Você está na página 1de 3

Trabalho Sobre o Filme “Spider”

Questão 1 – Sobre a primeira parte do filme, na qual o personagem relembra cenas de


sua infância: que situações ou cenas do filme ilustram a passagem do menino Spider
pelo Édipo? Apenas citem as cenas e expliquem porque elas ilustram o Édipo do
menino Spider.
R: Uma das cenas que representa o édipo é quando a mãe está se arrumando frente a um
espelho e o menino a olha com admiração, e sai correndo, ela representa o édipo pois o
menino estava a admirando se sentindo atraído por ela.
Outra cena que representa é quando a mãe está contando sobre as teias de aranha e o pai
então corta o diálogo entre mãe e filho para que eles possam sair. Quando ambos saem,
o menino corre até a janela de seu quarto para ver a saída dos dois. A mãe acena para
ele e é interrompida novamente pelo pai que a joga para a parede. O garoto então avista
o pai e a mãe se beijando e parece desconfortável, nervoso e revoltado, como se não
suportasse a relação entre seu pai e sua mãe. Essa cena representa o édipo pois Spider
estava com ciúmes de seu pai por estar com sua mãe.

Questão 2 – Para o grupo de vocês, que problemas ocorreram na passagem do menino


Spider pelo Édipo? Elaborem a interpretação de vocês.
R: O problema que ocorreu foi o fato de Spider amar a mãe a ponto de sentir ciúmes do
pai, como se a sua fase do complexo de Édipo tivesse se prolongado e piorado a ponto
de lhe causar transtornos. A partir daí ele transforma então, a mãe que possui desejos e
mantêm relações com o pai na figura da prostituta do bar, enquanto que a mãe é morta,
para que permaneça, para sempre, como algo bom e terno na sua memória, sem ser
manchada pela presença do pai. Pois no filme o pai sempre aparece como a figura que
interrompe os momentos que Spider tem com a mãe só para si, e por isso, a relação
entre os dois parece não ser boa, devido ao extremo ciúme sentido pelo garoto.
Assim, a mãe não possui só um lado bom, há também seu lado sombrio, que possui
desejos pelo pai e sai à noite para beber, coisas que para a mente do menino são
inaceitáveis por irem contra a ideia que ele faz da mãe e contradizem com o que ele
havia criado em sua cabeça.
Questão 3 – A partir dos delírios de perseguição de Spider, faça uma articulação entre
as cenas do filme e o que vocês aprenderam sobre as posições Depressiva e Esquizo-
Paranoide na psicanálise de Melanie Klein.
R: A posição depressiva aparece nos episódios de luto e melancolia, que pode ser visto
no filme nas cenas em que Spider aparece deitado no quintal, sob o lugar onde acredita
que o pai e a prostituta enterraram sua “mãe boa”, após matá-la. Aparece também na
cena em que ele e o pai estão conversando e ele insiste na idéia de que sua “mãe boa”
está morta e seu pai colocou uma “puta” em seu lugar. Na posição depressiva a criança
vê a mãe como objeto total, e era assim com Spider. Sua mãe era tudo, era quem
cuidava dele. No filme fica explicito na cena em que Spider vê sua “mãe boa”, que
cuidava dele, na senhora do hotel que quer cuidá-lo com um banho e ele se recusa.
Na posição esquizo-paranóide as pulsões sexuais são destrutivas e o objeto é clivado em
bom / mau. A partir disso, podemos pensar que Spider não podia suportar o desejo da
mãe pelo pai, o que significaria uma ruptura na relação total que mantinham mãe e
filho. A mãe então, ficou dividida em duas partes que ele não podia juntar, uma “boa”
(sua mãezinha, como ele se referia) e uma “má” (a amante do pai). Spider rejeita as
cenas em que a mãe investe seu desejo no pai, substituindo a imagem da mãe pela
imagem da amante, pois ele acredita que sua “mãezinha” seria incapaz de fazer aquilo.
Na posição esquizo-paranóide aparece o medo da vingança que é chamado de
ansiedade persecutória, onde na fantasia da criança, o ódio e a destrutividade
direcionados ao seio mau, vão se voltar contra ela em busca de vingança. Aparece na
cena que em que Spider vai ao bar chamar seu pai e a prostituta mostra seu seio. Após o
pai e a prostituta matarem sua mãe, Spider com medo da vingança da prostituta faz uma
“armadilha” que provoca um vazamento de gás e matará a prostituta.

Questão 4 – Ainda a partir dos delírios de perseguição de Spider, escreva sobre os


conceitos de Cisão ou Clivagem do Objeto de acordo com Melanie Klein.
R: Segundo Melanie Klein, a cisão do objeto constitui a defesa mais primitiva contra a
ansiedade. O objeto, alvo das pulsões eróticas e destrutivas, separa-se em objeto "bom"
e objeto "mau", que terão destinos independentes no jogo das introjeções e das
projeções.
A cisão ou clivagem do objeto aparecem o filme, quando a “mãe boa” projetada por
Spider é morta pelo pai e pela prostituta, e aparece então a projeção da “mãe má” que
para Spider seria a prostituta.

Questão 5 – Considerando as respostas anteriores, que interpretação vocês dariam para


a cena final do filme?
R: Fazendo uma “releitura” do filme, na primeira fase a criança se espelha na mãe e
nessa interação se estabelece uma relação narcísica entre elas. Em seguida, com este ato
a função paterna se interpõe entre mãe e filho, intervenção essa que se chama de
proibição do incesto, ao mesmo tempo que é uma autorização explicita para que a
criança venha a desejar e escolher no futuro qualquer parceiro.
No final do filme ao nosso ver pareceu que o persongem Spider, não conseguiu superar
estas fases, o que é bem visível na cena em que ele retorna, de carro, para o manicômio,
na figura de criança, que ele nunca deixou de ser.

Você também pode gostar