Você está na página 1de 3

 Identificação

 Curso: Bacharelado em Ciências Sociais


 Disciplina: Sociedade e Meio Ambiente
 Professor: Carlos Roberto da Silva Maia
 Carga Horária (CH) Total: 4CR – 64h CH Teórica/prática: 64h
 Ementa
Sociedade, natureza e o problema econômico fundamental; A relação socioambiental e suas
formas de espaço no tempo; Conceitos-chave da geografia; O conceito de natureza e a relação
natureza-história; As “condições naturais” do trabalho e da produção; Capitalismo e contradições
ecológico-territoriais; A concepção materialista de natureza; O metabolismo entre sociedade e
natureza; Crise do capital e sociabilidade; Desenvolvimento econômico e questão ambiental;
Economia política da sustentabilidade; Perspectivas de ambientalismo/ecologia política; Economia
e Ecologia; Entropia e Sintropia; Princípio da Co-evolução; Conflitos socioambientais e Justiça
ambiental.
 Objetivo
Contribuir para a compreensão do desenvolvimento da relação sociedade-natureza e a
problematização da questão ambiental, decorrente da interação entre o sistema econômico
capitalista e o meio biofísico.
 Descrição de conteúdo/Unidades
Unid. 1 – Economia, Espaço, Sociedade e Natureza
 Sociedade, natureza e o problema econômico fundamental;
 A relação socioambiental e suas formas de espaço no tempo;
 Conceitos-chave da geografia;

Unid. 2 – O modo de produção do capital, natureza e sociedade


 O conceito de natureza e a relação natureza-história;
 As “condições naturais” do trabalho e da produção;
 Capitalismo e contradições ecológico-territoriais;
 A concepção materialista de natureza;
 O metabolismo entre sociedade e natureza;
 Crise do capital e sociabilidade

Unid. 3 – Sociedade, Desenvolvimento e Sustentabilidade


 Desenvolvimento econômico e questão ambiental;
 Economia política da sustentabilidade;
 Perspectivas de ambientalismo/ecologia política;
 Economia e Ecologia;
 Entropia e Sintropia;
 Princípio da Co-evolução;
 Conflitos socioambientais e Justiça ambiental

 Metodologia de ensino
- Aula expositivas com recursos multimídia;
- Leituras dirigidas;
 Avaliação
- Seminários em dupla;
- Elaboração de artigo de 10 a 15 laudas, em dupla e sobre o tema da disciplina voltado para uma
problemática específica.
- Prova dissertativa;
- Será facultada a escolha entre a elaboração do artigo ou prova dissertativa.
 Bibliografia
Unidade 1:

ALMEIDA, A. T. Os fenômenos econômicos e o desenvolvimento das sociedades. (Texto


didático).

BALLESTEROS, J.; ADÁN, J. P. Sociedad y medio ambiente. Madrid: Editorial Trotta, 2000. (Cap.
1 e 2). (consegui)

GIULIANI, G. M. Sociologia e Ecologia: um Diálogo Reconstruído. Raízes, Ano XVII, Nº 16,


março/98. (consegui)

LENOBLE, Robert. História da ideia de natureza. Lisboa: Edições 70, 1990.

MOREIRA, R. A sociedade e suas formas de espaço no tempo. In: MOREIRA, R. Pensar e Ser
em geografia: ensaios de história, epistemologia e ontologia do espaço geográfico. São Paulo:
Contexto, 2007. (Cap. 1).

SANTOS, M. 1992: a redescoberta da Natureza. Rev. Estudos Avançados. vol. 6, n. 14, São Paulo,
1992. (consegui)

BERNARDES, J. A.; FERREIRA, F. P. M. Sociedade e Natureza. In: CUNHA, S. B.; GUERRA, A.


J. T. (Org.) A questão ambiental: diferentes abordagens. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2003.
(Cap. 1 – p. 17 - 41). (consegui)

Unidade 2:

FOSTER, J. B. A ecologia de Marx: materialismo e natureza. 3. Ed. Rio de Janeiro: Civilização


brasileira, 2011. (Introdução, Cap. 1 e 5). (proxima aula)

MARX, Karl. Grundrisse: manuscritos econômicos de 1857-1858: esboços da crítica da economia


política. 1ª ed. São Paulo: Boitempo, 2011. (pp. 388 a 423)

MÉSZÁROS, I. Capitalismo e destruição ecológica e a crise de dominação. In: MÉSZÀROS, I.


Para além do capital: rumo a uma teoria da transição. Tradução Paulo Cezar Castanheira, Sérgio
Lessa. 1. ed. revista. São Paulo: Boitempo, 2011. (Cap. 21 - pp. 987 – 996).

MÉSZÁROS, I. A crise estrutural do capital. (Introdução do livro Beyond Capital) – Tradução de


Álvaro Biachi.

OLIVEIRA, Aécio. Crise do capital e sociabilidade (digitado, versão preliminar), 2010.

QUAINI, M. Marxismo e geografia. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1974. (Cap. 3 - pp. 42 a 49; Cap.
4 – pp. 65 a 101; cap. 5 – pp. 125 a 146).

Unidade 3:

ACSELRAD, H. Ambientalização das lutas sociais: o caso do movimento por justiça ambiental.
Estud. av. [online]. 2010, vol.24, n.68, pp.103-119.

ALTVATER, E. O preço da riqueza: pilhagem ambiental e a nova (des)ordem mundial. São Paulo:
Editora UNESP, 1995. 333p.

BOFF, L. Ecologia Social em face da pobreza e da exclusão. In: BOFF, L. Ética da vida: a nova
centralidade, Rio de Janeiro: Ed. Record, 2009. Capítulo 2, pp. 21-34.

CAVALCANTI, C. (Org.). Desenvolvimento e natureza: estudos para uma sociedade sustentável.


4. Ed. São Paulo: Cortez, Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2003. (Cap. 1, 2, 9, 13 e 15).

DALY, H.; FARLEY, J. Economia Ecológica – Princípios e Aplicações. Instituto Piaget, Lisboa,
2004. (Cap. 2, 3 e 4).

GEORGESCU-ROEGEN, N. ¿Qué puede enseñar a los economistas la termodinâmica y la


biología? In: AGUILERA, F.; ALCÁNTARA, V. (Comp.). De la Economía ambiental a la economía
ecológica. Barcelona: Icaria: Fuhem, 1994, p. 188-198.

LEFF, H. Ecologia, Capital e Cultura: a territorialização da racionalidade ambiental. Rio de


Janeiro: Vozes, 2009. (Cap. 2, 8 e 10).

MARTÍNEZ-ALIER, J. Economia e Ecologia: questões fundamentais. Revista Brasileira de


Ciências Sociais 7(50), 1992, pp. 99-115.

VARGAS, P. R. O insustentável discurso da sustentabilidade. In: BECKER, D. F. (Org.).


Desenvolvimento sustentável: necessidade e/ou possibilidade. 4. Ed. Santa Cruz do Sul:
EDUNISC, 2002.

CRONOGRAMA – TURMA DA MANHÃ

MÊS UNIDADE ATIVIDADES


MARÇO – 12, 14, 21,
Unidade 1 Aulas expositivas
26, 28
ABRIL – 2, 4, 9, 11, 16, Aulas expositivas e
Unidade 2
18, 23, 25 e 30 Seminários
MAIO – 2, 7, 9, 14, 16,
21, 23, 28, 30 Aulas expositivas e
Unidade 3
seminários
JUNHO – 4, 6, 11 e 13

Prova Dissertativa – 20 de junho;

Entrega do artigo – até o dia 18 de junho via e-mail: robertoeco84@gmail.com e em


formato .pdf

CRONOGRAMA – TURMA DA NOITE

MÊS UNIDADE ATIVIDADES


MARÇO – 13, 20 e 27 Unidade 1 Aulas expositivas
Aulas expositivas e
ABRIL – 3, 10, 17 e 24 Unidade 2
Seminários
MAIO – 8, 15, 22 e 29
Aulas expositivas e
Unidade 3
seminários
JUNHO – 5 e 12

Prova Dissertativa – 19 de junho;

Entrega do artigo – até o dia 18 de junho via e-mail: robertoeco84@gmail.com e em


formato .pdf