Você está na página 1de 44

Refrigeração

Aula 1

Conceitos Básicos e Componentes de um sistema

Franciele Patricia da Silva Muchick


Juiz de Fora, 2° Semestre de 2018
Histórico

 Descoberta da propriedade criogênica de gases –


meados do século XIX;
 Gases refrigerantes utilizados: amônia, dióxido de
enxofre e cloreto de metila;
 Neste início a refrigeração era um processo:
• Perigoso;
• Explosivo;
• Inflamável e tóxico;
 Em 1931 o Freon foi descoberto, chamado na época
de CFC 12;

REFRIGERAÇÃO
Histórico

 Em 1985, descobriu-se que CFCs causavam a


redução da camada de ozônio;
 Em 1987, pelo tratado de Montreal/Viena, CFCs
foram banidos a nível mundial;
 Substituição por gases HCFCs ( R134a, R404a,
R502)  Causam o efeito estufa;
 Volta-se, então, ao início, com uso de refrigerantes
naturais os HCs (R600a, R290) e o R744 a base de
dióxido de carbono;
 A desvantagem: são inflamáveis e explosivos.

REFRIGERAÇÃO
Introdução
Refrigeração: é a parte da ciência que trata do
processo de redução e manutenção de temperatura de
um espaço fechado ou substância, com objetivo de
reduzir sua temperatura.

REFRIGERAÇÃO
Introdução
Sistemas de Refrigeração: São sistemas capazes de
reduzir a temperatura do ambiente fechado ou
substância.

• Usa evaporação do refrigerante


para absorver calor;

• O fluido refrigerante usado evapora


a temperaturas extremamente baixas, o
que cria as temperaturas de congelamento
no mesmo.

REFRIGERAÇÃO
Introdução
 Redução de temperatura  retirada de energia
térmica  ciclo termodinâmico
Região quente

Liberação do calor
removido para o
ambiente externo
(Serpentina traseira)
Retirada de Calor do
ambiente fechado
(Refrigerador)

Região Fria

REFRIGERAÇÃO
Introdução
O ciclo termodinâmico de Refrigeração

Em circuito fechado, o fluido refrigerante, transforma-se


sucessivamente em líquido e vapor, absorvendo calor a
baixa temperatura e pressão pela sua evaporação e
rejeitando calor a alta temperatura e pressão pela
condensação.

REFRIGERAÇÃO
Introdução
Efeitos Físicos observados nos princípios de
refrigeração:

 Transmissão termodinâmica que provoca o


resfriamento de substâncias postas em contato com
corpos a baixas temperaturas;
 Aumento de temperatura provocada pela evaporação
de certas substâncias;
 Queda de temperatura provocada pela rápida
expansão dos gases.

REFRIGERAÇÃO
Aplicações
Aplicações domésticas:

REFRIGERAÇÃO
Aplicações
Aplicações industriais:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração

Esquema simplificado do Ciclo de Refrigeração por compressão de vapor

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração

Sistema de refrigeração industrial


REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor:
• Atua como o coração do sistema;
• Impulsiona o fluxo do refrigerante ao longo do
sistema;
• Vapores são recebidos em baixas temperatura e
pressão;
• Eleva-se o vapor até uma pressão e temperatura
maior;
• Só deve comprimir vapor;
• Consumidor de energia no sistema de
refrigeração;

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração

Tipos de Compressores
REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor de parafuso rotativo:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor de pistões alternativos:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor de pistões rotativos:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor Scroll:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Compressor Centrífugo:

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Óleos de lubrificação:
 Função:
• Redução de atrito, evitando o desgaste prematuro
dos componentes.
 Características:
• Viscosidade: Deve ser tal que o óleo não afine a
altas temperaturas ou fique pastoso a baixas
temperaturas;
• Miscibilidade: Permite que o lubrificante flua
através do sistema juntamente ao fluido
refrigerante, retornando sempre ao compressor
em sua totalidade;
REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Óleos de lubrificação:
 Características:
• Floculação: Os lubrificantes não devem apresentar
floculação (a cera contida neles não deve
precipitar) em temperaturas de trabalho;
• Umidade: O óleo para refrigeração deve possuir
umidade igual ou inferior àquela especificada pelo
fabricante do compressor.

Estas características e outras (ponto de fluidez, ponto de fulgor, ponto de


combustão, cor, resistência à oxidação, separação de fase) podem ser
checadas em testes específicos de laboratório.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador:
Transforma o vapor quente, descarregado pelo
compressor em alta pressão, em líquido. Rejeitando o
calor do sistema para o ar ou para água através das
serpentinas.
O calor é absorvido pelo evaporador e deslocado
até o condensador com auxílio do compressor.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador resfriado a ar:

Transfere o calor absorvido diretamente para o ar


externo. Em condições normais de funcionamento
(carga máxima do sistema), o refrigerante encontra-se
14 -16°C mais quente que o ar externo.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador resfriado a água:

Funciona em três estágios:


• Calor é transferido do refrigerante, no
condensador, para a água que circula no
mesmo;
• A água é transferida de dentro do condensador
para fora, através da tubulação e uma bomba;
• Na torre de resfriamento o calor é rejeitado da
água para o ar externo;

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador resfriado a água:
 Tubo em tubo ou tubo duplo: Um tubo é
colocado internamente ao outro, água circula em
um tubo e o fluido refrigerante em outro.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador resfriado a água:
 Carcaça e Serpentina: Carcaça externa e uma
serpentina contínua feita de tubos de água
aletados. Água circula internamente à serpentina.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Condensador resfriado a água:
 Casca e Tubo: Água circula no interior dos tubos
e o fluido refrigerante externamente a eles. Em
suas extremidades existem os coletores, que
direcionam a água para recirculação.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Transferência inadequada de calor pelo condensador

 Transferência de ar menor que a necessária:


• Seleção incorreta do condensador;
• Mal dimensionamento do condensador;
• Redução do fluxo de ar ou água;
• Serpentina suja;

Nota: Problemas não solucionados no condensador, em


sua grande maioria, resultam falhas no compressor.
REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador:
Parte do sistema de refrigeração na qual o fluido
refrigerante sofre mudança de estado, saindo da fase
líquida para a fase gasosa.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador – O processo de evaporação:
O evaporador é um trocador de calor que absorve o calor
para o sistema de refrigeração.
Ele recebe líquido refrigerante frio, de baixa pressão, vindo
do dispositivo de expansão, e através da absorção do calor de
alguma substância, vaporiza-o em seu interior.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador de expansão seca ou direta:

O fluxo de refrigerante é controlado de maneira tal


que o refrigerante é essencialmente líquido ao entrar
no evaporador, porém sai dele de forma gasosa.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador inundado:
O refrigerante é basicamente líquido (inundado)
desde o início do evaporador até a sua saída. Ocorre a
recirculação do refrigerante dentro do evaporador
devido a adição de uma câmara de separação.
O refrigerante líquido entra nessa câmara através
do dispositivo de expansão e devido à gravidade se
concentra no fundo.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador tubo liso:
Formado por tubos de cobre conformados de
forma helicoidal, comumente chamados de serpentinas
de superfície primária, uma vez que é o tubo, o
responsável pela transferência de calor.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador tipo tubo e aletas:
Um evaporador do tipo tubo com finas placas de
metal fixadas entre seus tubos, chamadas aletas.
As aletas melhoram a eficiência de transferência
de calor, uma vez que aumentam a área global de troca
de calor.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Evaporador de superfície de placas:
Consiste em duas folhas de metal, planas, uma
com forma de tubos pré soldados nela enquanto a
segunda é plana. Ambas as placas são soldadas juntas
formando um circuito no qual circula o refrigerante.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Tubo capilar (ou outro dispositivo de expansão):

 Pressão e temperatura do refrigerante são


reduzidas, de modo que ele absorva calor;
 Separa linhas de baixa e alta pressão;
 Normalmente fabricado em cobre;
 Conecta a saída do condensador à entrada do
evaporador;
 Muito utilizado em sistemas de refrigeração de
pequeno porte, como geladeiras.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Válvula de expansão:
Proporcionam um controle preciso do fluxo do
fluido refrigerante.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Pressostato:
Variação de pressão em um sistema de
refrigeração pode danificar componentes. De modo a
evitar que isso ocorra, usam-se os pressostatos.
São sensores de pressão que têm como objetivo
proteger o sistema contra sobre pressão (pressões mais
altas) ou subpressão (pressões mais baixas).

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Termostato:
Controla a temperatura ambiente (interna ou
externa) mantendo-a o mais aceitável possível. Ele
funciona parando ou atuando o compressor,
automaticamente.
Mudam a resistência elétrica conforme a
temperatura aumenta ou diminui, enviando sinais que
controlam o funcionamento do compressor.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Filtro Secador:
Função de reter a umidade e partículas sólidas
que poderiam causar obstrução ou danos às partes
mecânicas do compressor.
O filtro secador possui partículas dessecantes e
deve ser escolhido de acordo com sua aplicação,
levando em conta o fluido refrigerante, pressões de
trabalho e fluxo de massa.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Válvula reguladora de pressão:
Válvula para diversas aplicações de controle de
pressão de evaporação, sucção, gelo, gás quente, etc.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Válvula de retenção:
Projetadas para assegurar passagem de fluxo em
um único sentido. Podendo ser utilizadas nas linhas de
líquido, sucção e gás quente, sendo compatível com
todos os refrigerantes fluorados.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Dutos:
um sistema de distribuição de ar tem como função
levar o ar desde o equipamento de ar condicionado para
o espaço condicionado e retorna-lo novamente ao
equipamento.
Os dutos devem possuir o mínimo de curvas e
mudanças de seção possíveis, reduzindo a perda de
carga de refrigeração.

REFRIGERAÇÃO
Componentes de um sistema de
refrigeração
 Perda de carga:
Quando o ar flui através de dutos, verifica-se uma
perda de pressão devido ao atrito com as paredes do
mesmo. Esta perda, denominada, perda de carga,
aumenta com o aumento do fluxo de ar e com as
seguintes condições:
• Altas velocidades do ar;
• Pequenos diâmetros de dutos;
• Elevado fluxo de ar;
• Comprimentos longos de dutos;
• Mudanças de direções ou contrações e expansões
súbitas da corrente de ar.
REFRIGERAÇÃO

Você também pode gostar