Você está na página 1de 6

||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
DIREITO ADMINISTRATIVO QUESTÃO 13

Maria, médica e servidora concursada da rede pública de


QUESTÃO 11 saúde do estado de Minas Gerais, trabalhava em hospital localizado
em Belo Horizonte. Após responder a processo administrativo
A secretaria de educação de um estado da Federação disciplinar por inassiduidade, Maria foi punida pelo seu superior
resolveu realizar licitação na modalidade convite com a finalidade hierárquico, agente legalmente competente, com remoção para
hospital público localizado na cidade de Juiz de Fora.
de contratar empresa para a construção de novas escolas. Encerrada
a licitação, com a habilitação das empresas e a classificação das De acordo com a doutrina e a Lei Estadual n.º 869/1952, a punição
propostas, o processo administrativo foi enviado ao secretário de aplicada a Maria configura
educação do estado, autoridade competente para a aprovação do
A abuso de poder, na modalidade excesso de poder, uma vez que
procedimento. Após examinar o processo, o secretário identificou não foi respeitada a competência legalmente prevista para a
que, devido ao valor da licitação, a modalidade juridicamente aplicação da penalidade.
adequada seria a concorrência. B legítimo exercício do poder hierárquico, uma vez que a relação
de hierarquia pressupõe a competência do superior para aplicar
aos subordinados penalidades, como a remoção.
À luz da Lei n.º 8.666/1993 e da Lei Estadual n.º 14.184/2002, a C abuso de poder, na modalidade desvio de poder, uma vez que
autoridade competente o ato administrativo de remoção foi praticado com finalidade
diversa da prevista em lei.
D legítimo exercício do poder de polícia, uma vez que a
A deverá revogar a licitação por razões de conveniência e
administração pública possui a prerrogativa de limitar direitos
oportunidade, desde que a decisão não acarrete lesão ao individuais para salvaguardar a ordem pública.
interesse público e prejuízo a terceiros. E legítimo exercício do poder disciplinar, uma vez que Maria
violou o seu dever funcional de assiduidade.
B poderá anular a licitação por razões de ilegalidade, desde que
QUESTÃO 14
provocada por alguma das empresas convidadas e assegurada
a correspondente indenização pelos prejuízos causados. O tribunal de contas de um estado, ao analisar as contas de
determinado prefeito, verificou que houve gasto de recursos
C poderá revogar a licitação por razões de interesse público, públicos com a elaboração de cartilhas escolares com nomes,
desde que o fato superveniente identificado esteja comprovado símbolos e imagens que caracterizavam a promoção pessoal de
no processo administrativo. autoridades públicas do município.

D deverá anular de ofício a licitação, por motivo de ilegalidade, Nessa situação, a conduta do prefeito afrontou especialmente o
mediante parecer escrito e devidamente fundamentado. princípio da
E poderá optar pela convalidação da licitação para atender ao
A eficiência.
princípio da economicidade, desde que observado o prazo B boa-fé.
decadencial de três anos. C razoabilidade.
D impessoalidade.
QUESTÃO 12
E economicidade.
De acordo com a Lei Estadual n.º 869/1952, o ato pelo qual o QUESTÃO 15
servidor aposentado reingressa no serviço público, após verificação,
De acordo com a Lei n.º 13.303/2016, a entidade dotada de
em processo administrativo, de que não subsistem os motivos personalidade jurídica de direito privado, com criação autorizada
determinantes da aposentadoria, denomina-se por lei e com patrimônio próprio, cujo capital social é integralmente
detido pela União, pelos estados, pelo Distrito Federal ou pelos
municípios, é a
A reversão.
B readaptação. A autarquia.
B fundação.
C transferência.
C organização social.
D reintegração. D sociedade de economia mista.
E aproveitamento. E empresa pública.
||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

QUESTÃO 16 QUESTÃO 19

O governo do estado de Minas Gerais pretende celebrar De acordo com a Lei n.º 8.429/1992, agente público que pratique
parceria com determinada pessoa jurídica de direito privado sem dolosamente ato de improbidade administrativa estará sujeito, entre
outras, às penalidades de
fins lucrativos qualificada como organização da sociedade civil de
interesse público (OSCIP). O ajuste administrativo envolve o A reclusão e pagamento de multa, no caso de omissão do dever
repasse de recursos financeiros estaduais para a capacitação de de prestar contas.
professores da rede pública estadual. B suspensão dos direitos políticos e proibição de contratar com
o poder público, no caso de concessão indevida de benefício
tributário.
No caso apresentado, para atrair o regime jurídico aplicável às
C ressarcimento integral do dano e perda da função pública, no
OSCIP, o instrumento jurídico a ser celebrado entre as partes caso de ordenação de despesas não autorizadas por lei.
deverá ser o D perda dos bens acrescidos ilicitamente ao patrimônio e
proibição de receber benefícios fiscais, no caso de ato que
A contrato de direito privado. frustra a licitude de concurso público.
B convênio. E detenção e ressarcimento integral do dano, no caso de
utilização, em proveito próprio, de bens integrantes do acervo
C contrato de gestão. patrimonial de autarquia estadual.
D contrato administrativo de concessão patrocinada.
QUESTÃO 20
E termo de parceria.
Compete aos tribunais de contas estaduais
QUESTÃO 17
A julgar as contas dos administradores e demais responsáveis por
Conforme a Lei n.º 8.666/1993, o regime jurídico dos contratos dinheiros, bens ou valores públicos de entidade da
administrativos confere à administração pública a prerrogativa de administração pública indireta estadual.
B suspender, de forma cautelar e unilateral, a execução de
A rescindi-los, unilateralmente, no caso de a contratada paralisar contrato administrativo celebrado irregularmente por autarquia
estadual.
a obra sem justo motivo e sem prévia comunicação à
C exercer o controle interno do poder executivo estadual quanto
administração pública. à eficácia e à eficiência da gestão orçamentária, financeira e
B alterá-los, unilateralmente, para aumentar em mais de 50% o patrimonial.
valor do contrato no caso de ser necessário ampliar a D apreciar, para o fim de registro, a legalidade dos atos de
quantidade do objeto contratado. admissão de pessoal, incluídas as nomeações para cargos de
provimento em comissão.
C aplicar a sanção de suspensão permanente de participação em
E fiscalizar os recursos federais repassados pela União às pessoas
licitações públicas à empresa contratada no caso de inexecução jurídicas de direito privado sem fins lucrativos localizadas no
total do ajuste. território estadual.
D ocupar provisoriamente bens imóveis vinculados ao objeto do
DIREITO CONSTITUCIONAL
contrato, independentemente da essencialidade do serviço.
E optar pelo contrato verbal nos casos de serviços prestados de QUESTÃO 21

forma continuada. De acordo com a Constituição Federal de 1988, é assegurada a


todos os partidos políticos
QUESTÃO 18

Determinado município pretende delegar, a título não A a obtenção de recursos do fundo partidário para custear o
acesso a rádio e televisão.
precário, a prestação do serviço de transporte público municipal à
B a aquisição de personalidade jurídica na forma da lei civil.
iniciativa privada, admitindo a cobrança de tarifa do usuário. Após
C a vinculação entre candidaturas em âmbito nacional, estadual,
a realização do devido procedimento licitatório, foi escolhida a distrital ou municipal.
melhor proposta. D a utilização de organização paramilitar.
E a recepção de recursos financeiros de entidade estrangeira,
De acordo com a legislação pertinente, o instrumento jurídico a ser desde que declarados.
celebrado deverá ser o QUESTÃO 22

A capacidade eleitoral ativa é inviabilizada pela


A contrato de autorização de serviço público.
B contrato de concessão de serviço público. A inalistabilidade.
C contrato administrativo de empreitada integral. B incompatibilidade.
D contrato de concessão administrativa. C inelegibilidade funcional.
D descompatibilização.
E contrato de adesão de permissão de serviço público.
E inelegibilidade relativa reflexiva.
||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

QUESTÃO 23 QUESTÃO 28

A Constituição Federal de 1988 dispõe que são bens da União As leis delegadas, elaboradas pelo presidente da República, são
medidas que
A as ilhas fluviais e lacustres.
B as ilhas oceânicas e costeiras. A impedirão que o Congresso Nacional legisle acerca de matéria
C as águas superficiais fluentes. que já seja objeto de lei delegada.
D as águas subterrâneas em depósito. B poderão tratar dos planos plurianuais.
E as terras devolutas indispensáveis à preservação ambiental.
C terão a forma de resolução do Congresso Nacional, que
QUESTÃO 24 especificará seu conteúdo e os termos de seu exercício.
Determinado estado-membro se desfez de parte de seu D serão apreciadas pelo Congresso Nacional — separadamente,
território, e a população ali residente foi unida a outro em cada uma das casas que compõem esse órgão.
estado-membro, sem que aquele perdesse a sua identidade E poderão ser estendidas para além do período da legislatura.
originária.
QUESTÃO 29

Nessa situação, ocorreu a modalidade de formação de estados O Tribunal de Contas da União é competente para
federados denominada
A criar tribunais de contas nos estados-membros.
A fusão.
B incorporação. B entregar os recursos dos fundos constitucionais de
C subdivisão. participação.
D desmembramento por anexação. C representar exclusivamente ao Supremo Tribunal Federal em
E desmembramento por formação. caso de desobediência a auditoria contábil de sua alçada.
D fiscalizar as contas nacionais das empresas supranacionais de
QUESTÃO 25
cujo capital social a União participe.
O tribunal de contas estadual poderá recomendar a intervenção do E julgar conflitos de atribuições entre tribunais de contas dos
estado em município caso estados e a União.

A não tenha sido aplicado o mínimo da receita municipal para a QUESTÃO 30


manutenção da segurança pública.
A unidade, a indivisibilidade e a independência funcional são
B o ente municipal deixe de pagar, por um ano, a dívida fundada.
princípios institucionais das seguintes carreiras que exercem
C haja indícios da prática de ato de improbidade pelo prefeito.
funções essenciais à justiça:
D não tenha sido aplicado o mínimo exigido da receita municipal
na manutenção e no desenvolvimento do ensino.
A Ministério Público e advocacia pública.
E o prefeito apresente as contas após o prazo determinado em lei.
B Defensoria Pública e advocacia pública.
QUESTÃO 26
C Ministério Público e Defensoria Pública.
A Constituição Federal de 1988 veda expressamente a edição de D advocacia pública e auditoria dos tribunais de contas.
medida provisória que E Ministério Público e auditoria dos tribunais de contas.
A regulamente a concessão de serviços locais de gás canalizado. DIREITO FINANCEIRO
B implique a instituição ou majoração de impostos.
C regulamente o regime de portos e a navegação lacustre, fluvial, QUESTÃO 31
marítima, aérea e aeroespacial.
D verse sobre a seguridade social. Ao apreciar a legalidade do orçamento público, um auditor
E trate das diretrizes e bases da educação nacional. de contas identificou leis delegadas, decisões judiciais, medidas
provisórias e resoluções do Senado Federal que versavam sobre
QUESTÃO 27
orçamento público.
No auxílio a comissão parlamentar de inquérito, o tribunal de
contas poderá Nessa situação hipotética, o auditor deve

A determinar o arresto de bens do investigado. A desconsiderar as medidas provisórias e aplicar as leis


B julgar as contas do presidente da República que tenham sido delegadas.
reprovadas. B observar os limites fixados em resoluções do Senado Federal
C solicitar que membro do tribunal de contas seja inquirido em e considerar a jurisprudência orçamentária.
local, dia e hora previamente ajustados.
C dispensar a jurisprudência orçamentária e aplicar as medidas
D julgar a legalidade dos atos de admissão de pessoal na
provisórias.
administração pública.
E sustar o pagamento de despesa executiva irregular que possa D ignorar o aspecto político das referidas normas financeiras.
causar dano irreparável à economia pública. E fazer cumprir as leis delegadas e as medidas provisórias.
||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

QUESTÃO 32 QUESTÃO 36

Considere que um empenho classificado como global tenha sido O controle financeiro e contábil exercido pelo Tribunal de Contas
cancelado em decorrência de descumprimento de obrigação pelo do Estado de Minas Gerais
fornecedor durante o último mês do mandato de determinado
prefeito. A esse respeito, julgue os seguintes itens. A não se submete às regras constitucionais previstas para o
Tribunal de Contas da União.
I A motivação dada para o cancelamento do empenho é válida. B poderá atingir somente as pessoas jurídicas e os servidores
II O cancelamento do empenho tem fundamento na conveniência públicos.
administrativa. C abrange aspectos operacionais e de cumprimento de metas.
III No último mês do mandato de prefeito, é válido empenho em D ocorrerá apenas de forma concomitante ou subsequente ao ato
impugnado.
valor superior a um duodécimo da despesa prevista no
E abrange o mérito e a conveniência do ato impugnado no
orçamento vigente.
aspecto contábil.
Assinale a opção correta. QUESTÃO 37

Receita decorrente de royalties da exploração de gás natural e


A Apenas o item I está certo. auferida por município de estado federado é classificada como
B Apenas o item II está certo.
C Apenas o item III está certo. A transferência corrente.
D Apenas os itens I e II estão certos. B outras receitas correntes.
E Apenas os itens II e III estão certos. C receita de serviços.
D receita industrial.
QUESTÃO 33
E receita patrimonial.
Fundo público criado por meio de lei ordinária, com dotação QUESTÃO 38
genérica e sem especificação dos gastos concretos de sua atuação,
será analisado pelo Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais A classificação das receitas tributárias adotada pela
como Lei n.º 4.320/1964 abrange

A receita oriunda de empréstimos compulsórios.


A regular, pois os fundos são exceção ao princípio da
B receita oriunda de contribuições especiais.
especificação e da unidade da tesouraria.
C receita oriunda de alienações de bens.
B irregular, visto que os fundos devem obedecer ao princípio da D receita oriunda de contribuições de melhoria.
especificação dos gastos. E juros oriundos de operação de amortização de empréstimos.
C irregular, uma vez que a criação de fundo deve se dar por meio
QUESTÃO 39
de lei complementar.
D irregular quanto ao princípio da especificação, porque os De acordo com a Constituição Federal de 1988 e a Lei de
fundos são exceção ao princípio da unidade de tesouraria. Responsabilidade Fiscal, o rol de competências dos tribunais de
E regular, pois a criação, a instituição e o funcionamento dos contas abrange
fundos devem ser determinados por lei ordinária.
A a fiscalização dos limites da despesa de pessoal em relação à
QUESTÃO 34 receita patrimonial.
Empréstimo tomado por ente federativo para atender a despesas de B a legalidade das nomeações para cargos de provimento em
comissão para fins de registro.
restos a pagar
C a realização de controle interno do Ministério Público.
D a apreciação de concessão de reforma militar para fins de
A pode ensejar intervenção federal se não ocorrer o pagamento
registro.
da dívida no exercício seguinte.
E a função de alerta quando o montante da despesa total com
B é receita pública em sentido estrito. pessoal ultrapassar metade do limite.
C aumenta a dívida pública fundada.
QUESTÃO 40
D possui a mesma classificação da dívida para atender a
depósitos de cauções. O tribunal de justiça, ao requisitar a inclusão na lei orçamentária
E integra a dívida de longo prazo. anual dos valores decididos judicialmente a título de precatório,
exerce atividade de natureza
QUESTÃO 35

O princípio do equilíbrio orçamentário A administrativa decorrente de decisão judicial provisória ou


definitiva.
B judicial, mas, ainda assim, se submete à fiscalização pelos
A veda a consignação de dotação global.
tribunais de contas.
B permite flexibilização em momento de recessão econômica. C judicial decorrente de decisão judicial definitiva ou provisória.
C impede a existência de déficits públicos. D administrativa, submetendo-se, assim, à fiscalização pelos
D dispensa o estabelecimento de metas fiscais. tribunais de contas.
E exige o planejamento de ações orçamentárias por meio de E judicial, razão por que não se sujeita à fiscalização pelos
programas. tribunais de contas.
||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

NOÇÕES DE CONTABILIDADE QUESTÃO 44

O princípio orçamentário da exclusividade foi consagrado


E DE AUDITORIA na Constituição Federal de 1988 (CF) por meio da determinação
de que a lei orçamentária anual não contenha dispositivo
QUESTÃO 41 estranho à previsão da receita e à fixação da despesa. No entanto,
a CF prevê como exceção a essa regra a autorização para
Uma companhia efetuou, em 1.º/9/2017, pagamento a abertura de créditos
de prêmio de seguro, no valor de R$ 1.800.000, referente
à proteção de seus imóveis contra incêndios e outros sinistros A suplementares e para a liquidação dos passivos financeiros
pelo prazo de dois anos, a contar da data do pagamento. e dos restos a pagar.
B especiais e suplementares e para a contratação de operações
Considerando-se essa situação hipotética, é correto afirmar que, de crédito, exceto por antecipação de receita.
C suplementares e para a contratação de operações de crédito,
em 31/12/2017, com referência às despesas de seguro pagas ainda que por antecipação de receita.
antecipadamente, deve ter constado do ativo não circulante D suplementares e para a contratação de operações de crédito,
da companhia o valor de exceto por antecipação de receita.
E especiais e para a contratação de operações de crédito,
A R$ 600.000. ainda que por antecipação de receita.
B R$ 1.500.000. QUESTÃO 45
C R$ 300.000.
De acordo com a Lei Complementar n.º 101/2000, o relatório
D R$ 900.000. de gestão fiscal deve conter
E R$ 1.800.000.
A a demonstração do volume de recursos licitados para
QUESTÃO 42 obras públicas.
B o comparativo do montante total das despesas de pessoal
A tabela seguinte apresenta dados, em reais, retirados
com os limites estabelecidos nessa lei.
da demonstração do resultado do exercício de uma companhia C o balanço orçamentário e o balanço patrimonial.
no período de 20XX. D a apuração da receita corrente líquida.
E a apuração dos resultados nominal e primário.
receita de vendas de mercadorias 800.000 QUESTÃO 46

devolução de vendas 50.000 Um auditor independente examinou se determinado critério


de avaliação do objeto de asseguração inclui os devidos pontos de
descontos condicionais concedidos 40.000 referência e pode influenciar as conclusões no contexto do trabalho.

impostos sobre vendas 200.000 Nessa situação hipotética, o auditor realizou o exame de

custo das mercadorias vendidas 350.000 A neutralidade.


B integridade.
C entendimento.
Considerando-se essa tabela, o valor da receita líquida relativo
D relevância.
ao período em questão é igual a E confiabilidade.
QUESTÃO 47
A R$ 510.000.
B R$ 560.000. Ao verificar a racionalidade com que os recursos alocados a
C R$ 200.000. determinados programas em um órgão público são aplicados, o
auditor governamental realiza o exame de
D R$ 550.000.
E R$ 160.000. A eficiência.
B efetividade.
QUESTÃO 43
C contas.
De acordo com a Lei n.º 4.320/1964 e o Decreto n.º 93.872/1986, D economicidade.
a dívida flutuante compreende E eficácia.
QUESTÃO 48
A as despesas de exercícios anteriores.
Sabendo que a documentação de auditoria, independentemente do
B os restos a pagar e as operações de crédito por antecipação meio de sua elaboração, deve ser organizada e agrupada segundo
de receitas. sua finalidade, assinale a opção que indica a informação que deve
C a dívida pública representada por títulos emitidos pela União, ser arquivada como documentação de conteúdo corrente.
incluídos os do Banco Central do Brasil.
A composição da estrutura organizacional
D obrigações que dependam de autorização legislativa para
B cópias de demonstrações financeiras
amortização ou resgate. C correspondência enviada ou recebida
E créditos e valores realizáveis independentemente de D planos e metas de longo prazo
autorização orçamentária e os valores numerários. E pedidos e comprovantes de diárias
||418_TCEMG_001_02N981912|| CESPE | CEBRASPE – TCEMG – Aplicação: 2018

QUESTÃO 49

O auditor designado para planejar a supervisão dos membros da equipe de auditoria poderá, em seu planejamento, ignorar

A os riscos de distorções relevantes.


B a capacidade dos membros individuais da equipe.
C as auditorias anteriormente realizadas.
D o porte e a complexidade da entidade.
E a área da auditoria.
QUESTÃO 50

A respeito da formação da opinião do auditor e da emissão do relatório de auditoria, assinale a opção correta.

A A conclusão do auditor deve restringir-se à obtenção de evidência de auditoria apropriada.


B A avaliação da adequação da apresentação das demonstrações contábeis é obrigatória.
C O parágrafo introdutório do relatório deve fazer referência ao resumo das principais práticas contábeis.
D O relatório do auditor independente pode ser emitido por escrito ou oralmente.
E O relatório do auditor independente deve ser endereçado com exclusividade à administração da entidade auditada.
Espaço livre