Você está na página 1de 1

na Usina

Boletim Nº 01 Maio/07

CONDENSADORES
Condensadores são uma preocupação constante em 1 2
todas as usinas, seja nas caixas de evaporação ou
nos cozedores, seu perfeito funcionamento é
influenciado diretamente pela vazão e temperatura
A
de água de condensação/selagem.
D
Em função da grande necessidade de redução do 3
consumo de água dentro da usina, seja por falta E
deste recurso ou pelo custo sempre crescente, ainda F
B C
temos a forte pressão ambiental para utilizar cada
vez menos água dentro da usina.
O vapor proveniente das caixas (Ponto A) passa por
Para poder reduzir o consumo de água a GEA
um separador de arraste, é condensado parcialmente
sugere o Retrofit para os condensadores existentes,
no primeiro condensador (1), onde utilizamos a
onde podemos aumentar a capacidade atual em até
saída de água quente em um aquecedor de caldo em
35% nas mesmas condições de operação ou até
recirculação, em seguida o restante do vapor segue
reduzir a vazão de água com temperaturas de saída
para o segundo condensador (2) que é alimentado
maiores. Esta modificação em equipamentos
pela água de torre (3), onde esta água após ser
existentes é ilustrada a seguir, onde podemos ver à
aquecida pelos vapores, passa por um outro
esquerda o condensador atual que, recebendo os
aquecedor de caldo antes de retornar para a torre,
novos sprays e bandeja transforma-se no da direita,
sendo assim já resfriada pelo processo. Com esta
aproveitando-se o mesmo corpo cilíndrico.
configuração obtemos as seguintes vantagens:
¾ Reduzimos a vazão de água na torre, pois a
água utilizada no condensador 1 não circula
pela mesma;
¾ Aquecemos o caldo recuperando energia do
processo e reduzimos a temperatura de retorno
da água (Ponto F) com menor perda por
evaporação na torre.
O quadro a seguir resume os parâmetros obtidos
com o sistema de condensação em duas etapas.
Uma segunda sugestão da GEA é aplicação do Ponto Fluido Temperatura
condensador de contato direto no sistema de A Vapor 65ºC
condensação em duas etapas, onde se utiliza o B Água barométrica 1 63ºC
próprio caldo misto para economizar água e ao
C Água barométrica 2 45ºC
mesmo tempo recuperamos energia com grande
D Saída de caldo Misto 58ºC
eficiência. O sistema é ilustrado a seguir.
E Entrada de caldo Misto 25ºC
Álvaro Salla
GEA do Brasil Intercambiadores Ltda.
Estrada SP 354, km 43,5 – Franco da Rocha – SP
Fone: 11 4447 8826 – Fax: 11 4447 8830