Você está na página 1de 1

A situa��o selecionada na obra As Intermit�ncias da Morte de Jos� Saramago � um

epis�dio familiar que nos d� conta do mal-estar provocado pela presen�a de um av�
que, durante as refei��es com o filho, a nora e o neto, treme muito das m�os,
deixando cair a comida em cima da toalha e dos guardanapos, causando irrita��o aos
familiares. Ent�o, o filho arranja uma tigela de madeira e ordena ao pai que passe
a comer sentado na soleira da porta, ao que a nora e o neto aceitam sem questionar.
No entanto, o neto, ao presenciar aquele tratamento, decide construir uma tigela de
madeira para oferecer ao seu progenitor quando for velhinho. Ao tomar conhecimento
da inten��o do filho, o pai arrepende-se amargamente do que havia feito ao idoso,
pedindo-lhe perd�o e levando-o novamente para a mesa para lhe dar de comer na boca.

Da situa��o exposta, retiramos uma moral, a partir do prov�rbio popular, �n�o fa�as
aos outros aquilo que n�o queres que te fa�am a ti�. J� dizia algu�m que �a voz do
povo � a voz de Deus�, pois � uma grande verdade. O filho ao temer ter o mesmo
tratamento que estava a dar ao pai, refletiu e arrependeu-se do que estava a fazer
ao seu pai.

Bernardo Oliveira