Você está na página 1de 44

P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES

E STADO DO P ERNAMBUCO

C ONCURSO P ÚBLICO
REF. EDITAL N° 001/2015 - N ÍV E L S U P E R IOR - MANHÃ

Analista em Saúde PROVA


CARGO: FONOAUDIÓLOGO
1
Nome do Candidato Inscrição

Instruções

Atenção
1. Na sua Folha de Respostas, confira seu nome, o número do seu documento e o
número de sua inscrição. Além disso, não se esqueça de conferir seu Caderno O Caderno de questões possui 2 (duas)
de Questões quanto a falhas de impressão e de numeração, e se o curso questões discursivas e 40 (quarenta)
questões objetivas, numeradas
corresponde àquele para o qual você se inscreveu. NÃO SE ESQUEÇA DE
sequencialmente, de acordo com o
MARCAR O NÚMERO CORRESPONDENTE À SUA PROVA NA FOLHA DE
exposto no quadro a seguir:
RESPOSTAS. Preencha os campos destinados à assinatura e ao número de
inscrição. Qualquer divergência comunique ao fiscal

2. O único documento válido para avaliação da prova é a Folha de Respostas Discursivas 1e2
e a Versão Definitiva da Prova Discursiva. Só é permitido o uso de caneta
esferográfica transparente de cor azul ou preta para o preenchimento da Folha MATÉRIA QUESTÕES
de Respostas, que deve ser realizado da seguinte maneira: Língua Portuguesa 01 a 15
3. O prazo de realização da prova é de 4 (quatro) horas, incluindo a marcação da
Folha de Respostas e a transcrição da Versão Definitiva da Prova Discursiva. Informática 16 a 20
Após 60 (sessenta) minutos do início da prova, o candidato estará liberado para
utilizar o sanitário ou deixar definitivamente o local de aplicação. Os 3 (três) Conhecimentos Gerais 21 a 25
últimos candidatos só poderão retirar-se da sala juntos.

4. Ao término de sua prova, comunique ao fiscal, devolvendo-lhe a Folha de Conhecimentos Específicos 26 a 40


Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva devidamente preenchidas e
assinadas. Somente será possível levar o caderno de questões após decorridas
4h (quatro) do início da prova, sendo necessário, obrigatoriamente, devolver ao
fiscal a Folha de Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva.

5. As provas e os gabaritos preliminares estarão disponíveis no site da AOCP ̶


www.aocp.com.br ̶ no dia posterior à aplicação da prova.

6. Implicará na eliminação do candidato, caso, durante a realização das provas,


qualquer equipamento eletrônico venha emitir ruídos, mesmo que devidamente
acondicionado no envelope de guarda de pertences. O NÃO cumprimento a
qualquer uma das determinações constantes em Edital, no presente Caderno
ou na Folha de Respostas, incorrerá na eliminação do candidato.

-------------------------------------------------------------------------- destaque aqui -------------------------------------------------------------

Analista em Saúde
PROVA
PROVA
CARGO:
FONOAUDIÓLOGO
1
Nome do Candidato Inscrição

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES - E STADO DO P ERNAMBUCO
C ONCURSO P ÚBLICO - REF. EDITAL N° 001/2015
Questão 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Resp.

Questão 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Resp.

O gabarito oficial preliminar e o caderno de questões da prova objetiva estarão disponíveis no


endereço eletrônico www.aocp.com.br no dia seguinte à aplicação da prova.

www.pciconcursos.com.br
R A S C U N H O - D I S C U R S I VA

1. A prova discursiva será avaliada considerando-se os seguintes aspectos:


a) o conhecimento técnico-científico sobre a matéria;
b) o atendimento ao tema proposto na questão;
c) a clareza de argumentação/senso crítico;
d) a utilização adequada da Língua Portuguesa.

2. O candidato terá sua prova discursiva avaliada com nota 0 (zero) em caso de:
a) não atendimento ao conteúdo avaliado e ao tema proposto, de manuscrever em letra ilegível ou de grafar por
outro meio que não o determinado no Edital 001/2015;
b) apresentar acentuada desestruturação na organização textual ou atentar contra o pudor;
c) redigir seu texto a lápis ou a tinta em cor diferente de azul ou preta;
d) não apresentar as questões redigidas na Folha da Versão Definitiva ou entregar em branco;
e) apresentar identificação, em local indevido, de qualquer natureza (nome parcial, nome completo, outro nome
qualquer, número(s), letra(s), sinais, desenhos ou códigos).

3. O candidato disporá de, no máximo, 15 (quinze) linhas para elaborar a resposta de cada questão da
prova discursiva, sendo desconsiderado para efeito de avaliação qualquer fragmento de texto que for
escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão de 15 (quinze) linhas permitidas para a
elaboração de seu texto.

QUESTÃO 01
O Ministério da Saúde, que criou a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador –
RENAST –, a criou com o propósito de unificar a rede do SUS de serviços de assistência e vigilância
das ações de saúde do trabalhador. Os estados e municípios recebem incentivos financeiros para
a criação de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador – CERESTs – que buscam disseminar
as ações em todos os níveis de atenção, dando suporte técnico, de coordenação de projetos e de
educação em saúde para a rede do SUS. Neste contexto, podemos ter a presença do fonoaudiólogo
que trabalha inserido nas propostas de vigilância à saúde do trabalhador. Descreva as competências
fonoaudiológicas possíveis para esta atuação.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
3

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 02

É notório que a perspectiva sócio-interacionista, defendida inicialmente no Brasil por Claudia Lemos,
a qual se embasou na teoria histórico-cultural de Vygotsky, leva em consideração a linguagem como
um produto da interação. A criança adquire, então, a linguagem por meio de sua relação com o outro,
mediador ou cuidador. Essa relação pode e deve possuir um caráter sempre dinâmico, no qual tanto
a criança quanto o seu mediador utilizam seus conhecimentos e experiências. Discuta a relevância da
mediação para o desenvolvimento da linguagem.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
4

www.pciconcursos.com.br
LÍNGUA PORTUGUESA

Atenção! Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de Respostas, o número de sua prova indicado na capa desse caderno.

Medo de ser feliz acho que ninguém está livre da sensação secreta de
De onde vem a sensação de que a nossa felicidade desastre. Todos têm traumas. Todos passaram por
pode ser destruída a qualquer momento? momentos difíceis na infância, quando não éramos
capazes de entender e de nos proteger. Muitos de
IVAN MARTINS nós, menos afortunados, sofreram perdas terríveis,
precoces, que deixaram uma profunda sensação de
Por uma razão ou outra, a gente vive com medo. A desamparo. Essas coisas provocam marcas que se
sensação de que as coisas podem repentinamente refletem na forma como lidamos com o amor e com
dar errado faz parte da nossa essência, eu acho. a sensação de felicidade. Alguns, de forma leve e
Alguns a têm mais forte; outros, mais fraca. Mas a otimista. Outros, de maneira pesada e pessimista.
ansiedade essencial em relação ao futuro está lá, em É um traço de personalidade, uma consequência da
todos nós – mesmo quando estamos apaixonados história de cada um. A gente ama como vive, cada
e contentes. Ou, sobretudo, quando apaixonados e um à sua maneira.
contentes. Isso não quer dizer que as coisas não mudem e
[...] não possam se tornar melhores e mais fáceis.
Já vi pessoas ficarem com tanto medo do A gente se acostuma com tudo, até com a
futuro que detonam o presente. É uma espécie de sensação de felicidade. No início ela nos apavora
pânico em câmera lenta. O sentimento de desastre e desperta todos os medos e pressentimentos.
iminente é tão forte, a sensação de insegurança Depois, a gente vai se habituando. Percebe que o
é tão grande, que a pessoa conclui (mesmo que Fulano não vai sumir de uma hora para outra. Que
seja de maneira inconsciente) que é melhor chutar as pessoas no trabalho não nos acham uma fraude.
logo o pau da barraca e sair correndo, em qualquer Que a família, os amigos, as relações sociais que
direção – deixando para trás o relacionamento, o construímos são sólidas e não irão desmoronar de
emprego, o futuro e tudo o mais que estava dando uma hora para outra.
certo e por isso mesmo parecia estar sob ameaça. Com o tempo, enfim, a gente relaxa e a maldita
É uma piração, claro, mas gente normal faz essas sensação de precariedade enfraquece. De alguma
coisas todos os dias. forma, a gente se acostuma a estar feliz e a se
Existe uma coisa chamada medo de ser feliz. sentir seguro. Amado também, o que é muito, muito
Não estou falando daquele clichê sobre as importante. Em algum momento, a gente começa a
pessoas terem medo de se entregar ao sentimento desfrutar da nossa existência e os medos recuam
do amor e por isso não darem bola ao que sentimos para segundo ou terceiro plano. Então um dia, numa
por ela. Em geral, essa situação esconde um manhã qualquer, diante da cafeteira fumegante, a
equívoco: a pessoa em questão não sente nada gente talvez seja capaz de perceber – quem diria
relevante por nós, mas preferimos acreditar que ela – que não está com tanto medo assim de ser feliz.
tem “medo de amar”. É uma ficção que protege a Grande dia esse na história da nossa vida.
nossa auto-estima e rende uma boa história para
contar aos amigos. Mas quase nunca é verdade. http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/ivan-martins/noti -
cia/2014/07/medo-de-bser-felizb.html
Existem, porém, pessoas tocadas por dores tão
intensas, por experiências tão sofridas, que não
conseguem evitar a sensação de que tudo de mau
vai se repetir, de uma forma ou de outra, mais cedo
ou mais tarde. Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem e existe algo importante a ser
perdido. Apaixonada e feliz, a pessoa começa a ser
perseguida por seus medos:
Sonha que vai ser abandonada, imagina que algo
de errado vai acontecer com a pessoa que ama,
sente, de maneira inexplicável, que aquilo de bom
que ela tem está sob ameaça, e que não vai durar.
Esse é o medo causado pela felicidade.
Em alguns, ele está à flor da pele. Em outros,
esconde-se sob outros sentimentos e se manifesta
de forma subterrânea. Mas, como eu disse no início,

Cargo: Fonoaudiólogo
5

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 01 QUESTÃO 05
Em relação ao período “A sensação de que Assinale a alternativa em que o termo
as coisas podem repentinamente dar errado destacado é um pronome relativo.
faz parte da nossa essência, eu acho.”, a (A) “Sonha que vai ser abandonada.”.
expressão em destaque demonstra (B) “É uma ficção que protege a nossa auto-estima.”.
(A) uma certeza científica em relação ao que o autor (C) “... a pessoa conclui [...] que é melhor chutar
afirma anteriormente. logo o pau da barraca...”.
(B) que várias pessoas compartilham da mesma (D) “Percebe que o Fulano não vai sumir de uma
opinião do autor em relação ao que foi dito hora para outra.”
anteriormente. (E) “Isso não quer dizer que as coisas não mudem...”.
(C) que o autor não concorda com a afirmação feita
anteriormente. QUESTÃO 06
(D) que a afirmação anterior é uma consideração do Sobre a oração “Alguns a têm mais forte...”, é
autor. correto afirmar que
(E) que o autor encontrou algo que tinha perdido (A) não há sujeito na oração.
anteriormente. (B) não existe concordância entre o verbo “têm”
e o sujeito da oração, porque “ter” é um verbo
QUESTÃO 02 impessoal.
De acordo com o texto, é correto afirmar que, (C) o acento no verbo “têm” é marca de singular.
EXCETO (D) “Alguns” é um termo acessório da oração.
(A) não é conhecido exatamente o motivo pelo qual (E) o verbo “têm” apresenta acento diferencial de
nós vivemos com medo. plural para concordar com “Alguns”.
(B) a sensação de que as coisas podem de repente
dar errado é comum a todos, o que muda é seu QUESTÃO 07
grau de intensidade. Em “Esse é o medo causado pela felicidade.”,
(C) a ansiedade essencial em relação ao futuro, o termo destacado
independente dos sentimentos que nos (A) retoma o que está expresso no parágrafo anterior.
acompanham, é comum a todos. (B) tem função de predicado da oração.
(D) o medo do futuro leva algumas pessoas a destruir (C) introduz o que virá no parágrafo posterior.
o momento que estão vivenciando. (D) é um termo acessório da oração.
(E) o medo do futuro tem relação com a nossa (E) está grafado incorretamente.
mínima sensação de insegurança referente ao
que irá acontecer. QUESTÃO 08
Em “a pessoa em questão não sente nada
QUESTÃO 03 relevante por nós, mas preferimos acreditar
Em “... a pessoa conclui (mesmo que seja de que ela tem ‘medo de amar’.”, o termo
maneira inconsciente) que é melhor chutar destacado NÃO pode ser substituído por
logo o pau da barraca e sair correndo...”, os (A) contudo.
parênteses foram utilizados para intercalar (B) porém.
(A) uma reflexão concessiva do autor em relação ao (C) portanto.
que ele afirma. (D) entretanto.
(B) uma reflexão explicativa do autor em relação ao (E) todavia
que ele afirma.
(C) uma nota emocional expressa de forma QUESTÃO 09
interrogativa. Em “Em alguns, ele está à flor da pele.”, o uso
(D) uma oração que possui um verbo declarativo. da crase justifica-se
(E) uma reflexão comparativa do autor em relação (A) para atender a regência do verbo “estar”.
ao que ele afirma. (B) para atender a regência do nome “pele”.
(C) por tratar-se de uma locução conjuntiva de base
QUESTÃO 04 feminina.
Em “É uma piração...”, são sinônimos do (D) por tratar-se de uma locução cristalizada de base
termo destacado, EXCETO feminina.
(A) maluquice. (E) para atender à regência do nome “flor”.
(B) lucidez.
(C) doidice.
(D) loucura.
(E) doideira.

Cargo: Fonoaudiólogo 6

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 10 INFORMÁTICA
Em “... uma boa história para contar aos
amigos.”, a expressão destacada é Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
(A) adjunto adverbial. Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
(B) objeto direto. na capa desse caderno.
(C) predicativo do objeto.
(D) objeto indireto.
(E) agente da passiva.
QUESTÃO 16
QUESTÃO 11 Considerando o processador de texto Writer
“Desastre Iminente” é aquele que (BrOffice.org), para justificar o texto, basta
(A) está acontecendo. executar qual tecla de atalho?
(B) ameaça acontecer em breve. Obs. O caractere “+” foi utilizado apenas para
(C) já aconteceu. interpretação da questão.
(D) acontecerá em um futuro muito distante. (A) Ctrl + J
(E) tem data e tempo, exatamente marcados, para (B) Ctrl + G
acontecer. (C) Ctrl + F3
(D) Ctrl + O
QUESTÃO 12
(E) Ctrl + R
Assinale a alternativa correta em relação à
ortografia dos pares. QUESTÃO 17
(A) Sólida – solidez. Considerando o MS-EXCEL 2007 em sua
(B) Detonar – detonasão. instalação padrão, na construção de fórmulas,
(C) Iminente – iminênscia. o operador & tem a função de
(D) Intensão – intensional. (A) calcular o desvio padrão.
(E) Ansiedade – ansiozo. (B) concatenar (juntar) o texto.
(C) calcular a raiz quadrada.
QUESTÃO 13 (D) calcular a mediana.
“Sonha que vai ser abandonada.” é um (E) calcular logaritmo.
período
(A) que apresenta sujeito simples. QUESTÃO 18
(B) que apresenta sujeito composto. Considerando o Sistema Operacional LINUX,
(C) sem sujeito. assinale a alternativa que melhor o descreve
(D) que apresenta sujeito indeterminado. com relação ao tipo de licenciamento.
(E) em que o sujeito está oculto.

QUESTÃO 14
Em “Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem...”, a oração destacada
estabelece, no período, uma relação de
(A) finalidade.
(B) causa.
(C) tempo. (A) Software Shareware.
(D) consequência. (B) Software Proprietário.
(E) concessão. (C) Software Trial.
(D) Software Livre.
QUESTÃO 15 (E) Software Demo.
Em relação à concordância verbal, assinale a
alternativa correta.
(A) Fazem três meses que não a vejo.
(B) Havia muitas manifestações favoráveis ao
movimento.
(C) Fazem quatro anos que entrei na faculdade.
(D) Haviam milhares de pessoas no comício.
(E) É quarenta minutos de viagem de Jaboatão a
Recife.

Cargo: Fonoaudiólogo 7

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 19
CONHECIMENTOS GERAIS
Assinale a alternativa que apresenta os
ícones que identificam apenas softwares Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
Compactadores (Descompactadores) de Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
arquivos. na capa desse caderno.

(A) e . QUESTÃO 21
Conforme a lei 141/2012, no que se refere à
Transparência e Visibilidade da Gestão da
Saúde, a transparência e a visibilidade serão
asseguradas mediante
(B) e . (A) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.
(B) investimento e participação popular, realização
de audiências públicas, durante o processo de
(C) e . elaboração e discussão do plano de saúde.
(C) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária.
(D) e . (D) investimento e participação popular, realização
de audiências restritas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária.
(E) incentivo à participação popular e realização
(E) e . de audiências privadas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.

QUESTÃO 22
QUESTÃO 20 O Sistema Único de Saúde tem três esferas
Considerando o navegador Mozilla Firefox, de atuação: federal, estadual e municipal.
versão 33, para exibir a janela em modo tela Quais são as atribuições do nível federal?
inteira, basta pressionar a tecla (A) O nível federal tem, principalmente, as
(A) F1. atribuições de refazer, avaliar e vetar políticas;
(B) F2. normalizar ações; prestar cooperação técnica
(C) F5. aos municípios, ao Distrito Federal; e controlar
(D) F8. e avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
(E) F11. competências dos demais níveis.
(B) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar
ações; prestar cooperação técnica aos Estados,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(C) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e normatizar políticas; efetuar
ações; prestar cooperação técnica aos Estados,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(D) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar
ações; prestar serviço aos municípios, ao Distrito
Federal, governo e prefeituras; e controlar,
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.

Cargo: Fonoaudiólogo 8

www.pciconcursos.com.br
(E) O nível federal tem, a princípio, as atribuições
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
de refazer, avaliar e vetar políticas; normalizar
ações; prestar cooperação técnica à União,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
competências dos demais níveis. na capa desse caderno.

QUESTÃO 23
Qual das opções a seguir NÃO é uma ação de QUESTÃO 26
responsabilidade da área técnica de Saúde No tocante ao trabalho fonoaudiológico,
da Mulher? delimitações e expectativas relacionadas à
(A) Assistência ao pré-natal. Atenção Básica de Saúde, podem-se incluir
(B) Enfrentamento da violência contra a mulher. vários aspectos importantes, EXCETO
(C) Incentivo ao parto através de cesárea . (A) o trabalho caracterizar-se por um conjunto de
(D) Planejamento familiar. ações de saúde, individual e coletivo.
(E) Assistência às mulheres negras. (B) as abordagens do trabalho estarem relacionadas
à promoção e proteção da saúde.
QUESTÃO 24
(C) a prevenção visar agravos, diagnóstico,
Das alternativas a seguir, qual apresenta uma tratamento, reabilitação e redução de danos e
ação da vigilância em saúde ambiental? manutenção da saúde.
(A) Investigação epidemiológica de casos e surtos. (D) a existência da necessidade em desenvolver
(B) Conhecimento e detecção ou prevenção de atenção integral para impactar a saúde e
qualquer mudança nos fatores determinantes e autonomia dos indivíduos, bem como a saúde
condicionantes que não interfeririam na saúde das coletividades.
humana. (E) serem desnecessárias as ações conjuntas frente
(C) Vigilância da qualidade da água para consumo à manutenção da saúde coletiva.
humano, do ar e do solo.
(D) Controle da prestação de serviços que, direta ou QUESTÃO 27
indiretamente, relacionam-se com a saúde. Quais são as atribuições do fonoaudiólogo
(E) Investigação e controle de epidemia de pragas. no Serviço de Atenção Domiciliar (SAD)?
(A) Promover a reabilitação de pessoas com
QUESTÃO 25 deficiência permanente ou transitória, que
Segundo a lei 8080/90, Título II, o Sistema necessitem de atendimento contínuo, até
Único de Saúde compreende apresentarem condições de frequentar serviços
(A) o conjunto de ações e serviços de saúde e de reabilitação, bem como orientar os cuidados
educação, prestados por órgãos e instituições necessários.
públicas federais, estaduais, da Administração (B) Partir do pressuposto que os familiares e/ou
direta e indireta e das fundações mantidas pelo cuidador dos usuários, convivem a mais tempo e
Poder Público. já sabem exatamente como realizar os cuidados.
(B) o conjunto de ações e serviços de saúde privada, (C) Realizar exames no domicílio, como a
prestados por órgãos e instituições privadas, da audiometria, uma vez que a pessoa com
Administração direta e indireta e das fundações deficiência tem dificuldade de se locomover até
mantidas pelo Poder Privado. um centro especializado.
(C) o conjunto de ações e serviços de saúde e (D) Prescrever e orientar a terapêutica farmacológica
vigilância sanitária, prestados por órgãos e mais indicada.
instituições públicas federais, estaduais e (E) Fiscalizar as normas aplicadas pela vigilância
municipais, da Administração direta e indireta e sanitária junto ao domicílio.
das fundações mantidas pelo Poder Privado.
(D) o conjunto de ações e serviços de saúde,
prestados por órgãos e instituições públicas
federais, estaduais e municipais, da
Administração direta e indireta e das fundações
mantidas pelo Poder Público.
(E) o conjunto de ações e serviços de prevenção
e saúde, prestados por órgãos e instituições
públicas federais, estaduais, da Administração
direta e indireta e das fundações mantidas pelo
Poder Público.

Cargo: Fonoaudiólogo 9

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 28 QUESTÃO 31
Sobre os padrões de sucção observados na O sistema estomatognático possibilita a
figura a seguir, pode-se afirmar que realização das funções orofaciais, sendo
composto por estruturas estáticas ou
passivas e estruturas dinâmicas ou ativas,
que equilibradas e controladas pelo sistema
nervoso central serão responsáveis pelo
funcionamento harmônico da face. Qual
sequência apresenta as estruturas estáticas
deste sistema?
(A) Arcos osteodentários, grupo radicular e ossos
cranianos.
(B) Maxila, mandíbula, ossos cranianos e osso
hioide.
(C) Arcos osteodentários, maxila, mandíbula e grupo
A B radicular.
(D) Ossos cranianos, maxila, mandíbula, articulação
(Junqueira, 2000) temporomandibular e ossos costais.
(E) Articulação temporomandibular, maxila,
(A) ambos padrões funcionais estão adequados. mandibular e grupo radicular.
(B) os lábios estão circundando completamente a
aréola. QUESTÃO 32
(C) na figura B a posição da língua pode interferir Assinale a alternativa que apresenta o grupo
na sequência adequada de lactação, podendo dos músculos elevadores da mandíbula ou
reduzir a quantidade de sucção de leite materno. mastigatórios.
(D) na figura A o mamilo não está colocado (A) Masseter, temporal, pterigoideo medial e lateral.
completamente dento da boca. (B) Masseter, temporal, zigomático.
(E) ambos padrões funcionais permitem a sucção (C) Masseter, pterigoideo medial e lateral.
abundante do leite materno. (D) Masseter, temporal, zigomático, bucinador.
(E) Masseter, orbicular dos lábios e zigomático.
QUESTÃO 29
O cuidado com o posicionamento do bebê, QUESTÃO 33
preferencialmente mais verticalizado, o A produção da fala procede quando o
uso de placas ortopédicas para promover o processo de pensamento ou de resposta
vedamento da cavidade nasal e o aumento que conduz uma sequência de impulsos
da pressão intraoral no momento da sucção neurais é transmitido ao mesmo tempo para
caracterizam o favorecimento para o determinadas estruturas e musculaturas. As
aleitamento materno de bebês com partes do corpo mais intimamente associadas
(A) síndrome de Down. à pneumofonoarticulação são:
(B) síndrome de Asperger. (A) pulmões, laringe, boca e nariz.
(C) fissuras labiopalatinas. (B) pulmões, traqueia, laringe, cavidades nasal e
(D) deglutição atípica. oral.
(E) dispneia. (C) laringe, boca, língua e nariz.
(D) cavidades nasal e oral, laringe e língua.
QUESTÃO 30 (E) cavidade oral, laringe e pulmões.
O que a alteração da deglutição ou disfagia
envolve? QUESTÃO 34
(A) A incapacidade de transitar o alimento da boca Qual é o distúrbio neurogênico compatível
até o estômago. com as seguintes características: dificuldade
(B) A incapacidade de colocar o alimento na boca. no controle motor oral para a produção
(C) A dificuldade de escolher o alimento. dos sons da fala com notória fraqueza
(D) A preferência para tipos de alimentos. muscular, lentidão e incoordenação dos
(E) A falta de controle do apetite. movimentos, dificuldades para iniciar e
cessar os movimentos, inteligibilidade da fala
quando aumenta-se a velocidade, frequência
de ocorrências de distorções e omissões
dos sons da fala, piora da performance em
enunciados mais extensos.
(A) Afasia.

Cargo: Fonoaudiólogo 10

www.pciconcursos.com.br
(B) Dispraxia.
(C) Disartria. QUESTÃO 39
(D) Amnesia. A fonoaudiologia geriátrica trabalha
(E) Agnosia. abrangentemente em prol da saúde da
pessoa idosa. Entretanto NÃO é competência
QUESTÃO 35 fonoaudiológica
A laringe tem um mecanismo valvular (A) a promoção, proteção e recuperação da saúde
competente para abertura e fechamento do idoso.
glótico, permitindo livre ou reduzida (B) a intervenção na saúde auditiva do idoso.
passagem do fluxo aéreo. Em relação às vias (C) o acompanhamento do idoso dentro do sistema
aéreas inferiores, podemos afirmar que a de saúde.
laringe exerce a importante função de (D) o atendimento e intervenção das necessidades
(A) dispersão. fisiológicas e metabólicas do idoso.
(B) compensação. (E) a realização de avaliação, diagnóstico,
(C) proteção. habilitação e reabilitação da saúde do idoso.
(D) justaposição.
(E) compressão. QUESTÃO 40
O CRFa (2007) preconizou, no manual de
QUESTÃO 36 biossegurança, medidas para minimizar riscos
Qual das características clínicas clássicas à saúde, para a preservação do ambiente e
apresentadas a seguir NÃO é compatível com para a qualidade de vida. Em relação ao risco
criança apresentando desvio fonológico? biológico, assinale a alternativa correta.
(A) Distúrbios psiquiátricos. (A) A higienização das mãos pode ser realizada
(B) Idade acima de quatro anos. somente ao final do dia de trabalho.
(C) Audição normal para fala. (B) Uma vez feita a correta imunização (vacina) não
(D) Integridade neurológica. é necessário repeti-la.
(E) Fator etiológico desconhecido. (C) O uso de equipamentos de proteção individual é
imprescindível.
QUESTÃO 37 (D) Os artigos e superfícies de contato com o
Os processos dialógicos (de Lemos, 1989) são paciente podem ser esterilizados basicamente
constitutivos do diálogo inicial entre o adulto com uso de água.
e a criança. Estes, propõem uma relação de (E) Não constitui medidas de biossegurança os
dependência dialógica em que mediante a cuidados com a higiene pessoal, atenção ao uso
interação efetiva e progressiva se alcança de unhas compridas e cabelos longos soltos.
a autonomia comunicativa. Desta maneira,
uma criança que demonstra interesse
comunicativo e apresenta gestos, expressões
ou fala incorporados, repetidos ou imitados
aos do adulto. Apresenta predominantemente
o processo dialógico de
(A) especularidade.
(B) complementaridade.
(C) reciprocidade.
(D) afetividade.
(E) reversibilidade.

QUESTÃO 38
Em resultados obtidos por meio da
audiometria tonal que apontam: diminuição
dos limiares tonais da via aérea (pior que 20
dB NA) e conservação dos limiares da via
óssea (entre 10 a 20 dB NA), mantendo entre
eles um gap médio de 25dB NA, qual é o tipo
de perda auditiva compatível?
(A) Perda auditiva neurosensorial.
(B) Perda auditiva retrococlear.
(C) Perda auditiva mista.
(D) Perda auditiva funcional.
(E) Perda auditiva condutiva.

Cargo: Fonoaudiólogo 11

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES
E STADO DO P ERNAMBUCO

C ONCURSO P ÚBLICO
REF. EDITAL N° 001/2015 - N ÍV E L S U P E R IOR - MANHÃ

Analista em Saúde PROVA


CARGO: FONOAUDIÓLOGO
2
Nome do Candidato Inscrição

Instruções

Atenção
1. Na sua Folha de Respostas, confira seu nome, o número do seu documento e o
número de sua inscrição. Além disso, não se esqueça de conferir seu Caderno O Caderno de questões possui 2 (duas)
de Questões quanto a falhas de impressão e de numeração, e se o curso questões discursivas e 40 (quarenta)
questões objetivas, numeradas
corresponde àquele para o qual você se inscreveu. NÃO SE ESQUEÇA DE
sequencialmente, de acordo com o
MARCAR O NÚMERO CORRESPONDENTE À SUA PROVA NA FOLHA DE
exposto no quadro a seguir:
RESPOSTAS. Preencha os campos destinados à assinatura e ao número de
inscrição. Qualquer divergência comunique ao fiscal

2. O único documento válido para avaliação da prova é a Folha de Respostas Discursivas 1e2
e a Versão Definitiva da Prova Discursiva. Só é permitido o uso de caneta
esferográfica transparente de cor azul ou preta para o preenchimento da Folha MATÉRIA QUESTÕES
de Respostas, que deve ser realizado da seguinte maneira: Língua Portuguesa 01 a 15
3. O prazo de realização da prova é de 4 (quatro) horas, incluindo a marcação da
Folha de Respostas e a transcrição da Versão Definitiva da Prova Discursiva. Informática 16 a 20
Após 60 (sessenta) minutos do início da prova, o candidato estará liberado para
utilizar o sanitário ou deixar definitivamente o local de aplicação. Os 3 (três) Conhecimentos Gerais 21 a 25
últimos candidatos só poderão retirar-se da sala juntos.

4. Ao término de sua prova, comunique ao fiscal, devolvendo-lhe a Folha de Conhecimentos Específicos 26 a 40


Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva devidamente preenchidas e
assinadas. Somente será possível levar o caderno de questões após decorridas
4h (quatro) do início da prova, sendo necessário, obrigatoriamente, devolver ao
fiscal a Folha de Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva.

5. As provas e os gabaritos preliminares estarão disponíveis no site da AOCP ̶


www.aocp.com.br ̶ no dia posterior à aplicação da prova.

6. Implicará na eliminação do candidato, caso, durante a realização das provas,


qualquer equipamento eletrônico venha emitir ruídos, mesmo que devidamente
acondicionado no envelope de guarda de pertences. O NÃO cumprimento a
qualquer uma das determinações constantes em Edital, no presente Caderno
ou na Folha de Respostas, incorrerá na eliminação do candidato.

-------------------------------------------------------------------------- destaque aqui -------------------------------------------------------------

Analista em Saúde
PROVA
PROVA
CARGO: FONOAUDIÓLOGO
2
Nome do Candidato Inscrição

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES - E STADO DO P ERNAMBUCO
C ONCURSO P ÚBLICO - REF. EDITAL N° 001/2015
Questão 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Resp.

Questão 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Resp.

O gabarito oficial preliminar e o caderno de questões da prova objetiva estarão disponíveis no


endereço eletrônico www.aocp.com.br no dia seguinte à aplicação da prova.

www.pciconcursos.com.br
R A S C U N H O - D I S C U R S I VA

1. A prova discursiva será avaliada considerando-se os seguintes aspectos:


a) o conhecimento técnico-científico sobre a matéria;
b) o atendimento ao tema proposto na questão;
c) a clareza de argumentação/senso crítico;
d) a utilização adequada da Língua Portuguesa.

2. O candidato terá sua prova discursiva avaliada com nota 0 (zero) em caso de:
a) não atendimento ao conteúdo avaliado e ao tema proposto, de manuscrever em letra ilegível ou de grafar por
outro meio que não o determinado no Edital 001/2015;
b) apresentar acentuada desestruturação na organização textual ou atentar contra o pudor;
c) redigir seu texto a lápis ou a tinta em cor diferente de azul ou preta;
d) não apresentar as questões redigidas na Folha da Versão Definitiva ou entregar em branco;
e) apresentar identificação, em local indevido, de qualquer natureza (nome parcial, nome completo, outro nome
qualquer, número(s), letra(s), sinais, desenhos ou códigos).

3. O candidato disporá de, no máximo, 15 (quinze) linhas para elaborar a resposta de cada questão da
prova discursiva, sendo desconsiderado para efeito de avaliação qualquer fragmento de texto que for
escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão de 15 (quinze) linhas permitidas para a
elaboração de seu texto.

QUESTÃO 01
O Ministério da Saúde, que criou a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador –
RENAST –, a criou com o propósito de unificar a rede do SUS de serviços de assistência e vigilância
das ações de saúde do trabalhador. Os estados e municípios recebem incentivos financeiros para
a criação de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador – CERESTs – que buscam disseminar
as ações em todos os níveis de atenção, dando suporte técnico, de coordenação de projetos e de
educação em saúde para a rede do SUS. Neste contexto, podemos ter a presença do fonoaudiólogo
que trabalha inserido nas propostas de vigilância à saúde do trabalhador. Descreva as competências
fonoaudiológicas possíveis para esta atuação.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
3

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 02

É notório que a perspectiva sócio-interacionista, defendida inicialmente no Brasil por Claudia Lemos,
a qual se embasou na teoria histórico-cultural de Vygotsky, leva em consideração a linguagem como
um produto da interação. A criança adquire, então, a linguagem por meio de sua relação com o outro,
mediador ou cuidador. Essa relação pode e deve possuir um caráter sempre dinâmico, no qual tanto
a criança quanto o seu mediador utilizam seus conhecimentos e experiências. Discuta a relevância da
mediação para o desenvolvimento da linguagem.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
4

www.pciconcursos.com.br
LÍNGUA PORTUGUESA

Atenção! Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de Respostas, o número de sua prova indicado na capa desse caderno.

Medo de ser feliz acho que ninguém está livre da sensação secreta de
De onde vem a sensação de que a nossa felicidade desastre. Todos têm traumas. Todos passaram por
pode ser destruída a qualquer momento? momentos difíceis na infância, quando não éramos
capazes de entender e de nos proteger. Muitos de
IVAN MARTINS nós, menos afortunados, sofreram perdas terríveis,
precoces, que deixaram uma profunda sensação de
Por uma razão ou outra, a gente vive com medo. A desamparo. Essas coisas provocam marcas que se
sensação de que as coisas podem repentinamente refletem na forma como lidamos com o amor e com
dar errado faz parte da nossa essência, eu acho. a sensação de felicidade. Alguns, de forma leve e
Alguns a têm mais forte; outros, mais fraca. Mas a otimista. Outros, de maneira pesada e pessimista.
ansiedade essencial em relação ao futuro está lá, em É um traço de personalidade, uma consequência da
todos nós – mesmo quando estamos apaixonados história de cada um. A gente ama como vive, cada
e contentes. Ou, sobretudo, quando apaixonados e um à sua maneira.
contentes. Isso não quer dizer que as coisas não mudem e
[...] não possam se tornar melhores e mais fáceis.
Já vi pessoas ficarem com tanto medo do A gente se acostuma com tudo, até com a
futuro que detonam o presente. É uma espécie de sensação de felicidade. No início ela nos apavora
pânico em câmera lenta. O sentimento de desastre e desperta todos os medos e pressentimentos.
iminente é tão forte, a sensação de insegurança Depois, a gente vai se habituando. Percebe que o
é tão grande, que a pessoa conclui (mesmo que Fulano não vai sumir de uma hora para outra. Que
seja de maneira inconsciente) que é melhor chutar as pessoas no trabalho não nos acham uma fraude.
logo o pau da barraca e sair correndo, em qualquer Que a família, os amigos, as relações sociais que
direção – deixando para trás o relacionamento, o construímos são sólidas e não irão desmoronar de
emprego, o futuro e tudo o mais que estava dando uma hora para outra.
certo e por isso mesmo parecia estar sob ameaça. Com o tempo, enfim, a gente relaxa e a maldita
É uma piração, claro, mas gente normal faz essas sensação de precariedade enfraquece. De alguma
coisas todos os dias. forma, a gente se acostuma a estar feliz e a se
Existe uma coisa chamada medo de ser feliz. sentir seguro. Amado também, o que é muito, muito
Não estou falando daquele clichê sobre as importante. Em algum momento, a gente começa a
pessoas terem medo de se entregar ao sentimento desfrutar da nossa existência e os medos recuam
do amor e por isso não darem bola ao que sentimos para segundo ou terceiro plano. Então um dia, numa
por ela. Em geral, essa situação esconde um manhã qualquer, diante da cafeteira fumegante, a
equívoco: a pessoa em questão não sente nada gente talvez seja capaz de perceber – quem diria
relevante por nós, mas preferimos acreditar que ela – que não está com tanto medo assim de ser feliz.
tem “medo de amar”. É uma ficção que protege a Grande dia esse na história da nossa vida.
nossa auto-estima e rende uma boa história para
contar aos amigos. Mas quase nunca é verdade. http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/ivan-martins/noti -
cia/2014/07/medo-de-bser-felizb.html
Existem, porém, pessoas tocadas por dores tão
intensas, por experiências tão sofridas, que não
conseguem evitar a sensação de que tudo de mau
vai se repetir, de uma forma ou de outra, mais cedo
ou mais tarde. Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem e existe algo importante a ser
perdido. Apaixonada e feliz, a pessoa começa a ser
perseguida por seus medos:
Sonha que vai ser abandonada, imagina que algo
de errado vai acontecer com a pessoa que ama,
sente, de maneira inexplicável, que aquilo de bom
que ela tem está sob ameaça, e que não vai durar.
Esse é o medo causado pela felicidade.
Em alguns, ele está à flor da pele. Em outros,
esconde-se sob outros sentimentos e se manifesta
de forma subterrânea. Mas, como eu disse no início,

Cargo: Fonoaudiólogo
5

www.pciconcursos.com.br
(C) o acento no verbo “têm” é marca de singular.
QUESTÃO 01 (D) “Alguns” é um termo acessório da oração.
De acordo com o texto, é correto afirmar que, (E) o verbo “têm” apresenta acento diferencial de
EXCETO plural para concordar com “Alguns”.
(A) não é conhecido exatamente o motivo pelo qual
nós vivemos com medo. QUESTÃO 06
(B) a sensação de que as coisas podem de repente Em “Esse é o medo causado pela felicidade.”,
dar errado é comum a todos, o que muda é seu o termo destacado
grau de intensidade. (A) retoma o que está expresso no parágrafo anterior.
(C) a ansiedade essencial em relação ao futuro, (B) tem função de predicado da oração.
independente dos sentimentos que nos (C) introduz o que virá no parágrafo posterior.
acompanham, é comum a todos. (D) é um termo acessório da oração.
(D) o medo do futuro leva algumas pessoas a destruir (E) está grafado incorretamente.
o momento que estão vivenciando.
(E) o medo do futuro tem relação com a nossa QUESTÃO 07
mínima sensação de insegurança referente ao Em “a pessoa em questão não sente nada
que irá acontecer. relevante por nós, mas preferimos acreditar
que ela tem ‘medo de amar’.”, o termo
QUESTÃO 02 destacado NÃO pode ser substituído por
Em “... a pessoa conclui (mesmo que seja de (A) contudo.
maneira inconsciente) que é melhor chutar (B) porém.
logo o pau da barraca e sair correndo...”, os (C) portanto.
parênteses foram utilizados para intercalar (D) entretanto.
(A) uma reflexão concessiva do autor em relação ao (E) todavia
que ele afirma.
(B) uma reflexão explicativa do autor em relação ao QUESTÃO 08
que ele afirma. Em “Em alguns, ele está à flor da pele.”, o uso
(C) uma nota emocional expressa de forma da crase justifica-se
interrogativa. (A) para atender a regência do verbo “estar”.
(D) uma oração que possui um verbo declarativo. (B) para atender a regência do nome “pele”.
(E) uma reflexão comparativa do autor em relação (C) por tratar-se de uma locução conjuntiva de base
ao que ele afirma. feminina.
(D) por tratar-se de uma locução cristalizada de base
QUESTÃO 03 feminina.
Em “É uma piração...”, são sinônimos do (E) para atender à regência do nome “flor”.
termo destacado, EXCETO
(A) maluquice. QUESTÃO 09
(B) lucidez. Em “... uma boa história para contar aos
(C) doidice. amigos.”, a expressão destacada é
(D) loucura. (A) adjunto adverbial.
(E) doideira. (B) objeto direto.
(C) predicativo do objeto.
QUESTÃO 04 (D) objeto indireto.
Assinale a alternativa em que o termo (E) agente da passiva.
destacado é um pronome relativo.
QUESTÃO 10
(A) “Sonha que vai ser abandonada.”.
(B) “É uma ficção que protege a nossa auto-estima.”. “Desastre Iminente” é aquele que
(C) “... a pessoa conclui [...] que é melhor chutar (A) está acontecendo.
logo o pau da barraca...”. (B) ameaça acontecer em breve.
(D) “Percebe que o Fulano não vai sumir de uma (C) já aconteceu.
hora para outra.” (D) acontecerá em um futuro muito distante.
(E) “Isso não quer dizer que as coisas não mudem...”. (E) tem data e tempo, exatamente marcados, para
acontecer.
QUESTÃO 05
QUESTÃO 11
Sobre a oração “Alguns a têm mais forte...”, é
correto afirmar que Assinale a alternativa correta em relação à
(A) não há sujeito na oração. ortografia dos pares.
(B) não existe concordância entre o verbo “têm” (A) Sólida – solidez.
e o sujeito da oração, porque “ter” é um verbo (B) Detonar – detonasão.
impessoal. (C) Iminente – iminênscia.

Cargo: Fonoaudiólogo 6

www.pciconcursos.com.br
(D) Intensão – intensional.
(E) Ansiedade – ansiozo.
INFORMÁTICA

QUESTÃO 12
Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
“Sonha que vai ser abandonada.” é um Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
período na capa desse caderno.
(A) que apresenta sujeito simples.
(B) que apresenta sujeito composto.
(C) sem sujeito.
(D) que apresenta sujeito indeterminado. QUESTÃO 16
(E) em que o sujeito está oculto. Considerando o MS-EXCEL 2007 em sua
instalação padrão, na construção de fórmulas,
QUESTÃO 13
o operador & tem a função de
Em “Esse sentimento é ainda mais forte (A) calcular o desvio padrão.
quando tudo vai bem...”, a oração destacada (B) concatenar (juntar) o texto.
estabelece, no período, uma relação de (C) calcular a raiz quadrada.
(A) finalidade. (D) calcular a mediana.
(B) causa. (E) calcular logaritmo.
(C) tempo.
(D) consequência. QUESTÃO 17
(E) concessão. Considerando o Sistema Operacional LINUX,
assinale a alternativa que melhor o descreve
QUESTÃO 14 com relação ao tipo de licenciamento.
Em relação à concordância verbal, assinale a
alternativa correta.
(A) Fazem três meses que não a vejo.
(B) Havia muitas manifestações favoráveis ao
movimento.
(C) Fazem quatro anos que entrei na faculdade.
(D) Haviam milhares de pessoas no comício.
(E) É quarenta minutos de viagem de Jaboatão a
Recife. (A) Software Shareware.
(B) Software Proprietário.
QUESTÃO 15 (C) Software Trial.
Em relação ao período “A sensação de que (D) Software Livre.
as coisas podem repentinamente dar errado (E) Software Demo.
faz parte da nossa essência, eu acho.”, a
expressão em destaque demonstra
(A) uma certeza científica em relação ao que o autor
afirma anteriormente.
(B) que várias pessoas compartilham da mesma
opinião do autor em relação ao que foi dito
anteriormente.
(C) que o autor não concorda com a afirmação feita
anteriormente.
(D) que a afirmação anterior é uma consideração do
autor.
(E) que o autor encontrou algo que tinha perdido
anteriormente.

Cargo: Fonoaudiólogo 7

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 18 CONHECIMENTOS GERAIS
Assinale a alternativa que apresenta os
ícones que identificam apenas softwares Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
Compactadores (Descompactadores) de Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
arquivos. na capa desse caderno.

(A) e . QUESTÃO 21
O Sistema Único de Saúde tem três esferas
de atuação: federal, estadual e municipal.
Quais são as atribuições do nível federal?
(A) O nível federal tem, principalmente, as
(B) e . atribuições de refazer, avaliar e vetar políticas;
normalizar ações; prestar cooperação técnica
aos municípios, ao Distrito Federal; e controlar
e avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(C) e . (B) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar
ações; prestar cooperação técnica aos Estados,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
(D) e . competências dos demais níveis.
(C) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e normatizar políticas; efetuar
ações; prestar cooperação técnica aos Estados,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
(E) e . avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(D) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar
QUESTÃO 19 ações; prestar serviço aos municípios, ao Distrito
Considerando o navegador Mozilla Firefox, Federal, governo e prefeituras; e controlar,
versão 33, para exibir a janela em modo tela avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
inteira, basta pressionar a tecla competências dos demais níveis.
(A) F1. (E) O nível federal tem, a princípio, as atribuições
(B) F2. de refazer, avaliar e vetar políticas; normalizar
(C) F5. ações; prestar cooperação técnica à União,
(D) F8. ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
(E) F11. avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
QUESTÃO 20
Considerando o processador de texto Writer QUESTÃO 22
(BrOffice.org), para justificar o texto, basta Qual das opções a seguir NÃO é uma ação de
executar qual tecla de atalho? responsabilidade da área técnica de Saúde
Obs. O caractere “+” foi utilizado apenas para da Mulher?
interpretação da questão. (A) Assistência ao pré-natal.
(A) Ctrl + J (B) Enfrentamento da violência contra a mulher.
(B) Ctrl + G (C) Incentivo ao parto através de cesárea .
(C) Ctrl + F3 (D) Planejamento familiar.
(D) Ctrl + O (E) Assistência às mulheres negras.
(E) Ctrl + R
QUESTÃO 23
Das alternativas a seguir, qual apresenta uma
ação da vigilância em saúde ambiental?
(A) Investigação epidemiológica de casos e surtos.
(B) Conhecimento e detecção ou prevenção de
qualquer mudança nos fatores determinantes e

Cargo: Fonoaudiólogo 8

www.pciconcursos.com.br
condicionantes que não interfeririam na saúde
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
humana.
(C) Vigilância da qualidade da água para consumo
humano, do ar e do solo.
Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
(D) Controle da prestação de serviços que, direta ou Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
indiretamente, relacionam-se com a saúde. na capa desse caderno.
(E) Investigação e controle de epidemia de pragas.

QUESTÃO 24
Segundo a lei 8080/90, Título II, o Sistema QUESTÃO 26
Único de Saúde compreende Quais são as atribuições do fonoaudiólogo
(A) o conjunto de ações e serviços de saúde e no Serviço de Atenção Domiciliar (SAD)?
educação, prestados por órgãos e instituições (A) Promover a reabilitação de pessoas com
públicas federais, estaduais, da Administração deficiência permanente ou transitória, que
direta e indireta e das fundações mantidas pelo necessitem de atendimento contínuo, até
Poder Público. apresentarem condições de frequentar serviços
(B) o conjunto de ações e serviços de saúde privada, de reabilitação, bem como orientar os cuidados
prestados por órgãos e instituições privadas, da necessários.
Administração direta e indireta e das fundações (B) Partir do pressuposto que os familiares e/ou
mantidas pelo Poder Privado. cuidador dos usuários, convivem a mais tempo e
(C) o conjunto de ações e serviços de saúde e já sabem exatamente como realizar os cuidados.
vigilância sanitária, prestados por órgãos e (C) Realizar exames no domicílio, como a
instituições públicas federais, estaduais e audiometria, uma vez que a pessoa com
municipais, da Administração direta e indireta e deficiência tem dificuldade de se locomover até
das fundações mantidas pelo Poder Privado. um centro especializado.
(D) o conjunto de ações e serviços de saúde, (D) Prescrever e orientar a terapêutica farmacológica
prestados por órgãos e instituições públicas mais indicada.
federais, estaduais e municipais, da (E) Fiscalizar as normas aplicadas pela vigilância
Administração direta e indireta e das fundações sanitária junto ao domicílio.
mantidas pelo Poder Público.
(E) o conjunto de ações e serviços de prevenção
e saúde, prestados por órgãos e instituições QUESTÃO 27
públicas federais, estaduais, da Administração Sobre os padrões de sucção observados na
direta e indireta e das fundações mantidas pelo figura a seguir, pode-se afirmar que
Poder Público.

QUESTÃO 25
Conforme a lei 141/2012, no que se refere à
Transparência e Visibilidade da Gestão da
Saúde, a transparência e a visibilidade serão
asseguradas mediante
(A) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.
(B) investimento e participação popular, realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde. A B
(C) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de (Junqueira, 2000)
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária. (A) ambos padrões funcionais estão adequados.
(D) investimento e participação popular, realização (B) os lábios estão circundando completamente a
de audiências restritas, durante o processo de aréola.
elaboração e discussão do plano de saúde e (C) na figura B a posição da língua pode interferir
vigilância sanitária. na sequência adequada de lactação, podendo
(E) incentivo à participação popular e realização reduzir a quantidade de sucção de leite materno.
de audiências privadas, durante o processo de (D) na figura A o mamilo não está colocado
elaboração e discussão do plano de saúde. completamente dento da boca.
(E) ambos padrões funcionais permitem a sucção
abundante do leite materno.

Cargo: Fonoaudiólogo 9

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 28 QUESTÃO 32
O cuidado com o posicionamento do bebê, A produção da fala procede quando o
preferencialmente mais verticalizado, o processo de pensamento ou de resposta
uso de placas ortopédicas para promover o que conduz uma sequência de impulsos
vedamento da cavidade nasal e o aumento neurais é transmitido ao mesmo tempo para
da pressão intraoral no momento da sucção determinadas estruturas e musculaturas. As
caracterizam o favorecimento para o partes do corpo mais intimamente associadas
aleitamento materno de bebês com à pneumofonoarticulação são:
(A) síndrome de Down. (A) pulmões, laringe, boca e nariz.
(B) síndrome de Asperger. (B) pulmões, traqueia, laringe, cavidades nasal e
(C) fissuras labiopalatinas. oral.
(D) deglutição atípica. (C) laringe, boca, língua e nariz.
(E) dispneia. (D) cavidades nasal e oral, laringe e língua.
(E) cavidade oral, laringe e pulmões.

QUESTÃO 29
O que a alteração da deglutição ou disfagia QUESTÃO 33
envolve? Qual é o distúrbio neurogênico compatível
(A) A incapacidade de transitar o alimento da boca com as seguintes características: dificuldade
até o estômago. no controle motor oral para a produção
(B) A incapacidade de colocar o alimento na boca. dos sons da fala com notória fraqueza
(C) A dificuldade de escolher o alimento. muscular, lentidão e incoordenação dos
(D) A preferência para tipos de alimentos. movimentos, dificuldades para iniciar e
(E) A falta de controle do apetite. cessar os movimentos, inteligibilidade da fala
quando aumenta-se a velocidade, frequência
de ocorrências de distorções e omissões
QUESTÃO 30 dos sons da fala, piora da performance em
O sistema estomatognático possibilita a enunciados mais extensos.
realização das funções orofaciais, sendo (A) Afasia.
composto por estruturas estáticas ou (B) Dispraxia.
passivas e estruturas dinâmicas ou ativas, (C) Disartria.
que equilibradas e controladas pelo sistema (D) Amnesia.
nervoso central serão responsáveis pelo (E) Agnosia.
funcionamento harmônico da face. Qual
sequência apresenta as estruturas estáticas
deste sistema? QUESTÃO 34
(A) Arcos osteodentários, grupo radicular e ossos A laringe tem um mecanismo valvular
cranianos. competente para abertura e fechamento
(B) Maxila, mandíbula, ossos cranianos e osso glótico, permitindo livre ou reduzida
hioide. passagem do fluxo aéreo. Em relação às vias
(C) Arcos osteodentários, maxila, mandíbula e grupo aéreas inferiores, podemos afirmar que a
radicular. laringe exerce a importante função de
(D) Ossos cranianos, maxila, mandíbula, articulação (A) dispersão.
temporomandibular e ossos costais. (B) compensação.
(E) Articulação temporomandibular, maxila, (C) proteção.
mandibular e grupo radicular. (D) justaposição.
(E) compressão.

QUESTÃO 31
Assinale a alternativa que apresenta o grupo QUESTÃO 35
dos músculos elevadores da mandíbula ou Qual das características clínicas clássicas
mastigatórios. apresentadas a seguir NÃO é compatível com
(A) Masseter, temporal, pterigoideo medial e lateral. criança apresentando desvio fonológico?
(B) Masseter, temporal, zigomático. (A) Distúrbios psiquiátricos.
(C) Masseter, pterigoideo medial e lateral. (B) Idade acima de quatro anos.
(D) Masseter, temporal, zigomático, bucinador. (C) Audição normal para fala.
(E) Masseter, orbicular dos lábios e zigomático. (D) Integridade neurológica.
(E) Fator etiológico desconhecido.

Cargo: Fonoaudiólogo 10

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 36 (C) O uso de equipamentos de proteção individual é
Os processos dialógicos (de Lemos, 1989) são imprescindível.
constitutivos do diálogo inicial entre o adulto (D) Os artigos e superfícies de contato com o
e a criança. Estes, propõem uma relação de paciente podem ser esterilizados basicamente
dependência dialógica em que mediante a com uso de água.
interação efetiva e progressiva se alcança (E) Não constitui medidas de biossegurança os
a autonomia comunicativa. Desta maneira, cuidados com a higiene pessoal, atenção ao uso
uma criança que demonstra interesse de unhas compridas e cabelos longos soltos.
comunicativo e apresenta gestos, expressões
ou fala incorporados, repetidos ou imitados
QUESTÃO 40
aos do adulto. Apresenta predominantemente
o processo dialógico de No tocante ao trabalho fonoaudiológico,
(A) especularidade. delimitações e expectativas relacionadas à
(B) complementaridade. Atenção Básica de Saúde, podem-se incluir
(C) reciprocidade. vários aspectos importantes, EXCETO
(D) afetividade. (A) o trabalho caracterizar-se por um conjunto de
(E) reversibilidade. ações de saúde, individual e coletivo.
(B) as abordagens do trabalho estarem relacionadas
à promoção e proteção da saúde.
QUESTÃO 37 (C) a prevenção visar agravos, diagnóstico,
Em resultados obtidos por meio da tratamento, reabilitação e redução de danos e
audiometria tonal que apontam: diminuição manutenção da saúde.
dos limiares tonais da via aérea (pior que 20 (D) a existência da necessidade em desenvolver
dB NA) e conservação dos limiares da via atenção integral para impactar a saúde e
óssea (entre 10 a 20 dB NA), mantendo entre autonomia dos indivíduos, bem como a saúde
eles um gap médio de 25dB NA, qual é o tipo das coletividades.
de perda auditiva compatível? (E) serem desnecessárias as ações conjuntas frente
(A) Perda auditiva neurosensorial. à manutenção da saúde coletiva.
(B) Perda auditiva retrococlear.
(C) Perda auditiva mista.
(D) Perda auditiva funcional.
(E) Perda auditiva condutiva.

QUESTÃO 38
A fonoaudiologia geriátrica trabalha
abrangentemente em prol da saúde da
pessoa idosa. Entretanto NÃO é competência
fonoaudiológica
(A) a promoção, proteção e recuperação da saúde
do idoso.
(B) a intervenção na saúde auditiva do idoso.
(C) o acompanhamento do idoso dentro do sistema
de saúde.
(D) o atendimento e intervenção das necessidades
fisiológicas e metabólicas do idoso.
(E) a realização de avaliação, diagnóstico,
habilitação e reabilitação da saúde do idoso.

QUESTÃO 39
O CRFa (2007) preconizou, no manual de
biossegurança, medidas para minimizar riscos
à saúde, para a preservação do ambiente e
para a qualidade de vida. Em relação ao risco
biológico, assinale a alternativa correta.
(A) A higienização das mãos pode ser realizada
somente ao final do dia de trabalho.
(B) Uma vez feita a correta imunização (vacina) não
é necessário repeti-la.

Cargo: Fonoaudiólogo 11

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES
E STADO DO P ERNAMBUCO

C ONCURSO P ÚBLICO
REF. EDITAL N° 001/2015 - N ÍV E L S U P E R IOR - MANHÃ

Analista em Saúde PROVA


CARGO: FONOAUDIÓLOGO
3
Nome do Candidato Inscrição

Instruções

Atenção
1. Na sua Folha de Respostas, confira seu nome, o número do seu documento e o
número de sua inscrição. Além disso, não se esqueça de conferir seu Caderno O Caderno de questões possui 2 (duas)
de Questões quanto a falhas de impressão e de numeração, e se o curso questões discursivas e 40 (quarenta)
questões objetivas, numeradas
corresponde àquele para o qual você se inscreveu. NÃO SE ESQUEÇA DE
sequencialmente, de acordo com o
MARCAR O NÚMERO CORRESPONDENTE À SUA PROVA NA FOLHA DE
exposto no quadro a seguir:
RESPOSTAS. Preencha os campos destinados à assinatura e ao número de
inscrição. Qualquer divergência comunique ao fiscal

2. O único documento válido para avaliação da prova é a Folha de Respostas Discursivas 1e2
e a Versão Definitiva da Prova Discursiva. Só é permitido o uso de caneta
esferográfica transparente de cor azul ou preta para o preenchimento da Folha MATÉRIA QUESTÕES
de Respostas, que deve ser realizado da seguinte maneira: Língua Portuguesa 01 a 15
3. O prazo de realização da prova é de 4 (quatro) horas, incluindo a marcação da
Folha de Respostas e a transcrição da Versão Definitiva da Prova Discursiva. Informática 16 a 20
Após 60 (sessenta) minutos do início da prova, o candidato estará liberado para
utilizar o sanitário ou deixar definitivamente o local de aplicação. Os 3 (três) Conhecimentos Gerais 21 a 25
últimos candidatos só poderão retirar-se da sala juntos.

4. Ao término de sua prova, comunique ao fiscal, devolvendo-lhe a Folha de Conhecimentos Específicos 26 a 40


Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva devidamente preenchidas e
assinadas. Somente será possível levar o caderno de questões após decorridas
4h (quatro) do início da prova, sendo necessário, obrigatoriamente, devolver ao
fiscal a Folha de Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva.

5. As provas e os gabaritos preliminares estarão disponíveis no site da AOCP ̶


www.aocp.com.br ̶ no dia posterior à aplicação da prova.

6. Implicará na eliminação do candidato, caso, durante a realização das provas,


qualquer equipamento eletrônico venha emitir ruídos, mesmo que devidamente
acondicionado no envelope de guarda de pertences. O NÃO cumprimento a
qualquer uma das determinações constantes em Edital, no presente Caderno
ou na Folha de Respostas, incorrerá na eliminação do candidato.

-------------------------------------------------------------------------- destaque aqui -------------------------------------------------------------

Analista em Saúde
PROVA
PROVA
CARGO:
FONOAUDIÓLOGO
3
Nome do Candidato Inscrição

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES - E STADO DO P ERNAMBUCO
C ONCURSO P ÚBLICO - REF. EDITAL N° 001/2015
Questão 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Resp.

Questão 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Resp.

O gabarito oficial preliminar e o caderno de questões da prova objetiva estarão disponíveis no


endereço eletrônico www.aocp.com.br no dia seguinte à aplicação da prova.

www.pciconcursos.com.br
R A S C U N H O - D I S C U R S I VA

1. A prova discursiva será avaliada considerando-se os seguintes aspectos:


a) o conhecimento técnico-científico sobre a matéria;
b) o atendimento ao tema proposto na questão;
c) a clareza de argumentação/senso crítico;
d) a utilização adequada da Língua Portuguesa.

2. O candidato terá sua prova discursiva avaliada com nota 0 (zero) em caso de:
a) não atendimento ao conteúdo avaliado e ao tema proposto, de manuscrever em letra ilegível ou de grafar por
outro meio que não o determinado no Edital 001/2015;
b) apresentar acentuada desestruturação na organização textual ou atentar contra o pudor;
c) redigir seu texto a lápis ou a tinta em cor diferente de azul ou preta;
d) não apresentar as questões redigidas na Folha da Versão Definitiva ou entregar em branco;
e) apresentar identificação, em local indevido, de qualquer natureza (nome parcial, nome completo, outro nome
qualquer, número(s), letra(s), sinais, desenhos ou códigos).

3. O candidato disporá de, no máximo, 15 (quinze) linhas para elaborar a resposta de cada questão da
prova discursiva, sendo desconsiderado para efeito de avaliação qualquer fragmento de texto que for
escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão de 15 (quinze) linhas permitidas para a
elaboração de seu texto.

QUESTÃO 01
O Ministério da Saúde, que criou a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador –
RENAST –, a criou com o propósito de unificar a rede do SUS de serviços de assistência e vigilância
das ações de saúde do trabalhador. Os estados e municípios recebem incentivos financeiros para
a criação de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador – CERESTs – que buscam disseminar
as ações em todos os níveis de atenção, dando suporte técnico, de coordenação de projetos e de
educação em saúde para a rede do SUS. Neste contexto, podemos ter a presença do fonoaudiólogo
que trabalha inserido nas propostas de vigilância à saúde do trabalhador. Descreva as competências
fonoaudiológicas possíveis para esta atuação.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
3

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 02

É notório que a perspectiva sócio-interacionista, defendida inicialmente no Brasil por Claudia Lemos,
a qual se embasou na teoria histórico-cultural de Vygotsky, leva em consideração a linguagem como
um produto da interação. A criança adquire, então, a linguagem por meio de sua relação com o outro,
mediador ou cuidador. Essa relação pode e deve possuir um caráter sempre dinâmico, no qual tanto
a criança quanto o seu mediador utilizam seus conhecimentos e experiências. Discuta a relevância da
mediação para o desenvolvimento da linguagem.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
4

www.pciconcursos.com.br
LÍNGUA PORTUGUESA

Atenção! Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de Respostas, o número de sua prova indicado na capa desse caderno.

Medo de ser feliz acho que ninguém está livre da sensação secreta de
De onde vem a sensação de que a nossa felicidade desastre. Todos têm traumas. Todos passaram por
pode ser destruída a qualquer momento? momentos difíceis na infância, quando não éramos
capazes de entender e de nos proteger. Muitos de
IVAN MARTINS nós, menos afortunados, sofreram perdas terríveis,
precoces, que deixaram uma profunda sensação de
Por uma razão ou outra, a gente vive com medo. A desamparo. Essas coisas provocam marcas que se
sensação de que as coisas podem repentinamente refletem na forma como lidamos com o amor e com
dar errado faz parte da nossa essência, eu acho. a sensação de felicidade. Alguns, de forma leve e
Alguns a têm mais forte; outros, mais fraca. Mas a otimista. Outros, de maneira pesada e pessimista.
ansiedade essencial em relação ao futuro está lá, em É um traço de personalidade, uma consequência da
todos nós – mesmo quando estamos apaixonados história de cada um. A gente ama como vive, cada
e contentes. Ou, sobretudo, quando apaixonados e um à sua maneira.
contentes. Isso não quer dizer que as coisas não mudem e
[...] não possam se tornar melhores e mais fáceis.
Já vi pessoas ficarem com tanto medo do A gente se acostuma com tudo, até com a
futuro que detonam o presente. É uma espécie de sensação de felicidade. No início ela nos apavora
pânico em câmera lenta. O sentimento de desastre e desperta todos os medos e pressentimentos.
iminente é tão forte, a sensação de insegurança Depois, a gente vai se habituando. Percebe que o
é tão grande, que a pessoa conclui (mesmo que Fulano não vai sumir de uma hora para outra. Que
seja de maneira inconsciente) que é melhor chutar as pessoas no trabalho não nos acham uma fraude.
logo o pau da barraca e sair correndo, em qualquer Que a família, os amigos, as relações sociais que
direção – deixando para trás o relacionamento, o construímos são sólidas e não irão desmoronar de
emprego, o futuro e tudo o mais que estava dando uma hora para outra.
certo e por isso mesmo parecia estar sob ameaça. Com o tempo, enfim, a gente relaxa e a maldita
É uma piração, claro, mas gente normal faz essas sensação de precariedade enfraquece. De alguma
coisas todos os dias. forma, a gente se acostuma a estar feliz e a se
Existe uma coisa chamada medo de ser feliz. sentir seguro. Amado também, o que é muito, muito
Não estou falando daquele clichê sobre as importante. Em algum momento, a gente começa a
pessoas terem medo de se entregar ao sentimento desfrutar da nossa existência e os medos recuam
do amor e por isso não darem bola ao que sentimos para segundo ou terceiro plano. Então um dia, numa
por ela. Em geral, essa situação esconde um manhã qualquer, diante da cafeteira fumegante, a
equívoco: a pessoa em questão não sente nada gente talvez seja capaz de perceber – quem diria
relevante por nós, mas preferimos acreditar que ela – que não está com tanto medo assim de ser feliz.
tem “medo de amar”. É uma ficção que protege a Grande dia esse na história da nossa vida.
nossa auto-estima e rende uma boa história para
contar aos amigos. Mas quase nunca é verdade. http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/ivan-martins/noti -
cia/2014/07/medo-de-bser-felizb.html
Existem, porém, pessoas tocadas por dores tão
intensas, por experiências tão sofridas, que não
conseguem evitar a sensação de que tudo de mau
vai se repetir, de uma forma ou de outra, mais cedo
ou mais tarde. Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem e existe algo importante a ser
perdido. Apaixonada e feliz, a pessoa começa a ser
perseguida por seus medos:
Sonha que vai ser abandonada, imagina que algo
de errado vai acontecer com a pessoa que ama,
sente, de maneira inexplicável, que aquilo de bom
que ela tem está sob ameaça, e que não vai durar.
Esse é o medo causado pela felicidade.
Em alguns, ele está à flor da pele. Em outros,
esconde-se sob outros sentimentos e se manifesta
de forma subterrânea. Mas, como eu disse no início,

Cargo: Fonoaudiólogo
5

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 01 QUESTÃO 06
Em “... a pessoa conclui (mesmo que seja de Em “a pessoa em questão não sente nada
maneira inconsciente) que é melhor chutar relevante por nós, mas preferimos acreditar
logo o pau da barraca e sair correndo...”, os que ela tem ‘medo de amar’.”, o termo
parênteses foram utilizados para intercalar destacado NÃO pode ser substituído por
(A) uma reflexão concessiva do autor em relação ao (A) contudo.
que ele afirma. (B) porém.
(B) uma reflexão explicativa do autor em relação ao (C) portanto.
que ele afirma. (D) entretanto.
(C) uma nota emocional expressa de forma (E) todavia
interrogativa.
QUESTÃO 07
(D) uma oração que possui um verbo declarativo.
(E) uma reflexão comparativa do autor em relação Em “Em alguns, ele está à flor da pele.”, o uso
ao que ele afirma. da crase justifica-se
(A) para atender a regência do verbo “estar”.
QUESTÃO 02
(B) para atender a regência do nome “pele”.
Em “É uma piração...”, são sinônimos do (C) por tratar-se de uma locução conjuntiva de base
termo destacado, EXCETO feminina.
(A) maluquice. (D) por tratar-se de uma locução cristalizada de base
(B) lucidez. feminina.
(C) doidice. (E) para atender à regência do nome “flor”.
(D) loucura.
(E) doideira. QUESTÃO 08
Em “... uma boa história para contar aos
QUESTÃO 03 amigos.”, a expressão destacada é
Assinale a alternativa em que o termo (A) adjunto adverbial.
destacado é um pronome relativo. (B) objeto direto.
(A) “Sonha que vai ser abandonada.”. (C) predicativo do objeto.
(B) “É uma ficção que protege a nossa auto-estima.”. (D) objeto indireto.
(C) “... a pessoa conclui [...] que é melhor chutar (E) agente da passiva.
logo o pau da barraca...”.
(D) “Percebe que o Fulano não vai sumir de uma QUESTÃO 09
hora para outra.” “Desastre Iminente” é aquele que
(E) “Isso não quer dizer que as coisas não mudem...”. (A) está acontecendo.
(B) ameaça acontecer em breve.
QUESTÃO 04 (C) já aconteceu.
Sobre a oração “Alguns a têm mais forte...”, é (D) acontecerá em um futuro muito distante.
correto afirmar que (E) tem data e tempo, exatamente marcados, para
(A) não há sujeito na oração. acontecer.
(B) não existe concordância entre o verbo “têm”
e o sujeito da oração, porque “ter” é um verbo QUESTÃO 10
impessoal. Assinale a alternativa correta em relação à
(C) o acento no verbo “têm” é marca de singular. ortografia dos pares.
(D) “Alguns” é um termo acessório da oração. (A) Sólida – solidez.
(E) o verbo “têm” apresenta acento diferencial de (B) Detonar – detonasão.
plural para concordar com “Alguns”. (C) Iminente – iminênscia.
(D) Intensão – intensional.
QUESTÃO 05
(E) Ansiedade – ansiozo.
Em “Esse é o medo causado pela felicidade.”,
o termo destacado QUESTÃO 11
(A) retoma o que está expresso no parágrafo anterior. “Sonha que vai ser abandonada.” é um
(B) tem função de predicado da oração. período
(C) introduz o que virá no parágrafo posterior. (A) que apresenta sujeito simples.
(D) é um termo acessório da oração. (B) que apresenta sujeito composto.
(E) está grafado incorretamente. (C) sem sujeito.
(D) que apresenta sujeito indeterminado.
(E) em que o sujeito está oculto.

Cargo: Fonoaudiólogo 6

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 12 INFORMÁTICA
Em “Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem...”, a oração destacada Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
estabelece, no período, uma relação de Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
(A) finalidade. na capa desse caderno.
(B) causa.
(C) tempo.
(D) consequência.
(E) concessão. QUESTÃO 16
Considerando o Sistema Operacional LINUX,
QUESTÃO 13 assinale a alternativa que melhor o descreve
Em relação à concordância verbal, assinale a com relação ao tipo de licenciamento.
alternativa correta.
(A) Fazem três meses que não a vejo.
(B) Havia muitas manifestações favoráveis ao
movimento.
(C) Fazem quatro anos que entrei na faculdade.
(D) Haviam milhares de pessoas no comício.
(E) É quarenta minutos de viagem de Jaboatão a
Recife.
(A) Software Shareware.
QUESTÃO 14 (B) Software Proprietário.
Em relação ao período “A sensação de que (C) Software Trial.
as coisas podem repentinamente dar errado (D) Software Livre.
faz parte da nossa essência, eu acho.”, a (E) Software Demo.
expressão em destaque demonstra
(A) uma certeza científica em relação ao que o autor QUESTÃO 17
afirma anteriormente. Assinale a alternativa que apresenta os
(B) que várias pessoas compartilham da mesma ícones que identificam apenas softwares
opinião do autor em relação ao que foi dito Compactadores (Descompactadores) de
anteriormente. arquivos.
(C) que o autor não concorda com a afirmação feita
anteriormente.
(D) que a afirmação anterior é uma consideração do
autor.
(E) que o autor encontrou algo que tinha perdido (A) e .
anteriormente.

QUESTÃO 15
De acordo com o texto, é correto afirmar que,
EXCETO (B) e .
(A) não é conhecido exatamente o motivo pelo qual
nós vivemos com medo.
(B) a sensação de que as coisas podem de repente
dar errado é comum a todos, o que muda é seu
grau de intensidade. (C) e .
(C) a ansiedade essencial em relação ao futuro,
independente dos sentimentos que nos
acompanham, é comum a todos.
(D) o medo do futuro leva algumas pessoas a destruir
o momento que estão vivenciando. (D) e .
(E) o medo do futuro tem relação com a nossa
mínima sensação de insegurança referente ao
que irá acontecer.

(E) e .

Cargo: Fonoaudiólogo 7

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 18 CONHECIMENTOS GERAIS
Considerando o navegador Mozilla Firefox,
versão 33, para exibir a janela em modo tela Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
inteira, basta pressionar a tecla Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
(A) F1. na capa desse caderno.
(B) F2.
(C) F5.
(D) F8.
(E) F11. QUESTÃO 21

QUESTÃO 19 Qual das opções a seguir NÃO é uma ação de


Considerando o processador de texto Writer responsabilidade da área técnica de Saúde
(BrOffice.org), para justificar o texto, basta da Mulher?
executar qual tecla de atalho? (A) Assistência ao pré-natal.
Obs. O caractere “+” foi utilizado apenas para (B) Enfrentamento da violência contra a mulher.
interpretação da questão. (C) Incentivo ao parto através de cesárea .
(A) Ctrl + J (D) Planejamento familiar.
(B) Ctrl + G (E) Assistência às mulheres negras.
(C) Ctrl + F3
QUESTÃO 22
(D) Ctrl + O
(E) Ctrl + R Das alternativas a seguir, qual apresenta uma
ação da vigilância em saúde ambiental?
(A) Investigação epidemiológica de casos e surtos.
QUESTÃO 20 (B) Conhecimento e detecção ou prevenção de
Considerando o MS-EXCEL 2007 em sua qualquer mudança nos fatores determinantes e
instalação padrão, na construção de fórmulas, condicionantes que não interfeririam na saúde
o operador & tem a função de humana.
(A) calcular o desvio padrão. (C) Vigilância da qualidade da água para consumo
(B) concatenar (juntar) o texto. humano, do ar e do solo.
(C) calcular a raiz quadrada. (D) Controle da prestação de serviços que, direta ou
(D) calcular a mediana. indiretamente, relacionam-se com a saúde.
(E) calcular logaritmo. (E) Investigação e controle de epidemia de pragas.

QUESTÃO 23
Segundo a lei 8080/90, Título II, o Sistema
Único de Saúde compreende
(A) o conjunto de ações e serviços de saúde e
educação, prestados por órgãos e instituições
públicas federais, estaduais, da Administração
direta e indireta e das fundações mantidas pelo
Poder Público.
(B) o conjunto de ações e serviços de saúde privada,
prestados por órgãos e instituições privadas, da
Administração direta e indireta e das fundações
mantidas pelo Poder Privado.
(C) o conjunto de ações e serviços de saúde e
vigilância sanitária, prestados por órgãos e
instituições públicas federais, estaduais e
municipais, da Administração direta e indireta e
das fundações mantidas pelo Poder Privado.
(D) o conjunto de ações e serviços de saúde,
prestados por órgãos e instituições públicas
federais, estaduais e municipais, da
Administração direta e indireta e das fundações
mantidas pelo Poder Público.
(E) o conjunto de ações e serviços de prevenção
e saúde, prestados por órgãos e instituições
públicas federais, estaduais, da Administração
direta e indireta e das fundações mantidas pelo
Poder Público.

Cargo: Fonoaudiólogo 8

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 24 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
Conforme a lei 141/2012, no que se refere à
Transparência e Visibilidade da Gestão da
Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
Saúde, a transparência e a visibilidade serão Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
asseguradas mediante na capa desse caderno.
(A) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.
(B) investimento e participação popular, realização QUESTÃO 26
de audiências públicas, durante o processo de Sobre os padrões de sucção observados na
elaboração e discussão do plano de saúde. figura a seguir, pode-se afirmar que
(C) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária.
(D) investimento e participação popular, realização
de audiências restritas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária.
(E) incentivo à participação popular e realização
de audiências privadas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.

QUESTÃO 25
A B
O Sistema Único de Saúde tem três esferas
de atuação: federal, estadual e municipal. (Junqueira, 2000)
Quais são as atribuições do nível federal?
(A) O nível federal tem, principalmente, as (A) ambos padrões funcionais estão adequados.
atribuições de refazer, avaliar e vetar políticas; (B) os lábios estão circundando completamente a
normalizar ações; prestar cooperação técnica aréola.
aos municípios, ao Distrito Federal; e controlar (C) na figura B a posição da língua pode interferir
e avaliar as ações e os serviços, respeitadas as na sequência adequada de lactação, podendo
competências dos demais níveis. reduzir a quantidade de sucção de leite materno.
(B) O nível federal tem, principalmente, as atribuições (D) na figura A o mamilo não está colocado
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar completamente dento da boca.
ações; prestar cooperação técnica aos Estados, (E) ambos padrões funcionais permitem a sucção
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e abundante do leite materno.
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(C) O nível federal tem, principalmente, as atribuições QUESTÃO 27
de formular, avaliar e normatizar políticas; efetuar O cuidado com o posicionamento do bebê,
ações; prestar cooperação técnica aos Estados, preferencialmente mais verticalizado, o
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e uso de placas ortopédicas para promover o
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as vedamento da cavidade nasal e o aumento
competências dos demais níveis. da pressão intraoral no momento da sucção
(D) O nível federal tem, principalmente, as atribuições caracterizam o favorecimento para o
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar aleitamento materno de bebês com
ações; prestar serviço aos municípios, ao Distrito (A) síndrome de Down.
Federal, governo e prefeituras; e controlar, (B) síndrome de Asperger.
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as (C) fissuras labiopalatinas.
competências dos demais níveis. (D) deglutição atípica.
(E) O nível federal tem, a princípio, as atribuições (E) dispneia.
de refazer, avaliar e vetar políticas; normalizar
ações; prestar cooperação técnica à União,
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.

Cargo: Fonoaudiólogo 9

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 28 QUESTÃO 32
O que a alteração da deglutição ou disfagia Qual é o distúrbio neurogênico compatível
envolve? com as seguintes características: dificuldade
(A) A incapacidade de transitar o alimento da boca no controle motor oral para a produção
até o estômago. dos sons da fala com notória fraqueza
(B) A incapacidade de colocar o alimento na boca. muscular, lentidão e incoordenação dos
(C) A dificuldade de escolher o alimento. movimentos, dificuldades para iniciar e
(D) A preferência para tipos de alimentos. cessar os movimentos, inteligibilidade da fala
(E) A falta de controle do apetite. quando aumenta-se a velocidade, frequência
de ocorrências de distorções e omissões
dos sons da fala, piora da performance em
QUESTÃO 29 enunciados mais extensos.
O sistema estomatognático possibilita a (A) Afasia.
realização das funções orofaciais, sendo (B) Dispraxia.
composto por estruturas estáticas ou (C) Disartria.
passivas e estruturas dinâmicas ou ativas, (D) Amnesia.
que equilibradas e controladas pelo sistema (E) Agnosia.
nervoso central serão responsáveis pelo
funcionamento harmônico da face. Qual
QUESTÃO 33
sequência apresenta as estruturas estáticas
deste sistema? A laringe tem um mecanismo valvular
(A) Arcos osteodentários, grupo radicular e ossos competente para abertura e fechamento
cranianos. glótico, permitindo livre ou reduzida
(B) Maxila, mandíbula, ossos cranianos e osso passagem do fluxo aéreo. Em relação às vias
hioide. aéreas inferiores, podemos afirmar que a
(C) Arcos osteodentários, maxila, mandíbula e grupo laringe exerce a importante função de
radicular. (A) dispersão.
(D) Ossos cranianos, maxila, mandíbula, articulação (B) compensação.
temporomandibular e ossos costais. (C) proteção.
(E) Articulação temporomandibular, maxila, (D) justaposição.
mandibular e grupo radicular. (E) compressão.

QUESTÃO 30 QUESTÃO 34
Assinale a alternativa que apresenta o grupo Qual das características clínicas clássicas
dos músculos elevadores da mandíbula ou apresentadas a seguir NÃO é compatível com
mastigatórios. criança apresentando desvio fonológico?
(A) Masseter, temporal, pterigoideo medial e lateral. (A) Distúrbios psiquiátricos.
(B) Masseter, temporal, zigomático. (B) Idade acima de quatro anos.
(C) Masseter, pterigoideo medial e lateral. (C) Audição normal para fala.
(D) Masseter, temporal, zigomático, bucinador. (D) Integridade neurológica.
(E) Masseter, orbicular dos lábios e zigomático. (E) Fator etiológico desconhecido.

QUESTÃO 31 QUESTÃO 35
A produção da fala procede quando o Os processos dialógicos (de Lemos, 1989) são
processo de pensamento ou de resposta constitutivos do diálogo inicial entre o adulto
que conduz uma sequência de impulsos e a criança. Estes, propõem uma relação de
neurais é transmitido ao mesmo tempo para dependência dialógica em que mediante a
determinadas estruturas e musculaturas. As interação efetiva e progressiva se alcança
partes do corpo mais intimamente associadas a autonomia comunicativa. Desta maneira,
à pneumofonoarticulação são: uma criança que demonstra interesse
(A) pulmões, laringe, boca e nariz. comunicativo e apresenta gestos, expressões
(B) pulmões, traqueia, laringe, cavidades nasal e ou fala incorporados, repetidos ou imitados
oral. aos do adulto. Apresenta predominantemente
(C) laringe, boca, língua e nariz. o processo dialógico de
(D) cavidades nasal e oral, laringe e língua. (A) especularidade.
(E) cavidade oral, laringe e pulmões. (B) complementaridade.
(C) reciprocidade.
(D) afetividade.
(E) reversibilidade.

Cargo: Fonoaudiólogo 10

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 36 (C) a prevenção visar agravos, diagnóstico,
Em resultados obtidos por meio da tratamento, reabilitação e redução de danos e
audiometria tonal que apontam: diminuição manutenção da saúde.
dos limiares tonais da via aérea (pior que 20 (D) a existência da necessidade em desenvolver
dB NA) e conservação dos limiares da via atenção integral para impactar a saúde e
óssea (entre 10 a 20 dB NA), mantendo entre autonomia dos indivíduos, bem como a saúde
eles um gap médio de 25dB NA, qual é o tipo das coletividades.
de perda auditiva compatível? (E) serem desnecessárias as ações conjuntas frente
(A) Perda auditiva neurosensorial. à manutenção da saúde coletiva.
(B) Perda auditiva retrococlear.
(C) Perda auditiva mista.
QUESTÃO 40
(D) Perda auditiva funcional.
(E) Perda auditiva condutiva. Quais são as atribuições do fonoaudiólogo
no Serviço de Atenção Domiciliar (SAD)?
(A) Promover a reabilitação de pessoas com
QUESTÃO 37 deficiência permanente ou transitória, que
A fonoaudiologia geriátrica trabalha necessitem de atendimento contínuo, até
abrangentemente em prol da saúde da apresentarem condições de frequentar serviços
pessoa idosa. Entretanto NÃO é competência de reabilitação, bem como orientar os cuidados
fonoaudiológica necessários.
(A) a promoção, proteção e recuperação da saúde (B) Partir do pressuposto que os familiares e/ou
do idoso. cuidador dos usuários, convivem a mais tempo e
(B) a intervenção na saúde auditiva do idoso. já sabem exatamente como realizar os cuidados.
(C) o acompanhamento do idoso dentro do sistema (C) Realizar exames no domicílio, como a
de saúde. audiometria, uma vez que a pessoa com
(D) o atendimento e intervenção das necessidades deficiência tem dificuldade de se locomover até
fisiológicas e metabólicas do idoso. um centro especializado.
(E) a realização de avaliação, diagnóstico, (D) Prescrever e orientar a terapêutica farmacológica
habilitação e reabilitação da saúde do idoso. mais indicada.
(E) Fiscalizar as normas aplicadas pela vigilância
sanitária junto ao domicílio.
QUESTÃO 38
O CRFa (2007) preconizou, no manual de
biossegurança, medidas para minimizar riscos
à saúde, para a preservação do ambiente e
para a qualidade de vida. Em relação ao risco
biológico, assinale a alternativa correta.
(A) A higienização das mãos pode ser realizada
somente ao final do dia de trabalho.
(B) Uma vez feita a correta imunização (vacina) não
é necessário repeti-la.
(C) O uso de equipamentos de proteção individual é
imprescindível.
(D) Os artigos e superfícies de contato com o
paciente podem ser esterilizados basicamente
com uso de água.
(E) Não constitui medidas de biossegurança os
cuidados com a higiene pessoal, atenção ao uso
de unhas compridas e cabelos longos soltos.

QUESTÃO 39
No tocante ao trabalho fonoaudiológico,
delimitações e expectativas relacionadas à
Atenção Básica de Saúde, podem-se incluir
vários aspectos importantes, EXCETO
(A) o trabalho caracterizar-se por um conjunto de
ações de saúde, individual e coletivo.
(B) as abordagens do trabalho estarem relacionadas
à promoção e proteção da saúde.

Cargo: Fonoaudiólogo 11

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES
E STADO DO P ERNAMBUCO

C ONCURSO P ÚBLICO
REF. EDITAL N° 001/2015 - N ÍV E L S U P E R IOR - MANHÃ

Analista em Saúde PROVA


CARGO: FONOAUDIÓLOGO
4
Nome do Candidato Inscrição

Instruções

Atenção
1. Na sua Folha de Respostas, confira seu nome, o número do seu documento e o
número de sua inscrição. Além disso, não se esqueça de conferir seu Caderno O Caderno de questões possui 2 (duas)
de Questões quanto a falhas de impressão e de numeração, e se o curso questões discursivas e 40 (quarenta)
questões objetivas, numeradas
corresponde àquele para o qual você se inscreveu. NÃO SE ESQUEÇA DE
sequencialmente, de acordo com o
MARCAR O NÚMERO CORRESPONDENTE À SUA PROVA NA FOLHA DE
exposto no quadro a seguir:
RESPOSTAS. Preencha os campos destinados à assinatura e ao número de
inscrição. Qualquer divergência comunique ao fiscal

2. O único documento válido para avaliação da prova é a Folha de Respostas Discursivas 1e2
e a Versão Definitiva da Prova Discursiva. Só é permitido o uso de caneta
esferográfica transparente de cor azul ou preta para o preenchimento da Folha MATÉRIA QUESTÕES
de Respostas, que deve ser realizado da seguinte maneira: Língua Portuguesa 01 a 15
3. O prazo de realização da prova é de 4 (quatro) horas, incluindo a marcação da
Folha de Respostas e a transcrição da Versão Definitiva da Prova Discursiva. Informática 16 a 20
Após 60 (sessenta) minutos do início da prova, o candidato estará liberado para
utilizar o sanitário ou deixar definitivamente o local de aplicação. Os 3 (três) Conhecimentos Gerais 21 a 25
últimos candidatos só poderão retirar-se da sala juntos.

4. Ao término de sua prova, comunique ao fiscal, devolvendo-lhe a Folha de Conhecimentos Específicos 26 a 40


Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva devidamente preenchidas e
assinadas. Somente será possível levar o caderno de questões após decorridas
4h (quatro) do início da prova, sendo necessário, obrigatoriamente, devolver ao
fiscal a Folha de Respostas e a Versão Definitiva da Prova Discursiva.

5. As provas e os gabaritos preliminares estarão disponíveis no site da AOCP ̶


www.aocp.com.br ̶ no dia posterior à aplicação da prova.

6. Implicará na eliminação do candidato, caso, durante a realização das provas,


qualquer equipamento eletrônico venha emitir ruídos, mesmo que devidamente
acondicionado no envelope de guarda de pertences. O NÃO cumprimento a
qualquer uma das determinações constantes em Edital, no presente Caderno
ou na Folha de Respostas, incorrerá na eliminação do candidato.

-------------------------------------------------------------------------- destaque aqui -------------------------------------------------------------

Analista em Saúde
PROVA
PROVA
CARGO:
FONOAUDIÓLOGO
4
Nome do Candidato Inscrição

www.pciconcursos.com.br
P REFEITURA M UNICIPAL DO J ABOATÃO DOS G UARARAPES - E STADO DO P ERNAMBUCO
C ONCURSO P ÚBLICO - REF. EDITAL N° 001/2015
Questão 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Resp.

Questão 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Resp.

O gabarito oficial preliminar e o caderno de questões da prova objetiva estarão disponíveis no


endereço eletrônico www.aocp.com.br no dia seguinte à aplicação da prova.

www.pciconcursos.com.br
R A S C U N H O - D I S C U R S I VA

1. A prova discursiva será avaliada considerando-se os seguintes aspectos:


a) o conhecimento técnico-científico sobre a matéria;
b) o atendimento ao tema proposto na questão;
c) a clareza de argumentação/senso crítico;
d) a utilização adequada da Língua Portuguesa.

2. O candidato terá sua prova discursiva avaliada com nota 0 (zero) em caso de:
a) não atendimento ao conteúdo avaliado e ao tema proposto, de manuscrever em letra ilegível ou de grafar por
outro meio que não o determinado no Edital 001/2015;
b) apresentar acentuada desestruturação na organização textual ou atentar contra o pudor;
c) redigir seu texto a lápis ou a tinta em cor diferente de azul ou preta;
d) não apresentar as questões redigidas na Folha da Versão Definitiva ou entregar em branco;
e) apresentar identificação, em local indevido, de qualquer natureza (nome parcial, nome completo, outro nome
qualquer, número(s), letra(s), sinais, desenhos ou códigos).

3. O candidato disporá de, no máximo, 15 (quinze) linhas para elaborar a resposta de cada questão da
prova discursiva, sendo desconsiderado para efeito de avaliação qualquer fragmento de texto que for
escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão de 15 (quinze) linhas permitidas para a
elaboração de seu texto.

QUESTÃO 01
O Ministério da Saúde, que criou a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador –
RENAST –, a criou com o propósito de unificar a rede do SUS de serviços de assistência e vigilância
das ações de saúde do trabalhador. Os estados e municípios recebem incentivos financeiros para
a criação de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador – CERESTs – que buscam disseminar
as ações em todos os níveis de atenção, dando suporte técnico, de coordenação de projetos e de
educação em saúde para a rede do SUS. Neste contexto, podemos ter a presença do fonoaudiólogo
que trabalha inserido nas propostas de vigilância à saúde do trabalhador. Descreva as competências
fonoaudiológicas possíveis para esta atuação.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
3

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 02

É notório que a perspectiva sócio-interacionista, defendida inicialmente no Brasil por Claudia Lemos,
a qual se embasou na teoria histórico-cultural de Vygotsky, leva em consideração a linguagem como
um produto da interação. A criança adquire, então, a linguagem por meio de sua relação com o outro,
mediador ou cuidador. Essa relação pode e deve possuir um caráter sempre dinâmico, no qual tanto
a criança quanto o seu mediador utilizam seus conhecimentos e experiências. Discuta a relevância da
mediação para o desenvolvimento da linguagem.

1. _______________________________________________________________________________________________________

2. _______________________________________________________________________________________________________

3. _______________________________________________________________________________________________________

4. _______________________________________________________________________________________________________

5. _______________________________________________________________________________________________________

6. _______________________________________________________________________________________________________

7. _______________________________________________________________________________________________________

8. _______________________________________________________________________________________________________

9. _______________________________________________________________________________________________________

10. _______________________________________________________________________________________________________

11. _______________________________________________________________________________________________________

12. _______________________________________________________________________________________________________

13. _______________________________________________________________________________________________________

14. _______________________________________________________________________________________________________

15. _______________________________________________________________________________________________________

Cargo: Fonoaudiólogo
4

www.pciconcursos.com.br
LÍNGUA PORTUGUESA

Atenção! Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de Respostas, o número de sua prova indicado na capa desse caderno.

Medo de ser feliz acho que ninguém está livre da sensação secreta de
De onde vem a sensação de que a nossa felicidade desastre. Todos têm traumas. Todos passaram por
pode ser destruída a qualquer momento? momentos difíceis na infância, quando não éramos
capazes de entender e de nos proteger. Muitos de
IVAN MARTINS nós, menos afortunados, sofreram perdas terríveis,
precoces, que deixaram uma profunda sensação de
Por uma razão ou outra, a gente vive com medo. A desamparo. Essas coisas provocam marcas que se
sensação de que as coisas podem repentinamente refletem na forma como lidamos com o amor e com
dar errado faz parte da nossa essência, eu acho. a sensação de felicidade. Alguns, de forma leve e
Alguns a têm mais forte; outros, mais fraca. Mas a otimista. Outros, de maneira pesada e pessimista.
ansiedade essencial em relação ao futuro está lá, em É um traço de personalidade, uma consequência da
todos nós – mesmo quando estamos apaixonados história de cada um. A gente ama como vive, cada
e contentes. Ou, sobretudo, quando apaixonados e um à sua maneira.
contentes. Isso não quer dizer que as coisas não mudem e
[...] não possam se tornar melhores e mais fáceis.
Já vi pessoas ficarem com tanto medo do A gente se acostuma com tudo, até com a
futuro que detonam o presente. É uma espécie de sensação de felicidade. No início ela nos apavora
pânico em câmera lenta. O sentimento de desastre e desperta todos os medos e pressentimentos.
iminente é tão forte, a sensação de insegurança Depois, a gente vai se habituando. Percebe que o
é tão grande, que a pessoa conclui (mesmo que Fulano não vai sumir de uma hora para outra. Que
seja de maneira inconsciente) que é melhor chutar as pessoas no trabalho não nos acham uma fraude.
logo o pau da barraca e sair correndo, em qualquer Que a família, os amigos, as relações sociais que
direção – deixando para trás o relacionamento, o construímos são sólidas e não irão desmoronar de
emprego, o futuro e tudo o mais que estava dando uma hora para outra.
certo e por isso mesmo parecia estar sob ameaça. Com o tempo, enfim, a gente relaxa e a maldita
É uma piração, claro, mas gente normal faz essas sensação de precariedade enfraquece. De alguma
coisas todos os dias. forma, a gente se acostuma a estar feliz e a se
Existe uma coisa chamada medo de ser feliz. sentir seguro. Amado também, o que é muito, muito
Não estou falando daquele clichê sobre as importante. Em algum momento, a gente começa a
pessoas terem medo de se entregar ao sentimento desfrutar da nossa existência e os medos recuam
do amor e por isso não darem bola ao que sentimos para segundo ou terceiro plano. Então um dia, numa
por ela. Em geral, essa situação esconde um manhã qualquer, diante da cafeteira fumegante, a
equívoco: a pessoa em questão não sente nada gente talvez seja capaz de perceber – quem diria
relevante por nós, mas preferimos acreditar que ela – que não está com tanto medo assim de ser feliz.
tem “medo de amar”. É uma ficção que protege a Grande dia esse na história da nossa vida.
nossa auto-estima e rende uma boa história para
contar aos amigos. Mas quase nunca é verdade. http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/ivan-martins/noti -
cia/2014/07/medo-de-bser-felizb.html
Existem, porém, pessoas tocadas por dores tão
intensas, por experiências tão sofridas, que não
conseguem evitar a sensação de que tudo de mau
vai se repetir, de uma forma ou de outra, mais cedo
ou mais tarde. Esse sentimento é ainda mais forte
quando tudo vai bem e existe algo importante a ser
perdido. Apaixonada e feliz, a pessoa começa a ser
perseguida por seus medos:
Sonha que vai ser abandonada, imagina que algo
de errado vai acontecer com a pessoa que ama,
sente, de maneira inexplicável, que aquilo de bom
que ela tem está sob ameaça, e que não vai durar.
Esse é o medo causado pela felicidade.
Em alguns, ele está à flor da pele. Em outros,
esconde-se sob outros sentimentos e se manifesta
de forma subterrânea. Mas, como eu disse no início,

Cargo: Fonoaudiólogoo
5

www.pciconcursos.com.br
(D) por tratar-se de uma locução cristalizada de base
QUESTÃO 01 feminina.
Em “É uma piração...”, são sinônimos do (E) para atender à regência do nome “flor”.
termo destacado, EXCETO
(A) maluquice. QUESTÃO 07
(B) lucidez. Em “... uma boa história para contar aos
(C) doidice. amigos.”, a expressão destacada é
(D) loucura. (A) adjunto adverbial.
(E) doideira. (B) objeto direto.
(C) predicativo do objeto.
QUESTÃO 02 (D) objeto indireto.
Assinale a alternativa em que o termo (E) agente da passiva.
destacado é um pronome relativo.
(A) “Sonha que vai ser abandonada.”. QUESTÃO 08
(B) “É uma ficção que protege a nossa auto-estima.”. “Desastre Iminente” é aquele que
(C) “... a pessoa conclui [...] que é melhor chutar (A) está acontecendo.
logo o pau da barraca...”. (B) ameaça acontecer em breve.
(D) “Percebe que o Fulano não vai sumir de uma (C) já aconteceu.
hora para outra.” (D) acontecerá em um futuro muito distante.
(E) “Isso não quer dizer que as coisas não mudem...”. (E) tem data e tempo, exatamente marcados, para
acontecer.
QUESTÃO 03
Sobre a oração “Alguns a têm mais forte...”, é QUESTÃO 09
correto afirmar que Assinale a alternativa correta em relação à
(A) não há sujeito na oração. ortografia dos pares.
(B) não existe concordância entre o verbo “têm” (A) Sólida – solidez.
e o sujeito da oração, porque “ter” é um verbo (B) Detonar – detonasão.
impessoal. (C) Iminente – iminênscia.
(C) o acento no verbo “têm” é marca de singular. (D) Intensão – intensional.
(D) “Alguns” é um termo acessório da oração. (E) Ansiedade – ansiozo.
(E) o verbo “têm” apresenta acento diferencial de
plural para concordar com “Alguns”. QUESTÃO 10
“Sonha que vai ser abandonada.” é um
QUESTÃO 04 período
Em “Esse é o medo causado pela felicidade.”, (A) que apresenta sujeito simples.
o termo destacado (B) que apresenta sujeito composto.
(A) retoma o que está expresso no parágrafo anterior. (C) sem sujeito.
(B) tem função de predicado da oração. (D) que apresenta sujeito indeterminado.
(C) introduz o que virá no parágrafo posterior. (E) em que o sujeito está oculto.
(D) é um termo acessório da oração.
(E) está grafado incorretamente. QUESTÃO 11
Em “Esse sentimento é ainda mais forte
QUESTÃO 05 quando tudo vai bem...”, a oração destacada
Em “a pessoa em questão não sente nada estabelece, no período, uma relação de
relevante por nós, mas preferimos acreditar (A) finalidade.
que ela tem ‘medo de amar’.”, o termo (B) causa.
destacado NÃO pode ser substituído por (C) tempo.
(A) contudo. (D) consequência.
(B) porém. (E) concessão.
(C) portanto.
(D) entretanto. QUESTÃO 12
(E) todavia Em relação à concordância verbal, assinale a
alternativa correta.
QUESTÃO 06 (A) Fazem três meses que não a vejo.
Em “Em alguns, ele está à flor da pele.”, o uso (B) Havia muitas manifestações favoráveis ao
da crase justifica-se movimento.
(A) para atender a regência do verbo “estar”. (C) Fazem quatro anos que entrei na faculdade.
(B) para atender a regência do nome “pele”. (D) Haviam milhares de pessoas no comício.
(C) por tratar-se de uma locução conjuntiva de base (E) É quarenta minutos de viagem de Jaboatão a
feminina. Recife.

Cargo: Fonoaudiólogo 6

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 13 INFORMÁTICA
Em relação ao período “A sensação de que
as coisas podem repentinamente dar errado Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
faz parte da nossa essência, eu acho.”, a Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
expressão em destaque demonstra na capa desse caderno.
(A) uma certeza científica em relação ao que o autor
afirma anteriormente.
(B) que várias pessoas compartilham da mesma
opinião do autor em relação ao que foi dito QUESTÃO 16
anteriormente. Assinale a alternativa que apresenta os
(C) que o autor não concorda com a afirmação feita ícones que identificam apenas softwares
anteriormente. Compactadores (Descompactadores) de
(D) que a afirmação anterior é uma consideração do arquivos.
autor.
(E) que o autor encontrou algo que tinha perdido
anteriormente.

QUESTÃO 14 (A) e .
De acordo com o texto, é correto afirmar que,
EXCETO
(A) não é conhecido exatamente o motivo pelo qual
nós vivemos com medo.
(B) a sensação de que as coisas podem de repente (B) e .
dar errado é comum a todos, o que muda é seu
grau de intensidade.
(C) a ansiedade essencial em relação ao futuro,
independente dos sentimentos que nos
acompanham, é comum a todos. (C) e .
(D) o medo do futuro leva algumas pessoas a destruir
o momento que estão vivenciando.
(E) o medo do futuro tem relação com a nossa
mínima sensação de insegurança referente ao
que irá acontecer. (D) e .

QUESTÃO 15
Em “... a pessoa conclui (mesmo que seja de
maneira inconsciente) que é melhor chutar
logo o pau da barraca e sair correndo...”, os (E) e .
parênteses foram utilizados para intercalar
(A) uma reflexão concessiva do autor em relação ao
que ele afirma.
(B) uma reflexão explicativa do autor em relação ao QUESTÃO 17
que ele afirma.
(C) uma nota emocional expressa de forma Considerando o navegador Mozilla Firefox,
interrogativa. versão 33, para exibir a janela em modo tela
(D) uma oração que possui um verbo declarativo. inteira, basta pressionar a tecla
(E) uma reflexão comparativa do autor em relação (A) F1.
ao que ele afirma. (B) F2.
(C) F5.
(D) F8.
(E) F11.

Cargo: Fonoaudiólogo 7

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 18 CONHECIMENTOS GERAIS
Considerando o processador de texto Writer
(BrOffice.org), para justificar o texto, basta Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
executar qual tecla de atalho? Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
Obs. O caractere “+” foi utilizado apenas para na capa desse caderno.
interpretação da questão.
(A) Ctrl + J
(B) Ctrl + G
(C) Ctrl + F3 QUESTÃO 21
(D) Ctrl + O
(E) Ctrl + R Das alternativas a seguir, qual apresenta uma
ação da vigilância em saúde ambiental?
QUESTÃO 19 (A) Investigação epidemiológica de casos e surtos.
Considerando o MS-EXCEL 2007 em sua (B) Conhecimento e detecção ou prevenção de
instalação padrão, na construção de fórmulas, qualquer mudança nos fatores determinantes e
o operador & tem a função de condicionantes que não interfeririam na saúde
(A) calcular o desvio padrão. humana.
(B) concatenar (juntar) o texto. (C) Vigilância da qualidade da água para consumo
(C) calcular a raiz quadrada. humano, do ar e do solo.
(D) calcular a mediana. (D) Controle da prestação de serviços que, direta ou
(E) calcular logaritmo. indiretamente, relacionam-se com a saúde.
(E) Investigação e controle de epidemia de pragas.
QUESTÃO 22
QUESTÃO 20
Considerando o Sistema Operacional LINUX, Segundo a lei 8080/90, Título II, o Sistema
assinale a alternativa que melhor o descreve Único de Saúde compreende
com relação ao tipo de licenciamento. (A) o conjunto de ações e serviços de saúde e
educação, prestados por órgãos e instituições
públicas federais, estaduais, da Administração
direta e indireta e das fundações mantidas pelo
Poder Público.
(B) o conjunto de ações e serviços de saúde privada,
prestados por órgãos e instituições privadas, da
Administração direta e indireta e das fundações
mantidas pelo Poder Privado.
(A) Software Shareware. (C) o conjunto de ações e serviços de saúde e
(B) Software Proprietário. vigilância sanitária, prestados por órgãos e
(C) Software Trial. instituições públicas federais, estaduais e
(D) Software Livre. municipais, da Administração direta e indireta e
(E) Software Demo. das fundações mantidas pelo Poder Privado.
(D) o conjunto de ações e serviços de saúde,
prestados por órgãos e instituições públicas
federais, estaduais e municipais, da
Administração direta e indireta e das fundações
mantidas pelo Poder Público.
(E) o conjunto de ações e serviços de prevenção
e saúde, prestados por órgãos e instituições
públicas federais, estaduais, da Administração
direta e indireta e das fundações mantidas pelo
Poder Público.

QUESTÃO 23
Conforme a lei 141/2012, no que se refere à
Transparência e Visibilidade da Gestão da
Saúde, a transparência e a visibilidade serão
asseguradas mediante
(A) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde.
(B) investimento e participação popular, realização

Cargo: Fonoaudiólogo 8

www.pciconcursos.com.br
de audiências públicas, durante o processo de CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
elaboração e discussão do plano de saúde.
(C) incentivo à participação popular e realização
de audiências públicas, durante o processo de Não ESQUEÇA de marcar, na Folha de
elaboração e discussão do plano de saúde e Atenção! Respostas, o número de sua prova indicado
vigilância sanitária. na capa desse caderno.
(D) investimento e participação popular, realização
de audiências restritas, durante o processo de
elaboração e discussão do plano de saúde e
vigilância sanitária. QUESTÃO 26
(E) incentivo à participação popular e realização O cuidado com o posicionamento do bebê,
de audiências privadas, durante o processo de preferencialmente mais verticalizado, o
elaboração e discussão do plano de saúde. uso de placas ortopédicas para promover o
vedamento da cavidade nasal e o aumento
QUESTÃO 24 da pressão intraoral no momento da sucção
O Sistema Único de Saúde tem três esferas caracterizam o favorecimento para o
de atuação: federal, estadual e municipal. aleitamento materno de bebês com
Quais são as atribuições do nível federal? (A) síndrome de Down.
(A) O nível federal tem, principalmente, as (B) síndrome de Asperger.
atribuições de refazer, avaliar e vetar políticas; (C) fissuras labiopalatinas.
normalizar ações; prestar cooperação técnica (D) deglutição atípica.
aos municípios, ao Distrito Federal; e controlar (E) dispneia.
e avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(B) O nível federal tem, principalmente, as atribuições
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar QUESTÃO 27
ações; prestar cooperação técnica aos Estados, O que a alteração da deglutição ou disfagia
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e envolve?
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as (A) A incapacidade de transitar o alimento da boca
competências dos demais níveis. até o estômago.
(C) O nível federal tem, principalmente, as atribuições (B) A incapacidade de colocar o alimento na boca.
de formular, avaliar e normatizar políticas; efetuar (C) A dificuldade de escolher o alimento.
ações; prestar cooperação técnica aos Estados, (D) A preferência para tipos de alimentos.
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e (E) A falta de controle do apetite.
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as
competências dos demais níveis.
(D) O nível federal tem, principalmente, as atribuições QUESTÃO 28
de formular, avaliar e apoiar políticas; normalizar O sistema estomatognático possibilita a
ações; prestar serviço aos municípios, ao Distrito realização das funções orofaciais, sendo
Federal, governo e prefeituras; e controlar, composto por estruturas estáticas ou
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as passivas e estruturas dinâmicas ou ativas,
competências dos demais níveis. que equilibradas e controladas pelo sistema
(E) O nível federal tem, a princípio, as atribuições nervoso central serão responsáveis pelo
de refazer, avaliar e vetar políticas; normalizar funcionamento harmônico da face. Qual
ações; prestar cooperação técnica à União, sequência apresenta as estruturas estáticas
ao Distrito Federal e municípios; e controlar e deste sistema?
avaliar as ações e os serviços, respeitadas as (A) Arcos osteodentários, grupo radicular e ossos
competências dos demais níveis. cranianos.
(B) Maxila, mandíbula, ossos cranianos e osso
QUESTÃO 25 hioide.
Qual das opções a seguir NÃO é uma ação de (C) Arcos osteodentários, maxila, mandíbula e grupo
responsabilidade da área técnica de Saúde radicular.
da Mulher? (D) Ossos cranianos, maxila, mandíbula, articulação
(A) Assistência ao pré-natal. temporomandibular e ossos costais.
(B) Enfrentamento da violência contra a mulher. (E) Articulação temporomandibular, maxila,
(C) Incentivo ao parto através de cesárea . mandibular e grupo radicular.
(D) Planejamento familiar.
(E) Assistência às mulheres negras.

Cargo: Fonoaudiólogo 9

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 29 QUESTÃO 33
Assinale a alternativa que apresenta o grupo Qual das características clínicas clássicas
dos músculos elevadores da mandíbula ou apresentadas a seguir NÃO é compatível com
mastigatórios. criança apresentando desvio fonológico?
(A) Masseter, temporal, pterigoideo medial e lateral. (A) Distúrbios psiquiátricos.
(B) Masseter, temporal, zigomático. (B) Idade acima de quatro anos.
(C) Masseter, pterigoideo medial e lateral. (C) Audição normal para fala.
(D) Masseter, temporal, zigomático, bucinador. (D) Integridade neurológica.
(E) Masseter, orbicular dos lábios e zigomático. (E) Fator etiológico desconhecido.

QUESTÃO 30 QUESTÃO 34
A produção da fala procede quando o Os processos dialógicos (de Lemos, 1989) são
processo de pensamento ou de resposta constitutivos do diálogo inicial entre o adulto
que conduz uma sequência de impulsos e a criança. Estes, propõem uma relação de
neurais é transmitido ao mesmo tempo para dependência dialógica em que mediante a
determinadas estruturas e musculaturas. As interação efetiva e progressiva se alcança
partes do corpo mais intimamente associadas a autonomia comunicativa. Desta maneira,
à pneumofonoarticulação são: uma criança que demonstra interesse
(A) pulmões, laringe, boca e nariz. comunicativo e apresenta gestos, expressões
(B) pulmões, traqueia, laringe, cavidades nasal e ou fala incorporados, repetidos ou imitados
oral. aos do adulto. Apresenta predominantemente
(C) laringe, boca, língua e nariz. o processo dialógico de
(D) cavidades nasal e oral, laringe e língua. (A) especularidade.
(E) cavidade oral, laringe e pulmões. (B) complementaridade.
(C) reciprocidade.
(D) afetividade.
QUESTÃO 31 (E) reversibilidade.
Qual é o distúrbio neurogênico compatível
com as seguintes características: dificuldade
no controle motor oral para a produção QUESTÃO 35
dos sons da fala com notória fraqueza Em resultados obtidos por meio da
muscular, lentidão e incoordenação dos audiometria tonal que apontam: diminuição
movimentos, dificuldades para iniciar e dos limiares tonais da via aérea (pior que 20
cessar os movimentos, inteligibilidade da fala dB NA) e conservação dos limiares da via
quando aumenta-se a velocidade, frequência óssea (entre 10 a 20 dB NA), mantendo entre
de ocorrências de distorções e omissões eles um gap médio de 25dB NA, qual é o tipo
dos sons da fala, piora da performance em de perda auditiva compatível?
enunciados mais extensos. (A) Perda auditiva neurosensorial.
(A) Afasia. (B) Perda auditiva retrococlear.
(B) Dispraxia. (C) Perda auditiva mista.
(C) Disartria. (D) Perda auditiva funcional.
(D) Amnesia. (E) Perda auditiva condutiva.
(E) Agnosia.

QUESTÃO 36
QUESTÃO 32 A fonoaudiologia geriátrica trabalha
A laringe tem um mecanismo valvular abrangentemente em prol da saúde da
competente para abertura e fechamento pessoa idosa. Entretanto NÃO é competência
glótico, permitindo livre ou reduzida fonoaudiológica
passagem do fluxo aéreo. Em relação às vias (A) a promoção, proteção e recuperação da saúde
aéreas inferiores, podemos afirmar que a do idoso.
laringe exerce a importante função de (B) a intervenção na saúde auditiva do idoso.
(A) dispersão. (C) o acompanhamento do idoso dentro do sistema
(B) compensação. de saúde.
(C) proteção. (D) o atendimento e intervenção das necessidades
(D) justaposição. fisiológicas e metabólicas do idoso.
(E) compressão. (E) a realização de avaliação, diagnóstico, habilitação
e reabilitação da saúde do idoso.

Cargo: Fonoaudiólogo 10

www.pciconcursos.com.br
QUESTÃO 37 QUESTÃO 40
O CRFa (2007) preconizou, no manual de Sobre os padrões de sucção observados na
biossegurança, medidas para minimizar riscos figura a seguir, pode-se afirmar que
à saúde, para a preservação do ambiente e
para a qualidade de vida. Em relação ao risco
biológico, assinale a alternativa correta.
(A) A higienização das mãos pode ser realizada
somente ao final do dia de trabalho.
(B) Uma vez feita a correta imunização (vacina) não
é necessário repeti-la.
(C) O uso de equipamentos de proteção individual é
imprescindível.
(D) Os artigos e superfícies de contato com o
paciente podem ser esterilizados basicamente
com uso de água.
(E) Não constitui medidas de biossegurança os A B
cuidados com a higiene pessoal, atenção ao uso
de unhas compridas e cabelos longos soltos. (Junqueira, 2000)

(A) ambos padrões funcionais estão adequados.


QUESTÃO 38 (B) os lábios estão circundando completamente a
No tocante ao trabalho fonoaudiológico, aréola.
delimitações e expectativas relacionadas à (C) na figura B a posição da língua pode interferir
Atenção Básica de Saúde, podem-se incluir na sequência adequada de lactação, podendo
vários aspectos importantes, EXCETO reduzir a quantidade de sucção de leite materno.
(A) o trabalho caracterizar-se por um conjunto de (D) na figura A o mamilo não está colocado
ações de saúde, individual e coletivo. completamente dento da boca.
(B) as abordagens do trabalho estarem relacionadas (E) ambos padrões funcionais permitem a sucção
à promoção e proteção da saúde. abundante do leite materno.
(C) a prevenção visar agravos, diagnóstico,
tratamento, reabilitação e redução de danos e
manutenção da saúde.
(D) a existência da necessidade em desenvolver
atenção integral para impactar a saúde e
autonomia dos indivíduos, bem como a saúde
das coletividades.
(E) serem desnecessárias as ações conjuntas frente
à manutenção da saúde coletiva.

QUESTÃO 39
Quais são as atribuições do fonoaudiólogo
no Serviço de Atenção Domiciliar (SAD)?
(A) Promover a reabilitação de pessoas com
deficiência permanente ou transitória, que
necessitem de atendimento contínuo, até
apresentarem condições de frequentar serviços
de reabilitação, bem como orientar os cuidados
necessários.
(B) Partir do pressuposto que os familiares e/ou
cuidador dos usuários, convivem a mais tempo e
já sabem exatamente como realizar os cuidados.
(C) Realizar exames no domicílio, como a
audiometria, uma vez que a pessoa com
deficiência tem dificuldade de se locomover até
um centro especializado.
(D) Prescrever e orientar a terapêutica farmacológica
mais indicada.
(E) Fiscalizar as normas aplicadas pela vigilância
sanitária junto ao domicílio.

Cargo: Fonoaudiólogo 11

www.pciconcursos.com.br