lo na respectiva Cia, avaliação de acordo com os critérios estabelecidos pela Coordenação de Ano
assinado pelo responsável no prazo máximo de 3 (três) dias úteis, ter uma Letivo.
justificativa assinada pelo profissional da área de saúde, se justificado e O aluno que não justificar a falta a qualquer AP ficará com nota zero
marcada a data de realização da AE de segunda chamada. na mesma, para fim de cálculo da média do número de avaliações propiciadas
Em outros casos de justificativas, a mesma deverá ser acompanhada pelo docente.
pela seção psicopedagógica, seguindo os mesmos prazos estabelecidos acima. Os alunos e/ou responsáveis por alunos poderão solicitar a
Após sua justificativa ser aceita, o discente ou seu responsável deverá revisão da correção de avaliações escolares que compõem a AP (avaliação
acessar a página do Colégio / Sigaweb, imprimir a GRU (Guia de parcial), por meio de formulário específico, diretamente na Seção
Recolhimento da União), pagá-la e entregar o comprovante do pagamento até Psicopedagógica, até 02(dois) dias úteis após amostra de prova. O aluno
o dia da realização da prova. deverá tomar ciência de seus graus de AP com a antecedência de 48 horas
A Cia Al do discente deverá entregar o documento de justificativa de antes do início do período de realização das AE do trimestre correspondente
falta na supervisão escolar dentro do prazo estabelecido. e, com a mesma antecedência, estar digitados no Sistema de Gestão
A avaliação de segunda chamada será realizada em data e hora determinadas Escolar (SGE), oportunizando aos responsáveis o acompanhamento do
pela Divisão de Ensino. A falta na data marcada e divulgada em calendário processo de avaliação.
implicará nota zero na avaliação considerada. Serão realizadas, no mínimo, quatro AP’s por trimestre. Para as
Após a divulgação do resultado da AE (mostra de provas), o discente disciplinas de filosofia e sociologia serão realizadas, no mínimo, três AP’s por
que registrar o seu ciente no campo destinado para isso terá até 2 (dois) dias trimestre.
úteis, a partir da data da mostra, para apresentar o seu pedido de revisão.
Passado este prazo, o discente não mais terá esse direito. Não é permitido 3) Recuperação de Aprendizagem ( RA )
que um aluno dê o ciente por um aluno ausente. As AE dos alunos ausentes
serão mostradas na 1ª oportunidade que os alunos retornarem ao colégio, As duas primeiras AP’s de cada trimestre terão a função de diagnose;
cabendo-lhes os direitos de revisão. será com base na média delas que o aluno será encaminhado, no caso de grau
abaixo de cinco, voluntariamente para a RA (Recuperação de Aprendizagem).
A Recuperação de Aprendizagem será ministrada no contra turno, e
em horário definido pela seção de Supervisão Escolar, no mínimo de 30
(trinta) dias antes da realização da AE. Ao longo o período da RA será
realizada pelo menos uma Avaliação Parcial de Recuperação ( APR ).

9 10
4) Grau de Incentivo à Participação (GIP) Ficará a critério do CM exigir a presença, ou não, dos alunos às aulas
de recuperação. O responsável deverá deixar registrado o desejo de que seu
Poderá ser concedido, a título de bonificação, até um ponto de Grau dependente não participe das aulas de recuperação, assumindo a total
de Incentivo à Participação (GIP) na média de AP, nas áreas de conhecimento responsabilidade por tal ato.
ou disciplinas isoladas – inclusive as disciplinas de Arte e Educação Física –
se o discente participar efetivamente de atividades extraclasse tais como: Onde o N = número total de AP e m = número total de APR.
processo de avaliação, banda, coral, grupos de artes e teatro, atletas, iniciação
científica, grêmios e atividades de associações de alunos dos c) Cálculo de Nota Final (NF)
estabelecimentos de ensino.
O aluno que possuir NP inferior a 5,0 (cinco) em alguma disciplina ou A Nota Final (NF) será obtida pela fórmula:
área de conhecimento no trimestre anterior não fará jus a bonificação, sendo
que no 1º trimestre somente na disciplina que não alcançou o grau 5,0 NF = (NP1+NP2+NP3) / 3 ( NP ou NPR conforme for o caso )
(cinco).
d) Cálculo de Nota Final Recuperada (NFR)
5) Cálculos de Notas
Os alunos que não alcançarem a Nota Final (NF) igual ou superior a
a) Cálculo de Nota Parcial (NP) cinco (considerada a aproximação), será submetido a uma Prova Final de
Recuperação (PFR), para a obtenção de uma Nota Final Recuperada (NFR),
A NP dos alunos que não frequentarem a recuperação da que seguirá a fórmula:
aprendizagem (RA) será obtida pela fórmula:
NFR = (NF + PFR) / 2
NP = [(AP1+AP2+AP3+AP4+ +APn)/n+AE]/2
Se julgado recuperado, o valor da NFR será nota 5,0(cinco),
O discente que obtiver NP < 5,0, em qualquer disciplina ou área de independente de o resultado da PRF ser superior a este valor.
estudo, nos três trimestres, poderá participar da Recuperação da A segunda chamada das PFR será realizada em 2 (dois) dias úteis
Aprendizagem oferecida pelo colégio, cujo conteúdo deverá abordar as após a realização da primeira, no turno contrário das avaliações previstas.
deficiências de aprendizagem verificadas.
6) Condições Gerais de Aprovação
b) Recuperação da Aprendizagem (RA)
Considerar-se-á habilitado para promoção ao ano seguinte o
A Nota Parcial Recuperada (NPR) será obtida pela fórmula: aluno que:
a) Obtiver, em cada disciplina, NF, no mínimo, igual ou
NPR = {[( AP1 + AP2 + … + Apn +APR1+APR2+...APRm)/n+m]+AE}/2 superior a 5,0 (cinco) ou, após a Prova de Recuperação Final (PRF), o
aluno que obtiver NFR igual ou superior a 5,0 (cinco);

11 12
b) Possuir a frequência mínima de setenta e cinco por cento do delas se ausentar sem autorização;
total das horas letivas para aprovação, de acordo com o inciso VI do Art 24 5) Portar-se de modo inconveniente nas atividades escolares, nas instruções
da L ei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN); ou em formaturas, perturbando o desenvolvimento dessas atividades;
6) Simular doença para se esquivar ao atendimento de obrigações e
Após a realização da PFR, o aluno que tiver alcançado NF ou NFR atividades;
igual ou superior a 4,5 (quatro e meio) em 01 (uma) disciplina no Ensino 7) Deixar de comunicar ao superior a execução de tarefa dele recebida;
Fundamental ou em até 02 (duas) disciplinas no Ensino Médio (4,5 ≤ 8) Retardar a execução de qualquer atividade escolar, ou para ela contribuir,
NF/NFR ≤ 5,0) e não tiver faltado à PFR , poderá ser submetido ao sem justo motivo;
Conselho de Classe de Recuperação. 9) Representar o Colégio ou por ele tomar compromisso sem estar para isso
O aluno que não obtiver aproveitamento escolar suficiente em autorizado;
qualquer disciplina será considerado repetente, respeitando o disposto no R– 10) Portar objetos que ameacem a segurança individual e/ ou coletiva;
69. 11) Causar dano físico em materiais de qualquer natureza;
De acordo com o Regulamento dos Colégios Militares ( R-69) 12) Portar, usar e/ou distribuir drogas lícitas ou ilícitas nas dependências do
citado no Art 54 será considerado o aluno jubilado aquele que repetir por Colégio ou fora dele;
duas vezes o mesmo nível de ensino em um CM. 13) Ter em seu poder, introduzir, ler ou distribuir, dentro do colégio, cartazes,
jornais ou publicações, de cunho político-partidário ou que atentem contra a
e. Regime Disciplinar disciplina ou moral;
14) Propor ou aceitar transação pecuniária de qualquer natureza no interior do
1) Faltas Disciplinares colégio;
15) Praticar jogos de azar e outros proibidos pela legislação em vigor, assim
Falta disciplinar é qualquer violação dos preceitos de ética, dos como aqueles atentatórios e/ ou inadequados ao ambiente educativo;
deveres e obrigações escolares, das regras de convivência social e dos 16) Esquivar-se a satisfazer compromissos de ordem moral ou pecuniária que
padrões de comportamento impostos aos alunos, em função do sistema de houver assumido;
ensino peculiar aos Colégios Militares. 17) Freqüentar lugares incompatíveis com o decoro da sociedade e de sua
As faltas disciplinares, suas classificações, as circunstâncias que situação de aluno;
influem em seu julgamento e as medidas disciplinares que são aplicadas pelo 18) Apresentar-se com o uniforme diferente do que foi previamente
Corpo de Alunos estão relacionadas nas Normas Reguladoras do Regime estabelecido;
Disciplinar (NRRD), que compõem o Apêndice 1 do anexo E do RICM. 19) Trocar de uniforme em locais não apropriados;
20) Ter pouco cuidado com asseio próprio ou coletivo e com sua apresentação
A relação a seguir apresenta as faltas disciplinares: individual;
21) Deixar de usar ou usar de maneira irregular peças de uniforme previstas
1) Faltar ou omitir a verdade; no RUE/CM ou nas normas vigentes;
2) Utilizar-se do anonimato; 22) Deixar material ou dependência, sob sua responsabilidade, desarrumada
3)Comportar-se de maneira inadequada, desrespeitando ou desafiando ou com má apresentação, ou para tal contribuir;
pessoas, descumprindo normas vigentes ou normas de boa educação; 23) Retirar ou tentar retirar de qualquer dependência do colégio, material,
4) Deixar de comparecer ou chegar atrasado às atividades programadas ou viatura ou animal, ou mesmo deles servir-se sem ordem do responsável ou do

13 14
proprietário; .
24) Deixar de apresentar material, documento ou trabalhos escolares de sua 2) Faltas Gravíssimas
responsabilidade, nas atividades escolares ou quando solicitado, em dia e em
ordem; São consideradas faltas gravíssimas passíveis de desligamento do
25) Deixar de devolver à subunidade, dentro do prazo estipulado, qualquer SCMB, após obrigatoriamente comprovadas por competente sindicância:
documento, devidamente visado pelo pai ou responsável;
26) Utilizar de processos fraudulentos para a realização de provas e trabalhos 1) A falta que afete, gravemente, a honra pessoal, o pudor e o decoro social;
escolares, bem como a adulteração de documentação; 2) A falta ou faltas disciplinares que tornem o aluno incompatível com o bom
27) Entrar no colégio ou dele sair, não estando para isso autorizado, bem nome do colégio e a dignidade do corpo discente;
como entrar ou sair por locais e vias não permitidos; 3) A participação em greve e outros movimentos reivindicatórios;
28) Ir a qualquer dependência do colégio sem autorização, bem como nela 4) O aluno que portar, tentar utilizar, usar, executar e/ou valer-se de meios
adentrar sem permissão ou ordem de autoridade que estiver presente; ilícitos ou fraudulentos para a realização de qualquer tipo de avaliação de
29) Deixar de acatar as ordens e instruções emanadas de autoridades civis, aprendizagem ou resolução de trabalhos escolares;
que não colidam com o regime disciplinar do Colégio, particularmente se 5) Portar o aluno substâncias de natureza tóxica ou entorpecente, ou delas
emanadas do Juizado de Menores; fizer uso, no interior do colégio ou em suas imediações;
30) Apresentar parte de recursos sem seguir as normas e preceitos 6) Destruir ou danificar deliberadamente, com requintes de vandalismo,
regulamentares, em termos desrespeitosos, com argumentos falsos ou de má instalações, equipamentos e/ou material pertencente ao CM ou a terceiros;
fé, ou mesmo sem justa causa ou razão; 7) Constranger, ofender, intimidar, perseguir ou coagir a outrem, por meio de
31) Deixar de cumprir o prescrito nos regulamentos, normas e orientações, ou palavras impróprias, apelidos, piadas, brincadeiras ou quais quer atitudes que
contribuir para tal; afetem outros em sua honra, moral, equilíbrio emocional e/ou psicológico e
32) Não levar falta ou irregularidade que presenciar, ou de que tiver ciência e integridade física; e
não lhe couber reprimir, ao conhecimento de autoridades competente; 8) Veicular material obsceno ou atentatório a moral e bons costumes, por
33) Deixar de participar em tempo, à autoridade imediatamente superior, a quaisquer meios, impressos ou não, inclusive pela internet ou qualquer outro
impossibilidade de comparecer ao CM ou a qualquer ato de serviço para o meio eletrônico.
qual tenha sido escalado ou a que deva assistir; 9) A prática pelo aluno de ato infracional/crime comum apurado em inquérito,
34) Publicar ou contribuir para que sejam publicadas mensagens, fotos ou excluídos os culposos.
qualquer outro documento na Internet (redes sociais), que possam denegrir a 10) A condenação do aluno por crime militar de natureza dolosa.
imagem de alunos e/ou integrantes do Colégio Militar;
35) Promover ou envolver-se em rixa, inclusive luta corporal, com outro 3) Medidas Disciplinares
aluno;
36) Utilizar, sem devida autorização, telefones celulares e/ou aparelhos A medida disciplinar terá caráter educativo e visará à preservação da
eletrônicos nas atividades escolares (principalmente durante a aula), nas disciplina escolar, elemento básico indispensável à formação integral do
instruções ou em formaturas, perturbando o desenvolvimento das atividades; aluno. As medidas disciplinares a que estão sujeitos os alunos são as
37) Fazer uso de tecnologias da informação e comunicação para dar apoio a seguintes, em ordem de gravidade crescente:
comportamentos deliberados, repetidos e hostis para prejudicar outrem
(cyberbullying)

15 16
1) Advertência; Atividade de Orientação Educacional (AOE).........................…0,50 (por dia)
2) Repreensão; Retirada do Colégio (RET).........................................................0,80 (por dia)
3) Atividades de orientação educacional (AOE);
4) Retirada do colégio; e 6) Melhoria de Comportamento
5) Desligamento
Os fatores de melhoria de comportamento discriminados na tabela
4) Comportamento dos Alunos abaixo recebem valores que irão influir no cômputo do grau do
comportamento:
O comportamento dos alunos é classificado por grau numérico, de Elogio coletivo em Boletim Interno.......................................0,30
acordo com o seguinte critério: Elogio individual em Boletim Interno....................................0,50
 Grau 9,4 a 10....................EXCEPCIONAL 30 dias consecutivos sem medida disciplinar........................0,01 ( por
 Grau 8 a 9,39....................ÓTIMO dia)
 Grau 6 a 7,99....................BOM Decorridos 30 (três) dias consecutivos, inclusive no período de férias
escolares, sem que o aluno tenha sofrido qualquer medida disciplinar, será
 Grau 5 a 5,99......... ..........REGULAR
computado 0,01 ponto por dia que exceder a este prazo até atingir o
 Grau 3 a 4,99....................INSUFICIENTE comportamento EXCEPCIONAL (grau 10,0).
 Grau 0 a 2,99....................MAU
7) Desligamento
O grau de comportamento se estenderá por todo o curso e, em cada
ano, sua avaliação abrangerá todo o ano letivo. Constituem causas de exclusão disciplinar do aluno e consequente
O aluno, ao ser matriculado no Colégio, será classificado no BOM desligamento:
comportamento, com grau numérico 7,99 (sete vírgula noventa e nove). 1) Cometimento de falta eliminatória, conforme o previsto no
O aluno, transferido de um CM para outro, será classificado de acordo (Anexo E) das normas reguladoras do Regime Disciplinar (NRRD), do
com o grau de comportamento que tinha no CM de origem. Regimento internos dos Colégios Militares, (RICM) ;
Ao ser rematriculado, o aluno será classificado com o grau de 2) Ingresso do aluno no mau comportamento (grau < 3,0).
comportamento que tinha anteriormente.
As alterações disciplinares acompanharão, obrigatoriamente, os 8) Procedimentos para Aplicação das Sanções e Recompensas
alunos, quando transferidos de um para outro CM.
Por ocasião das aplicações das sanções e recompensas, os
5) Valor Numérico das Medidas Disciplinares responsáveis serão informados pelas Subunidades, por intermédio de um
comunicado, das transgressões disciplinares e dos elogios, discriminando o
As medidas disciplinares, a seguir discriminadas, recebem evento, as mudanças no grau e classificação do comportamento e os dias de
determinados valores numéricos, de acordo com a tabela abaixo, que deverão cumprimento, nos casos de sanções, devendo o aluno devolver em 48 horas
ser computados no cálculo da classificação do comportamento: do referido comunicado com o ciente do seu responsável.
Nos casos em que o aluno for sancionado com Atividade de
Advertência.................................................................................0,00 Orientação Educacional (AOE), nos contraturnos, das 13:30h às 16h, e nos
Repreensão (REP) ......................................................................0,30
17 18
finais de semana, das 8h às 12h , o mesmo deverá estar conduzindo o 2) São Atribuições do Chefe de Turma:
material necessário para cumprir essa sanção, sendo a alimentação e o
transporte do aluno por conta do responsável 1. Apresentar a turma ao professor e/ou monitor por ocasião do início das
atividades escolares e formaturas;
9) Cola 2. Receber documentos destinados à turma, distribuí-los aos alunos e recolhê-
los, quando for o caso, para restituí-los a quem de direito, tudo dentro dos
A “Cola” caracteriza o roubo intelectual. No momento em que faz juz prazos estipulados;
da “cola”, o aluno atesta a sua incapacidade. Deixa clara a intenção de buscar 3. Retransmitir ordens gerais aos alunos da turma, zelando pelo cumprimento
o sucesso por meio da fraude, da burla e da má fé. O tipo de “cola” não das mesmas no que for de sua alçada;
importa; ela é o comprovante de um alicerce fictício que vai sendo construído 4. Verificar, por ocasião das AE, se os alunos de sua turma conduzem apenas
de mãos dadas com a insegurança. O aluno que precisa desse artifício os documentos e o material previamente permitido pelo professor;
compete de maneira desonesta com seus companheiros, caracterizando um 5. Fiscalizar a entrada e saída da turma na sala de aula e comandar
desvio de comportamento indesejável à formação da personalidade do “SENTIDO” à chegada e retirada do professor ou monitor;
cidadão. 6. Diariamente, por ocasião de revistas e vistorias nas salas de aulas de suas
Uma prova deve servir para avaliar a capacidade de retenção dos respectivas turmas, deve o chefe apresentar o responsável ou responsáveis por
conteúdos ensinados, a participação em sala de aula e se o método de estudo danos ocorridos no material da sala de aula, etc.;
está adequado ou não; na verdade, até o nosso caráter é colocado à prova. 7. Dar conhecimento das presentes normas ao subchefe de turma, a quem
cabe substitui-lo em todas as eventualidades em que estiver ausente;
f. Atribuições do Chefe e Subchefe da Turma 8. Não permitir que fumem dentro da sala de aula, auditório ou quaisquer
instalações do CM;
1) Normas de Ação dos Chefes e Subchefes de Turmas 9. Revezar-se com o subchefe para que haja sempre um elemento da chefia
em sala durante os intervalos;
Os Chefes e Subchefes de Turma serão escalados conforme orientação 10. Dar ciência ao monitor de todas as alterações ocorridas;
dos Monitores, por um período determinado e terão precedência hierárquica 11. Ser o primeiro aluno a chegar ao local da formatura, colocando a turma
sobre os demais alunos da turma; em forma por iniciativa própria, nos horários previstos ou determinados e
O Aluno escalado é o responsável pela apresentação da Turma ao fazendo a chamada para apurar as faltas, cuidando para que isso não implique
Professor/Monitor, bem como pelo controle dos alunos durante os intervalos atraso para apresentação da mesma;
e deslocamentos; 12. Exigir perfeita correção de atitudes;
Se a sala de aula a ser ocupada não estiver livre, a turma deverá 13. Apresentar a turma ao professor e/ou monitor, comunicando-lhe as faltas
aguardar o momento da entrada, que deverá ser feita em ordem e em silêncio; e informando-lhe se possível os motivos;
No intervalo entre duas aulas, somente será permitido o afastamento 14. Em caso de deslocamento da turma, fazê-lo sempre em forma, passo sem
dos alunos com autorização do Professor e/ou Monitor, para satisfação de cadência, salvo ordem em contrário, atendendo sempre para todos os detalhes
necessidades fisiológicas ou em casos urgentes; e aprendidos na ordem unida; e
O Professor poderá deixar a turma à vontade (antes do sinal), se o 15. O chefe de turma deverá procurar constituir-se num exemplo aos seus
barulho não for atrapalhar as outras turmas. colegas, enquadrando-se nas normas e regulamentos do colégio militar, sem
descuidar dos elevados princípios de educação e moral.

19 20
educacionais que tentamos incutir em nossos alunos, tais como higiene, boa
3) São Atribuições do Subchefe de Turma: aparência, sociabilidade, postura, marcialidade, dentre outros;
2) É recomendado aos alunos do Colégio Militar, a padronização dos
1. Apurar as faltas verificadas na turma por ocasião de aulas, instruções ou uniformes, discrição e postura na apresentação individual; e
formaturas; 3) O descumprimento das normas constitui falta disciplinar.
2. Substituir o chefe de turma na sua ausência, devendo inteirar-se das
atribuições pertinentes à função; b) Padronização
3. Zelar pela manutenção da limpeza e conservação da sala de aula,
fiscalizando nos intervalos e no final do turno; 1) Cortar com a máquina n° 2 nas partes parietais e occipitais do
4. Manter uma adequada disposição das carteiras; crânio (partes laterais da cabeça), isto é, na transição do couro cabeludo,
5. Acionar os alunos para que se dirijam ao local de formatura matinal, logo mantendo-se bem nítidos os contornos junto às orelhas e o pescoço;
que tenham deixado o material na sala de aula; 2) As costeletas poderão ter o comprimento até a altura correspondente
6. Entregar na Sala dos Monitores o material encontrado pelos alunos ao à metade do pavilhão auricular;
término das aulas; e 3) Disfarçar o corte, gradativamente, de baixo para cima com a
7. Entregar a papeleta de faltas aos monitores ou ao sargenteantes, cuidando tesoura, até a altura correspondente à borda da cobertura;
para que todos os períodos tenham sido assinados pelo professor. 4) Na parte superior da cabeça, o cabelo deve ser desbastado o
O não cumprimento de qualquer atribuição conferida ao chefe e subchefe é suficiente para harmonizar-se com o resto do corte e com o uso da cobertura;
considerado transgressão disciplinar. 5) É proibido qualquer variação do corte de cabelo, como cortes
raspados (máquina zero), tipo “moicano”, topetes, etc.;
g. Uso de Uniformes e Apresentação Individual 6) É proibido o uso de pinturas coloridas no cabelo;
7) Após efetuar seu corte de cabelo, o aluno deverá apresentar-se ao
A apresentação individual é um dos pontos considerados de grande Cmt de Cia Al ou a um dos Monitores com seu Cartão de Cabelo, a fim de
importância dentro do Sistema Colégio Militar do Brasil, tendo em vista que o mesmo possa atestar o corte dentro dos padrões do SCMB e assinar o
aspectos educacionais que tentamos incutir em nossos alunos, tais como Cartão. O Cartão de Cabelo tem a validade de 15 (quinze) dias e substitui as
higiene,boa aparência, sociabilidade, postura, marcial idade,dentre outros. revistas quinzenais de verificação de cabelo.
A apresentação individual do aluno engloba tanto o uniforme quanto a 8) O penteado não pode cobrir a testa, ainda que parcialmente (franja,
padronização do cabelo e adornos e devem ser mantidas dentro e fora do pastinha, etc); e
CMSM. Os alunos que se encontrarem fora dos padrões da apresentação 9) O cabelo deverá ser acabado em linha reta na nuca.
individual do CMSM poderão ter sua entrada ou permanência vetada, sendo a
obrigação de conduzir o aluno para sua residência do responsável.
c) Observações
1) Normas para o corte de cabelo masculino:
1) É proibido o uso de bigode, barba ou cavanhaque;
a) Considerações iniciais 2) Serão feitas revistas QUINZENAIS, visando à fiscalização e
cumprimento das normas em vigor.
1) A apresentação individual é um dos pontos considerados de grande 3) Não são permitidos cortes raspados, com desenhos, estilos
importância dentro do Sistema Colégio Militar, tendo em vista aos aspectos
21 22
diferentes do padrão (moicano); c) Outras Considerações Acerca do Cabelo Feminino.
4) Não é permitido o uso de brincos, mesmo que seja colocado
esparadrapo ou outro tipo de material para encobrir. Da mesma forma, é O cabelo volumoso exige especial atenção da aluna para não
proibido o uso de piercing ou alargadores em qualquer parte do corpo; comprometer a sua apresentação pessoal e o uso correto da boina. Sugere-se
5) Não é permitido o uso de óculos de lentes escuras, salvo com corte de cabelo, com efeito, dégrade na franja e um repicado geral, a fim de
prescrição médica. para óculos de grau as armações devem ser de cores e obter um visual mais compacto e de boa apresentação;
formatos discretas O cabelo preso em coque deve ser fixado por elásticos, grampos ou
presilhas, e redes para cabelo (“rendinhas”), mantendo a tonalidade da cor do
2) Normas para uso de cabelo feminino, adornos e maquiagem: cabelo e a discrição;
A coloração artificial do cabelo pode ser feita somente nas cores
a) Orientação naturais do cabelo humano (loiro, loiro escuro, ruivo, castanho, castanho
escuro, preto, grisalho e branco), em tonalidades discretas e compatíveis com
É proibido o uso de pinturas coloridas no cabelo; e o uso do uniforme militar, sendo vedada a alternância de cores na coloração
Serão feitas revistas QUINZENAIS, visando à fiscalização e artificial.
cumprimento das normas em vigor.
d) Uso de adornos
b) Padronização
- É permitido o uso de 01 (um) brinco em cada orelha, de tamanho
Cabelos curtos: os cabelos curtos podem ser usados soltos (define-se pequeno que não ultrapasse o lóbulo da orelha, sem pêndulo ou pingente. Se
cabelo curto aquele que não ultrapassar a borda superior da gola da blusa do for do tipo argola, o diâmetro não poderá ultrapassar 1,5 cm;
uniforme); Estando com a cobertura a franja será colocada para dentro da - É permitido somente o uso de um anel discreto;
mesma; A franja poderá ser usada quando a aluna estiver sem a cobertura. - É permitido o uso de relógio de pulso de qualquer modelo desde que
Cabelos médios e longos: os cabelos médios e longos serão usados em cor discreta;
presos na parte posterior da cabeça (rabo de cavalo), com grampos e rabicó - Presilhas de cabelo são permitidas somente na cor do cabelo ou
da cor dos cabelos ou pretos. preta;
- Será permitido o uso do cabelo trançado (trança africana) desde que - É proibido o uso de colar, corrente (sendo permitido o uso de
com as pontas presas em forma de coque. (Não é permitido o uso de trança corrente discreta), pulseira (plástico, metal ou tecido) e tornozeleira; e
embutida). - É proibido o uso de piercing / alargadores;
- Com o uniforme “Garança” somente será
permitido o uso do coque, preso com grampos e rede de fixação, e) Maquiagem
ambos na cor do cabelo ou preta.- Durante as aulas de Educação Física é
permitido o uso do ”rabo de cavalo” ou trança, presos com elásticos da cor a) É permitido o uso de batons (gloss) em tons discretos; eb) É
dos cabelos ou preto. proibido o uso de maquiagem. (rímel nos olhos, lápis, bluche, sombra)
- Quando a aluna estiver de abrigo é obrigatório o uso do ”rabo de cavalo” ou
trança, presos com elásticos da cor dos cabelos ou preto.

23 24
f) Unhas Para a prática de todas as atividades desportivas, é obrigatório o uso
Das mãos: podem ser pintadas com esmalte em cores claras ou do uniforme 6º- CM completo, não sendo admitidas variações ou supressões
discretas, desde que sejam observadas as seguintes prescrições: de suas peças, e ao entrar ou sair do CMSM é obrigatório o uso do abrigo
As cores de esmaltes autorizadas são: completo.
incolor( base); Está autorizada a utilização do suéter de lã azul-marinho, com gola
branco ( transparente, cremoso ou cintilante); redonda, somente com os uniformes, 3º B1 ou 5º B1, nos seguintes casos:
rosa ( tons terrosos); - a gola do uniforme deverá estar para fora do suéter;
francesinha (unha com esmalte branco transparente e extremidade da - a utilização do suéter será apenas no interior do CMSM
unha com esmalte branco); - o Al poderá transitar com o suéter fora do CMSM quando for usado
A cor deve ser única para todos os dedos das mãos; e por debaixo da japona ou da parte de cima do abrigo; e
É vedado o uso de adornos, como apliques desenhados, colados ou - o sutache, com o nome do aluno, deverá ser colocado no lado direito
sobreposto. do suéter.
Para a prática de todas as atividades desportivas, é obrigatório o uso
3) Uso de Uniformes do uniforme 6º CM completo, não sendo admitidas variações ou supressões
de suas peças. É proibida a utilização da camiseta do grêmio. Apenas na
O uniforme é um elemento formativo na vida do aluno. Sua descrição área da SEF, poderá ser utilizada a bermuda feminina azul-marinho em lycra
completa pode ser consultada no Regulamento de Uniformes do Exército sem a utilização do calção azul-turquesa.
(RUE), disponível para consulta no site do CMSM. Os primeiros a zelarem
pelo uniforme são os pais, ao observarem como os estudantes saem de casa.
Não é permitida a entrada ou permanência no Colégio Militar de estudantes a) Uniforme Segmento Masculino
sem o uniforme regulamentar completo. O CMSM não autoriza nenhuma
variação do uniforme e não abre mão de seu uso. O uniforme previsto para
o uso diário do aluno é o 5º BI – CM (uniforme de aula completo CAQUI).
Nos dias frios é permitido o uso de cachecol e luvas na cor azul-
marinho.
A mochila e outras bolsas e similares dos alunos deverão ser na cor
preta, sendo proibidos objetos pendurados na mesma.
O uso do abrigo para freqüência às atividades no Colégio Militar só
poderá ser feito quando autorizado pelo Comando.
A Direção estabeleceu que os abrigos esportivos deverão ser
utilizados com a tênis preto, a língua e o cadarço do tênis na cor
preta,camiseta do ano correspondente por baixo e identificados com o nome
de guerra do aluno bordado na parte de cima do agasalho ou com a
plaqueta de identificação, sendo autorizado o uso de camisetas dos
grêmios, ficando proibido o uso de camisetas de outras atividades.

25 26
b) Uniforme Segmento Feminino em regiões de clima frio.- OBS.: O uso da japona somente será permitido
com o uniforme diário.

e) Suéter Azul-marinho (para ambos os sexos)

1) Composição: Suéter de lã azul-marinho com gola redonda (sem detalhes);


- Plaqueta de identificação em acrílico no lado direito;
2) Usado em regiões de clima frio, sendo autorizado o uso no trajeto
residência – CMSM.
A gola do uniforme Diário deve estar para fora do suéter. PROIBIDO o uso
deste uniforme sem a plaqueta de identificação.

f) Abrigo Desportivo (para ambos os sexos)

1) Composição:
- Calça azul de tactel;
- Camiseta manga curta ou manga longa com o nome do aluno bordado;
Obs: - A altura da bainha da saia deve estar a 2 cm abaixo do joelho - Agasalho de manga comprida de tactel com as cores, nome do colégio nas
costas e o nome do aluno bordado em vermelho.
c) Abrigo para educação física (para ambos os sexos) - Tênis preto e Meia branca.
2) Utilização:
Composição: (a) Nas atividades extra classe;
- Calça azul-marinho de malha; (b) Nos treinamentos de equipes desportivas;
- Camiseta sem manga branca; (c) Nas competições desportivas (Atletas e assistência);
- Agasalho de manga comprida de malha azul-marinho com as iniciais (d) Nos deslocamentos de delegações do Colégio, quando regulado
“CMSM” nas costas. em ordem de serviço;
- Meia branca e Tênis preto.
- Usado nas atividades de treinamento físico e desportivo. g) Peças Complementares do Uniforme (para ambos os sexos)
PROIBIDO o uso em deslocamentos ou trânsito fora das áreas internas e
desportivas do Colégio. - Cachecol azul-marinho:
d) Jaqueta/japona Azul-marinho (para ambos os sexos) - Uso facultativo para alunos de Colégio Militar em regiões de clima frio;
- É permitido somente quando usado com a jaqueta ou japona azul-
Composição: marinho;
- Jaqueta/japona azul-marinho com sutache na cor vermelha com fundo azul-
marinho.
- Usado
27 28
- Confeccionado em tecido de lã, na cor azul-marinho, em peça de forma
retangular. b) Faça Anotações de Aula
- Luva de lã azul-marinho:
- Procure manter sempre em dia um caderno próprio para cada área de
- Uso facultativo para alunos de Colégio Militar em regiões de clima frio; estudo ou disciplina que estudar. Esse trabalho será sempre feito em casa.
- É permitido somente quando usado com a jaqueta ou japona azul- Durante as aulas faça apenas anotações gerais no rascunho.
marinho; e - Anote as suas dúvidas sobre o assunto dado em aula. Com o maior
- Confeccionada em lã na cor azul-marinho, sem costura e punho sanfonado. tempo em casa, faça a sua pesquisa para descobrir por si mesmo. Isso
sedimenta o seu aprendizado. No entanto, se não entendeu ainda, procure o
h. Recomendações de “como estudar” professor; não se acanhe em fazer perguntas na aula, mesmo que lhe pareçam
por demais infantis.
1) Estudar para quê? - Faça suas anotações de aula e refaça se necessário, em casa.

Diz o pequeno dicionário de Aurélio Buarque de Holanda: c) Prepare-se física e psicologicamente


Estudar é “aplicar a inteligência para aprender... é aplicar o espírito a
memória e a inteligência para adquirir conhecimento”.  Cuide sempre de seu estado físico, que é uma das condições mais
Estudar não é um fim. Estudar é um meio pelo qual APRENDEMOS, importantes para o bom estudo.
ou seja, compreendemos as relações dos elementos que existem à nossa volta  Habitue-se a uma alimentação mais natural. Ela é a base da saúde
para podermos dominá-los. DESDE QUE O HOMEM SURGIU NO física e mental.
PLANETA TERRA, VEM LUTANDO PARA COMPREENDER E  Descanse. Se necessário, durma um pouco antes de começar a
CONVIVER COM A NATUREZA. Basicamente, tudo o que se aprende estudar, observando sempre o horário em que você produz mais
gira em torno da relação dos homens com a NATUREZA e os homens entre intelectualmente.
si.  Jamais lance mão de pílulas, chás e soluções semelhantes para
APRENDER é compreender, memorizar e transpor o conhecimento vencer o sono, forçando a ordem natural das coisas. Estude conscientemente
para outras situações. Mas principalmente, COMPREENDER. Quem não antes. Descanse na véspera.
compreende, sente maior dificuldade em aprender.
d) Organize-se
2) Sugestões para maior êxito nos estudos
 O local do estudo
a) Utilize o livro-texto - O local deve ser arejado, claro e tranquilo. Você deve ter uma mesa
onde escrever e uma cadeira com encosto para sentar-se. Procure estudar
Tenha o livro-texto adotado. Nele você terá a sequência lógica dos sempre no mesmo local;
assuntos, na mesma linguagem do professor. A maior das vantagens que lhe - Reúna neste local todo o seu material de estudo.
trará o livro didático adotado será permitir que você dedique mais atenção ao
desenvolvimento das aulas ministradas, sem a preocupação de ter que fazer  O horário:
anotações de todo o assunto, o que significa perda de tempo.
- O horário de estudo deve ser respeitado. Você tem que estabelecer
29 30
um período de tempo para estudar e cumprir com esse período, fazendo i. Orientações sobre “Situações Diversas”
pequenos intervalos;
- Não estude mais que 2 (duas) horas seguidas, nem 4 (quatro) horas Informações Básicas:
sem intervalo, por exemplo. O cansaço anulará seu rendimento. Uma boa
medida será estudar 1 (uma) hora e descansar 15 (quinze) minutos. - Os intervalos de aula (5 min) destinam-se à troca de professores ou
para os alunos irem ao banheiro, ao bebedouro ou darem uma “esticada no
 O plano de estudo: corpo”. Nesses períodos, é proibida a circulação dos alunos nos corredores
1. O plano de estudo deve ser feito para cada dia, no qual você estuda externos ao pátio;
os assuntos que teve na aula e prepara com antecedência para a próxima; - Nos pátios, corredores, cantinas e demais áreas de livre acesso, os
2.Termine uma tarefa antes de começar outra. alunos deverão estar bem uniformizados e fazendo o uso obrigatório da
boina;
e) Estude com acerto - Nos Grêmios e Clubes, só será permitida a presença de alunos que
pertençam aos mesmos e em horários determinados e autorizados pelo
 Separe seu material para o dia seguinte. comando do CA;
 Estude diariamente as matérias ministradas em aula. - É proibido o trânsito de alunos nas seguintes áreas: Pavilhão de
 Não deixe acumular matérias de várias disciplinas. Comando, Divisão Administrativa, Divisão de Ensino (Sala de Meios, Seção
 O estudo na véspera de prova deve se resumir em revisões, Técnica de Ensino, Seções de Ensino), Companhia de Comando e Serviços e
caso contrário gera ansiedade, cansaço, insegurança e nervosismo no nos estabelecimentos diversos, exceção feita aos alunos acompanhados de
momento de sua realização. seus responsáveis, caso estes possuam veículos estacionados nos referidos
 Leia com atenção, sublinhando as ideias mais importantes. locais;
- O Aluno deve sempre depositar o lixo nos cestos apropriados,
Você pode usar um marcador de texto para isso.
retirando-os das mesas;
 Faça um resumo do que você lê.
- No refeitório dos alunos deverão ser observadas as normas da boa
 Não tente memorizar o texto com as mesmas palavras com que educação e conduta, assim como a boa apresentação individual;
foi escrito. Coloque, no resumo, as suas palavras. - Nas cantinas os alunos deverão utilizar os cestos de lixo, não
 Use o dicionário quando tiver dúvida sobre o significado de uma deixando resíduos sobre as mesmas e nem jogados no chão;
palavra ou ortografia. Ler sem compreender é perder tempo. - É proibida a introdução no auditório de qualquer tipo de material
 Realize seu estudo com a intenção de aprender a raciocinar escolar, tais como: lápis, caneta e mochila, exceto quando autorizado;
melhor. - Os alunos deverão prestar a continência regulamentar para os
 Dedique a maior parte de seu tempo e atenção para os pontos 30
integrantes do CMSM a partir da graduação de 3º Sgt;
fracos de seu conhecimento sobre a matéria. - Não é permitido no interior do CMSM namorar, beijar, andar
 Aplique maior atenção e exercite mais os temas que o abraçado ou de mãos dadas. O cumprimento entre os alunos deverá restringir-
professor ou você identificou como mais importantes. se ao aperto de mão. O não cumprimento desta norma constitui-se
 Quando sentir que a matéria não está sendo assimilada, pare e transgressão disciplinar, podendo, conforme o caso, necessitar do
descanse antes de recomeçar. Não perca tempo insistindo. comparecimento imediato do responsável no CMSM para o conhecimento
 Intensifique seus estudos, seguindo as orientações de provas.

31 32
do fato e orientações. Fora do Colégio a proibição restringe-se ao aluno WALKMAN, MP3, IPOD, TABLET ou quaisquer equipamentos similares no
que estiver uniformizado. interior do Colégio;
- É proibido fumar no interior do colégio, ou fora dele estando - Somente será autorizada a utilização de bolsa escolar na cor
uniformizado (a); predominantemente preta;
- Não é permitido o consumo de qualquer tipo de alimento (bala, - Somente serão permitidas festas de congraçamento no interior das
chicletes, pirulitos, etc) em forma ou em sala de aula; salas de aulas com autorização do Cmt do CA e do professor ou Coordenação
- Os deslocamentos de turmas para qualquer local, e a saída, após o do respectivo ano;
término das aulas, deve ser em forma, ou seguir a orientação do Comandante - Não será permitido o uso de instrumentos musicais no interior das
de Companhia e Monitores; salas, salvo nos casos autorizados pelo Cmt do CA;
- Só será permitido o uso do abrigo desportivo padrão, quando da - Não será permitida a entrega de “cestas” e buquês em sala de aula; os
impossibilidade do uso do uniforme de aula e devidamente autorizado pelo mesmos deverão ser entregues nas Salas dos Monitores (1ª, 2ª ou 3ª Cias); e
Comando do CMSM; - Os alunos, ao adentrar ao Colégio, deverão estar sempre
- Os alunos deverão manter o cabelo sempre cortado conforme uniformizados, tendo ou não expediente.
modelo padrão e manter o Cartão de Cabelo em dia devidamente assinado - No início do ano letivo, será feito o remanejamento das turmas,
pelo Cmt de Cia/Monitor; buscando uma renovação dos grupos, com o objetivo de favorecer a
- As alunas deverão manter o cabelo em conformidade com o integração, a melhora no relacionamento e aproveitamento do aluno. É
regulamento, sendo obrigatório, em todas as situações, o uso da “rendinha” importante a colaboração dos pais, evitando pedidos de troca, uma vez que o
no coque; remanejamento obedece a critérios estabelecidos pelo Comando;
- Na sala de aula, é proibido ao aluno riscar as mesas e cadeiras, bem - O Colégio não é responsável pelos veículos que fazem o transporte
como colocar lixo embaixo das mesas; dos alunos. Os pais dos usuários devem entrar em contato direto com as
- Nos corredores das companhias, os alunos deverão estar bem empresas e/ou responsáveis que realizam este serviço;
uniformizados e utilizando a boina; - O colégio não se responsabiliza por objetos perdidos no interior dos
- Nos toques de início dos tempos de aulas, os alunos devem estar em transportes escolares. Todos os objetos achados no Colégio que estejam
sala, aguardando o início da atividade, que começa com a apresentação da devidamente identificados, serão entregues e guardados no Corpo de Alunos,
turma ao professor pelo respectivo chefe de turma; na Companhia de Alunos, na Seção de Educação Física ou na Biblioteca;
- Todo o material do aluno deverá ser identificado, conforme - Pedimos aos pais e responsáveis que identifiquem todos os
orientações prescritas no item APARELHOS ELETRÔNICOS, E uniformes e fiquem atentos ao material dos seus filhos devolvendo ao
OBJETOS PARTICULARES; Colégio o que for levado para casa por engano;
- Os alunos deverão passar pela rodoviária do Colégio num horário - Recomendamos que seja evitado, ao máximo, que os alunos venham
que permita a eles estar presentes na formatura de início das atividades para o Colégio com jóias e objetos de valor. O CMSM não se
(07:10h). Após esse horário, serão considerados atrasados e anotados. Estes responsabilizará pela perda ou extravio destes objetos;
serão colocados em forma por um monitor do CA e conduzidos para as - No caso de estrago voluntário de material do Colégio, o pai ou
respectivas Companhias, onde aguardarão o início do próximo tempo de aula; responsável receberá um comunicado, sendo responsabilizado pelo ato do
aluno, arcando com os gastos de reparação, não impedindo com isso que as
- Não será permitido, na sala de aula, o uso de telefones celulares e medidas disciplinares necessárias sejam aplicadas;
instrumentos musicais;- Não é permitido o uso de aparelho sonoro do tipo - É proibido, no interior do Colégio, arrecadar dinheiro, passar rifas,

33 34
promover coletas ou vendas de qualquer produto, sem a devida autorização Na conquista da nossa cidadaniaAlmejamos estudar e pesquisar
do Comando. Sempre que a iniciativa partir da escola, os pais serão Com devoção e total galhardia
antecipadamente comunicados; E pela glória do Colégio Militar
- O Colégio não interfere em organização de viagem de formatura,
desde que não seja em período de aula e que seja levado ao conhecimento do Estribilho:
Comando. A escolha da empresa e do local fica a critério das famílias; “Garra, determinação,
- Quanto ao Baile de Formatura do 3º ano do Ensino Médio, o Colégio Ordem e disciplina
sugere a criação de uma Comissão de Formatura, compostas por alunos, pais Fazem nossa união
e/ou responsáveis e uma representação do Colégio; Raça, ética e trabalho:
- Para cada tempo de aula que o aluno deixar de comparecer ou não Este é o nosso lema,
assistir integralmente, mesmo que justificada, perderá 1 (um) ponto. Caso a Eis a grande missão”
falta seja “NÃO JUSTIFICADA”, o aluno perderá 3 (três) pontos e será
sancionado disciplinarmente; Constituímos a beleza desta terra
- Os alunos poderão trajar o abrigo desportivo nos seguintes casos: Na pujança da ciência de aprender
1º) dentro do CMSM: Usando a camiseta Com destino que o futuro nos espera
correspondente ao ano de manga curta ou longa, ambas, obrigatoriamente, Consciente das tarefas a vencer
com o nome de guerra bordado; Nossos mestres, professores dedicados,
2º) Fora do CMSM: Usando o abrigo completo ou a Na matéria de moldar o nosso perfil
calça do abrigo com a camiseta correspondente ao ano, neste último caso Com o saber engajados na luta
somente se devidamente autorizado; Pelo progresso e a grandeza do Brasil.
- Em ambos os casos os alunos deverão manter a camiseta para dentro
da calça do abrigo e usar o tênis preto; e Estribilho: BRASIL!!!!
- As alunas seguirão as normas previstas para apresentação individual,
estando autorizado o uso do cabelo preso como “rabo de cavalo”. b. HINO NACIONAL BRASILEIRO

5 - HINOS E CANÇÕES Letra: Joaquim Osório Estrada


Música: Francisco Manuel da Silva
a. CANÇÃO DO COLÉGIO MILITAR DE SANTA MARIA
Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
Letra e Música: Suboficial Alcyr dos Santos De um povo heróico o brado retumbante,
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos,
Arranjo: Subtenente Ildo Guerra Brilhou no céu da Pátria nesse instante.
Como a aurora a despontar no horizonte
E a nobreza da cultura secular Se o penhor dessa igualdade
Algo forte destemido entre monte Conseguimos conquistar com braço forte,
Faz nascer um novo sol que irá brilhar.

35 36
Em teu seio, ó liberdade,Desafia o nosso peito a própria morte! Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
Ó Pátria amada, E diga o verde-louro desta flâmula
Idolatrada, Paz no futuro glória no passado.
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido Mas, se ergues da justiça a clava forte,
De amor e de esperança à terra desce, Verás que um filho teu não foge à luta,
Se em teu formoso céu, risonho e límpido, Nem teme, quem te adora, a própria morte.
A imagem do Cruzeiro resplandece.
Terra adorada,
Gigante pela própria natureza, Entre outras mil,
És belo, és forte, impávido colosso, És tu, Brasil,
E o teu futuro espelha esta grandeza Ó Pátria amada!

Terra adorada, Dos filhos deste solo és mãe gentil,


Entre outras mil, Pátria amada, Brasil!
És tu Brasil,
Ó Pátria amada! c. CANÇÃO AVANTE CAMARADAS

Dos filhos deste solo és mãe gentil, Musica e Letra de : Antonio E. Sarno
Pátria amada, Brasil!
Avante, camaradas!
Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao tremular do nosso pendão
Ao som do mar e á luz do céu profundo, Vençamos as invernadas
Fulguras, ó Brasil, florão da América, Com fé suprema no coração.
Iluminado ao sol do Novo Mundo! Avante sem receio
Que em todos nós a Pátria confia
Do que a terra Marchamos com alegria, avante!
mais garrida Marchamos sem receio.
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores;
“Nossos bosques têm mais vida”,“Nossa vida” no teu seio “mais amores”. Aqui não há quem nos detenha
E nem quem turve a nossa galhardia.
Ó Pátria amada,Idolatrada, Quem nobre missão desempenha
Salve! Salve! Temer não pode a tirania, a tirania.

37 38
E nunca seremos vencidos A paz queremos com fervor,
Pois marchamos sob a luz da crença. A guerra só nos causa dor.
Marchamos sempre convencidos Porém, se a Pátria amada
Não há denodo que nos vença. For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor.
Havemos sempre audazes
A afrontar o perigo; Como é sublime
E seremos perspicazes Saber amar,
Ante o mais férreo inimigo. Com a alma adorar
Por isso, não temamos: A terra onde se nasce!
Sempre fortes e sobranceiros, Amor febril
E com bravura sempre lutaremos; Pelo Brasil
Brasileiros nós somos, No coração
Nós somos Brasileiros! Nosso que passe.

HURRA! E quando a nação querida,


Frente ao inimigo,
c. CANÇÃO DO EXÉRCITO Correr perigo,
Letra: Ten Cel Alberto Augusto Martins Se dermos por ela a vida
Música: T. de Magalhães Rebrilha a glória,
Fulge a vitória.
Nós somos da Pátria a guarda,
Fiéis soldados, Assim ao Brasil faremos
Por ela amados. Oferta igual
Nas cores de nossa farda De amor filial.
Rebrilha a glória, E a ti, Pátria, salvaremos!
Fulge a vitória. Rebrilha a glória,
Fulge a vitória.
Em nosso valor se encerra
Toda a esperança A paz queremos com fervor,
Que um povo alcança. A guerra só nos causa dor.
Quando altiva for a Terra Porém, se a Pátria amada
Rebrilha a glória,
Fulge a vitória. For um dia ultrajada
Lutaremos sem temor.

39 40
2º Sargento - 2 4 4 - - -
ANEXO A – SISTEMA DE ESTÍMUL OS E RECOMPENSAS
3º Sargento - 3 4 - - - -
O sistema de estímulos e recompensas do SCMB é composto por Cabo 1 3 - - - - -
instrumentos que buscam compor um ambiente motivacional favorável ao
desenvolvimento de boas atitudes. O sistema em questão não deve ser visto A tabela acima apresenta os dados relativos ao efetivo do Batalhão
como um objetivo em que o aluno deve fazer de tudo para alcançá-lo, pois, Escolar do ano de 2018, conforme dados constantes no Anexo A do RICM.
caso contrário, estaria contrariando a proposta pedagógica no que se refere ao O RICM contém as condições em que o aluno concorre à promoção
desenvolvimento da solidariedade e da construção de princípios éticos. de forma pormenorizada, destacando-se que a nota para promoção é
constituída pela Nota Global do Ano (NGA), pela Nota de Comportamento e
a. HIERARQUIA ESCOLAR pela Nota de Conceito do Comandante do Corpo de Alunos. São deveres do
aluno graduado, além daqueles inerentes ao aluno do Colégio Militar:
A graduação do aluno nos diversos níveis da hierarquia escolar - cooperar na instrução cívica e militar e na educação física, quando
constitui recompensa pela aplicação aos estudos e pelo exemplar necessário;
comportamento escolar, tornando-se estímulo à formação integral do aluno e - auxiliar o comando, particularmente pelo exemplo, na manutenção
à escolha pela carreira militar. Os graus da hierarquia escolar definem-se do asseio e da conservação das instalações do CM; e
entre o posto de coronel-aluno e a graduação de cabo-aluno, de acordo com o - primar por irrepreensível conduta disciplinar e prática de virtudes
prescrito no Regimento Interno dos Colégios Militares – RICM, e comporão que o tornem exemplo para os demais alunos.
o Batalhão Escolar, conforme resumo abaixo: São direitos do aluno graduado, além dos preconizados em leis,
regulamentos e RICM:
Posto/ 6º ano 7º ano 8º ano 9º ano 1º ano 2º ano 3º ano - uso de insígnias correspondentes ao seu posto ou à sua graduação;
Graduação - precedência, nos termos do § 2º do art. 95 do RICM, sobre os demais
Coronel - - - - - - 1 alunos, nas formaturas, representações e solenidades; e
- ajudar, desde que voluntário e com o consentimento do seu
Tenente- - - - - - - 1 responsável, como monitor em todas as disciplinas para as quais for
Coronel convocado, desde que tenha média superior a 8,0 (oito vírgula zero) na
Major - - - - - 1 6 disciplina considerada.
Capitão - - - - 1 2 1 b. ALAMAR
1º Tenente - - - 1 1 4 3
Honraria concedida aos alunos-destaques, a partir do 8º ano do Ensino
2º Tenente - - 1 1 1 7 -
Fundamental, que conseguirem média maior ou igual a 8,0 (oito vírgula zero)
Aspirante - 1 1 3 1 - - em todas as áreas de estudo ou disciplinas no trimestre considerado, e ainda,
Subtenente - 1 1 1 4 - - estiverem, no mínimo, no comportamento “Bom”, tornando-se exemplos para
seus pares.
1º Sargento - 1 3 3 6 - -

41 42
O Colégio realizará, ao final de cada trimestre, uma formatura ANEXO B - ORIENTAÇÕES PARA O ESTUDO
especial para a entrega dos alamares, convidando o responsável pelos
discentes premiados para fazer presença na referida entrega, realçando o valor Sugestões para maior êxito nos estudos:
da conquista alcançada.
O aluno que obtiver a referida distinção, não a perderá durante todo o 1) Local do estudo.
ano letivo em que conquistou o direito, salvo se baixar do comportamento
BOM. a. O local deve ser arejado, claro e tranquilo. Você deve ter uma mesa onde
escrever e uma cadeira com encosto para sentar-se. Procure estudar sempre
c. LEGIÃO DE HONRA no mesmo local.
b. Para aumentar a sua concentração, organize e prepare seu ambiente de
A Legião de Honra do Colégio Militar tem por finalidade incentivar estudo reunindo neste local todo o seu material de estudo.
os alunos ao cultivo e à prática de sadios princípios de lealdade, honestidade, c. Lembre-se que você pode estudar na sala de aula, em casa, na biblioteca
iniciativa, nobreza de atitudes, disciplina consciente, camaradagem, estudo e pública ou na de sua escola.
amor à cultura, segundo os valores, os costumes e as tradições do Exército
Brasileiro. 2) O horário.
Ingressarão na Legião de Honra todos os alunos que forem julgados
aptos por conduta exemplar. A admissão dos novos legionários será realizada a. O horário de estudo deve ser respeitado. Você tem que estabelecer um
na solenidade de início do ano letivo seguinte. período para estudar e cumpri-lo, fazendo pequenos intervalos.
São condições indispensáveis para o aluno ser admitido na Legião de b. Não estude mais que 2 (duas) horas seguidas sem intervalo, por exemplo.
Honra: O cansaço anulará seu rendimento. Uma boa medida será estudar 1 (uma)
- estar cursando o CMSM desde o início do ano letivo considerado; hora e descansar 15 (quinze) minutos.
- estar classificado no comportamento "Excepcional";
- ter obtido NF superior a 5,0 (cinco) em todas as disciplinas; e 3) O plano de estudo.
- ser eleito em Assembleia Geral dos membros da Legião de Honra.
O plano de estudo deve ser feito para cada dia, no qual você estuda os
O legionário será excluído, quando: assuntos que teve na aula e prepare-se com antecedência para a próxima.
- passar afastado do Colégio por mais de 6 (seis) meses;
- trancar matrícula em qualquer época; 4) Método de estudo.
- obtiver, em qualquer disciplina, nota final inferior a 5,0 (cinco
vírgula zero); e a. Ler e sublinhar as ideias principais.
- tiver grau de comportamento inferior a 9,0 (nove vírgulazero). b. Fazer leitura em voz alta cuidando da dicção e entonação correta da frase.
c. Resumir os textos lidos.
d. Fazer pesquisa em vários livros.
e. Utilizar jornais, revistas, Atlas, etc.
f. Fazer esquemas, gráficos e desenhos.
g. Elaborar fichários com os resumos feitos.

43 44
h. Fazer os exercícios sem consultar o livro-texto corrigido-os em seguida  Faça suas anotações organizadas dos aspectos mais importantes de aula e
mediante o uso do mesmo. refaça, se necessário, em casa.
i. Elaborar questionários e responder para si mesmo.
j. Gravar os questionários e, os resumos, etc. O gravador é um ótimo c. Tenha disciplina e autocontrole. Saiba ter um comportamento adequado na
auxiliar daqueles alunos que estudam sozinhos. sala de aula. Saiba ouvir procurando não pensar ou falar em outro assunto.
Identifique o objetivo principal da aula.
5) Quanto às aulas.
- Procedimentos em sala de aula
a. No dia anterior.
 Aproveite bem as aulas. Preste toda atenção possível às aulas do
 Separe seu material para o dia seguinte. professor. Faça perguntas!
 Escolha um lugar apropriado para o estudo. Um lugar que seja arejado,  Afaste todas as distrações.
tranquilo e bem agradável, onde possa concentrar todo o seu material de  Não converse com os colegas.
estudo e nada lhe desvie a atenção.  Sente-se posição correta para ler e escrever.
 Não pegue material de que não esteja precisando.
6) Durante as aulas.
 Trate bem seus professores e colegas.
a. Utilize o livro-texto.  Não esqueça: se você cooperar com a disciplina e o silêncio em sala de
aula, só terá a lucrar.
 Adquira o livro-texto adotado. Nele você terá a sequencia lógica dos  Evite levantar-se do lugar.
assuntos, na mesma linguagem do professor. A maior das vantagem que lhe  Levante sua mão quando quiser falar.
trará o livro didático adotado será permitir que você possa dedicar mais  Se houver necessidade de levantar-se, peça licença ao professor.
atenção ao desenvolvimento das aulas ministradas, sem a preocupação de ter  Participe ativamente em seu grupo de trabalho. Dê atenção a qualquer
que fazer anotações de todo assunto, o que significa perda de tempo. colega quando este estiver falando.
 Colabore para o crescimento de seu colega e de sua turma.
b. Faça anotações de aula.  Ajude o colega que tem dificuldades em aprender as matérias que você
aprende facilmente.
 Procure manter sempre em dia um caderno próprio para cada área de
estudo ou disciplina que estudar. Esse trabalho sempre será feito em casa. d. Tenha uma participação consciente e ativa na aula.
Durante as aulas faça apenas anotações gerais no rascunho. e. Agende imediatamente o assunto que você deve estudar em casa, as tarefas,
 Anote as suas dúvidas sobre o assunto dado em aula. Com maior tempo os trabalhos escolares e o material solicitado pelo professor.
em casa, faça a sua pesquisa para descobrir por si mesmo. Isso sedimenta o e. Tire o máximo de proveito da aula.
seu aprendizado. No entanto, se não entendeu ainda, procure o professor, não
se acanhe em fazer perguntas durante a aula, mesmo que lhe pareçam por - Se você já está dentro da sala de aula, seja prático. Use-a de modo a
demais infantis ou descabidas. lhe ser útil. “Desligar a cabeça” durante a aula é jogar fora o tempo que nela
você passa.
45 46
de estudar: é vendo, ouvindo, escrevendo ou resumindo. Lembre-se que você
 Traga todo o material necessário. Arrume o que vai levar para o colégio pode e deve desenvolver todos os tipos já descritos.
assim que terminar os deveres de casa. É melhor porque não esquecerá de a. Use o dicionário quando tiver duvida sobre o significado de uma palavra
levar nada. ou ortografia. Ler sem compreender é perder tempo.
 Preste toda atenção possível. Afaste-se de tudo o que distrai. Concentre-se b. Realize seu estudo com a intenção de aprender a raciocinar melhor.
nos assuntos e no professor. Não vá na conversa dos colegas que pensam ser Raciocina melhor aquele que possui mais informações.
“espertos” e “vivos”, jogando fora o tempo de aula. Se aproveitar bem a aula, c. Dedique a maior atenção e exercite para os pontos fracos de seu
não precisará estudar tanto depois. conhecimento sobre a matéria.
 Não procure descobrir defeitos no professor (acaso você não tem d. Aplique maior atenção e exercite mais temas que o professor ou você
defeitos?). Afinal, o professor que você tem é esse; você lucra alguma coisa identificou como mais importantes.
em desprezá-lo ou antipatizar com ele. O único que tem a perder é você e não e. Anote as duvidas para perguntar ao professor na próxima aula.
ele. f. Quando sentir que a matéria não está “entrando” em sua cabeça, pare e
descase antes de recomeçar. Não perca tempo insistindo.
 Tome nota no caderno apenas do que é importante. Não copie tudo o que
o professor diz. Copie as ideias principais com suas próprias palavras.
8) Quanto às provas.
 Se você se atrasou e não conseguiu copiar, no final da aula peça a um
colega. a. Antes da prova.
 Confira suas anotações enquanto o assunto está “fresquinho na cabeça”.
Senão, passe a limpo logo. Não espere para depois. Faça um planejamento de estudo distribuindo mais ou menos o tempo para
 Chegue na aula pontualmente para não perder as instruções do professor. cada matéria, de forma que, no dia anterior à prova não necessite mais
Só falte às aulas em caso de grande necessidade. estudar. O estudo na véspera de prova gera ansiedade, cansaço, insegurança e
nervosismo no memento de sua realização.
7) Depois da aula. Estudar para prova é fazer revisão. Revise seus apontamentos, seus livros,
suas apostilas, seus exercícios, etc. Uma boa forma de se fazer revisão é reler
a. Verifique a sua agenda escolar. os títulos procurando lembrar e dizer tudo sobre o assunto. Outra maneira é
b. Organize as suas anotações feitas em sala de aula. procurar criar questões que você acha que podem cair na prova.
c. Não deixe acumular matéria de várias disciplinas. Identifique seus estudos, seguindo as orientações de provas.
d. Leia com atenção, sublinhando as ideias mais importantes. Você pode
usar um marcador de texto para isso. b. Durante a prova.
e. Faça um resumo do que você lê.
f. Não tente memorizar o texto com as mesmas palavras com que foi escrito.  Deixe sobre a mesa apenas o material previsto para a prova, conforme
Coloque, no resumo, as suas palavras. Memorizar é reter, guardar, conversar e descrito na ficha de orientação. Coloque a mochila ou outro material no local
lembrar! designado pelo fiscal da prova. (Celulares, jogos eletrônicos, etc.)
b. OBS.: As pessoas têm diferentes tipos de memória: Visual: facilidade em  Receba sua prova e verifique se ela está completa e com todas as páginas
lembrar imagens daquilo que vê; Auditiva: facilidade em lembrar o que ouve impressas. Caso apresente algum problema, comunique imediatamente ao
e Motora: facilidade de lembrar o que escreve. Descubra o seu melhor modo fiscal, que providenciará outra prova (se for o caso).
47 48
 Leia com atenção as instruções da prova.
 Preencha o cabeçalho, colocando número, nome de guerra e indicativo da
turma em todas as folhas.
 Aguarde o sinal ou ordem do fiscal para iniciar a prova.
 Responda os itens, usando caneta ( tinta azul ou preta) nos lugares a isso
destinados.
 Soluções a lápis são permitidas apenas nas provas de desenho.
 Faça sua prova sozinho, concentre-se nela.
 Não peça nada emprestado. Traga somente o material previsto na Ficha de
Orientação.
 Não olhe para a prova de seus colegas, nem facilite a “cola” por parte de
qualquer deles. Concentre-se apenas na sua.

c. Depois da prova.

3) Analise e estude os itens em que você teve dúvidas.


4) Volte a estudar os assuntos que você errou na prova. Lembre-se que você
deve estudar para saber o assunto e não somente para fazer a prova.

49

Interesses relacionados