Você está na página 1de 20

PUB

Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • •1

PUB

989
20 dezembro 2018
Ano 18
quinta-feira
 0.70 iva incluído
Diretor: Luís Baptista-Martins
semanário

Seia
Tribunal da Relação
confirma condenação
Fundão e Guarda disputam
fábrica de reatores
de Eduardo Brito
Ex-presidente da Câmara de Seia
e atual vereador da Câmara da
Guarda foi sentenciado a uma
pena suspensa de dois anos e
dois meses de prisão pelo crime
de prevaricação ___________ 8

Guarda
Três anos de prisão
para condutor
que atropelou
mortalmente duas
mulheres
Tribunal considerou que o ar-
guido, de 30 anos, teve uma
Há um novo investimento que poderá estar a chegar à região. O INTERIOR sabe
conduta «irresponsável e im-
que há vários municípios na corrida e entre os interessados estão a Guarda e
prudente», uma vez que seguia
o Fundão. O projeto vai ocupar uma área de dez hectares e criar mais de uma
em excesso de velocidade e sob
centena de postos de trabalho. O único senão para a Guarda é não haver por
o efeito de álcool ____________ 8
cá um terreno industrial disponível junto à linha de caminhos-de-ferro Pág.5

AM Guarda protesta contra


Guarda
Pousada da Juventude
será residência de

“suborçamentação” da ULS
estudantes do IPG
Edifício, encerrado há vários
anos, deverá acolher alunos do
Instituto Politécnico da Guarda
a partir de setembro de 2019, no O tema da saúde voltou a dominar a Assembleia Municipal da Guarda. Na última sessão do ano, os deputados aprovaram por unanimidade
âmbito do Plano Nacional de Alo- um voto de protesto pela «suborçamentação» da ULS e voltaram a reivindicar a construção da segunda fase do Hospital Sousa Martins.
jamento para o Ensino Superior Menos convergente foi o debate em torno do orçamento camarário, com a oposição a criticar a manutenção do IMI e das taxas municipais
que o Governo vai lançar______ 7 e a ausência de medidas para desenvolver o concelho Pág.4

PUB

cortinados - estores - papel de parede - tapetes - alcatifas por medida


Rua António Sérgio, Nº 49, R/CH • 6300-665 Guarda
Telm. 925524566 • Telf. 271 230 117 PUB
2• • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018
no  fio  da  navalha

anotações
Pousada da Juventude opinião
Hélder Sequeira
Está finalmente resolvida a questão da
Pousada de Juventude da Guarda, há vários
anos encerrada e sem qualquer tipo de uti- Uma nova Cimeira na Guarda
lidade. O edifício deverá ser transformado
A cidade da Guarda irá receber, em tivo de segurança, a saída das comitivas. revista o estado das relações culturais
em residência de estudantes do Politécnico
junho de 2019, a próxima Cimeira Luso- O encontro na Guarda fora mantido entre os dois países (...). No domínio das
da Guarda, seguindo uma lógica de aloja-
Espanhola. Um encontro que nos suscita, secreto até à meia-noite anterior. Até à questões fronteiriças, examinou-se, de
mento acessível, já a partir de setembro do
neste último apontamento do ano, a evo- tarde da véspera, nas duas capitais ibé- modo especial o projeto de construção
próximo ano.
cação da cimeira realizada na cidade mais ricas constava que a reunião teria lugar de uma ponte internacional sobre o Rio
alta de Portugal em 1976. em Estremoz. A Guarda escolhida para Guadiana entre Vila Real de Santo António
A Cimeira entre os ministros dos palco deste encontro, após os aconteci- e Ayamonte (...).
Negócios Estrangeiros de Portugal e mentos que toldaram as relações luso- Exprimiu-se o desejo mútuo de uma
Espanha, respetivamente Melo Antunes e espanholas, situa-se assim no ponto de maior colaboração técnica e administrativa
José Maria Areílza, colocou a Guarda no partida de uma nova era de convivência em matéria aduaneira, com o objectivo de
centro das atenções informativas, nacio- peninsular. Já se fala, e com toda a razão, facilitar o tráfego internacional entre os
nais e internacionais, pois eram delicadas, no “espírito da Guarda”. Afinal é desde há dois países (…)».
Fundação Côa Parque então, as relações luso-espanholas após muito o “espírito” que domina as relações Como observaria César Oliveira, «o
a destruição da Embaixada em Lisboa, entre guardenses e espanhóis; espírito de espírito da Guarda mais não foi do que o
Vinte anos depois da classificação ocorrida em 1975. concórdia e entendimento, de amizade, de esforço luso-espanhol para ultrapassar as
como Património Mundial, o Museu do Côa Deste importante encontro deu conta compreensão mútua. A Guarda, por estas tensões e a carga de potenciais conflitos
e o Parque Arqueológico andam nas bocas o jornal “A Guarda” (este semanário e razões, deve ter sido intencionalmente entre os dois Estados, na segurança de
do mundo. Há novas descobertas e outra a Rádio Altitude eram, recorde-se, os escolhida para este encontro, aliás muito que em Espanha parecia ser irreversível o
dinâmica da Fundação Côa Parque, que quer únicos órgãos de informação existentes contestado no país vizinho, tanto pelas caminho para a democracia e de que em
atrair visitantes com exposições de artistas na cidade), destacando-o na sua primeira direitas como pelas esquerdas». Portugal as tentações esquerdistas e radi-
nacionais de renome e outras atividades página (edição de 20 de fevereiro de 1976) De acordo com o comunicado conjun- cais estavam duradouramente afastadas».
complementares. Todos os caminhos ainda e descrevendo o ambiente que se vivia em to, divulgado após esta cimeira, «os dois A Guarda ficou, desta maneira, como
não vão dar ao Vale do Côa, mas já faltou 12 de fevereiro de 1976. ministros assinaram um acordo sobre a um marco de referência no processo de
mais. «(...) Manhã de sol claro e vento muito delimitação da plataforma continental, normalização das relações luso-espanho-
frio. O ministro espanhol foi aguardado em um acordo sobre a delimitação do mar las e marcou, indubitavelmente, o segundo
Vilar Formoso pelo ministro português. territorial e da zona contínua, e, ainda, um ano do pós-25 de Abril.
Eram 9,30 horas. Os dois diplomatas Protocolo adicionado ao acordo sobre o Espera-se, e deseja-se, que o próximo
viajaram até à Guarda num helicóptero aproveitamento do troço internacional do encontro luso-espanhol deixe também
português que sobrevoou a cidade para Rio Minho. marcas positivas e novos caminhos de
logo em seguida aterrar na parada do R.I. No decurso das conversações carac- cooperação que se traduzam na valoriza-
12. Os jornalistas não foram autorizados terizadas pelo espírito de amizade e boa ção e desenvolvimento destes territórios
a entrar no quartel, aguardando à porta de vizinhança que os dois governos desejam do interior.
armas onde estava montado um disposi- dar às suas relações, foi passado em

Turistrela
A concessionária da exploração
turística na Serra da Estrela está nova-
mente a braços com o incumprimento das
condicionantes ambientais existentes no opinião
maciço central. Desta vez, a Turistrela não Sofia Colares Alves *
terá respeitado as regras com a colocação
de um tapete rolante na estância de esqui.
O equipamento funciona desde 2015, mas A Comissão Europeia quer água potável de
qualidade, segura e para todos
terá sido instalado ilegalmente, pelo que
terá que ser retirado. E a sua legalização
só foi encetada depois dos trabalhos terem
sido embargados. Na União Europeia, a maior parte dos nação da água para Estados-Membros e quecer que esta proposta decorre
cidadãos tem acesso a água, o recurso cidadãos. Proceder à avaliação da água duma iniciativa dos cidadãos, chamada
essencial à vida humana e que escas- em toda a União, o que permite às auto- “Right2Water”, que, com 1,6 milhões
seia em várias regiões do mundo. Este ridades identificar possíveis riscos para de assinaturas, pediu a intervenção
é o resultado da estratégia que, desde as diversas fontes hídricas. da Comissão Europeia neste domínio.
cedo, a Comissão Europeia estabeleceu 3) Melhorar o acesso à água potável. Assim sendo, o resultado é não só uma
e que permitiu assegurar a qualidade Promover uma rede eficaz de forne- manifestação do compromisso europeu
da água, protegendo a saúde de todos. cimento de água é fundamental para com todas as pessoas que servimos mas
Eduardo Brito Ainda assim, 11% da população euro-
peia lida com dificuldades em aceder
garantir um acesso igualitário e, além
disso, ainda contribui para a redução do
também um exemplo de cooperação en-
tre instituições europeias e os cidadãos.
Se não veio nada a calhar a condena- a água, o que reduz o seu bem-estar e consumo de água engarrafada, reduzindo Tal como celebrado pelo Pilar Eu-
ção por prevaricação três meses depois de cria uma desigualdade flagrante. Agora, também os custos para o cidadão e o ropeu de Direitos Sociais, aprovado por
ser eleito vereador na Câmara da Guarda, a Comissão Europeia decidiu voltar a desperdício de plástico. unanimidade pelos Chefes de Estado ou
pior ficou o antigo presidente da Câmara agir para garantir o acesso de todos a 4) Aumentar a transparência nos de Governo em finais de 2017, na Cimei-
de Seia com a decisão de confirmação água potável de qualidade. Esta proposta serviços. Graças a novas regras, os ra de Gotemburgo, o acesso à água é um
da sentença pelo Tribunal da Relação de política divide-se em quatro pilares par- consumidores podem obter mais in- dos direitos fundamentais. A Comissão
Coimbra. Eduardo Brito pode assim ver ticularmente importantes: formações online, o que lhes permite Europeia não descura a sua responsa-
reduzidas ainda mais as suas possibili- 1) Melhorar os padrões para a se- tomar uma decisão informada e aceder bilidade de proteger os seus cidadãos e
dades de ser candidato à Assembleia da gurança da água. Neste caso, a lista de a serviços de boa qualidade a um preço assegurar-lhes o melhor possível para a
República pelo PS. critérios será atualizada e alargada com justo. Além disso, as faturas devem dis- sua saúde e bem-estar - é para isso que
base em recomendações da Organização criminar as informações como o preço trabalhamos todos os dias.
Mundial da Saúde e em função das novas por litro, o consumo efetuado e as suas
descobertas científicas. tendências anuais. * Chefe de Representação da
2) Diminuir os riscos de contami- Em simultâneo, importa não es- Comissão Europeia em Portugal
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • •3

editorial Luís Baptista-Martins


baptista-martins@ointerior.pt

Socorro…!
1
A queda do helicóptero do INEM mostrou, mais uma vez,
a incompetência dos serviços de segurança e proteção
civil em Portugal.
As condições climatéricas adversas não recomendavam
que o helicóptero estivesse a voar. Mas estava. Como em outras
tragédias a que assistimos nos últimos anos, houve irresponsabi-
lidades em catadupa. Desde que o acidente ocorreu, houve falhas
inaceitáveis - constam do relatório preliminar quatro falhas: duas
da Navegação Aérea de Portugal (NAV) e duas do 112. Ou seja,
de forma inacreditável, as instituições que deveriam responder
com urgência e prontidão falharam completamente. Por isso,
naturalmente, o Presidente da República, sem pruridos, concluiu
que o Estado falhou.
No incêndio de Pedrógão Grande (17 de junho de 2017)
morreram 66 pessoas, das quais 47 numa estrada nacional; a
15 de outubro de 2017 ardeu o Centro de Portugal (de Seia ao
Pinhal de Leiria) com as pessoas a serem abandonadas à sua
sorte e os bombeiros «a fazerem o que podiam», com mais 50
mortos; em Borba uma estrada esteve aberta entre pedreiras
que há muito tempo podia ter ruído, sem que as instituições, a
segurança e as regras fossem impostas – uma tragédia há muito
anunciada; em Tancos desapareceram armas, que depois apare-
ceram, sem que as instituições funcionassem… e um largo etc de
momentos inenarráveis de falta de sentido de responsabilidade,
de incompetência e de ineptidão de quem tem de assegurar a
segurança dos cidadãos, o Estado. Em Baltar morreram quatro
pessoas na queda de um helicóptero do INEM no exercício do
serviço público.
Naturalmente que erros, acidentes, fogos e outras tragédias
podem ocorrer independentemente da organização ou do pro-
fissionalismo e seriedade com que as instituições assumem as
A lógica do sistema
opinião
António Ferreira suas responsabilidades, mas o que temos vivido, aquilo a que
antonio.ferreira.adv@netvisao.pt vamos assistindo, é do mais confrangedor e aflitivo, são vários
O sistema parece fazer sentido. Há empresas que despedidos dois diretores executivos — para uma serviços a funcionarem de forma inepta e incapaz.
prestam serviços ou vendem mercadorias e que, do poupança anual de quase um milhão de euros. Isto

2
preço que recebem por esses bens ou serviços, pagam é, com apenas três altos dirigentes conseguiu-se uma O campeonato das cidades e das regiões consiste hoje na
salários, impostos e outros serviços. Do lucro que sobra, poupança de pouco menos de metade da alcançada disputa e atração de investimento – público ou privado.
ou há reinvestimento ou pagamento de dividendos aos com o despedimento de cinquenta trabalhadores. Como o investimento público é mínimo e decorre quase
sócios. Sem empresas o sistema, a que chamarão o que Estes números trazem à cabeça muitas ideias, nem sempre de circunstâncias concretas que têm a ver, quase sempre,
quiserem, simplesmente não funcionava. A sociedade todas simpáticas, e ainda mais perguntas. Uma vez com a capacidade já instalada (reorganização de serviços, contra-
agradece, que são as empresas quem assegura postos que quem dirige a empresa não são os trabalhadores, tação de médicos, equipamentos de saúde, etc), é na atração de
de trabalho e boa parte da receita do Estado, direta ou o mau trabalho de gestão, e a prova são os sucessivos empresas que as cidades e regiões jogam quase tudo. O futuro
indiretamente. despedimentos coletivos, não é culpa deles; atendendo começa hoje e começa aqui: na capacidade de atrair empresas
Até aqui era tudo evidente e todos conhecem as aos resultados que apresentam, não seria melhor ideia que assegurem emprego e economia.
regras do jogo. Do que não se fala com muita frequência despedir mais administradores, ou pelo menos reduzir- A Guarda, depois de anos de um ocaso incompreensível
é quanto do lucro das empresas vai para os administra- lhes a retribuição? e sombrio para o futuro do concelho e do distrito (porque a
dores e quanto estes ganham, mesmo quando as coisas Esta solução parece razoável, assim como parece cidade é que devia ter sido o motor e a âncora de desenvol-
correm mal. Ou muito mal. razoável dizer-se que os administradores das grandes vimento regional, que não foi), tem-se posicionado de forma
Vou dar um exemplo: uma multinacional que opera empresas vendem demasiado caro o seu peixe, mesmo ambiciosa e agressiva na procura de investimentos. Não tem
no nosso país tem-se dado mal com a concorrência, tão quando este não é bom ou cheira mal. Uma das formas sido fácil e, na verdade, as empresas que têm contribuído para
mal, que tem em curso outro despedimento coletivo, de corrigir esta distorção é através dos impostos, claro, a dinamização económica e criação de emprego já estavam
desta vez a abranger meia centena de trabalhadores. mas há sempre o risco do seu aumento provocar a fuga instaladas na Guarda. Mas não duvidamos que é um trabalho
No despedimento coletivo anterior despediu ainda mais, de capitais e empresas para lugares mais aprazíveis, com hercúleo – atrair novos investidores e empresas que tragam
mas mesmo assim não obteve o resultado desejado. prejuízo para todos. valor acrescentado. Nesse caminho, e a concorrer de forma
Agora, despedindo esta meia centena de trabalhadores Outra razão para não haver tetos salariais para admi- decisiva na forma como neste momento disputam intenções
espera uma poupança em salários de quase dois milhões nistradores ou mais impostos é o próprio interesse dos de investimento, destacam-se no interior a Guarda e o Fundão.
de euros por ano, o que parece muito significativo se políticos que poderiam tomar essa decisão. Todos eles Fazendo parte da mesma CIM e estando geograficamente
tivermos em conta que gasta em salários quase nove ambicionam sair do serviço público para um conselho numa linha que tem muito a ganhar com movimentações
milhões por ano. de administração milionariamente remunerado, onde conjuntas, não tenhamos dúvidas de que um bom investi-
Isto é trágico para os trabalhadores despedidos, mas possam receber num ano mais do que nos vinte anos mento para o Fundão, será bom para toda a região (veja-se a
estes podem sentir alguma justa revolta se pensarem anteriores de subida a pulso na hierarquia do partido, contratação de dezenas de pessoas na Guarda pela Altran do
num dos pormenores do anterior procedimento: um dos onde, em vez de uma caixa de robalos, tenham como Fundão). É neste contexto que temos de aplaudir a autarquia
administradores passou a ser não remunerado e foram expectativa o cardume inteiro. do Fundão pela forma como está a conseguir atrair novas
empresa para a Cova da Beira. A Guarda poderá perder mais
PUB
um investimento relevante (nomeadamente por falta de espaço
industrial com acessibilidade direta ao caminho-de-ferro).
Mas que fique na região. Antes isso do que mais uma vez
vermos os investidores fugirem para o litoral, como sempre.
Votos de Feliz Natal!
4• • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

Assembleia Municipal
protesta contra
«suborçamentação» da ULS
da Guarda
Luis Martins
AR
Visão oposta partilhou o
social-democrata Hugo Fer-
nandes, que lamentou que a
O tema da saúde oposição não tenha apresen-
voltou a dominar a tado propostas alternativas.
Assembleia Municipal O deputado da maioria subli-
da Guarda. Na última nhou sobretudo o facto de se
sessão do ano, os manter «o rigor» nos prazos
deputados aprovaram médios de pagamento e nos
por unanimidade um fundos disponíveis, que são
voto de protesto pela agora de 8 milhões de euros
«suborçamentação» positivos – «em 2013 eram 6
da ULS e voltaram milhões negativos», recordou.
a reivindicar a «Desde que o PSD chegou à
construção da segunda Câmara não houve um único
fase do Hospital empréstimo contraído», acres-
Sousa Martins. Menos centou, elogiando a «grande
convergente foi o mestria, visão e estratégia» do
debate em torno do executivo liderado por Álvaro
orçamento camarário, Amaro. «A Guarda já não é
com a oposição a como era, é uma cidade com
criticar a manutenção argumentos», concluiu.
do IMI e das taxas Por sua vez, Álvaro Amaro
Orçamento municipal de 51,4 milhões de euros para 2019 foi aprovado por maioria, com os votos contra da oposição
municipais e a voltou a dizer que o orçamento
ausência de medidas tarão «sempre ao lado da Guar- Valbom, deliberou apresentar lor de 51,4 milhões de euros. é «ambicioso, mas realista»
para desenvolver o da quando os seus interesses ao Governo e ao Ministério da Houve 53 votos a favor (PSD e e dá continuidade «às op-
concelho. estiverem em causa», não sem Saúde este voto de protesto presidentes de Junta) e treze ções que foram assumidas
antes responsabilizar o Governo «pela insensibilidade demons- votos contra (PS, CDS-PP e BE), no início do mandato e que
É caso raro, muito raro, mas anterior pelo desinvestimento trada perante as dificuldades enquanto o único deputado da consideramos estruturais para
aconteceu na última Assembleia na unidade hospitalar da cidade. vividas nesta unidade e pela CDU absteve-se. o desenvolvimento do conce-
Municipal (AM) da Guarda. Na O presidente Álvaro Amaro discriminação das pessoas que Justamente, Aires Dinis lho». O edil declarou também
terça-feira, todos os deputados insurgiu-se contra a compara- vivem» no concelho e no distrito justificou o voto dizendo que que é impossível baixar o IMI
subscreveram um voto de pro- ção e acusou o PS de «hipocrisia «no que respeita ao acesso aos «não há medidas de defesa e as taxas municipais neste
testo pela «suborçamentação política», considerando que o cuidados de saúde». No período da agricultura, da pecuária, momento. «Seria demagógico,
crónica» da Unidade Local de atual Governo «tem sido uma de antes da ordem do dia, foi do comércio e da indústria». irrealista, fazê-lo», afirmou,
Saúde (ULS) apresentado pelo desgraça e uma vergonha». Para também aprovada, por maioria, Já Henrique Monteiro (CDS) invocando o caso da dívida à
CDS-PP. O tema da saúde voltou o autarca social-democrata, «o uma moção da CDU, apresenta- criticou a maioria por manter Águas de Portugal e a concre-
a marcar o debate numa sessão que está na mente do Governo da por Aires Dinis, que exige a a «enorme carga fiscal» sobre tização, em 2019, da despo-
em que foi aprovado, por maio- PS é acabar com a ULS e integrá- «implantação da segunda fase os munícipes. «Não é com luição dos rios Noeme e Diz,
ria, o Orçamento da Câmara la numa nova ULS com a Covilhã. de construção do Hospital Sousa sinais destes que aliciamos os a construção dos passadiços
para 2019. É contra esta submissão absurda Martins, para dignificar as insta- quadros técnicos superiores e do Mondego e do pavilhão
O centrista Henrique Mon- que devemos estar mobilizados lações com vista à oferta pública outros potenciais residentes», multiusos. «Precisamos de ter
teiro recordou que o Orçamento porque a questão da saúde é es- na maior área de intervenção, a disse o deputado, que sugeriu opções financeiras», justificou
de Estado (OE) de 2018 previa tratégica», alertou o edil. Álvaro Medicina Interna, interligando uma redução gradual do IMI de o presidente, que disse esperar
mais de 94,6 milhões de euros Amaro prosseguiu dizendo que todas as áreas diferenciadas, 0,5 por cento ao ano até 2021. que a Câmara «esteja em con-
para a ULS guardense e que a «é preciso atacar aquilo que permitindo também a implan- O socialista Agostinho Gonçal- dições em 2020» para reduzir
execução orçamental ao ter- está a acontecer», pois «não se tação de uma unidade pública ves considerou que a perda IMI e as taxas municipais.
ceiro trimestre indicava que a dá dinheiro para não financiar de convalescença integrada na de população e de empresas Nesta sessão, a AM aprovou
unidade hospitalar «já tinha as funções que estão previstas Rede Nacional e Cuidados Con- é «o principal problema» da um voto de louvor, apresen-
sido contemplada com mais na Guarda». O autarca voltou tinuados Integrados». Guarda e que este orçamento tado pelo PSD, pela realização
110,3 milhões de euros, cerca a defender a criação do Cen- O documento defende tam- «não tem grandes medidas» da cimeira luso-espanhola na
de 16 milhões acima do valor tro Hospitalar Universitário bém «a articulação entre todas para o combater. «A política Guarda, em junho do próximo
inicialmente inscrito» no OE do na Covilhã, mas com um polo as instituições públicas de en- das festas e rotundas já foi ano, um voto de protesto do
ano em curso. «No OE de 2019 na Guarda, tendo apelado ao sino e de saúde» da região, não testada em Gouveia, com os CDS-PP pelo encerramento
o Ministério da Saúde prevê a surgimento de um movimento sendo necessária a criação de resultados que se conhecem», do parque de campismo. Os
atribuição de uma verba de mais «em defesa da reclassificação» «qualquer Centro Hospitalar da disse o deputado, pedindo ao centristas apresentaram ainda
de 95,3 milhões de euros, conhe- da ULS. «Sejamos capazes de Beira Interior». presidente da Câmara que se três recomendações relativas
cendo já o desvio orçamental de vestir os coletes, amarelos ou deixe «de marketing e “show- aos transportes públicos «de-
2018 e as dificuldades que se brancos, porque esta é a causa Orçamento aprovado off ”». «Este orçamento não vai sajustados», à «inutilidade» do
somaram às já acumuladas de da Guarda, que, acreditem, será por maioria ao encontro das necessidades parque municipal requalifica-
anos anteriores», referiu eleito engolida quando a Covilhã tiver das empresas, das pessoas, da do e à construção do pavilhão
do CDS-PP. Agostinho Gonçal- ULS», sublinhou o presidente A AM de terça-feira apro- promoção da natalidade e do multiusos na zona do mercado
ves (PS) usou da palavra para da Câmara. vou, por maioria, o orçamento apoio às freguesias», sintetizou municipal e central de camio-
garantir que os socialistas es- A AM, presidida por Cidália da Câmara para 2019, no va- Agostinho Gonçalves. nagem.
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • •5

UBI Investimento

Afonso Gomes renova liderança da AAUBI


Candidato único à As- exerceram o poder de voto. Guarda e Fundão rivais
na corrida à captação
sociação Académica da Uni- Na votação para a direção
versidade da Beira Interior, houve ainda 52 votos brancos e
Afonso Gomes, que encabeçou 58 nulos. Quanto à mesa da As-
a Lista C, foi eleito presidente sembleia Geral de Estudantes,

de nova fábrica
da instituição com 815 votos, foi eleito presidente Ricardo
avançando assim para o se- Mesquita (Lista C) com 836
gundo mandato. Os estudantes votos a favor, 40 brancos e
DR
ubianos foram às urnas na pas- 49 nulos. Já para o Conselho Há um novo investimento
sada terça-feira para escolher Fiscal a Lista C, liderada por que poderá estar a chegar à
a nova direção da associação Pedro Meireles, foi eleito com região. O INTERIOR sabe que
académica, mas num universo 812 votos a favor, 46 brancos há vários municípios na corrida
de 7483 alunos, apenas 925 e 67 nulos. e entre os interessados estão a
Guarda e o Fundão.
UBI Trata-se uma fábrica produ-
tora de reatores que pretende
Criado centro de competência em “cloud escoar os seus produtos através
computing” do porto de Leixões e que, por
A constituição do Centro sublinha a UBI. O centro vai isso, tem interesse em instalar-se
de Competências em “Cloud trabalhar em quatro linhas de junto à linha de caminhos-de-
Computing” na Universidade investigação: “Sistemas Cloud”, ferro. É aqui que o Fundão ganha
da Beira Interior (UBI) implica “Aplicações Cloud”, “Prospeção vantagem. O INTERIOR sabe que
um investimento superior a 1,7 de Dados na Cloud” e “Cloudifi- os investidores procuram um
milhões de euros. cação da Administração Pública”. terreno com cerca de 10 hectares
Em nota de imprensa, a «O “C4” pretende explorar o po- e ligação direta aos caminhos-de-
UBI adianta que o projeto tem a tencial disponível para resolver ferro, algo que não encontraram que o Fundão reúne as condições aí que nos tentamos colocar no
designação de “C4” e integrará problemas de várias áreas da na cidade mais alta. Questionado apresentadas pelos investidores radar para mostrar o que temos
uma equipa de 20 doutorados sociedade, como a bioinformática, sobre o assunto, Paulo Fernandes, estrangeiros para localizar esta para oferecer e apresentar a
que já estão a ser recrutados e robótica industrial, segurança de autarca do Fundão, confirmou fábrica de reatores. máxima informação que nos
que vão trabalhar no sistema dados e defesa da biodiversidade, que atualmente «existem contac- Quanto à Guarda, o vice- pedem». A implantação desta uni-
de computação na nuvem nas usando a tecnologia da “cloud”, tos muito avançados» para que presidente da Câmara adiantou dade indústria, que poderá criar
vertentes de saúde e de admin- saúde e administração pública», este investimento apresentado também ter existido «um primei- mais de uma centena de postos
istração pública, entre outras. acrescenta a universidade. O pela Agência para o Investimento ro contacto há uns meses atrás, de trabalho, está a ser acompan-
«Esta estrutura é considerada projeto ficará instalado no UBI- e Comércio Externo de Portugal cerca de um ano, mas até agora hada e apoiada pelo Ministério
estratégica pela reitoria para Medical e vai envolver dezenas (AICEP) vá para a cidade. Mas, não nos foi dito mais nada». Car- da Economia e, pese embora a
alavancar a universidade e a de investigadores da UBI e dos por agora, ainda nada é certo, los Chaves Monteiro explicou que sua localização ainda não esteja
economia da região no domínio Politécnicos de Castelo Branco sublinha o presidente do mu- estes contactos surgem através de decidida, a balança parece pender
das tecnologias de informação, e Guarda, que também apoiam nicípio, segundo o qual «não está AICEP «no sentido de saber qual para o lado do Fundão com cujo
comunicação e eletrónica», a nova unidade de investigação. tudo fechado». Contudo, Paulo a disponibilidade e o que temos município têm sido mantidos
Fernandes está otimista, dado para oferecer aos promotores, é contactos permanentes.

Câmara da Guarda reforça incentivos


ao investimento
Luis Martins
LM
E cria gabinete para apoiar empresas instaladas e
potenciais investidores que queiram vir para o concelho
nas várias áreas de atuação. A
edilidade apresentou ainda a
nova plataforma online de apoio
O município da Guarda apre- ao investidor, que está associada
sentou na quinta-feira o “Guarda a estas iniciativas.
Investe”, o Regulamento Munici- Na ocasião foram também
pal de Concessão de Incentivos assinados onze contratos de
ao Investimento que é uma atua- incentivos ao investimento, ao
lização do existente, e o Gabinete abrigo do Regulamento de Proje-
de Desenvolvimento Estratégico e tos de Investimento de Interesse
Apoio ao Investimento e Empre- Municipal – PIIM. As empresas
endedorismo, que será coorde- beneficiárias são a Postura Obri-
nado por Maria Manuela Gaspar. gatória, Lda, Benpinaagro, Uni-
O regulamento destina-se a pessoal, Lda, JOM, Olano, Logística
apoiar a fixação de empresas e de Frio, Graniarte, Lda, Coficab
a criação de postos de trabalho Portugal, NR Biobike, Unipessoal,
através, nomeadamente, de Viaceroport Unipessoal, Just in
incentivos fiscais (IMI, IMT e Time, SA e São Miguel Fit N’Care,
taxas municipais) e financeiros Lda. Álvaro Amaro afirmou que
Maria Manuela Gaspar (à direita, na foto) vai coordenar Gabinete de Desenvolvimento Estratégico
não reembolsáveis. A autarquia os PIIM «significam uma perda
vai conceder, nomeadamente, o concurso de empreendedo- badora de empresas vai surgir na apresentação. Maria Celeste de receita para o município de
um apoio ao investimento até ao rismo “Guarda Forte”, com um no primeiro andar do edifício Marques e Cristóvão Antunes 90 mil euros», mas representam
limite de 5.000 euros e à criação prémio de 2.500 euros, para do mercado municipal. completam a estrutura criada no «cerca de 50 milhões de euros de
de emprego até ao limite de fomentar e apoiar o surgimento Quanto ao Gabinete de De- seio da autarquia, cuja missão, en- investimento e a criação de 200
7.500 euros. O regulamento, que de projetos inovadores que con- senvolvimento Estratégico e tre outros objetivos, é «acompa- postos de trabalho». O autarca
alarga os incentivos e simplifica templem a criação e instalação Apoio ao Investimento e Empre- nhar as empresas e empresários adiantou que sete destes projetos
os procedimentos, vai estar em de novas empresas no concelho endedorismo, terá «carta branca instalados ou que se pretendam ficarão na plataforma logística,
consulta pública por 45 dias. Na da Guarda. De resto, Álvaro para ir à procura de investidores», instalar no município», prestando onde, nos últimos quatro anos, o
sessão foi também apresentado Amaro revelou que uma incu- disse o presidente da Câmara informação e aconselhamento município vendeu 62 lotes.
6• • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

Côa Parque desafiada a


S
Sociedade
atrair novos públicos LM

Guarda
Passagem de ano
Académica esta noite
O Instituto Politécnico e
a Associação Académica da
Guarda promovem, esta quin-
ta-feira, mais uma Passagem
de Ano Académica.
Este ano o evento, com
entrada livre, decorre na Ala-
meda de Santo André e come-
ça pelas 18 horas com uma
arruada de tunas académicas.
À noite sobem ao palco os
grupos Republica e os DJ Rafa,
Dilcio e Garotas de Ipanema.
Organizada desde 2012, a «Os novos públicos são quem vão garantir mais 20 anos de continuidade do Museu e do Parque Arqueológico», disse Graça Fonseca
Passagem de Ano Académica
Luis Martins descobertas e a classificação pela primeira visita a Vila Nova de dinamismo que vai prosseguir
assinala o fim de ano junto
UNESCO, tudo ilustrado por foto- Foz Côa, Graça Fonseca garantiu no próximo ano com uma ex-
da comunidade estudantil da
grafias, entrevistas, reportagens que o apoio do Ministério da posição de Cruzeiro Seixas,
cidade mais alta, inspirando-se
numa tradição de Salamanca.
A ministra da Cultura televisivas e artigos de jornais. Cultura à Fundação Côa Parque uma parceria com a Fundação
esteve no Museu do Comissariada pelo arqueológo vai prosseguir em 2019. «Pensa- de Serralves e a criação da Rede
Côa para garantir António Martinho Baptista, a mos que existem muito boas Nacional de Arte Pré-Histórica,
Seia que o apoio da tutela exposição “20 anos - Vale do Côa condições para que este pat- que deverá ser formalizada em
Orçamento vai manter-se em Património Mundial” foi inau- rimónio de todos nós se possa janeiro. Por sua vez, Gustavo
Participativo 2019 e desafiar os gurada pela ministra da Cultura, projetar para o futuro», afirmou, Duarte, presidente do município
responsáveis da que recordou a mobilização dos desafiando a Côa Parque a atrair de Vila Nova de Foz Côa, recon-
Escolar com quatro Fundação que gere jovens em defesa da arte pale- novos públicos e cada vez mais heceu que os últimos dois anos
vencedores também o Parque olítica do Côa. «Não nos podemos jovens. «Temos que trabalhar foram «repletos de êxitos» e
As escolas de Tourais/Pa- Arqueológico a atrair esquecer que na origem da sal- com as escolas, as autarquias e disse esperar do Ministério da
ranhos, Guilherme Correia de mais jovens. vaguarda deste património está as associações locais para que Cultura «um carinho especial»
Carvalho, Santiago e Secundá- um movimento cívico», afirmou a uma criança de 7 anos chegue a pela Côa Parque e pela região.
ria de Seia são as vencedoras A «mais intensa, emotiva, Graça Fonseca. «Há 20 anos cerca uma exposição como esta e leve «A Fundação está com os hori-
do Orçamento Participativo acalorada e militante» polémica de 100 mil jovens chamaram a daqui algo que não vai esquecer zontes bem definidos neste
Escolar 2018/2019, anunciou de toda a história da arqueologia atenção dos poderes públicos e e que daqui a dez anos queira momento e esta atividade é sinal
o município de Seia. portuguesa é tema da exposição de especialistas nacionais e inter- voltar», exemplificou. Para a que Vila Nova de Foz Côa pode
Com 572 votos, o proje- com que o Museu do Côa assinala nacionais para o que aqui estava ministra, os novos públicos são aspirar a ser um centro cultural
to “Brincar ao Ar Livre c/+ os 20 anos da classificação do Vale e que era preciso salvaguardar», quem, «no futuro, vão garantir do interior», considerou o edil.
Conforto II”, que sugere a co- do Côa como Património Mundial. acrescentou a governante, que mais 20 anos de continuidade A abertura da exposição foi
locação de relva artificial na Inaugurada no sábado, a não esquece o slogan “As gravuras do Museu e do Parque Arque- antecedida do cine-concerto em
escola de Tourais-Paranhos, mostra, que fica patente até 19 não sabem nadar”. ológico do Vale do Côa». 3D “Lovecraftland”, com música
foi a proposta vencedora, se- de março, recorda as «pequenas «É um movimento que vale Bruno Navarro, presidente de Randolph Carter (alter ego de
guida da ideia de transformar e grandes histórias» da polémica a pena recordar porque hoje da Côa Parque, lembrou que em Paulo Furtado) e filmes, manipu-
espaços do logradouro da EB do Côa, particularmente nos anos vivemos na manifestação 4.0, 2018 se iniciou a «refundação da lação e filmagens ao vivo de Edgar
2,3 Dr. Guilherme Correia de 1994 e 95, os protagonistas, a fomos perdendo ao longo do Fundação» com inúmeras ativi- Pêra. A Côa Parque aproveitou
Carvalho em locais de convívio mobilização dos jovens e dos tempo esta dinâmica de mobili- dades e exposições para que «a ainda para mostrar o novo site
e de aprendizagem “Aprender especialistas internacionais, as zação», disse também. Nesta sua comunidade viesse até nós». Um da instituição.
na e com a Natureza” (539
votos). Em terceiro lugar ficou
Tradição
“Aprende e Brinca na Escola
de Santiago”, que consiste na
aquisição de equipamento Aldeia Viçosa cumpre “Magusto da Velha”
diverso para criação de um es- Um dia depois do Natal Al- tins. Posteriormente realizar-se-á “Velha” com o povo. um homem se baixa para apanhar
paço lúdico/pedagógico (462 deia Viçosa (Guarda) cumpre a o magusto, com castanhas e re- O “Magusto da Velha” é ob- uma castanha, fica sujeito a que lhe
votos). Já o “Projeto Guarda- tradição do “Magusto da Velha”, buçados atirados do cimo da torre rigação secular da aldeia que saltem para as costas. O “Magusto
Chuva”, de colocação de uma que consiste na distribuição de da igreja matriz, vinho da Quinta surgiu nos séculos XVI ou XVII e da Velha” é organizado pela Junta
cobertura exterior na entrada/ castanhas e vinho à população. do Ministro, um produtor do vale que se cumpre ininterruptamente de Freguesia de Aldeia Viçosa, com
saída no portão principal da Este ano, a Junta de Freguesia do Mondego, e tibórnias (torradas desde então em homenagem o apoio da Câmara da Guarda e
Secundária de Seia, ficou em decidiu também recordar o único em azeite). À semelhança do ano a uma benemérita que deu de das Associações da freguesia. A lo-
quarto com 457 votos. Segun- soldado nascido em Porco (a des- transato, o grupo Hereditas irá comer aos pobres num período calidade pretende candidatar esta
do a autarquia, o Orçamento ignação anterior de Aldeia Viçosa) dramatizar cenas como a atri- caracterizado por fomes, guerras tradição com cerca de 500 anos
Participativo Escolar destina e morto na Iª Guerra Mundial no buição da Carta de Foro à Villa de e doenças. Anualmente são com- a Património Imaterial, tendo já
cinco mil euros a cada um dos dia 16 de junho de 1917. Assim, Santa Maria de Porco, em 1238, prados 150 quilos de castanhas. sido feitas «algumas diligências»
projetos vencedores, num total a habitual missa será pela “Velha” no reinado de Dom Sancho II, e No adro da igreja cumpre-se outra nesse sentido, refere Luís Prata,
de 20 mil euros. benemérita e por António Mar- o testamento estabelecido pela tradição, a das cavaladas, quando presidente da Junta.
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • •7

IPG e Altran Guarda


Pousada da Juventude
será residência de
aliados no futuro estudantes do IPG

do ensino
A Pousada da Juventude que no total «os imóveis envol-
da Guarda, encerrada há vários vidos representam um total
anos, deverá ser transformada de 19 milhões de euros, a que
em residência de estudantes se juntam os 18 milhões para
do Politécnico, a partir de obras, num investimento total
Governo acredita que TeSP’s são o caminho para um ensino setembro de 2019. O Gover- de 37,7 milhões de euros». No
no já tem pronto o projeto entanto, o “i” acrescenta que a
superior diversificado e especializado de decreto-lei que define as Fundiestamo apresentará às
AEI regras do Plano Nacional de instituições de ensino superior
Alojamento para o Ensino Su- um plano de negócios com o
perior e implica a adaptação de custo total das intervenções e a
imóveis do Estado. previsão de rentabilidade, para
De acordo com o jornal o Estado, de 4 por cento ao ano.
“i da passada quinta-feira, já «Caso estas instituições
estão identificados 17 edifícios decidam avançar, celebram um
que vão ser incluídos na pri- contrato com a Fundiestamo
meira fase deste plano. O do- através do qual se comprome-
cumento deverá ser aprovado tem que, num prazo de 30 ou
em Conselho de Ministros esta 35 anos, devolvem à gestora
semana. O diário adiantou que do investimento imobiliário do
as obras necessárias serão cus- Estado as verbas investidas»,
teadas pela Fundiestamo, com refere o jornal. Essa devolu-
o envolvimento do Instituto de ção será feita com as receitas
Gestão de Fundos de Capitali- obtidas com o pagamento dos
zação da Segurança Social. O estudantes pelos quartos, cujo
presidente da Fundiestamo, valor terá como base «a polí-
Alberto Souto Miranda, já disse tica de alojamento acessível».

Distinção

Aluno de Linda-a-Velha
Ministro do Ensino Superior falou no Fundão sobre a reprogramação do Portugal 2020
Ana Eugénia Inácio da Ciência, Tecnologia e Ensino 2020, que decorreu no Centro de
vence Prémio Pinto Peixoto DR

Superior diz serem o «futuro» Negócios do Fundão, na passada


para «complementar as tradi- sexta-feira, o governante falou
O Instituo Politécnico da cionais com formações curtas, também dos 21 laboratório co-
Guarda (IPG) é um dos parcei- fazendo redes que envolvam laborativos espalhados pelo país
ros da multinacional Altran as autarquias, as empresas e os que o Governo está a promover
no leccionamento dos Cursos politécnicos». Manuel Heitor no âmbito da reprogramação
Técnicos Superiores Profissio- acredita ser este o caminho para deste programa. Até 2030, a
nais (TeSP’s). Uma parceria «um ensino superior diversifica- aposta passa pelos CoLAB, cujo
com alguns anos e em que as do e especializado». O caso do objetivo é «empregar e estimu-
duas instituições foram pionei- Fundão e da Altran são já um lar o emprego direto e indireto
ras na elaboração conjunta de exemplo de «redes regionais de no mercado de trabalho», afir-
um conteúdo programático de qualificação e especialização», mou Manuel Heitor.
formação que rapidamente se que, em colaboração com outras A criação destes laborató-
expandiu e hoje conta com mais entidades, como os Politécnicos rios tem garantida uma dotação
instituições, sendo grande parte da Guarda e Castelo Branco, têm de 50 milhões de euros, sendo A Associação Casa de Cul- distinguir alunos de excelência
dos conteúdos já lecionados no já a funcionar alguns cursos. que vão laborar em diferentes tura Professor Doutor José Pin- e divulgar a figura, a vida e a
Fundão. Na sessão de apresentação da áreas com o objetivo de con- to Peixoto, sediada na Miuzela obra do seu patrono, José Pinto
Formações que o ministro reprogramação do Portugal seguirem «criar mais emprego do Côa (Almeida), entregou no Peixoto, reputado cientista e
através da partilha de risco sábado o Prémio Nacional do professor universitário. A esta
Ensino Secundário Professor distinção puderam concorrer
Fundão amplia Centro de Negócios entre as empresas, atores locais
e centros de investigação». Se- Doutor José Pinto Peixoto a todos os estudantes que con-
gundo o ministro, em Portugal Gonçalo Oliveira. cluíram o ensino secundário
Instalada há cinco anos no Fundão, a Altran não para de cres- formam-se apenas 50 por cento O aluno que frequentou e no ano letivo de 2017-18, de
cer e expandir a sua equipa. Atualmente com 350 trabalhadores, dos jovens com 18 anos, o que se concluiu o ensino secundário acordo com o regulamento
nos próximos três anos a empresa pode contratar mais 200, «no tornará num «processo insusten- na Escola Secundária Profes- divulgado pela Direção-Geral
mínimo», afirmou a diretora-geral da Altran, que não afasta a tável no futuro da competitivida- sor José Augusto Lucas, em dos Estabelecimentos Escola-
hipótese dos números serem maiores do que os agora apontados. de do país na Europa», antevê o Linda-a-Velha (Oeiras), foi o res do Ministério da Educação.
Com instalações no Centro de Negócios, a multinacional en- governante. É aqui que aparece melhor aluno daquele ciclo O vencedor agradeceu a todos
frenta agora a necessidade de expandir instalações, uma questão aquela que considera ser «uma de ensino com a média final aqueles que contribuíram
que está a ser tratada com a autarquia de forma «a garantir que das questões críticas na definição de 20 valores, como nota de para o seu sucesso escolar,
conseguimos continuar com esta dinâmica da equipa central de um cenário 2030 para Portu- conclusão do secundário, e nomeadamente aos «bons
instalada nesta zona e continuar a crescer no Fundão», adiantou gal», explicando que a aposta no de 19,7 valores como nota de professores que tive – e não
Célia Reis. Atento à situação, o presidente da Câmara anunciou ensino tem de passar também ingresso no curso de Direito faltaram, nestes anos, aqueles
que já está a ser pensada a expansão do edifício. Segundo Paulo pelo alargamento da base social, da Faculdade de Direito da que lecionam com entusiasmo,
Fernandes, o projeto tem «um investimento global de cerca de só é possível com recurso a fun- Universidade de Lisboa. O que vivem as aulas e de quem
3,5 milhões de euros». Com uma área de intervenção de cinco dos, nomeadamente nacionais e jovem recebeu o galardão na me orgulho de ter permaneci-
mil metros quadrados, o novo edifício vai ficar localizado entre comunitários, para o apoio social Miuzela, bem como um cheque do amigo e eterno discípulo.
à antiga Praça do Fundão e o Centro de Negócios, criando uma às famílias, mas por agora só está de mil euros. Este prémio foi A pouca gente devemos tanto
ligação entre eles. assegurada até 2020. instituído com o objetivo de quanto a um bom professor».
8• • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

Três anos de prisão para Justiça

Relação confirma
condutor que atropelou condenação de Eduardo
mortalmente duas Brito por prevaricação
mulheres na Guarda
O Tribunal da Relação ex-diretor do Departamento
de Coimbra confirmou a con- de Planeamento, Urbanismo e
denação de Eduardo Brito, Ambiente da autarquia e uma
ex-presidente da Câmara de ex-secretária da então Junta
Tribunal considerou que o arguido, de 30 anos, teve uma conduta Seia e atual vereador da Câ- de Freguesia de Santa Marinha
mara da Guarda, a dois anos (atual Junta da União de Freg-
«irresponsável e imprudente», uma vez que seguia em excesso e dois meses de prisão, com uesias de Santa Marinha e São
de velocidade e sob o efeito de álcool pena suspensa, pelo crime de Martinho). Segundo a acusa-
DR prevaricação. ção, Eduardo Brito permitiu
Segundo o acórdão, cita- que a ex-secretária da Junta
do pelo semanário “Sol”, os construísse uma moradia, em
juízes validaram a sentença da Santa Marinha, no perímetro
primeira instância proferida do Parque Natural da Serra da
pelo Tribunal da Guarda em Estrela (PNSE), num terreno
janeiro deste ano. Eduardo considerado Reserva de Zona
Brito foi condenado por ter Agrícola, pelo que a obra carecia
permitido a construção de de parecer prévio e de autoriza-
uma casa em área do Parque ção de carácter vinculativo do
Natural da Serra da Estrela PNSE. Apesar das tentativas, O
quando era presidente da Câ- INTERIOR não conseguiu obter
mara de Seia. Além do antigo um comentário de Eduardo
edil, estavam acusados um Brito até ao fecho desta edição.

Bispo da Guarda denuncia


«condições indignas» de
Acidente ocorreu a 21 de janeiro de 2018, na Avenida Cidade de Bejar
estudantes dos PALOP
O condutor de um veículo zação global de 215 mil euros aos da Relação de Coimbra verifique Na mensagem de Natal deste ano D. Manuel
ligeiro que, em janeiro, atropelou familiares das vítimas mortais, a prova e se é melhor ou não a Felício pediu para que seja feito «o bem, sem
mortalmente duas mulheres na com 71 e 78 anos, que seguiam suspensão da pena», declarou. O
olhar a quem»
Avenida Cidade de Bejar, na Guar- no passeio quando foram atrope- acidente aconteceu a 21 de janei-
da, foi condenado a uma pena ladas. Para o Tribunal, o arguido ro, numa curva da Avenida Cidade O «combate à pobreza» foi será possível «cerrar fileiras»
efetiva de três anos de prisão. teve uma conduta «irresponsável de Bejar, no sentido ascendente. um dos temas centrais do Bispo contra este problema. Na sua
O coletivo do Tribunal da e imprudente», uma vez que se- Segundo a acusação, Aires Saraiva da Guarda na sua mensagem de opinião, o IPG «tem mecanis-
Guarda sentenciou o arguido, de guia em excesso de velocidade e circulava «pelo menos, a 90,04 Natal. Segundo D. Manuel Felí- mos próprios que não podem
30 anos, a quatro anos de prisão sob o efeito de álcool. Para a juíza quilómetros por hora» numa zona cio, esta é uma questão para a responder às necessidades
por dois crimes de homicídio presidente, a pena aplicada servi- urbana, onde o limite é de 50 km/ qual «ainda há muito que fazer». todas e os factos provam-no»,
por negligência grosseira, mas rá para que, no futuro, o arguido hora, e com uma taxa crime de 0,96 Os pedidos de ajuda à denunciando «situações bas-
determinou a pena três anos por possa «assumir uma postura de gramas de álcool por litro de san- Caritas «não têm diminuído» tante graves de falta de aco-
cúmulo jurídico. O motorista de maior segurança» ao volante. gue, não tendo conseguido efetuar a e há ainda muitas famílias que lhimento, habitação indigna
pesados ficou ainda proibido No final da leitura do acór- curva «na totalidade», atropelando dependem do Banco Alimentar – não digo que estão debaixo
de conduzir por um prazo de dão, José Igreja, advogado de mortalmente as duas mulheres. e «vivem dos mantimentos que da ponte, mas quase». Na sua
dois anos, após o cumprimento defesa, disse aos jornalistas que a Na última sessão do julga- ali vão buscar», disse o prela- mensagem de Natal D. Ma-
da pena, e foi absolvido de um pena devia de ser suspensa. «Vou mento, o arguido lamentou «pro- do. Uma situação que toca a nuel referiu ainda a situação
crime de condução perigosa de estudar o acórdão e verificar se fundamente» a tragédia e decla- algumas famílias guardenses, de «abandono em que muita
veículo rodoviário agravado pelo haverá alguma razão para recor- rou que lhe «custa viver todos mas não só. Pedindo para que gente se encontra» na região,
resultado. Já a sua companhia de rer. Eu penso que sim, pelo que os dias» com o sentimento de ter seja feito «o bem, sem olhar nalguns casos justificada pela
seguros vai pagar uma indemni- tentarei sempre que o Tribunal sido o seu causador. a quem», o bispo da Guarda emigração, uma realidade que
recordou a situação dos estu- diz ser «crescente». Também
UBI dantes dos Países de Língua a «falta de inserção na vida
Oficial Portuguesa (PALOP) social» que algumas pessoas
Ministro do Ensino Superior diz que Faculdade de Ciências que têm chegado à cidade mais enfrentam foi abordada, tendo
alta para estudar no Instituto o bispo da Guarda reforçado
da Saúde é exemplo «inspirador» Politécnico local (IPG). Jovens que «é essencial a relação
Já lá vão 20 anos desde que UBI, o governante não entrou em país, cujo financiamento será aos quais tem de ser dado interpessoal e comunitária,
foi criada na Universidade da pormenores e disse apenas que atribuído «no próximo ano», «um caminho de dignidade», sobretudo em família».
Beira Interior a Faculdade de «estamos a evoluir no caminho tendo considerado o organismo apela D. Manuel, reforçando Nesse sentido, apelou às
Ciências da Saúde (FCS). A efemé- certo». Aproveitou, no entanto, criado na região um exemplo que também estes devem ter relações «olhos nos olhos,
ride foi assinalada na sexta-feira, para lembrar «o aumento siste- «positivo» por englobar várias «a atenção que merecem e tocar nas pessoas, estar próxi-
numa cerimónia onde participou mático do investimento» ao longo entidades de saúde e do ensino têm direito», pois «se não lhes mos». Também os 19 refugia-
o ministro da Ciência, Tecnologia desta legislatura, dando como da saúde dos distritos de Caste- damos a verdadeira a atenção dos acolhidos no Seminário do
e Ensino Superior, para quem «a exemplo a dotação de todo o lo Branco, Guarda e Viseu. Já o o melhor é não mandá-los vir». Fundão foram referidos por
experiência de ensino na área ensino superior que «aumentou reitor da UBI agradeceu a todos Sem entrar em detalhes, D. Manuel Felício como um
da saúde e da medicina na UBI é 10 por cento e o número de alu- os que contribuíram para o o bispo falou em «condições exemplo de «dar cumprimen-
inspirador». nos em 4 por cento», enquanto crescimento da mais nova facul- infra-humanas» e pediu uma to a este imperativo que vem
Para Manuel Heitor, a FCS o número de bolseiros «passou dade da instituição que disse ser «colaboração transversal de da nossa consciência, porque
tem «uma história de sucesso que de cerca de 64 mil para 80 mil». «uma das joias da UBI». Segundo públicos e privados» guarden- sociedades xenófobas não vão
nos deve orgulhar». Questionado O governante aludiu ainda aos António Fidalgo, «quando a FCS ses, considerando que só assim a lado nenhum».
sobre o subfinanciamento da centros académicos clínicos do vai bem, a UBI também vai bem».
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • •9

PUB

Guarda

Deseja a todos os seus Cliente, Amigos


e Familiares

PUB

• Materiais
de Construção
• Bricolage
• decoração
Santiagos • jardim

Feliz Natal
PUB

e
Próspero Ano Novo
PUB

Santiago & Ca, Lda Avenida da República, nº 14


Apartado 8 • 6420-108 Trancoso

«Muito mais do que ferro e cimento...» www.gsantiago.com


geral@gsantiago.com

T: 271 811 293 • F: 271 812 118

Grupo Santiago
desde 1925
Ferro • Materiais de Construção • Produtos Alimentares
10 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

PUB
Trancoso

“Magia de Natal” anima centro histórico DR


A “Magia de Natal” toma
conta da Praça Dom Dinis, em
Trancoso, que por estes dias tem
instalada uma tenda gigante que
recebe «atividades para todos»,
garante o presidente da Câmara
Municipal.
Entre concertos de Natal,
insufláveis, casa do Pai Natal,
cinema e outras atividades, mo-
Boas tivos não faltam para passar
Festas pelo centro histórico da “cidade autarquia que o edil considera ção ao centro do concelho. Para
de Bandarra” durante a quadra ser «muito digna e atrativa», este sábado está previsto um dos
natalícia. O objetivo é promover pois procura «chegar a todas as momentos mais aguardados pela
«a relação das pessoas com a idades» com um programa di- pequenada, com a chegada do Pai
cidade e respetivo espaço públi- versificado para visitantes «dos Natal (15h30). A última noite do
co, fomentando o sentimento de 8 aos 80 anos». Perante dias «tão ano também promete ser bastan-
partilha, bem como o apoio ao frios», Amílcar Salvador considera te animada, com uma festa de rua
comércio tradicional», adiantou que «só com uma programação ao som dos “100 Ensaios”, Medley
Amílcar Salvador. Uma aposta da assim» é possível atrair popula- 2 e DJ Rafa e fogo-de-artifício.

Almeida Trancoso
Presépios de Portugal e do mundo para ver no Turismo Contestado corte de
O posto de turismo muni-
cipal de Almeida acolhe até 6
quatro cantos do mundo, da
coleção particular de Ricardo
árvores na EN 226
A Infraestruturas de Por-
de janeiro uma exposição sobre Dourado, adianta o município,
tugal (IP) justifica que o corte
“Presépios de Portugal e do que refere que a mostra pode
de árvores de grande porte que
Mundo”. Estão patentes cerca ser visitada durante o horário de
bordejavam a Estrada Nacional
de 20 presépios oriundos dos funcionamento daquele serviço.
(EN) 226, entre os quilómetros 71
PUB e 83 – entre Rio de Mel e Trancoso
–, naquele concelho, é uma «inter-
venção de conservação corrente».
O caso tinha sido denunciado
na semana passada por Telma Re-
belo a O INTERIOR, que solicitou
à IP o parecer técnico que funda-
mentava o abate dessas «árvores
centenárias e saudáveis». Na sua
Feliz Próspero opinião, eram exemplares que
Natal Ano Novo contam «a história de uma popu-
lação e constituem um património
paisagístico que deve ser salva-
guardado. Estou diante de um at-
entado ao património e memória
de muitos que nasceram, vivem
PUB e simplesmente passam por
este território». Na resposta, a
empresa disse tratar-se de «uma
intervenção de conservação cor-
rente que decorre no âmbito
dos trabalhos de tratamento e
limpeza das faixas de gestão de
combustível e em conformidade
com a legislação em vigor». A IP
acrescentou que as árvores em
causa foram «identificadas pelos
técnicos como representando
elevado risco para a via pública».
PUB
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • • 11

PUB PUB

Boas
Festas

PUB

Boas
Festas

Snack Bar & Petiscos


Tel: 271 237 876 • Tlm: 926 936 970
Rua da Corredoura, 13 nº 90
(Guarda-Gare)
PUB
divulgação do interior. a organização.
«No próximo ano vou fazer coisas Municipal no centro comercial é posit
novas, já tenho projetos», afirma Vivaci Guarda, tal como acontece agora»
Segundo os promotores, os
Virgínia Almeida, a quem pedem com “Sweet Mary”. É esta a marca carater
coisas para senhores, «ainda não ecenários
o nome daquepágina
decoram a aldeia
de Patrícia são os
12 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 sei o quê mas eu chego lá». Já os «são inspirados
Ribeiro no imaginário
no Facebook, onde dea Mary”
Natal na montanha, na natureza,
PUB PUB
PUB Beiras e Serra
biodiversidade e respeito pelo
da
meioEstrela
ambiente». Grinaldas de
folhas, corações concebidos com
Comunidade
musgo e lã da Serra da Estrela,
Boas Festas Intermunicipal com
estrelas feitas de desperdícios
Avenida São Miguel, nº 46 orçamento
das florestas e ade 6,1árvore
própria
de Natal revestida a pinheiro Fe
6300-864 Guarda milhões de euros
natural e pinhas, são alguns dos
e
www.farmaciaestacao.com Caixilharia • Marquises • Vidros
em
Vidros2019
trabalhos que os visitantes podem
A
Temperados • Divisórias • Ban
geral@farmaciaestacao.com encontrar. Durante
A Assembleia
Portões de da aComunidade
quadra, a
Fole Basculante
visita a Cabeça, com cerca de
BOAS T +351 271 224 373
Intermunicipal das
200 habitantes,
da Estrela (CIMBSE) é
Beiras
Redes
ainda
e Serra
Mosquiteiras
com-
aprovou por
e-mail: aluminios_ramos
FESTAS plementada na
unanimidade,
Zona Industrial
produtos
comquinta-feira,
regionais,
tasquinhaso or-de
• Estrada da Póvoa
artesanato,
çamento
6420-734 para 2019, no valor dedas
Vila Franca 6,1 Naves
animação
milhões de rua e experiências
de euros.
PUB
PUB PUB inspiradas
Segundona história,
Carlos Filipesaberes
Camelo,

PINAGUS
e sabores da Serra daautarquia
Estrela.

Promoçõe
FELIZ PRÓSPERO presidente da CIMBSE e da
O Seia,
evento
NATAL de este“Cabeça:
orçamento Aldeia Natal”
regista uma
ANO NOVO Boas Festas é promovido pela Comissão de
MAN diminuição de «cerca de 1,8 por
Baldios da localidade, em
cento» relativamente ao de 2018,
comfoia de
que ADIRAM
parceria
- Associação
6,2 milhões de
de euros. No
Desenvolvimento Integrado
próximo ano a CIMBSE dará conti- da
BOUTIQUE Rede dea Aldeias
Rua Mouzinho de Montanha,
da Silveira, o
Feliz Natal nuidade investimentos no11 • Guarda
âmbito •
Pronto a Vestir

e Próspero Ano Novo município de Seia e a União


do Pacto para o Desenvolvimento das
eFreguesias de Videque
Coesão Territorial, e Cabeça.
vigora até
Rua Alves Roçadas, nº 25, 2020, e a projetos que estão emPUB
fase
6300-663 GUARDA de Moreira & Ribeiro, Lda.
de implementação e candidatados.
Telm. 969 058 280 BOAS FESTAS
Rua Alves Roçadas, nº 27 • 6300-663 Guarda • T. 271 214 687 • F. 271 211 768
Largo João de Almeida, 26-C • 6300-695 Guarda • T. 271 211 069 Nesta sessão realizada na Guarda,
Tel. 271 221 717 Av. dos Bombeiros Voluntários Egitanienses • C. C. Vivaci Guarda • T. 271 237 431 a Assembleia Intermunicipal, presi-
geral@grupopinheiro.pt E. geral@modernajoalheiros.com • www. modernajoalheiros.com
dida por Nuno Soares (Manteigas),
também aprovou por unanimidade o

Casa da
PUB PUB PUB PUB
alargamento do mapa de pessoal da
Águas Comunidade Intermunicipal de sete
para 24 elementos, fruto da entrada
Cervejas de 14 sapadores florestais e de três

Esquila
técnicos superiores. Carlos Filipe
Refrigerantes Camelo aproveitou a reunião para
Avenida
adiantar que o processo decorrente
Restaurante Espirituosas da apresentação de uma providência 6
www.farma
cautelar contra o fecho dos CTT em
Vinhos geral@farmac
Belmonte, Manteigas, Fornos de Al-
BOAS FESTAS godres e Figueira de Castelo Rodrigo
Alimentar «está a decorrer os seus trâmites».T +351

Rua da Estrada, n. 74 • 6320-121 Casteleiro Papel


Ambiente
Escolas de Seia e
Fundão premiadas
PUB no projeto “GAME”
A Agência Regional de Energia e
Ambiente do Interior (ENERAREA),
em parceria com a SENERGIA, de-
senvolveu o projeto “GAME” no
âmbito da Eficiência Energética cujo
objetivo era realizar uma auditoria
energética às escolas envolvendo
alunos do 3º ciclo, ensino secundário
e profissional.
No território da ENERAREA
participaram 14 escolas, tendo o
Agrupamento de Escolas Guilherme
Correia de Carvalho (Seia) e o Agru-
pamento de Escolas do Fundão sido
os melhores classificados da região
ao integrarem o lote dos dez primei-
ros. Este desafio contou com a partic-
ipação de 53 escolas a nível nacional,
sendo que as dez mais pontuadas
ganharam prémios no valor de 1.000
euros de apoio à implementação de
uma ou mais medidas identificadas
nos Planos de Racionalização de
Consumo elaborados pelos alunos. A
ENERAREA iniciou há duas semanas
a distribuição dos prémios de partici-
pação, que consistem em diplomas,
“power banks”, entre outros, a pro-
fessores, alunos e escolas, às quais
serão ainda atribuídos sistemas de
monitorização e controlo de energia.
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • • 13

Opinião Música
Ovo de Colombo
X-Wife no palco da Moagem esta sexta-feira
Sabine Devieilhe DR
Os portuenses X-Wife fecham
amanhã (22h30) a edição deste
ano do ciclo “Sons à Sexta”, na
Moagem, no Fundão.
A banda formada por João
Vieira, Fernando Sousa e Rui
Maia deu que falar em 2018 com
um novo álbum, quase sete anos
depois do último trabalho de ori-
ginais. Editado em abril, o homó-
nimo “X-Wife” é o quinto disco do
grupo com dez temas carregados
de adrenalina, batidas e acordes
Joana C. Pereira Uma das suas gravações mais frenéticos. Considerado um dos
relevantes para mim, e uma das projetos mais importantes da mú-
Uma jovem, mas já conhecida que mais me marcaram, é a de uma sica independente em Portugal,
e aclamada cantora, com registo de das árias de concerto de Mozart os X-Wife completaram quinze
soprano lírico de coloratura, Sabine “Vorrei spiegarvi, o Dio”, a qual é anos de carreira e confirmam na edição discográfica com a último disco e os seus principais
Devieilhe começou por se formar uma demonstração de bom gosto que não têm medo de arriscar criação da sua própria editora, a “hits”. O ciclo “Sons à Sexta” é pro-
em musicologia e etnomusicologia musical aliado a um controlo vocal em termos musicais, mantendo- Blackout – em homenagem a um movido pelo município do Fundão,
em Paris. irrepreensível. Aliás, esta é uma
se fiéis às suas origens indie dos seus álbuns, “Are You Ready em parceria com a rádio Antena
É compreensível que a sua ária de tão difícil desempenho que,
rock e pós-punk, agora servidos For a Blackout”. 3, e apresenta as bandas em des-
fama seja já considerável, apesar quando bem cantada, é uma evi-
da sua idade e experiência serem dência da grande qualidade da sua
com umas pitadas frenéticas A festa está marcada para o taque no atual panorama musical
ainda poucas, porque a qualidade intérprete. É claro que a sua voz é de eletrónica. Ao quinto álbum auditório da Moagem, onde os português, com uma programação
do seu trabalho é verdadeiramente de um timbre nobre e bonito, mas a banda aventura-se também X-Wife vão desfiar os temas do diversificada de géneros e estilos.
excelente. Ao escutarmos as suas é especialmente a sua elegância
interpretações, a sua técnica está musical que me cativa. Estamos
tão sólida e bem assimilada que nos perante uma intérprete delicada, Publicação Cinema
esquecemos dela e nos imergimos
na beleza do seu exercício interpre-
atenta ao detalhe, decidida a cantar
toda a música com primor – o que,
Editado nº 2 do “1056,3 | In Prémio Sophia Estudante
tativo, que é de grande profundidade. efetivamente, consegue fazer. Folio do Museu da Guarda” distingue cartaz de aluna
O Museu da Guarda editou na sexta-feira o
nº2 do “1056,3 | In Folio do Museu da Guarda”, da UBI
Concerto a publicação bianual da instituição dirigida por A designer Maria Clara Norbachs, da Univer-
sidade da Beira Interior, obteve o terceiro lugar
“Oratória de Natal” ecoou pela Igreja João Mendes Rosa.
do Prémio Sophia Estudante de Melhor Cartaz.
O objetivo destes cadernos é dar a conhecer
da Misericórdia DR ao público em geral as atividades desenvolvidas A estudante do 1º Ciclo em Cinema concorreu
anualmente pelo Museu reunindo, entre outros, com “Flor de Lótus”, uma produção feita proposi-
conteúdos científicos, notícias e artigos de opinião tadamente para acompanhar a candidatura do fil-
de algumas personalidades da Guarda. Com cerca me homónimo a este prémio. A grande vencedora
de cem páginas, esta edição corresponde ao Outo- desta categoria, distinguida pela primeira vez, foi
no/ Inverno de 2018 e contém textos sobre temas Mónica Correia (Universidade Católica do Porto),
como “Rostos do Museu – Augusto Gil”, “Memórias com “Bruma”. Os Prémios Sophia Estudante são
remotas – Os lusitanos e a Beira”, “Percursos Vergi- entregues anualmente pela Academia Portuguesa
lianos – O neófito na Guarda de Vergílio Ferreira”, de Cinema, com o apoio do Instituto do Cinema e
“Caminhos de Santiago: Concelho da Guarda é já Audiovisual no âmbito da promoção do cinema
uma referência” e “Postal ilustrado – beber água estudantil, a jovens realizadores em início de
fresca”, entre outros. O objetivo do museu guar- carreira nas categorias de Ficção, Documentário,
dense é publicar duas edições por ano, corres- Animação e Experimental. Esta edição teve 82
pondentes à Primavera/ Verão e Outono/Inverno. concorrentes e 34 nomeados.
A Igreja da Misericórdia, na para solistas, coro e orquestra,
Guarda, foi palco no domingo do compositor francês Camille
de um grande concerto de Natal Saint-Saens (1835-1921). Os
que juntou o Orfeão do Centro solistas foram Cristina Meireles
Teatro
Cultural da Guarda, a Orquestra e Marta Santos (sopranos), Jo- Calafrio estreia “O Torcicologologista, Excelência”
Esproarte – Escola Profissional de ana Valente (mezzo soprano), O Teatro do Calafrio está em
DR

Arte de Mirandela e os Coros dos João Miguel Gonçalves (tenor) e cena no TMG até sábado, sempre
Institutos Politécnicos do Porto e Job Tomé (barítono). O espetá- às 21h30, com a peça “O Torcico-
de Bragança. culo foi organizado pelo Centro logologista, Excelência”.
O maestro Gustavo Delgado Cultural da cidade mais alta, no Esta criação foi produzida
dirigiu um recital inteiramente âmbito do evento “Guarda: A a partir da obra homónima de
dedicado à obra-prima de mú- Cidade Natal”, e contou com o Gonçalo M. Tavares e tem adap-
sica sacra “Oratória de Natal” apoio do município. tação dramatúrgica e encenação
de Américo Rodrigues. A interpre-
Exposição tação é de Ana Couto, Ana Dinis,
Luciano Amarelo e Solange Mon-
“Através da Luz” no Museu Abel Manta teiro. O autor coloca «algumas
O Museu Municipal de Arte do Instituto Nacional de Estatísti- “excelências” a debater, elucubrar,
Moderna Abel Manta, em Gouveia, ca e para os vãos da fachada sul do sofismar, sobre como se faz uma olhando para as mesmas ideias, na antiga escola primária do Rio
tem patente até 10 de março uma Mosteiro dos Jerónimos. As obras revolução, o tempo, o espaço, a para o mesmo lado de todas as Diz. Vão intervir a escritora Odete
exposição sobre os trabalhos em foram transferidas para o vidro linguagem, o corpo, entre dezenas questões», escreve a propósito do Ferreira, o músico César Prata, o
vitral feitos com cartões do pin- pelo pintor-artífice Mário Costa, de assuntos. E aí está o torcicolo- texto Reginaldo Pujol Filho. artista visual Tiago Rodrigues, a
tor natural da “cidade-jardim” e da oficina Ricardo Leone, também gologismo da coisa: os diálogos No domingo o Calafrio pro- musicóloga Cristina Fernandes,
patrono da instituição. de Lisboa. “Através da Luz” é or- fazem-nos olhar para outros lados move a última sessão do ciclo o ator Luciano Amarelo, o poeta
A mostra “Através da Luz” ganizada pelo Museu Abel Manta, dos assuntos propostos e até mes- “Contradizer”, que consistirá numa Américo Rodrigues, o professor e
resulta do desafio de recriar alguns Instituto Nacional de Estatística, mo para outros lados da ideia de iniciativa coletiva com a participa- escultor José Teixeira, a divulgadora
dos desenhos originais que Abel Mosteiro da Batalha, Mosteiro dos lógica. É como se os personagens ção de vários criadores e oradores. de cinema Ana Couto, o jornalista
Manta (1888-1982) idealizou para Jerónimos e pela Direção-Geral do quisessem dizer que sofremos A atividade tem início pelas 16 Pedro Dias de Almeida e o músico
o janelão que ilumina a escadaria Património Cultural. de torcicolo das ideias, sempre horas na sede da coletividade, Nuno Veiga. A entrada é livre.
14 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 Publicidade

Prof. Doutor
PUB
Médico
Diogo Cabrita
Cirurgião geral L. Taborda Barata
tratamento de varizes
e suas complicações, Imunoalergologista
pequenas cirurgias,
hérnias, hidrocelos,
vesícula Litiásica.
Asma e Doenças Alérgicas
Marcações : (Clínica
Cembi) Rua Comendador Campos Melo, nº 29 – 1º Esq, Covilhã;
Tel: 275334876
Telef.: 271213445
Cliniform, Rua Mouzinho da Silveira nº 15 R/C, Guarda;
Protocolo com a Médis Tel: 271211905

Contacte-nos!
Tel: 271212153
Tlm: 964246413

Dr. José João Dra Assunção Vaz Patto J. Alexandre Marques


Garcia Pires Neurologista ORTOPEDISTA
Especialista pelos Hospitais da Universidade de Coimbra Médico Especialista pelo H.U.Coimbra
Consultas de Neurologia

ORTOPEDIA Exames: Electromiografia


e Potenciais Evocados
271 211 368
968 731 860
Consultas: CLIFIG – Clínica Fisiátrica da Guarda
CLIFIG - Rua Pedro Álvares Cabral -
Rua Pedro Álvares Cabral, Edíficio Gulbenkian GUARDA - Rua Batalha Reis, 2B, 1º
Edifício Gulbenkian, s/n
Telef.: 271 231 397 6300-745 Guarda ( Edifício da Farmácia da Sé )

Prof. Celso Pereira ADVOGADOS


Imuno-Alergologia António Ferreira, Paula Camilo
(Doenças Alérgicas) & Associados
Sociedade de Advogados, RL
Ass Graduado HU Coimbra /
Fac Medicina UC Telefone: 271 213 346 • Fax: 271 082 765
e_mails:
Covilhã: Clínica Médica Serra da Estrela antonio.ferreira.adv@gmail.com • paula.m.camilo@gmail.com
Galerias de S. Silvestre - Piso 3 Telf: 960023455
Guarda: Clínica de Fisioterapia da Guarda
Rua Alves Roçadas, nº 27 A, 1º CM2
Av. Rainha D. Amélia, nº 6 - 271238581/96 (ao lado da loja MANGO)
Coimbra: 239802700; 968574777 e 918731560 6300-663 Guarda

António Gil Advogado


Tel. / Fax 271 238 344
R. Dr. Lopo de Carvalho, 30-2º • 6300-700 Guarda

antonio.gil-5388C@adv.oa.pt
Filipe Pinto

Vende-se
Fotojornalista

Quinta com Casa, cerca de 12 ha


à beira do rio Mondego, perto das rotundas
Escadas do Quebra Costas, Nº 2 • 6200-170 COVILHÃ
da A25 e IP2 • Lageosa do Mondego Telef. 275 336 805 • Telem. 919 487 978 • Telem. 964 196 950
Contactos: 966473371 • 271926638 E-mail: filipepintofoto@sapo.pt • fotoacademica@hotmail.com

Diretor e Editor: Luís Baptista-Martins • Rua da Corredoura, 80 - R/C Dto - C • 6300-825 Guarda •
Redação: Luis Martins (Chefe de Redacção) e Ana Eugénia Inácio. • Conselho Editorial: António Ferreira, Nuno Amaral Jerónimo, Cláudia Quelhas, João Canavilhas, José Carlos Alexandre, Diogo Cabrita e Maurício Vieira.
Colunistas e Colaboradores: Acácio Pereira, Albino Bárbara, Ângela Guerra, António Costa, António Ferreira, António Godinho, Cláudia Quelhas, David Santiago, Diogo Cabrita, Eduardo Lourenço, Fernando Pereira, Fidélia Pissarra, Frederico Lucas, Hélder Sequeira, Honorato Robalo, João Canavilhas, Joana C. Pereira,
Joana Dente, João Mendes Rosa, João Morgado, João Santiago Correia, Joaquim Igreja, Jorge Noutel, José Carlos Alexandre, José Carlos Breia Lopes, José Pires Manso, Júlio Sarmento, Melanie Alves, Miguel Castelo Branco, Miguel Moreira, Miguel Sousa Tavares, Norberto Gonçalves, Nuno Jerónimo, Telma Madaleno e
Víctor Afonso. Desporto: António Silva, Arlindo Marques, Cristina Sofia, Daniel Soares, José Luís Costa, Miguel Machado e Rui Geraldes. • Cartoon: Maurício Vieira. • Paginação: Jorge Coragem • Projeto Gráfico: Maurício Vieira. • Departamento Comercial: Natalina Martins • Impressão:
FIG-Indústrias Gráficas, S.A. • Rua Adriano Lucas – 3020-265 Coimbra • Telefone 239 499 922 • Fax 239 499 981 • e-mail: fig@fig.pt • Sede, Redação e Publicidade: Rua da Corredoura, 80 - R/C Dto - C • 6300-825 Guarda N.I.P.C. – P-504847422. • Nº de registo na ERC: 123436 • Depósito
Legal:146398/00 • Tiragem desta edição: 7.200 exemplares • Periodicidade: Semanário • Edição Internet: O Interior • Propriedade: JORINTERIOR - Jornal • O Interior, Ldª. Detentores de mais de 10% do capital da empresa: José Luís Carrilho Agostinho de Almeida e Luís Baptista-Martins.
Estatuto Editorial: https://www.ointerior.pt/ficha-tecnica/ • Guarda - Redacção/Publicidade: 271212153 • www.ointerior.pt • publicidade@ointerior.pt

Classificados
Imobiliário Vende-se/Arrenda-se/Diversos Emprego Diversos
Férias. Praia da Oura - Albu- Sta Cruz, Guarda: 5,69 ha - Cul- Senhora desempregada, soz- Explicações Bio/Geo, ensino Banda Mega Star - Grandes Se tem problemas com o divórcio,
feira. T2. A 200 metros da praia. tura - Água - Lameiro - Pastagem. inha, séria e competente, procura personalizado - 1 ou 2 alunos (max). Músicas - João Marques Almeida. nós apoiamos-te. Acolher. Con-
Telef.289367024 Vendo. Tlm. 964278087 trabalho, nem que seja umas horas Prof. com 20 anos de experiência. Tlm. 914889442/919546447 (24h) tacto: 919568551
de limpeza. Tlm. 968339121 Guarda-Gare. T. 914617113
Vende-se Casa c/ terreno, água Arrendamento parcial, Executam-se trabalhos de con- Cavalheiro reformado com
e árvores de fruto. Mizarela. Bons Apartamento Mobilado na Guar- Procuro trabalho como Oferece-se Senhora desem- strução civil, pinturas, aplicação boa situação e casa própria,
acessos. Tlm. 965199646 da-Gare. Tlm.: 968362728 limpezas, passar a ferro, con- pregada cuida de senhora idosa de pladur, azulejos/mosaicos, en- assunto muito sério, procura
domínios, umas horas na res- e trabalhos domésticos. Zona da tre outros. Contacto: 960136446 senhora ate aos 70 anos. Informa
Vende-se Apart. Duplex c/ cobe- Trespassa-se loja de roupa tauração, cuidar de idosos ou Guarda ou Covilhã. Tlm. 911996779 telemóvel 911017067
rtura, 4 quartos, 3 WC, terraço, de criança, no centro da cidade crianças, etc. Contacto móvel: Senhora procura cavalheiro,
garagem, 230m2, acab. de luxo. (Guarda). Tel: 967871449 969497622 Cavalheiro solteiro, reformado, dos 50 aos 50 anos. Assunto Cavalheiro viúvo, com boa
Centro de Viseu. Telm. 910491439 sem filhos, deseja encontrar compa- sério. Tlm.: 965210062 situação, procura senhora até aos
nheira dos 50 aos 55 anos. Escrever 65 anos. Assunto sério e respeito.
para Luís Duarte Rato, Travessa das Informa tlm: 916497810
Moitinhas nº8, 6200-684 Teixoso
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • • 15

Empate entre aflitos deixa


Sp. Covilhã na mesma
Ficha de Jogo
Árbitro: Pedro Vilaça (AF Viana do
Castelo) - Árbitros assistentes: Carlos
Campos e Rui Eiras
E. Santos Pinto,
Comandados de Filó concederam empate na receção ao penúltimo Arouca e permanecem Covilhã
no fundo da classificação da IIª Liga com mais um jogo que os adversários diretos
Sp. Covilhã.................. 2
Filipe Pinto - Foto Académica
O Arouca, penúltimo classifi- na cobrança de um livre, e Didi São Bento, Gilberto, Zarabi, Jaime
Simões, Soares, Makouta (Caio
cado, veio à Covilhã no domingo causou um grande susto no Santos
Quiroga, 78’), Guilherme Rodrigues,
complicar ainda mais as contas do Pinto ao acertar na barra em cima Mica Silva, Adriano, Bonani (Kisley,
Sporting local, último, ao conseguir do final do primeiro tempo. 68’) e Deivison (Onyeka, 74’)
um empate (2-2) na partida entre No reatamento, o Arouca Treinador: Filó
aflitos da 12ª jornada da IIª Liga. mudou completamente e surgiu
Os locais até surgiram domi- autoritário, muito pressionante, a Arouca........................ 2
Stefanovic, Thales Oleques, Massaia,
nadores e controlaram o jogo no sufocar o Covilhã junto à sua área,
Benny, Kiko, Didi, Pedró (Bruno Alves,
primeiro tempo, mas foram os vi- com ataques sucessivos e a con- 63’), Bukia, Adílio, Malele e Fortes
sitantes que abriram o marcador seguir vários cantos e livres. No (Arteaga, 63’)
aos 7’, quando Malele ganhou a entanto, contra a corrente do jogo, Treinador: Quim Machado
bola a Guilherme Rodrigues, pro- foram os locais que marcaram por
grediu pela ala direita e rematou intermédio de Bonani, que, no Golos: Malele (7’ e 71’), Adriano (31’)
e Bonani (53’)
certeiro. A bola entrou na baliza vértice esquerdo da área, fez um
serrana entre o poste e Vítor São “chapéu” a Stefanovic e colocou Ação disciplinar: Cartão amarelo para
Bento. O Covilhã galvanizou-se os covilhanenses em vantagem Malele (13’), Benny (43’), Pedró (50’),
e reagiu com acutilância. Com aos 53’. Mas os visitantes estavam Jaime Simões (56’), Arteaga (67’),
um futebol apoiado, os “leões decididos a pontuar e continu- Zarabi (84’) e Gilberto (90’).
da serra” faziam circular bem a aram a imprimir velocidade e a
bola e aproximaram-se da área pressionar os serranos, chegando mas, já nos descontos, Adriano, de
adversária, mas faltava acerto na com facilidade à área adversária. livre, a atirar a rasar a barra.
finalização, como aconteceu com Zarabi, em cima da linha, cortou As contas continuam muito
Mica, por duas vezes. Mais certeiro um remate de Adílio que levava o complicadas para o Covilhã, que
foi Adriano aos 31’, que estabeleceu selo de golo, que chegou aos 71’ somou 10 pontos e no sábado
a igualdade com um remate forte novamente por Malele, de cabeça, viaja até ao Porto para defrontar
e colocado de fora da área. Até ao em resposta a um cruzamento de a equipa B dos “dragões”, que
intervalo, o guardião covilhanense Kiko. Até ao final, foram os visitan- nesta jornada derrotou o líder
Arouca criou muitas dificuldades as covilhanenses no Santos Pinto
ainda defendeu um remate de Kiko, tes que mais procuraram a vitória, em Paços de Ferreira.
Publicidade
Atletismo PUB

Encontro “Abaixo de
Zero” juntou 216 atletas
na Guarda
DR
infantis venceram Íris Martinho
(NS Leões da Floresta) no salto
em altura, Lara Araújo (Associa-
ção Bairro do Cansado) e André
Osório (Sport Viseu e Benfica)
no salto em comprimento e Diana
Camejo e Manuel Dias (ambos da
Academia José Jacob) no dardo.
Nos iniciados, Carolina Maio (Ass.
Grão Vasco) foi a primeira nos 250
Duzentos e dezasseis atletas metros e no salto em comprimen-
de vários pontos do país desafia- to, Alba Barrientes (NS “Leões da
ram o frio no sábado e partici- Fronteira”) ganhou no salto em
param no estádio municipal da altura e no dardo.
Guarda no 5º Encontro de Atle- Entre outros resultados, Lu-
tismo de pista “Abaixo de Zero”. ana Crisóstomo (Benfica) foi a
A competição, que juntou melhor nos 400 metros, Tiago
sobretudo atletas dos escalões Clamote (GD “Os Ribeirinhos”)
etários mais jovens, foi organi- venceu os 1.000 metros, Guilher-
zada pelas associações distritais me Pais (GCA Donas) ganhou no
de atletismo da Guarda, Castelo salto em altura em iniciados, e o
Branco e Viseu e ficou marcada colega de equipa João Pinto ven-
pelo nevoeiro, vento forte e o ceu no dardo. Daniel Almeida (Le-
frio. Em termos de resultados, os ões da Floresta) foi o primeiro nos
destaques vão para os registos do 400 metros, tal como Hélio Vaz
júnior Rafael Baraças (CA Seia) - (Benfica) nos 60 metros e João
na foto - nos 1.500 metros, com a Sousa (NA Cucujães) no salto em
marca de 4m31s19’, e do juvenil altura, Simão Pereira (Benfica)
João Pais, também da equipa no salto em comprimento e João
senense, que foi segundo da Miranda (Academia José Jacob)
mesma corrida em 4m31s36’. Nos no dardo.
16 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 Publicidade

Restaurante
Moreira
RuadodoCampo,
Rua Campo,55––1º1ºDto
Dto- -6300-672
6300-672Guarda
Guarda Lic.Lic. NºNº2890
2890––AMI
AMI
Telefone: 271211730-- 967543140
Telefone:271211730 964126775 www.predialdaguarda.pt
www.predialdaguarda.pt

VENDE Boas Festas AVISO 51/2018


ID:1220 V3 Guarda Vivenda isolada, no centro de aldeia, arrumos…. ...27.000€ Aberto todos os dias
ID:0000 T3 CentroCozinha c/ marquise,sala,1 quarto c/roupeiro,2wc´s. 39.000€
D:1003 T2 Guarda Bem localizado,1 wc, sala e um grande terraço……45.000€
Ementa de Natal: (10 euros por pessoa) DISCUSSÃO PÚBLICA DO PROGRAMA ESTRATÉGICO DE
• Entradas: Patê da casa; Azeitonas; Torradas; Pão e Gambas REABILITAÇÃO URBANA (PERU) QUE SUPORTA A OPERAÇÃO DE
ID:1235 V2 Centro Sala e coz. comum,2 quartos, anexos, logradouro.. 50.000€
REABILITAÇÃO URBANA (ORU) DA ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA
ID:1158BT4 Centro Bem localizado, necessitar obras de remodelação..50.000€ • Sopa: Creme de Espinafres (ARU) DO CENTRO HISTÓRICO DE CELORICO DA BEIRA
ID:1231 T3 Guarda Lareira e despensa na cozinha, 2 wc´s, sótão…….53.900€
ID:1234 T3 Guarda Coz. c/ despensa,1wc´s,sótão,lugar de garagem.. ..65.000€
• Peixe: Arroz de Marisco
ID:1243 Prédio C/ possibilidade de fazer 3 frações,anexos,logradouro..70.000€ • Carnes: - Cabrito à Padeiro Carlos Manuel da Fonseca Ascensão, Presidente da Câmara Municipal de
ID:0577 V3Guarda C/3,em fase de acabamentos,quintal.Oportunidade 75.000€ - Aba de Vitela grelhada Celorico da Beira, torna público no uso das competências que lhe são atribuídas
ID:0000 T3 Guarda Coz. mobilada, recuperador de calor, 2wc, sótão …85.000€ pela alínea t) do artigo 35º da Lei nº 75/2013, de 12 de setembro, que, nos
ID:0829 T3 Duplex Com lareira, 3quartos, 2wc´s, lugar de garagem… ..95.000€ Ementa de Passagem de Ano: (20 euros por pessoa) termos do nº 4 do artigo 17º do Decreto-Lei nº 307/2009, de 23 de outubro,
ID:1105 Casas Rústicas Em pedra c/ 710m de terreno envolvente….100.000€ • Entradas: Patê da casa; Azeitonas; Torradas; Pão e Gambas
2
na atual redação da Lei nº 32/2012, de 14 de agosto conjugado com o nº 5 do
ID:1246 T2 Centro Completamente mobilado e equipado, wc, sótão…110.000€
• Sopa: Gromé de Castanha artigo 6º e do artigo 89º do Decreto-Lei nº 80/2015, de 14 de maio, a Câmara
ID:1239 T3 Guarda Aquec. central a lenha e a gás, sótão, garagem …125.000€
• Peixe: Espetadas de Peixes e Gambas Municipal deliberou, em reunião realizada no dia 21 de novembro de 2018,
ID:0956B V4 Guarda C/4 quartos, sótão habitável, garagem, quintal.. .150.000€
aprovar a submissão a discussão pública, pelo prazo de 20 dias, contados do
ID:0220 Vivenda Isolada Dividida em três fracções T2, logradouro…. 160.000€ • Carnes: - Nacos de Vitela à Brasileira 5º dia posterior ao da publicação do presente Aviso no Diário da República, 2ª
ID:0837 V4 Guarda C/ 2 pisos para habitação independentes, sótão...165.000€
ID:1235 V5 Guarda Sala e coz. comum c/ lareira,garagem p/2 carros. 185.000€
- Filé Mignon à Moreira Série, o Programa Estratégico de Reabilitação Urbana (PERU) que suporta a
ID:1233 V4 Guarda C/4 quartos, escritório, sótão, garagem, quintal… 200.000€ • Sobremesa: Gelado Flambé, Semi Frio Operação de Reabilitação Urbana (ORU) da Área de Reabilitação Urbana (ARU)
ID:1230 V4 Guarda Painéis solares,3wc´s, garagem,sótão,logradouro240.000€ do Centro Histórico de Celorico da Beira.
Ementa de 1 de Janeiro de 2019: (10 euros por pessoa) O Programa encontra-se disponível para consulta no site da Câmara Municipal
ARRENDA • Entradas: Patê da casa; Azeitonas; Torradas; Pão e Gambas de Celorico da Beira (www.cm-celoricodabeira.pt), e no edifício dos Paços do
ID:0972C Escritório Guarda Centro Com 30m² e óptimas vistas………….150€
• Sopa: Canja Concelho, Divisão de Urbanismo e Gestão de Espaços Públicos – Secção de
ID:0834 T1 Centro Coz. mobilada, sala, 1 quarto, 1 wc, boa localização….175€
• Peixe: Bacalhau com Broa Obras Municipais, do município, sito na Rua Sacadura Cabral, nº 39, das 9:00h
ID:1069 T2 Centro Coz .mobilada, despensa, sala, 2 quartos,1 wc……. ….250€
ID:0789 T1 Centro Coz. mobilada, sala, 1 quarto c/roupeiro, 1 wc, sótão. ..250€ • Carnes: - Cabrito à Padeiro às 13:00h e das 14:00h às 17:00h.
ID:1081B T3 Guarda Cozinha c/lareira,3 quartos,1wc´s,arrecadação……. ..260€
- Pato com Laranja Os interessados podem apresentar, por escrito, as suas reclamações,
ID:0344B T1 Centro Coz.mobilada, quarto c/roupeiro, 1 wc, arrecadação.. .300€
ID:0979 T3 Guarda Todo mobilado, equipado,marquise,2 wc´s,despensa. .275€ Preços indicados por pessoa incluem entradas, sopa, um prato de observações ou sugestões, através de requerimento dirigido ao Presidente da
ID:1042 T3 Guarda Próximo do Forninho,3 quartos, roupeiros,2wc´s…......330€ peixe ou carne, uma bebida da casa, uma sobremesa e café. Câmara, identificando devidamente o seu subscritor, podendo as mesmas ser
ID:1203 T1 Guarda Cozinha. Mobilada, aquec.central, roupeiro, 1 wc…. …250€ entregues presencialmente, via CTT (Rua Sacadura Cabral, nº 39 – 6360-350
IID:0000 Loja Centro Com boa área,c/ licença p/ comércio e serviços..… ..750€ Sítio do Carrilhão - Arrifana 6300 Guarda Telef. 271 237 683
Celorico da Beira) ou via correio eletrónico (geral@cm-celoricodabeira.pt).

VIDENTE
Predial da Guarda, VENDE, ARRENDA E ADMINISTRA IMÓVEIS
Celorico da Beira 26 de novembro de 2018
desde 1998 – IMOBILIÁRIA DE CONFIANÇA -
O Presidente da Câmara
(Carlos Manuel da Fonseca Ascensão)
Com longos anos de experiência O Interior, nº 989 de 20/12/2018

Trata inveja, mau olhado, espiritual, estudos, negócios,


empresas, amor, problemas familiares, saúde, etc.
Sempre pronto a dar resposta aos seus problemas.
Saiba tudo sobre o seu futuro e o porquê que tudo
corre mal em sua vida? ASSOCIAÇÃO LAGEOSENSE DE SOLIDARIEDADE SOCIAL
Não hesite, fale com quem sabe. Tenha FÉ: ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA
271238451 ou 969012923
CONVOCATÓRIA

Nos termos do artº 30º, nº 3 dos Estatutos da Associação, convoco a Assembleia


Geral da ASSOCIAÇÃO LAGEOSENSE DE SOLIDARIEDADE SOCIAL para uma
reunião extraordinária, a realizar no edifício da Junta de Freguesia, sita na Rua
Empresa de transportes admite: de S. Martinho, Lageosa do Mondego, no dia 27 de Dezembro de 2018, pelas
Tribunal Judicial da Comarca da Guarda 17h 15m, com a seguinte ordem de trabalhos:
COMERCIAL Juízo de Competência Genérica de Pinhel 1. Eleição dos Órgãos Sociais para o quadriénio 2019-2022.
Procuramos profissional com o seguinte perfil: Palácio da Justiça • Av. Frederico Ulrich
6400-378 Pinhel
2. Tomada de Posse dos Órgãos Sociais eleitos.
• Fluente na língua francesa (imprescindível); Telef: 271410180 Fax: 271090239 Mail: pinhel.judicial@tribunais.org.pt Conforme o disposto no nº 3 do artº 29º dos Estatutos, se à hora marcada não
• Conhecimentos de língua inglesa; estiver presente o número mínimo de associados, a Assembleia reunirá 30
• Informática na ótica do utilizador; ANÚNCIO minutos depois, em segunda convocatória, com qualquer número de associados
• Valorizam-se conhecimentos e relações comerciais presentes.
no setor de transportes; Processo: 222/18.8T8PNH Referência: 26574913
Interdição/Inabilitação Data: 12-12-2018 Nota: Permito-me lembrar que, nos termos dos artºs 10º e 12º dos Estatutos os
Oferecemos: Requerente: Ministério Público associados só podem exercer cabalmente os seus direitos, i.e., participar na
• Formação; Requerido: Tiago Filipe de Sousa Ribeiro assembleia e votar, desde que apresentem as quotas em dia.
• Disponibilização de computador portátil;
• Trabalho a partir de casa; Faz-se saber que foi distribuída neste Tribunal, a ação de Interdição/Inabilitação em Lageosa do Mondego, 13 de Dezembro de 2018
Enviar Curriculum Vitae para Apartado 196, 6300-909 GUARDA que é requerido Tiago Filipe de Sousa Ribeiro, filho de Sandra Cristina de Sousa
Ribeiro, nascido em 08-03-1999, natural de: Senhoda da Hora [Matosinhos], com O Presidente da Mesa da Assembleia Geral
domicílio: Lar Residencial de S. José, Quinta do Pezinho, 6400-000 Pinhel, para
Vende-se efeito de ser decretada a sua interdição por anomalia psíquica.
(Ilídio Nobre)
A Juiz de Direito,
Apartamento T1 - NOVO Dr(a). Nádia Meneses Tavares Afonso
Associação Lageosense de Solidariedade Social – NIPC 501 423 940
Rua do Freixo N.º1

nos Castelos Velhos (Guarda) O Oficial de Justiça,


6360-508 Lageosa do Mondego
Telf: 271741131 / Fax: 271741984
Maria Manuela B. T. Sampaio e-mail: alss@sapo.pt
Contacto: 919800065 O Interior, nº 989 de 20/12/2018 O Interior, nº 989 de 20/12/2018

Cupão de Anúncios Classificados


Envie o seu anúncio classificado para Jornal O Interior, Rua da Corredoura, 80 R/C Dto C • 6300-825 Guarda
Condições gerais dos classificados
Localização Identificação
do anúncio
1. Preencha o cupão com texto em maiúsculas,
deixando um espaço entre cada palavra. Nome: __________________________________________________________________
Grátis

2. O preço é acrescido de IVA à taxa legal em vigor. Imobiliário


*

3. É obrigatório o envio do número de contribuinte (NIF).


4. A identificação é um campo de preenchimento
Vende-se Aluga-se Morada: ________________________________________________________________
obrigatório. A falta de elementos pode implicar a não Trespassa-se Diversos
publicação do anúncio.
5. A “O Interior” reserva-se o direito de rejeitar a
Emprego Código Postal: ________ - _____ Localidade: ___________________________
Euros
2,50

publicidade que não esteja de acordo com a sua Oferece-se Precisa-se


orientação editorial.
6. A recepção de anúncios para cada edição Veículos Contribuinte nº: _________________ Contacto: ______________________
termina 72 horas antes da data da publicação. Vende-se Procura-se
7. Não se aceitam cópias, faxes ou emails deste cupão. Assinatura ________________________________ Data ___/___/______
Euros
4,00

Diversos
* Grátis até à 2ª publicação, a partir
da qual acresce um custo de 2 euros. Para esclarecimentos pode contactar-nos através do telefone 271212153 ou para ointerior@ointerior.pt

Modo de Pagamento: O recibo ser-lhe-á enviado posteriormente


Transferência Bancária (forma mais rápida e vantajosa) Transferência Avulsa Transfira o valor em questão para o NIB indicado e junte
Autorização de pagamento: Exmos Senhores, por crédito na conta abaixo indicada, queiram proceder,
até nova comunicação aos pagamentos das subscrições que vos forem apresentadas pelo Jornal O Interior. IBAN: PT50 001000002256785000177 a este cupão o talão comprovativo da transferência.

Banco _____________ Balcão _____________ NIB _________________________ Data ___/___/______ Assinatura ________________________________________
Nome do Titular _______________________________________________________ Cheque / Vale Postal nº _____________________ Banco _________________
Data ___/___/______ Assinatura ________________________________________ Numerário
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • • 17

Futebol distrital Corta-mato

Figueirense consolida Inês Monteiro terceira em Palencia


Inês Monteiro foi terceira
na prova feminina do tradicio-
na Holanda no passado dia 9,
tendo sido a melhor das atletas

liderança na Iª Divisão
nal crosse de Venta de Baños, não africanas ao cortar a meta
que teve lugar no domingo em com a marca de 29m17s. Inês
Palencia (Espanha). Monteiro fechou o pódio, com-
AR
A atleta do Sporting, natural pletado pelas etíopes Letsenbet
da Guarda, regressou à compe- Gidey, vencedora, com o tempo
tição após ter sido a segunda de 27m22s, e Hawi Feysa, vice-
melhor portuguesa nos Euro- campeã mundial de juniores em
peus de corta-mato, corridos 2017, com 27m40s.

Pentatlo moderno
Penta Clube da Covilhã foi quinto
no Nacional DR

Celoricense e Vila Cortês subiram ao segundo e terceiro lugares, respetivamente


O primeiro e o segundo classificados do Dis- O campeonato prossegue no domingo com as
trital da Iª Divisão da AF Guarda mediram forças partidas Vilar Formoso-Figueirense, Celoricense-
no domingo no jogo grande da 11ª jornada, que São Romão, Trancoso-Vila Cortês, Fornos-Gouveia, O Penta Clube da Covilhã modalidade foram os terceiros
correu de feição ao líder do campeonato. Manteigas-Estrela Almeida, Vilanovenses-Aguiar (PCC) foi quinto classificado no lugares de Rafael Mascarenhas
O Figueirense recebeu e venceu o Manteigas da Beira e Soito-Sabugal. Campeonato Nacional de Clubes (sub-13) e Maria Carreira (sub-
por 2-0 e consolidou a liderança da prova ao somar de Pentatlo Moderno/ Troféu 15), bem como a estreia Tiago
28 pontos e averbar a nona vitória da temporada. A Guarda Desportiva goleia na IIª Marquês do Funchal, que se rea- Queirós (quarto lugar em sub-13)
equipa do concelho de Figueira de Castelo Rodrigo Divisão lizou no passado dia 9 em Leiria. e o recorde pessoal de Rui Santos
conta agora quatro pontos de vantagem sobre o O emblema covilhanense nos 200 metros livres (2m43s).
segundo, o surpreendente Sp. Celoricense, que foi Na IIª Divisão foi o Guarda Desportiva (6º) que competiu com uma dezena de 2018 termina assim com mais um
ganhar 2-1 ao Soito (14º e último classificado). esteve em destaque na sexta jornada graças à gole- atletas dos vários escalões de for- bom resultado para o Penta Clube,
Por sua vez, o Manteigas caiu para a sexta posição ada (7-0) infligida em casa ao Freixo de Numão (5º). mação, juniores e seniores, conse- que conseguiu vários títulos na-
fruto da derrota de domingo e da retirada de dois Quem aproveitou a folga do líder Vila Franca guindo um bom resultado entre cionais individuais e teve atletas
pontos por uso indevido de um jogador em dois das Naves foi o Foz Côa (2º), que recebeu e venceu a dezena de clubes participantes. nas seleções nacionais. Para
jogos do campeonato. Nas restantes partidas da o Nespereira (3º) por 2-0. O Desportivo fozcoense O título foi para o Clube Natação 2019, o PCC aposta no Circuito
jornada, que teve 17 golos, o Vila Cortês do Mon- totaliza 12 pontos, menos um que a equipa do con- da Amadora. Os destaques do Nacional de Laser Run e Biatle,
dego subiu ao terceiro lugar após vencer 3-0 na celho de Trancoso, a única que ainda não perdeu PCC nesta jornada organizada nos Campeonatos Nacionais da
receção ao Sp. Sabugal (13º) e o Aguiar da Beira na prova. No domingo, Paços da Serra (8º) e Pala pela Federação Portuguesa da Juventude e no Circuito 3Jovem.
é quarto, em igualdade pontual com a formação (7º) empataram 1-1 e a ADC Castelo (4º) derro-
do concelho da Guarda, tendo derrotado em casa tou em casa o lanterna vermelha Casal de Cinza
o Sp. Vilar Formoso (12º) por 2-0. (9º) por 4-1. Na próxima jornada o Pala recebe Karate
Já o Trancoso (7º) foi ganhar 1-0 a Gouveia o Guarda Desportiva e o Freixo de Numão o Vila Guardense participou em treino
(5º), o São Romão (10º) recebeu e venceu o Vila- Franca das Naves. Por sua vez, o Foz Côa joga em
da seleção
DR

novenses (9º) por 2-0 e o Fornos de Algodres (8º) Casal de Cinza e o Nespereira recebe o Paços da
ganhou 3-1 no reduto do Estrela Almeida (11º). Serra. Folga a ADC Castelos (Pinhel). António Pereira (Centro
de Artes Marciais da Guarda),
na foto, participou, no sábado,
Atletismo no treino de seleção nacional
IIIª Corrida Noturna em Gouveia (FNKP) dos Parakarate, em Pom-
bal. A chamada aconteceu um dia
O “Notícias de Gouveia” orga- solidário e parte da receita com escadarias da “cidade-jardim” e
após o clube da cidade mais alta
niza no sábado a terceira edição as inscrições vai reverter para terá a modalidade de caminhada
ter celebrado 30 anos de ativida-
da caminhada/corrida noturna o CERVAS – Centro de Ecologia, (cerca de 5 quilómetros) e de
de. Já no domingo, os karatecas
“A Mais Bela de Portugal” para Recuperação e Vigilância de Ani- corrida (10 quilómetros). A orga-
da Guarda marcaram presença
assinalar os 104 anos do jornal. mais Selvagens, que procederá à nização vai premiar os primeiros
em mais um estágio nacional de
Com início a partir das 20 libertação de uma coruja do mato. três classificados masculino/
Karate KPS, em (Lisboa).
horas, a atividade tem um cariz O percurso urbano inclui algumas feminino, bem como o último.

Cupão de Assinatura
Identificação: Nacional_ ____ Semestral.. (12,5€) Anual.. (25e)
Nome: _________________________________________________________________________________________________________
Estrangeiro_ Semestral.....(15€) Anual.. (30e)

Morada: ________________________________________________________________________________ Código Postal: _________ - ______ Localidade: _____________________________________________

NIF: ________________________ Telefone/Telemóvel: __________________________________________________ Email: ________________________________________________________________

Modo de Pagamento:
Enviar para: Rua da Corredoura 80, R/C Dto C • 6300-825 Guarda
Transferência Avulsa
IBAN: PT50 001000002256785000177
Data ___/___/______ Assinatura ________________________________________ Assinatura __________________________________________________ Data _____/_____/________
Transfira o valor da Assinatura para o NIB indicado e junte a este cupão o talão comprovativo da transferência.
O Jornal O Interior compromete-se a adoptar as medidas de segurança necessárias para garantir a salvaguarda dos dados
Cheque / Vale Postal nº _____________________ Banco _________________ pessoais / empresas dos assinantes contra a sua eventual utilização abusiva ou contra o acesso não autorizado.
O contrato de assinatura renovar-se-á por iguais e sucessivos períodos de tempo (seis/12 meses), até que qualquer das partes
Numerário denuncie a desistência por meio de comunicação escrita com antecedência mínima de 30 (trinta) dias.
18 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

Cavalos, anões e mulheres


Honorato Robalo *
crónicaPOLÍTICA
opinião
Pedro Narciso nuas
Um dos maiores e mais visitados sítios da Internet choque ser grande. Se o quadro legal permite toda esta

Não pode haver decidiu fornecer dados de utilização dos seus utilizado-
res. Não foi a Fundação Francisco Manuel dos Santos
autoridade aos presidentes de câmara, imaginem com
mais competências. Só o poder de Cristina Ferreira na
a orientar o estudo, mas acredito na honestidade, SIC lhes seria comparável.
mais ilusões quanto honorabilidade e, principalmente, no suor do trabalho,
como é a malta do Porn Hub. Segundo os mesmos,
Exagero?
Alguém não gostou dos bancos da requalificada Rua

ao subfinanciamento
em Portugal, a categoria mais pesquisada em 2018 foi do Comércio. Os dois ajustes diretos para requalificação
“Lésbicas”. Não tendo dados, mas depois de saber a dos mesmos totalizaram mais de 100.000 euros. Espero
linha orientadora dos impostos municipais, com toda a que em 2019 inventem maquetes em 3D e que gostem

do SNS certeza que o mais pesquisado no concelho foi “Anal”.


Numa espécie de “Casados à Primeira Vista”, os
muito, mas mesmo muito, do elevador da Torre dos
Ferreiros.
Quando alguns vociferam que são defensores do eleitores enamoraram-se de uma equipa desconhecida, A passagem de ano na Guarda, segundo informação
Serviço Nacional de Saúde (SNS) esquecem-se de envolveram-se emocionalmente e chegaram mesmo a que consta do portal base, rondará os 150.000 euros.
esmiuçar que são favoráveis ao SISTEMA e não ao renovar votos. E se, para muitos, o que aconteceu foi No ano passado, com a mesma banda como cabeça de
SERVIÇO. É o caso do atual Presidente da República, a chegada do cavaleiro no seu cavalo branco, do outro cartaz, o município de Lagos passou o ano por sensi-
que, quando era deputado do PSD, votou contra a lado estará já negociado com a Europa, o Egixt, com o velmente metade do preço. Pagar portagens, cantar
criação do SNS. consequente término da relação. Um conto de fadas com em altitude e ao frio fica caro. Já no Algarve até devem
Volvidos 40 anos desde a sua criação, o SNS tem novos contornos todos os meses, numa espiral de feiras pagar para atuar.
sido atacado por decisões políticas dos sucessivos e eventos que não permitem baixar taxas nem taxinhas. Circulem então na EN18, entre a Vela e a Santa
governos constituídos apenas pelo PSD, PS e CDS. No Onde uns veem amor e dedicação a longo prazo, há quem Cruz, e constatarão que, provavelmente, temos amores-
quadro atual do governo minoritário do PS, este clau- vislumbre uma perversidade sadomasoquista. perfeitos a mais. Entre nevoeiro, ausência de sinalética,
dica perante as propostas do PCP de reforço do SNS e Nesta Wonderland contínua há obviamente quem deficiente marcação e com os buracos e irregularidades
não do SISTEMA. A prova mais evidente é o aumento se insurja contra elementos que coloquem a estratégia da via, vão descobrir um projeto inovador, de uma es-
real das transferências do Orçamento de Estado para o delineada em causa. O estudo “Qualidade da Governação trada que se conduz em braile.
SNS em 2019 que será apenas de 262 milhões de euros Local em Portugal”, desenvolvido por académicos de Em França, os coletes amarelos fazem arder cai-
e não de 612 milhões, como diz o governo, enquanto a universidades de Lisboa e Braga, foi colocado ao nível xotes do lixo, aqui vemos arder dinheiro, enquanto
divida do SNS aos privados deve ser superior a 1.500 dos estudos que sustentam que a terra é plana e que nos enfiam o barrete laranja. Este Natal não esperem
milhões no fim de 2018. as vacinas causam autismo porque apontam o ajuste uma prenda no sapatinho, mas antes um chuto no
Não compreendo como os deputados que supor- direto como um fator que pode potenciar a corrupção rabinho do alívio fiscal. A baixa de IMI, da água ou
taram anteriores maiorias mostram-se agora perplexos e a ausência de transparência, como problemas poten- a devolução do IRS terão de esperar em nome do
com os défices de financiamento do nosso SNS, pois cialmente graves. cumprimento deste complexo plano de valorização
a evolução das transferências do Orçamento do Esta- Com os riscos identificados, a conversa de sempre, do concelho, em que até já as feiras são encenadas
do para o Serviço Nacional de Saúde, assim como a favorável à descentralização, deveria ter um travão com batuques, gaitas e figurantes. Um circo em que
enorme divida aos fornecedores privados, mostram que mais eficaz que o dos elétricos de Lisboa sob pena do não há dinheiro, mas há palhaços.
o subfinanciamento do SNS pelo OE vai continuar em
2019. O que aumentará ainda mais as dificuldades que
já enfrentam os portugueses em aceder a serviços de
saúde, em particular aos utentes do distrito da Guarda
e do interior do país. Entrementes
Para além disso, foram estes partidos que constitu-
íram a maioria que suportou as políticas que permitiram
fazer emergir interesses que se traduziram na destrui- opinião
ção paulatina do SNS. Como consequência, o negócio Norberto Gonçalves
privado de saúde está a prosperar em Portugal à custa
dos serviços públicos (SNS, ADSE e outros subsiste-
mas). Espero que as gentes da Guarda percebam que a Adágios, anexins e outros assim
supressão de financiamento da Unidade Local de Saúde
(ULS) e a não implementação do plano estratégico A PETA, People for the Treatment of Animals – falta quem a tanja”, logo a coisa assumiu contornos
de recursos humanos, aprovados na Assembleia da Pessoas Pelo Tratamento Ético dos Animais é uma universais gerando uma infinidade de reações as mais
República, tem responsáveis. organização internacional que conseguiu marcar a diversas. Desde os que defendem que este é um passo
Há quatro deputados eleitos pelo circulo eleitoral agenda nos últimos dias, sobretudo nas redes sociais. civilizacional de grande alcance e que, portanto, será
da Guarda (dois do PS e dois do PSD) que poderiam e Os utilizadores desta moderna versão das coscuvilheiras “um bom cavalo ao qual não falta sela”, aos que, pelo
deveriam apresentar propostas em sede de discussão de aldeia logo exponenciaram a questão associando-lhe contrário, pensam não ser esta campanha mais do
na especialidade contra a degradação do SNS no nosso o muito português PAN, obrigando mesmo um dos seus que um “fait divers” e que defendem que “a carneiro
distrito, onde uma fatia do orçamento da ULS vai para dirigentes a vir a terreiro esclarecer que não senhor, estranho não recebas no teu rebanho”. Ora cá está:
subcontratação de recursos humanos, prestação de o seu partido não tinha qualquer iniciativa legislativa “a cabra puxa sempre para o monte e o sequioso para
serviços em diversas áreas da imagiologia e outros perspetivada sobre este assunto. Isto porque, já se sabe, a fonte”, que é como quem diz que “a cada cabeça sua
exames complementares de diagnóstico. No entanto “gato escaldado de água fria tem medo”… sentença”.
há capacidade instalada em equipamentos, mesmo que Mas, voltemos à PETA e “peguemos o boi pelos E, por muito que se discuta, que se escalpelize a
alguns apregoem estarem obsoletos, nalguns casos cornos” de forma a “matar dois coelhos de uma cajada- coisa, não haverá, por certo, unanimidade nas opiniões
por incúria e desleixo, pois não foram devidamente da”. Que os animais não sejam maltratados parece ser e cada um continuará a “albardar o burro à vontade
acondicionados e preservados. opinião unânime em todo o mundo, mas daí até querer do dono” e a defender que “a macaco velho não se lhe
Há capacidade instalada no nosso SNS, mas o que alterar adágios só porque referem animais é como aquele ensina a fazer caretas”.
se está passar no setor da saúde, onde o domínio dos da “cabra que apregoa mel e vende azeitonas”… Pois se Convém é não esquecer que tudo tem a devida me-
grandes grupos privados é cada vez maior e se disse- a dita organização lança esta campanha num país em que dida e que, voltando à sabedoria popular, “a bezerrinha
mina como um “cancro”, aprofundando as dificuldades se permite a detenção de armas por qualquer cidadão, mansa mama na sua e na da alheia”, enquanto que “a
crescentes que têm sido criadas pelos sucessivos num país em que a pena de morte continua a ser legal cabra com muito viço dá com o corno no toutiço”…
governos ao Serviço Nacional de Saúde. No momento em muitos dos seus estados, num país cujo presidente Fiquemos, pois, por aqui, até porque estão por
da discussão na nova Lei de Bases da Saúde, esta está continua a negar as alterações climáticas, num país em ali uns pequenitos à espera de cantar o “atirei com o
inquinada pelo facto do PR tentar condicionar a sua que o racismo continua a imperar, num país que insiste pau ao gato/e o gato não morreu”. Ou será que já foi
aprovação com o chamado consenso alargado, pois em construir uma muralha que separe os “bons” dos censurada?...
não é mais que manter os pressupostos que permitiram “maus” parece estarem as prioridades invertidas. Não Vou ali ver e já volto!...
aumentar os interesses privados dentro e fora do SNS. que os animais não mereçam ser tratados bem, mas e Festas felizes para todas e todos (antes que venha a
as pessoas?... ser acusado de discriminação de género). É que “a filha
* Militante do PCP Claro que, como “à besta que muito anda nunca da onça tem pintas como a mãe”…
Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018 • • 19

opinião PUB

Então é Natal!
Joana Dente* Receitas de família – porque não reunir
uma série de receitas de família “de comer
Se o Pai Na- e chorar por mais”, compila-las e fazer um
tal vos inspira a mini livro de culinária para cada uma das tias
comprar relógios e primas?! Até se pode caprichar na capa e
e perfumes, nada dar um toque original usando uma fotografia
contra! Mas eu cá, de família…
recomendo outro
tipo de presentes Planta – é um sinal de confiança para
para este Natal… com a pessoa que a recebe; é, aliás, uma ex-
Prendas culturais – se conhece bem os celente maneira de mostrar que acredita que
desejos e preferências da pessoa, acho uma aquela pessoa tomará devidamente conta de
excelente ideia presen- DR um ser vivo!
teá-la com um bilhete
para um concerto, um “Mas o que é isto?”
espetáculo ou um jogo – é um tipo de presente
da equipa de futebol que não é para todos,
da qual é aficionada. mas que pode ser muito
Oferecer um workshop bem recebido por alguns.
também é uma ideia ex- Falo de mealheiros que
celente e as opções, pela contam moedas, de ven-
sua diversidade, vão toinhas que funcionam
agradar a praticamente conectadas ao telemóvel, BOAS FESTAS
todos: fotografia, culi- de localizadores de cha-
nária, alimentação saudável, aromoterapia, ves, aquecedores de caneta USB, lancheiras
trabalhos manuais, maquilhagem, etc. elétricas que mantêm a refeição quente ou até Aproveite as Promoções até 50% Loja 1:
de papel higiénico com sudoku.
Cesto personalizado – dá para adaptar Telef: 271 230 500
ao gosto e à necessidade de quem o vai Cheque-prenda – não há inovação Fax: 271 211 826
receber. O que coloca lá dentro fica ao seu rigorosamente nenhuma nesta sugestão, Tem:96 701 7407
critério (artigos alimentares, produtos de be- mas é a minha favorita. Repare-se, damos a
leza, …) e é um excelente meio de ser muito possibilidade à pessoa de receber aquilo que Loja 2:
carinhoso e super original! Não se esqueça ela quer efetivamente receber. Que melhor?
de decorar ou mesmo de personalizar o cesto Telef/Fax: 271 237 551
Telem: 96 692 8594
de acordo com o seu gosto e/ou da pessoa * @pitangaboss alcimena@gmail.com
que vai recebe-lo. Jurista/MakeupArtist/FashionStylist

PUB

O nosso Bem-haja aos que contribuíram para o


engrandecimento da Guarda, da Beira Interior e da
Botelha.
Acompanhando o vosso desejo, continuaremos a
fazer acontecer mais e melhor.
A todos um Santo Natal e um ano de 2019
pleno de grandes realizações e momentos enófilos.

Família Pinheiro Gonçalves Aguardente Porto Lágrima Raposeira


C.R. & F. Reserva Ramos Pinto Reserva
Preços válidos de 20 a 31 de dezembro de 2018
Preços com IVA incluído à taxa legal em vigor. Salvo ruptura de stock,
erro tipográfico ou de impressão.
12,49€ 6,99€ 4,39€

As nossas lojas...
www.abotelha.pt

LOJA VILAR FORMOSO


LOJA GUARDA Telef. 271 513 063
Telef. 271 211 346 Avenida Fronteira, n.º 21
Largo da Miranda | 6300-876 Guarda 6355-270 Vilar Formoso
opinião
20 • • Quinta-feira • 20 de dezembro de 2018

rua da corredoura, 80 - R/C Dto - C 6300-825 Guarda


bilhete postal
Matos Mata-os
Redacção/Publicidade: 271212153 • www.ointerior.pt • publicidade@ointerior.pt • ointerior@ointerior.pt

Tapete rolante ilegal na


dcabrita@iol.pt

com a voz
Diogo Cabrita

estância da Torre A minha querida amiga Ana Matos estava revoltada. Não era uma
revolta qualquer, era indignação pura. Não espuma porque é fina e
delicada, não grita porque não lho permitiram em pequena, mas refila,
Em causa está a conclusão de uma Declaração de Impacto Ambiental, mas riposta, acusa, indigna-se parecendo uma militante engajada na revolta.
a Turistrela já interpôs uma providência cautelar para travar a decisão Nada de confusões, a Ana não é de esquerda. Vai à missa, cumpre
com os deveres fiscais e trabalha muito para ter seus devaneios, seus
O tapete rolante instalado com fatores «ecológicos e condi- e do Ordenamento do Território, exageros, suas apostas, suas verdades. Ela gosta de viajar e viaja. Gosta
na estância de esqui da Torre cionantes ambientais» existentes à qual compete a fiscalização do de levar a família toda e leva. Família grande, que a Tina acreditava na
desde 2015 está ilegal, conclui na zona. É que a intervenção terá processo de contraordenação. continuidade. Entretanto veio o fim da austeridade, a saída limpa e chegou
o estudo de impacto ambien- sido realizada numa área superior Artur Costa Pais rejeita as o Costa e o Centeno. A maior carga fiscal de que há memória abateu-se
tal realizado em outubro deste àquela que foi comunicada e os conclusões do estudo, afirmando sobre a Ana Matos e todos os outros que tentam faturar mais dinheiro que
ano e que obriga à remoção do trabalhos terão incluído também que «foram respeitadas todas as 50 mil euros por ano. 15% para os primeiros 15 mil euros, 21% até 30 mil e
equipamento. A Turistrela, con- a «artificialização de linhas de regras ambientais» e sugerindo depois “upa, upa” até bué. Falamos de IRC. Com este Governo acrescentou-
cessionária turística da Serra da água e alterações dos regimes uma nova análise feita por uma se retirar mais 25% acima de 1.750 euros ganhos para Segurança Social
Estrela e proprietária da estân- hídricos naturais». «entidade independente» da Turis- e se quiser usufruir dos recibos verdes. Se optar por empresa paga 28%
cia, já anunciou que irá interpor O estudo de impacto ambi- trela e do Instituto de Conservação para retiradas de capital. Não há como fugir, as minas estão em todos os
uma providência cautelar para ental conclui ainda que foram da Natureza e das Florestas (ICNF). caminhos, pois tudo se regista. A morte saiu às contas da Ana Matos que
suspender a remoção do tapete. contrariadas as orientações de «Acredito que será provado que a quase os matava se pudesse. Imaginei-a de colete amarelo carregada de ira.
O administrador da empresa, gestão estabelecidas para a Serra razão está do nosso lado», afirmou De três mil euros não fica nem com mil e duzentos limpos. Para o Centeno
Artur Costa Pais, adiantou ai- da Estrela no âmbito da Rede o empresário, acrescentando que fogem por frestas, ruturas e valetas 1.800 euros do trabalho constante da
nda que, «paralelamente, iremos Natura 2000. A Comissão de foram feitas «todas as alterações» amiga. Só que a Ana abriu os olhos e fez-se luz: a católica percebeu que
avançar com uma ação em tribu- Coordenação e Desenvolvimento sugeridas e «cumprido tudo o que ainda vai mais no IVA das necessidades e dos desejos, depois como tem
nal» para provar que a decisão da Regional do Centro (CCDRC) já nos foi pedido». A instalação do uma prestação pública paga no IRS sem fugas, vai na gasolina com que se
Declaração de Impacto Ambiental confirmou a decisão de remoção tapete rolante implicou um inves- desloca para os trabalhos, vai nas portagens, vai na empregada, porque uma
que chumba aquele mecanismo do tapete devido à existência de timento de cerca de 100 mil euros mãe trabalhadora precisa de ajuda nas delicadezas imprescindíveis da lida
«está menos bem fundamen- «uma DIA desfavorável relativa e permitiu substituir o telesqui, que doméstica. Ana labuta para estar bem, mas não está. Ana Mata-os de
tada». A instalação do tapete à execução de um projeto já re- «estava obsoleto e já não oferecia raiva, Ana desespera do esforço infrutífero e eu que, em desesperança,
rolante destinou-se a substituir o alizado», o que obriga o dono as melhores condições de segu- balbucio: não trabalhes! Reduz despesa! Isto não tem solução!
antigo telesqui, mas tudo aconte- de obra «à remoção das causas rança». O responsável da Turistre- Olha os ricos de França que chegam para não pagar impostos dez
ceu «ilegalmente», tendo os pro- da infração e à reconstituição la salientou ainda que existem na anos. Olha os trabalhadores de Portugal que emigraram para França e
cedimentos para a sua legalização da situação anterior à prática da Europa inúmeros tapetes iguais agora, desde 2018, passam a contribuir para a nossa Segurança Social.
sido iniciados depois dos trabal- mesma». O processo já chegou ao colocado na estância da Torre e Não sei se está mal este facto, sei que os ricos de lá deviam pagar
hos terem sido embargados. Os também à Inspeção-Geral da que «não foi necessário qualquer também. Sei que coerência é fundamental em sistemas de saúde para
motivos do chumbo prendem-se Agricultura, do Mar, do Ambiente licenciamento diferenciado». haver justiça na carga fiscal e na distribuição de benesses.

PUB