Você está na página 1de 5

EXERCÍCIOS

01. Apresentam características exatas, contrastantes entre o Romantismo e o realismo,


exceto:
a) subjetivismo (Romantismo) x objetivismo (Realismo);
b) "ser" ideal (Romantismo) x "ser" real (Realismo);
c) nacionalismo fanático (Romantismo) x nacionalismo consciente (Realismo)
d) predominância do tempo presente (Romantismo) x predominância do tempo
passado (Realismo);
e) sentimentalismo (Romantismo) x cientificismo (Realismo).

02. Domício Proença Filho afirma que há, no Realismo "preocupação revolucionária”.
Assinale a alternativa que está em desacordo com a afirmativa de Proença:
a) atitude de crítica, séria;
b) busca de novas atitudes;
c) caráter combativo contra o Romantismo;
d) tendência ao suicídio;
e) reformulação do pensamento humano.

03. São características realistas:

a) análise do mundo interior da personagem;


b) preocupação com minúcias;
c) preocupação científica;
d) caráter social;
e) todas as alternativas acima.

04. A condenação do estilo rebuscado (cheio de voltas e complicações) no Realismo


encontra justificativa lógica no fato de:

a) ser o homem extremamente desgostoso


b) buscar a ciência (com suas características estruturais);
c) querer revelar detalhes;
d) revelar "determinismo" (de Taine);
e) terem as personagens, normalmente, profundidade
psicológica.

05. Sugerem características realistas nítidas, exceto:

a) "Minha mãe era senhora fraca, de pouco cérebro e muito coração, assaz crédula,
sinceramente piedosa caseira, apesar de bonita, e modesta, apesar de abastada;
temente as trovoadas e ao marido":
(Machado de Assis in Memórias
Póstumas de Brás Cubas) ;

b) "- Comia mal, frutas, farinha, conservas, algumas raízes tostadas ao fogo, mas
suportaria tudo alegremente, se não fora a terrível situação moral em que me achava".
(Machado de Assis - "O Espelho" in Contos);
c) "Capitu era Capitu, isto é, uma criatura mui particular, mais mulher do que eu era
homem. Se ainda o não disse, aí fica. Se disse, fica também. Há conceitos que se
devem incutir na alma do leitor, à força de repetição". (Machado de Assis - in Dom
Casmurro) ;

d) "Seu rosto pálido e belo Já não tem vida nem cor!


Sobre ele a morte descansa; Envolta em baço palo"
(Goncalves Dias - "Epicédio" in Obras Poéticas de Gonçalves Dias);

e) "Sempre em mangas de camisa, sem domingo nem dia santo, não perdendo nunca
a ocasião de assenhorear-se do alheio, deixando de pagar todas as vezes que podia e
nunca deixando de receber" ...
(Azevedo - in O Cortiço) .

06. Observe a frase "o ato, não o que se pensa sobre ele” .
Agora associa-a à característica naturalista que o toma como base principal:

a) cientificialismo;
b) amoralismo;
c) busca de detalhes;
d) reformismo;
e) nenhuma das alternativas
anteriores.

07. Uma das características abaixo situa o ser humano como cobaia (animal usado
para experiências científicas). Identifique-a:

a) busca de detalhes;
b) visão do homem como um "caso" a ser analisado;
c) desprezo pelos preconceitos sociais;
d) economia vocabular;
e) visão determinista da vida.

08. São pontos comuns do Naturalismo com o Realismo, exceto:


a) busca de precisão da linguagem;
b) visão patológica do ser humano;
c) revelação da minúcia como elemento importante;
d) preocupação com a forma;
e) objetividade própria da ciência.
Leia o fragmento abaixo e, a seguir, responda as questões de 09 e 10.

"A Bruxa surgiu à janela de sua casa, como a boca de uma fornalha acesa. Estava
horrível; nunca fora tão bruxa. O seu more no trigueiro, de cabocla velha, reluzia que
nem metal em brasa; a sua crina preta, desgrenhada, escorrida e abundante como as
das éguas selvagens, dava-lhe um caráter fantástico de fúria saída do inferno. E ela
ria-se ébria de satisfação, sem sentir as queimaduras e as feridas, vitoriosa no meio
daquela orgia de fogo, com que ultimamente vivia a sonhar em segredo a sua alma
extravagante de maluca" (Aluísio de Azevedo – O Cortiço).

09. São afirmativas coerentes com o fragmento acima, exceto:


a) O ser humano é situado num plano baixo.
b) Uma tara revela-se nítida: a de incendiária.
c) A alma humana vista como defeituosa.
d) A bruxa sugere o aspecto degradante do ser humano.
e) A bruxa revela desespero e temor na situação em que se encontra.

10. São características naturalistas presente no texto, exceto:


a) revelação de um caso patológico;
b) preocupação com detalhes;
c) sugestão de preocupação cientifica;
d) aproximação do ser humano e do animal através da palavra "crina";
e) simples sugestão de aspectos desagradáveis.

11. Afrânio Coutinho afirma que "o espírito de objetividade e imparcialidade científicas
faz com que o naturalista introduza na literatura todos os assuntos e atividades do
homem, inclusive os aspectos bestiais e repulsivos da vida, dando preferência às
camadas mais baixas da sociedade". Assinale a alternativa conveniente:
a) A afirmativa não encontra justificativa no texto.
b) A afirmativa encaixa-se no espírito do texto, perfeitamente.
c) A afirmativa é verdadeira mas encontra prova no texto.
d) A afirmativa contraria a texto
e) A afirmativa e o texto estão em campos estranhos entre si,
não apresentando nada em comum.

12. O espírito de cultura realista caracteriza-se por todos os itens abaixo, exceto:
a) espírito racionalista e prático dominantes;
b) positivismo de Comte;
c) cientificismo;
d) filosofia idealista;
e) visão materialista da vida.
13. O Romantismo foi objeto de crítica de escritores realistas, porque:
a) enfatizou o indivíduo
b) colocou em evidencia a imaginação;
c) mostrou-se sobremaneira egocêntrico;
d) possuía uma visão superficial da vida;
e) foi excessivamente moralista.

14. Os estilos de época realista e naturalista têm todas as características abaixo,


exceto:
a) objetividade;
b) retrato da vida contemporânea;
c) impessoalidade;
d) amoralismo;
e) ênfase no patológico.

15. O Naturalismo se caracteriza por todos os itens abaixo, exceto:


a) visão mecanicista da vida; b) amoralismo;
c) preferência pelos casos patológicos;
d) estudo do homem abstrato;
e) preocupação cientificista.

16. O Naturalismo:
1. Corresponde a atualização das teorias deterministas na arte.
2. E a configuração da arte dionisíaca.
3. Trata as personagens como "casos" problemáticos.

17. O Realismo:
1. Busca retratar a realidade como ela é.
2. Teoricamente pretende defender uma tese.
3. Preocupa-se com o "inquérito social",

18. Explique as características realistas:

a) Objetivismo:
b) narrativa lenta:
c) preocupação científica:
d) tempo presente:
e) aspecto social:

18. Apenas um é autor realista. Qual?


a) Tomas Antonio Gonzaga.
b) Basílio da Gama.
c) Jose de Alencar.
d) Gregório de Matos Guerra.
e) Machado de Assis.
19. Escreva (V), se a afirmativa for verdadeira e (F), se a afirmativa for falsa em relação
ao realismo.
a)( ) "0 autor procura retratar um ser verossímil, possível de existir no plano real."
b) ( ) "Buscam a .verdade objetiva, fruto do cientificismo."
c)( ) "A verdadeira poesia encontra-se no interior do artista, de cuja sondagem traz
o universo mais profundo de si mesmo."
d)( ) "0 símbolo seria a forma pela qual o artista encontraria a origem da primeira
emoção, da sugestão associada aquilo que é vago ou impalpável,"
e)( ) "Procura a verdade social e, por isso mesma, escolhe o seu assunto dentro da
sua época e do seu meio."
f)( ) “A descrição é minuciosa e a sua narração, é vagarosa.

20. Aqui, no Brasil, destaca-se como autor naturalista:


a) Erico Veríssimo;
b) Castro Alves;
c) Silva Alvarenga;
d) Aluisio de Azevedo;
e) Machado de Assis.

21. "Os atos humanas devem ser pesquisados em toda a sua profundidade,
importando indicar-lhes as causas e as consequências, independentemente de
qualquer preconceito moral que o ato em si possa trazer; o artista é um médico, a
personagem é um paciente, uma cobaia; cobaia não tem moral."

O fragmento acima faz referência ao:


a) realismo;
b) romantismo;
c) parnasianismo;
d) arcadismo;
e) naturalismo.