Você está na página 1de 1

📖 ATUALIZAÇÃO LEGISLATIVA IMPORTANTE - DIREITO ADMINISTRATIVO


📍 Vale destacar que essas inovações legislativas somente poderão ser exigidas no Exame
de Ordem a partir da XXVIII Edição, uma vez que vieram após a publicação do edital da
XXVII Edição do certame


1) Decreto 9.507/2018

Segundo o artigo 3º do decreto, não serão objeto de execução indireta na Administração
Pública federal direta, indireta, autárquica e fundacional os seguintes serviços:

📍 que envolvam tomada de decisão ou posicionamento nas áreas de planejamento,
coordenação, supervisão e controle;
📍 considerados estratégicos pelo órgão (proteção de controle de processos e de
conhecimentos e tecnologias);
📍 relacionados a poder de polícia, de regulação, de outorga de serviços públicos e
aplicação de sanções;
📍 inerentes às categorias funcionais abrangidas pelo plano de cargos do órgão ou
entidade (a não ser que haja disposição legal em contrário ou se tratar de cargo em
extinção).

🚨🚨 Importante: perceba que não será possível a contratação de serviços para o
desempenho de funções atribuídas por lei às diversas carreiras federais.

Fica proibida a terceirização de cargos de chefia, que envolvam conhecimento estratégico
ou atividades que envolvam fiscalização ou regulação, como auditoria fiscal ou do trabalho,
ou na área de segurança pública.


Já para as Empresas públicas e Sociedades de economia mista controladas pela União,
restou proibida a contratação de serviços que demandem a utilização de de profissionais
com atribuições inerentes às dos cargos integrantes de seus Planos de Cargos e Salários,
com algumas exceções previstas no art. 4º do referido decreto.

Também foram previstas disposições no sentido de evitar o nepotismo.