Você está na página 1de 22

PASSO A PASSO: MONTANDO UM

E-COMMERCE DE ALTO FATURAMENTO


INTRODUÇÃO............................................................................................. 3

ESCOLHA UM NICHO DE MERCADO PROMISSOR......................... 4

PROFISSIONALIZE TODA A EQUIPE ENVOLVIDA.......................... 8

TENHA UMA ESTRUTURA DE ALTA QUALIDADE.........................11

CONTE COM FORNECEDORES DE CONFIANÇA............................ 14

FOQUE NA EXPERIÊNCIA E NA DEMANDA DOS CLIENTES..... 18

CONCLUSÃO............................................................................................. 21

SOBRE A ESCOLA DE E-COMMERCE...............................................22


3

Introdução
A verdade é que, com os recursos atuais,
criar uma loja virtual não é nada difícil.
Aliás, praticamente todo mundo conseguiria
A internet abriu as portas para negócios se tentasse.
de todos os tipos. De grandes empresas a
pequenos empreendedores, qualquer pessoa O problema é que, por ser um mercado de
ou marca pode ter seu cantinho na web para fácil entrada, o e-commerce leva muita
vender um produto ou oferecer um serviço. gente a se jogar nesse universo sem saber
Justamente por isso existem tantas lojas muito bem como agir. O desafio está, então,
virtuais atualmente no mercado! em manter o negócio em alta e com bons
resultados no longo prazo!
Segundo um estudo recente, o Brasil
superou a marca de 600 mil sites de Neste e-book, vamos contar alguns segredos
e-commerce em 2017. Bem impressionante, para você criar um e-commerce de sucesso
não concorda? No entanto, um outro e, melhor que isso, para conseguir mantê-lo
número pode causar ainda mais espanto: o no mercado com um alto faturamento!
tempo médio de vida das lojas é de apenas
6 meses! Mas o que exatamente esse Acompanhe nossas dicas e aproveite para
desequilíbrio significa?. alavancar seu negócio!

INTRODUÇÃO
4

Escolha um
nicho de
mercado
promissor
Ao começar um negócio, muita gente
costuma pensar que a variedade de produtos
oferecida é igualmente proporcional ao
número de vendas fechadas. Seguindo essa
lógica, quanto mais itens a loja oferece, mais
lucro tem, certo? Pois não é bem por aí. Por
mais que esse pensamento pareça lógico,
pode se mostrar um tiro no pé.
5

Na prática, com o mercado de e-commerce cada Dessa forma, você consegue administrar uma
vez mais concorrido, a disputa pela atenção do operação mais enxuta, ao mesmo tempo em que
consumidor online também tem se tornado mais se destaca junto a um público segmentado, que
e mais acirrada. O que acontece, então, com uma geralmente não é atendido pelos grandes players
loja virtual que vende de tudo um pouco? Não do mercado.
chama a atenção de ninguém, pois se perde em
meio a tantas outras iguais a ela. Para definir seu mercado de atuação, vale dar
uma olhada na lista de categorias com melhor
E ainda existe um agravante: você não vai querer desempenho no primeiro semestre de 2017.
competir com os gigantes do e-commerce, certo? Os dados são do 36º WebShoppers, relatório
Empresas como Amazon, B2W e Magazine Luiza elaborado semestralmente sobre o universo
oferecem uma enorme variedade de produtos, e-commerce brasileiro.
mas só podem fazê-lo porque são marcas fortes,
com estruturas robustas, verbas astronômicas e Em volume de pedidos, as melhores categorias
milhões de visitantes! mostram um consumidor mais maduro, que não
tem mais medo de comprar um produto sem
Um pequeno negócio só conseguiria concorrer experimentar. As informações das lojas, cada vez
com essas potências se escolhesse um nicho mais completas, e a possibilidade de devolução
para atuar, especializando-se nele. sem maiores entraves favorecem isso.

ESCOLHA UM NICHO DE MERCADO PROMISSOR


6

Para você ter uma ideia:

dos pedidos são do setor de moda e


14,8%
acessórios, que ocupa o primeiro lugar;

12,2% a área de saúde, cosméticos e perfumaria


vem em segundo lugar;

10,6% o mercado voltado para itens de casa e


decoração chega em terceiro.

As categorias com melhor faturamento também


revelam amadurecimento, mas dessa vez em
relação aos gastos, já que são segmentos de maior
valor agregado.

ESCOLHA UM NICHO DE MERCADO PROMISSOR


7

Percebe-se, portanto, que os compradores também ◆◆ sua afinidade com esse nicho;
não têm mais medo de gastar pela internet.Veja
como ficou esse top 3: ◆◆ o que você sabe sobre esse mercado;

◆◆ quais e quantos concorrentes


telefonia e celulares; já atuam na área;
22,3%

◆◆ como é o comportamento dos

18,8% eletrodomésticos; clientes dessas lojas.

Escolher o nicho depende, assim, da análise dos


concorrentes e do potencial do mercado, mas
9,6% eletrônicos.
também de seus próprios interesses, seus gostos e
conhecimentos.
Só com esses dados, você já consegue ter uma
noção melhor dos produtos mais promissores, Para acertar nessa decisão, pesquise, estude,
certo? Mas é claro que, para escolher um mercado reúna dados relevantes e analise tudo com
de atuação para chamar de seu, você também cuidado. Entre para o mundo do comércio virtual
precisa considerar outras questões. Pense sobre: com o pé direito!

ESCOLHA UM NICHO DE MERCADO PROMISSOR


8

Profissionalize
toda a equipe
envolvida
Hoje em dia, as barreiras de entrada no
e-commerce são pouquíssimas. Aliás, já existem
ferramentas e plataformas para facilitar a
administração das lojas virtuais, exigindo muito
pouco (ou às vezes até nenhum) conhecimento
técnico. Isso sem contar que empreender no
virtual é muito mais simples que abrir uma loja
física, que envolve mais riscos, burocracias e
investimentos.
9

Com um começo tão leve e descomplicado, é mais O segredo está, então, em profissionalizar as
que compreensível que tantas lojas abram na atividades. Essa atitude mostra que o empreendedor
internet, não concorda? O problema é que muitas vê a loja como uma verdadeira empresa e não um
delas fecharem logo nos primeiros meses também passatempo ou um trabalho informal. Para isso,
é natural, já que muitos empreendedores não tudo começa com um planejamento, que define
estão preparados para um cenário tão competitivo os objetivos e as metas do negócio, bem como as
e um consumidor tão exigente como acontece no estratégias para alcançá-los.
comércio eletrônico.
Para embasar as decisões do planejamento, é
O que precisamos tirar de lição disso é que uma loja essencial realizar uma boa análise do mercado, dos
virtual não é simplesmente um site na internet. produtos, do público e também dos concorrentes.
Se o lojista quer alcançar o sucesso, precisa tratar
seu e-commerce como o que ele efetivamente é: Sem contar que a profissionalização ainda passa
um negócio que demanda dedicação, organização pela organização financeira, para saber o que entra e
e estrutura para realizar suas operações e gerar o que sai de dinheiro, quanto você quer ganhar com
lucratividade. a loja e quanto pode cobrar pelos produtos.

PROFISSIONALIZE TODA A EQUIPE ENVOLVIDA


10

Depois, pesquise sobre as ferramentas disponíveis, como


plataformas de e-commerce e de cadastro de clientes (CRM),
e-mail marketing, pagamento e análise de dados, entre outras
inúmeras possibilidades.

Assim como sua equipe, o empreendedor online precisa


conhecer a internet e as tecnologias que podem facilitar sua
vida para fazer o melhor proveito possível delas.

Não tem como fugir: promover a profissionalização do


e-commerce é uma forma de se destacar, trazendo para sua
loja uma enorme vantagem competitiva. Assim, diante de
tantas iniciativas que entram no mercado sem sequer saber
onde estão ou para onde querem ir, seu negócio sairá na frente.

PROFISSIONALIZE TODA A EQUIPE ENVOLVIDA


11

◆◆ atrás do balcão, você precisa de um sistema


de gestão, planilhas financeiras, controle de
estoque, recebimento de pedidos e assim por
diante;

◆◆ do balcão para fora, a loja deve ter um


layout atrativo, produtos expostos de forma

Tenha uma
atrativa, opções de pagamento, estratégias de
marketing e por aí vai.

estrutura de Pois tudo isso vale também para o comércio

alta qualidade
eletrônico! A grande diferença é que, na internet,
o que oferece essa estrutura para o lojista é a
plataforma de e-commerce, responsável por tudo
Seja online ou offline, todo negócio precisa de aquilo que o visitante vê e por onde ele navega
uma estrutura para realizar suas operações. Para (ambiente chamado de front-end), bem como por
entender melhor, vamos fazer uma analogia com aquilo que o administrador precisa para gerenciar
as lojas físicas? Veja bem: o negócio (o famoso back-end).
12

É isso mesmo que você entendeu: toda a operação da


loja depende da plataforma. Portanto, investir em uma
estrutura confiável e de qualidade é o passo certo para
você não só conseguir oferecer uma boa experiência
ao cliente, mas também poder gerenciar sua loja com a
devida segurança, uma vez que seu pleno funcionamento
está garantido.

Entenda desde já: a plataforma não deve ser entendida


como um custo ou uma mera ferramenta. Na verdade,
esse é um investimento estratégico para promover um
crescimento sustentável e assegurar a escalabilidade do
seu e-commerce.

CONTE COM FORNECEDORES DE CONFIANÇA


13

Como são várias as opções de plataformas Depois, avalie as funcionalidades da


disponíveis no mercado, sejam gratuitas plataforma, tendo em mente que ela precisa
ou pagas, padronizadas ou personalizadas, facilitar sua vida, automatizando tarefas
com muitos ou poucos recursos, a escolha que dariam muito mais trabalho ao serem
do modelo ideal demanda muita pesquisa. feitas manualmente. Verifique, por exemplo,
A pergunta a ser respondida aqui é: qual a a possibilidade de integração com soluções
melhor solução para as características e de marketing digital, sistemas de ERP e
demandas da sua loja? CRM, gerenciadores de risco e gateways de
pagamento.
Pense na fase atual do seu negócio. Quantos
produtos você quer oferecer, quais são Dessa forma, é possível gerenciar toda a loja
suas prioridades (preço, personalização, em uma única plataforma, o que facilita (e
autonomia) e quanto pode investir? Mas muito) o controle do negócio.
reflita também sobre o futuro! Aonde sua
empresa quer chegar? Lembre-se de que uma Nesse cenário, você conseguirá agilizar
boa plataforma deve acompanhar a evolução tarefas, evitar falhas e acessar relatórios,
do negócio, já que trocar de fornecedor tudo para administrar seu e-commerce com
geralmente traz muitos transtornos. máximo cuidado e melhorar seus resultados.

CONTE COM FORNECEDORES DE CONFIANÇA


14

Para oferecer um serviço de qualidade, uma


loja virtual também precisa se cercar de bons
fornecedores. E um e-commerce lida com diversos
deles, como:

◆◆ plataformas de e-commerce;
◆◆ sistemas ERP;
◆◆ fabricantes ou fornecedores de produtos;
◆◆ plataformas de e-mail marketing;
◆◆ intermediadores de pagamento;
◆◆ agências de marketing digital;
◆◆ agências de design;

Conte com
◆◆ sistemas antifraude;
◆◆ empresas de logística.

fornecedores Por mais que essa lista tenha sido resumida, já dá

de confiança
para perceber a importância dos fornecedores para
um e-commerce, não é mesmo?
15

Afinal, são eles os responsáveis por Aí surgem os transtornos para


dar andamento a tarefas vitais para dar início ao mesmo ciclo
o desempenho do negócio, desde de insatisfação, reclamação,
a administração até a satisfação mancha à reputação e perda
do cliente. de audiência.

Sem um bom fornecedor de logística,


por exemplo, o produto pode demorar E se formos falar sobre problemas
mais que o prazo prometido para ser com o fornecedor da plataforma de
entregue, o que gera insatisfação, e-commerce, os prejuízos encheriam
pedidos de estorno, reclamações nas um outro e-book inteiro, uma vez que
redes sociais, mancha à reputação da toda a operação do negócio pode ser
empresa e perda de clientes. comprometida.

Já sem uma boa solução de segurança, Por essas e outras, a escolha dos
o cliente pode simplesmente desistir fornecedores deve ser cercada do
de comprar na sua loja ou, ainda pior, máximo de cuidado, resultando de
ter seus dados roubados. uma pesquisa realmente minuciosa.

CONTE COM FORNECEDORES DE CONFIANÇA


Quer saber como
fazer a escolha certa
quando precisar de um
fornecedor? Confira
algumas dicas:
17

◆◆ pesquise sobre o tempo de ◆◆ avalie a qualidade do atendimento


experiência da empresa e se ela nos primeiros contatos, pensando
já é consolidada no mercado que, caso contrate tal fornecedor,
— principalmente junto a lojas você precisará de suporte ágil e
virtuais, que demandam um prestativo;
know-how específico;
◆◆ conheça a infraestrutura e a
◆◆ investigue sobre a reputação tecnologia do fornecedor para saber
do fornecedor, seja por meio de se ele oferece a segurança de que
depoimentos de outros clientes você precisa;
em sites, nas redes sociais
ou em portais especializados ◆◆ priorize fornecedores adequados ao
na defesa do consumidor — porte da sua loja, independentemente
se possível, navegue pelos do valor cobrado — afinal, uma
sites desse clientes a fim de empresa menor e mais barata pode
experimentar as soluções dos não ser capaz de atender às suas
fornecedores na prática; demandas.

CONTE COM FORNECEDORES DE CONFIANÇA


18

Foque na
experiência e
na demanda
dos clientes
É fato: o sucesso de um negócio depende
de clientes. Sem eles, afinal, não há vendas.
E sem vendas não existe faturamento. É o
comportamento do consumidor, portanto, que
deve orientar as estratégias de marketing
dos e-commerces, desde a definição de preço,
passando pela criação do layout até chegar às
ações de relacionamento.
19

O que você tem que fazer, assim, é Com essas informações em mãos,
realmente conhecer o cliente da sua você consegue oferecer o pote de
loja. Isso significa pesquisar sobre o ouro do e-commerce a seus clientes:
perfil demográfico do público (idade, excelentes experiências de compra!
gênero, região, profissão e assim por
diante), seu estilo de vida, seus hábitos Diferentemente de uma loja no
de consumo, comportamentos e shopping, no meio online não é
interesses. possível ter contato físico com o
cliente. Assim, a experiência dentro da
loja virtual diz tudo sobre sua marca!
É importante também
conhecer sua jornada de A percepção sobre o layout, a
compra, que serve para navegação, o atendimento e o
identificar as ofertas e os checkout determinam o sucesso
conteúdos mais relevantes da venda e, consequentemente, sua
para cada etapa. reputação junto ao público.

FECHE PARCERIA COM UMA EMPRESA DE CONFIANÇA


20

Mas quais são os segredos para criar uma boa experiência e conquistar a confiança dos visitantes? Trouxemos aqui algumas
práticas essenciais:

◆◆ ofereça uma navegação intuitiva, que faça com ◆◆ crie um layout responsivo, que se adapte a
que o usuário encontre facilmente o que deseja e qualquer tamanho de tela, já que cada vez mais
consiga finalizar suas compras sem dificuldade; os consumidores pesquisam e compram em
dispositivos móveis;
◆◆ garanta que todos os botões e links estejam
funcionando, especialmente no checkout, ◆◆ melhore a velocidade de carregamento das
momento em que um erro na página leva o páginas, especialmente em tablets e celulares, pois
usuário a desistir da compra; isso é um fator para evitar o abandono de carrinho;

◆◆ facilite o preenchimento de dados para que ◆◆ apresente selos e certificações de segurança para
o usuário não perca tempo com informações o cliente se sentir suficientemente seguro para
desnecessárias; inserir dados pessoais e de pagamento na sua loja;

◆◆ invista em um design simples e limpo, que ◆◆ esteja disponível e preste um atendimento ágil
facilite a visualização do site e transmita mais e eficiente sempre que surgir uma dúvida ou um
confiança à marca; problema.

FECHE PARCERIA COM UMA EMPRESA DE CONFIANÇA


21

Conclusão
Atualmente, todos os holofotes do Por isso, o empreendedor que quer
e-commerce se voltam para a experiência montar uma loja virtual de alto
do usuário, que impacta diretamente faturamento precisa pesquisar
nas taxas de conversão da loja virtual. sobre os nichos do mercado,
Isso porque o visitante que não se sente profissionalizar seu negócio e criar
seguro, bem atendido e informado acaba uma estrutura confiável.
desistindo da compra.
Só assim ele terá a base necessária
Só que, embora seja vital para o sucesso para satisfazer os clientes e,
da loja, a experiência do cliente é só consequentemente, alcançar o
a ponta de um processo que começa sucesso! Esperamos que você
bem antes, na gestão do negócio. Como tenha gostado da leitura e que
vimos neste e-book, um e-commerce aproveite nossas dicas para obter
não é apenas um site na internet. É, na resultados sensacionais com seu
verdade, uma empresa completa! e-commerce.
rockcontent.com

Fundada há mais de 14 anos, a Tray é a unidade de


e-commerce da Locaweb. Hoje, possui mais de 7 mil lojistas
em sua carteira de clientes e um time com 220 pessoas.

Em 2016, comprou a Fbits, desenvolvedora de plataformas e


ferramentas de e-commerce para o mercado corporativo. Com
isso, passou a oferecer um portfólio de produtos e serviços
voltados para o comércio eletrônico, que auxilia desde o
grande varejista ao novo empreendedor.

O que Tray e Fbits têm a ver com a Escola de e-commerce?


Pois essa é a dupla responsável por manter esse projeto no ar!