Você está na página 1de 27

Análise de Circuitos I

Sumário

CODIFICAÇÃO DE CORES PARA RESISTORES DE 4 FAIXAS.......................................3


CODIFICAÇÃO DE CORES PARA RESISTORES DE 5 FAIXAS.......................................5
VALORES PADRONIZADOS PARA RESISTORES DE PELÍCULA ..................................7
Laboratório de Eletrônica – Código de cores para Resistores ..............................................8
Laboratório de Eletrônica – Medidas de Resistores ...........................................................10
Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito série) ................................12
Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito paralelo)...........................14
Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito misto I) ............................16
Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (circuito misto II)............................18
Laboratório de Eletrônica – Característica do Diodo Retificador .......................................20
Laboratório de Eletrônica – Característica do Diodo Retificador .......................................22
Laboratório de Eletrônica – Capacitores I .........................................................................24
Laboratório de Eletrônica – Capacitores II ........................................................................26

2
Análise de Circuitos I

CODIFICAÇÃO DE CORES PARA RESISTORES DE 4 FAIXAS

É a codificação para os resistores mais facilmente encontrados no mercado. Em sua maioria


são de pouca precisão, 5% ou 10% de tolerância, sendo que se pode encontrar alguns com 2%
de tolerância.
Sua leitura baseia-se na posição espectral dos anéis, ou seja, na posição das faixas no corpo do
resistor. A primeira faixa fica localizada mais próxima da extremidade do componente,
seguida das demais conforme ilustração abaixo. Observe que a 4ª faixa encontra-se um pouco
mais afastada das outras.

Terminais
Corpo

1ª 2ª 3ª

Cada cor terá um valor, dependendo da faixa onde se encontra, conforme tabela abaixo:

COR 1ª FAIXA 2ª FAIXA 3ª FAIXA 4ª FAIXA


PRETO PT - 0 ×100 -
MARROM MR 1 1 ×101 -
VERMELHO VM 2 2 ×102 ±2%
LARANJA LJ 3 3 ×103 -
AMARELO AM 4 4 ×104 -
VERDE VD 5 5 ×105 -
AZUL AZ 6 6 ×106 -
ROXO RX 7 7 - -
CINZA CZ 8 8 - -
BRANCO BC 9 9 - -
OURO OU - - ×10-1 ±5%
PRATA PA - - ×10-2 ±10%

As 1ª e 2ª faixas, representam os números significativos no resistor, ou seja, os dois primeiros


algarismos do valor da resistência.
A 3ª faixa representa o fator de multiplicação, e na maioria da vezes o número de zeros.
A 4ª faixa representa a faixa de tolerância na qual o componente está enquadrado.

OBS.:
As cores PRETO, OURO e PRATA nunca se encontram na primeira faixa
As cores PRETO até AZUL na terceira faixa representam o número de zero do valor
Ex.: LJ – acrescenta-se 3 zeros após as duas primeira faixas
A cor OURO na terceira faixa divide os dois primeiros números por 10

3
Análise de Circuitos I

A cor PRATA na terceira faixa divide os dois primeiros números por 100
A 4ª faixa sem cor indica tolerância de 20%

Exemplos:

1) AM RX LJ PA

1ª faixa: amarelo 4
2ª faixa: roxo 7
3ª faixa: laranja × 103
4ª faixa: prata ± 10%

RNOM = 47 × 103 = 47 × 1.000 = 47.000 Ω = 47 KΩ


Tolerância = ± 10%
Resultado: 47 KΩ ± 10%

2) MR PT VM OU

1ª faixa: marrom 1
2ª faixa: preto 0
3ª faixa: vermelho × 102
4ª faixa: ouro ± 5%

RNOM = 10 × 102 = 10 × 100 = 1.000 Ω = 1 KΩ


Tolerância = ± 5%
Resultado: 1 KΩ ± 5%

3) VM VM OU PA

1ª faixa: vermelho 2
2ª faixa: vermelho 2
3ª faixa: ouro × 10-1
4ª faixa: prata ± 10%

RNOM = 22 × 10-1 = 22 ÷ 10 = 2,2 Ω = 2R2 Ω


Tolerância = ± 10%
Resultado: 2,2 Ω ± 10%

4) AZ CZ PA OU

1ª faixa: azul 6
2ª faixa: cinza 8
3ª faixa: prata × 10-2
4ª faixa: ouro ± 5%

RNOM = 68 × 10-2 = 68 ÷ 100 = 0,68 Ω = 0R68 Ω


Tolerância = ± 5%
Resultado: 0,68 Ω ± 5%

4
Análise de Circuitos I

CODIFICAÇÃO DE CORES PARA RESISTORES DE 5 FAIXAS

É a codificação para os resistores chamados de precisão (1% ou 2% de tolerância).


Sua leitura baseia-se na posição espectral dos anéis, ou seja, na posição das faixa no corpo do
resistor. A primeira faixa fica localizada mais próxima da extremidade do componente,
seguida das demais conforme ilustração abaixo Observe que a 5ª faixa encontra-se um pouco
afastada das outras.

Terminais
Corpo

1ª 2ª 3ª 4ª

Cada cor terá um valor, dependendo da faixa onde se encontra, conforme tabela abaixo:

COR 1ª FAIXA 2ªe 3ª FAIXA 4ª FAIXA 5ª FAIXA


PRETO PT - 0 ×10 0
-
MARROM MR 1 1 ×101 ±1%
VERMELHO VM 2 2 ×102 ±2%
LARANJA LJ 3 3 ×103 -
AMARELO AM 4 4 ×104 -
VERDE VD 5 5 ×105 -
AZUL AZ 6 6 ×106 -
ROXO RX 7 7 - -
CINZA CZ 8 8 - -
BRANCO BC 9 9 - -
OURO OU - - ×10-1
PRATA PA - - ×10-2

As 1ª, 2ª e 3ª faixas, representam os números significativos no resistor, ou seja, os dois


primeiros algarismos do valor da resistência.
A 4ª faixa representa o fator de multiplicação, e na maioria da vezes o número de zeros.
A 5ª faixa representa a faixa de tolerância na qual o componente está enquadrado.

OBS.:
As cores PRETO, OURO e PRATA nunca se encontram na primeira faixa;
As cores PRETO até VERDE na quarta faixa representam o número de zero do valor
Ex.: LJ – acrescenta-se 3 zeros após as três primeira faixas;
A cor OURO na quarta faixa divide os três primeiros números por 10;
A cor PRATA na quarta faixa divide os três primeiros números por 100

5
Análise de Circuitos I

Exemplos:
1) VM CZ PT MR MR

1ª faixa: vermelho 2
2ª faixa: cinza 8
3ª faixa: preto 0
4ª faixa: marrom × 101
5ª faixa: marrom ± 1%

RNOM = 280 × 101 = 280 × 10 = 2.800 Ω = 2,8KΩ = 2K8Ω


Tolerância = ± 1%
Resultado: 2,8KΩ ± 1%

2) MR PT RX MR MR

1ª faixa: marrom 1
2ª faixa: preto 0
3ª faixa: roxo 7
4ª faixa: marrom × 101
5ª faixa: marrom ± 1%

RNOM = 107 × 101 = 107 × 10 = 1.070 Ω = 1,07KΩ = 1K07Ω


Tolerância = ± 1%
Resultado: 1,07KΩ ± 1%

3) LJ AZ VD AM VM

1ª faixa: laranja 3
2ª faixa: azul 6
3ª faixa: verde 5
4ª faixa: amarelo × 104
5ª faixa: vermelho ± 2%

RNOM = 365 × 104 = 365 × 10.000 = 3.650.000 Ω = 3,65 MΩ = 3M65Ω


Tolerância = ± 2%
Resultado: 3M65Ω ± 2%

4) AZ AM BC PA MR

1ª faixa: azul 6
2ª faixa: amarelo 4
3ª faixa: branco 9
4ª faixa: prata × 10-2
5ª faixa: marrom ± 1%

RNOM = 649 × 10-2 = 649 ÷ 100 = 6,49 Ω = 6R49Ω


Tolerância = ± 1%
Resultado: 6,49Ω ± 1%

6
Análise de Circuitos I

VALORES PADRONIZADOS PARA RESISTORES DE PELÍCULA

Como não é viável a fabricação de resistores de todos os valores, existem alguns valores
padrões de resistência nominal RNOM, divididos em séries de tolerância, conforme tabelas
abaixo.

Série: 5%, 10% e 20% de tolerância (4 faixas)

10 12 15 18 22 27 33 39
47 56 68 82

Ex.: 1Ω 12Ω 150Ω 1,8Ω 220Ω 2,7Ω 68Ω

Série: 2% e 5% de tolerância (4 faixas)

10 11 12 13 15 16 18 20
22 24 27 30 33 36 39 43
47 51 56 62 68 75 82 91

Ex.: 1,1Ω 13Ω 360KΩ 43MΩ 620Ω 7,5KΩ 91KΩ

Série: 1% de tolerância (5 faixas)

100 102 105 107 110 113 115 118


121 124 127 130 133 137 140 143
147 150 154 158 162 165 164 174
178 182 187 191 196 200 205 210
215 221 226 232 237 243 249 255
261 267 274 280 287 294 301 309
316 324 332 340 348 357 365 374
383 392 402 412 422 432 442 453
464 475 487 499 511 523 536 549
562 576 590 604 619 634 649 665
681 698 715 732 750 768 787 806
825 845 866 887 909 931 953 976

Ex.: 1,02Ω 16,5Ω 24,3Ω 365Ω 5,49KΩ 78,7KΩ 866KΩ 9,53MΩ

OBS.: A série de 20% são resistores que na quarta faixa não possuem cor. Estes tipos de
resistores não são mais fabricados hoje em dia, podendo ser encontrados em equipamentos
mais antigos.

7
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANÁLISE I

Laboratório de Eletrônica – Código de cores para Resistores


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

1) Ler o valor dos resistores (RNOM e tolerância) e anotar na tabela 1.

TABELA 1

Resistor RNOM Tolerância (%)

R1

R2

R3

R4

R5

R6

R7

R8

R9

R10

8
Análise de Circuitos I

2) Determine as seqüências de cores para os resistores abaixo:

a) 10KΩ ± 5% b) 5,6Ω ± 2% c) 0,82Ω ± 5%


d) 390KΩ ± 10% e) 715Ω ± 1%

9
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANÁLISE I

Laboratório de Eletrônica – Medidas de Resistores


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:
• Material utilizado:
• Descrição:

1) Anotar o valor dos resistores (RNOM e tolerância) na tabela 1.

2) Medir os resistores com o multímetro, anotando os valores medidos (RMED) na tabela 1.

3) Calcular os valores de erro absoluto (EABS) e anotar na tabela 1.

4) Calcular os valores de erro percentual (E%) e anotar na tabela 1.

TABELA 1

RNOM Tolerância RMED EABS E%

10
Análise de Circuitos I

• Conclusão:

11
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANÁLISE I

Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito série)


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

3) Montar o circuito abaixo:

4) Anotar o valor dos resistores (RNOM ) na tabela 1.

5) Calcular a resistência equivalente do circuito (REQAD) e anotar na tabela 2.

6) Medir a resistência equivalente do circuito (RMEDAD) e anota na tabela 2.

7) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

8) Calcular a corrente (ICALC) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

9) Medir a corrente (IMED) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

10) Medir a tensão (VMED) entre os pontos A e D e anotar na tabela 4.

11) Calcular a tensão (VCALC) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

12) Medir a tensão (VMED) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

12
Análise de Circuitos I

• Conclusão:
TABELA 1

Resistor R1 R2 R3

RNOM

TABELA 2

REQAD

RMEDAD

TABELA 3

Ponto A B C D

ICALC (mA)

IMED (mA)

TABELA 4

Resistor REQAD R1 R2 R3

VCALC (V)

VMED (V)

13
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito paralelo)


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

13) Montar o circuito abaixo:

14) Anotar os valores dos resistores (RNOM ) na tabela 1.

15) Calcular a resistência equivalente do circuito (REQAE) e anotar na tabela 2.

16) Medir a resistência equivalente do circuito (RMEDAE) e anota na tabela 2.

17) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

18) Calcular a corrente (ICALC) para cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

19) Medir a corrente (IMED) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

20) Medir a tensão (VMED) entre os pontos A e E, e anotar na tabela 4.

21) Calcular a tensão (VCALC) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

22) Medir a tensão (VMED) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

14
Análise de Circuitos I

• Conclusão:

TABELA 1

Resistor R1 R2 R3

RNOM

TABELA 2

REQAE

RMEDAE

TABELA 3

Ponto A B C D E

ICALC (mA)

IMED (mA)

TABELA 4

Resistor REQAE R1 R3
R2

VCALC (V)

VMED (V)

15
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANÁLISE I

Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (Circuito misto I)


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

23) Montar o circuito abaixo:

24) Anotar o valor dos resistores (RNOM ) na tabela 1.

25) Calcular a resistência equivalente do circuito (REQAH) e anotar na tabela 2.

26) Medir a resistência equivalente do circuito (RMEDAH) e anota na tabela 2.

27) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

28) Calcular a corrente (ICALC) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

29) Medir a corrente (IMED) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

30) Medir a tensão (VMED) entre os pontos A e H e anotar na tabela 4.

31) Calcular a tensão (VCALC) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

32) Medir a tensão (VMED) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

16
Análise de Circuitos I

• Conclusão:

TABELA 1

Resistor R1 R2 R3 R4

RNOM

TABELA 2

REQAH

RMEDAH

TABELA 3

Ponto A B C D E F G H

ICALC (mA)

IMED
(mA)

TABELA 4

Resistor REQAH R1 R2 R3 R4

VCALC (V)

VMED (V)

17
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Associação de resistores (circuito misto II)


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

33) Montar o circuito abaixo:

34) Anotar o valor dos resistores (RNOM ) na tabela 1.

35) Calcular a resistência equivalente do circuito (REQAG) e anotar na tabela 2.

36) Medir a resistência equivalente do circuito (RMEDAG) e anota na tabela 2.

37) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

38) Calcular a corrente (ICALC) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

39) Medir a corrente (IMED) em cada ponto do circuito e anotar na tabela 3.

40) Medir a tensão (VMED) entre os pontos A e G e anotar na tabela 4.

41) Calcular a tensão (VCALC) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

42) Medir a tensão (VMED) em cada resistor do circuito e anotar na tabela 4.

18
Análise de Circuitos I

• Conclusão:

TABELA 1

Resistor R1 R2 R3 R4

RNOM

TABELA 2

REQAG

RMEDAG

TABELA 3

Ponto A B C D E F G

ICALC
(mA)

IMED
(mA)

TABELA 4

Resistor REQAG R1 R2 R3 R4

VCALC (V)

VMED (V)

19
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Característica do Diodo Retificador


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

1) Montar o circuito abaixo:

2) Ajustar a fonte de alimentação (VCC), de modo a medir no diodo os valores de


tensão (VD) da tabela 1 e anotar a corrente medida (ID) relativa a cada uma das
tensões ajustadas, respectivamente.

3) Inverter o diodo, conforme circuito abaixo:

4) Ajustar a fonte de alimentação (VCC), de modo a medir no diodo os valores de


tensão (VR) da tabela 2 e anotar a corrente medida (IR) relativa a cada uma das
tensões ajustadas, respectivamente.

5) Com os valores de tensão e corrente obtidos nas tabelas 1 e 2, montar a curva


característica do diodo (gráfico I = f(V)), em papel milimetrado.
20
Análise de Circuitos I

TABELA 1

VD (V) 0,10 0,20 0,30 0,40 0,50 0,55 0,60 0,65 0,70 0,75

ID (mA)

TABELA 2

VR (V) 5 10 15 20 25 30

ID (mA)

21
Análise de Circuitos I

Colégio ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Característica do Diodo Retificador


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

6) Montar o circuito abaixo:

7) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

8) Calcular a tensão em cada componente do circuito e anotar na tabela 1.

9) Calcular a corrente em cada componente do circuito e anotar na tabela 1.

10) Medir a tensão em cada componente do circuito e anotar na tabela 1.

11) Medir a corrente em cada componente do circuito e anotar na tabela 1.

22
Análise de Circuitos I

• Conclusão:

TABELA 1

D1 D2 D3 R1 R2 R3

VCALC (V)

ICALC (mA)

TABELA 2

D1 D2 D3 R1 R2 R3

VMED (V)

IMED (mA)

23
Análise de Circuitos I

ESCOLA ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Capacitores I


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

12) Montar o circuito abaixo:

13) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

14) Com a chave CH1 aberta, medir a corrente (IC1) e tensão (VC1) do capacitor e
anotar na tabela 2.

15) Com a chave CH1 aberta, medir a corrente (IR1) e tensão (VR1) do resistor e
anotar na tabela 2.

16) Monitorar a corrente (IC1) e a tensão (VC1) do capacitor.

17) Com a chave CH1 aberta, verificar as variações na corrente (IC1) e tensão (VC1)
do capacitor e anotar na tabela 1.

18) Fechar a chave CH1 e verificar as variações na corrente (IC1) e tensão (VC1) do
capacitor e anotar na tabela 1.

19) Abrir a chave CH1 e verificar as variações na corrente (IC1) e tensão (VC1) do
capacitor e anotar na tabela 1.

24
Análise de Circuitos I

20) Fechar a chave CH1 e verificar as variações na corrente (IC1) e tensão (VC1) do
capacitor e anotar na tabela 1.

21) Com a chave CH1 fechada, medir a corrente (IC1) e tensão (VC1) do capacitor e
anotar na tabela 3.

22) Com a chave CH1 fechada, medir a corrente (IR1) e tensão (VR1) do resistor e
anotar na tabela 3.

• Conclusão

TABELA 1

CH1 ICAP VCAP

Aberta

Fechada

Aberta

Fechada

TABELA 2

CH1 aberta C1 R1

IMED (V)

VMED (V)

TABELA 3

CH1 fechada C1 R1

IMED (V)

VMED (V)

25
Análise de Circuitos I

Colégio ELECTRA
ANALISE I

Laboratório de Eletrônica – Capacitores II


Professor: __________________________________ Data: ___/___/____
Nome: _____________________________________ Turma:__________

• Objetivo:

• Material utilizado:

• Descrição:

23) Montar o circuito abaixo:

24) Ajustar a fonte de alimentação (VCC) para 10V.

25) Com a chave CH1 na posição A, medir a corrente (IC1) e a tensão (VC1) do
capacitor e anotar na tabela 2.

26) Com a chave CH1 na posição A, medir a corrente (IR1) e a tensão (VR1) do
resistor R1 e anotar na tabela 2.

27) Monitorar a corrente (IC1) e a tensão (VC1) do capacitor.

28) Com a chave CH1 na posição A, verificar as variações na corrente (IC1) e tensão
(VC1) do capacitor e anotar na tabela 1.

29) Comutar a chave CH1 para posição B e verificar as variações na corrente (IC1) e
tensão (VC1) do capacitor e anotar na tabela 1.

30) Com a chave CH1 na posição B, medir a corrente (IC1) e a tensão (VC1) do
capacitor e anotar na tabela 3.

31) Com a chave CH1 na posição B, medir a corrente (IR2) e a tensão (VR2) do
resistor R2 e anotar na tabela 3.

26
Análise de Circuitos I

• Conclusão

TABELA 1

CH1 ICAP VCAP

Posição A

Posição B

Posição A

Posição B

TABELA 2

CH1 posição A C1 R1

IMED (V)

VMED (V)

TABELA 3

CH1 posição B C1 R2

IMED (V)

VMED (V)

27