Você está na página 1de 28

RADIOGRAFIA

INDUSTRIAL
Pós Graduação de Proteção Radiológica em
Aplicações Medicas, Industriais e Nucleares

Esp. Antonio de Pádua Diniz Carvalho,


Supervisor de Proteção Radiológica

MAXIM CURSOS
WWW.MAXIMCURSOS.COM.BR
Radiografia Industrial
O Que é Radiografia Industrial?
A radiografia industrial é um ensaio não destrutivo utilizado para examinar a
qualidade e integridade física de um equipamento ou produto.

É mais freqüentemente utilizada no controle de qualidade de soldas e na


fabricação de equipamentos industriais.

Mais recentemente, vem sendo utilizado como ferramenta na área de


inspeção de segurança não invasiva.

Inspeção de Solda

22/09/2018 2
Radiografia Industrial

APLICAÇÃO:

Na indústria siderúrgica, nuclear,


naval, petroquímica, etc., com o
objetivo de garantir que os
equipamentos e materiais tenham
um nível mínimo de qualidade
(Inspeção de Solda, Inspeção de
Fundidos, Inspeção de Forjados)
Radiografia Industrial
Princípios Básicos de Operação

22/09/2018 4
Radiografia Industrial
Principios Básicos de Operação
Radiografia Industrial
Objetivos:
 Controlar a qualidade e confiabilidade dos equipamentos e
materiais através da detecção de descontinuidades em materiais
opacos, metálicos ou não metálicos, utilizando raios-x e raios
gama;
 Inspecionar explosivos, armamentos e mísseis garantindo a
confiabilidade de funcionamento dos mesmos;
 Inspecionar rodas, eixos e pneus automotivos mantendo um
controle da qualidade desses produtos;
 Inspecionar placas eletrônicas mantendo um controle de
qualidade desses produtos;
Radiografia Industrial

Visão Geral dos Equipamentos de Radiografia Industrial

 Estes aparelhos utilizam a radiação ionizante de fontes de radiação


(materiais radioativos e aparelhos de raios-X) para radiografia
industrial
 São utilizados vários radioisótopos e atividades
 São realizadas em diversos locais, tais como laboratórios, oficinas
de fabricação e de manutenção, canteiros de obras, unidades
industriais, terminais portuários, etc.
 O projeto dos equipamentos e os procedimentos operacionais são
essenciais para a proteção radiológica dos operadores e do público

22/09/2018 7
Radiografia Industrial

O Início

 Primeiro: Roentgen em
1885
 Tubo de raios-X simples
 Tubo de raios-X a vácuo
(Coolidge-1913)
 Em 1922, foi alcançado
200 kVp

22/09/2018 8
Radiografia Industrial

Os Primeiros Anos

 1930’s e 1940’s usado Ra-226


 Co-60 e Ir-192 usado depois da Segunda Guerra Mundial
22/09/2018 9
Radiografia Industrial

Tipos de Equipamentos

Comuns Específicos
 Aparelhos de fonte gama  Betatrón
 Raios X direcional  Acelerador linear (Linac)
 Raios X panorâmico  Radiografia com nêutrons
 Crawlers de raios X  Radiografia em tempo real
(fluoroscopia)
 Crawlers de raios gama
 Fonte de controle do
Crawler

22/09/2018 10
Radiografia Industrial

INSTALAÇÕES RADIATIVAS DE
RADIOGRAFIA INDUSTRIAL
Radiografia Industrial

INSTALAÇÕES RADIATIVAS INDUSTRIAIS NO BRASIL

2011
Radiografia Industrial
Instalações de Operação Tipo I – Cabine RX

São instalações de radiografia industrial cuja área de operação estão


localizadas em recinto isolado, com proteção física adequada, onde
são realizadas operações com equipamentos geradores de radiação
ionizante autoblindados, sem a necessidade de projeto aprovado pela
CNEN, devendo ser apresentada documentação técnica.
Radiografia Industrial

Cabines de Fluoroscopia

INSTALAÇÃO TIPO I
Radiografia Industrial
Instalações de Operação Tipo II

São locais (Bunker) construídos especificamente para a prática da


Radiografia Industrial. Seu projeto de construção deve garantir a
Segurança e Proteção Radiológica dos IOE e indivíduos do público, na
Instalação e em seus arredores.

Definição de Instalação de Operação Tipo II – Norma CNEN-NN-6.04.

“Instalação cuja área de operação está localizada em recintos fechados, com


blindagem permanente, especialmente projetada para atender às respectivas
situações operacionais, com projeto aprovado pela CNEN”
Radiografia Industrial
Projeto Típico - “Bunker”

porta de acesso sinalização


blindada luminosa

botão de emergência

labirinto
de
entrada

porta

blindagem painel de controle


Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO II
Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO II
Radiografia Industrial
Instalações de Operação Tipo III

Definição de “Instalação de Operação Tipo III” – Norma CNEN-NN-6.04.

“Instalação de Radiografia Industrial, cuja área de operação está localizada em


espaço isolado ou cercado, com proteção específica para cada eventual
situação, sem a necessidade de projeto aprovado pela CNEN”.
Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO III 20


Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO III


Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO III


Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO III


Radiografia Industrial
Radiografia Industrial

INSTALAÇÃO TIPO III


Radiografia Industrial

Dentre as Instalações de Radiografia existe um tipo específico que


merece redobrada atenção:

>>> Instalações de Operação Tipo IV que são realizadas em Zonas


Urbanas, Suburbanas e Afins. São locais sem proteção física específica
e que possuem trânsito de indivíduos do público.

“Instalação cuja área de operação está localizada em espaço isolado ou


cercado de áreas habitadas ou vias públicas, em zonas urbanas,
suburbanas ou rurais, com proteção específica para cada eventual
situação, com a necessidade de procedimentos específicos de proteção
radiológica, devendo possuir autorização específica da CNEN".
Radiografia Industrial

INSTALAÇÕES TIPO IV (Áreas URBANAS, SUBURBANAS e RURAIS)


Radiografia Industrial

INSTALAÇÕES TIPO IV (Áreas URBANAS, SUBURBANAS e RURAIS)


Radiografia Industrial
TIPOS DE INSTALAÇÃO DE
IOE
RADIOGRAFIA INDUSTRIAL

1 (um) SPR sem exclusividade (limitado a quatro Instalações de


Radiografia Industrial) e 1 (um) Operador (I ou II) por turno por

I Instalação de Radiografia Industrial

1 (um) IOE por equipamento de instalação de operação

2 (dois) SPR, sendo um exclusivo da instalação, por Instalação


de Radiografia Industrial
II
2 (dois) Operadores (I ou II) por instalação de operação

2 (dois) SPR exclusivos por Instalação de Radiografia Industrial

III 2 (dois) Operadores, sendo pelo menos um Operador II, por


instalação de operação

2 (dois) SPR exclusivos por Instalação de Radiografia Industrial

IV 2 (dois) Operadores II por Instalação de operação