Você está na página 1de 5

HOMEOPATIA NA ELIMINAÇÃO DE GLIOMAS - By Dr.

Júlio Caleiro

(PARA UMA ‘INDICAÇÃO EXPRESSA’, ENVIE SUA MENSAGEM PARA –


JULIOCALEIRO@HOTMAIL.COM
Pesquisadores testaram a homeopatia com as medicações ‘Ruta graveolens’ juntamente
com (fosfato de cálcio) ambos em diluições homeopáticas, usadas em in vitro e in vivo. Dos
15 pacientes estudados, 6 pacientes apresentavam Gliomas. O uso das medicações
mostraram regressão completa dos tumores.

Os resultados de ambos, tanto in vivo e experimentos in vitro, mostraram que as medicações


homeopática induziu a sobrevivência de células das vias de sinalização em linfócitos
normais, mas induziu a morte por apoptose em células de câncer de cérebro” demonstrando
diminuição dos telômeros destas e também diminuição do processo mitótico
(PROLIFERAÇÃO) das células cancerígenas, resultando no desaparecimento do câncer de
cérebro. “Os autores propuseram que Ruta graveolens em combinação com fosfato de cálcio
em diluições homeopáticas, poderia ser usado como um tratamento eficaz para o câncer do
cérebro, particularmente gliomas.
——————————————-
Referências:
-Pathak S, et al. Ruta 6 selectively indices cell death in brain cancer cells that proliferation in
normal peripheral blood lymphocytes: A novel treatment for human brain cancer. Int J Onc.
2003;23:975-982.
segunda-feira, 26 de setembro de 2016 - Caso clínico de Banerji - Glioma 3
(http://www.pbhrfindia.org/brain-tumor-treatment-with-banerji-protocols/144-glioma-
casestudy-3-2013.html)

Md H. 12 anos rapaz com idade veio a nossa clínica em 16 de dezembro de 2008 com as
queixas de convulsões e dores de cabeça e desligando com indefinição de visão, começou
desde últimos 2 meses.

MRI do cérebro feito no dia 4 datada de Dezembro de 2008: - lesão nodular com edema
perifocal na região parietal sup certo? Tuberculoma. Astrocitoma.

Biópsia estereotáxica feito em 10 de dezembro de 2008 mostrou "...


Alto grau de neoplasia ... Glioma ..."
Depois de passar por tratamento de nós com a medicamentos Ruta 6c, duas doses por dia,
Calcarea Phosphorica 3X, duas doses por dia, e Lycopodium 30c duas doses por dia durante
edema, todos os seus sintomas clínicos recuperado dentro de 6-7 meses. Agora o paciente
está levando uma vida livre e normal problemas, mas ele ainda continuar a medicação em
doses reduzidas.
Seguir-se MRI do cérebro feito em 10 datado de janeiro 2013: - "dentro do limite normal."

Glioma al quiasma óptico (tumor cerebral)

A mi madre le diagnosticaron en julio del año 2010 un glioma al quiasma óptico (un tumor
cerebral). Nos dijeron que no había ningún tratamiento a hacer, ni operar, ni quimioterapia,
ni radioterapia. Nos enviaron a casa a morir, nos dieron de máximo un año de vida, con un
pronóstico del año horroroso. A mi pregunta de si podíamos hacer algo, algún tratamiento
alternativo, el médico fue tajante: nada, no hay nada que hacer.
Por suerte no me lo creí. El día siguiente de la noticia pedimos el alta voluntaria del hospital
y subiendo hacia casa (somos del Pallars Sobirà) pasé a recoger la planta Kalanchoe y
buenos consejos de los profesionales que me la vendieron. Durante este año hemos hecho
muchas cosas alternativas: fitoterapia, hidroterapia, masajes, homeopatía, medicación
ortomolecular, imposición de manos, visualizaciones por parte de toda la familia...
El tratamiento ha sido y es complicado. Nuestro director de orquesta y médico de referencia
es un oncólogo naturista. Mi madre ha estado tomando media hoja de Kalanchoe cada día
en tandas de 3 meses de toma y 1 de descanso. La toma a la hora de comer, cortada junto
con la verdura o la ensalada. En lo referente a las otras plantas, todo es homeopatía y
productos con diferente composición. La planta principal que ha tomado por el tumor
cerebral en forma de homeopatía es la ruda. Este tratamiento específico para el cáncer es
de unos doctores indios (protocolo Banerji). Todo el resto de tratamiento creo que es para
limpiar el cuerpo y reforzar el sistema inmunológico.
Mi madre ahora (enero 2012) está fantástica, llena de energía y no ha perdido más visión
desde hace un año, cuando empezamos con el tratamiento. De hecho ha mejorado mucho.
Los análisis son mucho mejores que antes del diagnóstico.
Estoy agradecida por todo esto y querría compartirlo con quien lo necesitara.
Mi teléfono es 626329151 y mi correo carinagabriel@yahoo.es
Ánimos y no os dejeis convencer por la prepotencia de algunos médicos que creen tener la
única verdad.
Saludos
Enero 2012

Grande êxito com produtos homeopáticos

Dr. Prasanta Benerji e Dr.Pratip Banerji

Dois médicos hindus - Prasanta Benerji - de 77 anos e seu filho Pratip Banerji - de 56 anos
- tratam com êxito o cancro, utilizando produtos homeopáticos.
Têm centrado o seu trabalho de investigação, na eficácia que obtém nos tumores
intracranianos, com um produto feito a partir da planta - Ruta graveolens - um dos
denominados “sais de Schussler”.
O trabalho destes médicos homeopáticos têm chamado atenção dos Centros Internacionais
de prestigio da cura do Cancro, a ponto de colaborarem com eles e publicarem os seus
trabalhos em prestigiadas revistas oncológicas. É o caso de Internacional Journal of oncolgy,
onde se afirma que o produto homeopático “induz seletivamente a morte celular das células
cancerígenas do cérebro” e onde se demonstra que oito dos nove pacientes com glioma
foram tratados e seus tumores desapareceram.
Na atualidade os Banerji colaboram com médicos e investigadores dos EUA e com o
conhecido Anderson Cancer Center de Houston e com o Hospital Presbiterano de Nova
Iorque, assim como com profissionais da Universidade do Sul da Califórnia.
O interessante é que “este produto homeopático” destrói as células cancerígenas in vitro,
demonstrando àqueles que afirmavam que a homeopatia não tinha valor, o quanto ela é
importante e pode ajudar.
A Fundação Banerji, junto com o Instituto Nacional do Cancro dos EUA e o Instituto Nacional
de Saúde de Maryland estão a investigar diversos produtos homeopáticos em diversos tipos
de cancro.
No final de 2009 os Banerji apresentaram em Madrid os resultados obtidos nas suas clinicas
entre agosto de 2006 e agosto de 2007 onde de 1132 doentes : 32% tumores cerebrais,
22% carcinomas Bronquiais e 28% carcinomas esofágicos tinham desaparecido. Sem
recaída.
A maioria dos outros doentes teve melhoras significativas apesar de se tratar de cancros
muito avançados.
O que chamou mais atenção foi a regressão completa de tumores intracranianos em oito
dos nove doentes com gliomas, um com craniofaringioma, outro com um tumor na pituitária
e um com meningioma.
É algo milagroso tendo em conta que os tratamentos convencionais - cirurgia, radioterapia
e quimioterapia - não dão bons resultados destes tipos de tumores cerebrais. Nem
sobrevivência, nem qualidade de vida.
Porque se interessaram estes médicos em cancro cerebral?
Precisamente pela sua dificuldade e porque na prática observaram que eram os que melhor
respondiam à medicação homeopática.
Na atualidade, os Banerji têm protocolizado remédios específicos para tratar todo o tipo de
patologias, isto graças à experiência acumulada por atenderem dezenas de milhares de
doentes. E tem feito isto, não com medicamentos próprios, mas com a medicina
homeopática standard que está ao alcance de quase todo o mundo.
A apresentação feita pelos Banerji no III Congresso Internacional de Tratamentos
Complementários e Alternativos do Cancro, que se celebrou em Madrid teve o patrocínio da
World association For Cancer research (WACR) e a revista espanhola Discovery DSALUD.
Fonte: Enviado por e-mail
Solange Christtine Ventura