Você está na página 1de 5

1ª Lista de exercícios do 3º ano do E.M.

– 4º bimestre
Física C – Prof. Marco Antônio
(TERMODINÂMICA)
1. (PUC) A temperatura de um gás é após o sistema ser aquecido para 330K e estar em
diretamente proporcional à energia cinética das equilíbrio térmico? Despreze a dilatação térmica do
suas partículas. Portanto, dois gases A e B, na metal.
mesma temperatura, cujas partículas tenham
massas na proporção de m A /m B =4/1, terão 5. (FATEC) Um gás ideal sofre transformações segundo
as energias cinéticas médias das suas o ciclo dado no esquema p x V a seguir.
partículas na proporção Ec A /Ec B igual a
a) ¼ b) ½ c) 1 d) 2 e) 4

2. (UNESP) Um pistão com êmbolo móvel


contém 2 mols de O‚ e recebe 581J de calor. O
gás sofre uma expansão isobárica na qual seu
volume aumentou de 1,66L, a uma pressão
constante de 10 5 N/m². Considerando que
nessas condições o gás se comporta como gás
ideal, utilize R = 8,3 J/mol.K e calcule O trabalho total no ciclo ABCA é
a) a variação de energia interna do gás. a) igual a -0,4J, sendo realizado sobre o gás.
b) a variação de temperatura do gás. b) igual a -0,8J, significando que o gás está perdendo
energia.
3. (UNESP) A energia interna U de uma certa c) realizado pelo gás, valendo + 0,4 J.
quantidade de gás, que se comporta como gás d) realizado sobre o gás, sendo nulo.
ideal, contida em um recipiente, é proporcional e) nulo, sendo realizado pelo gás.
à temperatura T, e seu valor pode ser calculado
utilizando a expressão U=12,5T. A temperatura 6. (FATEC) Um sistema termodinâmico realiza o ciclo
deve ser expressa em kelvins e a energia, em ABCA representado a seguir.
joules. Se inicialmente o gás está à
temperatura T=300 K e, em uma transformação
a volume constante, recebe 1250J de uma
fonte de calor, sua temperatura final será
a)200K. b)300K. c)400K. d)600K. e)800K.

18. (UFPE) Um cilindro de 20cm² de seção reta


contém um gás ideal comprimido em seu
interior por um pistão móvel, de massa
desprezível e sem atrito. O pistão repousa a O trabalho realizado pelo sistema no ciclo vale, em
uma altura h 0 =1,0m. A base do cilindro está joules:
em contato com um forno, de forma que a a)2,5×10 5 b)4,0×10 5 c)3,0×10 5 d)5,0×10 5
temperatura do gás permanece constante. e)2,0×10 5
Bolinhas de chumbo são lentamente 7. (UNESP) Um recipiente contendo um certo gás tem
depositadas sobre o pistão até que o mesmo seu volume aumentado graças ao trabalho de 1664J
atinja a altura h=80 cm. Determine a massa de realizado pelo gás. Neste processo, não houve troca de
chumbo, em kg, que foi depositado sobre o calor entre o gás, as paredes e o meio exterior.
pistão. Considere a pressão atmosférica igual a Considerando que o gás seja ideal, a energia de 1mol
1atm. desse gás e a sua temperatura obedecem à relação
U=20,8T, onde a temperatura T é medida em kelvin e a
energia U em joule. Pode-se afirmar que nessa
transformação a variação de temperatura de um mol
desse gás, em kelvin, foi de:
a) 50. b) - 60. c) - 80. d) 100. e) 90.

8. (UFRS) Em uma transformação termodinâmica sofrida


por uma amostra de gás ideal, o volume e a temperatura
absoluta variam como indica o gráfico a seguir, enquanto
a pressão se mantém igual a 20 N/m².
4. (UFPE) Uma caixa cúbica metálica e
hermeticamente fechada, de 4,0 cm de aresta,
contém gás ideal à temperatura de 300K e à
pressão de 1atm. Qual a variação da força que
atua em uma das paredes da caixa, em N,
13. (UFV) A seguir, são apresentadas algumas
informações importantes acerca de processos
termodinâmicos envolvendo um determinado gás ideal.
- A energia interna (U) do gás depende unicamente de
sua temperatura absoluta (T).
- A variação da energia interna (  U) do gás pode ser
dada por  U=Q-W, onde Q é a quantidade de calor
absorvida ( ou cedida) pelo gás e W o trabalho realizado
por ele (ou sobre ele).
Sabendo-se que nessa transformação o gás - O trabalho realizado pelo gás ao se expandir é
absorve 250 J de calor, pode-se afirmar que a numericamente igual à área sob a curva no
variação de sua energia interna é de correspondente diagrama Pressão versus Volume.
a)100J. b)150J. c)250J. d)350J. e)400J. Analise agora a seguinte situação:

9. (UFRJ) Considere uma certa massa de um Um gás ideal de n moles encontra-se no estado
gás ideal em equilíbrio termodinâmico. Numa termodinâmico 1. A partir desse estado, pode passar a
primeira experiência, faz-se o gás sofrer uma um dos dois estados 2 ou 3, por transformação
expansão isotérmica durante a qual realiza um isovolumétrica ou isobárica, absorvendo, do meio
trabalho W e recebe 150J de calor do meio externo, respectivamente, 1200cal ou 2000cal. O
externo. Numa segunda experiência, faz-se o diagrama abaixo ilustra essas transformações, bem
gás sofrer uma expansão adiabática, a partir como uma possível expansão isotérmica do gás entre os
das mesmas condições iniciais, durante a qual estados 2 e 3, ao longo de uma curva abaixo da qual a
ele realiza o mesmo trabalho W. área corresponde a 1100cal.
Calcule a variação de energia interna  U do Utilizando as informações e os dados fornecidos,
gás nessa expansão adiabática. complete os quadros em branco da tabela seguinte,
apresentando os valores de Q, W e  U,
10. (UNESP) Um gás, que se comporta como correspondentes a cada uma das transformações
gás ideal, sofre expansão sem alteração de citadas.
temperatura, quando recebe uma quantidade
de calor Q = 6 J.
a) Determine o valor  E da variação da
energia interna do gás.
b) Determine o valor do trabalho T realizado
pelo gás durante esse processo.

11. (UFSM) Quando um gás ideal sofre uma


expansão isotérmica,
a) a energia recebida pelo gás na forma de
calor é igual ao trabalho realizado pelo gás na
expansão. 14. (UFSM) Um gás ideal sofre uma transformação:
b) não troca energia na forma de calor com o absorve 50cal de energia na forma de calor e expande-
meio exterior. se realizando um trabalho de 300J. Considerando
c) não troca energia na forma de trabalho com 1cal=4,2J, a variação da energia interna do gás é, em J,
o meio exterior. de
d) a energia recebida pelo gás na forma de a) 250 b) -250 c) 510 d) -90 e) 90
calor é igual à variação da energia interna do
gás. 15. (UFES) Considere uma garrafa térmica fechada com
e) o trabalho realizado pelo gás é igual à uma certa quantidade de água em seu interior. A garrafa
variação da energia interna do gás. é agitada fortemente por um longo período de tempo. Ao
final desse período pode-se dizer que a temperatura da
12. (UFAL) Um gás recebe um trabalho de água
2100J, sofrendo uma transformação isotérmica. a) aumenta, pois o choque entre as moléculas gera calor.
Sendo o equivalente mecânico do calor igual a b) aumenta, pois o ato de chacoalhar aumenta a energia
4,2J/cal, esse gás deve ter cedido uma interna da água.
quantidade de calor, em calorias, igual a c) aumenta, pois o trabalho vai ser transformado em
a)5,0.10² b)1,1.10³ c)2,1.10³ d)4,2.10³ calor.
e)8,8.10³ d) diminui, pois a parede interna da garrafa térmica vai
absorver o calor da água.
e) permanece constante, pois a garrafa térmica não
permite troca de calor.
GABARITO
1. C
2. a) 415J
b) 10K ou 10°C
3. C 4. 5 Kg 5. 16N 6. A 7. D
8. B 9. -150J 10. a) E=0 b) T = 6J 11. A
12. A
13. 14. D
15. B