Você está na página 1de 18
jnventando d sociedag /e Aposley antar questocs sobreacultura,ey denossas idéiascomuns,o conceito de Socio bem gxiaisentre as pessoas, out rora entendidaseom -OMO€ DOr que as}, goborientagdo divina, passaram a ser vistas com ligadasaordem polit unidade em Si mesma? Desenvolvi uma res ae Sociedade civil” feitaem 7 de novembro de 1985,em eomenan cast saeee numa palesirg ‘Departamento de Antropologia da Universidad Ecimoaniversdrigg Baltimore. O texto foi publicado originalmente na ee ns, em Ethno 15(novembro 1988): 752-761. questionar “uma Todas asdisciplinas trabalham com um conjunto de conceitos fami! res Nasciéncias sociais, temos, entre outros, Cultura, Sociedade e duo, Confiamos nesses instrumentos praticos de conhecimento esto. 4 m4o, porque sao Uteis na maioria das situagoes e porque -ar hados e facilmente compreensiveis ~ economiz: as economia na denotacao e na cono! tringi-lo. Entretanto precisamosexam mente compartil P icagdes longas e pedantes. M tanto estimular o pensamento como res| suficiente inventar ou importar palavras novas: perto nosso instrumental intelectual. Atualmente, alguns de nossos colegas poderiam dizer que toda 'aode encontrar conceitos que possam refletiradequadamen" : rn deéem si mesma falsa. Eles poderiam argumentar que, fe ‘ isu I Oque se disser que ela é, qualquer um pode *jogar”, Use tumentos que escolher. Mas s¢ 0 projetoé de explicas nimento, entao a avaliagdo sobre a adequagaode Nuaaser uma questao séria. Os positivist s Padroes muito altos para a adequagaoda exP Macoes se enquadrem em modelos de leis exP Licagao, e% licativas. seunstanetts, desde GES 05 ong oy fay jasasci ° ‘Notes dos / se.